Antonio Christian de Andrade Moura

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/1227708689723082
  • Última atualização do currículo em 17/12/2018


Graduação pela Universidade Federal da Paraíba (1995), mestrado em Zoologia pela Universidade Federal da Paraiba, Joao Pessoa (1998) e doutorado em Biological Anthropology pela Universidade de Cambridge, Inglaterra (2004). Atualmente sou professor da Universidade Federal da Paraíba, Campus IV. Minhas linhas de pesquisas envolvem estudos na area de cognição animal, uso de ferramentas por primatas, comportamento e ecologia de primatas Neotropicais e monitoramento de mamiferos (censos) em areas de Caatinga e floresta humida. Alem disso, desenvolvo trabalhos na area de Ecologia Urbana sobre abundancia de especies nativas em areas urbanas, com projetos sobre densidade de saguis, preguicas e borboletas em fragmentos urbanos de Mata Atlantica e como ambientes urbano podem afetar a morfologia de largartixas. Desenvolvo tambem pesquisas tentando entender as pressoes seletivas que podem ter favorecido a preferencia manual extrema observada em seres humanos (90% pessoas sao destras), para isso uso os macacos prego como modelos avaliando como diferencas na ecologia/habitat podem afetar preferencia manual. May the force be with you! (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Antonio Christian de Andrade Moura
Nome em citações bibliográficas
MOURA, ACd;Moura, AC de A;de A. Moura, A.C.;DE A. MOURA, A. C.;MOURA, ANTONIO CHRISTIAN DE A.;de Andrade, Antonio Christian;de Andrade, A. C.;de Andrade, Antonio C.


Formação acadêmica/titulação


1999 - 2004
Doutorado em Biological Anthropology.
Cambridge University, CAMBRIDGE UNIVER, Inglaterra.
Título: The capuchin monkey and the caatinga dry forest: a hard life in a harsh habitat, Ano de obtenção: 2005.
Orientador: P.C. Lee.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: Ecologia; Uso de ferramentas; Caatinga; Evolução da inteligência.
Grande área: Ciências Biológicas
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Zoologia / Subárea: Comportamento Animal.
1995 - 1998
Mestrado em Mestrado em Zoologia.
Universidade Federal da Paraiba, Joao Pessoa, UFPB, Brasil.
Título: A funçâo da partilha de alimentos com filhotes em Leontopithecus chrysomelas,Ano de Obtenção: 1998.
Orientador: Alfredo Ricardo Langguth.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Altruismo; Partilha de Alimento; Mico-Leao; Altruismo; Aprendizagem; Leontopithecus.
Grande área: Ciências Biológicas
- 1995
Graduação.
Universidade Federal da Paraíba, UFPB, Brasil.




Atuação Profissional



Universidade Federal da Paraíba, UFPB, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor titular, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Disciplinas Graduacao Biogeografia e Paleoecologia Microbiologia Ecologia Urbana Disciplinas Pos-graduacao Metodologia cientifica

Vínculo institucional

2010 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Disciplinas ministradas (Graduação) Biogeografia e Paleoecologia Biologia Evolutiva Pesquisa Aplicada a Ecologia Disciplinas Pos-Graduacao Metodologia Cientifica Ecologia e Evolucao do Comportamento Cooperativo

Atividades

2018 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Ciências Aplicadas e Educação - Campus IV, .

Linhas de pesquisa
Ecologia Urbana
05/2015 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Ciências Aplicadas e Educação - Campus IV, .

2010 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Ciências Aplicadas e Educação - Campus IV, .


Universidade Federal da Paraiba, Joao Pessoa, UFPB, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - 2006
Vínculo: Projeto de Pesquisa, Enquadramento Funcional: Bolsista Prodoc (PDJ), Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
RESUMO Por que primatas têm cérebros relativamente maiores em relação a massa corporal do que outros mamíferos? Os fatores evolutivos que selecionaram o aumento da massa cerebral em primatas ainda são pouco entendidos e têm gerado considerável debate. Existem duas hipóteses que se destacam em tentar explicar a evolução do cerebro e a inteligência em primatas. A primeiras, é a da frugivoria, i.e., a localização de frutos dispersos no tempo (sazonalidade) e no espaço (raridade na floresta), que exerce uma forte pressão seletiva do ponto de vista cognitivo e, de certo modo, esta pressão seletiva pode ter sido responsável pelo aumento evolutivo do cérebro tanto em primatas como em outros mamíferos. A segunda hipótese, sugere que a complexidade da vida social é muito mais complexa e com consequências seletivas mais imediatas (inteligência maquiavélica), requerendo maior poder cognitvo do que os desafios de encontrar alimento. Porém, problemas metodologicos em estudos testando diferentes hipóteses para o aumento do cérebro, sugerem prudência na escolha de explicações para evolução do cérebro em primatas, e estudos comparativos entre diferentes espécies no modo como resolvem problemas associados a alimentação e a possível relação com a ecologia ou estrutura social ainda são extremamente raros. Neste contexto, os calitriquideos (saguis e micos) destacam-se como excelentes modelos. O fato de existir considerável variação na ecologia das diferentes espécies, mais uma forte similaridade na estrutura social, torna esta família de primatas um excelente modelo para testar as diferentes hipóteses (ecológicas e sociais) que tentam explicar a evolução do aumento do cérebro em primatas. Neste estudo, eu pretendo comparar diferentes espécies de Callitrichidae na sua capacidade de usar e entender capacidades funcionais de ferramentas para conseguir alimentos. Para tanto, usarei o paradigma de escolha de ferramentas desenvolvido por Hauser et al. (1999) e Santos et al. (2003; 2005; ver


Universidade Federal da Paraíba, UFPB, Brasil.
Vínculo institucional

2005 - 2007
Vínculo: Pesquisador Voluntario, Enquadramento Funcional: Pesquisador voluntario, Carga horária: 20


Universidade Estadual de Feira de Santana, UEFS, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - 2010
Vínculo: Bolsista PRODOC/DCR, Enquadramento Funcional: Pesquisador, professor pos-graduacao em zoo, Regime: Dedicação exclusiva.


Faculdades Integradas de Patos, FIP, Brasil.
Vínculo institucional

2005 - 2005
Vínculo: Professor temporario, Enquadramento Funcional: Professor da disciplina Ecossistemas, Carga horária: 30
Outras informações
Curso de especializacao em Ciencias Ambientais


Universidade Estadual Vale do Acaraú, UVA-CE, Brasil.
Vínculo institucional

2007 - 2007
Vínculo: Professor temporario, Enquadramento Funcional: Professor Zoologia, bioestatistica e bioMol, Carga horária: 8



Linhas de pesquisa


1.
Ecologia comportamental, Primatologia e Antropologia Biologica
2.
Biodiversidade em areas urbanas
3.
Ecologia Urbana


Projetos de pesquisa


2015 - Atual
Populações da borboleta branca (Morpho epistrophus nikolajewna) em fragmentos de Mata Atlantica na cidade de Joao Pessoa
Descrição: Pressões antrópicas (desmatamento, poluição, fragmentação de habitats, mudanças climáticas etc) tem provocado um aumento, a nível global, do risco de extinção para diversas species. Apesar dos poucos estudos com insetos, os resultados indicam que a densidade pode tanto aumentar como reduzir com a aumento do tamanho do habitat. Alguns autores verificaram que o tamanho de fragmento tem efeito mais marcante em borboletas típicas de matas, como as do gênero Morpho, e a redução do tamanho de área reduz a densidade de borboletas especialistas. Areas de mata localizadas em uma matriz urbana ( estão sujeitas a níveis mais altos de poluição e elementos stressores que podem afetar a densidade e dinâmica populacional de insetos. A borboleta M. epistrophus nikolajewna ocorre na zona da Mata de Alagoas, Paraiba e Pernambuco, era comum no passado e atualmente suas populações estão muito reduzidas. Comparações espaciais fornecem uma fonte alternativa de evidencias de como pressões antrópicas afetam populações de M. epistrophus nikolajewna, ao comparar areas de florestas com tamanho similares, mas com pressões antrópicas diferentes. Esta é uma espécie considerada como ameaçada e com falta de informações sobre tamanho populacional (Freitas & Marini-Filho, 2011), uma informação essencial para compreender a dinâmica populacional da espécie. As seguintes hipóteses serão testadas: 1- A densidade populacional será maior no fragmento Mata do Buraquinho do que em fragmentos menores (Campus I); 2- Na Mata do Buraquinho a densidade será maior em trilhas mais distantes da borda e das rodovias que circundam a mata, devido ao efeito da poluição química oriunda de veículos; 3- A densidade das borboletas pode estar associada a abundancia de recursos para lagartas, portanto pode-se prever que estas borboletas serão mais abundantes onde houve maior disponibilidade recursos; 4- Finalmente, comparando-se a mata urbana (Mata Buraquinho e fragmentos do campus I) com outra em zona rural (Reserva Guaribas e fragmentos próximo Rio Tinto), espera-se observar densidade populacional maior em matas da zona rural devido a menor pressão antrópica (poluição, menor nível de desmates no passado etc). Este trabalho tem dois objetivos básicos: a) avaliar a densidade das borboletas brancas em fragmentos de Mata Atlantica da Paraiba; b) Como a fragmentação e disponibilidade de recursos afeta a densidade populacional..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Antonio Christian de Andrade Moura - Coordenador / William Medeiros - Integrante.Número de orientações: 1
2014 - Atual
Densidade de saguis e preguicas em fragmentos de Mata Atlantica na area urbana de Joao Pessoa, Paraiba.
Descrição: O processo de fragmentação de florestas tem efeito negativo para maioria das espécies de primatas e outros mamiferos arboricolas que desaparecem ou sofrem redução na densidade. No entanto, algumas espécies como os calitriquideos (saguis e micos) e preguicas parecem se beneficiar devido a um aumento na disponibilidade de recurso e, particularmente em fragmentos pequenos, redução de competidores e predadores. Testamos a hipótese de que saguis (Callithrix jacchus) e preguicas (Bradypus variegatus) apresentarao maior densidade em fragmentos menores e mais antropizados, pois estes tendem a apresentar maior efeito de borda e ter maior disponibilidade de recursos para estas especies. Para testa esta hipotese censos serao feito em areas de mata localizadas em uma matriz urbana: Mata do Buraquinho (área 515 ha) e em fragmentos florestais do Campus I da UFPB (áreas de 3 até 8 ha). A metodologia de amostragem por distancia, sera usada e um total de 18 transectos lineares serao percorridos semanalmente. Tambem sera avaliado a disponbilidade de recursos nos fragmentos maiores e menores..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2013 - 2013
Largatixas urbanas
Descrição: Um dos lagartos diurnos mais comuns na grande maioria das cidades brasileiras eh a lagartixa (Tropidurus spp.). Porem, nao existem informacoes ecologicas basicas. O objetivo deste trabalho é averiguar a densidade destes animais e averiguar fatores bioticos e abioticos que podem explicar variaçao na densidade em areas urbanas da cidade de Joao Pessoa. Serao feitos censos usando-se a metodologia do line transect. Um total de 20 transectos, em diferentes bairros, serao amostrados semanalmente..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2013 - Atual
Ecologia, uso de ferramentas e lateralidade manual em macacos pregos (Sapajus spp., Cebus spp)
Descrição: Por que o uso da mão direita é preponderante em todas as populações humanas? A dominância do hemisferio cerebral esquerdo e uso preferencial da mão direita parecem estar inextricavelmente associados à destreza em padrões motores, uso de ferramentas e linguagem. No entanto, nao existe ainda um consenso sobre as pressões seletivas que poderiam favorecer o surgimento de preferencias manuais a nível de população. Hopkins et al. (2007) e outros autores, baseados principalmente em estudos com chimpanzés, sugerem que o uso de ferramentas pode exercer uma pressão seletiva para o uso preferencial da mao direita. Dados com neuroimagem associam assimetrias no córtex motor com atividades que empregam a mão direita, como uso de ferramentas e atividades bimanuais. A importância destas atividades para a origem do uso preponderante da mao direita em seres humanos tem ficado evidente em anos recentes. Estudos com primatas nao humanos são essenciais para averiguar os fatores e pressões seletiva que podem favorecer o uso preferencial de uma das mãos. Neste sentido, os macacos prego podem fornecer importante indicações para se entender a evolução da lateralidade manual a nivel de população através da comparação de espécies que evoluíram em ambientes mais úmidos, que nao usam ferramentas, com aquelas espécies de ambientes mais secos que empregam ferramentas..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Antonio Christian de Andrade Moura - Coordenador / Allana Barbosa de Sousa Feitosa - Integrante.
2012 - 2014
Equivalência funcional entre Iguana iguana e Primatas nao humanos na dispersão de sementes em fragmentos de Mata Atlantica
Descrição: Uma das grandes tragédias de nossa época é a destruição e fragmentação das florestas tropicais. A fragmentação altera o processo de dispersão de sementes através da perda de dispersores efetivos. No Brasil, a floresta Atlântica é extremamente fragmentada, particularmente no NE. Em diversos fragmentos a extinção local de dispersores importantes, como os primatas, pode comprometer a regeneração da floresta e manutenção da diversidade de plantas. Geralmente primatas são considerados como dispersores mais efetivos de sementes, porém lagartos também dispersam sementes e podem afetar a estrutura da vegetação. O maior lagarto Neotropical é a iguana (> 1.5 m e até 6 kg); uma espécie folivora do dossel da mata que pode dispersar sementes. Neste trabalho avaliamos a dispersão de sementes por iguanas e possível equivalência funcional com primatas. O objetivo do trabalho é averiguar ate que ponto a iguana pode suprir os serviços de dispersão efetuados por primatas de maior porte, como macacos prego e guaribas, que desapareceram de fragmentos de pequeno tamanho. Serão coletadas fezes de iguanas em 6 fragmentos de mata, as sementes medidas e identificadas. O padrão de deposição de sementes pelas iguanas será comparado ao dos primatas via dados de literatura e observações de campo..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) .
Integrantes: Antonio Christian de Andrade Moura - Coordenador / McConkey, Kim R. - Integrante / Daniel O Mesquita - Integrante / Lucas Cavalcanti - Integrante / Ednaldo Leite Filho - Integrante.
Número de produções C, T & A: 1
2010 - 2012
DISPERSÃO DE SEMENTES POR PRIMATAS NA MATA ATLÂNTICA DA PARAÍBA
Descrição: O processo de dispersão de sementes envolve animal e planta numa relação mutualística. Entre 60% e 90% das espécies vegetais das florestas tropicais dependem de animais para dispersão de sementes. Vários estudos indicam que Primatas não humanos desempenham uma função critica na dispersão de varias espécies de plantas e tem um papel muito importante na manutenção da estrutura da floresta e em processos de regeneração. A extinção local de primatas pode ter um efeito drástico na estrutura e dinâmica de floresta, fato que apenas recentemente tem recebido mais atenção. O conhecimento a respeito do papel dos primatas brasileiros na dispersão de sementes e regeneração da floresta é escasso. Na mata Atlântica nordestina existe apenas um único trabalho sobre dispersão por primatas ainda no prelo e um outro que analisou brevemente dispersão por guaribas em Pacatuba. Este estudo fornecera informações importantes sobre a ecologia de primatas e seu papel na dispersão de sementes em áreas de Mata Atlântica. Estas informações são importantes para entender como primatas podem afetar a regeneração da mata e a manutenção de sua estrutura e são necessárias para formular estratégias de conservação na Mata Atlântica do Nordeste. O objetivo geral é entender como os primatas da Mata Atlântica ao norte do Rio São Francisco, Cebus flavius, Callithrix jacchus e Alouatta belzebul, contribuem para a distribuição de espécies vegetais nas florestas; também obter dados sobre ingestão e defecação de sementes por primatas em áreas de Mata Atlântica formulando hipóteses sobre a sua capacidade de dispersão e o seu papel na estruturação da floresta; finalmente, estudar as diferenças entre as espécies de primatas nos padrões de uso da floresta e na eficácia da dispersão de sementes. Os objetivos específicos são: 1-identificar os frutos de espécies vegetais ingeridos e as sementes defecadas nas três espécies de primatas indicadas acima. Descrever as características morfológicas das sementes; 2- Identifi.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Antonio Christian de Andrade Moura - Coordenador / A. Langguth - Integrante / Carla Castro - Integrante / Zelma Glebia - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2006 - 2006
TÍTULO CALLITRICHIDAE COMO MODELO EM ESTUDOS SOBRE EVOLUÇAO DA INTELIGÊNCIA: ASPECTOS SOCIAIS E ECOLOGICOS
Descrição: RESUMO Por que primatas têm cérebros relativamente maiores em relação a massa corporal do que outros mamíferos? Os fatores evolutivos que selecionaram o aumento da massa cerebral em primatas ainda são pouco entendidos e têm gerado considerável debate. Existem duas hipóteses que se destacam em tentar explicar a evolução do cerebro e a inteligência em primatas. A primeiras, é a da frugivoria, i.e., a localização de frutos dispersos no tempo (sazonalidade) e no espaço (raridade na floresta), que exerce uma forte pressão seletiva do ponto de vista cognitivo e, de certo modo, esta pressão seletiva pode ter sido responsável pelo aumento evolutivo do cérebro tanto em primatas como em outros mamíferos. A segunda hipótese, sugere que a complexidade da vida social é muito mais complexa e com consequências seletivas mais imediatas (inteligência maquiavélica), requerendo maior poder cognitvo do que os desafios de encontrar alimento. Porém, problemas metodologicos em estudos testando diferentes hipóteses para o aumento do cérebro, sugerem prudência na escolha de explicações para evolução do cérebro em primatas, e estudos comparativos entre diferentes espécies no modo como resolvem problemas associados a alimentação e a possível relação com a ecologia ou estrutura social ainda são extremamente raros. Neste contexto, os calitriquideos (saguis e micos) destacam-se como excelentes modelos. O fato de existir considerável variação na ecologia das diferentes espécies, mais uma forte similaridade na estrutura social, torna esta família de primatas um excelente modelo para testar as diferentes hipóteses (ecológicas e sociais) que tentam explicar a evolução do aumento do cérebro em primatas. Neste estudo, eu pretendo comparar diferentes espécies de Callitrichidae na sua capacidade de usar e entender capacidades funcionais de ferramentas para conseguir alimentos. Para tanto, usarei o paradigma de escolha de ferramentas desenvolvido por Hauser et al. (1999) e Santos et al. (2003; 2005)..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Revisor de periódico


2006 - Atual
Periódico: American Journal of Physical Anthropology
2009 - 2009
Periódico: Sitientibus. Série Ciências Biológicas
2010 - Atual
Periódico: International Journal of Primatology
2011 - Atual
Periódico: American Journal of Primatology (Print)
2016 - 2016
Periódico: OECOLOGIA AUSTRALIS
2016 - 2017
Periódico: Biological Invasions
2016 - Atual
Periódico: Scientific Reports
2018 - Atual
Periódico: ECOLOGY
2018 - Atual
Periódico: ANIMAL COGNITION
2018 - Atual
Periódico: Evolutionary Applications


Revisor de projeto de fomento


2017 - 2017
Agência de fomento: The Leakey Foundation


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Zoologia / Subárea: Comportamento Animal.
2.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia.
3.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Zoologia / Subárea: Zoologia Aplicada/Especialidade: Diversidade e abundancia de mamiferos.
4.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Taxonomia Vegetal/Especialidade: Taxonomia de Fanerógamos.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende BemLê Bem, Escreve Pouco.


Prêmios e títulos


2015
Editor's Choice, Folia Primatologica: Hand Preference during Tool Use in Wild Bearded Capuchins, Folia Primatologica.
2004
Mencao honrosa pelo poster ?Foraging Activity of Cebus apella in the Caatinga Dry Forest: The Role of Males as Food Providers? no XX Congresso Internacional de Primatologia, Torino, Italia, International Primatological Society.
2003
Lundgren Research Award, Cambridge University.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
de Andrade, Antonio C.2018de Andrade, Antonio C.; DE SOUSA, ALLANA B. . Hand preferences and differences in extractive foraging in seven capuchin monkey species. AMERICAN JOURNAL OF PRIMATOLOGY, v. 80, p. e22901, 2018.

2.
HUE, THOMAS2017HUE, THOMAS ; CAUBET, MARION ; MOURA, ANTONIO CHRISTIAN DE A. . Howlers and marmosets in Pacatuba: an overcrowded existence in a semi-deciduous Atlantic forest fragment?. MAMMALIA, v. 81, p. 339-348, 2017.

3.
DE A. MOURA, A. C.2015DE A. MOURA, A. C.; CAVALCANTI, L. ; LEITE-FILHO, E. ; MESQUITA, D. O. ; MCCONKEY, K. R. . Can green iguanas compensate for vanishing seed dispersers in the Atlantic forest fragments of north-east Brazil?. Journal of Zoology (1987), v. 295, p. 189-196, 2015.

4.
MOURA, ANTONIO CHRISTIAN DE A.2015MOURA, ANTONIO CHRISTIAN DE A.. Hand Preference during Tool Use in Wild Bearded Capuchins. Folia Primatologica, v. 86, p. 411-419, 2015.

5.
MACLEAN, E. L.2014MACLEAN, E. L. HARE, B. NUNN, C. L. ADDESSI, E. AMICI, F. ANDERSON, R. C. AURELI, F. BAKER, J. M. BANIA, A. E. BARNARD, A. M. BOOGERT, N. J. BRANNON, E. M. BRAY, E. E. BRAY, J. BRENT, L. J. N. BURKART, J. M. CALL, J. CANTLON, J. F. CHEKE, L. G. CLAYTON, N. S. DELGADO, M. M. DIVINCENTI, L. J. FUJITA, K. HERRMANN, E. HIRAMATSU, C. , et al.JACOBS, L. F. JORDAN, K. E. LAUDE, J. R. LEIMGRUBER, K. L. MESSER, E. J. E. DE A. MOURA, A. C. OSTOJI , L. PICARD, A. PLATT, M. L. PLOTNIK, J. M. RANGE, F. READER, S. M. REDDY, R. B. SANDEL, A. A. SANTOS, L. R. SCHUMANN, K. SEED, A. M. SEWALL, K. B. SHAW, R. C. SLOCOMBE, K. E. SU, Y. TAKIMOTO, A. TAN, J. TAO, R. VAN SCHAIK, C. P. VIRANYI, Z. Visalberghi, E. WADE, J. C. WATANABE, A. WIDNESS, J. YOUNG, J. K. ZENTALL, T. R. ZHAO, Y. ; The evolution of self-control. Proceedings of the National Academy of Sciences of the United States of America, v. 111, p. E2140-E2148, 2014.

6.
CORSINI, C. F.2014CORSINI, C. F. ; Moura, AC de A . Census of the blond titi monkey Callicebus barbarabrownae (Pitheciidae) in the semi-deciduous Atlantic forest of Chapada Diamantina, Brazil.. Neotropical Primates, v. 21, p. 177-182, 2014.

7.
MOURA, ACd2010MOURA, ACd; Lee, P.C . Wild Capuchins Show Male-Biased Feeding Tool Use. International Journal of Primatology, v. 31, p. 457-470, 2010.

8.
MOURA, ACd2010MOURA, ACd; Nunes, Hermano G. ; Langguth, Alfredo . Food Sharing in Lion Tamarins (Leontopithecus chrysomelas): Does Foraging Difficulty Affect Investment in Young by Breeders and Helpers?. International Journal of Primatology, v. 31, p. 848-862, 2010.

9.
MOURA, ACd;Moura, AC de A;de A. Moura, A.C.;DE A. MOURA, A. C.;MOURA, ANTONIO CHRISTIAN DE A.;de Andrade, Antonio Christian;de Andrade, A. C.;de Andrade, Antonio C.2007MOURA, ACd. Stone Banging by Wild Capuchin Monkeys: An Unusual Auditory Display. Folia Primatologica, v. 78, p. 36-45, 2007.

10.
MOURA, ACd;Moura, AC de A;de A. Moura, A.C.;DE A. MOURA, A. C.;MOURA, ANTONIO CHRISTIAN DE A.;de Andrade, Antonio Christian;de Andrade, A. C.;de Andrade, Antonio C.2007MOURA, ACd; McConkey, Kim R. . The capuchin, the howler, and the Caatinga: seed dispersal by monkeys in a threatened Brazilian forest.. American Journal of Primatology, v. 69, p. 220-226, 2007.

11.
Moura, AC de A2007Moura, AC de A. Primate Group Size and Abundance in the Caatinga Dry Forest, Northeastern Brazil. International Journal of Primatology, v. 28, p. 1279-1297, 2007.

12.
LEE, P. C.2005LEE, P. C. ; MOURA, ACd . Terrestriality and Tool Use. Science (New York, N.Y.), v. 308, p. 951c-952c, 2005.

13.
Moura, ACA2004Moura, ACA; LEE, P. C. . Capuchin Stone Tool Use in Caatinga Dry Forest. Science, Estados Unidos, v. 306, n.5703, p. 1909-1909, 2004.

14.
MARTINS, C. F.2003MARTINS, C. F. ; MOURA, ACd ; BARBOSA, M. R. V. . Bee plants and relative abundance of corbiculate Apidae species in a brazilian caatinga area. Revista Nordestina de Biologia, Joao Pessoa, v. 17, p. 63-74, 2003.

15.
MOURA, ACd2003MOURA, ACd. Sibling Age and Intragroup Aggression in Captive Saguinus midas midas. International Journal of Primatology, v. 24, p. 639-652, 2003.

16.
MOURA, ACd;Moura, AC de A;de A. Moura, A.C.;DE A. MOURA, A. C.;MOURA, ANTONIO CHRISTIAN DE A.;de Andrade, Antonio Christian;de Andrade, A. C.;de Andrade, Antonio C.1999MOURA, ACd. Aggression and dominance reversal in a captive all male group of Cebus apella. Neotropical Primates, v. 7, n.1, p. 20-21, 1999.

17.
MOURA, ACd;Moura, AC de A;de A. Moura, A.C.;DE A. MOURA, A. C.;MOURA, ANTONIO CHRISTIAN DE A.;de Andrade, Antonio Christian;de Andrade, A. C.;de Andrade, Antonio C.1997MOURA, ACd; PORFIRIO, S. ; ALONSO, C. . Aggressive Response Toward Intruders By Captive Male Leontopithecus Chrysomelas. Neotropical Primates, Conservation International, v. 5, n.4, p. 111-113, 1997.

18.
MOURA, ACd;Moura, AC de A;de A. Moura, A.C.;DE A. MOURA, A. C.;MOURA, ANTONIO CHRISTIAN DE A.;de Andrade, Antonio Christian;de Andrade, A. C.;de Andrade, Antonio C.1995MOURA, ACd; BARBOSA, M. R. V. . Lista de Espécies de Leguminosae Na Caatinga Paraibana. Revista Nordestina de Biologia, João Pessoa, v. 10, n.1, p. 23-37, 1995.

19.
AGUIAR, C. M. L.1995AGUIAR, C. M. L. ; MARTINS, C. F. ; MOURA, ACd . Recursos Florais Utilizados Por Abelhas (Hymenoptera, Apoidea) Em Área de Caatinga (São João do Cariri, Paraíba). Revista Nordestina de Biologia, João Pessoa-PB, v. 10, n.2, p. 101-117, 1995.

Capítulos de livros publicados
1.
Lee, P.C ; Moura, AC de A . Necessity, Unpredictability and Opportunity: An Exploration of Ecological and Social Drivers of Behavioral Innovation. In: Kaufman; Kaufman. (Org.). Animal Creativity and Innovation. 1ed.: Academic Press/Elsevier, 2015, v. , p. 317-329.

2.
Nunes, H.G.L. ; MOURA, ACd ; LANGGUTH, A. . Um teste de uso de ferramentas em Leontopithecus chrysomelas e Callithrix geoffroyi.. In: Valdir Barbosa Bezerra. (Org.). Serie Iniciados. 1ed.Joao Pessoa: Editora Universitaria UFPB, 2009, v. 14, p. 1-10.

3.
TARDIF, S. D. ; SANTOS, C. V. ; BAKER, A. J. ; ELSACKER, L. V. ; FEISTNER, A. T. C. ; KLEIMAN, D. G. ; RUIZ-MIRANDA, C. R. ; MOURA, ACd ; PASSOS, F. C. ; PRICE, E. C. ; RAPAPORT, L. ; VLEESCHOUWER, K. . Infant Care in Lion Tarmaris.. In: Kleiman, D.G.; Rylands, A.B. ( Eds.). (Org.). LION TAMARINS: BIOLOGY AND CONSERVATION. Washington: Smithsonian Institution Press, 2002, v. , p. 213-232.

4.
MOURA, ACd; ALONSO, C. . Sex and age differences in foraging and vigilance behavior of captive Saguinus midas midas (Primates: Callitrichidae). In: Alonso, C.; Languth, A. (Eds.). (Org.). A PRIMATOLOGIA NO BRASIL, Vol. VII. Joao Pessoa: Editora universitaria, 2000, v. , p. 223-238.

5.
ALONSO, C. ; PORFIRIO, S. ; MOURA, ACd . Incesto, Poliginia e Expulsão do Macho Reprodutor Em Um Grupo de Leontopithecus Chrysomelas No Cativeiro. In: Ferrari, S.F. et al.. (Org.). A Primatologia no Brasil, Vol. VI. Belém: UFPA, 1997, v. 5, p. -.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
Moura, AC de A. Mata do buraquinho. Jornal Correio da Paraiba, Joao Pessoa-PB, p. f3 - f3, 01 jan. 2012.

2.
MOURA, ACd. Estudando Os Primatas. Jornal Correio da Paraiba, Joao Pessoa, p. 6, 05 out. 1997.

3.
MOURA, ACd. Por Que Preserva A Natureza?. Jornal O Norte, Joao Pessoa, p. 2, 24 out. 1996.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
MOURA, ACd; ALONSO, C. . Compartilhamento de Alimento Em Leontopithecus Chrysomelas e Saguinus Midas Midas No Cativeiro.. In: V Congresso Brasileiro de Primatologia, 1997. A Primatologia no Brasil Vol. 5. In: Ferrari, S. F. & Schneider, H. (Org.), UFPA, Belém.. v. 5. p. 355-356.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
Moura, AC de A; LEE, P. C. . ECOLOGICAL DRIVERS OF CAPUCHIN TOOL USE: THE DEVIL IS IN THE DETAIL.. In: IPS-ASP 2016, 2016, Chicago. ASP/IPS 2016 Chicago Scientific Program, 2016. p. 1-89.

2.
SOUSA, A. B. ; MOURA, ACd . USING THE TUBE TASK IN FOUR SPECIES OF CAPUCHINS: A COMPARATIVE APPROACH TO EVALUATE POTENTIAL ECOLOGICAL DRIVERS OF HAND PREFERENCE. In: IPS-ASP 2016, 2016, Chicago. ASP/IPS 2016 Chicago Scientific Program, 2016. p. 1-89.

3.
Moura, AC de A; DUARTE, P. V. . Abundância de primatas em um fragmento de Mata Atlântica semi-decidua, Mata Dois Rios, no litoral norte da Paraiba. In: 8o Congresso Brasileiro de Mastozoologia, 2015, Joao Pessoa. 8º Congresso Brasileiro de Mastozoologia. Rio de Janeiro: Sociedade Brasileira de Mastozoologia, 2015. p. 82-82.

4.
Moura, AC de A. Comparação da abundancia de mamiferos não volantes entre o Parna Serra da Capivara (PI, Caatinga) e a APA Marimbus-Iraquara, Chapada Diamantina (BA, Mata Atlântica).. In: 7o Congresso Brasileiro de Mastozoologia, 2014, Gramado- RS. Caderno de Resumos 7o congresso Brasileiro de Mastozoologia, 2014.

5.
MOURA, ACd. Dispersão de sementes na Mata Atlântica: Redundancia funcional, destino de sementes e megafrugivoros. In: ii Congresso Latino Americano e XV Congresso Brasileiro de Primatologia, 2013, Recife. ii Congresso Latino Americano XV Congresso Brasileiro de Primatologia - Anais, 2013. p. 36-36.

6.
Moura, AC de A; LEE, P. C. . ECOLOGICAL CONSTRAINTS ON TOOL USE AMONG THE CAPUCHIN GENUS. In: XXIV Congress of the International Primatological Society, 2012, Cancun. IPS XXIV Congress México 2012 Scientific Program, 2012.

7.
Moura, ACA. FOOD OFFERING AS A MATING STRATEGY BY A SUBORDINATE GOLDEN-HANDED MALE TAMARIN. In: XXIV Congress of the International Primatological Society, 2012, Cancun. IPS XXIV Congress México 2012 Scientific Program, 2012.

8.
Fernandes, C.C. ; MOURA, ACd . THE BLOND TITI MONKEY IN THE SEMI-DECIDUOUS ATLANTIC FOREST OF CHAPADA DIAMANTINA: IS THERE HOPE FOR THE LONG TERM CONSERVATION OF THIS CRITICALLY ENDANGERED SPECIES?. In: XXIV Congress of the International Primatological Society, 2012, Cancun. IPS XXIV Congress México 2012 Scientific Program, 2012.

9.
MOURA, ACd. HAND USE PREFERENCE DURING TOOL-USE IN WILD BEARDED CAPUCHINS AND ECOLOGICAL FACTORS THAT COULD DRIVE HANDEDNESS. In: XXIV Congress of the International Primatological Society, 2012, Cancun. IPS XXIV Congress México 2012 Scientific Program.

10.
SOUSA, B. R. A. ; Moura, AC de A . Comportamento social e reciprocidade em grupos cativos de mico-leao-de-cara-dourada (Leontopithecus chrysomelas, KUHL 1820).. In: XIV Congresso Brasileiro de Primatologia, 2011, Curitiba. Programa e Resumos do XIV Congresso Brasileiro de Primatologia, 2011.

11.
Moura, AC de A. ABUNDANCE OF NON-HUMAN PRIMATES IN THE ATLANTIC FOREST OF CHAPADA DIAMANTINA, ONE OF THE LAST STRONGHOLDS FOR TWO CRITICALLY ENDANGERED SPECIES. In: XXIII Congress International Primatological Society, 2010, Kyoto- Japao. Abstracts & Program. Kyoto, 2010.

12.
Moura, AC de A. Handedness in wild capuchin monkeys during tool use and ecological pressures for hand bias.. In: 46th Annual Meeting of the Animal Behaviour Society, 2009, Pirenopolis. 46th Annual Meeting of the Animal Behaviour Society, 2009.

13.
Fernandes, C.C. ; MOURA, ACd . Abundância do guigó da caatinga (Callicebus barbarabrownae) em áreas de mata na região de Lençóis ? chapada diamantina.. In: XIII Congresso Brasileiro de Primatologia., 2009, Blumenau. XIII Congresso Brasileiro de Primatologia.. Blumenau: Sociedade Brasileira de Primatologia, 2009.

14.
Nunes, H.G.L. ; MOURA, ACd . Personalidade em um teste de uso de ferramentas: diferenças entre Callithrix geoffroyi e Leontopithecus chrysomelas.. In: XIII Congresso Brasileiro de Primatologia., 2009, Blumenau. XIII Congresso Brasileiro de Primatologia.. Blumenau: Sociedade Brasileira de Primatologia, 2009.

15.
Nunes, H.G.L. ; MOURA, ACd ; LANGGUTH, A. . Estudo sobre as diferenças cognitivas entre Callithrix geoffroyi e Leontopithecus chrysomelas atraves de um teste experimental de uso de ferramentas. In: IV Congresso Brasileiro de Mastozoologia, 2008, Sao Lourenco, MG. Mastozoologia no Brasil: do passado aos desafios atuais, 2008.

16.
MOURA, ACd; LEE, P. C. . Wild capuchins show sex differences in tool use: energetic costs, sexual selection or social tradition?. In: XXII Congress of the International Primatological Society, 2008, Edinburgh. XXII Congress of the International Primatological Society abstract book, 2008.

17.
D'Araujo, J.A. ; MOURA, ACd . Comportamento de catacao social em grupos cativos de Leontopithecus chrysomelas. In: XII Congresso Brasileiro de Primatologia, 2007, Belo Horizonte. Programa e resumos do XII Congresso Brasileiro de Primatologia, 2007.

18.
Medeiros, S.T. A. de ; MOURA, ACd ; LANGGUTH, A. . COMPORTAMENTO SOCIAL EM GRUPOS CATIVOS DE CALLITRHIX GEOFFROYI (PRIMATES: CALLITRICHIDAE).. In: XII Congresso Brasileiro de Primatologia, 2007, Belo Horizonte. Programa e resumos do XII Congresso Brasileiro de Primatologia, 2007.

19.
MOURA, ACd; LANGGUTH, A. . HELPING BEHAVIOUR IN LION TAMARINS (LEONTOPITHECUS CHRYSOMELAS): FOOD SHARING PATTERNS AND HOW INCREASED COST TO OBTAIN FOOD AFFECTS DECISION OF INVESTMENT BY BREEDERS AND HELPERS.. In: XII Congresso Brasileiro de Primatologia, 2007, Belo Horizonte. Programa e resumos do XII Congresso Brasileiro de Primatologia, 2007.

20.
F. Aléssio ; MOURA, ACd . Densidade de mocos em area de Caatinga no Parque Nacional Serra da Capivara, Sudeste do Piaui.. In: XXIV Congresso Brasileiro de Zoologia, 2002, Itajai. Resumos do XXIV Congresso Brasileiro de Zoologia, 2002.

21.
MOURA, ACd; LANGGUTH, A. . Efeito da dificuldade de acesso ao alimento sobre o compartilhamento de comida em grupos de Leontopithecus chrysomelas. In: IX Congresso Brasileiro de Primatologia, 1999, Santa Tereza. Livros de resumos do . IX Congresso Brasileiro de Primatologia, 1999.

22.
MARTINS, C. F. ; MOURA, ACd ; BARBOSA, M. R. V. . Utilização de Recursos Florais Pelos Apidae Eusociais Em Uma Área de Caatinga Nos Cariris Paraibanos.. In: III Encontro Nacional sobre Abelhas, 1998. Anais do III Encontro Nacional sobre Abelhas. Ribeirão Preto-SP..

23.
BELTRÃO, E. ; MOURA, ACd . Comportamento de Vigilância Em Um Grupo de Machos de Cebus Apella No Cativeiro.. In: 50a. Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência., 1998, Natal. Anais da 50a. Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência.. Natal-RN., 1998.

24.
MOURA, ACd; ALONSO, C. . Comportamento de Forrageio e Vigilância Em Saguinus Midas Midas (Callitrichidae) No Cativeiro.. In: VIII Congresso Brasileiro de Primatologia e V Reunião Latino Americana de Primatolgia, 1997, Joao Pessoa. Livro de Resumos do VIII Congresso Brasileiro de Primatologia e V Reunião Latino Americana de Primatolgia. João Pessoa-PB, 1997.

25.
MOURA, ACd; LANGGUTH, A. . Estudo da Partilha de Alimento Em Leontopithecus Chrysomelas No Cativeiro.. In: VIII Congresso Brasileiro de Primatologia e V Reunião Latino Americana de Primatologia, 1997. Livro de Resumos do VIII Congresso Brasileiro de Primatologia e V Reunião Latino Americana de Primatologia. João Pessoa-PB.

26.
MOURA, ACd; ALONSO, C. . Social Relationship In A Monogamic And Polyandric Captive Family Groups Of Saguinus Midas Midas.. In: XVI Congress of International Primatology Society and XIX Conference of the American Society of Primatology, 1996, Madison. Abstracts of XVI Cong. Int. Primatol. Soc. and XIX Conf. AM. Soc. Primat.. Madison/Wisconsin- U.S.A., 1996. p. 509.

27.
AGUIAR, C. M. L. ; MARTINS, C. F. ; MOURA, ACd . Recursos Florais Utilizados Por Abelhas Silvestres (Apoidea) Na Caatinga de São João do Cariri.. In: II Encontro Nacional sobre Abelhas, 1996. Anais do II Encontro Nacional sobre Abelhas. Ribeirão Preto-SP..

28.
MOURA, ACd. A Partilha de Alimento Em Leontopithecus Chrysomelas (Callitrichidae: Primates) Cativos.. In: I Jornada Integrada de Pós-Graduação, 1996. I Jornada Integrada de Pós-Graduação- Resumos. João Pessoa-PB.

29.
AGUIAR, C. M. L. ; MARTINS, C. F. ; MOURA, ACd . Recursos Florais utilizados por abelhas silvestres (Apoidea) na caatinga de São João do Cariri, Paraiba.. In: Paraiba II Encontro sobre abelhas, 1996, Ribeirão Preto. Resumos do II Encontro sobre abelhas, Ribeirao Preto, SP., 1996.

30.
MOURA, ACd; ALONSO, C. . Oferecer Comida Como Estratégia de Cortejo Por Macho Subordinado de Saguinus Midas Midas.. In: VI Congresso Brasileiro de Primatologia, 1995, Natal. Livro de Resumos do VII Congresso Brasileiro de Primatologia. Natal-RN, 1995.

31.
PORFÍRIO, S. ; MOURA, ACd ; LANGGUTH, A. . Cuidado Parental Em Leontopithecus Chrysomelas No Cativeiro.. In: VII Congresso Brasileiro de Primatologia, 1995, Joao Pessoa. Livro de resumos do VII Congresso Brasileiro de Primatologia. Joao Pessoa, 1995.

32.
MOURA, ACd; BARBOSA, M. R. V. . Mimosaceae da Paraiba. In: XLV Congresso Nacional de Botânica, 1994, São Leopoldo. livro de resumos do XLV Congresso Nacional de Botânica, 1994.

33.
MOURA, ACd; BARBOSA, M. R. V. ; MARTINS, C. F. . Flora apícola de uma área de Caatinga nos Cariris paraibanos.. In: XVIII Reunião Nordestina de Botânica, 1994, Areia. Resumos da XVIII Reunião Nordestina de Botânica, 1994.

34.
MOURA, ACd. Influência da composição do grupo no cuidado parental de Saguinus midas midas (Callitrichidae: Primates) no cativeiro.. In: 46a Reunião anual da SBPC, 1994, Vitoria. Resumos 46a Reunião anual da SBPC, 1994.

35.
ALONSO, C. ; PORFIRIO, S. ; MOURA, ACd . História e Evoluçao de um grupo de micos-leões-de-cara-dourada no cativeiro. In: VI Congresso Brasileiro de Primatologia, 1994, Rio de Janeiro. VI Congresso Brasileiro de Primatologia, 1994.

36.
MOURA, ACd; BARBOSA, M. R. V. . Levantamento preliminar das Leguminosas da Caatinga da Paraiba. In: XLIV Congresso Nacional de Botânica, 1993, São Luis. Programa do XLIV Congresso Nacional de Botânica, 1993.

37.
MOURA, ACd; BARBOSA, M. R. V. . Levantamento florístico preliminar da Caatinga paraibana. In: XVII Reunião Nordestina de Botânica, 1993, Teresina. Livro de resumos do XVII Reunião Nordestina de Botânica, 1993.

38.
ALONSO, C. ; MOURA, ACd . Estudo das interações sociais em Saguinus midas midas ( CALLITRICHIDAE, PRIMATES) no cativeiro: resultados preliminares.. In: XIX Congresso Brasileiro de Zoologia, 1992, Belém. Resumos do XIX Congresso Brasileiro de Zoologia, Belém, PA, 1992.

39.
MOURA, ACd; BARBOSA, M. R. V. . Levantamento preliminar das Mimosiodeae da Caatinga da Paraíba. In: XVI Reunião Nordestina de Botânica, 1992, Crato. Livro de resumos do XVI Reunião Nordestina de Botânica, Crato, CE, 1992.

40.
ALONSO, C. ; MOURA, ACd . Cuidado parental e mudanças no comportamento social em um grupo de Saguinus midas midas (CALLITRICHIDAE, PRIMATES). In: VI Congresso Brasileiro de Primatologia, 1991, Salvador. Resumos do VI Congresso Brasileiro de Primatologia, Salvador, BA., 1991.

Resumos publicados em anais de congressos (artigos)
1.
MOURA, ACd;Moura, AC de A;de A. Moura, A.C.;DE A. MOURA, A. C.;MOURA, ANTONIO CHRISTIAN DE A.;de Andrade, Antonio Christian;de Andrade, A. C.;de Andrade, Antonio C.2004MOURA, ACd; LEE, P. C. . Foraging activity of Cebus apella libidinosus in the Caatinga dry forest: the role of males as food provider. Folia Primatologica, Basel, v. 75, p. 369-370, 2004.

2.
MOURA, ACd;Moura, AC de A;de A. Moura, A.C.;DE A. MOURA, A. C.;MOURA, ANTONIO CHRISTIAN DE A.;de Andrade, Antonio Christian;de Andrade, A. C.;de Andrade, Antonio C.2004MOURA, ACd; LEE, P. C. . The cognitive abilities of Cebus apella libidinosus: Tool use and survival in a harsh environment.. Folia Primatologica, Basel, v. 75, n.1, p. 49-49, 2004.

3.
MOURA, ACd;Moura, AC de A;de A. Moura, A.C.;DE A. MOURA, A. C.;MOURA, ANTONIO CHRISTIAN DE A.;de Andrade, Antonio Christian;de Andrade, A. C.;de Andrade, Antonio C.2003MOURA, ACd. Ecological pressure driving tool use in capuchin monkeys. Folia Primatologica, Basel, v. 74, n.4, p. 209-209, 2003.

4.
MOURA, ACd;Moura, AC de A;de A. Moura, A.C.;DE A. MOURA, A. C.;MOURA, ANTONIO CHRISTIAN DE A.;de Andrade, Antonio Christian;de Andrade, A. C.;de Andrade, Antonio C.1999MOURA, ACd; LANGGUTH, A. . The function of food sharing with infants in the golden-head-lion tamarin (Leontopithecus chrysomelas).. American Journal of Primatology, Estados Unidos, v. 49, n.1, p. 81-81, 1999.

Artigos aceitos para publicação
1.
MARTINS, E. G. ; MOURA, ANTONIO CHRISTIAN DE A. ; FINKENWIRTH, C. ; BURKART, J. M. . Food sharing patterns in three species of callitrichid monkeys: Individual and species differences. INTERNATIONAL JOURNAL OF COMPARATIVE PSYCHOLOGY, 2019.

2.
de Andrade, A. C.; FRANZINI, L. D. ; MESQUITA, D. O. . Assessing the effect of urbanization on tropical forest dwelling teiid lizards. ECOLOGICAL INDICATORS, 2019.

Apresentações de Trabalho
1.
Moura, AC de A; McConkey, Kim R. . Se não tem macaco, dispersa com Iguana: Equivalência funcional entre Iguana iguana e guaribas na dispersão de sementes em fragmentos de Mata Atlantica?. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).


Produção técnica
Trabalhos técnicos
1.
Moura, AC de A. Parecer sobre projeto para Universidade Estadual de Santa Cruz. 2007.

2.
MOURA, ACd. The L.S.B Leakey foundation. 2006.



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
PINTO, P. C. E. A.; de A. Moura, A.C.; ROCHA, P. A.. Participação em banca de Anna Carolina Figueiredo de Albuquerque. Diversidade de mamiferos de medio porte e ocorrencia de caes domesticos como especie invasora em unidades de conservacao na floresta Altantica da Paraiba. 2017. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Zoologia) - Universidade Federal da Paraiba, Joao Pessoa.

Teses de doutorado
1.
MOURA, ACd; C. Schlindwein; ZANELLA, F. C.V.; SANTOS, B. A.; HRNCIR, M.. Participação em banca de Airton Torres Carvalho. Interacoes entre Protodiscelis (Colletidae, Neopsiphaeinae) e plantas aquaticas ea importancia de odores florais na atracao de polinizadores.. 2012. Tese (Doutorado em Programa de Pos-graduacao em ciencias biologicas) - Universidade Federal da Paraiba, Joao Pessoa.

Qualificações de Doutorado
1.
Moura, AC de A; ROSA, R.; PINTO, P. C. E. A.. Participação em banca de Jose Anderson Feijo da Silva. Relações Filogenéticas e Taxonomia do gênero Dasypus Linnaeus, 1758 (Xenarthra, Cingulata): um enfoque morfológico e molecular. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Biológicas (Zoologia)) - Universidade Federal da Paraíba.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
LANGGUTH, A.; Moura, ACA; Ramos, E.F.. Participação em banca de Jacyara Fonseca Lacerda.Levantamento da diversidade de pequenos mamiferos nao voadores da reserva biologica guaribas, sema III, municipio de Rio Tinto. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ecologia) - Universidade Federal da Paraíba.

2.
Moura, AC de A. Participação em banca de hannah larissa de figueiredo loureiro nunes.Os Carnivoros dos estados de Paraiba, Pernambuco e Alagoas. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Curso de Ciencias Biologicas) - Universidade Federal da Paraiba, Joao Pessoa.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
Scheepmake, D.S.; Miyaki C.; Pivello, V.R.; MOURA, ANTONIO CHRISTIAN DE A.; MACEDO, R. H. F.. Conservacao e Ecologia Animal. 2017. Universidade de São Paulo.

2.
Moura, AC de A; CRISTIANO, M.; ROMERO, G. Q.. Ecologia evolutiva. 2015. Universidade Federal da Paraíba.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
IX Congresso Brasileiro de Ecologia. As comunidades de primatas não humanos na Caatinga sobreviverão ao seculo 21?. 2009. (Congresso).

2.
III Simposio Baiano sobre animais silvestres e exoticos.Comunidade de Primatas da Caatinga. 2008. (Simpósio).

3.
VIII Congresso de Ecologia do Brasil.Macacos na Caatinga: Estratégias de Sobrevivência e Função na Manutenção da Floresta. 2007. (Seminário).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Maria Clara de Claro Lira. Efeito ambiente urbano na morfologia e dieta da lagartixa (Tropidurus hispidus) - titulo provisorio. Início: 2016. Dissertação (Mestrado em Ecologia e Monitoramento Ambiental) - Universidade Federal da Paraíba, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Allana Barbosa de Sousa. Lateralidade, forrageio extrativo e uso de ferramentas em macacos pregos. 2017. Dissertação (Mestrado em Ecologia e Monitoramento Ambiental) - Universidade Federal da Paraíba, . Orientador: Antonio Christian de Andrade Moura.

2.
Thomas Hue. Population density and habitat preferences of Howler monkeys (Alouatta belzebul) in the RPPN Fazenda Pacatuba, Paraiba, Brazil. 2014. Dissertação (Mestrado em Master 1ère année Écologie et Biologie des Populat) - Université de Poitiers, . Orientador: Antonio Christian de Andrade Moura.

3.
Marion Caubet. Population density and habitat preference of Common marmosets (Callithrix jacchus) in the RPPN Fazenda Pacatuba, Paraiba, Brasil. 2014. Dissertação (Mestrado em Master 1ère année Écologie et Biologie des Populat) - Université de Poitiers, . Orientador: Antonio Christian de Andrade Moura.

4.
Lucille Martin. Sleeping sites choice by a wild group of howler monkeys (Alouatta belzebul) in the Atlantic Forest of Brazil: Conservation implications for maintenance of population in a fragmented landscape. 2012. Dissertação (Mestrado em Master 1ère année Écologie et Biologie des Populat) - Université de Poitiers, . Orientador: Antonio Christian de Andrade Moura.

5.
Maxime Barbier. Feeding behavior in a group of red-handed howler monkeys (Alouatta belzebul) in a fragment of Atlantic forest in NE, Brazil.. 2012. Dissertação (Mestrado em Master 1ère année Écologie et Biologie des Populat) - Université de Poitiers, . Orientador: Antonio Christian de Andrade Moura.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Allana Barbosa de Sousa. Enrequecimento ambiental como redutor de estresse em macacos-pregos cativos. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Curso de Ciencias Biologicas) - Universidade Federal da Paraiba, Joao Pessoa. Orientador: Antonio Christian de Andrade Moura.

2.
Valdecir da Silva. ABUNDÂNCIA DE ÁRVORES USADAS COMO RECURSO POR PRIMATAS EM FRAGMENTOS DE MATA ATLÂNTICA.. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ecologia) - Universidade Federal da Paraíba, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Antonio Christian de Andrade Moura.

3.
Cintia Corsini Fernandes. Abundancia de guigos na Chapada Diamantina. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Biologia) - Universidade Estadual de Feira de Santana, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Antonio Christian de Andrade Moura.

4.
JOao paulo Magalhaes. Padroes de atividade e habito alimentar de Callithrix jacchus introduzidos no campus da UEFS. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Biologia) - Universidade Estadual de Feira de Santana. Orientador: Antonio Christian de Andrade Moura.

Iniciação científica
1.
William Medeiros da Silva. EFEITOS DA FRAGMENTAÇÃO EM POPULAÇÕES DE MORPHO EPISTROPHUS NIKOLAJEWNA (WEBER, 1951; LEPIDOPTERA, NYMPHALIDAE) NA CIDADE DE JOÃO PESSOA, PARAÍBA BRASIL.. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Ecologia) - Universidade Federal da Paraíba. Orientador: Antonio Christian de Andrade Moura.

2.
William Medeiros da Silva. Efeito da fragmentação e disponibilidade de recusos em populações Morpho epistrophus nikolajewna. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Ecologia) - Universidade Federal da Paraíba, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Antonio Christian de Andrade Moura.

3.
Valdecir da Silva. ABUNDÂNCIA E FENOLOGIA DE ÁRVORES USADAS COMO RECURSO POR PRIMATAS EM FRAGMENTOS DE MATA ATLÂNTICA. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Ecologia) - Universidade Federal da Paraíba, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Antonio Christian de Andrade Moura.

4.
Valdecir da Silva. ABUNDÂNCIA E FENOLOGIA DE ÁRVORES USADAS COMO RECURSO POR PRIMATAS EM FRAGMENTOS DE MATA ATLÂNTICA. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Ecologia) - Universidade Federal da Paraíba, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Antonio Christian de Andrade Moura.

5.
Brunno Raniery Anselmo Sousa. RECIPROCIDADE DURANTE SESSÕES DE CATAÇÃO SOCIAL EM GRUPOS DE MICOS-LEÕES E SAGUIS Leontopithecus chrysomelas. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Curso de Ciencias Biologicas) - Universidade Federal da Paraiba, Joao Pessoa, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Antonio Christian de Andrade Moura.

6.
Cintia Corsine Fernandes. Abundância do guigó da caatinga (Callicebus barbarabrownae) em áreas de mata na região de Lençóis ? chapada diamantina.. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Biologia) - Universidade Estadual de Feira de Santana, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Antonio Christian de Andrade Moura.

7.
Juliana Andressa d?Araújo. Catação social em Leontopithechus chrysomelas. 2007. Iniciação Científica. (Graduando em Curso de Ciencias Biologicas) - Universidade Federal da Paraiba, Joao Pessoa, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Antonio Christian de Andrade Moura.




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 18/12/2018 às 16:13:24