Rômulo Cristovão de Souza

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/4202732105571744
  • Última atualização do currículo em 28/06/2018


Possui graduação em Enfermagem pela Fundação Educacional Serra dos Órgãos - Teresópolis, RJ (1991), mestrado em Saúde Coletiva pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (2005) e Doutorado em Ciências Médicas pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (2012). Professor adjunto no Departamento de Tecnologias da Informação e Educação em Saúde (DTIES) da Faculdade de Ciências Médicas (FCM) na Universidade do Estado do Rio de Janeiro (UERJ). Possui experiência em desenvolvimento e pesquisa de sistemas de informação, atuando principalmente com: metodologias e tecnologias para produção de informação em saúde, o que inclui: sistemas de informação em saúde, bancos de dados, data warehouse e vinculação de registros (record linkage), software para Business Intelligence (BI) e visualização de dados em saúde e Big Data. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Rômulo Cristovão de Souza
Nome em citações bibliográficas
SOUZA, Rômulo Cristovão de;SOUZA, RÔMULO CRISTOVÃO DE


Formação acadêmica/titulação


2008 - 2012
Doutorado em Ciências Médicas.
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
Título: Desenvolvimento de um armazém de dados a partir da integração de sistemas de informação em saúde para apoiar a gestão da assistência oncológica, Ano de obtenção: 2012.
Orientador: Sergio Miranda Freire.
Palavras-chave: Armazém de dados; Sistema Informacao; Assistência oncológica; Neoplasias.
Grande área: Ciências da Saúde
Setores de atividade: Saúde humana e serviços sociais.
2003 - 2005
Mestrado em Saúde Coletiva.
Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
Título: Estudo dos fatores preditores da mortalidade após fratura proximal de fêmur em idosos, da aplicação de diferentes índices para ajuste de risco e o uso do ICC para a AIH,Ano de Obtenção: 2005.
Orientador: Rejane Sobrino Pinheiro.
Palavras-chave: Fratura proximal de fêmur; Taxa de mortalidade; Ajuste de risco; Índice ASA; Índice de Comorbidade de Charlson; Base de dados administrativos.
1993 - 1994
Especialização em Especializacao em Administracao Hospitalar.
Faculdade de Medicina de Teresópolis, FESO, Brasil.
1987 - 1991
Graduação em Enfermagem.
Faculdade de Medicina de Teresópolis, FESO, Brasil.




Formação Complementar


2016
Data Analysis: Take it to the MAX(). (Carga horária: 30h).
Delft University of Technology, TU DELFT, Holanda.
2016
Business Intelligence Concepts, Tools, and Applications. (Carga horária: 30h).
University of Colorado, UC, Estados Unidos.
2016
Data Analysis: Visualization and Dashboard Design. (Carga horária: 30h).
Delft University of Technology, TU DELFT, Holanda.
2016
Analyzing and Visualizing Data with Power BI. (Carga horária: 30h).
Microsoft Corporation, MC*, Estados Unidos.
2016 - 2016
The Data Scientist?s Toolbox. (Carga horária: 16h).
Johns Hopkins University, JHU, Estados Unidos.


Atuação Profissional



Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional:

Atividades

03/2018 - Atual
Ensino, Medicina, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Informática médica

Secretaria Municipal de Saúde de Teresópolis, SMS, Brasil.
Vínculo institucional

2010 - 2014
Vínculo: Cargo comissionado, Enquadramento Funcional: Chefia informação e estatística, Carga horária: 20
Outras informações
Chefe da Divisão de Monitoramento e Informação - DMI


Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor adjunto, Carga horária: 40

Vínculo institucional

2010 - 2012
Vínculo: Contratado, Enquadramento Funcional: Professor substituto, Carga horária: 20

Atividades

2016 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Departamento de Tecnologias da Informação e Educação em Saúde - DTIES, .

2016 - Atual
Ensino, Programa de Pós-graduação em Ciências Médicas, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Introdução a tecnologias e metodologias para produção de informação em saúde
2015 - Atual
Direção e administração, Departamento de Tecnologias da Informação e Educação em Saúde - DTIES, .

Cargo ou função
Sub-chefia de Departamento.
03/2017 - 09/2017
Direção e administração, Departamento de Tecnologias da Informação e Educação em Saúde - DTIES, .

Cargo ou função
Chefia do Departamento de Tecnologias da Informação e Educação em Saúde - DTIES.
03/2017 - 06/2017
Ensino, Programa de Pós-graduação em Ciências Médicas, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Introdução a bancos de dados
Uso de dados para produção de informação em saúde
Uso de softwares para visualização de dados
03/2016 - 04/2016
Ensino, Programa de Pós-graduação em Ciências Médicas, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Introdução a bancos de dados relacionais
10/2015 - 12/2015
Ensino, Programa de Pós-graduação em Ciências Médicas, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Introdução à metodologia probabilística de vinculação de bases de dados

Faculdade de Medicina de Teresópolis, FESO, Brasil.
Vínculo institucional

2000 - 2012
Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Auxiliar de ensino



Linhas de pesquisa


1.
Tecnologias e metodologias para produção de informação em saúde


Projetos de pesquisa


2016 - Atual
ANÁLISE DO ACESSO PARA O DIAGNÓSTICO DO CÂNCER DE MAMA, CÂNCER DE COLO DE ÚTERO E CÂNCER BUCAL NA REDE DE ATENÇÃO ONCOLÓGICA DA 4ª COORDENADORIA REGIONAL DE SAÚDE / RS
Descrição: ANÁLISE DO ACESSO PARA O DIAGNÓSTICO DO CÂNCER DE MAMA, CÂNCER DE COLO DE ÚTERO E CÂNCER BUCAL NA REDE DE ATENÇÃO ONCOLÓGICA DA 4ª COORDENADORIA REGIONAL DE SAÚDE / RS.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2015 - Atual
Avaliação de programas e serviços de saúde: Big data, métodos estatísticos e computacionais e linkage de bases de dados para apoio à gestão em saúde
Descrição: O desenvolvimento da modelagem computacional viabiliza a adoção do referencial da complexidade em Saúde Pública. Técnicas de manipulação e visualização de grandes quantidades de dados, assim como as de extração de padrões e de incorporação de não-linearidade são recursos que se mostram relevantes na abordagem de problemas em Saúde Pública. A avaliação e a monitoração dos resultados decorrentes das ações em saúde é parte importante da gestão do setor saúde. Indicadores de resultados obtidos de bases de dados administrativos, como a mortalidade hospitalar, têm sido utilizados em estudos sobre a performance da assistência hospitalar, tanto internacionalmente como no Brasil. A mortalidade hospitalar não considera momentos após a alta, como a mortalidade precoce (em 30 dias) ou em outros períodos de tempo, que têm sido utilizados na literatura sobre avaliação dos cuidados prestados a pacientes internados. Pode-se obter esses indicadores a partir do seguimento passivo do paciente em outras bases e dados. Diferenças nos resultados em saúde podem refletir não somente diferenças na saúde da população como também no acesso aos serviços adequados de forma oportuna. Longas distâncias aos serviços podem ser impedimentos à utilização de um serviço de saúde necessário. Conhecer a organização do fluxo dos pacientes entre locais de residência e de atendimento é tarefa de interesse à gestão do setor saúde. Estudos de avaliação de programas, serviços e sistemas de saúde contemplam questões metodológicas diversas. A adequação dos indicadores de resultados em saúde, a metodologia de ajuste de risco empregada para eliminar um importante fator de confundimento nesses estudos, a escolha do desenho do estudo, a qualidade das fontes de dados a serem utilizadas, a definição da unidade geográfica de análise a ser considerada, o método de análise quantitativa empregado e a relação entre as áreas e os níveis individual e contextual são questões que não são simples de serem abordadas e que podem impactar consideravelmente nos resultados desses estudos. O objetivo deste projeto é analisar a qualidade de programas e serviços de saúde, usando linkage de bases de dados secundárias e técnicas estatísticas e computacionais que permitam a abordagem complexa e de grande volume de dados, com enfoque na atenção hospitalar, atenção básica, Programa de Controle da Tuberculose e Programa Mais Médicos, numa abordagem de Big data, a partir de técnicas estatísticas e computacionais que permitam a inclusão de não-linearidade e a análise simultânea de características individuais e do contexto, além da relação entre áreas, assim como os relacionados à organização da rede e fluxo dos pacientes ao atendimento.. Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (2) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (6) .
Integrantes: Rômulo Cristovão de Souza - Integrante / R.S. Pinheiro - Coordenador / C.M. Coeli - Integrante / Gisele Pinto de Oliveira - Integrante / marli souza rocha - Integrante / Helen Regina Mota Machareth - Integrante / monique bloise - Integrante.
2012 - Atual
Métodos Estatísticos e Computacionais na Avaliação de Programas e Serviços de Saúde: efetividade, acesso, equidade, comparação SUS e não-SUS e integração de bases de dados para apoio à gestão em saúde
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (3) / Doutorado: (3) .
Integrantes: Rômulo Cristovão de Souza - Integrante / Enirtes Caetano Prates Melo - Integrante / Evangelina Xavier Gouveia de Oliveira - Integrante / C. M. Coeli - Integrante / R.S. Pinheiro - Coordenador / K.R. Camargo Jr. - Integrante.
2012 - Atual
Qualidade do programa de controle da tuberculose no município do Rio de Janeiro: análise quali-quantitativa do acesso, abandono ao tratamento e dos serviços de saúde
Descrição: A tuberculose (TB) continua um grave problema de saúde pública. O estudo será desenvolvido em duas etapas correlacionadas e complementares, uma quantitativa e outra qualitativa, no município do Rio de Janeiro, e tem como objetivos: 1) Avaliar a efetividade do programa e dos serviços de saúde na abordagem à TB, com ênfase no abandono de tratamento; 2) Analisar a distribuição espacial do abandono e o acesso aos serviços de saúde para tratamento da TB; 3) Implantar modelo de ?Secretaria de Saúde Acadêmica?. Serão analisados os dados do Sistema de Informação de Agravo de Notificação (SINAN) dos anos de 2006, 2008 e 2010. A situação de encerramento será corrigida quando necessário por meio da informação contida no Sistema de Informação sobre Mortalidade nos dois anos subseqüentes a cada período analisado do SINAN. Será elaborado modelo de regressão da chance de abandono segundo variáveis sociodemográficas do paciente, do serviço de saúde e da área de residência. Serão elaboradas entrevistas para análise do abandono de tratamento. Serão elaborados mapas com a distribuição dos casos, dos abandonos e das taxas de abandono em toda a região da cidade do Rio de Janeiro, para cada ano analisado. Será elaborado modelo operacional sobre abandono de tratamento da TB por meio de técnica de System Science...
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (3) .
Integrantes: Rômulo Cristovão de Souza - Integrante / Claudia Medina Coeli - Integrante / R.S. Pinheiro - Coordenador / Fernanda Pinheiro Aguiar - Integrante / Gisele Pinto de Oliveira - Integrante / marli souza rocha - Integrante.
2009 - Atual
Avaliação de Serviços de Saúde: comparação SUS e não-SUS, fluxo de pacientes e integração de bases de dados

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Rejane Sobrino Pinheiro em 10/12/2017.
Descrição: O objetivo do presente projeto é analisar a qualidade da atenção hospitalar, estudando a existência de diferenças na sobrevida de pacientes internados com financiamento público ou privado, e estudos relacionados à organização da rede, fluxo dos pacientes e acesso ao atendimento, utilizando média e alta complexidade, em especial internações para cirurgias cardíacas, de pacientes idosos com fratura proximal de fêmur e de pacientes oncológicos. 1. Comparar a sobrevida de pacientes SUS e não-SUS, analisando as cirurgias cardíacas e as fraturas proximais de fêmur de idosos, questões de saúde apontadas na lista de indicadores da AHRQ. 2. Analisar a influência do volume de internações na sobrevida. 3. Analisar a influência da distância percorrida para atenção na sobrevida dos pacientes. 4. Analisar a diferença entre as causas básicas de óbito dos pacientes internados com financiamento público e privado. 5. Analisar se houve diferença entre os fluxos de atendimento antes e após a portaria que institui a Política Nacional de Atenção Oncológica de dezembro de 2005. Serão analisados os dados do Sistema de Informações Hospitalares do SUS e da Comunicação de Informações Hospitalares. Será realizado o seguimento passivo dos pacientes por meio de relacionamento com o Sistema de Informações sobre Mortalidade usando o programa Reclink 3. Serão elaborados mapas de fluxo e das áreas de abrangência ?reais? (mercados hospitalares/regionalização do serviço) com ferramentas de domínio público: Tabwin e TerraView. Será analisada a associação da sobrevida com variáveis contextuais sobre o perfil sociodemográfico, de serviços, do fluxo e dos mercado hospitalares. Os dados referentes a este problema possuem estrutura aninhada, com os pacientes compondo as unidades de 1o. nível, hospitais as de 2o. nível e municípios ou regiões de saúde as de 3o. nível. Será utilizada modelagem hierárquica, para correção dos erros padrão das estimativas dos modelos...
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (3) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Rômulo Cristovão de Souza - Integrante / Rejane Sobrino Pinheiro - Coordenador / Claudia Medina Coeli - Integrante / Enirtes Caetano Prates Melo - Integrante / Evangelina Xavier Gouveia de Oliveira - Integrante / Kátia Vergetti Bloch - Integrante.
2008 - Atual
Avaliação de Técnicas para Vinculação de Registros de Bases de Dados e Desenvolvimento de um Framework para Aplicação destas Técnicas
Descrição: A vinculação de registros é um campo em crescente expansão com aplicações em muitas áreas da saúde. Ela pode ser vista como a metodologia para vincular registros de dois ou mais arquivos de dados ou encontrar duplicatas dentro de um mesmo arquivo. O objetivo geral deste projeto é o de avaliar técnicas utilizadas na vinculação de registros, utilizando o método probabilístico, e desenvolver um framework livre que permita a utilização de diversas técnicas para a vinculação de registros. Os objetivos específicos deste projeto são: 1. Avaliar diversas técnicas para comparar cadeias de caracteres que constituem os nomes e endereços de pessoas que ocorrem nas bases de dados do SUS e da Saúde Suplementar; 2. Avaliar técnicas de blocagem para realizar a vinculação de registros; 3. Avaliar algoritmos de decisão para realizar a vinculação de registros; 4. Desenvolver um framework livre, extensível, para realizar a vinculação de registros, que possa ser integrado a outros softwares por meio de uma Application Programming Interface - API; 5. Desenvolver uma metodologia para integrar as bases. O framework resultante deste projeto pode contribuir para que o arsenal de dados disponíveis sobre a produção de serviços possa ser utilizado na gestão, na regulação e na avaliação da integração dos sistemas de saúde do país....
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.


Revisor de periódico


2012 - Atual
Periódico: Cadernos de Saúde Pública (ENSP. Impresso)
2012 - Atual
Periódico: Cadernos Saúde Coletiva (UFRJ)


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Bem.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
FREIRE, SERGIO MIRANDA2015 FREIRE, SERGIO MIRANDA ; SOUZA, RÔMULO CRISTOVÃO DE ; ALMEIDA, ROSIMARY TEREZINHA DE . Integrating Brazilian health information systems in order to support the building of data warehouses. Research on Biomedical Engineering, v. 31, p. 196-207, 2015.

2.
VIDAL, E. O.2014VIDAL, E. O. ; MOREIRA-FILHO, D. ; PINHEIRO, R. ; ALMEIDA, L. ; CAMARGO JR., K. ; BOAS, P. F. ; FUKUSHIMA, F. ; COELI, C. ; SOUZA, Rômulo Cristovão de . HIP FRACTURE IN A DEVELOPING COUNTRY: A PICTURE IN NEED OF CHANGE. Journal of Aging Research & Clinical Practice, v. 14, p. 182-188, 2014.

3.
2Sergio Miranda Freire2012 Sergio Miranda Freire ; Rosimary Terezinha de Almeida ; Maria Deolinda Borges Cabral ; Ediane de Assis Bastos ; SOUZA, Rômulo Cristovão de ; Mariá Goncalves Pereira da Silva . A record linkage process of a cervical cancer screening database. Computer Methods and Programs in Biomedicine (Print), v. 108, p. 90, 2012.

4.
1SOUZA, Rômulo Cristovão de;SOUZA, RÔMULO CRISTOVÃO DE2010 SOUZA, Rômulo Cristovão de; Sergio Miranda Freire ; Rosimary Terezinha de Almeida . Sistema de informação para integrar os dados da assistência oncológica ambulatorial do Sistema Único de Saúde. Cadernos de Saúde Pública (ENSP. Impresso), v. 26, p. 1131-1140, 2010.

5.
5HIRATA, D. M.2010HIRATA, D. M. ; Nathalia Rampini de Queiroz ; Lucia Brandão de Oliveira ; Wolney de Andrade Martins ; SOUZA, Rômulo Cristovão de . Qualidade da Informação na Internet sobre Coronariopatia. Revista Brasileira de Cardiologia, v. 23, p. 39, 2010.

6.
3SOUZA, Rômulo Cristovão de;SOUZA, RÔMULO CRISTOVÃO DE2008 SOUZA, Rômulo Cristovão de; PINHEIRO, R. S. ; COELI, C. M. ; JR.I, K. R. C. . The Charlson comorbidity index (CCI) for adjustment of hip fracture mortality in the elderly: analysis of the importance of recording secondary diagnoses. Cadernos de Saúde Pública (FIOCRUZ), v. 24, p. 315-322, 2008.

7.
4SOUZA, Rômulo Cristovão de;SOUZA, RÔMULO CRISTOVÃO DE2007 SOUZA, Rômulo Cristovão de; PINHEIRO, R. S. ; COELI, C. M. ; JR.I, K. R. C. ; TORRES, T. Z. G. . Aplicação de medidas de ajuste de risco para a mortalidade após fratura proximal de fêmur. Revista de Saúde Pública / Journal of Public Health, v. 41, p. 625-631, 2007.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
FERREIRA, C. D. ; Rodrigo Gomes Barreira ; RODRIGUES, N. C. P. ; SOUZA, Rômulo Cristovão de . Business Intelligence no campo da saúde pública: soluções inovadoras para a tomada de decisão. In: 8o Congresso Brasileiro de Telemedicina e Telessaúde, 2017, Gramado/RS. Anais do 8º Congresso Brasileiro de Telemedicina e Telessaúde, 2018.

2.
SOUZA, Rômulo Cristovão de; Sergio Miranda Freire ; Rosimary Terezinha de Almeida . INTEGRAÇÃO DE DADOS AMBULATORIAIS DE QUIMIOTERAPIA E RADIOTERAPIA REGISTRADOS NAS BASES DE DADOS DO SUS. In: XXIV Congresso Brasileiro de Engenharia Biomédica, 2014, Uberlândia. INTEGRAÇÃO DE DADOS AMBULATORIAIS DE QUIMIOTERAPIA E RADIOTERAPIA REGISTRADOS NAS BASES DE DADOS DO SUS, 2014. p. 1904-1907.

Apresentações de Trabalho
1.
FERREIRA, C. D. ; RODRIGUES, N. C. P. ; SOUZA, Rômulo Cristovão de . Painéis de Indicadores: a experiência de uma Coordenação de Atenção Primária a Saúde no Município do Rio de Janeiro. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

2.
SOUZA, Rômulo Cristovão de; FREIRE, SERGIO MIRANDA ; ALMEIDA, ROSIMARY TEREZINHA DE . INTEGRAÇÃO DE DADOS AMBULATORIAIS DE QUIMIOTERAPIA E RADIOTERAPIA REGISTRADOS NAS BASES DE DADOS DO SUS. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

3.
SOUZA, Rômulo Cristovão de; Sergio Miranda Freire ; Rosimary Terezinha de Almeida . Armazém de dados sobre a assistência oncológica ambulatorial no Estado do Rio de Janeiro. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
PINHEIRO, R. S.; Rosangela Caetano; SOUZA, Rômulo Cristovão de. Participação em banca de Helen Regina Mota Machareth. Avaliação da qualidade dos serviços hospitalares utilizando taxas de mortalidade: construção de uma medida de ajuste de risco. 2014. Dissertação (Mestrado em Saúde Coletiva) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

2.
Lúcia Abelha Lima; Gil Sevalho; SOUZA, Rômulo Cristovão de. Participação em banca de Dartagnan Rache Rodrigues. Desenho e implantação de um sistema de informação para o serviço de saúde mental do município de Guapimirim. 2013. Dissertação (Mestrado em Saúde Pública) - Fundação Oswaldo Cruz.

Teses de doutorado
1.
COELI, C. M.; BLOCH, K. V.; PINHEIRO, R. S.; SOUZA, Rômulo Cristovão de. Participação em banca de Leonardo Oliveira Leão e Silva. MORTALIDADE RELACIONADA À HIPERTENSÃO ARTERIAL SISTÊMICA: uso de mineração de dados na avaliação de causas múltiplas de morte. 2016. Tese (Doutorado em Doutorado em Saúde Coletiva) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Qualificações de Doutorado
1.
Adriano Alves Pereira; SOUZA, Rômulo Cristovão de; Selma Milagres. Participação em banca de Adeilson Barbosa Soares. AVALIAÇÃO LONGITUDINAL DA EFICIÊNCIA DA GESTÃO HOSPITALAR COM USO DE FERRAMENTA COMPUTACIONAL. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Engenharia Elétrica) - Universidade Federal de Uberlândia.

2.
PINHEIRO, R. S.; Evangelina Xavier Gouveia de Oliveira; SOUZA, Rômulo Cristovão de. Participação em banca de Roberta Rodrigues Teixeira de Castro. Acesso à assistência oncológica: uma análise do fluxo realizado pelas pacientes do Sistema Único de Saúde (SUS) para obtenção do tratamento para o câncer de mama. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Saúde Coletiva) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Big Data em Saúde.Big Data em Saúde. 2016. (Seminário).

2.
IX Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva. Perfil demográfico, comorbidades, complicações e mortalidade de pacientes com fratura proximal de fêmur atendidos em Hospital Universitário do Estado do Rio de Janeiro. 2009. (Congresso).

3.
21º Congresso Brasileiro de Engenharia Biomédica. Armazém de dados sobre a assistência oncológica ambulatorial no Estado do Rio de Janeiro. 2008. (Congresso).

4.
XI Congresso Brasileiro de Informática em Saúde. Armazém de dados sobre a assistência oncológica ambulatorial no Estado do Rio de Janeiro. 2008. (Congresso).

5.
8o. Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva / 11o. Congresso Mundial de Saúde Coletiva. Estudo de técnicas de ajuste de risco e dos fatores associados com a mortalidade em 90 dias em pacientes internados para tratamento da fratura proximal de fêmur. 2006. (Congresso).

6.
8o. Congresso Brasileiro de Saúde Coletiva / 11o. Congresso Mundial de Saúde Coletiva. SIH/SUS e a aplicação do Índice de Comorbidade de Charlson no ajuste de risco da mortalidade após fratura proximal de fêmur em idosos: análise da importância dos diagnósticos secundários. 2006. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Patricia Regina Cavalcanti Barbosa Horn. Avaliação retrospectiva de população pediátrica portadora de Leucemia Linfóide Aguda em hospitais públicos no Rio de Janeiro: proposta de banco de dados para análise de sobrevida e prognóstico frente a marcadores de imunofenotipagem, citogenética e biologia molecular. Início: 2017. Dissertação (Mestrado em Ciências Médicas) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. (Coorientador).

2.
Caroline Dias Ferreira. Proposta de implantação de ferramenta de visualização de dados para comunicação em saúde. Início: 2016. Dissertação (Mestrado profissional em Ciências Médicas) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro. (Coorientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Caroline Dias Ferrameira. Proposta de implantação de ferramenta de visualização de dados para comunicação em saúde: o caso da tubercule. 2017. Dissertação (Mestrado em Mestrado profissional em Telemedicina e Telessaude) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro, . Coorientador: Rômulo Cristovão de Souza.

Tese de doutorado
1.
Roberta Rodrigues Teixeira de Castro. Assistência oncológica: uso de dados secundários e técnicas de visualização de grandes de quantidades de dados na análise de atendimento de quimioterapia e radioterapia ao câncer de mama prestado na Rede SUS, no Brasil, de 2000 a 2013. 2016. Tese (Doutorado em Doutorado em Saúde Coletiva) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, . Coorientador: Rômulo Cristovão de Souza.



Inovação



Projetos de pesquisa



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 15/12/2018 às 10:32:09