Andrei Langeloh Roos

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/6089950915165211
  • Última atualização do currículo em 29/08/2018


possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Federal de Santa Catarina (1997) e mestrado em Ecologia (Conservação e Manejo da Vida Silvestre) pela Universidade Federal de Minas Gerais (2002). Atualmente é analista ambiental da RESEX Marinha do Pirajubaé, em Florianópolis, SC. Tem experiência na área de Ornitologia, com ênfase em Conservação das Espécies de Aves, atuando principalmente nos seguintes temas: conservação, aves migratórias e anilhamento de aves. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Andrei Langeloh Roos
Nome em citações bibliográficas
ROOS, A. L.

Endereço


Endereço Profissional
Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade, Reserva Extrativista Marinha do Pirajubaé.
Rua João Câncio Jacques 1375
Costeira do Pirajubaé
88047011 - Florianópolis, SC - Brasil
Telefone: (48) 33892746


Formação acadêmica/titulação


2017
Doutorado em andamento em Ecologia.
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
Título: Qualidade do habitat e conectividade na conservação da biodiversidade em unidades de conservação na Mata Atlântica do sul do Brasil: aves como modelo de análise.,
Orientador: Malva Isabel Medina Hernández.
Palavras-chave: Aves; Santa Catarina; Metacomunidades; Unidades de Conservação; Conservação.
Grande área: Ciências Biológicas
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia.
2000 - 2002
Mestrado em Ecologia (Conservação e Manejo da Vida Silvestre).
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Título: Aves de sub-bosque da Mata Atlântica Litorânea de Santa Catarina,Ano de Obtenção: 2002.
Orientador: Marcos Rodrigues.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: Aves; Sub-bosque; Santa Catarina; Parque Estadual da Serra do Tabuleiro; Variaçao temporal.
Grande área: Ciências Biológicas
1993 - 1997
Graduação em Ciências Biológicas.
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
Título: Seleçao de Habitat entre aves de dunas costeiras.
Orientador: Marcos Rodrigues.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.




Formação Complementar


2016 - 2016
Extensão universitária em V International Course of Bird Banding & Molt Analysis. (Carga horária: 70h).
Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS, Brasil.
2014 - 2014
Oficina sobre Documentação gerenciamento e disponibilz. de dados ecologicos. (Carga horária: 16h).
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
2013 - 2013
Capacitaçao de Integração de BD e Sistemas de Informação da Biodiversidade. (Carga horária: 24h).
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
2010 - 2010
Aplicação de Critérios e Categorias da IUCN.... (Carga horária: 24h).
Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade, ICMBio, Brasil.
2009 - 2009
IUCN SSC Workshop Red List Categories and Criteria. (Carga horária: 28h).
IUCN Species Survival Comission, IUCN SSC, Holanda.
2009 - 2009
Analisis de la efect implem de pol amb cons esp mi. (Carga horária: 40h).
NatureServe, NATURESERVE, Estados Unidos.
2004 - 2004
Capacitação de Analista Ambiental. (Carga horária: 136h).
Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis, IBAMA, Brasil.
2004 - 2004
Excelencia na Gestão Pública. (Carga horária: 40h).
Ministério do Orçamento Planejamento e Gestão, MPOG, Brasil.
2003 - 2003
Introd a Educacao no processo gestao ambiental. (Carga horária: 96h).
Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis, IBAMA, Brasil.
2001 - 2001
Curso ecologia quantitativa e estatística aplicada. (Carga horária: 90h).
Centro Brasileiro de Biologia da Conservação, CBBC, Brasil.
1998 - 1998
Curso Nac de Biol Conserv e Manejo Vida Silvestre. (Carga horária: 280h).
Centro Brasileiro de Biologia da Conservação, CBBC, Brasil.
1997 - 1997
Extensão universitária em Tópicos Especiais Sobre Meio Ambiente. (Carga horária: 20h).
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
1995 - 1995
Extensão universitária em Métodos de Coleta Observação Preservaçao e Conser. (Carga horária: 60h).
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
1995 - 1995
Topicos em Ornitologia e Anilhamento de Aves. (Carga horária: 40h).
Universidade Livre do Meio Ambiente, UNILIVRE, Brasil.


Atuação Profissional



Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade, ICMBio, Brasil.
Vínculo institucional

2007 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Analista Ambiental, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

02/2013 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Reserva Extrativista Marinha do Pirajubaé, .

02/2013 - Atual
Serviços técnicos especializados , Reserva Extrativista Marinha do Pirajubaé, .

Serviço realizado
Coordenador de Pesquisa Científica; Licenciamento e Emergencias; Monitoramento, controle e fiscalização; Parecerista SISBIO; Relações comunitárias e Produção.
2009 - 01/2013
Serviços técnicos especializados , Centro Nacional de Pesquisa e Conservação de Aves Silvestres, .

Serviço realizado
Ponto Focal Avaliacao do Estado de Conservação das Aves Brasileiras.
09/2007 - 01/2013
Pesquisa e desenvolvimento , Centro Nacional de Pesquisas para a Conservação das Aves Silvestres, .

09/2007 - 01/2013
Serviços técnicos especializados , Centro Nacional de Pesquisas para a Conservação das Aves Silvestres, .

Serviço realizado
Homologador SISBIO.
09/2007 - 01/2013
Serviços técnicos especializados , Centro Nacional de Pesquisas para a Conservação das Aves Silvestres, .

Serviço realizado
Parecerista SISBIO.
06/2008 - 04/2011
Direção e administração, Centro Nacional de Pesquisas para a Conservação das Aves Silvestres, .

Cargo ou função
Cargo administrativo - Chefe Substituto.
09/2009 - 10/2010
Direção e administração, Centro Nacional de Pesquisa e Conservação de Aves Silvestres, .

Cargo ou função
Coordenador Científico.
2007 - 09/2009
Direção e administração, Centro Nacional de Pesquisa e Conservação de Aves Silvestres, .

Cargo ou função
Responsavel pelo Núcleo de Pesquisa e Manejo.
10/2008 - 10/2008
Treinamentos ministrados , Centro Nacional de Pesquisas para a Conservação das Aves Silvestres, .

Treinamentos ministrados
Curso Regional de Anilhamento de Aves

Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis, IBAMA, Brasil.
Vínculo institucional

2002 - 2007
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Analista Ambiental, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Responsável pelo Núcleo de Pesquisa e Manejo

Atividades

01/2007 - 9/2007
Serviços técnicos especializados , Centro de Pesquisa para a Conservação das Aves Silvestres, .

Serviço realizado
Parecerista do SISBIO.
10/2005 - 9/2007
Serviços técnicos especializados , Centro de Pesquisa para a Conservação das Aves Silvestres, Sede.

Serviço realizado
Responsável pelo Núcleo de Pesquisa e Manejo.
8/2004 - 9/2007
Conselhos, Comissões e Consultoria, Centro de Pesquisa para a Conservação das Aves Silvestres, .

Cargo ou função
Membro do Comitê Operacional do Programa de Qualidade no Serviço Público no CEMAVE.
4/2004 - 9/2007
Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Pesquisa para a Conservação das Aves Silvestres, Sede.

Linhas de pesquisa
Aves Marinhas e Costeiras
4/2004 - 9/2007
Serviços técnicos especializados , Centro de Pesquisa para a Conservação das Aves Silvestres, .

Serviço realizado
Técnico do Núcleo de Pesquisa e Manejo.
9/2006 - 9/2006
Treinamentos ministrados , Centro de Pesquisa para a Conservação das Aves Silvestres, .

Treinamentos ministrados
Curso Regional de Anilhamento de Aves
11/2002 - 4/2004
Serviços técnicos especializados , Departamento de Parques e Reservas Equivalentes, Parque Nacional da Serra das Confusões.

Serviço realizado
Analista Ambiental Parque Nacional da Serra das Confusoes.

Fundação Estadual do Meio Ambiente de Santa Catarina, FATMA, Brasil.
Vínculo institucional

2002 - 2002
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Técnico de nível superior, Carga horária: 40

Atividades

3/2002 - 10/2002
Serviços técnicos especializados , Fundação Estadual do Meio Ambiente de Santa Catarina, .

Serviço realizado
Sub-coordenação do Centro de Visitantes do Parque Estadual da Serra do Tabuleiro, Palhoça - SC.

Projeto Ararinha Azul, PROJETOARARINHA, Brasil.
Vínculo institucional

1998 - 1998
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Biólogo Assistente, Carga horária: 0

Vínculo institucional

1996 - 1997
Vínculo: Outro, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 0

Atividades

2/1998 - 6/1998
Serviços técnicos especializados , Projeto Ararinha Azul, .

Serviço realizado
Sub-projeto Reintrodução de maracanãs (Primolius maracana) à natureza.
12/1996 - 2/1997
Estágios , Projeto Ararinha Azul, .

Estágio realizado
Monitoramento de ninhos de maracanãs (Primolius maracana), estudos comportamentais e biometria de ovos e ninhegos.

Dinâmica Projetos Ambientais, DINÂMICA, Brasil.
Vínculo institucional

2001 - 2001
Vínculo: Outro, Enquadramento Funcional: Outro, Carga horária: 0

Vínculo institucional

1998 - 1999
Vínculo: Outro, Enquadramento Funcional: Outro, Carga horária: 0

Atividades

6/2001 - 11/2001
Serviços técnicos especializados , Dinâmica Projetos Ambientais, .

Serviço realizado
Consultor (Ornitologia) no Programa de Resgate da Fauna Terrestre na Implantação da USINOR - Vega do Sul, São Francisco do Sul - SC.
5/2001 - 5/2001
Serviços técnicos especializados , Dinâmica Projetos Ambientais, .

Serviço realizado
Consultor (Ornitologia) na Complementação do EIA/RIMA de Implantação da USINOR - Vega do Sul, São Francisco do Sul - SC.
10/1998 - 6/1999
Estágios , Dinâmica Projetos Ambientais, .

Estágio realizado
Programa de Monitoramento da Fauna Aquática e Terrestre na Ampliação do Complexo Hidroenergético Palmeiras/Cedros, Rio dos Cedros - SC..
3/1999 - 4/1999
Estágios , Dinâmica Projetos Ambientais, .

Estágio realizado
Avaliação do Potencial das Áreas Indicadas para Implantação de Unidades de Conservação - Usina Hidroelétrica de Machadinho - Campos Novos/SC e Barracão/RS.

Comitê Estadual da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica, CERBMA-SC, Brasil.
Vínculo institucional

2002 - 2002
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: , Carga horária: 0

Atividades

5/2002 - 6/2002
Serviços técnicos especializados , Comitê Estadual da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica, .

Serviço realizado
Equipe Técnica da Fase 5 - Proposta de Ampliação da Reserva da Biosfera da Mata Atlântica no estado de Santa Catarina.

Ambiens Consultoria e Projetos Ambientais, AMBIENS, Brasil.
Vínculo institucional

2002 - 2002
Vínculo: Outro, Enquadramento Funcional: , Carga horária: 0

Atividades

6/2002 - 7/2002
Serviços técnicos especializados , Ambiens Consultoria e Projetos Ambientais, .

Serviço realizado
Consultor (Ornitologia) no EIA / RIMA de Implantação do Aeroporto Regional Sul, Jaguaruna, SC.

International Whale Conservation, IWC/BRASIL, Brasil.
Vínculo institucional

1999 - 1999
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: , Carga horária: 0
Outras informações
Convênio IWC/Brasil - IBAMA

Atividades

4/1999 - 10/1999
Serviços técnicos especializados , International Whale Conservation, .

Serviço realizado
Assessoria técnica (Ornitologia) Centro de Resgate e Triagem de Animais Silvestres (CETAS - IBAMA).


Linhas de pesquisa


1.
Aves Marinhas e Costeiras
2.
Conservação
3.
Aves e Unidades de Conservação
4.
Aves Passeriformes
5.
Marcação de aves
6.
Aves Migratórias
7.
Aves Ameacadas de Extinção


Projetos de pesquisa


2014 - 2017
Monitoramento da Avifauna de Unidades de Conservação Federais Marinho Costeiras de Santa Catarina
Descrição: Conforme disposto na Lei Federal nº 9.985/2000, que instituiu o Sistema Nacional de Unidades de Conservação da Natureza (SNUC), as unidades de conservação são espaços territoriais e seus recursos ambientais, incluindo as águas jurisdicionais, com características naturais relevantes, legalmente instituído pelo Poder Público, com objetivos de conservação e limites definidos, sob regime especial de administração, ao qual se aplicam garantias adequadas de proteção. Ainda segundo o SNUC, a conservação da natureza é definida como o manejo do uso humano da natureza, compreendendo a preservação, a manutenção, a utilização sustentável, a restauração e a recuperação do ambiente natural, para que possa produzir o maior benefício, em bases sustentáveis, às atuais gerações, mantendo seu potencial de satisfazer as necessidades e aspirações das gerações futuras, e garantindo a sobrevivência dos seres vivos em geral. As unidades de conservação federais de proteção integral existentes na zona costeira catarinense são a Reserva Biológica Marinha do Arvoredo e a Estação Ecológica de Carijós; enquanto que as unidades de uso sustentável são a Área de Proteção Ambiental Anhatomirim, Reserva Extrativista Marinha do Pirajubaé e Área de Proteção Ambiental da Baleia Franca. O conhecimento sobre a avifauna presente nestas Unidades de Conservação é recente e muitas informações ainda devem ser complementadas. Considerando que os estudos disponíveis fornecem um mapeamento inicial da distribuição das espécies de aves nestas UCs, vimos com este projeto propor a ampliação do monitoramento das aves da ESEC Carijós, APA da Baleia Franca e RESEX Pirajubaé, a fim de determinar em longo prazo a efetividade destas áreas protegidas em manter as populações de aves, notadamente em relação às espécies ameaçadas. Ressaltamos que este trabalho vem sendo realizado na ESEC Carijós desde 2010 e que neste momento propomos a ampliação da área a ser amostrada em relação a outras duas Unidades de Conservação. Além disso, ressalta-se que nenhum estudo sistemático sobre a prevalência de doenças ou parasitoses da ornitofauna local foi realizado até o momento nas UCs Federais de Santa Catarina. Considerando que os impactos antrópicos sobre os recursos naturais levaram ao aparecimento de epidemias em populações animais e humanas em vários locais do mundo, demonstrando-se que a manutenção da saúde de populações silvestres é essencial para a manutenção da biodiversidade; e considerando que a manutenção da saúde das populações silvestres pode ser um indicador da efetividade da UC para a conservação, parte das aves capturadas também passarão por uma avaliação sanitária realizada por médicos veterinários deste Centro Especializado de Pesquisa. Análises microbiológicas de identificação da microbiota normal das aves serão realizadas pela equipe do CEMAVE e parceiros..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .
Integrantes: Andrei Langeloh Roos - Integrante / Patricia Pereira Serafini - Coordenador / Elsimar S. Silva - Integrante / Edineia Caldas Correia - Integrante / Danielle Paludo - Integrante / Cristiane Kiyomi Miyaji Kolesnikovas - Integrante.Financiador(es): Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade - Bolsa.
2014 - 2016
Monitoramento de Aves no Parque Nacional de São Joaquim
Descrição: A conservação da Biodiversidade compreende várias estratégias, dentre as quais a implantação de áreas protegidas é uma das mais utilizadas. Contudo a simples criação de Unidades de Conservação, em áreas de relevante interesse, não garante a conservação da biodiversidade em longo prazo, visto que estas áreas protegidas sofrem diversos impactos diretos e indiretos das ações humanas. Para se avaliar a efetividade das Unidades de Conservação na manutenção da biodiversidade, devem ser realizados estudos de monitoramento de longo prazo, os quais irão gerar conhecimento sobre a estrutura e o funcionamento dos principais ecossistemas protegidos e da fauna associada. O presente projeto pretende atualizar a lista de espécies e caracterizar as diferentes comunidades de aves no Parque Nacional de São Joaquim, através de levantamentos em campo com diferentes metodologias (redes-de-neblina, pontos de escuta e listas de MacKinnon) nas fitofisionomias predominantes no parque, com foco na implementação de um programa de longa duração em parcelas permanentes implantadas pelo PPBio Mata Atlântica..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Andrei Langeloh Roos - Coordenador / Debora Andrea Belloni Rosinger - Integrante / Marcela Affonso Penna Meyer - Integrante.Número de orientações: 1
2008 - 2013
Monitoramento e conservacao das aves ameaçadas em IBA´s da Paraíba.
Descrição: O presente projeto pretende atualizar os inventários de avifauna nas IBA´s da Paraíba e realizar o monitoramento das espécies ameaçadas de extinção que ocorrem nessas áreas. Busca ainda levantar informações biológicas e populacionais sobre as espécies ameaçadas de forma a subsidiar a elaboração de Planos de Ação para as espécies bem como para as revisões de listas de espécies ameaçadas. Inicialmente as expedições serão concentradas na REBIO Guaribas, uma das principais áreas da IBA Mamanguape, onde são registrados 12 táxons ameaçados de extinção. Através de expedições de inventário e de monitoramento será atualizada a lista de aves da REBIO e serão levantados dados da biologia e ecologia das espécies ameaçadas, com estimativas populacionais e aspectos da dinâmica reprodutiva..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .
Integrantes: Andrei Langeloh Roos - Coordenador.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade - Remuneração.Número de orientações: 3
2008 - 2010
Banco de dados sobre Aves Brasileiras Ameaçadas de Extinção
Descrição: O Brasil possui uma grande biodiversidade de aves, contando com mais de 1800 táxons, com mais de 240 espécies endêmicas ao país. Diante desta grande biodiversidade o número de espécies ameaçadas também é elevado, compreendendo 160 táxons distribuídos em diversas regiões do Brasil. As informações e os mapas publicados sobre limites de distribuição geográfica ou áreas de ocorrência destes táxons, geralmente não englobam a totalidade de informações existentes ou a área total de distribuição das espécies. Com isso, não há mapas atualizados disponíveis que sintetizem os registros existentes de distribuição geográfica das aves brasileiras ameaçadas de extinção, e que contextualizem estes dados na paisagem regional. Nesse sentido o CEMAVE pretende buscar as informações necessárias para subsidiar as ferramentas de diagnóstico, planejamento e monitoramento, a partir da criação de um banco de dados geográficos, que irão alimentar o SISTAXON e subsidiarão as futuras revisões da lista de aves ameaçadas de extinção. A criação de um banco de dados georeferenciados sobre as aves brasileiros é, portanto, fundamental para permitir a geração de mapas atualizados de distribuição geográfica e qualificar o planejamento e a execução de projetos de pesquisa em unidades de conservação, bem como para subsidiar ações de conservação e manejo de aves ameaçadas..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Andrei Langeloh Roos - Coordenador.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.Número de orientações: 2
2007 - 2009
Biologia e conservação de aves ameaçadas da Floresta Atlântica do Centro de Endemismo Pernambuco.
Descrição: A Floresta Tropical Atlântica é considerada uma das áreas mundiais prioritárias para a conservação, devido ao alto número de espécies endêmicas que esta abriga e ao processo histórico de degradação ambiental que vem sofrendo (Myers et al. 2000, SOS Mata Atlântica & INPE 2002). Dentro desse bioma, a região situada ao norte do Rio São Francisco, nos estados de Alagoas, Pernambuco, Paraíba e Rio Grande do Norte, é a que apresenta o maior grau de alteração (Mata Atlântica & INPE 2002). Essa área é formada por fragmentos, sendo sua maioria pequenos (menores que 100 ha) e isolados, imersos em uma paisagem dominada principalmente pela cana-de-açúcar (Uchoa-Neto 2002). Embora bastante impactada a região é caracterizadas pela alta riqueza de espécies e endemismos em diferentes grupos taxonômicos (Dinerstein et al. 1995), incluindo aves (Silva et al. 2004), sendo nomeada de Centro de Endemismo Pernambuco. A região apresenta 434 espécies de aves, sendo que 27 espécies e subespécies são endêmicas ao Centro Pernambuco (Roda 2005), além de abrigar 41 espécies incluídas na lista brasileira de aves ameaçadas, o que lhe confere uma das maiores prioridades nacionais, e até mundiais, para a conservação de aves (Wege & Long 1995). A Estação Ecológica de Murici - AL, criada em 2001, que abrange uma área de 6.116 ha e um total de 34 espécies ameaçadas (3 criticamente ameaçadas, 14 em perigo e 17 vulneráveis)(Roda 2005) é um dos principais fragmentos nesta região que vem sofrendo com o isolamento, além dos impactos decorrentes de pressões antrópicas que ainda ocorrem nesses fragmentos (caça, queimada e corte seletivo). Dessa forma, é importante que sejam realizados estudos sobre a biologia e ecologia dessas espécies, a fim de levantar informações para subsidiar os Planos de Ação e propor medidas que auxiliem na conservação efetiva das espécies..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2007 - 2007
Projeto Areas Importantes para a Conservação das aves (IBAs) da Paraíba
Descrição: Áreas Importantes para a Conservação das Aves, ou IBAs, são locais de grande importância para a conservação das aves. Estas áreas são definidas com base em critérios científicos globais e objetivam assegurar a conservação em longo prazo dos ecossistemas que as abrangem. Atualmente o estado da Paraíba conta com três IBAs, Mamanguape, Usina Jacuípe e Mata do Pau-ferro, todas situadas no domínio da Mata Atlântica, um dos ecossistemas mais ameaçados do mundo (Fundação SOS Mata Atlântica & INPE 2002) e uma das principais áreas mundiais prioritárias para a conservação (Myers et al. 2000). Todas as IBAs possuem informações deficientes acerca da avifauna, bem como do atual estado de conservação das espécies. As mesmas áreas ainda sofrem impactos antrópicos que colocam em risco a integridade de sua cobertura florestal e das aves que as habitam. Desta maneira estudos que avaliem a ocorrência dessas espécies, seu estado de conservação e proponham Planos de Ação são de fundamental importância para se garantir a conservação da avifauna brasileira..
Situação: Desativado; Natureza: Pesquisa.
2005 - 2006
Projeto de Conservação das Andorinhas-do-mar-de-bico-amarelo (Sterna eurygnatha ou Thalasseus sandvicensis eurygnathus
Descrição: A andorinha-do-mar-de-bico-amarelo (Thalasseus sandvicensis eurygnathus), também é conhecida como Trinta-réis, e se reproduzem em ilhas costeiras do Estado do Espírito Santo. Se alimentam de pequenos peixes e ou crustáceos que nadam na superfície da água. No Brasil a espécie é comumente observada entre os meses de abril e outubro freqüentando ilhas costeiras, pousadas em bóias sinalizadoras e pedras próximas à costa ou sobrevoando e alimentando-se em águas costeiras. O Projeto Andorinhas do Mar, desenvolvido através de uma parceria entre o CEMAVE e a Associação Vila-Velhense de Proteção Ambiental - AVIDEPA, foi iniciado em 1988 com o objetivo de promover a conservação das populações da Andorinha-do-mar-de-bico-amarelo (Thalasseus sandvicensis eurygnathus) e da Andorinha-do-mar-de-bico-vermelho (Sterna hirundinacea), A partir dos esforços conjuntos de conservação e pesquisa, a espécie vem se recuperando populacionalmente, mas ainda requer atenção em face às ameaças que continua sofrendo principalmente associadas às atividades antrópicas na região. Apesar destes esforços, está sendo proposta sua inclusão nas listas de animais ameaçados do Espírito Santo, do Brasil e Mundial, na categoria de ameaça "Baixo Risco/próximo à ameaça (Lower Risk - LR/near threatened - NT)", considerando-se os critérios adotados pela IUCN. Através das atividades de monitoramento (captura e anilhamento) realizadas no litoral do ES, já foram anilhados cerca de 35.000 indivíduos de Thalasseus sandvicensis eurygnathus, com uma taxa de recuperação da ordem de 0,3%. Apesar dos bons resultados alcançados nas ilhas capixabas torna-se necessária à continuidade dos trabalhos, assim como sua disseminação para as outras ilhas onde existem colônias reprodutivas da espécie no Brasil e na América do Sul, a fim de assegurar a real conservação da espécie. Estudos futuros do CEMAVE irão contemplar, além do anilhamento de filhotes e adultos, levantamento de informações acerca das colônias reprodutivas.
Situação: Desativado; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Andrei Langeloh Roos - Coordenador.Financiador(es): Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis - Remuneração.
2005 - 2006
Projeto de Conservação da Pardela-de-asa-larga (Puffinus lherminieri)
Descrição: A Pardela-de-asa-larga (Puffinus lherminieri) é uma espécie que possui ampla distribuição mundial, com populações nas Ilhas Galápagos no Pacífico ocidental e central, no mar das Filipinas e Oceano Índico. Alimenta-se de pequenos peixes planctônicos, mergulhando em profundidades de até seis pés. Em 2000, foi registrada pela primeira vez a ocorrência e reprodução de Puffinus lherminieri no Brasil, nas Ilhas Itatiaia, no Espírito Santo. Outros autores em 1990 haviam registrado a reprodução de Puffinus assimilis, em colônia reprodutiva estabelecida no arquipélago de Fernando de Noronha. Soto e Filippini (2000), contestaram a identificação de P assimilis e atualmente sabe-se que também trata-se de Puffinus lherminieri. Atualmente são então conhecidas duas colônias reprodutivas da espécie: nas ilhas Itatiaia, no Espírito Santo e ilha Morro da Viuvinha em Fernando de Noronha. A espécie é pouco conhecida pela ciência, e não existem maiores informações a respeito de sua ecologia reprodutiva, dinâmica populacional, movimentação e ameaças à conservação nas colônias reprodutivas do Brasil. Devido à carência de informações e as possíveis ameaças à espécie, esta foi incluída oficialmente na Lista das Espécies da Fauna Brasileira Ameaçadas de Extinção na categoria de criticamente em Perigo (Ministério do Meio Ambiente, 2003). Promover o monitoramento da Pardela-de-asa-larga (Puffinus lherminieri) através do estudo da biologia reprodutiva da espécie nas ilhas Itatiaia e Arquipélago de Fernando de Noronha..
Situação: Desativado; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Andrei Langeloh Roos - Coordenador.Financiador(es): Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis - Remuneração.


Projetos de desenvolvimento


2008 - 2013
Avaliação do Estado de Conservação das Aves Brasileiras
Descrição: O governo brasileiro, em consonância com as orientações da Convenção sobre Diversidade Biológica - CDB e da Política Nacional do Meio Ambiente, estabeleceu as Metas Nacionais de Biodiversidade que preveem a elaboração de listas, a nível nacional, de todas as espécies conhecidas de plantas, animais vertebrados e seletivamente dos animais invertebrados e uma avaliação preliminar do estado de conservação dessas, o Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade, juntamento com o Instituto de Pesquisas Jardim Botânico do Rio de Janeiro, são os responsáveis pelas informações referentes à fauna e flora, respectivamente. Nesse contexto os Centros Especializados do ICMBio, são os responsáveis em coordenar o processo dentro dos grupos taxonômicos de sua competência. Este projeto se propõe a avaliar todas as 1800 espécies de aves do Brasil (CBRO 2011) utilizando-se os critérios de ameaça e categorias da IUCN (IUCN 2001, 2003). A avaliação de toda a lista de espécies da avifauna será realizada por etapas e setorizada por Biomas, considerando-se prioritariamente as espécies já constantes na lista nacional (MMA 2003) e estaduais (SP, RJ, MG, RS, PA, ES, PR), alem das já classificadas globalmente pela IUCN/BirdLife, espécies endemicas do Brasil e migratórias. Apesar deste recorte por biomas, as avaliações de cada espécies serão realizadas e validadas a nível nacional..
Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento.


Outros Projetos


2005 - 2006
Projeto de Conservação de Albatrozes e Petréis na costa Brasileira
Descrição: A Ordem Procellariiformes agrupa as espécies de aves marinhas conhecidas como albatrozes, pardelas e petréis, embora também recebem outros nomes vulgares, como pardela, bobo, painho, pé-quente, pato, urubu, pretinhas, etc. Este grupo de aves apresenta ampla distribuição nos oceanos do mundo, mas com sua maior diversidade no Hemisfério Sul, onde ocorrem 22 espécies de albatrozes (Diomedeidae), duas de petréis gigantes (os maiores Procellariidae) e pelo menos 75 espécies menores das famílias Procellariidae, Hy A grande ameaça aos albatrozes e pétreis é a captura incidental por artefatos de pesca em pescarias oceânicas, principalmente aquelas que se utilizam de espinhel (de superfície ou de fundo). As grandes concentrações de aves ocorrem em locais onde também há grandes concentrações de recursos pesqueiros, desta forma a interação das aves com as embarcações pesqueiras é inevitável. Neste caso o problema existe durante os procedimentos de soltura ou recolhimento dos artefatos de pesca (espinhel pelágico ou de fundo, redes de emalhe, etc), no qual as aves, atraídas pelas iscas oferecidas, podem ser capturadas (fisgadas pelos anzóis) e levadas ao fundo, acabando por morrerem afogadas. No caso das aves serem capturadas no recolhimento, muitas vezes elas são sacrificadas para a retirada do anzol. Diversas medidas mitigatórias vem sendo propostas para se diminuir a captura incidental de aves nos procedimentos de pesca. As mais comuns consistem no tingimento das iscas (geralmente lulas), soltura e recolhimento dos espinhéis durante a noite e em horários desfavoráveis às aves, aplicação de Tori-lines, que consistem em fitas coloridas nos bordos da embarcação que funcionam como espantalhos, entre outras. Para aplicação dessas medidas mitigatórias faz-se necessário o envolvimento por parte das empresas de pesca, e aceitação pelos mestres e tripulações das embarcações. Ou seja consiste na sensibilização por parte das pessoas envolvidas na conservação das aves marinhas..
Situação: Concluído; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Andrei Langeloh Roos - Coordenador / Maria Flavia Conti Nunes - Integrante.Financiador(es): Instituto Albatroz - Cooperação / Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis - Remuneração.


Revisor de periódico


2009 - 2009
Periódico: Brazilian Archives of Biology and Technology
2010 - Atual
Periódico: Ornithologia (CEMAVE/IBAMA. Impresso)
2012 - Atual
Periódico: Revista Brasileira de Ornitologia


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Zoologia / Subárea: Zoologia Aplicada/Especialidade: Conservação das Espécies Animais.
2.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Zoologia / Subárea: Zoologia Aplicada/Especialidade: Controle Populacional de Animais.
3.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia.
4.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Ecologia de Ecossistemas.
5.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Zoologia / Subárea: Zoologia Aplicada/Especialidade: Utilização dos Animais.
6.
Grande área: Outros / Área: Divulgação Científica.


Idiomas


Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Inglês
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.


Prêmios e títulos


2015
5º Melhor Trabalho de Iniciação Científica (PIBIC) - Orientador de Débora Andrea Belloni Rosinger, VII Seminário de Pesquisa e VII Encontro de Iniciação Científica do ICMBio.
2012
2º Melhor Trabalho de Iniciação Científica (PIBIC) - Orientador de Thayz Rodrigues Enedino, IV Seminário de Pesquisa do ICMBio.
2001
Apoio financeiro do Programa Natureza e Sociedade (Apoio a Pesquisa de Pós-graduação)., WWF-Brasil (Fundo Mundial para a Natureza) e SUNY.


Produções



Produção bibliográfica
Citações

Web of Science
Total de trabalhos:8
Total de citações:23
Fator H:2
Langeloh Roos, Andrei  Data: 03/08/2018

SCOPUS
Total de trabalhos:8
Total de citações:40
Roos, Andrei L.  Data: 03/08/2018

Artigos completos publicados em periódicos

1.
LUGARINI, C.2018LUGARINI, C. ; ALBUQUERQUE, M. C. F. ; VANSTREELS, R. E. T. ; ROOS, A. L. ; SILVA, J. C. R. ; OLIVEIRA, J. B. . ENDOPARASITES IN BIRDS OF GUARIBAS BIOLOGICAL RESERVE, ATLANTIC FOREST, PARAÍBA STATE, BRAZIL. CIÊNCIA ANIMAL BRASILEIRA, v. 19, p. 1/e-30480-8, 2018.

2.
MESTRE, L. A. M.2016MESTRE, L. A. M. ; ROOS, A. L. ; RECHETELO, J. . Habitat associations of Land Birds in Fernando de Noronha, Brazil. ORNITOLOGIA NEOTROPICAL, v. 27, p. 27-34, 2016.

3.
BARNETT, J. M.2014 BARNETT, J. M. ; SILVA, C. L. G. ; ARAUJO, H. F. P. ; ROOS, A. L. ; MACHADO, C. G. ; UEJIMA, A. M. K. ; NAKA, L. N. . The avifauna of Curaçá (Bahia): the last stronghold of Spix?s Macaw. Ararajuba (Rio de Janeiro), v. 22, p. 121-137, 2014.

4.
BARNETT, J. M.2014BARNETT, J. M. ; INGELS, J. ; ROOS, A. L. ; LIMA, J. L. G. ; NAKA, L. N. . Observations on the breeding biology of the Pygmy Nightjar Nyctipolus hirundinaceus in the Caatinga of Bahia, Brazil. Ararajuba (Rio de Janeiro), v. 22, p. 201-209, 2014.

5.
GHIZONI-JR, I. R.2013GHIZONI-JR, I. R. ; FARIAS, F. B. ; VIEIRA, B. P. ; WILLRICH, G. ; SILVA, E. S. ; MENDONCA, E. N. ; ALBUQUERQUE, J. L. B. ; GASS, D. A. ; TERNES, M. H. ; NASCIMENTO, C. E. ; ROOS, A. L. ; COUTO, C. C. M. ; SERRAO, M. ; SERAFINI, P. P. ; DIAS, D. ; FANTACINI, F. M. ; SANTI, S. ; SOUZA, M. C. R. ; SILVA, M. S. ; BARCELLOS, A. ; ALBUQUERQUE, C. ; ESPINOLA, C. R. R. . Checklist da avifauna da Ilha de Santa Catarina, sul do Brasil. Atualidades Ornitológicas (Online), v. 171, p. 50-75, 2013.

6.
ROOS, A. L.2012ROOS, A. L.; SOUZA, E. A. de ; Campos, C. B. ; PAULA, R. C. ; MORATO, R. G. . Primeiro registro documentado do Jacu-estalo Neomorphus geoffroyi Temminck, 1820 para o bioma Caatinga. Ararajuba (Rio de Janeiro), v. 20, p. 81-85, 2012.

7.
MESTRE, L. A. M.2010MESTRE, L. A. M. ; ROOS, A. L. ; NUNES, M. F. C. . Análise das recuperações no Brasil de aves anilhadas no exterior entre 1927 e 2006.. Ornithologia (CEMAVE/IBAMA. Impresso), v. 4, p. 15-35, 2010.

8.
NUNES, M. F. C.2010 NUNES, M. F. C. ; BARBOSA FILHO, R.C. ; ROOS, A. L. ; MESTRE, L. A. M. . The Cattle Egret (Bubulcus ibis) on Fernando de Noronha Archipelago: history and population trends. A garça-vaqueira (Bubulcus ibis) no Arquipélago de Fernando de Noronha: história e tendências populacionais.. Ararajuba (Rio de Janeiro), v. 18, p. 315-327, 2010.

9.
MESTRE, L. A. M.2009MESTRE, L. A. M. ; ROOS, A. L. ; NASCIMENTO, J. L. X. . Dados biológicos de Puffinus lherminieri anilhados em Fernando de Noronha em 2005 e 2006. Ararajuba (Rio de Janeiro), v. 17, p. 65-69, 2009.

10.
BARBOSA FILHO, R.C.2007BARBOSA FILHO, R.C. ; LACERCA, R.C.A. ; ROOS, A. L. ; COSTA, J. de A. ; RODRIGUES, R. C. ; Freitas, G.L de ; Arantes, M.S. ; SOUZA, E. A. de . Informativo do Sistema Nacional de Anilhamento (1973 ? 1985). Ornithologia (CEMAVE/IBAMA. Impresso), v. 2, p. 88-118, 2007.

11.
BARBOSA FILHO, R.C.2007BARBOSA FILHO, R.C. ; ROOS, A. L. ; LACERCA, R.C.A. ; COSTA, J. de A. ; Freitas, G.L de ; Arantes, M.S. . Informativo do Sistema Nacional de Anilhamento (1986 ? 1995). Ornithologia (CEMAVE/IBAMA. Impresso), v. 2, p. 119-169, 2007.

12.
ROOS, A. L.2006ROOS, A. L.; NUNES, M. F. C. ; SOUZA, E. A. de ; SOUSA, A. E. B. A. de ; NASCIMENTO, J. L. X. ; LACERCA, R.C.A. . Avifauna da região do Lago de Sobradinho: composição, riqueza e biologia. Ornithologia (CEMAVE/IBAMA. Impresso), v. 1, p. 135-160, 2006.

13.
ROOS, A. L.2003ROOS, A. L.; PIACENTINI, V. Q. . Revisão dos registros sul-brasileiros do gênero Phoebetria Reichenbach, 1853 e primeiro registro documentado de Phoebetria palpebrata (Forster, 1785) (Procellariiformes : Diomedeidae) para Santa Catarina. Ararajuba (Rio de Janeiro), Seropédica, v. 11, n.2, p. 223-225, 2003.

14.
NAKA, L. N.2002 NAKA, L. N. ; RODRIGUES, M. ; ROOS, A. L. ; AZEVEDO, M. A. G. . Bird Conservation on Santa Catarina Island, Southern Brazil.. Bird Conservation International, v. 12, p. 123-150, 2002.

15.
VASCONCELOS, M. F.2000VASCONCELOS, M. F. ; ROOS, A. L. . Novos registros de aves para o Parque Estadual do Morro do Diabo, São Paulo.. Melopsittacus (Belo Horizonte), Belo Horizonte, v. 3, n.2, p. 81-84, 2000.

16.
AZEVEDO, M. A. G.2000AZEVEDO, M. A. G. ; ROOS, A. L. ; ALBUQUERQUE, J. L. B. ; PIACENTINI, V. Q. . Aspectos reprodutivos e alimentares do gavião-tesoura, Elanoides forficatus (Falconiformes: Accipitridae) na Ilha de Santa Catarina, SC - Brasil. Melopsittacus (Belo Horizonte), Belo Horizonte, v. 3, n.3, p. 122-127, 2000.

17.
MEDEIROS, J.D.1996MEDEIROS, J.D. ; ROOS, A. L. . Aspectos do microsporângio, microsporogênese e do gametofito masculino de Tibouchina cerastifolia (Naud.) Cogn. (MELASTOMATACEAE).. Biotemas, Florianópolis, v. 9, n.2, p. 5-14, 1996.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
SOUZA, E. A. de ; NUNES, M. F. C. ; ROOS, A. L. ; ARAUJO, H.F.P. . As Aves do Parque Nacional do Cabo Orange: Guia de Campo. 1. ed. Amapá: CEMAVE/ICMBio, 2008. v. 1. 80p .

2.
ALBUQUERQUE, J. L. B. (Org.) ; CÂNDIDO JÚNIOR, J. F. (Org.) ; STRAUBE, F. C. (Org.) ; ROOS, A. L. (Org.) . Ornitologia e Conservação: da Ciência às estratégias. Tubarão: Editora da UNISUL, 2001. 341p .

Capítulos de livros publicados
1.
MAYER, G. B. ; PERES, L. M. C. ; ROOS, A. L. ; MACHADO, M. X. ; RUPIL, G. M. ; SEGAL, B. ; SILVEIRA, T. C. L. . ?Minha casa, minha vida?: Avaliação da adequabilidade de habitat de Phragmatopoma caudata em um Costão Rochoso no Sul da Ilha de Santa Catarina, SC. In: Maiara Albuquerque Hayata; Lucas Nunes Teixeira; Aurea Luiza Lemes da Silva ;Thiago Cesar Lima Silveira ;Eduardo Luís Hettwer Giehl. (Org.). Ecologia de campo: Ambientes Costeiros e Montanos. 1ed.Florianopolis: Programa de Pós-Graduação em Ecologia, 2018, v. , p. 51-62.

2.
PERES, L. M. C. ; ROOS, A. L. ; MACHADO, M. X. ; RUPIL, G. M. ; MAYER, G. B. ; BRAUKO, K. M. . Variação espaço-temporal da comunidade de poliquetas em um estuário ribeirinho do sul da Ilha de Santa Catarina. In: Maiara Albuquerque Hayata; Lucas Nunes Teixeira; Aurea Luiza Lemes da Silva ;Thiago Cesar Lima Silveira ;Eduardo Luís Hettwer Giehl. (Org.). Ecologia de campo: Ambientes Costeiros e Montanos. 1ed.Florianopolis: Programa de Pós-Graduação em Ecologia, 2018, v. , p. 63-74.

3.
RUPIL, G. M. ; MACHADO, M. X. ; MAYER, G. B. ; PERES, L. M. C. ; ROOS, A. L. ; PERONI, N. ; GIEHL, E. L. H. . Riqueza e composição de espécies arbóreas em áreas de Floresta Ombrófila Mista com diferenças no uso pelo gado. In: Maiara Albuquerque Hayata; Lucas Nunes Teixeira; Aurea Luiza Lemes da Silva ;Thiago Cesar Lima Silveira ;Eduardo Luís Hettwer Giehl. (Org.). Ecologia de campo: Ambientes Costeiros e Montanos. 1ed.Florianopolis: Programa de Pós-Graduação em Ecologia, 2018, v. 1, p. 135-144.

4.
MACHADO, M. X. ; ROOS, A. L. ; RUPIL, G. M. ; MAYER, G. B. ; PERES, L. M. C. ; DECHOUM, M. S. . Densidade específica do caule de Araucaria angustifolia em diferentes fitofisionomias. In: Maiara Albuquerque Hayata; Lucas Nunes Teixeira; Aurea Luiza Lemes da Silva ;Thiago Cesar Lima Silveira ;Eduardo Luís Hettwer Giehl. (Org.). Ecologia de campo: Ambientes Costeiros e Montanos. 1ed.Florianopolis: Programa de Pos Graduacao Ecologia, 2018, v. 1, p. 159-168.

5.
RUPIL, G. M. ; MACHADO, M. X. ; MAYER, G. B. ; PERES, L. M. C. ; ROOS, A. L. ; HERNANDEZ, M. I. M. . Cada macaco no seu galho: estudo do particionamento da diversidade beta em assembleias de besouros escarabeíneos. In: Maiara Albuquerque Hayata; Lucas Nunes Teixeira; Aurea Luiza Lemes da Silva ;Thiago Cesar Lima Silveira ;Eduardo Luís Hettwer Giehl. (Org.). Ecologia de campo: Ambientes Costeiros e Montanos. 1ed.Florianopolis: Programa de Pós-Graduação em Ecologia, 2018, v. 1, p. 201-211.

6.
ROOS, A. L.; MACHADO, M. X. ; MAYER, G. B. ; PERES, L. M. C. ; RUPIL, G. M. . Caindo na rede: a influência do local e estrutura de teias de aranhas na captura de presas. In: Maiara Albuquerque Hayata; Lucas Nunes Teixeira; Aurea Luiza Lemes da Silva ;Thiago Cesar Lima Silveira ;Eduardo Luís Hettwer Giehl. (Org.). Ecologia de campo: Ambientes Costeiros e Montanos. 1ed.Florianopolis: Programa de Pós-Graduação em Ecologia, 2018, v. 1, p. 269-277.

7.
HAYATA, M. A. ; CAMPOS, L. L. F. ; ROOS, A. L. ; DECHOUM, M. S. . Diversidade da comunidade de aranhas (Artropoda: Aranae) em arbustos com diferentes níveis de complexidade e oferta floral. In: Maiara Albuquerque Hayata; Lucas Nunes Teixeira; Aurea Luiza Lemes da Silva ;Thiago Cesar Lima Silveira ;Eduardo Luís Hettwer Giehl. (Org.). Ecologia de campo: Ambientes Costeiros e Montanos. 1ed.Florianopolis: Programa de Pós-Graduação em Ecologia, 2018, v. 1, p. 321-335.

8.
ROOS, A. L.. Capturando Aves. In: Sandro Von Matter; Fernando Straube; Iury Accordi; Vitor Piacentin; José Flávio Cândido-Jr. (Org.). Ornitologia e Conservação: Ciência Aplicada, Técnicas de Pesquisa e Levantamento. Rio de Janeiro: Editora Technical Books, 2010, v. 1, p. 79-104.

9.
ROOS, A. L.; ANTAS, P. T. Z. . White-browed Guan (Penelope jacucaca). In: D.M. Brooks. (Org.). Conserving Cracids: the most Threatened Family of Birds in the Americas. Houston: Houston Museum of Natural Science, 2006, v. 6, p. 81-.

10.
PEREIRA, S. L. ; BIANCHI, C. A. ; BERNARDO, C. S. S. ; CLAY, R. P. ; ANTAS, P. T. Z. ; ROOS, A. L. ; OREN, D. C. ; BROOKS, D. M. . Brazil. In: D.M. Brooks. (Org.). Conserving Cracids: the most Threatened Family of Birds in the Americas. Houston: Houston Museum of Natural Science, 2006, v. 6, p. 128-130.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
Santos, D.S. ; RODRIGUES, K. C. ; ROOS, A. L. ; WAGNER, P.G.C. . Representatividade de espécies de aves ameaçadas no tráfico ilegal na Paraíba a partir de dados do CETAS/IBAMA/PB. In: IX Congresso de Ecologia do Brasil, 2009, São Lourenço, MG. Anais do IX Congresso de Ecologia do Brasil. São Lourenço, MG, 2009.

2.
RAMOS, S. R. A. ; NASCIMENTO, J. L. X. ; ROOS, A. L. . Ecoturismo e Levantamento da Avifauna na Floresta Nacional da Restinga de Cabedelo - Paraíba. In: XI Congresso Nordestino de Ecologia, 2006, Recife. Resumos. Recife, 2006.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
ROSINGER, D. A. B. ; ROOS, A. L. . Comunidade de aves do Parque Nacional de São Joaquim, Santa Catarina, Brasil. In: VII Seminário de Pesquisa e Iniciação Científica do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade: conservação e sociedade, 2015, Brasilia. Anais do VII Seminário de Pesquisa e Iniciação Científica do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade: conservação e sociedade. Brasilia: ICMBio, 2015.

2.
Souza, M.A. ; FERREIRA, J. C. ; ROOS, A. L. . Como estão representadas as aves nas unidades de conservação federais?. In: XX Congresso Brasileiro de Ornitologia, 2013, Passo Fundo. Anais do XX Congresso Brasileiro de Ornitologia. Passo Fundo: Ed. Universidade de Passo Fundo, 2013.

3.
ROOS, A. L.; Souza, M.A. . Banco de dados geográfico das aves brasileiras. In: XX Congresso Brasileiro de Ornitologia, 2013, Passo Fundo. Anais do XX Congresso Brasileiro de Ornitologia. Passo Fundo: Ed. Universidade de Passo Fundo, 2013.

4.
ALBUQUERQUE, M. C. F. ; ROOS, A. L. ; TEIXEIRA, D. G. ; SILVA, J. C. R. ; OLIVEIRA, J. B. ; LUGARINI, C. . Ectoparasites, Hemoparasites and Gastrointestinal Parasites in Wild Birds of Guaribas Biological Reserve, Paraíba State, Brazil. Preliminary results. In: IX Congreso de Ornitología Neotropical y VIII Congreso Peruano de Ornitología, 2011, Cuzco. Resumos ..., 2011.

5.
ROOS, A. L.; LUGARINI, C. ; Souza, M.A. . Estrategia brasileña para la conservación de las aves. In: IX Congreso de Ornitología Neotropical y VIII Congreso Peruano de Ornitología, 2011, Cuzco. Resumos ..., 2011.

6.
SERAFINI, P. P. ; RASO, T.F. ; FERREIRA, V.L. ; SIMAO NETO, I. ; ROOS, A. L. ; FALCÃO, W.M. ; BUGONI, L. . Seabird Population Health Monitoring ina a Brazilian Oceanic Island: Chlamydophila psittaci surveys on breeding Procelariiformes and Phaethontiformes. In: WDA - Wildlife Diseases Association Conference 2011, 2011. Anais WDA - Wildlife Diseases Association Conference 2011, 2011.

7.
HURTADO, R. ; SERAFINI, P. P. ; OMETTO, T. ; THOMAZELLI, L. M. ; CANDIDO, E. D. O. ; SEIXAS, M. M. M. ; ARAUJO, J. ; SIMAO NETO, I. ; ROOS, A. L. ; BUGONI, L. ; DURIGON, E. L. . Real time RT-PCR detection of Avian Influenza Virus and Newcastle Disease Virus in pelagic birds from Fernando de Noronha archipelago, Brazil.. In: 60th Annual International Conference of the Wildlife Disease Association, 2011, Quebec. 60th Annual International Conference of the Wildlife Disease Association, 2011. p. 1-206.

8.
AMORIM, M. S. ; Santos, D.S. ; ROOS, A. L. . Banco de Dados sobre aves ameaçadas da Floresta Atlântica Nordestina. In: XXVIII Congresso Brasileiro de Zoologia, 2010, Belém. Resumos do XXVIII Congresso Brasileiro de Zoologia, 2010.

9.
MESTRE, L. A. M. ; ROOS, A. L. ; RECHETELO, J. ; MARIANO, E. ; AMARAL, A. C. A. Do . Abundance of terrestrial endemic birds of Fernando de Noronha Archipelago (Brazil). In: 25th International Ornithological Congress, 2010, Campos do Jordão. Abstracts 25th International Ornithological Congress, 2010.

10.
SERAFINI, P. P. ; SIMAO NETO, I. ; ROOS, A. L. ; BARBOSA FILHO, R.C. ; OLIVEIRA, K. G. . Banding and monitoring programs of magellanic penguins on the Brazilian coast in 2008. In: 25th International Ornithological Congress, 2010, Campos do Jordão. Abstracts 25th International Ornithological Congress, 2010.

11.
MESTRE, L. A. M. ; AMARAL, A. C. A. Do ; MARIANO, E. ; RECHETELO, J. ; ROOS, A. L. . Estimating population size of Phaeton lepturus in Fernando de Noronha Archipelago (Northeast Brazil). In: 25th International Ornithological Congress, 2010, Campos do Jordão. Abstracts 25th International Ornithological Congress, 2010.

12.
NUNES, M. F. C. ; BUZZETTI, D. R. C. ; ROOS, A. L. . Population status of birds in the Murici Ecological Station, Alagoas, Brazil. In: 25th International Ornithological Congress, 2010, Campos do Jordão. Abstracts 25th International Ornithological Congress, 2010.

13.
Santos, D.S. ; ROOS, A. L. . Banco de Dados sobre aves brasileiras ameaçadas de extinção: atualização dos mapas de distribuição e avaliação da importancia das Unidades de Conservação. In: I Seminário de Pesquisa e Iniciação Científica do ICMBio, 2009, Brasília. Anais do I Seminário de Pesquisa e Iniciação Científica do ICMBio, 2009.

14.
AMORIM, M. S. ; ROOS, A. L. . Banco de Dados sobre aves brasileiras ameaçadas de extinção: estimativa do tamanho populacional. In: I Seminário de Pesquisa e Iniciação Científica do ICMBio, 2009, Brasília. Anais do I Seminário de Pesquisa e Iniciação Científica do ICMBio, 2009.

15.
ROOS, A. L.; NUNES, M. F. C. ; MESTRE, L. A. M. . Análise das recuperações de aves anilhadas no exterior entre 1928 e 2006.. In: XVII Congresso Brasileiro de Ornitologia, 2009, Aracruz, ES. Livro de Resumos XVII Congresso Brasileiro de Ornitologia. São Paulo: Tec Art, 2009. v. 1.

16.
ALTEFF, E. ; DAMIANI, R. ; PIRES NETO, P. A. F. ; BERNARDON, B. ; BESSEGATTO, A. ; AMORIM, S. S. P. ; SOUZA, C. R. ; ALMEIDA, B. J. M. ; MACHADO, E. ; COSTACURTA, M. B. ; NASCIMENTO, G. A. ; FERREIRA, L. P. ; BUENO, F. A. ; VALADAO, R. M. ; PASCOTTO, M.C. ; OLIVEIRA, D. M. M. ; PINHEIRO, R. T. ; LACERCA, R.C.A. ; FAVARO, F. L. ; ROOS, A. L. . Avifauna da Estação Ecológica Serra das Araras, Porto Estrela/Cáceres - MT: registros obtidos durante o Curso Regional de Anilhamento de Aves UFMT/CEMAVE, 2008. In: XVII Congresso Brasileiro de Ornitologia, 2009, Aracruz, ES. Livro de Resumos XVII Congresso Brasileiro de Ornitologia. São Paulo: Tec Art, 2009. v. 1.

17.
BARBOSA FILHO, R.C. ; ROOS, A. L. ; LACERCA, R.C.A. ; Freitas, G.L de ; Arantes, M.S. ; COSTA, J. de A. ; RODRIGUES, R. C. ; SOUZA, E. A. de . 33 Anos de Anilhamento no Brasil. In: XVI Congresso Brasilieiro de Ornitologia, 2008, Palmas. A ornitologia no Cerrado e ecótonos do Brasil central. Palmas, 2008. v. 1. p. 287.

18.
CARDOSO, T. A. L. ; NASCIMENTO, J. L. X. ; RODRIGUES, R. C. ; ROOS, A. L. . Avaliação de uma população de Calidris pusilla na Coroa do Avião, Pernambuco, utilizando o peso como parâmetro.. In: XIV Congresso Brasileiro de Ornitologia, 2006, Ouro Preto. Resumos do XIV Congresso Brasileiro de Ornitologia. Ouro Preto, 2006.

19.
RAMOS, S. R. A. ; NASCIMENTO, J. L. X. ; ROOS, A. L. . Ecoturismo e observação de aves na Floresta Nacional da Restinga de Cabedelo - PB.. In: XIV Congresso Brasileiro de Ornitologia, 2006, Ouro Preto. Resumos do XIV Congresso Brasileiro de Ornitologia. Ouro Preto, 2006.

20.
ROOS, A. L.; SOUZA, E. A. de ; CUNHA, M. S. ; PIRES, R. M. ; JAG, A. J. G. . Aves do Parque Nacional do Cabo Orange, AP: resultados da primeira expedição científica. In: XIII Congresso Brasileiro de Ornitologia, 2005, Belém. Resumos do XIII Congresso Brasileiro de Ornitologia. Belém, 2005.

21.
SOUZA, E. A. de ; SCHULZ NETO, A. ; SERRANO, Inês de Lima ; AMARAL, A. C. A. Do ; ROOS, A. L. ; SOUSA, A. E. B. A. de ; MEDEIROS, João Joviano de . Aves da Floresta Nacional da Restinga de Cabedelo PB. In: XIII Congresso Brasileiro de Ornitologia, 2005, Belém. Resumos do XIII Congresso Brasileiro de Ornitologia. Belém, 2005.

22.
SANTOS NETO, Joaquim Rocha dos ; GOMES, Débora Malta ; ROOS, A. L. ; ALVES, Dorivaldo Macedo ; ALVES, Eurivaldo Macedo ; ALVES, Tânia Maria Macedo . Deslocamento sazonal das Araras-azuis-de-Lear Anodorhynchus leari (Bonaparte, 1856) Psittacidae. In: XIII Congresso Brasileiro de Ornitologia, 2005, Belém. Resumos do XIII Congresso Brasileiro de Ornitologia. Belém, 2005.

23.
ROOS, A. L.; LAPS, R. R. ; ZIMMERMANN, C. E. . Bibliografia ornitológica catarinense. In: XII Congresso Brasileiro de Ornitologia, 2004, Blumenau. Resumos XII Congresso Brasileiro de Ornitolgia. Blumenau, 2004. p. 352.

24.
ROOS, A. L.. Ocorrência de jacucaca (Penelope jacucaca) no nordeste brasileiro, Curaçá, Bahia. In: VIII CONGRESSO BRASILEIRO DE ORNITOLOGIA, 2000, Florianópolis. Ornitologia Brasileira no século XX. Curitiba, 2000.

25.
ROOS, A. L.; RODRIGUES, M. . Avifauna de restinga na Ilha de Santa Catarina, Brasil. In: VIII CONGRESSO BRASILEIRO DE ORNITOLOGIA, 2000, Florianópolis. Ornitologia Brasileira no século XX. Curitiba, 2000.

26.
ROOS, A. L.; RODRIGUES, M. . Seleção de Habitat entre Aves de Dunas Costeiras na Ilha de Santa Catarina. In: XXII CONGRESSO BRASILEIRO DE ZOOLOGIA, 1998, Recife, 1998.

Apresentações de Trabalho
1.
ROOS, A. L.. A importância da marcação das aves e sua recuperação. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
Souza, M.A. ; FERREIRA, J. C. ; ROOS, A. L. . As aves nas unidades de conservação federais: uma análise a partir do banco de dados de aves brasileiras. 2013. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

3.
Souza, M.A. ; COSTA, J. de A. ; ROOS, A. L. . O SISBIO como ferramenta de apoio à gestão da informação e do conhecimento: uma análise para o grupo aves. 2013. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

4.
ROOS, A. L.. O papel das áreas protegidas na conservação das aves. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
ROOS, A. L.. Porque é importante fortalecer o uso do anilhamento no Brasil. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

Outras produções bibliográficas
1.
ROOS, A. L.; PIACENTINI, V. Q. ; BORCHARDT JR, C. A. . Mesa redonda: Estudos de aves em Santa Catarina 2004 (Palestra).

2.
ROOS, A. L.. As Aves da Ilha de Santa Catarina. Florianópolis: UFSC, 2000 (Participação, colaborador).


Produção técnica
Programas de computador sem registro
1.
COSTA, J. de A. ; GOMIDE JUNIOR, L. ; ROOS, A. L. ; MARTINS, A. B. ; GOMES, W. C. ; GUIMARAES FILHO, J. B. . MEEL ? Módulo de Entrada de Dados para Elaboração da Lista de Espécies Ameaçadas de Extinção. 2009.

Redes sociais, websites e blogs
1.
ROOS, A. L.. ORCID. 2014. (Rede social).

2.
ROOS, A. L.. Academia.edu. 2013; Tema: Pesquisa. (Rede social).

3.
ROOS, A. L.. Research Gate. 2012; Tema: Pesquisa. (Rede social).

4.
ROOS, A. L.. Facebook. 2012. (Rede social).


Demais tipos de produção técnica
1.
VIEIRA, B. P. ; ROOS, A. L. . Curso de Captura e Anilhamento de Aves. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

2.
ROOS, A. L.. Minicurso "Introdução e princípios básicos do anilhamento de aves". 2009. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

3.
LACERCA, R.C.A. ; ROOS, A. L. ; FAVARO, F. L. ; PINHEIRO, R. T. ; PASCOTTO, M.C. ; OLIVEIRA, D.M.M. . 2º Curso Regional de Introdução ao Anilhamento de Aves Silvestres. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

4.
NUNES, M. F. C. ; ROOS, A. L. ; RODRIGUES, R. C. ; MESTRE, L. A. M. ; ARAUJO, H.F.P. . Curso Regional de Introdução ao Uso do Anilhamento para Conservação de Aves Silvestres. 2006. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

Demais trabalhos
1.
ROOS, A. L.. Conservação e Monitoramento de Aves Marinhas. 2006 (Minicurso) .

2.
ROOS, A. L.. O Sistema Nacional de Anilhamento. 2005 (Palestra) .



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
FREITAS, R. H. A.; ROOS, A. L.; SERAFINI, P. P.. Participação em banca de Ana Carolina Schmitz da Silva,.Relações comportamentais e variáveis ambientais na abundancia de Laridae, Sternidae e Rynchopidae no Litoral Central Catarinense. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Abi - Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Santa Catarina.

2.
FREITAS, R. H. A.; PIRES, J. S. R.; ROOS, A. L.. Participação em banca de Larissa Moreira Victoria.Avaliação de diferentes enriquecimentos ambientais para arara-canindé (Ara ararauna Linnaeus, 1758). 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Abi - Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Santa Catarina.

3.
MOREIRA, A.P. T.; ROOS, A. L.; OLIVEIRA, S. N.. Participação em banca de Daniel Barboza Capella.Análise filogenética da Pipridas utilizando caracteres sonoros. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Abi - Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Santa Catarina.

4.
VIEIRA, B. P.; ROOS, A. L.; ALMEIDA, F. B.. Participação em banca de Cecília Gabriela Pereira Bôde.Seleção de habitat de Talha-mar Rynchops niger (Rynchopidae, AVES) na Ilha de Santa Catarina. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Abi - Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Santa Catarina.

5.
ROOS, A. L.; HERNANDEZ, M. I. M.; GRAIPEL, M. E.. Participação em banca de Marcela Affonso Penna Meyer.Sazonalidade da comunidade de aves dos campos de Santa Bárbara ? Parque Nacional de São Joaquim Urubici, SC, Brasil e a percepção dos visitantes quanto à avifauna e a prática de observação de aves. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Abi - Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Santa Catarina.

6.
ROOS, A. L.; ALBUQUERQUE, J. L. B.; AZEVEDO, M. A. G.. Participação em banca de Debora Andrea Belloni Rosinger.Uso do Habitat por aves do Parque Nacional de São Joaquim, Santa Catarina, Brasil. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Abi - Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Santa Catarina.

7.
FREITAS, R. H. A.; VIEIRA, B. P.; ROOS, A. L.; ALVES, V. M.. Participação em banca de Jordana Santos Turcatto.Efeito do horário do dia, sexo e grau de urbanização no comportamento da coruja buraqueira (Athene cunicularia) na Ilha de Santa Catarina. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Abi - Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Santa Catarina.

8.
ROOS, A. L.; ARAUJO, H.F.P.; LOURES-RIBEIRO, A.. Participação em banca de Alvino Pedrosa Ferreira.Riqueza de Falconiformes de fragmentos de Mata Atlântica da planície litorânea da Paraíba, Brasil.. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal da Paraíba.

9.
ROOS, A. L.; ARAUJO, H.F.P.; LOURES-RIBEIRO, A.. Participação em banca de Daniela de Carvalho Melo.Distribuição de Falconiformes em paisagens abertas da planície litorânea da Paraíba, Brasil. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal da Paraíba.

10.
ARAUJO, H. F. P.; ROOS, A. L.. Participação em banca de Tarsila Almeida Cavalcanti.Dieta de aves em uma área de caatinga no Cariri PAraibano, Brasil. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciencias Biológicas) - Universidade Federal da Paraíba.

11.
ROOS, A. L.; ARAUJO, H.F.P.; ROSA, Ricardo de Souza. Participação em banca de Arnaldo HonoratoVieira Filho.Captura, ciclo de mudas e reprodução de aves no cariri paraibano, Brasil. 2007.

12.
ROSA, Ricardo de Souza; JOST, A. H.; SCHULZ NETO, A.; ROOS, A. L.; HERNANDEZ, M. I. M.. Participação em banca de Erich de Freitas Mariano.Análise de conteúdos estomacais de Sula leucogaster (Boddaert, 1783) (Pelecaniformes, Sulidae) do Atol das Rocas, RN. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal da Paraíba.

13.
MOREIRA, A.P. T.; ROOS, A. L.; FERNANDES, I. C. S.. Participação em banca de Andrey Roberto da Silva.Estudo dos padrões de vocalização de Geothypis aequinoctoalis (Emberezidae: Parulinae) na região da Lagoa Pequena, Florianópolis, SC. 2000. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Santa Catarina.

14.
MOREIRA, A.P. T.; DA RÉ, M.; ROOS, A. L.; AZEVEDO, M. A. G.. Participação em banca de Luis Augusto Reginato Costa.Estudo Bioacústico do Capitão-do-mato (Passeriformes: Pipridae Chiroxiphia caudata).. 2000. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Santa Catarina.

15.
RODRIGUES, M.; ROOS, A. L.; FERNANDES, I. C. S.; MOREIRA, A.P. T.. Participação em banca de Elizeane Bueno Pinheiro dos Santos.Status populacional da Gralha-Azul (Cyanocorax caeruleus), na Ilha de Santa Catarina.. 1998. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Santa Catarina.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
I Seminario de Monitoramento de aves silvestres em Unidades de Conservação de santa Catarina.Introducao a Tecnicas de captura e marcaçao de aves. 2015. (Seminário).

2.
X Neotropical Ornithological Congress & XXII Congresso Brasileiro de Ornitologia. 2015. (Congresso).

3.
V Seminário de Pesquisa e V Encontro de Iniciação Científica do Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade.As aves nas unidades de conservação federais: uma análise a partir do banco de dados de aves brasileiras. 2013. (Seminário).

4.
XX Congresso Brasileiro de Ornitologia. Banco de dados geográfico das aves brasileiras. 2013. (Congresso).

5.
XX Congresso Brasileiro de Ornitologia. Como estão representadas as aves nas unidades de conservação federais?. 2013. (Congresso).

6.
XX Congresso Brasileiro de Ornitologia. O papel das áreas protegidas na conservação das aves. 2013. (Congresso).

7.
25th International Ornithological Congress. Abundance of terrestrial endemic birds of Fernando de Noronha Archipelago (Brazil). 2010. (Congresso).

8.
XVII Congresso Brasileiro de Ornitologia. Porque é importante fortalecer o uso do anilhamento no Brasil. 2009. (Congresso).

9.
XVII Congresso Brasileiro de Ornitologia. Avifauna da Estação Ecológica Serra das Araras, Porto Estrela/Cáceres - MT: registros obtidos durante o Curso Regional de Anilhamento de Aves UFMT/CEMAVE, 2008. 2009. (Congresso).

10.
II Fórum de Ecologia UFPB.O papel do CEMAVE na conservação das Aves. 2008. (Encontro).

11.
XVI Congresso Brasilieiro de Ornitologia. 33 Anos de Anilhamento no Brasil. 2008. (Congresso).

12.
XIV Congresso Brasileiro de Ornitologia. XIV Congresso Brasileiro de Ornitologia. 2006. (Congresso).

13.
XIII Congresso Brasileiro de Ornitologia. Aves do Parque Nacional do Cabo Orange, AP. 2005. (Congresso).

14.
XII Congresso Brasileiro de Ornitologia. Estudos de Aves em Santa Catarina: Avifauna florestal de SC estado do conhecimento. 2004. (Congresso).

15.
XII Congresso Brasileiro de Ornitologia. Estudos de Aves em Santa Catarina.. 2004. (Congresso).

16.
XI Congresso Brasileiro de Ornitologia. 2003. (Congresso).

17.
X Congresso Brasileiro de Ornitologia. 2002. (Congresso).

18.
XXIV Congresso Brasileiro de Zoologia. 2002. (Congresso).

19.
IX Congresso Brasileiro de Ornitologia. 2001. (Congresso).

20.
V Congresso de Ecologia do Brasil. 2001. (Congresso).

21.
VIII Congresso Brasileiro de Ornitologia. Avifauna da Restinga da Ilha de SC. 2000. (Congresso).

22.
3 Congresso Nacional de Ecoturismo. 1998. (Congresso).

23.
XXII Congresso Brasileiro de Zoologia. Seleção de habitat entre aves de dunas costeiras na Ilha de Santa Catarina. 1998. (Congresso).

24.
49 Reunião Anual da SBPC. O PET e e adução ambiental na pré-escola. 1997. (Congresso).

25.
5 Reunião Especial da SBPC. 1997. (Congresso).

26.
3 Reunião Especial da SBPC. 1996. (Congresso).

27.
Congresso Multidisciplinar sobre o Habitat Urbano e I Feira da Habitação Urbana. 1996. (Congresso).

28.
XXI Congresso Brasileiro de Zoologia. 1996. (Congresso).

29.
Qualidade Ambiental - ISO 14000 como agente de qualidade de vida e de vantagens competitivas. 1995. (Seminário).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
ROOS, A. L.; Souza, M.A. . II Oficina de Avaliacao do estado de Conservação das Aves Brasileiras do Bioma Amazonia. 2012. (Outro).

2.
ROOS, A. L.; Souza, M.A. ; LUGARINI, C. . Oficina de Avaliação do Estado de Conservação das Aves Brasileiras do Bioma Caatinga. 2011. (Outro).

3.
ROOS, A. L.; Souza, M.A. . Oficina de Avaliacao do estado de Conservação das Aves Brasileiras do Bioma Amazonia. 2011. (Outro).

4.
ROOS, A. L.. Workshop Linking banders and bird Conservation across the Hemisphere. 2010. (Outro).

5.
LACERCA, R.C.A. ; ROOS, A. L. ; SERAFINI, P. P. ; NUNES, M. F. C. . II WHBBN International Bird Banding Training. 2010. (Outro).

6.
LACERCA, R.C.A. ; ROOS, A. L. . 2º Curso Regional de Introdução ao Anilhamento de Aves Silvestres. 2008. (Outro).

7.
NUNES, M. F. C. ; ROOS, A. L. . Curso Regional de Introdução ao Uso do Anilhamento para Conservação de Aves Silvestres. 2006. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Joao Pedro Krauspenhar Barros. Espécies de aves indicadoras da qualidade dos manguezais de Florianópolis ? Santa Catarina, Brasil.. Início: 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Abi - Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Santa Catarina. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Marcela Affonso Penna Meyer. Sazonalidade da comunidade de aves dos campos de Santa Bárbara ? Parque Nacional de São Joaquim ? Urubici, SC, Brasil e a percepção dos visitantes quanto à avifauna e a prática de observação de aves. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Abi - Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Santa Catarina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Andrei Langeloh Roos.

2.
Debora Andrea Belloni Rosinger. Uso do Habitat por aves do Parque Nacional de São Joaquim, Santa Catarina, Brasil. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Abi - Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Santa Catarina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Andrei Langeloh Roos.

3.
Thayz Rodrigues Enedino. Comunidade de aves da Reserva Biológica Guaribas, Paraíba, Brasil. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ecologia) - Universidade Federal da Paraíba, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Andrei Langeloh Roos.

Iniciação científica
1.
Marcela Affonso Penna Meyer. Riqueza, Composição e estrutura da comunidade de aves do PNSJ. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Abi - Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Santa Catarina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Andrei Langeloh Roos.

2.
Debora Andrea Belloni Rosinger. Riqueza, Composição e estrutura da comunidade de aves do PNSJ. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em Abi - Ciências Biológicas) - Universidade Federal de Santa Catarina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Andrei Langeloh Roos.

3.
José Lutemberg Barbosa de Araújo. Estudo da dieta da avifauna de Tabuleiro na REBIO Guaribas. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Ecologia) - Universidade Federal da Paraíba, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Andrei Langeloh Roos.

4.
Dryander Gonçalves Teixeira. Estudo da reprodução e muda de penas da avifauna de Tabuleiro na REBIO Guaribas. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Ecologia) - Universidade Federal da Paraíba, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Andrei Langeloh Roos.

5.
Danilo da Silva Santos. Banco de dados sobre Aves Brasileiras Ameaçadas de Extinção: Atualização dos mapas de distribuição e avaliação da importância das Unidades de Conservação. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Ecologia) - Universidade Federal da Paraíba, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Andrei Langeloh Roos.

6.
Márcia Soares Amorim. Banco de dados sobre Aves Brasileiras Ameaçadas de Extinção: Estimativa do tamanho populacional das espécies ameaçadas.. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Ecologia) - Universidade Federal da Paraíba, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Andrei Langeloh Roos.

7.
Emmanuelle da Silva Costa. Análise do impacto da caça na avifauna do estado da Paraíba. 2006. Iniciação Científica. (Graduando em Ciencias Biológicas) - Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Andrei Langeloh Roos.

8.
Suemmey Rocha Albuquerque Ramos. Ecoturismo e Educação: Uma proposta para a Floresta Nacional da Restinga de Cabedelo. 2005. 0 f. Iniciação Científica. (Graduando em Ciencias Biológicas) - Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Andrei Langeloh Roos.



Educação e Popularização de C & T



Apresentações de Trabalho
1.
ROOS, A. L.. A importância da marcação das aves e sua recuperação. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).


Cursos de curta duração ministrados
1.
VIEIRA, B. P. ; ROOS, A. L. . Curso de Captura e Anilhamento de Aves. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Outra).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 18/11/2018 às 4:36:02