Gedeon Silva Reis

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/3630171389708262
  • Última atualização do currículo em 14/02/2019


Possui graduação em Engenharia Mecânica pela Universidade Estadual do Maranhão (1987), Mestrado em Ciência e Engenharia de Materiais pela Universidade Federal de São Carlos (1995), Doutorado em Ciência e Engenharia de Materiais pela Universidade Federal de São Carlos (1999) e Pós Doutorado pela Universitat Politècnica de Catalunya/Barcelona-Espanha. Atualmente é Professor Titular do Instituto Federal do Maranhão-IFMA. Tem experiência na área de Engenharia de Materiais e Metalúrgica, com ênfase em Conformação Plástica a Quente, atuando principalmente nos seguintes temas: Trabalhabilidade a Quente, Ensaio de Torção a Quente, Curvas de Escoamento Plástico, Aço Inoxidável Dúplex e Aços Inoxidáveis Austeníticos para Próteses Ortopédicas ASTM F138 e ISO 5832-9. Tem experiência também em Gestão Educacional Pública. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Gedeon Silva Reis
Nome em citações bibliográficas
REIS, G. S.;REIS, GEDEON SILVA;REIS, GEDEON SIVA;Reis, G.S.;G.S.Reis;G.S.R.;Gedeon Silva Reis;Gedeon Reis;Gedeon S. Reis;Silva Reis, G.;G. Silva Reis;REIS, GEDEON S.

Endereço


Endereço Profissional
Instituto Federal do Maranhão, Ministério da Educação, Semtec.
Av. Getúlio Vargas, 04
Monte Castelo
65025001 - São Luís, MA - Brasil
Telefone: (98) 32189044
Fax: (98) 32189019
URL da Homepage: http://www.ifma.edu.br


Formação acadêmica/titulação


1995 - 1999
Doutorado em Ciência e Engenharia dos Materiais.
Universidade Federal de São Carlos, UFSCAR, Brasil.
Título: Influência da Microestrutura nas Curvas de Escoamento plástico dos Aços Inoxidáveis Dúplex no Ensaio de Torção a Quente, Ano de obtenção: 1999.
Orientador: Dr Oscar Balancin.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Aços Inoxidáveis Dúplex; Microestruturas; Curvas de Escoamento Plástico; Ductilidade a Quente.
Grande área: Engenharias
Grande Área: Engenharias / Área: Engenharia de Materiais e Metalúrgica / Subárea: Metalurgia de Transformação.
Grande Área: Engenharias / Área: Engenharia de Materiais e Metalúrgica.
Setores de atividade: Desenvolvimento de Novos Materiais; Indústria Metal-Mecânica; Outros Setores.
1993 - 1995
Mestrado em Ciência e Engenharia dos Materiais.
Universidade Federal de São Carlos, UFSCAR, Brasil.
Título: Estudo Experimental da Trabalhabilidade a Quente de Aços Inoxidáveis Dúplex com Estruturas Brutas de Fusão Através de Ensaio de Torção,Ano de Obtenção: 1995.
Orientador: Dr Oscar Balancin.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Trabalhabilidade A Quente; Aços Inoxidáveis Dúplex; Ensaio de Torção a Quente.
Grande área: Engenharias
Grande Área: Engenharias / Área: Engenharia de Materiais e Metalúrgica / Subárea: Metalurgia de Transformação.
Grande Área: Engenharias / Área: Engenharia de Materiais e Metalúrgica.
Setores de atividade: Desenvolvimento de Novos Materiais; Indústria Metal-Mecânica; Outros Setores.
2018
Especialização em andamento em Computação Aplicada à Educação do ICMC_USP_Sâo Carlos-SP. (Carga Horária: 360h).
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
1992 - 1992
Especialização em Especialização em Engenharia de Materiais. (Carga Horária: 390h).
Universidade Federal de São Carlos, UFSCAR, Brasil.
2001 - 2002
Aperfeiçoamento em Formação Empreendedora na Educação Profissional. (Carga Horária: 180h).
Fundação do Ensino da Engenharia em Santa Catarina, FEESC, Brasil. Ano de finalização: 2002.
1982 - 1987
Graduação em Engenharia Mecânica.
Universidade Estadual do Maranhão, UEMA, Brasil.
1979 - 1981
Curso técnico/profissionalizante em Curso Técnico Em Mecânica.
Governo do Estado do Maranhão, GOVERNO/MA, Brasil.


Pós-doutorado


2010 - 2011
Pós-Doutorado.
Universitat Politècnica de Catalunya, UPC, Espanha.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Engenharias
Grande Área: Engenharias / Área: Engenharia de Materiais e Metalúrgica / Subárea: Metalurgia de Transformação / Especialidade: Conformação Mecânica.
Grande Área: Engenharias / Área: Engenharia de Materiais e Metalúrgica / Subárea: Metalurgia de Transformação.
2006 - 2007
Pós-Doutorado.
Universidade Federal de São Carlos, UFSCAR, Brasil.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA, FAPEMA, Brasil.
Grande área: Engenharias
Grande Área: Engenharias / Área: Engenharia de Materiais e Metalúrgica / Subárea: Metalurgia de Transformação.
Grande Área: Engenharias / Área: Engenharia de Materiais e Metalúrgica / Subárea: Metalurgia de Transformação / Especialidade: Conformação Mecânica.


Formação Complementar


2018 - 2018
AQUA. (Carga horária: 16h).
Steinbeis-SIBE do Brasil, STEINBEIS-SIBE, Brasil.
2018 - 2018
Princípios e Práticas de Inovação em Gestão e Docência. (Carga horária: 40h).
Instituto Federal do Maranhão, IFMA, Brasil.
2018 - 2018
Monitorando a Estratégia. (Carga horária: 8h).
Steinbeis-SIBE do Brasil, STEINBEIS-SIBE, Brasil.
2018 - 2018
III Seminário de Alinhamento Conceitual do Programa de Mestrado PROFEPT. (Carga horária: 20h).
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Espírito Santo, IFES, Brasil.
2017 - 2018
Termo de Referência para Líderes de Projetos Estratégicos. (Carga horária: 20h).
Instituto Federal do Maranhão-IFMA/Reitoria, IFMA, Brasil.
2017 - 2017
Modelando o Processo. (Carga horária: 8h).
Steinbeis-SIBE do Brasil, STEINBEIS-SIBE, Brasil.
2017 - 2017
Desbobrando a Estratégia. (Carga horária: 8h).
Steinbeis-SIBE do Brasil, STEINBEIS-SIBE, Brasil.
2017 - 2017
Modelo de Gestão da Estratégia. (Carga horária: 12h).
Steinbeis-SIBE do Brasil, STEINBEIS-SIBE, Brasil.
2017 - 2017
AQUARIUM. (Carga horária: 16h).
Steinbeis-SIBE do Brasil, STEINBEIS-SIBE, Brasil.
2017 - 2017
Gerindo o Portifólio. (Carga horária: 8h).
Steinbeis-SIBE do Brasil, STEINBEIS-SIBE, Brasil.
2017 - 2017
Painéis de Contribuição. (Carga horária: 16h).
Steinbeis-SIBE do Brasil, STEINBEIS-SIBE, Brasil.
2017 - 2017
Módulo SUAP - Processo Eletrônico,. (Carga horária: 2h).
Instituto Federal do Maranhão-IFMA/Reitoria, IFMA, Brasil.
2017 - 2017
Traduzindo a Estratégia. (Carga horária: 8h).
Steinbeis-SIBE do Brasil, STEINBEIS-SIBE, Brasil.
2017 - 2017
Painel de Indicadores e Metas. (Carga horária: 24h).
Steinbeis-SIBE do Brasil, STEINBEIS-SIBE, Brasil.
2017 - 2017
Portifólio de Projetos. (Carga horária: 14h).
Steinbeis-SIBE do Brasil, STEINBEIS-SIBE, Brasil.
2016 - 2016
Design da Estratégia. (Carga horária: 8h).
Steinbeis-SIBE do Brasil, STEINBEIS-SIBE, Brasil.
2016 - 2016
Entendendo a Gestão Estratégica. (Carga horária: 4h).
Steinbeis-SIBE do Brasil, STEINBEIS-SIBE, Brasil.
2016 - 2016
Elaborando a Estratégia. (Carga horária: 8h).
Steinbeis-SIBE do Brasil, STEINBEIS-SIBE, Brasil.
2016 - 2016
Análise Estratégica. (Carga horária: 18h).
Steinbeis-SIBE do Brasil, STEINBEIS-SIBE, Brasil.
2016 - 2016
Missão, Visão e Valores. (Carga horária: 8h).
Steinbeis-SIBE do Brasil, STEINBEIS-SIBE, Brasil.
2016 - 2016
Mapa Estratégico. (Carga horária: 8h).
Steinbeis-SIBE do Brasil, STEINBEIS-SIBE, Brasil.
2011 - 2012
Programa de Aperfeiçoamento dos Dirigentes da Rede dos IF's. (Carga horária: 76h).
Escola Nacional de Administração Pública, ENAP, Brasil.
2010 - 2010
Treinamento na Máquina de Universal de Ensaios Mecânicos. (Carga horária: 14h).
EMIC Máquinas e Equipamentos, EMIC, Brasil.
2007 - 2007
Ensaio Não Destrutivo-Líquido Penetrante. (Carga horária: 180h).
Centro Federal de Eduacação Tecnológica do Maranhão, CEFET-MA, Brasil.
2005 - 2005
Ensaios dos Materiais. (Carga horária: 32h).
Associação Brasileira de Metalurgia e Materiais, ABM*, Brasil.
2003 - 2003
III Seminário de Laboratório de Minério de Ferro.
Companhia Vale do Rio Doce, CVRD, Brasil.
2002 - 2002
Palestra Design e Cidadania. (Carga horária: 3h).
Instituto Federal do Maranhão, IFMA, Brasil.
2002 - 2002
Iniciando Um Pequeno Grande Negócio. (Carga horária: 2002h).
Sebrae, SEBRAE, Brasil.
2002 - 2002
Palestra: Design e Cidadania realizada pelo LaborW. (Carga horária: 3h).
Centro Federal de Eduacação Tecnológica do Maranhão, CEFET-MA, Brasil.
2001 - 2002
Formação Empreendedora na Educação Profissional. (Carga horária: 180h).
Ministério da Educação, MEC, Brasil.
2001 - 2001
Finanças para Gerentes não Financeiros.
Associação dos Empreendedores de São Luis-MA, ASSEMPRE, Brasil.
2000 - 2000
Elaboração de Projetos Para Agências de Fomento 'a. (Carga horária: 32h).
Fundação de Empreendimentos Científicos e Tecnológicos, FINATEC, Brasil.
2000 - 2000
1 Workshop Nacional sobre a Formação de Professore.
Centro Federal de Educação Tecnologica de Minas Gerais, CEFET-MG, Brasil.
1999 - 1999
Workshop_EMPRETEC. (Carga horária: 60h).
Sebrae, SEBRAE, Brasil.
1996 - 1996
Pós-Graduação em Ciência e Engenharia de Materiais. (Carga horária: 150h).
Universidade de São Paulo, USP-SÃO CARLOS, Brasil.
1993 - 1993
Atualização Tecnológica Brasileira e a Importância dos Materiais Avançadas. (Carga horária: 15h).
Universidade Federal de São Carlos, UFSCAR, Brasil.
1989 - 1989
Relações Humanas no Trabalho. (Carga horária: 15h).
Serviço Barsileiro de Apoio as Micro e Pequena Empresas do Maranhão, SEBRAE/MA, Brasil.
1988 - 1988
Extensão universitária em Estágio Técnico. (Carga horária: 150h).
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
1988 - 1988
Fundamentos de Lubrificação. (Carga horária: 15h).
Texaco do Brasil, TEXACO, Brasil.
1987 - 1987
Manutenção de Equipamentos Científicos. (Carga horária: 90h).
Universidade Estadual do Maranhão, UEMA, Brasil.
1987 - 1987
Formação Básica de Estagiários. (Carga horária: 160h).
Serviço Barsileiro de Apoio as Micro e Pequena Empresas do Maranhão, SEBRAE/MA, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade CEUMA, CEUMA, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - 2008
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Instituto Federal do Maranhão, IFMA, Brasil.
Vínculo institucional

1990 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor titular, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

01/2017 - Atual
Direção e administração, Pró Reitoria de Pesquisa e Inovação do IFMA, .

Cargo ou função
Diretor da Editora IFMA_EdIFMA.
01/2017 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Editora IFMA_EdIFMA, .

Cargo ou função
Presidente do Conselho Editorial da EdIFMA.
07/2016 - Atual
Direção e administração, Instituto Federal do Maranhão-IFMA/Reitoria, .

Cargo ou função
Membro da Comissão e Coordenador de Projeto do Planejamento Estratégico do IFMA 2016-2020.
04/2016 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Pró Reitoria de Pesquisa e Inovação do IFMA, .

Cargo ou função
Conselheiro do CONSELHO EDITORIAL DO PERIÓDICO ACTA TECNOLÓGICA DO IFMA.
01/2007 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Programa de Pós Graduação em Engenharia de Materiais, .

01/2006 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Departamento de Mecânica e Materiais, .

1/1990 - Atual
Ensino,

Disciplinas ministradas
Ciencia e Engenharia dos Materiais
Conformação dos Materiais
Ensaios dos Materiais
Fundição
08/2018 - 12/2018
Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal do Maranhão-IFMA/Reitoria, .

Cargo ou função
Comissão Central de Elaboração do Plano de Desenvolvimento Institucional do Instituto Federal do Maranhão-IFMA.
07/2018 - 09/2018
Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal do Maranhão - Campus de São Luis Monte Castelo, .

Cargo ou função
Comissão do Processo Seletivo 2018/2 do Mestrado em Engenharia de Materiais-PPGEM/IFMA.
09/2017 - 09/2018
Conselhos, Comissões e Consultoria, Programa de Pós Graduação em Engenharia de Materiais - PPGEM, .

Cargo ou função
Membro Suplente do Colegiado do PPGEM_IFMA.
09/2017 - 09/2018
Conselhos, Comissões e Consultoria, Programa de Pós Graduação em Engenharia de Materiais - PPGEM, .

Cargo ou função
Membro da Comissão de Bolsa do Programa PPGEM_IFMA_2017_2018.
07/2018 - 08/2018
Ensino, Mestrado Em Engenharia de Materiais, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Processos de Transformações dos Metais-PPGEM
04/2018 - 07/2018
Conselhos, Comissões e Consultoria, Pró Reitoria de Pesquisa e Inovação do IFMA, .

Cargo ou função
Grupo de Trabalho para Estruturação do Portal de Periódicos do IFMA.
01/2018 - 04/2018
Conselhos, Comissões e Consultoria, Comissão de Processo Seletivo 2018, .

Cargo ou função
Membro da Comissão do Processo Seletivo do Mestrado em Engenharia de Materiais-PPGEM/IFMA.
10/2017 - 10/2017
Ensino, Mestrado Em Engenharia de Materiais, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Processos de Transformações dos Metais-PPGEM-IFMA
05/2017 - 08/2017
Conselhos, Comissões e Consultoria, Programa de Pós Graduação em Engenharia de Materiais - PPGEM, .

Cargo ou função
Membro da Comissão de Avaliação do Corpo Docente do Programa PPGEM_IFMA_2017.
08/2014 - 08/2017
Conselhos, Comissões e Consultoria, Ministério da Ciência e Tecnologia e Inovação - MCTI, Secretaria de Desenvolvimento Tecnológico e Inovação.

Cargo ou função
Consultor de Apoio Técnico da Secretaria de Desenvolvimento Tecnológico e Inovação do MCTI.
07/2017 - 07/2017
Direção e administração, Pró Reitoria de Pesquisa e Inovação do IFMA, .

Cargo ou função
Responder pela Pró Reitoria de Pesquisa, Pós Graduação e Inovação_PRPGI_2017.
02/2017 - 02/2017
Direção e administração, Pró Reitoria de Pesquisa e Inovação do IFMA, .

Cargo ou função
Responder pela Pró Reitoria de Pós Graduação e Inovação_PRPGI_2017.
11/2016 - 11/2016
Outras atividades técnico-científicas , Steinbeis SIBE da Alemanha, Steinbeis SIBE da Alemanha.

Atividade realizada
Visita técnica na Fundação Steinbeis SIBE de Stuttgart.
08/2014 - 09/2016
Conselhos, Comissões e Consultoria, CONSUP-Conselho Superior do IFMA, .

Cargo ou função
Representante Suplente dos Diretores Gerais dos Campi no CONSUP/IFMA.
01/2014 - 09/2016
Direção e administração, IFMA-Campus Pedreiras, .

Cargo ou função
Diretor Geral Campus Pedreiras-IFMA.
01/2014 - 09/2016
Conselhos, Comissões e Consultoria, Conselho de Dirigentes do IFMA, .

Cargo ou função
Conselheiro do Colegio de Dirigentes do IFMA representante do Campus Pedreiras/IFMA.
03/2016 - 07/2016
Ensino,

Disciplinas ministradas
Ciências dos Materiais
10/2014 - 02/2015
Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal do Maranhão-IFMA/Reitoria, .

Cargo ou função
Comissão de Elaboração da Regulamentação de Critérios e Normas para Concessão de Progressão par Professor Titular das Carreiras de Magistério de Ensino Básico, Técnicos e Tecnológico e Carreira do Magistério Superior.
09/2012 - 01/2014
Direção e administração, Núcleo Itaqui Bacanga, .

Cargo ou função
Diretor do Núcleo Itaqui Bacanga.
07/2013 - 07/2013
Outras atividades técnico-científicas , Instituto Federal do Maranhão-IFMA/Reitoria, Instituto Federal do Maranhão-IFMA/Reitoria.

Atividade realizada
Avaliador de Projetos do IX Seminário de Iniciação Científica do IFMA.
07/2012 - 09/2012
Conselhos, Comissões e Consultoria, CONSUP - Conselho Supeior do IFMA, .

Cargo ou função
Conselheiro Representantes dos Diretores Gerais dos Campi do IFMA.
04/2010 - 09/2012
Direção e administração, IFMA-Campus São João dos Patos, .

Cargo ou função
Diretor Geral do Campus São João dos Patos.
04/2010 - 09/2012
Conselhos, Comissões e Consultoria, Conselho de Dirigentes do IFMA, .

Cargo ou função
Conselheiro do Conselho de Dirigentes Representante do Campus São João dos Patos.
01/2009 - 12/2010
Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal do Maranhão - Campus de São Luis Monte Castelo, .

Cargo ou função
Membro do Colegiado do Mestrado de Engenharia de Materiais do PPGEM/IFMA - 2009 e 2010..
02/2010 - 02/2010
Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal do Maranhão - Campus de São Luis Monte Castelo, .

Cargo ou função
Membro da Comissão do Processo Seletivo do Mestrado em Engenharia de Materiais-PPGEM/IFMA.
08/2008 - 02/2009
Direção e administração, Diretoria de Ensino, .

Cargo ou função
Coordenador dos Cursos do Departamento de Mecânica e Materiais do CEFET-MA.
08/2006 - 01/2007
Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal do Maranhão - Campus de São Luis Monte Castelo, .

Cargo ou função
Membro da Comissão de Reestruturação do Plano de Curso Técnico em Metalurgia e Materiais..
03/2004 - 06/2004
Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal do Maranhão - Campus de São Luis Monte Castelo, .

Cargo ou função
Coordenador da Comissão de Elaboração do Plano de Curso Técnico de Metalurgia e Materiais..
03/2004 - 03/2004
Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal do Maranhão - Campus de São Luis Monte Castelo, .

Cargo ou função
Membro da Comissão de Fiscalização das Provas do Processo Seletivo aos Cursos da Educação Profissional de Nível Médio..
03/2003 - 11/2003
Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal do Maranhão - Campus de São Luis Monte Castelo, .

Cargo ou função
Membro da Comissão de Elaboração do Plano de Curso Técnico em Materiais.
10/2003 - 10/2003
Direção e administração, Departamento de Mecânica e Materiais, .

Cargo ou função
Chefe de Departamento.
03/2003 - 03/2003
Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal do Maranhão - Campus de São Luis Monte Castelo, .

Cargo ou função
Membro da Comissão de Fiscalização das Provas do Processo Seletivo aos Cursos da Educação Profissional de Nível Médio..
02/2002 - 11/2002
Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal do Maranhão-IFMA/Reitoria, .

Cargo ou função
Membro da Comissão e Elaboração do Projeto de Mestrado em Metalurgia e Materiais.
07/2002 - 07/2002
Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal do Maranhão - Campus de São Luis Monte Castelo, .

Cargo ou função
Membro da Comissão de Fiscalização das Provas do Processo Seletivo aos Cursos da Educação Profissional de Nível Médio..
4/2000 - 3/2002
Direção e administração, Ministério da Educação, Semtec.

Cargo ou função
Diretor de Ensino do CEFET-MA.
4/2000 - 3/2002
Conselhos, Comissões e Consultoria, Ministério da Educação, Semtec.

Cargo ou função
Presidente do Conselho de Ensino do CEFET-MA.
5/2001 - 12/2001
Conselhos, Comissões e Consultoria, Ministério da Educação, Semtec.

Cargo ou função
Presidente da Comissão de Avaliação Docente da GID/CEFET-MA.
1/2000 - 1/2001
Direção e administração, Instituto Federal do Maranhão, .

Cargo ou função
Superintendente da Fundação FUNCEMA-CEFET-MA.
01/2000 - 12/2000
Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal do Maranhão-IFMA/Reitoria, .

Cargo ou função
Conselheiro do CEFET a Distância.
1/2000 - 4/2000
Direção e administração, Instituto Federal do Maranhão, .

Cargo ou função
Presidente da Caixa de Assistência Escolar do CEFET-MA.
08/1996 - 12/1996
Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto Federal do Maranhão-IFMA/Reitoria, .

Cargo ou função
Membro da Comissão de Elaboração do Projeto de Mestrado em Engenharia de Materiais.

Universidade Estadual do Maranhão, UEMA, Brasil.
Vínculo institucional

1987 - 1990
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Colaborador, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Professor Colaborador no Departamento de Engenharia Mecânica da Universidade Estadual do Maranhão-UEMA.

Atividades

11/1987 - 01/1990
Ensino, Engenharia Mecânica, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Elementos de Máquinas
Fenômenos de Transporte
Máquinas Operatrizes
6/1989 - 10/1989
Estágios , Unidade de Estudos de Engenharia, .

Estágio realizado
Coordenador de Estagio Supervisionado da Engenharia Mecânica.

Universidade Federal de São Carlos, UFSCAR, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - Atual
Vínculo: Coordenador Local, Enquadramento Funcional: Colaborador, Carga horária: 4
Outras informações
Coordenador Local do Processo Seletivo do Programa de Pós Graduação em Ciência e Engenharia de Materiais-PPGCEM do Departamento de Engenharia de Materiais-DEMa da Universidade Federal de São Carlos-UFSCar em São Luis-MA.

Vínculo institucional

1998 - 1998
Vínculo: Representante Discente, Enquadramento Funcional: Membro do Conselho de Ensino e Pesquisa da UF, Carga horária: 2
Outras informações
Membro Discente representante da Associação dos Pós Graduandos no Conselho de Ensino e Pesquisa da UFSCar em 1998.


Universidade Federal do Maranhão, UFMA, Brasil.
Vínculo institucional

2002 - 2002
Vínculo: Consultor, Enquadramento Funcional: Avaliador de Projetos, Carga horária: 2
Outras informações
Consultor para avaliação de projetos de pesquisa do PIBIC/CNPq/UFMA-2002.

Atividades

10/2003 - 12/2003
Conselhos, Comissões e Consultoria, Universidade Federal do Maranhão, .

Cargo ou função
Comissão Institucional de Atribuição da GED-CIAG da Universidade Federal do Maranhão-UFMA.

Cooperativa Educacional da UFMA, COESUFMA, Brasil.
Vínculo institucional

2004 - 2015
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Conselheiro Vogal, Carga horária: 2


Centro Educional e Profissionalizante do Maranhão, CEPROMAR, Brasil.
Vínculo institucional

2005 - 2006
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Presidente do Conselho Diretor, Carga horária: 2



Linhas de pesquisa


1.
Soldagem

Objetivo: Formação em Nível de Mestrado em Engenharia de Materiais.
2.
Conformação Plástica dos Metais

Objetivo: Formação em nível de Mestrado em Engenharia de Materiais.
3.
Conformação e Caracterização em Materiais Metálicos


Projetos de pesquisa


2018 - 2018
COMPORTAMENTO MECÂNICO-MICROESTRUTURAL DO AÇO CP/190-RB USADA EM CORDOALHAS NO CONCRETO PROTENDIDO
Descrição: O concreto é o material mais utilizado e um dos mais antigos dentro da construção civil. Já o concreto protendido (CP) é bem mais recente, surgiu a partir de novas tecnologias (fibras e ligas metálicas), com o intuito de elevar a capacidade de resistir ou transmitir esforços mecânicos aplicados, sem romper e sem se deformar de forma incontrolável. Neste estudo pretende-se investigar o comportamento mecânico-microestrutural aço utilizado em cordoalhas no concreto protendido (CP 190 RB), a fim de apresentar, de forma concisa, quais são as características microestruturais formadas sob determinadas tratamentos térmico do aço. Neste trabalho será avaliado o efeito da temperatura, tempo e velocidade de resfriamento sobre tratamento térmico da liga CP 190 RB usado na confecção de cordoalhas no concreto de protensão, avaliando a transformação da austenita-ferrita no aço. Para tanto, utiliza-se-á um forno mufla (EDG, série FC-1.25) para investigar o comportamento microestrutural em função da temperatura e do tempo por microscopia óptica (OLYMPUS BX51 TRF). Espera-se que os resultados mostrem como a formação de ferrita nas fronteiras dos grãos austeniticos modificam o aspecto microestrutural dos constituintes: estrutura de agulhas de Widmanstatten e ferrita acircular com variações percentuais dependentes da velocidade de resfriamento, temperatura e tempo de exposição. Esta formação de ferrita de Widmanstatten intragranular pode agir em detrimento das propriedades mecânicas do aço, porque as placas de ferrita crescem em formações relativamente paralelas permitindo a propagação de trincas de clivagem sem grande divergência..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .

Integrantes: Gedeon Silva Reis - Integrante / Samuel Filgueiras Rodrigues - Integrante / Eden Santos Silva - Coordenador / Benedito Lindoso Bastos Neto - Integrante.
2018 - 2018
TRANSFORMAÇÕES DINÂMICAS DA AUSTENITA DURANTE O PROCESSAMENTO TERMOMECÂNICO DOS AÇOS EM TEMPERATURAS ACIMA DA LINHA Ae3
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (2) .

Integrantes: Gedeon Silva Reis - Integrante / Samuel Filgueiras Rodrigues - Coordenador / Henry Barros Palhano - Integrante / Sebastião Raimundo de Jesus Belém Leitão Filho - Integrante.
2018 - 2018
Effect of Number of Roughing Passes on the Dynamic Transformation of Austenite During Simulated Plate Rolling
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .

Integrantes: Gedeon Silva Reis - Integrante / Samuel Filgueiras Rodrigues - Coordenador / Henry Barros Palhano - Integrante.
2018 - Atual
TRANSFORMAÇÃO DINÂMICA DAS FASES PRESENTES NO AÇO API 5L X80
Descrição: A indústria do petróleo e gás impele uma corrida tecnológica para se produzir aços microligados com propriedades mecânicas cada vez melhores e versáteis, com objetivo de modelar com mais eficácia oleodutos e gasodutos que serão usados no escoamento das commodities e assim possibilitar uma maior confiabilidade na cadeia produtiva. O processo de transformação dinâmica é de suma importância para se obter uma estrutura refinada e isenta de deformações, almejada para inúmeras aplicações. A compreensão desses mecanismos termomecânicos é de grande relevância para indústria, no que tange contensão de custos. O conhecimento dos mecanismos de encruamento e amaciamento que se estabelecem nos aços API, quando passam pelo processo de deformação em elevadas temperaturas, propiciam aporte para o controle das variáveis que ocorrem durante o processo de laminação a quente. Este controle proporciona obter aços com um nível elevado de resistência mecânica. Pode-se ainda controlar as diferentes fases, constituintes eutetóides e precipitados no aço, possibilitando assim uma maior resistência mecânica, tenacidade e soldabilidade. Levando-se em conta essa realidade, este trabalho tem como objetivo analisar o efeito das transformações dinâmicas de fases e suas consequências nas microestruturas do aço microligado API 5L X80 que passou por laminação controlada e resfriamento acelerado. Para a análise da cinética de transformações de fases, o aço microligado foi exposto a ensaios de torção a quente isotérmico com múltiplas deformações, onde serão observadas as faixas de temperatura e tempos de inicio e fim de transformação de fase, para vários níveis de velocidade de resfriamento. As temperaturas utilizadas no ensaio serão de 700 °C, 750 °C, 800 °C, 850 °C e 900ºC com a taxa de deformação de 1,0 s-1, com os tempos entre passes (tp ) 5, 10 e 20 segundos..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .

Integrantes: Gedeon Silva Reis - Integrante / Eden Santos Silva - Coordenador / Thiago Bruno Carneiro - Integrante.
2018 - Atual
Recristalização Dinâmica e Orientações Cristalográficas do Aço Inoxidável Austenítico ISO 5832-9 Sob Diferentes Condições de Processamento Termomecânico
Descrição: O presente projeto investigará a influência de diferentes parâmetros de deformação na recristalização dinâmica e na evolução da textura de um aço inoxidável austenítico N alto ISO 5832-9. Devido ao alto teor de N, este material apresenta maior resistência mecânica e resistência à corrosão. Este material fornece melhor desempenho principalmente para aplicações como biomateriais, como implantes ortopédicos temporários. O processamento termomecânico visa controlar a mudança de forma e garantir as propriedades mecânicas ótimas do material. A tensão, a taxa de deformação, a temperatura, a microestrutura do material e as tensões impostas pela ferramenta na zona de deformação fornecem informações importantes sobre a trabalhabilidade do material..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .

Integrantes: Gedeon Silva Reis - Coordenador / Nelson Luis Costa dos Santos Filho - Integrante.
2017 - 2018
Pesquisar e Desenvolver Ações Estratégicas para a Implantação dos Laboratórios Inteligentes no IFMA
Descrição: O presente projeto tem por finalidade desenvolver ações estratégicas com vistas a adequação e implantação de Laboratórios do Instituto Federal do Maranhão-IFMA, na era da Educação 4.0 O presente projeto será executado pelos pesquisadores do grupo de pesquisa CNPq "Laboratórios Inteligentes" certificado pelo IFMA e terá como ferramenta de levantamento de dados o método de BENCHMARKING executado em três etapas: 1.Levantamento dos melhores grupos de excelência na pesquisa de laboratórios inteligentes atuantes no âmbito da educação profissional e tecnológica; 2.Realizar Visita "in loco" em três grupos de excelência em laboratórios inteligentes no brasil; 3.Avaliar quantitativamente e qualitativamente os resultados coletador e elaborar um relatório técnico-científico para apresentação na comunidade acadêmica do IFMA.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Gedeon Silva Reis - Coordenador / Andre Silva Neto - Integrante / Diego Deleon Mendonça Macedo - Integrante.
Financiador(es): Instituto Federal do Maranhão - Auxílio financeiro.
2017 - 2018
Transformação Dinâmica no Aço API5L X70 na Simulação Física do Processo de Laminação: Steckel
Descrição: A Transformação Dinâmica da ferrita induzida por deformação é um meio eficaz para se produzir um aumento de fração volumétrica de ferrita com granulação ultrafina no processamento termomecânico controlado. Esse fenômeno possibilita desenvolver aços com alto desempenho sem adição de elementos de liga especiais. Pretende-se estudar esse comportamento em um aço de classificação API5LX80, empregado na fabricação de dutos para transporte de petróleo e gás natural. Uma técnica experimental que simula condições industriais em laboratório e ao mesmo tempo permite investigar os mecanismos atuantes, é o ensaio de torção a quente. Pretende-se aplicar o método de dupla diferenciação atualizado ás curvas de tensão-deformação para valores de tensão críticas de transformação dinâmica (DT) e de recristalização dinâmica (DRX), calcular as frações volumétricas durante o processo e as temperaturas envolvidas. Os princípios básicos da transformação dinâmica serão revisados, juntamente com avanços recentes na compreensão desse mecanismo. PALAVRAS-CHAVE: Aço API5LX80; Processamento termomecânico controlado; Transformação Dinâmica..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .

Integrantes: Gedeon Silva Reis - Coordenador / Henry Barros Palhano - Integrante.
2017 - 2018
CINÉTICA DE AMACIAMENTO ESTÁTICO DO AÇO INOXIDÁVEL AUSTENÍTICO ASTM F-1586
Descrição: Atualmente, tem se investido estudos no aço inoxidável austenítico com altos teores de nióbio (0,28%) e nitrogênio (0,35%), o ASTM F1586, um potencial substituto ao ASTM F138. há a necessidade de conhecimento de toda a sua janela de processamento de laminação a quente industrial e do seu comportamento mecânico durante a trabalhabilidade pois ainda há poucos estudos na interação precipitação-recristalização desse material. No presente trabalho será avaliado a influência do tempo entre passes nessa interação durante o processamento termomecânico desse aço. O conhecimento da cinética de amaciamento proporciona o controle da evolução e do comportamento microestrutural, obtendo melhorias nas propriedades finais desejáveis, otimizando o desempenho em serviço de produtos forjados e/ou laminados. Para obter essas análises citadas, será necessária uma reprodução da deformação a quente que ocorre na indústria por simulação física em escala de laboratório. A simulação do processamento termomecânico industrial será realizada por meio de ensaios de compressão a quente para compreender e simular os fenômenos inerentes ao processo que acontecem na laminação a quente industrial em um dilatômetro com duplo passe de deformação isotérmico. Os parâmetros adotados serão o tempo entre passes variando entre 1 e 1000s, temperaturas de ensaio entre 1000ºC e 1200ºC, com taxa de deformação constante de 1,0 s-1 e valores da deformação de 0,15 e 0,30 serão considerados. Tais parâmetros de processamento e condições adotadas reproduzem em escala laboratorial similar as condições reais de processamento industrial aplicadas na fabricação deste material para próteses ortopédicas. Gráficos das curvas de escoamento plástico de duplo passe serão levantadas e possibilitarão entender os fenômenos de amaciamento no material ASTM F1586 e o que os influencia. Através do ensaio, três métodos serão escolhidos a fim de determinar a fração de amaciamento estático, assim também estabelecer relações constitutivas com base em equações específicas com dependência as condições experimentais, como a equação de JMAK, o expoente de avrami, o tempo para 50% de amaciamento estático, e os valores da energia de ativação para a recristalização estática. O tamanho de grão inicial da austenita será calculado. Utilização de microscopia ótica e de varredura para identificar o comportamento microestrutural do material em estudo para caracterização e análise da evolução do tamanho do grão recristalizado. A estimativa da fração recristalizada deverá ser obtida realizada microscopicamente pela análise via MEV/EBSD..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .

Integrantes: Gedeon Silva Reis - Coordenador / Sebastião Raimundo de Jesus Belém Leitão Filho - Integrante.
2017 - 2017
FORTALECIMENTO DAS ATIVIDADES DE ENSINO E PESQUISA NO PROGRAMA DE MESTRADO STRICTO SENSU EM ENGENHARIA DE MATERIAIS DO IFMA
Descrição: O Programa de Pós-Graduação stricto-sensu em Engenharia de Materiais (PPGEM) do IFMA iniciou as suas atividades em março de 2005, após ter sido recomendado e aprovado pelo Comitê Científico de Engenharias II da CAPES. Em nível de Mestrado, o curso é desenvolvido na área de concentração em Desenvolvimento e Caracterização de Materiais, e recebeu conceito três (03). Após três avaliações consecutivas (triênios 2004/2006, 2007/2009 e 2010/2012), o PPGEM/IFMA continua com o mesmo conceito. Atualmente, em pleno funcionamento, conta com a participação de onze docentes (11) e trinta (30) discentes regularmente matriculados, e desenvolve suas atividades em 04 linhas de pesquisa; a saber: Cerâmicas Refratárias, Processamento de Materiais; Caracterização de Propriedades de Materiais; e Soldagem. Ao longo deste período, o PPGEM já formou mais de cem (100) mestres; os quais atuam em diferentes áreas do ensino e da pesquisa no Estado, sendo que deste total aproximadamente 30% já se encontram realizando estudos de doutoramento em outros centros de pesquisa nacionais e internacionais. Durante estes ano as dificuldades enfrentadas pelo PPGEM tem sido muitas, as quais afetam o desenvolvimento do programa haja vista que a redução de mais de 50% dos recursos destinados a custeio por parte da CAPES nos últimos dois anos, como consequência da seria crise econômica que enfrenta o pais, entretanto, estas dificuldades têm sido superadas com o trabalho de seus docentes, e discentes, com o apoio de agencias de fomento como a CAPES, CNPq, MCT/INFRA e FAPEMA, e mais recentemente o apoio do IFMA através de editais internos de apoio à pós-graduação que a PRPGI tem fomentado. Assim sendo o presente projeto visa apoiar a aquisição de materiais de consumo, a realização de serviços diversos, aquisição de passagens e outras despesas necessárias para fortalecer as atividades do programa de pós-graduação em Engenharia de Materiais (PPGEM) do IFMA..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Gedeon Silva Reis - Integrante / Aluisio Alves Cabral Júnior - Integrante / José Manuel Rivas Mercury - Coordenador / Marcelo Moizinho Oliveira - Integrante / Antonio Ernandes Macedo Paiva - Integrante / Valdemar Silva Leal - Integrante / Fabio Henrique Silva Sales - Integrante.
2016 - 2018
Simulação física e comportamento mecânico-corrosivo de ligas metálicas usadas na engenharia estrutural ? Fios e Cordoalhas usados para concreto protendido

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Eden Santos Silva em 07/10/2018.
Descrição: Dentre os estudos de grande valia estão os processos de corrosão em estruturas metálicas sob grandes esforços mecânicos que podem afetar de forma significativa a vida útil dos componentes estruturais, gerando enormes prejuízos de ordem financeira e de meio ambiente, sendo um dos principais problemas a se solucionar dentro da construção. Existem várias evidências de que aços inoxidáveis apresentam problemas de fragilização por corrosão intergranular e corrosão sob tensão. Trata-se de um processo destrutivo que acarreta grande impacto técnico e econômico, pois aumenta a demanda de materiais para reposição, reduz a eficiência dos processos e compromete a integridade física de equipamentos e de operadores. O problema de corrosão em estruturas metálicas produz a necessidade de se investigar em que condições ocorre estes fenômenos, e assim, poder fornecer informações técnicas que otimize o gerenciamento de substituição de componentes, antes que ocorram acidentes em uso. Dessa forma, a aplicação de técnicas, entre elas, simulação física e modelagem matemáticas para o monitoramento do surgimento e do desenvolvimento dos processos de corrosão e problemas estruturais, é de crucial importância para evitar situações de grande risco. O tamanho de grão é uma propriedade que estar diretamente ligada a microestrutura dos materiais e dessa forma, a sua utilização para a detecção da correlação mecânica-microestrutural nessas ligas tem grande potencial. A justificativa para realização desta proposta de trabalho partiu da possibilidade de se realizar pesquisa cientifica e tecnológica em parceria com empresas de engenharia e apoio da FAPEMA, a partir dos problemas detectados com os materiais disponíveis no mercado com foco no setor de segurança estrutural. Tendo em vista que essas empresas não disponibilizam de um setor destinado a esse tipo de pesquisa, e/ou que todas se fundamentam em parâmetros pré-estabelecidos..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) .

Integrantes: Gedeon Silva Reis - Integrante / Oscar Balancin - Integrante / Regina Célia de Sousa - Integrante / Carmem Célia Francisco do Nascimento - Integrante / Rialberth M Cutrim - Integrante / Debora Cristina Coutinho Vilas Boas - Integrante / Eden Santos Silva - Coordenador.
2016 - 2017
AVALIAÇÃO DOS RISCOS FÍSICOS E QUÍMICOS PRESENTES EM EMPREENDIMENTOS DO SETOR METALMECÂNICO DO MÉDIO MEARIM
Descrição: ?Prevenir é o melhor remédio?. O dito é popular, porém na hora de ser aplicado, muitas vezes é substituído por "isso jamais vai acontecer comigo" e, é assim que muitos acidentes acontecem. As oficinas mecânicas são grandes exemplos dessa realidade, já que grande parte das atividades realizadas apresentam riscos eminentes de acidente. Dentre essas atividades temos os serviços de funilaria, movimentação de cargas, pintura, solda, usinagem, elétrica, desmontagem e montagem de componentes e motores que exigem atenção do profissional e, principalmente, equipamentos de segurança que quase sempre são esquecidos. A desculpa é sempre a mesma: incomoda e atrapalha. (GIOPATO, 2009). O conhecimento dos riscos que envolvem essas atividades é de extrema importância para a prevenção de acidentes e doenças ocupacionais. Consideram-se riscos ambientais os agentes físicos, químicos e biológicos existentes nos ambientes de trabalho que, em função de sua natureza, concentração ou intensidade e tempo de exposição, são capazes de causar danos à saúde do trabalhador (BULHÕES, 1994). Consideram-se agentes físicos as diversas formas de energia a que possam estar expostos os trabalhadores, tais como: ruído, vibrações, pressões anormais, temperaturas extremas, radiações ionizantes, radiações não ionizantes, bem como o infra-som e o ultra-som. Consideram-se agentes químicos as substâncias, compostos ou produtos que possam penetrar no organismo pela via respiratória, nas formas de poeiras, fumos, névoas, neblinas, gases ou vapores, ou que, pela natureza da atividade de exposição, possam ter contato ou ser absorvidos pelo organismo através da pele ou por ingestão (NR 9)..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Gedeon Silva Reis - Coordenador / Rafael Pereira Ferreira - Integrante / Patricia Fernanda Inácio Vilar - Integrante / Angelo Araujo Soares - Integrante / Pedro Almir Martins de Oliveira - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA - Auxílio financeiro.
2016 - 2017
ESTUDO ANALÍTICO DAS CURVAS DE ESCOAMENTO PLÁSTICO DO AÇO INOXIDÁVEL AUSTENÍTICO AISI 316 L
Descrição: Os ensaios de torção a quente são utilizados na prática para simular processos de conformação a quente na indústria através da mudança de parâmetros que são usados no processamento termomecânico. As mudanças no comportamento de amaciamento, que ocorrem durante a deformação a quente de um aço, estão diretamente ligadas a esses parâmetros que são a deformação, taxa de deformação, temperatura, tempo de espera entre passes e taxa de resfriamento. Neste contexto, este trabalho tem como objetivo caracterizar o comportamento termomecânico do aço inoxidável austenítico AISI 316L, através dos ensaios de torção a quente. Serão realizados ensaios de torção isotérmicos e ensaios de torção com múltiplas deformações em resfriamento contínuo, no laboratório de Ensaios Mecânicos do IFMA São Luis Campus Monte Castelo. Nos ensaios isotérmicos de torção a quente será utilizada as temperaturas de 1000 °C a 1150 °C, com intervalos de 50 °C e taxas de deformação de 0,1; 0,5; 1,0 e 5,0 s-1 e serão realizadas metalografias das amostras para verificar o comportamento microestrutural do material. Será realizado o cálculo das temperaturas críticas (Tnr e Ar3), através da utilização de equações disponível na literatura e comparada com os valores obtidos durante o ensaio com múltiplas deformações em resfriamento contínuo verificando a ocorrência ou não de variações. Os ensaios de múltiplas deformações em resfriamento contínuo serão utilizados as temperaturas de 1150 °C a 1000 °C é uma alternativa para estudar a interação entre os mecanismos de amaciamento e a precipitação, induzida por deformação nos intervalos entre passes, sendo uma importante ferramenta, em escala de laboratório, de sequências de deformações simulando o processo industrial. Em posse dos resultados obtidos por estes dois ensaios de torção a quente, o comportamento do material em estudo durante o processamento termomecânico servirá como base para tomadas de decisão durante a manufatura deste aço, evitando perca de tempo e dinheiro com a obtenção de produtos finais fora das especificações e em testes realizados na planta industrial. Palavras-chave: Aço inoxidável austenítico 316 L; Recristalização metadinâmica; precipitados..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Gedeon Silva Reis - Coordenador / Rafael Pereira Ferreira - Integrante / Felipe Anderson Silva de Aquino - Integrante.
Financiador(es): Instituto Federal do Maranhão - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1
2014 - 2015
Simulação física e comportamento mecânico-corrosivo de ligas metálicas usadas na engenharia estrutural ? Fios e Cordoalhas usados para concreto protendido
Descrição: Dentre os estudos de grande valia estão os processos de corrosão em estruturas metálicas sob grandes esforços mecânicos que podem afetar de forma significativa a vida útil dos componentes estruturais, gerando enormes prejuízos de ordem financeira e de meio ambiente, sendo um dos principais problemas a se solucionar dentro da construção. Existem várias evidências de que aços inoxidáveis apresentam problemas de fragilização por corrosão intergranular e corrosão sob tensão. Trata-se de um processo destrutivo que acarreta grande impacto técnico e econômico, pois aumenta a demanda de materiais para reposição, reduz a eficiência dos processos e compromete a integridade física de equipamentos e de operadores. O problema de corrosão em estruturas metálicas produz a necessidade de se investigar em que condições ocorre estes fenômenos, e assim, poder fornecer informações técnicas que otimize o gerenciamento de substituição de componentes, antes que ocorram acidentes em uso. Dessa forma, a aplicação de técnicas, entre elas, simulação física e modelagem matemáticas para o monitoramento do surgimento e do desenvolvimento dos processos de corrosão e problemas estruturais, é de crucial importância para evitar situações de grande risco. O tamanho de grão é uma propriedade que estar diretamente ligada a microestrutura dos materiais e dessa forma, a sua utilização para a detecção da correlação mecânica-microestrutural nessas ligas tem grande potencial. A justificativa para realização desta proposta de trabalho partiu da possibilidade de se realizar pesquisa cientifica e tecnológica em parceria com empresas de engenharia e apoio da FAPEMA, a partir dos problemas detectados com os materiais disponíveis no mercado com foco no setor de segurança estrutural. Tendo em vista que essas empresas não disponibilizam de um setor destinado a esse tipo de pesquisa, e/ou que todas se fundamentam em parâmetros pré-estabelecidos...
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (2) .

Integrantes: Gedeon Silva Reis - Integrante / Oscar Balancin - Integrante / Regina Célia de Sousa - Integrante / Samuel Filgueiras Rodrigues - Integrante / Eden Santos Silva - Coordenador.
2009 - 2011
Aquisição de Equipamentos para os Laboratórios do PPGEM
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Gedeon Silva Reis - Coordenador / Antonio Ernades Macedo Paiva - Integrante / Leal, Valdemar Silva - Integrante / Antonio Maia de Oliveira - Integrante / Silvio Rogério de Freitas Batista - Integrante / Regina Célia de Sousa - Integrante / Flavio Salgado Politi - Integrante / Ricardo Neves Bedoya - Integrante / Aluisio Alves Cabral Júnior - Integrante / Kleber Mendes de Figueiredo - Integrante / José Hilton Gomes Rangel - Integrante / Marcelo Moizinho Oliveira - Integrante / Elson Longo - Integrante.
Financiador(es): Financiadora de Estudos e Projetos - Auxílio financeiro.
2008 - 2012
Predição do Amaciamento entre Deformações no Forjamento a Quente e Avaliação da Resistência a Corrosão do Aço Inoxidável ISO 5832-9 Utilizado em Implantes Ortopédicos
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (4) .

Integrantes: Gedeon Silva Reis - Integrante / Oscar Balancin - Coordenador / Alberto Moreira Jorge Júnior - Integrante / Antonio Maia de Oliveira - Integrante / Silvio Rogério de Freitas Batista - Integrante.
Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro.
2008 - 2011
MELHORIA DA INFRAESTRUTURA DOS LABORATÓRIOS DO PPGEM/CEFET-MA
Descrição: O presente projeto prever a aquisição de equipamentos complementares para melhorar a infraestrutura dos laboratórios já existentes, de modo a dotá-los de um conjunto de técnicas experimentais para a caracteerização mais ampla dos materiais, e visando dar continuidade ao plano institucional de desenvolvimento da infraestrutura de pesquisa do CEFET-MA..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Gedeon Silva Reis - Integrante / Antonio Ernades Macedo Paiva - Integrante / Leal, Valdemar Silva - Integrante / Regina Célia de Sousa - Integrante / Flavio Salgado Politi - Integrante / Aluisio Alves Cabral Júnior - Coordenador / Emilio Azevedo - Integrante / Kleber Mendes de Figueiredo - Integrante / José Hilton Gomes Rangel - Integrante / Marcelo Moizinho Oliveira - Integrante / Elson Longo - Integrante.
2008 - 2010
Estabelecimento de um Núcleo Cooperativo em Nível de Pós-Graduação, Visando o Aumento de Competência em Soldagem de Revestimento
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Gedeon Silva Reis - Integrante / Antonio Maia de Oliveira - Integrante / Kleber Mendes de Figueiredo - Coordenador / Valtair Antonio Ferraresi - Integrante / Américo Scotti - Integrante.
2008 - 2010
Modelagem do Processo Mecânico a Quente de Aços Inoxidáveis Utilizados em Implantes Ortopédicos
Descrição: Este projeto foi desenvolvido conjuntamente com a Universidade Politécnica da Catalúnia -UPC/Barcelona-Espanha.A proposição de desenvolvimento de projeto conjunto sobre o tema Modelagem do Processamento Mecânico a Quente de Aços Inoxidáveis Utilizados em Implantes Ortopédicos com o grupo de pesquisa espanhol liderado pelo Prof. Jose Maria Cabrera Marrero, se deve principalmente por ser o grupo espanhol um grupo de excelência internacional em pesquisas relacionadas aos temas Estudo de mecanismos mecânicos e físicos de materiais metálicos, processados a quente , Desenvolvimento de equações constitutivas que descrevem o comportamento de materiais metálicos e Simulação numérica do comportamento mecânico de materiais metálicos utilizando o Método dos Elementos Finitos (FEM) . Isso é atestado pela quantidade e qualidade das publicações indexadas desse grupo (~225 artigos) onde, praticamente, todas as publicações (relação dos trabalhos do Grupo) tratam de temas relacionados aos temas acima. Também esse grupo, e em especial o seu líder, o Prof. Dr. Jose Maria Cabrera Marrero, mantém uma intensa interação científica com diferentes grupos de pesquisa de nível nacional e internacional, destacando-se no tema do presente projeto as interações com o grupo do Prof. John J. Jonas, da McGill University-Montreal-Canadá, entre outras. Os grupos brasileiros conhecem o Prof. Cabrera já há mais de uma década, através de encontros em congressos internacionais e através de suas excelentes publicações e, através destes pré-contatos, iniciou-se efetivamente este trabalho conjunto...
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (7) / Doutorado: (2) .

Integrantes: Gedeon Silva Reis - Integrante / Oscar Balancin - Integrante / Alberto Moreira Jorge Júnior - Coordenador / Regina Célia de Sousa - Integrante.
Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.
2007 - 2009
CONSOLIDAÇÃO DE GRUPOS DE PESQUISA VINCULADOS AO PROGRAMA DE PÓS-GRADUAÇÃO EM FÍSICA DA UNIVERSIDADE FEDERAL DO MARANHÃO
Descrição: A proposta contempla três grupos de pesquisa locais da pós-graduação em Física da UFMA e seus respectivos grupos associados (consolidados)..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Gedeon Silva Reis - Integrante / Oscar Balancin - Integrante / Alberto Moreira Jorge Júnior - Integrante / Regina Célia de Sousa - Integrante / Manoel Messias Ferreira Júnior - Integrante / Carlos William de Araujo Paschoal - Coordenador / Levi de Oliveira Bueno - Integrante.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2006 - 2008
Aquisição de Equipamentos e Ampliação da Infra-estrutura para a Pesquisa em Materiais no Maranhão
Descrição: Os recursos financeiros para a execução deste projeto foram obtidos do FINEP (Edital/MCT/FINEP/CT-Infra-Proinfra 01/2005) no valor de R$ 663.370,00. Este projeto visa dotar o Laboratório de Materiais do Maranhão (LABMAT-MA) dos equipamentos mínimos para atender ao Programa de Pós-Graduação em Engenharia de Materiais (PPGEM), contribuindo para a melhoria e para o desenvolvimento da pesquisa científica e tecnológica no Estado. Os recursos alocados também vão complementar os recursos recebidos do projeto Estudo de Excitações Elementares e Propriedades Temodinâmicas em Sistemas Nanométricos: Aplicações a Materiais e Sistemas Aeroespaciais (MCT/FINEP/CT-INFRA 02/2003), para ampliar a área construída onde serão instalados os equipamentos adquiridos pelo projeto e promover a sua interação com o PPGEM..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Gedeon Silva Reis - Integrante / Antonio Ernades Macedo Paiva - Integrante / Leal, Valdemar Silva - Integrante / Regina Célia de Sousa - Integrante / Flavio Salgado Politi - Integrante / Ricardo Neves Bedoya - Integrante / Aluisio Alves Cabral Júnior - Integrante / Emilio Azevedo - Integrante / Kleber Mendes de Figueiredo - Integrante / José Manuel Rivas Mercury - Coordenador / José Hilton Gomes Rangel - Integrante / Marcelo Moizinho Oliveira - Integrante / Elson Longo - Integrante.


Outros Projetos


2016 - 2017
BOLSA DE PRODUTIVIDADE CIENTÍFICA ? BPC
Situação: Concluído; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .

Integrantes: Gedeon Silva Reis - Coordenador / Rafael Pereira Ferreira - Integrante.
2008 - 2008
Influência do Tipo de Agente Cimentante na Resistência Adesiva de Braquetes Ortodônticos Colados em Esmalte Bovino por meio do Teste de Cisalhamento
Descrição: Foram realizados ensaios de tração na Máquina Universal de Tração do Laboratório de Ensaios Mecânicos do Departamento de Mecânica e Materiais do Campus Monte Castelo/IFMA..
Situação: Concluído; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .

Integrantes: Gedeon Silva Reis - Coordenador / Fernando Jorge Mendes Ahid - Integrante.


Membro de corpo editorial


2018 - Atual
Periódico: EDUCARE: Ensino, Pesquisa e Formação de Professores
2017 - Atual
Periódico: Editora do IFMA-EdIFMA
2016 - Atual
Periódico: Acta Tecnológica do IFMA


Membro de comitê de assessoramento


2015 - Atual
Agência de fomento: Banco de Avaliadores do Sinaes (BASis)/MEC
2014 - 2017
Agência de fomento: Ministério de Ciência, Tecnologia e Comunicação
2012 - Atual
Agência de fomento: Sistema Integrado de Monitoramento Execução e Controle do MEC
2012 - Atual
Agência de fomento: Sistema Integrado de Monitoramento Execução e Controle do MEC


Revisor de periódico


2017 - 2017
Periódico: Materials Research (São Carlos. On-line)
2010 - Atual
Periódico: Revista Principia
2010 - Atual
Periódico: Revista Matéria
2017 - Atual
Periódico: MATERIALS SCIENCES AND APPLICATIONS (PRINT)
2008 - 2008
Periódico: CONEM 2008
2010 - 2010
Periódico: CONEM 2010
2012 - 2012
Periódico: CONEM 2012
2015 - Atual
Periódico: Acta Scientiarum. Technology
2016 - 2016
Periódico: 22 CBECIMAT 2016
2018 - 2018
Periódico: 23 CBECIMAT 2018


Revisor de projeto de fomento


2015 - Atual
Agência de fomento: Instituto Federal da Bahia-IFBA
2015 - 2015
Agência de fomento: Instituto Federal Fluminense
2014 - Atual
Agência de fomento: Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico
2014 - 2014
Agência de fomento: iNSTITUTO FEDERAL DO CEARÁ
2014 - 2014
Agência de fomento: Universidade Federal do Mato Grosso do Sul
2018 - 2018
Agência de fomento: Instituto Federal de Pernambuco
2014 - 2015
Agência de fomento: Instituto Federal de Pernambuco
2000 - Atual
Agência de fomento: Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA
2000 - 2001
Agência de fomento: Fundo de Apoio à Pesquisa do Estado do Marnhão


Áreas de atuação


1.
Grande área: Engenharias / Área: Engenharia de Materiais e Metalúrgica.
2.
Grande área: Engenharias / Área: Engenharia de Materiais e Metalúrgica / Subárea: Metalurgia de Transformação/Especialidade: Conformação Mecânica.
3.
Grande área: Engenharias / Área: Engenharia de Materiais e Metalúrgica / Subárea: Metalurgia de Transformação.


Idiomas


Inglês
Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Espanhol
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.


Prêmios e títulos


2018
ABM Fundamentos 2018, ABM - Associação Brasileira de Metalurgia, Materiais e Mineração.
2016
Titulo de Cidadão Pedreirense, Câmara Municipal de Pedreiras-MA.
1987
Medalha Gov. Epitácio Cafeteira de Aluno no 1 do Curso de Engenharia Mecânica formado em set/1987, UEMA-Universidade Estadual do Maranhão.
1981
Honras ao Mérito, Exército Brasileiro.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
LOPES, B. L. S.2018LOPES, B. L. S. ; RODRIGUES, Samuel. F. ; Silva, E. S. ; REIS, G. S. ; DAMASCENO, J. C. ; MARTINS, W. P. ; LEAL, V. S. . Influence of MIG/MAG Welding Process on Mechanical and Pitting Corrosion Behaviors on the Super-Duplex Stainless Steel SAF 2507 Welded Joints_(ISSN 2153-117X). MATERIALS SCIENCES AND APPLICATIONS (PRINT), v. 09, p. 228-245, 2018.

2.
GALDINO, LAÉCIO G.2018GALDINO, LAÉCIO G. ; RODRIGUES, SAMUEL F. ; ARANAS, CLODUALDO ; REIS, GEDEON S. ; FERRARESI, VALTAIR A. . The effect of purge gas condition on the amount of ferrite in tubular AISI 304 stainless steel during welding. Journal of the Brazilian Society of Mechanical Sciences and Engineering, v. 40, p. 376-391, 2018.

3.
RODRIGUES, SAMUEL F.2018RODRIGUES, SAMUEL F. ; SICILIANO, FULVIO ; ARANAS JR., CLODUALDO ; REIS, GEDEON S. ; ALLEN, BRIAN J. ; JONAS, JOHN JOSEPH . Effect of Number of Roughing Passes on the Dynamic Transformation of Austenite during Simulated Plate Rolling. MATERIALS SCIENCE FORUM (ONLINE), v. 941, p. 717-722, 2018.

4.
OLIVEIRA, T.2017OLIVEIRA, T. ; Silva, E. S. ; RODRIGUES, S. F. ; NASCIMENTO, C. C. F. ; REIS, G. S. . Softening Mechanisms of the AISI 410 Martensitic Stainless Steel Under Hot Torsion Simulation. Materials Research (São Carlos. On-line), v. 1, p. 1-5, 2017.

5.
Cabeça, M. C. S.2017Cabeça, M. C. S. ; RODRIGUES, Samuel. F. ; Silva Neto, A. ; MIRANDA JUNIOR, E. J. P. ; REIS, G. S. ; De Oliveira, Antonio Maia . Comparative Study on Plasma Nitriding in Cathodic Cage with Conventional Nitriding of the Austenitic Stainless Steel 316_(ISSN 0975-833X). INTERNATIONAL JOURNAL OF CURRENT RESEARCH, v. 9, p. 44666-44672, 2017.

6.
Cutrim, R.M.2016Cutrim, R.M. ; RODRIGUES, SAMUEL FILGUEIRAS ; REIS, G. S. ; Silva, E. S. ; Arana Júnior, C. ; BALANCIN, O. . Hot Deformation Behavior and Microstructural Evolution of a Medium Carbon Vanadium Microalloyed Steel. Journal of Materials Engineering and Performance (Print), p. 1-5, 2016.

7.
Magalhães, Rômulo Sousa2016Magalhães, Rômulo Sousa ; RODRIGUES, S. F. ; Valdemar Silva Leal ; REIS, G. S. ; Arana Júnior, C. ; FERRARESI, V. A. . Influence of Pushing and Pulling the Electrode Procedure and Addition of Second Layer of Welding on the Wear in Hardfacing of Fe-Cr-C. Materials Research (São Carlos. On-line), p. 1-8, 2016.

8.
Ferreira, R. P.2016Ferreira, R. P. ; RODRIGUES, S. F. ; Silva, E. S. ; NASCIMENTO, C. C. F. ; Arana Júnior, C. ; Valdemar Silva Leal ; REIS, G. S. . Thermomechanical Behavior Modeling of a Cr-Ni-Mo-Mn-N Austenitic Stainless Steel. MATERIALS SCIENCES AND APPLICATIONS (PRINT), v. 07, p. 803-822, 2016.

9.
HELIO SOBRINHO, J.2015 HELIO SOBRINHO, J. ; RODRIGUES, S. F. ; SILVA, EDEN SANTOS ; REIS, G. S. ; SOUSA, Regina Célia ; Valdemar Silva Leal ; Mercury,J.M.R . Plastic Instability in ISO 5832-9 High-nitrogen Austenitic Stainless Steel. ISIJ INTERNATIONAL, v. 55, p. 670-678, 2015.

10.
DAMASCENA, JUVENILSON COSTA2015DAMASCENA, JUVENILSON COSTA ; COSTA, LIDIANE MACIEL ; RODRIGUES, JEAN ROBERT PEREIRA ; VILARINHO, LOURIEL OLIVEIRA ; REIS, GEDEON SIVA ; NASCIMENTO, CARMEM CÉLIA FRANCISCO DO . Comparison of resistance to corrosion on haz of a ferritic stainless steel by different surface finishings. Acta Scientiarum. Technology (Online), v. 37, p. 347-353, 2015.

11.
BERNARDES, F. R.2015 BERNARDES, F. R. ; RODRIGUES, Samuel. F. ; Silva, E. S. ; REIS, G. S. ; SILVA, M. B. R. ; JORGE Jr., A. M. ; Balancin, Oscar . Analytical modeling of the thermomechanical behavior of ASTM F-1586 high nitrogen austenitic stainless steel used as a biomaterial under multipass deformation. Materials Science & Engineering C-Materials for Biological Applications, v. 1, p. 87-98, 2015.

12.
RODRIGUES, SAMUEL FILGUEIRAS2014RODRIGUES, SAMUEL FILGUEIRAS ; SILVA, EDEN SANTOS ; REIS, GEDEON SILVA ; SOUSA, REGINA CÉLIA DE ; Balancin, Oscar . Prediction of hot flow plastic curves of ISO 5832-9 steel used as orthopedic implants. Materials Research-Ibero-american Journal of Materials, v. 100, p. 1-10, 2014.

13.
JORGE Jr., A. M.2011 JORGE Jr., A. M. ; REIS, G. S. ; BALANCIN, O. . Influence of the microstructure on the plastic behaviour of duplex stainless steels. Materials Science & Engineering. A, Structural Materials: Properties, Microstructure and Processing, v. 528, p. 2259-2264, 2011.

14.
REIS, G. S.;REIS, GEDEON SILVA;REIS, GEDEON SIVA;Reis, G.S.;G.S.Reis;G.S.R.;Gedeon Silva Reis;Gedeon Reis;Gedeon S. Reis;Silva Reis, G.;G. Silva Reis;REIS, GEDEON S.2008REIS, G. S.; BALANCIN, O. . Influência da microestrutura no comportamento plástico de aços inoxidáveis duplex. REM. Revista Escola de Minas (Impresso), v. 61, p. 499-503, 2008.

15.
Jorge Jr., A.M.2001 Jorge Jr., A.M. ; REIS, G. S. ; BALANCIN, 0. . Influence of the Microstructure on Hot Ductility of Duplex Stainless Steels. JOURNAL OF MATERIALS PROCESSING TECHNOLOGY, v. 117/3, p. 1-6, 2001.

16.
REIS, G. S.;REIS, GEDEON SILVA;REIS, GEDEON SIVA;Reis, G.S.;G.S.Reis;G.S.R.;Gedeon Silva Reis;Gedeon Reis;Gedeon S. Reis;Silva Reis, G.;G. Silva Reis;REIS, GEDEON S.2000REIS, G. S.; JORGE JÚNIOR, A. M. ; BALANCIN, O. . Influence of the microstructure of duplex stainless steels on their failure characteristics during hot deformation. MATERIALS RESEARCH BULLETIN, Brasil, v. 3, n.no 2, p. 31-35, 2000.

17.
REIS, G. S.;REIS, GEDEON SILVA;REIS, GEDEON SIVA;Reis, G.S.;G.S.Reis;G.S.R.;Gedeon Silva Reis;Gedeon Reis;Gedeon S. Reis;Silva Reis, G.;G. Silva Reis;REIS, GEDEON S.2000REIS, G. S.; JORGE Jr., A. M. ; BALANCIN, O. . Influence o the microstructure of duplex stainless steels on their failure characteristics during hot deformation. Materials Research-Ibero-american Journal of Materials, v. 3, n.2, p. 31-35, 2000.

18.
REIS, G. S.;REIS, GEDEON SILVA;REIS, GEDEON SIVA;Reis, G.S.;G.S.Reis;G.S.R.;Gedeon Silva Reis;Gedeon Reis;Gedeon S. Reis;Silva Reis, G.;G. Silva Reis;REIS, GEDEON S.1998REIS, G. S.; BALANCIN, O. . Simulacion del comportamiento en caliente de un acero inoxidable duplex en estado colado y deformado mecanicamente. Información Tecnológica (Impresa), La Serena - Chile, v. 9, n.4, p. 17-21, 1998.

19.
HOFFMANN, W. A. M.1998HOFFMANN, W. A. M. ; REIS, G. S. ; BALANCIN, O. . Simulacion del Trabajado Mecanico en Caliente de un Acero Inoxidable Duplex com Estructura de Colada y Estructura Trabajada. Información Tecnológica (Impresa), v. 9,n4, p. 17-21, 1998.

20.
SILVEIRA, C. A.1996SILVEIRA, C. A. ; REIS, G. S. ; BALANCIN, O. . O papel da evolução microestrutural na trabalhabilidade a quente de aços inoxidáveis austeno-ferríticos. REM. Revista Escola de Minas (Impresso), Ouro Preto - MG, v. 50, n.3, p. 34-38, 1996.

21.
BALANCIN, O.1995BALANCIN, O. ; REIS, G. S. . The effect of microstructure in the ductility of DIN W. Nr. 1.4460 duplex stainless steel. Acta Microscópica, v. 4, n.Supl B, p. 139-139, 1995.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
ARAÚJO, Mauro ; PAIVA, A. E. M. ; REIS, G. S. . CORRELAÇÃO ENTRE A MICROESTRUTURA E O ESCOAMENTO PLÁSTICO DO AÇO INOXIDÁVEL DUPLEX DIN W. NR. 1.4462 SUBMETIDO AO TRABALHO A QUENTE ATRAVÉS DE ENSAIOS DE TORÇÃO. 1ed. ed. Saarbrucken - Alemanha: Novas Edições Acadêmicas, 2017. v. vol.1. 149pp .

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
FERREIRA, RAFAEL PEREIRA ; SILVA, EDEN SANTOS DA ; NASCIMENTO, CARMEM CÉLIA FRANCISCO DO ; REIS, GEDEON SILVA . PARAMETRIZAÇÃO DAS CURVAS DE ESCOAMENTO PLÁSTICO DO AÇO INOXIDÁVEL AUSTENÍTICO AISI 316 L. In: 53º Seminário de Laminação, 2017, Rio de Janeiro. Anais do Seminário de Laminação e Conformação. São Paulo: Editora Blucher, 2016. p. 11-20.

2.
Silva Neto, A. ; RODRIGUES, S. F. ; Cabeça, M. C. S. ; REIS, G. S. ; De Oliveira, Antonio Maia . Influência da Granulometria da Hidroxiapatita na Aplicação de Revestimento sobre o Aço Inoxidável Austenítico ASTM F-138. In: CONEM 2016 Congresso Nacional de Engenharia Mecânica, 2016, Fortaleza. CONEM 2016 Congresso Nacional de Engenharia Mecânica, 2016.

3.
DAMASCENA, J. C. ; COSTA, L. M. ; PEREIRA, L. M. ; Rodrigues, J. R. P. ; VILARINHO, L. O. ; REIS, G. S. ; NASCIMENTO, C. C. F. . Comparar a Resistência à Corrosão sobre a ZAC de um Aço Inoxidável Ferrítico por Diferentes Técnicas de Acabamento Superficial. In: 8 Congresso Brasileiro de Engenharia de Fabricação, 2015, Salvador. 8 COBEF, 2015.

4.
Medeiros, M. A ; RODRIGUES, S. F. ; REIS, G. S. . CORRELAÇÃO ENTRE AS CURVAS DE ESCOAMENTO PLÁSTICO A QUENTE E AS MICROESTRUTURAS DO AÇO INOXIDÁVEL AUSTENÍTICO DUPLEX DIN W. NR. 14462. In: 69º Congresso anual da ABM-Internacional, 2014, São Paulo. 69º congresso anual abm,, 2014, São Paulo-SP. 69th abm international annual congress. São Paulo: ABM, 2014. v. 1. p. 1-10.

5.
HELIO SOBRINHO, J ; REIS, G. S. ; RODRIGUES, S. F. . CORROSÃO NAS REGIÕES DE INSTABILIDADE PLÁSTICA NO AÇO INOXIDÁVEL AUSTENITICO ALTO NITROGÊNIO ISO 5832-9.. In: 69º Congresso anual da ABM-Internacional, 2014, São Paulo. 69º congresso anual abm,, 2014, São Paulo-SP. 69th abm international annual congress. São Paulo: ABM, 2014. v. 1. p. 1-10.

6.
RODRIGUES, S. F. ; REIS, G. S. ; SOUSA, Regina Célia ; Silva, E. S. ; Medeiros, M. A . THE ISO 5832-9 STEEL HOT FLOW CURVES, AN ANALYTICAL STUDY. In: 69º Congresso anual da ABM-Internacional, 2014, São Paulo. 69º congresso anual abm,, 2014, São Paulo-SP. 69th abm international annual congress. São Paulo: ABM, 2014. v. 1. p. 1-10.

7.
Silva, E. S. ; REIS, G. S. ; SOUSA, Regina Célia ; COSTA, S. ; BALANCIN, O. . PRECIPITAÇÃO INDUZIDA POR DEFORMAÇÃO NO AÇO ALTO NITROGÊNIO ASTM F-1586. In: 21 Congresso Brasileiro de Engenharia e Ciência dos Materiais, 2014, Cuiabá. 21 Congresso Brasileiro de Engenharia e Ciência dos Materiais, 2014. v. 21. p. 1.

8.
HELIO SOBRINHO, J ; Silva, E. S. ; SOUSA, Regina Célia ; REIS, G. S. ; SANTOS, E. ; Mercury,J.M.R . Plastic instability in ISO 5832-9 High-Nitrogen Austenitic Stainless steell. In: 69 ABM International Annual Congress, 2014, São Paulo. 69 ABM International Annual Congress, 2014, São Paulo. 69 ABM International Annual Congress, 2014, São Paulo. 69 ABM International Annual Congress, 2014. v. 69. p. 39.

9.
RODRIGUES, S. F. ; Silva, E. S. ; REIS, G. S. . ESTUDO ANALÍTICO DE CURVAS DE ESCOAMENTO PLÁSTICO A QUENTE DO AÇO INOXIDÁVEL AUSTENÍTICO ALTO NITROGÊNIO. In: Congresso Anual da Associação Brasileira de Metalurgia, Materiais e Mineração, 2013, Belo Horizonte-MG. 68 Congresso anual da ABM, 2013.

10.
ARANHA JUNIOR, C. C. C. ; FIGUEIREDO, K. M. ; REIS, G. S. ; FERRARESI, V. A. ; Valdemar Silva Leal ; De Oliveira, Antonio Maia . CARACTERIZAÇÃO DA UNIÃO POR SOLDAGEM DO AÇO 1045 SOLDADA COM ELETRODO DURO E6-UM-60R EMPREGADA COMO CHAPA DE DESGASTE NO REVESTIMENTO DE SILO DE BAUXITA - ESTUDO DE CASO. In: VII Congresso Nacional de Engenharia Mecânica, 2012, São Luis-MA. VII Congresso Nacional de Engenharia Mecânica, 2012.

11.
NASCIMENTO, F. C. B. ; FIGUEIREDO, K. M. ; REIS, G. S. ; De Oliveira, Antonio Maia ; Valdemar Silva Leal ; FERRARESI, V. A. . CARACTERIZAÇÃO DA UNIÃO POR SOLDAGEM DO AÇO 1045 E DA DEPOSIÇÃO SOBRE CHAPA A36 UTILIZANDO O ELETRODO TUBULAR AUTOPROTEGIDO DE REVESTIMENTO DURO MF-6-GF-55-GP. In: VII Congresso Nacional de Engenharia Mecânica, 2012, São Luis-MA. VII Congresso Nacional de Engenharia Mecânica, 2012.

12.
Silva, E. S. ; SOUSA, Regina Célia ; Balancin, Oscar ; REIS, G. S. . Precipitation-induced strain in the ISO 5832-9 austenitic stainless steel used in orthopedic implants. In: VII Congresso Nacional de Engenharia Mecânica, 2012, São Luis-MA. VII Congresso Nacional de Engenharia Mecânica, 2012.

13.
A.A. da Silva ; REIS, G. S. ; BALANCIN, O. . ESTUDO DO COMPORTAMENTO PLÁSTICO A QUENTE DO AÇO INOXIDÁVEL AUSTENÍTICO ASTM F138 ATRAVÉS DO ENSAIO DE TORÇÃO. In: 19o CBECIMAT, 2010, Campos do Jordão. 19o Congresso Brasileiro de Ciência e Engenharia de Materiais, 2010.

14.
da Silva, Peterson ; REIS, G. S. ; FIGUEIREDO, K. M. ; Valter ; FERRARESI, V. A. . Influência da Variação do Aporte Térmico Sobre a Microestrutura de Juntas Soldadas em Aço ARBL SAR 100T Utilizando o Processo de Soldagem por Arame Tubular. In: VI Congresso Nacional de Engenharia Mecânica, 2010, Campina Grande-PB. VI CONEM 2010, 2010.

15.
K.K.Rocha ; REIS, G. S. . Estudo do Amaciamento Entre Deformação na Torção a Quente do Aço Inoxidável ASTM F138. In: Seminário de Pesquisa, Pós Graduação, Inovação e Extensão do IFMA, 2010, São Luis-MA. SEPPIE-IFMA, 2010.

16.
REIS, G. S.; ARAÚJO, Mauro ; Antonio Ernandes Macedo Paiva ; BALANCIN, O. . Influência da Microestrutura sobre o Fenômeno de Fluxo Localizado Durante a Deformação a Quente do Aço Inoxidável Duplex DIN W.Nr. 1.4462. In: V Congresso Nacional de Engenharia Mecânica, 2008, Salvador-BA. Trabalhos Publicados. Meios Eletrônicos: Eletrônico, 2008. v. CD.

17.
REIS, G. S.; BALANCIN, O. ; ARAÚJO, Mauro . Influencia da taxa de deformação sobre o fenõmeno de fluxo localizado durante a deformação a quente do aço inoxidável duplex DIN W.Nr.1.4462. In: 18 CBECIMAT, 2008, Porto de Galinhas-PE. CBECIMAT 2008. São Paulo: Metallum, 2008.

18.
REIS, G. S.; BALANCIN, O. . Efeito da Microestrutura na Ductilidade a Quente dos Aços Inoxidáveis Duplex. In: I Encontro Norte e Nordeste de Ciência e Engenharia de Materiais (I ENNCEM) e II Encontro Maranhense de Ciência e Engenharia de Materiais (II EMCEM), 2007, São Luis-MA. Meio Eletrônico, 2007.

19.
REIS, G. S.. Trabalhabilidade a Quente dos Materiais Metálicos. In: XIII Encontro de físicos do norte e nordeste, 2005, Salvador - BA. XIII Encontro de físicos do norte e nordeste, 1995. v. Mat. p. 105-105.

20.
REIS, G. S.; JORGE JÚNIOR, A. M. ; BALANCIN, O. . Influence of the Microstructure on Hot Ductility of Duplex Stainless Steels. In: . In: THERMEC'2000, 2000, Las Vegas. Journal of Materials Processing Technology, 2000. v. v. 117. p. 1-6.

21.
REIS, G. S.; BALANCIN, O. . Determinação do comportamento termomecânico de dois aços austenos-ferríticos usando ensaios de torção. In: 13o CBECIMAT e VI SEMEL, 1998, Curitiba - PR. 13o CBECIMET - Anais, 1998. v. CD. p. 1060-1068.

22.
REIS, G. S.; BALANCIN, O. . Correlação: Processamento termomecânico e estrutura de aços inoxidáveis bifásicos (austeno-ferrítico). In: V Congresso de Engenharia Mecânica Norte Nordeste, 1998, Fortaleza - CE. Anais do V CEM, 1998. v. IV. p. 178-185.

23.
REIS, G. S.; BALANCIN, O. . Simulação da trabalhabilidade a quente de um aço inoxidável duplex com estruturas trabalhada e bruta de fusão obtida por microfusão. In: CONAMET IX e IBEROMET IV, 1996, Santiago - Chile. Anales, 1996. v. 2. p. 1532-1544.

24.
REIS, G. S.; BALANCIN, O. . Trabalhabilidade a quente de um aço inoxidável ferrítico com microestruturas trabalhada e bruta de fusão. In: 12o CBECIMAT, 1996, Águas de Lindóia - SP. Anais do 12o CBECIMAT, 1996. p. 1046-1049.

25.
REIS, G. S.; BALANCIN, O. . Determinação da ductilidade a quente de um aço inoxidável austeno-ferrítico com estrutura bruta de fusão em amostras obtidas por microfusão. In: 12o CBECIMAT, 1996, Águas de Lindóia - SP. Anais do 12o CBECIMAT, 1996. p. 975-978.

26.
REIS, G. S.; SILVEIRA, C. A. ; BALANCIN, O. . Processo de microfusão: Um método de obtenção de estruturas fundidas para o estudo da trabalhabilidade a quente de aços. In: IV Congresso de Engenharia Mecânica Norte e Nordeste, 1996, Recife - PE. Anais do IV CEM, 1996. v. 1. p. 185-190.

27.
REIS, G. S.; BALANCIN, O. . Trabalhabilidade a quente do aço DIN W. Nr. 1.4460 com estrutura bruta de fusão. In: 50o Congresso anual da ABM, 1995, São Pedro - SP. Anais do 50o Congresso da ABM, 1995. v. 6. p. 481-489.

28.
REIS, G. S. ; BALANCIN, O. . Influência da evolução microestrutural no processamento a quente de aços inoxidáveis austeno-ferríticos. In: XV Seminário nacional de forjamento, 1995, Porto Alegre _ RS. Anais do XV seminário de forjamento, 1995. v. XI. p. 9-25.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
PALHANO, H.B. ; MIRANDA JUNIOR, E. J. P. ; REIS, G. S. ; RODRIGUES, Samuel. F. ; JONAS, J. . Dynamic transformation of an X70 pipe line steel under simulated Steckel mill rolling process. In: 23 Congresso Brasileiro de Engenharia e Ciência dos Materiais, 2018, Foz do Iguaçu. CBECIMAT, 2018.

2.
SOUSA, P. J. ; LEITAO FILHO, S. R. J. B. ; SOUSA, M. ; REIS, G. S. ; NASCIMENTO, C. C. F. . Estudo de Inibidores Verdes de Corrosão em Sistema com Fluxo Turbulento por Meio de T[ecnicas Eletroquímicas. In: 23 Congresso de Engenharia e Ciência dos Materiais, 2018, Foz do Iguaçu. CBECIMAT 2018, 2018.

3.
REIS, G. S.; BALANCIN, O. . Influência da Microestrutura no Comportamento Plástico dos Aços Inoxidáveis Duplex. In: 17 CBECIMAT, 2006, Foz do Iguaçu. Midia Eletrônica, 2006.

4.
REIS, G. S.; BALANCIN, O. . Processamento mecânico a quente do aço austeno-ferrítico. In: Jornadas SAM'98 IBEROMET V, 1998, Rosário - Argentina. Iberomet 98 - Resúmenes, 1998. p. 35-35.

5.
REIS, G. S.; SILVEIRA, C. A. ; BALANCIN, O. . Estudo da ductilidade e resistência mecânica de estruturas microfundidas de um aço inoxidável austenítico. In: Reunião anual da SBPC, 1995, São Luis-MA. 47a Reunião anual da SBPC, 1995. v. III. p. 57-57.

6.
REIS, G. S.; BALANCIN, O. . Influência da microestrutura em aços inoxidáveis dúplex na trabalhabilidade a quente através do ensaio de torção a quente. In: Reunião anual da SBPC, 1995, São Luis _MA. 47a Reunião anual da SBPC, 1995. v. II. p. 67-67.

7.
SANTOS, J. M. R. ; REIS, G. S. ; BALANCIN, O. . Comportamento mecânico em alta temperatura e alta taxa de deformação de um aço inoxidável bifásico. In: XIII Encontro de físicos do norte e nordeste, 1995, Salvador - BA. XIII Encontro de físicos do norte e nordeste, 1995. v. Mat. p. 105-105.

8.
REIS, G. S.; BALANCIN, O. . Processamento de um aço inoxidável bifásico ( austeno-ferrítico) em altas temperaturas. In: 3a Jornadas de investigacion para investigadores jovenes y/o en formacion, 1995, Salto- Uru e Concordia-Arg. Anales da 3a Jornadas de investigacion, 1995. p. 129-129.

Apresentações de Trabalho
1.
SOUSA, J. ; JUNIOR, A. ; JUNIOR, J. ; SOUSA, M. ; REIS, G. S. ; NASCIMENTO, C. C. F. . Influência do Fluxo Turbulento em Ambientes Salinos: Correlações entre Espectroscopia de Impedância Eletroquímica (EIE) e Polarização Potenciodinâmica (PP). 2018. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

2.
SOUSA, J. ; SOUSA, M. ; REIS, G. S. ; NASCIMENTO, C. C. F. . Estudo do Limoneno como Inibidor Verde de Corrosão em Sistema com Fluxo Turbulento por Meio de Técnicas Eletroquímicas. 2018. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

3.
REIS, G. S.. Expansão no IFMA: Desafios e Perspectivas. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
REIS, G. S.. O Mundo é Quântico?. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
SOUSA, J. ; SOUSA, M. ; NASCIMENTO, C. C. F. ; REIS, G. S. . Estudo da Eficiência de Inibidores Verdes de Corrosão por Medidas Eletroquímicas. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

6.
REIS, G. S.. EFEITO DAS CONDIÇÕES DE PROCESSAMENTO TERMOMECÂNICO NA SUSCEPTIBILIDADE À CORROSÃO DO AÇO INOXIDÁVEL AUSTENÍTICO AISI 316 L. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

7.
Silva, E. S. ; CABRERA, J. M. ; REIS, G. S. ; BALANCIN, O. . EVIDÊNCIA DA PRECIPITAÇÃO DA FASE Z NO AÇO INOXIDÁVEL AUSTENITICO ISO 5832-9. 2013. 2013. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

8.
Silva, E. S. ; REIS, G. S. ; SOUSA, Regina Célia . Simulação Fisica do Processamento Termomecanico. 2013. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

9.
REIS, G. S.; A.A. da Silva . Estudo analítico das curvas de escoamento plástico a quente do aço inoxidável austenítico alto nitrogênio. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

10.
REIS, G. S.; da Silva, Gleydiane . Influência do Tratamento Térmico Sobre a Microestrutura do Aço ARBL SAR 100-T. 2010. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

11.
REIS, G. S.; da Silva, Peterson . Influência da Variação do Aporte Térmico Sobre a Microestrutura de Juntas Soldadas em Aço ARBL SAR 100T Utilizando o Processo de Soldagem por Arame Tubular. 2010. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

12.
REIS, G. S.; DUTRA, P. . Pesquisa e Produção de Material Didático Pedagógico para a Disciplina Ciência dos Materiais. 2009. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

13.
REIS, G. S.; Sousa, K . Pesquisa e Produção de Material Didático Pedagógico para a Disciplina Conformação Plástica dos Metais. 2009. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

14.
REIS, G. S.; ARAÚJO, Mauro ; Antonio Ernandes Macedo Paiva ; BALANCIN, O. . Influência da microestrutura sobre o fenômeno de fluxo localizado durante a deformação a quente do aço inoxidável duplex DIN W. Nr. 1.4462. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

15.
REIS, G. S.; BALANCIN, O. ; ARAÚJO, Mauro . Influencia da Taxa de deformação sobre o fenomeno de Fluxo Localizado durante a Deformação a Quente do Aço Inoxidável Duplex DIN W.Nr.1.4462. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

16.
REIS, G. S.; BALANCIN, O. . Efeito da Microestrutura bna Ductilidade a Quente dos Aços Inoxidáveis Duplex. 2007. (Apresentação de Trabalho/Outra).

17.
REIS, G. S.; BALANCIN, O. . Influência da Microestrutura no Comportamento Plástico dos Aços Inoxidáveis Duplex. 2006. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

18.
REIS, G. S.. Trabalhabilidade a Quente dos Materiais Metálicos. 2005. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

19.
REIS, G. S.; BALANCIN, O. . Determinação da Ductilidade a Quente de um aço Inoxidável Austeno-Ferrítico com Estrutura Bruta de Fusão em Amostras Obtidas por Microfusão. 1996. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

20.
REIS, G. S.; BALANCIN, O. . Influência da Microestrutura em aços Inoxidáveis na Trabalhabilidade a Quente Através do Ensaio de Torção a Quente. 1995. (Apresentação de Trabalho/Outra).

21.
REIS, G. S.; BALANCIN, O. . Estudo da Ductilidade e Resistência Mecânica de Estruturas Microfundidas de um Aço Inoxidável Austenítico. 1995. (Apresentação de Trabalho/Outra).

22.
REIS, G. S.; BALANCIN, O. . Processamento de um Aço Inoxidável Bifásico (austeno-ferrítico) em Altas Temperaturas. 1995. (Apresentação de Trabalho/Outra).

23.
REIS, G. S.; BALANCIN, O. . The Efectt of Microstructure in the Ductility of DIN W.Nr.!.4460 Duplex Stainless Steel. 1995. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

24.
REIS, G. S.; BALANCIN, O. . Trabalhabilidade a Quente do Aço DIN W.Nr.1.4460 com Estrutura Bruta de Fusão. 1995. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

25.
REIS, G. S.; Balancin, Oscar . III Jornada de Investigacion de Jovenes y/o formacion del grupo Montevideo. 1995. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

Outras produções bibliográficas
1.
REIS, G. S.. Acta Tecnológica do IFMA. São Luís-MA, 2017. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Edital da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Pernambuco (Edital 02/2018)-Avaliou o plano de atividades intitulado SIMULAÇÃO COMPUTACIONAL PARA USO EM SMART CLOTHES. 2018.

2.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Edital da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão ( EDITAL PRPGI Nº 02/2018 - AUXÍLIO FINANCEIRO À PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS INTERNACIONAIS (DISCENTES))-Avaliador de Projetos Científico-Recuperação de Fissuras em Dormentes Ferroviários de Concreto: Procedimento e Estudo de Caso. 2018.

3.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Edital da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão ( EDITAL PRPGI Nº 01/2018 - AUXÍLIO FINANCEIRO À PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS INTERNACIONAIS (SERVIDORES))-Avaliador de Projetos Científico-EFEITO DA GRANULOMETRIA DO PÓ DE VIDRO UTILIZADO EM SUBSTITUIÇÃO PARCIAL AO CIMENTO NO CONCRETO. 2018.

4.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Edital da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão ( EDITAL PRPGI Nº 01/2018 - AUXÍLIO FINANCEIRO À PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS INTERNACIONAIS (SERVIDORES))-Avaliador de Projetos Científico-Recuperação de Fissuras em Dormentes Ferroviários de Concreto: Procedimento e estudo de caso. 2018.

5.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Edital da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão ( EDITAL PRPGI Nº 01/2018 - AUXÍLIO FINANCEIRO À PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS INTERNACIONAIS (SERVIDORES))-Avaliador de Projetos Científico-EFEITO DA GRANULOMETRIA DO PÓ DE VIDRO UTILIZADO EM SUBSTITUIÇÃO PARCIAL AO CIMENTO NO CONCRETO. 2018.

6.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Edital da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão ( EDITAL PRPGI Nº 01/2018 - AUXÍLIO FINANCEIRO À PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS INTERNACIONAIS (SERVIDORES))-Avaliador de Projetos Científico-Recuperação de Fissuras em Dormentes Ferroviários de Concreto: Procedimento e estudo de caso. 2018.

7.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Edital da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão ( EDITAL PRPGI Nº 03/2018 - PIBIC ENSINO MÉDIO 2018/2019)-Avaliador de Projetos Científico-Análise da automação dos processos industriais de uma Usina de Álcool na cidade de Coelho Neto -MA. 2018.

8.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Edital da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão ( EDITAL PRPGI Nº 03/2018 - PIBIC ENSINO MÉDIO 2018/2019)-Avaliador de Projetos Científico-DESENVOLVIMENTO DE UM DISPOSITIVO AUTÔNOMO DE BAIXO CUSTO PARA TRATAMENTO E PRODUÇÃO DE ADUBO ORGÂNICO. 2018.

9.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Edital da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão ( EDITAL PRPGI Nº 03/2018 - PIBIC ENSINO MÉDIO 2018/2019)-Avaliador de Projetos Científico-EFEITO LIGANTE DO MgO COM ADIÇÃO DE MgCl2 EM FORMULAÇÕES DE CONCRETOS REFRATÁRIOS. 2018.

10.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Edital da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão ( EDITAL PRPGI Nº 03/2018 - PIBIC ENSINO MÉDIO 2018/2019)-Avaliador de Projetos Científico-Estudo comparativo do escoamento de gás natural em linhas de produção fabricadas a partir de aço carbono e fibra de vidro situadas em Pedreiras e Trizidela do Va. 2018.

11.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Edital da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão ( EDITAL PRPGI Nº 03/2018 - PIBIC ENSINO MÉDIO 2018/2019)-Avaliador de Projetos Científico-MEDIÇÃO E ANÁLISE DE RUÍDOS EM OFICINA DE MOTOCICLETAS. 2018.

12.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Edital da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão ( EDITAL PRPGI Nº 03/2018 - PIBIC ENSINO MÉDIO 2018/2019)-Avaliador de Projetos Científico-Uso de secador para produção de Passas de Caju Região do Médio Mearim. 2018.

13.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Edital da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão ( EDITAL PRPGI Nº 04/2018 - PIBIC SUPERIOR 2018/2019)-Avaliador de Projetos Científico-Influência do tipo de Fibra nas Propriedades Mecânicas de um Concreto CPR Formulado por Software Computacional. 2018.

14.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Edital da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão ( Edital PRPGI Nº 19, de 29 de janeiro de 2018 - Programa de Apoio para Publicação - Livros e-Book)-Avaliador de Projetos Científico-Uma abordagem matemática da Resistência dos Materiais. 2018.

15.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Edital da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão ( EDITAL PRPGI Nº 132/2018 - PIVICT VIGÊNCIA 2018/2019)-Avaliador de Projetos Científico-Caracterização do pó de balão e possíveis aplicações dos seus constituintes. 2018.

16.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Edital da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão ( EDITAL PRPGI Nº 132/2018 - PIVICT VIGÊNCIA 2018/2019)-Avaliador de Projetos Científico-Controle de navegação de um veículo autoguiado. 2018.

17.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Edital da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão ( EDITAL PRPGI Nº 132/2018 - PIVICT VIGÊNCIA 2018/2019)-Avaliador de Projetos Científico-ESTUDO DA INFLUÊNCIA DO TEMPO DE ESTOCAGEM SOBRE O TEOR DE CaO LIVRE NA ESCÓRIA DE ACIARIA. 2018.

18.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Edital da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (EDITAL PRPGI Nº 132/2018 - PIVICT VIGÊNCIA 2018/2019)-Avaliador de Projetos Científico-ESTUDO DA RESISTÊNCIA MECÂNICA DE BRIQUETES DE FINOS DE CARVÃO E MINÉRIO DE FERRO. 2018.

19.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Edital da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Pernambuco (Edital 02/2018)-avaliou o plano de atividades intitulado SIMULAÇÃO HVAC UTILIZANDO DINÂMICA DOS FLUIDOS COMPUTACIONAL (CFD) PARA ANÁLISE DO CONFORTO TÉRMICO OBTIDO EM AMBIENTE INTERNO CLIMATIZADOS. 2018.

20.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc da FETEC MS- VIII Feira de Tecnologia Engenharia e Ciência de Mato Grosso do Sul / VII Feira de Tecnologia, Ciência e Criatividade do Ensino Fundamental de Mato Grosso do Sul / V Exposição de Projetos de Tecnologias, Engenharias e Ciências da Região Centro-Oeste-Avaliador de Projeto de Pesquisa-Proposta de embalagem para melhor escoamento de bebidas viscosas. 2018.

21.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc da FETEC MS- VIII Feira de Tecnologia Engenharia e Ciência de Mato Grosso do Sul / VII Feira de Tecnologia, Ciência e Criatividade do Ensino Fundamental de Mato Grosso do Sul / V Exposição de Projetos de Tecnologias, Engenharias e Ciências da Região Centro-Oeste-Avaliador de Projeto de Pesquisa-Mão Robótica Mecânica. 2018.

22.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc da FETEC MS- VIII Feira de Tecnologia Engenharia e Ciência de Mato Grosso do Sul / VII Feira de Tecnologia, Ciência e Criatividade do Ensino Fundamental de Mato Grosso do Sul / V Exposição de Projetos de Tecnologias, Engenharias e Ciências da Região Centro-Oeste-Avaliador de Projeto de Pesquisa-MOCHILA TECNOLÍGICA. 2018.

23.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Edital da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão ( EDITAL PRPGI Nº 04/2018 - PIBIC SUPERIOR 2018/2019)-Avaliador de Projetos Científico-Estudo comparativo do grau de recalque na usinagem de materiais metálicos e poliméricos. 2018.

24.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Edital da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão ( EDITAL PRPGI Nº 06/2017 - PIBIC SUPERIOR 2017/2018-Avaliador de Projetos Científico-GERENCIAMENTO INTEGRADO DOS RECURSOS HÍDRICOS: Elaboração de uma proposta de aperfeiçoamento do sistema de gestão do Estado do Maranhão.. 2017.

25.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Edital da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão ( EDITAL PRPGI Nº 06/2017 - PIBIC SUPERIOR 2017/2018)-Avaliador de Projetos Científico-SISTEMA NEBULOSO PARA NAVEGAÇÃO AUTONOMA DE VEÍCULO AÉREO NÃO TRIPULADO. 2017.

26.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Edital da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão ( EDITAL PRPGI Nº 07/2017 - PIBITI VIGÊNCIA 2017/2018)-Avaliador de Projetos Científico-ANTENA Patch DE MICROFITA COM MATERIAL VEGETAL.. 2017.

27.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Edital da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão ( EDITAL PRPGI Nº 07/2017 - PIBITI VIGÊNCIA 2017/2018)-Avaliador de Projetos Científico-MELHORIAS DA OPERACIONALIDADE E VERIFICAÇÃO DA EFICIÊNCIA DE UM PROTÓTIPO ERGOMÉTRICO PARA PORTADORES DE PARAPLEGIA. 2017.

28.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Edital da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (EDITAL PRPGI Nº 29/2017 - AUXÍLIO FINANCEIRO À PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS INTERNACIONAIS (SERVIDORES)-Avaliador de Projetos Científico-APLICAÇÃO DA TÉCNICA DE ADOÇAMENTO POR TIG DRESSING PARA MITIGAR CORROSÃO NA ZAC DE UNIÃO SOLDADA. 2017.

29.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Edital da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão ( EDITAL PRPGI Nº 29/2017 - AUXÍLIO FINANCEIRO À PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS INTERNACIONAIS (SERVIDORES)-Avaliador de Projetos Científico-BOUNDARY ELEMENT METHOD APPLIED TO ORTOTROPIC THICK PLATES. 2017.

30.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Edital da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (EDITAL PRPGI Nº 29/2017 - AUXÍLIO FINANCEIRO À PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS INTERNACION)-Avaliador de Projetos Científico-PREPARATION OF LITHIUM BIRNESSITE-TYPE MATERIAL EMPLOYING MN RESIDUES FROM CARAJÁS MINERAL PROVINCE (PARÁ STATE, BRAZIL). 2017.

31.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Edital da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (EDITAL PRPGI Nº 30/2017 - AUXÍLIO FINANCEIRO À PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS INTERNACIONAIS (DISCENTES))-Avaliador de Projetos Científico-CONCESSÃO DE AUXÍLIO FINANCEIRO A ALUNOS DO IFMA PARA A PARTICIPAÇÃO NO EVENTO COBEM 2017. 2017.

32.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Edital da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão (EDITAL PRPGI Nº 30/2017 - AUXÍLIO FINANCEIRO À PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS INTERNACIONAIS (DISCENTES))-Avaliador de Projetos Científico-CONCESSÃO DE AUXÍLIO FINANCEIRO PARA APRESENTAÇÃO DE TRABALHO NO 24° CONGRESSO INTERNACIONAL DE ENG. MEC.. 2017.

33.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Edital da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão ( EDITAL PRPGI Nº 30/2017 - AUXÍLIO FINANCEIRO À PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS INTERNACIONAIS (DISCENTES))-Avaliador de Projetos Científico-FORMULAÇÃO DO METODO DOS ELEMENTOS DE CONTORNO PARA PLACAS DE KIRCCHOFF. 2017.

34.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Edital da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão ( EDITAL PRPGI Nº 30/2017 - AUXÍLIO FINANCEIRO À PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS INTERNACIONAIS (DISCENTES))-Avaliador de Projetos Científico-Influência do gás de purga na geração da trinca de hidrogênio em juntas soldadas de um aço ARBL. 2017.

35.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Edital da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão ( EDITAL PRPGI Nº 30/2017 - AUXÍLIO FINANCEIRO À PARTICIPAÇÃO EM EVENTOS CIENTÍFICOS INTERNACIONAIS (DISCENTES))-Avaliador de Projetos Científico-PROPOSTA PARA PARTICIPAÇÃO NO 13 CIBEM / LISBOA / PORTUGAL. 2017.

36.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Edital da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão ( EDITAL PRPGI Nº 35/2017 - PROGRAMA INSTITUCIONAL VOLUNTÁRIO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA (PIVIC) VIGÊNCIA 2017/2018)-Avaliador de Projetos Científico-UTILIZAÇÃO DOS RESIDUOS GERADOS NO PROCESSO INDUSTRIAL LD NA FABRICAÇÃO DO CIMENTO PORTLAND POZOLÃNICO.. 2017.

37.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do III Universo IFMA, promovido pelo Instituto Federal de Educação, Ciência do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão -Avaliador de Trabalhos Científico no evento-Sistema miso inteligente nebuloso para controle de iluminação. 2017.

38.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do I Encontro de Pesquisa, Pós-Graduação, Inovação, Iniciação- à Docência e Extensão (EPIDE 2017) do Campus São Luís Monte Castelo do Instituto Federal do Maranhão-Avaliador de Projeto de Pesquisa-MODELAGEM E PROJETO DE UM CONTROLADOR PID DE VELOCIDADE E TRAÇÃO EM MOTORES ELÉTRICOS BLDC: ESTUDO DE CASO EM UM PROTÓTIPO VEICULAR ELÉTRICO. 2017.

39.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do I Encontro de Pesquisa, Pós-Graduação, Inovação, Iniciação à Docência e Extensão (EPIDE 2017) do Campus São Luís Monte Castelo do IFMA-Avaliador de Projetos de Pesquisa-ANÁLISE FLUIDODINÂMICA COMPUTACIONAL DA AERODINÂMICA DO PROTÓTIPO VEICULAR DESENVOLVIDO PARA PARTICIPAÇÃO NA MARATONA UNIVERSITÁRIA DE EFICIENCIA ENERGÉTICA. 2017.

40.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do I Encontro de Pesquisa, Pós-Graduação, Inovação, Iniciação à Docência e Extensão (EPIDE 2017) do Campus São Luís Monte Castelo do IFMA-Avaliador de Projetos de Pesquisa-ANÁLISE DO SISTEMA DE INJEÇÃO ELETRÔNICA PROGRAMÁVEL APLICADOS A MOTORES A COMBUSTÃO INTERNA MULTIPONTO. 2017.

41.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do I Encontro de Pesquisa, Pós-Graduação, Inovação, Iniciação- à Docência e Extensão (EPIDE 2017) do Campus São Luís Monte Castelo do Instituto Federal do Maranhão-Avaliador de Projeto de Pesquisa-ESTUDO DA TRINCA DE HIDROGÊNIO NA SOLDAGEM DE AÇOS COM DIFERENTES TAXAS DE RESFRIAMENTO. 2017.

42.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do I Encontro de Pesquisa, Pós-Graduação, Inovação, Iniciação- à Docência e Extensão (EPIDE 2017) do Campus São Luís Monte Castelo do Instituto Federal do Maranhão-Avaliador de Projeto de Pesquisa-PROJETO DE UM DISPOSITIVO MANUAL PARA DESENVOLVIMENTO DE AULAS PRÁTICAS DE CONFORMAÇÃO MECÂNICA EM CURSOS TÉCNICOS. 2017.

43.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do I Encontro de Pesquisa, Pós-Graduação, Inovação, Iniciação- à Docência e Extensão (EPIDE 2017) do Campus São Luís Monte Castelo do Instituto Federal do Maranhão-Avaliador de Projeto de Pesquisa-ESTUDO DA USINABILIDADE DO ALUMÍNIO ATRAVÉS DO MÉTODO DA PRESSÃO CONSTANTE NA FURAÇÃO, COM A UTILIZAÇÃO DE FLUIDO LUBRIFICANTE VEGETAL. 2017.

44.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do I Encontro de Pesquisa, Pós-Graduação, Inovação, Iniciação- à Docência e Extensão (EPIDE 2017) do Campus São Luís Monte Castelo do Instituto Federal do Maranhão-Avaliador de Projeto de Pesquisa-MELHORIA DA EFICIÊNCIA DO PROCESSO, A PARTIR DO TRATAMENTO TÉRMICO DE ALÍVIO DE TENSÃO EM ALUMÍNIO LAMINADO A FRIO. 2017.

45.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do I Encontro de Pesquisa, Pós-Graduação, Inovação, Iniciação- à Docência e Extensão (EPIDE 2017) do Campus São Luís Monte Castelo do Instituto Federal do Maranhão-Avaliador de Projeto de Pesquisa-ESTUDO DE INIBIDORES DE CORROSÃO POR MEDIDAS ELETROQUIMICAS. 2017.

46.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do I Encontro de Pesquisa, Pós-Graduação, Inovação, Iniciação- à Docência e Extensão (EPIDE 2017) do Campus São Luís Monte Castelo do Instituto Federal do Maranhão-Avaliador de Projeto de Pesquisa-ESTUDO DO DESEMPENHO EM PAINÉIS FOTOVOLTAICOS EM FUNÇÃO DAS CONDIÇÕES METEOROLÓGICAS. 2017.

47.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do I Encontro de Pesquisa, Pós-Graduação, Inovação, Iniciação- à Docência e Extensão (EPIDE 2017) do Campus São Luís Monte Castelo do Instituto Federal do Maranhão-Avaliador de Projeto de Pesquisa-CONTROLE PID DE TEMPERATURA EM FORNOS INDUSTRIAIS VIA MICROCONTROLADOR ARDUÍNO. 2017.

48.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do I Encontro de Pesquisa, Pós-Graduação, Inovação, Iniciação- à Docência e Extensão (EPIDE 2017) do Campus São Luís Monte Castelo do Instituto Federal do Maranhão-Avaliador de Projeto de Pesquisa-INFLUÊNCIA DA EXPOSIÇÃO DE ARMADURAS DAS ESTRUTURAS DE CONCRETO EM DIVERSOS AMBIENTES. 2017.

49.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do III Universo IFMA, promovido pelo Instituto Federal de Educação, Ciência do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão -Avaliador de Trabalhos Científico no evento-Análise e projeto de controladores neurais baseado em modelo de referência aplicado a processos industriais não‐lineares. 2017.

50.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do III Universo IFMA, promovido pelo Instituto Federal de Educação, Ciência do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão -Avaliador de Trabalhos Científico no evento-Projeto e implementação de observador de estado adaptativo via instrumentação virtual de alto desempenho. 2017.

51.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc da FETEC MS- Feira de Tecnologia Engenharia e Ciência de Mato Grosso do Sul da UFMS-avaliador(a) online na FETECMS 2016 (Feira de Tecnologias, Engenharias e Ciências de Mato Grosso do Sul). 2016.

52.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc da FETEC MS- Feira de Tecnologia Engenharia e Ciência de Mato Grosso do Sul da UFMS-avaliador(a) online na FETECMS 2015 (Feira de Tecnologias, Engenharias e Ciências de Mato Grosso do Sul). 2015.

53.
REIS, G. S.. Consultor Ad Hoc no X CONNEPI 2015 ? Congresso Norte Nordeste de Pesquisa e Inovação com 06 artigos avaliados.. 2015.

54.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Programa de Iniciação Científica, Desenvolvimento Tecnológico e Inovação e de incentivo acadêmico (Editais 01, 02, 03/2015), da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Pernambuco (IFPE)-avaliou: ESTUDO SOBRE A UTILIZAÇÃO DE LIGA COM MEMÓRIA DE FORMA PARA ATUAÇÃO EM GARRA ROBÓTICA. 2015.

55.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Programa de Iniciação Científica, Desenvolvimento Tecnológico e Inovação e de incentivo acadêmico (Editais 01, 02, 03/2015), da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Pernambuco (IFPE)-avaliou: INSTRUMENTAÇÃO E CONTROLE DE GARRA ROBÓTICA UTILIZANDO LMF NÍQUEL-TITÂNEO. 2015.

56.
REIS, G. S.. Consultor Ad Hoc Avaliações Concluídas-FAPEMA-FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA E AO DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO DO MARANHÃO- INFRA-01693/14 Edital 18/2014. 2014.

57.
REIS, G. S.. Consultor Ad Hoc Avaliações Concluídas-FAPEMA-FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA E AO DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO DO MARANHÃO- APEC-00372/14 Edital 12/2014. 2014.

58.
REIS, G. S.. Consultor Ad Hoc Avaliações Concluídas-FAPEMA-FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA E AO DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO DO MARANHÃO- BATI-02920/14 Edital 32/2014. 2014.

59.
REIS, G. S.. Consultor Ad Hoc Avaliações Concluídas-FAPEMA-FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA E AO DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO DO MARANHÃO- BATI-03049/14 Edital 32/2014. 2014.

60.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc da FETEC MS- Feira de Tecnologia Engenharia e Ciência de Mato Grosso do Sul da UFMS-Avaliador de Projeto de Pesquisa-Mini compactador de lixo reciclável. 2014.

61.
REIS, G. S.. Consultor AdHoc do Programa de Iniciação Científica e Tecnológica ciclo 2014/2015, da Pró-Reitoria de Pesquisa, Pós-Graduação e Inovação do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Pernambuco (IFPE)-avalior de Projetos:. 2014.

62.
REIS, G. S.. Consultor Ad Hoc Avaliações Concluídas-FAPEMA-FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA E AO DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO DO MARANHÃO- IC-JR-01075/13 Edital 08/2013. 2013.

63.
REIS, G. S.. Consultor Ad Hoc Avaliações Concluídas-FAPEMA-FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA E AO DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO DO MARANHÃO- IC-JR-01170/13 Edital 08/2013. 2013.

64.
REIS, G. S.. Consultor Ad Hoc Avaliações Concluídas-FAPEMA-FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA E AO DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO DO MARANHÃO- IC-JR-01184/13 Edital 08/2013. 2013.

65.
REIS, G. S.. Consultor Ad Hoc Avaliações Concluídas-FAPEMA-FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA E AO DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO DO MARANHÃO- IC-JR-01201/13 Edital 08/2013. 2013.

66.
REIS, G. S.. Consultor Ad Hoc Avaliações Concluídas-FAPEMA-FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA E AO DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO DO MARANHÃO- PROCIENCIA-02958/13 Edital 23/2013. 2013.

67.
REIS, G. S.. Consultor Ad Hoc Avaliações Concluídas-FAPEMA-FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA E AO DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO DO MARANHÃO- APCINTER-00260/14 Edital 44/2013. 2013.

68.
REIS, G. S.. Consultor Ad Hoc Avaliações Concluídas-FAPEMA-FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA E AO DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO DO MARANHÃO-APEC-01025/12 Edital 11/2012-. 2012.

69.
REIS, G. S.. Consultor Ad Hoc Avaliações Concluídas-FAPEMA-FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA E AO DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO DO MARANHÃO- BATI-01486/12 Edital 23/2012. 2012.

70.
REIS, G. S.. Consultor Ad Hoc Avaliações Concluídas-FAPEMA-FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA E AO DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO DO MARANHÃO- ARTIGO-03034/12 Edital 04/2012. 2012.

71.
REIS, G. S.. Consultor Ad Hoc Avaliações Concluídas-FAPEMA-FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA E AO DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO DO MARANHÃO- PROCIENCIA-03831/12 Edital 39/2012. 2012.

72.
REIS, G. S.. Consultor Ad Hoc Avaliações Concluídas-FAPEMA-FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA E AO DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO DO MARANHÃO- INFRA-00744/11 Edital 18/2011. 2011.

73.
REIS, G. S.. Consultor Ad Hoc Avaliações Concluídas-FAPEMA-FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA E AO DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO DO MARANHÃO- BM-01493/11 Edital 19/2011. 2011.

74.
REIS, G. S.. Consultor Ad Hoc Avaliações Concluídas-FAPEMA-FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA E AO DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO DO MARANHÃO- BD-00237/10 Edital 02/2010. 2010.

75.
REIS, G. S.. Consultor Ad Hoc Avaliações Concluídas-FAPEMA-FUNDAÇÃO DE AMPARO À PESQUISA E AO DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO DO MARANHÃO- BD-00218/10 Edital 02/2010. 2010.

Produtos tecnológicos
1.
SANTOS, O. J. ; REIS, G. S. ; BARROS FILHO, A. K. D. ; OLEA, R. S. G. ; GUERRA, R. N. M. ; SILVA, A. L. A. ; PAIVA, A. E. M. ; SANTOS, R. H. P. ; SANTOS, R. A. P. ; MONTEIRO, S. G. ; MELO, F. A. ; GONCALVES NETO, V. S. . Formulação de uma Composição Farmacêutica a Base do Extrato Bruto e Fração do SCHINUS TEREBINTHIFOLIUS RADDI (Aroeira) com Finalidade Terap6eutica na Inflamação e Cicatrização de Afecções do Estômago. 2011.

Trabalhos técnicos
1.
Antonio Ernandes Macedo Paiva ; REIS, G. S. . Ensaios de Break Test em Lingotes de Aluminio para ALUMAR. 2008.

2.
REIS, G. S.; Antonio Ernandes Macedo Paiva . Laudo Técnico de Exame de Material. 2008.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
REIS, G. S.; Melo. J.L. ; da Costa L. S. . Divulgação PRONATEC IFMA Campus Pedreiras. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

2.
REIS, G. S.; Santana, J. . IFMA Campus Pedreiras. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

3.
REIS, G. S.; de Oliveira, A. M. . IFMA Campus Pedreiras. 2014. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).


Demais tipos de produção técnica
1.
REIS, G. S.; CABRERA, J. M. . RELATÓRIO CIENTÍFICO DE PÓS DOUTORADO. 2011. (Relatório de pesquisa).

2.
REIS, G. S.; BALANCIN, O. . RELATÓRIO CIENTÍFICO DE PÓS DOUTORADO. 2007. (Relatório de pesquisa).



Patentes e registros



Patente

A Confirmação do status de um pedido de patentes poderá ser solicitada à Diretoria de Patentes (DIRPA) por meio de uma Certidão de atos relativos aos processos
1.
 SANTOS, O. J. ; REIS, G. S. ; BARROS FILHO, A. K. D. ; OLEA, R. S. G. ; GUERRA, R. N. M. ; SILVA, A. L. A. ; PAIVA, A. E. M. ; SANTOS, R. H. P. ; SANTOS, R. A. P. ; MONTEIRO, S. G. ; MELO, F. A. ; GONCALVES NETO, V. S. . Formulação de uma Composição Farmacêutica a Base do Extrato Bruto e Fração do SCHINUS TEREBINTHIFOLIUS RADDI (Aroeira) com Finalidade Terap6eutica na Inflamação e Cicatrização de Afecções do Estômago. 2011, Brasil.
Patente: Privilégio de Inovação. Número do registro: PI11023996, título: "Formulação de uma Composição Farmacêutica a Base do Extrato Bruto e Fração do SCHINUS TEREBINTHIFOLIUS RADDI (Aroeira) com Finalidade Terap6eutica na Inflamação e Cicatrização de Afecções do Estômago" , Instituição de registro: INPI - Instituto Nacional da Propriedade Industrial. Depósito: 11/05/2011; Pedido do Exame: 11/05/2011; Concessão: 20/12/2012. Instituição(ões) financiadora(s): Universidade Federal do Maranhão-UFMA.



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
REIS, G. S.; LEAL, V. S.; SICILIANO, FULVIO; RODRIGUES, Samuel. F.; Silva, E. S.. Participação em banca de Henry Barros Palahano. Transformação Dinâmica no Aço API5L X70 na Simulação do Processo de Laminação STECKEL. 2019. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão.

2.
REIS, G. S.; MARTINS, W. P.; de Souza M. E. P.. Participação em banca de Jhonatan Peres de Sousa. Estudo da Eficiência do Limoneno como Inibidores Verdes de Corrosão para Aço de Baixo Carbono em Sistema com Fluxo Turbulento. 2019. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão.

3.
REIS, G. S.; MARTINS, W. P.; de Souza M. E. P.. Participação em banca de Thiago Aguiar Santos. Comparação do Efeito do Tamanho de Grão na Susceptibilidade à Corrosão entre a ZAC do Aço Inoxidável Austenítico 316L obtido por Soldagem e por Simulação Térmica através de uma GLEEBLE. 2018. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão.

4.
REIS, G. S.; Valdemar Silva Leal; de Souza M. E. P.. Participação em banca de Rafael Pereira Ferreira. Avaliação da Influência das Variáveis da Torção a Quente na Susceptibilidade à Corrosão. 2016. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão.

5.
REIS, G. S.; NASCIMENTO, C. C. F.; Silva, E. S.; de Souza M. E. P.. Participação em banca de Juvenilson Costa Damascena. Resistência a Corrosão sobre ZAC de um Aço Inoxidável Ferrítico por Diferentes Técnicas de Acabamento Superficial. 2016. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão.

6.
REIS, G. S.; Valdemar Silva Leal; Silva, E. S.; NASCIMENTO, C. C. F.; ROBERTO, J.. Participação em banca de Thiago Santana de Oliveira. A Influência dos Parâmetros da Deformação a Quente na Susceptibilidade à Corrosão de um Aço Inoxidável Martensítico AISI 410. 2016. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão.

7.
REIS, G. S.; Silva, E. S.; Valdemar Silva Leal; Rodrigues, J. R. P.. Participação em banca de Fabiano Rodrigues Bernardes. Simulação Física de Processamento Termomecânico a Quente do Aço Inoxidável Austenítico ASTM F1586 sob Múltiplas Deformações. 2014. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão.

8.
Valdemar Silva Leal; REIS, G. S.; SOUSA, Regina Célia. Participação em banca de Joedilza Sena Maia. Influência da Energia de Soldagem nas Propriedades Mecânicas e no Comportamento Corrosivo do Aço Inoxidável Ferrítico AISI P410D. 2013. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão.

9.
Mercury,J.M.R; SOUSA, REGINA CÉLIA DE; REIS, G. S.. Participação em banca de Ramayany Carneiro Mesquita. Avaliação da sensitização em aço inoxidável AISI 304 através de medidas de resistividade elétrica DC. 2013. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão.

10.
Rodrigues, J. R. P.; Silva, E. S.; REIS, G. S.; Mercury,J.M.R. Participação em banca de José Hélio Oliveira Santos Sobrinho. Corrosão nas regiões de instabilidade plástica de um aço inoxidável austenítico alto nitrogênio. 2013. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão.

11.
Valdemar Silva Leal; BRANDIN, A. S.; REIS, G. S.. Participação em banca de Rômulo Poderoso Ralta. Influência das Condições de Soldagem no Desgaste Abrasivo em Revestimentos de Fe-Cr-C. 2012. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão.

12.
Valdemar Silva Leal; Rodrigues, J. R. P.; SOUSA, Regina Célia; REIS, G. S.. Participação em banca de Noel Mendes Pereira. Estudo da otimização da taxa de geração de fumos, nos modos de transferência metálica: Curto-circuito, globular e goticular, no processo MIG/MAG, usando consumível para aço carbono. 2012. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão.

13.
Batista, Silvio Rogério de Freistas; REIS, G. S.; Rodrigues, J. R. P.. Participação em banca de Ferdinando Marco Rodrigues Borges. Corrosão de Aços Inoxidáveis Austenítico Utilizados na Fabricação de Implantes Ortopédicos. 2012. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão.

14.
REIS, G. S.; Valdemar Silva Leal; Marques, Herberth Vera Cruz. Participação em banca de Milton Luis do Lago. Liga de aluminio para aplicação aeronáutica obtida por conformação por spray. 2010. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão.

15.
REIS, G. S.. Participação em banca de Luciene Araújo Nascimento. Estudo da recristalização dinâmica durante a deformação a quente de um aço ISO 5832-9. 2010. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Física) - Universidade Federal do Maranhão.

16.
FIGUEIREDO, K. M.; REIS, G. S.; Valdemar Silva Leal; BRANDIN, A. S.. Participação em banca de Carlos Cesar Correia Aranha Júnior. Influência do Pré e Pós ? Aquecimento na Soldabilidade e Resistência ao Desgaste do Aço SAE 1045 Utilizando o Processo de Soldagem Eletrodo Revestido. 2010. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão.

17.
REIS, G. S.; Balancin, Oscar; SANTOS, J. M. R.; De Oliveira, Antonio Maia. Participação em banca de Alexsandra dos Anjos Silva. Estudo do comportamento plástico a quente do aço inoxidável austenítico ASTM F138 utilizado em implantes ortopedico. 2010. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão.

18.
FIGUEIREDO, K. M.; REIS, G. S.; LEAL, VALDEMAR S.; BRANDIN, A. S.. Participação em banca de Carlos Cesar Correia Aranha Júnior. Estudo de Caso sobre Resistência ao Desgaste em Chapa SAE 1045 Soldada com Eletrodo Duro E6-UM-60R Empregada como Chapa de Desgaste no Revestimento de Silo de Bauxita. 2010. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão.

19.
REIS, G. S.; Valdemar Silva Leal; FIGUEIREDO, K. M.; Rodrigues, J. R. P.. Participação em banca de Valter Alves de Meneses. Influência do Aporte de Calor nas Propriedades Mecânicas de Juntas Soldadas em Aço ARBL SAR100-T Utilizando o Processo de Soldagem ao Arco Elétrico com Arame Tubular". 2009. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão.

20.
Melo, Minéia Sampaio; De Oliveira, Antonio Maia; REIS, G. S.; Magalhães, Rômulo Sousa. Participação em banca de Minéia Sampaio Melo. Estudo da Carbonitretação em Tela Ativa de Aços Inoxidáveis Austeníticos AISI 316L e Ferrítico AISI 409. 2008. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Engenharia de Materiais) - Centro Federal de Eduacação Tecnológica do Maranhão.

21.
FIGUEIREDO, K. M.; REIS, G. S.; Valdemar Silva Leal. Participação em banca de Antonio Carlos de Jesus Cordeiro Filho. Estudo da Soldabilidade e Avaliação da Corrosão Intergranular em Junta Soldada do Aço Inoxidável AISI 430 pelo Processo TIG. 2008. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Engenharia de Materiais) - Centro Federal de Eduacação Tecnológica do Maranhão.

22.
Ribeiro, J.R.S.; Batista, Silvio Rogério de Freistas; REIS, G. S.; SANTOS, J. M. R.; SOUSA, Regina Célia. Participação em banca de José Ribamar dos Santos Ribeiro. Efeito do Processamento no Comportamento da Resistência à Corrosão da Liga Duplex ASTM A890 Gr5A. 2008. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Engenharia de Materiais) - Centro Federal de Eduacação Tecnológica do Maranhão.

23.
Antonio Ernandes Macedo Paiva; SANTOS, J. M. R.; Valdemar Silva Leal; REIS, G. S.. Participação em banca de Mauro Araújo Medeiros. Correlação entre a Microestrutura e o Escoamento Plástico do Aço Inoxidável Duplex DIN W. Nr. 1.4462 submetido ao Trabalho a Quente através de Ensaios de Torção. 2007. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Engenharia de Materiais) - Centro Federal de Eduacação Tecnológica do Maranhão.

24.
REIS, G. S.; GONZÁLEZ, José Antonio López; CASAS, Carlos Cuevas. Participação em banca de Andréia Salomão. Proposta Metodológica para o Aperfeiçoamento da Disciplina Projeto Interiores do Curso de Desenho Industrial do CEFET-MA. 2000. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Pedagogia Profissional) - Instituto Superior Pedagógico Para La Educacion Técnica y Profesional.

25.
REIS, G. S.; GONZÁLEZ, José Antonio López; CASAS, Carlos Cuevas. . Proposta Metodológica para a Disciplina Topografia do Curso de Edificações do CEFET-MA. 2000.

26.
REIS, G. S.; GONZÁLEZ, José Antonio López; CASAS, Carlos Cuevas. Participação em banca de Vera Lúcia Monteiro Menezes. Uma Proposta de Superação para os Professores do Departamento de Ciências Exatas do Ensino Médio do CEFET-MA. 2000. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Pedagogia Profissional) - Instituto Superior Pedagógico Para La Educacion Técnica y Profesional.

27.
REIS, G. S.; GONZÁLEZ, José Antonio López; CASAS, Carlos Cuevas. Participação em banca de Maria da Piedade Soeiro Ramos. O Aperfeiçoamento Didático-Metodológico dos Professores. 2000. Dissertação (Mestrado em Mestrado Profissional em Pedagogia Profissional) - Instituto Superior Pedagógico para la Educación Técnica y Profisional.

28.
REIS, G. S.; GONZÁLEZ, José Antonio López; CASAS, Carlos Cuevas. . O Ensino da Geografia: Proposta para o Aperfeiçoamento da Dimensão Ambiental. 2000.

29.
REIS, G. S.; CASAS, Carlos Cuevas; GONZÁLEZ, José Antonio López. Participação em banca de Márcia Cristina Gomes. Proposta Metodológica para Direcionar o Processo Pedagógico da Disciplina Sociologia dos Cursos de Licenciatura da UEMA em uma Perspectiva Histórica - Social. 2000. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Pedagogia Profissional) - Instituto Superior Pedagógico Para La Educacion Técnica y Profesional.

30.
REIS, G. S.; GONZÁLEZ, José Antonio López; CASAS, Carlos Cuevas. Participação em banca de Maria de Fátima Guimaraes Serra. Avaliação do Desempenho dos Docentes do Ensino Superior no CEFET-MA. 2000. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Pedagogia Profissional) - Instituto Superior Pedagógico Para La Educacion Técnica y Profesional.

31.
REIS, G. S.; CASAS, Carlos Cuevas; GONZÁLEZ, José Antonio López. Participação em banca de Angela Maria Ribeiro. A Prática do Psicólogo Escolar. 2000. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Pedagogia Profissional) - Instituto Superior Pedagógico Para La Educacion Técnica y Profesional.

Qualificações de Mestrado
1.
REIS, G. S.; LEAL, VALDEMAR S.; MARTINS, WALDEMIR DOS P.. Participação em banca de Thiago Aguiar Santos. Efeito do Tamanho de Grão na Susceptibilidade à Corrosão da ZAC de uma Junta Soldada. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado Em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão.

2.
REIS, G. S.; PAIVA, A. E. M.; Valdemar Silva Leal. Participação em banca de Rafael Pereira Ferreira. Avaliação das variáveis da torção a quente na susceptibilidade à corrosão do aço inoxidável austenístico AISI 316L. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão.

3.
SOUSA, Regina Célia; Valdemar Silva Leal; REIS, G. S.. Participação em banca de Ramaiany Carneiro Mesquisa. Avaliação da Sensitização em um Aço Inoxidável Austenítico AISI 304 Através de Medidas de Resistividade Elétrica DC. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado Em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão.

4.
REIS, G. S.; Valdemar Silva Leal; Silva, E. S.; SOUSA, Regina Célia. Participação em banca de Samuel filgueiras Rodrigues. Estudo Analítico de Curvas de Escoamento Plástico a Quente de um Aço Inoxidável Austenítico ISO 5832-9 Utilizado em Implantes Ortopédicos. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado Em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão.

5.
REIS, G. S.; Valdemar Silva Leal; Mercury,J.M.R; Silva, E. S.. Participação em banca de José Hélio Oliveira Santos Sobrinho. Avaliação da Corrosão nas Regiões de Instabilidade Plástica de um aço Inoxidável Austenítico Alto Nitrogênio. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado Em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão.

6.
REIS, G. S.; LEAL, VALDEMAR S.; Rodrigues, J. R. P.. Participação em banca de Noel Mendes Pereira. Curto circuito, globular e goticular, no processo MIG/MAG usando consumível para aço carbono. 2012. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão.

7.
Valdemar Silva Leal; REIS, G. S.; Rodrigues, J. R. P.. Participação em banca de Noel Mendes Pereira. Análise e Avaliação Comparativa da Taxa de geração de Fumos, nos modos de Transferência Metálica: Curto-circuito, Globular e Goticular, no Processo MIG/MAG usando Consumível para o Aço Carbono. 2012. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão.

8.
Batista, Silvio Rogério de Freistas; REIS, G. S.; Antonio Ernandes Macedo Paiva; Correa, Ronaldo. Participação em banca de Ferdinando Marco Rodrigues Borges. Corrosão de Aços Inoxidáveis Austenítico Utilizados na Fabricação de Implantes Ortopédicos. 2011. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão.

9.
De Oliveira, Antonio Maia; REIS, G. S.; Valdemar Silva Leal. Participação em banca de Francisco das Chagas Barbosa Nascimento. Desgaste do Revestimento MF-6-GF-55-GP sobre o Aço ASTM A36. 2010. Exame de qualificação (Mestrando em Mestrado em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão.

Monografias de cursos de aperfeiçoamento/especialização
1.
REIS, G. S.; NUNES, Antonio Fernando Tocantis; PEDRO, Wilson. . Programa em Prevenção de Riscos Ambientais de uma Escola. 2002.

2.
REIS, G. S.. Participação em banca de Josélia Siqueira Machado e Francisco de Assis Gonçalves. Modelo Básico de Sistema de Segurança e Higiene Aplicado a Construção Civil em Obras Residenciais. 2002. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Engenharia de Segurança do Trabalho) - Centro Federal de Eduacação Tecnológica do Maranhão.

3.
REIS, G. S.; NUNES, Antonio Fernando Tocantis; Maria do Carmo. Participação em banca de Adriana Medeiros Monteiro e outros. Diretrizes para Elaboração do Programa de Saúde, Segurança e Meio Ambiente para Empresas de Construção Civil. 2002. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Engenharia de Segurança do Trabalho) - Centro Federal de Eduacação Tecnológica do Maranhão.

4.
REIS, G. S.; CORREIA, C. M. P.; Melo, Alvino Oliveira. Participação em banca de Jorge Luis Bulcão Santos e Fabiano Rodrigues Bernardes. O EPI e sua Eficiência como Inibidor de Insalubridade. 2001. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Engenharia de Segurança do Trabalho) - Centro Federal de Eduacação Tecnológica do Maranhão.

5.
REIS, G. S.; Araújo Júnior, A.S.; Maia Neto, A. S.. Participação em banca de Anísio José da Silva Júnior e outros. Riscos Ambientais: Uma análise analítica e quantitativa no processo de desdobramento mecânico na madeireira MALARME. 2000. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Engenharia de Segurança do Trabalho) - Centro Federal de Eduacação Tecnológica do Maranhão.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
REIS, G. S.; POLITI, F. S.; DOVAL, P. C. M.; Teixeira, M.P.S.. Participação em banca de Jonatas Silva Sousa.Análise de Dados em Rodas Ferroviárias. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Centro Federal de Eduacação Tecnológica do Maranhão.

2.
REIS, G. S.; DOVAL, P. C. M.; POLITI, F. S.; ARAÚJO, Mauro. Participação em banca de Luzineth Nunes Leal.Análise de Falhas em Eixos Mecânicos. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Centro Federal de Eduacação Tecnológica do Maranhão.

3.
REIS, G. S.; Bedoya, R. N.; Valdemar Silva Leal. Participação em banca de Michele Carvalho Galvão da Silva.Analise Comparativa das Microestruturas de Ligas de Cobre Obtidas pelos Processos de Fundição e Sinterização. 2004. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Centro Federal de Eduacação Tecnológica do Maranhão.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Professor titular
1.
REIS, G. S.. Banca de Avaliação de Professor Titular. 2017. iNSTITUTO FEDERAL DO CEARÁ.

2.
REIS, G. S.; Matias, C. R.; Machado, T. G.; Silva, E de M.. Banca de Avaliação de Professor Titular. 2016. Instituto Federal do Maranhão.

3.
REIS, G. S.; BRANDIN, A. S.; de Magalhães Neto, F.; Coutinho, E. G.. Banca de Avaliação de Professor Titular. 2016. Instituto Federal do Maranhão.

4.
REIS, G. S.; BRANDIN, A. S.; de Magalhães Neto, F.; Macambira, F. J.. Banca de Avaliação de Professor Titular. 2016. Instituto Federal do Maranhão.

5.
REIS, G. S.. Banca de Avaliação de Professor Titular. 2016. Instituto Federal de São Paulo.

6.
REIS, G. S.. Banca de Avaliação de Professor Titular. 2016. iNSTITUTO FEDERAL DO CEARÁ.

7.
REIS, G. S.; Oliveira, J. de R. S.; Lima, J. de A; Ribeiro, D. da S.. Banca de Avaliação de Professor Titular. 2015. Instituto Federal Sul-Rio-Grandense.

8.
REIS, G. S.; Antonio Ernandes Macedo Paiva; Macambira, F. J.; Silva, E de M.. Banca de Avaliação de Professor Titular. 2015. iNSTITUTO FEDERAL DO CEARÁ.

Concurso público
1.
Cabeça, M. C. S.; REIS, G. S.. Concurso Público para Professor do IFMA. 2016. Fundação Sousândrade de Apoio ao Desenvolvimento da UFMA.

2.
REIS, G. S.. Concurso Público para Docentes do IFMA. 2015. Instituto Federal do Maranhão.

3.
REIS, G. S.; Silva Neto, A.; Carvalho, A. B.. Concurso Público para Carreira de Professor do IFMA. 2009. Instituto Federal do Maranhão.

4.
REIS, G. S.; MORAES, Anamaria de; AYRES, Érico Oliveira Junqueira. Concurso Público para Professor Assistente para o Departamento de Desenho e Tecnologia da Universidade Federal do Maranhão - UFMA. 2004. Universidade Federal do Maranhão.

5.
REIS, G. S.; LIMA, V. S.; SILVA, C. A. P.. Concurso Público para Professor Assistente para o Departamento de Desenho e Tecnologia da Universidade Federal do Maranhão - UFMA. 2002.

Avaliação de cursos
1.
REIS, G. S.; PAIVA, A. E. M.; MELO, M. C. M. A.. Comissão Verificadora de Renovação de Reconhecimento do Curso de Engenharia Mecânica da Universidade Estadual do Maranhão-UEMA. 2012. Conselho Estadual de Educaçào do Maranhão.

Outras participações
1.
REIS, G. S.; Marcelo Moizinho Oliveira; Antonio Ernandes Macedo Paiva; LEAL, V. S.; Soares, B.M.. Banca do Processo Seletivo (1 semestre de 2019) para o Programa de Pós-graduação Stricto Sensu em Engenharia de Materiais do IFMA. 2019. Instituto Federal do Maranhão.

2.
Antonio Ernandes Macedo Paiva; REIS, G. S.; CABRAL JUNIOR, A. A.; Valdemar Silva Leal; Soares, B.M.. Banca do Processo Seletivo (2 semestre de 2018) para o Programa de Pós-graduação Stricto Sensu em Engenharia de Materiais do IFMA. 2018. Instituto Federal do Maranhão.

3.
REIS, G. S.; Guterres, A. M.; Vieira, J. V.; Reis, G. F.. Comissão de Avaliação de RSC III do IFSul. 2018. Instituto Federal Sul-Rio-Grandense.

4.
REIS, G. S.; Guterres, A. M.; Vieira, J. V.; Granella, V.. Comissão de Avaliação de RSC III do IFSul. 2018. Instituto Federal Sul-Rio-Grandense.

5.
REIS, G. S.; Guterres, A. M.; Vieira, J. V.; Reis, G. F.. Comissão de Avaliação de RSC III do IFSul. 2018. Instituto Federal Sul-Rio-Grandense.

6.
REIS, G. S.. Comissão de Avaliação de RSC III do IFSertão-PE. 2018. Instituto Federal do Sertao Pernambucano.

7.
REIS, G. S.. Comissão de Avaliação de RSC III do IFFluminense. 2018. Instituto Federal Fluminense.

8.
Antonio Ernandes Macedo Paiva; REIS, G. S.; LEAL, V. S.; CABRAL JUNIOR, A. A.; Soares, B.M.. Banca do Processo Seletivo (1 semestre de 2018) para o Programa de Pós-graduação Stricto Sensu em Engenharia de Materiais do IFMA. 2018. Instituto Federal do Maranhão.

9.
REIS, G. S.; LAGO, M. L.. I Encontro de Pesquisa, Pós graduação, Inovação à Docência e Extensão. 2017. IFMA-Campus Monte Castelo.

10.
REIS, G. S.; Mercury,J.M.R; Antonio Ernandes Macedo Paiva; Sales, F. H. S.; LEAL, V. S.; Marcelo Moizinho Oliveira. Comissão de Bolsa do Programa de Pós Graduação em Engenharia de Materiais-PPGEM. 2017. Instituto Federal do Maranhão.

11.
REIS, G. S.; Lacerda, N.R.; Rodrigues, S.S.; dos Santos, S. C.A.; de Souza, V. M.. Comissão Responsável pela Elaboração e Execução do Edital PRONATEC 2017 para o Núcleo Gestor do Programa no IFMA. 2017. Instituto Federal do Maranhão.

12.
REIS, G. S.; Marcelo Moizinho Oliveira; José Hilton Gomes Rangel; Rego, H.H.A.; Tanaka, A.A.. Comissão de Avaliação do Quadriênio 2013-2016 dos Docentes do Programa de Pós-graduação em Engenharia de Materiais (conforme portaria nº 322, DE 19 DE MAIO DE 2017 - Campus São Luís ? Monte Castelo).. 2017. Instituto Federal do Maranhão.

13.
REIS, G. S.; Borges, F. M. R.; Nava, M.; do Amaral, P. L. F.. Comissão Especial de Avaliação de RSC do IFMA. 2016. Instituto Federal do Maranhão.

14.
REIS, G. S.; Barbosa, C. Z. de M. C.D.; Graciano, A. A.; Lima, J. H. B.. Comissão Especial de Avaliação de RSC do IFMA. 2016. Instituto Federal do Maranhão.

15.
REIS, G. S.; Ferreira, C. C.T; Lopes, J. R.; WERLAND FILHO, A.. Comissão Especial de Avaliação de RSC do IFMA. 2015. Instituto Federal do Maranhão.

16.
REIS, G. S.; Ferreira, C. C.T; Lopes, J. R.; Dapieve, D. R.. Comissão Especial de Avaliação de RSC do IFMA. 2015. Instituto Federal do Maranhão.

17.
REIS, G. S.; Ferreira, C. C.T; Pinheiro, M. A.; Rodrigues, L. E. M. J.. Comissão Especial de Avaliação de RSC do IFMA. 2015. Instituto Federal do Maranhão.

18.
REIS, G. S.; Ferreira, C. C.T; Pinheiro, M. A.; Gonçalves, M. M.. Comissão Especial de Avaliação de RSC do IFMA. 2015. Instituto Federal do Maranhão.

19.
REIS, G. S.; Ferreira, C. C.T; da Rosa, G. M.; Gobbo, S. D. A. A.. Comissão Especial de Avaliação de RSC do IFMA. 2015. Instituto Federal do Maranhão.

20.
REIS, G. S.; Ferreira, C. C.T; da Rosa, G. M.; Gobbo, S. D. A. A.. Comissão Especial de Avaliação de RSC do IFMA. 2015. Instituto Federal do Maranhão.

21.
REIS, G. S.; Ferreira, C. C.T; Pereira, A. S.; ABREU, F. M.. Comissão Especial de Avaliação de RSC do IFMA. 2015. Instituto Federal do Maranhão.

22.
REIS, G. S.; Ferreira, C. C.T; Breganon, R.; da Silva, L. R. O.. Comissão Especial de Avaliação de RSC do IFMA. 2015. Instituto Federal do Maranhão.

23.
REIS, G. S.; Dapieve, D. R.; Ferreira, C. C.T; Pinto, G.A. de M.. Comissão Especial de Avaliação de RSC do IFMA. 2015. Instituto Federal do Maranhão.

24.
REIS, G. S.. Programa de Apoio à Produtividade em Pesquisa-PROAPP. 2014. iNSTITUTO FEDERAL DO CEARÁ.

25.
REIS, G. S.. IV FETECMS e III FETECCMS. 2014. Universidade Federal de Mato Grosso do Sul.

26.
REIS, G. S.. Programas de Iniciação Científica e Tecnológica no ciclo 2014-2015.. 2014. Instituto Federal de Pernambuco.

27.
REIS, G. S.; Antonio Ernandes Macedo Paiva; Correa, Ronaldo. Banca do Processo Seletivo para o Programa de Pós-graduação Stricto Sensu em Engenharia de Materiais do IFMA. 2010. Instituto Federal do Maranhão.

28.
REIS, G. S.; Mercury,J.M.R; Correa, Ronaldo. Banca do Processo Seletivo para o Programa de Pós-graduação Stricto Sensu em Engenharia de Materiais do IFMA. 2009. Instituto Federal do Maranhão.

29.
REIS, G. S.. Presidente do Conselho Diretor do CEPROMAR - Centro Educacional e Profissionalizante do Maranhão. 2005.

30.
Melo, Minéia Sampaio; De Oliveira, Antonio Maia; REIS, G. S.; Valdemar Silva Leal. Cementação po Plasma em Aços Inoxidáveis Austenítico AISI 316L e Ferrítico AISI 409 e sua Influência nas Resistências à Corrosão e ao Desgaste. 2005. Centro Federal de Eduacação Tecnológica do Maranhão.

31.
Ferreira,Wilman Eduardo Italiano; REIS, G. S.; De Oliveira, Antonio Maia; Batista, Silvio Rogério de Freistas; SOUSA, Regina Célia. Efeitos do Trabalho de Grão e do Tratamento Térmico de Solubilização sobre o Comportamento da Sensitização no Aço Inoxidável Austenítico AISI 304l. 2005. Centro Federal de Eduacação Tecnológica do Maranhão.

32.
REIS, G. S.. Comissão Institucional de Atribuição da GED-CIAG. 2003. Universidade Federal do Maranhão.

33.
REIS, G. S.; CABRAL JUNIOR, A. A.; AZEVEDO, E.. Integrante do Comitê Científico do FAPEM - Fundo de Apoio 'a pesquisa do Estado do Maranhão. 2000. Fundo de Apoio a Pesquisa do Estado do Maranhão.

34.
REIS, G. S.. Membro do Conselho de Ensino e Pesquisa da UFSCar. 1998.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
1º Seminário Brasileiro de Edição Universitária e Acadêmica.31ª Reunião Anual da ABEU. 2018. (Seminário).

2.
23 CBECIMAT. Estudo de inibidores verdes de corrosão em sistema com fluxo turbulento por meio de técnicas eletroquímicas. 2018. (Congresso).

3.
23 CBECIMAT. Dynamic transformation of an X70 pipe line steel under simulated Steckel mill rolling process. 2018. (Congresso).

4.
REUNIÃO DE TRABALHO/PLANEJAMENTO COM COORDENADORES/AS DE NEABIS, NAPNES, NEAS E GRUPOS CORRELATOS.REUNIÃO DE TRABALHO/PLANEJAMENTO COM COORDENADORES/AS DE NEABIS, NAPNES, NEAS E GRUPOS CORRELATOS. 2018. (Encontro).

5.
22 CBECIMAT. EFEITO DAS CONDIÇÕES DE PROCESSAMENTO TERMOMECÂNICO NA SUSCEPTIBILIDADE À CORROSÃO DO AÇO INOXIDÁVEL AUSTENÍTICO AISI 316 L. 2016. (Congresso).

6.
V Congresso Nacional de Engenharia Mecânica. Influência da microestrutura sobre o fenômeno de fluxo localizado durante a deformação a quente do aço inoxidável duplex DIN W.Nr. 1.4462. 2008. (Congresso).

7.
I Encontro Norte e Nordeste de Ciência e Engenharia de Materiais (I ENNCEM) e II Encontro Maranhense de Ciência e Engenharia de Materiais (II EMCEM).Efeito da Microestrutura na Ductilidade a Quente dos Aços Inoxidáveis Duplex. 2007. (Encontro).

8.
17 CBECIMAT. Influência da Microestrutura no Comportamento Plástico dos Aços Inoxidáveis Duplex. 2006. (Congresso).

9.
I Encontro Maranhense de Ciência e Engenharia de Materiais (I EMCEM).Trabalhabilidade a Quente dos Materiais Metálicos. 2005. (Encontro).

10.
III Seminário do PROINTEC. 2001. (Seminário).

11.
Congresso Nacional Extraordinário de Pós-Graduandos (CNexPG). 1998. (Congresso).

12.
XXII CONAP-Conselho Nacional das associações de Pós-Graduandos. 1997. (Outra).

13.
12o CBECIMAT. 1996. (Congresso).

14.
47a Reunião anual da SBPC.Influência da Microestrutura em Aços Inoxidáveis Duplex na Trabalhabilidade a Quente Através do Ensaio de Torção a quente. 1995. (Outra).

15.
47a Reunião anual da SBPC.Estudo da Dctilidade e Resistência Mecânica de Estruturas Microfundidas de um Aço Inoxidável Austenítico. 1995. (Outra).

16.
Simpósio sobre Engenharia de Materiais. 1995. (Simpósio).

17.
Seminário: Atualização Tecnológica Brasileira e a Importância dos Materiais Avançados. 1993. (Seminário).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
REIS, G. S.. I SEMINÁRIO DE PESQUISA, PÓS GRADUAÇÃO E INOVAÇÃO. 2013. (Outro).

2.
REIS, G. S.. I Encontro Norte e Nordeste de Ciências e Engenharia de Materiais e II Encontro Maranhense de Ciências e Engenharia de Materiais. 2007. (Outro).

3.
REIS, G. S.. I Encontro Maranhense de Ciência e Engenharia de Materiais. 2005. (Outro).

4.
REIS, G. S.; POLITI, F. S. ; CABRAL JUNIOR, A. A. ; NUNES, Antonio Fernando Tocantis ; FONTGALLAND, G. . Programa de Iniciação Científica e Tecnológica - PROINTEC. 2000. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
SEBASTIÃO RAIMUNDO DE JESUS BELEM LEITAO FILHO. Estudo da deformação plástica a quente dos aços inoxidáveis através do ensaio de torção a quente. Início: 2018. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão, Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA. (Orientador).

2.
Felipe Anderson Silva de Aquino. ESTUDO ANALÍTICO DAS CURVAS DE ESCOAMENTO PLÁSTICO DO AÇO INOXIDÁVEL AUSTENÍTICO AISI 316 L. Início: 2016. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão. (Orientador).

3.
. Trabalhabilidade a Quente do aço inoxidável dúplex w. Nr. 1.4460 em baixas temperatuiras. Início: 2005.

Orientações de outra natureza
1.
. Supervisão de Estágio. Início: 2003. Orientação de outra natureza. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
 JHONATAN  PERES  DE  SOUSA. ESTUDO  DA EFICIÊNCIA DO LIMONENO COMO INIBIDOR VERDE DE CORROSÃO PARA AÇO DE BAIXO CARBONO EM SISTEMA COM FLUXO TURBULENTO. 2019. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão, Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA. Orientador: Gedeon Silva Reis.

2.
Henry Barros Palhano. TRANSFORMAÇÃO DINÂMICA NO AÇO API5L X70 ATRAVÉS DE SIMULAÇÃO FÍSICA UTILIZANDO UMA MÁQUINA DE TORÇÃO A QUENTE. 2019. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão, . Orientador: Gedeon Silva Reis.

3.
Thiago Santana de Oliveira. A Influêcia dos Parâmetros da Deformação a Quente na Susceptilibilidade à Corrosão de um Aço Inoxidável Martensítico AISI 410. 2018. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão, . Orientador: Gedeon Silva Reis.

4.
Rafael Pereira Ferreira. Avaliação da Influência das Variáveis da Torção a Quente na Susceptibilidadeà Corrosão do Aço Inoxidável Austenítico 316L. 2016. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão, . Orientador: Gedeon Silva Reis.

5.
Juvenilson Costa Damascena. Resistência a Corrosão sobre a ZAC de um Aço Inoxidável Ferrítico por Diferentes Técnicas de Acabamento Superficial. 2016. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão, . Orientador: Gedeon Silva Reis.

6.
Thiago Aguiar Santos. Efeito do Tamanho de Grão na Susceptibilidade à Corrosão da ZAC de uma Junta Soldada. 2016. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão, . Orientador: Gedeon Silva Reis.

7.
Fabiano Bernardes Rodrigues. Simulação Física de Processamento Termomecânico a Quente do Aço Inoxidável ASTM F1586 sob Múltiplas Deformações. 2014. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão, . Orientador: Gedeon Silva Reis.

8.
Samuel Filgueira Rodrigues. Estudo analítico de Curvas de escoamento plástico a quente de um Aço Inoxidável austenítico ISO 5832-9 Utilisado em Implantes Ortopédicos. 2013. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão, . Orientador: Gedeon Silva Reis.

9.
André Santos da Silva Neto. Estudo do Comportamento do Aço Inoxidável Austenitico ASTM F138 Recoberto por Hidroxiapatita através do Processo de Aspersão Térmica HVOF. 2012. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão, . Orientador: Gedeon Silva Reis.

10.
Eliel do Oliveira. Estudo do Amaciamento Dinâmico através de Mapas de Processamento do Aço Médio Carbono 38MnSiV5 Microligado ao Vanádio utilizado na Fabricação de Componentes Automotivos. 2012. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Gedeon Silva Reis.

11.
Alexsandra dos Anjos Silva. Estudo do Escoamento Plástico a Quente do Aço Inoxidável Austenítico ASTM F138 Utilizados em Implantes Ortopédicos. 2010. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão, . Orientador: Gedeon Silva Reis.

12.
Carlos Cesar Correia Aranha Júnior. Estudo de Caso sobre Resistência ao Desgaste em Chapa SAE 1045 Soldada com Eletrodo Duro E6 UM 60R Empregada como Chapa de Desgaste no Revestimento de Silo de Bauxita. 2010. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão, Fundação de Apoio a Pesquisa e ao Desenvolvimento do Estado do Maranhão. Coorientador: Gedeon Silva Reis.

13.
Pedro Nonato Júnior. Estudo do Amaciamento entre Passes na Deformação a Quente do Aço Inoxidável Austenítico NBR ISO 5832-1 utilizados em Implantes Ortopédicos. 2009. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão, Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA. Orientador: Gedeon Silva Reis.

14.
José de Ribamar dos Santos Ribeiro. Efeito do Processamento no Comportamento de Resistência à Corrosão Localizada da Liga do Aço Inoxidável Duplex ASTM A890 Gr%A. 2008. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Engenharia de Materiais) - Centro Federal de Eduacação Tecnológica do Maranhão, Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA. Coorientador: Gedeon Silva Reis.

15.
Mauro Araújo Medeiros. Correlação entre Microestrutura e o Escoamento Plástico do aço Inoxidável Duplex DIN w. Nr. 1.4462 submetido ao Trabalho a quente através de Ensaio de Torção. 2007. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Engenharia de Materiais) - Centro Federal de Eduacação Tecnológica do Maranhão, Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA. Coorientador: Gedeon Silva Reis.

Supervisão de pós-doutorado
1.
Eden Santos Silva. 2013. Instituto Federal do Maranhão, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Gedeon Silva Reis.

Iniciação científica
1.
Peterson Silva da Silva. Influência da Variação do Aporte Térmico Sobre a Microestrutura de Juntas Soldadas em Aço ARBL SAR100-T Utilizando o Processo de Soldagem por Arame Tubular. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Mestrado em Engenharia de Materiais) - Instituto Federal do Maranhão, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Gedeon Silva Reis.

2.
Karla Caroline da Conceição Rocha. Estudo do Amaciamento entre Deformações na Torçào a Quente do Aço Inoxidável ASTM F138.. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Curso Técnico de Metalurgia e Materiais) - Instituto Federal do Maranhão, Instituto Federal do Maranhão. Orientador: Gedeon Silva Reis.

3.
Gleydiane Cantanhêde da Silva. A Influência do Tratamento Térmico Sobre a Microestrutura do Aço ARBL SAR 100-T. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Curso Técnico de Mecânica) - Instituto Federal do Maranhão, Instituto Federal do Maranhão. Orientador: Gedeon Silva Reis.

4.
EUZIANE VIEIRA SILVA. ?PESQUISA E PRODUÇÃO DE MATERIAL DIDÁTICO-PEDAGÓGICO PARA A DISCIPLINA CONFORMAÇÃO PLÁSTICA DOS METAIS?. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Curso Técnico de Metalurgia) - Centro Federal de Eduacação Tecnológica do Maranhão, Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA. Orientador: Gedeon Silva Reis.

5.
Suelen Lopes Bastos. ?PESQUISA E PRODUÇÃO DE MATERIAL DIDÁTICO-PEDAGÓGICO PARA A DISCIPLINA FUNDIÇÃO DO CURSO DE METALURGIA E MATERIAIS?. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Curso Técnico de Design) - Centro Federal de Eduacação Tecnológica do Maranhão, Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA. Orientador: Gedeon Silva Reis.

6.
Carlos da Conceição Cruz. Estudo Comparativo de Desempenho entre Barcos de Madeira e de Fibra na Pesca Artesanal no Litoral Maranhense. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Curso Técnico de Metalurgia) - Centro Federal de Eduacação Tecnológica do Maranhão, Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA. Orientador: Gedeon Silva Reis.

7.
Mayara Michelly Chaves Reis. PESQUISA E PRODUÇÃO DE MATERIAL DIDÁTICO-PEDAGÓGICO PARA DISCIPLINA FUNDIÇÃO DO CURSO DE METALURGIA E MATERIAIS?.. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Curso Técnico de Metalurgia) - Centro Federal de Eduacação Tecnológica do Maranhão, Centro Federal de Educação Tecnológica do Maranhão. Orientador: Gedeon Silva Reis.

8.
Rhaysa Ellcahira Silva Sousa. PESQUISA E PRODUÇÃO DE MATERIAL DIDÁTICO-PEDAGÓGICO PARA DISCIPLINA CONFORMAÇÃO PLÁTICA DOS METAIS. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Curso Técnico de Metalurgia e Materiais) - Instituto Federal do Maranhão, Centro Federal de Educação Tecnológica do Maranhão. Orientador: Gedeon Silva Reis.

9.
Eliel Seixas Dourado. Modelamento da Deformação Plástica dos Aços Inoxidáveis Duplex. 2003. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Elétrica Industrial) - Centro Federal de Eduacação Tecnológica do Maranhão, Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA. Orientador: Gedeon Silva Reis.

10.
Franclet de Sousa Brito. Modelamento da Deformação Plástica dos aços Inoxidáveis Dúplex. 2002. Iniciação Científica. (Graduando em Materiais) - Instituto Federal do Maranhão. Orientador: Gedeon Silva Reis.

Orientações de outra natureza
1.
Claudio Alessandro Viegas Santos. Supervisão de Estágio. 2004. Orientação de outra natureza. (Mecânica e Materiais) - VALE. Orientador: Gedeon Silva Reis.

2.
Samuel Filgueiras Rodrigues. Orientação de Estágio. 2004. Orientação de outra natureza. (Materiais) - Instituto Federal do Maranhão. Orientador: Gedeon Silva Reis.

3.
Katiane Marreiros. Orientação de Estágio. 2004. Orientação de outra natureza. (Materiais) - Instituto Federal do Maranhão. Orientador: Gedeon Silva Reis.

4.
Max Louzeiros. Orientação de Estágio. 2004. Orientação de outra natureza. (Materiais) - Instituto Federal do Maranhão. Orientador: Gedeon Silva Reis.

5.
Suelma Silva. Orientação de Estágio. 2004. Orientação de outra natureza. (Materiais) - Instituto Federal do Maranhão. Orientador: Gedeon Silva Reis.

6.
Cristiane Carvalho Nunes. Supervisão de Estágio. 2002. Orientação de outra natureza. (Metalurgia) - Instituto Federal do Maranhão. Orientador: Gedeon Silva Reis.

7.
Edvan Soares Bezerra. Supervisão de Estágio. 2002. Orientação de outra natureza. (Metalurgia) - VALE. Orientador: Gedeon Silva Reis.

8.
Vanilson Fonseca Santos. Supervisão de Estágio. 2002. Orientação de outra natureza. (Metalurgia) - Consórcio de Alumínio do Maranhão. Orientador: Gedeon Silva Reis.



Outras informações relevantes


# Lider do grupo de pesquisa "Tratamentos Termomecânicos de Materiais Metálicos"
# Lider do grupo de pesquisa "Laboratórios Inteligentes do IFMA"

# Aprovado em 1 lugar no Concurso Público Federal para Professor da disciplina "Mecânica Técnica' para Carreira de Professor de Ensino Fundamental e Médio do CEFET-MA, conforme Edital 23 de 22 de dezembro de 1989, publicado no D.O.U. de 28 de dezembro de 1989.

# Aprovado em 1 lugar no Concurso Público Federal para Professor da disciplina "Materiais de Construção Mecânica" para Carreira de Professor de Ensino Fundamental e Médio do CEFET-MA, conforme Edital 1 de 15 de fevereiro de 1993, publicado no D.O.U. de 25 de fevereiro de 1993.

* Membro do Conselho Superior (CONSUP) do Instituto Federal do Maranhão - IFMA- 2012
* Consultor Ad Doc da FAPEMA-Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Estado do Maranhão.
* Membro do Colegiado do Mestrado de Engenharia de Materiais do PPGEM/IFMA - 2009 e 2010
* Consultor para avaliação de projetos de pesquisa do PIBIC/CNPq/CEFET-MA-2008;
* Consultor para avaliação de artigos publicados no V Congresso Nacional de Engenharia Mecânica-2008;
* Visita Técnica à Serra dos Carajás- Vale do Rio Doce-Parauapebas-PA-2005;
* Consultor para avaliação de projetos de pesquisa do PIBIC/CNPq/UFMA-2002;
* Presidente do Conselho Diretor do Centro Educacional e Profissionalizante do Maranhão-CEPROMAR-Gestão 2005/2006;
* Instituidor da FUNCEMA-Fundação de Apoio à Educação e ao Desenvolvimento Tecnológico do Maranhão;
* Membro do Conselho de Ensino, Pesquisa e Extensão da UFSCar-período Jan/1998 a Jan/1999;
* Visita Técnica a Companhia Siderúrgica Nacional-1993-Volta Redona-RJ;
* Visita Técnica à SIFCO S.A.-Forjaria-1995-Jundiaí-SP;
* Vista Técnica à Fundinox S.A. Jundiaí-SP;
* Visita Técnica à indústrias Cerâmicas e de Vidros de Porto Ferreira-SP;
* Coordenador da Associação de Pós-Graduandos(APG-UFSCar) no período 1997/1998



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 16/02/2019 às 18:16:54