Keyll Carlos Ribeiro Martins

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/4414970132310995
  • Última atualização do currículo em 17/08/2018


Possui graduação em Engenharia Mecânica pela Universidade Estadual do Maranhão (1995), graduação em Física pela Universidade Federal do Maranhão (1995), especialização em Engenharia de Materiais, mestrado em Engenharia Mecânica pela Universidade de São Paulo (2003) e doutorado em Pós Graduação em Engenharia Mecânica pela Universidade de São Paulo (2006). Atualmente é professor do Básico, Técnico e Tecnológico do Instituto Federal de Educação, Ciencia e Tecnologia do Maranhão, Campus Monte Castelo. Tem experiência na área de Térmicas e Fluidos, com ênfase em Motores a Combustão Interna e Controle Ambiental, atuando principalmente nos seguintes temas: conversor catalítico, controle das emissões poluentes, etanol, biodiesel, troca gasosa dos sistemas de admissão e exaustão dos motores a combustão interna, injeção eletrônica. A área de Biomecânica vem tendo destaque com estudo de cadeira de rodas motorizada. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Keyll Carlos Ribeiro Martins
Nome em citações bibliográficas
MARTINS, K. C. R.;MARTINS, KEYLL CARLOS RIBEIRO

Endereço


Endereço Profissional
Instituto Federal do Maranhão, Conselho Permanente de Pessoal Docente.
Avenida Getulio Vargas, 04
Monte Castelo
65000000 - São Luís, MA - Brasil
Telefone: (98) 32189044
URL da Homepage: http://www.ifma.edu.br


Formação acadêmica/titulação


2003 - 2006
Doutorado em Pós Graduação em Engenharia Mecânica.
Universidade de São Paulo, USP/EESC, Brasil.
Título: Análises experimental, teórica e computacional do escoamento dos gases de exaustão no conversor catalítico platina-paládio instalado em um motor de combustão interna a etanol, Ano de obtenção: 2006.
Orientador: Antonio Moreira dos Santos.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: Motor de combustão interna; conversor catalítico; eficiência catalítica; perda de carga; simulação hidrodinâmica; simulação das reações químicas.
Grande área: Engenharias
Setores de atividade: Fabricação de Catalisadores; Educação Média de Formação Técnica Ou Profissional; Fabricação e Montagem de Veículos Automotores Para Transporte de Carga e Passageiros.
2001 - 2003
Mestrado em Engenharia Mecânica.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: Esudo da Aplicação de Conversores Catalíticos Platina/Paladio como Auxiliar no Processo de Controle das Emissões Gasosas Automotivas,Ano de Obtenção: 2003.
Orientador: Antonio Moreira dos Santos.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: catalytic converter; controle das emissões; Motor de combustão interna.
Grande área: Engenharias
Setores de atividade: Fabricação e Montagem de Automóveis, Caminhões, Ônibus e Tratores e Demais Máquinas e Implementos Agrícolas, Reboques e Carrocerias.
2011
Especialização em andamento em MBA DESENVOLVIMENTO E GESTÃO DE PESSOAS. (Carga Horária: 360h).
Escola de Negócios Excellence, ENE, Brasil.
Título: GESTÃO NO ENSINO TECNOLÓGICO.
1990 - 1995
Especialização em Especialização Em Engenharia de Materiais.
Instituto Federal do Maranhão, IFMA, Brasil.
1990 - 1995
Graduação em Física.
Universidade Federal do Maranhão, UFMA, Brasil.
1989 - 1995
Graduação em Engenharia Mecânica.
Universidade Estadual do Maranhão, UEMA, Brasil.
Título: Implementação do Sistema TPM numa Central de Veículos Industriais.
Orientador: Tarcisio.




Atuação Profissional



Instituto Federal de Educação Tecnológica do Maranhão, IFMA, Brasil.
Vínculo institucional

2010 - 2011
Vínculo: Outro(especifique):Estatutário, Enquadramento Funcional: Professor do Básico, Tecnico e Tecnologico, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.


Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão, IFMA, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - 2010
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor do Básico, Técnico e Tecnologico, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.


Instituto Federal do Maranhão, IFMA, Brasil.
Vínculo institucional

1996 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor do Básico, Técnico e Tecnológico, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Servidor Publico Federal Professor do Departamento de Mecânica e Materiais Coordenador da Mecânica e Materiais

Atividades

09/2011 - Atual
Direção e administração, Departamento de Mecânica e Materiais, .

Cargo ou função
Coordenador de Curso.
01/2007 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Departamento de Mecânica e Materiais, .

8/2006 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Departamento de Mecânica e Materiais, .

Cargo ou função
Presidente da Comissão do Curso Técnico de Mecatrônica.
03/1996 - Atual
Ensino,

Disciplinas ministradas
Eletromecânica
Manutenção Industrial
Máquinas Térmicas
Mecânica Técnica
Metrologia Dimensional
Motores a Combustão Interna
Produção Mecânica - Ajustagem
Refrigeração Industrial
08/2007 - 06/2008
Ensino, Engenharia Industrial Mecânica, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Máquinas Térmicas
Motores a Combustão Interna
11/2000 - 12/2000
Extensão universitária , Departamento de Pesquisa e Extensão, .

Atividade de extensão realizada
Curso de Manutenção de Motos na Cidade de Imperatriz - MA.
7/2000 - 11/2000
Direção e administração, Departamento de Mecânica e Materiais, .

Cargo ou função
Chefe de Departamento.
04/2000 - 05/2000
Treinamentos ministrados , Departamento de Mecânica e Materiais, .

Treinamentos ministrados
Curso de Injeção Eletrônica com carga horária de 60 horas
08/1998 - 09/1998
Treinamentos ministrados , Departamento de Pesquisa e Extensão, .

Treinamentos ministrados
Curso de Manutenção de Motos


Linhas de pesquisa


1.
Máquinas e Sistemas Termo-Hidráulicos

Objetivo: Projetar máquinas e sistemas termofluidosdinâmicos.
Grande área: Engenharias
Grande Área: Engenharias / Área: Engenharia Mecânica / Subárea: Engenharia Térmica / Especialidade: Controle Ambiental.
Grande Área: Engenharias / Área: Engenharia Mecânica / Subárea: Engenharia Térmica / Especialidade: Aproveitamento da Energia.
Setores de atividade: Transporte, Armazenagem e Comunicações.
Palavras-chave: Aproveitamento de energia; Motor a combustão interna; Prensa Mecânica; Simulação computacional.
2.
Extração de Óleos Vegetais de Palmeiras Nativas

Objetivo: Criar protótipos mecânicos para extração de óleos vegetais.
Grande área: Engenharias
Grande Área: Engenharias / Área: Engenharia Mecânica / Subárea: Engenharia Térmica / Especialidade: Controle Ambiental.
Grande Área: Engenharias / Área: Engenharia Mecânica / Subárea: Engenharia Térmica / Especialidade: Aproveitamento da Energia.
Setores de atividade: Indústrias Extrativas; Transporte, Armazenagem e Comunicações.
Palavras-chave: Aproveitamento de energia; Óleo vegetal; Prensa Mecânica.
3.
Análise de Emissões de Gases e Material particulado de Biocombustíveis em Grupo Gerador

Objetivo: Análise dos gases de exaustão e controle das emissões poluentes.
Grande área: Engenharias
Grande Área: Engenharias / Área: Engenharia Mecânica / Subárea: Engenharia Térmica / Especialidade: Aproveitamento da Energia.
Grande Área: Engenharias / Área: Engenharia Mecânica.
Setores de atividade: Transporte, Armazenagem e Comunicações.
Palavras-chave: Aproveitamento de energia; controle das emissões; conversor catalítico; Filtro de Particulados; perda de carga.


Projetos de pesquisa


2018 - 2018
Projeto de Cooperação Técnica Internacional para Realização de Estágio Internacional no Âmbito de Saúde direcionado a Biomecânica Computacional
Descrição: A presente proposta de estágio internacional entre o Instituto Federal do Maranhão/Brasil e a Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto/Portugal tem por objetivo fortalecer a cooperação internacional existente entre as duas instituições e maximizar a formação do aluno pesquisador do Laboratório de Mecânica Automotiva e Biomecânica do Campus Monte Castelo/IFMA, estimulando seu aprimoramento nas técnicas de desenvolvimento de projetos nas áreas de simulação computacional. Além disto, o aluno executará tarefas de cunho científico junto à instituição parceira no exterior, realizando o estudo analítico do caso proposto, bem como no auxilio multidisciplinar de pesquisas tecnológicas na instituição parceira. O estágio permitirá ao aluno acompanhar as atividades realizadas nos laboratórios da instituição parceira, onde é possível adquirir um conhecimento sistemático das atividades referentes a uma instituição de ensino reconhecida internacionalmente na área de reologia computacional inserida em biomecânica aplicada, como descrita no projeto Durante esse período, o estagiário pode confrontar os conhecimentos adquiridos ao longo da graduação com a prática de engenharia, permitindo-o agregar novos conhecimentos à sua formação e melhor preparar-se para o mercado de trabalho..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Kaio Lourenço Teixeira Barbosa - Integrante / Manuelle da Silva Serejo - Integrante / Daniel Mendes Borges de Barros - Integrante / Renato Manuel Natal Jorge - Integrante.
Financiador(es): FUNDAÇÃO DE AMPARO A PESQUISA E DESENVOLVIMENTO DO MARANHÃO - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 2
2018 - Atual
RECUPERAÇÃO TÉCNICA DE UMA BANCADA DINAMÔMETRICA PARA TESTES DE MOTORES A COMBUSTÃO INTERNA
Descrição: O presente trabalho visa a recuperação técnica de uma bancada dinamômetrica de testes de motores a combustão interna. Este equipamento foi adquirido em 2010 pelo Projeto AEXT/FAPEMA, e permitiu o controle operacional dos motores mantendo-os sob rotação e carga constantes, enquanto outras grandezas poderiam ser medidas, tais como: emissões de gases, temperatura e pressão, fator de excesso de ar, consumo de combustível, admissão de ar. Como os veículos automotores emitem diariamente um volume enorme de gases poluentes à atmosfera na cidade de São Luis e não há um controle destes gases poluentes pelos órgãos responsáveis, tal efeito reflete diretamente na saúde da população maranhense, que fica exposta a doenças respiratórias e aos efeitos danosos dos gases decorrentes de combustões incompletas dos motores a combustão interna. Logo, em 2016 iniciou-se a construção do Laboratório de Testes de Motores Campus Monte Castelo/IFMA pelo Projeto INFRA/FAPEMA/ 2015, sendo a bancada dinamômetrica instalada na sala de testes conforme as exigências da norma NBR ISO 1585 (ABNT, 1996) relativo aos padrões de segurança dos ensaios automotivos. No entanto, mesmo tendo cumprindo as manutenções preventivas com o tempo o equipamento passou por um desgaste normal de seus componentes, o que levou a falhas dos sistemas mecânicos e eletroeletrônicos. Por esta razão faz-se necessário a recuperação técnica da bancada dinamômetrica para melhor análise do desempenho dos motores térmicos, bem como efetuar seu monitoramento e controle das emissões de gases poluentes, permitindo suporte técnico e capacitação a profissionais deste ramo de pesquisa. Além de garantir melhorias no ensino e nas pesquisas empregadas nos cursos técnicos de mecânica, eletromecânica e nos cursos de graduação em engenharia mecânica e engenharia elétrica, estendendo aos cursos de extensão às comunidades locais que demonstrem interesse nesta área. A recuperação técnica deste equipamento permitirá atualização da operação de controle do motor, renovação dos circuitos eletrônicos, sensores, atuadores e softwares de funcionamento da bancada dinamômetrica, promovendo análises mais extadas do comportamento dinâmico de motores térmicos movidos a gasolina, etanol e biodiesel que circulam no Estado do Maranhão, além de analisar a influência da combinação destes combustíveis no funcionamento do motor, resultando no controle da injeção de combustível e no controle da ignição eletrônica. O desempenho do motor a combustão interna será observado em termos de potência, torque e consumo específico de combustível. Neste projeto serão analisadas propriedades físico-químicas e mecânicas dos combustíveis e com um Analisador de Gases do tipo NDIR serão medidos os níveis das emissões poluentes geradas da combustão dos motores. Os valores experimentais servirão como base de dados iniciais para as simulações computacionais com auxílio de softwares Fluent e SolidWorks para simular os efeitos hidrodinâmicos dos gases de exaustão..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (7) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / ANTHONY SOARES DE ALENCAR - Integrante / EVANDRO MARTINS ARAUJO FILHO - Integrante / Gleydson Hiago Sousa Oliveira - Integrante / Kaio Lourenço Teixeira Barbosa - Integrante / Daniel Mendes Borges de Barros - Integrante / Lucas Pablo Silva Brandão Neves - Integrante / joão guilherme morais santos - Integrante.

Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1
2018 - Atual
Proposta da Empresa Júnior em Projetos e Manutenção Automotiva
Descrição: Faz-se necessário a implantação desta proposta de Empresa Júnior com ênfase em Projetos e Manutenção Automotiva, pois possibilitará aos alunos dos cursos de graduação em Engenharia Mecânica, Engenharia Elétrica e Química, que desenvolvem pesquisas nos Laboratórios de Mecânica Automotiva, de Biomecânica e de Projetos, exercitarem seu lado empreendedor e pesquisador, trabalhando na geração de novas ideias, contribuindo para a resolução de problemas do Instituto, das empresas e comunidade locais. Neste sentido a Empresa Júnior promoverá a manutenção preventiva dos veículos leves e diagnóstico do sistema de injeção e ignição eletrônica dos motores, que devido às irregularidades das pistas da cidade de São Luís afetam diretamente os sistemas dinâmicos e de propulsão dos veículos automotores, desregulando-os com facilidade, tais como: motor, direção, freios e suspensão, o que compromete as condições de operação do veículo, em relação a sua estabilidade, dirigibilidade e segurança. Além disto, a Empresa Júnior desenvolverá a elaboração e construção de projetos mecânicos, biomecânicos e de pesquisas científico-tecnológicas que possam atender as comunidades locais, empresas e o Instituto..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (1) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Lorenni Evren Matias da Silva - Integrante / ANTHONY SOARES DE ALENCAR - Integrante / EVANDRO MARTINS ARAUJO FILHO - Integrante / Daniel Mendes Borges de Barros - Integrante / Gil Emerson Silva Correa - Integrante.
Financiador(es): FUNDAÇÃO DE AMPARO A PESQUISA E DESENVOLVIMENTO DO MARANHÃO - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 2
2017 - Atual
MELHORIAS DA OPERACIONALIDADE E VERIFICAÇÃO DA EFICIÊNCIA DE UM PROTÓTIPO ERGOMÉTRICO PARA PORTADORES DE PARAPLEGIA
Descrição: O cadeirante pode realizar suas tarefas do dia-a-dia e ter uma rotina de vida igual à de uma pessoa sem qualquer tipo de comprometimento físico, ou seja, ele pode frequentar faculdade, trabalhar, ter momentos de lazer, dirigir, entre outros. No entanto, ainda existem muitas limitações quando se trata da prática de esportes ou atividades físicas para paraplégicos. Segundo MASINI (2000), estima-se que ocorram a cada ano no país, mais de 10 mil novos casos de lesão medular, sendo o trauma a causa predominante. Em nível de Maranhão, segundo o IBGE (2010) cerca de 460.270 pessoas se declararam portadoras de deficiência motora, sendo esta classificada em três níveis: não consegue de modo algum, grande dificuldade e alguma dificuldade. Na cidade de São Luís existem lugares e equipamentos apropriados para prática de exercícios físicos apenas para pessoas sem deficiência motora, tais como: o Parque Bom Menino, Av. Litorânea, Lagoa da Jansen, praças e outros locais públicos. Para pessoas portadoras de deficiência, a prática de atividades físicas é de fundamental importância. Quando bem orientada (NABEIRO, 1997), influenciará no desenvolvimento bio-psico-social das pessoas, possibilitando uma melhora na sua qualidade de vida. Nos bairros da cidade de São Luís constatou-se que não existem equipamentos de ginástica voltados aos portadores de paraplegia, o que dificulta o controle de doenças causadas pela obesidade e falta de exercícios físicos. Desta forma foi idealizado o desenvolvimento do protótipo ergométrico a estes usuários com atividades físicas similares ao supino sentado e outros exercícios com ênfase no tronco e membros superiores. Normalmente o uso constante de cadeiras de rodas tradicionais e a não realização de atividades físicas causa desmineralização da estrutura óssea do usuário, o aparecimento de problemas metabólicos e hormonais, prejuízo à integridade articular do paraplégico, deficiências nos sistemas circulatório, com a redução do retorno venoso, por exemplo, entre outros comprometimentos. Portanto, o presente projeto visa a realização de melhorias no protótipo citado acima, a fim de adicionar um sistema que possibilite ao paraplégico a realização de atividades que envolvam os membros inferiores, ocasionando assim um aumento no número de exercícios e de músculos trabalhados ao utilizar o aparelho, além da realização de testes para validação/verificação da eficiência do aparelho no que tange a melhorias físicas aos portadores de paraplegia..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Manuelle da Silva Serejo - Integrante / Carlos Vital Pinto Costa Junior - Integrante.

Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1
2017 - Atual
DESENVOLVIMENTO DE UM VEICULO ELÉTRICO PARA MOBILIDADE URBANA
Descrição: O grande acúmulo de veículos automotores nas maiores cidades do mundo tem causado grandes congestionamentos em vias públicas, aumento de estresse dos condutores e alta emissão de ruído e de poluentes. Isso tem afetado muito a qualidade de vida dos moradores dos grandes centros urbanos, principalmente daqueles que dependem de seus veículos para realizarem as atividades mais comuns do cotidiano, como trabalhar ou estudar. O uso de combustível fóssil para suprir a demanda de energia nos veículos a combustão interna, provoca o aumento da poluição ambiental, além do consumo cada vez maior de um recurso natural não renovável que, em décadas, pode se esgotar. Os veículos elétricos, por possuírem emissão zero e baixo ruído, são os mais promissores para substituir os atuais veículos movidos a motores à combustão interna. O principal objetivo deste projeto é o desenvolvimento de um protótipo de veículo elétrico para mobilidade urbana, contando com itens como comunicação wireless e recarga de baterias por módulos solares fotovoltaicos. O projeto propõe soluções construtivas na área da engenharia, focando-se na área veicular e eletroeletrônica. Na área veicular encontra-se a utilização de desenho assistido por computador (CAD) para a predição do comportamento dinâmico do veículo. Na área eletroeletrônica utiliza-se motores de corrente continua sem escovas, banco de baterias, sistema de recarga de baterias por módulo solar fotovoltaico e um gerenciamento do veículo utilizando-se de microcontroladores.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / ANTHONY SOARES DE ALENCAR - Integrante / Gleydson Hiago Sousa Oliveira - Integrante / Evandro Martins Araujo Filho - Integrante.

Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1
2017 - Atual
PARTICIPAÇÃO DE UM GRUPO DE ESTUDANTES NO XIII CONGRESSO IBERO-AMERICANO DE ENGENHARIA MECÂNICA
Descrição: Vital Pinto Costa Junior, Kaio Lourenço Teixeira Barbosa e Manuelle da Silva Serejo no evento ?13º Congresso Ibero-Americano de Engenharia Mecânica? que será realizado em Lisboa/ Portugal no período de 23 a 26 de Outubro de 2017 para melhor divulgação e entendimento das pesquisas e tecnologias desenvolvidas nos diversos campos de pesquisa da engenharia. Os alunos são regularmente matriculados no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão, visto que Kaio Lourenço Teixeira Barbosa, Manuelle da Silva Serejo e Carlos Vital Pinto Costa Junior pertencem ao curso de engenharia mecânica e o aluno Anthony Soares de Alencar cursa engenharia elétrica, os mesmos possuem pesquisas desenvolvidas através de editais PIBITI?s FAPEMA e IFMA. Tais alunos também integram dois grupos de pesquisa: a) Tecnologia Veicular, e b) Tecnologia Assistiva..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / ANTHONY SOARES DE ALENCAR - Integrante / Kaio Lourenço Teixeira Barbosa - Integrante / Manuelle da Silva Serejo - Integrante / Carlos Vital Pinto Costa Junior - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 4
2017 - Atual
DESENVOLVIMENTO DE UM SISTEMA DE PROPULSÃO HÍBRIDO ELÉTRICO APLICADO A UM PROTÓTIPO VEÍCULAR DE ALTA EFICIÊNCIA ENERGÉTICA
Descrição: A evolução dos sistemas de propulsão colocou a humanidade em patamares nunca imaginados antes, transporte de passageiros que duravam dias, até meses, hoje pode ser realizado em algumas horas, a movimentação de alimentos, equipamentos e maquinário torna o mundo mais globalizado e interligado, todos esses avanços foram iniciados e permanecem até hoje devidos, principalmente, à rapidez e eficiência de motorização. Com a frequente evolução dos meios de transporte e a necessidade de eficiência em todo esse processo, foi apresentado a ideia de implementar motores elétricos juntamente com motores à combustão para um aumento, tanto de potência, como também de autonomia dos veículos. Com o maior aproveitamento, tanto da energia elétrica quanto da energia química, presente nos combustíveis, foi atenuado o gasto no tempo de transporte de cargas e pessoas. A junção dos dois sistemas pode desenvolver ainda mais não só o setor automotivo, mas também todo setor de transporte que depende da propulsão para a realização de serviços. Uma motorização híbrida apresenta uma menor que um carro comum do mesmo porte e potência. A presente pesquisa visa desenvolver um sistema de motorização híbrida de baixo custo aplicável a um veículo, a partir de um estudo de qual melhor sistema híbrido para aplicação em um automóvel, híbrido paralelo ou híbrido série. Tal tecnologia visa uma vantagem tanto econômica quanto ambiental..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / ANTHONY SOARES DE ALENCAR - Integrante / Gleydson Hiago Sousa Oliveira - Integrante / Daniel Mendes Borges de Barros - Integrante.

Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1
2017 - Atual
DESENVOLVIMENTO DOS SISTEMAS DE DIREÇÃO, FREIOS E SUSPENSÃO APLICADOS A UM VEÍCULO MONOPOSTO COM PROPULSÃO ELÉTRICA
Descrição: Atualmente os temas ambientais mais discutidos são o aquecimento global e o efeito estufa, fenômenos causados principalmente pelo uso de combustíveis fósseis. Esses fenômenos estão ligados diretamente ao aumento significativo da frota de automóveis com motores a combustão interna. Este aumento causa ainda problemas de tráfego nos centros urbanos, pois as vias principais de algumas cidades já não suportam a quantidade de veículos em circulação. Desta forma há a necessidade de investir cada vez mais em tecnologias que diminuam a emissões de poluentes e melhorem o tráfego nas cidades, melhorando assim a qualidade de vida da população local. Neste contexto surgiu os veículos elétricos monoposto, que aliam soluções para os principais problemas citado, uma vez que na maioria das vezes os veículos particulares são utilizados para o transporte apenas do motorista e não emitem gases poluentes. Desta forma, o projeto propõe-se no desenvolvimento dos principais sistemas (direção, freios e suspensão) que possibilitam o correto funcionamento de um veículo automotor para um único ocupante que priorize o baixo consumo energético, e ainda facilite o tráfego nas vias urbanas, através do estudo e dimensionamento dos componentes a serem apostos no protótipo veicular. A utilização de novas tecnologias e inovações nestes componentes favorecem o melhor comportamento dinâmico do veículo, evidenciados pelo conforto ao rodar, estabilidade, dirigibilidade, segurança e controle do veículo.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / ANTHONY SOARES DE ALENCAR - Integrante / Gleydson Hiago Sousa Oliveira - Integrante / Daniel Mendes Borges de Barros - Integrante / Lucas Pablo Silva Brandão Neves - Integrante.

Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1
2017 - Atual
ESTUDO E DESENVOLVIMENTO DE SISTEMAS ELETROMECÂNICOS APLICADOS A UMA CADEIRA DE RODAS COM PROPULSÃO ELÉTRICA
Descrição: A importância da inovação tecnológica diante das necessidades humanas promove o avanço do estudo científico. Atualmente, a comunidade científica possui interesse em aprimorar acessibilidade do dia-a-dia para pessoas com deficiência física relacionadas com a paralisia total ou parcial dos membros superiores e inferiores (braços e pernas) (FERREIRA, 2008). Neste projeto em específico, submete-se o estudo, a análise e o desenvolvimento preconizados ao protótipo de uma cadeira de rodas com propulsão elétrica. Visamos a análise e o desenvolvimento dos sistemas eletromecânicos que constituem o protótipo em questão. O estudo permeará a implementação do sistema de diferencial eletrônico inserido a um sistema de dupla motorização (utilizam-se dois motores DC para comandar o movimento multi tracionado da cadeira de rodas). Inicialmente far-se-á um amplo estudo das partes que permeiam a montagem eletromecânica de um sistema. Intenta-se em conceituar os componentes essenciais à montagem eletromecânica da cadeira de rodas com propulsão elétrica tal como o detalhamento dos componentes eletromecânicos utilizados, desde a definição de motor elétrico e da bateria, focando na sua fundamental importância e atuação no que diz respeito à eficiência do funcionamento e enérgica da cadeira de rodas com propulsão elétrica. Inserido ao projeto está o sistema de diferencial eletrônico, o qual tem eventual importância no projeto tal como na análise do protótipo (existente no laboratório de Biomecânica do Ifma). Estes estudos, apresentados tanto em simulação computacional, quanto experimentalmente, destinam-se a acrescentar ao veículo características que garantam a estabilidade em situações críticas, manobrabilidade e conforto no movimento..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / ANTHONY SOARES DE ALENCAR - Integrante / Gleydson Hiago Sousa Oliveira - Integrante / Evandro Martins Araujo Filho - Integrante / Lucas Silva Pinheiro - Integrante.

Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1
2017 - Atual
DESENVOLVIMENTO DE UM GERADOR DE FUMAÇA PARA SER EMPREGADO EM UM TÚNEL DE VENTO DIDÁTICO
Descrição: O túnel de vento tem a função de determinar parâmetros nos projetos, como, montagem e construção de aviões, carros, edifícios e até mesmo pontes. É possível avaliar os requisitos estruturais para determinar a resistência dos projetos, consequentemente oferecendo maior segurança e economia na montagem, por meio do túnel de vento se estuda o comportamento dos sólidos submetidos a interação com o fluxo de ar, considerando às suas propriedades, características, e forças exercidas em contornos nele imersos. A Visualização do escoamento é um tema de grande importância no estudo da dinâmica dos fluidos, de forma que tem sido assunto de muitas pesquisas ativas todos os anos. Na maioria dos casos, dados de escoamento são obtidos por meio de simulações numéricas, tais como dinâmica dos fluidos computacional, e geralmente precisam ser analisados através de visualização física para ganhar melhor entendimento das linhas de fluxo. Com o rápido crescimento e desenvolvimento computacional para simulações, a demanda por métodos de visualização mais avançados tem crescido bastante. Tendo dito isto, temos conhecimento da importância da visualização das linhas de corrente e do escoamento interno na seção de teste de túneis de vento. Assim, a presente pesquisa propõe o estudo e desenvolvimento de um gerador de fumaça de baixo custo com aplicação em um túnel de vento subsônico para fins acadêmicos..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Mestrado acadêmico: (1) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / ANTHONY SOARES DE ALENCAR - Integrante / Gleydson Hiago Sousa Oliveira - Integrante / Kaio Lourenço Teixeira Barbosa - Integrante / Evandro Martins Araujo Filho - Integrante / Lucas Pablo Silva Brandão Neves - Integrante.

Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1
2017 - Atual
Proposta de Implantação do Laboratório de Dinâmica Veicular para Manutenção de Veículos Leves
Descrição: A proposta do projeto consiste na instalação do laboratório de dinâmica veicular no Campus São Luís Monte Castelo/IFMA para atender a demanda de manutenção e reparos técnicos com relação às avarias nos sistemas de alinhamento e balanceamento, direção, suspensão, freios e transmissão dos veículos leves das comunidades locais ao Instituto. Faz-se necessário a implantação deste projeto, devido ao crescente número de veículos na cidade de São Luís, que estão sujeitos às irregulares das ruas com elevado número de buracos, lombadas mal projetadas, e diversos outros obstáculos que afetam diretamente o alinhamento e balanceamento das rodas dos veículos. O processo de implantação do Laboratório de Dinâmica Veicular consiste em analisar os sistemas de funcionamento do veiculo, bem como equilibrar todas as forças de atrito, gravidade, centrífuga e impulso que atuam no veículo em movimento. Um alinhamento apropriado proporciona uma rodagem confortável, uma aderência ideal com o solo, e mais estabilidade em pistas retas como em curvas, e um desgaste mínimo dos pneus. No entanto, a precisão do alinhamento desaparecerá facilmente no momento que os componentes da direção ou suspensão apresentarem desgaste ou folgas que impeçam que os ângulos de alinhamento sejam mantidos dentro das especificações. Por esta razão o presente projeto visa atender a demanda de reparos, manutenção e inspeção dos sistema de operação do veículo nas comunidades locais ao Instituto com instalação do Laboratório de Dinâmica Veicular no Campus Monte Castelo do Instituto Federal do Maranhão..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Luis Felipe Dias da Silva - Integrante / Diego Claudio Martins Campos - Integrante / Vinicius Ribeiro Costa - Integrante / Joselma leal Santos - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA - Auxílio financeiro.
2017 - Atual
Análise da Eficiência Energética de uma Estação de Geração Híbrida por Placa Fotovoltaica Associada ao Grupo Gerador a Gasolina
Descrição: O Sol é uma das fontes de energia mais abundantes por todo o planeta. A energia solar é utilizada em diversas formas, por exemplo, para produzir energia elétrica, energia química através da fotossíntese das plantas e também energia em forma de calor. Portanto, o Sol entrega a Terra uma grande quantidade de energia diariamente. Hoje a utilização da energia solar está em desenvolvimento, procurando formas mais eficientes para transformar grande parte da energia do Sol em energia elétrica por exemplo. A energia solar é transformada em energia elétrica, principalmente, através das usinas Termosolares e sistemas fotovoltaicos. Os dois se diferenciam na utilização da energia solar, o primeiro utiliza o sol como fonte de calor para um ciclo térmico, por exemplo o Rankine, para a movimentação de uma turbina. Os sistemas fotovoltaicos utilizam a luz solar, ou melhor, os fótons que absorvidos por um semicondutor permite a liberação e movimentação dos elétrons através do efeito fotovoltaico. Apesar da crescente utilização de sistemas fotovoltaicos, em muitos países, principalmente países em desenvolvimento, a utilização de geradores a combustível fóssil é comum, o que gera custos contínuos em função da compra de combustível e manutenção, além dos impactos negativos no meio ambiente. No entanto, utilizando duas fontes de geração de energia elétrica de forma conjugada, como fotovoltaico e combustível fóssil resulta em um sistema que funciona e tem os pontos positivos dos dois modos de geração de energia. Estudos confirmam que esses sistemas são confiáveis, eficientes, além de diminuir custos com combustível fóssil e impactos no meio ambiente. O projeto visa a implementação e estudo da eficiência energética da estação de geração híbrida que utiliza um gerador fotovoltaico de 265W e um gerador à gasolina de 3kVA que armazena energia em um banco de baterias construída afim de suprir cargas residenciais e recarregar as baterias dos veículos elétricos e à combustão encontrados no Laboratório de Mecânica Automotiva e Biomecânica..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / ANTHONY SOARES DE ALENCAR - Integrante / Gleydson Hiago Sousa Oliveira - Integrante / Carlos Vital Pinto Costa Junior - Integrante.

Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1
2017 - Atual
OPERACIONALIZAÇÃO DA BANCADA DINANOMÊTRICA HIDRÁULICA PARA ANÁLISE DE PARÂMETROS DE DESEMPENHO DE MOTORES A COMBUSTÃO INTERNA DO CICLO OTTO
Descrição: Uma das formas de analisar o desempenho dos motores a combustão interna aplicados pela indústria automobilística são os ensaios de motores em dinamômetros de bancada ou de rolo, na qual são aparelhos de medição de parâmetros dinâmicos, tais como: força, torque, potência, rotação, consumo de combustível dentre outros. O presente projeto visa apresentar uma proposta de operacionalização de uma bancada dinamométrica para análise de parâmetros de desempenho de motores do ciclo Otto associados a equipamentos de medição de consumo de ar e combustível. Na operação da bancada dinamométrica deve ser levada em consideração a montagem do sistema hidráulico do freio para frenagem do motor, o desenvolvimento do sistema de medição de consumo de combustível, a montagem do sistema de medição de ar, o dimensionamento e instalação da célula de carga, sensores e transdutores. Além disto, tem-se ainda a elaboração do controle da bancada, análise de parâmetros de torque e potência e a análise dos parâmetros de consumo de ar e combustível. O presente projeto proporcionará ao Laboratório de Testes de Motores a análise e operação do desempenho de motores instalados em uma bancada dinamométrica. O que por sua vez, fornecerá novas pesquisas em ensaios e medições nos diferentes parâmetros de funcionamento dos motores com adição de combustíveis e biocombustíveis, bem como, alteração dos sistemas de ignição, de arrefecimento, lubrificação e de partida..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / ANTHONY SOARES DE ALENCAR - Integrante / Gleydson Hiago Sousa Oliveira - Integrante / Daniel Mendes Borges de Barros - Integrante / Charles Nascimento Botelho - Integrante.

Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1
2016 - 2017
CONSTRUÇÃO DE UM TUNEL DE VENTO PARA ESTUDO DA AERODINÂMICA VEÍCULAR APLICADA AO VEÍCULO DE ALTA EFICIÊNCIA ENERGÉTICA ROOTS
Descrição: O túnel de vento tem a função de determinar parâmetros nos projetos, como, montagem e construção de aviões, carros, edifícios e até mesmo pontes. É possível avaliar os requisitos estruturais para determinar a resistência dos projetos, consequentemente oferecendo maior segurança e economia na montagem, por meio do túnel de vento se estuda o comportamento dos sólidos submetidos a interação com o fluxo de ar, considerando às suas propriedades, características, e forças exercidas em contornos nele imersos. Em geral, na engenharia essa tecnologia é de fundamental importância para ensaios e testes, sendo empregada em larga escala. Este trabalho descreve o projeto de um túnel de vento subsônico para fins acadêmicos. Objetiva-se projetar para cada componente do túnel, a geometria, o coeficiente de perda de carga e a perda de pressão, tendo como dados de projeto a velocidade e a área da seção de teste pretendida..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Kaio Lourenço Teixeira Barbosa - Integrante.
Financiador(es): Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1
2016 - 2017
ANALISE FLUIDODINÂMICA COMPUTACIONAL DA AERODINÂMICA DO PROTÓTIPO VEICULAR DESENVOLVIDO PARA PARTICIPAÇÃO NA MARATONA UNIVERSITÁRIA DE EFICIENCIA ENERGÉTICA.
Descrição: Os principais objetivos do estudo da aerodinâmica veicular são a segurança e o desempenho dos automóveis. Esses fatores geram grande busca por conhecimento na área, uma vez que, a aerodinâmica veicular tem um forte impacto na eficiência e estabilidade e podem ser alcançados com a criação de dispositivos ou modificações na forma externa que influenciem no escoamento do ar ao redor veículo. Entender a relação entre o consumo de combustível e a resistência que o arrasto impõe ao deslocamento do automóvel é algo que estimula a indústria automobilística a investir cada vez mais na obtenção de ferramentas que possam prever o desempenho. A simulação computacional e o uso de túneis de vento são os principais meios de estudo da aerodinâmica do veículo. O desenvolvimento de novas tecnologias na área dos esportes automobilísticos se intensifica e representa um dos principais diferenciais competitivos. Assim, a presente pesquisa propõe o estudo da aerodinâmica no ambiente computacional com aplicação em um veículo de alta eficiência energética desenvolvido para participação na maratona universitária de eficiência energética. A análise dos métodos para de redução do arrasto e as alterações na geometria da carenagem do veículo serão realizadas utilizando um software CFD (fluído dinâmica computacional). Com base nos estudos, será possível realizar uma análise de métodos para a redução do arrasto buscando a diminuição do consumo de combustível e consequentemente a diminuição das emissões de gases poluentes. As etapas de elaboração de desenhos em CAD, simulação computacional e análise dos resultados no estudo da aerodinâmica do veículo foram realizadas no Laboratório de Mecânica Automotiva do Campus Monte Castelo/IFMA..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Lucas Pablo Silva Brandão Neves - Integrante.

Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1
2016 - 2017
DESENVOLVIMENTO DE DOIS PROTÓTIPOS DE PRÓTESES DE MÃOS IMPRESSA EM 3D: uma mão mecânica acionada por fios e outra mão eletromecânica controlada por arduíno
Descrição: A mão humana é um membro essencial para realizar tarefas cotidianas e para a autonomia do indivíduo, ela possui uma ampla variedade de movimentos dentre eles rotacionais, através de um conjunto de ferramentas e implementos. Pessoas que não possuem as mãos, devido a doenças ou acidentes tem dificuldades diárias para manipular objetos e tarefas de alta precisão (SANTOS, 2012). Logo, para suprir tais necessidades da falta desse órgão essencial para o ser humano, o relato mais antigo, data de 2300 a.C., quando arqueólogos encontraram uma mulher com um pé esquerdo artificial (HISTORIA DAS PROTESES). Isso mostra que o homem, desde tempos antigos, já desenvolvia meios de substituir o membro necessitado. Atualmente, o avanço tecnológico possibilita a produção depeças de simples a mais complexas, empregando o uso de impressoras 3D. Devido a isto, as próteses podem ser impressas em 3D, otimizando a velocidade, e principalmente, diminuindo o custo com a qual são produzidas. Logo as próteses de mão são facilmente encontradas na internet, por meio de projetos gratuitos desenhados em 3D que podem ser impressas por quem necessitar.Os estudos nabioengenhariatrouxeram melhorias no design, materiais mais resistentes, funções e também no controle das próteses. Essas evoluções podem levar aos amputados, experiências muito parecidas com as de um membro real. As próteses de alta tecnologia são muito caras no mercado, chegando a valores em torno deR$ 150 mil para as que são automatizadas. O presente projeto visa o desenvolvimento de dois protótipos de prótese de mãosimpressas em 3D uma controlada por acionamento mecânico e outracontrolada por arduíno para fazer movimentos simples como o de agarrar objetos. Palavras-chave: Prótese, impressora 3D,.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Carlos Vital Pinto Costa Junior - Integrante.

Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1
2016 - 2017
MODELAGEM E PROJETO DE UM CONTROLADOR PID DE VELOCIDADE E TRAÇÃO EM MOTORES ELÉTRICOS BLDC: ESTUDO DE CASO EM UM PROTÓTIPO VEICULAR ELÉTRICO
Descrição: Com o aumento da densidade dos veículos, cresce também a demanda por energia. O uso de combustível fóssil para suprir a demanda de energia nos veículos a combustão interna, provoca o aumento da poluição ambiental, além do consumo cada vez maior de um recurso natural não renovável que, em décadas, pode se esgotar caso a atual taxa de consumo se manter. Com base no aumento da preocupação com as questões ambientais e com a qualidade de vida da população, o estudo e projeto de veículos elétricos (VEs) vem ganhando força na atualidade. Os veículos elétricos, por possuírem emissão zero e baixo ruído, surgem como a solução mais promissora para substituir os atuais veículos compostos por motores à combustão interna. Os VEs requerem um controle específico de potência e torque, além de um gerenciamento de energia bastante eficaz, uma vez que a energia utilizada pelos seus atuadores é limitada pelo uso de uma bateria ou célula combustível. O uso racional da energia elétrica e a proteção aos recursos naturais fazem com que se utilizem técnicas avançadas de controle, afim de se obter o melhor rendimento dos motores elétrico. Este trabalho visa a análise e projeto de um sistema de controle para um veículo elétrico, utilizando-se do método proporcional, integral e derivativo, PID, aplicado a motores elétricos do tipo corrente contínua sem escovas (BLDC), uma vez que este tipo de motor possui uma ampla gama de aplicações industriais, devido a sua alta eficiência, alto torque e baixo peso em relação a um motor CC convencional. O controle deste trabalho terá como principal característica o controle de velocidade e tração aplicada a necessidades inerentes à dinâmica automotiva. Para testar o sistema de controle será realizado um estudo de caso em um protótipo em escala real de um veículo elétrico, o objetivo é viabilizar o estudo de controle e análise de motores em um protótipo de veículo tripulado..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / ANTHONY SOARES DE ALENCAR - Integrante.
Financiador(es): Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1
2016 - 2017
DESENVOLVIMENTO DE UM PROTÓTIPO DE BANCADA DINAMOMÉTRICA COM ACIONAMENTO HIDRÁULICO PARA APLICAÇÃO EM MOTORES A COMBUSTÃO INTERNA DE PEQUENO PORTE
Descrição: A presente pesquisa visa o desenvolvimento de uma bancada dinamométrica hidráulica, que tem como objetivo principal a aferição do torque, e posteriormente potência no eixo motriz, de um motor a combustão interna de pequeno porte, que será aplicado em veículos em desenvolvimento no Laboratório de Mecânica Automotiva do IFMA/Monte Castelo, com intuito de testar, o comportamento dinâmico de operação do propulsor; avaliando através dos dados aferidos , se o motor apresenta características semelhantes ao disponibilizado pelo fabricante, possibilitando assim que se extraia o melhor desempenho possível durante a competição. Através de pesquisas relacionadas ao tema, será realizado dimensionamento de componentes e desenvolvimento do tipo de dinamômetro mais adequado para este tipo de aplicação, e que atenda a requisitos como facilidade de manutenção, menor custo para sua fabricação e simples manuseio do protótipo. Após o dimensionamento dos componentes necessários a construção, se buscará os materiais necessários e adequados para a construção do equipamento, utilizando para escolhas parâmetros como custo, facilidade de usinagem e resistência mecânica do material. Logo em seguida, a fabricação destes componentes, visando o menor índice de perdas mecânicas possíveis. Na última etapa do projeto será construída a estrutura de fixação da bancada dinamométrica, que reduzirá a vibração dos sistemas mecânicos, além de possibilitar o perfeito alinhamento e acoplamento do sistema constituído entre o motor e o dinamômetro. Na realização dos testes será utilizado motores a combustão interna de pequeno porte de até 15 HP de potência, avaliando os resultados através de tabelas comparativas de torque aferidas pelo dinamômetro e as tabelas cedidas pelo fabricante..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Gleydson Hiago Sousa Oliveira - Integrante.
Financiador(es): Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1
2016 - 2017
ANÁLISE DO SISTEMA DE INJEÇÃO ELETRÔNICA PROGRAMÁVEL APLICADOS A MOTORES A COMBUSTÃO INTERNA MULTIPONTO
Descrição: Ao longo do desenvolvimento do automóvel e da produção dos motores de combustão interna, se tornou necessário o desenvolvimento de um sistema de alimentação de carburante para essas máquinas. O carburador consiste em um sistema mecânico que viabilizava a alimentação de combustível ao sistema, porém, com as novas legislações de controle de emissões, esta tecnologia mostrou-se limitada e ineficiente. Com o advento da injeção eletrônica, devido à necessidade das indústrias automotivas se adequarem a novas legislações ambientais, os motores se tornaram mais eficientes, já que, a injeção eletrônica de combustível permite uma queima mais uniforme e diminui o desperdício. Com o auxílio de sensores, uma placa eletrônica controladora ECU (Engine Control Unit) recebe informações do estado motor e faz alterações pré-programadas para o correto funcionamento do sistema. Mapas originais de fabrica fazem esse controle utilizando-se de informações como rotação do motor, posição do acelerador, pressão do ar e quantidade de oxigênio o que possibilita dosar a mistura de ar combustível e gerenciar a ignição, o que resulta em aumento de potência e menor consumo de combustível. Os modelos convencionais de ECU dificultam o acesso aos mapas, mas, com a evolução da eletrônica, foram criados sistemas de injeção programável que permitem a alteração desses mapas em tempo real. Este trabalho tem o intuito de realizar uma análise comparativa entre um sistema de injeção original e um programável. Com a correta manipulação dos dados recebidos pela ECU, interligada aos sensores do motor que controla a ação de atuadores é possível obter o maior rendimento do motor e do combustível nele empregados, com o sistema de injeção programável isso será feito de forma mais aberta e ampla. Utilizando os equipamentos de medição e o próprio sistema será possível estabelecer uma dosagem ideal para cada nível de rotação e exigência de determinado motor. Desta forma será possível permitir o maior aproveitamento do combustível, o que leva a uma menor emissão de poluentes nocivos a saúde humana e ao meio ambiente..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Daniel Mendes Borges de Barros - Integrante.

Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1
2016 - 2017
DESENVOLVIMENTO DE PROTÓTIPOS DE MÃO PARA AUXÍLIO NAS ATIVIDADES LÚDICAS APLICADAS NA REABILITAÇÃO DE PESSOAS COM DOENÇAS DE LESÕES POR ESFORÇOS REPETITIVOS
Descrição: A presente pesquisa estudou uma forma de prevenção das LER nas mãos por meio de atividades lúdicas, com enfoque no desenvolvimento de protótipos de mãos associados aos exercícios físicos, estimulando nas pessoas a prática de simples movimentos de reabilitação com protótipos de mãos fabricadas de papelão, tubos conduite, plástico rígido com papelão e prótese da impressora 3D, que farão a apreensão de peças de diversas formas geométricas, beneficiando nas atividades de abrir e fechar as mãos, rotacioná-las, criar formas variadas das mãos como gancho, cunha, pinça, que possam facilitar na ação de pegar objetos de diversas formas geométricas com precisão ou com força, tornando um ambiente de treinamento das mãos. A atividade de associar os protótipos de mão com objetos de formas geométricas permitirá a prevenção de doenças nas articulações da mão. Então, os protótipos de mãos servem para reproduzir, de forma divertida, os movimentos naturais da mão humana e com controle simplificado as crianças e idosos. A motivação desta pesquisa está na inserção de protótipos de mão de forma lúdica que estimulem as pessoas na prática de movimentos simples que promovam a prevenção destas patologias, tais como: caminhada, hidroginástica, alongamentos, relaxamentos, exercícios de fortalecimento..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Manuelle da Silva Serejo - Integrante / Carlos Vital Pinto Costa Junior - Integrante / KARLA CHRISTINA VIANA DA SILVA - Integrante / Wallewska Adriane Leonardo Nunes - Integrante.

Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1
2015 - 2018
Desenvolvimento de um protótipo veicular elétrico de baixo custo para mobilidade de um único passageiro
Descrição: Faz-se necessário a implantação deste projeto, devido ao crescente número de veículos nos centros urbanos, causando enormes congestionamentos na cidade de São Luís ? MA. O desenvolvimento do protótipo veicular elétrico permitirá fácil mobilidade nas vias públicas, devido suas reduzidas dimensões, além da produção reduzida de emissões poluentes. A experiência da equipe no desenvolvimento de protótipos veiculares se dá pela construção de um veículo de competição movido a gasolina, o qual foi projetado e construído a 11ª edição Maratona Universitária da Eficiência Energética realizada em 2014, sendo a quarta maior competição do gênero no mundo e a única organizada na América Latina. O Instituto Federal do Maranhão participou desde evento em Interlagos - SP com a equipe ROOTS composta de alunos de graduação em Eng. Mecânica e Eng. Elétrica. O veículo de competição foi desenvolvido no Laboratório de Mecânica Automotiva do Campus Monte Castelo/IFMA. Por esta razão, na proposta da pesquisa foi desenvolvido um protótipo veicular de elétrico de baixo custo. O protótipo veicular tem capacidade de transportar um passageiro nas vias públicas de São Luís - MA. As dimensões do veículo facilita seu deslocamento, permiti baixo consumo de combustível e/ou eletricidade, fácil estacionamento, baixo custo de manutenção e níveis de poluentes praticamente nulos..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Lidia Santos P. Martins - Integrante / Jean Robert Pereira Rodrigues - Integrante / ANTHONY SOARES DE ALENCAR - Integrante / EVANDRO MARTINS ARAUJO FILHO - Integrante / Gleydson Hiago Sousa Oliveira - Integrante.
Financiador(es): FUNDAÇÃO DE AMPARO A PESQUISA E DESENVOLVIMENTO DO MARANHÃO - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 2
2015 - 2016
PARAMETRIZAÇÃO DE AEROFÓLIOS UTILIZANDO MÉOTODOS DIRETOS
Descrição: No estudo da aerodinâmica uma das áreas que mais se destacam é a teoria do perfil aerodinâmico, aerofólios. Estes são superfícies geométricas que ao serem submetidos a um escoamento conseguem produzir uma reação. As aplicações dessas superfícies se encontram na indústria automobilística e principalmente na aeronáutica, visto que só possível um avião voar por meio das forças produzidas pelo perfil aerodinâmico. A criação de aerofólios não é aleatória e sem teoria, existem métodos de parametrização cada um com suas peculiaridades. Estes métodos podem ser divididos e dois grupos: métodos inversos e diretos. O método inverso consiste em se determinar condições iniciais de escoamento e utilizando um algoritmo inverso determinar o aerofólio desejado, já os métodos diretos a geometria é feita primeiramente e após é feita a analise dos resultados e de quais condições o aerofólio é utilizável. No método direto modelos matemáticos são utilizados na modelagem de curvas, normalmente os parâmetros desses modelos são: espessura do perfil, ângulo do bordo de ataque, ângulo do bordo de fuga, espessura do bordo de ataque e outros. O presente trabalho se utilizara dos métodos diretos e se limitará a quatro métodos: NACA 4 dígitos, PARSEC, Hicks-Henne e Curvas Bézier. Utilizando ferramentas computacionais, tais como MATLAB e o XFLR5, é possível a criação de um algoritmo que execute cada método de parametrização e seja feita uma analise das suas características aerodinâmicas, tais como coeficiente de sustentação, arrasto, momento e eficiência aerodinâmica. A parametrização de novos perfis tem por objetivo principal a otimização de suas características aerodinâmicas e especificamente a indústria aeronáutica essas características são a sustentação e eficiência aerodinâmica. Efeitos produzidos pelo aerofólio como o arrasto são minimizados, pois é um feito nocivo ao voo..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Alessandro Sodré - Integrante.
2015 - 2016
SISTEMA DE INJEÇÃO ELETRÔNICA PROGRAMÁVEL EM MOTORES A COMBUSTÃO INTERNA DE CICLO OTTO
Descrição: Os sistemas de injeção e ignição eletrônica foram criados visando reduzir as emissões poluentes. Essa estratégia de controle dos co-produtos da combustão foi baseada em aperfeiçoar o gerenciamento da mistura ar-combustível e da produção da faísca, o que ocasionou outros benefícios como aumento da potência e menor consumo de combustível. Esse controle é feito através de mapas programados na unidade de comando eletrônica (UCE), calculando, inicialmente, a quantidade de oxigênio e combustível por intermédio dos sensores. Como os modelos convencionais de UCE dificultam o acesso a estes mapas, foram criados módulos de injeção eletrônica programáveis, possibilitando a alteração destes mapas em tempo real. Deste modo, o presente trabalho visa desenvolver um sistema de injeção eletrônica programável em motores de ciclo Otto, capaz de fornecer a quantidade ideal de combustível para satisfazer as suas necessidades energéticas, mas com o controle mais ratificado da emissão de gases poluentes, manipulando instrumentos de medição (sensores) e atuadores mecânicos e elétricos com maior precisão. Em seguida, comparar graficamente o desempenho dos motores com seus sistemas de injeção e ignição de fábrica com o desempenho dos motores munidos do sistema de injeção eletrônica programável, atestando que a inovação é favorável à economia de combustível, e que é uma medida eficiente para diminuição da emissão à atmosfera de gases tóxicos, nocivos ao meio ambiente e aos seres humanos..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Carlos Machado Coelho Neto - Integrante.
Financiador(es): Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão - Auxílio financeiro.
2015 - 2016
SISTEMA DE GERAÇÃO DE ENERGIA POR MEIO FOTOVOLTAICO-DIESEL PARA A ELETRIFICAÇÃO DE ÁREAS REMOTAS
Descrição: Atualmente vemos uma crescente tendência à busca por tecnologias em energia renovável, seja por redução nos custos ou por conscientização ambiental, pelo fato de ser bem menos poluente. É também marcante sua praticidade, pela possibilidade de ser usada localmente e reduzir a necessidade de importação de energia, ou seja, atenua a dependência energética. Surge também como alternativa às áreas mais afastadas das grandes cidades, onde a distribuição de energia elétrica pelo sistema convencional algumas vezes é ineficiente ou falho, fazendo com que moradores dessas áreas optem por fontes de energia poluentes e de alto custo. O presente trabalho se propõe ao projeto de um sistema de geraçao de energia, composto por célula fotovoltaica com armazenamento em bateria. Um gerador a diesel será adicionado para garantir fornecimento de energia contínuo e também como backup da natureza intermitente do fotovoltaico. O objetivo primário deste estudo é estimar as dimensões apropriadas de célula fotovoltaica/diesel com armazenamento em bateria para garantir autonomia energética para o consumidor localizado em áreas remotas. Um objetivo secundário é estudar o impacto da qualidade potencial de energia renovável no tamanho do sistema. Nesse contexto, um modelo completo de dimensionamento será desenvolvido no MatLab/Simulink, e será capaz de prever a configuração ótima do sistema. Serão realizadas simulações com os dimensionamentos obtidos para avaliar a viabilidade do sistema em areas remotas, analisando também se o sistema híbrido tem melhor desempenho e confiabilidade do que somente utilizando a célula fotovoltaica sozinha. Uma análise econômica comparativa entre os custos do kW/h do sistema energético tradicional e do sistema híbrido será também levada em consideração..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / André Luis Gomes Araujo - Integrante.
Financiador(es): Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão - Auxílio financeiro.
2015 - 2016
DESENVOLVIMENTO E ANÁLISE DE UM VEÍCULO DE ALTA EFICÊNCIA ENERGÉTICA COM PROPULSÃO A COMBUSTÃO INTERNA
Descrição: Atualmente um dos temas mais abordados são o aquecimento global e o efeito estufa, fenômenos causados principalmente pelo uso de combustíveis fósseis. A maioria dos motores a combustão utilizam esses tipos de combustíveis, contribuindo assim para o aumento desses fenômenos. Desta forma há a necessidade de investir cada vez mais em tecnologias que diminuam a emissão dos gases estufa, além de conservar um recurso natural não renovável. Por apresentarem características únicas se comparados a outros tipos se propulsão, os motores a combustão interna, ainda são largamente utilizados, e ainda lideram as vendas no mercado mundial. O projeto propõe-se no desenvolvimento de um veículo que priorize o baixo consumo específico de combustível e a baixa emissão de poluentes, através do estudo de cada sistema que contribuem para este objetivo, como: motorização, sistema de alimentação de combustível e transmissão. A utilização de novas tecnologias e inovações nestes componentes diminui drasticamente os números negativos provenientes do uso destes elementos. A análise do protótipo desenvolvido servirá de base para comparação sólida com os dados já existente sobre o objeto de estudo, visando um melhor rendimento geral do conjunto. Serão realizados os testes dinâmicos do veículo e verificando os resultados durante a Maratona de Eficiência Energética..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Gleydson Hiago Sousa Oliveira - Integrante.
Financiador(es): Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão - Auxílio financeiro.
2015 - 2016
DESENVOLVIMENTO DE DOIS PROTÓTIPOS ERGOMÉTRICOS PARA AUXÍLIO NAS ATIVIDADES FÍSICAS DOS CADEIRANTES NO INTUITO DE COMBATER A OBESIDADE E DOENÇAS CARDIORESPIRATÓRIAS
Descrição: O cadeirante pode realizar suas tarefas do dia-a-dia e ter uma rotina de vida igual à de uma pessoa normal, ou seja, frequentar faculdade, trabalhar, ter momentos de lazer, dirigir, etc. No entanto, existem limitações físicas quando se trata da prática de esportes ou exercícios. Na cidade de São Luís existem lugares e equipamentos apropriados para prática de esportes apenas para pessoas sem deficiência física, tais como: o Parque Bom Menino, Av. Litorânea, Lagoa da Jansen, praças e outros locais públicos são disponíveis estruturas para a realização de atividades físicas. No entanto, nestes espaços não foram instalados equipamentos ergométricos que possam atender aos cadeirantes com a prática de exercícios físicos, o que contribui para uma vida sedentária, influenciando diretamente no aumento de peso, com consequências na saúde e alto estima. A presente pesquisa pretende desenvolver três equipamentos ergométricos de baixo custo dispostos num percurso que garantir resistência e musculatura física do tronco e membros superiores, além de promover a reabilitação física do cadeirante. Normalmente o uso constante de cadeiras de rodas tradicionais causa enfraquecimento das articulações do usuário, o projeto possibilitará ao usuário portador de deficiência locomotora melhorias físicas, que poderão ser confirmadas por um fisioterapeuta, na validação e eficiência dos protótipos desenvolvidos. O projeto pretende ainda auxiliar o cadeirante na reeducação física, pois o paciente com lesão na medula e/ou outras estruturas ósseas importantes pode desenvolver problemas metabólicos e hormonais, e deficiências nos sistemas circulatório, digestivo, reprodutor e excretor..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Manuelle Serejo - Integrante.
Financiador(es): Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão - Auxílio financeiro.
2015 - 2016
DESENVOLVIMENTO DE UM PROTÓTIPO DE CADEIRA DE RODAS MOTORIZADA COM MOBILIDADE VERTICAL AUTOMÁTICA
Descrição: O cadeirante deve diariamente superar seus limites físicos para enfrentar diversos obstáculos ao longo do seu trajeto, dependendo da situação o cadeirante precisa acessar objetos que estejam fora do seu alcance no plano vertical ou ficar numa altura equivalente à altura média para um simples dialogo com outras pessoas. A presente pesquisa pretende desenvolver um sistema adaptativo de verticalização automática acionada através de um mecanismo simples com comando elétrico adaptado à cadeira de rodas que possa atender aos tetraplégicos, pessoas que não possuem o movimento dos membros superiores e inferiores. Este sistema de verticalização facilitará a mobilidade dos cadeirantes, aumentando seu grau de liberdade em acessos antes difíceis ou impossíveis de serem atingidos. Normalmente o uso de cadeiras de rodas tradicionais causa enfraquecimento das articulações do usuário, o projeto possibilita ao usuário melhorias físicas, e estas serão confirmadas através de testes realizados pelo próprio cadeirante, e assim validar a eficiência do protótipo desenvolvido. A cadeira de rodas verticalizada tem o objetivo de tornar o cadeirante mais confiante em superar dificuldades, pois esta nova experiência em alcançar objetos em prateleiras, alimentos em geladeiras, livros em estantes ou qualquer outro objeto em superfícies superiores proporciona ainda alta estima ao cadeirante. A presente proposta sugere desenvolver um protótipo de verticalização automática adaptativo na cadeira de rodas por meio de um mecanismo de comando elétrico de apoio para cadeirante tetraplégico formado por equipamento hidráulico-elétrico acoplado no assento da cadeira e partes traseira movendo-se verticalmente. As etapas de elaboração de desenhos em AutoCAD, o desenvolvimento das peças mecânicas de transmissão e instalação do sistema hidráulico-elétrico na verticalização automática serão realizados no Laboratório de Mecânica Automotiva do Campus Monte Castelo/IFMA..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Samuel Franco do Nascimento - Integrante.
Financiador(es): Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão - Auxílio financeiro.
2015 - 2016
CONSTRUÇÃO DE UMA BANCADA FLUXO PARA ESTUDO DO ESCOAMENTO DE GASES DOS SISTEMAS DE EXAUSTÃO E ADMISSÃO
Descrição: A criação do motor a combustão interna promoveu o avanço tecnológico da humanidade pela disponibilidade de energia mecânica que pode ser aplicada a vários mecanismos de transportes aéreo, marítimo e terrestre. A incorporação de novas tecnologias nos sistemas de funcionamento do motor a combustão interna permitiu a otimização dos processos de admissão da mistura ar-combustível, da combustão e da expulsão dos gases queimados, possibilitando a obtenção de maior potência com menor consumo de combustível e com baixas emissões poluentes ao ar atmosférico. De acordo com o regime de funcionamento do motor ocorrem variações da temperatura, pressão, vazão e densidade na admissão do ar e do combustível. Estratégias de controle são adotadas na injeção de combustível e admissão do ar para possibilitar uma melhor combustão e evitar misturas ar-combustível muito pobres ou extremamente ricas. A combustão incompleta da mistura é uma das principais causas da elevação dos índices de dispersão dos poluentes na atmosfera, tais como: monóxido e dióxido de carbono, óxidos de nitrogênio, hidrocarbonetos, particulados e vapor d?água. O presente projeto consiste em analisar a troca gasosa e resistência ao escoamento nos componentes dos sistemas de admissão e exaustão de um motor a combustão interna Este projeto de pesquisa será executado no Laboratório de Mecânica Automotiva. Os dados obtidos experimentalmente serão comparados com estudos teóricos de modelagem matemática e por meio de uma simulação computacional..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Kaio Lourenço Teixeira Barbosa - Integrante.
Financiador(es): Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão - Auxílio financeiro.
2015 - 2016
DESENVOLVIMENTO DE UM VEÍCULO ELÉTRICO DE EFICIÊCIA ENERGÉTICA
Descrição: Uma das principais questões discutidas em diversos países é a situação da sociedade perante o problema ambiental de alcance global, chamado de efeito estufa. A constante elevação dos termômetros da terra nos leva a previsões catastróficas para um futuro não tão distante. A emissão de gases poluentes como o dióxido de carbono e o metano, é o principal catalisador desde fenômeno, sendo gerados principalmente pela queima de combustíveis fósseis que estão diariamente abastecendo milhões de veículos no mundo inteiro. O acúmulo desses gases nas camadas da atmosfera é chamado de efeito estufa. Os veículos elétricos, por possuírem emissão zero e baixo ruído, são os mais promissores para substituir os atuais veículos compostos por motores à combustão interna. O principal objetivo deste projeto é o desenvolvimento de um protótipo veicular movido por um motor elétrico a fim de obter eficiência energética, o que implica em grande autonomia, alta eficiência do conjunto motor-transmissão, e zero em emissões de gases de efeito estufa. A fim de obter valores de eficiência energética, todo o projeto, fabricação e testes do veículo estão voltados para este objetivo. O projeto propõe soluções construtivas na área da engenharia como motores de corrente continua com comutação eletrônica e transmissão simples para a tração do veículo, banco de baterias de íons de lítio e um gerenciamento eficiente e seguro de energia utilizando-se de microcontroladores e projeto estrutural de chassi leve e resistente em alumínio. Todos os componentes estão unidos compondo um veículo do tipo triciclo e monoposto elétrico de eficiência energética..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / ANTHONY SOARES DE ALENCAR - Integrante.
Financiador(es): Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão - Auxílio financeiro.
2014 - 2016
Projeto de Cooperação Técnica Internacional para Desenvolvimento de Tecnologias de Baixo Custo para Apoio a Mobilidade e Controle do Ambiente por Portadores de Deficiência Física Controlada por Gestos
Descrição: As pessoas que dependem de cadeiras de rodas para sua locomoção passam grande parte do dia na posição sentada, o que provoca uma série de complicações de origem fisiológica ou psicológica, além de enfrentarem desafios de acessibilidade do dia-a-dia. Na tentativa de ajudar o portador de deficiência locomotora a superar situações desafiadoras na locomoção diária na cidade ou no ambiente familiar, as atuais tecnologias assistidas contribuem no desenvolvimento de mecanismos de fácil manuseio, que possibilitam a independência do usuário de cadeira de rodas, reduzindo suas limitações de mobilidade. Dentre as principais tecnologias empregadas destacam-se as seguintes: cadeira de rodas motorizada, o controle automático de algumas partes da casa e criação de ambientes projetados para locomoção adequada do cadeirante. Desta maneira o principal problema a ser abordado neste projeto é o incremento da mobilidade técnica de veículos para cadeirantes, do controle desta mobilidade e do ambiente família de modo a garantir a independência para portadores de deficiências, com o desenvolvimento de uma tecnologia de baixo custo adequada às características ergonômicas de uso da mesma. No Brasil a maioria dos usuários de cadeira de rodas está nas classes sociais menos favorecidas economicamente, onde se têm o caso, por exemplo, de um usuário cuja família, que possui renda de apenas um salário mínimo, não poder adquirir uma cadeira de rodas motorizada com preço que facilmente ultrapassa sete vezes a renda da família. A implantação do Laboratório de Biomecânica e Tecnologias Assistivas por meio da Cooperação Técnica Internacional com a Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto - Portugal contribuirá no processo de formação de recursos humanos e suporte técnico no desenvolvimento de cadeiras de rodas motorizadas comandadas por gestos faciais, bem como a criação de tecnologias que favoreçam ambientes inteligentes aos cadeirantes..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Lidia Santos Pereira Martins - Integrante / André Pereira Santana - Integrante / Jean Robert Pereira Rodrigues - Integrante / Ivana Márcia Oliveira Maia - Integrante / SOLIDÔNIO RODRIGUES DE CARVALHO - Integrante / VALERIO LUIZ BORGES - Integrante / ANSELMO CARDOSO PAIVA - Integrante.

Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 2
2013 - 2014
ANÁLISE DO FUNCIONAMENTO DE UM MOTOR A COMBUSTÃO INTERNA ASSOCIADO A UM MOTOR ELÉTRICO
Descrição: O presente projeto consiste em uma combinação de duas ou mais formas de propulsão, visando maximizar pontos positivos de cada uma com o objetivo de sanar possíveis limitações de uma motorização convencional. A motorização a combustão se destaca por possuir um conceito relativamente simples, e comparada a outros tipos de motorização, uma fácil fabricação e manutenção; enquanto a motorização elétrica tem a vantagem de possuir emissão zero, não dependência de derivados de petróleo e baixo ruído. Deste modo este trabalho visa o levantamento de dados através de pesquisas e análises realizadas com o Módulo de testes, e por meio de mapeamentos obtidos através de dinamômetros, sobre a motorização a combustão e elétrica, enfocando no estudo detalhado de cada componente necessário para montagem de uma propulsão elétrico híbrida. Com as informações a serem colhidas em mãos poderemos ter um embasamento teórico fundamental de cada objeto de estudo necessário para uma futura conversão de uma fonte de propulsão convencional para o modelo proposto (elétrico híbrido)..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / ANTHONY SOARES DE ALENCAR - Integrante / EVANDRO MARTINS ARAUJO FILHO - Integrante / Gleydson Hiago Sousa Oliveira - Integrante.
Financiador(es): Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão - Auxílio financeiro.
2013 - 2014
DESENVOLVIMENTO DE UM PROTÓTIPO VEICULAR ELÉTRICO DO TIPO TRICICLO DE BAIXO CUSTO PARA CADEIRANTES
Descrição: A presente pesquisa pretende desenvolver um protótipo veicular elétrico para cadeirantes, acionada através de um mecanismo simples com comando elétrico, que permitirá transportar o cadeirante em sua cadeira de rodas, podendo assim atender aos paraplégicos, pessoas que não possuem movimento nos membros inferiores, ou ainda, aquelas pessoas que não possuem pernas, pois este veículo possuirá acionamento do acelerador, freios e direção somente na parte superior das alavancas do triciclo. O protótipo veicular facilitará a mobilidade dos cadeirantes, aumentando seu grau de liberdade em acessos antes difíceis ou impossíveis de serem atingidos..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Pablo Henrique Silva Santos - Integrante / EVANDRO MARTINS ARAUJO FILHO - Integrante.
Financiador(es): Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1
2013 - 2014
LÓGICA FUZZY APLICADA NA ESTRATÉGIA DE GERENCIAMENTO DE ENERGIA EM VEÍCULOS HÍBRIDOS SÉRIE-PARALELO
Descrição: O presente trabalho propõe-se a um estudo de estratégias de gerenciamento de energia, baseados em sistemas fuzzy, para veículos híbridos do tipo série-paralelo. No Veículo híbrido série-paralelo, o torque é gerado a partir de um motor de combustão interna e de um motor elétrico. Devido à natureza de dupla motorização desses veículos, há uma grande necessidade de estratégias de controle eficientes para explorar plenamente o potencial desses veículos. As estratégias de controle para veículos híbridos são algoritmos que escolhem a divisão de potência entre o motor de combustão interna e o motor elétrico, em geral, com base no torque desejado para a tração e o estado de carga. O objetivo da estratégia de gerenciamento de energia(EGE) em veículos híbridos série-paralelo, é aumentar a economia do de combustível sem sacrificar o desempenho, segurança e confiabilidade do veículo. Para atingir esses objetivos, é muito importante a EGE aperfeiçoar o gerenciamento dos componentes do veículo híbrido Série-Paralelo..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / ANTHONY SOARES DE ALENCAR - Integrante / EVANDRO MARTINS ARAUJO FILHO - Integrante / Gleydson Hiago Sousa Oliveira - Integrante.
Financiador(es): Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão - Auxílio financeiro.
2012 - 2014
ASSOCIAÇÕES DE MORADORES DA CIDADE DE SÃO LUIS/MA: INSERÇÃO DAS COMUNIDADES CARENTES NO MERCADO DE TRABALHO
Descrição: Tendo em vista que os profissionais preparados para o mercado de trabalho não são suficientes em números para atender a grande demanda de expansão da área industrial do Estado do Maranhão, em consonância com o baixo investimento de instituições técnicas instaladas na cidade de São Luis que promovam a capacitação técnica da sociedade. A proposta de oferecimento de um Curso Preparatório em Mecânica Básica às Associações de Moradores e ao Centro de Cultura Negra da cidade de São Luis/MA vem resgatar a responsabilidade social e comprometimento que as Instituições de Ensino Maranhenses devem ter com a sociedade, no que diz respeito a rápida inserção de jovens e adultos no mercado de trabalho, bem como disseminar simples conhecimentos técnicos que contribuirão na formação de cidadãos mais preparados tecnicamente para soluções de problemas corriqueiros de manutenção de máquinas ou mesmo de simples instalações mecânicas nas comunidades dos bairros da cidade de São Luis/MA..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (12) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (4) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Lidia Santos P. Martins - Integrante / José Castro Souza - Integrante / Joaquim Teixeira Lopes - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1
2011 - 2013
ANÁLISE DO ESCOAMENTO DAS EMISSÕES POLUENTES NOS SISTEMAS DE ADMISSÃO E EXAUSTÃO DOS MOTORES A COMBUSTÃO INTERNA NOS CICLOS OTTO E DIESEL
Descrição: De acordo com o regime de funcionamento do motor a combustão interna ocorrem variações da temperatura, pressão, vazão e densidade na admissão do ar e do combustível, bem como no escape dos gases queimados. Estratégias de controle são adotadas na injeção de combustível e admissão do ar para possibilitar uma melhor combustão e evitar misturas ar-combustível muito pobres ou extremamente ricas. A combustão incompleta da mistura é uma das principais causas da elevação dos índices de dispersão dos poluentes na atmosfera, tais como: monóxido e dióxido de carbono, óxidos de nitrogênio, hidrocarbonetos, particulados e vapor d?água. O presente projeto consiste em analisar experimentalmente o escoamento dos gases nos sistemas de admissão e exaustão dos motores a combustão interna nos ciclos Otto e Diesel, por meio da aplicação de uma bancada de fluxo será determinada a resistência ao escoamento nos componentes mecânicos dos sistemas de aspiração e escape. O nível das emissões poluentes produzidas pela combustão incompleta das misturas ar/combustível no interior da câmara de combustão do motor será possível verificar através de um analisador de gases do tipo NDIR (Analisador Infravermelho não Dispersivo)..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (7) / Especialização: (1) / Doutorado: (2) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Lidia Santos Pereira Martins - Integrante / José Castro Souza - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 1
2010 - 2012
VII Congresso Nacional de Engenharia Mecânica (VII CONEM).
Descrição: O objetivo do evento é reunir pesquisadores que trabalhem em temas relacionados a Engenharia e Ciências Mecânicas, com a finalidade de trocar informação e divulgar a pesquisa para discussão de temas de interesse mútuo e de relevância para o desenvolvimento tecnológico e econômico do Brasil, ajudando a enfrentar as constantes mudanças a que estamos submetidos, em função da espantosa velocidade com que, em suas múltiplas fases, se desenvolve a ciência e a tecnologia. O evento é aberto à comunidade científica: qualquer pesquisador e/ou grupo de pesquisa que tiver atuação vinculada ao tema pode submeter trabalhos para o VII CONEM 2012..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Lidia Santos Pereira Martins - Integrante / Jean Robert Pereira Rodrigues - Integrante.
Financiador(es): Associação Brasileira de Engenharia e Ciências Mecânicas - Auxílio financeiro.
2010 - 2012
ANÁLISE EXPERIMENTAL DOS MOTORES A COMBUSTÃO INTERNA POR MEIO DE UMA BANCADA DINAMÔMETRICA
Descrição: A crescente frota de veículos que circulam no Estado do Maranhão necessita de uma avaliação do comportamento dinâmico de seus motores a combustão interna, que na realização de trabalho libera emissões poluentes, gera altos níveis de ruídos e elevada quantidade de calor ao meio ambiente. A aquisição de uma bancada dinamômetrica permitirá o controle operacional dos motores mantendo-os sob rotação e carga constantes, enquanto outras grandezas podem ser medidas, tais como: emissões de gases, temperatura e pressão, fator de excesso de ar, consumo de combustível, admissão de ar. A qualidade do combustível pode afetar diretamente o desempenho e a manutenção de qualquer motor diesel. O combustível biodiesel apresenta maior viscosidade em relação ao óleo diesel mineral, o que pode causar problemas na injeção do combustível, com conseqüente redução da potência do motor. O presente trabalho visa a montagem de uma sala de testes que possa contribuir com as análises dos motores térmicos movidos a diesel, biodiesel, gasolina e etanol que circulam no Estado do Maranhão, além de analisar a influência das combinações destes combustíveis no funcionamento de um motor estacionário - grupo gerador do ciclo Diesel, alimentado a óleo diesel e biodiesel que implicará no controle das emissões poluentes e na geração de eletricidade. Este estudo comparativo da eficiência dos combustíveis em diversas proporções permitirá a geração de um sistema de controle das emissões poluentes em cada condição de operação do motor. O desempenho do motor será observado em termos de potência, torque e consumo específico de combustível. Serão analisadas as propriedades físico-químicas e mecânicas dos combustíveis. As emissões poluentes geradas da combustão são medidas com o Analisador de Gases do tipo NDIR e a emissão de materiais particulados, fuligem, com o aparelho Opacímetro Bosch BEA. Os valores experimentais servirão como base de dados iniciais para a simulação computacional com auxilio do software Fluent, para simular os efeitos hidrodinâmicos dos gases de exaustão..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Especialização: (1) / Doutorado: (2) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Lidia Santos Pereira Martins - Integrante / José Castro Souza - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 1
2010 - 2012
MANUTENÇÃO DA INFRAESTRUTURA DO LABORATÓRIO DE MOTORES E EMISSÕES POLUENTES PARA DESENVOLVIMENTO DA INSPEÇÃO VEICULAR?
Descrição: A manutenção preventiva nos motores a combustão interna é uma ferramenta que contribui para prolongar suas condições operacionais e manter seu máximo desempenho em diversos regimes de funcionamento. A qualidade do combustível pode afetar diretamente o desempenho e a manutenção de qualquer motor a combustão interna e promover emissões poluentes Indesejadas. O combustível biodiesel apresenta maior viscosidade em relação ao óleo diesel mineral, o que pode causar problemas na injeção do combustível, com conseqüente redução da potência do motor. O presente trabalho visa operacionalizar o Laboratório de Motores e Emissões Poluentes para que possa atender ao desenvolvimento de pesquisas cientificas e tecnológicas no Instituto, bem como prestar cursos e serviços de inspeção veicular à comunidade. Além disto, no laboratório serão analisadas combinações de combustíveis renováveis (álcool, biodiesel) e não renováveis (gasolina, óleo diesel) no comportamento dinâmico de um grupo gerador a diesel e suas implicações no controle das emissões poluentes e na geração de eletricidade..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Especialização: (1) / Doutorado: (2) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Lidia Santos Pereira Martins - Integrante / José Castro Souza - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 2
2010 - 2012
DESENVOLVIMENTO DE UM SISTEMA MECÂNICO PARA EXTRAÇÃO DE ÓLEO VEGETAL DE ALTA VISCOSIDADE
Descrição: O presente trabalho aborda o desenvolvimento de sistemas mecânicos de simples manuseio para extração de óleos vegetais, detalhando-se todas as variáveis envolvidas no processo, deste a seleção das sementes até atingir a etapa de extração do óleo vegetal. As oleaginosas escolhidas para estudo foram a mamona, o girassol e o gergelim que se apresentam em abundância na região Nordeste. Para o desenvolvimento do protótipo de esmagadora foram estimados valores de pressão de esmagamento conforme a literatura, da mesma forma, a escolha do material para construção das prensas extrusoras foram definidos durante o esboço do projeto. As variáveis físicas foram entendidas e aplicadas neste estudo para viabilizar o dimensionamento do projeto. Os mecanismos de prensas mecânicas foram estudados e avaliados quanto a seu rendimento e em seguida calculados. As análises das variáveis físicas do projeto permitiram discutir sua dimensão estrutural para viabilizar uma prensa extrusora mecânica que atenda às necessidades do pequeno agricultor do Estado do Maranhão, bem como ser aplicados aos laboratórios de pesquisa..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Especialização: (1) / Doutorado: (2) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Lidia Santos P. Martins - Integrante / José Castro Souza - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 2
2010 - 2011
Estudo de deformações, momentos e tensões de estruturas de materiais compósitos laminados usando o método dos elementos de contorno.
Descrição: Neste projeto serão desenvolvidas formulações dinâmicas para a análise de deformações, momentos e tensões em materiais compósitos usando o método dos elementos de contorno. Todas as integrais de domínio serão transformadas em integrais de contorno usando o método da integração radial. Com isto, elimina-se a necessidade de se discretizar o domínio, matendo uma das principais características do método dos elementos de contorno que é a discretização apenas do contorno. A integração no tempo será realizada usando o método de Houbolt. Uma equação integral para a segunda derivada de deslocamento é desenvolvida e todas as derivadas da solução fundamental são calculadas analiticamente. Os resultados serão comparados com resultados disponíveis na literatura e também com resultados de programas comerciais de elementos finitos..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Integrante / Rubens Soeiro Gonçalves - Integrante / André Pereira Santana - Coordenador / Eder Lima de Albuquerque - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA - Auxílio financeiro.
2009 - 2013
Dinter em Engenharia Mecânica
Descrição: Doutorado Interistitucional em Engenharia Mecânica convênio com a Universidade Federal de Uberlândia nas áreas de concentração : Processos de Fabricação e Materiais, e Transferência de Calor e Mecânica do Fluido.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (12) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador.
Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro.
2009 - 2012
ANÁLISE DO COMPORTAMENTO DINÂMICO DOS MOTORES A COMBUSTÃO INTERNA DOS CICLOS OTTO E DIESEL POR MEIO DE UMA BANCADA DINAMÔMETRICA
Descrição: A presente pesquisa visa analisar o comportamento dinâmico dos motores a combustão interna por meio de bancada de testes dinamômetrica utilizando-se combustíveis alternativos, bem como os processos de troca gasosa nos sistemas de admissão e exaustão, que possibilitem avaliar de forma comparativa os parâmetros de desempenho do grupo gerador. Pretende-se a instalação de uma bancada dinamômetrica para verificar as operações de funcionamento dos motores a combustão interna..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador.
Financiador(es): Instituto Federal do Maranhão - Auxílio financeiro.
2009 - 2010
Análise da Dinâmica de Escoamento dos Gases de Exaustão e Admissão do Motor Diesel por meio de uma Bancada de Fluxo
Descrição: O presente projeto consiste em análises da troca gasosa e da resistência ao escoamento dos componentes nos sistemas de admissão e exaustão do motor a combustão interna de ignição por compressão por meio de uma bancada de fluxo. Este projeto de pesquisa em motores de combustão interna, no Departamento de Mecânica e Materiais do IFMA, constituirá um estudo dos processos de troca gasosa dos sistemas de admissão e exaustão de um motor a combustão interna, com auxílio de uma bancada de fluxo, possibilitando medidas da resistência do fluxo de ar dos componentes mecânicos destes sistemas. Os dados obtidos experimentalmente serão comparados com estudos teóricos de modelagem matemática e por meio de uma simulação computacional utilizando o software Fluent 6..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador.
Financiador(es): Instituto Federal do Maranhão - Auxílio financeiro.
2007 - 2010
Projeto do Protótipo de Esmagadora para Produção de Óleo Vegetal (em parceria com a Universidade Estadual do Maranhão, representada pelos Departamentos de Agronomia, Química e Engenharia Mecânica)
Descrição: Protótipo de Esmagadora.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Lidia Santos Pereira Martins - Integrante / José Castro Souza - Integrante.
2007 - 2010
Projeto de Análise de Biocombustível numa Bancada Dinamométrica (em parceria com a Universidade Estadual do Maranhão, representada pelos Departamentos de Agronomia, Química e Engenharia Mecânica)
Descrição: Análise de Biocombustíveis do CEFET-MA em parceria com a UEMA.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Lidia Santos P. Martins - Integrante / José Castro Souza - Integrante.
2007 - 2009
PROCAD / NOVAS FRONTEIRAS / MEC / CAPES / CPE
Descrição: ESTUDO DE PROCESSO DE FABRICAÇÃO E CARACTERIZAÇÃO DE CORPOS DA CERAMICA VERMELHA UTILIZANDO VÁRIOS TIPOS DE REJEITOS INDUSTRIAS OBS: Na qualidade de participante..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Integrante / Ricardo Neves Bedoya - Coordenador / Rubens Soeiro Gonçalves - Integrante.


Projetos de extensão


2017 - Atual
Proposta de Implantação do Laboratório de Dinâmica Veicular para Manutenção de Veículos Leves
Descrição: A proposta do projeto consiste na instalação do laboratório de dinâmica veicular no Campus São Luís Monte Castelo/IFMA para atender a demanda de manutenção e reparos técnicos com relação às avarias nos sistemas de alinhamento e balanceamento, direção, suspensão, freios e transmissão dos veículos leves das comunidades locais ao Instituto. Faz-se necessário a implantação deste projeto, devido ao crescente número de veículos na cidade de São Luís, que estão sujeitos às irregulares das ruas com elevado número de buracos, lombadas mal projetadas, e diversos outros obstáculos que afetam diretamente o alinhamento e balanceamento das rodas dos veículos. O processo de implantação do Laboratório de Dinâmica Veicular consiste em analisar os sistemas de funcionamento do veiculo, bem como equilibrar todas as forças de atrito, gravidade, centrífuga e impulso que atuam no veículo em movimento. Um alinhamento apropriado proporciona uma rodagem confortável, uma aderência ideal com o solo, e mais estabilidade em pistas retas como em curvas, e um desgaste mínimo dos pneus. No entanto, a precisão do alinhamento desaparecerá facilmente no momento que os componentes da direção ou suspensão apresentarem desgaste ou folgas que impeçam que os ângulos de alinhamento sejam mantidos dentro das especificações. Por esta razão o presente projeto visa atender a demanda de reparos, manutenção e inspeção dos sistema de operação do veículo nas comunidades locais ao Instituto com instalação do Laboratório de Dinâmica Veicular no Campus Monte Castelo do Instituto Federal do Maranhão..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / ANTHONY SOARES DE ALENCAR - Integrante / Gleydson Hiago Sousa Oliveira - Integrante / Evandro Martins Araujo Filho - Integrante / Lucas Pablo Silva Brandão Neves - Integrante / Gil Emerson Silva Correa - Integrante / Luis Felipe Dias da Silva - Integrante / Diego Claudio Martins Campos - Integrante / Vinicius Ribeiro Costa - Integrante / Joselma leal Santos - Integrante.
2016 - 2016
CURSO DE MECÂNICA AUTOMOTIVA PARA COMUNIDADES CARENTES BASEADO NO DESENVOLVIMENTO DE VEÍCULOS DE COMPETIÇÃO
Descrição: O Brasil ocupa uma posição de destaque internacional como uma das sociedades com maior desigualdade de distribuição de renda do mundo e a causa principal está no perfil da distribuição dos níveis educacionais de sua população. No Estado do Maranhão a má distribuição de renda e os desníveis educacionais da população são os mais discrepantes do território brasileiro. Desta forma, o Laboratório de Mecânica Automotiva e Biomecânica do Campus São Luís Monte Castelo / IFMA vem suprir a necessidade de capacitação técnica da sociedade na cidade de São Luís/MA, promovendo cursos de extensão a mais de dois anos em Manutenção de Motores a Combustão Interna contemplados nos editais de: a) Extensão/FAPEMA2014 para duas comunidades carentes: Kairós e Associação do Bairro de Fatima, totalizando 30 alunos, e b) UTN/FAPEMA2015 para dez comunidades carentes: Santa Barbara, Pirapora, Coreia de Cima, Cohatrac, Maiobão, São Cristovão, Monte Castelo, Lira, Madre Deus, Mojó, totalizando 38 alunos. Além disto, outra atividade desenvolvida pelo grupo de pesquisa foi participar da Competição de Maratona Universitária em Eficiência Energética realizado em Interlagos São Paulo no ano de 2014, onde foram construídos dois veículos de competição movidos a gasolina e outro elétrico. Certo da experiência adquirida nestas atividades de extensão, o grupo de pesquisa, formado pelos alunos dos cursos de graduação em Eng. Mecânica, Eng. Elétrica e Química e dos cursos técnicos de Mecânica e Eletromecânica, propõe uma nova proposta de extensão por meio de um curso na área da Mecânica Automotiva focada no desenvolvimento de um veículo off-road para competição Baja SAE Brasil, onde será ministrado aulas com assuntos inerentes ao projeto técnico de construção do veículo de competição com elaboração de seus subsistemas de funcionamento, tais como: estrutura, transmissão, suspensão, freios, direção e elétrica dentre outros sistemas..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Gleydson Hiago Sousa Oliveira - Integrante / Kaio Lourenço Teixeira Barbosa - Integrante / Evandro Martins Araujo Filho - Integrante / Carlos Vital Pinto Costa Junior - Integrante / Daniel Mendes Borges de Barros - Integrante / Marcelo Portela do Carmo Morais - Integrante / Lucas Pablo Silva Brandão Neves - Integrante / Kleilson Raimundo Chagas Nunes - Integrante / Renato Conde dos Santos - Integrante / Walter da Silva Castro Filho - Integrante / Ramon Pereira de Melo - Integrante / Dalmir dos Santos Matos - Integrante / Kleriston Silva de Aquino - Integrante / Kaio Kallylus Maia Costa - Integrante / Taynan Weslley de Carvalho da Silva - Integrante / Gil Emerson Silva Correa - Integrante.
2015 - 2016
PROPOSTA DO CURSO BÁSICO DE MANUTENÇÃO DE MOTORES A COMBUSTÃO INTERNA À S COMUNIDADES DE MORADORES DA CIDADE DE SÃO LUIS/M A: Projeto Despertar Tecnológico
Descrição: Tendo em vista que os profissionais preparados para o mercado de trabalho não são suficientes em números para atender a grande demanda de expansão da área industrial do Estado do Maranhão, em consonância com o baixo investimento de instituições técnicas instaladas na cidade de São Luis que promovam a capacitação técnica da sociedade. A proposta de oferecimento de um Curso Preparatório de Motores a Combustão Interna às Comunidades de Moradores da cidade de São Luis/MA vem resgatar a responsabilidade social e comprometimento que as Instituições de Ensino Maranhenses devem ter com a sociedade, no que diz respeito a rápida inserção de jovens e adultos no mercado de trabalho, bem como disseminar simples conhecimentos técnicos que contribuirão na formação de cidadãos mais preparados tecnicamente para soluções de problemas corriqueiros de manutenção básica de motores a combustão interna nas comunidades dos bairros da cidade de São Luis/MA..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Doutorado: (1) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / lourdemar Santos Pereira - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1
2015 - 2016
DESENVOLVIMENTO DE UM PROTÓTIPO VEICULAR ELÉTRICO DE BAIXO CUSTO PARA MOBILIDADE DE UM ÚNICO PASSAGEIRO
Descrição: A proposta da pesquisa será o desenvolvimento de um protótipo veicular de baixo custo, sendo um protótipo veicular elétrico. O protótipo veicular terá capacidade de transportar um passageiro nas vias públicas de São Luís - MA. As dimensões do veículo facilitará seu deslocamento, permitirá baixo consumo de combustível e/ou eletricidade, fácil estacionamento, baixo custo de manutenção e níveis de poluentes praticamente nulos..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Doutorado: (3) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Lidia Santos P. Martins - Integrante / Jean Robert Pereira Rodrigues - Integrante / ANTHONY SOARES DE ALENCAR - Integrante / EVANDRO MARTINS ARAUJO FILHO - Integrante / Gleydson Hiago Sousa Oliveira - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1
2015 - 2016
PROPOSTA DO CURSO BÁSICO DE MANUTENÇÃO DE MOTORES A COMBUSTÃO INTERNA ÀS COMUNIDADES DE MORADORES DA CIDADE DE SÃO LUIS/MA
Descrição: O setor de desenvolvimento social do Maranhão necessita da ampliação e melhoria da oferta de educação de qualidade e, para atender a este setor devem-se ter centros de pesquisa que promovam a produção científica, tecnológica e inovadora com intuito de captar a demanda do setor produtivo local. Durante décadas o processo de formação de profissionais para atuarem no ramo da Mecânica Industrial ou Mecânica Básica permaneceu quase que inalterado, mas com o desenvolvimento da ciência e da tecnologia observada nos dias atuais, o cenário industrial renova-se, e a conseqüente exigência por mão de obra qualificada toma uma nova dimensão.Com mais de 90 anos de tradição, O IFMA tem buscado consolidar-se como um centro de referência em educação, em especial educação profissional, líder na formação de recursos humanos de alta qualidade, para atender o mundo do trabalho em nosso Estado, na região e no país, em correspondência com as mudanças e inovações científico-tecnológicas que marcam o mundo contemporâneo. O Curso em Manutenção de Motores de combustão interna será composto de dois núcleos: um núcleo básico e outro núcleo específico. No núcleo específico serão apresentadas as seguintes áreas.
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Igor Cruz Moreno - Integrante / Matheus Sousa Garrêto - Integrante.
Financiador(es): Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1
2014 - 2015
PROPOSTA DE APOIO TÉCNICO A OS P ROJETOS DE PESQUISA CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA DO LABORATÓRIO DE SISTEMAS TÉRMIC OS E BIOMECÂNICOS DO CAMPUS MONTE CASTELO/IFMA ?
Descrição: O apoio técnico aos projetos de pesquisa interdisciplinares em desenvolvimento no Laboratório de Sistemas Térmicos e Biomecânicos do Campus Monte Castelo/IFMA correspondente às áreas de mecânica automotiva, biomecânica e na extensão com comunidades carentes caracteriza -se como suporte técnico complementar na interface entre o orientador e os orientandos, pois neste caso o terceiro profissional - bolsista contribuirá no desempenho das atividades científico - tecnológicas dos referidos projetos de pesquisa..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (1) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / EVANDRO MARTINS ARAUJO FILHO - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA - Bolsa.
2014 - 2014
I SEMANA DE ENGENHARIA MECÂNICA INDUSTRIAL DO INSTITUTO FEDERAL DO MARANHÃO
Descrição: Aos trabalhadores do estado do Maranhão passou a ser exigido um perfil profissional caracterizado pela dinamicidade, pelo potencial criativo e pela capacidade de responder a constantes e novos desafios. Em face dessa nova realidade do cenário industrial, onde o emprego de novas tecnologias e o uso de conhecimento constituem algumas das marcas da chamada era do conhecimento, compete às instituições de ensino responsáveis pela formação destes novos profissionais estarem em constante aperfeiçoamento e disponibilizar para a sociedade as vagas requeridas para formação de profissionais de alta competência, em especial para a área industrial mecânica. O Departamento de Mecânica e Materiais pertence ao Instituto Federal Maranhão, que tem buscado consolidar-se como um centro de referência em educação, em especial educação profissional, líder na formação de recursos humanos de alta qualidade, para atender o mundo do trabalho em nosso Estado, na região e no país, em correspondência com as mudanças e inovações científico-tecnológicas que marcam o mundo contemporâneo. O Departamento de Mecânica e Materiais possui cursos de nível técnico de Mecânica, Eletromecânica e Metalurgia e do nível superior a Graduação em Engenharia Mecânica Industrial para atender a demanda de profissionais para o setor industrial local. Em 1996 o antigo Centro Federal de Tecnologia do Maranhão (CEFET-MA) criou o Curso de Engenharia Mecânica Industrial, objetivando a atender a necessidade de mão-de-obra da região. Conta, hoje, com Programa de Mestrado em Engenharia de Materiais, autorizado pelo MEC, contribuindo na consolidação da verticalização do ensino tecnológico. Em 2008 o DMM teve o programa DINTER em Engenharia Mecânica aprovado pela CAPES/SETEC, sendo finalizado em 2013 com a qualificação de 11 doutores em Engenharia Mecânica pelo programa de doutorado interinstitucional (DINTER) em engenharia mecânica, convênio firmado entre o Instituto Federal do Maranhão (IFMA) e a Universidade Federal de Uberlândia (UFU). Atualmente o IFMA conta com programas de iniciação científica denominados: PIBIC, PIBITI, PIBIC-Jr que contemplam os alunos com bolsas para o desenvolvimento de pesquisas científicas e tecnológicas. Logo, estas produção científica necessita ser discutida e apresentada em fóruns e eventos científicos. Para divulgação da produção científica e tecnológica do departamento faz-se necessário a realização do evento científico, intitulado: ?I Semana de Engenharia Mecânica Industrial do Instituto Federal do Maranhão? que registrará por meio de palestras dos docentes, apresentação oral e de pôster dos discentes, e minicursos a produção científica do departamento, além da participação dos discentes e docentes dos Campi do IFMA e de outros centros científicos de interesse nesta área..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Doutorado: (20) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Mauro Araújo Medeiros - Integrante / Antonio Santos Araujo Júnior - Integrante / WALDEMIR DOS PASSOS MARTINS - Integrante / Carmem Celia Francisco Nascimento - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1
2013 - 2014
DESENVOLVIMENTO DE UM PROTÓTIPO VEICULAR ELÉTRICO DO TIPO TRICICLO PARA CADEIRANTES
Descrição: O protótipo veicular será do tipo triciclo constituído de sistema propulsor por meio de motor elétrico e compartimento com rampa para cadeira de rodas. Com o este veículo pessoas com cadeira de rodas podem ter maior liberdade de locomoção do que em um veículo adaptado, pois tem as vantagens de não apresentar as dificuldades na entrada e saída do triciclo. O cadeirante não precisará de auxílio de terceiros para usar o triciclo especial. Uma alavanca fará com que a plataforma seja rebaixada ao nível do chão, e corrimãos servem de apoio para subir ou descer do veículo. As etapas de elaboração de desenhos em AutoCAD, a fabricação das peças mecânicas de transmissão e instalação do sistema elétrico no triciclo serão realizados no Laboratório de Mecânica Automotiva do Campus Monte Castelo/IFMA..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Pablo Henrique Silva Santos - Integrante.
2013 - 2014
DESENVOLVIMENTO DO CIRCUITO MICROCONTROLADO PARA CONTROLE DAS VARIÁVEIS DE OPERAÇÃO DE UMA CADEIRA DE RODAS MOTORIZADA
Descrição: a presente pesquisa aborda uma proposta de desenvolvimento de um circuito microcontrolado para controle das variáveis de operação de uma cadeira de rodas motorizada, visto que a maioria das que são produzidas em fábricas estrangeiras, a importação desse produto torna seu preço final elevado. O estudo do circuito de controle para cadeira de rodas microcontrolada será feito através do levantamento das funções da cadeira de rodas motorizada que podem ser controladas pelo circuito microcontrolado e assim optar pela seleção do melhor microcontrolador que se enquadra neste tipo de controle..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Samuel Franco do Nascimento - Integrante.
2012 - 2014
PROPOSTA DO CURSO DE MECÂNICA BÁSICA PARA AS ASSOCIAÇÕES DE MORADORES DA CIDADE DE SÃO LUIS/MA: INSERÇÃO DAS COMUNIDADES CARENTES NO MERCADO DE TRABALHO
Descrição: Tendo em vista que os profissionais preparados para o mercado de trabalho não são suficientes em números para atender a grande demanda de expansão da área industrial do Estado do Maranhão, em consonância com o baixo investimento de instituições técnicas instaladas na cidade de São Luis que promovam a capacitação técnica da sociedade. A proposta de oferecimento de um Curso Preparatório em Mecânica Básica às Associações de Moradores e ao Centro de Cultura Negra da cidade de São Luis/MA vem resgatar a responsabilidade social e comprometimento que as Instituições de Ensino Maranhenses devem ter com a sociedade, no que diz respeito a rápida inserção de jovens e adultos no mercado de trabalho, bem como disseminar simples conhecimentos técnicos que contribuirão na formação de cidadãos mais preparados tecnicamente para soluções de problemas corriqueiros de manutenção de máquinas ou mesmo de simples instalações mecânicas nas comunidades dos bairros da cidade de São Luis/MA..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (6) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Lidia Santos Pereira Martins - Integrante / José Castro Souza - Integrante / Joaquim Teixeira Lopes - Integrante / ANTHONY SOARES DE ALENCAR - Integrante / EVANDRO MARTINS ARAUJO FILHO - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA - Auxílio financeiro.
2011 - 2012
ANÁLISE DO ESCOAMENTO DAS EMISSÕES POLUENTES NOS SISTEMAS DE ADMISSÃO E EXAUSTÃO DOS MOTORES A COMBUSTÃO INTERNA NOS CICLOS OTTO E DIESEL
Descrição: De acordo com o regime de funcionamento do motor a combustão interna ocorrem variações da temperatura, pressão, vazão e densidade na admissão do ar e do combustível, bem como no escape dos gases queimados. Estratégias de controle são adotadas na injeção de combustível e admissão do ar para possibilitar uma melhor combustão e evitar misturas ar-combustível muito pobres ou extremamente ricas. A combustão incompleta da mistura é uma das principais causas da elevação dos índices de dispersão dos poluentes na atmosfera, tais como: monóxido e dióxido de carbono, óxidos de nitrogênio, hidrocarbonetos, particulados e vapor d?água. O presente projeto consiste em analisar experimentalmente o escoamento dos gases nos sistemas de admissão e exaustão dos motores a combustão interna nos ciclos Otto e Diesel, por meio da aplicação de uma bancada de fluxo será determinada a resistência ao escoamento nos componentes mecânicos dos sistemas de aspiração e escape. O nível das emissões poluentes produzidas pela combustão incompleta das misturas ar/combustível no interior da câmara de combustão do motor será possível verificar através de um analisador de gases do tipo NDIR (Analisador Infravermelho não Dispersivo)..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Lidia Santos Pereira Martins - Integrante / Ana Patricia da Silva Mafra - Integrante / Helen Cristina Silva Pires - Integrante / Augusto César C. de Araújo - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 4
2010 - 2011
DESENVOLVIMENTO DE UM SISTEMA MECÂNICO PARA EXTRAÇÃO DE ÓLEO VEGETAL DE ALTA VISCOSIDADE
Descrição: O presente trabalho aborda o desenvolvimento de sistemas mecânicos de simples manuseio para extração de óleos vegetais, detalhando-se todas as variáveis envolvidas no processo, deste a seleção das sementes até atingir a etapa de extração do óleo vegetal. As oleaginosas escolhidas para estudo foram a mamona, o girassol e o gergelim que se apresentam em abundância na região Nordeste. Para o desenvolvimento do protótipo de esmagadora foram estimados valores de pressão de esmagamento conforme a literatura, da mesma forma, a escolha do material para construção das prensas extrusoras foram definidos durante o esboço do projeto. As variáveis físicas foram entendidas e aplicadas neste estudo para viabilizar o dimensionamento do projeto. Os mecanismos de prensas mecânicas foram estudados e avaliados quanto a seu rendimento e em seguida calculados. As análises das variáveis físicas do projeto permitiram discutir sua dimensão estrutural para viabilizar uma prensa extrusora mecânica que atenda às necessidades do pequeno agricultor do Estado do Maranhão, bem como ser aplicados aos laboratórios de pesquisa..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 2
2010 - 2011
ANÁLISE EXPERIMENTAL DOS MOTORES A COMBUSTÃO INTERNA POR MEIO DE UMA BANCADA DINAMÔMETRICA
Descrição: A crescente frota de veículos que circulam no Estado do Maranhão necessita de uma avaliação do comportamento dinâmico de seus motores a combustão interna, que na realização de trabalho libera emissões poluentes, gera altos níveis de ruídos e elevada quantidade de calor ao meio ambiente. A aquisição de uma bancada dinamômetrica permitirá o controle operacional dos motores mantendo-os sob rotação e carga constantes, enquanto outras grandezas podem ser medidas, tais como: emissões de gases, temperatura e pressão, fator de excesso de ar, consumo de combustível, admissão de ar. A qualidade do combustível pode afetar diretamente o desempenho e a manutenção de qualquer motor diesel. O combustível biodiesel apresenta maior viscosidade em relação ao óleo diesel mineral, o que pode causar problemas na injeção do combustível, com conseqüente redução da potência do motor. O presente trabalho visa a montagem de uma sala de testes que possa contribuir com as análises dos motores térmicos movidos a diesel, biodiesel, gasolina e etanol que circulam no Estado do Maranhão, além de analisar a influência das combinações destes combustíveis no funcionamento de um motor estacionário - grupo gerador do ciclo Diesel, alimentado a óleo diesel e biodiesel que implicará no controle das emissões poluentes e na geração de eletricidade. Este estudo comparativo da eficiência dos combustíveis em diversas proporções permitirá a geração de um sistema de controle das emissões poluentes em cada condição de operação do motor. O desempenho do motor será observado em termos de potência, torque e consumo específico de combustível. Serão analisadas as propriedades físico-químicas e mecânicas dos combustíveis. As emissões poluentes geradas da combustão são medidas com o Analisador de Gases do tipo NDIR e a emissão de materiais particulados, fuligem, com o aparelho Opacímetro Bosch BEA. Os valores experimentais servirão como base de dados iniciais para a simulação computacional com auxilio do software Flue.
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Clediston Meneses Portela - Integrante / Rondymilson de Souza Lopes - Integrante / Adriano Aguiar da Silva - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 9
2010 - 2011
MANUTENÇÃO DA INFRAESTRUTURA DO LABORATÓRIO DE MOTORES E EMISSÕES POLUENTES PARA DESENVOLVIMENTO DA INSPEÇÃO VEICULAR
Descrição: A manutenção preventiva nos motores a combustão interna é uma ferramenta que contribui para prolongar suas condições operacionais e manter seu máximo desempenho em diversos regimes de funcionamento. A qualidade do combustível pode afetar diretamente o desempenho e a manutenção de qualquer motor a combustão interna e promover emissões poluentes indesejadas. O combustível biodiesel apresenta maior viscosidade em relação ao óleo diesel mineral, o que pode causar problemas na injeção do combustível, com conseqüente redução da potência do motor. O presente trabalho visa operacionalizar o Laboratório de Motores e Emissões Poluentes para que possa atender ao desenvolvimento de pesquisas cientificas e tecnológicas no Instituto, bem como prestar cursos e serviços de inspeção veicular à comunidade. Além disto, no laboratório serão analisadas combinações de combustíveis renováveis (álcool, biodiesel) e não renováveis (gasolina, óleo diesel) no comportamento dinâmico de um grupo gerador a diesel e suas implicações no controle das emissões poluentes e na geração de eletricidade..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Lidia Santos Pereira Martins - Integrante / Clediston Meneses Portela - Integrante / Rondymilson de Souza Lopes - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 5
2008 - 2011
Projeto Pedagógico do Curso de Especialização em Engenharia de Projetos Industriais
Descrição: O projeto pedagógico do Curso de Pós-Graduação Lato Sensu denominado de Especialização em Engenharia de Projetos Industriais terá como foco principal atender a demanda da sociedade produtiva por profissionais qualificados na elaboração e execução de projetos industriais tendo como base fundamentos teóricos e capacidade inovação de excelência. Além disso, o curso será extremamente caracterizado pelo círculo virtuoso entre a teoria e a prática e pela possibilidade de pesquisa aplicada envolvendo as áreas da Engenharia Civil, Elétrica e Mecânica. Este Curso de Pós-Graduação Lato Sensu é mais uma das atividades de Educação Superior que o Centro Federal de Educação Tecnológica do Maranhão oferece a comunidade a fim de dinamizar a oferta de cursos de pós-graduação no Estado do Maranhão. O projeto foi elaborado pelos integrantes da Comissão de Elaboração do Projeto Pedagógico do Curso de Especialização em Engenharia de Projetos Industriais instituída pela Portaria Nº 209/CEFET-MA de 29 de Janeiro de 2008..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (29) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Souza, Cleonilson Protasio - Integrante / Iêdo Alves de Souza - Integrante / José Hilton Gomes Rangel - Integrante.
Financiador(es): Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão - Auxílio financeiro.
2007 - 2009
Projeto de uma Mini Usina de Baixo Custo para Produção de Biodiesel (em parceria com a Universidade Estadual do Maranhão, representada pelos Departamentos de Agronomia, Química e Engenharia Mecânica)
Descrição: Mini Usina de Baixo Custo.
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Lidia Santos Pereira Martins - Integrante / José Castro Souza - Integrante.
2007 - 2008
Pré-Projeto de Estudo de Viabilidade da Criação do Curso Técnico de Mecatrônica
Descrição: Criação do Curso Técnico em Mecatrônica.
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Souza,J.C. - Integrante / Mauro Araújo Medeiros - Integrante / Milton Luis do Lago - Integrante.


Projetos de desenvolvimento


2016 - Atual
Automatização de uma Estação de Recarga Hibrida por Placas Fotovoltaicas e Grupo Gerador Diesel para Mobilidade de Veículos Elétricos e/ou Autonomia Energética dos Consumidores de uma Residência
Descrição: O trabalho tem como objetivo automatizar uma estação de recarga hibrida baseada em painel solar e grupo gerador diesel para armazenamento das baterias de veículos elétricos e/ou para garantir autonomia energética aos consumidores de uma residência.
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Graduação: (6) / Mestrado acadêmico: (1) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / ANTHONY SOARES DE ALENCAR - Integrante / EVANDRO MARTINS ARAUJO FILHO - Integrante / Gleydson Hiago Sousa Oliveira - Integrante / Kaio Lourenço Teixeira Barbosa - Integrante / Itallo Francisco Belo da Silva - Integrante / Carlos Vital Pinto Costa Junior - Integrante / Lucas Pablo Silva Brandão Neves - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 1
2015 - 2016
DESENVOLVIMENTO DE UM PROTÓTIPO VEICULAR ELÉTRICO DE BAIXO CUSTO PARA MOBILIDADE DE UM ÚNICO PASSAGEIRO
Descrição: A proposta da pesquisa será o desenvolvimento de um protótipo veicular de baixo custo, sendo um protótipo veicular elétrico. O protótipo veicular terá capacidade de transportar um passageiro nas vias públicas de São Luís - MA. As dimensões do veículo facilitará seu deslocamento, permitirá baixo consumo de combustível e/ou eletricidade, fácil estacionamento, baixo custo de manutenção e níveis de poluentes praticamente nulos..
Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento.

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA - Auxílio financeiro.
2015 - 2016
PROPOSTA DE APOIO TÉCNICO AOS PROJETOS DE PESQUISA CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA DO LABORATÓRIO DE SISTEMAS TÉRMICOS E BIOMECÂNICOS DO CAMPUS MONTE CASTELO/IFMA
Descrição: O apoio técnico aos projetos de pesquisa interdisciplinares em desenvolvimento no Laboratório de Sistemas Térmicos e Projetos Mecânicos do Campus Monte Castelo/IFMA correspondente às áreas de mecânica automotiva, biomecânica e na extensão com comunidades carentes caracteriza-se como suporte técnico complementar na interface entre o orientador e os orientandos, pois neste caso o terceiro profissional-bolsista contribuirá no desempenho das atividades científico-tecnológicas dos referidos projetos de pesquisa. Tendo em vista que os profissionais preparados para o mercado de trabalho não são suficientes em números para atender a grande demanda de expansão da área industrial do Estado do Maranhão, em consonância com o baixo investimento de instituições técnicas instaladas na cidade de São Luis que promovam a capacitação técnica da sociedade. O bolsista de apoio técnico auxiliará no desenvolvimento da proposta de extensão do Curso Preparatório em Mecânica Básica às Associações de Moradores da cidade de São Luis/MA, o qual vem resgatar a responsabilidade social e comprometimento que as Instituições de Ensino Maranhenses devem ter com a sociedade, no que diz respeito a rápida inserção de jovens e adultos no mercado de trabalho. Com objetivo de despertar nas comunidades de moradores o interesse por temas tecnológicos, que possam contribuir em suas atividades diárias, além de oferecer oportunidade de inserção ao mercado de trabalho. Outras pesquisas de apoio técnico que serão desenvolvidas pelo bolsista permitirá análise do funcionamento de um sistema de injeção eletrônica de combustível adaptado a um motor de pequeno porte, análise do sistema de arrefecimento de um motor a combustão interna, controle das emissões poluentes, auxílio no desenvolvimento de veículos híbridos para locomoção de cadeirantes e apoiar no desenvolvimento de três equipamentos ergométricos de baixo custo dispostos num percurso que garanta resistência e musculatura física do tronco e membros superiores para promover a reabilitação física do cadeirante..
Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento.

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Evandro Martins Araujo Filho - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA - Bolsa.
2014 - 2016
Projeto de Cooperação Técnica Internacional para Desenvolvimento de Tecnologias de Baixo Custo para Apoio a Mobilidade e Controle do Ambiente por Portadores de Deficiência Física Controlada por Gestos
Descrição: As pessoas que dependem de cadeiras de rodas para sua locomoção passam grande parte do dia na posição sentada, o que provoca uma série de complicações de origem fisiológica ou psicológica, além de enfrentarem desafios de acessibilidade do dia-a-dia. Na tentativa de ajudar o portador de deficiência locomotora a superar situações desafiadoras na locomoção diária na cidade ou no ambiente familiar, as atuais tecnologias assistidas contribuem no desenvolvimento de mecanismos de fácil manuseio, que possibilitam a independência do usuário de cadeira de rodas, reduzindo suas limitações de mobilidade. Dentre as principais tecnologias empregadas destacam-se as seguintes: cadeira de rodas motorizada, o controle automático de algumas partes da casa e criação de ambientes projetados para locomoção adequada do cadeirante. Desta maneira o principal problema a ser abordado neste projeto é o incremento da mobilidade técnica de veículos para cadeirantes, do controle desta mobilidade e do ambiente família de modo a garantir a independência para portadores de deficiências, com o desenvolvimento de uma tecnologia de baixo custo adequada às características ergonômicas de uso da mesma. No Brasil a maioria dos usuários de cadeira de rodas está nas classes sociais menos favorecidas economicamente, onde se têm o caso, por exemplo, de um usuário cuja família, que possui renda de apenas um salário mínimo, não poder adquirir uma cadeira de rodas motorizada com preço que facilmente ultrapassa sete vezes a renda da família. A implantação do Laboratório de Biomecânica e Tecnologias Assistivas por meio da Cooperação Técnica Internacional com a Faculdade de Engenharia da Universidade do Porto - Portugal contribuirá no processo de formação de recursos humanos e suporte técnico no desenvolvimento de cadeiras de rodas motorizadas comandadas por gestos faciais, bem como a criação de tecnologias que favoreçam ambientes inteligentes aos cadeirantes..
Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento.

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Lidia Santos Pereira Martins - Integrante / André Pereira Santana - Integrante / Jean Robert Pereira Rodrigues - Integrante / Ivana Márcia Oliveira Maia - Integrante / SOLIDÔNIO RODRIGUES DE CARVALHO - Integrante / VALERIO LUIZ BORGES - Integrante / ANSELMO CARDOSO PAIVA - Integrante.
2014 - 2015
PROJETO DE UM VEÍCULO DE COMPETIÇÃO PARA DECIMA PRIMEIRA ETAPA DA MARATONA DA EFICIÊNCIA ENERGÉTICA
Descrição: Em virtude da realização da 11A Competição Maratona da Eficiência Energética a ser realizado no Kartódromo Ayrton Senna no período de 24 a 28 de novembro de 2014 na cidade de São Paulo. Assumir a coordenação da Equipe ROOTS composta de onze alunos da Engenharias Mecânica e Elétrica, onde irão representar pela primeira vez o Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia do Maranhão ? IFMA..
Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Graduação: (11) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / ANTHONY SOARES DE ALENCAR - Integrante / EVANDRO MARTINS ARAUJO FILHO - Integrante / Gleydson Hiago Sousa Oliveira - Integrante / Kaio Lourenço Teixeira Barbosa - Integrante.
Financiador(es): Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 1
2014 - 2015
ANÁLISE EXPERIMENTAL E COMPUTACIONAL DO FLUXO SANGUÍNEO NA ARTÉRIA RENAL
Descrição: Segundo Yamaguchi, T., et al (2008) até à última década do século XX, a investigação realizada em hemodinâmica limitava-se, essencialmente, a estudos baseados em métodos experimentais e modelos matemáticos. No entanto, no final do século XX, os avanços tecnológicos na área da computação e o custo mais baixo de aquisição propiciaram uma nova forma de investigar os fatores hemodinâmicos em termos fisiológicos e patológicos. Tal como tem acontecido em diversas áreas da ciência, os métodos computacionais constituem um complemento bastante promissor para investigar e analisar uma série de mecanismos fisiológicos e patológicos existentes nos vários órgãos do corpo humano. Portanto, os métodos computacionais em hemodinâmica permitem uma descrição do processo e da aplicação destes métodos no estudo do escoamento sanguíneo. Por meio do método computacional pode-se tentar contribuir para testar as hipóteses de formação das doenças sob condições controladas e contribuir na avaliação dos procedimentos que ainda não foram construídos e tratamentos que ainda não foram implementados. O presente projeto pretende estudar o escoamento do fluxo sanguíneo na artéria renal variando-se o grau de estenose (obstrução) por meio de análise experimental e computacional empregando-se alguns softwares, tais como Ansys, Autodesk Inventor e Solidworks. As artérias renais são responsáveis pelo aporte de sangue aos rins, que são duas glândulas de cor vermelha escuras situadas simetricamente nos lados da coluna vertebral, na região lombar. Medem 10 cm de largura e pesam cerca de 150g cada um. Situam-se na cavidade abdominal, ao lado da coluna vertebral..
Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Samuel Franco do Nascimento - Integrante / EVANDRO MARTINS ARAUJO FILHO - Integrante / Kaio Lourenço Teixeira Barbosa - Integrante.

Número de produções C, T & A: 1
2014 - 2015
DESENVOLVIMENTO E ANÁLISE EXPERIMENTAL DE UM SISTEMA DE INJEÇÃO ELETRÔNICA DE COMBUSTÍVEL EM MOTORES DE CICLO-OTTO DE PEQUENO PORTE.
Descrição: Uma questão importante na gestão energética a nível global, atualmente, é a de como tratar a gestão dos combustíveis fósseis de maneira eficiente, uma vez que estes recursos naturais estão em rumo de extinção. A maioria dos motores de pequeno porte utilizam atualmente os sistemas carburados para a alimentação da câmara de combustão, que é menos eficiente no controle da mistura ar-combustível, resultando em alto consumo no processo de combustão, e baixo desempenho do motor, o que contribui para uma emissão maior de poluentes destinados ao meio ambiente. Devido a versatilidade dos motores de pequeno porte, sua utilização se tornou muito comum em várias áreas de atuação, porém, as inovações relativas à injeção de combustível nestes motores, não acompanhou este mesmo avanço. O projeto propõe-se no desenvolvimento de um sistema de injeção eletrônica para motores à combustão interna Ciclo-Otto de pequeno porte, cujo objetivo é alcançar a gestão de forma eficiente do consumo de combustível, mantendo o desempenho do motor e reduzindo suas emissões. O sistema proposto deve ser uma opção relativamente simples e de fácil conversão, não abandonando a tecnologia já existente contida nestes motores, com estudos e pesquisas dos elementos que compõem a estrutura de um motor de pequeno porte, sendo capaz de identificar os seus pontos positivos e negativos. As análises do sistema de injeção eletrônica desenvolvido, servirá de base para comparação sólida com o sistema carburado atual, visando um melhor rendimento geral de motores deste tipo, destacando-se seu menor consumo de combustível e menores emissões de poluentes..
Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / ANTHONY SOARES DE ALENCAR - Integrante / EVANDRO MARTINS ARAUJO FILHO - Integrante / Gleydson Hiago Sousa Oliveira - Integrante.
Financiador(es): Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 2
2014 - 2015
DESENVOLVIMENTO DE TRÊS PROTÓTIPOS ERGOMÉTRICOS DE BAIXO CUSTO COMO AUXÍLIO NAS ATIVIDADES FÍSICAS DOS CADEIRANTES RESIDENTES NOS BAIRROS DA CIDADE DE SÃO LUÍS
Descrição: O cadeirante pode realizar suas tarefas do dia-a-dia e ter uma rotina de vida igual à de uma pessoa normal, ou seja, frequentar faculdade, trabalhar, ter momentos de lazer, dirigir, etc. No entanto, existem limitações físicas quando se trata da prática de esportes ou exercícios. Na cidade de São Luís existem lugares e equipamentos apropriados para prática de esportes apenas para pessoas sem deficiência física, tais como: o Parque Bom Menino, Av. Litorânea, Lagoa da Jansen, praças e outros locais públicos são disponíveis estruturas para a realização de atividades físicas. No entanto, nestes espaços não foram instalados equipamentos ergométricos que possam atender aos cadeirantes com a prática de exercícios físicos, o que contribui para uma vida sedentária, influenciando diretamente no aumento de peso, com consequências na saúde e alto estima. A presente pesquisa pretende desenvolver três equipamentos ergométricos de baixo custo dispostos num percurso que garantir resistência e musculatura física do tronco e membros superiores, além de promover a reabilitação física do cadeirante. Normalmente o uso constante de cadeiras de rodas tradicionais causa enfraquecimento das articulações do usuário, o projeto possibilitará ao usuário portador de deficiência locomotora melhorias físicas, que poderão ser confirmadas por um fisioterapeuta, na validação e eficiência dos protótipos desenvolvidos. O projeto pretende ainda auxiliar o cadeirante na reeducação física, pois o paciente com lesão na medula e/ou outras estruturas ósseas importantes pode desenvolver problemas metabólicos e hormonais, e deficiências nos sistemas circulatório, digestivo, reprodutor e excretor..
Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Samuel Franco do Nascimento - Integrante / EVANDRO MARTINS ARAUJO FILHO - Integrante / NATHALIE SOARES - Integrante.
Financiador(es): Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologi - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 1
2010 - 2013
Desenvolimento de uma Cadeira de Rodas Motorizada de Baixo Custo
Descrição: A presente pesquisa propõe adaptações técnicas realizadas em uma cadeira de rodas mecanomanual empregada por pessoas com necessidade locomotora. O sistema adaptativo de motorização elétrica desenvolvido consiste em um controle de velocidade analógico, motor elétrico alimentado por duas baterias, conjunto redutor de velocidade e um sistema de direção manual adicionados à cadeira de rodas, tornando-a motorizada e constituída com componentes de fácil aquisição e baixo custo..
Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Técnico de nível médio: (1) Graduação: (1) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Lidia Santos Pereira Martins - Integrante / Samuel Franco do Nascimento - Integrante.
2010 - 2011
Projeto de Aeomodelo da SAE Brasil Aerodesing 2011
Descrição: Em virtude da realização da XIII Competição SAE Brasil AeroDesign que será entre os dias 20 a 23 de Outubro de 2011 no CTA/EMBRAER ? São José dos Campos - SP, onde a equipe Guará irá representar pela terceira vezes o Instituto Federal de Educação, Ciências e Tecnologia do Maranhão ? IFMA, na modalidade AeroDesign Regular com uma aeronave rádio controlada projetada pelo alunos do ensino superior em engenharia. Vem por meio desse documento, pedir ajuda de custo para a viagem dos referidos alunos, onde o valor da viagem foi estabelecido de acordo com as condições já conhecidas pelos alunos em anos anteriores. Ressaltando que desde a elaboração do stand até a estada da equipe em São José dos Campos geram custos. Então, prevendo tais gastos, apresentamos neste documento os referidos custos para o melhor desempenho da equipe na competição de SAE Brasil AeroDesign 2011. Cabe ressaltar que a Competição SAE BRASIL AeroDesign tem o apoio institucional do Ministério da Educação, por alinhar-se e vir ao encontro de objetivos das políticas e diretrizes deste Ministério..
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / André Pereira Santana - Integrante.
Financiador(es): Instituto Federal de Educação Tecnológica do Maranhão - Auxílio financeiro.


Outros Projetos


2017 - Atual
PROPOSTA DE AUXÍLIO PARA PARTICIPAÇÃO EM EVENTO CIENTÍFICO INTERNACIONAL ?XIII CONGRESSO IBEROAMERICANO DE ENGENHARIA MECÂNICA?
Descrição: O Congresso Ibero-Americano de Engenharia Mecânica é um evento bienal promovido desde 1993 pela Federação Ibero-americana de Engenharia Mecânica - FEIBEM, e conta com a participação de professores, pesquisadores, profissionais e estudantes de Engenharia Mecânica. O 13º Congresso Ibero-Americano de Engenharia Mecânica 2017 constitui um fórum de discussão que abrange desde os temas mais clássicos, aos mais atuais (biomecânica, novos materiais, nanotecnologias, microfluídos, novas fontes energéticas, novos conceitos de desenvolvimento de produtos, modelagens avançadas, manufatura digital) suscitando grandes desafios aos profissionais, como por exemplo a interação e integração com outras engenharias que os novos ambientes de produção baseados na Indústria requerem. Os participantes do CIBEM 2017 terão a oportunidade de apresentar e discutir os seus trabalhos com especialistas e pesquisadores, proporcionando o aparecimento de novas ideias e sinergias que poderão influenciar o desenvolvimento da Engenharia Mecânica. Faz-se necessário a participação dos alunos Kaio Lourenço Teixeira Barbosa, Anthony Soares de Alencar, Manuelle da Silva Serejo e Carlos Vital Pinto Costa Junior no evento 13º Congresso Ibero-Americano de Engenharia Mecânica (CIBEM), que será realizado em Lisboa/ Portugal no período de 23 a 26 de Outubro de 2017 para melhor entendimento de suas pesquisas e tecnologias desenvolvidas na Engenharia Mecânica do IFMA, pois espera-se que durante a apresentação e avaliação dos trabalhos científicos sejam apontadas críticas e/ou soluções que contribuam no melhor desenvolvimento da pesquisa..
Situação: Em andamento; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / ANTHONY SOARES DE ALENCAR - Integrante / Kaio Lourenço Teixeira Barbosa - Integrante / Manuelle da Silva Serejo - Integrante / Carlos Vital Pinto Costa Junior - Integrante.
2016 - 2018
Construção do Laboratório de Projetos Mecânicos anexo ao Laboratório de Mecânica Automotiva e Reforma Adequada dos Laboratórios de Testes de Motores e de Biomecânica
Descrição: O presente projeto propõe a construção do laboratório de Projetos Mecânicos anexo ao laboratório de Mecânica Automotiva, além da reforma de adequação dos laboratórios de Teste de Motores e de Biomecânica estas obras serão realizadas no Campus Monte Castelo/IFMA. O laboratório de Projetos Mecânicos fará parte do Núcleo de Pesquisa em Energia e Projetos Mecânicos do Departamento de Mecânica e Materiais. Este núcleo de pesquisa é composto pelos seguintes Laboratórios: a) Mecânica Automotiva; b) Biomecânica; c) Injeção e Ignição Eletrônica; d) Dinâmica Veicular. A reforma do laboratório de Teste de Motores faz-se necessário para melhor análise do comportamento dinâmico dos motores a combustão interna (MCI) em diversos regimes de rotação com aplicação de dinamômetro de bancada, o qual contribuirá no controle de emissões poluentes, obtenção das curvas de potência, torque e consumo específico de combustível, maior desempenho na potência com menor consumo de combustível do motor. Tais regulagens no motor permitem uma melhor organização em sua manutenção e inspeção e garante o aporte técnico de qualidade aos processos de manutenção, aferição e calibragem. O laboratório de Teste de Motores será composto por dois ambientes: o primeiro ambiente será uma sala de monitoramento, onde permitirá a visualização e controle do regime de rotação do motor e todos os parâmetros de operação do motor; o segundo ambiente será a sala de Testes do Motor, onde serão realizados diversos ensaios no motor, acompanhando suas alterações nos sistemas de alimentação, ignição, arrefecimento e lubrificação. Após a reforma do laboratório de Biomecânica ocorrerão de forma mais organizada o desenvolvimento de projetos para pessoas com deficiência de locomoção motora. A construção do laboratório de Projetos Mecânicos dará suporte ao desenvolvimento de projetos mecatrônicos, dos protótipos veiculares para competição e otimização de veículos elétricos, a combustão e híbridos. Estas obras civis permitirão aos alunos do instituto e da comunidade local, em geral, cursos para formação técnica em manutenção e inspeção veicular..
Situação: Concluído; Natureza: Outra.

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / José Antonio da Silva - Integrante / Gustavo Rodrigues Souza - Integrante / SOLIDÔNIO RODRIGUES DE CARVALHO - Integrante / WALDEMIR DOS PASSOS MARTINS - Integrante.
Financiador(es): FUNDAÇÃO DE AMPARO A PESQUISA E DESENVOLVIMENTO DO MARANHÃO - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 3
2015 - 2016
PROPOSTA DE MESTRADO EM ENGENHARIA MECÂNICA 2015
Descrição: O objetivo do Mestrado Acadêmico em Engenharia Mecânica é aprofundar o conhecimento profissional e acadêmico, bem como possibilitar o desenvolvimento da habilidade para executar pesquisa na área de Ciências Mecânicas. A área de concentração e suas respectivas linhas de pesquisa são definidas como: I ? Área de Concentração: Ciências Mecânicas II ? Linhas de Pesquisa: a) Processos de Fabricação; b) Energia e Termofluidos; c) Projetos Mecânicos..
Situação: Concluído; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Doutorado: (5) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Mauro Araújo Medeiros - Integrante / Antonio Santos Araujo Júnior - Integrante / WALDEMIR DOS PASSOS MARTINS - Integrante / Carmem Celia Francisco Nascimento - Integrante.
2014 - 2014
I Semana de Engenharia Mecânica Industrial do Instituto Federal do Maranhão (I SEMI - IFMA)
Descrição: O I Seminário de Engenharia Mecânica Industrial do Instituto Federal do Maranhão tem como finalidade, a divulgação dos trabalhos científicos dos mestres e doutores em Engenharia Mecânica do departamento e convidados de outras centros científicos, bem como promover discussões entre professores e alunos acerca dos eixos fundamentais do Curso de Engenharia Mecânica Industrial do IFMA e sua contribuição e interação para o desenvolvimento sustentável. A apresentação dos trabalhos científicos desenvolvidos pelo Departamento de Mecânica e Materiais visa a interação entre diversos grupos de pesquisas da área e áreas afins. Inúmeras são as perguntas que surgem diariamente sobre esta vasta área do conhecimento: Ensino, Pesquisa e Extensão trabalhada nas escolas, universidades e por diversos pesquisadores, influenciando no desenvolvimento do país, resolvendo os problemas que afligem a sociedade. O ensino, a pesquisa e a extensão são atividades acadêmicas indissociáveis, pois é através dessa tríade que a aprendizagem, a produção do conhecimento e a reconstrução do saber e da cultura estão presentes no âmbito universitário. A formação pedagógica de um professor requer também que ele possa defrontar-se com a complexidade de situações de ensino, de pesquisa e de extensão, porque somente entendendo a importância da integração dessas áreas de conhecimento ele pode reinventar uma forma de exercer a sua profissão, sem ater-se unicamente a preceitos e normas. Sendo assim, trazemos o I Seminário em Engenharia Mecânica Industrial como oportunidade para a promoção de debates e a prática da reflexão sobre os caminhos da Educação e Pesquisa para o desenvolvimento sustentável e a consolidação do conhecimento científico, permitindo benefícios à sociedade. O proponente do projeto possui experiência na realização de eventos científicos, tais como: a) Presidente do VII Congresso Nacional em Engenharia Mecânica 2012 (CONEM 2012) realizado no Centro de Convenções e que reuniu 1417 congressistas de 22 estados; b) Presidente do I Seminário Dinter em Engenharia Mecânica 2010; c) Presidente do II Seminário Dinter em Engenharia Mecânica 2012..
Situação: Concluído; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (7) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / Mauro Araújo Medeiros - Integrante / Antonio Santos Araujo Júnior - Integrante / WALDEMIR DOS PASSOS MARTINS - Integrante / Carmem Celia Francisco Nascimento - Integrante.
Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA - Auxílio financeiro.
2012 - 2012
Projeto de Realização do VII Congresso Nacional de Engenharia Mecânica - VII CONEM

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Jean Robert Pereira Rodrigues em 16/06/2014.
Descrição: O Congresso Nacional de Engenharia Mecânica CONEM é um evento realizado pela Associação Brasileira de Engenharia e Ciências Mecânicas ABCM a cada 2 anos. É o principal congresso promovido pela ABCM no ano de 2012, constituindo-se como fórum brasileiro de discussão e apresentação, difusão de pesquisa, conhecimento da engenharia e ciências mecânicas mais importante para o encontro dos diversos profissionais que atuam em Engenharia Mecânica e áreas afins, tanto aqueles que se dedicam ao ensino e à pesquisa nas universidades, como aqueles que desenvolvem atividades profissionais na área industrial.Desde a infra-estrutura do porto, ferrovia e rodovias até o fornecimento de energia elétrica, água em abundância, localização privilegiada, maravilhas naturais espetaculares e uma excelente memória histórica são fatores comparativos e competitivos que privilegiaram o Estado do Maranhão a uma gigantesca janela de oportunidades para investimentos. Prova da importância estratégica do Maranhão são indústrias internacionais do setor mineral e de transformação que aqui se instalaram, atraídas pelas potencialidades do Porto do Itaqui, além de grandes projetos estruturantes como a refinaria Premium, termelétricas, hidrelétricas, fabrica de celulose, petróleo e gás, destinados a mudar em pouco tempo o panorama econômico maranhense. Sob este aspecto, o IFMA, a UEMA e a UFMA, promovem o VII CONEM (Sétimo Congresso Nacional de Engenharia Mecânica) tendo como objetivo principal a divulgação da "ENGENHARIA EM DESTAQUE" em função de investimentos públicos e privados de grande envergadura que o Estado do Maranhão tem conquistado na Engenharia Mecânica e áreas afins...
Situação: Concluído; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (31) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (3) / Doutorado: (26) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Integrante / Jean Robert Pereira Rodrigues - Coordenador.
Financiador(es): Conselho Federal de Engenharia Arquitetura e Agronomia - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1
2011 - 2012
Projeto de Realização do VII Congresso Nacional de Engenharia Mecânica (CONEM 2012)

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Jean Robert Pereira Rodrigues em 16/06/2014.
Descrição: O Congresso Nacional de Engenharia Mecânica CONEM é um evento realizado pela Associação Brasileira de Engenharia e Ciências Mecânicas ABCM a cada 2 anos. É o principal congresso promovido pela ABCM no ano de 2012, constituindo-se como fórum brasileiro de discussão e apresentação, difusão de pesquisa, conhecimento da engenharia e ciências mecânicas mais importante para o encontro dos diversos profissionais que atuam em Engenharia Mecânica e áreas afins, tanto aqueles que se dedicam ao ensino e à pesquisa nas universidades, como aqueles que desenvolvem atividades profissionais na área industrial.Desde a infra-estrutura do porto, ferrovia e rodovias até o fornecimento de energia elétrica, água em abundância, localização privilegiada, maravilhas naturais espetaculares e uma excelente memória histórica são fatores comparativos e competitivos que privilegiaram o Estado do Maranhão a uma gigantesca janela de oportunidades para investimentos. Prova da importância estratégica do Maranhão são indústrias internacionais do setor mineral e de transformação que aqui se instalaram, atraídas pelas potencialidades do Porto do Itaqui, além de grandes projetos estruturantes como a refinaria Premium, termelétricas, hidrelétricas, fabrica de celulose, petróleo e gás, destinados a mudar em pouco tempo o panorama econômico maranhense. Sob este aspecto, o IFMA, a UEMA e a UFMA, promovem o VII CONEM (Sétimo Congresso Nacional de Engenharia Mecânica) tendo como objetivo principal a divulgação da "ENGENHARIA EM DESTAQUE" em função de investimentos públicos e privados de grande envergadura que o Estado do Maranhão tem conquistado na Engenharia Mecânica e áreas afins.
Situação: Concluído; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (31) / Especialização: (1) / Mestrado acadêmico: (3) / Doutorado: (26) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Integrante / Jean Robert Pereira Rodrigues - Coordenador.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1
2010 - 2010
I Seminário Dinter em Engenharia Mecânica
Descrição: O I Seminário Dinter em Engenharia Mecânica tem como finalidade, a divulgação dos trabalhos científicos dos alunos do doutorado em Engenharia Mecânica, bem como promover discussões entre professores e alunos acerca dos eixos fundamentais do Curso de Engenharia Mecânica Industrial do IFMA e sua contribuição/interação para o desenvolvimento sustentável. A apresentação dos trabalhos científicos desenvolvidos pelo Departamento de Mecânica e Materiais visa a interação entre diversos grupos de pesquisas da área e áreas afins. Inúmeras são as perguntas que surgem diariamente sobre esta vasta área do conhecimento: Ensino, Pesquisa e Extensão trabalhada nas escolas, Universidades e por diversos pesquisadores, influenciando no desenvolvimento de um país, resolvendo os problemas que afligem a sociedade. O ensino, a pesquisa e a extensão são atividades acadêmicas indissociáveis, pois é através dessa tríade que a aprendizagem, a produção do conhecimento e a reconstrução do saber e da cultura estão presentes no âmbito universitário. A formação pedagógica de um professor requer também que ele possa defrontar-se com a complexidade de situações de ensino, de pesquisa e de extensão, porque somente entendendo a importância da integração dessas áreas de conhecimento ele pode reinventar uma forma de exercer a sua profissão, sem ater-se unicamente a preceitos e normas. Sendo assim, trazemos o I Seminário Dinter em Engenharia Mecânica como oportunidade para a promoção de debates e a prática da reflexão sobre os caminhos da Educação e Pesquisa para o desenvolvimento sustentável e a consolidação do conhecimento científico, permitindo benefícios à sociedade..
Situação: Concluído; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Doutorado: (11) .

Integrantes: Keyll Carlos Ribeiro Martins - Coordenador / WALDEMIR DOS PASSOS MARTINS - Integrante / Carmem Celia Francisco Nascimento - Integrante.


Revisor de projeto de fomento


2014 - Atual
Agência de fomento: Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA
2014 - Atual
Agência de fomento: Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA


Áreas de atuação


1.
Grande área: Engenharias / Área: Engenharia Mecânica / Subárea: Engenharia Térmica/Especialidade: Controle Ambiental.
2.
Grande área: Engenharias / Área: Engenharia Mecânica / Subárea: Engenharia Térmica/Especialidade: Termodinâmica.
3.
Grande área: Engenharias / Área: Engenharia Mecânica / Subárea: Engenharia Térmica/Especialidade: Aproveitamento da Energia.
4.
Grande área: Engenharias / Área: Engenharia de Transportes / Subárea: Veículos e Equipamentos de Controle.


Idiomas


Inglês
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.


Prêmios e títulos


2017
Prêmio POPVIDEO CIÊNCIAS - 1º lugar na Categoria Engenharia: Aluno Anthony Soares de Alencar, Fundação de Amparo à Pesquisa e ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico do Maranhão..
2016
Seminário de Pesquisa, Pós-Graduação, Inovação e Extensão - 2º lugar na Categoria Apresentação Oral da área de Engenharia: Aluno Anthony Soares de Alencar, Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Maranhão.
2016
Seminário de Pesquisa, Pós-Graduação, Inovação e Extensão - 3º Lugar na Categoria Apresentação de Protótipos do Universo IFMA: Aluno Anthony Soares de Alencar, Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Maranhão.
2011
Terceiro Lugar na Apresentação de Porters de Iniciação Cientifica do Bolsista Samuel Franco do Nascimento, Universidade Estadual do Maranhão.
2010
Prêmio de Professor-Orientador no triênio 2007/2009, Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão.
2010
Segundo Lugar na Apresentação de Porters de Iniciação Cientifica da Bolsista "Ana Patrícia da Silva Mafra" realizado no 1º Fórum de Pesquisa, Pós-Graduação, Inovação, Extensão e Gestão de Pessoas, Instituto Federal de Educação, Ciencia e Tecnologia do Maranhão.
2010
PRÊMIO FAPEMA 2010, FUNDAÇÃO DE AMPARO A PESQUISA E AO DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLOGICO DO MARANHÃO - FAPEMA.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
RODRIGUES, JEAN ROBERT PEREIRA2015RODRIGUES, JEAN ROBERT PEREIRA ; MEDEIROS, MAURO ARAÚJO ; SILVA, FLÁVIA CRISTINA SOUSA E ; MARTINS, KEYLL CARLOS RIBEIRO ; SILVA, MARCIO BACCI DA ; MACHADO, ÁLISSON ROCHA . Study of machinability of VP 100 steel with different levels of titanium in end milling operations. Acta Scientiarum. Technology (Online), v. 37, p. 41, 2015.

2.
RODRIGUES, JEAN ROBERT PEREIRA2014RODRIGUES, JEAN ROBERT PEREIRA ; NEVES, TIAGO DO ESPÍRITO SANTO BALDEZ ; SILVA, MARCIO BACCI DA ; MARTINS, KEYLL CARLOS RIBEIRO ; ROBEIRO, JOSÉ DE RIBAMAR DOS SANTOS ; CUNHA, ADILTO PEREIRA ANDRADE . Study of the application of sunflower oil in the process of drilling ABNT 1045 steel. Acta Scientiarum. Technology (Impresso), v. 36, p. 257, 2014.

3.
MARTINS, K. C. R.;MARTINS, KEYLL CARLOS RIBEIRO2010MARTINS, K. C. R.; MAFRA,A.P.S. . Revista Inovação. Revista inovação (FAPEMA), v. 4, p. 18-18, 2010.

4.
Rodrigues, J. R. P.2009Rodrigues, J. R. P. ; MARTINS, K. C. R. ; MARTINS, L. S. P. ; Vasconcelos, A. F. F. . Investigação da Usinabilidade de Aços e Ligas Não-Ferrosas. Pesquisa em Foco (UFMA), v. 17, p. 53-59, 2009.

5.
MARTINS, K. C. R.;MARTINS, KEYLL CARLOS RIBEIRO2007MARTINS, K. C. R.; SANTOS, A. M. ; SOUZA, Gustavo Rodrigues de ; FERREIRA, S. L. ; SILVA, R. C. . Estudo computacional da dinâmica de escoamento dos gases de exaustão de um motor a ignição por centelha. Revista Minerva, v. 04, p. 225-233, 2007.

6.
SOUZA, Gustavo Rodrigues de2005SOUZA, Gustavo Rodrigues de ; SANTOS, A. M. ; MARTINS, K. C. R. ; SANTOS, Rodrigo Fernado Estella dos . Utilização de biodiesel de óleo de fritura em fornalha calorimetrica flamotubular. Revista Minerva, São Carlos - São Paulo, v. 2, n.1, p. 75-78, 2005.

7.
FERREIRA, S. L.2005FERREIRA, S. L. ; SANTOS, A. M. ; POLITO, Wagner Luiz ; SOUZA, Gustavo Rodrigues de ; MARTINS, K. C. R. ; SILVA, M. V. I. . Análise comparativa de BTEX nas emissões de motor de combustão interna de ignição por centelha.. Revista Minerva, São Carlos - São Paulo, v. 2, n.2, p. 145-154, 2005.

8.
MARTINS, K. C. R.;MARTINS, KEYLL CARLOS RIBEIRO2004MARTINS, K. C. R.; SANTOS, A. M. ; PAU, Felipe Soto ; SILVA, José Antonio da ; SANTOS, Rodrigo Fernando Estella dos . Estudo do emprego de um conversor catalítico no índice de emissões gasosas de um motor de ignção por centelha movido a etanol.. Revista Iberoamericana de Ingeniería Mecánica, Havana - Cuba, v. 7, n.2, p. 21-29, 2004.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
MARTINS, K. C. R.; Rodrigues, J. R. P. . ANAIS DO VII CONGRESSO NACIONAL DE ENGENHARIA MECÂNICA. 1. ed. RIO DE JANEIRO: ASSOCIAÇÃO BRASILEIRA DE ENGENHARIA E CIÊNCIAS MECÂNICAS - ABCM, 2012. v. 1400. 120p .

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
MARTINS, K. C. R.; MARTINS, L. S. P. ; MAFRA,A.P.S. . DESENVOLVIMENTO DE UM SISTEMA MECÂNICO PARA EXTRAÇÃO DE ÓLEO VEGETAL DE ALTA VISCOSIDADE. REVISTA INOVAÇÃO - FAPEMA, SÃO LUIS - MARANHÃO, , v. 18, p. 47 - 50, 01 jun. 2013.

2.
MARTINS, K. C. R.; NASCIMENTO, S. F. . DESENVOLVIMENTO DE UMA CADEIRA DE RODAS MOTORIZADA DE BAIXO CUSTO. Jornal Mirante TV, São Luis - MA, 05 mar. 2013.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
OLIVEIRA, GLEYDSON HIAGO SOUSA ; MARTINS, KEYLL CARLOS RIBEIRO ; NEVES, LUCAS PABLO SILVA BRANDÃO ; ALENCAR, ANTHONY SOARES DE ; BARBOSA, KAIO LOURENÇO TEIXEIRA ; ARAÚJO FILHO, EVANDRO MARTINS ; RODRIGUES, KAMYLA CASTRO . DESENVOLVIMENTO DE UM PROTÓTIPO VEICULAR MONOPOSTO DE ALTA EFICIÊNCIA ENERGÉTICA, COM MOTORIZAÇÃO A COMBUSTÃO INTERNA. In: XXV Simpósio Internacional de Engenharia Automotiva, 2017, São Paulo. Blucher Engineering Proceedings. SÃO PAULO: Blucher Engineering Proceedings, 2017. p. 197.

2.
ALENCAR, ANTHONY SOARES DE ; MARTINS, KEYLL CARLOS RIBEIRO ; ARAUJO FILHO, EVANDRO MARTINS ; OLIVEIRA, GLEYDSON HIAGO SOUSA ; BARBOSA, KAIO LOURENÇO TEIXEIRA ; MORAIS, MARCELO PORTELA DO CARMO . DESENVOLVIMENTO DE UM VEÍCULO ELÉTRICO DE EFICIÊNCIA ENERGÉTICA. In: XXV Simpósio Internacional de Engenharia Automotiva, 2017, São Paulo. Blucher Engineering Proceedings, 2017. p. 560.

3.
ALENCAR, A. S. ; MARTINS, K. C. R. ; OLIVEIRA, G. H. S. ; FILHO, E. M. A. ; SEREJO, M. S. ; BARBOSA, K.L.T. ; COSTA JUNIOR, C. V. P. . PROTÓTIPO TRICICLO ELÉTRICO PARA LOCOMOÇÃO DE CADEIRANTES. In: XIII Congresso Ibero-Americano de Engenharia Mecânica, 2017, LISBOA. PROTÓTIPO TRICICLO ELÉTRICO PARA LOCOMOÇÃO DE CADEIRANTES. Lisboa: Instituto Português de Engenharia Industrial, 2017. v. 1. p. 1-5.

4.
BARBOSA, K.L.T. ; MARTINS, K. C. R. ; ALENCAR, A. S. ; OLIVEIRA, G. H. S. ; FILHO, E. M. A. ; SEREJO, M. S. ; COSTA JUNIOR, C. V. P. . Construção de Túnel de Vento Subsônico de Circuito Aberto Aplicado ao Veículo de Eficiência Energética.. In: Congresso Iberamericano de Engenharia Mecânica, 2017, Lisboa. Congresso Iberamericano de Engenharia Mecânica. Lisboa: Congresso Iberamericano de Engenharia Mecânica, 2017. p. 37-37.

5.
BARBOSA, K.L.T. ; MARTINS, K. C. R. ; NASCIMENTO, A. S. ; ARAUJO FILHO, E. M. ; OLIVEIRA, G. H. S. ; COSTA JUNIOR, C. V. P. ; SEREJO, M. S. ; LOPES, B. L. S. . Análise Computacional do Escoamento Sanguíneo nas Artérias Renais Principais. In: IX Congresso Nacional de Engenharia Mecânica, 2016, Fortaleza. FORTALEZA: CONEM, 2016.

6.
SILVA, I. F. B. ; MARTINS, K. C. R. ; ARAUJO FILHO, E. M. ; BARBOSA, K.L.T. ; SILVA, L. E. M. ; OLIVEIRA, G. H. S. ; Medeiros, M. A. ; COSTA JUNIOR, C. V. P. . Aplicação da Técnica de Manutenção Centrada em Confiabilidade em um Grupo Gerador Movido a Diesel. In: CONEM 2016, 2016, Fortaleza. Congresso Nacional de Engenharia Mecânica, 2016.

7.
RODRIGUES, R. M. ; MARTINS, K. C. R. ; ARAUJO FILHO, E. M. ; MARTINS, L. S. P. ; SILVA, L. E. M. ; MAFRA,A.P.S. ; OLIVEIRA, G. H. S. . Otimização do Sistema de Extração de Óleos vegetais utilizando estrutura com Prensa Mecânico/Hidráulico Implantando Sistema Automático. In: CONEM 2016, 2016, Fortaleza. Congresso Nacional de Engenharia Mecânica, 2016.

8.
SEREJO, M. S. ; MARTINS, K. C. R. ; ALENCAR, A. S. ; ARAUJO FILHO, E. M. ; BARBOSA, K.L.T. ; NASCIMENTO, S. F. . Desenvolvimento de um Triciclo Elétrico para Locomoção de Cadeirantes em Vias Públicas. In: CONEM 2016, 2016, Fortaleza. Congresso Nacional de Engenharia Mecânica, 2016.

9.
MATOS, D. ; MARTINS, K. C. R. ; SANTOS, R. ; CANTANHEDE, A. ; RODRIGUES, R. M. ; SIQUEIRA, R. D. M. ; CARNEIRO, B. A. . Dimensionamento de uma Transmissão para veículo Baja SAE. In: CONEM 2016, 2016, Fortaleza. Congresso Nacional de Engenharia Mecânica, 2016.

10.
ALENCAR, A. S. ; MARTINS, K. C. R. ; FILHO, E. M. A. ; OLIVEIRA, G. H. S. ; BARBOSA, K.L.T. ; NASCIMENTO, S. F. ; SEREJO, M. S. . Desenvolvimento dos Sistemas de Dinâmica Veicular e Eletroeletrônico de um Protótipo Triciclo Elétrico para Locomoção de Cadeirantes em Vias Públicas. In: IX Congresso Nacional de Engenharia Mecânica, 2016, Fortaleza. Anais do IX Congresso Nacional de Engenharia Mecânica. Fortaleza: Congresso Nacional de Engenharia Mecânica, 2016. p. 1-9.

11.
Rodrigues, J. R. P. ; MARTINS, K. C. R. . Estudo da Integridade Superficial do Aço Rápido ABNT M2 Usinado por EDM. In: Congresso Brasileiro de Engenharia de Fabricação, 2015, SALVADOR. . Anais do 8º COBEF. RIO DE JANEIRO: ABCM, 2015.

12.
NASCIMENTO, S. F. ; MARTINS, K. C. R. ; FILHO, E. M. A. ; ALENCAR, ANTHONY SOARES DE ; BARBOSA, K.L.T. ; OLIVEIRA, G. H. S. ; MARTINS, L. S. P. . Desenvolvimento do Circuito Microcontrolado para Controle das Variáveis de Operação de uma Cadeira de Rodas Motorizada. In: 6º Congresso Nacional de Biomecânica, 2015, Leiria. Atas do 6º Congresso Nacional de Biomecânica. Leiria: ESTG Instituto Politécnico de Leiria. p. 109-110.

13.
FILHO, E. M. A. ; MARTINS, K. C. R. ; MARTINS, L. S. P. ; Rodrigues, J. R. P. . Desenvolvimento do circuito microtrolado para controle de operação de uma cadeira de rodas motorizada. In: Congresso Nacional em Engenharia Mecânica, 2014, Uberlândia. VIII Congresso Nacional em Engenharia Mecânica. RIO DE JANEIRO: ABCM, 2014.

14.
GONCALVES, D. P. ; CABECA, M. C. S. ; MARTINS, K. C. R. . PROPOSIÇÃO DE UM SISTEMA INTEGRADO DE GESTÃO DE MANUTENÇÃO EM MOTORES CICLO DIESEL CATERPILLAR ATRAVÉS DA PREVISÃO DO PERFIL DE DESGASTE: UM ESTUDO DE CASO. In: Congresso Nacional em Engenharia Mecânica, 2014, Uberlândia. VIII Congresso Nacional em Engenharia Mecânica. RIO DE JANEIRO: ABCM, 2014.

15.
Rodrigues, J. R. P. ; MARTINS, K. C. R. . Análise da Influência da Deformação na Formação da Microestrutura Durante a Solidificação da Liga Pb-2,5%Sb. In: VIII Congresso Nacional de Engenharia Mecânica, 2014, 2014, UBERLÂNDIA. Anais do VIII Congresso Nacional de Engenharia Mecânica. RIO DE JANEIRO: ABCM, 2014.

16.
NASCIMENTO, S. F. ; MARTINS, K. C. R. ; MARTINS, L. S. P. ; Rodrigues, J. R. P. ; LEITAO, C. ; SANTOS, V. R. P. . ESTUDO DE SISTEMAS ELETROMECÂNICOS ADAPTADOS A MOTORIZAÇÃO DE UMA CADEIRA DE RODAS MECANOMANUAL. In: NATIONAL MEETING OF BIOMECHANICAL ENGINERING, 2013, VITÓRIA. 4 NATIONAL MEETING OF BIOMECHANICAL ENGINERING, 2013.

17.
NASCIMENTO, S. F. ; MARTINS, K. C. R. ; MARTINS, L. S. P. ; SANTOS, V. R. P. . DESENVOLVIMENTO DE UMA CADEIRA DE RODAS MOTORIZADA DE BAIXO CUSTO. In: CONGRESSO NACIONAL DE BIOMECÂNICA, 2013, ESPINHO. 5º CONGRESSO NACIONAL DE BIOMECÂNICA, 2013.

18.
PORTELA, C. M. ; PIRES, H. C. S. ; ABREU, A. M. ; GONCALVES, D. P. ; CABECA, M. C. S. ; MARTINS, K. C. R. . REDUZINDO O CUSTO DE UMA PRODUÇÃO COM BOAS PRÁTICAS DE LUBRIFICAÇÃO EM MOTORES ELÉTRICOS. In: CONGRESSO NACIONAL DE ENGENHARIA MECÂNICA, 2012, SÃO LUIS. VII CONGRESSO NACIONAL DE ENGENHARIA MECÂNICA, 2012. v. 7.

19.
Lopes, J. T. ; MIRANDA, R. F. ; MARTINS, K. C. R. ; SOARES, C. C. . DIMENSIONAMENTO E ANÁLISE ÓPTICA E TÉRMICA DE UM COLETOR PARABÓLICO COMPOSTO COM E SEM EFEITO ESTUFA. In: CONGRESSO NACIONAL DE ENGENHARIA MECÂNICA, 2012, SÃO LUIS. VII CONGRESSO NACIONAL DE ENGENHARIA MECÂNICA, 2012. v. 7.

20.
PIRES, H. C. S. ; CABECA, M. C. S. ; GONCALVES, D. P. ; ABREU, A. M. ; MARTINS, K. C. R. ; PORTELA, C. M. . MANUTENÇÃO CENTRADA NA CONFIABILIDADE APLICADA À MANUTENÇÃO FERROVIÁRIA. In: CONGRESSO NACIONAL DE ENGENHARIA MECÂNICA, 2012, SÃO LUIS. VII CONGRESSO NACIONAL DE ENGENHARIA MECÂNICA, 2012. v. 7.

21.
PORTELA, C. M. ; MARTINS, K. C. R. ; CORZO, R. A. O. ; PIRES, H. C. S. ; CELLA, Igor Eriberto . MAPEAMENTO DO SISTEMA DE INJEÇÃO E IGNIÇÃO ELETRÔNICA. In: CONGRESSO NACIONAL DE ENGENHARIA MECÂNICA, 2012, SÃO LUIS. VII CONGRESSO NACIONAL DE ENGENHARIA MECÂNICA, 2012. v. 7.

22.
SOUZA, Gustavo Rodrigues de ; SANTOS, A. M. ; FERREIRA, S. L. ; MARTINS, K. C. R. . EFEITOS DA VARIAÇÃO DO VOLUME DO PLENO SOBRE A DISTRIBUIÇÃO DE AR EM UM COLETOR DE ADMISSÃO DE UM MOTOR DE COMBUSTÃO INTERNA.. In: CONGRESSO NACIONAL DE ENGENHARIA MECÂNICA, 2012, SÃO LUIS. VII CONGRESSO NACIONAL DE ENGENHARIA MECÂNICA, 2012. v. 7.

23.
PIRES, H. C. S. ; MARTINS, K. C. R. ; MARTINS, L. S. P. ; PORTELA, C. M. ; ARAUJO, A. C. C. . DESENVOLVIMENTO DE UM PROTÓTIPO DE PRENSAGEM CONTÍNUA PARA A OBTENÇÃO DE ÓLEOS VEGETAIS DE ALTA VISCOSIDADE. In: CONGRESSO NACIONAL DE ENGENHARIA MECÂNICA, 2012, SÃO LUIS. VII CONGRESSO NACIONAL DE ENGENHARIA MECÂNICA, 2012. v. 7.

24.
COSTA, I. S. ; MELO, A. J. ; SANTOS, H. F. ; QUEIROGA NETO, A. P. ; MARTINS, K. C. R. ; MARTINS, L. S. P. . DESEMPENHO DE UM GRUPO GERADOR ACIONADO POR UM MOTOR DE CICLO DIESEL MOVIDO COM BIODIESEL/MISTURA BIODIESEL-ÁLCOOL. In: CONGRESSO NACIONAL DE ENGENHARIA MECÂNICA, 2012, SÃO LUIS. VII CONGRESSO NACIONAL DE ENGENHARIA MECÂNICA, 2012. v. 7.

25.
Rodrigues, J. R. P. ; CRUZ, C. ; FRANCO, S. D. ; RODRIGUES, J. R. P. ; MARTINS, K. C. R. ; NEVES, T. E. S. B. ; ARAUJO JUNIOR, A. S. ; SOUSA JUNIOR, P. A. . INFLUÊNCIA DE DIFERENTES FLUIDOS DIELETRICOS NA INTEGRIDADE SUPERFICIAL DO AÇO-RÁPIDO ABNT M2. In: CONGRESSO NACIONAL DE ENGENHARIA MECÂNICA, 2012, SÃO LUIS. VII CONGRESSO NACIONAL DE ENGENHARIA MECÂNICA, 2012. v. 7.

26.
Santana, A. P. ; MARTINS, K. C. R. . Formulação regular e singular usando o método dos elementos de contorno. In: Congresso de Métodos Numéricos em Engenharia, 2011, Lisboa. CMNE. Lisboa, 2011.

27.
Rodrigues, J. R. P. ; MARTINS, K. C. R. . CORRELAÇÃO ENTRE ESPAÇAMENTOS DENDRITICOS E PARÂMETROS DE SOLIDIFICAÇÃO DAS LIGAS AL-SI E PB-SB. In: XXXII CBRAVIC, 2011, Itajubá. XXXII CBRAVIC. Itajubá, 2011.

28.
PIRES, H. C. S. ; MARTINS, K. C. R. . ANALYSIS OF A PROTOTYPE OF CONTINUOUS PRESS DEVELOPED FOR OBTAINING OIL FROM SEEDS OF CASTOR. In: 21st Brazilian Congress of Mechanical Engineering, 2011, Natal. Proceedings of COBEM 2011 21st Brazilian Congress of Mechanical Engineering Copyright © 2011 by ABCM. NATAL, 2011.

29.
SOUZA, G. R. ; SANTOS, A. M. ; MARTINS, K. C. R. ; FERREIRA, S. L. . STUDY OF INTAKE MANIFOLDS OF AN INTERNAL COMBUSTION ENGINE ? EXPERIMENTAL RESULTS AND NUMERICAL SIMULATIONS. In: XXXII Iberian Latin American Congress on Computational Methods in Engineering (XXXII CILAMCE), 2011, Ouro Preto / MG. XXXII CILAMCE. Ouro Preto, 2011.

30.
MARTINS, K. C. R.; NASCIMENTO, S. F. . DEVELOPMENT OF A PROTOTYPE FOR MOTORIZED WHEELCHAIR WITH ADAPTATION MECHANISMS OF SIMPLE AND EASY HANDLING AUTOMATION. In: 21st Brazilian Congress of Mechanical Engineering, 2011, nATAL. 21st Brazilian Congress of Mechanical Engineering. NATAL, 2011.

31.
VIANA, L. G. ; MARTINS, K. C. R. ; COSTA, D. G. C. ; PIRES, H. C. S. ; Rodrigues, J. R. P. ; SANTOS, G. C. ; HOFFMANN, A. R. K. . DESENVOLVIMENTO DE UM PROTÓTIPO DE PRENSA EXTRUSORA PARA A OBTENÇÃO DO ÓLEO DA SEMENTE DE PINHÃO-MANSO. In: VI Congresso Nacional de Engenharia Mecânica - CONEM, 2010, Campina Grande. Congresso Nacional de Engenharia Mecânica - CONEM 2010, 2010.

32.
MATIAS, L. B. ; MARTINS, K. C. R. ; SILVA, L. E. M. ; MAIA, I. M. O. ; Lopes, J. T. ; COELHO, J. B. . OTIMIZAÇÃO DO DESEMPENHO DE UMA BOMBA CENTRIFUGA VIA INTERVENÇÃO ESTRUTURAL INTERNA. In: Congresso Nacional de Engenharia Mecânica, 2010, Campina Grande. Congresso Nacional de Engenharia Mecânica - CONEM 2010, 2010.

33.
MAFRA,A.P.S. ; MARTINS, K. C. R. ; SILVA, L. E. M. ; Rosa, L. S. ; MARTINS, L. S. P. ; COSTA, D. G. C. . ANÁLISE DE MECANISMOS DE ACIONAMENTO MECÂNICO/HIDRÁULICO ADAPTADOS A UM PROTÓTIPO DE PRENSA PISTÃO-CILINDRO PARA A EXTRAÇÃO DE ÓLEOS VEGETAIS. In: VI CONGRESSO NACIONAL DE ENGENHARIA MECÂNICA, 2010, CAMPINA GRANDE. CONGRESSO NACIONAL DE ENGENHARIA MECÂNICA - CONEM 2010, 2010.

34.
CELLA, Igor Eriberto ; MARTINS, K. C. R. ; CORZO, R. A. O. ; SILVA, L. E. M. ; SANTOS, A. M. ; SOUZA, Gustavo Rodrigues de . REGULAGEM DA UNIDADE DE COMANDO ELETRÔNICO PROGRAMÁVEL MODELO FUEL-TECH PARA CARROS DE COMPETIÇÃO. In: VI CONGRESSO NACIONAL DE ENGENHARIA MECÂNICA, 2010, CAMPINA GRANDE. CONGRESSO NACIONAL DE ENGENHARIA MECÂNICA, 2010.

35.
Rodrigues, J. R. P. ; CRUZ, Claudionor ; FRANCO, S. D. ; RODRIGUES, J. R. P. ; MARTINS, K. C. R. ; NEVES, T. E. S. B. ; ARAUJO JUNIOR, A. S. . ANÁLISE DA TOPOGRAFIA DA SUPERFICIE USINADA POR DESCARGAS ELÉTRICAS DO AÇO-RÁPIDO ABNT M2. In: VI CONGRESSO NACIONAL DE ENGENHARIA MECÂNICA, 2010, CAMPINA GRANDE. VI CONGRESSO NACIONAL DE ENGENHARIA MECÂNICA - CONEM 2010, 2010.

36.
Rodrigues, J. R. P. ; RODRIGUES, J. R. P. ; MARTINS, K. C. R. . Influência da adição de SiC em pó no acabamento superficial do aço-rápido ABNT M2 usinado por eletroerosão. In: Congresso Brasileiro de Engenharia e Ciência dos Materiais, 2010, Campos do Jordão. 19º CBECiMat, 2010.

37.
Santana, A. P. ; MARTINS, K. C. R. ; Gonçalves, R. S. ; Rodrigues, J. R. P. . Análise do Método dos Elementos de Contorno de Placas para Formulação Regular. In: Congresso Nacional de Engenharia Mecânica, 2010, Campina Grande. Congresso Nacional de Engenharia Mecânica, 2010. Campina Grande, 2010.

38.
MARTINS, K. C. R.; SANTOS, A. M. ; SOUZA, G. R. ; FERREIRA, S. L. ; SILVA, R. C. . Análise das Reações de Oxidação no Escoamento dos Gases de Exaustão ao longo de um Simples Canal Monolítico. In: V Congresso Nacional de Engenharia Mecânica, 2008, Salvador. V Congresso Nacional de Engenharia Mecânica, 2008.

39.
SILVA, M. V. I. ; SANTOS, A. M. ; NETO, M. M. ; COLLE, D. R. ; MARTINS, K. C. R. . VISCOSIDADE DO ÓLEO LUBRIFICANTE DE UM MOTOR DE IGNIÇÃO POR COMPRESSÃO ABASTECIDO COM BIODIESEL ETÍLICO DE SQJA (GLYCINE MAX) E DE NABO FORRAGEIRO (RAPHANUS SATIVUS). In: XVII Congresso Brasileiro de Engenharia Química - COBEQ, 2008, Recife. ENGENHARIA QUÍMICA: ENERGIA E NOVOS DESAFIOS, 2008.

40.
MARTINS, K. C. R.; SANTOS, A. M. ; SOUZA, Gustavo Rodrigues de ; SILVA, José Antonio da . Análise das Propriedades Físicas do Escoamento dos Gases de Exaustão de um Motor de Ignição por Centelha. In: Congresso Nacional de Engenharia Mecânica e Industrial, 2007, Curitiba. VII CoNEMI 2007. Curitiba: ABEMEC - Associação Brasileira de Engenharia Mecânica, 2007.

41.
SOUZA, Gustavo Rodrigues de ; SANTOS, A. M. ; FERREIRA, S. L. ; MARTINS, K. C. R. . Combustão de Biodiesel de Óleo de Fritura em Fornalha Calorimetrica Flamotubular. In: XXXVI Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola, 2007, Bonito-MS. CONBEA 2007/ SBEA. Bonito: SBEA, 2007.

42.
MARTINS, K. C. R.; SANTOS, A. M. ; SOUZA, Gustavo Rodrigues de ; SILVA, José Antonio da . Estudo Computacional da Dinâmica de Escoamento dos Gases de Exaustão de um Motor a Ignição por Centelha. In: X Encontro de Modelagem Computacional, 2007, Rio de Janeiro. X ECM / RJ, 2007.

43.
MARTINS, K. C. R.; SANTOS, A. M. ; SOUZA, Gustavo Rodrigues de ; SILVA, R. C. ; SILVA, José Antonio da ; SILVA, M. V. I. ; FERREIRA, S. L. ; CIAPINA, V. G. . Computational simulation of the exhaust gases flow through a platinum/paladium catalytic converter. In: 18th Internation Congress of Mechanical Engineering, 2005, Ouro Preto/MG. Proceedings of COBEM 2005. Ouro Preto/MG: Associação Brasileira de Engenharia e Ciências Mecânicas, 2005.

44.
MARTINS, K. C. R.; SOUZA, Gustavo Rodrigues de ; SANTOS, A. M. ; SANTOS, Rodrigo Fernando Estella dos . Thermal Analysis of the Burn of Diesel oil and Biodiesel in a flame tube furnace. In: 17 Congresso Brasileiro de Engenharia Mecânica-COBEM, 2005, Ouro Preto. Thermal Analysis of the Burn of Diesel oil and Biodiesel in a flame tube furnace, 2005.

45.
SANTOS, Rodrigo Fernando Estella dos ; SANTOS, A. M. ; MARTINS, K. C. R. ; SILVA, José Antonio da . Análise de detonação, torque e potência em um motor de ignição por compressão turboalimentado por um sistema ternário de combustíveis- diesel, biodiesel e etanol. In: III Congresso Nacional de Engenharia Mecânica, 2004, Belém. III Congresso Nacional de Engenharia Mecânica. Belém: Carlos edilson maneschy, 2004. p. 167-167.

46.
SANTOS, A. M. ; SANTOS, Rodrigo Fernando Estella dos ; MARTINS, K. C. R. ; SOUZA, Gustavo Rodrigues de . Uso do biodiesel em um motor de ignição por compressão turboalimentado. In: 1. Congresso Brasileiro, 1. Encontro técnico, 1. exposição e Dinâmica de Plantas Oleaginosas, Óleos Vegetais, Biodiesel, 2004, Varginha. 1. Congresso Brasileiro, 1. Encontro técnico, 1. exposição e Dinâmica de Plantas Oleaginosas, Óleos Vegetais, Biodiesel, 2004.

47.
MARTINS, K. C. R.; SANTOS, A. M. ; SILVA, José Antonio da ; SANTOS, Rodrigo Fernando Estella dos . Análise do desempenho de catalisadores automotivos platina/paládio no controle das emissões gasosas. In: III Congresso Nacional de Engenharia Mecânica, 2004, Belém, 2004.

48.
MARTINS, K. C. R.; PAU, Felipe Soto ; SANTOS, A. M. ; SANTOS, Rodrigo Fernando Estella dos ; SILVA, José Antonio da . Estudio del empleo convertidores catalíticos en MCI a etanol. In: Convención Científica de Ingeniería y Arquitectura, 2004, Havana. Convención Científica de Ingeniería y Arquitectura, 2004.

49.
SILVA, José Antonio da ; SANTOS, A. M. ; MARTINS, K. C. R. . Influence of the admission Process on Emissions from an Alcohol Internal Combustion Engine. In: 17 Congresso Brasileiro de Engenharia Mecânica-COBEM, 2003, São Paulo. 17 Congresso Brasileiro de Engenharia Mecânica-COBEM, 2003.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
SEREJO, M. S. ; MARTINS, K. C. R. ; FILHO, E. M. A. . DESENVOLVIMENTO DE DOIS PROTÓTIPOS ERGOMÉTRICOS PARA AUXÍLIO NAS ATIVIDADES FÍSICAS DE PESSOAS PARAPLÉGICAS NO INTUITO DE COMBATER A OBESIDADE E DOENÇAS CARDIORESPIRATÓRIAS. In: 7° CONGRESSO NACIONAL DE BIOMECÂNICA, 2017, Guimarães. ATAS DO 7° CONGRESSO NACIONAL DE BIOMECÂNICA. Guimarães: Universidade de Minho, 2017. p. 107-108.

2.
MARTINS, K. C. R.; MARTINS, L. S. P. ; VIANA, L. G. ; PIRES, H. C. S. ; SILVA, L. E. M. . DEVELOPMENT OF A PROTOTYPE OF PRESS EXTRUDER FOR THE COLLECTION OF OIL SEEDS OF CASTOR AND JATROPHA. In: Brazilian Congress of Thermal Sciences and Engineering, 2010, Uberlândia. Brazilian Congress of Thermal Sciences and Engineering - ENCIT 2010, 2010.

3.
Santana, A. P. ; Gonçalves, R. S. ; MARTINS, K. C. R. . The boundary element formulation for natural convection problems using the dual reciprocity boundary element method. In: Asociacion Argentina de Mecanica Computacional, 2010, Buenos Aires. MECOM del Bicentenario : MECOM 2010 and CILAMCE 2010, 2010.

4.
Rosa, L. S. ; Brandão, C. M. ; Cordeiro, I. C. ; Viana, F. B. ; MARTINS, K. C. R. ; Vasconcelos, A. F. F. ; MARTINS, L. S. P. . APLICAÇÃO DA ESPECTROFOTOMETRIA UV-Vis NA DETERMINAÇÃO DE GLICERINA LIVRE EM BIODIESEIS DE BABAÇU, SOJA , MILHO E BLENDAS. In: 32a Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Química, 2009, Fortaleza. APLICAÇÃO DA ESPECTROFOTOMETRIA UV-Vis NA DETERMINAÇÃO DE GLICERINA LIVRE EM BIODIESEIS DE BABAÇU, SOJA , MILHO E BLENDAS. Brasilia: Sociedade Brasileira de Química, 2009. v. 1. p. 1308-1308.

5.
Brandão, C. M. ; Rosa, L. S. ; Cordeiro, I. C. ; Viana, F. B. ; MARTINS, K. C. R. ; Vasconcelos, A. F. F. ; MARTINS, L. S. P. . Determinação de teor de biodiesel em misturas biodiesel: diesel utilizando espectrofotometria UV-Vis. In: 32a Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Química, 2009, Fortaleza. Determinação de teor de biodiesel em misturas biodiesel: diesel utilizando espectrofotometria UV-Vis. Brasilia: Sociedade Brasileira de Química (SBQ), 2009. v. 1. p. 1306-1306.

6.
SILVA, José Antonio da ; PAU, Felipe Soto ; MARTINS, K. C. R. ; SANTOS, A. M. . Estudio del Empleo de un Motor de Ignición por Chispa usando Ethanol como Combustible. In: XII Convención Científica de Ingeniería Y Arquitectura, 2004, Habana. Estudio del Empleo de un Motor de Ignición por Chispa usando Ethanol como Combustible, 2004.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
CASTRO FILHO, W. S. ; MARTINS, K. C. R. ; BARBOSA, K.L.T. ; SEREJO, M. S. . DESENVOLVIMENTO DE UM PROTÓTIPO ERGOMÉTRICO PARA FORTALECIMENTO DE QUADRÍCEPS: REABILITAÇÃO MUSCULAR COM ATIVIDADE BIOMECÂNICA. In: 7° CONGRESSO NACIONAL DE BIOMECÂNICA, 2017, Guimarães. ATAS DO 7° CONGRESSO NACIONAL DE BIOMECÂNICA. Guimarães: Universidade de Minho, 2017. p. 105-106.

2.
SANTOS, A. M. ; PAU, Felipe Soto ; SILVA, José Antonio da ; MARTINS, K. C. R. . Influence of the admission process on emissions from an alcohol internal combustion engine. In: 18th Internation Congress of Mechanical Engineering, 2005, Santa Augustine. 18th Annual Technical Conference on Engineering Infrastructure, 2005.

Artigos aceitos para publicação
1.
NASCIMENTO, S. F. ; MARTINS, K. C. R. ; ARAUJO FILHO, E. M. ; SILVA, I. F. B. . ESTUDO DE SISTEMAS ELETROMECÂNICOS ADAPTADOS A MOTORIZAÇÃO DE UMA CADEIRA DE RODAS MECANOMANUAL . Ação Ergonômica, 2016.

2.
NASCIMENTO, S. F. ; MARTINS, K. C. R. ; ARAUJO FILHO, E. M. ; SILVA, I. F. B. . DESENVOLVIMENTO DE UM SISTEMA DE MOTORIZAÇÃO ELÉTRICA APLICADO A UMA CADEIRA DE RODAS MANTENDO SEUS PADRÕES  ERGONÔMICOS. Ação Ergonômica, 2016.

3.
SEREJO, M. S. ; MARTINS, K. C. R. ; COSTA JUNIOR, C. V. P. ; ARAUJO FILHO, E. M. . DESENVOLVIMENTO DE UM PROTÓTIPO ERGOMÉTRICO PARA AUXÍLIO NAS ATIVIDADES FÍSICAS DE PESSOAS PARAPLÉGICAS NO INTUITO DE COMBATER A  OBESIDADE E DOENÇAS CARDIORRESPIRATÓRIAS . Ação Ergonômica, 2016.

Apresentações de Trabalho
1.
MARTINS, K. C. R.; ALENCAR, A. S. ; FILHO, E. M. A. . ESTUDO DA MOTORIZAÇAO ELÉTRICA ADAPTATIVA EM CADEIRA DE RODAS. 2013. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

2.
MARTINS, K. C. R.. DESENVOLVIMENTO DE UMA PRENSA AXIAL PARA EXTRAÇÃO DE ÓLEOS VEGETAIS. 2013. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

3.
MARTINS, K. C. R.. ANÁLISE OPERACIONAL DO MOTOR A COMBUSTÃO INTERNA. 2013. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

4.
MARTINS, K. C. R.; MATIAS, L. B. ; MARTINS, L. S. P. ; Gonçalves, R. S. ; SILVA, L. E. M. . Structural Optimization of a Centrifugal Pump. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

5.
MARTINS, K. C. R.; MATIAS, L. B. ; SILVA, L. E. M. . OTIMIZAÇÃO ESTRUTURAL DE UMA BOMBA CENTRÍFUGA. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

6.
Rosa, L. S. ; Brandão, C. M. ; Cordeiro, I. C. ; Viana, F. B. ; MARTINS, K. C. R. ; Vasconcelos, A. F. F. ; MARTINS, L. S. P. . APLICAÇÃO DA ESPECTROFOTOMETRIA UV-Vis NA DETERMINAÇÃO DE GLICERINA LIVRE EM BIODIESEIS DE BABAÇU, SOJA , MILHO E BLENDAS. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

7.
Brandão, C. M. ; Rosa, L. S. ; Cordeiro, I. C. ; Viana, F. B. ; MARTINS, K. C. R. ; Vasconcelos, A. F. F. ; MARTINS, L. S. P. . Determinação de teor de biodiesel em misturas biodiesel: diesel utilizando espectrofotometria. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

8.
MARTINS, K. C. R.; MARTINS, L. S. P. ; SILVA, L. E. M. ; MAFRA,A.P.S. ; VIANA, L. G. . STUDY OF EXTRACTION OF VEGETABLE OIL SEED CASTOR. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

9.
MARTINS, K. C. R.; MARTINS, L. S. P. ; SILVA, L. E. M. ; MAFRA,A.P.S. . ANÁLISE TÉRMICA DO SISTEMA DE REFRIGERAÇÃO VEICULAR. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

10.
MARTINS, K. C. R.; MAFRA,A.P.S. ; MARTINS, L. S. P. ; SILVA, L. E. M. ; COSTA, D. G. C. . estudo da Extração de óleo vegetal da Semente de Mamona. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

11.
MARTINS, K. C. R.; CARVALHO, R. M.B. ; FERREIRA, E. W. F. ; MARTINS, L. S. P. ; SILVA, L. E. M. . Análise das Estratégias de Controle das Emissões Poluentes no Sistema de Exaustão de Motores Diesel. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

12.
MARTINS, K. C. R.. Análise experimental, teórica e computacional do escoamento dos gases de exaustão no conversor catalítico platina-paladio instalado em um motor a combustão interna movido a etanol. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

13.
MARTINS, K. C. R.. A Influência da Redução de Emissões Veiculares no Avanço Tecnológico dos Motores a Combustão Interna dos Ciclos Otto e Diesel.. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

14.
MARTINS, K. C. R.. Catalisadores Automotivos e Emissões Veiculares. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

15.
MARTINS, K. C. R.; SANTOS, A. M. ; SILVA, R. C. ; SOUZA, G. R. ; FERREIRA, S. L. . ANÁLISE DAS REAÇÕES DE OXIDAÇÃO NO ESCOAMENTO DOS GASES DE EXAUSTÃO AO LONGO DE UM SIMPLES CANAL MONOLÍTICO. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

Outras produções bibliográficas
1.
MARTINS, K. C. R.; SANTOS, A. M. ; SOUZA, G. R. ; FERREIRA, S. L. ; SILVA, R. C. . Influência do escoamento dos gases de exaustão na catalise das reações químicas de oxidação de um simples canal monolitico 2008 (VIII Simpósio de Mecânica Computacional - SIMMEC).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
MARTINS, K. C. R.; José Castro de Souza . Projeto de Consultoria Tecnologica Industrial às Empresas Mecânicas em Injeções/Ignições Eletrônicas. 2000.

Produtos tecnológicos
1.
MARTINS, K. C. R.; PIRES, H. C. S. ; MARTINS, L. S. P. . Desenvolvimento de um Protótipo de Prensa Extrusora de Fluxo Contínuo para Extração de Óleo Vegetal. 2011.

2.
MARTINS, K. C. R.; NASCIMENTO, S. F. . DESENVOLVIMENTO DE UM SISTEMA MOTORIZADO ADAPTATIVO À CADEIRA DE RODAS MECANOMANUAL. 2011.

3.
NASCIMENTO, S. F. ; MARTINS, K. C. R. ; MARTINS, L. S. P. ; ABREU, N. M. . DESENVOLVIMENTO DE UMA CADEIRA DE RODAS MOTORIZADA DE BAIXO CUSTO. 2011.

4.
VIANA, L. G. ; MARTINS, K. C. R. ; MARTINS, L. S. P. ; PIRES, H. C. S. ; ABREU, N. M. ; COSTA, D. G. C. . DESENVOLVIMENTO DE UM MECANISMO DE PRENSAGEM CONTÍNUA PARA A OBTENÇÃO DE ÓLEO VEGETAL A PARTIR DE SEMENTES OLEAGINOSAS. 2011.

5.
MARTINS, K. C. R.; MAFRA,A.P.S. ; MARTINS, L. S. P. . Protótipo de Prensa Pistão-Cilindro para Extração de Óleos Vegetais. 2010.

6.
MAFRA,A.P.S. ; MARTINS, K. C. R. ; MARTINS, L. S. P. ; COSTA, D. G. C. ; ABREU, N. M. . PROTÓTIPO DE PRENSA PISTÃO-CILINDRO PARA A EXTRAÇÃO DE ÓLEOS VEGETAIS. 2010.

Trabalhos técnicos
1.
MARTINS, K. C. R.; Souza, J.C. . Pericia técnica da quebra de um motor a combustão interna 1.0 16válvulas com avarias de empenos de válvulas de exaustão, marcas de impacto na vista de topo dos pistões e fixo dinâmico do motor quebrado.. 2007.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
ALENCAR, A. S. ; MARTINS, K. C. R. ; OLIVEIRA, G. H. S. ; BARBOSA, K.L.T. . Como se tornar um Inventor:Triciclo Elétrico para Cadeirantes. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

2.
ALENCAR, A. S. ; MARTINS, K. C. R. . Alunos do IFMA participam de Feira de Tecnologia em todo o estado. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

3.
ALENCAR, A. S. ; MARTINS, K. C. R. ; NASCIMENTO, S. F. . DESENVOLVIMENTO DE UM TRICICLO ELÉTRICO PARA CADEIRANTES. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

4.
MARTINS, K. C. R.; NASCIMENTO, S. F. . DESENVOLVIMENTO DE UMA CADEIRA DE RODAS MOTORIZADA DE BAIXO CUSTO. 2012. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).


Demais tipos de produção técnica
1.
MARTINS, K. C. R.; SILVA, M. B. . Relatório Final do Doutorado em Engenharia Mecânica. 2013. (Relatório de pesquisa).

2.
MARTINS, K. C. R.. V Jornada de Química e VII Semana de Ciências. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

3.
Souza, C. P. ; SOUZA, I. A. ; RANGEL, J. H. G. ; MARTINS, K. C. R. . Relatório Final da Especialização em Engenharia de Projetos Industriais. 2011. (Relatório de pesquisa).

4.
MARTINS, K. C. R.. Relatório Parcial do Doutorado em Engenharia Mecânica. 2010. (Relatório de pesquisa).



Patentes e registros



Patente

A Confirmação do status de um pedido de patentes poderá ser solicitada à Diretoria de Patentes (DIRPA) por meio de uma Certidão de atos relativos aos processos
1.
 MARTINS, K. C. R.; NASCIMENTO, S. F. ; FILHO, E. M. A. ; OLIVEIRA, G. H. S. ; ALENCAR, A. S. . KIT DE CONVERSÃO PARA MOTORIZAÇÃO EM CADEIRAS DE RODAS MECANOMANUAL. 2015, Brasil.
Patente: Modelo de Utilidade. Número do registro: BR1020150315732, título: "KIT DE CONVERSÃO PARA MOTORIZAÇÃO EM CADEIRAS DE RODAS MECANOMANUAL" , Instituição de registro: INPI - Instituto Nacional da Propriedade Industrial. Depósito: 15/12/2015Instituição(ões) financiadora(s): INSTITUTO FEDERAL DO MARANHÃO.



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
SILVA, José Antonio da; MARTINS, K. C. R.. Participação em banca de Sidney Luiz da Silva Braga. Análise do Comportamento Térmico do Forno Acheson e da sua Camada de Mistura Isolante?, como parte dos requisitos para a obtenção do titulo de ?Mestre em Engenharia da Energia. 2011. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Engenharia da Energia) - Universidade Federal de São João Del-Rei.

Teses de doutorado
1.
CARVALHO, S. R.; BORGES, V. L.; LIMA, E. A. P.; MARTINS, L. S. P.; MARTINS, K. C. R.. Participação em banca de IVANA MÁRCIA OLIVEIRA MAIA. PROPOSTA DE METODOLOGIA EXPERIMENTAL PARA A ANÁLISE E QUANTIFICAÇÃODA EMISSÃO DE METANO COM APLICAÇÃO NA PRODUÇÃO DE CARVÃO VEGETAL EM LABORATÓRIO. 2014. Tese (Doutorado em Engenharia Mecânica) - Universidade Federal de Uberlândia.

2.
CARVALHO, S. R.; BORGES, V. L.; LEAL, V. S.; Rodrigues, J. R. P.; MARTINS, K. C. R.. Participação em banca de ALFREDO DOS SANTOS MAIA NETO. SIMULAÇÃO COMPUTACIONAL DO PROCESSO DE SOLDAGEM MIG DE UMA JUNTA DE TOPO DE CHAPAS DE AÇO INOXIDÁVEL DA SÉRIE 304 COM DEPOSIÇÃO DE MATERIAL. 2014. Tese (Doutorado em Engenharia Mecânica) - Universidade Federal de Uberlândia.

3.
FERRARESI, V. A.; LEAL, V. S.; SILVA, M. B.; MARTINS, K. C. R.; PAIVA, A. E. M.; BRANDIM, A. S.; SOUSA, R. C.. Participação em banca de WALDEMIR DOS PASSOS MARTINS. UTILIZAÇÃO DA TÉCNICA DE EMISSÃO ACÚSTICA NO ESTUDO DA TRINCA DE HIDROGÊNIO NA SOLDAGEM DE UM AÇO DE ALTA RESISTÊNCIA. 2013. Tese (Doutorado em Engenharia Mecânica) - Universidade Federal de Uberlândia.

4.
MIRANDA, R. F.; MARTINS, K. C. R.; BANDARRA FILHO, E. P.; CARVALHO, S. R.; RODRIGUES, J. R. P.; Gonçalves, R. S.. Participação em banca de JOAQUIM TEIXEIRA LOPES. DIMENSIONAMENTO E ANÁLISE TÉRMICA DE UM DESSALINIZADOR SOLAR TIPO BACIA COM COBERTURA ASSIMÉTRICA. 2013. Tese (Doutorado em Engenharia Mecânica) - Universidade Federal de Uberlândia.

Qualificações de Doutorado
1.
MIRANDA, R. F.; BANDARRA FILHO, E. P.; Gonçalves, R. S.; MARTINS, K. C. R.; PAIVA, A. E. M.. Participação em banca de ROBERT GUIMARÃES SILVA. MODELAGEM MATEMÁTICA E COMPUTACIONAL APLICADA NA ANÁLISE E OTIMIZAÇÃO DE SISTEMAS DE BOMBEAMENTO. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em Engenharia Mecânica) - Universidade Federal de Uberlândia.

2.
MIRANDA, R. F.; MARTINS, K. C. R.; Gonçalves, R. S.; PAIVA, A. E. M.. Participação em banca de JOAQUIM TEIXEIRA LOPES. ANÁLISE TÉRMICA E DIMENSIONAMENTO DE UM DESSALINIZADOR SOLAR TIPO BACIA COM COBERTURA ASSIMÉTRICA E PISO PARABÓLICO COMPOSTO DISPOSTO EM PARALELO. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em Engenharia Mecânica) - Universidade Federal de Uberlândia.

3.
FERRARESI, V. A.; LEAL, V. S.; MARTINS, K. C. R.; PAIVA, A. E. M.. Participação em banca de WALDEMIR DOS PASSOS MARTINS. Utilização da técnica de emissão acústica no estudo da trinca de hidrogênio em juntas soldadas. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em Engenharia Mecânica) - Universidade Federal de Uberlândia.

4.
CARVALHO, S. R.; LIMA, E. A. P.; MIRANDA, R. F.; FERRARESI, V. A.; MARTINS, K. C. R.. Participação em banca de IVANA MÁRCIA OLIVEIRA MAIA. DEFINIÇÃO DE BANCADA EXPERIMENTAL PARA COLETA, ANÁLISE DE METANO E DETERMINAÇÃO DA LINHA DE BASE NA PRODUÇÃO DE CARVÃO VEGETAL EM FORNOS RAC220. 2012. Exame de qualificação (Doutorando em Engenharia Mecânica) - Universidade Federal de Uberlândia.

Monografias de cursos de aperfeiçoamento/especialização
1.
MARTINS, K. C. R.; COSTA, L. R.; SOUZA, I. A.. Participação em banca de Moisés Gomes da Silva. Uso de medição de espessura por ultra-som na indústria naval para garantir o controle de qualidade nas estruturas metálicas. 2010. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Engenharia de Projetos Industriais) - Instituto Federal do Maranhão.

2.
Alves, H.N.; Corrêa, R. R.; MARTINS, K. C. R.. Participação em banca de Ronnie Santiago Loureiro. Telecomando de Chaves da Rede de Distribuição através da Tecnologia PLC. 2010. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Engenharia de Projetos Industria) - Instituto Federal de Educação Tecnológica do Maranhão.

3.
RABELO, J. C. R.; PEREIRA, Flavio Nunes; MARTINS, K. C. R.. Participação em banca de Herllon Alves de Oliveira. Estudo da Comporta de Vedação Pneumática. 2010. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Engenharia em Projetos Industriais) - Instituto Federal de Educação Tecnológica do Maranhão.

4.
MARTINS, L. S. P.; MARTINS, K. C. R.. Participação em banca de Jurandir Santos Pereira. O Ensino da Química através do Lúdico. 2007. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Ciências) - Universidade Estadual do Maranhão.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
MARTINS, K. C. R.; FILHO, E. M. A.; SILVA, L. E. M.. Participação em banca de Itallo Francisco Belo da Silva.Aplicação da técnica de manutenção centrada em confiabilidade em um grupo gerador movido a disel. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão.

2.
MARTINS, K. C. R.; FILHO, E. M. A.; SILVA, L. E. M.. Participação em banca de Thomaz Guimarães Meireles.Desenvolvimento de um protótipo de caldeira flamotubular. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão.

3.
MARTINS, KEYLL CARLOS RIBEIRO; ARAUJO JUNIOR, A. S.; BORGES FILHO, J. S.; ARAUJO FILHO, E. M.. Participação em banca de Walter Serra de Magalhães.Estudo de Confiabilidade do Sistema Mecânico da Frota de Locomotivas SD70M da Estrada de Ferro Carajás. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão.

4.
MARTINS, K. C. R.; ARAUJO FILHO, E. M.; SILVA NETO, André Santos da; SILVA, I. F. B.. Participação em banca de Ricardo Medeiros Rodrigues.Análise de confiabilidade via indicadores das atividades de manutenção de manutenção aplicada à central de veículos industrias da ALUMAR. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Industrial Mecânica) - Instituto Federal do Maranhão.

5.
Rodrigues, J. R. P.; Medeiros, M. A.; MARTINS, K. C. R.. Participação em banca de Janes Valdo Rodrigues Lima..Considerações Sobre os Custos do Fresamento do Aço Inoxidável Austenitico. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica) - Universidade Estadual do Maranhão.

6.
MARTINS, K. C. R.; ARAUJO FILHO, E. M.; SILVA, I. F. B.. Participação em banca de Alex Silva de Andrade.Análise da manutenção preventiva dos motores principais de uma embarcação de apoio marítimo através de um software de manutenção planejada. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Industrial Mecânica) - Instituto Federal do Maranhão.

7.
Rodrigues, J. R. P.; MARTINS, K. C. R.; BRITO JUNIOR, C. A. R.. Participação em banca de Rômulo da Silva Barbosa.Considerações sobre os custos no torneamento do aço inoxidável. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica) - UNIVERSIDADE ESTADUAL DO MARANHÃ?O.

8.
Rodrigues, J. R. P.; MARTINS, K. C. R.. Participação em banca de Marcus Vinicius Ribeiro Rodrigues.Estudo dos Diferentes Métodos Práticos Empregados para Medição de Temperatura de Corte Gerada Durante o Processo de Usinagem. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica) - Universidade Estadual do Maranhão.

9.
Rodrigues, J. R. P.; MARTINS, K. C. R.; BRITO JUNIOR, C.A.R.. Participação em banca de Rômulo da Silva Barbosa.Considerações Sobre os Custos no Torneamento do Aço Inoxidável Ferrítico. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica) - Universidade Estadual do Maranhão.

10.
Santana, A. P.; PEREIRA, Flavio Nunes; MARTINS, KEYLL CARLOS RIBEIRO. Participação em banca de Vitor dos Santos Cordeiro.Estudo da Perda de Carga em Singularidades usando o Método dos Elementos Finitos. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão.

11.
Santana, A. P.; MARTINS, K. C. R.. Participação em banca de Clarianne Natali de Campos.Estudo da Perda de Carga em Válvulas usando o Método dos Elementos Finitos. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão.

12.
CABECA, M. C. S.; MARTINS, K. C. R.; COSTA, L. R.. Participação em banca de Vinicius Ferreira Santos.Estudo da confiabilidade em uma recicladora-estabilizadora de solos, baseada no grau de criticidade. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão.

13.
MARTINS, K. C. R.; COSTA, L. R.; TEIXEIRA, M. P. S.. Participação em banca de Rondymilson de Souza Lopes.ANÁLISE DAS ATIVIDADES DE GESTÃO DE MANUTENÇÃO APLICADAS A FROTA DE VEÍCULOS LOCOTRATORES PARA MANOBRA DE VAGÕES. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão.

14.
MARTINS, K. C. R.; SOUZA, J. C.; PAIVA, A. C.. Participação em banca de EDUARDO JORGE COELHO MORAIS.DESENVOLVIMENTO DE UMA BANCADA DIDÁTICA DE BAIXO CUSTO PARA ANÁLISE DOS PRINCÍPIOS BÁSICOS DA REFRIGERAÇÃO AUTOMOTIVA. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão.

15.
MARTINS, K. C. R.; SOUZA, J. C.; Oliveira, R. N. B.; Carvalho, F.F.. Participação em banca de JOSÉ BORGES SANTANA FILHO.ESTUDO DAS CONDIÇÕES OPERACIONAIS, DOS GANHOS DE POTÊNCIA E REDUÇÃO DE EMISSÕES DO MOTOR DIESEL A DOIS TEMPOS, APLICADO NA LOCOMOTIVA SD70M TIER 1. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão.

16.
TEIXEIRA, M. P. S.; Oliveira, R. N. B.; MARTINS, K. C. R.. Participação em banca de BRENNO RODRIGUES FERREIRA CORRÊA.A APLICAÇÃO DO CICLO PDCA PARA AUMENTAR A EFICIÊNCIA DE UMA LINHA DE ENVASE DE CERVEJA DA AMBEV MARANHÃO. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão.

17.
CABECA, M. C. S.; MARTINS, K. C. R.; ARAUJO JUNIOR, A. S.. Participação em banca de DIOGO PAIXÃO GONÇALVES.PREVISÃO DO PERFIL DE DESGASTE DE MOTORES DO CICLO DIESEL COM BASE EM ANÁLISE DE ÓLEO LUBRIFICANTE QUANTITATIVO. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão.

18.
TEIXEIRA, M. P. S.; Oliveira, R. N. B.; MARTINS, K. C. R.. Participação em banca de FRAMARION CASTRO FERREIRA.UM ESTUDO ACERCA DE ERROS METROLÓGICOS E A INFLUÊNCIA DESTES NA PRÁTICA DOS PROFISSIONAIS DE ENGENHARIA MECÂNICA: O CASO DO IFMA. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão.

19.
MARTINS, K. C. R.; SOUZA, J. C.; PAIVA, A. C.; VIANA, M. S. M.. Participação em banca de Anderson Sanyda Conceição Oliveira.ANÁLISE DE FALHAS EM TURBOCOMPRESSORES CICLO DIESEL. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão.

20.
MARTINS, K. C. R.; Lopes, J. T.; SOUZA, J. C.. Participação em banca de ENÉAS CARLOS DE OLIVEIRA SILVA.ESTUDO DO SISTEMA ELÉTRICO VEICULAR ALIMENTADO POR ELETRICIDADE PROVENIENTE DA ENERGIA SOLAR. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão.

21.
MARTINS, K. C. R.; SOUZA, J. C.; Medeiros, M. A.; VIANA, M. S. M.. Participação em banca de EGON HENRIQUE SOUSA OIVEIRA.ANÁLISE DE CARGAS E ESTRUTURAS DE UM VEICULO AÉREO NÃO TRIPULADO. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão.

22.
MARTINS, K. C. R.; Rodrigues, J. R. P.; SOUZA, J. C.. Participação em banca de LEANDRO CARVALHO DE CASTRO.ESTUDO DO ELEMENTO DE FIXAÇÃO CENTRAL DAS PALHETAS DO SEPARADOR DE UM MOINHO DE ROLOS INSTALADO NUMA PLANTA DE MOAGEM DE INSUMOS. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão.

23.
Gonçalves, R. S.; MARTINS, W.P.; MARTINS, K. C. R.; Oliveira, R. N. B.. Participação em banca de IVANILSON SOUSA DA COSTA.Planejamento experimental aplicado ao processo de soldagem com arame tubular. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão.

24.
TEIXEIRA, M. P. S.; Oliveira, R. N. B.; MARTINS, K. C. R.. Participação em banca de RONALD FERNANDES CAMPOS.UM ESTUDO ACERCA DA QUALIDADE DA FORMAÇÃO DO ENGENHEIRO MECÂNICO INDUSTRIAL: O CASO DO IFMA 2012. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão.

25.
MARTINS, K. C. R.; José Castro de Souza; MARTINS, L. S. P.; Rodrigues, J. R. P.. Participação em banca de LUCIANO GALVÃO VIANA.DESENVOLVIMENTO DE UM MECANISMO DE PRENSAGEM CONTÍNUA PARA A OBTENÇÃO DE ÓLEO VEGETAL A PARTIR DE SEMENTES OLEAGINOSAS. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação Tecnológica do Maranhão.

26.
MARTINS, K. C. R.; MARTINS, L. S. P.; Gonçalves, R. S.; Rodrigues, J. R. P.. Participação em banca de LORENNI EVREN MATIAS DA SILVA.DESENVOLVIMENTO E FORMULAÇÃO DE MATERIAL BIODEGRADÁVEL PARA FABRICAÇÃO DE CLAYS PIGEONS. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação Tecnológica do Maranhão.

27.
MARTINS, K. C. R.; MARTINS, L. S. P.; SOUZA, J. C.. Participação em banca de RODRIGO ANDRÉ OLIVEIRA CORZO.DESENVOLVIMENTO DOS MAPAS AUXILIARES DE CORREÇÃO EM UMA CENTRAL ELETRÔNICA PROGRAMÁVEL MODELO FUEL TECH. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação Tecnológica do Maranhão.

28.
Rodrigues, J. R. P.; MARTINS, K. C. R.. Participação em banca de Diego Rosa dos Santos.Aplicação de Ensaio Não-destrutivo por Líquido Penetrante em Superfícies de Tanques de Combustíveis. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica) - Universidade Estadual do Maranhão.

29.
MARTINS, K. C. R.; SOUZA, J. C.. Participação em banca de JÚLIO CÉSAR RABELO PEREIRA.ESTUDO DAS IMPLICAÇÕES TÉCNICAS DE UM MOTOR MWM 4.12 TCE SPRINTER ELETRÔNICO EMPREGADO NO MICROÔNIBUS VOLARES DURANTE A RETIRADA DO SISTEMA ELETRÔNICA COMMON RAIL INSTALADO NO CABEÇOTE. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação Tecnológica do Maranhão.

30.
MARTINS, K. C. R.; Rodrigues, J. R. P.. Participação em banca de MAURO DE CASTRO SILVA.DESENVOLVIMENTO DA MONTAGEM E OPERACIONALIDADE DE UMA EXTRUSORA EMPREGADA NA PRODUÇÃO DE RAÇÃO ANIMAL. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação Tecnológica do Maranhão.

31.
RODRIGUES, J. R. P.; MARTINS, K. C. R.. Participação em banca de DENILSON JOSÉ CORDEIRO LIMA.CARACTERIZAÇÃO DO MECANISMO DE FRAGILIZAÇÃO POR HIDROGÊNIO NO AÇO ASTM A- 516, UTILIZADO NA FABRICAÇÃO DE VASOS DE PRESSÃO EM REFINARIA DE PETRÓLEO. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em QUIMICA INDUSTRIAL) - Universidade Federal do Maranhão.

32.
Gonçalves, R. S.; MARTINS, K. C. R.; Lopes, J. T.. Participação em banca de Tainá Gomes Rodovalho.Software educacional para a predição de propriedades termodinâmicas de estado. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal do Maranhão.

33.
Gonçalves, R. S.; MARTINS, K. C. R.; Lopes, J. T.. Participação em banca de Edson Jansen Pedrosa de Miranda Júnior.Aulas Práticas em Termofluidodinâmica no DMM do curso de Engenharia Mecânica Industrial do IFMA. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal do Maranhão.

34.
Gonçalves, R. S.; MARTINS, K. C. R.; Lopes, J. T.. Participação em banca de Jaelton Quaresma Silva.Utilização de Termografia Infravermelha Para Diagnosticar Problemas em Sistemas Térmicos de Usinas de Pelotização. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal do Maranhão.

35.
MARTINS, K. C. R.; TEIXEIRA, M. P. S.; CAMPOS, L. S. F.. Participação em banca de Célio José Uchoa Mendes.Um estudo acerca da importância da Metrologia no processo de formação do Profissional da área de Metal Mecânica. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal do Maranhão.

36.
MARTINS, K. C. R.; TEIXEIRA, M. P. S.; COSTA, L. R.. Participação em banca de FRANKS NADSON OLIVEIRA SILVA.ANÁLISE DOS EVENTOS DE MANUTENÇÕES CORRETIVAS PARA SE DETERMINAR A CONFIABILIDADE E MANUTENABILIDADE DO SISTEMA DE EMBARQUE DO PORTO DE CARGA GERAL DA VALE DE SÃO LUÍS. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal do Maranhão.

37.
Gonçalves, R. S.; MARTINS, K. C. R.; Santana, A. P.. Participação em banca de Mayara Flora Marinho Aires.Estudo Experimental da Perda de Calor em Cabos e Fios Elétricos. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação Tecnológica do Maranhão.

38.
Santana, A. P.; MARTINS, K. C. R.. Participação em banca de Samuel Santos Silva.Analise do Método dos Elementos de Contorno para Placas Finas. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação Tecnológica do Maranhão.

39.
Souza, C. P.; Serra, G. L. O.; MARTINS, K. C. R.. Participação em banca de Danúbia Soares Pires.Desenvolvimento de um Instrumento Virtual Utilizando o LabView. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Elétrica Industrial) - Instituto Federal do Maranhão.

40.
Souza, C. P.; Serra, G. L. O.; MARTINS, K. C. R.. Participação em banca de Lúcio André Melo de Oliveira.Calibração de termostato para locomotivas: estudo de caso e implementação na área da VALE. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Elétrica Industrial) - Instituto Federal do Maranhão.

41.
Gonçalves, R. S.; Santana, A. P.; MARTINS, K. C. R.; Oliveira, R. N. B.; Lopes, J. T.. Participação em banca de Gil Amaral Moraes.Cáculo do Coeficiente de Transferência de Calor para diversas Geometrias. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal do Maranhão.

42.
MARTINS, K. C. R.; CELLA, Igor Eriberto. Participação em banca de Igor Eriberto Cella.Regulagem da Unidade de Comando Eletrônico Programável modelo Fuel-Tech para carros de Competição. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal do Maranhão.

43.
Rodrigues, J. R. P.; MARTINS, K. C. R.. Participação em banca de Gilson Franklin Pereira Silva.Desempenho de Diferentes Fluidos de Corte no Torneamento do Aço ABNT 1045. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica) - Universidade Estadual do Maranhão.

44.
GONCALVES, S. P.; POLITI, F. S.; REIS, G. S.; MARTINS, K. C. R.. Participação em banca de Samuel Pinheiro Gonçalves.Análise de Casos de Implantação da Manutenção Autônoma. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Mecânica) - Centro Federal de Educação Tecnológica do Maranhão.

45.
SILVA NETO, André Santos da; MARTINS, K. C. R.; VIDAL, Marcelo Prata. Participação em banca de Lucivaldo de Carvalho Costa.Análise de quebra de base de jaqueta do motor diesel GE 7FDL16. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Industrial Mecânica) - Instituto Federal do Maranhão.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
MARTINS, K. C. R.; SOUZA, M.E.P.; FILHO, L.M.S.. COMISSÃO EXAMINADORA DO CONCURSO PÚBLICO NA ÁREA DE ENGENHARIA MECÂNICA. 2015. Universidade Federal do Maranhão.

2.
OLIVEIRA, F. L.; MARTINS, K. C. R.; SOUZA, M. E. P.. Comissão Examinadora do Concurso Público da Área de Engenharia Mecânica/ Engenharia Térmica e Fenômenos Térmicos. 2015. Universidade Federal do Maranhão.

3.
MARTINS, K. C. R.; AZEVEDO, P. S.; SANTOS, D. M.. Concurso Público para Provimento de Cargo da Carreira do Magistério Superior, na área de DESIGN. 2014. Universidade Federal do Maranhão.

4.
MARTINS, K. C. R.; SANTOS, D. M.; Rodrigues, J. R. P.. Concurso Público para Provimento de Cargo da Carreira do Magistério Superior, na área de DESIGN. 2014. Universidade Federal do Maranhão.

5.
MARTINS, K. C. R.; CABECA, M. C. S.; LIMA, K.M.C.L.S.. PROCESSO SELETIVO PÚBLICO SIMPLIFICADO PARA CONTRATAÇÃO DE PROFESSOR SUBSTITUTO. 2012. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão.

6.
MARTINS, K. C. R.; COSTA, L. R.. Concurso Público para Cargo de Magistério do Ensino Básico, Técnico e Tecnológico. 2010. Instituto Federal do Maranhão.

7.
MARTINS, K. C. R.; TADEO, A. T.; HAESASHI, T. C.. Concurso Público para Professor Assistente da Matéria/Área de Conhecimento Engenharia Mecânica/Térmicas e Fluidos. 2010. Universidade Federal do Recôncavo da Bahia.

8.
Rodrigues, J. R. P.; MARTINS, K. C. R.. Concurso Público para cargo do Magistério do Ensino Básico Técnico e Tecnológico. 2009. Instituto Federal do Maranhão.

Outras participações
1.
SILVA, José Antonio da; MARTINS, K. C. R.; CAMPOS, J. C. C.. Comissão Julgadora da Dissertação do Mestrado em Engenharia de Energia na Universidade Federal de São João Del-Rey. 2014. Universidade Federal de São João Del-Rei.

2.
MARTINS, K. C. R.; SILVA, José Antonio da; LIMA, F. R. S.; CHABEL, A. L. T.. Comissão Julgadora da Dissertação do Mestrado em Engenharia de Energia na Universidade Federal de São João Del-Rey. 2011. Universidade Federal de São João Del-Rei.

3.
MARTINS, K. C. R.. Comitê de Julgamento de Projetos da FAPEMA. 2011. Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA.

4.
MARTINS, K. C. R.; MUNIZ, N. C.; TANAKA, A. A.. PRÊMIO DISSERTAÇÃO UFMA. 2010. Universidade Federal do Maranhão.

5.
MARTINS, K. C. R.; Gonçalves, R. S.. Prêmio FAPEMA. 2009. Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
V Jornada de Química e VII Semana de Ciências.O PROCESSO DE COMBUSTÃO NOS MOTORES VEICULARES. 2011. (Simpósio).

2.
Conference on Thermal and Environmental Issues in Energy Systems. THE OXIDATION REACTIONS IN EXHAUST GASES ALONG OF A MONOLITHIC CHANNEL. 2010. (Congresso).

3.
VI CONGRESSO NACIONAL DE ENGENHARIA MECÂNICA. OTIMIZAÇÃO ESTRUTURAL DE UMA BOMBA CENTRÍFUGA. 2010. (Congresso).

4.
32a Reunião Anual da Sociedade Brasileira de Química. APLICAÇÃO DA ESPECTROFOTOMETRIA UV-Vis NA DETERMINAÇÃO DE GLICERINA LIVRE EM BIODIESEIS DE BABAÇU, SOJA , MILHO E BLENDAS. 2009. (Congresso).

5.
I Semana de Engenharias e Arquitetura do Maranhão.A Influência da Redução de Emissões Veiculares no Avanço Tecnológico dos Motores a Combustão Interna dos Ciclos Otto e Diesel.. 2008. (Seminário).

6.
V CONGRESSO NACIONAL DE ENGENHARIA MECÂNICA. Análise das Reações de Oxidação no Escoamento dos Gases de Exaustão ao Longo de um Simples canal Monolítico. 2008. (Congresso).

7.
V Semana de Ciências e III Jornada de Química - UEMA.Catalisadores Automotivos e Emissões Veiculares. 2008. (Seminário).

8.
Congresso Internacional de Agroenergia e Biocombustíveis. 2007. (Congresso).

9.
I Encontro Regional de Biodiesel: Desafios e Perspectivas. 2007. (Encontro).

10.
VII Congresso Nacional de Engenharia Mecânica Industrial. ANÁLISE DAS PROPRIEDADES FÍSICAS DO ESCOAMENTO DOS GASES DE EXAUSTÃO DE UM MOTOR DE IGNIÇÃO POR CENTELHA. 2007. (Congresso).

11.
X Encontro de Modelagem Computacional.Estudo Computacional da Dinâmica de Escoamento dos Gases de Exaustão de um Motor a Ignição por Centelha. 2007. (Encontro).

12.
XXXVI Congresso Brasileiro de Engenharia Agrícola. Combustão de Biodiesel de Óleo de Fritura em Fornalha Calorimétrica Flamotubular. 2007. (Congresso).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
MARTINS, K. C. R.; SANTOS, V. R. P. . I ENCONTRO MARANHENSE DE ACADÊMICOS DE ENGENHARIA MECÂNICA - EMAEM. 2017. (Congresso).

2.
MARTINS, K. C. R.; MARTINS, L. S. P. ; Rodrigues, J. R. P. ; MARTINS, W.P. ; NEVES, T. E. S. B. ; ARAUJO JUNIOR, A. S. ; NASCIMENTO, C. C. F. . I Semana de Engenharia Mecânica Industrial do Instituto Federal do Maranhão (I SEMI - IFMA). 2014. (Congresso).

3.
MARTINS, K. C. R.; MARTINS, L. S. P. ; Rodrigues, J. R. P. . VII Congresso Nacional de Engenharia Mecânica (VII CONEM). 2012. (Congresso).

4.
MARTINS, K. C. R.; Rodrigues, J. R. P. ; SOUZA, J. C. ; Gonçalves, R. S. ; MARTINS, L. S. P. . II SEMINÁRIO DINTER EM ENGENHARIA MECÂNICA - UFU/IFMA. 2011. (Outro).

5.
MARTINS, K. C. R.; SILVA, M. B. ; Rodrigues, J. R. P. ; MARTINS, L. S. P. . I SEMINÁRIO DINTER EM ENGENHARIA MECÂNICA - UFU/IFMA. 2010. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Iniciação científica
1.
GLEYDSON HIAGO SOUSA OLIVEIRA. APLICAÇÃO DA ANÁLISE FLUIDODINÂOMICA COMPUTACIONAL NO DIMENSIONAMENTO DE UM SISTEMA DE EXAUSTÃO DE GASES DO MOTOR A COMBUSTÃO INTERNA DE 4 TEMPOS UTILIZADO EM UM VEÍCULO DE ALTA EFICIÊNCIA ENERGÉTICA. Início: 2018. Iniciação científica (Graduando em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Orientador).

2.
DANIEL MENDES BORGES DE BARROS. ANÁLISE DO MONITORAMENTO CARDÍACO ATRAVÉS DE TÉCNICAS DE SINAIS E MÉTODOS NUMÉRICOS. Início: 2018. Iniciação científica (Graduando em Engenharia Elétrica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão, Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA. (Orientador).

3.
LUCAS PABLO SILVA BRANDÃO NEVES. ESTUDO DA DINÂMICA DE MOVIMENTO APLICADO A UM PROTÓTIPO VEICULAR MONOPOSTO COM PROPULSÃO ELÉTRICA. Início: 2018. Iniciação científica (Graduando em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Orientador).

4.
IVO MARIO PEREIRA DE SOUSA. CONSTRUÇÃO DE PROTÓTIPO DE MÃO MICROCONTROLADO DESENVOLVIDO EM IMPRESSORA 3D. Início: 2018. Iniciação científica (Graduando em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Orientador).

5.
ANTHONY SOARES DE ALENCAR. Automatização de uma Estação de Recarga Hibrida por Placas Fotovoltaicas e Grupo Gerador a combustão Off-Grid. Início: 2018. Iniciação científica (Graduando em Engenharia Elétrica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão, Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA. (Orientador).

6.
SAULO CHMIELSWKI. IMPLEMENTAÇÃO DE UM CONTROLADOR PID EM UM PROTÓTIPO DE CADEIRA DE RODAS MOTORIZADA. Início: 2018. Iniciação científica (Graduando em Engenharia Elétrica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão, Instituto Federal de Educação Tecnológica do Maranhão. (Orientador).

7.
MONIKE ALLANA VIANA LIMA. DESENVOLVIMENTO DE UM PROTÓTIPO ERGOMÉTRICO PARA AUXÍLIO NAS ATIVIDADES FÍSICAS DOS CADEIRANTES NO INTUITO DE FORTACELER A MUSCULATURA DOS MEMBROS SUPERIORES E INFERIORES, COMBATER A OBESIDADE E DOENÇAS CARDIORESPIRATÓRIAS. Início: 2018. Iniciação científica (Graduando em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão, Instituto Federal de Educação Tecnológica do Maranhão. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Tese de doutorado
1.
Joaquim Teixeira Lopes. Análise experimental e numérica dos tubos de calor aplicados na geração de energia solar. 2009. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Engenharia Mecânica) - Universidade Federal de Uberlândia, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Coorientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

Monografia de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização
1.
Leonardo dos Santos e Santos. SISTEMA DE TESTE DE TORQUE E FREIOS PARA MOVIMENTAÇÃO SEGURA DE CARGAS EM DESCARREGADORES DE NAVIOS. 2011. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Eng. de Projetos Industriais) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

2.
Wanderley Magalhães Soares. Desenvolvimento de um mecanismo transmissor de torque para a máquina "Drilling Machine" utilizada para limpeza de tubos nos trocadores de calor na refinaria da ALCOA em São Luis. 2010. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Engenharia de Projetos Industriais) - Instituto Federal do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

3.
Tatiana Martins Reis Calixto. Abordagem das Medidas Econômicas para Eficiência Energética em Sistemas de Bombeamento. 2010. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Engenharia de Projetos Industriais) - Instituto Federal do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
José Borges Santana Filho. ESTUDO DAS CONDIÇÕES OPERACIONAIS, DOS GANHOS DE POTÊNCIA E REDUÇÃO DE EMISSÕES DO MOTOR DIESEL A DOIS TEMPOS, APLICADO NA LOCOMOTIVA SD70M TIER 1. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

2.
EDUARDO JORGE COELHO MORAIS. DESENVOLVIMENTO DE UMA BANCADA DIDÁTICA DE BAIXO CUSTO PARA ANÁLISE DOS PRINCÍPIOS BÁSICOS DA REFRIGERAÇÃO AUTOMOTIVA. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação Tecnológica do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

3.
Rondymilson de Souza Lopes. ANÁLISE DAS ATIVIDADES DE GESTÃO DE MANUTENÇÃO APLICADAS A FROTA DE VEÍCULOS LOCOTRATORES PARA MANOBRA DE VAGÕES. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação Tecnológica do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

4.
Alexandre do Nascimento de Sousa. ANALISE COMPUTACIONAL DO ESCOAMENTO SANGUÍNEO NAS ARTÉRIAS RENAIS PRINCIPAIS. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

5.
Evandro Martins Araujo Filho. PROPOSTA DE NOVA METODOLOGIA NA MANUTENÇÃO PREDITIVA DOS MOTORES DIESEL EMPREGADOS NOS VEÍCULOS INDUSTRIAIS EMPILHADEIRAS E LOCOTRATORES.. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

6.
HATAYSO FERREIRA DOS SANTOS. ANÁLISE DO DESEMPENHO DE UM GRUPO GERADOR A DIESEL MOVIDO COM BIODIESEL B5 E MISTURAS BIODIESEL B5/ALCOOL.. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

7.
Alexandre do Nascimento de Sousa. ANÁLISE DO ESCOAMENTO DE GASES NOS SISTEMAS DE ADMISSÃO E EXAUSTÃO POR MEIO DE UMA BANCADA DE FLUXO. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

8.
Anderson Sanyda Conceição Oliveira. ANÁLISE DE FALHAS EM TURBOCOMPRESSORES CICLO DIESEL. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

9.
Egon Henrique Sousa Oliveira. Análise de Cargas e Estruturas de um Veículo Aéreo não Tripulado. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

10.
ENÉAS CARLOS DE OLIVEIRA SILVA. ESTUDO DO SISTEMA ELÉTRICO VEICULAR ALIMENTADO POR ELETRICIDADE PROVENIENTE DA ENERGIA SOLAR. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

11.
Emanuel Paiva Marques. Estudo dos Sistemas Propulsivos Aeronáuticos. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

12.
ELIO WALBERT FURTADO FERREIRA. ANÁLISE TÉCNICA DO MOTOR WARTSILA 32 APLICADO NA GERAÇÃO DE ENERGIA ELÉTRICA EM UMA TERMOELÉTRICA. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

13.
RAIMUNDO JOSÉ RABELO MENDES. ABORDAGEM TÉCNICA OPERACIONAL DO MOTOR DIESEL VOLVO PENTA TAMD 74 INSTALADO NA EMBARCAÇÃO R/B IMPERATRIZ. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

14.
ROBERTA PEREIRA BATISTA. PROPOSTA DE REDUÇÃO DE CUSTO NO ABASTECIMENTO DE COMBUSTÍVEL DAS LOCOMOTIVAS SD-40 DA EMPRESA VALE POR MEIO DA APLICAÇÃO DO BIODIESEL PRODUZIDO A PARTIR DOS RESÍDUOS DA SOJA. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

15.
AURIZELIA CARDOSO NOGUEIRA. A Importância da Manutenção Preventiva aplicada nas Motocicletas e sua influência na Prevenção de Acidentes de Trânsito. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

16.
MARCOS ANTÔNIO BEZERRA LIMA. ESTUDO DAS TÉCNICAS DE CONTROLE DAS EMISSÕES POLUENTES APLICADAS NOS VEICULOS AUTOMOTORES DO CICLO OTTO. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

17.
IGOR ERIBERTO CELLA. REGULAGEM DA UNIDADE DE COMANDO ELETRÔNICA PROGRAMÁVEL MODELO FUEL-TECH PARA CARROS DE COMPETIÇÃO. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

18.
JOSÉ NILSON COELHO OLIVEIRA. DEMONSTRAÇÃO DO PROCESSO DE CARBONIZAÇÃO E DESCABONIZAÇÃO DE MOTORES AUTOMOTIVOS QUATRO TEMPOS ABASTECIDOS À GASOLINA.. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

19.
Felizardo Freire de Carvalho. Influência do Aperfeiçoamento Técnico do Sistema de Arrefecimento do Motor Diesel com relação ao fator de Potência das Locomotivas da Empresa VALE. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

20.
Laerte Bessa Matias. Otimização do Desempenho de uma Bomba Centrifuga via intervenção Estrutural Interna. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

21.
Dalmo Inácio Galdez Costa. Desenvolvimento do Projeto de um Sistema Mecânico para Extração de Óleo Vegetal. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Mecânica) - Centro Federal de Educação Tecnológica do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

22.
Rita de Cássia Reis Fernandes. Análise do Comportamento Dinâmico de um Grupo Gerador a Diesel com Aplicação dos Combustíveis Óleo Diesel e Biodiesel para Geração de Bioeletricidade. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Mecânica) - Centro Federal de Educação Tecnológica do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

23.
Flaviane Regia Veras Oliveira. Idealização de um Sistema Gerador com Acionador Pneumático para a Iluminação da Máquina de Compactação de Cubas. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Mecânica) - Centro Federal de Educação Tecnológica do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

24.
Sergio Claúdio Massarona Castro. A Importância da Manutenção Preventiva na Conservação do Sistema de Arrefecimento do Motor a Combustão Interna de Ignição por Centelha. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Mecânica) - Centro Federal de Educação Tecnológica do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

25.
Ronaldo Moreira Borges de Carvalho. Análise das Estratégias de Controle das Emissões Poluentes no Sistema de Exaustão dos Motores a Combustão Interna de ignição por Compressão. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Mecânica) - Centro Federal de Educação Tecnológica do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

26.
Marcos Augusto da Silva Pereira. UMA ABORDAGEM CRÍTICA DAS ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO, HIGIENE E SEGURANÇA DO TRABALHO UMA ABORDAGEM CRÍTICA DAS ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO, HIGIENE E SEGURANÇA DO TRABALHO DESENVOLVIDAS NA COLETA DE LIXO NOS BAIRROS DA CIDADE DE SÃO LUÍS-MA. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Mecânica) - Centro Federal de Educação Tecnológica do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

Iniciação científica
1.
DIOLLY SILVA CUTRIM. DESENVOLVIMENTO DE UM PROTOTIPO VEICULAR ELETRICO MONOPOSTO. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em TÉCNICO EM MECÂNICA) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

2.
ANTHONY SOARES DE ALENCAR. MODELAGEM E PROJETO DE UM CONTROLADOR PID DE VELOCIDADE E TRAÇÃO EM MOTORES ELÉTRICOS BLDC: ESTUDO DE CASO EM UM PROTÓTIPO VEICULAR ELÉTRICO. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

3.
Lucas Pablo Silva Brandão Neves. ANALISE FLUIDODINÂMICA COMPUTACIONAL DA AERODINÂMICA DO PROTÓTIPO VEICULAR DESENVOLVIDO PARA PARTICIPAÇÃO NA MARATONA UNIVERSITÁRIA DE EFICIENCIA ENERGÉTICA.. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

4.
DANIEL LIMA BARROS. ANÁLISE DO SISTEMA DE INJEÇÃO ELETRÔNICA PROGRAMÁVEL APLICADOS A MOTORES A COMBUSTÃO INTERNA MULTIPONTO. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Elétrica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

5.
Wallewska Adriane Leonardo Nunes. DESENVOLVIMENTO DE PROTÓTIPOS DE MÃO PARA AUXÍLIO NAS ATIVIDADES LÚDICAS APLICADAS NA REABILITAÇÃO DE PESSOAS COM DOENÇAS DE LESÕES POR ESFORÇOS REPETITIVOS. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em TÉCNICO EM MECÂNICA) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

6.
KARLA CHRISTINA VIANA DA SILVA. DESENVOLVIMENTO DE PROTÓTIPOS DE MÃO PARA AUXÍLIO NAS ATIVIDADES LÚDICAS APLICADAS NA REABILITAÇÃO DE PESSOAS COM DOENÇAS DE LESÕES POR ESFORÇOS REPETITIVOS. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em TÉCNICO EM MECÂNICA) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

7.
Kaio Lourenço Teixeira Barbosa. CONSTRUÇÃO DE UMA BANCADA DE FLUXO PARA ESTUDO DO ESCOAMENTO DE GASES DO SISTEMA DE EXAUSTÃO E ADMISSÃO. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em ENGENHARIA MECÂNICA) - Instituto Federal do Maranhão - Campus São Luís MC. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

8.
MANUELLE SEREJO. DESENVOLVIMENTO DE DOIS PROTÓTIPOS ERGOMÉTRICOS PARA AUXÍLIO NAS ATIVIDADES FÍSICAS DOS CADEIRANTES NO INTUITO DE COMBATER A OBESIDADE E DOENÇAS CARDIORESPIRATÓRIAS. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em ENGENHARIA MECÂNICA) - Instituto Federal do Maranhão - Campus São Luís MC. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

9.
SAMUEL FRANCO DO NASCIMENTO. DESENVOLVIMENTO DE UM PROTÓTIPO DE CADEIRA DE RODAS MOTORIZADA COM MOBILIDADE VERTICAL AUTOMÁTICA. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em ENGEHARIA ELÉTRICA) - Instituto Federal do Maranhão - Campus São Luís MC. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

10.
GLEYDSON HIAGO SOUSA OLIVEIRA. DESENVOLVIMENTO E ANÁLISE DE UM VEÍCULO DE ALTA EFICÊNCIA ENERGÉTICA COM PROPULSÃO A COMBUSTÃO INTERNA. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em ENGENHARIA MECÂNICA) - Instituto Federal do Maranhão - Campus São Luís MC. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

11.
Carlos Machado Coelho Neto. SISTEMA DE INJEÇÃO ELETRÔNICA PROGRAMÁVEL EM MOTORES DE COMBUSTÃO INTERNA DE CICLO OTTO. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em ENGEHARIA ELÉTRICA) - Instituto Federal do Maranhão - Campus São Luís MC. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

12.
ANDRÉ LUIS GOMES ARAÚJO. SISTEMA DE GERAÇÃO DE ENERGIA POR MEIO FOTOVOLTAICO-DIESEL PARA A ELETRIFICAÇÃO DE ÁREAS REMOTAS. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em ENGEHARIA ELÉTRICA) - Instituto Federal do Maranhão - Campus São Luís MC. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

13.
Anthony Soares de Alencar. DESENVOLVIMENTO DE UM VEÍCULO ELÉTRICO DE EFICIÊCIA ENERGÉTICA. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em ENGEHARIA ELÉTRICA) - Instituto Federal do Maranhão - Campus São Luís MC. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

14.
Igor Cruz Moreno. PROPOSTA DO CURSO BÁSICO DE MANUTENÇÃO DE MOTORES A COMBUSTÃO INTERNA ÀS COMUNIDADES DE MORADORES DA CIDADE DE SÃO LUIS/MA. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em ENGENHARIA MECÂNICA) - Instituto Federal do Maranhão - Campus São Luís MC. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

15.
Matheus Sousa Garrêto. PROPOSTA DO CURSO BÁSICO DE MANUTENÇÃO DE MOTORES A COMBUSTÃO INTERNA ÀS COMUNIDADES DE MORADORES DA CIDADE DE SÃO LUIS/MA. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em ENGENHARIA MECÂNICA) - Instituto Federal do Maranhão - Campus São Luís MC. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

16.
Dayane Cristina Costa Aires. Proposta do Curso Básico de Manutenção de Motores a Combustão Interna às Comunidades de Moradores da Cidade de São Luis/MA: Projeto Despertar Tecnológico. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em QUÍMICA) - Instituto Federal do Maranhão - Campus São Luís MC. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

17.
Carlos Vital Pinto Costa Junior. Proposta do Curso Básico de Manutenção de Motores a Combustão Interna às Comunidades de Moradores da Cidade de São Luis/MA: Projeto Despertar Tecnológico. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em ENGENHARIA MECÂNICA) - Instituto Federal do Maranhão - Campus São Luís MC. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

18.
Marcelo Portela do Carmo Morais. Proposta do Curso Básico de Manutenção de Motores a Combustão Interna às Comunidades de Moradores da Cidade de São Luis/MA: Projeto Despertar Tecnológico. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em ENGEHARIA ELÉTRICA) - Instituto Federal do Maranhão - Campus São Luís MC. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

19.
Lourdemar Santos Pereira. Proposta do Curso Básico de Manutenção de Motores a Combustão Interna às Comunidades de Moradores da Cidade de São Luis/MA: Projeto Despertar Tecnológico. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em MATEMÁTICA) - Instituto Federal do Maranhão - Campus São Luís MC. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

20.
EVANDRO MARTINS ARAUJO FILHO. PROPOSTA DE APOIO TÉCNICO A OS P ROJETOS DE PESQUISA CIENTÍFICA E TECNOLÓGICA DO LABORATÓRIO DE SISTEMAS TÉRMIC OS E BIOMECÂNICOS DO CAMPUS MONTE CASTELO/IFMA. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em ENGENHARIA MECÂNICA) - Instituto Federal do Maranhão - Campus São Luís MC. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

21.
NATHALIE SOARES. DESENVOLVIMENTO DE TRÊS PROTÓTIPOS ERGOMÉTRICOS DE BAIXO CUSTO COMO AUXÍLIO NAS ATIVIDADES FÍSICAS DOS CADEIRANTES RESIDENTES NOS BAIRROS DA CIDADE DE SÃO LUÍS. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em ENGENHARIA CIVIL) - Instituto Federal do Maranhão - Campus São Luís MC. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

22.
SAMUEL FRANCO DO NASCIMENTO. DESENVOVIMENTO DE UM CIRCUITO MICROCONTROLADO PARA MONITORAMENTO DOS PARÂMETROS DE OPERAÇÃO DE UMA CADEIRA DE RODAS MOTORIZADA. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em ENGEHARIA ELÉTRICA) - Instituto Federal do Maranhão - Campus São Luís MC. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

23.
Anthony Soares de Alencar. DESENVOLVIMENTO DOS SISTEMAS DE DINÂMICA VEICULAR E ELETROELETRÔNICO DE UM PROTÓTIPO TRICICLO ELÉTRICO PARA LOCOMOÇÃO DE CADEIRANTES EM VIAS PÚBLICAS. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em ENGEHARIA ELÉTRICA) - Instituto Federal do Maranhão - Campus São Luís MC. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

24.
GLEYDSON HIAGO SOUSA OLIVEIRA. DESENVOLVIMENTO E ANÁLISE EXPERIMENTAL DE UM SISTEMA DE INJEÇÃO ELETRÔNICA DE COMBUSTÍVEL EM MOTORES DE CICLO-OTTO DE PEQUENO PORTE. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em ENGENHARIA MECÂNICA) - Instituto Federal do Maranhão - Campus São Luís MC. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

25.
Kaio Lourenço Teixeira Barbosa. ANÁLISE EXPERIMENTAL E COMPUTACIONAL DO FLUXO SANGUÍNEO NA ARTÉRIA RENAL. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em ENGENHARIA MECÂNICA) - Instituto Federal do Maranhão - Campus São Luís MC. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

26.
Luiz Claudio Monteiro Farias Filho. ANÁLISE COMPARATIVA DA TRANSFERÊNCIA DE CALOR EM MOTORES A COMBUSTÃO INTERNA ARREFECIDOS A ÁGUA E A AR. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em ENGENHARIA MECÂNICA) - Instituto Federal do Maranhão - Campus São Luís MC. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

27.
IVERSON ABREU DA LUZ. DESENVOLVIMENTO DE TRÊS PROTÓTIPOS ERGOMÉTRICOS DE BAIXO CUSTO COMO AUXÍLIO NAS ATIVIDADES FÍSICAS DOS CADEIRANTES RESIDENTES NOS BAIRROS DA CIDADE DE SÃO LUÍS. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em TÉCNICO EM MECÂNICA) - Instituto Federal do Maranhão - Campus São Luís MC. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

28.
EVANDRO MARTINS ARAUJO FILHO. DESENVOLVIMENTO DO CIRCUITO MICROCONTROLADO PARA CONTROLE DAS VARIÁVEIS DE OPERAÇÃO DE UMA CADEIRA DE RODAS MOTORIZADA. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em ENGENHARIA MECÂNICA) - Instituto Federal do Maranhão - Campus São Luís MC. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

29.
Evandro Martins Araujo Filho. DESENVOLVIMENTO DO CIRCUITO MICROCONTROLADO PARA CONTROLE DAS VARIÁVEIS DE OPERAÇÃO DE UMA CADEIRA DE RODAS MOTORIZADA. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

30.
MANUELLE SERÊJO. DESENVOLVIMENTO DE UM PROTÓTIPO DE MOBILIDADE VERTICAL MECÂNICO DE BAIXO CUSTO ADAPTADO À CADEIRA DE RODAS PARA ATENDER AOS PARAPLÉGICOS E CONSTRUÇÃO DE UM SIMPLES MECANISMO ERGOMÉTRICO COMO AUXÍLIO NA REABILITAÇÃO DO CADEIRANTE. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

31.
Pablo Henrique Silva Santos. DESENVOLVIMENTO DE UM PROTÓTIPO VEICULAR ELÉTRICO DO TIPO TRICICLO DE BAIXO CUSTO PARA CADEIRANTES. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Elétrica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

32.
Alexandre do Nascimento Sousa. ANÁLISE DO FLUXO SANGUINEO NAS ARTÉRIAS CARÓTIDAS POR MEIO DO MÉTODO COMPUTACIONAL. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

33.
Carlos Machado Coelho Neto. DESENVOLVIMENTO DE UM PROTÓTIPO DE MOBILIDADE VERTICAL AUTOMÁTICA COM SISTEMA REGENERATIVO DA BATERIA ADAPTADO À CADEIRA DE RODAS PARA ATENDER AOS TETRAPLÉGICOS. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Elétrica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

34.
Gleydson Hiago Sousa Oliveira. ANÁLISE DO FUNCIONAMENTO DE UM MOTOR A COMBUSTÃO INTERNA ASSOCIADO A UM MOTOR ELÉTRICO. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

35.
Anthony Soares de Alencar. LÓGICA FUZZY APLICADA NA ESTRATÉGIA DE GERENCIAMENTO DE ENERGIA EM VEÍCULOS HÍBRIDOS SÉRIE-PARALELO. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Elétrica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

36.
Manuella de Oliveira Neves. DESENVOLVIMENTO DE UM CICLO ERGÔMETRO PARA O COMBATE À OBESIDADE EM DEFICIENTES FÍSICOS. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Curso Técnico em Eletromecânica) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

37.
Samuel Franco do Nascimento. OTIMIZAÇÃO DE UMA CADEIRA DE RODAS MOTORIZADA E DESENVOLVIMENTO DE UMA BANCADA EXPERIMENTAL PARA ANALISAR SEU DESEMPENHO FUNCIONAL. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

38.
Vitor Renato Pereira Santos. ANÁLISE DO COMPORTAMENTO DINÂMICO DE UM MOTOR DE COMBUSTÃO INTERNA CONTROLADO POR UM DINAMÔMETRO DE BANCADA. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

39.
Clediston Meneses Portela. MAPEAMENTO DO SISTEMA DE INJEÇÃO E IGNIÇÃO ELETRÔNICA PARA O CONTROLE DE EMISSÕES POLUENTES. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação Tecnológica do Maranhão, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

40.
HELLEN CRISTINA SILVA PIRES. ANÁLISE DOS PARÂMETROS DE FUNCIONAMENTO DE UM MOTOR DE COMBUSTÃO INTERNA INSTALADO EM UMA BANCADA DINAMÔMETRICA. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação Tecnológica do Maranhão, Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

41.
Julyene Cruz Melônio. ANÁLISE DAS ATIVIDADES DE MANUTENÇÃO, HIGIENE E SEGURANÇA DO TRABALHO DESENVOLVIDAS NA COLETA DE LIXO NOS BAIRROS DA CIDADE DE SÃO LUÍS. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em TÉCNICO EM MECÂNICA) - Instituto Federal de Educação Tecnológica do Maranhão, Instituto Federal de Educação Tecnológica do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

42.
Thiago Evangelista Ribeiro. ESTUDO DO CONTROLE DAS EMISSÕES POLUENTES COM APLICAÇÃO DO CONVERSOR CATALÍTICO INSTALADO NO SISTEMA DE EXAUSTÃO DO MOTOR A COMBUSTÃO INTERNA.. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em TÉCNICO EM MECÂNICA) - Instituto Federal de Educação Tecnológica do Maranhão, Instituto Federal de Educação Tecnológica do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

43.
WALBERTH BASTOS MORENO. OTIMIZAÇÃO DE UM MECANISMO DE PRENSAGEM CONTINUA DE SEMENTES OLEAGINOSAS. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em TÉCNICO EM MECÂNICA) - Instituto Federal de Educação Tecnológica do Maranhão, Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

44.
SAMUEL DIAS DE SÁ JÚNIOR. SELEÇÃO E PREPARO DAS SEMENTES OLEAGINOSAS. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em TÉCNICO EM ELETROMECÂNICA) - Instituto Federal de Educação Tecnológica do Maranhão, Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

45.
Vitor Renato Pereira Santos. DESENVOLVIMENTO DO PROTÓTIPO DE UMA BICICLETA ELÉTRICA DE BAIXO CUSTO. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão, Instituto Federal de Educação Tecnológica do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

46.
Samuel Franco do Nascimento. OTIMIZAÇÃO DA CADEIRA DE RODAS MOTORIZADA E ESTUDO DE UM SISTEMA COM CICLO ERGÔMETRO / BICICLETA ESTACIONÁRIA PARA MEMBROS INFERIORES. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Elétrica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão, Instituto Federal de Educação Tecnológica do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

47.
ELYÉVERTON JOSÉ DE MORAES ÁVILA. DESENVOLVIMENTO DE UM PROTÓTIPO ADAPTATIVO PARA MOTORES CONVENCIONAIS COM FORMA DE OPERAÇÃO HIBRIDA: COMBUSTÃO E AR COMPRIMIDO. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em TÉCNICO EM MECÂNICA) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

48.
Hellen Cristina Silva Pires. ANÁLISE DOS PARÂMETROS DE FUNCIONAMENTO DE UM MOTOR DE COMBUSTÃO INTERNA INSTALADO EM UMA BANCADA DINAMÔMETRICA. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

49.
Clediston Meneses Portela. MAPEAMENTO DO SISTEMA DE INJEÇÃO E IGNIÇÃO ELETRÔNICA PARA O CONTROLE DE EMISSÕES POLUENTES. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

50.
Erick da Silva Sousa. ANÁLISE DOS LUBRIFICANTES, ÓLEOS VEGETAIS E BIOLUBRIFICANTES EMPREGADOS NA MANUTENÇÃO DOS MOTORES E MECANISMOS. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal do Maranhão, Instituto Federal de Educação Tecnológica do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

51.
Adriano Aguiar da Silva. ESTUDO DOS SISTEMAS PROPULSIVOS AERONAÚTICOS RELACIONADOS COM O PRINCIPIO DE FUNCIONAMENTO DOS MOTORES A PISTÃO AUTOMOTIVO. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal do Maranhão, Instituto Federal de Educação Tecnológica do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

52.
Enéas Carlos de Oliveira Silva. ESTUDO DA EFICIÊNCIA ENERGÉTICA NO SISTEMA DE BOMBEAMENTO DE UMA MOTO-BOMBA ACIONADA POR MEIO DE ENERGIA SOLAR. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação Tecnológica do Maranhão, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

53.
Hellen Cristina Silva Pires. ANÁLISE ESTRUTURAL DA PRENSA CONTINUA E PREPARO DAS SEMENTES PARA EXTRAÇÃO VEGETAL. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação Tecnológica do Maranhão, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

54.
Vitor Renato Pereira Santos. ESTUDO DO DESENVOLVIMENTO DE UM PROTÓTIPO DE PROPULSÃO MARITIMA DIESEL-ELÉTRICA DO TIPO AZIPOD PARA ANÁLISE DA DIRIGIBILIDADE E CONTROLE DE EMISSÕES POLUENTES. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação Tecnológica do Maranhão, Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

55.
Samuel Franco do Nascimento. ESTUDO DA MOTORIZAÇÃO ELÉTRICA ADAPTATIVA EM UMA CADEIRA DE RODAS. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Elétrica Industrial) - Instituto Federal de Educação Tecnológica do Maranhão, Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

56.
Arleu Jorge Melo. Análise da Eficiência Energética de um Grupo Gerador a Diesel Alimentado com Misturas de Óleo Diesel e Percentuais de Óleos Vegetais. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação Tecnológica do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

57.
Ana Patrícia da Silva Mafra (CO-ORIENTAÇÃO). Caracterização de Sementes Utilizadas na Produção de Biodiesel via DSC Calorimetria Exploratória Diferencial. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação Tecnológica do Maranhão, Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

58.
Assendino Pereira de Queiroga Neto. Análise do Controle de Emissões Poluentes de um Grupo Gerador a Diesel alimentado com Óleo Diesel e Álcool Hidratado. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

59.
Thalyta Caroline Almeida Silva. Análises dos Sistemas Operacionais de Injeção e Ignição Eletrônica do Motor. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Técnico em Mecânica) - Instituto Federal do Maranhão, Instituto Federal do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

60.
Rodrigo Andre Oliveira Corzo. Análise das estratégias de Controle da Injeção Eletrônica no Ciclo Otto. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal do Maranhão, Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

61.
Lorenni Evren Matias da Silva. Análise dos Parâmetros Termofluidodinâmicos para Dimensionamento de Tubulações Industriais. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

62.
Ana Patrícia da Silva Mafra. Análise de Mecanismos de Descascamento, Filtragem e Acionamento Mecânico/Hidraulico Adaptados a um Protótipo de Prensa de Pistão-Cilindor para Extração de Óleos Vegetais. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

63.
Hellen Cristina Silva Pires. APRIMORAMENTO DE UM PROJETO MECÂNICO DE DESENVOLVIMENTO DE PRENSA EXTRUSORA PARA EXTRAÇÃO DE ÓLEO VEGETAL. 2009. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Mecânica Industrial) - Instituto Federal do Maranhão, Instituto Federal de Educação Tecnológica do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

64.
Michael Aiala da Silva Conceição. Análise do Comportamento Dinâmico de um Grupo Gerador com uso de Óleo Diesel, Biodiesel e Misturas na Geração de Enérgia. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Técnico em Mecânica) - Centro Federal de Educação Tecnológica do Maranhão, Centro Federal de Educação Tecnológica do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

65.
Paulo Pacheco Pinto. Análise da Dinâmica de Escoamento dos Gases de Exaustão e Admissão do Motor Diesel por meio de uma Bancada de Fluxo. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Técnico em Mecânica) - Centro Federal de Educação Tecnológica do Maranhão, Centro Federal de Educação Tecnológica do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

66.
Filipe Fialho Ribeiro. Estudo Experimental do Controle de Emissões Gasosas Automotivas por meio de um Conversor Catalítico Instalado em Motor a Gasolina. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Técnico em Eletromecânica) - Centro Federal de Educação Tecnológica do Maranhão, Centro Federal de Educação Tecnológica do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

67.
Elainy Regina de Pinho Teixeira. Estudo Experimental do Controle de Emissões Gasosas Automotivas por meio de um Conversor Catalítico Instalado em Motor a Gasolina. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Técnico em Mecânica) - Centro Federal de Educação Tecnológica do Maranhão, Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

68.
Ana Patricia da Silva Mafra. Melhoramento de uma Prensa Mecânica para Extração de Óleo Vegetal das Sementes de Mamona. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Técnico em Eletromecânica) - Centro Federal de Educação Tecnológica do Maranhão, Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

69.
Laerte Bessa Matias. Análise da Dinâmica de Escoamento dos Gases de Exaustão e Admissão do Motor Diesel por meio de uma Bancada de Fluxo. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Mecânica) - Centro Federal de Educação Tecnológica do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

70.
Lorenni Evren Matias da Silva. ANÁLISE TÉRMICA DO SISTEMA DE AR CONDICIONADO VEICULAR. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Mecânica) - Centro Federal de Educação Tecnológica do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

71.
Newton Mesquita de Jesus. DESENVOLVIMENTO DE UMA PRENSA EXTRUSORA DE SISTEMA MECÂNICO PARA EXTRAÇÃO DE ÓLEO VEGETAL. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Mecânica) - Centro Federal de Educação Tecnológica do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

72.
Elio Walbert Furtado Ferreira. ESTUDO DO PROCESSO DE COMBUSTÃO DOS COMBUSTÍVEIS ÓLEO DIESEL, BIODIESEL E ETANOL EM UM GRUPO GERADOR A DIESEL. 2008. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Mecânica) - Centro Federal de Educação Tecnológica do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

73.
Rita de Cássia Reis Fernandes. Análise do comportamento dinâmico de um grupo gerador com uso de óleo diesel, biodiesel e misturas para geração de bioeletricidade. 2007. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Industrial Mecânica) - Instituto Federal do Maranhão, Centro Federal de Educação Tecnológica do Maranhão. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

74.
Fabio Lima Everton Cutrim. Melhoramento de uma prensa hidráulica para extração de óleo vegetal das sementes de mamona e pinhão manso. 2007. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Industrial Mecânica) - Instituto Federal do Maranhão, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

75.
Vitor Gonçalves Ciapina. Simulação computacional dos efeitos hidrodinâmicos dos gases de exaustão de um motor de combustão interna ao longo do sistema de escape.. 2006. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Mecânica) - Escola de Engenharia de São Carlos / Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

76.
Vitor Gonçalves Ciapina. Análise das características operacionais de um motor de combustão interna movido a etanol equipado com conversor catalítico platina/paládio.. 2004. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Mecânica) - Escola de Engenharia de São Carlos / Universidade de São Paulo, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.

77.
Marcus Vinicius Favi Baptistella. Análise do fenômeno de detonação em um motor de ignição por compressão turboalimentado com éster etílico de soja.. 2004. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Mecânica) - Escola de Engenharia de São Carlos / Universidade de São Paulo. Orientador: Keyll Carlos Ribeiro Martins.



Inovação



Patente
1.
 MARTINS, K. C. R.; NASCIMENTO, S. F. ; FILHO, E. M. A. ; OLIVEIRA, G. H. S. ; ALENCAR, A. S. . KIT DE CONVERSÃO PARA MOTORIZAÇÃO EM CADEIRAS DE RODAS MECANOMANUAL. 2015, Brasil.
Patente: Modelo de Utilidade. Número do registro: BR1020150315732, título: "KIT DE CONVERSÃO PARA MOTORIZAÇÃO EM CADEIRAS DE RODAS MECANOMANUAL" , Instituição de registro: INPI - Instituto Nacional da Propriedade Industrial. Depósito: 15/12/2015Instituição(ões) financiadora(s): INSTITUTO FEDERAL DO MARANHÃO.


Produto tecnológico
1.
NASCIMENTO, S. F. ; MARTINS, K. C. R. ; MARTINS, L. S. P. ; ABREU, N. M. . DESENVOLVIMENTO DE UMA CADEIRA DE RODAS MOTORIZADA DE BAIXO CUSTO. 2011.

2.
VIANA, L. G. ; MARTINS, K. C. R. ; MARTINS, L. S. P. ; PIRES, H. C. S. ; ABREU, N. M. ; COSTA, D. G. C. . DESENVOLVIMENTO DE UM MECANISMO DE PRENSAGEM CONTÍNUA PARA A OBTENÇÃO DE ÓLEO VEGETAL A PARTIR DE SEMENTES OLEAGINOSAS. 2011.

3.
MAFRA,A.P.S. ; MARTINS, K. C. R. ; MARTINS, L. S. P. ; COSTA, D. G. C. ; ABREU, N. M. . PROTÓTIPO DE PRENSA PISTÃO-CILINDRO PARA A EXTRAÇÃO DE ÓLEOS VEGETAIS. 2010.


Projetos de pesquisa

Projeto de desenvolvimento tecnológico

Projeto de extensão


Educação e Popularização de C & T



Apresentações de Trabalho
1.
MARTINS, K. C. R.; ALENCAR, A. S. ; FILHO, E. M. A. . ESTUDO DA MOTORIZAÇAO ELÉTRICA ADAPTATIVA EM CADEIRA DE RODAS. 2013. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

2.
MARTINS, K. C. R.. DESENVOLVIMENTO DE UMA PRENSA AXIAL PARA EXTRAÇÃO DE ÓLEOS VEGETAIS. 2013. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

3.
MARTINS, K. C. R.. ANÁLISE OPERACIONAL DO MOTOR A COMBUSTÃO INTERNA. 2013. (Apresentação de Trabalho/Seminário).


Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
MARTINS, K. C. R.; NASCIMENTO, S. F. . DESENVOLVIMENTO DE UMA CADEIRA DE RODAS MOTORIZADA DE BAIXO CUSTO. 2012. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

2.
ALENCAR, A. S. ; MARTINS, K. C. R. ; OLIVEIRA, G. H. S. ; BARBOSA, K.L.T. . Como se tornar um Inventor:Triciclo Elétrico para Cadeirantes. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

3.
ALENCAR, A. S. ; MARTINS, K. C. R. ; NASCIMENTO, S. F. . DESENVOLVIMENTO DE UM TRICICLO ELÉTRICO PARA CADEIRANTES. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).



Outras informações relevantes


a) REVISOR TÉCNICO DO CONEM_2010 / VI CONGRESSO NACIONAL DE ENGENHARIA MECÂNICA - VI NATIONAL CONGRESS OF MECHANICAL ENGINEERING 18 a 21 de agosto de 2010  Campina Grande  Paraíba - Brasil.
b) REVISOR TÉCNICO DO ENCIT 2010 - ÁREA TEMÁTICA: REFRIGERATION, VENTILATION AND BUILDING SIMULATIONS. 5 a 10 de dezembro de 2010 - Uberlândia/MG - Brasil.
c) REVISOR TÉCNICO DO COBEM 2011 - ÁREA TEMÁTICA: Combustão e Engenharia Ambiental. 24 a 28 de outubro de 2011 - Natal/RN - Brasil.
d) PRESIDENTE DO VII CONEM 2012 / VII CONGRESSO NACIONAL DE ENGENHARIA MECÂNICA 2012 - VII VI NATIONAL CONGRESS OF MECHANICAL ENGINEERING, 31 DE JULHO A 03 DE AGOSTO DE 2012 EM SÃO LUIS - MARANHÃO - BRASIL.
e) COORDENADOR DO DOUTORADO INTERINSTITUCIONAL EM ENGENHARIA MECÂNICA, CONVÊNIO ENTRE O INSTITUTO FEDERAL DO MARANHÃO E A UNIVERSIDADE FEDERAL DE UBERLÂNDIA.
e) REVISOR TÉCNICO DO CONEM_2014 / VIII CONGRESSO NACIONAL DE ENGENHARIA MECÂNICA - VI NATIONAL CONGRESS OF MECHANICAL ENGINEERING 10 a 15 de agosto de 2010  Uberlândia - Minas Gerais - Brasil.



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 19/02/2019 às 2:45:01