Clênia Rodrigues Alcântara

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/5915864826877257
  • Última atualização do currículo em 03/12/2018


Possui graduação em Bacharelado em Meteorologia pela Universidade Federal de Campina Grande - UFCG (2000-2004) e participou do Programa de Pós-Graduação em Meteorologia (Bolsista CNPq) dessa mesma instituição (2005-2007), obtendo o grau de mestre em fevereiro de 2007. Participou do Programa de Pós-Graduação em Meteorologia da Universidade de São Paulo (IAG/USP) como bolsista da Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado de São Paulo - FAPESP. Obteve o título de Doutora em Meteorologia em dezembro de 2010. Participou do Programa Nacional de Pós-Doutorado (PNPD - CAPES) junto a Universidade Federal de Campina Grande - UFCG. Atualmente é Professora Adjunto da Unidade Acadêmica de Ciências Atmosféricas da Universidade Federal de Campina Grande. Atua principalmente nos seguintes temas: BRAMS, Brisas, Linhas de Instabilidade da Amazônia, Teorias da Máquina Térmica e Jatos de Baixos Níveis. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Clênia Rodrigues Alcântara
Nome em citações bibliográficas
ALCÂNTARA, C. R.;Alcântara, Clênia Rodrigues;Alcântara, Clênia R.

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal de Campina Grande, Centro de Tecnologia e Recursos Naturais, Unidade Acadêmica de Ciências Atmosféricas.
Rua Aprigio Veloso
Cidade Universitária
58100000 - Campina Grande, PB - Brasil
Telefone: (83) 21011202


Formação acadêmica/titulação


2007 - 2010
Doutorado em Meteorologia.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: Um estudo da relação entre jato de baixos níveis e linhas de instabilidade da Amazônia, Ano de obtenção: 2010.
Orientador: Maria Assunção Faus da Silva Dias.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.
Palavras-chave: Linhas de intabilidade; Jatos de Baixos Níveis; Amazônia; BRAMS.
2005 - 2007
Mestrado em Meteorologia.
Universidade Federal de Campina Grande, UFCG, Brasil.
Título: Aplicação de Teorias Termodinâmicas às Circulações de Brisa Utilizando Simulações Numéricas,Ano de Obtenção: 2007.
Orientador: Enio Pereira de Souza.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: Brisas; BRAMS; Máquina Térmica.
2000 - 2004
Graduação em Bacharelado em Meteorologia.
Universidade Federal de Campina Grande, UFCG, Brasil.
Título: Estudo da Circulação de Brisa na Costa do Nordeste através de Modelagem Numérica.
Orientador: Enio Pereira de Souza.


Pós-doutorado


2011 - 2012
Pós-Doutorado.
Universidade Federal de Campina Grande, UFCG, Brasil.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.


Formação Complementar


2017 - 2017
Palm seminar on Large Eddy Simulation (LES). (Carga horária: 40h).
Leinniz Universitaet Hannover, Univ. Hannover, Alemanha.
2016 - 2016
Advanced School on Regional Climate Modeling over South America. (Carga horária: 40h).
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
2016 - 2016
PALM Seminar on Large Eddy Simulation (LES). (Carga horária: 55h).
Leinniz Universitaet Hannover, Univ. Hannover, Alemanha.
2015 - 2015
PALM Seminar on Large Eddy Simulation (LES). (Carga horária: 40h).
Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, INPE, Brasil.
2011 - 2011
Modelagem atmosférica com o BRAMS: Descrição, uso. (Carga horária: 64h).
Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, INPE, Brasil.
2008 - 2008
Modelagem atmosférica com o BRAMS: Descrição, uso. (Carga horária: 40h).
Instituto Nacional de Pesquisas Espaciais, INPE, Brasil.
2005 - 2006
Língua Estrangeira (Espanhol). (Carga horária: 150h).
Anglo Brazilian Institute, ANGLO, Brasil.
2005 - 2005
Aplicação da transformada de ondeletas. (Carga horária: 30h).
Universidade Federal de Campina Grande, UFCG, Brasil.
2004 - 2004
Diagnóstico de Anomalias de Tempo e Clima Com Mode. (Carga horária: 6h).
Sociedade Brasileira de Meteorologia, SBMET, Brasil.
2004 - 2004
Serviço à Justiça Eleitoral Mesário. (Carga horária: 12h).
Tribunal Regional Eleitoral da Paraíba, TRE/PB, Brasil.
2001 - 2004
Língua Estrangeira (Inglês). (Carga horária: 308h).
Anglo Brazilian Institute, ANGLO, Brasil.
2003 - 2003
Gestão da Qualidade do Ar Em Centros Urbanos. (Carga horária: 10h).
Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
2001 - 2001
Introdução ao GRADS. (Carga horária: 10h).
Universidade Federal da Paraíba, UFPB, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal de Campina Grande, UFCG, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professora Adjunto, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

2011 - 2012
Vínculo: Bolsista recém-doutor, Enquadramento Funcional: Pesquisadora, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

10/2013 - Atual
Ensino, Meteorologia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
|Micrometeorologia
Dinâmica da Camada Limite Planetária
11/2012 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Unidade Acadêmica de Ciências Atmosféricas, .

11/2012 - Atual
Ensino, Meteorologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Mecânica dos Fluídos
Meteorologia Agrícola
Micrometeorologia
Processos de transferência na atmosfera
07/2014 - 07/2018
Direção e administração, Unidade Acadêmica de Ciências Atmosféricas, .

Cargo ou função
Coordenadora da Graduação.
03/2011 - 11/2012
Pesquisa e desenvolvimento , Unidade Acadêmica de Ciências Atmosféricas, .

Linhas de pesquisa
Pós Doutorado (PNPD/ CAPES)

Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Vínculo institucional

2007 - 2010
Vínculo: Estudante, Enquadramento Funcional: Bolsista, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

02/2007 - 12/2010
Pesquisa e desenvolvimento , Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas, Departamento de Ciências Atmosféricas.

07/2008 - 11/2008
Estágios , Instituto de Astronomia, Geofísica e Ciências Atmosféricas, Departamento de Ciências Atmosféricas.

Estágio realizado
Estágio Docência: Modelagem Numérica da Atmosfera (Programa de Aperfeiçoamento de Ensino).

Universidade Federal de Campina Grande, UFCG, Brasil.
Vínculo institucional

2000 - 2007
Vínculo: Estudante, Enquadramento Funcional: Bolsista, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

3/2004 - 02/2007
Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Tecnologia e Recursos Naturais, Unidade Acadêmica de Ciências Atmosféricas.

7/2006 - 11/2006
Estágios , Centro de Tecnologia e Recursos Naturais, Unidade Acadêmica de Ciências Atmosféricas.

Estágio realizado
Estágio Docência: Meteorologia Física.
03/2004 - 12/2005
Ensino,

Disciplinas ministradas
Física no Pré-vestibular Solidário


Linhas de pesquisa


1.
Bolsista PIBIC (08/2001 a 07/2004)

Objetivo: A região nordeste do brasil apresenta grande variabilidade climática. Estudos comprovam que a precipitação que ocorre durante a principal estação chuvosa do anoestá relacionada com a precipitação da pré-estação, e esta, com a distribuição da temperatura da superfície do Oceano atlântico. O objetivo deste projeto foi entender como a cobertura e as carcterísticas da nebulosidade sobre Campina Grande podem servir como elemento preditivo para a estação chuvosa do Semi-árido do Nordeste Brasileiro..
Palavras-chave: Brisas; Cobertura de nuvem; Modelagem; Nebulosidade; Nordeste do Brasil; Precipitação.
2.
Mestrado - Bolsista CNPq (03/2005 a 02/2007)

Objetivo: Testar teorias termodinâmicas em brisas marítimas-terrestres acopladas com brisas de vale-montanha através de simulações numéricas tridimensionais em uma região da costa leste do Nordeste Brasileiro considerando a presença e a ausência da topografia. Destaca-se a aplicação da teoria que estuda o trabalho de expansão associado ao ramo inferior dessas circulações..
Palavras-chave: BRAMS; Brisas; Máquina Térmica.
3.
Doutorado - Bolsista FAPESP (03/2007 - 12/2010)

Objetivo: Compreender os processos dinâmicos e termodinâmicos relacionados às linhas de instabilidade tropicais na Amazônia, principalmente no que diz respeito à energética desses sistemas de meso escala e as interações entre as várias escalas de movimento às quais estão associadas..
Palavras-chave: Linhas de intabilidade; Amazônia; BRAMS.
4.
METEOROLOGIA DE MESO E GRANDE ESCALAS
5.
Pós Doutorado (PNPD/ CAPES)

Objetivo: Estudar as circulações de brisa marítima/terrestre e de vale/montanha e as linhas de instabilidade que têm as brisas marítimas como precurssoras e que ocorrem na região Nordeste do Brasil, quanto a sua dinâmica, termodinâmica e interações com diversos fatores, como a topografia entre outros. Pretende-se aprimorar a teoria da máquina térmica aplicada às circulações locais e, com isso, entender um pouco mais destes sistemas e sua contribuição para a precipitação da região. Além disto, a interação da frente de brisa com outros fatores contribuem para sua intensificação e parece ser a precurssora das LI. Nesse sentido, pretende-se também aplicar e desenvolver a teoria da máquina térmica às linhas de instabilidade e utilizar a teoria de instabilidade trapezoidal para entender como funciona o mecanismo de geração dessas LI..
Palavras-chave: BRAMS; Brisas; Linhas de intabilidade; Máquina Térmica; Modelagem; Nordeste do Brasil.


Projetos de pesquisa


2015 - 2018
Rede de Pesquisa dos Eventos HidrometeorológiCOs ExtRemos do Leste do NorDestE BrasiLeiro - CORDEL
Descrição: Busca-se, nesta proposta, fortalecer os Centros Operacionais de Meteorologia e Recursos Hídricos da porção Leste do Nordeste brasileiro (NEB) para que passem a contar com um sistema estado-da-arte para a previsão dos fenômenos hidrometeorológicos extremos. A previsão de fenômenos extremos é um problema de localização, tempo e intensidade. Isso demanda um sistema de previsão numérica em alta resolução espacial, associado ao monitoramento com uso de satélites e radar meteorológico. A rede proposta envolve, em sua maioria, pesquisadores das universidades da região, em associação com o pessoal dos centros operacionais mas também conta com a colaboração de pesquisadores de outras partes do Brasil e do exterior. A ideia é promover a sinergia entre as partes de modo que o sistema seja rapidamente alimentado com o que é fronteira no monitoramento de fenômenos extremos. Além do desenvolvimento das ferramentas utilizadas, um resultado desejável é a capacitação do pessoal dos centros operacionais. A pesquisa deve trazer novas informações sobre a dinâmica e a climatologia dos sistemas que causam eventos extremos na região. São Co-Responsáveis pela condução desta pesquisa: Carlos Antônio Costa dos Santos (UFCG), Clênia Rodrigues Alcântara (UFCG), Humberto Alves Barbosa (UFAL) e Ricardo Sarmento Tenório (UFAL)..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2015 - Atual
Análise Diagnóstica dos climas atual e futuro sobre o Leste do Nordeste Brasileiro
Descrição: A proposta tem como foco principal trazer conhecimentos mais aprofundados sobre os efeitos das mudanças climáticas nos climas regionais, fazendo uma análise criteriosa destas características atmosféricas desde o passado recente, até o futuro. A área de estudo é o Leste do Nordeste Brasileiro que possui um período chuvoso característico, assim como seus sistemas meteorológicos atuantes, e sofre com secas prolongadas. Os dados a serem utilizados vão desde dados de estações convencionais até simulações numéricas, climáticas e de tempo, passando por imagens de satélite, para verificar nas várias escalas de espaço e de tempo as mudanças que já são perceptíveis, suas consequências e suas projeções. A equipe é composta por pesquisadores altamente qualificados que desenvolvem atividades de pesquisa em suas universidades. Todos estes pesquisadores já estão familiarizados entre si e já desenvolveram atividades profissionais, o que facilita a execução e desenvolvimento do projeto. A ideia é que cada um execute uma parte das atividades e, com o desenvolvimento da pesquisa, estas partes vão se integrando. No final do projeto, espera-se obter indicadores regionais que nos levem a entender os impactos das mudanças climáticas na quantidade e ocorrência de eventos extremos e nas possibilidades de prospecção das energias renováveis..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Clênia Rodrigues Alcântara - Coordenador / Ronildo Alcântara Pereira - Integrante / Célia Campos Braga - Integrante / Enio Pereira de Souza - Integrante / Augusto César Barros Barbosa - Integrante / Wendell Rondinelli Gomes Farias - Integrante / Weber Gonçalves Andrade - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Outra.
2014 - Atual
Análise e Previsão dos Fenômenos Hidrometeorológicos Intensos do Leste do Nordeste Brasileiro

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Carlos Antonio Costa dos Santos em 19/11/2015.
Descrição: Busca-se, nesta proposta, proporcionar uma maior integração entre os programas de pós-graduação da Universidade Federal de Campina Grande (UFCG), Universidade Federal de Alagoas (UFAL) e da Universidade Federal da Paraíba (UFPB) além de oferecer mais oportunidades para os estudantes de pós-graduação, permitindo-lhes também ter uma visão holística dos conhecimentos produzidos pelas universidades. A isto podemos somar a maior oferta de oportunidades para os jovens estudantes de graduação, na medida em que poderão ter mais acesso a uma iniciação científica bastante estimulante desde os primeiros momentos da graduação, melhorando o desempenho acadêmico e diminuindo a evasão dos cursos oferecidos pelos departamentos de Meteorologia que compõe a Unidade Acadêmica de Ciências Atmosféricas (UACA) e o Instituto de Ciências Atmosféricas (ICA), assim como, com o Departamento de Informática (DI) da Universidade Federal da Paraíba (UFPB). Estreitar a cooperação interinstitucional para a análise e previsão dos fenômenos hidrometeorológicos intensos para a costa leste do Nordeste Brasileiro. A previsão de fenômenos intensos é um problema de localização, tempo e intensidade. Isso demanda um sistema de previsão numérica em alta resolução espacial, associado ao monitoramento com uso de satélites e radar meteorológico. Este projeto de ensino e pesquisa é organizado em conjunto e as linhas específicas que o projeto aborda são: Desenvolvimento de produtos derivados de informações de satélites ambientais, radares meteorológicos ou outros sistemas de monitoramento indireto da atmosfera...
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2012 - 2015
Estudo observacional e numérico das circulações do tipo brisa e linhas de instabilidade na costa norte e nordeste do Brasil
Descrição: As circulações de brisa surgem como uma resposta da atmosfera ao contraste de temperatura que se estabelece entre duas superfícies. Já as Linhas de instabilidade (LI) tropicais são bandas estreitas de nuvens convectivas, facilmente identificadas por imagens de satélite devido a sua nebulosidade característica. Se formam na costa Norte e Norte-Nordeste do Brasil e o período do dia preferencial para sua formação é durante a tarde, como um resultado da intensificação da frente de brisa. Este projeto de pesquisa tem por objetivo estudar as circulações de brisa marítima/terrestre e de vale/montanha e as linhas de instabilidade que têm as brisas marítimias como precursoras e que ocorrem nas regiões Norte e Nordeste do Brasil, quanto a sua dinâmica, termodinâmica e interações com diversos fatores, como a topografia, entre outros. Pretende-se aprimorar a teoria da máquina térmica aplicada às circulações locais e, com isso, entender um pouco mais destes sistemas e sua contribuição para a precipitação da região. Além disto, a interação da frente de brisa com outros fatores contribuem para sua intensificação e parece ser a precursora das LI. Nesse sentido, pretende-se também aplicar e desenvolver a teoria da máquina térmica às linhas de instabilidade e utilizar a teoria de instabilidade trapezoidal para entender como funciona o mecanismo de geração dessas LI. A importância desse projeto está baseada na necessidade de se entender os processos atmosféricos produtores de chuva nestas regiões e suas interações com fatores antrópicos. Tudo isto, utilizando os dados obtidos através das campanhas realizadas pelo Projeto CHUVA em Fortaleza ? CE, Alcântara ? MA e Belém ? PA, além de simulações em alta resolução realizadas no modelo atmosférico BRAMS. Desenvolver estas áreas trará a sociedade um maior conhecimento do ambiente onde vivem e melhoria na capacidade de lidar com eventos que podem ser catastróficos, conforme as LI e brisas se combinem com outros fatores, por exemplo. Note-s.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Clênia Rodrigues Alcântara - Coordenador / Wendell Rondinelli Farias Gomes - Integrante / Maria Assunção Faus da Silva Dias - Integrante / Souza, Enio Pereira de - Integrante / Izabelly Carvalho da Costa - Integrante / Luiz Eduardo Medeiros - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2011 - 2012
Estudo e Caracterização das Circulações do Tipo Brisa e Linhas de Instabilidade no Nordeste Brasileiro através de Simulações Numéricas de Alta Resolução
Descrição: As circulações de brisa surgem como uma resposta da atmosfera ao contraste de temperatura que se estabelece entre duas superfícies. Linhas de instabilidade (LI) tropicais são bandas estreitas de nuvens convectivas, facilmente identificadas por imagens de satélite devido a sua nebulosidade característica. Se formam na costa Norte e Norte-Nordeste do Brasil e o período do dia preferencial para sua formação é durante a tarde, como um resultado da intensificação da frente de brisa. Este projeto de pesquisa tem por objetivo estudar as circulações de brisa marítima/terrestre e de vale/montanha e as linhas de instabilidade que têm as brisas marítimias como precurssoras e que ocorrem na região Nordeste do Brasil, quanto a sua dinâmica, termodinâmica e interações com diversos fatores, como a topografia entre outros. Pretende-se aprimorar a teoria da máquina térmica aplicada às circulações locais e, com isso, entender uma pouco mais destes sistemas e sua contribuição para a precipitação da região. Além disto, a interação da frente de brisa com outros fatores contribuem para sua intensificação e parece ser a precurssora das LI. Nesse sentido, pretende-se também aplicar e desenvolver a teoria da máquina térmica às linhas de instabilidade e utilizar a teoria de instabilidade trapezoidal para entender como funciona o mecanismo de geração dessas LI. A importância desse projeto está baseada na necessidade de se entender os processos atmosféricos produtores de chuva na Região Nordeste e suas interações com fatores antrópicos, por exemplo, e no desenvolvimento das áreas de modelagem numérica da atmosfera, dinâmica e termodinâmica da atmosfera tropical já existentes. Desenvolver estas áreas trará a sociedade um maior conhecimento do ambiente onde vivem e melhoria na capacidade de lidar com eventos que podem ser catastróficos, conforme as LI se combinem com outros fatores. Assim, a formação e o aprimoramento de pessoal especializado, capaz de dar continuidade a esses projetos, desenvo.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) Doutorado: (1) .
Integrantes: Clênia Rodrigues Alcântara - Integrante / Enio Pereira de Souza - Coordenador / Julia Clarinda Paiva Cohen - Integrante / Enilson Palmeira Cavalcanti - Integrante / Maria Regina da Silva Aragão - Integrante / José Ivaldo Barbosa de Brito - Integrante / Alexandre Araújo Costa - Integrante.Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 5
2010 - 2014
Processos de Nuvens Associados aos principais Sistemas Precipitantes no Brasil: Uma contribuição a Modelagem da Escala de Nuvens e ao GPM (Medida Global de Precipitação)
Descrição: O processo físico no interior das nuvens é um dos componentes mais desconhecidos do sistema climático. A descrição desses processos através de parâmetros meteorológica convencionais ainda precisa ser bastante aprofundada de forma que modelos de previsão de tempo e clima consigam descrever, com precisão, o tipo e as características dos hidrometeoros, os perfis de liberação de calor latente, o balanço radiativo, o entranhamento de ar na nuvem e as correntes ascendentes e descentes. Os modelos numéricos estão se aprimorando e rodando em resoluções espaciais na qual esses processos precisam ser explicitamente descritos. Por exemplo, a análise dos efeitos do aquecimento global em uma dada região necessita de simulações descrevendo todos esses processos. Outra aplicação importante que necessita conhecer os processos das nuvens é a estimativa de precipitação por satélite. O programa espacial brasileiro tem planejado o lançamento em 2014 de um satélite para medida da precipitação, esse satélite fará parte da constelação do GPM (Global precipitation Measurement). Nuvens quentes, responsáveis por grande parte da precipitação nos trópicos, principalmente nas regiões costeiras, são pouco estudadas e não são consideradas nas estimativas de precipitação por satélite. Esse Projeto realizará experimentos de campo em sete sítios com diferentes padrões climáticos, para estudar os regimes de precipitação no Brasil. Esses experimentos utilizarão radares polarimétricos, lidar polarizados, radiômetros de microondas, disdrômetros, radiosondas e vários outros instrumentos. As análises serão realizadas considerando as características microfísicas e a evolução com o ciclo de vida, os modelos de estimativa de precipitação, a formação de descargas elétricas, os processos na camada limite e a modelagem da microfísica. Este projeto tem o objetivo de reduzir as incertezas na estimativa da precipitação e progredir no conhecimento dos processos das nuvens, principalmente das nuvens quentes. A pesqu.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .
Integrantes: Clênia Rodrigues Alcântara - Integrante / Maria Assunção Faus da Silva Dias - Coordenador.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Auxílio financeiro.
2007 - 2010
Dinâmica e Termodinâmica das Linhas de Instabilidade na Amazônia
Descrição: As linhas de instabilidade são fenômenos de meso escala observadas em várias regiões do globo. São compostas por uma linha de novos elementos convectivos que está localizada a frente do sistema e uma região de bigorna. Devido a essa configuração, são sistemas de fácil identificação por imagem de satélite. Elas são de grande importância para a região amazônica, tanto pela contribuição em seus totais de precipitação, quando para a dinâmica e termodinâmica dessa região. Também exercem um papel significativo na dinâmica da circulação geral e energética da atmosfera tropical. Seu mecanismo gerador ainda não é bem conhecido. Porém, estudos mostram que a presença de um jato em baixos níveis é de fundamental importância pra sua geração e manutenção. Além disso, teorias mostram que elas podem ter sua origem ligada às circulações de brisa, ou a padrões de ondas que se propagam na região tropical. Assim, o objetivo deste trabalho é compreender os processos dinâmicos e termodinâmicos relacionados às linhas de instabilidade tropicais na Amazônia, principalmente no que diz respeito à energética desses sistemas de meso escala e as interações entre as várias escalas de movimento às quais estão associadas, utilizando ferramentas como o OLAM e aplicando teorias como as da instabilidade trapezoidal, dos dutos atmosféricos e da máquina térmica..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .
Integrantes: Clênia Rodrigues Alcântara - Coordenador / Enio Pereira de Souza - Integrante / Maria Assunção Faus da Silva Dias - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 12
2005 - 2007
Aplicação de Teorias Termodinâmicas às Circulações de Brisa Utilizando Simulações Numéricas
Descrição: Testar teorias termodinâmicas em brisas marítimas-terrestres acopladas com brisas de vale-montanha através de simulações numéricas tridimensionais em uma região da costa leste do Nordeste Brasileiro considerando a presença e a ausência da topografia. Destaca-se a aplicação da teoria que estuda o trabalho de expansão associado ao ramo inferior dessas circulações..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Clênia Rodrigues Alcântara - Coordenador / Souza, Enio Pereira de - Integrante.
Número de produções C, T & A: 4
2003 - 2004
Efeito da Cobertura de Cúmulos Rasos na Qualidade de Simulações Numéricas com o RAMS
Descrição: O objetivo é estimar, através de modelagem o efeito que os cúmulos rasos exercem no balanço de energia à superfície e seu efeito sobre as circulações convectivas locais..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Clênia Rodrigues Alcântara - Integrante / Enio Pereira de Souza - Coordenador.
Número de produções C, T & A: 3
2001 - 2003
Uma Climatalogia da Cobertura de Nuvens sobre Campina Grande e sua Relação com a Qualidade da Estação Chuvosa
Descrição: A região nordeste do brasil apresenta grande variabilidade climática. Estudos comprovam que a precipitação que ocorre durante a principal estação chuvosa do anoestá relacionada com a precipitação da pré-estação, e esta, com a distribuição da temperatura da superfície do Oceano atlântico. O objetivo deste projeto foi entender como a cobertura e as carcterísticas da nebulosidade sobre Campina Grande podem servir como elemento preditivo para a estação chuvosa do Semi-árido do Nordeste Brasileiro..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Clênia Rodrigues Alcântara - Integrante / Tantravahi Venkata Ramana Rao - Coordenador / Enio Pereira de Souza - Integrante.
Número de produções C, T & A: 7


Projetos de desenvolvimento


2015 - Atual
Análise Diagnóstica dos climas atual e futuro sobre o Leste do Nordeste Brasileiro
Descrição: A proposta tem como foco principal trazer conhecimentos mais aprofundados sobre os efeitos das mudanças climáticas nos climas regionais, fazendo uma análise criteriosa destas características atmosféricas desde o passado recente, até o futuro. A área de estudo é o Leste do Nordeste Brasileiro que possui um período chuvoso característico, assim como seus sistemas meteorológicos atuantes, e sofre com secas prolongadas. Os dados a serem utilizados vão desde dados de estações convencionais até simulações numéricas, climáticas e de tempo, passando por imagens de satélite, para verificar nas várias escalas de espaço e de tempo as mudanças que já são perceptíveis, suas consequências e suas projeções. A equipe é composta por pesquisadores altamente qualificados que desenvolvem atividades de pesquisa em suas universidades. Todos estes pesquisadores já estão familiarizados entre si e já desenvolveram atividades profissionais, o que facilita a execução e desenvolvimento do projeto. A ideia é que cada um execute uma parte das atividades e, com o desenvolvimento da pesquisa, estas partes vão se integrando. No final do projeto, espera-se obter indicadores regionais que nos levem a entender os impactos das mudanças climáticas na quantidade e ocorrência de eventos extremos e nas possibilidades de prospecção das energias renováveis..
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .
Integrantes: Clênia Rodrigues Alcântara - Coordenador / Wendell Rondinelli Farias Gomes - Integrante / Souza, Enio P. - Integrante / Ronildo Alcântara Pereira - Integrante / Weber Andrade Gonçalves - Integrante / Célia Campos Braga - Integrante / Josefina Moraes Arraut - Integrante / Augusto César Barros Barbosa - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 1


Revisor de periódico


2009 - Atual
Periódico: Revista Brasileira de Meteorologia
2013 - Atual
Periódico: Irriga (UNESP Botucatu)
2011 - Atual
Periódico: Ciência e Natura


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Meteorologia.
2.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Meteorologia/Especialidade: Meteorologia Física.
3.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Meteorologia/Especialidade: Modelagem Numérica da Atmosfera.
4.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Meteorologia/Especialidade: Meteorologia Dinâmica.
5.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Meteorologia/Especialidade: Meteorologia Aplicada.
6.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Meteorologia/Especialidade: Micrometeorologia.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Alemão
Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Pouco, Escreve Pouco.


Prêmios e títulos


2004
Menção Honrosa, Comitê Científico do XIII Congresso Brasileiro de Meteorologia.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
Braga, C. C.2018Braga, C. C. ; Amanajás, J. C. ; Alcântara, Clênia R. ; Dantas, M. P. . Evaluation of albedo different types of coverage of the Amapá savannah - Brazil with MODIS images. TERRITORIUM (COIMBRA), p. 129-134, 2018.

2.
SILVA, MADSON TAVARES2017SILVA, MADSON TAVARES ; ALCÂNTARA, C. R. ; SOUZA, E. P. ; OLINDA, RICARDO ALVES DE ; GONÇALVES, WEBER ANDRADE . Influência da Temperatura da Superfície do Mar na Ocorrência de Linhas de Instabilidade na Costa Norte e Nordeste do Brasil. Revista Brasileira de Meteorologia, v. 32, p. 260-268, 2017.

3.
Lima, I. P. C.2017Lima, I. P. C. ; ALCÂNTARA, C. R. . Análise da Relação Entre a Formação das Linhas de Instabilidade Amazônicas e a Temperatura da Superfície do Oceano Atlântico. REVISTA BRASILEIRA DE GEOGRAFIA FÍSICA, v. 10, p. 1712-1720, 2017.

4.
Silva, G. K.2017Silva, G. K. ; Sombra, S. S. ; BARBOSA, A. C. B. ; ALCÂNTARA, C. R. ; Silva, M. V. M. ; Santos, A. C. S. ; Freire, C. O. ; ALVES, J. M. B. . Estudo dos Padrões de Ventos Offshore no Litoral do Ceará Utilizando Dados Estimados pelo Produto de Satélites BSW. Revista Brasileira de Meteorologia, v. 32, p. 679-690, 2017.

5.
COSTA, W. L. B.2017COSTA, W. L. B. ; BRAGA, C. C. ; ALCÂNTARA, C. R. ; COSTA, A. S. . Phenological Dynamics of Vegetation Using the Enhanced Vegetation Index (EVI) in Regions of Bahia State. JOURNAL OF HYPERSPECTRAL REMOTE SENSING, v. 7, p. 399-407, 2017.

6.
Oliveira, G. B.2016Oliveira, G. B. ; ALCÂNTARA, C. R. ; SOUZA, E. P. . CARACTERIZAÇÃO DE PERFIS DE VENTO NO AMBIENTE DE FORMAÇÃO DAS LINHAS DE INSTABILIDADE AMAZÔNICAS. Ciência e Natura, v. 38, p. 393, 2016.

7.
NEVES, DANIELSON JORGE DELGADO2016NEVES, DANIELSON JORGE DELGADO ; ALCÂNTARA, C. R. ; SOUZA, E. P. . Estudo de Caso de um Distúrbio Ondulatório de Leste sobre o Estado do Rio Grande do Norte - Brasil. Revista Brasileira de Meteorologia (Impresso), v. 31, p. 490-505, 2016.

8.
Pereira, R. A.2015Pereira, R. A. ; ALCÂNTARA, C. R. . PERFIL DO PRODUTOR RURAL NO MUNICÍPIO DE SÃO JOÃO DO CARIRI E SEUS REFLEXOS NO PROCESSO PRODUTIVO: ENTRE O TRADICIONAL E O MODERNO. Ciência e Natura, v. 37, p. 350, 2015.

9.
ALCÂNTARA, C. R.2014 ALCÂNTARA, C. R.; Souza, E. P. ; SILVA DIAS, M. A. F. ; BIAZETO, B. . Influência dos jatos em médios e baixos níveis nos processos de nuvem: estudo numérico de uma linha de instabilidade amazônica. Revista Brasileira de Meteorologia (Impresso), v. 29, p. 29-46, 2014.

10.
ALCÂNTARA, C. R.2014ALCÂNTARA, C. R.. ESTUDO PRELIMINAR DA APLICAÇÃO DA TEORIA DE DUTOS ATMOSFÉRICOS ÀS LINHAS DE INSTABILIDADE AMAZÔNICAS. Ciência e Natura, v. 35, p. 275, 2014.

11.
Pereira, R. A.2013Pereira, R. A. ; ALCÂNTARA, C. R. ; Dantas Neto, J. ; BARBOSA, E. M. . Análise Espaço-Temporal da Cobertura Vegetal e do Avanço de Prosopis juliflora (SW) DC Numa Área de Caatinga. RA'E GA: o Espaço Geográfico em Análise, v. 28, p. 154, 2013.

12.
Alcântara, Clênia R.2013Alcântara, Clênia R.; Silva, G. J. F. ; Caldas, R. A. . COMPARAÇÃO ENTRE DIFERENTES MÉTODOS DE ESTIMATIVA DE EVAPOTRANSPIRAÇÃO DE REFERÊNCIA PARA JUAZEIRO‐BA. Okara : Geografia em Debate (UFPB), v. 8, p. 156-178, 2013.

13.
Alcântara, Clênia Rodrigues2012Alcântara, Clênia Rodrigues; Ferreira, D. V. R. ; Silva, G. J. F. ; Almeida, H. A. . Aquecimento Global ou Variabilidade Climática Natural na Microrregião de Juazeiro - BA?. Revista Brasileira de Geografia Física, v. 05, p. 572-585, 2012.

14.
Alcântara, Clênia R.2011 Alcântara, Clênia R.; SILVA DIAS, M. A. F. ; Souza, Enio P. ; COHEN, J. C. P. . Verification of the Role of the Low Level Jets in Amazon Squall Lines. Atmospheric Research (Print), v. 100, p. 36-44, 2011.

15.
Alcântara, Clênia R.2011Alcântara, Clênia R.. Linha de Instabilidade da Amazônia: Estudo de caso e Importância das características do perfil do vento na sua formação e desenvolvimento. Ciência e Natura, v. 33, p. 197-226, 2011.

16.
Alcântara, Clênia R.2009 Alcântara, Clênia R.; Souza, Enio P. . Teoria para o trabalho de expansão aplicada às brisas do nordeste Brasileiro. Revista Brasileira de Meteorologia (Impresso), v. 24, p. 423-435, 2009.

17.
SILVA, Djane Fonseca da2009SILVA, Djane Fonseca da ; ALCÂNTARA, C. R. . Déficit Hídrico na Região Nordeste: Variabilidade Espaço-Temporal. UNOPAR científica. Ciências exatas e tecnológicas, v. 8, p. 45-51, 2009.

18.
ALCÂNTARA, C. R.;Alcântara, Clênia Rodrigues;Alcântara, Clênia R.2008 ALCÂNTARA, C. R.; Souza, Enio Pereira de . Uma teoria termodinâmica para brisas: teste utilizando simulações numéricas. Revista Brasileira de Meteorologia, v. 23, p. 1-11, 2008.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
BARBOSA, A. C. B. ; SANTOS, A. C. S. ; ALCÂNTARA, C. R. . De Fourier a Ondeletas. 1. ed. Niemcy/ Alemanha: Novas Edições Acadêmicas, 2017. 57p .

2.
ALCÂNTARA, C. R.. Amazon: Biodiversity Conservation, Economic Development and Human Impact. 1. ed. New York: Nova Science Publishers, Inc., 2013. 331, 7x10 - (NBp .

Capítulos de livros publicados
1.
ALCÂNTARA, C. R.; Souza, E. P. . Climate Change: Causes, Implications and Consequences for the Amazon Basin. In: Clênia Rodrigues Alcântara. (Org.). Amazon: Biodiversity Conservation, Economic Development and Human Impact. 1ed.New York: Nova Science Publishers, Inc., 2013, v. , p. 287-308.

2.
Gonçalves, W. A. ; Machado, L. A. T. ; ALCÂNTARA, C. R. . Precipitation Changes Due to the Amazon Deforestation. In: Clênia Rodrigues Alcântara. (Org.). Amazon: Biodiversity Conservation, Economic Development and Human Impact. 1ed.New York: Nova Science Publishers, Inc., 2013, v. , p. 271-286.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
Oliveira, G. B. ; ALCÂNTARA, C. R. ; Silva, F. P. ; SOUZA, E. P. . COMPARAÇÃO DE PERFIS DO VENTO PARA DIAS COM E SEM A FORMAÇÃO DE LINHAS DE INSTABILIDADE. In: VI Workshop de Mudanças Climáticas e Recursos Hídricos do Estado de Pernambuco e do III Workshop Internacional sobre Mudanças Climáticas e Biodiversidade, 2014, Recife - PE. VI WMCRHPE, 2014.

2.
Amanajás, J. C. ; Braga, C. C. ; ALCÂNTARA, C. R. ; Sousa, L. F. ; Oliveira, G. B. . Estimativa do saldo de radiação à superfície em área de cerrado amazônico utilizando imagem Landsat 5 TM. In: XVI Simpósio Brasileiro de Sensoriamento Remtoto, 2013, Foz do Iguaçu - PR. XVI Simpósio Brasileiro de Sensoriamento Remtoto, 2013.

3.
Oliveira, G. B. ; ALCÂNTARA, C. R. ; Silva, F. P. . BALANÇO HÍDRICO E CLASSIFICAÇÃO CLIMÁTICA DE THORTHWAITE E MATHER (1995) PARA A REGIÃO DE BARBALHA - CEARÁ. In: I WORKSHOP INTERNACIONAL SOBRE ÁGUA NO SEMIÁRIDO BRASILEIRO, 2013, Campina Grande - PB. Da açudagem à transposição do rio São Francisco, 2013.

4.
Alcântara, Clênia Rodrigues; Souza, Enio Pereira de . Análise de perfis atmosféricos em dias com e sem a formação de linhas de instabilidade amazônicas. In: XI Congreso argentino de meteorología, 2012, Mendoza. La meteorología y su contribucion al desarollo humano, social y economico de las regiones, 2012.

5.
Santos, Alane S. dos ; Alcântara, Clênia Rodrigues ; Amorim, Ricardo F. C. de ; Fonseca, Alessandro R. da . Utilização do modelo de mesoescala MM5 no estudo de precipitação intensa e linhas de corrente sobre o estado de Alagoas no dia 19 de janeiro de 2010. In: XI Congreso argentino de meteorología, 2012, Mendoza. La meteorología y su contribucion al desarollo humano, social y economico de las regiones, 2012.

6.
SILVA, M. T. ; ALCÂNTARA, C. R. ; Pereira, R. A. ; Dantas Neto, J. . Análise intertemporal de parâmetros espectrais na bacia hidrográfica do rio serra branca no estado da Paraíba. In: XVII Congresso brasileiro de agrometeorologia, 2011, Guarapari - ES. Riscos climáticos e cenários agrícolas futuros, 2011.

7.
ALCÂNTARA, C. R.; SILVA DIAS, M. A. F. ; Souza, E. P. . Linha de instabilidade amazônica: estudo de caso utilizando simulação numérica. In: XVII Congresso brasileiro de agrometeorologia, 2011, Guarapari - ES. Riscos climáticos e cenários agrícolas futuros, 2011.

8.
Alcântara, Clênia R.; Souza, Enio P. ; SILVA DIAS, M. A. F. . Influência da temperatura da superfície do mar na formação de linhas de instabilidade amazônicas. In: IV Simpósio Internacional de Climatologia, 2011, João Pessoa. Mudanças climáticas e seus impactos em áreas urbanas, 2011.

9.
ALCÂNTARA, C. R.; SILVA DIAS, M. A. F. ; Souza, E. P. . Teoria de dutos atmosféricos aplicada a um caso de linha de instabilidade da Amazônia. In: XVI Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2010, Belém - PA. A Amazônia e o Clima Global, 2010.

10.
Alcântara, Clênia Rodrigues; SILVA DIAS, M. A. F. ; Souza, Enio Pereira de ; COHEN, J. C. P. . Papel dos jatos de baixos níveis e da temperatura da superficie do mar na formação das linhas de instabilidade da Amazônia. In: III Simpósio Internacional de Climatologia, 2009, Canela - RS. Mudanças de clima e extremos e avaliação de riscos futuros, planejamento e desenvolvimento sustentável, 2009.

11.
ALCÂNTARA, C. R.; SILVA DIAS, M. A. F. ; Souza, E. P. . Linha de Instabilidade na Amazônia: Estudo de Caso. In: XV Congresso Brasileiro de Meteorologia ? CBMET, 2008, São Paulo - SP. A Meteorologia e as Cidades, 2008.

12.
Alcântara, Clênia Rodrigues; Souza, Enio Pereira de . Estudo de teoria termodinâmica para circulações locais através de simulações tridimensionais. In: XIV Congresso brasileiro de meteorologia, 2006, Florianópolis. A meteorologia a serviço da sociedade, 2006.

13.
ALCÂNTARA, C. R.; Souza, E. P. . Trabalho de epansão associado à presença de circulações locais utilizando simulações numéricas. In: xIV Congresso Brasileiro de Meteorlogia, 2006, Florianópolis - SC. A meteorologia a serviço da sociedade, 2006.

14.
ALCÂNTARA, C. R.; SILVA, Djane Fonseca da ; GOMES, Wendell Rondinelli Farias ; SILVA, Lincoln Eloi da . Análise Espaço-temporal do Déficit Hídrico na Região Nordeste. In: Simpósio Internacional de Climatologia, 2005, Fortaleza - CE, 2005.

15.
ALCÂNTARA, C. R.; SILVA, Djane Fonseca da ; GOMES, Wendell Rondinelli Farias ; SILVA, Lincoln Eloi da . Análise da Variabilidade Espaço-temporal e Tendência da Precipitação na Região Semi-árida do Estado da Paraíba. In: Simpósio Internacional de Climatologia, 2005, Fortaleza - CE, 2005.

16.
GOMES, Wendell Rondinelli Farias ; CORREIA, Magaly de Fátima ; SILVA, Djane Fonseca da ; ALCÂNTARA, C. R. . Avaliação através da Análise Observacional e de Componentes Principais na Ocorrênciade Falhas na Fornecimento de energia por Descarga Atmosférica em Ano de La Niña. In: Simpósio Internacional de Climatologia, 2005, Fortaleza - CE, 2005.

17.
SILVA, Djane Fonseca da ; SILVA, Lincoln Eloi da ; ALCÂNTARA, C. R. ; GOMES, Wendell Rondinelli Farias . Influência do ENOS e da Barragem de Sobradinho nas Vazões Observadas no Rio São Francisco. In: Simpósio Internacional de Climatologia, 2005, Fortaleza - CE, 2005.

18.
SILVA, Djane Fonseca da ; SILVA, Lincoln Eloi da ; ALCÂNTARA, C. R. ; GOMES, Wendell Rondinelli Farias . Variabiliadade Sazonal da Precpitação no Estado da Paraíba. In: Simpósio Internacional de Climatologia, 2005, Fortaleza - CE, 2005.

19.
SILVA, Lincoln Eloi da ; ALCÂNTARA, C. R. ; SILVA, Djane Fonseca da ; GOMES, Wendell Rondinelli Farias . Condições Atmosféricas e da Variabilidade Pluviométrica no Estado da Paraíba no Período de Janeiro de 2004. In: Simpósio Internacional de Climatologia, 2005, Fortaleza - CE, 2005.

20.
ALCÂNTARA, C. R.; Rao, T. V. R. ; Souza, E. P. . Relação entre a nebulosidade sobre Campina Grande e a qualidade da estação chuvosa do semi-árido do nordeste brasileiro. In: XIII Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2004, Fortaleza, 2004.

21.
BARBOSA, Tatiane Felinto ; ALCÂNTARA, C. R. ; Souza, E. P. . Implementação de um esquema de parametrização de cobertura de cúmulos rasos no RAMS. In: XIII Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2004, Fortaleza - CE. Meteorologia e o Desenvolvimento Sustentável, 2004.

22.
ALCÂNTARA, C. R.; Souza, E. P. . Identificação de Brisas na Costa do Nordeste Brasileiro em Simulações do Modelo RAMS. In: VIII Encontro Latino Americano de Iniciação Científica, 2004, São José dos Campos - SP, 2004.

23.
ALCÂNTARA, C. R.; Souza, E. P. . Estudo da Circulação de Brisa na Costa do Nordeste através de Modelagem Numérica. In: Congresso de Iniciação Científica da UFCG, 2004, Campina Grande - PB. CIC ufcg - 2004, 2004.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
Alcântara, Clênia R.; COHEN, J. C. P. ; Souza, Enio P. ; SILVA DIAS, M. A. F. . Estudo de caso de uma linha de instabilidade amazônica utilizando dados da campanha chuva-Belem. In: I Workshop Científico do Projeto Chuva, 2012, São José dos Campos. I Workshop Científico do Projeto Chuva, 2012.

2.
ALCÂNTARA, C. R.; Rao, T. V. R. ; Souza, E. P. . Uma climatalogia da cobertura de nuvens sobre Campina Grande e sua relação com a qualidade da estação chuvosa do semi-árido. In: XIII Congresso Brasileiro de Agrometeorologia, 2003, Santa Maria. Situação Atual e Perspectivas da Agrometeorologia, 2003. v. 2. p. 1105-1106.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
Braga, C. C. ; Costa, W. L. B ; ALCÂNTARA, C. R. ; SILVA, B. B. ; Costa, A. S. . Resposta dos diferentes tipos de cobertura vegetal as precipitações em regiões homogêneas no estado da Bahia (Brasil). In: IV Congresso Internacional de Riscos, 2017, Coimbra. Riscos e Educação, 2017. p. 373.

2.
Dantas, M. P. ; Braga, C. C. ; ALCÂNTARA, C. R. ; Freire, J. L. M. . Determinação de fluxos de superfície a partir de imagens do MODIS/TERRA para região cerrado e Eucaliptus SP no Amapá (Brasil). In: IV Congresso de Riscos, 2017, Coimbra. Risco e Educação, 2017.

3.
Pereira, R. A. ; ALCÂNTARA, C. R. ; ROCHA, L. P. . Influência das condições climáticas sobre a cobertura vegetal em uma bacia hidrográfica no semiárido brasileiro em um período de 30 anos utilizando imagens landsat. In: IV Congresso Internacional de Riscos, 2017, Coimbra. Riscos e Educação, 2017.

4.
GONCALVES, W. A. ; SOUZA, E. P. ; ALCÂNTARA, C. R. . Tropical Squall Lines in Brazil: A methodology for identification and analysis based on ISCCP Tracking Database. In: 19th International Conference on Clouds and Precipitation, 2017, San Francisco. Environmental and Ecological Engineering, 2017.

5.
Alcântara, Clênia R.; Alcântara, A. C. R. . Estudo climatologico da disponibilidade hídrica no semiárido nordestino. In: XIX Congresso brasileiro de meteorologia, 2016, João Pessoa - PB. Meteorologia: tempo, água e energia, 2016.

6.
Lima, I. P. C. ; ALCÂNTARA, C. R. . Análise da Relação entre a Formação das Linhas de Instabilidade Amazônicas e a Temperatura da Superfície do Oceano Atlântico. In: XII Congresso de Iniciação Científica da Universidade Federal de Campina Grande, 2015, Campina Grande. PIBIC/CNPq - UFCG 2015, 2015.

7.
Alcântara, A. C. R. ; ALCÂNTARA, C. R. . ESTUDO COMPARATIVO ENTRE AS MESORREGIÕES DA PARAÍBA UTILIZANDO CLIMOGRAMAS DE CIDADES REPRESENTANTES. In: VI Simpósio Internacional de Climatologia, 2015, Natal - RN. Vulnerabilidades Cimáticas: O Brasil no Século XXI, 2015.

8.
Neves, D. J. D. ; ALCÂNTARA, C. R. ; SOUZA, E. P. . Estudo de caso de um distúrbio ondulatório de leste sobre o Rio Grande do Norte. In: EPGMET - Encontro dos Alunos de Pós-graduação em Meteorologia do CPTEC/INPE, 2014, Cachoeira Paulista - SP. XII EPGMET, 2014.

9.
Oliveira, G. B. ; ALCÂNTARA, C. R. ; Silva, F. P. ; SOUZA, E. P. . Perfil do vento meridional associado às linhas de instabilidade amazônicas. In: XVIII CBMET - Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2014, Recife - PE. O papel da meteorologia na construção de uma sociedade sustentável, 2014.

10.
Gonçalves, W. A. ; SOUZA, E. P. ; ALCÂNTARA, C. R. . Análise de linhas de instabilidade tropicias no ano de 2007 a partir da base de dados ISCCP-Tracking. In: XVIII CBMET - Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2014, Recife - PE. O papel da meteorologia na construção de uma sociedade sustentável, 2014.

11.
Silva, F. P. ; ALCÂNTARA, C. R. ; Oliveira, G. B. . Caracterização de brisas marítimas e terrestres na costa do nordeste brasileiro. In: XVIII CBMET - Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2014, Recife - PE. O papel da meteorologia na construção de uma sociedade sustentável, 2014.

12.
Carneiro, I. O. ; ALCÂNTARA, C. R. . Análise do ambiente de formação das linhas de instabilidade amazônicas. In: XVIII CBMET - Congresso Brasileiro de Meteorologia, 2014, Recife - PE. O papel da meteorologia na construção de uma sociedade sustentável, 2014.

13.
Santos, Alane S. dos ; ALCÂNTARA, C. R. ; Souza, E. P. . Aplication of heat engine theory in sea/land and slope/mountain breezes. In: International symposium on climate change, impacts and vulnerabilities in Brazil, 2012, Natal - RN. Preparing the brazilian northeast for the future (CCIV2012), 2012.

14.
ALCÂNTARA, C. R.; SILVA DIAS, M. A. F. ; Souza, E. P. . Wind shear associated with Amazon squall lines. In: AGU Meeting, 2010, Foz do Iguaçu - PR. 2010 Meeting of the Americas, 2010.

15.
ALCÂNTARA, C. R.; SILVA DIAS, M. A. F. ; Souza, E. P. . Linhas de Instabilidade Amazônicas: Teste de Sensibilidade à Concentração de Núcleos de Condensação de Nuvens. In: Conferência Amazônia em Perspectiva: Ciência Integrada para um Futuro Sustentável, 2008, Manaus. Amazônia em Perspectiva: Ciência Integrada para um Futuro Sustentável, 2008.

16.
ALCÂNTARA, C. R.; Rao, T. V. R. ; Souza, E. P. . Uma Climatalogia da Cobertura de Nuvens sobre Campina Grande e sua Relação com a Qualidade da Estação Chuvosa do Semi-Árido. In: XI Encontro de Iniciação Científica da UFPB, 2003, João Pessoa. PIBIC Preparando Cientistas, 2003.

17.
ALCÂNTARA, C. R.; Rao, T. V. R. ; Souza, E. P. . Uma Climatalogia da cobertura de nuvens sobre Campina Grande e sua relação com a qualidade da estação chuvosa. In: X Encontro de Iniciação Científica da UFPB - Enic, 2002, João Pessoa. X Encontro de Iniciação Ciêntífica da UFPb, 2002.

Apresentações de Trabalho
1.
ALCÂNTARA, C. R.. Dinâmica das Linhas de Instabilidade da Amazônia. 2010. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

2.
Alcântara, Clênia Rodrigues. Uma teoria termodinâmica para brisas: teste utilizando simulações numéricas. 2008. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

3.
ALCÂNTARA, C. R.. Meteorologia e Previsão de Tempo. 2006. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).


Demais tipos de produção técnica
1.
ALCÂNTARA, C. R.; SILVA DIAS, M. A. F. ; Souza, E. P. . Dinâmica e Termodinâmica das Linhas de Instabilidade na Amazônia. 2008. (Relatório de pesquisa).

2.
ALCÂNTARA, C. R.; Souza, E. P. . Efeito da cobertura de cúmulos rasos na qualidade de simulações numéricas com o RAMS. 2004. (Relatório de pesquisa).

3.
ALCÂNTARA, C. R.; Rao, T. V. R. ; Souza, E. P. . Uma climatalogia da cobertura de nuvens sobre Campina Grande e sua relação com a qualidade da estação chuvosa do semi-árido. 2003. (Relatório de pesquisa).

4.
ALCÂNTARA, C. R.; Rao, T. V. R. ; Souza, E. P. . Uma climatalogia da cobertura de nuvens sobre Campina Grande e sua relação com a qualidade da estação chuvosa. 2002. (Relatório de pesquisa).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
Gonçalves, W. A.; Silva, C. M. S.; MENDES, D.; ANDRADE, L. M. B.; ALCÂNTARA, C. R.. Participação em banca de Jean Souza dos Reis. Características dinâmicas e termodinâmicas dos vortices ciclônicos de altos níveis no nordeste do Brasil. 2018. Dissertação (Mestrado em CIÊNCIAS CLIMÁTICAS) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

2.
ALCÂNTARA, C. R.; Santos, C. A. C; Silva, C. M. S.. Participação em banca de Illelson Rafael da Silva Barbosa. Estudo da variabilidade e comparação dos métodos de estimativa da camada limite atmosferica na amazônia central. 2018. Dissertação (Mestrado em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande.

3.
ALCÂNTARA, C. R.; Silva, C. M. S.; Santos, C. A. C. Participação em banca de Fellipe Pereira da Silva. Caracterização da camada limite atmosferica em Fortaleza - CE. 2017. Dissertação (Mestrado em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande.

4.
ALCÂNTARA, C. R.; GOMES, Wendell Rondinelli Farias; Braga, C. C.. Participação em banca de Gabrielle Bezerra Oliveira. Análise de padrões temporais da dinâmica do vento associadas as ambiente de formação das linhas de instabilidade amazônicas. 2017. Dissertação (Mestrado em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande.

5.
ROCHA, R. P.; GUTIEREZ, E. R.; ALCÂNTARA, C. R.. Participação em banca de Vannia Jaqueline Aliaga Nestares. Lorenz energetic applied to understanding of squall lines propagation over the amazon basin. 2017. Dissertação (Mestrado em Meteorologia) - Universidade de São Paulo.

6.
BRAGA, C. C.; SILVA, B. B.; Silva, C. M. S.; ALCÂNTARA, C. R.. Participação em banca de Milena Pereira Dantas. Obtenção dos fluxos de superficie a partir da assimilação de dados do IVDN MODIS/TERRA no modelo BRAMS na região cerrada do Amapá. 2017. Dissertação (Mestrado em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande.

7.
Braga, C. C.; Melo, M. L. D.; Alcântara, Clênia R.. Participação em banca de Nayara Arroxelas dos Santos. Modulação Regional da Precipitação e Temperatura da Superfície do Mar no Estado da Bahia. 2016. Dissertação (Mestrado em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande.

8.
Braga, C. C.; ALCÂNTARA, C. R.; Silva, C. M. S.; SILVA, B. B.. Participação em banca de Milena Pereira Dantas. Obtenção dos fluxos de superficie a partir da assimilação de dados do IVDN MODIS/TERRA no modelo BRAMS na região cerrada do Amapá. 2016. Dissertação (Mestrado em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande.

9.
FREITAS, E. D.; Alcântara, Clênia Rodrigues; COHEN, J. C. P.. Participação em banca de FLAVIO AUGUSTO FARIAS D?OLIVEIRA. Análise observacional e numérica de linhas de instabilidade em Manaus. 2016. Dissertação (Mestrado em Meteorologia) - Universidade de São Paulo.

10.
Alcântara, Clênia R.; Souza, Enio P.; Gonçalves, W. A.. Participação em banca de Jefferson Aparecido Arestides de Melo. CARACTERIZAÇÃO DE UMA LINHA DE INSTABILIDADE AMAZÔNICA UTILIZANDO RADAR POLARIMÉTRICO DURANTE O PROJETO CHUVA ? BELÉM. 2016. Dissertação (Mestrado em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande.

11.
Santos, C. A. C; Bezerra, B. G.; ALCÂNTARA, C. R.. Participação em banca de Camilla Kassar Borges. Obtenção da Evapotranspiração Real Diária através da Aplicação de Técnicas de Sensoriamento Remoto no Semiárido Brasileiro. 2013. Dissertação (Mestrado em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande.

12.
Souza, Enio Pereira de; CORREIA, Magaly de Fátima; Alcântara, Clênia Rodrigues. Participação em banca de Rafaela Lisboa Costa. Aplicação de uma teoria termodinâmica no estudo de um vórtice ciclônico de altos níveis sobre o nordeste do Brasil. 2012. Dissertação (Mestrado em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande.

13.
Cavalcanti, Enilson Palmeira; Silva, Vicente de Paulo Rodrigues da; Alcântara, Clênia Rodrigues. Participação em banca de Herika Pereira Rodrigues. Zona de convergência do Atlântico Sul: um estudo observacional e numérico. 2012. Dissertação (Mestrado em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande.

14.
Santos, C. A. C; Silva, B. B.; Souza, E. P.; Alcântara, Clênia R.. Participação em banca de Lidiane Cristina Félix Gomes. Dinâmica da Temperatura de Superfície em Resposta as Alterações na Cobertura e Uso do Solo Utilizando Técnicas de Sensoriamento Remoto. 2011. Dissertação (Mestrado em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande.

Teses de doutorado
1.
LIMA, K. C.; ANDRADE, L. M. B.; GONCALVES, W. A.; SILVA, J. M.; ALCÂNTARA, C. R.; BRITO, J. I. B.. Participação em banca de Micejane da Silva Costa. Parão sinótico dos eventos de precipitação fraca e intensa no semiárido do nordeste do Brasil. 2018. Tese (Doutorado em CIÊNCIAS CLIMÁTICAS) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

2.
ALCÂNTARA, C. R.; SOUZA, E. P.; BRITO, J. I. B.; Cavalcanti, Enilson Palmeira; GONCALVES, W. A.; SANTOS, J. G. M.. Participação em banca de Danielson Jorge Delgado Neves. Padrões atmosféricos associados aos distúrbios ondulatórios de leste no leste do nordeste do Brasil. 2018. Tese (Doutorado em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande.

3.
Braga, C. C.; ALCÂNTARA, C. R.; SOUZA, E. P.; Santos, C. A. C; Melo, M. L. D.; Ferreira, N. J.. Participação em banca de Jonathan Castro Amanajás. Modelagem do Impacto das Mudanças de Uso e Cobertura do Solo no Microclima sobre Área de Cerrado no Amapá. 2015. Tese (Doutorado em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande.

4.
SOUZA, E. P.; ALCÂNTARA, C. R.; Cavalcanti, Enilson Palmeira; ANGELIS, C. F.; ALVES, J. M. B.. Participação em banca de Rafael Castelo Guedes Martins. Estudo da sensibilidade do modelo WRF às parametrizações de microfísica de nuvens e à assimilação de dados observados. 2014. Tese (Doutorado em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande.

Qualificações de Doutorado
1.
ALCÂNTARA, C. R.; Cavalcanti, Enilson Palmeira; Saad, S. I.; Farias, W. R. G.; GONCALVES, W. A.. Participação em banca de Jefferson Aparecido Arestides de Melo. Análise da estrutura microfísica de linhas de instabilidade amazônicas através de radar polarimétrico e modelagem. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande.

2.
Souza, Enio P.; Cavalcanti, Enilson Palmeira; Lima, F. J. L.; Silva, C. M. S.; Alcântara, Clênia R.. Participação em banca de Leandro Rodrigues de Souza. Um estudo numérico para a estimativa do potencial eólico na Amazônia Oriental (Amapá e Pará - Brasil). 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande.

3.
ALCÂNTARA, C. R.; SOUZA, E. P.; Gonçalves, W. A.; Cavalcanti, Enilson Palmeira; BRITO, J. I. B.; SANTOS, J. G. M.. Participação em banca de Danielson Jorge Delgado Neves. CONTRIBUIÇÕES PARA O ENTENDIMENTO SOBRE DISTÚRBIOS ONDULATÓRIOS DE LESTE: GÊNESE, DESLOCAMENTO E ATUAÇÃO NO LESTE DO NORDESTE DO BRASIL.. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande.

4.
Silva, Vicente de Paulo Rodrigues da; Silva, B. B.; Alcântara, Clênia R.; SILVA, Lincoln Eloi da; ALBUQUERQUE, W. G.. Participação em banca de Emerson Ricardo Rodrigues Pereira. Tendência de ocorrência de eventos extremos de precipitação na região Nordeste do Brasil. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande.

5.
Braga, C. C.; ALCÂNTARA, C. R.; Coelho, S. M. S. C.; Melo, M. L. D.; Santos, C. A. C; SOUZA, E. P.. Participação em banca de Jonathan Castro Amanajás. Influência da vegetação no balanço de energia sobre área de cerrado no Amapá: modelagem do impacto das mudanças de uso e cobertura do solo. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande.

6.
Souza, E. P.; Cavalcanti, Enilson Palmeira; Alcântara, Clênia R.. Participação em banca de Rafael Castelo Guedes Martins. Estudo da sensibilidade do modelo WRF para parâmetros de microfísica das nuvens: uma contribuição a modelagem de microfísica nuvens quentes. 2013. Exame de qualificação (Doutorando em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande.

Qualificações de Mestrado
1.
ALCÂNTARA, C. R.; Santos, C. A. C; Silva, C. M. S.; FISCH, G.. Participação em banca de Illelson Rafael da Silba Barbosa. Comparação sazonal da estrutura da camada limite planetária na amazônia central. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande.

2.
GOMES, Wendell Rondinelli Farias; Braga, C. C.; ALCÂNTARA, C. R.. Participação em banca de Gabrielle Bezerra Oliveira. Análise de padrões temporais da dinâmica do vento associadas ao ambiente de formação das linhas de instabilidade amazônicas. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande.

3.
ALCÂNTARA, C. R.; SOUZA, E. P.; Santos, C. A. C; FISCH, G.; Silva, C. M. S.. Participação em banca de Fellipe Pereira da Silva. Caracterização da camada limite planetária com e sem a atuação de sistemas de mesoescala em Fortaleza-CE. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande.

4.
Gonçalves, W. A.; Alcântara, Clênia Rodrigues; Silva, C. M. S.. Participação em banca de Jean Souza dos Reis. Características termodinâmicas dos Vórtices Ciclônicos de Altos Níveis no Nordeste do Brasil. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em CIÊNCIAS CLIMÁTICAS) - Universidade Federal do Rio Grande do Norte.

5.
Braga, C. C.; Alcântara, Clênia R.; KUBOTA, P. Y.; Silva, B. B.. Participação em banca de Milena Pereira Dantas. Incorporação de dados do IVDN obtidos no MODIS/TERRA no Modelo BRAMS na Região Cerrado do Amapá. 2016. Exame de qualificação (Mestrando em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande.

6.
Braga, C. C.; ALCÂNTARA, C. R.; Melo, M. L. D.. Participação em banca de Nayara Arroxelas dos Santos. Modulação Regional da Precipitação e TSM no EStado da Bahia:um estudo de caso. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande.

7.
ALCÂNTARA, C. R.; CORREIA, Magaly de Fátima; GOMES, Wendell Rondinelli Farias. Participação em banca de Jefferson Aparecido Arestides de Melo. Observação de uma linha de instabilidade amazônica utilizando radar polarimétrico durante o projeto CHUVA - Bélem. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande.

8.
Santos, C. A. C; Alcântara, Clênia R.; Azevedo, P. V.. Participação em banca de Élder Guedes dos Santos. Estimativa da evapotranspiração real do distrito irrigado de Palo Verde (Califórnia, EUA) utilizando o algoritmo S-SEBI. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande.

9.
Souza, Enio P.; Alcântara, Clênia R.; Cavalcanti, Enilson Palmeira. Participação em banca de Waléria Souza Figueira. Efeito da umidificação da camada limite planetária no desenvolvimento de cúmulos rasos e profundos. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande.

10.
BRITO, J. I. B.; ALCÂNTARA, C. R.; Santos, C. A. C. Participação em banca de Uelpis Luiz Tenório da Silva. Investigação de possíveis oscilações decenais dos índices de extremos climáticos em Pernambuco. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande.

11.
Silva, Vicente de Paulo Rodrigues da; Alcântara, Clênia Rodrigues; Santos, C. A. C. Participação em banca de Rayonil Gomes Carneiro. Perfil sazonal e espacial da temperatura do solo dos biomas florestais da Amazônia e Mata Atlântica. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
ALCÂNTARA, C. R.; SOUZA, E. P.; SILVA, M. T.. Participação em banca de Izana Oliveira Carneiro.Análise de variáveis associadas ao ambiente de formação das linhas de instabilidade amazônicas. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande.

2.
ALCÂNTARA, C. R.; BRITO, J. I. B.; CORREIA, Magaly de Fátima. Participação em banca de Gabrielle Bezerra Oliveira.COMPARAÇÃO DE PERFIS DO VENTO PARA DIAS COM E SEM A FORMAÇÃO DE LINHAS DE INSTABILIDADE. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande.

3.
BRITO, J. I. B.; ALCÂNTARA, C. R.; CORREIA, Magaly de Fátima. Participação em banca de Fellipe Pereira da Silva.Investigação da variabilidade interanual e interdecenal do clima do estado do Amazonas. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande.

4.
Santos, C. A. C; BRITO, J. I. B.; ALCÂNTARA, C. R.. Participação em banca de Jaqueline Nubia de Queiroz.Climatologia de índices de instabilidade atmosférica derivados de dados de radiossondagem sobre o norte do nordeste do Brasil. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande.

5.
Almeida, H. A.; ALCÂNTARA, C. R.; Azevedo, M. R. Q. A.. Participação em banca de Polyana Raquel de Lima Almeida.Relação entre a evaporação e o poder evaporante do ar. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Licenciatura em Geografia) - Universidade Estadual da Paraíba.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
IV Congresso Internacional de Risco. Influência das condições climáticas sobre a cobertura vegetal em uma bacia hidrográfica no semiárido brasileiro em um período de 30 anos utilizando imagens landsat. 2017. (Congresso).

2.
3ª Reunião do Conselho de Educação e Treinamento do Centro virtual de ensino e Treinamento em Meteorologia.Centro virtual de ensino e treinamento me Meteorologia. 2015. (Outra).

3.
Palm Seminar on Large Eddy Simulation (LES).Palm Seminar on Large Eddy Simulation (LES). 2015. (Seminário).

4.
VI Worshop de Ensino de Meteorologia.VI Worshop de Ensino de Meteorologia. 2014. (Outra).

5.
I Workshop Científico do Projeto Chuva.Estudo de caso de uma linha de instabilidade amazônica utilizando dados da campanha chuva-Belem. 2012. (Outra).

6.
IV Simpósio Internacional de climatologia.Influência da temperatura da superfície do mar na formação de linhas de instabilidade amazônicas. 2011. (Simpósio).

7.
XVII Congresso brasileiro de agrometeorologia. Linha de instabilidade amazônica: estudo de caso utilizando simulação numérica. 2011. (Congresso).

8.
AGU 2010 Joint Assembly.Wind shear associated with Amazon squall lines. 2010. (Encontro).

9.
XVI Congresso Brasileiro de Meteorologia. Teoria de dutos atmosféricos aplicada a um caso de linha de instabilidade da Amazônia. 2010. (Congresso).

10.
III Simpósio Internacional de Climatologia.Papel dos jatos de baixos níveis e da temperatura da superficie do mar na formação das linhas de instabilidade da Amazônia. 2009. (Simpósio).

11.
Worshop Rede Temática de Mudanças Climáticas - USP e as Redes Temáticas. 2009. (Outra).

12.
XV Congresso Brasileiro de Meteorologia. Linha de Instabilidade na Amazônia: Estudo de Caso. 2008. (Congresso).

13.
XIV Congresso Brasileiro de Meteorologia. Trabalho de expansão em circulações locais atraves de simulações tridimensionais. 2006. (Congresso).

14.
Congresso de Iniciação Científica da UFCG. Estudo da Circulação de Brisa na Costa do Nordeste através de Modelagem Numérica. 2004. (Congresso).

15.
XIII Congresso Brasileiro de Meteorologia. Relação entre a nebulosidade sobre Campina Grande e a qualidade da estação chuvosa do semi-árido do nordeste brasileiro. 2004. (Congresso).

16.
XI Encontro de Iniciação Científica da UFPB.Uma climatologia da cobertura de nuvens sobre Campina Grande e sua relação com a qualidade da estação chuvosa do semi-árido. 2003. (Encontro).

17.
X Encontro de Iniciação Científica da UFPB.Uma climatalogia da cobertura de nuvens sobre Campina Grande e sua relação com a qualidade da estação chuvosa. 2002. (Encontro).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
GOMES FILHO, M. ; ALCÂNTARA, C. R. . I WORKSHOP INTERNACIONAL SOBRE ÁGUA NO SEMIÁRIDO BRASILEIRO. 2013. (Outro).

2.
ALCÂNTARA, C. R.. 18º Simpósio Internacional de Iniciação Científica da USP. 2010. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Paula Barros Macedo. A ser definido. Início: 2018. Dissertação (Mestrado profissional em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande. (Orientador).

Tese de doutorado
1.
Romero Thiago Sobrinho Wanzeler. ANÁLISE DAS INTERAÇÕES E CARACTERÍSTICAS GERAIS DAS PROPRIEDADES TERMODINÂMICAS E DINÂMICAS DA ATMOSFERA ASSOCIADAS À BRISA MARÍTIMA. Início: 2018. Tese (Doutorado em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande. (Orientador).

2.
Gabrielle Bezerra Oliveira. Análise estatisca da relação dos JBN com as Li amazonica. Início: 2017. Tese (Doutorado em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

3.
Fellipe Pereira da SIlva. Caracterização da CLP utilizando LES-PALM. Início: 2017. Tese (Doutorado em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

4.
Jefferson Aparecido Arestides de Melo. ANÁLISE DA ESTRURA MICROFÍSICA DE LINHAS DE INSTABILIDADE AMAZÔNICA ATRAVÉS DE RADAR POLARIMÉTRICO E MODELAGEM. Início: 2016. Tese (Doutorado em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande. (Orientador).

Iniciação científica
1.
Ingrid Paloma de Oliveira. Ingrid Paloma de Oliveira. Início: 2015. Iniciação científica (Graduando em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Illelson Rafael da Silva Barbosa. Estudo da variabilidade e comparação dos métodos de estimativa da camada limite atmosferica na amazônia central. 2018. Dissertação (Mestrado em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Clênia Rodrigues Alcântara.

2.
Jefferson Aparecido Arestides de Melo. CARACTERIZAÇÃO DE UMA LINHA DE INSTABILIDADE AMAZÔNICA UTILIZANDO RADAR POLARIMÉTRICO DURANTE O PROJETO CHUVA ? BELÉM. 2016. Dissertação (Mestrado em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Clênia Rodrigues Alcântara.

3.
Fellipe Pereira da Silva. Caracterização da Camada Limite Planetária em Fortaleza - CE. 2016. Dissertação (Mestrado em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Clênia Rodrigues Alcântara.

4.
Milena Pereira Dantas. Obtenção dos fluxos de superfície a partir da assimilação de dados do IVDN MODIS/TERRA no modelo BRAMS na região cerrada do Amapá. 2016. Dissertação (Mestrado em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Coorientador: Clênia Rodrigues Alcântara.

5.
Gabrielle Bezerra Oliveira. Análise de padrões temporais da dinâmica do vento associadas ao ambiente de formação das linhas de instabilidade amazônica. 2015. Dissertação (Mestrado em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Clênia Rodrigues Alcântara.

6.
Alane Saldanha dos Santos. APLICAÇÃO DA TEORIA DA MÁQUINA TÉRMICA ÀS BRISAS MARÍTIMA/TERRESTRE E DE VALE/MONTANHA. 2011. Dissertação (Mestrado em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Clênia Rodrigues Alcântara.

Tese de doutorado
1.
Danielson Jorge Delgado Neves. Padrões atmosfericos associados aos disturbios ondulatorios de leste no leste do nordeste do Brasil. 2018. Tese (Doutorado em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Clênia Rodrigues Alcântara.

2.
Jonathan Castro Amanajás. Modelagem do Impacto das mudanças de Uso e Cobertura do Solo no Microclima sobre Área de Cerrado no Amapá. 2015. Tese (Doutorado em Doutorado em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Coorientador: Clênia Rodrigues Alcântara.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Izana Oliveira Carneiro. Análise de variaveis meteorologicas do ambiente de formação das linhas de instabilidade amazônicas. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande. Orientador: Clênia Rodrigues Alcântara.

2.
Gabrielle Bezerra Oliveira. COMPARAÇÃO DE PERFIS DO VENTO PARA DIAS COM E SEM A FORMAÇÃO DE LINHAS DE INSTABILIDADE. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande. Orientador: Clênia Rodrigues Alcântara.

Iniciação científica
1.
Ana Deborah Costa. Análise de tendência da precipitação no leste do nordeste brasileiro. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Clênia Rodrigues Alcântara.

2.
DEMMILY FALCAO FERNANDES. Tendência Locais e Impactos das Mudanças Climáticas no Leste do Nordeste Brasileiro. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Clênia Rodrigues Alcântara.

3.
Melquezedek Rafael Duarte da Silva. Análise de dados do IPCC para o Leste do Nordeste Brasileiro. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Clênia Rodrigues Alcântara.

4.
Izana Oliveira Carneiro. Análise do ambiente de formação das linhas de instabilidade amazônicas. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Meteorologia) - Universidade Federal de Campina Grande, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Clênia Rodrigues Alcântara.




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 13/12/2018 às 14:32:38