Marcos Araújo Bagno

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/9975840620597737
  • Última atualização do currículo em 16/10/2018


Tem graduação em Letras (Bacharelado em Língua Portuguesa) pela Universidade Federal de Pernambuco (1991), mestrado em Linguística pela Universidade Federal de Pernambuco (1995) e doutorado em Filologia e Língua Portuguesa pela Universidade de São Paulo (2000). É professor Associado do Instituto de Letras da Universidade de Brasília (UnB). É colaborador do Programa de Estudos da Linguagem da Universidade Federal Fluminense (UFF). Tem experiência na área de Linguística, com ênfase em Tradução, Sociolinguística e ensino, atuando principalmente nos seguintes temas: prática de tradução francês/português, ensino de português, sociologia da linguagem, política linguística, gramática tradicional e português brasileiro. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Marcos Araújo Bagno
Nome em citações bibliográficas
BAGNO;Marcos;BAGNO, MARCOS

Endereço


Endereço Profissional
Universidade de Brasília, Departamento de Línguas Estrangeiras e Tradução.
Campus Universitário Darcy Ribeiro
Asa Norte
70000-000 - Brasilia, DF - Brasil
URL da Homepage: http://unb.br


Formação acadêmica/titulação


1996 - 2000
Doutorado em Filologia e Língua Portuguesa.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: Dramática da língua portuguesa: preconceito lingüístico e exclusão social, Ano de obtenção: 2000.
Orientador: Ataliba Teixeira de Castilho.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: sociolingüística do português; preconceito lingüístico; ideologia; gramática tradicional; norma lingüística; exclusão social.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes
Grande Área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Lingüística / Subárea: Sociolingüística e Dialetologia / Especialidade: Gramática Tradicional.
Grande Área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Lingüística / Subárea: Sociolingüística e Dialetologia / Especialidade: Norma Lingüística.
Setores de atividade: Educação.
1992 - 1995
Mestrado em Letras.
Universidade Federal de Pernambuco, UFPE, Brasil.
Título: A luta desigual: mito e realidade nos livros didáticos de língua portuguesa,Ano de Obtenção: 1995.
Orientador: Maria da Piedade Moreira de Sá.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: ensino de português; sociolingüística do português; livros didáticos; língua falada; língua escrita; gramática.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes
Grande Área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Lingüística / Subárea: Sociolingüística e Dialetologia / Especialidade: Gramática Normativa.
Grande Área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Lingüística / Subárea: Sociolingüística e Dialetologia / Especialidade: Norma Padrão.
Setores de atividade: Educação.
1988 - 1991
Graduação em Letras.
Universidade Federal de Pernambuco, UFPE, Brasil.
1981 - 1983
Graduação em Langue et Littérature Françaises.
Université de Nancy II, UN II, França.
1984 - 1984
Curso técnico/profissionalizante em Tradução Interpretariado.
Aliança Francesa de Brasília, ACFB, Brasil.


Pós-doutorado


2014 - 2014
Pós-Doutorado.
Università di Bologna, UNIBO, Itália.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes
2007 - 2008
Pós-Doutorado.
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes


Formação Complementar


2017 - 2017
Políticas linguísticas. (Carga horária: 60h).
Universidad de Santiago de Compostela - Campus Santiago, USC, Espanha.


Atuação Profissional



Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil.
Vínculo institucional

2015 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
Vínculo institucional

2002 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor-adjunto, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

08/2009 - Atual
Ensino, Letras - Tradução, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Prática de Tradução Francês/Português: Textos Atípicos
Prática de Tradução Francês/Português: Textos Técnico-científicos
08/2002 - 12/2008
Ensino, Letras Português, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Estágio superivisionado de Português 1
Português diacrônico
Sociolinguística do português brasileiro
Introdução à Linguística
08/2002 - 08/2008
Pesquisa e desenvolvimento , Programa de Pós-gradução em Lingüística, .

Linhas de pesquisa
Sociologia da linguagem
08/2002 - 08/2008
Ensino, Lingüística, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Laboratório de sociolinguística
Sintaxe
Variação lingüística


Linhas de pesquisa


1.
Sociologia da linguagem


Projetos de pesquisa


2016 - Atual
Gramaticografia como política linguística
Descrição: O reconhecimento do português brasileiro como língua diferente do português europeu exige instrumentos de descrição de suas especificidades gramaticais com vistas à promoção da língua no plano interno, através de uma política educacional que leve em conta essas especificidades, e no plano externo, por meio de obras que permitam a estudantes estrangeiros aprender a língua conforme é realmente falada e escrita no Brasil contemporâneo..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2011 - 2013
Norma linguística e tradução
Descrição: O português brasileiro culto contemporâneo é muito diferente da norma-padrão tradicional ainda descrita nos compêndios normativos. Este projeto visa investigar se e em que medida as mudanças ocorridas na morfossintaxe do português brasileiro já estão incorporadas à prática da tradução no Brasil. Pretende-se investigar qual a representação de "norma culta" que vigora no imaginário dos tradutores profissionais brasileiros..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Marcos Araújo Bagno - Coordenador / Julwaity Cardoso Neto - Integrante.


Membro de corpo editorial


2008 - Atual
Periódico: Estudos de lingüística galega
2006 - Atual
Periódico: Língua, lingüística e literatura
2006 - Atual
Periódico: Sociolinguistic Studies


Áreas de atuação


1.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Lingüística / Subárea: Sociolingüística e Dialetologia.
2.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Lingüística / Subárea: Tradução.
3.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Lingüística / Subárea: Lingüística Aplicada/Especialidade: Ensino de Português.


Idiomas


Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Francês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Inglês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Italiano
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Galego
Compreende Bem, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.


Prêmios e títulos


2014
II Prêmio Bienal de Brasília do Livro e da Leitura, Governo do Distrito Federal.
2013
Prêmio Biblioteca Nacional, Biblioteca Nacional.
2012
Prêmio Jabuti 2012, Câmara Brasileira do Livro.
1989
Prêmio Carlos Drummond de Andrade de Poesia, Governo do Estado do Rio de Janeiro.
1989
Prêmio Estado do Paraná de Contos, Governo do Estado do Paraná.
1988
IV Prêmio Bienal Nestlé de Literatura Brasileira, Fundação Nestlé de Cultura.
1988
Prêmio Cidade de Belo Horizonte de Literatura Brasileira, Secretaria Municipal de Cultura de Belo Horizonte.
1988
Prêmio Cidade do Recife de Poesia, Prefeitura da Cidade do Recife.
1988
Prêmio João de Barro de Literatura Infantil, Prefeitura Municipal de Belo Horizonte.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
BAGNO, MARCOS2018BAGNO, MARCOS. TRADUÇÃO: ESPELHO DA MUDANÇA? MAFALDA RESPONDE. TRABALHOS EM LINGUÍSTICA APLICADA, v. 57, p. 21-48, 2018.

2.
QUEIROZ, GUILHERME2018QUEIROZ, GUILHERME ; BAGNO, MARCOS ; MONTEIRO, JULIO C. N. . A TRADUÇÃO COMO POLÍTICA LINGUÍSTICA: O CASO DA UNASUL. TRABALHOS EM LINGUÍSTICA APLICADA, v. 57, p. 127-154, 2018.

3.
BAGNO2018BAGNO; SILVA-REIS, D. . A tradução como política linguística na colonização da Amazônia brasileira. Revista Letras Raras, v. 7, p. 8, 2018.

4.
BAGNO2017BAGNO. Oralidade inverossímil e romance gráfico: a tradução brasileira de Aya de Yopougon. TRANSLATIO, v. 13, p. 163-184, 2017.

5.
CARVALHO, Orlene2017CARVALHO, Orlene ; BAGNO . Variação linguística e ensino: nós e a gente nos livros didáticos de português brasileiro como língua estrangeira. REVISTA DE ESTUDIOS PORTUGUESES Y BRASILEÑOS, v. 15, p. 25-39, 2017.

6.
BAGNO2016BAGNO; REIS, D. S. . Os intérpretes e a formação do Brasil: os quatro primeiros séculos de uma história esquecida. Cadernos de Tradução, v. 36, p. 81-108, 2016.

7.
BAGNO2016BAGNO. Para desmistificar a história da língua portuguesa. Cadernos de Estudos Linguísticos (UNICAMP), v. 58.1, p. 185-192, 2016.

8.
BAGNO2015BAGNO; Carvalho, Orlene L. S. . O potencial do português brasileiro como língua internacional. Interdisciplinar : Revista de Estudos em Língua e Literatura, v. 22, p. 11-26, 2015.

9.
BAGNO2014BAGNO. Genocídio, migração forçada e contato na formação do português brasileiro. CAPOEIRA - REVISTA DE HUMANIDADES E LETRAS, v. 1, p. 4-15, 2014.

10.
BAGNO2012BAGNO. Qué es una lengua? Distintas sociedades, distintas respuestas. Estudios de Lingüística Aplicada, v. 52, p. 121-140, 2012.

11.
BAGNO2012BAGNO. A ignorância transatlântica. Caros Amigos, v. XVI, p. 6-6, 2012.

12.
BAGNO2011BAGNO; REIS, D. S. . A prática da reescrita na produção textual universitária. DLCV (UFPB), v. 8, p. 103-116, 2011.

13.
BAGNO2011BAGNO. O português não procede do latim. Uma proposta de classificação das línguas derivadas do galego. Grial (Vigo), v. 191, p. 34-39, 2011.

14.
BAGNO;Marcos;BAGNO, MARCOS2006BAGNO. Nada na língua é por acaso. Presença Pedagógica, v. 12, p. 22-29, 2006.

15.
BAGNO;Marcos;BAGNO, MARCOS2005BAGNO. Pesquisa lingüística & ensino de língua. Educação e Cidadania, v. 7, p. 47-58, 2005.

16.
BAGNO;Marcos;BAGNO, MARCOS2005BAGNO; Rangel, Egon O. . Tarefas da educação lingüística no Brasil. Revista Brasileira de Lingüística Aplicada, v. 5, p. 63-82, 2005.

17.
BAGNO;Marcos;BAGNO, MARCOS2004BAGNO. Educação lingüística: ter o que dizer, saber dizer, poder dizer. Leituras Contemporâneas, v. 1, p. 87-94, 2004.

18.
BAGNO;Marcos;BAGNO, MARCOS2001BAGNO. Português do Brasil: herança colonial e diglossia. Revista FAEEBA, v. 10, p. 37-47, 2001.

19.
BAGNO;Marcos;BAGNO, MARCOS2001BAGNO. Norma lingüística e preconceito social: questões de terminologia. Veredas (UFJF), v. 5, p. 71-83, 2001.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
BAGNO; Casseb-Galvão, V. C. (Org.) . Dinâmicas funcionais da mudança linguística. 1. ed. São Paulo: Parábola, 2017. v. 1. 224p .

2.
BAGNO. Dicionário crítico de sociolinguística. 1. ed. São Paulo: Parábola, 2017. v. 1. 560p .

3.
Marcos; CARVALHO, Orlene . Gramática brasileña para hablantes de español. 1. ed. São Paulo: Parábola Editorial, 2015. v. 1. 190p .

4.
BAGNO; CARVALHO, Orlene . Poroca, pipoca, paca e outras palavras do tupi. 1. ed. São Paulo: Parábola Editorial, 2014. v. 1. 160p .

5.
BAGNO. Língua Linguagem Linguística: pondo os pingos nos ii. 1. ed. São Paulo: Parábola Editorial, 2014. v. 1. 136p .

6.
BAGNO. O maior azar do mundo. 1. ed. Curitiba: Positivo, 2014. v. 1. 48p .

7.
BAGNO. Murmúrio. 1. ed. Curitiba: Positivo, 2014. v. 1. 48p .

8.
BAGNO. Glossário Ceale: termos de alfabetização, leitura e escrita para educadores. 1. ed. Belo Horizonte: Ceale/FaE, 2014. v. 1. 333p .

9.
BAGNO. Solipso. 1. ed. São Paulo: Parábola Editorial, 2014. v. 1. 136p .

10.
BAGNO. Gramática de bolso do português brasileiro. 1. ed. São Paulo: Parábola Editorial, 2013. v. 1. 344p .

11.
BAGNO. Sete erros aos quatro ventos: a variação linguística no ensino de português. 1. ed. São Paulo: Parábola Editorial, 2013. v. 1. 192p .

12.
BAGNO. Marcéu. 1. ed. Curitiba: Positivo, 2013. v. 1. 48p .

13.
BAGNO. Gramática pedagógica do português brasileiro. 1. ed. São Paulo: Parábola Editorial, 2012. v. 1. 1056p .

14.
BAGNO; Carvalho, Orlene L. S. (Org.) . Dicionários escolares: políticas, formas e usos. São Paulo: , 2011.

15.
LAGARES, X. C. (Org.) ; BAGNO (Org.) . Políticas da norma e conflitos linguísticos. São Paulo: Parábola Editorial, 2011. 392p .

16.
BAGNO. As memórias de Eugênia. Curitiba: Positivo, 2011. v. 1. 88p .

17.
BAGNO. Gramática, pra que te quero?. Curitiba: Aymará, 2010. 320p .

18.
BAGNO. Não é errado falar assim! Em defesa do português brasileiro. São Paulo: Parábola Editorial, 2009.

19.
BAGNO. Gramática: passado, presente e futuro. Curitiba: Aymará, 2009. v. 1. 176p .

20.
BAGNO. Nada na língua é por acaso: por uma pedagogia da variação lingüística. 1. ed. São Paulo: Parábola Editorial, 2007. v. 1. 240p .

21.
BAGNO; Rangel, Egon O. . Dicionários em sala de aula. Brasília: Ministério da Educação, 2006. v. 1. 155p .

22.
BAGNO. A lenda do Muri-Keko. São Paulo: Edições SM, 2005. v. 1. 64p .

23.
BAGNO. Uma vida de contos de fadas: a história de Hans Christian Andersen. São Paulo: Ática, 2005. v. 1. 48p .

24.
BAGNO. Murucututu, a coruja grande da noite. São Paulo: Ática, 2005. v. 1. 40p .

25.
BAGNO. A norma oculta: língua e poder na sociedade brasileira. São Paulo: Parábola Editorial, 2003. v. 1. 200p .

26.
BAGNO. Lingüística da norma. São Paulo: Edições Loyola, 2002. v. 1. 356p .

27.
BAGNO. Norma lingüística. São Paulo: Edições Loyola, 2001. v. 1. 300p .

28.
BAGNO. Português ou brasileiro? Um convite à pesquisa. São Paulo: Parábola Editorial, 2001.

29.
BAGNO. O processo da independência do Brasil. São Paulo: Ática, 2000. v. 1. 55p .

30.
BAGNO. Dramática da língua portuguesa. São Paulo: Edições Loyola, 2000. 327p .

31.
BAGNO. Preconceito lingüístico: o que é, como se faz. São Paulo: Edições Loyola, 1999. v. 1.

32.
BAGNO. Machado de Assis para principiantes. São Paulo: Editora Ática, 1998. v. 1. 182p .

33.
BAGNO. Pesquisa na escola: o que é, como se faz. São Paulo: Edições Loyola, 1998. v. 1. 102p .

34.
BAGNO. Unhas de ferro. Belo Horizonte: Editora Lê, 1997. v. 1. 127p .

35.
BAGNO. A Língua de Eulália. 6. ed. São Paulo: Editora Contexto, 1997. v. 1. 215p .

36.
BAGNO. A vingança da cobra. São Paulo: Editora Ática, 1995. v. 1. 104p .

37.
BAGNO. Bafafá em Mangabela. Belo Horizonte: Formato Editorial, 1995. v. 1. 35p .

38.
BAGNO. Miguel, o cravo e a rosa. Belo Horizonte: Editora Lê, 1995. v. 1.

39.
BAGNO. Rua da Soledade. Belo Horizonte: Editora Lê, 1995. v. 1. 151p .

40.
BAGNO. A barca de Zoé. Belo Horizonte: Formato Editorial, 1994. v. 1. 45p .

41.
BAGNO; REZENDE, S. M. . Os nomes do amor. São Paulo: Editora Moderna, 1992. v. 1. 100p .

42.
BAGNO. Frevo, amor & graviola. São Paulo: Atual Editora, 1991. v. 1. 88p .

43.
BAGNO. Um céu azul para Clementina. Belo Horizonte: Editora Lê, 1991. v. 1. 15p .

44.
BAGNO. O papel roxo da maçã. Belo Horizonte: Editora Lê, 1988. v. 1. 46p .

45.
BAGNO. A invenção das horas. São Paulo: Editora Scipione, 1988. v. 1. 122p .

Capítulos de livros publicados
1.
BAGNO. Duas línguas, quantas políticas?. In: Socorro Cláudia Tavares de Sousa; Maria del Pilar Roca; Andrea S. Ponte. (Org.). Temas de política linguística no processo de integração regional. 1ed.Campinas: Pontes, 2018, v. 1, p. 47-66.

2.
BAGNO. Por que estudar uma gramática brasileira?. In: Vânia Casseb-Galvão; Maria Helena de Moura Neves. (Org.). O todo da língua: teoria e prática do ensino de português. 1ed.São Paulo: Parábola, 2017, v. 1, p. 97-121.

3.
BAGNO; Casseb-Galvão, V. C. . Mudança linguística. In: Marcos Bagno; Vânia Casseb-Galvão. (Org.). Dinâmicas funcionais da mudança linguística. 1ed.São Paulo: Parábola, 2017, v. 1, p. 9-33.

4.
BAGNO; Casseb-Galvão, V. C. . Hipercorreção e analogia: o caso dos particípios passados. In: Mariangela Rios de Oliveira; Maria Mauro Cezario. (Org.). Funcionalismo linguístico: diálogos e vertentes. 1ed.Niterói: Eduff, 2017, v. 1, p. 141-156.

5.
BAGNO. Por que "norma"? Por que "culta"?. In: Francisco Bosco; Eduardo Socha; Joselia Aguiar. (Org.). Indisciplinares. 1ed.Rio de Janeiro: Funarte, 2016, v. 1, p. 43-62.

6.
BAGNO. Variação, avaliação e mídia: o caso do ENEM. In: Ana Maria Stahl Zilles; Carlos Alberto Faraco. (Org.). Pedagogia da variação linguística: língua, diversidade e ensino. 1ed.São Paulo: Parábola, 2015, v. 1, p. 191-224.

7.
BAGNO. Uma gramática propositiva. In: Maria Helena de Moura Neves; Vânia Cristina Casseb-Galvão. (Org.). Gramáticas contemporâneas do português: com a palavra, os autores. 1ed.: , 2014, v. , p. 91-111.

8.
BAGNO. Do galego ao brasileiro passando pelo português: crioulização e ideologias linguísticas. In: Luiz Paulo da Moita Lopes. (Org.). O português no século XXI. 1ed.São Paulo: Parábola Editorial, 2013, v. 1, p. 319-338.

9.
BAGNO. Choses du soir: o que se traduz quando se traduz poesia?. In: Junia Barreto. (Org.). Victor Hugo: disseminações. 1ed.Vinhedo: Horizonte, 2012, v. 1, p. 347-354.

10.
BAGNO; Rangel, Egon O. . Tarefas da educação linguística no Brasil. In: Paulo Coimbra Guedes. (Org.). Educação linguística e cidadania. 1ed.Porto Alegre: Editora UFRGS, 2012, v. , p. 233-255.

11.
BAGNO. Língua e sociedade na história do Brasil. In: Dolores Álvarez; Patrick Chardenet; Manuel Tost. (Org.). L'intercompréhension et les nouveaux défis pour les langues romanes. Paris: Union Latine, 2011, v. 1, p. 31-56.

12.
BAGNO. Os objetivos do ensino de língua na escola: uma mudança de foco. In: Lígia Martha Coelho. (Org.). Língua materna nas séries iniciais do Ensino Fundamental. Petrópolis: Vozes, 2009, v. 1, p. 157-171.

13.
BAGNO. Norma prescritiva & escrita literária. In: Djane Antonucci Correa; Pasqualina B. O. Saleh. (Org.). Práticas de letramento no ensino. São Paulo: Parábola Editorial, 2007, v. 1, p. 19-52.

14.
BAGNO. Preconceito lingüístico? Tô fora!. In: Jaime Pinsky. (Org.). Doze faces do preconceito. São Paulo: Editora Contexto, 1999, v. 1, p. 59-66.

15.
BAGNO. Marcos Bagno. In: Augusto Massi. (Org.). Artes e ofícios da poesia. Porto Alegre: Artes e ofícios, 1991, v. 1, p. 241-254.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
BAGNO. Victor Hugo e a pena de morte. Caros Amigos, São Paulo, p. 6 - 6, 23 out. 2012.

2.
BAGNO. Educação brasileira: rir para não chorar?. Caros Amigos, São Paulo, p. 6 - 6, 01 set. 2012.

3.
BAGNO. Mitos e preconceitos. O Estado de Minas, Belo Horizonte, p. 2 - 3, 18 mar. 2000.

4.
BAGNO. O Deputado e a Língua. Jornal de Brasília, Brasília, p. 5-C - 5-C, 09 jan. 2000.

5.
BAGNO. Astrologia, alquimia e gramática: três doutrinas esotéricas. Jornal de Brasília, Brasília, p. 5-C - 5-C, 14 nov. 1999.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
BAGNO. Dramática ou Gramática? A ilha deserta ou o oceano fecundo. In: III Encontro Nacional de Língua Falada e Escrita, 1999, Maceió - AL. Os Múltiplos Usos da Língua. Maceió - AL: Editora da Universidade Federal de Alagoas, 1999. v. 1. p. 55-57.

Apresentações de Trabalho
1.
BAGNO. O que é e para que serve uma gramática?. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
BAGNO. Especificidades sintáticas do português brasileiro. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
BAGNO. A variação linguística no ensino de português. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
BAGNO. Por uma gramática brasileira. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
BAGNO. O que é e para que serve uma gramática?. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
BAGNO. Nada na língua é por acaso. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

7.
BAGNO. O português brasileiro no contexto internacional. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

8.
BAGNO. O potencial do português brasileiro como língua internacional. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

9.
BAGNO. Por que uma gramática brasileira?. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

10.
BAGNO. A variação linguística nos livros didáticos de português. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

11.
BAGNO. O potencial do português brasileiro como língua internacional. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

12.
BAGNO. Crioulização e ideologias linguísticas. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

13.
BAGNO. Fala, escrita e norma-padrão. 2000. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

14.
BAGNO. Língua Portuguesa: entre o folclore e a ciência. 2000. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

15.
BAGNO. Pesquisa na Escola: o que é, como se faz. 2000. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

16.
BAGNO. Variação e preconceito. 2000. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

17.
BAGNO. Ensino de língua: do preconceito lingüístico à pesquisa. 2000. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

18.
BAGNO. Os (des)caminhos do idioma português de 1500 a 2000. 2000. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

19.
BAGNO. Variação lingüística, preconceito lingüístico e ensino de língua. 2000. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

20.
BAGNO. Aula de português: um convite à pesquisa. 2000. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

21.
BAGNO. Gramática ou dramática? A ilha deserta ou o oceano fecundo?. 1999. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

22.
BAGNO. Ensino e preconceito lingüístico. 1999. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

23.
BAGNO. O círculo vicioso do preconceito lingüístico. 1999. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

24.
BAGNO. Língua, educação e cidadania. 1999. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

25.
BAGNO. Que país? Que povo? Que língua?. 1999. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

26.
BAGNO. O que é falar certo, o que é falar errado?. 1998. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

27.
BAGNO. Preconceito lingüístico, ensino e cidadania. 1998. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

28.
BAGNO. Língua, educação e cidadania. 1998. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

29.
BAGNO. Língua, variação e ensino. 1998. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

30.
BAGNO. A mitologia do preconceito lingüístico. 1998. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

31.
BAGNO. Preconceito, educação e cidadania. 1998. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

32.
BAGNO. Português: uma língua, muitas falas. 1997. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

33.
BAGNO. Livro infantil: uma ilustradução. 1991. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

34.
BAGNO. Traduzir Rimbaud. 1991. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

Outras produções bibliográficas
1.
BAGNO. Volo?inov e a filosofia da linguagem. São Paulo: Parábola, 2015. (Tradução/Livro).

2.
BAGNO. A felicidade aprisionada. São Paulo: SM, 2015. (Tradução/Livro).

3.
BAGNO. A história das línguas: uma introdução. São Paulo: Parábola Editorial, 2015. (Tradução/Livro).

4.
BAGNO. Aquisição da escrita. São Paulo: Parábola Editorial, 2014. (Tradução/Livro).

5.
BAGNO. Letramentos sociais. São Paulo: Parábola Editorial, 2014. (Tradução/Livro).

6.
BAGNO. Escrita e sociedade. São Paulo: Parábola Editorial, 2014. (Tradução/Livro).

7.
BAGNO. Que é um conceito?. São Paulo: Parábola, 2013. (Tradução/Livro).

8.
BAGNO. Alice no país das ciências. São Paulo: Ática, 2013. (Tradução/Livro).

9.
BAGNO. Sem rumo na selva. São Paulo: Edições SM, 2012. (Tradução/Livro).

10.
BAGNO. Numeramento: aquisição das competências matemáticas. São Paulo: Parábola Editorial, 2012. (Tradução/Livro).

11.
BAGNO. Fotografia e império: paisagens para um Brasil moderno. São Paulo: Companhia das Letras, 2012. (Tradução/Livro).

12.
BAGNO. A caixa de lembranças. Curitiba: Positivo, 2012. (Tradução/Livro).

13.
BAGNO. Agora. São Paulo: Edições SM, 2012. (Tradução/Livro).

14.
BAGNO. Dicionário do meio ambiente. São Paulo: Editora do Senac, 2012. (Tradução/Livro).

15.
BAGNO. Medo do conhecimento. São Paulo: Editora do Senac, 2012. (Tradução/Livro).

16.
BAGNO. O dom da infância. São Paulo: Edições SM, 2012. (Tradução/Livro).

17.
BAGNO. Mau-mau. Barcelona: Gustavo Gil, 2012. (Tradução/Livro).

18.
BAGNO; MARCIONILO, M. . Por que estudar literatura?. São Paulo: Parábola Editorial, 2012. (Tradução/Livro).

19.
BAGNO; Zylberlicht, Lea . O livro da hospitalidade. São Paulo: Senac, 2011. (Tradução/Livro).

20.
BAGNO. O grande livro dos retratos de animais. Curitiba: Positivo, 2011. (Tradução/Livro).

21.
BAGNO. O flautista de Hamelin. São Paulo, 2011. (Tradução/Livro).

22.
BAGNO. A máscara da África. São Paulo: Companhia das Letras, 2011. (Tradução/Livro).

23.
BAGNO. Verdade e mentiras na literatura. Campinas: Autores Associados, 2011. (Tradução/Livro).

24.
BAGNO. Dark Life - Vida Abissal. Campinas: Autores Associados, 2011. (Tradução/Livro).

25.
BAGNO. O direito de ler e de escrever. São Paulo: Pulo do Gato, 2011. (Tradução/Livro).

26.
BAGNO. O último da tribo. São Paulo: Companhia das Letras, 2011. (Tradução/Livro).

27.
BAGNO. Fumaça. Curitiba: Positivo, 2011. (Tradução/Livro).

28.
BAGNO. Brünhilde e a saga do anel. São Paulo: Edições SM, 2011. (Tradução/Livro).

29.
BAGNO. Rimbaud: a vida dupla de um rebelde. São Paulo: Companhia das Letras, 2010. (Tradução/Livro).

30.
BAGNO. Princípios da análise do discurso. São Paulo: Editora Ática, 2010. (Tradução/Livro).

31.
BAGNO. Victor Hugo: não à pena de morte. São Paulo: Edições SM, 2010. (Tradução/Livro).

32.
BAGNO. Beowulf. São Paulo: Edições SM, 2010. (Tradução/Livro).

33.
BAGNO. O contador de histórias. São Paulo: Edições SM, 2010. (Tradução/Livro).

34.
BAGNO. Sociologia da comunicação e das mídias. São Paulo: Senac, 2010. (Tradução/Livro).

35.
BAGNO. Dá pra acreditar?. São Paulo: Edições SM, 2009. (Tradução/Livro).

36.
BAGNO. O monstro que adorava ler. São Paulo: Edições SM, 2009. (Tradução/Livro).

37.
BAGNO. O cara. São Paulo: Edições SM, 2009. (Tradução/Livro).

38.
BAGNO. Minha casa azul. São Paulo: Edições SM, 2009. (Tradução/Livro).

39.
BAGNO. 100 numeros para sonhar um mundo diferente. São Paulo: Edições SM, 2009. (Tradução/Livro).

40.
BAGNO. Robin Hood - a lenda de um foragido. São Paulo: Edições SM, 2009. (Tradução/Livro).

41.
BAGNO; Scherre, Maria Marta Pereira . Padrões sociolinguísticos. São Paulo: Parábola Editorial, 2008. (Tradução/Livro).

42.
BAGNO. Hocus Pocus. São Paulo: Difusão Cultural do Livro, 2008. (Tradução/Livro).

43.
BAGNO. O outro livro. São Paulo: Difusão Cultural do Livro, 2008. (Tradução/Livro).

44.
BAGNO. Hibridos - nem homens, nem maquinas. São Paulo: Difusão Cultural do Livro, 2008. (Tradução/Livro).

45.
BAGNO. As visitas. São Paulo: Edições SM, 2008. (Tradução/Livro).

46.
BAGNO. Água mole em pedra dura.... São Paulo, 2007. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

47.
BAGNO; Duarte, Isabel de O. ; Tenfen, Jonas . As políticas lingüísticas. São Paulo: Parábola Editorial, 2007. (Tradução/Livro).

48.
BAGNO. Hércules: a força de um herói. São Paulo: Ática, 2007. (Tradução/Livro).

49.
BAGNO. Prazer, sofrimento, indiferença na educação. São Paulo: Edições Loyola, 2007. (Tradução/Livro).

50.
BAGNO. Um pedacinho de chão. São Paulo: Ática, 2007. (Tradução/Livro).

51.
BAGNO. A invenção de Hugo Cabret. São Paulo: Edições SM, 2007. (Tradução/Livro).

52.
BAGNO. Fundamentos empíricos para uma teoria da mudança lingüística. São Paulo: Parábola Editorial, 2006. (Tradução/Livro).

53.
BAGNO. Os operários com dentes de leite. São Paulo: Edições SM, 2006. (Tradução/Livro).

54.
BAGNO. Criatura contra criador. São Paulo: Edições SM, 2006. (Tradução/Livro).

55.
BAGNO. Por uma sociolingüística militante. São Paulo, 2005. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

56.
BAGNO. Engoli a chave!. São Paulo: Edições SM, 2005. (Tradução/Livro).

57.
BAGNO. Apresentação. São Paulo, 2002. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

58.
BAGNO. Que heranca terao nossos filhos?. São Paulo: Edições Loyola, 2001. (Tradução/Livro).

59.
BAGNO. A guerra dos mundos. São Paulo: Nova Alexandria, 2000. (Tradução/Livro).

60.
BAGNO. História da literatura cristã antiga grega e latina - 2. São Paulo: Loyola, 2000. (Tradução/Livro).

61.
BAGNO. História do Cristianismo. São Paulo: Edições Loyola, 2000. (Tradução/Livro).

62.
BAGNO. Projeto e destino. São Paulo: Editora Ática, 2000. (Tradução/Livro).

63.
BAGNO. História da Filosofia. São Paulo: Edições Loyola, 1999. (Tradução/Livro).

64.
BAGNO. Católico praticante: a busca de um catolicismo para o terceiro milênio. São Paulo: Edições Loyola, 1999. (Tradução/Livro).

65.
BAGNO; LEITE, S. C. . História da filosofia moderna: da revolução científica a Hegel. São Paulo: Edições Loyola, 1999. (Tradução/Livro).

66.
BAGNO. Mulherzinhas. São Paulo: Melhoramentos, 1998. (Tradução/Livro).

67.
BAGNO. Identidade. São Paulo: Editora Ática, 1998. (Tradução/Livro).

68.
BAGNO. Destino selado. São Paulo: Editora Ática, 1998. (Tradução/Livro).

69.
BAGNO. O cavaleiro do Coração de Banha. São Paulo: Editora Ática, 1998. (Tradução/Livro).

70.
BAGNO. Dicionário cultural da Bíblia. São Paulo: Edições Loyola, 1998. (Tradução/Livro).

71.
BAGNO. O jovem rei, e outras histórias. São Paulo: Editora Ática, 1997. (Tradução/Livro).

72.
BAGNO. As duas fases da pregação de Paulo. São Paulo: Edições Loyola, 1997. (Tradução/Livro).

73.
BAGNO. História da Literatura Cristã Antiga Grega e Latina. São Paulo: Edições Loyola, 1997. (Tradução/Livro).

74.
BAGNO. A incrível aventura do gato Joel. São Paulo: Editora Ática, 1997. (Tradução/Livro).

75.
BAGNO. Caça ao fantasma em Torres Bambas. São Paulo: Editora Ática, 1997. (Tradução/Livro).

76.
BAGNO. Pega-ladrão no planeta Zog. São Paulo: Editora Ática, 1997. (Tradução/Livro).

77.
BAGNO. 101 Perguntas sobre os Manuscritos do Mar Morto. São Paulo: Edições Loyola, 1997. (Tradução/Livro).

78.
BAGNO. Chaplin: contraditório vagabundo. São Paulo: Editora Ática, 1997. (Tradução/Livro).

79.
BAGNO. A carta de Tiago. São Paulo: Edições Loyola, 1996. (Tradução/Livro).

80.
BAGNO. Um cientista na cozinha. São Paulo: Editora Ática, 1996. (Tradução/Livro).

81.
BAGNO. Penso, logo me engano. São Paulo: Editora Ática, 1996. (Tradução/Livro).

82.
BAGNO. A saúde perfeita. São Paulo: Edições Loyola, 1996. (Tradução/Livro).

83.
BAGNO. Para ler Paulo. São Paulo: Edições Loyola, 1996. (Tradução/Livro).

84.
BAGNO. Os Padres do Deserto. São Paulo: Edições Loyola, 1996. (Tradução/Livro).

85.
BAGNO. A mente meditativa. São Paulo: Editora Ática, 1996. (Tradução/Livro).

86.
BAGNO. A colcha de retalhos da boneca da vovó. São Paulo: Editora Ática, 1996. (Tradução/Livro).

87.
BAGNO. A colcha de retalhos da Sra. Noé. São Paulo: Editora Ática, 1996. (Tradução/Livro).

88.
BAGNO. Os dois bruxos. São Paulo: Editora Ática, 1996. (Tradução/Livro).

89.
BAGNO. A Biblia - 50 palavras. São Paulo: Edições Loyola, 1995. (Tradução/Livro).

90.
BAGNO. A Bíblia ilustrada para crianças. São Paulo: Editora Ática, 1995. (Tradução/Livro).

91.
BAGNO. Cândido ou o otimismo. São Paulo: Nova Alexandria, 1995. (Tradução/Livro).

92.
BAGNO. A Bíblia - tradução ecumênica. São Paulo: Edições Loyola, 1995. (Tradução/Artigo).

93.
BAGNO. Meu primeiro livro de orações. São Paulo: Edições Loyola, 1994. (Tradução/Livro).

94.
BAGNO. Os heróis míticos e o homem de hoje. São Paulo: Edições Loyola, 1994. (Tradução/Livro).

95.
BAGNO. Primeiras viagens. São Paulo: Editora Scritta, 1994. (Tradução/Livro).

96.
BAGNO. Empresas transnacionais: um grande projeto por dentro. São Paulo: Editora Marco Zero, 1991. (Tradução/Livro).

97.
BAGNO. América Latina: história de meio século-3. Brasília: Editora Universidade de Brasília, 1990. (Tradução/Livro).

98.
BAGNO. América Latina: história de meio século-4. Brasília: Editora Universidade de Brasília, 1990. (Tradução/Livro).

99.
BAGNO. O demônio da meia-noite. Rio de Janeiro: Editora Nova Fronteira, 1990. (Tradução/Livro).

100.
BAGNO. Verdade e existência. Rio de Janeiro: Editora Nova Fronteira, 1990. (Tradução/Livro).

101.
BAGNO. A construção da ciência no Brasil e a SBPC. Brasília: Editora Universidade de Brasília, 1990. (Tradução/Livro).

102.
BAGNO. Comunicação e desintegração na América Latina. Brasília: Editora Universidade de Brasília, 1990. (Tradução/Livro).

103.
BAGNO. América Latina: história de meio século-1. Brasília: Editora Universidade de Brasília, 1988. (Tradução/Livro).

104.
BAGNO. América Latina: história de meio século-2. Brasília: Editora Universidade de Brasília, 1988. (Tradução/Livro).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
BAGNO. Programa Nacional do Livro Didático - PNLD 2010. 2008.

2.
BAGNO. Programa Nacional do Livro Didático - PNLD 2008. 2006.

3.
BAGNO. Programa Nacional do Livro Didático - Dicionários. 2005.

4.
BAGNO. Programa Nacional do Livro para o Ensino Médio. 2004.

Trabalhos técnicos

Demais tipos de produção técnica
1.
BAGNO. Descrição do português brasileiro contemporâneo. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

2.
BAGNO. La coevolución de lengua, cultura y sociedad. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

3.
BAGNO. Sociolingüística y sociología del lenguaje. 2012. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

4.
BAGNO. Mudança linguística. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

5.
BAGNO. Variação lingüística. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

6.
BAGNO. A construcción da norma culta: o portugués brasileiro. 2006. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

7.
BAGNO. Aula de português: um convite à pesquisa. 2000. .

8.
BAGNO. Norma: conceito ou preconceito?. 2000. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

9.
BAGNO. Ensino de língua e preconceito lingüístico. 1999. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

10.
BAGNO. Gramática ou dramática? Ensino de língua e preconceito lingüístico. 1999. .

11.
BAGNO. Variação lingüística e ensino de língua. 1999. .


Produção artística/cultural
Outras produções artísticas/culturais
1.
BAGNO. A Menina e a Pequena Orquestra. 1999.



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
BAGNO; Almeida Filho, Eclair; Tuxi, Patrícia. Participação em banca de Aline Alkmin Camargo Spicacci. Tirinhas da Turma da Mônica: tradução do português para Libras. 2018. Dissertação (Mestrado em Estudos de Tradução) - Universidade de Brasília.

2.
BAGNO; MONTEIRO, J. C. N.; HARDEN, A. O.. Participação em banca de Guilherme Antonio Soares Queiroz. Políticas linguísticas para tradução na União de Nações Sul-americanas: uma abordagem histórico-descritiva. 2017. Dissertação (Mestrado em Estudos de Tradução) - Universidade de Brasília.

3.
BAGNO; CARVALHO, Orlene; Mello, A. A. S.. Participação em banca de Victor Araujo-Coutinho. Variação linguística em livros didáticos de português para estrangeiros: o pronome objeto nulo. 2016. Dissertação (Mestrado em Lingüística) - Universidade de Brasília.

4.
BRITTO, P. H.; MARTINS, M. A. P.; BAGNO. Participação em banca de Débora Landsberg Gelender Coelho. Tradução de diálogos em obras literárias: ampliando os limites da verossimilhança. 2016. Dissertação (Mestrado em ESTUDOS DA LINGUAGEM) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

5.
BAGNO; CARVALHO, Orlene. Participação em banca de João Paulo Vitório Miranda. Voz passiva em Libras? Ou outras estratégias de topicalização?. 2014. Dissertação (Mestrado em Lingüística) - Universidade de Brasília.

6.
BAGNO; COROA, Maria Luíza M. S.; OLIVEIRA, Maria do Socorro. Participação em banca de José Geraldo Pereira Baião. O gênero "apresentação" nos livros didáticos de português. 2007. Dissertação (Mestrado em Lingüística) - Universidade de Brasília.

7.
BAGNO; Scherre, Maria Marta Pereira; Gröski, Edair. Participação em banca de Edilene Patrícia Dias. O uso de tu/você na fala brasiliense. 2007. Dissertação (Mestrado em Lingüística) - Universidade de Brasília.

8.
BAGNO; Damke, Ciro; von Borstel, Clarice. Participação em banca de Isis Ribeiro. Atitudes lingüísticas: um estudo de caso em Foz do Iguaçu. 2007. Dissertação (Mestrado em Letras -Linguagem e Sociedade) - Universidade Estadual do Oeste do Paraná.

9.
BAGNO. Participação em banca de Étel Teixeira de Jesus. O Nordeste na mídia e os estereótipos lingüísticos. 2006. Dissertação (Mestrado em Lingüística) - Universidade de Brasília.

10.
BAGNO. Participação em banca de Karla Patrícia Vieira de Aguiar Costa. O vocabulário dos livros didáticos e dos dicionários escolares infantis: uma análise do campo léxico dos sentimentos humanos. 2006. Dissertação (Mestrado em Lingüística) - Universidade de Brasília.

11.
BAGNO. Participação em banca de Maria Rosa Prandi. Concordância verbal no ensino fundamental: traços sociolingüísticos na fronteira Brasil-Paraguai. 2005. Dissertação (Mestrado em Lingüística) - Universidade de Brasília.

12.
BAGNO. Participação em banca de Fábio José Dantas de Melo. O romani dos calon da região de Mambaí: uma língua obsolescente. 2005. Dissertação (Mestrado em Lingüística) - Universidade de Brasília.

13.
BAGNO. Participação em banca de Maria Alice Fernandes de Sousa. Da fala à escrita: os saberes da oralidade e o início da produção da escrita escolar. 2004. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade de Brasília.

14.
BAGNO. Participação em banca de Marluce Fagotti de Paiva. Estrangeirismos: o que queremos, o que podemos. 2003. Dissertação (Mestrado em Letras) - Universidade Estadual de Londrina.

Teses de doutorado
1.
BAGNO, MARCOS; BRAGA, M. L.; PAIVA, M. C.; SIGILIANO, N. S.; MENDES, R. B.. Participação em banca de Quezia dos Santos Lopes Oliveira. Construcionalização e mudanças construcionais das perífrases cursivas de gerúndio no português. 2018. Tese (Doutorado em Lingüística) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

2.
BAGNO; LAGARES, X. C.; SAVEDRA, M. M. G.; LAGORIO, M. A. C. A.; FANJUL, A. P.. Participação em banca de Ariel Matías Blanco. O campo glotopolítico do espanhol: norma linguística e autoridade normativa. 2016. Tese (Doutorado em ESTUDOS DE LINGUAGEM) - Universidade Federal Fluminense.

3.
MEYER, R. M.; BASÍLIO, M. M.; AZEREDO, J. C.; HEMAIS, B. J. W.; BAGNO. Participação em banca de Fellipe Fernando Cavallero da Silva. Um recorte funcionalista da aspectualidade do Pretérito Perfeito Composto em Português do Brasil e sua relevância para o Português como Segunda Língua para Estrangeiros. 2016. Tese (Doutorado em ESTUDOS DA LINGUAGEM) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

4.
BAGNO; Casseb-Galvão, V. C.; Cezario, M. M.; Ferraz, E. A.; Sousa Filho, S. M.. Participação em banca de Déborah Magalhães de Barros. Um estudo pancrônico da voz reflexiva em perspectiva construcional. 2016. Tese (Doutorado em Letras e Linguística) - Universidade Federal de Goiás.

5.
BAGNO; FREITAG Raquel; SOUSA Gisele Cassia; CAMACHO Roberto Gomes; SOUZA Edson Rosa Francisco. Participação em banca de Mírcia Hermenegildo Salomão Conchalo. A variação estilística na concordância nominal e verbal como construção de identidade social. 2015. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Lingüística e Língua Portuguesa) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

6.
BAGNO; Carvalho, Orlene L. S.; Gomes, Dioney M.; Mello, A. A. S.. Participação em banca de Margot Latt Marinho. Língua de sinais Brasileira: proposta de análise articulatória com base no banco de dados LSB-DF. 2014. Tese (Doutorado em Lingüística) - Universidade de Brasília.

7.
BAGNO; Bonini, A.; Heberle, Viviane; Oliveira, C. B.; COROA, Maria Luíza M. S.. Participação em banca de Sóstenes Cézar de Lima. Hipergênero: agrupamento ordenado de gêneros na constituição de um macroenunciado. 2013. Tese (Doutorado em Lingüística) - Universidade de Brasília.

8.
MULINACCI, Roberto; ARSILLO, Vincenzo; BAGNO. Participação em banca de Livia Assunção Cecilio. L'insegnamento della lingua portoghese nelle università italiane. 2013. Tese (Doutorado em Glottologia e Linguistica) - Università di Bologna.

9.
BAGNO; Rojo, Roxane; Gomes, Dioney M.; BORTONI-RICARDO, Stella Maris. Participação em banca de Caroline Rodrigues Cardoso. Letramentos escolares no ensino médio. 2012. Tese (Doutorado em Lingüística) - Universidade de Brasília.

10.
COROA, Maria Luíza M. S.; BAGNO; CAMACHO, Roberto G.; Mollica, M. C.; BORTONI-RICARDO, Stella Maris. Participação em banca de Paula Maria Cobucci Ribeiro Dias. Contribuições da sociolinguística educacional para a formação continuada de professores. 2011. Tese (Doutorado em Lingüística) - Universidade de Brasília.

11.
BAGNO; COROA, Maria Luíza M. S.; Magalhães, Izabel; VIAN Jr., Orlando; BORTONE, Márcia E.. Participação em banca de André Lúcio Bento. A voz dos eventos sociais: uma construção pela atividade de textos e de discursos. 2011. Tese (Doutorado em Lingüística) - Universidade de Brasília.

12.
BAGNO; Duarte, Maria Eugenia L.; Gomes, Christina Abreu; Orsini, Mônica Tavares; Cavalcanti, Silvia Regina de Oliveira. Participação em banca de Renata Lopes Marafoni. A distribuição do objeto nulo no português europeu e no português brasileiro. 2010. Tese (Doutorado em Letras (Letras Vernáculas)) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

13.
BAGNO. Participação em banca de Flaminio de Oliveira Rangel. Mediação pedagógica em EAD: a falta de tempo como sintoma. 2009. Tese (Doutorado em Educação (Currículo)) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

14.
BAGNO; Guedes, Paulo Coimbra. Participação em banca de Rute Izabel Simões Conceição. O professor de língua portuguesa na visão de formandos em Letras. 2008. Tese (Doutorado em Filologia e Língua Portuguesa) - Universidade de São Paulo.

15.
BAGNO. Participação em banca de Clara Zeni Camargo Dornelles. "A gente não quer ser tradicional, mas... Como é que faz daí?" A inovação curricular e o debate popularizado sobre língua portuguesa e ensino. 2008. Tese (Doutorado em Lingüística Aplicada) - Universidade Estadual de Campinas.

16.
BAGNO. Participação em banca de Elton Bruno Siqueira. A crise da masculinidade na dramaturgia de Nelson Rodrigues, Plinio Marcos e Newton Moreno. 2007. Tese (Doutorado em Letras) - Universidade Federal de Pernambuco.

17.
BAGNO. Participação em banca de Maria Hozanete Alves de Lima. A homonímia ? um fenômeno singular e uma pluralidade de questões. 2003. Tese (Doutorado em Letras e Lingüística) - Universidade Federal de Alagoas.

18.
BAGNO. Participação em banca de Raul Hernando Osorio Vargas. O lugar da fala na pesquisa da reportagensaio. 2003. Tese (Doutorado em Ciências da Comunicação) - Universidade de São Paulo.

19.
BAGNO. Participação em banca de Ana Taís Portanova Martins. Sob o nome de real. 2003. Tese (Doutorado em Ciências da Comunicação) - Universidade de São Paulo.

Qualificações de Doutorado
1.
BAGNO. Participação em banca de Clara Zeni Camargo Dornelles. "A gente não quer ser tradicional, mas... Como é que faz daí?" A inovação curricular e o debate popularizado sobre língua portuguesa e ensino. 2007. Exame de qualificação (Doutorando em Lingüística Aplicada) - Universidade Estadual de Campinas.

2.
BAGNO; Nicolau, Eunice; Ramos, Jânia M.. Participação em banca de Candice Navarro Fernandez. Padronização do português brasileiro: enfoque sociolingüístico. 2007. Exame de qualificação (Doutorando em Estudos Lingüísticos) - Universidade Federal de Minas Gerais.

Qualificações de Mestrado
1.
LAGARES, X. C.; NOBRE, M. M. R.; BAGNO. Participação em banca de Davidson Martins Viana Alves. Sibilantes do espanhol/L1 e L2: evolução fonética e práticas político-ideológicas no ensino de pronúncia. 2016.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
65o Seminário do Grupo de Esudos Linguísticos do Estado de São Paulo.A produção de gramáticas como política linguística. 2017. (Seminário).

2.
III Congreso Latinoamericano de Glotopolítica. La producción de gramáticas como política lingüística. 2017. (Congresso).

3.
Palestra de Marcos Bagno.Le specificità del portoghese brasiliano. 2017. (Seminário).

4.
Palestra de Marcos Bagno.Le specificità del portoghese brasiliano. 2017. (Seminário).

5.
Palestra de Marcos Bagno.Brasil: conflictos lingüísticos y conflictos sociales. 2017. (Seminário).

6.
Palestra de Marcos Bagno.Português brasileiro: que língua é essa?. 2017. (Seminário).

7.
Palestra de Marcos Bagno.Brasil: conflictos lingüísticos y conflictos sociales. 2017. (Seminário).

8.
Palestra de Marcos Bagno.Português brasileiro: que língua é essa?. 2017. (Seminário).

9.
Séminaire de sociolinguistique.Qu'est-ce qu'une langue?. 2017. (Seminário).

10.
Aula Magna. Preconceito linguístico: 15 anos depois. 2016. (Congresso).

11.
Aula Magna.Duas línguas: quantas políticas?. 2016. (Outra).

12.
Conferência.Preconceitos linguísticos e outros preconceitos sociais. 2016. (Simpósio).

13.
Conferência.Preconceitos linguísticos e outros preconceitos sociais. 2016. (Outra).

14.
II Encotnro de Professores de Línguas, Literaturas e Culturas.Produção de gramáticas como políticas linguísticas. 2016. (Encontro).

15.
III Seminário Acadêmico de Letras.Por que uma gramática brasileira?. 2016. (Seminário).

16.
Semana Acadêmica de Letras.Preconceitos linguísticos e outros preconceitos sociais. 2016. (Seminário).

17.
VI Encontro do Grupo de Estudos Funcionalistas / II Escola de Altos Estudos em Linguística.Topicalização no português brasileiro: descrição e ensino. 2016. (Encontro).

18.
VI SIELP Simpósio Internacional de Estudos de Língua Portuguesa.A produção de gramáticas: imperativos sociais. 2016. (Simpósio).

19.
Gallaecia - III Congresso Internacional de Linguística Histórica. Portugalego: uma nova cliassifcação para uma nova família de línguas. 2015. (Congresso).

20.
II Colóquio Internacional sobre Ensino e Aprendizagem de Português.A topicalização no português brasileiro. 2015. (Encontro).

21.
III Simpósio Internacional de Linguística Funcional.Hipercorreção e analogia. 2015. (Simpósio).

22.
V SIMELP.Ensinar português no contexto acadêmico italiano. 2015. (Seminário).

23.
V SIMELP.A gramática nos livros didáticos de português. 2015. (Simpósio).

24.
Conferência na Universidade de Helsinki. As especificidades do português brasieliro. 2014. (Congresso).

25.
II Colóquio da AISPEB. Por que uma gramática brasileira?. 2014. (Congresso).

26.
2o CIPLOM. Por que uma gramática brasileira?. 2013. (Congresso).

27.
Conferência com Marcos Bagno no IBRACO.Variação e ensino de língua. 2013. (Encontro).

28.
Conferencia con Marcos Bagno en la UABC.Por una concepción contemporánea de lengua. 2013. (Encontro).

29.
L'Università per il multilinguismo. Che cos'è una lingua? Immaginario, scienza e ipostasi. 2013. (Congresso).

30.
Taller en la UABC.El concepto de norma y su iportancia en la práctica didáctica y traductora. 2013. (Oficina).

31.
X Deutscher Lusitanistentag. Genocídio, migração forçada e contato na formação do português brasileiro. 2013. (Congresso).

32.
XVIII SELL.A variação linguística nos livros didáticos. 2013. (Seminário).

33.
XXI INSTITUTO DA ABRALIN. Mudança linguística: processo sociocognitivo. 2013. (Congresso).

34.
Conferenza del Prof. Marcos Bagno.As especificidades do português brasileiro no conjunto das línguas românicas. 2012. (Encontro).

35.
Curso de Sociolingüística.Variación y cambio lingüísticos. 2012. (Oficina).

36.
Error o cambio?. Error o cambio? Sentido común y análisis científica en la educación lingüística. 2012. (Encontro).

37.
I CONVERSAS EM PRÁTICA.ORTOGRAFIA: HISTÓRIAS, MITOS E CONSEQUÊNCIAS PARA O ENSINO. 2012. (Simpósio).

38.
II Ciclo de Palestras Tradução em Contexto.Norma linguística e tradução. 2012. (Simpósio).

39.
II CIDS. O português não procede do latim, mas do galego. 2012. (Congresso).

40.
La variazione linguistica tra literacy e discorso mediatico. Le specificità del portoghese brasiliano nell'insieme delle lingue romanze. 2012. (Congresso).

41.
Letras Debate.O que é e para que serve uma gramática?. 2012. (Encontro).

42.
XXI SIJO.Preconceito linguísitco. 2012. (Simpósio).

43.
XXIV SEMANA DE LETRAS / IBILCE. O que é e para que serve uma gramática?. 2012. (Congresso).

44.
Homenagem aos 40 anos dos Programas de Pós-graduação em Linguística, Literatura e Inglês da UFSC.Prolegômenos à discussão sobre o futuro da nomra. 2011. (Seminário).

45.
III Simpósio Mundial de Estudos de Língua Portuguesa.Crioulização e ideologias linguísticas. 2011. (Simpósio).

46.
I Jornada de Linguagem da FAED.Gramática, pra que te quero?. 2011. (Seminário).

47.
Sociolinguística e didática.O livro didático em questão. 2011. (Encontro).

48.
II Forum de Linguística Aplicda e Ensino de Línguas. A vaariação linguística no ensino de português. 2010. (Congresso).

49.
Portugués Brasileño.Qué es una lengua?. 2010. (Seminário).

50.
2 Foro de Lenguas de ANEP. Qué es una lengua? Distintas sociedades, distintas respuestas. 2009. (Congresso).

51.
I Congresso Internacional de Linguística Histórica. Mudança linguística. 2009. (Congresso).

52.
XVII Congresso brasileiro de professores de francês. Crioulização e ideologias linguísticas: do galego ao brasileiro, passando pelo português. 2009. (Congresso).

53.
Ceale Debate.Por uma pedagogia da variação lingüística. 2007. (Seminário).

54.
I EPROL. Por uma pedagogia da variação lingüística. 2007. (Congresso).

55.
I Simpósio de Letras da UEPA.Por uma pedagogia da variação lingüística. 2007. (Simpósio).

56.
Semana de Letras da FAFICP.Por uma pedagogia da variação lingüística. 2007. (Seminário).

57.
Semana de Letras da FAMA.Por uma pedagogia da variação lingüística. 2007. (Seminário).

58.
VI Semana de Letras UNICENTRO.Por uma pedagogia da variação lingüística. 2007. (Seminário).

59.
CEALE Debate.Nada na língua é por acaso. 2006. (Seminário).

60.
III Encontro Nacional do GELCO.Da fala para a escrita: mudanças completadas no português brasileiro. 2006. (Encontro).

61.
I Semana de Letras: Linguagens em Interação.O tratamento das variedades lingüísticas na sala de aula de língua portuguesa. 2006. (Seminário).

62.
IV Encontro sobre ensino de língua e de literatura.O multiculturalismo e o ensino de língua e de literatura: dimensões sociológicas. 2006. (Encontro).

63.
IX Semana Acadêmica do UGB.Educação lingüística: o que é, como se faz. 2006. (Simpósio).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Marllon Valença. O gerúndio na escrita jornalística. Início: 2016. Dissertação (Mestrado em ESTUDOS DE LINGUAGEM) - Universidade Federal Fluminense. (Orientador).

Tese de doutorado
1.
Carlos Eduardo Deoclecio. Contato linguístico na serra capixaba. Início: 2017. Tese (Doutorado em ESTUDOS DE LINGUAGEM) - Universidade Federal Fluminense. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Julwaity Cardoso Neto. Inteligência financeira e respectiva terminologia. 2013. Dissertação (Mestrado em Estudos de Tradução) - Universidade de Brasília, . Orientador: Marcos Araújo Bagno.

2.
Rafaela Moreira dos Santos. Norma linguística e tradução: a normatização dos demonstrativos no processo tradutório. 2013. Dissertação (Mestrado em Estudos de Tradução) - Universidade de Brasília, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Marcos Araújo Bagno.

3.
Ana Cláudia Vieira Braga. Norma linguística e oralidade fingida na tradução de Persépolis. 2013. Dissertação (Mestrado em Estudos de Tradução) - Universidade de Brasília, . Orientador: Marcos Araújo Bagno.

4.
Tayana de Alencar Tormena. Políticas lingüísticas na virada do século XXI: o Programa Nacional do Livro Didático. 2007. Dissertação (Mestrado em Lingüística) - Universidade de Brasília, . Orientador: Marcos Araújo Bagno.

5.
Sóstenes Cezar de Lima. Impacto do vernáculo sobre os usos de "onde" na escrita monitorada. 2007. Dissertação (Mestrado em Lingüística) - Universidade de Brasília, . Orientador: Marcos Araújo Bagno.

6.
Rejane Matias Gomes da Silva. A gramática invisível: o caso das orações relativas. 2007. Dissertação (Mestrado em Lingüística) - Universidade de Brasília, . Orientador: Marcos Araújo Bagno.

7.
Liv Chamma. A variação lingüística nos livros didáticos de português (5a à 8a séries). 2007. Dissertação (Mestrado em Lingüística) - Universidade de Brasília, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Marcos Araújo Bagno.

8.
Susana Sousa Brito. Se passivo? Pela derrubada da concordância com a qual ninguém concorda. 2007. Dissertação (Mestrado em Lingüística) - Universidade de Brasília, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Marcos Araújo Bagno.

9.
Paula Maria Cobucci Ribeiro Coelho. O tratamento da variação lingüística no livro didático de português. 2007. Dissertação (Mestrado em Lingüística) - Universidade de Brasília, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Marcos Araújo Bagno.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Rafael Neves de Menezes Agostinho. A tradução técnica de textos econômicos para a compreensão de fatos contemporâneos. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Letras - Tradução Francês) - Universidade de Brasília. Orientador: Marcos Araújo Bagno.

2.
Mayla Cataldi. Tom na fazenda/Tom à la ferme. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Letras - Tradução Francês) - Universidade de Brasília. Orientador: Marcos Araújo Bagno.

3.
Caroline Marie Pierrard. Dança do ventre, dança de palavras. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Letras - Tradução Francês) - Universidade de Brasília. Orientador: Marcos Araújo Bagno.

4.
Patrícia Vieira Nunes Gomes. Vocabulário bilíngue da avaliação educacional: francês-português do Brasil. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Letras - Tradução Francês) - Universidade de Brasília. Orientador: Marcos Araújo Bagno.

Iniciação científica
1.
José Edicarlos de Aquino. Pesquisa sociolingüística em ambiente escolar. 2007. Iniciação Científica. (Graduando em Letras Português) - Universidade de Brasília. Orientador: Marcos Araújo Bagno.

2.
Mircéa Cândida Frasão. Ensino de uma língua morta. 2007. Iniciação Científica. (Graduando em Letras Português) - Universidade de Brasília. Orientador: Marcos Araújo Bagno.

3.
Karla Amâncio Ismail. O português em sala de aula. 2007. Iniciação Científica. (Graduando em Letras Português) - Universidade de Brasília. Orientador: Marcos Araújo Bagno.



Inovação



Projetos de pesquisa



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 15/12/2018 às 5:46:32