Paulo Sérgio Siebra Beraldo

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/9452411023996508
  • Última atualização do currículo em 28/06/2015


Possui graduação em Medicina pela Universidade de Brasília (1981), residência (1984) e mestrado (1987) em Clínica Médica pela Universidade de Brasília; doutorado, também em Clínica Médica, pela Universidade de São Paulo - FMRP (1993). Atualmente é vinculado à Associação das Pioneiras Sociais (Rede Sarah de Hospitais de Reabilitação, Sarah Centro) e colaborador da Associação Médica de Brasília (Editor Associado da Revista Brasília Médica). Tem experiência na área de Clínica Médica, com ênfase em Pneumologia (TE 2008) atuando nas seguintes linhas de pesquisa: função cardiopulmonar na lesão medular traumática; medicina baseada em evidência; metodologia científica. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Paulo Sérgio Siebra Beraldo
Nome em citações bibliográficas
BERALDO, P. S. S.;BERALDO, P S S

Endereço


Endereço Profissional
Associação das Pioneiras Sociais, Centro Sarah de Formação e Pesquisa.
SMHS Quadra 301, bloco B, número 45
Asa Sul
70334-900 - Brasilia, DF - Brasil
Telefone: (61) 33191625
Fax: (61) 33191538
URL da Homepage: http://www.sarah.br


Formação acadêmica/titulação


1988 - 1993
Doutorado em Medicina (Clínica Médica).
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: Estudo da Configuração Toraco-Abdominal em Pacientes com Lesão Medular. Utilização de um Sistema de Análise Cinemático Tridimensional Computadorizado: Validação do Método e Aplicação., Ano de obtenção: 1993.
Orientador: José Carlos Manço.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico.
Palavras-chave: função pulmonar; lesão medular traumática; tetraplegia; configuração tóraco-abdominal; mecânica respiratória.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Fisiatria.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Pneumologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Neurologia.
Setores de atividade: Saúde Humana.
1984 - 1987
Mestrado em Medicina (Clínica Médica).
Universidade de Brasília, UNB, Brasil.
Título: Sobre a Infecção Chagásica Experimental no Rato. Estudo Eletrocardiográfico Seriado e Funcional Autonômico do Coração, Correlacionado a Histopatologia,Ano de Obtenção: 1987.
Orientador: Luiz Fernando Junqueira Jr.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico.
Palavras-chave: cardiopatia chagásica; neuropatia autonômica; Doença de Chagas; experimental; rato.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Doenças Infecciosas e Parasitárias.
Setores de atividade: Saúde Humana.
1982 - 1984
Especialização em Residência Médica Em Clínica Médica.
Universidade de Brasília, UNB, Brasil.
1976 - 1981
Graduação em Medicina.
Universidade de Brasília, UNB, Brasil.




Formação Complementar


2007 - 2007
MECOR level 3B. (Carga horária: 40h).
American Thoracic Society.
1999 - 1999
ATLS American College of Surgeons. (Carga horária: 30h).
Universidade de Brasília, UNB, Brasil.
1998 - 1998
Applications Of Case-Control Method. (Carga horária: 40h).
Johns Hopkins University.
1998 - 1998
Clinical Trials Issues And Controversies. (Carga horária: 40h).
Johns Hopkins University.
1998 - 1998
Intermediate Biostatistics. (Carga horária: 40h).
Johns Hopkins University.
1998 - 1998
Methods Of Epidemiology.
Johns Hopkins University.


Atuação Profissional



Associação das Pioneiras Sociais, APS, Brasil.
Vínculo institucional

1998 - Atual
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Liderança, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Compõe o núcleo de Liderança do Programa de Neuroreabilitação em Lesão Medular

Atividades

09/2007 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Rede Sarah de Hospitais do Aparelho Locomotor de Brasília, .

Cargo ou função
Membro da Comissão de Avaliação de Trabalhos Científicos, da Rede Sarah de Hospitais de Reabilitação (Comunicado nº 031/2007 - PR/APS, 18/09/2007).
8/1998 - Atual
Direção e administração, Rede Sarah de Hospitais do Aparelho Locomotor, Centro Sarah de Formação e Pesquisa.

Cargo ou função
Coordenador de Programa de Pós-Graduação em Ciências da Reabilitação.
08/1998 - Atual
Direção e administração, Rede Sarah de Hospitais do Aparelho Locomotor de Brasília, .

Cargo ou função
Liderança do Laboratório de Função Pulmonar.
8/1998 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Rede Sarah de Hospitais do Aparelho Locomotor, Centro Sarah de Formação e Pesquisa.

8/1998 - Atual
Ensino, Especialização Em Ciências da Reabilitação, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
Orientação/supervisão
Metodologia de pesquisa
8/1998 - Atual
Treinamentos ministrados Laboratório de Função Pulmonar.

Treinamentos ministrados
Estágio supervisionado em investigação da Função Pulmonar
1/1998 - Atual
Ensino, Mestrado em Ciências da Reabilitação, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Elaboração de Dissertação Final
Estágio Supervionado
Metodologia de Pesquisa
Microinformática aplicada à Pesquisa Biomédica
Pesquisa Orientada 1
Pesquisa Orientada 2
Reabilitação Cardiopulmonar
Seminários de Pesquisa


Linhas de pesquisa


1.
Função pulmonar no grande incapacitado

Objetivo: Investigar alterações da função pulmonar em pacientes com lesão medular e, mais recentemente, na pós-poliomielite. No primeiro caso sabe-se que, a depender do nível e extensão da lesão medular, os músculos inspiratórios e expiratórios podem estar comprometidos, promovendo um distúrbio ventilatório restritivo e dificuldade na expectoração. Além desses fatos, o comprometimento do componente simpático do SNA pode interferir no controle do tônus brônquico, bem como afetar a sensibilidade de receptores pulmonares do reflexo da tosse. Outros aspectos correlatos também são explorados como a estenose traqueal pós traqueostomia e os efeitos da imersão, ao nível dos ombros, sobre a função pulmonar desses pacientes. No que tange aos pacientes com pós-poliomiete, investigamos o real impacto da escoliose/cifose, que muitos desenvolvem posteriormente ao acometimento agudo da doença, sobre a função pulmonar.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Pneumologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Fisiatria.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Fisioterapia e Terapia Ocupacional.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas; Saúde Humana.
Palavras-chave: lesão medular traumática; função pulmonar; imersão; pós-poliomielite; reflexo da tosse; estenose de traquéia.
2.
Avaliação cardiovascular no grande incapacitado

Objetivo: O objetivo dessa linha são pacientes vítimas de lesão medular traumática e com acidente encefálico, do tipo isquêmico (AVCI). No primeiro caso investigamos, mediante monitorização ambulatorial da pressão arterial, a real prevalência da disrreflexia autonômica. Quanto aos pacientes com AVCI, investigamos a potencial participação do forame oval patente na lesão cerebral, particularmente entre jóvens e sem definição etiológica (criptogênicos).
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Fisiatria.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Cardiologia.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Fisioterapia e Terapia Ocupacional.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas; Saúde Humana.
Palavras-chave: MAPA; AVCI; ecocardiografia transesofágica; patent foramen ovale.
3.
Gasto energético na reabilitação motora

Objetivo: O parâmetro ideal para avaliar a prescrição e efetividade de um programa de reabilitação motora é a funcionalidade. O gasto energético é a melhor tradução desse parâmetro, já que resulta no equilíbrio entre oferta e demanda. Existem várias formas de se avaliar o gasto energético. A freqüência cardíaca é uma delas, já que, em exercícios submáximos, guarda uma relação linear positiva com o consumo de oxigênio e, por extensão, com o gasto energético. O grupo vem se dedicando em discernir qual a melhor forma de considerar a freqüência cardíaca nesse contexto, sempre confrontada com a mensuração do oxigênio consumido (padrão-ouro). Numa primeira etapa foram determinados os parâmetros de validação para, em seguida, definirmos a reprodutibilidade e responsividade desses índices.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Fisioterapia e Terapia Ocupacional.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Educação Física / Subárea: Atividade física adaptada.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Pneumologia.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas; Saúde Humana; Cuidado À Saúde das Populações Humanas.
Palavras-chave: gasto energético; tetraplegia; freqüência cardiaca.
4.
Projetos isolados

Objetivo: Essa linha funciona como "guarda-chuva" para abrigar projetos de interesse institucional, pontuais, referentes a demandas isoladas dentro do contexto da reabilitação motora. Assim, até o momento, foram desenvolvidos projetos referentes a palmilhas para fascite plantar (ensaio clínico randomizado comparando palmiilhas pré-moldadas e sob molde); tradução, adaptação cultural e validação de um questionário norte-americano para avaliação de membros superiores (Disabilities of the Arm Shoulder and Hand - DASH); fatores de risco para o desenvolvimento de ossificação heterotópica em pacientes com lesão medular (caso-controle); analgesia pós-operatória em artroplastia total do quadril (ensaio clínico randomizado comparativo entre a analgesia peridural contínua e o bloqueio contínuo do plexo lombar pela via posterior).
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Fisioterapia e Terapia Ocupacional.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica / Especialidade: Fisiatria.
Setores de atividade: Cuidado À Saúde das Pessoas; Saúde Humana; Cuidado À Saúde das Populações Humanas.
Palavras-chave: ensaio clínico randomizado; caso-controle; DASH; analgesia.


Projetos de pesquisa


2008 - Atual
Envolvimento pulmonar nos indivíduos com tumores ósseos
Descrição: Os tumores ósseos malignos, notadamente o osteossarcoma, são tumores agressivos que evoluem com metástase precocemente que acometem crianças, adolescentes e adultos jovens geralmente até a segunda década de vida. Metástases estão presentes em até 20% dos pacientes no momento do diagnóstico, sendo que 85% delas localizam-se nos pulmões. A presença de metástases pulmonares, embora modifique o prognóstico da doença, não contra-indica o tratamento cirúrgico. Independente desses fatores, a proposta é a realização da ressecção dos nódulos pulmonares. A técnica cirúrgica utilizada pode ser pneumectomia, lobectomia ou segmentectomia, a depender da localização, extensão e gravidade da lesão. No geral, após toracotomias, pneumonias, atelectasia, pneumotórax e derrame pleural são complicações mais freqüentes mencionadas. A literatura especializada não esclarece sobre os prováveis fatores de risco associados às complicações pulmonares especificamente no pós-operatório de indivíduos com tumores ósseos. Tendo em vista que esses tumores apresentam especificidades próprias, seria interessante melhor caracterizarmos o envolvimento pulmonar em diversas circunstância no curso clínico desses pacientes. Um desses aspectos envolve conhecermos o perfil de risco dos potenciais pacientes que irão complicar no pós-operatório, no sentido de podermos atuar preventivamente, minimizando a morbimortalidade nesses casos..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: / Mestrado profissional: (1) .

Integrantes: Paulo Sérgio Siebra Beraldo - Coordenador / Rogério Santos Silva - Integrante.
2007 - Atual
Reprodutibilidade e responsividade dos índices de batimentos cardíacos na avaliação do gasto energético de pacientes com lesão medular
Descrição: O objetivo é verificar a reprodutibilidade e responsividade dos índices baseados nos batimentos cardíacos (índice de batimentos cardíacos totais; índice de custo fisiológico; índice de custo cardíaco na propulsão) para mensuração do gasto energético durante o deslocamento em cadeira de rodas de indivíduos adultos com lesão medular.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: / Mestrado profissional: (1) .

Integrantes: Paulo Sérgio Siebra Beraldo - Coordenador / Alessandra Célia Bonfim Coutinho - Integrante / Frederico Ribeiro Neto - Integrante.
2007 - Atual
Impacto da escoliose na função pulmonar de pacientes com pós-poliomielite
Descrição: Pacientes com diagnóstico de pós-poliomielite desenvolvem, dentre diversas deformidades, desvios de eixo da coluna vertebral, numa proporção de 30%. Por outro lado, dentre os casos de escoliose, 62% estão associados à poliomielite. Freqüentemente, a longo prazo, esses pacientes apresentam sintomas respiratórios e passam a necessitar de suporte ventilatório. Nesse contexto, a avaliação da função respiratória é importante, não só no diagnóstico, como também no acompanhamento. Ademais, não se sabe qual o valor prognóstico que essa avaliação teria, no sentido de identificar a importância da presença de uma escoliose, associada ou não a fraqueza seqüelar da musculatura respiratória. A avaliação da função pulmonar poderá ser também útil para detectar fatores de risco de complicações respiratórias e perda de performance. Uma revisão da literatura especializada evidenciou poucas investigações sobre o tema. Os estudos divergiram quanto à correlação da escoliose e função respiratória em pacientes com pós-poliomielite, além de apresentarem limitações metodológicas e de análise..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: / Mestrado profissional: (1) .

Integrantes: Paulo Sérgio Siebra Beraldo - Coordenador / Sergio Ricardo Menezes Mateus - Integrante / Cícero Ricardo Gomes - Integrante / Rogério Antônio Canuto - Integrante.
2005 - 2007
Validação de índices de batímetos cardíacos para estimativa da eficiência energética em pacientes com lesão medular
Descrição: Grande número de indivíduos com lesão medular faz uso de cadeira de rodas. Avaliar o gasto energético nesses pacientes é extremamente útil. A mensuração do consumo de oxigênio é de elevado custo e restrita a ambientes laboratoriais. Uma alternativa é a utilização de índices baseados nos batimentos cardíacos. Não existem evidências da validade desses índices no contexto mencionado. Nosso objetivo foi validar esses índices na avaliação do gasto energético durante a propulsão da cadeira de rodas por indivíduos com lesão medular. Participaram 48 homens (29 7,8 anos de idade) com lesão medular traumática entre C6 e T12, ASIA A ou B (motor completo). O tempo de lesão variou de 0,3 a 14,4 anos. No exame, foram coletados os dados de consumo de oxigênio e freqüência cardíaca, durante o repouso e exercício, mediante analisador de gases portátil e monitor de batimentos cardíacos. O exercício consistiu em tocar a cadeira em velocidade confortável, por cinco minutos. A partir dos batimentos cardíacos, velocidade e distância, os índices de custo fisiológico (ICF), de batimentos cardíacos totais (IBCT) e de custo cardíaco de propulsão (ICCP) foram obtidos. Esses resultados foram correlacionados com o custo de oxigênio e nível de lesão. Independentemente do nível de lesão, os melhores resultados foram apresentados, de forma equivalente, pelo IBCT (r=0,58; P <0,001 e IC95% de 0,36 a 0,74) e ICCP (r=0,59; P <0,0001 e IC95% de 0,36 a 0,75), enquanto que o pior coeficiente foi dado pelo ICF (r=0,38; P<0,01 e IC95% de 0,11 a 0,60). Pelo menos nos pacientes estudados, os índices IBCT e ICCP foram válidos para estimar o gasto energético durante a propulsão da cadeira de rodas. Todos os índices mostraram uma correlação coerente com o nível da lesão.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Especialização: (1) / Mestrado profissional: (1) .

Integrantes: Paulo Sérgio Siebra Beraldo - Coordenador / Alessandra Célia Bonfim Coutinho - Integrante / Maria Márcia Gomes - Integrante / Frederico Ribeiro Neto - Integrante.

Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 2
2005 - 2007
Efetividade das palmilhas sob molde e pré-moldada, confeccionadas em etileno acetato de vinila, na fascite plantar não-complicada
Descrição: Palmilhas constituem uma das modalidades de tratamento mais indicadas para o alívio da dor causada pela fascite plantar. Este ensaio clínico, randomizado e duplo-cego, analisou a efetividade da palmilha pré-moldada e sob molde, ambas confeccionadas em etileno acetato de vinila (EVA), um polímero de baixo custo e raramente citado por estudos publicados sobre o tratamento da fascite plantar não complicada. O estudo foi conduzido entre maio de 2004 e julho de 2005. Cada participante foi reavaliado com quatro e oito semanas de seguimento. Cento e quarenta e dois pacientes foram randomicamente alocados para receber um par de palmilhas pré-moldadas ou sob molde, ambas confeccionadas em EVA. Foi utilizada a subescala dor do questionário FFI (Foot Function Index) para avaliação do desfecho primário. Os desfechos secundários foram dor à palpação na projeção medial do calcâneo e o FFI total (além da dor, os itens limitação funcional e incapacidade), avaliados através de escalas analógico-visuais. Cento e vinte e cinco pacientes retornaram a pelo menos uma das revisões (62 pertencentes ao grupo palmilha pré-moldada e 63 ao grupo sob molde). A análise de covariância mostrou significância estatística do efeito tempo (P < 0.001), mas nenhuma interação do tempo com o tipo de palmilha, indicando que os dois grupos apresentaram melhora da dor de forma similar ao longo do tempo. Conclusões: As palmilhas pré-moldada e sob molde confeccionadas em EVA tiveram a mesma efetividade no tratamento da fascite plantar não-complicada, após oito semanas de acompanhamento. Numa revisão sistemática das evidências disponíveis, nossos resultados foram similares aos de outros estudos, embora esses tenham utilizado palmilhas confeccionadas com outros materiais. Como a palmilha pré-moldada demonstrou ser tão efetiva quanto a sob molde, cujo custo e o tempo de confecção é maior, a primeira deveria ser preferencialmente indicada. Trial registration: Australian New Zealand Clinical Trials Registry, ACTRN.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: / Mestrado profissional: (1) .

Integrantes: Paulo Sérgio Siebra Beraldo - Coordenador / Valéria Baldassin - Integrante / Cícero Ricardo Gomes - Integrante.

Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1
2005 - 2007
Analgesia pós-operatória em artroplastia total do quadril: estudo comparativo entre a analgesia peridural contínua e o bloqueio contínuo do plexo lombar pela via posterior
Descrição: Trata-se de um ensaio clínico randomizado onde duas técnicas de analgesia pós-operatória contínua (peridural e perineural do plexo lombar) na artroplastia total de quadril foram comparadas. O desfecho primário foi a intensidade da dor nas primeiras 48h. Vários desfechos secundários foram apreciados, dentre os quais destacam-se a reabilitação funcional e os efeitos adversos. Foram investigados 41 pacientes e os resultados demonstraram que a via peridural foi mais efetiva.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: / Mestrado profissional: (1) .

Integrantes: Paulo Sérgio Siebra Beraldo - Integrante / Renato Angelo Saraiva - Coordenador / Leonardo Teixeira Domingues Duarte - Integrante.

Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 1
2004 - 2007
Validação de versão brasileira do questionário de avaliação funcional dos membros superiores DASH - Disabilities of the arm, shoulder and hand
Descrição: O questionário DASH é uma escala de avaliação funcional para os membros superiores descrito na língua inglesa em 1996. Tem hoje vinte e cinco versões incluindo uma brasileira elaborada na Escola Paulista de Medicina (EPM). O objetivo foi desenvolver versão brasileira do DASH, no contexto de um hospital de reabilitação e validá-la pelo modelo estatístico Rasch e estudo de reprodutibilidade tipo teste e re-teste. Os métodos incluiram aprovação do comitê de ética em pesquisa da Instituição, tradução e adaptação cultural do DASH, teste em amostra por conveniência, de trinta e nove pacientes, num delineamento transversal, estudo das. Validades de face e de conteúdo, do constructo em grupos conhecidos, características de aplicação do questionário, medida da consistência interna pelo alpha de Cronbach e análise pelo modelo estatístico Rasch. Posteriormente, teste e re-teste para estudo de reprodutibilidade, em grupo de 35 pacientes, numa amostra por conveniência e delineamento transversal. Nossa versão reteve características de validação do questionário original. Dez por cento dos questionários não foram pontuados, seja por preenchimento incompleto ou incorreto. O tempo médio de aplicação do questionário foi de dez minutos. A consistência interna do DASH-SARAH foi alta (alpha de Cronbach = 0,93 a 0,98). O modelo Rasch demonstrou confiabilidade da versão produzida. Observamos alta reprodutibilidade (ICC = 0,93 - Intervalo de confiança de 95% = 0,85 a 0,96). Assim, o DASH-SARAH demonstrou características de confiabilidade e validade para aplicação no contexto de um hospital de reabilitação.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: / Mestrado profissional: (1) .

Integrantes: Paulo Sérgio Siebra Beraldo - Coordenador / Estevão Gomes de Almeida Plentz - Integrante.

Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1
2004 - 2006
Alterações do septo interatrial como fator de risco de AVCI em jovens
Descrição: OBJETIVO: Determinar se há evidências de uma relação causal entre FOP e AVCI criptogênico em jovens. Analisar essa relação à luz dos critérios de causalidade. MÉTODO: Avaliaram-se, retrospectivamente, 168 pacientes jovens com AVCI, divididos em dois grupos:criptogênico e de causa definida. Como parte da rotina, os pacientes foram submetidos a pesquisa de forame oval patente por ecocardiograma transesofágico e/ou Doppler transcraniano, ambos associados ao teste de bolhas. Demonstrada a associação estatística univariada entre FOP e AVCI, procedeu-se a análise multivariada. RESULTADOS: Após análise multivariada, a associação FOP e AVCI criptogênico mostrou-se ainda estatisticamente significante, com razão de chance (RCajustada de 3,3 (IC95% 1,5-7,4). O número total de lesões no encéfalo também apresentou associação significativa com o AVCI criptogênico (RCajustada= 0,4 IC95% 0,2-0,9). A associação FOP e AVCI criptogênico satisfez todos os critérios de causalidade. CONCLUSÃO: A relação causal entre o FOP e o AVCI criptogênico em jovens é altamente provável. Esse fato deve ser considerado na decisão terapêutica.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (0) .

Integrantes: Paulo Sérgio Siebra Beraldo - Coordenador / Edson Marcio Negrão - Integrante.

Número de produções C, T & A: 6 / Número de orientações: 1
2003 - 2006
Pressões respiratórias máximas na lesão medular traumática
Descrição: Introdução: As alterações pulmonares nos indivíduos com lesão medular traumática, principalmente tetraplégicos, contribuem para elevação de suas taxas de morbidade e mortalidade. A síndrome restritiva nesses pacientes é conhecida e justifica-se pela fraqueza ou paralisia dos músculos respiratórios. A determinação das pressões respiratórias máximas compõe a caracterização da função pulmonar, além da espirometria e determinação de volumes pulmonares. Objetivo: Descrever as alterações espirométricas; mensurar as pressões inspiratória e expiratória estáticas máximas; correlacionar os valores médios dos percentuais dos previstos das pressões respiratórias estáticas máximas com o nível motor da lesão medular traumática e estabelecer equações dos valores previstos das pressões inspiratória e expiratória estáticas máximas para os indivíduos com lesão medular traumática. Casuística, Material e Métodos: Foram estudados 131 pacientes com lesão medular traumática de nível motor entre C4 e L3. Os pacientes foram agrupados em tetraplégicos (52, 40%, divididos em subgrupos de C4-C5 e C6-C8) e paraplégicos (79, 60%, divididos em subgrupos de T1-T6 e T7-L3). Independentemente do nível da lesão, a amostra foi composta por 90 homens, com idade média de 31 12 anos; tempo médio de lesão de 25 37 meses; 76% com lesão motora completa e 31% com história de tabagismo. A avaliação da função pulmonar foi realizada, por espirometria e por medidas das pressões inspiratória (PIMáx) e expiratória (PEMáx). O registro da pressão foi obtido com oclusão do sistema na capacidade pulmonar total para PEMáx e no volume residual para PIMáx. Conduzida análise de regressão linear simples em 99 pacientes com lesão medular motora completa. Foi realizada a análise de regressão múltipla, com base nas variáveis relacionadas ao indivíduo e clínicas: nível, extensão e tempo de lesão. Resultados: Considerando os percentuais do previsto, a capacidade vital forçada foi diferente entre os subgrupos (P<0,001), com ten.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .

Integrantes: Paulo Sérgio Siebra Beraldo - Coordenador / Sergio Ricardo Menezes Mateus - Integrante / Thomas A Horan - Integrante.
Financiador(es): Universidade de Brasília - Cooperação.
Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 1
2003 - 2006
Força inspiratória nasal em pacientes com lesão medular traumática: descrição do método, aplicação e implicações clínicas
Descrição: As complicações pulmonares respondem ainda por uma elevada morbi-mortalidade em pacientes com lesão medular traumática. As medidas das pressões respiratórias máximas, expiratória (PEmáx) e inspiratória (PImáx), têm sido empregadas nesses casos. Embora nunca tenha sido avaliada no paciente com lesão medular, recentemente tem sido utilizada a medida da pressão inspiratória nasal ao fungar - PInas, com a vantagem de ser mais prática e reprodutível. O objetivo é verificar o comportamento da PInas e demais parâmetros de função pulmonar nesses pacientes. Foram avaliados 26 homens com lesão medular completa (10 tetraplégicos; 16 paraplégicos), entre 17 a 45 anos de idade e tempo de lesão de 2 meses a 9,7 anos. O protocolo consistiu na avaliação espirométrica e medida das pressões respiratórias estáticas máximas (PImáx e PEmáx, mensuradas, respectivamente, no VR e CPT), além da PInas (na CRF). Para efeito da análise correlativa, atribuiu-se aos níveis medulares C1, C2, ... T11 e T12, respectivamente, os valores 1, 2, ... 19 e 20. O grupo de pacientes tetraplégicos exibiu uma capacidade vital de 52% 13, enquanto os paraplégicos de 77% 21 do previsto. Nenhum distúrbio ventilatório obstrutivo foi detectado. Os valores de PEmáx foram superiores entre os paraplégicos em relação aos tetraplégicos, respectivamente, 51,8% 25,8 e 35,9% 13,1 do previsto (P<0,05). Os valores de PImáx foram semelhantes entre os grupos. A PInas foi capaz de diferenciar os grupos, com valores superiores nos paraplégicos, em relação aos tetraplégicos, respectivamente, 85,2% 29,5 e 60,0% 20,1 do previsto (P<0,05). O nível da lesão mostrou forte correlação somente com os percentuais do previsto para PEmáx e PInas, respectivamente, r= 0,917 (IC95% 0,680 a 0,981) e r= 0,821 (IC95% 0,397 a 0,956). A PInas foi capaz de detectar diferenças entre tetra e paraplégicos, o que não aconteceu com a PImáx.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: / Mestrado profissional: (1) .

Integrantes: Paulo Sérgio Siebra Beraldo - Coordenador / Sergio Ricardo Menezes Mateus - Integrante / Andrea Ponte Rocha - Integrante.

Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1
2000 - 2003
Sensibilidade do reflexo da tosse em pacientes com lesão medular alta
Descrição: É notório que a lesão medular alta acarreta importante disfunção respiratória, responsável pela elevada morbi-mortalidade desses pacientes. Nesse contexto, a tosse encontra-se invariavelmente afetada pelo comprometimento da musculatura expiratória, implicando em freqüentes pneumonias e atelectasias. Até o momento, apenas dois estudos se detiveram na avaliação do limiar de sensibilidade da tosse nesses pacientes, com resultados conflitantes. Uma terceira publicação sugeriu uma ação inibitória do baclofeno, medicação freqüentemente utilizada por essa população para controle da espasticidade, sobre o reflexo da tosse. O objetivo desse projeto é descrever o limiar médio de sensibilidade da tosse nos pacientes com lesão medular alta, bem como caracterizar as condições que interferem nesse limiar, incluindo o tipo de substância provocativa e o baclofeno. Estudamos 25 pacientes e 16 indivíduos sem alterações neurológicas (controles). Com base na literatura e nos nossos resultados concluímos que os receptores de adaptação rápida, preferencialmente estimulados pelo ácido cítrico, sofrem influência maior do balanço autonômico, no sentido do parassimpático aumentar a sensibilidade e o simpático diminuí-la. Os receptores fibras C, preferencialmente estimulados pela capsaicina, seriam menos susceptível a esse controle. E, por último, que o baclofeno não atenua o reflexo da tosse em pacientes com lesão medular.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Especialização: (1) / Mestrado profissional: (1) .

Integrantes: Paulo Sérgio Siebra Beraldo - Coordenador / Sergio Ricardo Menezes Mateus - Integrante / Tânia Ogashawara - Integrante / Shirley Ribeiro Rocha - Integrante.

Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 2
2000 - 2001
Desenvolvimento de modelos de suporte ao prognóstico de pacientes queimados utilizando técnicas de KDD
Descrição: O presente trabalho avalia o uso de KDD na construção de modelos preditivos, utilizando árvore de decisão, em uma base de dados de pacientes internados na Unidade de Queimados do Hospital Regional da Asa Norte, DF, no período de 1993 a 1995. Os dados disponíveis no momento da internação permitiram a construção de modelos para prognóstico de mortalidade hospitalar de excelente acurácia e desempenho. Avaliação feita através da área sob a curva ROC mostra que os resultados obtidos com os métodos C4.5, CART, SIPINA e regressão logística não apresentaram diferença significativa.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: / Mestrado profissional: (1) .

Integrantes: Paulo Sérgio Siebra Beraldo - Integrante / Dalva Nagamine Motta - Integrante / Sérgio A. S. de Moraes - Coordenador.
Financiador(es): Universidade Católica de Brasília - Cooperação.
Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1
2000 - Atual
Função pulmonar e imersão na lesão medular traumática
Descrição: Sabe-se que a capacidade vital de indivíduos com lesão medular, notadamente tetaplégicos, melhoram em até 24% com a simples imersão até o pescoço. Os mecanismos envolvidos com essa melhora ainda não se encontram elucidados razão pela qual o grupo vem investigados diversos fatores envolvidos como volemia, pressão hidrostática sobre o abdomen, alterações posturais, compressão abdominal, assim por diante..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Especialização: (2) / Mestrado profissional: (2) / Doutorado: (1) .

Integrantes: Paulo Sérgio Siebra Beraldo - Coordenador / Sergio Ricardo Menezes Mateus - Integrante / Thomas A Horan - Integrante / Sérgio Ricardo Thomaz - Integrante / Josevan Cerqueira Leal - Integrante.
Financiador(es): Universidade de Brasília - Cooperação.
Número de produções C, T & A: 9 / Número de orientações: 5
1999 - 2001
Tônus brônquico na lesão medular traumática
Descrição: Study design: Case control study. Objectives: To evaluate the resting airway caliber in subjects with tetraplegia; to define the participation of cholinergic innervation in this condition; and to determine if baclofen modifies this pattern. Setting: A rehabilitation hospital, Brası´ lia, Brazil. Methods: We studied 18 tetraplegic patients, with complete motor loss between C4 and C8, and 18 healthy control subjects by measuring airway conductance, before and after inhaled ipratropium bromide. Results: At baseline, the pulmonary function parameters revealed mild-to-moderate restrictive impairment in tetraplegic patients as defined by decreases in total lung capacity and predicted percent of slow vital capacity. The average baseline specific airway conductance (sGaw) was less in tetraplegic patients than in the control group (P=0.0001). All patients had improved postbronchodilator sGaw 40% compared with only four of the 18 controls (P=0.001). The average increase for tetraplegic patients was 235% (793) versus 25% (724) for controls (P=0.0001). Analysis of variance for repeated measurements showed significant difference in sGaw between the control and spinal cord injury (SCI) groups (P<0.0001) following bronchodilator challenge, but found no difference for total gas volume. No difference for mean basal sGaw and bronchodilator challenge was encountered comparing tetraplegic patients using baclofen to those not using it. Conclusions: Cervical SCI patients have a reduced baseline conductance compared to controls. Marked improvement occurs after an inhaled anticholinergic drug. This behavior was not affected by the use of baclofen. The study adds support to the hypothesis of an increased cholinergic bronchomotor tone in tetraplegic patients..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: / Mestrado profissional: (1) .

Integrantes: Paulo Sérgio Siebra Beraldo - Coordenador / Sergio Ricardo Menezes Mateus - Integrante / Thomas A Horan - Integrante.

Número de produções C, T & A: 2 / Número de orientações: 1
1998 - 2002
Fatores de risco da ossificação heterotópica em pacientes com lesão medular
Descrição: A ossificação heterotópica é uma das complicações que acomete o paciente com lesão medular, cuja prevalência varia entre 5% a 50%. Embora possa ser identificada como achado incidental no estudo radiográfico simples, sua evolução pode resultar numa diminuição da amplitude articular até a anquilose. Tipicamente acomete regiões abaixo do nível da lesão medular, geralmente de um a quatro meses após o trauma, embora possa ocorrer depois de um ano. Os locais mais afetados são os quadris e os joelhos. A etiologia ainda permanece desconhecida. Nosso objetivo foi determinar os fatores de risco para ossificação heterotópica em pacientes lesados medulares. Assim, foram avaliados retrospectivamente 230 pacientes vítimas de lesão medular traumática, com ou até dois anos de lesão e idade igual ou superior a 15 anos, admitidos no programa de reabilitação do Hospital SARAH Brasília, no ano de 1998. Desse total, foram selecionados aqueles que apresentaram ossificação heterotópica periarticular, confirmada por estudo radiográfico simples das articulações, totalizando 33 pacientes, comparados com 33 pacientes-controles, sem ossificação heterotópica, configurando um típico estudo de caso-controle. Um total de 13 variáveis foi considerado quanto a sua potencial participação na gênese da ossificação heterotópica. Posteriormente, conduzimos uma análise de regressão logística. Três variáveis (tempo de lesão, número de escaras e grau de espasticidade) foram associadas à presença de ossificação heterotópica, porém apenas as duas últimas foram incluídas no modelo de regressão logística. Esta investigação confirmou os achados da literatura. Entretanto, serão necessários estudos mais apurados (randomizados e de coorte) em uma população de lesados medulares para estabelecer evidências com maior robustez.
Situação: Desativado; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: / Mestrado profissional: (1) .

Integrantes: Paulo Sérgio Siebra Beraldo - Coordenador / Claudia Virgínia Cerqueira Coelho - Integrante.

Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1
1998 - 2001
Disrreflexia autonômica na lesão medular traumática
Descrição: Em pacientes com lesão medular alta (acima de T6), tanto o sistema nervoso medular somático (sensitivo-motor) como o autonômico (simpático) podem ser afetados em diferentes graus de intensidade, na dependência do nível exato da interrupção. Essa desconexão entre os centros simpáticos medulares e o controle supramedular (hipotálamo, tronco cerebral) pode levar a uma significativa insuficiência simpática nestes pacientes. Por outro lado, as fibras nervosas parassimpáticas que inervam o sistema cardiovascular são conduzidas pelo nervo vago, fora da medula. Portanto, pacientes com lesão medular podem ter insuficiência autonômica por desconexão do sistema simpático medular, enquanto que as vias parassimpáticas cardíacas permanecem inalteradas. A insuficiência autonômica pode levar a disreflexia autonômica , síndrome caracterizada por episódios de hipertensão paroxística, associados a cefaléia, sudorese e bradicardia. Devido à perda do controle simpático medular, estímulos não-específicos diversos (distensão vesical, manipulação retal, estímulo doloroso na pele, etc) abaixo do nível da lesão podem induzir um drive simpático excessivo abaixo deste nível, causando alterações cardiovasculares. Esta hiperatividade simpática é balanceada pela ativação vagal através de baroreceptores, o que leva a bradicardia. Um diagnóstico e uma abordagem adequados da disreflexia autonômica tornam-se fundamentais para os pacientes com lesão medular em programa de reabilitação, à medida que estes episódios são potencialmente fatais. Alguns estudos recentes apontam para a ocorrência destes episódios de maneira silenciosa , ou seja, disreflexia autonômica que não é clinicamente evidente (por ausência de sintomas e/ou sinais classicamente descritos), aumentando ainda mais a importância da documentação destes episódios. O objetivo primário deste estudo é avaliar a prevalência de episódios de hipertensão paroxística (acompanhados ou não de cefaléia, sudorese e bradicardia) em pacientes admi.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: / Mestrado profissional: (1) .

Integrantes: Paulo Sérgio Siebra Beraldo - Coordenador / Abel Magalhães Junior - Integrante.

Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1
1998 - 2000
Prevalência de sinais, sintomas e fatores de risco de complicações respiratórias em pacientes internados com lesão medular traumática
Descrição: Este projeto objetivou descrever as principais alterações respiratórias apresentadas por pacientes com lesão medular traumática, num levantamento retrospectivo e prospectivo. Seus resultados serviram de base para investigações subsequentes, como a sensibilidade ao reflexo da tosse, estenose traqueal e tônus bronquico..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: / Mestrado profissional: (1) .

Integrantes: Paulo Sérgio Siebra Beraldo - Coordenador / Sergio Ricardo Menezes Mateus - Integrante / Maria do Carmo B C Fernandes - Integrante.

Número de produções C, T & A: 1 / Número de orientações: 1


Membro de corpo editorial


1998 - Atual
Periódico: Brasília Médica (0524-2053)


Revisor de periódico


2006 - Atual
Periódico: Spinal Cord
2007 - Atual
Periódico: Revista Brasileira de Epidemiologia
2008 - Atual
Periódico: Jornal Brasileiro de Pneumologia
2009 - Atual
Periódico: Clinics (São Paulo)
2009 - Atual
Periódico: BMJ. British Medical Journal


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica/Especialidade: Cardiologia.
2.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica/Especialidade: Pneumologia.
3.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Saúde Coletiva / Subárea: Epidemiologia.
4.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Fisiologia / Subárea: Fisiologia de Órgãos e Sistemas/Especialidade: Fisiologia da Respiração.
5.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Fisioterapia e Terapia Ocupacional.
6.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Clínica Médica/Especialidade: Fisiatria.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Espanhol
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.


Prêmios e títulos


2006
Primeiro lugar na modalidade de temas livres no XXII CONGRESO DE LA ASOCIACIÓN MÉDICA LATINOAMERICANA DE REHABILITACIÓN, ASOCIACIÓN MÉDICA LATINOAMERICANA DE REHABILITACIÓN (AMLAR).
2005
STUDENT ESSAY PRIZE: Is rehabilitation the Cinderella of health, education and social services for children?, PEDIATRIC REHABILITATION (Taylor & Francis).


Produções



Produção bibliográfica
Citações

Web of Science
Total de trabalhos:16
Total de citações:64
Fator H:5
Beraldo PS*  Data: 21/10/2007

Artigos completos publicados em periódicos

1.
COUTINHO, Alessandra Célia Bonfim2014COUTINHO, Alessandra Célia Bonfim ; RIBEIRO NETO, F. ; BERALDO, P. S. S. . Validity of Heart Rate Indexes to Assess Wheeling Efficiency in Patients with Spinal Cord Injuries. Spinal Cord, v. 52, p. 677-682, 2014.

2.
RIBEIRO NETO, F.2014RIBEIRO NETO, F. ; COUTINHO, Alessandra Célia Bonfim ; BERALDO, P. S. S. . Reproducibility and Responsiveness of Heart Rate Indexes to Assess Wheeling Efficiency in Patients with Spinal Cord Injuries. Spinal Cord, v. 52, p. 683-688, 2014.

3.
BARBOZA, A L2013BARBOZA, A L ; BERALDO, P S S . Bacteriuria and urinary tract infection after urodynamic examination of spinal cord injury patients. Spinal Cord, v. 51, p. 584-584, 2013.

4.
Silva, R.S.2010Silva, R.S. ; BERALDO, P. S. S. ; SANTIAGO, Flávia F ; Brandão,D.S. ; Mamare, E.M. ; HORAN, Thomas A . Fatores de risco de complicação pulmonar pós-toracotomia para ressecção de nódulos pulmonares em pacientes com sarcoma. Jornal Brasileiro de Pneumologia (Impresso), v. 36, p. 707-715, 2010.

5.
BALDASSIN, Valéria2009BALDASSIN, Valéria ; GOMES, Cícero Ricardo ; BERALDO, P. S. S. . The effectiveness of prefabricated and customized foot orthoses made from low cost foam for non complicated plantar fasciitis. A randomized clinical trial. Archives of Physical Medicine and Rehabilitation, v. 90, p. 701-706, 2009.

6.
COELHO, C. V. C.2009COELHO, C. V. C. ; BERALDO, P. S. S. . Risk factors of heterotopic ossification in traumatic spinal cord injury. Arquivos de Neuro-Psiquiatria, v. 67, p. 382-387, 2009.

7.
Carvalho, D.R.2009Carvalho, D.R. ; PINNOLA, G. C. ; FERREIRA, D. R. ; BERALDO, P. S. S. ; COELHO, C. V. C. ; FARAGE, L. ; TAKATA, R. I. ; SPECK-MARTINS, C. E. . Mandibular hypoplasia in Fybrodisplasia ossificans progressiva causing obstructive sleep apnea with pulmonary hypertension. Clinical Dysmorphology, v. 19, p. 69-72, 2009.

8.
Duarte, L.T.D.2009Duarte, L.T.D. ; BERALDO, P. S. S. ; Saraiva, R.A. . Efeitos da Analgesia Peridural e do Bloqueio Contínuo do Plexo Lombar sobre a Reabilitação Funcional após Artroplastia Total do Quadril. Revista Brasileira de Anestesiologia (Impresso), v. 59, p. 531-544, 2009.

9.
Costa, V.V.2009Costa, V.V. ; Caldas, A.Cl. ; BERALDO, P. S. S. ; Saraiva, R.A. . Influência do uso crônico dos inibidores da enzima conversora da angiotensina na hipotensão arterial após indução anestésica. É. Revista Brasileira de Anestesiologia (Impresso), v. 59, p. 704-715, 2009.

10.
LEAL, Josevan Cerqueira2009LEAL, Josevan Cerqueira ; MATEUS, Sergio Ricardo Menezes ; HORAN, Thomas A ; BERALDO, P. S. S. . Effect of graded water immersion on vital capacity and plasma volume in patients with cervical spinal cord injury. Spinal Cord, v. 48, p. 375-379, 2009.

11.
Duarte, L.T.D.2009Duarte, L.T.D. ; BERALDO, P. S. S. ; Saraiva, R.A. . Anestesia Peridural Lombar ou Bloqueio do Plexo Lombar Combinados à Anestesia Geral: Eficácia e Efeitos Hemodinâmicos na Artroplastia Total do Quadril. Revista Brasileira de Anestesiologia (Impresso), v. 59, p. 649-664, 2009.

12.
BERALDO, P. S. S.;BERALDO, P S S2009BERALDO, P. S. S.. Rehabilitation in patients admitted to intensive care. BMJ. British Medical Journal, v. 339, p. b3921-b3921, 2009.

13.
ROCHA, Andrea Ponte2008ROCHA, Andrea Ponte ; MATEUS, Sergio Ricardo Menezes ; HORAN, Thomas A ; BERALDO, P. S. S. . Non-invasive inspiratory pressure in spinal cord injured patients: which is the best method?. Jornal Brasileiro de Pneumologia, v. 35, p. 256-260, 2008.

14.
NEGRÃO, Edson Marcio2007NEGRÃO, Edson Marcio ; BRANDI, Ivar Viana ; NUNES, Simone Vilela ; TÁVORA, Daniel Gurgel Fernandes ; NAKAYAMA, Mauro ; BERALDO, P. S. S. . Patent foramen ovale and ischemic stroke in young people: statistica association or causal relation?. Arquivos Brasileiros de Cardiologia, v. 88, p. 453-458, 2007.

15.
MATEUS, Sergio Ricardo Menezes2007 MATEUS, Sergio Ricardo Menezes ; BERALDO, P. S. S. ; HORAN, Thomas A . Maximal static mouth respiratory pressure in spinal cord injured patients: correlation with motor level. Spinal Cord, v. 45, p. 569-575, 2007.

16.
NEGRÃO, Edson Marcio2006NEGRÃO, Edson Marcio ; BRANDI, Ivar Viana ; NUNES, Simone Vilela ; BERALDO, P. S. S. . Prevalência do Forame Oval Patente em Pacientes Jovens com Acidente Vascular Cerebral Isquêmico Atendidos em Hospitais de Reabilitação. ECO (São Paulo), Rio de Janeiro, v. 19, n.1, p. 15-19, 2006.

17.
MATEUS, Sergio Ricardo Menezes2006 MATEUS, Sergio Ricardo Menezes ; BERALDO, P. S. S. ; HORAN, Thomas A . Cholinergic bronchomotor tone and airway caliber in tetraplegic patients. Spinal Cord, Inglaterra, v. 44, p. 269-274, 2006.

18.
BERALDO, P. S. S.;BERALDO, P S S2006BERALDO, P. S. S.; PEREIRA, M. G. . O poder do placebo. Brasília Médica, v. 43, p. 1-4, 2006.

19.
PINTO, Kátia Soares2005PINTO, Kátia Soares ; ROCHA, Andrea Ponte ; COUTINHO, Alessandra Célia Bonfim ; GONÇALVES, Denise Mafra ; BERALDO, P. S. S. . Is rehabilitation the Cinderella of health, education and social services for children?. Pediatric Rehabilitation, Edinburgh, Inglaterra, v. 8, n.1, p. 33-43, 2005.

20.
LEAL, Josevan Cerqueira2005LEAL, Josevan Cerqueira ; MATEUS, Sergio Ricardo Menezes ; BERALDO, P. S. S. . Water Immersion Effects on Severe Diaphragm Weakness. Chest, Chicago- EUA, v. 127, n.6, p. 2286-2287, 2005.

21.
THOMAZ, Sérgio Ricardo2005 THOMAZ, Sérgio Ricardo ; BERALDO, P. S. S. ; MATEUS, Sergio Ricardo Menezes ; HORAN, Thomas A ; LEAL, Josevan Cerqueira . Effects of Partial Isothermic Immersion on the Spirometry Parameters of Tetraplegic Patients. Chest, Chicago, v. 128, n.1, p. 184-189, 2005.

22.
NEGRÃO, Edson Marcio2005NEGRÃO, Edson Marcio ; BRANDI, Ivar V ; NUNES, Simone V ; BERALDO, P. S. S. . Alterações do septo interatrial e acidente vascular cerebral isquêmico em adultos jovens. Arquivos Brasileiros de Neuropsiquiatria, Rio de Janeiro, v. 63, n.4, p. 1047-1053, 2005.

23.
ROCHA, Andrea Ponte2004ROCHA, Andrea Ponte ; BERALDO, P. S. S. . Evidence-Based PM&R? Yes!. Archives of Physical Medicine and Rehabilitation, Chicago-USA, v. 85, n.9, p. 1561-1561, 2004.

24.
BERALDO, P. S. S.;BERALDO, P S S2003BERALDO, P. S. S.; NUNES, L. G. N. ; RAMOS, M. F. G. . Coorte hospitalar de pacientes queimados. Prognóstico de sobrevida e sazonalidade de acidentes por fogo.. Revista Brasileira de Queimaduras, Rio de Janeiro, v. 3, n.2, p. 16-25, 2003.

25.
HORAN, Thomas A2001 HORAN, Thomas A ; MATEUS, Sergio Ricardo Menezes ; BERALDO, P. S. S. ; ARAÚJO, L. M. ; URSCHEL, J. ; URMENYI, E. ; SANTIAGO, Flávia F . Forced Oscillation Technique to Evaluate Tracheostenosis in Patients with Neurologic Injury. Chest, Estados Unidos, v. 120, p. 69-73, 2001.

26.
BERALDO, P. S. S.;BERALDO, P S S2001BERALDO, P. S. S.; PEREIRA, M. G. . Sistema de Gerenciamento Bibliográfico: Parte 2 - Citação e Organização da Lista de Referências . Brasília Médica, Brasília/DF/Brasil, v. 38, n.1, p. 54-58, 2001.

27.
BERALDO, P. S. S.;BERALDO, P S S2000BERALDO, P. S. S.; MATEUS, Sergio Ricardo Menezes ; FERNANDES, M. C. B. C. . Cough in Patients with SCI. Physical Therapy, v. 80, n.4, p. 416-416, 2000.

28.
BERALDO, P. S. S.;BERALDO, P S S2000BERALDO, P. S. S.; MATEUS, Sergio Ricardo Menezes ; ARAÚJO, L. M. ; HORAN, Thomas A . Forced oscillation technique to detect and monitor tracheal stenosis in a tetraplegic patient.. Spinal Cord, Londres, v. 38, p. 445-447, 2000.

29.
BERALDO, P. S. S.;BERALDO, P S S2000BERALDO, P. S. S.. Sistemas de apoio à decisão. Brasília Médica, Brasília, v. 37, n.1/2, p. 5-7, 2000.

30.
BERALDO, P. S. S.;BERALDO, P S S2000BERALDO, P. S. S.; PEREIRA, M. G. . Sistema de gerenciamento bibliográfico: Parte 1 - Armazenamento e recuperação de referências.. Brasília Médica, v. 37, n.3/4, p. 119-122, 2000.

31.
SOLLACI, L. B.1999SOLLACI, L. B. ; BERALDO, P. S. S. . Recuperação bibliográfica no Medline: como redirecionar e otimizar suas pesquisas. Brasília Médica, Brasilia/DF, v. 36, p. 47-54, 1999.

32.
BERALDO, P. S. S.;BERALDO, P S S1999BERALDO, P. S. S.; NUNES, L. G. N. ; SILVA, I. P. ; RAMOS, M. F. G. . Sazonalidade de queimaduras por fogo, em pacientes admitidos numa unidade especializada do Distrito Federal, no período 1993-1996. Brasília Médica, Brasília/DF, v. 36, n.3/4, p. 72-81, 1999.

33.
BERALDO, P. S. S.;BERALDO, P S S1999BERALDO, P. S. S.; NUNES, L. G. N. ; SILVA, I. P. ; RAMOS, M. F. G. . Predição de Mortalidade em Unidade de Queimados. Brasília Médica, Brasília/DF, v. 36, n.3/4, p. 82-89, 1999.

34.
BERALDO, P. S. S.;BERALDO, P S S1997BERALDO, P. S. S.. Epi Info. Brasília Médica, Brasilia/DF, v. 34, p. 51-57, 1997.

35.
BERALDO, P. S. S.;BERALDO, P S S1997BERALDO, P. S. S.. Tratamento Intensivo da Insuficiência cardíaca. Revista Centro Oeste de Cardiologia, Goiânia/GO, v. 4, p. 43-51, 1997.

36.
BERALDO, P. S. S.;BERALDO, P S S1996BERALDO, P. S. S.. Informática médica: existe disponibilidade de dados epidemiológicos no Brasil? . Brasília Médica, Brasilia/DF, v. 33, n.1/2, p. 60-62, 1996.

37.
BERALDO, P. S. S.;BERALDO, P S S1996BERALDO, P. S. S.. Informática médica: o que vem a ser a internet?. Brasília Médica, Brasília/DF, v. 32, n.3/4, p. 38-40, 1996.

38.
CHAPADEIRO, E.1994CHAPADEIRO, E. ; BERALDO, P. S. S. ; JESUS, P. C. ; FERNANDES, P. D. ; JUNQUEIRA JR, L. F. . Estudo dos Neurônios do Plexo Cardíaco na Infecção Aguda pelo Trypanosoma Cruzi em Ratos Albinos . Revista Brasileira de Medicina Tropical, v. 27, n.2, p. 79-81, 1994.

39.
BERALDO, P. S. S.;BERALDO, P S S1993BERALDO, P. S. S.; MEDINA, M. G. . Mortalidade por acidentes do trabalho no Brasil uma analise das declarações de óbito, 1979-1988.. Informe Espidemiológico do SUS, Brasília/DF, v. II, n.1, p. 41-54, 1993.

40.
BERALDO, P. S. S.;BERALDO, P S S1993 BERALDO, P. S. S.; NEVES, E. G. C. ; ALVES, C. M. F. ; KAHN, P. ; CIRILO, A. C. . Pyrexia in Hospitalised Spinal Cord Injury Patients. Paraplegia, Londres, v. 31, p. 186-191, 1993.

41.
BERALDO, P. S. S.;BERALDO, P S S1992BERALDO, P. S. S.; PAZ JR, A. C. ; ALMEIDA, M. C. R. R. ; NEVES, E. G. C. ; ALVES, C. M. F. ; KAHN, P. . Traumatic injury to the spinal cord. Prevalence in brazilian hospitals. Paraplegia, v. 30, p. 636-640, 1992.

42.
JUNQUEIRA JR, L. F.1992JUNQUEIRA JR, L. F. ; BERALDO, P. S. S. ; CHAPADEIRO, E. ; JESUS, P. C. . Cardiac Autonomic Dysfunction and Neuroganglionitis in a Rat Model of Chronic Chagas'Disease. Cardiovascular Research, v. 26, p. 324-329, 1992.

43.
PINHEIRO, M. C.1992PINHEIRO, M. C. ; BERALDO, P. S. S. ; JUNQUEIRA JR, L. F. ; LOPES, E. L. ; CHAPADEIRO, E. . Análise quantitativa de mastócitos e de granulócitos eosinófilos no miocárdio de ratos wistar cronicamente infectados pelo trypanosoma cruzi: contribuição ao conhecimento da fibrose miocárdia . Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, v. 25, n.1, p. 45-50, 1992.

44.
MORATO-FERNANDEZ, R. N.1991MORATO-FERNANDEZ, R. N. ; BERALDO, P. S. S. ; MASINI, M. ; COSTA, P. H. C. . Paracoccidiodomicose de localização intramedular e cerebral. Arquivos Brasileiros de Neuropsiquiatria, v. 49, n.2, p. 192-197, 1991.

45.
CHAPADEIRO, E.1991CHAPADEIRO, E. ; FLORÊNCIO, R. F. ; AFONSO, P. C. ; BERALDO, P. S. S. ; JESUS, P. C. ; JUNQUEIRA JR, L. F. . Neuronal counting and parasympathetic dysfunction in the hearts of chronically Trypanosoma cruzi infected rats. Revista do Instituto de Medicina Tropical de São Paulo, v. 33, p. 337-341, 1991.

46.
CHAPADEIRO, E.1988CHAPADEIRO, E. ; BERALDO, P. S. S. ; JESUS, P. C. ; OLIVEIRA, W. P. ; JUNQUEIRA JR, L. F. . Lesões cardíacas em ratos wistar inoculados com diferentes cepas do trypanosoma cruzi. Revista da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical, v. 21, n.3, p. 95-103, 1988.

47.
MARTINELLI, J. G.1985MARTINELLI, J. G. ; BERALDO, P. S. S. ; CAMPOS, G. P. ; COSTA E SILVA,A. . A new plethysmograph for detecting arterial pulse waves in rat tail. Nephron, v. 39, n.1, p. 61-63, 1985.

48.
COSTA E SILVA,A.1984COSTA E SILVA,A. ; RIBEIRO, R. C. J. ; ALBUQUERQUE, R. H. ; BERALDO, P. S. S. ; NEVES, F. A. R. ; MARTINELLI, J. G. ; CAMPOS, G. P. . Effect of experimentally induced renal failure upon the fertility in rats. Nephron, v. 36, p. 252-256, 1984.

Capítulos de livros publicados
1.
Braga, L.W ; Camillis Gil, I. L. ; PINTO, Kátia Soares ; BERALDO, P. S. S. . Pediatric Specialists in Assistive Solutions. In: Federici,S.; Scherer, M.J.. (Org.). Assistive Technology Assessment Handbook. Nova York: CRC Press Taylor & Francis Group, 2012, v. 1, p. 245-268.

2.
BERALDO, P. S. S.; NUNES, L. G. N. ; KNIBEL, M. ; ORLANDO, J. M. C. . Garantia de Qualidade: alguns conceitos para nossa prática.. In: Jose Maria da Costa Orlando.. (Org.). UTI: Muito além da técnica ... a humanização e a arte do intensivismo. São Paulo: Atheneu, 2001, v. 1, p. 149-153.

3.
BERALDO, P. S. S.; NUNES, L. G. N. . Afinal, como se manter atualizado?. In: José Maria C. Orlando. (Org.). UTI: Muito além da técnica ... a humanização e a arte do intensivismo.. 1ed.São Paulo: Atheneu, 2001, v. 1, p. 233-235.

4.
BERALDO, P. S. S.. Função Pulmonar na Lesão Medular Traumática Alta. In: Paulo Tavares. (Org.). Atualizações em Fisiologia Respiração. Rio de Janeiro: Cultura Médica Ltda, 1991, v. , p. 73-85.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
BERALDO, P. S. S.. Respiração artificial ganhara novo aparelho . Folha de São Paulo, São Paulo, 22 dez. 1988.

2.
BERALDO, P. S. S.. Aparelho revoluciona respiração artificial . Correio Braziliense, Rio de Janeiro, 17 dez. 1988.

3.
BERALDO, P. S. S.. Duas soluções exemplares . O Globo, 04 dez. 1988.

4.
BERALDO, P. S. S.. SARAH reduz infecções controlando antibióticos . Correio Braziliense, Brasília.

5.
BERALDO, P. S. S.. Afinal, faltam leitos de UTI no Sistema Único de Saúde do DF? . Jornal do Médico, Brasilia.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
PENNA, L. G. ; Morlin, M.T. ; Silva, R.S. ; BERALDO, P. S. S. . Complicações pulmonares em pacientss submetidos à transferência do nervo frênico para o plexo braquial - a atuação do fisioterapeuta no pós-operatório. In: XVII Simpósio Internacional de Fisioterapia Cardiorespiratória e Fisioterapia em Terapia Intensiva, 2014, Salvador/BA. ANAIS DO SIFR 2014, Salvador, BA (ASSOBRAFIR Ciência). São Paulo, 2014. v. 5. p. 247-247.

2.
BERALDO, P. S. S.; MATEUS, Sergio Ricardo Menezes ; SILVA, V.Z.M. . Valores de referência para espirometria forçada em adultos com lesão medular traumática. In: XVI SIFR Simpósio Internacional de Fisioterapia Respiratória e Fisioterapia em Terapia Intensiva, 2012, Rio de Janeiro. XVI SIFR Simpósio Internacional de Fisioterapia Respiratória e Fisioterapia em Terapia Intensiva, 2012.

3.
GEPP, R. ; BERALDO, P. S. S. ; PENNA, L. G. ; RAMALHO, S. H. ; SILVA, R. T. ; NERI, E. A. . Brachial plexus neurotization with donor phrenic nerve and its effect on pulmonary function. In: XVII International Symposium on Brachial Plexus Surgery, 2011, Lisboa. XVII International Symposium on Brachial Plexus Surgery. Lisboa, 2011.

4.
Brandão,D.S. ; HORAN, Thomas A ; Mamare, E.M. ; BERALDO, P. S. S. . Tratamento cirúrgico da paralisia frênica unilateral em pacientes tetraplégicos: relato de dois casos. In: XVII Congresso Brasileiro de Cirurgia Torácica., 2011, Manaus, AM. Anais XVII Congresso Brasileiro de Cirurgia Torácica., 2011.

5.
BERALDO, P. S. S.; GEPP, R. ; PENNA, L. G. ; RAMALHO, S. H. ; SILVA, R. T. ; NERI, E. A. . Pulmonary function after phrenic nerve transfer for brachial plexus avulsion injury. In: 21st Annual Congress of European Respiratory Society, 2011, Amsterdam. Abstracts/21st Annual Congress of European Respiratory Society, 2011. v. 38. p. 434s-434s.

6.
Caldas, A.Cl. ; RAMALHO, S. H. ; COUTINHO, Alessandra Célia Bonfim ; RIBEIRO NETO, F. ; BERALDO, P. S. S. . Adequação da equação de Harris Benedict na estimativa do gasto energético basal de pacientes com lesão medular traumática. In: XIX Congresso Brasileiro de Nutrição Parenteral e Enteral, 2011, Curitiba, PR. Rev Bras Nutrição Clínica, 2011. v. 26. p. 7-7.

7.
Caldas, A.Cl. ; RAMALHO, S. H. ; COUTINHO, Alessandra Célia Bonfim ; RIBEIRO NETO, F. ; BERALDO, P. S. S. . Equação de estimativa do gasto energético basal em pacientes com lesão medular traumática. In: XIX Congresso Brasileiro de Nutrição Parenteral e Enteral, 2011, Curitiba, PR. Rev Bras Nutrição Clínica, 2011. v. 26. p. 1-1.

8.
MATEUS, Sergio Ricardo Menezes ; HORAN, Thomas A ; BERALDO, P. S. S. . Predictive Models of Maximal Inspiratory and Expiratory Pressures (MIP and MEP) in Spinal Cord Injured (SCI) patients. In: American Thoracic Society (ATS) International Conference, 2008, Toronto, Canada. American Journal of Respiratory and Critical Care Medicine, 2008. v. 177. p. A558-A558.

9.
Canuto, R.A. ; GOMES, Cícero Ricardo ; BERALDO, P. S. S. . Pulmonary function on post-poliomyelitis. Preliminary results. In: 5th World Congress of NeuroRehabilitation, 2008, Brasília, DF. Neurorehabilitation & Neural Repair (NNR). Thousand Oaks: SAGE Publications, 2008. v. 22. p. 640-640.

10.
COUTINHO, Alessandra Célia Bonfim ; BERALDO, P. S. S. . Evaluation of the energy expenditure based on the heart rate in subjects with spinal cord injury. In: XVI Simpósio Internacional de Atividade Física Adaptada ISAPA 2007, 2007, Rio Claro/SP. Journal of the Brazilian Society of Adapted Motor Activity. UNESP - Rio Claro, 2007. v. 12. p. 287-287.

11.
Caldas, A.Cl. ; Costa, V.V. ; Saraiva, R.A. ; NUNES, L. G. N. ; BERALDO, P. S. S. . Inibidor da ECA no dia da cirurgia está associado a hipotensão arterial no intraoperatório?. In: 62º Congresso Brasileiro de Cardiologia, 2007, São Paulo. Arquivos Brasileiros de Cardiologia. São Paulo, 2007. v. 89. p. 175-175.

12.
Duarte, L.T.D. ; BERALDO, P. S. S. ; Saraiva, R.A. . Efeitos da analgesia peridural e do bloqueio contínuo do plexo lombar sobre a reabilitação funcional após artroplastia total do quadril. In: 54 Congresso Brasileiro de Anestesiologia, 2007, Natal/RN. Revista de Anestesiologia do Estado do Rio Grande do Norte. Natal/RN, 2007. v. 1. p. 75-75.

13.
Duarte, L.T.D. ; BERALDO, P. S. S. ; Saraiva, R.A. . Efetividade das técnicas de analgesia controlada pelo paciente pelas vias peridural e perineural do plexo lombar na artroplastia total do quadril. In: 54 Congresso Brasileiro de Anestesiologia, 2007, Natal/RN. Revista de Anestesiologia do Estado do Rio Grande do Norte. Natal/RN, 2007. v. 1. p. 78-78.

14.
Duarte, L.T.D. ; BERALDO, P. S. S. ; Saraiva, R.A. . Eficácia do bloqueio anestésico e efeitos hemodinâmicos causados pela anestesia peridural e bloqueio do plexo lombar na artroplastia total do quadril. In: 54 Congresso Brasileiro de Anestesiologia, 2007, Natal/RN. Revista de Anestesiologia do Estado do Rio Grande do Norte. Natal/RN, 2007. v. 1. p. 78-78.

15.
Costa, V.V. ; Caldas, A.Cl. ; BERALDO, P. S. S. ; Saraiva, R.A. . Inibidores da enzima conversora da angiotensina e anestesia. Suspender ou não a droga?. In: 54 Congresso Brasileiro de Anestesiologia, 2007, Natal/RN. Revista de Anestesiologia do Estado do Rio Grande do Norte. Natal/RN, 2007. v. 1. p. 96-96.

16.
COELHO, C. V. C. ; BERALDO, P. S. S. ; Najjar, Y.S.J. ; Teles, I.G. . Etiopatogenia da ossificação heterotópica em pacientes com lesão medular internados em um hospital de reabilitação. In: XXXV Congresso Brasileiro de Radiologia, 2006, Curitiba/PR. Radiologia Brasileira (Suplemento), 2006. v. 39. p. 18-19.

17.
ROCHA, Andrea Ponte ; MATEUS, Sergio Ricardo Menezes ; BERALDO, P. S. S. . Força inspiratória nasal em pacientes com lesão medular traumática: aplicação e implicações clínicas. In: XXXIII Congresso Brasileiro de Pneumologia e Tisiologia, 2006, Fortaleza/CE. Jornal Brasileiro de Pneumologia, 2006. v. 32 Sup. p. 370-370.

18.
MATEUS, Sergio Ricardo Menezes ; BERALDO, P. S. S. ; HORAN, Thomas A . Valores teóricos das pressões respiratórias máximas em pacientes com lesão medular traumática. In: XXXIII Congresso Brasileiro de Pneumologia e Tisiologia, 2006, Fortaleza/CE. Jornal Brasileiro de Pneumologia, 2006. v. 32 Sup. p. 369-369.

19.
MATEUS, Sergio Ricardo Menezes ; BERALDO, P. S. S. ; HORAN, Thomas A . Pressões respiratórias máximas em pacientes com lesão medular traumática: correlação com o nível motor da lesão. In: XXXIII Congresso Brasileiro de Pneumologia e Tisiologia, 2006, Fortaleza/CE. Jornal Brasileiro de Pneumologia, 2006. v. 32 Sup. p. 221-222.

20.
LEAL, Josevan Cerqueira ; BERALDO, P. S. S. ; MATEUS, Sergio Ricardo Menezes ; HORAN, Thomas A . Efeitos da imersão gradual em água na função pulmonar e volemia de pacientes tetraplégicos traumáticos. In: XXXIII Congresso Brasileiro de Pneumologia e Tisiologia, 2006, Fortaleza/CE. Jornal Brasileiro de Pneumologia, 2006. v. 32 Sup. p. 220-221.

21.
Precioso, D.R ; Valadares,L.P. ; BERALDO, P. S. S. . Factores de riesgo específicos para enfermedades asociadas al Clostridium difficile en pacientes con Lesión medular. In: XXII CONGRESO DE LA ASOCIACIÓN MÉDICA LATINOAMERICANA DE REHABILITACIÓN (AMLAR), 2006, Veracruz. Revista Mexicana de Medicina Física y Rehabilitación. México, 2006. v. 18. p. 93-93.

22.
Precioso, D.R ; Valadares,L.P. ; BERALDO, P. S. S. . Infección por Clostridium difficile en pacientes con Lesión Medular. In: XXII CONGRESO DE LA ASOCIACIÓN MÉDICA LATINOAMERICANA DE REHABILITACIÓN (AMLAR), 2006, Veracruz, México. Revista Mexicana de Medicina Física y Rehabilitación. México, 2006. v. 18. p. 98-1.

23.
LEAL, Josevan Cerqueira ; MATEUS, Sergio Ricardo Menezes ; HORAN, Thomas A ; BERALDO, P. S. S. . Effects of graded water immersion on pulmonary function and volemia in traumatic tetraplegic patients. In: 3rd World Congress of the International Society of Physical and Rehabilitation Medicine, 2005, São Paulo. Acta Fisiátrica (Supplement 1), 2005. v. 12. p. 174.

24.
LEAL, Josevan Cerqueira ; MATEUS, Sergio Ricardo Menezes ; HORAN, Thomas A ; BERALDO, P. S. S. . A predictive model for maximal respiratory pressures in patients with traumatic spinal cord injury preliminary report.. In: 3rd World Congress of the International Society of Physical and Rehabilitation Medicine, 2005, São Paulo. Acta Fisiátrica (supplement 1), 2005. v. 12. p. 82-82.

25.
LEAL, Josevan Cerqueira ; OLIVEIRA, Tânia Ogashawara de ; MATEUS, Sergio Ricardo Menezes ; HORAN, Thomas A ; BERALDO, P. S. S. . Cough reflex sensitivity to citric acid in subjects with spinal cord injury. In: 3rd World Congress of the International Society of Physical and Rehabilitation Medicine, 2005, São Paulo. Acta Fisiátrica (Supplement 1), 2005. v. 12. p. 82-82.

26.
BALDASSIN, Valéria ; GOMES, Cícero Ricardo ; BERALDO, P. S. S. . Preliminary results of a randomized clinical trial of custom and prefabricated orthoses in the treatment of plantar fasciitis. In: 3rd World Congress of the International Society of Physical and Rehabilitation Medicine, 2005, São Paulo. Acta Fisiátrica, 2005. v. 12. p. 266-266.

27.
NEGRÃO, Edson Marcio ; BRANDI, Ivar Viana ; NUNES, Simone Vilela ; BERALDO, P. S. S. . Prevalência do forame oval patente em pacientes jovens vítimas de AVCI criptogênico. In: XVII Congresso Brasileiro de Ecocardiografia, 2005, Curitiva, Paraná. Anais do XVII Congresso Brasileiro de Ecocardiografia, 2005.

28.
SUHET, Lídia Cunha ; MATEUS, Sergio Ricardo Menezes ; BERALDO, P. S. S. . Demanda e prática da assistência ventilatória mecânica nas UTIs públicas e privadas do Distrito Federal. In: XI Congresso Brasileira de Medicina Intensiva, 2004, Curitiba, PR. Revista Brasileira de Terapia Intensiva, 2004. v. Supl I. p. 249-249.

29.
ROCHA, Andrea Ponte ; BERALDO, P. S. S. . Bibliometric Analysis of the scientific production about cerebral palsy indexed in MEDLINE. In: 1st International Congress of Neurosciences and Rehabilitation, 2004, Brasília. Annals of the 1st International Congress of Neurosciences and Rehabilitation, 2004. v. 1. p. 1-1.

30.
PINTO, Kátia Soares ; BERALDO, P. S. S. . Reproducibility of energy consumption indexes based on the cardiac frequency of children with cerebral palsy. In: 1st International Congress of Neurosciences and Rehabilitation, 2004, Brasília. Annals of 1st International Congress of Neurosciences and Rehabilitation, 2004. v. 1. p. 1-1.

31.
PINTO, Kátia Soares ; BERALDO, P. S. S. . Motor skills and walk linear parameters related to energy cost walking in cerebral palsy. In: 1st International Congress of Neurosciences and Rehabilitation, 2004, Brasília. Annals of 1st International Congress of Neurosciences and Rehabilitation, 2004. v. 1. p. 1-1.

32.
NEGRÃO, Edson Marcio ; BRANDI, Ivar Viana ; VILELA, Simone ; BERALDO, P. S. S. . Abnormalities of interatrial septum as a risk factor for ischemic stroke in young people. In: 1st International Congress of Neurosciences and Rehabilitation, 2004, Brasília. Annals of the 1st International Congress of Neurosciences and Rehabilitation, 2004. v. 1. p. 1-1.

33.
PLENTZ, E. G. A. ; BERALDO, P. S. S. . Applicability of the Brazilian Version of the DASH - Disabilities of the Arm Shoulder and Hand Questionnaire. In: 1st International Congress of Neurosciences and Rehabilitation, 2004, Brasília. Annals of the 1st International Congress of Neurosciences and Rehabilitation, 2004. v. 1. p. 1-1.

34.
PINTO, Kátia Soares ; BERALDO, P. S. S. . Habilidades motoras e parâmetros lineares de marcha: relação com o custo energético na paralisia cerebral. In: X Congresso Brasileiro de Biomecânica, 2003, Ouro Preto-MG. Anais do X Congresso Brasileiro de Biomecânica, 2003.

35.
HORAN, Thomas A ; BERALDO, P. S. S. ; SANTIAGO, Flávia F . Pneumothorax occurrence in bone and soft tissue sarcomas: incidence, prevalence, and effect on mortality. In: CHEST 2003 Annual Meeting, 2003. Chest. Nova York. v. 124. p. 196S-b.

36.
LEAL, Josevan Cerqueira ; BERALDO, P. S. S. ; MATEUS, Sergio Ricardo Menezes ; HORAN, Thomas A . Efeitos da imersão em água na função pulmonar e volemia de pacientes com lesão medular traumática.. In: 2 Congresso Sul-Brasileiro de Fisioterapia Respiratória, 2003, Itajaí, SC. Anais do 2 Congresso Sul-Brasileiro de Fisioterapia Respiratória, 2003.

37.
HORAN, Thomas A ; BERALDO, P. S. S. ; MATEUS, Sergio Ricardo Menezes . Cholinergic bronchomotor tone and airway caliber in tetraplegic patients. In: Chest 2003, 2003, Florida. Chest 2003, 2003. v. 124. p. 92S-93S.

38.
HORAN, Thomas A ; SANTIAGO, Flávia F ; BERALDO, P. S. S. . Pneumothorax occurrence in bone and soft tissue sarcomas: incidence, prevalence, effect on mortality.. In: Chest 2003, 2003, Flórida. Chest (Suppl), 2003. v. 124. p. 196S.

39.
HORAN, Thomas A ; THOMAZ, Sérgio Ricardo ; MATEUS, Sergio Ricardo Menezes ; BERALDO, P. S. S. . Effects of partial isothermic immersioin on the pulmonary function of tetraplegic patients. In: Chest 2003, 2003, Florida. Chest, 2003. v. 124. p. 92S.

40.
THOMAZ, Sérgio Ricardo ; MATEUS, Sergio Ricardo Menezes ; BERALDO, P. S. S. . Efeitos da imersão em água na função pulmonar de pacientes com lesão medular traumática. In: XI Congresso de Educação Física e Ciências do Desporto dos Países de Lingua Portuguesa, 2002, São Luís-MA. XI Congresso de Educação Física e Ciências do Desporto dos Países de Lingua Portuguesa, 2002.

41.
MOTTA, D. N. ; BERALDO, P. S. S. ; MORAES, S. A. S. . Modelos de Predição de Mortalidade em Pacientes Queimados. In: VIII Congresso Brasileiro de Informática em Saúde, 2002, Natal. Anais do VIII Congresso Brasileiro de Informática em Saúde, 2002.

42.
BERALDO, P. S. S.; HORAN, Thomas A ; MATEUS, Sergio Ricardo Menezes . Análise comparativa da resistência de vias aéreas em indivíduos normais. In: II Congresso Brasileiro de Asma, 1999, Brasília/DF. Anais do II Congresso Brasileiro de Asma, 1999.

43.
BERALDO, P. S. S.; HORAN, Thomas A ; MATEUS, Sergio Ricardo Menezes . Estenoses traqueais acompanhadas pela técnica de oscilação forçada - Série de casos. In: II Congresso Brasileiro de Asma, 1999, Brasília/DF. Anais do II Congresso Brasileiro de Asma, 1999.

44.
FERNANDES, M. C. B. C. ; BERALDO, P. S. S. . Pós-operatório de prótese total de quadril: conhecendo as complicações para melhor prever e prevenir. In: 51o Congresso Brasileiro de Enfermagem, 1999, Florianópolis/SC. Anais do 51o Congresso Brasileiro de Enfermagem, 1999.

45.
BERALDO, P. S. S.; NUNES, L. G. N. ; SILVA, I. P. ; RAMOS, M. F. G. . Sazonalidade de queimaduras por fogo em pacientes admitidos numa Unidade Especilizada, Distrito Federal. In: II Congresso Brasileira de Queimaduras, 1999, Fortaleza/CE. Anais do II Congresso Brasileira de Queimaduras,, 1999.

46.
BERALDO, P. S. S.; NUNES, L. G. N. ; SILVA, I. P. ; RAMOS, M. F. G. . Modelos estatísticos de predição de mortalidade e tempo de internação em uma Unidade de Queimados. In: II Congresso Brasileira de Queimaduras, 1999, Fortaleza/CE. Anais do II Congresso Brasileira de Queimaduras, 1999.

47.
MAGALHÃES JUNIOR, A. ; SANTOS, H. T. ; BERALDO, P. S. S. . Autonomic dysreflexia in spinal cord injury patients. A prevalence study of high blood pressure variability. In: 38th Annual Scientific Meeting of International Medical Society of Paraplegia, 1999, Copenhagen, Denmark. Anais do 38th Annual Scientific Meeting of International Medical Society of Paraplegia, 1999. p. 121-121.

48.
MATEUS, Sergio Ricardo Menezes ; BERALDO, P. S. S. ; ARAUJO, Luiz Mauro ; HORAN, Thomas A . Tracheal stenosis: a series of cases followed-up by forced oscillation technique.. In: Chest 1999, 1999, Chicago. Chest (Suppl), 1999. v. 116. p. 310S-310S.

49.
BERALDO, P. S. S.; MATEUS, Sergio Ricardo Menezes . Forced oscillation technique vs pody plethysmograph to asses bronchodilation in tetraplegic patients. In: Chest 1999, 1999, Chicago. Chest, 1999. v. 116. p. 331S.

50.
BARBONI, Andre R ; BERALDO, P. S. S. ; MALVAR, Henrique S . Study of respiratory movement (RM) on frequency domain. In: World Congress on Medical Physics and Biomedical Engineering, 1994, Rio de Janeiro. Abstracts of the World Congress on Medical Physics and Biomedical Engineering, 1994.

51.
BARBONI, Andre R ; BERALDO, P. S. S. . A software to study the respiratory movements of the trunk on the time and frequency domain. (RESPMOV3D). In: World Congress on Medical Physics and Biomedical Engineering, 1994, Rio de Janeiro. Abstracts of the World Congress on Medical Physics and Biomedical Engineering, 1994.

52.
BERALDO, P. S. S.; BARBONI, Andre R . Study of the respiratory movements: linear and sectional variations from rib cage-abdomen during tidal volume and vital capacity maneuver.. In: World Congress on Medical Physics and Biomedical Engineering, 1994, Rio de Janeiro. Abstracts of the World Congress on Medical Physics and Biomedical Engineering, 1994.

53.
BERALDO, P. S. S.; BARBONI, Andre R ; TAVARES, P. ; ZIN, Walter ; MANÇO, José Carlos . Study of the breathing pattern in patients with spinal cord injuries (sci). application of a tridimensional cinematic computer system.. In: World Congress on Medical Physics and Biomedical Engineering, 1994, Rio de Janeiro. Abstracts of the World Congress on Medical Physics and Biomedical Engineering, 1994.

Resumos publicados em anais de congressos (artigos)
1.
MATEUS, Sergio Ricardo Menezes1999MATEUS, Sergio Ricardo Menezes ; BERALDO, P. S. S. ; ARAÚJO, L. M. ; HORAN, Thomas A . Tracheal Stenosis: a series of cases followed-up by forced oscillation technique. Chest, v. 116, n.4, p. 310S-310S, 1999.

2.
MATEUS, Sergio Ricardo Menezes1999MATEUS, Sergio Ricardo Menezes ; BERALDO, P. S. S. ; HORAN, Thomas A . Resistência das vias aéreas em tetraplégicos. Um estudo comparativo entre diferentes métodos.. Revista de Fisioterapia da Universidade de São Paulo, São Paulo, v. 6, n.Sup, p. 69-69, 1999.

3.
MATEUS, Sergio Ricardo Menezes1998MATEUS, Sergio Ricardo Menezes ; ARAÚJO, L. M. ; HORAN, Thomas A ; BERALDO, P. S. S. . Avaliação do componente resistivo respiratório pela técnica de oscilação forçada em paciente tetraplégico, com estenose de traquéia pós traqueostomia. Relato de caso. Revista Brasileira de Fisioterapia, São Paulo, v. 3, n.Sup, p. 54-54, 1998.

4.
MATEUS, Sergio Ricardo Menezes1998MATEUS, Sergio Ricardo Menezes ; HORAN, Thomas A ; BERALDO, P. S. S. . Estudo da mecânica respiratória pela técnica de oscilação forçada em pacientes tetraplégicos traumáticos. Resultados preliminares. Revista Brasileira de Fisioterapia, São Paulo/SP, v. 3, n.Sup, p. 54-54, 1998.

Artigos aceitos para publicação
1.
ENGLER, T. M. ; AGUIAR, M. H. ; FURTADO, I. A. ; RIBEIRO, S. P. ; OLIVEIRA, P. ; MELLO, P. A. ; PADULA, M. P. ; BERALDO, P S S . Factors associated for intestinal constipation in chronic patients with stroke sequelae undergoing rehabilitation. Gastroenterology Nursing, 2015.

Apresentações de Trabalho
1.
Silva, R.S. ; BERALDO, P. S. S. ; HORAN, Thomas A ; Mamare, E.M. ; Brandão,D.S. ; SANTIAGO, Flávia F . FATORES DE RISCO DE COMPLICAÇÃO PULMONAR PÓS-TORACOTOMIA PARA RESSECÇÃO DE NÓDULOS PULMONARES EM PACIENTES COM SARCOMA. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

2.
Silva, R.S. ; BERALDO, P. S. S. ; SANTIAGO, Flávia F . Fatores de risco para complicação pulmonar nos indivíduos com tumores ósseos e sarcomas de partes moles submetidos à toracotomia para ressecção de metástases. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

3.
Canuto, R.A. ; BERALDO, P. S. S. ; MATEUS, Sergio Ricardo Menezes . Pulmonary function in post-poliomyelitis. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

4.
LEAL, Josevan Cerqueira ; MATEUS, Sergio Ricardo Menezes ; HORAN, Thomas A ; BERALDO, P. S. S. . Efeitos da Imersão gradual em água na função pulmonar e volemia de pacientes tetraplégicos traumáticos. 2006. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

5.
MATEUS, Sergio Ricardo Menezes ; HORAN, Thomas A ; BERALDO, P. S. S. . Pressões respiratórias máximas em pacientes com lesão medular traumática: correlação com o nível da lesão. 2006. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

6.
BERALDO, P. S. S.. Como buscar informações úteis. 2005. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

7.
BERALDO, P. S. S.. Tomografia elétrica por bioimpedância funciona na avaliação do recrutamento avleolar de beira de leito?. 2004. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

8.
BERALDO, P. S. S.. Deve o paciente de UTI receber eritropoetina?. 2004. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

9.
BERALDO, P. S. S.. Estratégia protetora funciona na SARA?. 2003. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

10.
BERALDO, P. S. S.. Proteína C ativada na sepse grave resolve?. 2003. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).


Demais tipos de produção técnica
1.
BERALDO, P. S. S.; TAVARES, P. ; Amado, V.M. ; Viegas, C.A.A. ; Viscard,R. . Curso de Extensão em Ventilação Mecânica. 2004. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
PEREIRA, M. G.; Naves, J.O.S.; BERALDO, P. S. S.. Participação em banca de Paulo Henrique Faria Domingues. Prevalência e fatores associados à automedicação: um estudo de base populacional no Distrito Federal. 2014. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Universidade de Brasília.

2.
PEREIRA, M. G.; BERALDO, P. S. S.; VASCONCELOS, A. M. N.. Participação em banca de Keitty Regina Cordeiro de Andrade. Incapacidade funcional de adultos no Brasil: prevalência e fatores associados. 2014. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Universidade de Brasília.

3.
BRUM, Jaime Moritz; BERALDO, P. S. S.; Neumannn, A.I.. Participação em banca de Thais Lancini. Avaliação antropométrica em pacientes com distúrbios congênitos da glicosilação. 2010. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Ciências da Reabilitação) - Associação das Pioneiras Sociais.

4.
MARTINS, Ana Maria; BERALDO, P. S. S.; BRUM, Jaime Moritz. Participação em banca de Isabela Maria Pinto de Oliveira Rizzo. Caracterização clínica dos pacientes da Rede Sarah com distúrbios congênitos da glicosilação: existem sianis clínicos específicos?. 2009. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Ciências da Reabilitação) - Associação das Pioneiras Sociais.

5.
Hamann,E.M.; Tavares,M.C.H.; BERALDO, P. S. S.. Participação em banca de Jaqueline Ramos de Andrade Antunes Gomes. Qualidade de vida, percepção de auto-cuidado e de saúde em usuários das bibliotecas públicas do Distrito Federal. 2008. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Universidade de Brasília.

6.
BERALDO, P. S. S.; PEREIRA, M. G.. Participação em banca de Margarida Castanheira Rodrigues Brêtas Bastos. A sedação intra-operatória com subdoses de s-cetamina melhora a depressão no idoso: ensaio clínico randomizado duplo-cego. 2007. Dissertação (Mestrado em Gerontologia) - Universidade Católica de Brasília.

7.
BERALDO, P. S. S.; PIRES, Liana Lauria; SIVLEIRA, Celeste Aida Nogueira. Participação em banca de Júlio César de Oliveira Carneiro. Padrão de consumo de antibacterianos em uma UTI: correlação com a resistência bacteriana.. 2006. Dissertação (Mestrado em Ciências Médicas) - Universidade de Brasília.

8.
BERALDO, P. S. S.; ALVAREZ, Rosicler Rocha Aiza; VIRMOND, Marcos da Cunha Lopes; CARVALHO, Gustavo de Azevedo. Participação em banca de Telma Leonel Ferreira. Elaboração de questionário para avaliação funcional das mãos nas lesões de nervos periféricos. 2006. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Universidade de Brasília.

9.
MAGALHÃES, Albino Verçosa de; BERALDO, P. S. S.; SEBBEN, Antonio. Participação em banca de José Adorno. Análise imunohistoquímica e histológica de curativos com pele de rã em pacientes queimados. 2005. Dissertação (Mestrado em Ciências da Saúde) - Universidade de Brasília.

10.
BERALDO, P. S. S.; MARTINS, Ana Maria; MARTINS, Carlos Eduardo Speck; BRUM, Jaime Moritz. Participação em banca de Maria Tereza Isac Pinto. Distúrbios congênitos da glicosilação: um estudo em pacientes pediátricos da Rede SARAH de Hospitais de Reabilitação. 2005. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Ciências da Reabilitação) - Associação das Pioneiras Sociais.

11.
PEREIRA, M. G.; BERALDO, P. S. S.; DÓREA, J. G.. Participação em banca de Luciana Balduino Sollaci. Evolução da estrutura do artigo científico.. 2002. Dissertação (Mestrado em Medicina (Clínica Médica)) - Universidade de Brasília.

12.
TIBIRIÇA, Eduardo V; ASSREURY, Jamil; FARIA NETO, Hugo Caire de Castro; BERALDO, P. S. S.. Participação em banca de Francileide Paes da Silva. Efeitos da reposição volêmica no fluxo microvascular mesentérico e na atividade linfática durante choque hemorrágico severo em ratos. 2002. Dissertação (Mestrado em Biologia Celular e Molecular) - Fundação Oswaldo Cruz.

13.
OLIVEIRA, R. J.; BERALDO, P. S. S.; COSTA, A. M.. Participação em banca de Maurício Corte Real da Silva. Os efeitos da prática da natação sobre a independência funcional de pacientes com lesão medular traumática. 2001. Dissertação (Mestrado em Pós Graduação Stricto Senso Em Educação Física) - Universidade Católica de Brasília.

14.
SILVA, M. A. G.; BERALDO, P. S. S.; GONÇALVES, C. A.. Participação em banca de Marta Simões Peres. Dança e Ganho de Equilíbrio de Tronco em Portadores de Lesão Medular: um estudo preliminar. 2000. Dissertação (Mestrado em Medicina (Clínica Médica)) - Universidade de Brasília.

15.
LIMA, D. D.; BERALDO, P. S. S.; HARNANN, E. N.. Participação em banca de Maristela dos Reis Luz Alves. Homicídios e Suicídios no Distrito Federal, de 1980 a 1995. 2000. Dissertação (Mestrado em Medicina (Clínica Médica)) - Universidade de Brasília.

16.
PEREIRA, M. G.; BERALDO, P. S. S.; SANTOS, L. L.. Participação em banca de Edilson Floriano dos Santos. Avaliação da Gravidade de Pacientes de Unidades de Terapia Intensiva. 2000. Dissertação (Mestrado em Medicina (Clínica Médica)) - Universidade de Brasília.

17.
MIRANDA, A. L. C.; BERALDO, P. S. S.. Participação em banca de Flávio Márcio Berçott. Avaliação de Sistemas Eletrônicos de Informação Mediante Uso de Conceitos de Estudos de Usuários: um Modelo Aplicado no Sistema Eletrônico de Informação do Paciente da Rede Sarah de Hospitais. 2000. Dissertação (Mestrado em Ciências da Informação) - Universidade de Brasília.

18.
TAVARES, P.; BERALDO, P. S. S.; CAMPOS, K. N.. Participação em banca de Rosângela Fonseca Araújo. Estudo da Mecânica Ventilatória em Pulmões Isolados de Ratos Perfundidos com Sangue Autólogo e Carbacol. 2000. Dissertação (Mestrado em Medicina (Clínica Médica)) - Universidade de Brasília.

19.
CARVALHO, T. B.; CARAKUSHANSKY, G.; BERALDO, P. S. S.. Participação em banca de Marina Franchini de Oliveira. Síndrome de Turner: estudo citogenético e molecular em casuística de Hospital de Doenças do Aparelho Locomotor. 2000. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Ciências da Reabilitação) - Associação das Pioneiras Sociais.

20.
BORIGATO, E. V. M.; RIBEIRO, M. V. L. M.; BERALDO, P. S. S.. Participação em banca de Ana Maria Pedrosa Ferreira Gorges. Lesão Medular Espinhal Traumática em Pediatria. 2000. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Ciências da Reabilitação) - Associação das Pioneiras Sociais.

21.
MADEIRA, L. M.; BERALDO, P. S. S.; ALVES, M.. Participação em banca de Luzimar Rangel Moreira. Assistência ao Paciente Lesado Medular Hospitalizado: Determinantes da Imagem Social do Enfermeiro. 1999. Dissertação (Mestrado em Enfermagem) - Universidade Federal de Minas Gerais.

22.
JUNQUEIRA JR, L. F.; BERALDO, P. S. S.; GALLO JR, L.. Participação em banca de Paulo Cesar de Jesus. Considerações Metodológicas e Caracterização de Procedimentos Implicados nas Análises Temporal e Espectral da Variabilidade da Frequência Cardíaca para Avaliação Clínica do Controle Autonômico do Coração, e com Distintas Evoluções Clínicas. 1996. Dissertação (Mestrado em Medicina (Clínica Médica)) - Universidade de Brasília.

23.
JUNQUEIRA JR, L. F.; LEÃO, B. F.; BERALDO, P. S. S.. Participação em banca de Hervaldo Sampaio Carvalho. Sistema Computadorizado baseado em Lógica Fuzzy para avaliação integrada da Função Cardiovascular por meio de múltiplos testes funcionais. 1996. Dissertação (Mestrado em Medicina (Clínica Médica)) - Universidade de Brasília.

24.
JUNQUEIRA JR, L. F.; BERALDO, P. S. S.; GUIMARÃES, A. C.. Participação em banca de Antoinette Oliveira Blackman. Sobre o Intervalo QT do Eletrocardiograma nos Primeiros Dias do Infarto do Miocárdio, em Pacientes Tratados e Não-Tratados com Estreptoquinase, e com Distintas Evoluções Clínicas. 1995. Dissertação (Mestrado em Medicina (Clínica Médica)) - Universidade de Brasília.

Teses de doutorado
1.
NEVES, F. A. R.; Royer, C.; Cuoro , A.; Coelho, M.S.; BERALDO, P. S. S.. Participação em banca de Flora Aparecida Milton. Avaliação do perfil de expressão gênica modulado pelo GQ-16 em adipócitos 3T3-L1 utilizando a técnica de microarranjo. 2015. Tese (Doutorado em Ciências da Saúde) - Universidade de Brasília.

2.
MELLO, P. A.; BERALDO, P. S. S.; MOTTA, L. A. C. R.; Guillem, D.B.; Castro, F.F.S.. Participação em banca de Tânia Mara Nascimento de Miranda Engler. Fatores de risco para constipação intestinal em pacientes crônicos com sequela de acidente vascular cerebral admitidos para reabilitação. 2015. Tese (Doutorado em Ciências da Saúde) - Universidade de Brasília.

3.
PEREIRA, M. G.; Tauil, P.L.; MOTTA, L. A. C. R.; RESENDE, M. R.; BERALDO, P. S. S.. Participação em banca de Geraldo Ferreira de Oliveira. Fatores de risco cardiometabólicos na população indígena adulta da aldeia Jaguapiru: Um estudo transversal de base populacional. 2014. Tese (Doutorado em Ciências da Saúde) - Universidade de Brasília.

4.
BERALDO, P. S. S.; JUNQUEIRA JR, L. F.; MACIEL, B. C.; Sarabanda, A.V.L.; CARVALHO, H. S.. Participação em banca de Daniel França Vasconcelos. Análise morfofuncional ecocardiográfica em condição de repouso e de esforço isométrico manual, correlacionada à função autonômica cardíaca em indivíduos normais e em portadores das diferentes formas da doença de Chagas. 2007. Tese (Doutorado em Ciências Médicas) - Universidade de Brasília.

5.
BERALDO, P. S. S.; Viegas, C.A.A.; Amado, V.M.; TAVARES, P.; RESENDE, J. G.. Participação em banca de Carlos Eduardo Ventura Gaio. Avaliação da eficácia e segurança da ventilação mecânica com CFR na lesão pulmonar aguda induzida pelo ácido oléico. 2007. Tese (Doutorado em Ciências Médicas) - Universidade de Brasília.

6.
BERALDO, P. S. S.; PIRES, Liana Lauria; SILVEIRA, C. A. N.; Noeir, S.A.; Tauil, P.L.. Participação em banca de Edílson Floriano dos Santos. Padrões de utilização de antibacterianos em três unidades de terapia intensiva do Distrito Federal. 2007. Tese (Doutorado em Ciências Médicas) - Universidade de Brasília.

7.
BERALDO, P. S. S.; Cavalcanti Neto, F.F.; Zanchet,R.C.; Moreira,D.; Nery de Castro, C.. Participação em banca de Juliana de Faria Fracon e Romão. Morfologia e mecânica pulmonares no curso da infecção experimental induzida pelo Paracoccidioides brasiliensis em camundongos. 2007. Tese (Doutorado em Patologia Molecular) - Universidade de Brasília.

8.
OLIVEIRA, J. P. M.; LEÃO, B. F.; A NETO, B. R.; BERALDO, P. S. S.; LAENDER, A. H. F.. Participação em banca de Luciano Romero Soares de Lima. Categorização Automática de Documentos Médicos. 2000. Tese (Doutorado em Ciências da Computação) - Universidade Federal de Minas Gerais.

9.
MADY, C.; BERALDO, P. S. S.; PASQUALUCCI, C. A. G.; LOPES, E. A.; IANNI, B. M.. Participação em banca de Wagner Pires de Oliveira Jr. Análise Morfométrica dos Retalhos do Músculo Grande Dorsal Cronicamente Estimulados em Pacientes Submetidos à Cardiomioplastia Dinâmica: Correlações Clínico-Patológicas. 1999. Tese (Doutorado em Patologia Experimental e Comparada) - Universidade de São Paulo.

Qualificações de Doutorado
1.
Amado, V.M.; Storck, R.; Amorim, F.; BERALDO, P. S. S.. Participação em banca de Daniel Sammartino Brandão. Efeitos da levofloxacina em ratos com síndrome hepatopulmonar induzida. 2014. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Médicas) - Universidade de Brasília.

2.
Araújo, T.C.C.F; BERALDO, P. S. S.; CONCEICAO, M. I. G.. Participação em banca de Renata Santinoni Vera. Resiliência, enfrentamento e qualidade de vida na reabilitação de indivíduos com lesão medular. 2009. Exame de qualificação (Doutorando em Psicologia) - Universidade de Brasília.

3.
Veiga, J.P.R.; Rodrigues, R.N.D.; BERALDO, P. S. S.. Participação em banca de Karina Nascimento Costa. Peptídeo natriurético cerebral pode estar envolvido com a hiponatremia seguindo traumatismo crânioencefálico grave. 2007. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Médicas) - Universidade de Brasília.

4.
SIVLEIRA, Celeste Aida Nogueira; Tauil, P.L.; Ribeiro, J.F.; BERALDO, P. S. S.. Participação em banca de Edílson Floriano dos Santos. Padrões de utilização de antibacterianos em unidades de terapia intensiva do Distrito Federal. 2007. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Médicas) - Universidade de Brasília.

5.
BERALDO, P. S. S.; Veiga, J.P.R.; Ferreira, H.L.. Participação em banca de Maria Mouranilda Tavares Schleicher. Hipertensão arterial e litíase renal: associação com angiotensina II. 2007. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Médicas) - Universidade de Brasília.

6.
Viegas, C.A.A.; Amado, V.M.; BERALDO, P. S. S.. Participação em banca de Cesar Augusto Melo e Silva. Efeitos da solução de preservação e da isquemia fria nas propriedades mecânicas de pulmões isolados de rato. 2006. Exame de qualificação (Doutorando em Ciências Médicas) - Universidade de Brasília.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Outras participações
1.
BERALDO, P. S. S.. Prêmio de Incentivo em Ciência e Tecnologia para o SUS. 2002. Ministério da Saúde.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
8º Congresso Centro-Oeste de Pneumologia e Tisiologia. Técnica de oscilações forçadas/Impedanciometria oscilométrica. 2015. (Congresso).

2.
2 Simpósio de tromboembolismo pulmonar, hipertensão arterial pulmonar e vasculites pulmononares. 2014. (Simpósio).

3.
European Respiratory Society International Congress. 2014. (Congresso).

4.
II Simpósio de Fisioterapia da Universidade de Brasília.Epidemiologia e Aspectos Clínicos da Lesão Medular. 2014. (Simpósio).

5.
European Respiratory Society Annual Congress. 2013. (Congresso).

6.
Curso de Função Pulmonar Avançado. 2012. (Outra).

7.
Curso de Metodologia Científica.Como pesquisar na internet. 2012. (Outra).

8.
XIII Curso Nacional de Atualização em Pneumologia. 2012. (Outra).

9.
21st Annual Congress European Respiratory Society. 2011. (Congresso).

10.
Assessing Respiratory Muscle Strength: an interactive course, European Respiratory Society Postgraduate Course. 2011. (Outra).

11.
Curso de Função Pulmonar Avançado.Técnica de oscilações forçadas. 2011. (Outra).

12.
Curso de Função Pulmonar Avançado.Mensuração dos volumes pulmonares. 2011. (Outra).

13.
Curso de Função Pulmonar Avançado.Pressões respiratórias. 2011. (Outra).

14.
Curso de Metodologia Científica.Como pesquisar na internet. 2011. (Outra).

15.
ERS/ACCP jointly organised: evidence-based approach to advanced respiratory care, European Respiratory Society Postgraduate Course. 2011. (Outra).

16.
European Respiratory Society Annual Congress. 2011. (Congresso).

17.
PEC em Pneumologia e Tisiologia (SBPT) - D Intersticiais. 2011. (Outra).

18.
PEC em Pneumologia e Tisiologia (SBPT) - DPOC. 2011. (Outra).

19.
VIII Curso Nacional de Doenças Intersticiais. 2011. (Outra).

20.
XII Curso Nacional de Atualização em Pneumologia. 2011. (Outra).

21.
20st Annual Congress European Respiratory Society. 2010. (Congresso).

22.
Curso de Metodologia Científica.Como pesquisar na internet. 2010. (Outra).

23.
Hipertensão Pulmonar (PEC). 2010. (Outra).

24.
III Simpósio de Doença Pulmonar Obstrutiva Crônica, DPOC.Função Pulmonar na DPOC. 2010. (Simpósio).

25.
Is gastro-oesophageal reflux (GOR) bad for the lung?. 2010. (Outra).

26.
Jornada Brasiliense de Polisonografia e Ventilação Não Invasiva.Testes de Função Pulmonar como Auxiliar na Indicação de VNI. 2010. (Simpósio).

27.
Pathology for the clinician. 2010. (Outra).

28.
PEC Função Pulmonar - Módulo Avançado. 2010. (Outra).

29.
Simpósio Paulista de Doenças Intersticiais. 2010. (Simpósio).

30.
XLII Curso Fundamentos Científicos da Anestesiologia.O paciente crítico. Evidência científicas e paradigmas.. 2010. (Outra).

31.
13 Congresso Paulista de Pneumologia e Tisiologia. 2009. (Congresso).

32.
Curso de Função Pulmonar Avançado.Pressões respiratórias máximas. 2009. (Outra).

33.
Curso de Função Pulmonar Avançado.Aula prática laboratório de Função Pulmonar da Clínica Pneumológica/HFA - Pressões respiratórias máximas. 2009. (Outra).

34.
Curso de Função Pulmonar Avançado. 2009. (Outra).

35.
Curso de Metodologia Científica.Como pesquisar na internet. 2009. (Outra).

36.
Função Pulmonar Respiratória (Curso Pré-Congresso, 13 Congresso Paulista de Pneumologia e Tisiologia). 2009. (Outra).

37.
Metodologia científica.Como pesquisar na internet. 2009. (Outra).

38.
Programa de Educação Continuada em Pneumologia - Módulo Circulação Pulmonar. 2009. (Outra).

39.
Ventilação não-invasiva domiciliar - Programa de Educação Continuada em Pneumologia e Tisiologia. 2009. (Outra).

40.
XLI Curso Fundamentos Científicos da Anestesiologia.O Paciente Crítico. Evidências Científicas e Paradigmas. 2009. (Encontro).

41.
XLI Curso Fundamentos Científicos da Anestesiologia.Trocas Gasosas, Manueio Ácido Base e Manutenção da Homeostase. 2009. (Outra).

42.
5th World Congress of NeuroRehabilitation. Pulmonary function in post-poliomyelites: preliminary results. 2008. (Congresso).

43.
I Encontro sobre Doença Pulmonar Avançada. 2008. (Encontro).

44.
IX Curso Nacional de Atualização em Pneumologia. 2008. (Outra).

45.
Seminário sobre residências e integração ensino-serviços: como estamos e para onde vamos?.Prática Profissional Baseada em Evidências. 2008. (Seminário).

46.
XXXIV Congresso Brasileiro de Pneumologia e Tisiologia. Terapia Respiratória no Paciente com Doença Neuromuscular, no Curso Pré-Congresso. 2008. (Congresso).

47.
XXXIV Congresso Brasileiro de Pneumologia e Tisiologia. Insuficiência Respiratória, no Curso Pré-Congresso para Graduandos em Medicina. 2008. (Congresso).

48.
XXXIV Congresso Brasileiro de Pneumologia e Tisiologia. Fatores de risco para complicação pulmonar nos indivíduos com tumores ósseos e sarcomas de partes moles submetidos à toracotomia para ressecção de metástases. 2008. (Congresso).

49.
V Congresso de Centro - Oeste de Pneumologia e Tisiologia. Pneumonia na UTI. 2007. (Congresso).

50.
Curso Pré-Gongresso de Função Pulmonar. 2006. (Outra).

51.
Hipertensão arterial pulmonar. 2006. (Outra).

52.
Programa de Educação Continuada em Pneumologia. 2006. (Encontro).

53.
XXXIII Congresso Brasileiro de Pneumologia e Tisiologia. Efeitos da Imersão gradual em água na função pulmonar e volemia de pacientes tetraplégicos traumáticos. 2006. (Congresso).

54.
I Oficina sobre Ética em Pesquisa para Programas de Pós-Graduação na Área da Saúde da Região Centro-Oeste. 2005. (Oficina).

55.
I Simpósio sobre Síndrome da Apnéia Obstrutiva do Sono e Doenças Cardiovasculares. 2005. (Simpósio).

56.
IX Jornada de Residentes e VIII Jornada de Ex-Residentes do Hosp Reg de Sobradinho.Como Buscar Informações Úteis. 2005. (Outra).

57.
X Curso Avançado da Cardiologia Instituto Dante Pazzanese. 2005. (Outra).

58.
Curso de Extensão em Ventilação Mecânica, Das Bases Fisiológicas à Prática Clínica.Ministrou duas aulas: Modos Ventilatórios e Ciclagem; Monitorização da ventilação mecânica. 2004. (Outra).

59.
XI Congresso Brasileira de Medicina Intensiva. Demanda e prática da assistência ventilatória mecânica (AVM) nas UTIs públicas e privadas do Distrito Federal (DF). 2004. (Congresso).

60.
XXXVI Curso Fundamentos Científicos da Anestesiologia - Anestesia Pediátrica.Fisiologia respiratória do recém-nascido, lactente e pré-escolar. 2004. (Outra).

61.
2nd International Symposium on Intensive Care and Emnergency Medicine for Latin America. 2003. (Simpósio).

62.
Curso de Função Pulmonar.Estudo em Função Pulmonar com Especialistas - Pletismografia. 2003. (Seminário).

63.
II Simpósio de Radiologia de tórax de Brasília. 2003. (Simpósio).

64.
Mechanical Ventilation. 2003. (Oficina).

65.
Simpósio de Terapia Intensiva em Cardiologia. 2003. (Simpósio).

66.
Encontro Nacional de Pós-Graduação em Medicina. 2001. (Encontro).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
BERALDO, P. S. S.. Coordenador do Módulo de Função Pulmonar no 8º Congresso Centro-Oeste de Pneumologia e Tisiologia. 2015. (Outro).

2.
Braga, L.W ; BERALDO, P S S . Jornada Científica do Sarah Brasília. 2014. (Congresso).

3.
RODRIGUES JUNIOR, R. ; MARALHAO, B. H. F. ; BERALDO, P. S. S. . Curso de Função Pulmonar Avançado/PEC. 2011. (Outro).

4.
Cabral JR., BF ; Feitosa, PH ; BERALDO, P. S. S. . III Simpósio de Infecção Respiratória de Brasília. 2010. (Outro).

5.
Machado, M.C.L. ; BERALDO, P. S. S. . Curso Pré-Congresso "Doença Pulmonar Avançada". 2008. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Rogério Antônio Canuto. Função pulmonar no pacientes com sequela de poliomielite. 2010. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Ciências da Reabilitação) - Centro Sarah de Formação e Pesquisa, . Orientador: Paulo Sérgio Siebra Beraldo.

2.
Rogerio Santos Silva. Fatores de risco para complicação pulmonar nos indivíduos com tumores ósseos submetidos toracotomia para ressecção de metástases. 2009. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Ciências da Reabilitação) - Associação das Pioneiras Sociais, . Orientador: Paulo Sérgio Siebra Beraldo.

3.
Layla Bandeira Arruda. Revisão Sistemática dos Ensaios Clínicos Randomizados Sobre o Tratamento dos Distúrbios do Equilíbrio no Acidente Vascular Cerebral. 2009. Dissertação (Mestrado em Ciências da Reabilitação) - Associação das Pioneiras Sociais, . Coorientador: Paulo Sérgio Siebra Beraldo.

4.
Alessandra Célia Bonfim Coutinho. Índice de batimentos cardíacos totais na avaliação do gasto energético de pacientes com lesão medular. 2007. 0 f. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Ciências da Reabilitação) - Centro Sarah de Formação e Pesquisa, . Orientador: Paulo Sérgio Siebra Beraldo.

5.
Valéria Baldassin. Ensaio clínico sobre palmilha pré-moldada e sob molde na fascite plantar. 2007. 0 f. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Ciências da Reabilitação) - Associação das Pioneiras Sociais, . Orientador: Paulo Sérgio Siebra Beraldo.

6.
Leonardo Teixeira Domingues Duarte. Analgesia Pós-Operatória em Artroplastia Total do Quadril: Estudo Comparativo entre a Analgesia Peridural Contínua e o Bloqueio Contínuo do Plexo Lombar pela via Posterior. 2007. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Ciências da Reabilitação) - Associação das Pioneiras Sociais, . Coorientador: Paulo Sérgio Siebra Beraldo.

7.
Estevão Plentz. Desenvolvimento e validação de versão brasileira do questionário de avaliação funcional dos membros superiores DASH - Disabilities of the arm, shoulder and hand. 2007. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Ciências da Reabilitação) - Centro Sarah de Formação e Pesquisa, . Orientador: Paulo Sérgio Siebra Beraldo.

8.
Frederico Ribeiro Neto. Reprodutibilidade e responsividade dos índices de batimentos cardíacos na avaliação do gasto energético de pacientes com lesão medular. 2007. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Ciências da Reabilitação) - Associação das Pioneiras Sociais, . Orientador: Paulo Sérgio Siebra Beraldo.

9.
Edson Marcio Negrão. Alterações do septo interatrial como fator de risco de AVCI em jovens. 2006. 0 f. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Ciências da Reabilitação) - Associação das Pioneiras Sociais, . Orientador: Paulo Sérgio Siebra Beraldo.

10.
Josevan Cerqueira Leal. Efeitos da imersão gradual sobre a função pulmonar e volemia de pacientes com lesão medular alta. 2005. 0 f. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Ciências da Reabilitação) - Associação das Pioneiras Sociais, . Orientador: Paulo Sérgio Siebra Beraldo.

11.
Tânia Ogashawara. Sensibilidade do reflexo da tosse em pacientes com lesão medular alta.. 2003. 0 f. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Ciências da Reabilitação) - Associação das Pioneiras Sociais, . Orientador: Paulo Sérgio Siebra Beraldo.

12.
Andrea Ponte Rocha. Força Inspiratória Nasal em Pacientes com Lesão Medular Traumática: Descrição do Método, Aplicação e Implicações Clínicas. 2003. 0 f. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Ciências da Reabilitação) - Associação das Pioneiras Sociais, . Orientador: Paulo Sérgio Siebra Beraldo.

13.
Claudia Virgínia Cerqueira Coelho. Fatores de risco da ossificação heterotópica em pacientes com lesão medular internados no Hospital Sarah Brasília da Rede Sarah de Hospitais do Aparelho Locomotor (1998). 2002. 0 f. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Ciências da Reabilitação) - Associação das Pioneiras Sociais, . Orientador: Paulo Sérgio Siebra Beraldo.

14.
Abel Magalhães Junior. Monitorização ambulatorial da pressão arterial (MAPA) em uma população normotensa. Uma contribuição para os valores de referência.. 2002. 0 f. Dissertação (Mestrado em Curso de Pós Graduação Em Cardiologia) - Universidade Federal do Rio de Janeiro, . Coorientador: Paulo Sérgio Siebra Beraldo.

15.
Sérgio Ricardo Thomaz. Efeitos da imersão em água sobre a função pulmonar em pacientes tetraplégicos. 2002. 0 f. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Ciências da Reabilitação) - Associação das Pioneiras Sociais, . Orientador: Paulo Sérgio Siebra Beraldo.

16.
Abel Magalhães Junior. Disrreflexia Autonômica na Lesão Medular Traumática. 2001. 0 f. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Ciências da Reabilitação) - Associação das Pioneiras Sociais, . Orientador: Paulo Sérgio Siebra Beraldo.

17.
Dalva Nagamine Motta. Desenvolvimento de Modelos de Suporte ao Prognóstico de Pacientes Queimados Utilizando Técnicas de KDD. 2001. 0 f. Dissertação (Mestrado em Mestrado Em Informática) - Universidade Católica de Brasília, . Coorientador: Paulo Sérgio Siebra Beraldo.

18.
Maria do Carmo B C Fernandes. Prevalência de Sinais, Sintomas e Fatores de Risco de Complicações Respiratórias em pacientes internados com Lesão Medular Traumática no Hospital SARAH/Brasília. 2000. 0 f. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Ciências da Reabilitação) - Associação das Pioneiras Sociais, . Orientador: Paulo Sérgio Siebra Beraldo.

19.
Sergio Ricardo Menezes Mateus. Estudo do tônus broncomotor em pacientes tetraplégicos. Avaliação comparativa entre espirometria forçada, pletismografia e técnica de oscilação forçada. 1999. 0 f. Dissertação (Mestrado em Ciências da Reabilitação) - Associação das Pioneiras Sociais, . Orientador: Paulo Sérgio Siebra Beraldo.

Tese de doutorado
1.
Josevan Cerqueira Leal. Efeitos da imersão, inclinação, mudança postural e cinta abdominal sobre os volumes pulmonares e pressão inspiratória nasal de pacientes com lesão medular alta. 2009. Tese (Doutorado em Ciências Médicas) - Universidade de Brasília, . Orientador: Paulo Sérgio Siebra Beraldo.

2.
Sergio Ricardo Menezes Mateus. Determinação dos valores de referência das pressões respiratórias estáticas máximas na lesão medular traumática. 2006. 0 f. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação Em Ciência Médicas) - Universidade de Brasília, . Orientador: Paulo Sérgio Siebra Beraldo.

Monografia de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização
1.
Josevan Cerqueira Leal. Revisão da literatura sobre as alterações cardiovasculares em indivíduos hígidos e pacientes com lesão medular cervical durante a imersão em água. 2005. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Ciências da Reabilitação) - Associação das Pioneiras Sociais. Orientador: Paulo Sérgio Siebra Beraldo.

2.
Shirley Ribeiro Rocha. Estudo dos Reflexos Respiratórios: descrição e formas de avaliação.. 2004. 0 f. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Ciências da Reabilitação) - Associação das Pioneiras Sociais. Orientador: Paulo Sérgio Siebra Beraldo.

3.
Lídia Cunha Suhet. Prevalência de Assistência Ventilatória Mecânica em Pacientes Internados nas Unidades de Terapia Intensiva do Distrito Federal. 2004. 0 f. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Pneumo Funcional) - Universidade de Brasília. Orientador: Paulo Sérgio Siebra Beraldo.

4.
Maria Márcia Gomes. Métodos de avaliação do consumo energético. 2003. 80 f. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Ciências da Reabilitação) - Centro Sarah de Formação e Pesquisa. Orientador: Paulo Sérgio Siebra Beraldo.

5.
Sérgio Ricardo Thomaz. Alterações Cardiopulmonares na Imersão de Sujeitos Sadios e Pacientes Tetraplégicos. Uma Revisão da Literatura.. 2002. 0 f. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Ciências da Reabilitação) - Associação das Pioneiras Sociais. Orientador: Paulo Sérgio Siebra Beraldo.

6.
Giullyane Lemes Bittencourt. Avaliação Nutricional em Indivíduos Portadores de Lesão Medular. 2001. 0 f. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização Em Ciências da Reabilitação) - Associação das Pioneiras Sociais. Orientador: Paulo Sérgio Siebra Beraldo.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Renata Assis de Matos. Indicadores de reprodutibilidade: uma aplicação na área médica. 2003. 0 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Departamento de Estatística) - Universidade de Brasília. Orientador: Paulo Sérgio Siebra Beraldo.

2.
Gustavo Tavares Lameira da Costa. Comparação da predição de mortalidade em duas unidades de queimados utilizando modelos de regressão logística. 2003. 0 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Departamento de Estatística) - Universidade de Brasília. Orientador: Paulo Sérgio Siebra Beraldo.



Educação e Popularização de C & T



Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Braga, L.W ; BERALDO, P S S . Jornada Científica do Sarah Brasília. 2014. (Congresso).

2.
BERALDO, P. S. S.. Coordenador do Módulo de Função Pulmonar no 8º Congresso Centro-Oeste de Pneumologia e Tisiologia. 2015. (Outro).



Outras informações relevantes


Diretor Científico da Sociedade Brasiliense de Doenças Torácicas - SBDT, no biênio 2010/2011



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 19/02/2019 às 23:42:05