Daniela Bueno Sudatti

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/3793209137993757
  • Última atualização do currículo em 27/06/2018


Possui graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Estadual de Campinas (2001), mestrado (2004) e doutorado (2010) em Biologia Marinha pela Universidade Federal Fluminense (UFF). Atualmente atua como pesquisadora colaboradora junto aos Laboratórios de Ecologia Química Marinha (UFF) e Bioquímica (JBRJ). Participa do PPGBiotecMar (IEAPM/UFF), ministrando aulas nos cursos de Ecologia Química Marinha e Produtos Naturais Marinhos. Tem experiência na área de Oceanografia Biológica, com ênfase em: ecologia de macroalgas e costão rochoso, ecologia química marinha e produtos naturais marinhos. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Daniela Bueno Sudatti
Nome em citações bibliográficas
SUDATTI, D. B.;Sudatti, Daniela Bueno;Sudatti DB;Sudati, DB;SUDATTI, DANIELA;SUDATTI, DANIELA B.;Daniela B Sudatti;Daniela B. Sudatti

Endereço


Endereço Profissional
Instituto de Pesquisa Jardim Botânico do Rio de Janeiro, Laboratório de Bioquimica.
Rua Pacheco Leão - até 914/915
Jardim Botânico
22460030 - Rio de Janeiro, RJ - Brasil
Telefone: (21) 32042149


Formação acadêmica/titulação


2006 - 2010
Doutorado em Biologia Marinha.
Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil.
Título: Influência de fatores ambientais, abióticos e bióticos, na química defensiva da macroalga marinha Laurencia dendroidea (Ceramiales: Rhodophyta), Ano de obtenção: 2010.
Orientador: Renato Crespo Pereira.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: defesa química; fatores abioticos; fatores bioticos; Rhodophyta; Laurencia dendroidea; macroalgas.
Grande área: Ciências Biológicas
2002 - 2004
Mestrado em Biologia Marinha.
Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil.
Título: Implicações ecológicas da variação da concentração do sesquiterpeno elatol em Laurencia obtusa,Ano de Obtenção: 2004.
Orientador: Renato Crespo Perreira.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Laurencia obtusa; variação intrapopulacional; compostos halogenados; elatol; cromatografia a gás; bioensaios antiherbivoria e antiincrustação.
Grande área: Ciências Biológicas
Setores de atividade: Outro; Desenvolvimento de Novos Materiais.
1997 - 2001
Graduação em Licenciatura em Ciências Biológicas.
Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil.
1993 - 1995
Ensino Médio (2º grau).
Colégio Singular, SINGULAR, Brasil.
1985 - 1992
Ensino Fundamental (1º grau).
Colégio Stocco, STOCCO, Brasil.


Pós-doutorado


2017
Pós-Doutorado.
Instiuto de Pesquisas Jardim Botânico do Rio de Janeiro, JBRJ, Brasil.
Bolsista do(a): Fundação Flora de Apoio à Botânica, FLORA, Brasil.
Grande área: Ciências Biológicas
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Biotecnologia / Subárea: produtos naturais marinhos.
2011 - 2016
Pós-Doutorado.
Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências Biológicas
Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Oceanografia / Subárea: Ecologia.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Fisiologia Macroalgas.


Formação Complementar


2012 - 2012
Ecologia Química Marinha. (Carga horária: 6h).
Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil.
2006 - 2006
Sobrevivência no mar. (Carga horária: 8h).
Multilink Assessoria Tecnica, MULTILINK, Brasil.
2006 - 2006
Treinamento de Escape de Aeronave Submersa. (Carga horária: 8h).
Multilink Assessoria Tecnica, MULTILINK, Brasil.
2001 - 2001
English Language Course Intermediate 2. (Carga horária: 50h).
British Language Training Centre, BLTC, Inglaterra.
2001 - 2001
English Language Course Intermediate 1. (Carga horária: 50h).
British Language Training Centre, BLTC, Inglaterra.
1999 - 1999
Fotografia Aprenda a Falar Esta Língua. (Carga horária: 20h).
Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil.
1999 - 1999
Genética de Populações e Conservação. (Carga horária: 6h).
Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil.
1998 - 1998
Delineamento Experimental Para Modelos Biológicos. (Carga horária: 6h).
Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil.
1998 - 1998
Mergulho autônomo. (Carga horária: 80h).
Padi, PADI, Brasil.
1997 - 1997
Técnicas Moleculares. (Carga horária: 6h).
Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil.


Atuação Profissional



Instituto de Pesquisa Jardim Botânico do Rio de Janeiro, IP/JBRJ, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Pós-doutorado

Atividades

12/2016 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Laboratório de Bioquimica, .


Instituto de Estudos do Mar Almirante Paulo Moreira, IEAPM, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Colaborador, Docente de Pós-graduação

Atividades

2016 - Atual
Ensino, BIOTECNOLOGIA MARINHA, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Interações químicas entre organismos marinhos
Produtos naturais de organismos marinhos
01/2012 - Atual
Outras atividades técnico-científicas , Divisão de Oceanografia Biológica, Divisão de Oceanografia Biológica.

Atividade realizada
Colaborador em projeto de pesquisa.

Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca, CEFET/RJ, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - 2016
Vínculo: Professor Substituto, Enquadramento Funcional: Professor Ensino Médio de Biologia


Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - 2016
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Pós-doutorado
Outras informações
PNDP/2011- ConcessãoInstitucional

Vínculo institucional

2006 - 2010
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Doutorando, Carga horária: 40

Vínculo institucional

2003 - 2004
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Mestrando, Carga horária: 40

Atividades

3/2011 - 09/2016
Pesquisa e desenvolvimento , Instituto de Biologia, .

3/2011 - 7/2016
Ensino, Biologia Marinha, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
GBMS04010 Ecologia Quimica Marinha 75h
08/2013 - 12/2013
Ensino, Biologia Marinha, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
EGB.00039 Ecologia Comportamental Marinha 30h

Instituto Costa Brasilis, ICB*, Brasil.
Vínculo institucional

2005 - Atual
Vínculo: associado, Enquadramento Funcional: tesoureiro e pesquisador voluntário
Outras informações
http://www.costabrasilis.org.br


Ecologus Engenharia Consultiva, ECOLOGUS, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - 2006
Vínculo: consultor, Enquadramento Funcional: consultor
Outras informações
Embarque em navio de pesquisa sísmica como observador de cetáceos e quelônios marinhos navio CGG Laurentian, Bloco BMC-2627


Okeanos Consultoria Ambiental, OKEANOS, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - 2006
Vínculo: consultor, Enquadramento Funcional: consultor
Outras informações
Embarque em navio de pesquisa sísmica como observador de cetáceos e quelônios marinhos navio CGG Laurentian, Bloco SEAL-9


Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil.
Vínculo institucional

1997 - 2000
Vínculo: estágio: iniciação científica, Enquadramento Funcional: ., Carga horária: 0

Atividades

03/2000 - 12/2000
Estágios , Laboratório de estudos de interação inseto planta, .

Estágio realizado
Coleta de dados, triagem de material e organização das coleções do projeto BIOTA SP.
08/2000 - 11/2000
Estágios , Estágio Supervisionado, .

Estágio realizado
observações e intervenções de aulas.
03/2000 - 06/2000
Estágios , Estágio Supervisionado, .

Estágio realizado
Planejamento e acompanhamento de aulas.
05/1999 - 05/2000
Outras atividades técnico-científicas , Laboratório de Biologia Marinha, Laboratório de Biologia Marinha.

Atividade realizada
Projeto de iniciação científica Fapesp - "Variação diária da fauna de caprelídeos associada a alga parda Sargassum e a substrato artificial na praia do Lamberto, Ubatuba, SP".
05/1998 - 04/1999
Outras atividades técnico-científicas , Laboratório de Biologia Marinha, Laboratório de Biologia Marinha.

Atividade realizada
Projeto de iniciação científica Fapesp - "Variação diária da fauna de caprelídeos associada a Sargassum em duas prais de diferentes graus de turbidez da região de Ubatuba, SP".
03/1997 - 04/1998
Estágios , Laboratório de Biologia Marinha, .

Estágio realizado
Estudo de taxonomia e ecologia de invertebrados marinhos.


Linhas de pesquisa


1.
Ecologia, biologia marinha, ecologia química
2.
Ecologia, biologia marinha, ecologia química


Projetos de pesquisa


2016 - Atual
Desvendando a margem equatorial da Amazônia azul: estrutura, diversidade e aspectos funcionais dos recifes associados à foz do rio Amazonas
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2014 - 2014
Potencial Invasor de Clavulariidae (Cnidaria, Anthozoa)

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Ricardo Coutinho em 06/03/2017.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2014 - Atual
Comunidades Incrustantes como modelo biológico para estudis de mudanças climáticas: passado, presente e seu impacto futuro na biodiversidade e na biotecnologia
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2013 - 2016
Abordagens ecológicas, evolutivas e aplicadas com produtos naturais marinhos
Descrição: A proposta reúne 5 subprojetos que abordam diferentes desdobramentos de pesquisas prévias realizadas no Laboratório de Ecologia Química Marinha da UFF. Os subprojetos 1 e 2 buscam avaliar a importância de metabólitos secundários de macroalgas marinhas e esponjas marinhas como sinalização química com hospedeiros e/ou consumidores. São projetos inovadores com intuito de evidenciar mediadores químicos em interações biológicas no ambiente marinho. O subprojeto 3 busca avançar em aspectos evolutivos da mediação química, particularmente tentando entender o que contribuiu para que o padrão de abundância e expressão ecológica se constituísse; ou seja algo realmente inédito no cenário científico. O subprojeto 4 trata de uma análise bastante refinada sobre a variabilidade na produção de metabólitos secundários de Laurencia dendroidea sob influencia de diferentes fatores em cultivo, uma macroalga que tem sido muito estudada em nosso laboratório e considerada um verdadeiro modelo de estudos básicos e aplicados. Com estes estudos pretendemos avançar no conhecimento sobre um presumível balanço na produção destas substâncias e que fatores influenciam neste contexto. Este conhecimento poderá ser explorado no contexto biotecnológico de obtenção de moléculas sob condições de cultivo desta macroalga. O subprojeto 5 visa o desenvolvimento de alternativas para o suprimento sustentável de matéria prima através do conhecimento do gene responsável pela produção do sesquiterpeno elatol produzido por L. dendroidea..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2013 - 2014
Ecologia química da interação Costasiella occelifera (Sacoglossa) e sua macroalga hospedeira Avrainvillea elliottii (Bryopsidales)
Descrição: As interações planta-herbívoro têm sido largamente estudadas no ambiente terrestre, revelando que alguns insetos são extremamente seletivos na escolha de seus recursos. No ambiente marinho o número de herbívoros especialistas é bem menos expressivo e são pouco estudados. Dentre os principais exemplos estão os moluscos opistobrânquios, incluindo sacoglossas e nudibrânquios. O gastrópode sacoglossa Costasiella occelifera vive associado a macroalga verde Avrainvillea elliottii, supostamente utilizando-a como alimento e reprodução. O presente estudo tem como objetivo avaliar a seletividade de Costasiella occelifera em relação a produção de metabolitos secundários da macroalga Avrainvillea elliottii. Os organismos, alga e molusco, serão coletados na Praia da Biscaia, Angra dos Reis, RJ. Parte do material algáceo será utilizado para realização de extratos bruto e fracionado que serão utilizados nos ensaios de seletividade. Os ensaios de seletividade serão realizados em laboratório através da incorporação do extrato (bruto e fração) em matrizes adequadas a serem ainda testadas. Uma vez feita a adequação da matriz, os extratos serão oferecidos aos moluscos em ensaio de escolha entre condições controle e tratamento. A seletividade será avaliada através do número de escolhas..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2012 - 2016
Laboratório de manutenção, cultivo e experimentação com organismos marinhos
Descrição: Muitas pesquisas marinhas envolvem observação, mensuração e a realização de experimentos com intuito de avaliar hipóteses. Estes experimentos podem ser realizados tanto em campo como em laboratório, desde que, neste último, as condições ambientais sejam reproduzidas de maneira mais fidedigna possível. É neste contexto que se insere o presente projeto, com intuito de estabelecer condições apropriadas para a manutenção de organismos marinhos e com eles realizar os mais variados bioensaios para avaliações de hipóteses. Com as novas instalações do Instituto de Biologia da Universidade Federal Fluminense, pretende-se criar uma infraestrutura de laboratório que reproduza diferentes condições ambientais para a obtenção de resultados tanto de biologia/ecologia marinha, como outros de interesse aplicado sobre bioprospecção de metabólitos secundários de interesse biotecnológico. O Laboratório será constituído em uma sala de aproximadamente 22m2, dotada de revestimento especial contra umidade e corrosão, climatização central, localizada no térreo do novo Instituto de Biologia da UFF, que está em fase final de construção, no campus do Gragoatá. O mesmo terá capacidade para receber organismos marinhos removidos do campo e mantê-los sob condições ótimas de luz, temperatura, salinidade, pH e nutrientes, tal qual manipular tais fatores. Com esta estrutura, pretendemos criar um espaço de ensino e pesquisa para a demonstração de conceitos, técnicas e procedimentos na área de ciências do mar utilizando organismos marinhos vivos. Serão desenvolvidas desde pesquisas básicas como, por exemplo, destinadas à avaliação das mudanças climáticas sobre organismos marinhos, assim como outras de caráter aplicado ou biotecnológico...
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2011 - 2016
Produtos naturais marinhos: da ecologia à bioprospeção sustentável
Descrição: A proposta reúne 3 subprojetos que abordam diferentes desdobramentos de pesquisas prévias realizadas no Laboratório de Ecologia Química Marinha da UFF. O primeiro desde busca avaliar a importância de metabólitos secundários de macroalgas marinhas em relações competitivas, a alelopatia. Trata-se de projeto inovador para conhecimento destas substâncias no contexto da estruturação de populações bentônicas, advindo de experiências prévias de estudos realizados com as espécies de macroalgas Avrainvillea e Stypopodium. O subprojeto 2 trata de uma análise bastante refinada sobre a variabilidade na produção de metabólitos secundários de Laurencia dendroidea sob influencia de diferentes fatores em laboratório, uma macroalga que tem sido muito estudada em nosso laboratório e considerada um verdadeiro modelo de estudos básicos e aplicados. Com estes estudos pretendemos avançar no conhecimento sobre um presumível balanço na produção destas substâncias e que fatores influenciam neste contexto. Este conhecimento poderá ser explorado no contexto biotecnológico de obtenção de moléculas sob condições de cultivo desta macroalga. O subprojeto 3 visa o desenvolvimento de alternativas para o suprimento sustentável de matéria prima através do conhecimento do gene responsável pela produção do sesquiterpeno elatol produzido por L. dendroidea..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2011 - 2016
Importância da variabilidade na produção do sesquiterpeno elatol, defesa química da macroalga Laurencia dendroidea, frente à herbívoros.
Descrição: Os metabolitos secundários ou produtos naturais são substâncias responsáveis por interações ecológicas mediadas quimicamente. As macroalgas marinhas são conhecidas por produzirem mais de 3.000 produtos naturais, representando aproximadamente 20% de toda a química de metabolismo secundário descrita para o ambiente marinho. A espécie Laurencia dendroidea tem extensa distribuição na costa brasileira, desde o Ceará até o Rio Grande do Sul, constituindo um elemento importante da flora ficológica brasileira. Dentre os inúmeros metabolitos encontrados em espécies de Laurencia, o sesquiterpeno elatol destaca-se como o principal metabolito secundário na macroalga L. dendroidea. O Este sesquiterpeno tem amplo espectro de ação ecológica como defesa frente a herbívoros e incrustantes, mas ocorre em diferentes concentrações em uma mesma população desta alga. No entanto, nada é conhecido sobre qual amplitude de variação atua como mediador em interações ecológicas no ambiente marinho. Este projeto visa avaliar como a variabilidade dos teores de elatol, metabolito majoritário de L. dendroidea, influencia a suscetibilidade da macroalga frente à herbivoria. A compreensão acerca das respostas de consumidores à variabilidade de concentração de metabólitos pode ser uma importante ferramenta para o entendimento de aspectos ecológicos e evolutivos da química defensiva..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2011 - 2012
Capacitação para utilização de técnicas de estudo utilizando metabólitos secundários de nudibrânquios (Mollusca, Gastropoda)
Descrição: Os metabólitos secundários são conhecidos mediadores de interações ecológicas entre organismos e o meio ambiente e entre os diversos organismos da mesma espécie ou entre diferentes espécies. Os primeiros estudos com o intuito geral de verificar as propriedades biológicas de metabólitos secundários compreenderam os testes sobre atividades antibiótica, antifúngica e/ou ictiotóxica (gerando inclusive incentivos à indústria). Também contribuiu para o rápido desenvolvimento e consequente aumento do interesse pela Ecologia Química Marinha, o progresso de desenhos experimentais com a devida inclusão de réplicas, bem como testes estatísticos. Os invertebrados marinhos têm sido o principal alvo de interesse dos pesquisadores de produtos naturais marinhos. As esponjas e os nudibrânquios destacam-se por conter grande diversidade de metabólitos secundários produzidos. Os moluscos são os mais conhecidos como concentradores de metabólitos de dieta , muitas vezes empregando-os para sua própria defesa frente a predadores. Os registros de alimentação sobre os nudibrânquios são escassos. Até o presente, não existe no Brasil nenhum estudo experimental que avalie a mediação química existente no comportamento dos nudibrânquios em relação às suas presas. O avanço no conhecimento destas questões ou mecanismos será fundamental para aspectos acadêmicos sobre ecologia e evolução de nudibrânquios..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2008 - 2010
Dinâmica de variação quantitativa do sesquiterpeno elatol em Laurencia obtusa
Descrição: O presente projeto se insere no contexto da busca pelo conhecimento dos fatores ambientais atuais que condicionam padrões de variabilidade na produção de metabólitos secundários em macroalgas marinhas, mas que também possam fornecer subsídios para a compreensão de aspectos evolutivos da produção destas substâncias neste e outros organismos que os produzem...
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2007 - 2009
Por que macroalgas marinhas produzem metabólitos secundários
Descrição: A produção de metabolitos secundários por diversos organismos, incluindo macroalgas marinhas é comumente associada à pressão de predação, apesar da inexistência de evidências experimentais que comprovem esta suposição. Algumas informações revelam que os teores destes metabolitos variam em função de características genéticas ou fatores ambientais. O presente projeto se insere neste contexto de busca por uma explicação sobre o que contribuiu para que a variabilidade atual em abundância e atuação de metabolitos de macroalgas marinhas se constituísse. Para este estudo foi selecionada a macroalga Laurencia obtusa, conhecida por produzir o sesquiterpeno elatol como seu metabolito majoritário, atuante como defesa química contra herbívoros e organismos incrustantes. Serão realizadas algumas abordagens sobre o contexto da variabilidade da produção de metabolitos secundários, monitorada através da quantificação do elatol: (1) espécimes de L. obtusa vivendo sob diferentes condições ambientais a. pressão epibiose, b. profundidade, c. variação diária, d. estádio de desenvolvimento; (2) bioensaios em laboratório para avaliar a importância de fatores ambientais; (3) a manutenção desta macroalga sob pressões distintas de oxigênio; (4) avaliação da importância de bactérias epibiontes do talo desta macroalga como indutoras da produção de elatol e, por último, (5) investigação de processos celulares de armazenamento e transporte de elatol, relacionando-os com mecanismos de defesa química. A quantificação do elatol será feita por Cromatógrafo à Gás associado a um Detector de Captura de Elétrons (CG-DCE), com padronização externa, procedimento este desenvolvido recentemente em nosso laboratório. Além de contribuir para o conhecimento sobre a origem e a evolução de produtos naturais em macroalgas marinhas, o projeto fornecerá subsídios importantes para a melhoria na produção ou rendimento de elatol, uma molécula de grande interesse biotecnológico no combate à bioincrustação marinha..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Projetos de desenvolvimento


2012 - 2014
LEAF - Low Emission AntiFouling
Descrição: LEAF -Low emission Antifouling coating based in the novel discoveredpost setllemnte penetration trigged antifouling. Current antifouling technologies are based either on release of biocides or on low-adhesion coatings, e.g. silicone based coatings. Present biocide-based strategies are based on a continuous exposure of biocides at the film/water interface and consequently release into the environment if the antifouling efficacy is to be maintained. Such biocide-based solutions can therefore not be regarded as sustainable. Low adhesion coatings suffer from drawbacks of low durability and associated high material and maintenance costs. Therefore, there is currently no sustainable and cost-efficient solution available on the market today to minimize the costly and environmentally important problem of marine biofouling of marine vessels and constructions. The overall objective of the LEAF project is to reduce the use of biocide in antifouling coatings, reduce to zero the release of this substance in the surrounding water, and extend the service life of antifouling coatings..
Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento.


Revisor de periódico


2014 - 2014
Periódico: Hoehnea (São Paulo)
2018 - Atual
Periódico: Marine Ecology


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Oceanografia / Subárea: Oceanografia Biológica.
2.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Oceanografia / Subárea: Ecologia.
3.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Biologia Geral / Subárea: Ecologia química.
4.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Biologia Geral / Subárea: Biologia marinha.
5.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Biologia Geral / Subárea: Produtos naturais marinhos.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.


Prêmios e títulos


2010
Premio Joly - categoria pós-graduação, Sociedade Brasileira de Ficologia.


Produções



Produção bibliográfica
Citações

Web of Science
Total de trabalhos:14
Total de citações:200
Fator H:7
Sudatti DB  Data: 05/02/2018

Artigos completos publicados em periódicos

1.
Sudatti, Daniela Bueno2018Sudatti, Daniela Bueno; Fujii, Mutue Toyota ; Rodrigues, Silvana Vianna ; Turra, Alexander ; Pereira, Renato Crespo . Prompt induction of chemical defenses in the red seaweed Laurencia dendroidea : The role of herbivory and epibiosis. JOURNAL OF SEA RESEARCH, v. 138, p. 48-55, 2018.

2.
Pereira, R.C.2017Pereira, R.C. ; COSTA, E. S. ; SUDATTI, D. B. ; GAMA, B. A. P. . Inducible defenses against herbivory and fouling in seaweeds. Journal of Sea Research (Den Burg. Print), v. 122, p. 25-33, 2017.

3.
DE OLIVEIRA, LOUISI SOUZA2017DE OLIVEIRA, LOUISI SOUZA ; TSCHOEKE, DIOGO ANTONIO ; MAGALHÃES LOPES, ANA CAROLINA RUBEM ; Sudatti, Daniela Bueno ; MEIRELLES, PEDRO MILET ; THOMPSON, CRISTIANE C. ; Pereira, Renato Crespo ; THOMPSON, FABIANO L. . Molecular Mechanisms for Microbe Recognition and Defense by the Red Seaweed. mSphere, v. 2, p. e00094-17, 2017.

4.
SUDATTI, D. B.;Sudatti, Daniela Bueno;Sudatti DB;Sudati, DB;SUDATTI, DANIELA;SUDATTI, DANIELA B.;Daniela B Sudatti;Daniela B. Sudatti2016SUDATTI, D. B.; Fujii,MT ; RODRIGUES, S. V. ; Turra, A ; DUARTE, H. M. ; Soares, AR ; Pereira, R.C. . Diel variation of sesquiterpene elatol production: a chemical defense mechanism of the red seaweed Laurencia dendroidea. Biochemical Systematics and Ecology, v. 64, p. 131-135, 2016.

5.
NAZARETH, TAÍS M.2016NAZARETH, TAÍS M. ; SUDATTI, DANIELA B. ; MACHADO, GLAUCO . Chemical Defense as a Condition-Dependent Trait in Harvestmen. Journal of Chemical Ecology, v. 42, p. 1047-1051, 2016.

6.
DESOTI, VÂNIA2014DESOTI, VÂNIA ; LAZARIN-BIDÓIA, DANIELLE ; SUDATTI, DANIELA ; PEREIRA, RENATO ; UEDA-NAKAMURA, TANIA ; NAKAMURA, CELSO ; DE OLIVEIRA SILVA, SUELI . Additional Evidence of the Trypanocidal Action of (−)-Elatol on Amastigote Forms through the Involvement of Reactive Oxygen Species. Marine Drugs, v. 12, p. 4973-4983, 2014.

7.
OLIVEIRA, ALINE SANTOS2013OLIVEIRA, ALINE SANTOS ; Sudatti, Daniela Bueno ; Fujii, Mutue Toyota ; Rodrigues, Silvana Vianna ; Pereira, Renato Crespo . Inter- and intrapopulation variation in the defensive chemistry of the red seaweed (Ceramiales, Rhodophyta). Phycologia (Oxford), v. 52, p. 130-136, 2013.

8.
DESOTI, VÂNIA CRISTINA2012DESOTI, VÂNIA CRISTINA ; LAZARIN-BIDÓIA, DANIELLE ; Sudatti, Daniela Bueno ; Pereira, Renato Crespo ; ALONSO, ANTONIO ; UEDA-NAKAMURA, TANIA ; DIAS FILHO, BENEDITO PRADO ; NAKAMURA, CELSO VATARU ; DE OLIVEIRA SILVA, SUELI . Trypanocidal Action of (−)-Elatol Involves an Oxidative Stress Triggered by Mitochondria Dysfunction. Marine Drugs, v. 10, p. 1631-1646, 2012.

9.
Sudatti, Daniela Bueno2011Sudatti, Daniela Bueno; Fujii, Mutue Toyota ; Rodrigues, Silvana Vianna ; Turra, Alexander ; Pereira, Renato Crespo . Effects of abiotic factors on growth and chemical defenses in cultivated clones of Laurencia dendroidea J. Agardh (Ceramiales, Rhodophyta). Marine Biology (Berlin), p. 1439-1446, 2011.

10.
Pereira, R.C.2011Pereira, R.C. ; OLIVEIRA, A. S. ; SUDATTI, D. B. . Ecologia química marinha: origem, desenvolvimento e perspectivas no Brasil. Oecologia Australis, v. 15, p. 412-436, 2011.

11.
PARADAS, W. C.2010PARADAS, W. C. ; SALGADO, L. T. ; SUDATTI, D. B. ; Crapez, MAC ; Fujii,MT ; COUTINHO, R. ; PEREIRA, R. C. ; AMADO FILHO, G. M. . Induction of halogenated vesicle transport in cells of the red seaweed Laurencia obtusa. Biofouling (New York), v. 26, p. 277-286, 2010.

12.
VEIGA-SANTOS, P.2010VEIGA-SANTOS, P. ; PELIZZARO-ROCHA, K. J. ; SANTOS, A. O. ; UEDA-NAKAMURA, T. ; FILHO, B. P. DIAS ; SILVA, S. O. ; SUDATTI, D. B. ; BIANCO, E. M. ; PEREIRA, R. C. ; NAKAMURA, C. V. . In vitro anti-trypanosomal activity of elatol isolated from red seaweed Laurencia dendroidea. Parasitology (London. Print), v. 137, p. 1661-1670, 2010.

13.
Santos, AO2010Santos, AO ; Veiga-Santos, P ; UEDA-NAKAMURA, T. ; Dias-Filho, BP ; SUDATTI, D. B. ; BIANCO, E. M. ; Pereira, R.C. ; NAKAMURA, C. V. . Effect of elatol, isolated from red seaweed Laurencia dendroidea, on Leishmania amazonensis. Marine Drugs, v. 8, p. 2733-2743, 2010.

14.
FERREIRA, C. E. L.2008FERREIRA, C. E. L. ; VEIGA-SANTOS, P. ; ROCHA, K. J. P ; SANTOS, A. O. ; UEDA-NAKAMURA, T ; FILHO, B. P. DIAS ; Lautenschlager, SOS ; SUDATTI, D. B. ; BIANCO, E. M. ; PEREIRA, R. C. ; NAKAMURA, C. V. . Antitrypanosomal activity of Elatol isolated from red seaweed Laurencia obtusa. Planta Medica, v. 74, p. 74-74, 2008.

15.
SUDATTI, D. B.;Sudatti, Daniela Bueno;Sudatti DB;Sudati, DB;SUDATTI, DANIELA;SUDATTI, DANIELA B.;Daniela B Sudatti;Daniela B. Sudatti2008SUDATTI, D. B.; RODRIGUES, S. V. ; COUTINHO, R. ; Da Gama, BAP ; SALGADO, L. T. ; AMADO FILHO, G. M. ; Pereira, R.C. . Transport and defensive role of elatol at the surface of the red seaweed Laurencia obtusa (Ceramiales, Rhodophyta). Journal of Phycology, v. 44, p. 584-591, 2008.

16.
LEITE, F. P. P.2007LEITE, F. P. P. ; TANAKA, M. O. ; SUDATTI, D. B. ; GEBARA, R. S. . Diel density variation of amphipods associated with Sargassum beds from two shores of Ubatuba, Southeastern, Brazil. Iheringia. Série Zoologia (Impresso), v. 97, p. 400-405, 2007.

17.
SUDATTI, D. B.2006SUDATTI, D. B.; RODRIGUES, S. V. ; PEREIRA, R. C. . Quantitative GC-ECD Analysis of Halogenated Metabolites: Determination of Surface and Within-Thallus Elatol of Laurencia obtusa. Journal of Chemical Ecology, v. 32, p. 835-843, 2006.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
PEREIRA, RENATO ; Daniela B. Sudatti . Ecologia química Marinha. Biologia Marinha.. xx. ed. Rio de Janeiro: Interciência, 2018.

Capítulos de livros publicados
1.
PEREIRA, R. C. ; DA GAMA, B. A. P. ; SUDATTI, D. B. . The role of chemically defended seaweeds as biodiversity sources. In: Olafsson, E.. (Org.). Marine macrophytes as foundation species: Biodiversity, food webs, and anthropogenic impacts. 1ed.Boca Raton, Florida: CRC Press, 2014, v. prelo, p. 000-000.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
COUTINHO, R. ; SUDATTI, D. B. ; MESSANO, L. V. R. ; ARAÚJO, H. F. M. . Antifouling Tests of Leaf Project in Tropical Waters. In: International Congress on Marine Corrosion and Fouling, 2014, Singapura. 17th ICMCF, 2014.

2.
SUDATTI, D. B.; Fujii, Mutue Toyota ; Rodrigues, Silvana Vianna ; Turra, Alexander ; Pereira, Renato Crespo . Circadian rhythm on the production of sesquiterpene elatol in the red seaweed Laurencia dendroidea (Ceramiales, Rhodophyta). In: X Bioinc, 2013, Arraial do Cabo. X Bioinc, 2013.

3.
BELMONTE, T. D. ; SUDATTI, D. B. ; PEREIRA, R. C. ; HAJDU, G. L. . Comportamento de nudibrânquios (Mollusca, Gastropoda) em relação aos metabólitos secundários de esponjas marinhas. In: XI Congresso Internacional de Ecologia, 2013, Porto Seguro. XI Congresso Internacional de Ecologia, 2013.

4.
BELMONTE, T. D. ; SUDATTI, D. B. ; PEREIRA, R. C. ; HAJDU, G. L. . Ensaios de atração química sobre o comportamento de nudibrânquios (Gastropoda) em relação aos metabólitos secundários de esponjas marinhas. In: XXIII Encontro Brasileiro de malacologia, 2013, Rio de Janeiro. XXIII Encontro Brasileiro de malacologia, 2013.

5.
LIMA, L. M. S. ; Sudati, DB ; PEREIRA, R. C. . Sinalização química e escolha de habitat em Costasiella sp. (Sacoglossa, Mollusca). In: Congresso Brasileiro de Biologia Marinha, 2011, Paraíba. Sinalização química e escolha de habitat em Costasiella sp. (Sacoglossa, Mollusca), 2011. v. xx. p. xx-xx.

6.
OLIVEIRA, A. S. ; Sudati, DB ; Fujii, Mutue Toyota ; Rodrigues, Silvana Vianna ; Pereira, R.C. . Crescimento e produção de defesa química nas diferentes fases do ciclo de vida de Laurencia dendroidea (Ceramiales, Rhodophyta). In: VII Encontro Brasileiro de Ecologia Química, 2011, Niterói. Caderno de Resumos VII Encontro Brasileiro de Ecologia Química, 2011.

7.
SUDATTI, D. B.; Fujii,MT ; RODRIGUES, S. V. ; TURRA, A. ; PEREIRA, R. C. . Influência de fatores abióticos no crescimento e na defesa química em clones de Laurencia dendroidea J.AGARDH (Ceramiales, Rhodophyta). In: XIII Congresso Brasileiro de Ficologia, 2010, Paraty. Influência de fatores abióticos no crescimento e na defesa química em clones de Laurencia dendroidea J.AGARDH (Ceramiales, Rhodophyta), 2010.

8.
GRANJA, C. M. ; SAISSE, N. E. ; SUDATTI, D. B. ; OLIVEIRA, A. S. ; PEREIRA, R. C. . Suscetibildade diferencial das fases de vida de Laurencia catarinensis Cordeiro-Marinho & Fujii em função do tipo de herbívoro. In: 2 Congresso Brasileiro de Biologia Marinha, 2009, Búzios. Anais 2 Congresso Brasileiro de Biologia Marinha, 2009. v. 1.

9.
SAISSE, N. E. ; GRANJA, C. M. ; OLIVEIRA, A. S. ; SUDATTI, D. B. ; PEREIRA, R. C. . A influência da fase do ciclo de vida na química defensiva de Laurencia filiformis J. Agardh. In: 2 Congresso Brasileiro de Biiologia Marinha, 2009, Búzios. Anais 2 Congresso Brasileiro de Biiologia Marinha, 2009. v. 1.

10.
VEIGA-SANTOS, P. ; ROCHA, K. J. P ; UEDA-NAKAMURA, T ; DIAS-FILHO, B. P ; SILVA, S. O. ; BIANCO, E. M. ; SUDATTI, D. B. ; PEREIRA, R. C. ; NAKAMURA, C. V. . Antitrypanosomal activity of Elatol isolated from red seaweed Laurencia obtusa.. In: 7th Joint Meeting of AFERP, ASP, GA, PSE & SIF, 2008, Athens. Natural Products with Pharmaceutical, Nutraceutical, Cosmetic and Agrochemical Interest, 2008. v. 74. p. 696-696.

11.
SOUZA, C. F. ; SUDATTI, D. B. ; RODRIGUES, S. V. ; PEREIRA, R. C. . AVALIAÇÃO DE VARIABILIDADES ESPACIAL E TEMPORAL NA PRODUÇÃO DE DEFESA QUÍMICA EM LAURENCIA FILIFORMIS.. In: III Congresso Brasileiro de Oceanografia, 2008, São Paulo. Anais III Congresso Brasileiro de Oceanografia, 2008. v. 1.

12.
ROGERS, R. ; SUDATTI, D. B. ; PINHEIRO, L.C. S. ; CRAPEZ, M. A. C. ; TURRA, A. ; BERNARDINO, A.M.R. ; PEREIRA, R. C. . Análogos sintéticos à kuanoniamina: avaliação do potencial antiincrustante e aplicações. In: VII Encontro de Bioincrustação, Ecologia Bêntica e Biocorrosão, 2007, Arraial do cabo. . Análogos sintéticos à kuanoniamina: avaliação do potencial antiincrustante e aplicações, 2007.

13.
SUDATTI, D. B.; OLIVEIRA, A. S. ; FUJII, M. T. ; CARVALHO, L. R. ; PEREIRA, R. C. . Qual o papel dos metabólitos secundários em espécies de Laurencia (Rhodophyta, Ceramiales)?. In: 58 Congresso Nacional de Botânica, 2007, São Paulo. Anais 58 Congresso Nacional de Botânica, 2007. v. 1.

14.
GÜTH, A. Z. ; SUDATTI, D. B. ; DENADAI, M. R. ; TURRA, A. . Instituto Costa Brasilis - Desenvolvimento Sócio-Ambiental. In: I Congresso Brasileiro de Biologia Marinha, 2006, Niteroi. I Congresso Brasileiro de Biologia Marinha, 2006. v. 2. p. 154-154.

15.
SUDATTI, D. B.; RODRIGUES, S. V. ; COUTINHO, R. ; DA GAMA, B. A. P. ; PEREIRA, R. C. . Chemical defense in the red seaweed Laurencia obtusa: Do surface concentrations of elatol inhibit herbivore and fouling organisms?. In: 13th International Congress on Marine Corrosion and Fouling, 2006, Rio de Janeiro. Abstracts of the 13th International Congress on Marine Corrosion and Fouling., 2006. v. 1. p. 1-1.

16.
SUDATTI, D. B.; RODRIGUES, S. V. ; COUTINHO, R. ; PEREIRA, R. C. . Implicações ecológicas de concentrações de sesquiterpeno elatol no interior e na superfície de Laurencia obtusa. In: VI Encontro de Bioincrustação, Ecologia Bêntica e Corrosão, 2005, Arraial do Cabo. Anais do VI Encontro de Bioincrustação, Ecologia Bêntica e Corrosão, 2005. v. 1.

17.
SUDATTI, D. B.; TEIXEIRA, V. L. . Método sensível para quantificação de um produto natural marinho halogenado com propriedade antiincrustante. In: Colacro, 2004, Campos do Jordão. X Colacro, 2004.

18.
LEITE, F. P. P. ; SUDATTI, D. B. . Variação nictimeral de caprelídeos (Crustacea, Amphipoda) associados a Sargassum, em duas praias de diferentes graus de turbidez.. In: XXIII Congresso Brasileiro de Zoologia, 2000, Mato Grosso. XXIII Congresso Brasileiro de Zoologia, 2000. v. 1. p. 102-102.

19.
SUDATTI, D. B.; CARVALHO, K. A. . Perfil do ensino de Biologia em uma escola da rede pública de Campinas. In: IV Congresso Aberto aos Estudantes de Biologia, 1999, Campinas. IV Congresso Aberto aos Estudantes de Biologia, 1999.

20.
GEBARA, R. S. ; SUDATTI, D. B. ; GÜTH, A. Z. ; LEITE, F. P. P. . Variação nictimeral dos anfípodos associados a alga parda Sargassum, relacionada a diferentes graus de turbidez.. In: III Congresso Aberto aos Estudantes de Biologia., 1998, Campinas. resumo do III Congresso Aberto aos Estudantes de Biologia, 1998.

Apresentações de Trabalho
1.
SUDATTI, D. B.. Elatol, produto natural de Laurencia (Ceramiales, Rhodophyta): importância ecológica, influência de fatores ambientais e ferramentas de análises quali e quantitativas.. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
SUDATTI, D. B.. Indução de defesa química na macroalga Laurencia dendroidea J. Agardh (Rhodophyta, Ceramiales). 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
SUDATTI, D. B.. Efeito de fatores abióticos e bióticos na química defensiva de macroalgas marinhas - Laurencia dendroidea como modelo. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
SUDATTI, D. B.. O que determina a variação de metabólitos secundários? A macroalga Laurencia obtusa como modelo de estudo. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).


Demais tipos de produção técnica
1.
GOMES, A. S. ; SUDATTI, D. B. . Ressurgências Costeira e Oceânica. 2016. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

2.
Sudati, DB. Interações químicas entre organismos marinhos. 2016. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

3.
GAMA, B. A. P. ; SUDATTI, D. B. . Prática de zonação em costões rochosos. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

4.
GOMES, A. S. ; SUDATTI, D. B. . Fatores ecológicos. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

5.
SUDATTI, D. B.. Ecologia Comportamental Marinha. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

6.
Turra, Alexander ; Sudati, DB . Zoologia de Invertebrados I -IOB142. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

7.
Turra, Alexander ; Sudati, DB . Manejo Integrado de Ecossistemas Costeiros e Oceânicos. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

8.
SUDATTI, D. B.; TURRA, A. . Invertebrados Marinhos I - IOB 142. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

9.
DENADAI, M. R. ; SUDATTI, D. B. . Ecologia de Moluscos. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

10.
GÜTH, A. Z. ; TURRA, A. ; DENADAI, M. R. ; SUDATTI, D. B. . Zoologia. 2005. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

11.
Pereira, Renato Crespo ; Sudati, DB . Ecologia Química Marinha. 2003. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

12.
SUDATTI, D. B.; MASSAROTO, R. ; BRIANTI, M. T. ; GOMES, P. ; CORREA, C. . Projeto Barco Escola da Natureza - Curso de capacitação de professores e monitores. 2001. .



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
GAMA, B. A. P.; Ventura, CRR; Pereira, R.C.; Sudati, DB. Participação em banca de Thaise da Silva Garcia Moreira. Potencial defensivo de diferentes estágios do desenvolvimento de Echinaster (Othilia) brasiliensis. 2016. Dissertação (Mestrado em Dinâmica dos Oceanos e da Terra) - Universidade Federal Fluminense.

2.
Sudati, DB; Pereira, R.C.; GAMA, B. A. P.; CALDERON, E. N.. Participação em banca de Gisele Joana Gregório de Oliveira. Efeito do extrato bruto dos corais invasores Tubastraea coccinea e T. tagusensis sobre larvas do coral nativo Porites asteroides. 2015. Dissertação (Mestrado em Dinâmica dos Oceanos e da Terra) - Universidade Federal Fluminense.

3.
Sudatti DB; CLAVICO, E. E. G.; GOMES, A. S.. Participação em banca de Larissa Akiko Hashimoto dos Santos. Avaliação do potencial químico defensivo do briozoário Zoobotryon verticillatum em ampla escala geográfica. 2014. Dissertação (Mestrado em Dinâmica dos Oceanos e da Terra) - Universidade Federal Fluminense.

4.
Ribeiro, S M; Fernandez, M A S; SUDATTI, D. B.; Moser, G A O. Participação em banca de Thalita Dionísio Belmonte. Comportamento alimentar de nudibrânquios doridáceos (Gastropoda,Nudibranchia,Doridacea). 2014. Dissertação (Mestrado em Oceanografia) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

5.
SUDATTI, D. B.. Participação em banca de Nathalia Peixoto Nocchi Carneiro. Efeito da radiação UV-B na química defensiva da macrófita aquática Nymphoides indica. 2012. Dissertação (Mestrado em CIÊNCIAS AMBIENTAIS E CONSERVAÇÃO) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

6.
FERREIRA, C. E. L.; SUDATTI, D. B.; PEREIRA, R. C.. Participação em banca de Ricardo Rogers Paranhos. Capacidade da anêmona do mar Bunodosoma caissarum Correa, 1964 sobreviver ao coral Zoanthus sociatus Ellis, 1786: uma relação alelopática?. 2011. Dissertação (Mestrado em Biologia Marinha) - Universidade Federal Fluminense.

Teses de doutorado
1.
Martins, RCC; Moreira, DL; Sudati, DB; AMADO FILHO, G. M.; COUTINHO, R.. Participação em banca de Nathalia Peixoto Nocchi Carneiro. Sinalização química mediando interações ecológicas entre a alga vermelga Laurencia dendroidea e seu herbívoro especialiasta Aplysia brasiliana. 2017. Tese (Doutorado em Dinâmica dos Oceanos e da Terra) - Universidade Federal Fluminense.

2.
SUDATTI, D. B.; AMADO FILHO, G. M.; DA GAMA, B. A. P.; DIAS, G. M.; PLOUGUERNE, E.. Participação em banca de Glaucia Ank Guarino. Variabilidade e atuação defensiva de polifenóis em macroalgas pardas. 2013. Tese (Doutorado em Biologia Marinha) - Universidade Federal Fluminense.

Qualificações de Doutorado
1.
FERREIRA, C. E. L.; VALVERDE, A. L.; SUDATTI, D. B.; SOARES, A. R.; Pereira, R.C.. Participação em banca de Nathália Peixoto Nocchi Carneiro. Interações ecológicas mediadas por sinalização química. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Dinâmica dos Oceanos e da Terra) - Universidade Federal Fluminense.

Qualificações de Mestrado
1.
PETRY, A. C.; GUIMARAES, D. O.; CRUZ, M. A. L.; SUDATTI, D. B.. Participação em banca de Nathalia Peixoto Nocchi Carneiro. Efeito da radiação UV-B na química defensiva da planta aquática Nymphoides indica. 2012. Exame de qualificação (Mestrando em CIÊNCIAS AMBIENTAIS E CONSERVAÇÃO) - Universidade Federal do Rio de Janeiro.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
OLIVEIRA, A. S.; MARQUES, L. V.; Sudati, DB. Participação em banca de Elizabeth de Souza Corrêa.Defesa quiímica de angiospermas da espécie Ruppia maritima. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Abi - Ciências Biológicas) - Universidade Federal Fluminense.

2.
SUDATTI, D. B.; PEREIRA, R. C.; OLIVEIRA, A. S.; PITOMBO, F. B.. Participação em banca de Natália Esteves de Oliveira Saisse.A química defensiva nas diferentes fases do ciclo de vida da macroalga marinha Laurencia dendroidea J. Agardh (Ceramiales, Rhodophyta). 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciencias Biologicas) - Universidade Federal Fluminense.

3.
SUDATTI, D. B.; DA GAMA, B. A. P.; PEREIRA, R. C.. Participação em banca de ANDRESSA CONTRERAS.Preferência alimentar de espécies de Aplysia sp. sobre macroalgas marinhas. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciencias Biologicas) - Universidade Federal Fluminense.

4.
SUDATTI, D. B.; DA GAMA, B. A. P.; PEREIRA, R. C.. Participação em banca de Isabel Campus Portugal.Potencial antiincrustante de produtos naturais da macroalga Peyssonnelia capensis. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciencias Biologicas) - Universidade Federal Fluminense.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
II Jornada Fluminense de Produtos Naturais. Comissão Avaliadora. 2012. (Congresso).

2.
Congresso Brasileiro de Biologia Marinha. Sinalização química e escolha de habitat em Costasiella sp. (Sacoglossa, Mollusca). 2011. (Congresso).

3.
IX Encontro de bioincrustação, ecologia bêntica e biocorrosão. Indução de defesa química na macroalga Laurencia dendroidea J. Agardh (Rhodophyta, Ceramiales). 2011. (Congresso).

4.
VII Encontro Brasileiro de Ecologia Química. Crescimento e produção de defesa química nas diferentes fases do ciclo de vida de Laurencia dendroidea (Ceramiales, Rhodophyta). 2011. (Congresso).

5.
XIII Congresso Brasileiro de Ficologia. Influência de fatores abióticos no crescimento e na defesa quimica em clones de Laurencia dendroidea J. AGARDH (Ceramiales, Rhodophyta). 2010. (Congresso).

6.
VIII Encontro de bioincrustação , ecologia bêntica e biocorrosão. Desenvolvimento de tintas anti-incrustantes à base de biocidas naturais - Estudo de caso 1 - Laurencia obtusa. 2009. (Congresso).

7.
58 Congresso Nacional de Botânica. Qual o papel dos metabólitos secundários em espécies de Laurencia (Rhodophyta, Ceramiales)?. 2007. (Congresso).

8.
I Congresso Brasileiro de Bilogia Marinha. Instituto Costa Brasilis - Desenvolvimento Sócio- Ambiental. 2006. (Congresso).

9.
Financiamento no terceiro setor.Simposio Regional de Recuperação de Áreas Degradadas nas Formações Litorâneas. 2005. (Seminário).

10.
Simpósio Regional de Recuperação de Áreas Degradadas nas Formações Litorâneas.Simposio Regional de Recuperação de Áreas Degradadas nas Formações Litorâneas. 2005. (Simpósio).

11.
VI Encontro de Bioincrustação, Ecologia Beêntica e Corrosão.Implicações ecológicas das concentrações do sesquiterpeno elatol. 2005. (Encontro).

12.
I Simpósio de Biologia Marinha.I Simpósio de Biologia Marinha. 2003. (Simpósio).

13.
IV CAEB - Congresso Aberto aos Estudantes de Biologia. Perfil do ensino de biologia em uma escola da rede publica de Campinas. 1999. (Congresso).

14.
III CAEB - Congresso Aberto aos Estudantes de Biologia. Variação nictimeral dos anfipodos associados a alga parda Sargassum, relacionada a diferentes grausde turbidez. 1998. (Congresso).

15.
II CAEB - Congresso Aberto aos Estudantes de Biologia. II CAEB - Congresso Aberto aos Estudantes de Biologia. 1997. (Congresso).

16.
XVII Semana de Estudos Biológicos.XVII Semana de Estudos Biológicos. 1997. (Outra).

17.
Dia Mundial do Meio Ambiente. 1996. (Oficina).

18.
I CAEB - Congresso Aberto aos Estudantes de Biologia. I CAEB - Congresso Aberto aos Estudantes de Biologia. 1996. (Congresso).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
BEECH, I. ; SALTA, M. ; COLEPICOLO NETO, P. ; NAVARRETE, S. ; CHRISTOFOLETTI, R. ; SUDATTI, D. B. . XII BIOINC. 2017. (Congresso).

2.
SUDATTI, D. B.; SOARES, A. R. ; PEREIRA, R. C. . II Jornada Fluminense de Produtos Naturais. 2012. (Congresso).

3.
Spiegel, C ; PEREIRA, R. C. ; DA GAMA, B. A. P. ; SOARES, A. R. ; SUDATTI, D. B. . VII Encontro Brasileiro de Ecologia Química. 2011. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Luana Portella Tavares. Investigação de atividade tripanocida e/ou leishmanicida de macroalgas marinhas. Início: 2016. Dissertação (Mestrado profissional em BIOTECNOLOGIA MARINHA) - Instituto de Estudos do Mar Almirante Paulo Moreira, Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ. (Orientador).

Tese de doutorado
1.
Thalita Belmonte. Ecologia química da interação predador-presa em nudibrânquios (Gastropoda, Nudibranchia,Doridacea),. Início: 2017. Tese (Doutorado em BIOTECNOLOGIA MARINHA) - Instituto de Estudos do Mar Almirante Paulo Moreira. (Orientador).

2.
Juliana Souza Ferrari. Aspectos ecológicos e evolutivos da química defensiva de espécies de Dictyota. Início: 2016. Tese (Doutorado em BIOTECNOLOGIA MARINHA) - Instituto de Estudos do Mar Almirante Paulo Moreira, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Coorientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Thaise da Silva Garcia Moreira. Potencial defensivo de diferentes estágios do desenvolvimento de Echinaster (Othilia) brasiliensis. 2016. Dissertação (Mestrado em Geologia e Geofísica Marinha) - Universidade Federal Fluminense, . Coorientador: Daniela Bueno Sudatti.

2.
Camilla Ferreira de Souza. Variabilidades espacial e temporal na produção de defesa química em Laurencia filiformis (Rhodophyta) e suas implicações na suscetibilidade à herbivoria. 2009. Dissertação (Mestrado em Biologia Marinha) - Universidade Federal Fluminense, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Coorientador: Daniela Bueno Sudatti.

Tese de doutorado
1.
Luciana Altvater. Potencial invasor de Clavulariidae (Cnidaria, Anthozoa). 2014. Tese (Doutorado em Biologia Marinha) - Universidade Federal Fluminense, . Coorientador: Daniela Bueno Sudatti.

Monografia de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização
1.
Elizabeth de Souza Corrêa. Defesa quiímica de angiospermas da espécie Ruppia maritima. 2016. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Ciências Biológicas) - Universidade Federal Fluminense. Orientador: Daniela Bueno Sudatti.

2.
Adriana da Silva Barreto. Desafios para implementação da norma NBR ISO/IEC 17025 em um laboratório de ensino inserido no sistema universitário. 2010. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Gestão pela Qualidade Total) - Universidade Federal Fluminense. Orientador: Daniela Bueno Sudatti.

3.
Claudia Motta Granja. SUSCETIBILIDADE DA FASE DO CICLO DE VIDA DE LAURENCIA CATARINENSIS (CERAMIALES, RHODOPHYTA) FRENTE AOS HERBÍVOROS GENERALISTA E ESPECIALISTA. 2009. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Biologia Marinha) - Universidade Federal Fluminense. Orientador: Daniela Bueno Sudatti.

Iniciação científica
1.
Airton Neto. Ecologia química da interação Costasiella occelifera (Sacoglossa) e sua alga hospedeira Avrainvillea elliottii (BRYOPSIDALES). 2013. Iniciação Científica - Universidade Federal Fluminense, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Daniela Bueno Sudatti.

Orientações de outra natureza
1.
Thaise da Silva Garcia Moreira. Importância da variabilidade na produção do sesquiterpeno (-)-elatol, defesa química da macroalga Laurencia dendroidea, frente a herbívoros. 2012. Orientação de outra natureza - Universidade Federal Fluminense. Orientador: Daniela Bueno Sudatti.



Inovação



Projeto de desenvolvimento tecnológico


Outras informações relevantes


Aprovação em concursos:
Aprovação em concurso público de provas e títulos para Professor da Carreira de Magistério Superior, edital No 860, de 20 de dezembro de 2017. Professor Adjunto A ? 40h DE. CCS. Departamento de Biologia Marinha. Área de concentração: Biologia Marinha. Classificação: quarta posição.

Aprovação em concurso público no processo seletivo simplificado (prova de aula e títulos) para a contratação de professo substituto no Centro Federal de Educação Tecnológica Celso Suckow da Fonseca - CEFET/RJ. EDITAL Nº 006/2015, DE 8 DE JANEIRO DE 2015. Área de concentração: Biologia, ensino médio. Classificação: segunda posição.

Aprovação em concurso público de provas e títulos para Professor Efetivo, Campus Macaé, publicado no Edital nº 450, de 03 de dezembro de 2014. Professor Adjunto A ? 40h DE. Área de concentração: Oceanografia Biológica. Classificação: quinta posição.

Aprovação em concurso público de provas e títulos no Instituto de Biologia Roberto Alcântara Gomes, professor adjunto (40h), Departamento de Ecologia, Área de Ecologia/ Química Marinha. Resoluçao UERJ n 03/91, Proc. n 9646/2012. Classificação: segunda posição.

Artigos em preparação
1.SUDATTI, D. B.; Moreira. T. S.G.; RODRIGUES, S. V.; PEREIRA, R. C.
Development and validation method to quantify the sesquitepene elatol: defensive chemistry for Laurencia species. 

2. Aline Santos Oliveira, Daniela Bueno Sudatti, Mutue Toyota Fujii, Silvana Vianna Rodrigues & Renato Crespo Pereira. 
Phenotypic plasticity in chemical defense of the red seaweed Laurencia dendroidea



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 17/11/2018 às 2:34:41