Verilda Speridião Kluth

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/6294236455477671
  • Última atualização do currículo em 16/01/2019


possui doutorado (2005) e mestrado (1997) em Educação Matemática pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho - Rio Claro, graduação em Licenciatura e Bacharelado em Matemática pela Fundação Educacional de Bauru (1973). Professora Associada da Universidade Federal de São Paulo UNIFESP- Campus Diadema. Professora do corpo docente do Programa de Pós-Graduação Prof-Mat - Campus Diadema, Coordenadora do Programa de Formação Continuada de Professores: a prática docente em foco. Presidente do Centro de Formação de Educadores da Escola Básica - Campus Diadema- Unifesp - gestão 2016 - 2018. É líder do Grupo de Pesquisa e Estudos Filosóficos em Educação Matemática e Interfases com outras Ciências -GPE-FEMIC e membro do Grupo de Pesquisa - FEM - Fenomenologia e Educação Matemática - UNESP desde 1996. Presidente da Sociedade de Estudos e Pesquisa Qualitativos - SE&PQ- gestão 2011 a 2015 e sócia da Sociedade Brasileira de Educação Matemática. Tem experiência em docência com ênfase na Matemática, atuando profissionalmente nos seguintes ramos: ensino de álgebra e de geometria, educação matemática, pesquisa fenomenológica e suas interlocuções com outras abordagens. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Verilda Speridião Kluth
Nome em citações bibliográficas
KLUTH, V. S.

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal de São Paulo, Campus Diadema.
Rua Prof. Artur Riedel, 275
Jd. Eldourado
09972-270 - Diadema, SP - Brasil
Telefone: (5511) 40493300
Fax: (5511) 5511404364
URL da Homepage: www.unifesp.br


Formação acadêmica/titulação


2000 - 2005
Doutorado em Educação Matemática.
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
Título: Estruturas da Álgebra - investigação fenomenológica sobre a construção do seu conhecimento, Ano de obtenção: 2005.
Orientador: Profª Drª Maria Aparecida Viggiani Bicudo.
Palavras-chave: Álgebra; Hermenêutica; Cógito-fenomenológico; Pedagogia-fenomenológica; Educação Matemática.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra
Setores de atividade: Educação.
1993 - 1997
Mestrado em Educação Matemática.
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
Título: O que acontece no encontro sujeito matemática?,Ano de Obtenção: 1997.
Orientador: Profª Drª Maria Aparecida Viggiani Bicudo.
Palavras-chave: Educação Matemática; Fenomenologia.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra
Setores de atividade: Educação.
1969 - 1973
Graduação em Bacharelado em Matemática.
Fundação Educacional de Bauru, FEB*, Brasil.
Título: Estudo sobre resulução de uma equação por radicais.
Orientador: Vilma Speridião da Silva.
1969 - 1973
Graduação em Licenciatura em Matemática.
Fundação Educacional de Bauru, FEB, Brasil.


Pós-doutorado


2017
Pós-Doutorado.
Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, PUCSP, Brasil.
Grande área: Ciências Humanas


Formação Complementar


2015 - 2015
Programa de Pós-Graduação em Educação Matemática. (Carga horária: 8h).
Universidade Anhanguera de São Paulo, ANHANGUERA, Brasil.
2014 - 2014
Introdução à Fotografia e Vídeocom camaras DSLR:. (Carga horária: 12h).
Universidade Federal de São Paulo, UNIFESP, Brasil.
2011 - 2011
Curso de Pós-Graduação Instituto de Psicologia. (Carga horária: 15h).
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
2010 - 2010
Capacitação dos Avaliadores do Basis. (Carga horária: 8h).
Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, INEP/MEC, Brasil.
2008 - 2008
Extensão universitária em Tópicos Básicos de Lógica Fuzzy. (Carga horária: 12h).
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
2008 - 2008
Extensão universitária em Tópicos Básicos de Eq. Diferenciais Ordinárias. (Carga horária: 12h).
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
2008 - 2008
Extensão universitária em Tópicos Básicos de Álgebra Linear. (Carga horária: 12h).
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
2007 - 2007
Extensão universitária em Seminário Avançado em Fenomenologia e Filosofia da. (Carga horária: 33h).
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
2007 - 2007
Extensão universitária em Programa de Capac do Banco de Aval. do Sinaes. (Carga horária: 24h).
Ministério da Educação, MEC, Brasil.
2003 - 2003
Conexões: Hist. da Mat através de Proj. de Pesq. (Carga horária: 6h).
Universidade Estadual Paulista, UNESP, Brasil.
2002 - 2002
Avaliação, informação e qualidade. (Carga horária: 16h).
Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, INEP/MEC, Brasil.
2001 - 2001
O poder do coordenador de curso. (Carga horária: 3h).
Consultores Associados de Educação e Cultura, CADEC, Brasil.
2001 - 2001
Seminário conhecer para melhorar. (Carga horária: 24h).
Instituto Nacional de Estudos e Pesquisas Educacionais Anísio Teixeira, INEP/MEC, Brasil.
2000 - 2000
Extensão universitária em Inglês instrum.: leitura para fins acad. Nível I. (Carga horária: 30h).
Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, PUC/SP, Brasil.
2000 - 2000
Extensão universitária em Inglês instrum.: leitura para fins acad. nível II. (Carga horária: 30h).
Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, PUC/SP, Brasil.
1999 - 1999
Construção de itens de prova de desempenho. (Carga horária: 24h).
Ministério da Educação, MEC, Brasil.
1998 - 1998
Elaboração de Itens. (Carga horária: 16h).
Ministério da Educação, MEC, Brasil.
1994 - 1994
Extensão universitária em A existência segundo o pensamento de M. Heidegger. (Carga horária: 32h).
Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, PUC/SP, Brasil.
1992 - 1992
Seminário Pedagógico Waldorf. (Carga horária: 120h).
Escola Rudolf Steiner, ERS, Brasil.
1975 - 1976
Extensão universitária em Deutschkurse für Ausländer. (Carga horária: 120h).
Technishe Universität München, TUM, Alemanha.


Atuação Profissional



Universidade Federal de São Paulo, UNIFESP, Brasil.
Vínculo institucional

2010 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Associado I, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

04/2017 - Atual
Direção e administração, Campus Diadema, .

Cargo ou função
Coordenadora da Comissão Local da CPA.
01/2017 - Atual
Extensão universitária , Pro-Reitoria de Extensão - Coordenadoria de Projetos Socais, .

Atividade de extensão realizada
Programa de Formação Continuada de Professores: a prática docente em foco - terceira edição.
07/2016 - Atual
Direção e administração, Diretoria - Campus Diadema, .

Cargo ou função
Presidente do Centro de Formação de Educadores da Escola Básica - CEFE - Capus Diadema- Unifesp.
10/2015 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Reitoria-UNIFESP, .

Cargo ou função
Membro da Comissão Própria de Avaliação.
07/2015 - Atual
Direção e administração, Diretoria - Campus Diadema, .

Cargo ou função
Membro do GT- Reestruturação do Campus.
07/2015 - Atual
Direção e administração, Diretoria - Campus Diadema, .

Cargo ou função
membro Suplente da Câmara de extensão - Campus Diadema.
07/2015 - Atual
Direção e administração, Diretoria - Campus Diadema, .

Cargo ou função
Representante Titular do Campus na CPA.
07/2015 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Pro-Reitoria de Graduação - UNIFESP, .

01/2012 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Pro-Reitoria de Graduação - UNIFESP, .

2012 - Atual
Direção e administração, Diretoria - Campus Diadema, .

Cargo ou função
Coordenação do Comitê gestor do LIFE.
8/2010 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Campus Diadema, .

01/2010 - Atual
Ensino, Licenciatura em Ciências, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Filosofia da Educação Matemática
Introdução à Álgebra Linear
Matemática I
Matemática II
Matemática III
Matemática V
2010 - Atual
Outras atividades técnico-científicas , Campus Diadema, Campus Diadema.

Atividade realizada
Lider do Grupo de Pesquisa e Estudos Filosóficos em Educação Matemática e interfaces com outras Ciências - GPE - FEMIC.
01/2015 - 09/2016
Extensão universitária , Pro-Reitoria de Extensão - Coordenadoria de Projetos Socais, .

Atividade de extensão realizada
Programa de Formação Continuada de Professores de Ciêncais e Matemática: a prática docente em foco - Segunda Edição.
02/2014 - 12/2014
Direção e administração, Diretoria - Campus Diadema, .

Cargo ou função
Membro da Comissão PDInfra.
01/2013 - 12/2014
Extensão universitária , Pro-Reitoria de Extensão - Coordenadoria de Projetos Socais, .

Atividade de extensão realizada
Projeto: A prática docente sob o foco da filosofia da educação matemática e Interfaces com outras ciências.
10/2010 - 12/2014
Outras atividades técnico-científicas , Campus Diadema, Campus Diadema.

Atividade realizada
Membro do GT- Mestrado em Ensino de Ciências e Matemática.
11/2012 - 07/2014
Conselhos, Comissões e Consultoria, Campus Diadema, .

Cargo ou função
Coordenadora do Estágio Supervisionado - LPC.
01/2010 - 07/2014
Conselhos, Comissões e Consultoria, Campus Diadema, .

Cargo ou função
Membro da Comissão do Curso de Ciências - Licenciatura Matemática.
01/2010 - 1/2014
Outras atividades técnico-científicas , Campus Diadema, Campus Diadema.

Atividade realizada
Membro do GT Projeto Pedagógico do Curso de Licenciatura em Ciências.
12/2011 - 12/2013
Extensão universitária , Pro-Reitoria de Extensão - Coordenadoria de Projetos Socais, .

Atividade de extensão realizada
Programa de Formação Continuada de Professores de Ciências e Matemática: a prática docente em foco - 1. edição.
08/2010 - 12/2013
Outras atividades técnico-científicas , Campus Diadema, Campus Diadema.

Atividade realizada
Membro do GT- Regimento Geral do Campus de Diadema.
05/2011 - 06/2013
Conselhos, Comissões e Consultoria, Pro-Reitoria de Graduação, .

Cargo ou função
Representante Titular do Campus de Diadema na Comissão Central da Coordenadoria de Desenvolvimento Docente.
05/2011 - 06/2013
Conselhos, Comissões e Consultoria, Campus Diadema, .

Cargo ou função
Coordenadora da Comissão Local de Desenvolvimento Docente.
08/2012 - 12/2012
Extensão universitária , Pro-Reitoria de Extensão - Coordenadoria de Projetos Socais, .

Atividade de extensão realizada
Curso: Introdução a fundamentos de pesquisa sobre a prática docente.

Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, PUCSP, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: Professor do Programa de Pós, Enquadramento Funcional: Professor Colaborador


Sociedade de Estudos e Pesquisa Qualitativos, SE&PQ, Brasil.
Vínculo institucional

1995 - Atual
Vínculo: Sócio, Enquadramento Funcional: Membro da diretoria
Outras informações
A sociedade de Estudos e Pesquisa Qualitativos tem os seguintes objetivos: · Desenvolver estudos avançados em pesquisa qualitativa; · Publicar trabalhos que contribuam para o campo de conhecimento da pesquisa qualitativa; · Congregar pesquisadores que desenvolvem trabalhos segundo a modalidade da pesquisa qualitativa; · Divulgar, nacional e internacionalmente, os resultados dos estudos e pesquisas que desenvolveu; · Capacitar pesquisadores em pesquisa qualitativa. informações em: www.sepq.org.br

Atividades

07/2007 - Atual
Direção e administração, Sociedade de Estudos e Pesquisa Qualitativos, .

Cargo ou função
Presidente.
11/2005 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Revista Pesquisa Qualitativa, .

Cargo ou função
Membro do Conselho Editorial.
04/2008 - 07/2008
Outras atividades técnico-científicas , Sociedade de Estudos e Pesquisa Qualitativos, Sociedade de Estudos e Pesquisa Qualitativos.

Atividade realizada
Coordenadora do comitê organizador do I- Encontro de Representantes de Grupos de Estudos e Pesquisa Qulaitativos.
04/2008 - 07/2008
Outras atividades técnico-científicas , Sociedade de Estudos e Pesquisa Qualitativos, Sociedade de Estudos e Pesquisa Qualitativos.

Atividade realizada
Membro do Comitê Científico no I- Encontro de Representantes de Grupos de Estudos e Pesquisa Qualitativos.
06/2000 - 07/2007
Direção e administração, Sociedade de Estudos e Pesquisa Qualitativos, .

Cargo ou função
Primeira Secretária.
06/2005 - 06/2006
Outras atividades técnico-científicas , Seminário Internacional de Pesquisa e Estudos Qualitativos, Seminário Internacional de Pesquisa e Estudos Qualitativos.

Atividade realizada
Membro da Comissão Geral do III SIPEQ & V EFAE.
06/2005 - 06/2006
Outras atividades técnico-científicas , Seminário Internacional de Pesquisa e Estudos Qualitativos, Seminário Internacional de Pesquisa e Estudos Qualitativos.

Atividade realizada
Coordenadora da Comissão Científica do III SIPEQ & VEFAE.
01/2004 - 06/2004
Conselhos, Comissões e Consultoria, Sociedade de Estudos e Pesquisa Qualitativos, .

Cargo ou função
Membro da Comissão Científica do IV - Encontro de Fenomenologia e análise do existir. UMESP - São Bernardo do Campo, 2004.
03/2003 - 03/2004
Outras atividades técnico-científicas , Sociedade de Estudos e Pesquisa Qualitativos, Sociedade de Estudos e Pesquisa Qualitativos.

Atividade realizada
Membro do Comitê Central do II - Seminário de Pesquisa e Estudos Qualitativos - USC - Bauru, 2004..
04/1995 - 06/1999
Direção e administração, Sociedade de Estudos e Pesquisa Qualitativos, .

Cargo ou função
Primeira Tesoureira.
01/1997 - 07/1997
Outras atividades técnico-científicas , Sociedade de Estudos e Pesquisa Qualitativos, Sociedade de Estudos e Pesquisa Qualitativos.

Atividade realizada
Coordenadora do Encontro Formação de Educadores, PUC - São Paulo.

Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
Vínculo institucional

1999 - Atual
Vínculo: pesquiador, Enquadramento Funcional: Voluntário- Membro de grupo de pesquisa - FEM

Atividades

02/1999 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Instituto de Geociências e Ciências Exatas de Rio Claro, .


Sociedade Brasileira de Educação Matemática, SBEM, Brasil.
Vínculo institucional

1997 - Atual
Vínculo: sócia, Enquadramento Funcional: sócia

Atividades

01/2004 - 06/2004
Conselhos, Comissões e Consultoria, Sociedade Brasileira de Educação Matemática, .

Cargo ou função
Avaliador: membro da comissão ciencientífica do VIII Encontro Nacional de Educação Matemática - VIII ENEM - SBEM - Recife - PE, 2004.

Universidade Brasil, UNIVBRASIL, Brasil.
Vínculo institucional

1998 - 1999
Vínculo: professora, Enquadramento Funcional: professora nível 5, Carga horária: 12

Atividades

02/1998 - 12/1999
Ensino, Licenciatura e Bacharelado em Matemática, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Filosofia da Matemática
História da Matemática
Instrumentação para oensino da matemática para o ensino fundamental e ensino médio
02/1998 - 12/1999
Outras atividades técnico-científicas , Faculdade de Ciêcias e Letras, Faculdade de Ciêcias e Letras.

Atividade realizada
Orientação de TCC.

Universidade Cidade de São Paulo, UNICID, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - 2007
Vínculo: professor, Enquadramento Funcional: professor, Carga horária: 8

Atividades

02/2006 - 06/2007
Ensino, Curso de Matemática- Licenciatura Plena, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Álgebra Linear
Teoria dos Conjuntos e Lógica
Análise Matemática
Desenho Geométrico
Geometria Plana

Universidade Cruzeiro do Sul, UNICSUL, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - 2007
Vínculo: Profesor, Enquadramento Funcional: Professor Assistente I, Carga horária: 40

Atividades

04/2007 - 12/2007
Conselhos, Comissões e Consultoria, Comissão do Curso de Matemática, .

Cargo ou função
Presidente - da Comissão do Curso de Matemática.
01/2007 - 12/2007
Direção e administração, Centro de Ciências Exatas e Tecnológicas, .

Cargo ou função
Coordenador de Curso.
02/2006 - 12/2007
Pesquisa e desenvolvimento , Pós-Graduação, .

02/2006 - 12/2007
Ensino, Curso de Matemática, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Matemática I-A
Matemática I-B
02/2006 - 12/2007
Ensino, Mestrado em Ensino de Ciências e Matemática, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Tópicos de Matemática

Universidade de Passo Fundo, UPF, Brasil.
Vínculo institucional

2001 - 2001
Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: professora

Atividades

2001 - 2001
Ensino, Curso d eEspecialização em Educção Matemática, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
História da Matemática

Universidade de Santo Amaro, UNISA, Brasil.
Vínculo institucional

2002 - 2003
Vínculo: professor, Enquadramento Funcional: prof. adjunto II PC, Carga horária: 6

Atividades

08/2002 - 06/2003
Ensino, Curso de Pedagogia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Matemática
Estatística

Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Vínculo institucional

2000 - 2000
Vínculo: professora, Enquadramento Funcional: professora

Atividades

2000 - 2000
Extensão universitária , CAEM, .

Atividade de extensão realizada
Curso: "Simetria: arte e Matema´tica um movimento possível..

Universidade Metodista de São Paulo, UMESP, Brasil.
Vínculo institucional

2003 - 2004
Vínculo: professor, Enquadramento Funcional: professor associado, Carga horária: 14

Atividades

10/2003 - 12/2004
Extensão universitária , Faculdade de Educação, .

Atividade de extensão realizada
Docência no Programa de Formação de Educadores - PROFE - convênio da Metodista com a sub-prefeitura de Sapopemba..
08/2003 - 12/2004
Direção e administração, FACET, .

Cargo ou função
Coordenador de Estágios do Curso de Matemática.
08/2003 - 12/2004
Ensino, Licenciatura e Bacharelado em Matema´tica, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Didática da Matemática
Iniciação à pesquisa em Educação Matemática
Metodologia de Ensino de Matemática
Educação matemática: tópicos especiais
Introdução à geometria
Prática de ensino I e II
Metodologia da pesquisa em Educação Matemática
História da Matemática

Pontifícia Universidade Católica de São Paulo, PUC/SP, Brasil.
Vínculo institucional

1999 - 1999
Vínculo: professor, Enquadramento Funcional: professor/coordenador

Atividades

1999 - 1999
Extensão universitária , COGEAE, .

Atividade de extensão realizada
Curso: Vivenciando a pesquisa e o fazer matemático na sala de aula..

Escola Francisco de Assis, EFC, Brasil.
Vínculo institucional

1995 - 1998
Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: professora, Carga horária: 4

Atividades

08/1995 - 04/1998
Ensino,

Disciplinas ministradas
matemática
08/1995 - 04/1998
Conselhos, Comissões e Consultoria, Escola Francisco de Assis, .

Cargo ou função
Assessoria de Matemática.

Escola Lourenço Castanho, ELC, Brasil.
Vínculo institucional

1999 - 1999
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Assessoria, Carga horária: 4

Atividades

05/1999 - 12/1999
Conselhos, Comissões e Consultoria, Escola Lourenço Castanho, .

Cargo ou função
Assessoria de Matemática para o Ensino Fundamental e Médio.

Escola Waldorf de São paulo, EWSP, Brasil.
Vínculo institucional

1997 - 1997
Vínculo: professor, Enquadramento Funcional: professor/coordenador, Carga horária: 20

Atividades

02/1997 - 06/1997
Direção e administração, Escola Waldorf de São Paulo, .

Cargo ou função
Coordenadora do ensino médio.
02/1997 - 06/1997
Ensino,

Disciplinas ministradas
matemática

Faculdades Integradas de Guarulhos, FIG, Brasil.
Vínculo institucional

2000 - 2002
Vínculo: professor, Enquadramento Funcional: professor, Carga horária: 20

Atividades

02/2000 - 12/2002
Direção e administração, Faculdade de Ciências e Letras, .

Cargo ou função
Coordenador de Curso.
02/2000 - 12/2002
Ensino, Licenciatura em Matemática, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Geometria Básica e Tópicos de Fundamentos de Geometria
álgebra linear I
Educação Matemática I e II
Álgebra I e II
História da Matemática I e II
Introdução à Álgebra I e II
Práticade Ensino I e II
Didática Ie II
01/2001 - 10/2001
Outras atividades técnico-científicas , Faculdade de Ciências e Letras, Faculdade de Ciências e Letras.

Atividade realizada
Coordenadora da Jornada de Educação Matemáticao. IJEM, FFCL - Guarulhos, 2001.

Fundação Educacional de Baurú, FEB, Brasil.
Vínculo institucional

1974 - 1974
Vínculo: professora, Enquadramento Funcional: professora auxiliar de ensino, Carga horária: 4

Vínculo institucional

1971 - 1973
Vínculo: bolsista, Enquadramento Funcional: monitoria, Carga horária: 8

Vínculo institucional

1972 - 1972
Vínculo: professor, Enquadramento Funcional: professor, Carga horária: 4
Outras informações
Atividade: substituição de professor no colégio industrial.

Atividades

03/1994 - 06/1994
Ensino, Licenciatura e Bacharelado em Matemática, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Geometria
02/1971 - 12/1973
Treinamentos ministrados , Faculdade de Ciências e Letras, .

Treinamentos ministrados
Monitoria do Laboratório de Física
07/1972 - 11/1972
Ensino,

Disciplinas ministradas
matemática

Instituto Qualidade de Ensino, IQE, Brasil.
Vínculo institucional

1998 - 1998
Vínculo: coordenador, Enquadramento Funcional: professor/coordenador, Carga horária: 40

Atividades

03/1998 - 10/1998
Treinamentos ministrados , Escolas Estaduais, .

Treinamentos ministrados
Ministrar sessões de capacitação junto a professores da rede pública
Implantação e acompanhamentodo projeto pedagógico IQE
03/1998 - 10/1998
Outras atividades técnico-científicas , Instituto Qualidade de Ensino, Instituto Qualidade de Ensino.

Atividade realizada
Desenvolvimento e redação de sessões de capacitação de Matemática para a formação continuada de professores do ensino fundamental e elaboração de instrumentos de avaliação..


Linhas de pesquisa


1.
Filosofia da Educação Matemática, Filosofia e Epistemologia da Educação Matemática.

Objetivo: Trabalhar a questão da filosofia da educação matemática em relação às grandes perguntas ontológicas e epistemológicas da filosofia e buscar esclarecimento em relação à teoria e à prática da educação matemática..
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Filosofia.
Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Matemática.
Setores de atividade: Educação.
Palavras-chave: Educação; Educação Matemática; Fenomenologia; Filosofia da educação.
2.
Filosofia da Educação Matemática em uma abordagem fenomenológica.

Objetivo: Expor concepções de matemática e de educação matemática em um enfoque filosófico/fenomenológico..
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Filosofia.
Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Matemática.
Setores de atividade: Educação.
Palavras-chave: Educação; Epstemologia; Fenomenologia; Filosofia da educação matemática; Temporalidade.
3.
Concepção de número em fenomenologia

Objetivo: Investigar o modo pelo qual o número é trabalhado por Edmund Husserl e compreender o desenvolvimento do conhecimento numérico..
Grande área: Ciências Exatas e da Terra
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Filosofia.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Educação.
Setores de atividade: Educação.
Palavras-chave: Fenomenologia; construção de números.
4.
Formação de Professores, Ensino Aprenizagem e Construção do Conhecimento

Objetivo: As atividades desenvolvidas nessa linha têm por objetivo de estudo e de pesquisa as teorias e modelos de formação docente, inicial e continuada. Um outro objetivo é investigar os paradigmas de ensino e aprendizagem. Finalmente, pretende-se investigar os princípios que regem a construção do conhecimento nas áreas de Ciências e Matemática e a aplicabilidade dos resultados desses estudos e pesquisar nos ensinos: fundamental, médio e superior..
Grande área: Ciências Exatas e da Terra
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Educação.
Setores de atividade: Educação.
Palavras-chave: Formação humana; Ciências; Ensino e aprendizagem.
5.
Coordenadora Adjunta Prodocência (Projeto Institucional)
6.
Coordenadora Adjunta do LIFE ( Projeto Institucional) e coordenadora do LIFE - Diadema
7.
Pensamentos filosófico-científicos, ensino e aprendizagem da matemática e suas interfaces com outras ciênciass

Objetivo: A linha de pesquisa tem o propósito de aproximar áreas do conhecimento humano em prol da Educação de Ciências e Matemática tecendo uma trama por meio do pensar filosófico-científico..


Projetos de pesquisa


2017 - Atual
Fundamentos da Didática Francesa e Fenomenologia: Aproximações e afastamentos entre as propostas de Chevallard e Husserl e seus desdobramentos
Descrição: Projeto de pós-doutoramento junto ao Programa de Estudos Pós-Graduados em Educação Matemática supervisionado por Prof. Dr. Saddo Ag Almouloud. O projeto busca compreender possíveis aproximações e afastamentos entre as duas vertentes da Educação Matemática: didática francesa e fenomenologia buscando argumentações teóricas científicas e filosóficas que poderão surgir de estudos e análises das teorias de Chevallard e de Husserl, considerando que elas estão em movimento, tanto do ponto de vista de avanços teóricos através do trabalho de seus seguidores, como dos problemas educacionais, aos quais elas vão dando resposta por meio desses avanços, delineando os desdobramentos das duas vertentes. Neste contexto surgem perguntas: Haverá possibilidade de convergências dos fundamentos e nas trajetórias marcadas pelos fundamentos postos por esses autores? Desta forma, quando falamos em convergências entre as duas vertentes estamos nos referindo há possibilidade de não haver contradições que excluam possibilidades de arranjos entre as fundamentações, entre os métodos gerados a partir delas e entre os produtos de pesquisa por elas gerados. Havendo contradições: Estas são totalmente excludentes? É possível extrair das contradições elementos que alavanquem as pesquisas sustentadas pelas vertentes?.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2015 - Atual
O pensar que se inaugura ao se estar na presença de software educativo-matemático
Descrição: O projeto pretende investigar a produção do conhecimento matemático no que se refere ao pensar matemático que se inaugura ao se estar na presença de software construídos com o intuito de permitir o manuseio e a expressão de um objeto matemático ou de objetos matemáticos. Quando colocamos o foco de nossa pesquisa no pensar matemático, nos referimos a algo que é produzido por sujeitos ao estar em contato com os mundos natural e cultural; e com seus semelhantes em um movimento que abrange o passado humano, preservando características do corpo de conhecimento matemático historicamente instituído. Esse projeto faz parte de um projeto interinstitucional de pesquisa intitulado A compreensão e a produção da matemática ao se estar no ciberespaço e junto ao computador e outras mídias sediado na UNESP - Rio Claro - junto ao grupo de pesquisa FEM. Endereço eletrônico: fem.sepq.org.br.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2013 - 2014
SOFTWARES LIVRES SOBRE FUNÇÕES MATEMÁTICAS: algumas potencialidades educacionais
Descrição: Nosso projeto de pesquisa tem a intenção de inquirir sobre o ensino de funções matemáticas no início do ensino superior no curso de Ciências ? Licenciatura da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP), no sentido de destacar as potencialidades dos softwares que interligam os dois níveis de ensino, a saber, superior e médio. O projeto aqui apresentado pretende desenvolver atividades que se utilizem de softwares e analisar depoimentos dos alunos utilizando a pesquisa qualitativa fenomenológica. Queremos compreender como estudantes, que já passaram pelo processo de escolarização básica relacionam os conceitos adquiridos de funções matemáticas quando confrontados com um novo ambiente, o digital. O projeto é vinculado ao LIFE ? Polo Diadema e tem cadastro na UNIFESP - N. CEP: 0091/2014..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (6) .
Integrantes: Verilda Speridião Kluth - Coordenador / Carlos Alberto Tavares Dias Filho - Integrante.
Número de produções C, T & A: 3 / Número de orientações: 1
2012 - 2014
O ciberespaço: a sua realidade e possibilidades que abre ao mundo da educação
Descrição: A meta desta pesquisa é efetuar uma análise filosófica sobre o que nos está dado no ciberespaço, indo em direção: a uma meta-compreensão das práticas educacionais disponíveis e realizadas; à compreensão reflexiva da realidade vivida nesse espaço; à analise crítica de cursos formadores oferecidos mediante recursos disponibilizados pelas ferramentas que sustentam o ciberespaço; aos estudos sobre atitude fenomenológica assumida e passível de ser assumida em cursos oferecidos à distância; à intencionalidade que mantém diálogos entre sujeitos, à analise de softwares destinados ao ensino de matemática e atividades de ensino e de aprendizagem desenvolvidas com esses softwares analisados, segundo uma atitude fenomenológica, ao estudo de processos de avaliação desenvolvidos em situações de EaD.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2009 - 2011
Um exercício filosófico sobre a pesquisa em Educação Matemática
Descrição: Os objetivos deste projeto de pesquisa é explicitar o panorama da pesquisa em Educação Matemática efetuada no Brasil, mostrando conceitos trabalhados, abrangência e justificativas, procedimentos, influências teóricas e refletindo sobre o quadro encontrado. A interrogação norteadora: O que é a Pesquisa em Educação Matemática no Brasil. O sub-projeto tem por objetivo investigar os trabalhos de História da Matemática apresentados no III SIPEM..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2007 - 2009
A transição vivida pelos estudantes ao ingressarem em cursos de Licenciaturas
Descrição: A pesquisa investiga a transição vivida pelos estudantes ao ingressarem em cursos de Licenciaturas das áreas de Matemática, Biologia e Química, com o objetivo de minimizar as possíveis dificuldades encontradas pelos alunos..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2005 - 2008
Filosofia da Educação Matemática - concepção fenomenológica
Descrição: O projeto de pesquisa integrado teve como objetivo analisar fenomenologicamente conteúdos Matemáticos e explicitar ações educativas que se efetuam em situação de ensinar e aprender. O Sub-projeto teve como objetivo explicitar fenomenologicamente a construção do conhecimento dos números naturais..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2005 - 2007
A ética na pesquisa Merleau-Pontyana
Descrição: O objetivo do projeto é compreender a ética que se revela na pesquisa embasada pelas idéias de Merleau-Ponty..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2001 - 2004
O tempo vivido pelo professor de Matemática em sua forma/ação
Descrição: Este projeto de pesquisa tem por objetivo construir conhecimento sobre o tempo-vivido pelo professor de matemática durante o proceso de sua forma/ação..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
1999 - 2001
Contribuição da Fenomenologia ao ensino de Geometria
Descrição: O projeto integrado tem por objetivos apresentar uma "teorização" sobre as contribuições que a fenomenologia pode trazer ao ensino de geometria; constriuir material didático para o ensino da geometria de acordo com a teorização elaborada e apresentar proposta pedagógica para o ensino da geometria. O Sub-projeto tem por objetivo trabalhar com formas geométricas..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Projetos de extensão


2017 - 2017
Curso de Formação Continuada para Profissionais da EDucação Básica
Descrição: O Curso de Formação Continuada destina-se a profissionais da Educação Básica e será ministrado por docentes vinculados ao Centro de Formação de Educadores da Escola Básica-CEFE/UNIFESP e docentes da UNIFESP-campus Diadema, sob a responsabilidade partilhada e de forma igualitária da Secretaria Municipal de Educação de Diadema, do SENAI/Diadema e da Universidade Aberta do Brasil ? Polo Diadema.
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
2017 - Atual
Programa de Formação Continuada de Professores: a prática docente em foco - terceira edição
Descrição: O presente programa de extensão tem como principal objetivo a formação continuada de professores do ensino básico por meio da realização de uma pesquisa sobre a prática docente, efetuada pela parceria estabelecida entre o professor da escola básica, que indaga sua prática e realiza a pesquisa sobre ela, e o professor universitário, que orienta a trajetória da investigação. O programa está dividido em três módulos : Introdução aos fundamentos de Pesquisa, com foco no despertar para o questionamento da prática docente; Pesquisa sobre a prática docente, no qual será realizada a pesquisa propriamente dita e Socialização da pesquisa e de seus resultados, voltado à divulgação dos estudos realizados. Os módulos propõem a realização de uma série de atividades, estando organizados em subprojetos, cada qual com seus objetivos e metodologias. O programa ainda pretende realizar fóruns e implantar um portal sobre a formação continuada de professores de ciências e matemática do ensino básico. O projeto é vinculado ao CEFE - Centro de Formação de Educadores da Escola Básica-Campus Diadema - Unifesp e tem seu funcionamento no LIFE ? Polo Diadema.. Informações em http://gefop.unifesp.br ou http://gefop.pro.br.
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
2015 - 2016
A prática docente sob o foco da Filosofia da educação Matemática e Interfaces com outras Ciências - Segunda Edição
Descrição: Por meio de uma proposta metodológica investigativa, os idealizadores do presente projeto propõem-se a construir ações pedagógicas junto com professores da escola básica que lecionam matemática ou ciências afins. O trabalho investigativo, a ser elaborado na parceria, tece um pensar filosófico sobre a prática docente que valoriza as vivências, perplexidades, sucessos e fracassos do docente ao exercer sua profissão e, além disto, busca também uma compreensão da realidade escolar e de seus protagonistas, considerando suas complexidades, os objetivos sociais, culturais e científicos implícitos nos projetos pedagógicos das instituições escolares e suas relações com o ensino superior e profissionalização de seus alunos. O produto das investigações poderá ser: elaboração de atividades para a sala de aula ou espaços escolares, estruturação de procedimentos didáticos pedagógicos e outros. Esse projeto está vinculado ao Grupo de Pesquisa e Estudos Filosóficos em Educação Matemática e Interfaces com outras Ciências - GPE-FEMIC cadastrado no banco de dados do CNPq e certificado pela UNIFESP. O professor interessado em refletir a prática docente e em participar do nosso projeto deverá estar inscrito no Programa Formação Continuada de Professores de Ciências e Matemática: a prática docente em foco e ter sido aprovado no Módulo: Introdução aos Fundamentos de Pesquisa do citado programa..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Verilda Speridião Kluth - Coordenador / Tiago Nunes Castilho - Integrante / Emiliano Costa - Integrante / Sônia Margaret Scharan - Integrante / Vitor Dias - Integrante.Número de orientações: 2
2015 - 2015
Curso - Introdução a Fundamentos de Pesquisa sobre a Prática Docente - Segunda Edição
Descrição: O curso pretende evidenciar a importância da pesquisa na prática docente e familiarizar o professor com os objetivos e processos de pesquisa possíveis de serem desenvolvidos no Programa de Formação Continuada de Professores de Ciências e Matemática: a prática docente em foco. O curso é composto de dois momentos: Curso presencial sobre a importância da pesquisa na prática do professor de Ciências e Matemática, e Seminários sobre a proposta individual de pesquisa de cada professor, a ser desenvolvida durante a permanência no programa. O curso tem uma carga horária de 72 h. Espera-se que com isso o professor possa questionar sua prática e pesquisá-la. O projeto é vinculado ao LIFE ? Polo Diadema. Maiores informações em: http://gefop.unifesp.br ou http://gefop.pro.br..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (10) .
Integrantes: Verilda Speridião Kluth - Coordenador / Patrícia Rosana Linardi - Integrante / Wagner Marcelo Pommer - Integrante / Denilson Soares Cordeiro - Integrante / Itale LucianeCericato - Integrante / Luciane Andrade Rossi de Souza - Integrante / Tiago Nunes Castilho - Integrante.
2014 - 2016
Programa de Formação Continuada de Professores de Ciêncais e Matemática: a prática docente em foco - Segunda Edição
Descrição: O presente programa de extensão tem como principal objetivo a formação continuada de professores de ciêncais e matemática do ensino básico por meio da relaização de uma pesquisa sobre a prática docente, efetuada pela parceria estabelecida entre o professor da escola básica , que indaga sua prática e realiza a pesquisa sobre ela, e o professor universitário , que orienta a trajetória da investigação. O programa está dividido em três módulos : Introdução aos fundamentos de Pesquisa, com foco no despertar para o questionamento da prática docente; Pesquisa sobre a prática docente, no qual será realizada a pesquisa propriamente dita e Socialização da pesquisa e de seus resultados, voltado à divulgação dos estudos realizados. Os módulos propõem a realização de uma série de atividades, estando organizados em subprojetos , cada qual com seus objetivos e metodologias. O programa ainda pretende realizar fóruns e implantar um portal sobre a formação continuada de professores de ciências e matemática do ensino básico. O projeto é vinculado ao LIFE ? Polo Diadema.. Informações em http://gefop.unifesp.br ou http://gefop.pro.br.
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Verilda Speridião Kluth - Coordenador / Itale Cericato - Integrante / Patrícia Rosana Linardi - Integrante / Wagner Marcelo Pommer - Integrante.Número de orientações: 2
2014 - 2014
Curso - Graphmatica: funções Matemáticas
Descrição: O curso pretende apresentar representações gráficas de funções matemáticas no ambiente cibernético mediado pelo software livre Graphmatica, de modo a que os participantes possam refletir sobre o conceito de função. O curso é parte de uma pesquisa, que numa etapa anterior avaliou qualitativamente diferentes softwares gráficos de funções, e, neste momento, quer suscitar uma reflexão por meio do uso prático dos mesmos. O projeto é vinculado ao LIFE ? Polo Diadema. O curso terá a duração de 8 horas..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (6) .
Integrantes: Verilda Speridião Kluth - Coordenador / Carlos Alberto Tavares Dias Filho - Integrante.
2013 - 2013
A prática docente sob o foco da Filosofia da Educação Matemática e Interfaces com outras Ciências
Descrição: Por meio de uma proposta metodológica investigativa, os idealizadores do presente projeto propõem-se a construir ações pedagógicas junto com professores da escola básica que lecionam matemática ou ciências afins. O trabalho investigativo, a ser elaborado na parceria, tece um pensar filosófico sobre a prática docente que valoriza as vivências, perplexidades, sucessos e fracassos do docente ao exercer sua profissão e, além disto, busca também uma compreensão da realidade escolar e de seus protagonistas, considerando suas complexidades, os objetivos sociais, culturais e científicos implícitos nos projetos pedagógicos das instituições escolares e suas relações com o ensino superior e profissionalização de seus alunos. O produto das investigações poderá ser: elaboração de atividades para a sala de aula ou espaços escolares, estruturação de procedimentos didáticos pedagógicos e outros. Esse projeto está vinculado ao Grupo de Pesquisa e Estudos Filosóficos em Educação Matemática e Interfaces com outras Ciências - GPE-FEMIC cadastrado no banco de dados do CNPq e certificado pela UNIFESP. O professor interessado em refletir a prática docente e em participar do nosso projeto deverá estar inscrito no Programa Formação Continuada de Professores de Ciências e Matemática: a prática docente em foco e ter sido aprovado no Módulo: Introdução aos Fundamentos de Pesquisa do citado programa..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Verilda Speridião Kluth - Coordenador / Alessandra Pereira da Silva - Integrante.
Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 4
2012 - 2013
Curso: Introdução a Fundamentos de Pesquisa sobre a Prática Docente
Descrição: O curso pretende evidenciar a importância da pesquisa na prática docente e familiarizar o professor com os objetivos e processos de pesquisa possíveis de serem desenvolvidos no Programa de Formação Continuada de Professores de Ciências e Matemática: a prática docente em foco. O curso é composto de dois momentos: Curso presencial sobre a importância da pesquisa na prática do professor de Ciências e Matemática, e Seminários sobre a proposta individual de pesquisa de cada professor, a ser desenvolvida durante a permanência no programa. O curso tem uma carga horária de 72 h. Espera-se que com isso o professor possa questionar sua prática e pesquisá-la. Maiores informações em: http://gefop.unifesp.br ou http://gefop.pro.br..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
2012 - 2013
Programa de Formação Continuada de Professores de Ciências e Matemática: a prática docente em foco - Primeria Edição
Descrição: O presente programa de extensão tem como principal objetivo a formação continuada de professores de ciêncais e matemática do ensino básico por meio da relaização de uma pesquisa sobre a prática docente, efetuada pela parceria estabelecida entre o professor da escola básica , que indaga sua prática e realiza a pesquisa sobre ela, e o professor universitário , que orienta a trajetória da investigação. O programa está dividido em três módulos : Introdução aos fundamentos de Pesquisa, com foco no despertar para o questionamento da prática docente; Pesquisa sobre a prática docente, no qual será realizada a pesquisa propriamente dita e Socialização da pesquisa e de seus resultados, voltado à divulgação dos estudos realizados. Os módulos propõem a realização de uma série de atividades, estando organizados em subprojetos , cada qual com seus objetivos e metodologias. O programa ainda pretende realizar fóruns e implantar um portal sobre a formação continuada de professores de ciêncais e matemática do ensino básico. O programa foi Classificado mas não contemplado no Edital Proext MEC/SEsu 02/2013. Informações em http://gefop.unifesp.br ou http://gefop.pro.br.
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) .
Integrantes: Verilda Speridião Kluth - Coordenador / Alessandra Pereira da Silva - Integrante / Cristina Rossi Nakayama - Integrante / Flaminio de Oliveira Rangel - Integrante / José Alves da Silva - Integrante / Rosangela Calado da costa - Integrante.
Número de produções C, T & A: 4 / Número de orientações: 4


Projetos de desenvolvimento


2014 - Atual
Diálogos Permanentes II - proposições para um projeto institucional de formação de professores da escola básica
Descrição: Trata-se de Projeto de Desenvolvimento Edital Prodocência-Capes 2013; nele a UNIFESP apresenta quatro objetivos gerais básicos: 1) Dar continuidade ao desenvolvimento do Programa de Residência Pedagógica no Curso de Pedagogia; 2) Apoiar e consolidar as experiências de formação prática de todas as Licenciaturas da UNIFESP; 3) Instituir na Pró-Reitoria de Graduação instância que articule projetos e programas institucionais de formação inicial e continuada de docentes para a educação básica na UNIFESP, estabelecendo interface com projetos das Pró-Reitorias de Extensão e de Pós Graduação e Pesquisa voltados para o mesmo fim e 4) Instituir na Pró-Reitoria de Graduação núcleo de estudos sistemáticos sobre formação inicial de professores e fundar uma instância universitária orgânica, qualificada técnica e politicamente, que tenha por meta a excelência na formação inicial de professores e a produção coletiva de diretrizes para o projeto institucional de formação de professores na UNIFESP. Desse modo, as ações e produtos que serão gerados no projeto foram organizados em dois blocos: I - Formação de Professores para a educação básica. A dimensão da formação prática nas licenciaturas da UNIFESP e. II - Licenciaturas em Foco: estudos e proposições. Como produtos a serem gerados a partir das ações propostas (ver anexo) seguem aqui sumariadas: Objetivo 1: Pesquisa qualitativa e análise crítica da metodologia do Programa de Residência Pedagógica (continuidade); Publicações: Cadernos de Residência Pedagógica: continuação da publicação impressa e em e-books do conjunto da coleção; Cadernos de Formação. Subsídios aos professores e gestores formadores do PRP; e Publicação resultante de Concurso de Monografias que tenham por objeto a Formação de Professores; Colóquio de Residência Pedagógica. Objetivo 2 Evento anual: Licenciaturas da UNIFESP, Evento anual: Encontro Escola-Universidade em Parceria; Publicações: Cadernos Interdisciplinares de Licenciatura, Cadernos de Licenciatura e Licenciaturas da UNIFESP em Foco; Acompanhamento de Ingressantes e Egressos (organização de Banco de Dados); Organização de Núcleos de Estudos para agregar licenciados egressos dos cursos da UNIFESP; Continuidade da montagem de Laboratórios de Ensino e Pesquisa das Licenciaturas. Objetivo 3: Colóquios semestrais de Gestão institucional das Licenciaturas da UNIFESP; Grupo de Trabalho Institucional Responsável por sistematizar os debates, demandas e estudos sobre estruturas de gestão pedagógica das Licenciaturas para a UNIFESP e organizar proposta de criação de instância universitária a ser apresentada ao Conselho de Graduação Objetivo 4: Colóquios internos quadrimestrais sobre Formação de Professores da E.B.; Colóquios anuais de caráter nacional e ou internacional que congreguem pesquisadores do campo e articulem uma rede internacional de colaboração no âmbito da formação de professores; Seminários viajantes para a formação de rede de colaboração e Web conferências; Participação em eventos científicos para divulgação dos estudos, proposições e experiências desenvolvidas no Prodocência 2010 e 2013..
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Graduação: (30) / Mestrado acadêmico: (15) .
Integrantes: Verilda Speridião Kluth - Coordenador / Celia Maria Benedicto Giglio - Integrante / Maria Angélica Pedra Minhoto - Integrante / Márcia Aparecida Jacomini - Integrante / Alexandre Pianelli Godoy - Integrante / Henrique Zoqui Martins Parra - Integrante / Lucila Pesce - Integrante / Flaminio de Oliveira Rangel - Integrante / José Alves da Silva - Integrante / Maria Rita de Almeida Toledo - Integrante / Marineide de Oliveira Gomes - Integrante / Regina Cândida Ellero Gualtieri - Integrante / Rosário Silvana genta Lugli - Integrante / Claudia Barcelos de Moura Abreu - Integrante / Umberto de Andrade Pinto - Integrante / Claudia Vóvio - Integrante / Betania Libanio Dantas - Integrante / Daniela Finco - Integrante / Adriana Braga - Integrante / Claudia Panizzolo - Integrante / Érica Aparecida Garrutti de Lourenço - Integrante / Edna Martins - Integrante / Jorge Luiz Barcellos da Silva - Integrante / João do Prado Ferraz de Carvalho - Integrante / André Medina Carone - Integrante / Henry Burnett - Integrante / Davisson Charles Cangussu de Souza - Integrante / Sueli Salles Fidalgo - Integrante / Neide Elias - Integrante / Rosângela Aparecida Dantas de Oliveira - Integrante / Janes Jorge - Integrante / Ligia Ajaime Azzalis - Integrante / Renato de Sá Teles - Integrante / Carlos Eduardo Ribeiro - Integrante / Marilena Aparecida de Souza Rosalen - Integrante.
2010 - 2013
Diálogos Pertinentes - proposições para um projeto institucional de formação de professores da Educação Básica
Descrição: Esse projeto está localizado no âmbito do Programa de melhoria da qualidade das licenciaturas - PRODOCÊNCIA - CAPES, edital 028/2010. O projeto reúne seis cursos de Licenciatura da Unifesp: Pedagogia, História, Sociologia, Letras, Filosofia (Campus Guarulhos) e Ciências (Campus Diadema). Em continuidade ao Projeto de Residência Pedagógica aprovado em 2007, a proposta atual pretende agregar elementos que contribuam para a consolidação do Programa de Residência Pedagógica PRP - no Curso de Pedagogia e para a aproximação entre todas as licenciaturas da UNIFESP por meio de ações que envolvem o estudo sistemático da formação inicial de professores das diversas áreas da educação básica, o contato com profissionais de outras instituições formadoras, o conhecimento e a partilha de experiências exitosas no campo e a criação de condições favoráveis para a concepção coletiva de uma instância universitária em que as questões relativas à formação de professores possam ser tratadas de modo qualificado, técnica e politicamente, inspirando um modelo mais orgânico e menos burocrático, que tenha por meta a excelência no campo, produzindo uma política institucional para a formação de professores na perspectiva da "valorização da formação e a relevância social dos profissionais do magistério . O projeto envolve o desenvolvimento de estudos de aprofundamento relativos à metodologia de formação prática instituída pelo Programa de Residência Pedagógica do Curso de Pedagogia da Unifesp e a construção de um núcleo de estudos sistemáticos sobre formação inicial de professores para produzirmos, coletivamente, proposições para um projeto institucional de formação de professores para a Educação Básica. ..
Situação: Concluído; Natureza: Desenvolvimento.
Alunos envolvidos: Graduação: (60) / Mestrado acadêmico: (10) .
Integrantes: Verilda Speridião Kluth - Integrante / Maria Rita de Almeida Toledo - Integrante / Celia Maria Benedicto Giglio - Coordenador / Daniel Revah - Integrante / Marineide de Oliveira Gomes - Integrante / Antonio Carlos Pinheiro - Integrante / Regina Cândida Ellero Gualtier - Integrante / Claudia Barcelos de Moura Abreu - Integrante / Umberto de Andrade Pinto - Integrante / Maria Angélica Pedra Minhoto - Integrante / Clecio dos Santos Bunzen Júnior - Integrante / Márcia Cristina Romero Lopes - Integrante / Marieta Gouvêa de Oliveira Penna - Integrante / Izilda Cristina Johanson - Integrante / Márcia Rodrigues de Souza Mendonça - Integrante / Márcia Aparecida Jacomini - Integrante / Alexandre Pianelli Godoy - Integrante / Henrique Zoqui Martins Parra - Integrante / Lucila Pesce - Integrante / Maria Rita Tarcia - Integrante / Claudia Vóvio - Integrante.Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1


Outros Projetos


2016 - Atual
Centro de Formação de Educadores da Escola Básica (CEFE) ? Campus Diadema - Unifesp
Descrição: O CEFE foi idealizado por um grupo de professores da Unifesp ? Campus - Diadema, que zelavam pelo LIFE ? Laboratório Interdisciplinar de Formação de Educadores financiado pela CAPES. Foi aprovado em mérito na Congregação do Instituto de Ciências Ambientais, Químicas e Farmacêuticas/ Conselho de Campus de Diadema em 02/06/2016. O Centro tem assento no Comitê Gestor Institucional de Formação Inicial e Continuada de Profissionais da Educação Básica - Comfor ? Unifesp, órgão colegiado, assessor da reitoria, criado pela Portaria Ministerial n. 1105 de 8 de novembro de 2013, D.O.U. de 11/11/2013, seção I, pg. 26, que revoga a Portaria do MEC n. 1087 de 10 de agosto de 2011 e a resolução n. 1 de 17 de agosto de 2011. O Comfor foi instituído na Unifesp pela portaria n. 2649, de 21 de agosto de 2013, D.O..U. 02/09/2013, seção 2, pg 61. Sua missão é contribuir com a construção de uma Cultura de Formação de Educadores da e para a Escola Básica no Campus de Diadema, promovendo o desenvolvimento da formação inicial e continuada de educadores da escola básica em suas dimensões filosóficas, educacionais, culturais, sociais e profissionais por meio de metodologias educacionais/pesquisas que abranjam o ensino, a extensão e a pesquisa, em conformidade com as políticas educacionais da UNIFESP. Maiores informações em https://www.unifesp.br/campus/dia/administracao/cefe.
Situação: Em andamento; Natureza: Outra.
2015 - 2016
Projeto de criação do Centro de Formação de Educadores da Educação Básica (CEFE) - Campus Diadema - Unifesp
Descrição: Descrição: Esse projeto integra-se ao Plano Nacional de Formação dos Profissionais da Educação Básica do Ministério da Educação para dar sustentação às ações de formação inicial e continuada de educadores da e para a escola básica. Esse Centro tem como finalidade precípua a promoção da qualificação das ações dos educadores, o que poderá resultar em melhorias da qualidade do ensino e, por conseguinte, do aprendizado dos estudantes..
Situação: Concluído; Natureza: Outra.
2014 - Atual
PIBID - UNIFESP - Sub Projeto - Matemática em Ação
Descrição: O principal intento do projeto é desenvolver uma ação pedagógica dos estudantes do Curso de Ciências ? licenciatura - UNIFESP, no sentido de exercer uma prática docente interdisciplinar da matemática, fundamentada em pesquisas sobre o Ensino de Ciências e Matemática e Educação Matemática . As atividades a serem cumpridas pelos bolsistas terão como princípio norteador a integração dos conteúdos matemáticos com os das ciências da natureza fundamentada em pesquisas históricas, filosóficas e didáticas da Educação Matemática, que perpassam conteúdos de geometria e álgebra do ensino básico nacional. A dinâmica de trabalho inclui: estudo, reuniões semanais, reconhecimento do local de atuação, elaboração de propostas didático-pedagógicas, participação em eventos e será conduzida por um professor supervisor e pela coordenadora do subprojeto..
Situação: Em andamento; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (6) .
Integrantes: Verilda Speridião Kluth - Coordenador / Francisco Aparecido Cardeira - Integrante / Jânio Henrique Bernardes - Integrante / Cristiane Silva Savanachi - Integrante / Barbara Celestino Schwartz - Integrante / Vilma Zulma Ávalos - Integrante / Marcos Vinicius de Lima Pestana - Integrante / Carlos Marciel Lima dos Santos - Integrante.
2012 - 2013
PIBID-Ciências-Diadema-Matemática
Descrição: O principal intento do projeto é desenvolver uma ação pedagógica dos estudantes do Curso de Ciências ? licenciatura - UNIFESP, no sentido de exercer uma prática docente interdisciplinar fundamentada em pesquisas sobre o Ensino de Ciências e Matemática. As atividades a serem cumpridas pelos bolsistas terão como princípio norteador a integração dos conteúdos matemáticos com os das ciências naturais: física, química e biologia, fundamentadas em pesquisas históricas, filosóficas e didáticas da Educação Matemática, que perpassam conteúdos de geometria e álgebra do ensino básico nacional. A dinâmica de trabalho inclui: estudo, reuniões semanais, reconhecimento do local de atuação, elaboração de propostas didático-pedagógicas, participação em eventos e será conduzida por um professor supervisor e pela coordenadora do subprojeto..
Situação: Concluído; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (8) .
Integrantes: Verilda Speridião Kluth - Coordenador / Valkiria Roberto da Silva - Integrante / Francisco Aparecido Cardeira - Integrante / George Maciel Fragoso - Integrante / Ingrid Ferreira Costa - Integrante / Jânio Henrique Bernardes - Integrante / Sonio Amaro de Souza - Integrante / Cristiane Silva Savanachi - Integrante / Barbara Celestino Schwartz - Integrante / Vilma Zulma Ávalos - Integrante.Financiador(es): Universidade Federal de São Paulo - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 6 / Número de orientações: 4
2012 - Atual
Laboratório Interdisciplinar e de Formação de Educadores da UNIFESP- Polo Diadema
Descrição: O projeto tem como objeto a criação de laboratórios interdisciplinares de formação docente a serem compartilhados por todas as licenciaturas dos campi Diadema e Guarulhos da Universidade Federal de São Paulo (UNIFESP). Tais laboratórios constituir-se-ão em ambientes voltados à idealização, implementação e avaliação de práticas pedagógicas adequadas para as licenciaturas, a formação continuada de professores e o ensino básico, sempre calcados em investigações das múltiplas dimensões e manifestações da linguagem e de seu desenvolvimento. Nesse contexto, a articulação entre conhecimentos, práticas e tecnologias educacionais nas diferentes licenciaturas será privilegiada. Trata-se, dessa forma, de espaço interdisciplinar para formação de educadores e para a formação continuada de professores onde pesquisa, prática, ensino e aprendizagem são considerados indissociáveis e onde as Tecnologias Digitais de Informação e Comunicação (TDIC) são vistas como recurso para a interação, instrumentos do docente-pesquisador e do aluno-pesquisador (em suas primeiras experiências com a pesquisa) e, ao mesmo tempo, como possíveis recursos didáticos. Observa-se, pela descrição acima, que o mencionado ambiente e seus recursos representarão contribuição relevante no fortalecimento do tripé ensino-pesquisa-extensão. Coordenação Institucional: Terezinha Maria Sprenger.
Situação: Em andamento; Natureza: Outra.


Membro de corpo editorial


2011 - Atual
Periódico: Caminhos da Educação Matemática em Revista
2011 - Atual
Periódico: Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos (Rbep)
2005 - Atual
Periódico: Revista Pesquisa Qualitativa


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Matemática.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Educação.


Idiomas


Alemão
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Inglês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Pouco.


Prêmios e títulos


1998
Premis Internacionales de Investigaçón y de Renovación Pedagógica em Educacion Matemática 'Thales - San Fernando', S.A.E.M. Thales Espanha.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
KLUTH, V. S.2015KLUTH, V. S.; SAVANACHI, C. S. ; CARDEIRA, F. A. . Matemática e Música em sintonia: uma proposta educacional. Educação Matemática em Revista, v. 44, p. 14-20, 2015.

2.
KLUTH, V. S.2013KLUTH, V. S.. Filosofia da Educação Matemática: Enlaces Filosóficos da Educação Matemática. Caminhos da Educação Matemática em Revista, v. 01, p. 10-19, 2013.

3.
LABUTO, G.2011LABUTO, G. ; KLUTH, V. S. ; et al. . Segundo encontro sobre divulgação e ensino de Ciências - A divulgação científica e o ensino de ciências para a Inclusão Social. Revista Metáfora Educacional, v. 011, p. 1-18, 2011.

4.
KLUTH, V. S.2011KLUTH, V. S.. Kant e Merleau-Ponty: um debate entre filosofia e matemática. IHU On-Line (UNISINOS. Impresso), v. 378, p. 21-24, 2011.

5.
KLUTH, V. S.2007 KLUTH, V. S.. O movimento da construção das estruturas da álgebra: uma visada fenomenológica. Bolema. Boletim de Educação Matemática (UNESP. Rio Claro. Impresso), v. 28, p. 95-113, 2007.

6.
KLUTH, V. S.2004KLUTH, V. S.. Ensaio/Resenha: Modern Algebra and the Rise of Mathematical Strutures. Revista Brasileira de História da Matemática, Rio Claro, v. 4, n.7, p. 97-102, 2004.

7.
KLUTH, V. S.2004KLUTH, V. S.; BICUDO, M. A. V. ; PAULO, R. M. . Philosophy of Mathematics Education. Phylosophy of Mathematics Education Journal, v. 18, p. 10-15, 2004.

8.
KLUTH, V. S.2001 KLUTH, V. S.. Do significado da interrogação para a investigação em Educação matemática.. Bolema (Rio Claro), Rio Claro, v. 15, p. 69-82, 2001.

9.
KLUTH, V. S.2001KLUTH, V. S.. O triângulo e a sala de aula - uma visão fenomenológica da Geometria. Educação Matemática - Em Revista - Publicação da Sociedade de Educação Matemática, São Paulo, v. 11, p. 51-61, 2001.

10.
KLUTH, V. S.1998 KLUTH, V. S.. O que acontece no encontro Sujeito-Matemática?. Epsilon - Revista de la Sociedad Andaluza de Educacion Matemática, Sevilha, v. 14, n.3, p. 373-386, 1998.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
KLUTH, V. S.; BICUDO, M. A. V. (Org.) ; KALINKE, M. A. (Org.) . Anais do V Seminário Internacional de Pesquisa e EStudos Qualiattivos. 1. ed. São Paulo: SE&PQ, 2018. v. 1.

2.
KLUTH, V. S.. Estruturas da Álgebra - uma investigação Fenomenológica. I. ed. Saarbrucken: Novas Edições Acadêmicas, 2017. v. 1. 219p .

3.
KLUTH, V. S.. Prática Docente e formação de professores - Reflexões à luz do ensino de ciêncais. 1. ed. SAO PAULO: Alameda, 2017. v. 1. 242p .

4.
DIAS FILHO, C. A. T. ; CERICATO, I. ; BERNARDES, J. H. ; BERTINI, L. F. ; AZEVEDO, M. N. ; LINARDI, P. R. ; ZAJAC, S. ; MAGALHAES, S. L. ; SCHARAN, S. M. ; CASTILHO, T. N. ; BARBOSA, V. S. ; KLUTH, V. S. ; DIAS, V. . A pesquisa da prática docente na formação continuada de professores: os caminhos de uma experiência. 1. ed. São Paulo: Mais editora, 2016. v. 1. 137p .

5.
KLUTH, V. S.; SILVA, J. A. (Org.) . Cadernos de Licenciatura -Ciências Aproximações e distanciamnetos no ensino de ciêncais e matemática: questões d eidentidade da área no âmbito filosófico e institucional. 1. ed. São Paulo: Porto de ideias, 2013. v. 1. 91p .

6.
KLUTH, V. S.; BICUDO, M. A. V. ; DETONI, A. R. ; PAULO, R. M. ; MOCROSKY, L. F. ; BAUMANN, A. P. P. . Pesquisa qualitativa - segundo a visão fenomenológica. 1. ed. São Paulo: Cortez, 2011. v. 1. 149p .

7.
KLUTH, V. S.; SANTOS, T. (Org.) . Anais IV Seminário Internacional de Pesquisa e Estudos Qualitativos. 1. ed. São Paulo: SE&PQ, 2010. v. 1. 658p .

8.
KLUTH, V. S.; ANASTACIO, M. Q. A. (Org.) . Filosofia da Educação Matemática - Debates e Confluências. 1. ed. São Paulo: Centauro, 2009. v. 1. 248p .

9.
KLUTH, V. S.; Marino, M. J. (Org.) ; FELDMAN, M. G. (Org.) . ANAIS do I Encontro de Representantes de Grupo de Pesquisa e Estudos Qualitativos. 1. ed. São Paulo: SE&PQ, 2009. v. 1.

10.
KLUTH, V. S.; POKLADEK, D. D. (Org.) . Um olhar fenomenológico - contribuições na sáreas da saúde e educação. 1. ed. São Paulo: Martinari, 2008. v. 1. 126p .

11.
KLUTH, V. S.. Anais - III Seminário Internacional de Pesquisa e Estudos Qualitativos e V Encontro de Fenomenologia e Análise do Existir. São Paulo: SE&PQ, 2006. v. 1.

12.
KLUTH, V. S.; SANTOS, T. (Org.) ; CORRER, R. (Org.) ; MARTINS, M. A. V. (Org.) . Anais - II Seminário Internacional de Pesquisa e Estudos Qualitativos. 1. ed. São Paulo: Sociedade de Estudos e Pesquisa Qualitativos, 2004. v. 1.

13.
KLUTH, V. S.; SANTOS, T. (Org.) ; TRISTAO, M. L. (Org.) . Caderno de Resumo - II seminário de pesquisa e Estudos Qualitativos. 1. ed. Bauru: , 2004. v. 1.

Capítulos de livros publicados
1.
KLUTH, V. S.. Matemática em ação: um subprojeto Pibid vinculado à licenciatura em Ciêncas da Unifesp - campus Diadema. In: João do Prado Ferraz de Carvalho ( Org.). (Org.). Desafios da formação inicial docente no contexto do Pibid. 1ed.Jundiaí: Paco Editorial, 2017, v. 1, p. 5-229.

2.
KLUTH, V. S.. A prática de ensino de matemática: trajetória primeira em uma licenciatura em Ciências. In: Veridla Speridião Kluth. (Org.). Prática Docente e formação de professores - Reflexões à luz do ensino de ciêncais. 1ed.SAO PAULO: Alameda, 2017, v. 1, p. 10-242.

3.
SCHARAN, S. M. ; KLUTH, V. S. ; CASTILHO, T. N. . A didática francesa em sala de aula na transição da aritmética para a álgebra. A pesquisa da prática docente na formação continuadad de professores:oscaminhos de uma experiência. 1ed.São Paulo: mais editora, 2016, v. 1, p. 15-39.

4.
DIAS, V. ; KLUTH, V. S. . Horizontes de formação humana por meio da vivência da noção de ângulo. A pesquisa da prática docente na formação continuadad de professores: os caminhos de uma experiência. 1ed.São Paulo: mais editora, 2016, v. 1, p. 119-137.

5.
KLUTH, V. S.. Moblizações Didáticas das relações de representação aritmética e geométrica de grandezas. In: Laerte Fonseca. (Org.). Didática do Cálculo - Epistemologia, Ensino E Aprendizagem. 1ed.São Paulo: Livraria da Física, 2016, v. 1, p. 227-237.

6.
BARRETO, M. F. T. ; TEXEIRA, R ; KLUTH, V. S. . Sistema de numeração decimal e operações em perfis. In: Carlos Cardoso Silva;Sandra Valéria Limonta. (Org.). Anos iniciais do ensino fundamental:política, gestão, formação de professores e ensino. 1ed.São Paulo: Editora Mercado das Letras, 2015, v. 1, p. 259-284.

7.
KLUTH, V. S.; MOURA, S. P. R. . Preâmbulos investigativos sobre o uso de softwares como ato propulsor do pensar matemático. In: Maria Aparecida Viggiani Bicudo. (Org.). Ciberespaço - Possiblidades que abreao mundo da educação. 1ed.São Paulo: Livraria da Física, 2014, v. 1, p. 221-247.

8.
KLUTH, V. S.. Reflexões sobre o ensino de ciêncais da natureza e matemática em ação conjunta. In: Verilda Speridião Kluth;Jo´se Alves da Silva. (Org.). Cadernos d elicencaitura - Ciências Aproximações e distanciamento no ensino de ciêncais e matemática: questões d eidentidade da área no ambito filosófico e institucional. 1ed.São Paulo: Porto de ideias, 2013, v. 1, p. 18-28.

9.
BARRETO, M. F. T. ; KLUTH, V. S. . O número: compreensões no mundo-vida. In: Maria de Fátima Texeira Barreto. (Org.). Fenomenologia Escola e Conhecimento. 1ed.Goiâna: Cânone Editorial, 2013, v. 1, p. 125-144.

10.
KLUTH, V. S.. Panorama fenomenológico de número e sua imagem na alfabetização aritmética. In: Maria Aparecida Viggiani Bicudo. (Org.). Filosofia da Educação Matemática - Fenomenologia, concepções, possibilidades didáyico-pedagógicas. São Paulo: UNESP, 2010, v. 1, p. 63-88.

11.
BICUDO, M. A. V. ; KLUTH, V. S. . Geometria e Fenomenologia. In: Maria Aparecida Viggiani Bicudo. (Org.). Filosofia da Educação Matemática - Fenomenologia, concepções, possibilidades didático-pedagógicas. São Paulo: UNESP, 2010, v. 1, p. 131-147.

12.
KLUTH, V. S.. A abstração como idealização - um prelúdio em filosofia da educação matemática. In: Verilda Speridião Kluth;Maria Queiroga Amoroso Anastacio. (Org.). Filosofia da Educação Matemática - debates e confluências. 1ed.São Paulo: Centauro, 2009, v. 1, p. 17-32.

13.
KLUTH, V. S.. Dimensionamentos vividos em debate - encontro e desencontros do modo de construir interpretações fenomenológicas. In: Verilda Speridião Kluth; Maria Queiroga Amoroso Anastacio. (Org.). Filosofia da Educação Matemática - debates e confluências. 1ed.São Paulo: Centauro, 2009, v. 1, p. 73-80.

14.
KLUTH, V. S.. Contribuições das idéias merleau-pontyanas no âmbito da educação. In: KLUTH;POKLADEK. (Org.). Um olhar fenomenológico - contribuições nas áreas da saúde e educação. 1ed.São Paulo: Martinari, 2008, v. 1, p. 7-126.

15.
KLUTH, V. S.. Formação de professores: simetria matemátiica e tempo vivido. In: Renata Cristina Geromel Meneghetti. (Org.). Educação matemáitca - vivências refletidas. 1ed.São Paulo: Centauro, 2006, v. 1, p. 121-135.

16.
KLUTH, V. S.. Conhecimento Geométrico - uma rede corpórea. In: Maria aparecida Viggiani Bicudo. (Org.). Filosofia da Educação Matemática - concepções & movimento. 1ed.Brasília: Plano, 2003, v. 1, p. 107-119.

17.
KLUTH, V. S.; DANYLUK, O. S. . Considerações analítico-reflexivas. In: Maria aparecida Viggiani Bicudo;Regina Célia Baptista Belluzzo. (Org.). Formação Humana e Educação. 1ed.Bauru: EDUSC, 2001, v. 1, p. 309-315.

18.
KLUTH, V. S.. O conhecimento geométrico: trama de vivências corpóreo-sócio-culturais. In: maria Aparecida Viggiani Bicudo;Regina Célia baptista Belluzzo. (Org.). Formação Humana e Educação. 1ed.Bauru: EDUSC, 2001, v. 1, p. 357-367.

19.
KLUTH, V. S.. An Phänomenen orientiertes Erleben im Mathematikunterricht. In: Bernd Fichtner; Maria Teresa Freitas;Roberto Monteiro. (Org.). Kinder und Jugendliche im Blick Qualitativer Forschung. 1ed.Bamberg: ATHENA, 2001, v. 1, p. 326-334.

20.
KLUTH, V. S.. A rede de significados:imanência e transcendência: a rede de significação. In: Maria Aparecida Viggiani Bicudo. (Org.). Fenomenologia - confrontos e avanços. 1ed.São Paulo: Cortez, 2000, v. 1, p. 105-140.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
KLUTH, V. S.; ARAUJO, V. A. . Uma proposta d eensino de física emaranhada na concepção fenomenológica de ciência.. In: VI - Seminário Internacional de Pesuisa e Estudos Qualitativos -, 2018, Foz do Iguaçu. Anais do VI SIPEQ. São Paulo: SE&PQ, 2018. v. 1.

2.
DIAS FILHO, C. A. T. ; KLUTH, V. S. . Softwares livres sobre funções matemáticas: algumas potencialidades educacionais. In: Xii EGEM, 2015. Anais do XII EGEM. Porto Alegre: EDIPUCRS. v. 1.

3.
KLUTH, V. S.. A Linguagem em Gadamer: sua imagem em uma pesquisa da educação matemática. In: VI Seminário Internacional da Pesquisa em Educação Matemática, 2015, Piranópolis. VI SIPEM ( Anais). DF: SBEM, 2015. v. 1. p. 1-10.

4.
KLUTH, V. S.. Vereda fenomenológica na iniciação à docência: razão e proporção. In: XI ENEM, 2013, Curitiba. XI Encontro Nacional de Educação Matemática - Educação Matemática: retrospectiva e perspectiva. Brasília: SBEM, 2013. v. 1.

5.
DIAS FILHO, C. A. T. ; KLUTH, V. S. . SOFTWARES EDUCACIONAIS SOBRE FUNÇÕES MATEMÁTICAS: SEUS FUNDAMENTOS TEÓRICOS E EPISTEMOLÓGICOS MATEMÁTICOS E EDUCACIONAIS, TECNOLÓGICOS E DE FUNCIONALIDADE.. In: Congresso Internacional de Ensino de Matemática, 2013, Canoas. Anais do Vi Ciem. Canoas: ULBRA, 2013. v. 1. p. 1.

6.
KLUTH, V. S.; RODRIGUES, A. P. A. . Aproximação entre aritmética e geometria: um resgate fenomenológico de aspectos humanos na construção do conhecimento matemático. In: XIII Conferência Internacional de Educação Matemática, 2011, Recife. Anais do XIII CIAEM. Recife: Programa de Pós-graduação em Educação matemática e tecnológica Universidade de Pernambuco, 2011. v. 1. p. 1-11.

7.
KLUTH, V. S.. Uma possível arquitetura de pesquisa rigorosa: a hermenêutica filosófica de Gadamer. In: IV Seminário Internacional de Pequisa e Estudos Qualitativos, 2010, Rio Claro. Anais- IV Seminário Internacional de Pesquisa e Estudos Qualitativos. São Paulo: SE&PQ, 2010. v. 1. p. 1-6.

8.
KLUTH, V. S.. Filosofia da Educação Matemática: tendência ou região de inquérito da Educação Matemática?. In: II Jornada Nacional de Educação Matemática e XV Jornada Regional de Educação Matemática, 2008, Passo Fundo. Educação Matemática na Atualidade. Passo Fundo: Editora Universidade, 2008. v. 1.

9.
RODRIGUES, A. P. A. ; KLUTH, V. S. . A iIntersecção da Geometria com a Aritmética - um preâmbulo fenomenológico. In: XI Encontro Brasileiro de Estudantes de Pós-Graduação em Educação Matemática, 2007, Curitiba. Anais do XI Encontro Brasileiro de Estudantes de Pós-graduação em Educação Matemática - trilhas, Caminhos e Perspectivas na Pesquisa da Educação Matemática. Curitiba: Setor de Educação, 2007. v. 1.

10.
BARBOSA, O. A. ; KLUTH, V. S. . A caminho de interfaces entre demonstração, geometria e ensino.. In: XI Encontro Brasileiro de Estudantes de Pós-Graduação em Educação Matemática, 2007, Curitiba. Anais XI Anais Encontro Brasileiro de Estudantes de Pós-Graduação em Educação Matemática. Curitiba: Setor d e Educação - UFPR, 2007. v. 1.

11.
MENDONZA JUNIOR, J. A. ; KLUTH, V. S. . Experiência Matemática - Conhecimento Científico - Ambiente dialógico: um estudo introdutório. In: XI Encontro Brasileiro de Estudantes de Pós-Graduação em Educação Matemática, 2007, Curitiba. Anais XI Encontro Nacional de Estudantes de Pós-Graduação em Educação Matemática. Curitiba: Setor Educacional - UFPR, 2007. v. 1.

12.
TERTO, L. L. ; KLUTH, V. S. . Um estudo introdutório fenomenológico sobre: gráfico, símbolo e função.. In: XI Encontro Brasileiro de Estudantes de Pós-Graduação em Educação Matemática, 2007, Curitiba. Anais XI Encontro Nacional de Estudantes de Pós-Graduação em Educação Matemática. Curitiba: Setro de Educação - UFPR, 2007. v. 1.

13.
GARCIA, B. T. ; KLUTH, V. S. . O jogo de Xadrez em cheque: um olhar matemático-fenomenológico. In: XI Encontro Brasileiro de Estudantes de Pós-Graduação em Educação Matemática, 2007, Curitiba. Anais XI Encontro Nacional de Estudantes de Pós-Graduação em Educação Matemática. Curitiba: Setor de Educação - UFPR, 2007. v. 1.

14.
KLUTH, V. S.; OLIVEIRA, E. S. M. ; ALONSO, R. . A ética intríseca a uma pesquisa educacional-matemática merleau-pontyana. In: III-Seminário Internacional de Estudos e Pesquisa Qualitativos & V Encontro de Fenomenologia e Análise do Existir, 2006, São Bernardo. Anais III Seminário Internacional de Estudos e Pesquisa Qualitativos e V Encontro de Fenomenologia e Análise do Existir. São Paulo: SE&PQ, 2006. v. 1.

15.
KLUTH, V. S.. Ciências exatas e ciências da religião: aproximações? distanciamentos?. In: III-Seminário Internacional de Estudos e Pesquisa Qualitativos & V Encontro de Fenomenologia e Análise do Existir, 2006, São Bernardo. Anais - III Seminário Internacional de Pesquisa e estudos Qualitativos & V Encontro de Fenomenologia e Análise do Existir. São Paulo: SE&PQ, 2006. v. 1.

16.
KLUTH, V. S.. Uma visão fenomenológica do pensar algébrico. In: VIII - ENEM, 2004, Recife. Anais - VIII Encontro Nacional de Educação matemática, 2004. v. 1.

17.
KLUTH, V. S.. Pesquisando a construção do conhecimento algébrico: um mergulho na história. In: V Seminário Nacional de História da Matemática, 2003, Rio Claro. Anais V seminário Nacional de História da Matemática. Rio Claro: UNESP, 2003. v. 1. p. 453-463.

18.
KLUTH, V. S.. O tempo vivido pelo professor na construção de simetria matemática. In: II - Seminário Internacional de Pesquisa em Educação Matemática, 2003, Santos. Anais II SIPEM. São Paulo: SBEM, 2003. v. 1.

19.
KLUTH, V. S.. A proporção áurea: uma visada fenomenológica. In: VI - Encontro Paulista de Educação Matemática, 2001, Catanduva. VI EPEM. São Paulo: SBEM-SP, 2001.

20.
KLUTH, V. S.. Coordenação de Projeto Pedagógico: reformulação de um curso de Licenciatura em Matemática. In: VII - Encontro Nacional de Educação Matemática, 2001, Rio de Janeiro. VII - Encontro Nacional de Educação Matemática. São Paulo: SBEM, 2001.

21.
KLUTH, V. S.. A vivência sob o foco fenomenológico da Educação Matemática. In: 1º Painel Interinstitucional sobre Investigação Qualitativa, 2001, JUiz de Fora. Crianças e adolescentes em perspectiva - a ótica das abordagens qualitativas. Juiz de Fora: ufjf, 2001. v. 1.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
KLUTH, V. S.. O surgimento e a construção da rede de significados. In: II - Fórum de Investigação Qualitativa, 2000, Juiz de fora. Anais II Fórum de Investigação Qualitativa. Juiz de Fora: UFJF, 2000. v. 1. p. 58-59.

2.
KLUTH, V. S.. O que acontece no encontro sujeito-Matemática?. In: VI - Encontro Nacional de Educação Matemática, 1998, São Leopoldo. Anais - VI ENEM. São Leopoldo: SBEM-UNISINOS, 1998. v. 2. p. 196-198.

3.
KLUTH, V. S.. O ensino da Matemática na visão construída no estudo da interrogação: o que acontece no encontro sujeito-matemática?. In: II Encontro Brasileiro de Estudantes da Pós-Graduação em Educação Matemática, 1998, Rio Claro. Anais II Encontro de Estudantes da Pós-Graduação em Educação Matemática. Rio Claro: UNESP, 1998. v. 1. p. 63-63.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
KLUTH, V. S.. Uma possível arquitetura de pesquisa rigorosa: a hermenêutica filosófica de Gadamer. In: IV Seminário Internacional de Pesquisa e Estudos Qualitativos, 2010, Rio Claro. Caderno de resumos. São Paulo: SE&PQ, 2010. v. 1. p. 1-69.

2.
KLUTH, V. S.. Depoimentos sobre vivência de pesquisa em fenomenologia: modos de coletas e seus fundamentos filosóficos. In: III Congresso de Fenomenologia da Região Centro-Oeste e I Encontro Nacional do GT de Fenomenologia da ANPOF, 2009, Goiânia. Anais III Congresso de Fenomenologia da Região Centro-Oeste I Encontro Nacional do GT de Fenomenologia da ANPOF. Goiânia: UCG e KELPS, 2009. v. 1. p. 29-30.

3.
KLUTH, V. S.; ALONSO, R. ; OLIVEIRA, E. S. M. . A ética intrínseca a uma pesquisa educacional-matemática Merleau-Pontyana. In: III-Seminário Internacional de Estudos e Pesquisa Qualitativos & V Encontro de Fenomenologia e Análise do Existir, 2006, São Bernardo do Campo. Caderno de resumos. São Bernardo do Campo: Metodista, 2006. v. 1. p. 21-22.

4.
KLUTH, V. S.. Um estudo introdutório sobre a abstração como idealização. In: III - Seminário Internacional de Pesquisa em Educação Matemática, 2006, Águas de Lindóia. III Seminário Internacional de Pesquisa em Educação Matemática. Curitiba: SBEM, 2006. v. 1. p. 167-167.

5.
KLUTH, V. S.. O tempo vivido pelo professor na construção do conhecimento de simetria matemática. In: II - Seminário Internacional de Pesquisa em Educação Matemática, 2003, Santos. Livro de Resumos. São Paulo: SBEM, 2003. v. 1. p. 151-152.

Apresentações de Trabalho
1.
KLUTH, V. S.. Estudo sobre como propiciar uma atmofesfera ao depoente da pesquisa p/ que o fenômono conhecimento matemático aconteça no encontro do aprendiz-software. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

2.
KLUTH, V. S.. Estudo sobre meditações cartesianas - Introdução à fenomenologia: primeira meditação. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

3.
KLUTH, V. S.. Ensino e Formação de Professores na Educação Básica. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

4.
KLUTH, V. S.. PIBID-Subprojeto Matemática. 2015. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

5.
KLUTH, V. S.. A linguagem em Gadamer: sua imagem em uma pesquisa da educação matemática. 2015. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

6.
KLUTH, V. S.. Fenomenologia e seus elos com a pesquisa em educação. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

7.
DIAS FILHO, C. A. T. ; KLUTH, V. S. . Softwares livres sobre funções matemáticas: algumas potencialidades educacionais. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

8.
KLUTH, V. S.. O pensar que se inaugura ao se estar na presneça de sotware educativo-matemáticos. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

9.
KLUTH, V. S.. Vereda Fenomenológica na iniciação à docêncai: razão e proporção. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

10.
DIAS FILHO, C. A. T. ; KLUTH, V. S. . Softwares educactivos sobre funções matemáticas: seus fundamentos teóricos e epistemológicos matemáticos e educacionais, tecnológicos e de funcionalidade. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

11.
KLUTH, V. S.. Preâmbulos investigativos sobre o ciberespaço enquanto gênese do conhecimento matemático. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

12.
KLUTH, V. S.; RODRIGUES, A. P. A. . Alfabetização matemática: confluências entre o quadrado e o quadrado dos números. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

13.
KLUTH, V. S.; RODRIGUES, A. P. A. . Aproximação entre aritmética e geometria: um resgate fenomenológico de aspectos humanos na cosntrução do conhecimento matemático. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

14.
KLUTH, V. S.. Uma possível Arquitetura de Pesquisa Rigorosa: A hermenêutica filosófica de Gadamer. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

15.
KLUTH, V. S.. Filosofia da Educação Matemática: tendência ou região de inquérito da Educação Matemática?. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

16.
KLUTH, V. S.. Licenciatura em Matemática hoje: no percurso de tendências ou desbravando genuínos horizontes?. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

17.
KLUTH, V. S.. Memorial: Pesquisa e Estudos Merleau-Pontyanos - PEM. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

18.
KLUTH, V. S.; Marino, M. J. . Síntese: proposta temática. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

19.
KLUTH, V. S.. Filosofia da Educação Matemática: interpretação e desdobramentos. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

20.
KLUTH, V. S.. Aspectos fundamentais da pesquisa qualitativa. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

21.
KLUTH, V. S.. Em busca do encontro esclarecedor. 2007. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

22.
KLUTH, V. S.. Formação Profissional de Professores de Matemática. 2007. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

23.
KLUTH, V. S.; OLIVEIRA, E. S. M. ; ALONSO, R. . A ética intrínseca a uma pesquisa educacional-matemática merleau-pontyana. 2006. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

24.
KLUTH, V. S.. Debate sobre o texto: "Dimensionamentos vividos". 2006. (Apresentação de Trabalho/Outra).

25.
KLUTH, V. S.. Um estudo introdutório sobre a abstração como idealização. 2006. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

26.
KLUTH, V. S.. Ciências exatas e ciências da religião: aproximações? distanciamentos?. 2006. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

27.
KLUTH, V. S.. A expressão humana nas ciências exatas. 2005. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

28.
KLUTH, V. S.. O ensino da Álgebra e Geometria. 2005. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

29.
KLUTH, V. S.. Uma visão filosófica do pensar algébrico. 2004. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

30.
KLUTH, V. S.. Fenomenologia e Educação Matemática. 2004. (Apresentação de Trabalho/Outra).

31.
KLUTH, V. S.. Conhecimento Geométrico: uma rede corpórea. 2003. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

32.
KLUTH, V. S.. Pesquisando o pensar algébrico. 2003. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

33.
KLUTH, V. S.. Investigando a construção do conhecimento: um mergulho na história. 2003. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

34.
KLUTH, V. S.. O tempo vivido pelo professor na construção de simetria matemática. 2003. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

35.
KLUTH, V. S.. A importância didático-pedagógica do laboratório de Ensino de Matemática. 2002. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

36.
KLUTH, V. S.. A vivência sob o foco fenomenológico da educação matemática. 2001. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

37.
KLUTH, V. S.. Coordenação de projeto pedagógico: reformulação de um curso de licenciatura em Matemática. 2001. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

38.
KLUTH, V. S.. Síntese de trabalhos: Educação e produção de conhecimento.. 2001. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

39.
KLUTH, V. S.. Progressão Continuada e Matemática. 2001. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

40.
KLUTH, V. S.. Painel sobre a Pesquisa na Educação Matemática. 2000. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

41.
KLUTH, V. S.. Educação Matemática. 1998. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

42.
KLUTH, V. S.. O que acontece no encontro sujeito-matemática?. 1998. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

43.
KLUTH, V. S.. O que acontece no encontro sujeito-Matemática?. 1997. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

Outras produções bibliográficas
1.
KLUTH, V. S.; LUCIANECERICATO, I. . A pesquisa da prática docente na formação continuadad de professores: os caminhos de uma experiência. São Paulo: Mais editora, 2016 (Introdução de livro).

2.
KLUTH, V. S.; ANASTACIO, M. Q. A. . Introdução. São Paulo: Centauro, 2009 (Introdução de livro).

3.
KLUTH, V. S.; POKLADEK, D. D. . Introdução. São paulo: Martinari, 2008 (Introdução de livro).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
KLUTH, V. S.. Presidir Comissões de Processo Educacional e de Conduta Estudantil. 2017.

2.
KLUTH, V. S.; BOLETO, C. ; LOURENCO, E. C. C. . Realização de produção intelectual e profissional na coleção A conquista matemática, 6. a 9. ano - Editora FTD. 2015.

3.
KLUTH, V. S.. ad doc VI Encontro de fenomenologia e análise do existir 2012. 2012.

4.
KLUTH, V. S.. Parecerista do V Seminário Internacional de Pesquisa em Educação Matemática. 2012.

5.
KLUTH, V. S.. ad doc do Segundo Encontro sobre Divulgação e Ensino de Ciências. 2011.

6.
KLUTH, V. S.. ad doc XIII Conferência Internacional de Educação Matemática. 2011.

7.
KLUTH, V. S.. Consultor ad hoc do X Encontro Nacional de Educação Matemática. 2010.

8.
KLUTH, V. S.. Consultor ad hoc do IV Seminário Internacional de Pesuqisa e Estudos Qualitativos. 2010.

9.
KLUTH, V. S.. Consultor ad hoc do III-Seminário Internacional de Estudos e Pesquisa Qualitativos & V Encontro de Fenomenologia e Análise do Existir. 2006.

10.
KLUTH, V. S.. Consultor ad hoc do III - Seminário internacional de pesquisa em educação matemática. 2006.

11.
KLUTH, V. S.. Coordenadora da comissão científica do III - Seminário Internacional de Pesquisa e Estudos Qualitativos & V Encontro de Fenomenologia e Análise do Existir. 2006.

12.
KLUTH, V. S.. Membro da comissão científica do III Simpósio do Instituto PsicoEthos "Fenomenologia do Cuidar". 2005.

13.
KLUTH, V. S.. Membro da Comissão Científica - IV Encontro de Fenomenologia e Análise do Existir. 2004.

14.
KLUTH, V. S.. Desenrolando o Fio. 1999.

Processos ou técnicas
1.
KLUTH, V. S.; REIS, F. P. M. ; GOMES, P. E. ; SILVA, N. C. ; SILVA, N. H. J. ; FERRER, R. C. B. . Presidência de Comissão Educacional e de Conduta - N. 23089.000196/2017-61. 2017.

2.
KLUTH, V. S.; REIS, F. P. M. ; GOMES, P. E. ; SILVA, N. C. ; SILVA, N. H. J. ; FERRER, R. C. B. . Presidência de Comissão Educacional e de Conduta - N.23089.000398/2017-11. 2017.

Trabalhos técnicos
1.
KLUTH, V. S.. Parecerista ad hoc do V SIPEQ. 2018.

2.
KLUTH, V. S.. Consultor ad hoc do edital de bolsa de Extensão e cultura PIBEX. 2018.

3.
KLUTH, V. S.. Consultor ad hoc da Revista Brasileira de Estudos Pedagógicos - RBEP. 2018.

4.
KLUTH, V. S.. Consultor ad hoc do edital d ebolsa de Extensão e cultura PIBEX. 2017.

5.
KLUTH, V. S.. Parecerista Ad hoc de Alexandria Revista de Educação em Ciência e Tecnologia. 2016.

6.
KLUTH, V. S.. Parecerista de trabalhos - XIV conferência Interamericana de Educação Matemática. 2015.

7.
KLUTH, V. S.. Parecerista de trabalhos- VI Seminário Internacional de Pesquisa em Educação Matemática. 2015.

8.
KLUTH, V. S.. Parecerista ad hoc - Caminhos da Educação Matemática em Revista. 2015.

9.
KLUTH, V. S.. Parecerista ad hoc da Revista Perspectivas da Educação Matemática. 2015.

10.
KLUTH, V. S.. Parecerista ad hoc de Educação Matemática em Revista - SBEM. 2015.

11.
KLUTH, V. S.. Parecerista ad hoc da Revista Perspectivas da Educação Matemática. 2014.

12.
KLUTH, V. S.. Parecerista ad hoc - Caminhos da Educação Matemática em Revista. 2014.

13.
KLUTH, V. S.. Parecerista ad hoc de Educação Matemática em Revista - SBEM. 2014.

14.
KLUTH, V. S.. Parecerista de trabalhos - XIV Conferencia Interamericana de Educação Matemática. 2014.

15.
KLUTH, V. S.. Parecerista ad doc - Caminhos da Educação Matemática em Revista. 2013.

16.
KLUTH, V. S.. ad doc do BOLETM de Educação Matemática - BOLEMA. 2010.

17.
KLUTH, V. S.; QUEIROGA, M.A.A. . Um momento de nossos estudos. 2008.

18.
KLUTH, V. S.. Adequação da Matriz Curricular do Curso de Licenciatura em Matemática. 2007.

19.
KLUTH, V. S.. Elaboração da Matriz Curricular do Curso de Bacharelado em Matemática. 2007.

20.
KLUTH, V. S.; AMARAL, C. L. C. ; ARAÚJO, M. S. T. . A transição vivida pelos estudantes ao ingressarem em cursos de licenciatura. 2007.

21.
KLUTH, V. S.. Desenrolando o Fio. 1999.

Redes sociais, websites e blogs
1.
KLUTH, V. S.. Programa de Formação Continuada de Professores de Ciêncais e Matemática: a prática docente em Foco. 2014; Tema: Formação Continuada de Professores. (Site).

2.
KLUTH, V. S.. Sociedade de Estudos e Pesquisa Qualitativos. 2014; Tema: Estudos e Pesquisa Qualitativos. (Site).


Demais tipos de produção técnica
1.
KLUTH, V. S.. Mostra de projeto e 0ficina PIBID-Matemática. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

2.
KLUTH, V. S.; LUCIANECERICATO, I. ; CORDEIRO, D. S. ; LINARDI, P. R. ; POMMER, W. M. ; CASTILHO, T. N. ; BERTINI, L. F. . Introdução a fundamentos de pesquisa sobre a prática docente. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

3.
KLUTH, V. S.. Elaboração do Kit para a oficina veivenciando a matemática.. 2015. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Oficinas Didáticas).

4.
KLUTH, V. S.; BERNARDES, J. H. ; FRAGOSO, G. M. . Elaboração de uma sequêncai didática para aplicação da oficna: A razão aurea e a arte. 2015. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Oficina Didática).

5.
KLUTH, V. S.; SCHWARTZ, B. C. ; SOUZA, S. A. . Elaboração de um asequêncai didática para aplicação da ificina matemática e resolução d eproblemas.. 2015. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Oficinas didáticas).

6.
KLUTH, V. S.; SAVANACHI, C. S. ; CARDEIRA, F. A. . Elaboração do Kit para a oficina: Matemática e música em harmonia. 2015. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Oficinas didáticas).

7.
KLUTH, V. S.; CERICATO, I. ; TELES, R. S. ; STOCCO, S. . Relatório -Life -Polo Diadema. 2014. (Relatório de pesquisa).

8.
KLUTH, V. S.; SILVA, V. R. ; CARDEIRA, F. A. ; FRAGOSO, G. M. ; COSTA, I. F. ; BERNARDES, J. H. ; SOUZA, S. A. . Vereda fenomenológica na iniciação à docência: Razão e Proporção. 2013. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - KIT de experimentação).

9.
KLUTH, V. S.. Relatório sobre PIBID-Ciências-Diadema - Matemática. 2013. (Relatório de pesquisa).

10.
KLUTH, V. S.; SILVA, A. P. ; BIANCO, A. A. G. ; NAKAYAMA, C. R. ; RANGEL, /. F. O. ; RANGEL, F. O. ; SILVA, J. A. ; COSTA, R. C. ; FORATO, T. C. M. . Introdução a fundamentos de pesquisa sobre a prática docente. 2012. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

11.
KLUTH, V. S.; SANTOS, L. M. . Modos de tratar a integração entre funções matemáticas e o ensino de química na formação inicial de professores de química. 2012. (Relatório de pesquisa).

12.
KLUTH, V. S.; SANTOS, L. M. . Funções matemáticas como estratégia no ensino de química do ensino médio. 2011. (Relatório de pesquisa).

13.
GERAB, I. F. ; KLUTH, V. S. . Conhecendo trajetórias e Expectativas. 2011. (Oficina).

14.
KLUTH, V. S.. A prática clínica e a natureza da pesquisa em fenomenologia existencial. 2010. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

15.
KLUTH, V. S.; BICUDO, M. A. V. ; DOURADO, W. A ; JOSGRILBERG,R.de S. . Curso de Expansão do Núcleo de Pesquisa e Estudos Qualitativos - PEM. 2010. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

16.
KLUTH, V. S.. Uma possível arquitetura de pesquisa rigorosa: a hermenêutica filosófica de Gadamer. 2010. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

17.
KLUTH, V. S.. A prática Clínica e a natureza da pesquisa fenomenológica Existencial. 2010. (Mini-curso).

18.
KLUTH, V. S.; BICUDO, M. A. V. ; JOSGRILBERG,R.de S. ; DOURADO, W. A . Curso de Expansão do núcleo de Pesquisa e Estudos Qualitativos - PEM. 2010. (Curso).

19.
KLUTH, V. S.. Pesquisa qualitativa e método fenomenológico. 2009. (Oficina).

20.
KLUTH, V. S.. Fenomenologia e Matemática: práxis de ensino. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

21.
KLUTH, V. S.. Análise de dados da pesquisa na abordagem fenomenológica: sentido e significado. 2007. (Oficina).

22.
KLUTH, V. S.. Matemática no Ensino Básico. 2004. (Curso).

23.
KLUTH, V. S.. Matemática na Educação Infantil. 2004. (curso).

24.
KLUTH, V. S.. A Proporção Áurea: uma visada fenomenológica. 2001. (Mini-curso).

25.
KLUTH, V. S.. O surgimento e a construção da rede de significação. 2000. (Oficina).

26.
KLUTH, V. S.. A Construção do Conhecimento Geométrico. 2000. (Mini-curso).

27.
KLUTH, V. S.; PAULO, R. M. . Simetria: arte e matemática um movimento possível. 2000. (Curso).

28.
ESPÓSITO, V. H. C. ; KLUTH, V. S. . Vivenciando a Pesquisa e o fazer matemático na sala de aula. 1999. (Curso).

Demais trabalhos
1.
KLUTH, V. S.; SILVA, A. P. ; NAKAYAMA, C. R. ; RANGEL, F. O. ; COSTA, R. C. ; SILVA, J. A. . Programa de formação continuada de professores deciêncais e Matemática: a prática docente em foco. 2013 (Coordenação) .



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
KLUTH, V. S.; ALMOULOUD, S. A.; SILVA, M. J. F.. Participação em banca de Ivonildes dos Santos MIlan. O ensino do sistema de numeração decimal nas séries iniciais do ensino fundamental: as relações com a aprendizagem do sistema pocisional. 2017. Dissertação (Mestrado em Programa de Estudo Pós graduação em Educação Matemáticas) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

2.
ALMOULOUD, S. A.; COUTINHO, C. Q. E. S.; KLUTH, V. S.. Participação em banca de Adiel Praseres Chaves. Análise em termos de contextos, de organizações matemáticas e didáticas propostas em livros didáticos de ensino médio. 2016. Dissertação (Mestrado em PEPG em Educação Matemática) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

3.
ALMOULOUD, S. A.; COUTINHO, C. Q. E. S.; KLUTH, V. S.. Participação em banca de Adiel Praseres Chaves. Função Quadrática: Análise, em termos de contexto, de organizações matemáticas e didáticas propostas em livros didáticos de Ensino Médio. 2016. Dissertação (Mestrado em PEPG em Educação Matemática) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

4.
VICTER, E. das F.; NOVIKOFF, C.; PUGGIAN, C.; KUBRUSLY, R.; KLUTH, V. S.. Participação em banca de Paulo Apolinário Nogueira. Mídias Escritas como Suporte Didático no Ensino de Estatística para o Primerio Ano do Ensino Médio na modalidade Curso Normal. 2011. Dissertação (Mestrado em Ensino das Ciências na Educação Básica) - Universidade do Grande Rio.

5.
BICUDO, M. A. V.; BARONI, R. L. S.; KLUTH, V. S.. Participação em banca de Fabiane Mondini. Modos de Conceber a Álgebra em Cursos de Formação de Professores de Matemática. 2009. Dissertação (Mestrado em Educação Matemática) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

6.
KLUTH, V. S.; DIAS, M. A.; SILVA, A F. G.. Participação em banca de Mariza Canjirano da Costa. Possibilidades de articulação dos ostensivos e não ostensivos no ensino da noção de sistemas de duas equações lineares e duas incógnitas. 2008. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Educação Matemática) - Universidade Bandeirante de São Paulo.

7.
DETONI, A. R.; CLARETO, S. M.; KLUTH, V. S.. Participação em banca de Flávio de Souza Coelho. Compreender-se Educador Matemático. 2007. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

8.
CALEJON, L. M. C.; KLUTH, V. S.; BERNARDES, M. E. M.. Participação em banca de Marcos Antonio de Arimathéa. Processos Cognitivos e Resolução de Problemas na quinta série: um estudo de caso. 2007. Dissertação (Mestrado em Mestrado em Ensino de Ciências e Matemática) - Universidade Cruzeiro do Sul.

9.
DETONI, A. R.; CLARETO, S. M.; KLUTH, V. S.. Participação em banca de Regina Lúcia Meirelles Beghelli. A fluidez estética da aula e a Sisudez da Escola. 2007. Dissertação (Mestrado em Educação) - Universidade Federal de Juiz de Fora.

Teses de doutorado
1.
BICUDO, M. A. V.; KLUTH, V. S.; SANTOS, M. R.; ROSA, M.; SCHIO, R. B. A.. Participação em banca de José MIlton Lopes Pinheiro. O movimento e a percepção do movimento em ambientes de geometria dinâmico. 2018. Tese (Doutorado em Programa de Pós-Graduação em Educação Matemática) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

2.
SILVA, M. J. F.; LIMA, G. L.; LEIVAS, J. C. P.; ALMOULOUD, S. A.; KLUTH, V. S.. Participação em banca de Amarildo Aparecido dos Santos. Construção e Medida de Volume dos poliedros regulares convexos com o CABRI 3D: uma possível transposição didática. 2016. Tese (Doutorado em Programa de Estudo Pós graduação em Educação Matemáticas) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

3.
DIAS, M. A.; ANDRADE, S. N.; COSTA, N. M. L.; KLUTH, V. S.; PRADO, M. E. B. B.. Participação em banca de José Valério Gomes da Silva. Grandezas e Medidas: um percurso de estudo e pesquisa para a prática profissional. 2016. Tese (Doutorado em Curso de Doutorado em Educação Matemática da Universidade Anhanguera de São) - Universidade Anhanguera de São Paulo.

4.
PIETROPAOLO, R. C.; KLUTH, V. S.; PRADO, M. E. B. B.; BEZERRA, F. J. B.; COSTA, N. M. L.. Participação em banca de Marcelo Kruppa Vollani. Licenciatura em matemática a distância na modalidadeon line: um estudo sobre um curso da Universidade aberta do Brasil. 2014. Tese (Doutorado em Doutorado em Educação Matemática) - Universidade Anhanguera de São Paulo.

5.
BICUDO, I. .; NASCIMENTO, V. M.; MENEGHETTI, R. C. G.; FILHOI, I. F. B.; KLUTH, V. S.. Participação em banca de Duelci Aparecido de Freitas Vaz. A influência da Matemática nas regras para a Direção do Espírito e em O discurso do Método. 2007. Tese (Doutorado em Educação Matemática) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

6.
KLUTH, V. S.; BICUDO, M. A. V.; FONSECA, M. C. F. R.; GARNICA, A. V. M.; PEREZ, G.. Participação em banca de Maria de Fátima teixeira Barreto. O tempo vivido pelo Alfabetizando Adulto nas aulas de Matemática. 2005. Tese (Doutorado em Pós-graduação em Educação Matemática) - Universidade Estadual Paulista - Júlio de Mesquita Filho.

Qualificações de Doutorado
1.
KLUTH, V. S.; BICUDO, M. A. V.; AMARAL, R. B.; FIGUEIREDO, O. A.; FRANT, J. B.. Participação em banca de José Milton Lopes Pinheiro. O Movimento e a percepção do movimento em um ambiente de geometria dinâmica. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós-Graduação em Educação Matemática) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

2.
KOVACS, M. J.; CASTRO, D. S. P.; KLUTH, V. S.. Participação em banca de Candido Jeronimo Flauzino. Século XXI: a morte - possibilidade de expressão e resignificação da experiência médica com a morte no contexto hospitalar. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Programa d ePòs-Graduação em Psicologia Escolar e do Desenvolvimento Human) - Instituto de Psicologia - Psicologia Escolar e do Desenvolviemto Humano.

3.
SILVA, M. J. F.; ALMOULOUD, S. A.; LIMA, G. L.; LEIVAS, J. C. P.; KLUTH, V. S.. Participação em banca de Amarildo Aparecido dos Santos. Construção e medida do volume dos poliedros de Platão por decomposição e composição no cabri 3D. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Estudo Pós graduação em Educação Matemáticas) - Pontifícia Universidade Católica de São Paulo.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
LUCIANECERICATO, I.; KLUTH, V. S.; AZZALIS, L. A.. Participação em banca de Caroline Sodré de Menezes.Dislexia e formação de professores. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Curso de Ciências - licenciatura) - Universidade Federal de São Paulo.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
VIANA, O. A.; OLIVEIRA, C. C.; KLUTH, V. S.. Comissão Julgadora do Concurso para Contratação de Professor efetivo do Curso de Graduação em Matemática, área de Matemática, subárea da Educação Matemática. 2016. Universidade Federal de Uberlândia.

2.
HIPOLIDE, D. C.; KLUTH, V. S.; MANOEL, J. P. P.; SILVA, I. A. M.; CACALANO, O.; PIETROPAOLO, R. C.. Concurso público de provas e títulos para provimento do cargo de professor adjunto. 2015. Universidade Federal de São Paulo.

3.
BATISTA, W. L.; KLUTH, V. S.; MANRIQUE, A. L.; DIAS, M. A.; VIEIRA, M. C. T.; MORETTI, V. D.. Concurso público de provas e títulos para provimento do cargo de professor adjunto. 2015. Universidade Federal de São Paulo.

4.
KLUTH, V. S.; BATISTA, W. L.; ARROIO, A.; FERNANDES, J. A. B.; MURAMATSU, M.; NEIMAN, Z.. Concurso público de provas e títulos para provimento do cargo de professor adjunto. 2014. Universidade Federal de São Paulo.

5.
RODRIGUES, E.; KLUTH, V. S.; DIAS, M. A.; MARQUES, A. C. T. L.; SILVA, M. J. F.; ESCHER, M. A.. Concurso público de provas e títulos para provimento do cargo de professor adjunto. 2014. Universidade Federal de São Paulo.

6.
COURROL, L. C.; Haeser, G.; KLUTH, V. S.; BONOMI, M. C.; PIETROPAOLO, R. C.; MONTEIRO, M. S.. Concurso público de provas e títulos para provimento do cargo de professor adjunto. 2013. Universidade Federal de São Paulo.

7.
JULIANO NETO, L.; HAESER, G.; KLUTH, V. S.; ARAGAO, G. S.; BEZERRA, F. J. B.; MANOEL, J. P. P.. Concurso público de provas e títulos para provimento do cargo de professor adjunto. 2013. Universidade Federal de São Paulo.

8.
MONTEIRO, H. P.; OLIVEIRA, C. C.; KLUTH, V. S.; ARAGAO, G. S.; BONOMI, M. C.; PIETROPAOLO, R. C.. Concurso público de provas e títulos para provimento do cargo de professor adjunto. 2013. Universidade Federal de São Paulo.

9.
TANAKA, A.; KLUTH, V. S.; SILVA, M. C. L da; HAESER, G.; MARTINS, M. I. R.; CARDOSO, V. C.. Concurso público de provas e títulos para provimento do cargo de professor adjunto. 2012. Universidade Federal de São Paulo, Campus Diadema.

10.
FARIAS, L. A.; KLUTH, V. S.; HAESER, G.; KIM, J. I.. Concurso público de provas e títulos para provimento do cargo de professor adjunto. 2012. Universidade Federal de São Paulo, Campus Diadema.

11.
KLUTH, V. S.; HAESER, G.; SILVA, M. C. L da. Concurso público de provas e títulos para provimento do cargo de professor adjunto temporário. 2012. Universidade Federal de São Paulo.

12.
COURROL, L. C.; KLUTH, V. S.; KIM, J. I.; OLIVEIRA FILHO, E. A.. Concurso público de provas e títulos para provimento do cargo de professor adjunto temporário. 2012.

13.
BECHARA, E. J. H.; DETONI, A. R.; NETO, L. L. S.; ABDOUNUR, O. J.; TÄBOAS, P. Z.; KLUTH, V. S.. Concurso público de provas e títulos para provimento do cargo de professor adjunto. 2010. Universidade Federal de São Paulo, Campus Diadema.

14.
KLUTH, V. S.; FERREIRA, E. S.; MATOS, J. C.. Concurso Público de Provas e Títulos para provimento do cargo de professor da Educação Superior. 2006. Universidade do Estado de Mato Grosso.

Avaliação de cursos
1.
KLUTH, V. S.; BARBOSA, A. C. C.. Renovação de reconhecimento de curso - Matemática. 2015. Instituto Federal do Maranhão.

2.
KLUTH, V. S.; VILLAREAL, D. M. O.. Renovação de reconhecimento de curso - Matemática. 2014. Universidade Federal do Paraná.

3.
KLUTH, V. S.; MONTEIRO, A. C. R.. Renovação de reconhecimento de curso - Matemática. 2014. Universidade Federal de Juiz de Fora.

4.
MARINO, J. G.; KLUTH, V. S.. Renovação de reconhecimento de curso - Matemática. 2012. Escola Superior Madre Celeste.

5.
FROTA, C. L.; KLUTH, V. S.. Reconhecimento de Curso- Matemática. 2012. Instituto Federal Farroupilha.

6.
KLUTH, V. S.; TAVARES, S.. Avaliação referente ao ato de reconhecimento de curso de graduação. 2011. Faculdade das Águas Emendadas.

7.
VERATUDELA, C. A R.; KLUTH, V. S.. Avaliação de reconhecimento de curso de graduação. 2010. Instituto Federal da Bahia.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
V Seminário Internacional de Pesuqisa we Estudos Qualitativos.Uma porposta de ensino de física emaranhada na concepção fenomenológica o. 2018. (Seminário).

2.
III Congresso Acadêmico da Unifesp. 2017. (Congresso).

3.
III Congresso Acadêmico da Unifesp. 2017. (Congresso).

4.
VIII Semana Científica e Cultural da UNIFESP Diadema.Mostra de projeto e oficina PIBID-Matemática. 2017. (Oficina).

5.
II Congresso Acadêmico - Unifesp. Uma Proposta de uso de tecnologias bno ensino de probabilidade e estatísca. 2016. (Congresso).

6.
II Congresso Acadêmico - Unifesp. Ensino e Formação de Professores na Educação Básica. 2016. (Congresso).

7.
II Congresso Acadêmico - Unifesp. Compreendendo a Função Seno po rmeio do uso de TIC. 2016. (Congresso).

8.
II Congresso Acadêmico - Unifesp. As TIC´s no ensino d eGeometria Plana. 2016. (Congresso).

9.
I Jornada de Educação Matemática. 2016. (Outra).

10.
Seminário avançado em fenomenologia e educação matemática do grupo FEM,.Estudo sobre meditações cartesianas - Introdução à fenomenologia: primeira meditação. 2016. (Seminário).

11.
Seminário avançado em fenomenologia e educação matemática do grupo FEM,.Estudo sobre como porpiciar uma atmofesfera ao depoente da pesquisa p/ que o fenômono conhecimento matemático aconteça no encontro do aprendiz-software. 2016. (Seminário).

12.
XII - ENEM.Membro da Comissão científica. 2016. (Encontro).

13.
XX EBRAPEM.Debatedor do GT 11. 2016. (Encontro).

14.
I Congresso Acadêmico Unifesp. Matemática em ação. 2015. (Congresso).

15.
VI Seminário internacional de pesquisa em educação matemática.A linguagem em Gadamer: sua imagem em uma pesuisa da educação matemática. 2015. (Seminário).

16.
Seminário Avançado em Fenomenologia e Educação Matemática do Grupo de Pesquisa FEM.O pensar que se inaugura aos e estar na presençade softwares educativo-matemático. 2014. (Seminário).

17.
Simpósio da GRADUAÇÃO -e II Encontro do PIBID - UNIFESP.PIBID- Subprojeto Matemática. 2014. (Outra).

18.
Encontro de Pesquisadores do Grupo de Pesquisa FEM - Fenomenologia em Educação Matemática.Softwares educativos sobre funções matemáticas: seus fundamnetos teóricos e epistemológicos matemáticos e educacionais, tecnológicos e de funcionalidade. 2013. (Encontro).

19.
Encontro de Pesquisadores do grupo de Pesquisa-FEM-Fenomenologia em Educação Matemática.Preâmbulos investigativos sobre o ciberespaço enquanto gênese do conhecimento matemático. 2013. (Encontro).

20.
I Encontro Institucional PIBID UNIFESP.MATEMÁTICA E MÚSICA EM SINTONIA. 2013. (Encontro).

21.
I Encontro Institucional PIBID UNIFESP.ESTUDO SOBRE A RAZÃO ÁUREA. 2013. (Encontro).

22.
I Encontro Institucional PIBID UNIFESP.ESTUDO SOBRE RESOLUÇÃO DE PROBLEMAS. 2013. (Encontro).

23.
I Encontro Institucional PIBID UNIFESP.UMA TRAJETÓRIA MATEMÁTICA DE INICIAÇÃO DOCENTE: um Kit de experimentação. 2013. (Encontro).

24.
I Fórum: a prática docente em foco.Origami como ferramenta pedagógica para o ensino da geometriae. 2013. (Outra).

25.
I Fórum: a prática docente em foco.A transição da circunferêncai trigonométrica da primeira volta para os números reais. 2013. (Outra).

26.
I Fórum: a prática docente em foco.Os aplicativos geogebra para o ensino de geometria no ensino médio. 2013. (Outra).

27.
I Fórum: a prática docente em foco.Aprendizagem da noção de estatística por meio de projetos. 2013. (Outra).

28.
II Encontro PIBID - Diadema.UMA TRAJETÓRIA MATEMÁTICA DE INICIAÇÃO DOCENTE: Razão e Proporção. 2013. (Encontro).

29.
Proposições para um lugar Institucional das licenciaturas na UNIFESP. 2013. (Outra).

30.
XI Encontro Nacional de Educação Matemática - XI ENEM.Sessão de Comunicão Oral. 2013. (Encontro).

31.
XI encontro Nacional d eEducação Matemática - XI ENEM.Vereda fenomenológica na iniciação à docência: XI ENEM. 2013. (Encontro).

32.
Encontro de Pesquisadores do Grupo de Pesquisa - PEM.O pensar (matemático) eleborado por aprendizes na viVência de objetos matemáticos por meio do ciberespaço.. 2012. (Encontro).

33.
I semana da Licenciatura em Ciências e Matemática.Relatos de experiências profissionais como professor. 2012. (Outra).

34.
Seminário FEM: Ciberespaço, realidade e mundo da EAD.O pensar sobre funções matemáticas no encontro aprendiz-ciberespaço. 2012. (Seminário).

35.
Seminários Interdisciplinares CLE Auto-Organização. 2012. (Seminário).

36.
VI Encontro de Fenomenologia e Análise do Existir - 2012.Prelúdio sobre a fenomenologia de Merleau-Ponty: uma leitura hermenêutica. 2012. (Encontro).

37.
I Programa de integração à Docêncai da UNIFESP.Programas de Bolsa para os Estudantes. 2011. (Outra).

38.
I Programa de Integração à Docência da UNIFESP.Síntese Final da Oficina. 2011. (Outra).

39.
IV Fórum Nacional de Licenciatura em Matemática.Resumo de Grupo de Trabalho. 2011. (Outra).

40.
IV Fórum Nacional de Licenciaturas em Matemática.Resumo de grupo de trabalho. 2011. (Outra).

41.
Segundo Encontro sobre Divulgação e Ensino de Ciências.Alfabetização matemática: confluências entre o quadrado e o quadrado dos números. 2011. (Encontro).

42.
Seminários Interdisciplinares CLE Auto-Organização. 2011. (Seminário).

43.
Seminários Interdisciplinares CLE- Auto-Organização. 2011. (Seminário).

44.
VI Encontro do Programa de Pós-graduação em Ensino de Ciências. 2011. (Encontro).

45.
VI Encontro do programa de Pós-Praduação em Ensino de Ciências. 2011. (Encontro).

46.
XIII Conferência Internacional de Educação Matemática. Aproximação entre aritmética e geometria: um resgate fenomenológico de aspectos humanos na construção do conhecimento matemático. 2011. (Congresso).

47.
III Fórum Paulista de Licenciaturas de Matemática. 2010. (Outra).

48.
II Simpósio de Pesquisas Qualitativas da EACH-USP e IV Simpósio.Diferentes perspectivas na atitude do cuidar fundamentada na pesquisa qualitativa. 2010. (Seminário).

49.
IV Seminário Internacional de Pequisa e Estudos Qualitativos.Uma possível arquitetura de pesquisa rigorosa: a hermenêutica filosófica de Gadamer. 2010. (Seminário).

50.
Maria Aparecida Viggiani Bicudo: Professora, Pesquisadora e Gestora.Participação na Mesa de Abertura. 2010. (Outra).

51.
Seminário Internacional Satélíte do 34 Congresso de Psicologia da Educação Matemática - PME. 2010. (Seminário).

52.
Colóquio: Construindo Elos, Aproximando Espaços. 2009. (Outra).

53.
III Congresso de Fenomenologia da Região Centro-Oeste e I Encontro Nacional do Gt de fenomenologia da ANPOF. Depoimentos sobre vivências da pesquisa em fenomenologia:modos de coleta de dados e seus fundamentos filosóficos. 2009. (Congresso).

54.
III Congresso de Fenomenologia da Região Centro-Oeste e I Encontro Nacional do GT de Fenomenologia da ANPOF. Depoimentos sobre vivências da pesquisa em fenomenologia: modos de coleta e seus fundamentos filosóficos. 2009. (Congresso).

55.
II Seminário Internacional de Educação Matemática. 2009. (Seminário).

56.
Seminário Avançado em Meta-análise da Pesquisa em Educação Matemática.História da Matemática e Cultura. 2009. (Seminário).

57.
Seminário Avançado em Meta-análise da Pesquisa em Educação Matemática.O que as pesquisas em Educação Matemática perguntam?. 2009. (Seminário).

58.
Conferência GPIMEM 15 Anos. 2008. (Outra).

59.
I Encontro de representantes de grupo de Pesquisa e Estudos qualitativos.Memorial: Pesquisa e Estudos Merleau-Pontyanos. 2008. (Encontro).

60.
I Encontro de representantes de grupos de pesquisa e Estudos Qualitativos.Paticipação no comitê científico. 2008. (Encontro).

61.
I Encontro de Representantes de Grupos de Pesquisa e Estudos Qualitativos.Propostas temáticas apresentadas no I-ERPEQ. 2008. (Encontro).

62.
III Congresso de Iniciação Científica. Aspectos fundamentais da pesquisa qualitativa: fenomenologia. 2008. (Congresso).

63.
II Jornada Nacional de Educação Matemática e XV Jornada Regional da Educação Matemática.Licenciatura em Matemática hoje: no percurso de tendências ou desbravando genuínos horizontes?. 2008. (Outra).

64.
II Jornada Nacional de Educação Matemática e XV Jornada Regional de Educação Matemática.Filosofia da Educação Matemática: tendência ou região de inquérito da Educação Matemática?. 2008. (Outra).

65.
II Jornada Nacional de Educação Matemática e XV Jornada Regonal da Educação Matemática.Filosofia da Educação Matemática: tendência ou região de inquérito da Educação Matemática?. 2008. (Outra).

66.
I Seminário Interno de pesquisa em fenomenologia - Diálogos em Filosofia, Psicologia e Teologia.Pânico - Modos de panicar. 2008. (Seminário).

67.
Palestra:Uma Perspectiva Sensório Cultural para Educação Matemática. 2008. (Outra).

68.
Simpósio de Matemática para a Graduação.Filosofia da Educação Matemática: interpretações e desbobramentos. 2008. (Simpósio).

69.
V Simpósio da Fenomenologia do Cuidar Psicoethos e MAIS DhaFE.A Fenomenologia do cuidar como ciência do existir. 2008. (Simpósio).

70.
XII EBRAPEM Encontro brasileiro de Estudantes de Pós-graduação em Educação Matemática. 2008. (Encontro).

71.
Encontro Brasileiro do Tricentenário de Leonard Euler ( 1707 - 1783). 2007. (Encontro).

72.
II Seminário Internacional "Inovação e Qualidade no Ensino Superior". 2007. (Seminário).

73.
Interlúdios Científico-Educacionais. 2007. (Encontro).

74.
Interlúdios Científico-Educacionais. 2007. (Outra).

75.
Processo de Comunicação e Sensibilização da Cominidade Acadêminca: Encontro da CPA com Coordenadoes de Curso da Graduação. 2007. (Encontro).

76.
XI Encontro Brasileiro de Estudantes de Pós-Graduação em Educação Matemática. 2007. (Encontro).

77.
X Semana de Matemática.Formação Profissional de Professores de Matemática. 2007. (Outra).

78.
1ª Jornada Internacional de Pesquisa em Educação Matemática. 2006. (Outra).

79.
II Ciclo de Debates em Educação. 2006. (Outra).

80.
III-Seminário Internacional de Estudos e Pesquisa Qualitativos & V Encontro de Fenomenologia e Análise do Existir.Ciências Exatas e ciências da religião: proximações? Distanciamentos?. 2006. (Seminário).

81.
III-Seminário Internacional de Estudos e Pesquisa Qualitativos & V Encontro de Fenomenologia e Análise do Existir.A ética intrínseca a uma pesquisa educacional-matemática merleau-pontyana. 2006. (Seminário).

82.
III seminário Internacional de Pesquisa e Estudos Qualitativos e V Encontro de Fenomenologia e Análise do Existir. 2006. (Seminário).

83.
III Seminário Internacional de Pesquisa em Educação Matemática. 2006. (Seminário).

84.
III - Seminário Internacional de Pesquisa em Educação Matemática.Um estudo introdutório sobre a abstração como idealização. 2006. (Seminário).

85.
III - Simpósio do Instituto Psicoethos " fenomenologia do cuidar".A expressão humana nas ciências exatas. 2005. (Simpósio).

86.
II - Seminário Internacional de Pesquisa e Estudos Qualitativos. 2004. (Seminário).

87.
IV Encontro de Fenomenologia e Análise do Existir. 2004. (Encontro).

88.
VIII Encontro Nacional de Educação Matemática.Uma visão filosófica do pensar algébrico.. 2004. (Encontro).

89.
Vinte Anos da Pós-Graduação em Educação Matemática da UNESP-Rio Claro. 2004. (Outra).

90.
Fórum Paulista de Pós-Graduação em Educação. 2003. (Outra).

91.
II Seminário Internacional de Pesquisa em Educação Matemática. 2003. (Seminário).

92.
II - Seminário Internacional de Pesquisa em Educação Matemática.O tempo vivido pelo professor na construção de simetria matemática.. 2003. (Seminário).

93.
V Seminário Nacional de História da Matemática.Pesquisando a construção do conhecimento algébrico: um mergulho na História.. 2003. (Seminário).

94.
A Nova LDB e a Formação do professor: Como Fica. 2002. (Outra).

95.
Colóquio Ubiratan D`Ambrósio Comemoração do 70º Aniversário. 2002. (Outra).

96.
Como a demonstração é considerada em diversas áreas do conhecimento. 2002. (Seminário).

97.
I - Fórum Nacional de Licenciaturas em Matemática. 2002. (Outra).

98.
VI - Encontro Brasileiro de Estudantes de Pós-graduação em Educação Matemática. 2002. (Encontro).

99.
1º Painel Interinstitucional sobre Investigação Qualitativa.A vivência sob o foco fenomenológico da Educação Matemática. (Mesa Redonda). 2001. (Outra).

100.
I - Seminário Internacional de Pesquisa e Estudos Qualitativos.Síntese de trabalhos: Educação e produção de conhecimento.. 2001. (Seminário).

101.
Jornada de Educação Matemática - 2001.Progressão Continuada e Matemática. 2001. (Outra).

102.
Simpósio Internacional de Interdisciplinaridade. 2001. (Simpósio).

103.
VI Encontro Paulista de Educação Matemática. 2001. (Encontro).

104.
VI - Encontro Paulista de Educação Matemática.A proporção áurea: uma visada fenomenológica.. 2001. (Encontro).

105.
VII Encontro Nacional de Educação Matemática. 2001. (Encontro).

106.
VII - Encontro Nacional de Educação Matemática.Coordenação de projeto pedagógico: reformulação de um curso de licenciatura em Matemática. (Relato de Experiência). 2001. (Encontro).

107.
II - Fórum de Investigação Qualitativa.O surgimento e a construção da rede de significados.. 2000. (Outra).

108.
II Fórum de Investigação Qualitativa - FIQ 2000. 2000. (Outra).

109.
XI Jornada Regional de Educação Matemática.Painel sobre Pesquisa e Educação Matemática. 2000. (Outra).

110.
Fórum aberto: pedagogia e formação de professores. 1999. (Outra).

111.
II Encontro Brasileiro de Estudantes da Pós-Graduação em Educação Matemática.O ensino da Matemática na visão construída no estudo da interrogação: o que acontece no encontro sujeito-matemática?(Comunicação Oral). 1998. (Encontro).

112.
VI Encontro Matemática Nacional de Educação Matemática. 1998. (Encontro).

113.
VI - Encontro Nacional de Educação Matemática.O que acontece no encontro sujeito-matemática?. 1998. (Encontro).

114.
V Semana Cultural.Educação Matemática.. 1998. (Outra).

115.
I Congresso Ibero-latino-Americano de Ciências. 1995. (Outra).

116.
II Congresso Ibero-Americano de Educação Matemática. 1994. (Oficina).

117.
III Congresso Estadual Paulista sobre Formação de Educadores: Tempo da Escola ... Tempo da Sociedade. 1994. (Congresso).

118.
Segunda Conferência Internacional de Psicologia Y Psiquiatria Fenomenológica. 1994. (Outra).

119.
III Encontro Paulista de Educação Matemática. 1993. (Encontro).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
KLUTH, V. S.; BICUDO, M. A. V. ; KALINKE, M. A. ; et al. . V Seminário Internacional de Pesquisa e Estudos Qualitativos. 2018. (Outro).

2.
KLUTH, V. S.; SILVA, J. A. ; AZZALIS, L. A. ; ROSALEN, M. ; MARTORANO, S. . III Encontro PIBID da Unifesp-Diadema. 2015. (Outro).

3.
KLUTH, V. S.; SILVA, J. A. . II Colóquio Interno Prodocência-Licenciatura em Foco-Aproximações e distanciamentos no ensino de ciêncais e matemática: questões de identidade da área no ambito filosófico e isntitucional. 2013. (Outro).

4.
KLUTH, V. S.; FORATO, T. C. M. ; BIANCO, A. A. G. ; AZZALIS, L. A. ; ROSALEN, M. A. S. . II Encontro PIBID - Diadema. 2013. (Outro).

5.
CARVALHO, J. P. F. ; KLUTH, V. S. ; BIANCO, A. A. G. ; ROSALEN, M. A. S. ; AZZALIS, L. A. ; FORATO, T. C. M. . I Encontro Institucional PIBID UNIFESP. 2013. (Outro).

6.
LABUTO, G. ; KLUTH, V. S. ; et al. . Segundo Encontro sobre divulgação e Ensino de Ciências. 2011. (Outro).

7.
GERAB, I. F. ; KLUTH, V. S. . I Programa da UNIFESP de Integração à Docência. 2011. (Outro).

8.
KLUTH, V. S.; SANTOS, T. ; Marino, M. J. ; NORMANHA, L. ; CARVALHO, M. B. da S. ; SILVA, H. ; ESCHER, M. A . IV Seminário Internacional de Pesquisa e Estudos Qualitativos. 2010. (Outro).

9.
KLUTH, V. S.; POKLADEK, D. D. . Colóquio: construindo elos, aproximando espaços. 2009. (Outro).

10.
KLUTH, V. S.; FELDMAN, M. G. . I-Encontro de representantes de grupos de estudos e pesquisa qualiattivos. 2008. (Outro).

11.
AMARAL, L. H. ; KLUTH, V. S. . Interlúdios Científicos-Educacionais. 2007. (Outro).

12.
KLUTH, V. S.. III-Seminário Internacional de Estudos e Pesquisa Qualitativos & V Encontro de Fenomenologia e Análise do Existir. 2006. (Outro).

13.
KLUTH, V. S.. II Ciclo de Debates em Educação. 2006. (Outro).

14.
KLUTH, V. S.. II - Seminário Internacional de Pesquisa e Estudos Qualitativos. 2004. (Outro).

15.
KLUTH, V. S.. Jornada de Educação Matemática. 2001. (Outro).

16.
KLUTH, V. S.. Encontro Formação de Educadores. 1997. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
André T. R. Oliveira. Uma introdução à Álgebra Linear no ensino Médio. Início: 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Curso de Ciências - licenciatura) - Universidade Federal de São Paulo. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Stephanie Franchini Silva. A demonstração matemática na visão de formadores de Professores de uma licenciatura em Ciências. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Curso de Ciências - licenciatura) - Universidade Federal de São Paulo. Orientador: Verilda Speridião Kluth.

2.
Paulo Mattos. Um modelo de avaliação para o ensino de ciências fundamentado no processo de construção do conhecimento.. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Curso de Ciências - licenciatura) - Universidade Federal de São Paulo. Orientador: Verilda Speridião Kluth.

3.
Janio Henrique Bernardes. Oficina Divina Proporção: contribuições na formação de jovens a partir de um projeto PIBID. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Curso de Ciências - licenciatura) - Universidade Federal de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Verilda Speridião Kluth.

4.
Diego Soares de Souza. Investigação sobre o ensino d eCálculo: a importância de sua presneça na escolaridade. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Curso de Ciências - licenciatura) - Universidade Federal de São Paulo. Orientador: Verilda Speridião Kluth.

5.
Lucélia Moradei Santos. ENLACES DA QUÍMICA ÍCOM A MATEMÀTICA: uma proposta para o ensino médio. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Curso de Ciências - licenciatura) - Universidade Federal de São Paulo. Orientador: Verilda Speridião Kluth.

6.
Carlos Alberto Tavares Dias Filho. SOFTWARES LIVRES SOBRE FUNÇÕES MATEMÁTICAS: algumas potencialidades educacionais. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Curso de Ciências - Licenciatura) - Universidade Federal de São Paulo. Orientador: Verilda Speridião Kluth.

7.
Cintia Mellado Batista & Maria Eleide O. Bonfim. Medidas como símbolo de função. 1999. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Licenciatura e Bacharelado em Matemática) - Universidade Brasil. Orientador: Verilda Speridião Kluth.

8.
Iraneide de Almeida Souza & José Carlos P. de Melo Júnior. Modelagem Matemática: instrumento de ensino para a Educação matemática. 1999. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Licenciatura e Bacharelado em Matemática) - Universidade Brasil. Orientador: Verilda Speridião Kluth.

Iniciação científica
1.
Carlos Alberto Tavares Dias Filho. SOFTWARES LIVRES SOBRE FUNÇÕES MATEMÁTICAS: algumas potencialidades educacionais. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em Curso de Ciências - Licenciatura) - Universidade Federal de São Paulo. Orientador: Verilda Speridião Kluth.

2.
Lucélia Moradei Santos. Modos de tratar a integração entre funções matemáticas e o ensino de química na formação inicial de professores de química. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Licenciatura Plena em Ciências) - Universidade Federal de São Paulo, Campus Diadema, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Verilda Speridião Kluth.

3.
Carlos Alberto Tavares Dias Filho. Softwares educacionais sobre funções matemáticas: seus fundamentos teóricos e epistemológicos matemáticos e educacionais, tecnológicos e de funcionalidade.. 2012. Iniciação Científica - Universidade Federal de São Paulo, Campus Diadema. Orientador: Verilda Speridião Kluth.

4.
Lucélia Moradei Santos. Funções Matemáticas como Estratégia no Ensino de Química do Ensino Médio.. 2011. Iniciação Científica. (Graduando em Licenciatura Plena em Ciências) - Universidade Federal de São Paulo, Campus Diadema, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Verilda Speridião Kluth.

Orientações de outra natureza
1.
Deborah Aparecida Colella Santiago. Matemática em ação. 2018. Orientação de outra natureza. (Licenciatura em Ciências) - Universidade Federal de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Verilda Speridião Kluth.

2.
Fernanda Augusto Monteiro. Matemática em ação. 2018. Orientação de outra natureza. (Licenciatura em Ciências) - Universidade Federal de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Verilda Speridião Kluth.

3.
Juliano Alex de |Campus Aires. Matemática em ação. 2018. Orientação de outra natureza - Universidade Federal de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Verilda Speridião Kluth.

4.
Leticia Alves Campus. Matemática em ação. 2018. Orientação de outra natureza. (Licenciatura em Ciências) - Universidade Federal de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Verilda Speridião Kluth.

5.
Thauan Felipe Veloso Alves. Matemática em ação. 2018. Orientação de outra natureza - Universidade Federal de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Verilda Speridião Kluth.

6.
Verginia Aparecida de Araujo. Ensino de física no Ensino Fundamental: um olhar fenomenológico. 2017. Orientação de outra natureza. (Programa de formação Continuada de Professores de Ciências e Matemática) - Universidade Federal de São Paulo. Orientador: Verilda Speridião Kluth.

7.
Rosângela Aparecida Cordeiro. As expressões de crianças de zero a três anos em suas aprendizagens de noções numéricas. 2017. Orientação de outra natureza. (Programa de formação Continuada de Professores de Ciências e Matemática) - Universidade Federal de São Paulo. Orientador: Verilda Speridião Kluth.

8.
Vilma Zulma Avalos. As TIC´s no ensino de Geometria Plana. 2016. Orientação de outra natureza. (Curso de Ciências - Licenciatura) - Universidade Federal de São Paulo. Orientador: Verilda Speridião Kluth.

9.
Francisco Aparecido Cardeira. Compreendendo a função seno por meio do uso de TIC. 2016. Orientação de outra natureza. (Curso de Ciências - Licenciatura) - Universidade Federal de São Paulo. Orientador: Verilda Speridião Kluth.

10.
Pedro Augusto N. Silva. Uma proposta de uso de tecnologia no ensino de probabilidade e estatística. 2016. Orientação de outra natureza. (Curso de Ciências - Licenciatura) - Universidade Federal de São Paulo. Orientador: Verilda Speridião Kluth.

11.
Sônia Margaret Scharan -. A didática francesa em uso na transição da aritmética para a álgebra. 2015. Orientação de outra natureza. (Programa de formação Continuada de Professores de Ciências e Matemática) - Universidade Federal de São Paulo. Orientador: Verilda Speridião Kluth.

12.
Vitor Dias Junior. Horizontes da formação humana por meio da vivência da noção de ângulo. 2015. Orientação de outra natureza. (Programa de formação Continuada de Professores de Ciências e Matemática) - Universidade Federal de São Paulo. Orientador: Verilda Speridião Kluth.

13.
Roseli Gaona Oliveira. Os aplicativos geogebra para o ensino de geometria no ensino médio. 2013. Orientação de outra natureza. (Programa de Formação Continuada de Professores) - Universidade Federal de São Paulo. Orientador: Verilda Speridião Kluth.

14.
Carlos Eduardo de Souza Oliveira. A transição da circunferência trigonométrica da primeira volta para os números reais. 2013. Orientação de outra natureza. (Programa de Formação Continuada de Professores) - Universidade Federal de São Paulo. Orientador: Verilda Speridião Kluth.

15.
Bernadette Pessoa de Lima. Origami como ferramenta pedagógica para o ensino da geometriae. 2013. Orientação de outra natureza. (Programa de Formação Continuada de Professores) - Universidade Federal de São Paulo. Orientador: Verilda Speridião Kluth.

16.
Agda Nunes dos Santos Oliveira. Aprendizagem da noção de estatística por meio de projetos. 2013. Orientação de outra natureza. (Programa de Formação Continuada de Professores) - Universidade Federal de São Paulo. Orientador: Verilda Speridião Kluth.

17.
Cristiane Silva Savanachi e Francisco Aparecido Cardeira. Oficina Matemática e Música em Sintonia. 2013. Orientação de outra natureza. (Curso de Ciências - licenciatura) - Universidade Federal de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Verilda Speridião Kluth.

18.
Jânio Henrique Bernardes e George Maciel Fragoso. Oficina A Divina Proporção. 2013. Orientação de outra natureza. (Curso de Ciências - licenciatura) - Universidade Federal de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Verilda Speridião Kluth.

19.
Barbara C. Schwartz, Sonio A. Souza e Vilma Zulma. Oficina Resolução de Problemas I. 2013. Orientação de outra natureza. (Curso de Ciências - licenciatura) - Universidade Federal de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Verilda Speridião Kluth.

20.
Valkíria Roberto da Silva e Ingrid Ferreira Costa. UMA TRAJETÓRIA MATEMÁTICA DE INICIAÇÃO DOCENTE:Razão e proporção. 2013. Orientação de outra natureza. (Curso de Ciências - licenciatura) - Universidade Federal de São Paulo, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Verilda Speridião Kluth.



Inovação



Projetos de pesquisa

Projeto de desenvolvimento tecnológico

Projeto de extensão

Outros projetos



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 23/01/2019 às 10:22:49