Marcia Maria de Castro Cruz

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/3282714945809224
  • Última atualização do currículo em 05/06/2018


Possui graduação em Matemática pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), especialização em Cálculo Avançado pelo Departamento de Matemática da UFRN; Mestrado em Sistemas e Computação pelo Programa de Pós-Graduação de sistemas e Computação do Departamento de Informática e Matemática Aplicada da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (DIMAp-UFRN); Doutorado pelo programa de Pós-Graduação do Departamento de Engenharia Elétrica da UFRN na área de Concentração Processamento Inteligente da Informação. Atualmente, professora associada IV do Departamento de Matemática da Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN). Atua em áreas como Matemática Intervalar e Morfologia Matemática. Também integra o quadro de professores do Ensino à Distância;, sendo atualmente vice-coordenadora do Curso de Matemática à Distância. É Coordenadora do Laboratório de Micros (ESTMAT) pertencente aos Departamento de Matemática e de Estatística; Secretária da Regional 3 da Sociedade Brasileira de Matemática Aplicada e Computacional (SBMAC); Integrante do grupo de pesquisa Group of Logic, Language (LoLITA); Membro do Colegiado da Editora da UFRN e membro do da comissão permanente da Pró-reitoria de Graduação da UFRN. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Marcia Maria de Castro Cruz
Nome em citações bibliográficas
CRUZ, M. M. C.

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal do Rio Grande do Norte, Centro de Ciências Exatas, Departamento de Matemática.
Departamento de Matemática - UFRN
Lagoa Nova
59072-970 - Natal, RN - Brasil
Telefone: (84) 2153819
Ramal: 208
Fax: (84) 2119219
URL da Homepage: http://


Formação acadêmica/titulação


2004 - 2008
Doutorado em Engenharia Elétrica.
Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.
Título: Uma Fundamentação Intervalar Aplicada à Morfologia Matemática, Ano de obtenção: 2008.
Orientador: Adrião Duarte Doria Neto.
Palavras-chave: conjuntos intervalares; fuzzy intervalar; morfologia matematica.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra
1999 - 2000
Mestrado em Sistemas e Computação.
Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.
Título: Uma equivalência entre Funções Intervalares,Ano de Obtenção: 2000.
Orientador: Rgivan Hugo Nunes Santiago.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra
1977 - 1981
Graduação em Matemática.
Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.




Atuação Profissional



Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.
Vínculo institucional

1978 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: professor adjunto IV, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

03/2005 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Tecnologia, Departamento de Computação e Automação.

Linhas de pesquisa
Morfologia Matemática


Linhas de pesquisa


1.
Morfologia Matemática

Objetivo: Desnvolver um modelo algébrico para lidar com incertezas em imagens que possuem em sua forma geométrica, pixels indefinidos. A idéia é construir o espaço de funções que modelam essa incerteza e a partir dai utiliza-lo para introduzir os operadores morfológicos. Inicialmente o modelo foi desenvolvido para imagens binárias e atualmente está sendo estendido para imagens em tons de cinza..


Projetos de extensão


2012 - Atual
APOIO COMPUTACIONAL EM DISCIPLINAS BÁSICAS DE MATEMÁTICA
Descrição: Tendo em vista que o computador é uma ferramenta presente em praticamente todas as áreas de conhecimento, a prática deste uso em instituições de ensino vem sendo empregada com frequência nas mais diversas áreas. Com o objetivo de participar dessa moderna metodologia de ensino, o Departamento de Matemática criou um laboratório de micros, atualmente bem equipado e localizado no setor de aulas III e incluiu 04 disciplinas obrigatórias para o curso de bacharelado em sua grade curricular denominadas Laboratório de Apoio Computacional I, II, III e IV. As referidas disciplinas complementam disciplinas básicas tais como Cálculos, Geometria Analítica e Álgebra Linear e são ministradas neste laboratório. A metodologia para ministrar tais disciplinas é feita usando softwares de matemática cuja abordagem é feita de forma bem orientada a fim de facilitar e ajudar na assimilação de conceitos vistos em sala de aula. A presença do monitor durante as aulas é de fundamental importância, pois existe certas diversidades entre os alunos com relação ao uso do computador e também na parte conceitual, ou seja alguns apresentam mais dificuldade e necessitam de maior atenção. O monitor deve ficar no laboratório durante as aulas e disponibilizar algumas horas no laboratório para atender os usuários deste. Esta prática já existe a algum tempo e tem sido bem sucedida, pois a utilização de um software de matemática tem facilitado bastante a vida acadêmica do aluno e com certeza melhorado seu desempenho. Com relação ao monitor, este sem dúvida é estimulado para exercer a docência pois seu nível de conhecimento melhora significativamente, além do que a sua participação no processo ensino-aprendizagem das disciplinas mencionadas acima é intensa..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Marcia Maria de Castro Cruz - Coordenador.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Matemática / Subárea: Matemática Aplicada.
2.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Ciência da Computação / Subárea: Matemática da Computação/Especialidade: Matemática Intervalar.
3.
Grande área: Engenharias / Área: Engenharia Elétrica / Subárea: Engenharia de Computação/Especialidade: Processamento de Imagens.


Idiomas


Espanhol
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.
Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Inglês
Compreende Pouco, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Bem.
Francês
Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Pouco, Escreve Pouco.


Produções



Produção bibliográfica
Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
CRUZ, M. M. C.; SATIAGO, R. H. N. . Morfologia Intervalar X Morfologia Fuzzy: Uma An alise Comparativa. In: I Congresso de Matemática Aplicada e Computacional da Região Sudeste-I CMAC Sudeste, 2011, Uberlândia. Anais do I CMAC Sudeste. São Carlos-SP: Publicação da SBMAC, 2011. p. 585-588.

2.
CRUZ, M. M. C.; D. NETO, A. D. ; SATIAGO, R. H. N. . Em Direçãoo a Morfologia Matemática para Imagens Binárias. In: XXX Congresso de Matemática Aplicada e Computacional, 2007, Florianópolis. XXX CNMAC, 2007.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
CRUZ, M. M. C.; SATIAGO, R. H. N. . Equivalência e Consistência entre Funções Intervalares. In: Congresso Nacional de Matemática Aplicada e Computacional, 2000, Santos. XXIII Congresso de Matemática Aplicada e Computacional, 2000. p. 201-201.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
CRUZ, M. M. C.. Aspectos Computacionais Algébricos- Gráficos e Modelagens de Problemas de Funções de Mais de Uma Variável. In: XXVI Congresso de Matemática Aplicada e Computacional, 2003, São José do Rio Preto. XXVI CNMAC, 2003.

2.
CRUZ, M. M. C.; DEZOTTI, C. H. . O Uso do Coputador como Ferramenta Empírica no Ensino da Matemática. In: XXV Congresso de Matemática Aplicada e Computacional, 2002, Nova Friburgo. XXV Congresso de Matemática Aplicada e Computacional, 2002.

3.
CRUZ, M. M. C.; DEZOTTI, C. H. . Uma Nova Abordagem do Ensino de Cálculo Usando o Computador. In: XXIV Congresso de Matemática Aplicada e Computacional, 2001, Belo Horizonte. XXIV Congresso Nacional de Matemática Aplicada e Computacional, 2001.

Apresentações de Trabalho
1.
CRUZ, M. M. C.. Estudo e modelagem de problemas usando softwares: Modelo de EDO com Maple.. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

2.
CRUZ, M. M. C.; SATIAGO, R. H. N. . Morfologia Interval X Morfologia Fuzzy: uma aNálise Comparativa. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

3.
CRUZ, M. M. C.; SATIAGO, R. H. N. ; D. NETO, A. D. . Em direção a Morfologia Matemática para Imagens Binárias Contendo Informações de Indefinição. 2007. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
CRUZ, M. M. C.; SATIAGO, R. H. N. ; D. NETO, A. D. . Two Valued Gray-scale Images with Undefined Information and Their Mathematica Morphology. 2007. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

5.
CRUZ, M. M. C.. Mínimos Quadrados e o Processo de Restauração de Imagens. 2006. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

6.
CRUZ, M. M. C.; D. NETO, A. D. ; SATIAGO, R. H. N. . A Importância da Algebra dos Reticulados nas Operações de Transformações Morfológicas em Imagens Binárias. 2006. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

7.
CRUZ, M. M. C.; COSTA, F. A. ; D. NETO, A. D. . Uma Aplicação de segmentação de Imagens Usando Operadores Morfológicos. 2005. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

8.
CRUZ, M. M. C.. Morfologia Matemática Aplicada a processamento de imagens. 2004. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

9.
CRUZ, M. M. C.. O software Maple Usado como Ferramenta no Ensino da Matemática. 2003. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

10.
CRUZ, M. M. C.. Aspectos Computacionais Algébricos e Modelagens de Problemas Usando o Sofware Maple. 2003. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

11.
CRUZ, M. M. C.. Aspectos Computacionais Algébricos-Gráficos e Modelagens de Problemas de Funções de Mais de Variável. 2003. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

12.
CRUZ, M. M. C.. O Uso do Computador no Ensino da Mtemática. 2002. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

13.
CRUZ, M. M. C.; DEZOTTI, C. H. . O Uso do Computador como Ferramenta Impírica no Ensino da Matemática. 2002. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

14.
CRUZ, M. M. C.. Uma Nova Abordagem do Ensino do Cálculo Usando o Computador. 2001. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

15.
CRUZ, M. M. C.; SATIAGO, R. H. N. . Equivalência e Consistência entre Funções Intervalares. 2000. (Apresentação de Trabalho/Congresso).



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Congresso de Matmática Aplicada e Computacional. Morfologia Interval X Morfologia Fuzzy: Uma Análise Comparativa. 2011. (Congresso).

2.
1o Encontro Regional de Matemática Aplicada e Computacional.Usando o Software Maple como Ferramenta no Ensino da Matemática. 2008. (Encontro).

3.
8 th International Symposium on Mathematical Morphology.Two Valued Gray-scale Images with Undefined Information and Their Mathematica Morphology. 2007. (Simpósio).

4.
XXX Congresso de Matemática Aplicada e Computacional. Em Direção a Morfologia Matemática para Imagens Bináias. 2007. (Congresso).

5.
XXVI Congresso de Matemática Aplicada e Computacional. Aspectos Computacionais Alg´ebricos- Gráficos e Modelagens de Problemas de Funções de Mais de Uma Variável. 2003. (Congresso).

6.
XXV Congresso de Matemática Aplicada e Computacional. O Uso do Computador como Ferramenta Empírica no Ensino da Matemática. 2002. (Congresso).

7.
XXIV Congresso de Matemática Aplicada e Computacional. Uma Nova Abordagem do Ensino de Cálculo Usando o Computador. 2001. (Congresso).

8.
XXIII Congresso Nacional de Matemática Aplicada e Computacional. Equvalência e Consistência entre Funções Intervalares. 2000. (Congresso).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
CRUZ, M. M. C.; SANTANA, F. L. ; LOPES, J. S. ; SILVA, P. R. F. S. ; PIMENTEL, E. ; JESUS, O. S. . XXVII Semana da Matemática da UFRN. 2016. (Congresso).

2.
CRUZ, M. M. C.; SATIAGO, R. H. N. ; MALTA, S. ; SILVA NETO, A. J. . XXXV Congresso Nacional de Matemática Aplicada e Computacional. 2014. (Congresso).

3.
CRUZ, M. M. C.. Congresso de Matemática Aplicada e Computacional da Região Nordeste. 2012. (Congresso).

4.
CRUZ, M. M. C.; Bedregak, B.R.C. ; SATIAGO, R. H. N. ; ALMEIDA, J. M. . VIII Encontro Regional de Matemática Aplicada e Computacional (ERMAC 2008). 2008. (Congresso).

5.
SATIAGO, R. H. N. ; CRUZ, M. M. C. ; LYRA, A. . V Encontro Regional de Matemática Aplicada e Computacional (ERMAC). 2005. (Congresso).

6.
SATIAGO, R. H. N. ; CRUZ, M. M. C. ; DEZOTTI, C. H. . II Encontro Regional de Matemática Aplicada e Computacional (ERMAC). 2003. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Orientações de outra natureza
1.
LEONARDO ANGELO ALVES PINTO. Projeto de Monitoria. Início: 2011. Orientação de outra natureza. Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Universidade Federal do Rio Grande do Norte. (Orientador).

2.
Maria Kalina Maia de Oliveira. Projeto de Monitoria. Início: 2010. Orientação de outra natureza. Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Pro-Reitoria de Graduação. (Orientador).

3.
ROSANA PITTER PAULA SARAIVA SILVA. Projeto de Monitoria. Início: 2010. Orientação de outra natureza. Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Universidade Federal do Rio Grande do Norte. (Orientador).

4.
JEFFERSON ALEXANDRE DO NASCIMENTO. Projeto de Monitoria. Início: 2010. Orientação de outra natureza. Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Universidade Federal do Rio Grande do Norte. (Orientador).

5.
IURI CABRAL PAIVA. Projeto de Monitoria. Início: 2010. Orientação de outra natureza. Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Universidade Federal do Rio Grande do Norte. (Orientador).

6.
Liliana Coutinho de Andrade. O uso do computador como ferramenta didática no ensino da Matemática. Início: 2006. Orientação de outra natureza. Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Universidade Federal do Rio Grande do Norte. (Orientador).

7.
Maria Kalina Maia de Oliveira. O Uso do computador como ferramenta Didática no ensino da Matemática. Início: 2006. Orientação de outra natureza. Universidade Federal do Rio Grande do Norte. Universidade Federal do Rio Grande do Norte. (Orientador).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 21/10/2018 às 5:04:24