Gleice Rocha dos Santos Almeida

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/5883416002062326
  • Última atualização do currículo em 25/06/2018


Possui graduação em Química pela Universidade Estadual de Londrina (2008) e mestrado em Ciências de Alimentos pela Universidade Estadual de Londrina (2013). Atualmente é professora EBTT do Instituto Federal do Paraná (IFPR)- Campus Paranavaí, atuando principalmente nos seguintes temas: reaproveitamento de subprodutos e suas aplicações; Metodologias de Ensino; Práticas pedagógicas. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Gleice Rocha dos Santos Almeida
Nome em citações bibliográficas
SANTOS, Gleice Rocha dos


Formação acadêmica/titulação


2011 - 2013
Mestrado em Ciências de Alimentos.
Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.
Título: Suplementação de Selênio e Vitamina E na ração e qualidade de filés de frango.,Ano de Obtenção: 2013.
Orientador: Adriana Lourenço Soares.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
2005 - 2008
Graduação em Quimica.
Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.
Título: Avaliação do teste do Halotano em frangos e sua relação com estresse térmico e ocorrência de carnes PSE.
Orientador: Massami Shimokomaki.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
1999 - 2001
Ensino Médio (2º grau).
Moderna Associacao Campograndensse de Ensino, MACE, Brasil.
1995 - 1998
Ensino Fundamental (1º grau).
Moderna Associacao Campograndensse de Ensino, MACE, Brasil.




Formação Complementar


2010 - 2012
Extensão universitária em QUIMICA LICENCIATURA. (Carga horária: 200h).
Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.
2006 - 2006
BÁSICO 1 DE LÍNGUA INGLESA. (Carga horária: 54h).
Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.


Atuação Profissional



Instituto Federal do Paraná, IFPR, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professora EBTT, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.


Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.
Vínculo institucional

2010 - 2011
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Apoio Técnico, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

2004 - 2010
Vínculo: Atividade Acadêmica, Enquadramento Funcional: Estagiaria, Carga horária: 20



Projetos de pesquisa


2017 - Atual
Caracterização físico-química e aplicações da pectina extraída do bagaço da laranja
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (2) .
Integrantes: Gleice Rocha dos Santos Almeida - Coordenador / Denis Fabrício Marchi - Integrante / Patrícia Salomão Garcia - Integrante / Estefano Nakamura - Integrante / Rosilene dos Santos Oliveira - Integrante.
2014 - Atual
Colágeno: Caracterização e Aplicação em Biomateriais.
Descrição: O colágeno é uma proteína fibrosa abundante no tecido conjuntivo, como por exemplo, o couro bovino. A gelatina, por sua vez, é um produto da hidrólise parcial do colágeno nativo. Atualmente, então, há um interesse crescente pela valorização desta proteína, como a aplicação para produção de biofilme. Desta forma o estudo tem por objetivo obter um produto de colágeno parcialmente hidrolisado para o emprego de novos biomaterias. A matéria prima utilizada neste estudo será fibra de colágeno do tipo I, extraída da raspa do couro bovino. Para obtenção do colágeno parcialmente hidrolisado serão aplicados dois diferentes tipos de enzimas: a pepsina e a tripsina, separadamente e em conjunto. Primeiramente, para cada uma das enzimas, duas concentrações de enzima/substrato, e três diferentes tempos (1h, 2h e 4h) serão testadas. Após avaliar as melhores condições de reação para cada enzima, a matéria prima será tratada com as enzimas, individualmente e em conjunto. O teor de degradação dos hidrolisados serão analisados por eletroforese dodecil sulfato de sódio em gel de poliacrilamida (SDS-PAGE). Para produção dos filmes serão utilizados os hidrolisados obtidos neste estudo junto ao amido e/ou celulose. Os filmes poderão ser produzidos por casting ou extrusão-sopro. O produto final será caracterizado quanto as propriedades mecânicas ópticas, espessura, grau de intumescimento, permeabilidade ao vapor de água, entre outros. Será aplicado um planejamento fatorial para análise dos efeitos das variáveis na hidrólise enzimática do colágeno e das variáveis de processo de extrusão para produção dos filmes. As variáveis independentes para hidrólise do colágeno serão determinadas através dos tipos de tratamentos que serão realizados. Para produção dos filmes as variáveis independentes serão a temperatura da matriz e a rotação da rosca. Será realizada a ANOVA (analise de variância) e teste de médias (Tukey), com nível de significância de 5% (p≤0,05). Espera-se, através deste estudo, obter um produto de colágeno hidrolisado parcialmente para aplicação em biomaterias. Sendo que este material apresente características biodegradáveis, aliado a resistência térmica e mecânica. Aplicação do biomaterial pode ter diversas aplicações, entres ele nos setores agrícolas ou alimentícios..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (4) .
Integrantes: Gleice Rocha dos Santos Almeida - Coordenador / Denis Fabrício Marchi - Integrante / PEDRÃO, M.R. - Integrante / Fabio Augusto Garcia Coro - Integrante / Alexandre Calistro da Siva - Integrante / Patrícia Salomão Garcia - Integrante.Financiador(es): Instituto Federal do Paraná - Outra.
2011 - Atual
EFEITO DA SUPLEMENTAÇÃO DA RAÇÃO COM SELÊNIO E VITAMINA E NA QUALIDADE DA CARNE
Descrição: A AVICULTURA, NAS ÚLTIMAS DUAS DÉCADAS, EVOLUIU SIGNIFICATIVAMENTE NO BRASIL. O FATO DEVE-SE AO DINAMISMO NA PRODUÇÃO BRASILEIRA DE FRANGO E DESENVOLVIMENTO DE PESQUISAS CIENTÍFICAS EM ÁREAS COMO GENÉTICA, NUTRIÇÃO, MANEJO, BIOSSEGURANÇA, BOAS PRÁTICAS DE PRODUÇÃO, RASTREABILIDADE, PROGRAMAS DE BEM ESTAR ANIMAL E DE PRESERVAÇÃO DO MEIO AMBIENTE. A CARNE PSE (PALE, SOFT E EXUDATIVE) É UM DOS GRANDES PROBLEMAS PARA O SETOR, POIS APRESENTA PROPRIEDADES FUNCIONAIS COMPROMETIDAS DEVIDO À DESNATURAÇÃO DAS PROTEÍNAS, FACE À RÁPIDA GLICÓLISE POST MORTEM. A EXCESSIVA CONCENTRAÇÃO DE CÁLCIO DURANTE A INSTALAÇÃO DE CARNE PSE, PROMOVE O AUMENTO DA ATIVIDADE DA ENZIMA FOSFOLIPASE A2 (PLA2), E POR CONSEQÜÊNCIA PROVOCA UMA MAIOR OXIDAÇÃO LIPÍDICA. O CONJUNTO DESTES FATORES CORROBORA PARA UMA QUALIDADE INFERIOR DA CARNE, PODENDO SER EVITADA COM A INCLUSÃO DE NUTRIENTES NA DIETA ANIMAL. A COMBINAÇÃO DO SELÊNIO E A VITAMINA E FORMAM UM SISTEMA ANTIOXIDANTE IMPORTANTE NO CONTROLE DO METABOLISMO, MAXIMIZANDO O DESEMPENHO E A QUALIDADE DA CARNE DE AVES. ASSIM, O OBJETIVO DESTE PROJETO É INVESTIGAR O EFEITO DA SUPLEMENTAÇÃO DA RAÇÃO COM SELÊNIO E VITAMINA E NA QUALIDADE DA CARNE DE FRANGO. O EXPERIMENTO SERÁ CONDUZIDO NO GALPÃO EXPERIMENTAL DA FAZENDA ESCOLA DA UNIVERSIDADE ESTADUAL DE LONDRINA. OS 120 PINTAINHOS DE CORTE DA LINHAGEM COBBS SERÃO DIVIDIDOS EM 4 TRATAMENTOS, CONFORME O CONTEÚDO SUPLEMENTADO NA DIETA ANIMAL: RES (SELÊNIO MINERAL E VITAMINA E), RE ( VITAMINA E), RS ( SELÊNIO MINERAL), RC ( SEM SUPLEMENTO). OS FRANGOS SERÃO ABATIDOS E OS FILÉS DE FRANGO SERÃO COLETADOS E ARMAZENADOS PARA AS ANÁLISES PH, COR, CAPACIDADE DE RETENÇÃO DE ÁGUA (CRA), FORÇA DE CISALHAMENTO , PERDA POR COZIMENTO E CLASSIFICADOS EM CARNES PSE E NORMAL. A OXIDAÇÃO LIPÍDICA SERÁ DETERMINADA, APÓS AMOSTRAS SEREM ARMAZENADAS A -20OC POR 90 DIAS, PELO MÉTODO DE TBARS. SERÃO TAMBÉM AVALIADAS MEDIDAS DA ATIVIDADE DA FOSFOLIPASE A2 E DO CONTEÚDO DE SELÊNIO E VITAMINA E NOS FILÉS DE PEITO.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2007 - 2009
CARNES PSE (PALE, SOFT, EXUDATIVE) DE FRANGOS: ANÁLISE MOLECULAR DO GENE CODIFICADOR DA PROTEÍNA RECEPTORA DE RIANODINA TIPO 1.
Descrição: A MANUTENÇÃO DA POSIÇÃO DO BRASIL COMO MAIOR EXPORTADOR DE CARNE DE FRANGO DEPENDE DA QUALIDADE DOS SEUS PRODUTOS. HOJE, UM DOS MAIORES PROBLEMAS ENFRENTADOS PELA INDÚSTRIA DE CARNE DE AVES SÃO AS CARNES PSE (PALE, SOFT, EXUDATIVE), QUE SE APRESENTAM PÁLIDAS, FLÁCIDAS E EXSUDATIVAS. A PROTEÍNA PROVENIENTE DESSE TIPO DE CARNE É DE BAIXA FUNCIONALIDADE E A CARNE SE APRESENTA INADEQUADA PARA O PROCESSAMENTO. CARNES PSE OCORREM POR FATORES MÚLTIPLOS, ENTRE OS QUAIS, OS MAIS BEM CARACTERIZADOS SÃO O ESTRESSE ANTE MORTEM E CAUSAS GENÉTICAS. AVES ESTRESSADAS CONSOMEM MAIS RAPIDAMENTE O GLICOGÊNIO MUSCULAR NO MOMENTO DO ABATE, PRODUZINDO ÁCIDO LÁTICO E PROVOCANDO A QUEDA DO PH ENQUANTO AINDA NÃO HOUVE UM ABAIXAMENTO DA TEMPERATURA DA CARCAÇA; ESSA SITUAÇÃO LEVA A DESNATURAÇÃO PROTÉICA E TRAZ OS PROBLEMAS PARA A INDÚSTRIA PROCESSADORA DE CARNES. AS CAUSAS GENÉTICAS SE CONCENTRAM NA MUTAÇÃO DO GENE QUE CODIFICA UMA PROTEÍNA QUE CONTROLA O FLUXO DE CÁLCIO NAS CÉLULAS MUSCULARES, A PROTEÍNA RECEPTORA DE RIANODINA (RYR). EM ANIMAIS COM ESSA MUTAÇÃO, O ESTRESSE DESENCADEIA A REAÇÃO QUE LEVA A UM ACÚMULO INTRACELULAR DE CÁLCIO DESBALANCEADO, E CONSEQÜENTEMENTE A UM ESTÍMULO A CONTRAÇÃO MUSCULAR MAIS INTENSO, O QUE FAZ COM QUE A CÉLULA GASTE MAIS GLICOGÊNIO TENTANDO RELAXAR O MÚSCULO, PRODUZINDO ASSIM MAIS ÁCIDO LÁTICO E PROVOCANDO A RÁPIDA QUEDA DO PH. A RELAÇÃO DA MUTAÇÃO NO RYR1 COM O APARECIMENTO DE CARNES PSE FOI PRIMEIRAMENTE VERIFICADA EM SUÍNOS E MAIS RECENTEMENTE EM PERUS. DESSA MANEIRA, O OBJETIVO DESTE TRABALHO É VERIFICAR A OCORRÊNCIA DE MUTAÇÕES NO CDNA DO RYR1 EM UMA LINHAGEM DE FRANGOS DE CORTE COM DIFERENTES GRAUS DE CRUZAMENTO, SUBMETIDOS AO TESTE DO HALOTANO PARA PRÉ-SELEÇÃO DAS AMOSTRAS..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Gleice Rocha dos Santos Almeida - Integrante / Dr Masami Shimokomaki - Coordenador.
2006 - 2008
QUALIDADE DA CARNE DE FRANGOS: CARACTERIZAÇÃO BIOQUÍMICO-FISIOLÓGICA DA SÍND...
Descrição: O MERCADO DE CARNE DE FRANGO ENCONTRA-SE EM AMPLA EXPANSÃO EM TODI O MUNDO E O BRASIL TEM SE DESTACADO COMO GRANDE PRODUTOR E EXPORTADOR. COM ISSO VEM CRESCENDO A EXIGÊNCIA NA MELHORIA DA QUALIDADE DESSE PRODUTO HAVENDO A NECESSIDADE DE MAIOR CONTROLE EM TODA A CADEIA. EM FRANGOS, A ANOMALIA DE MAIOR ESTUDO EM RELAÇÃO ÀS ALTERAÇÕES DA QUALIDADE FINAL DA CARNE É O PSE, INICIAIS DAS PALAVRAS INGLESES, PALE, SOFT E EXUDATIVE. ESTE FENÔMENO É PROVOCADO POR QUALQUER SITUAÇÃO QUE LEVE OS ANIMAIS A ALGUM TIPO DE ESTRESSE PROVOCANDO A LIBERAÇÃO DO HORMÔNIO ADRENALINA O QUE INDUZ O ORGANISMO A EFETUAR A GLICONEOGÊNESE PRODUZINDO O ÁCIDO LÁTICO. EM CONDIÇÕES DE PSE, DURANTE O ABATE DESSES ANIMAIS, HÁ UMA R´PAPIDA GLICÓLISE POST-MORTEM QUE CONDUZ AO RÁPIDO ABAIXAMENTO DO PH ENQUANTO A CARCAÇA AINDA ESTÁ QUENTA PROMOVENDO A DESNATURAÇÃO PROTÉICA, O QUE LEVA À PERDA DE ÁGUA COM O COMPROMETIMENTO DAS PROPRIEDADES FUNCIONAIS DA CARNE COMO POBRE CAPACIDADE DE RETENÇÃO DE ÁGUA, PERDA DE ÁGUA NO DESCONGELAMENTO E NO COZIMENTO E PALIDEZ EXCESSIVA NÃO SENDO APROPRIADAS PARA PROCESSAMENTO. EM SUÍNOS, A EXISTÊNCIA DA CARNE PSE FOI DESCOBERTA HÁ VÁRIOS ANOS E A CAUSA FUNDAMENTAL É A MINIFESTAÇÃO DA HIPERTERMIA MALIGNANTE OU SÍNDROME DO ESTRESSE SUÍNO OU PORK STRESS SYNDROME (PSS) CARACTERIZADA PELA RIGIDEZ MUSCULAR, AUMENTO DO METABOLISMO AERÓBIO E ANAERÓBIO, ALTERAÇÕES ENZIMÁTICAS E HORMONAIS E AUMENTO DA PRODUÇÃO DE CALOR EM RESPOSTA AOS AGENTES ANESTÉSICOS COMO O GÁS HALOTANO. APESAR DAS PESQUISS, ATÉ O PRESENTE MOMENTO, DESCONHECE-SE A EXISTÊNCIA DO EQUIVALENTE AO PSS EM AVES OU O QUE SERIA O POULTRY STRESS SYNDROME (PTSS) OU SÍNDROME DO ESTRESSE DAS AVES. PORTANTO ESSE PROJETO TEM COMO OBJETIVO A CARACTERIZAÇÃO DA PTSS ATRAVÉS DA ANÁLISE BIOQUÍMICO-FISIOLÓGICAS EM AVES SELECIONADS PELO TESTE DO GÁS HALOTANO..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Gleice Rocha dos Santos Almeida - Integrante / Dr Masami Shimokomaki - Coordenador / Denis Fabrício Marchi - Integrante.
2005 - 2007
AVALIAÇÃO BIOQUÍMICA E FISIOLÓGICA NA CARACTERIZAÇÃO DE CARNES PSE.
Descrição: O MELHORAMENTO GENÉTICO DO FRANGO DE CORTE, TEM PROPORCIONADO EFICIENTES RESULTADOS DE PRODUTIVIDADE, PORÉM TEM-SE OBSERVADO UM AUMENTO DE ANOMALIAS NA QUALIDADE DA CARNE. ENTRE ESTAS ANOMALIAS, TEM-SE DADO GRANDE DESTAQUE AO PSE (PÁLIDO, FLÁCIDO E EXUDATIVO), QUE PROPORCIONA UMA CARNE COM CARACTERÍSTICAS INDESEJÁVEIS TANTO NO CONSUMO IN NATURA, COMO NA UTILIZAÇÃO EM PRODUTOS PROCESSADOS, ASSIM, CAUSANDO GRANDES PREJUÍZOS ÀS INDÚSTRIAS AVÍCOLAS. PESQUISAS TÊM SIDO REALIZADAS COM O OBJETIVO DE COMPREENDER ESSE FENÔMENO. ALGUNS PESQUISADORES MOSTRAM QUE EXISTE UMA SIMILARIDADE ENTRE O PSE DE SUÍNOS E AVES, ONDE ESTES SUSTENTAM A HIPÓTESE QUE O PSE EM AVES TEM BASE GENÉTICA E QUE A RESPONSABILIDADE DESTE PROBLEMA É DEVIDO A UM DEFEITO GENÉTICO NOS CANAIS LIBERADORES DE CÁLCIO DO RETICULO SARCOPLASMÁTICO, COMO JÁ COMPROVADO EM SUÍNOS. .ESTE PROBLEMA ESTÁ ASSOCIADO COM UM RÁPIDO DECLÍNIO POST MORTEM DO PH MUSCULAR, COM A CARCAÇA EM ALTA TEMPERATURA, CAUSANDO A DESNATURAÇÃO DE PROTEÍNAS MIOFIBRILARES E SARCOPLASMÁTICAS.VÁRIOS MÉTODOS TÊM SIDO DESENVOLVIDOS PARA DETERMINAR CARNES PSE. O TESTE HALOTANO FOI MUITO UTILIZADO PARA A IDENTIFICAÇÃO DE SUÍNOS COM SÍNDROME PSS QUE CAUSA CARNES PSE. EM PERUS JÁ FOI RELATADA , UMA ALTA INCIDÊNCIA DE PSE QUANDO TRATADOS COM SUCCILCOLINA E ALGUNS PESQUISADORES TEM USADO O HALOTANO EM PERUS MAS COM SUCESSO LIMITADO.O POTENCIAL GLICOLÍTICO É A MENSURAÇÃO DE TODOS COMPONENTES PRESENTES NO MÚSCULO QUE PODEM SER CONVERTIDOS EM ACIDO LÁTICO. EM SUÍNOS A IDENTIFICAÇÃO DO GENE HAL É BASEADA NO POTENCIAL GLICOLÍTICO (GP) ONDE SE O GP FOR MAIOR QUE 180-200MMOL/G DE CARNE, O ANIMAL É CONSIDERADO POSITIVO PARA O GENE HAL. LOGO O OBJETIVO DESTE TRABALHO SERÁ APLICAR TESTE AO GÁS HALOTANO, DETERMINAR O PH, COR , VALOR DE R, POTENCIAL GLICOLÍTICO E PERFIL DE ÁCIDOS GRAXOS DA CARNE DE AVES COMERCIAIS. ATRAVÉS DESTE TRABALHO, ESPERA-SE CARACTERIZAR A SÍNDROME PSE EM AVES E QUAIS CARACTERÍSTICAS MORFOLÓGICAS E BIOQUÍMICAS PODEM SER ALTERADAS, E QUE PROP.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Gleice Rocha dos Santos Almeida - Integrante / Dr Masami Shimokomaki - Coordenador / ALBERTO KATSUHIRO NAMPO - Integrante / TAISA SCHUARTZ SARAGOSA - Integrante / TATIANA NEUZA SOUZA DOS SANTOS - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Outra.
2004 - 2010
CORRELAÇÃO ENTRE ISOFLAVONAS E BETA-GLICOSIDADE DE CULTIVARES DE SOJA.
Descrição: AS ISOFLAVONAS DA SOJA SÃO OS PRINCIPAIS COMPOSTOS FENÓLICOS ENCONTRADOS NA FORMA GLICOSÍDIA (GENISTINA, DAIDZINA E GLICITINA) E NA FORMA CONJUGADA A GRUPOS MALONIL E ACETIL. AS FORMAS GLICOSÍDICAS SÃO SUBSTRATOS DA B-GLICOSIDASE (B-D-GLICOSÍDEO GLICOHIDROLASE, EC. 3.2.1.21) PRESENTES NA SOJA, QUE LIBERA AS ISOFLAVONAS AGLICONAS ( GENISTEÍNA, DAIDZEÍNA E GLICITEÍNA) COM ATIVIDADES BIOLÓGICAS COMO ESTROGÊNICA, ANTIFÚNGICA, ANTIOXIDANTE E ANTITUMORAL. CONSIDERANDO A IMPORTÂNCIA NA SAÚDE HUMANA DAS ISOFLAVONAS DA SOJA NAS FORMAS AGLICONAS E QUE A OBTENÇÃO DESTA É PROVENIENTE DAS ATIVIDADES DA B-GLICOSIDASE, ESTE PROJETO VISA INVESTIGAR A CORRELAÇÃO ENTRE AS ISOFLAVONAS E A ATIVIDADE DA B-GLICOSIDASE EM DIFERENTES CULTIVARES DE SOJA, O EFEITO DA GERMINAÇÃO DA ATIVIDADE DESTA ENZIMA, SUA EXTRAÇÃO, PURIFICAÇÃO E CARACTERIZAÇÃO. AS ISOFLAVONAS SERÃO IDENTIFICADAS E QUANTIFICADAS POR CROMATOGRAFIA LÍQUIDA DE ALTA PRESSÃO E A ATIVIDADE DE B-GLICOSIDASE SERÁ PELO MÉTODO ESPECTROFOTOMÉTRICO. O CULTIVAR DE SOJA COM AMIOR ATIVIDADE DE B-GLICOSIDASE SERÁ GERMINADO E EM TEMPOS ADEQUADOS SERÃO DETERMINADOS O TEOR DE ISOFLAVONAS E AS ATIVIDADES DA B-GLICOSIDASE PARA OBTER O PERFIL DA GERMINAÇÃO. GRÃOS NO TEMPO DE GERMINAÇÃO COM MAIOR ATIVIDADE SERÃO UTILIZADOS PARA ESTUDOS DA EXTRAÇÃO, PURIFICAÇÃO E CARACTERIZAÇÃO BIOQUÍMICA. A INVESTIGAÇÃO DAS CARACTERÍSTICAS DA B-GLICOSIDASE E TEOR DE ISOFLAVONAS DA SOJA SERÁ RELEVANTE PARA O DESENVOLVIMENTO CIENTÍFICO E TECNOLÓGICO E FORMAÇÃO DE RECURSOS HUMANOS NA ÁREA , SETOR PRODUTIVO E CONSUMIDOR, CONSIDERANDO O CONTEXTO DA PRODUÇÃO DA CULTURA DE SOJA NA ECONOMIA MUNDIAL E NO ESTADO DO PARANÁ, O AUMENTO DE SEU CONSUMO E OS BENEFÍCIOS PARA A SAÚDE HUMANA..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (1) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Gleice Rocha dos Santos Almeida - Integrante / Felipe Tsuruta Lisboa Cruz - Integrante / Alexandre Oba - Integrante / Mara Lúcia Luiz Ribeiro - Integrante / Elza Iouko Ida - Coordenador / GABRIELA SALOMAO DURIGAN - Integrante / JOSE MARCOS GONTIJO MANDARINO - Integrante / LEONARDO RAFFA QUINTANA - Integrante / MARTA ADRIANA BUSTOS ROMERO - Integrante / MERCEDES CONCORDIA CARRAO - Integrante / MARIA CRISTINA N. DE OLIVEIRA - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Outra.


Revisor de periódico


2014 - 2014
Periódico: Revista Brasileira de Pesquisa em Alimentos - REBRAPA
2014 - 2014
Periódico: Semina. Ciências Agrárias (Impresso)


Idiomas


Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.
Inglês
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
PEREIRA, I. G.2016PEREIRA, I. G. ; VAGULA, J. M. ; MARCHI, D. F. ; SANTOS, Gleice Rocha dos ; VISENTAINER, J. V. ; MARUYAMA, S. A. ; SANTOS JUNIOR, O. O. . Easy Method for Removal of Cyanogens from Cassava Leaves with Retention of Vitamins and Omega-3 Fatty Acids. Journal of the Brazilian Chemical Society (Impresso), v. 27, p. 1290, 2016.

2.
MARCHI, Denis Fabricio2012MARCHI, Denis Fabricio ; SANTILLI, J. C. ; SOARES, Adriana Lourenço ; SANTOS, Gleice Rocha dos ; OBA, A. ; SHIMOKOMAKI, Massami ; IDA, Elza Iouko . Atividade de creatina quinase e lactato desidrogenase na identificação de frangos com estresse e filés PSE (pale, soft, exudative). Semina. Ciências Agrárias (Online), v. 33, p. 3013-3110, 2012.

3.
ALMEIIDA, J. N.2012ALMEIIDA, J. N. ; SANTOS, Gleice Rocha dos ; Beteto, F.M. ; MEDEIROS, L. G. ; OBA, A. ; SHIMOKOMAKI, Massami ; SOARES, A. L. . Suplementação de selênio quelatado na ração e qualidade da carne de frango. Semina. Ciências Agrárias (Online), v. 33, p. 3117-3122, 2012.

4.
SANTOS, Gleice Rocha dos2012SANTOS, Gleice Rocha dos; MARCHI, DENIS FABRICIO ; ALMEIDA, JULIANA NUNES DE ; MENDONÇA, F. J. ; SHIMOKOMAKI, MASSAMI ; SOARES, ADRIANA LOURENCO . Atividades de fosfolipase A2 secretada e glutationa peroxidase em filés PSE (pale, soft, exudative) de frango. Semina. Ciências Agrárias (Impresso), v. 33, p. 3111-3116, 2012.

5.
MARCHI, D. F.2010 MARCHI, D. F. ; OBA, A. ; SANTOS, Gleice Rocha dos ; SOARES, A. L. ; Shimokomaki, Massami . Avaliação do halotano como agente estressor em frangos. Semina. Ciências Agrárias (Online), v. 31, p. 405/4855-412, 2010.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
MARCHI, D. F. ; SANTOS, R. ; UNFRIED, J. ; OLIVEIRA, R. ; CANDIDO, F. C. ; SANTOS, Gleice Rocha dos . AVALIAÇÃO DA ESTABILIDADE MICROBIOLÓGICA DE FILÉS DE FRANGO SUBMETIDOS AO ARMAZENAMENTO EM EMBALAGENS CONVENCIONAL E A VÁCUO. In: XXV Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos (CBCTA), 2016, Gramado. Anais XXV Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos (CBCTA), 2016.

2.
MARCHI, D. F. ; PEREIRA, B. ; OLIVEIRA, R. ; CANDIDO, F. C. ; SANTOS, Gleice Rocha dos . AVALIAÇÃO DE CONTUSÕES E FRATURAS EM FRANGOS APÓS O TREINAMENTO DE FUNCIONÁRIOS. In: Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2016, Gramado. Anais do XXV Congresso Brasileiro de Ciência e Tecnologia de Alimentos, 2016.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
EUZEBIO, N. J. ; CANDIDO, F. C. ; PONTES, C. M. ; GARCIA, P. S. ; MARCHI, D. F. ; SANTOS, Gleice Rocha dos . Colágeno em Filmes de Amido e Pvoh Plastificados Com Glicerol: Reaproveitamento de Resíduos. In: V Seminário de Extensão, Ensino, Pesquisa e Inovação do IFPR, 2016, Cascavel. Anais do V Seminário de Extensão, Ensino, Pesquisa e Inovação do IFPR. Curitiba: IFPR, 2016. v. 5. p. 109-109.

2.
MARCHI, D. F. ; SANTOS, Gleice Rocha dos ; Beteto, F.M. ; SOARES, A. L. ; BLAZQUEZ, F. ; PEDRÃO, M.R. ; IDA, E. I. ; Shimokomaki, Massami . BIOCHEMICAL CHANGES IN PSE (PALE, SOFT, EXUDATIVE) BROILER BREAST DURING AGEING AND MEAT QUALITIES. In: 16th World Congress of Food Science and Technology - IUFoST - 'Addressing Global Food Security and Wellness through Food Science and Technology, 2012, Foz do Iguaçu. 16th World Congress of Food Science and Technology - IUFoST - "Addressing Global Food Security and Wellness through Food Science and Technology, 2012.

3.
ALMEIIDA, J. N. ; SANTOS, Gleice Rocha dos ; Beteto, F.M. ; MEDEIROS, L. G. ; Shimokomaki, Massami ; SOARES, A. L. . EFFECT OF DIETARY SUPPLEMENTATION OF CHELATED SELENIUM ON THE POULTRY MEAT QUALITY. In: 16th World Congress of Food Science and Technology : ?Addressing Global Food Security and Wellness through Food Science and Technology?, 2012. 16th World Congress of Food Science and Technology : ?Addressing Global Food Security and Wellness through Food Science and Technology?.

4.
SANTOS, Gleice Rocha dos; MARCHI, D. F. ; ALMEIIDA, J. N. ; MENDONCA, F. J. ; Shimokomaki, Massami ; SOARES, A. L. . GLUTATHIONE PEROXIDASE AND SECRETED PHOSPHOLIPASE A2 ENZYMATIC ACTIVITIES IN PSE (PALE, SOFT, EXUDATIVE) POULTRY MEAT. In: 16th World Congress of Food Science and Technology : ?Addressing Global Food Security and Wellness through Food Science and Technology?, 2012, Foz do Iguaçu. 16th World Congress of Food Science and Technology : ?Addressing Global Food Security and Wellness through Food Science and Technology?, 2012.

5.
MARCHI, D. F. ; Beteto, F.M. ; SANTOS, Gleice Rocha dos ; SOARES, A. L. ; IDA, E. I. ; Shimokomaki, Massami . Alterações postmortem no teor de colágeno de filés de PSE ( Pale, Soft, Exudative) de frangos. In: Conferência FCTA 2011 de Ciências e Tecnologia Avícolas, 2011, Santos. Trabalhos de Pesquisa José Maria Lamas da Silva, 2011.

Apresentações de Trabalho
1.
CANDIDO, F. C. ; SANTOS, Gleice Rocha dos ; MARCHI, D. F. ; SILVA, A. C. ; PEDRÃO, M.R. ; CORO, F. A. G. ; GARCIA, P. S. . Avaliação da Pepsina e Neutrase na Hidrólise do colágeno Extraído do Couro Bovino. 2015. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

2.
CANDIDO, F. C. ; SILVA, A. C. ; MARCHI, D. F. ; PEDRÃO, M.R. ; CORO, F. A. G. ; GARCIA, P. S. ; SANTOS, Gleice Rocha dos . Proteases na Otimização da Hidrólise de Colágeno extraído do Couro Bovino. 2015. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

3.
ARAUJO, D. L. O. ; MARCHI, Denis Fabricio ; OLIVEIRA, R. ; SANTOS, Gleice Rocha dos . Quimica experimental na escola. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

4.
ALMEIIDA, J. N. ; SANTOS, Gleice Rocha dos ; TAKABAYASHI, A. A. ; PISSINATI, A. ; OBA, A. ; SOARES, A. L. . EFEITO DA SUPLEMENTAÇÃO DE SELÊNIO INORGÂNICO NA RAÇÃO SOBRE A QUALIDADE DA CARNE DE FRANGO COZIDA. 2013. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

5.
SANTOS, Gleice Rocha dos; ALMEIIDA, J. N. ; MENDONCA, F. J. ; PISSINATI, A. ; OBA, A. ; SOARES, A. L. . SUPLEMENTAÇÃO DE SELÊNIO E VITAMINA E NA RAÇÃO E OXIDAÇÃO LIPÍDICA DE FILÉS DE FRANGO. 2013. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

6.
MARCHI, D. F. ; SANTOS, Gleice Rocha dos ; SOARES, A. L. ; IDA, E. I. ; Shimokomaki, Massami . Atuação das calpainas em filés PSE (PALE, Soft, Exudative) de frangos durante o armazenamento. 2011. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

7.
SANTOS, Gleice Rocha dos; Shimokomaki, Massami ; MARCHI, D. F. . Avaliação da Sensibilidade de Frangos ao Halotano e Ocorrência de Carnes PSE(PALE, SOFT, EXUDATIVE). 2008. (Apresentação de Trabalho/Outra).

8.
CRUZ, F.T.L. ; SANTOS, Gleice Rocha dos ; RIBEIRO,Mara L.L. ; IDA, E. I. . Isoflavonas de Radículas e Cotilédones de Soja Germinadas. 2007. (Apresentação de Trabalho/Outra).

9.
SANTOS, Gleice Rocha dos; CRUZ, F.T.L. ; RIBEIRO,Mara L.L. ; IDA, E. I. . Germinação como Processo de Ativação da B-Glicosidase nas Radiculas e Cotilédones de Soja. 2007. (Apresentação de Trabalho/Outra).

10.
CRUZ, F.T.L. ; SANTOS, Gleice Rocha dos ; RIBEIRO,Mara L.L. ; IDA, E. I. . iSOFLAVONAS E ATIVIDADE DE BETA-GLICOSIDASE DOS COMPONENTES DE SOJA. 2007. (Apresentação de Trabalho/Outra).

11.
SANTOS, Gleice Rocha dos; CRUZ, F.T.L. ; RIBEIRO,Mara L.L. ; IDA, E. I. . BETA- GLICOSIDASE DOS COMPONENTES DE SOJA GERMINADA. 2007. (Apresentação de Trabalho/Outra).

12.
SANTOS, Gleice Rocha dos; CRUZ, F.T.L. ; RIBEIRO,Mara L.L. ; IDA, E. I. . EXTRAÇÃO E PRECIPTAÇÃO FRACIONADA DE BETA-GLICOSIDASE DE COTILÉDONES DE SOJA. 2007. (Apresentação de Trabalho/Outra).

13.
CRUZ, F.T.L. ; SANTOS, Gleice Rocha dos ; RIBEIRO,Mara L.L. ; IDA, E. I. . ISOFLAVONAS DOS COMPONENTES DE SOJA GERMINADA. 2007. (Apresentação de Trabalho/Outra).

14.
RIBEIRO,Mara L.L. ; CRUZ, F.T.L. ; SANTOS, Gleice Rocha dos ; IDA, E. I. . PURIFICAÇÃO DE BETA-GLICOSIDASE DE COTILÉDONES DE SOJA. 2007. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

15.
RIBEIRO,Mara L.L. ; CRUZ, F.T.L. ; SANTOS, Gleice Rocha dos ; IDA, E. I. . CARACTERIZAÇÃO PARCIAL DE UMA BETA-GLICOSIDASE DE COTILÉDONES DE SOJA. 2007. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

16.
RIBEIRO,Mara L.L. ; SANTOS, Gleice Rocha dos ; CRUZ, F.T.L. ; IDA, E. I. . ESPECIFICIDADE DE UMA BETA-GLICOSIDASE DE COTILÉDONES DE SOJA. 2007. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).


Demais tipos de produção técnica
1.
SANTOS, Gleice Rocha dos; SANTOS, O. O. . Biodísel-Estado da Arte. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

2.
SANTOS, Gleice Rocha dos. Quimica Experimental para o Ensino Médio. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Outra).



Bancas




Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
MARCHI, D. F.; SANTOS, Gleice Rocha dos; FIGUEIREDO FILHO, L. C.. Processo Seletivo Simplificado para Provimento de 01 Vaga de Professor Substituto do IFPR. 2016.

2.
ALMEIDA, G. C. A.; ANTUNES, R. S. P.; SANTOS, Gleice Rocha dos. Processo Seletivo Simplificado para Provimento de 01 Vaga de Professor Substituto do IFPR. 2015. Instituto Federal do Paraná.

3.
MARCHI, D. F.; SANTOS, Gleice Rocha dos; FIGUEIREDO FILHO, L. C.. Processo Seletivo Simplificado para Provimento de 01 Vaga de Professor Substituto do IFPR. 2015.

4.
SCHIAVON, G. J.; SANTOS, Gleice Rocha dos; RAMOS FILHO, J. A.. Comissão Julgadora do Concurso Publico para o Cargo de professor EBTT. 2014. Instituto Federal do Paraná.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
16th World Congress of Food Science and Technology. EFFECT OF DIETARY SUPPLEMENTATION OF CHELATED SELENIUM ON THE POULTRY MEAT QUALITY. 2012. (Congresso).

2.
16th World Congress of Food Science and Technology. 2012. (Congresso).

3.
16th World Congress of Food Science and Technology. GLUTATHIONE PEROXIDASE AND SECRETED PHOSPHOLIPASE A2 ENZYMATIC ACTIVITIES IN PSE (PALE, SOFT, EXUDATIVE) POULTRY MEAT. 2012. (Congresso).

4.
16th World Congress of Food Science and Technology. BIOCHEMICAL CHANGES IN PSE (PALE, SOFT, EXUDATIVE) BROILER BREAST DURING AGEING AND MEAT QUALITIES. 2012. (Congresso).

5.
III SEMANA DE BIOTECNOLOGIA. 2007. (Encontro).

6.
XXIII SEMANA DA QUÍMICA. 2007. (Outra).

7.
XXII SEMANA DA QUÍMICA. 2006. (Outra).

8.
XXI SEMANA DA QUIMICA. 2005. (Encontro).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
SANTOS, Gleice Rocha dos. 1 Simpósio sobre avaços na produção e tecnologia da carne-. 2008. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões concluídas
Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
ANA CLAUDIA DA CRUZ. ESTUDO DO MAPA MENTAL COMO FERRAMENTA DIDÁTICA NO PROCESSO DE ENSINO DE QUÍMICA. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Química) - Instituto Federal do Paraná. Orientador: Gleice Rocha dos Santos Almeida.

2.
CARLOS AUGUSTO LUZ. ?SIMULADOR? - LÚDICO COMO FERRAMENTA PEDAGÓGICA NO PROCESSO DE ENSINO E APRENDIZAGEM SOBRE DISTRIBUIÇÃO ELETRÔNICA. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Química) - Instituto Federal do Paraná. Orientador: Gleice Rocha dos Santos Almeida.

3.
ROSILENE DOS SANTOS OLIVEIRA. EXTRAÇÃO E CARACTERIZAÇÃO DE PECTINA DE ALBEDO DE LARANJA. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Química) - Instituto Federal do Paraná. Orientador: Gleice Rocha dos Santos Almeida.

Iniciação científica
1.
Francielli Cavalcante Candido. Proteases na otimização da hidrólise de colágeno extraído couro bovino. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Química) - Instituto Federal do Paraná, Fundação Araucária. Orientador: Gleice Rocha dos Santos Almeida.



Inovação



Projetos de pesquisa



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 16/10/2018 às 18:52:26