Jefferson Virgílio

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/1173146656783330
  • Última atualização do currículo em 07/12/2018


Antropólogo. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Jefferson Virgílio
Nome em citações bibliográficas
VIRGÍLIO, Jefferson

Endereço


Endereço Profissional
ICS - Universidade de Lisboa.
Av. Prof. Aníbal Bettencourt 9
Cidade Universitária
1600189 - Lisboa, - Portugal
Telefone: (351) 21780470
URL da Homepage: www.ics.ul.pt


Formação acadêmica/titulação


2014 - 2015
Mestrado em Antropologia Social.
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
com período sanduíche em Universidade Nova de Lisboa (Orientador: Não há.).
Título: Travessias antropológicas do além-mar - Pós-colonialismos em português,Ano de Obtenção: 2015.
Orientador: Miriam Pillar Grossi.
Bolsista do(a): European Commission, EC, Portugal.
Palavras-chave: Antropologias portuguesas; Antropologias brasileiras; Pós-colonialismos; Antropologias mundiais.
Grande área: Ciências Humanas
2011 - 2013
Graduação em Bacharelado em Antropologia.
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
com período sanduíche em Universidade Nova de Lisboa (Orientador: Ana Isabel Afonso).
Título: Antropólogo militante, pesquisador e/ou sujeito de estudo? Revisão teórica sobre pesquisa e militância na antropologia contemporânea.
Orientador: Miriam Pillar Grossi.




Formação Complementar


2018 - 2018
Educação especial e educação inclusiva. (Carga horária: 60h).
Instituto Federal de Santa Catarina, IFSC, Brasil.
2017 - 2017
Education in Finland. (Carga horária: 120h).
University of Jyväskylä, JYU, Finlândia.
2015 - 2015
5º Curso de Curta Duração em Gênero e Feminismos. (Carga horária: 30h).
Instituto de Estudos de Gênero - UFSC, IEG, Brasil.
2014 - 2015
Antropologia. (Carga horária: 900h).
Universidade Nova de Lisboa, UNL, Portugal.
2013 - 2013
Editoração de revistas científicas eletrônicas. (Carga horária: 50h).
Revues.org, REVUES, França.
2012 - 2013
Antropologia. (Carga horária: 150h).
Inst. Superior de Ciência do Trabalho e da Empesa, ISCTE, Portugal.
2012 - 2013
Antropologia. (Carga horária: 800h).
Universidade Nova de Lisboa, UNL, Portugal.
2011 - 2011
Extensão universitária em Grupo de estudos em epistemologia. (Carga horária: 20h).
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade do Estado de Santa Catarina, UDESC, Brasil.
Vínculo institucional

2018 - 2018
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Iberoamérica social: Revista-red de estudios sociales.
Vínculo institucional

2015 - Atual
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Equipe editorial, Carga horária: 10
Outras informações
Membro do conselho editorial e do comitê científico. Parecerista ad hoc e blogger.


Centro Universitário Municipal de São José, USJ, Brasil.
Vínculo institucional

2015 - 2016
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor substituto, Carga horária: 10
Outras informações
Professor substituto nas seguintes disciplinas: CC030 (20161) - Sociologia aplicada a contabilidade (graduação) ADM011 (20161) - Sociologia aplicada a administração (graduação) CR039 (20162) - Mitos e narrativas sagradas (graduação)


Associação de pós-graduandas e pós-graduandos da UFSC, APG/UFSC, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - 2016
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Colaborador voluntário, Carga horária: 2
Outras informações
Após a conclusão do mestrado passei a colaborar sem vinculo formal com a APG/UFSC.

Vínculo institucional

2015 - 2016
Vínculo: Temporário, Enquadramento Funcional: Vice-presidente*, Carga horária: 2
Outras informações
A nomeação enquanto vice-presidente foi apenas simbólica. Remeteu a definição imposta pelo estatuto, que está em vias de ser alterada. Defendemos uma estrutura horizontalizada e todo o sistema e hierarquia de cargos está em processo de remoção.


Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - 2016
Vínculo: Apoio técnico, Enquadramento Funcional: Apoio técnico, Carga horária: 20
Outras informações
Apoio técnico realizado no curso de Licenciatura Intercultural Indígena do Sul da Mata Atlântica da Universidade Federal de Santa Catarina.

Vínculo institucional

2015 - 2016
Vínculo: Tutor-Professor, Enquadramento Funcional: Professor-Tutor, Carga horária: 20
Outras informações
Bolsista tutor-professor no curso de especialização em Gênero e Diversidade na Escola nas disciplinas: ANT110011-21000098ES (20152) - Gênero, Raça e Diversidade no Cotidiano Escolar (pós-graduação). ANT110007-21000098ES (20152) - Noções de Raça, Racismo, Etnicidade e Desigualdade Racial (pós-graduação). ANT110009-21000098ES (20161) - Saúde, Sexualidades e Reprodução (pós-graduação) ANT110010-21000098ES (20161) - Sexualidades e Violência no Cotidiano Escolar (pós-graduação)

Vínculo institucional

2015 - 2016
Vínculo: Conselheiro indicado, Enquadramento Funcional: Conselheiro da Câmara de Pós-Graduação, Carga horária: 2
Outras informações
Conselheiro na câmara de pós-graduação por indicação da APG/UFSC.

Vínculo institucional

2014 - 2016
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Pesquisador, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Pesquisador no Núcleo de Identidades de Gênero e Subjetividades - NIGS/UFSC. Bolsista da SPM/PR desde 07/2015.

Vínculo institucional

2014 - 2014
Vínculo: Estágio-docência, Enquadramento Funcional: Estágio-docência, Carga horária: 10
Outras informações
Estágio-docência realizado na disciplina "ANT 7502 Tutorial em Antropologia II: Trabalho de campo, engajamento, ética e subjetividade". (graduação) Apoio técnico realizado na disciplina "ANT 7034 - Tópicos Especiais em Antropologia VIII: Trabalho de campo, engajamento, ética e subjetividade". (graduação)

Vínculo institucional

2014 - 2014
Vínculo: Apoio técnico., Enquadramento Funcional: Apoio técnico., Carga horária: 10
Outras informações
Apoio técnico realizado na disciplina "ANT 410093 - Antropologia das Sociedades Complexas: Homenagem à Gilberto Velho,". (pós-graduação)

Vínculo institucional

2012 - 2014
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista voluntário IC, Carga horária: 20
Outras informações
Bolsista voluntário de iniciação científica no Núcleo de Identidades de Gênero e Subjetividades - NIGS.


National Technical University of Ukraine - Kyiv Polytechnic Institute, KPI, Ucrânia.
Vínculo institucional

2015 - 2015
Vínculo: Visitante, Enquadramento Funcional: Temporário, convidado, Carga horária: 8
Outras informações
Ministrei duas aulas aos alunos do mestrado em Engenharia Biomédica.

Atividades

3/2015 - 4/2015
Ensino, Engenharia Biomédica, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Diálogos interculturais e pesquisas interdisciplinares (1 aula); Ética na pesquisa com e em seres humanos (1 aula)

Universidade Nova de Lisboa, UNL, Portugal.
Vínculo institucional

2014 - 2015
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista, Carga horária: 20
Outras informações
Bolsista do Erasmus Fellow-Mundus.


Programa de Pós-Graduação em Antropologia Social - UFSC, PPGAS/UFSC, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - 2014
Vínculo: Representante discente, Enquadramento Funcional: Representação discente, Carga horária: 10
Outras informações
Representante discente no PPGAS/UFSC.


Associação Brasileira de Antropologia, ABA, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - 2014
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Apoio técnico., Carga horária: 10


Centro Acadêmico Livre de Antropologia (UFSC), CALANT, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - 2012
Vínculo: Membro, Enquadramento Funcional: Membro, Carga horária: 10



Projetos de pesquisa


2014 - 2016
Avaliação do Prêmio Construindo a Igualdade de Gênero no Brasil

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Miriam Pillar Grossi em 24/10/2016.
Descrição: Os objetivos do projeto são: a) Analisar as redações e artigos pré-selecionados em todas as edições do Prêmio buscando identificar temas recorrentes, em cada ano e ao longo de todo o concurso, e a presença de especificidades decorrentes do contexto local/regional, assim como, identificar os conceitos predominantes de gênero, raça/etnia, orientação sexual e articulação de gênero com outras categorias relevantes, tais como raça, classe etc.; b) Identificar perfil das/os estudantes de ensino médio em termos de gênero, cor, idade, orientação sexual, tipo de escola por dependência administrativa (municipal, estadual, federal ou privada), localização geográfica e outros critérios; c)Mapear a trajetória dos/as alunos/as premiados por Estado (estudantes de ensino médio, graduação e mestrado) por meio de consulta à currículo lattes e por meio de pesquisa eletrônica em redes sociais, contatos por e-mail e telefônicos e, se possível presencial, para averiguar o que fazem estas/es estudantes atualmente e se houve aprofundamento e continuidade de pesquisas sobre o tema; d)Investigar a inserção do projeto no Projeto Politico Pedagógico da escola e a abrangência do mesmo em termos de percentual de alunos/as e professores/as envolvidos, tempo de implementação do projeto e metodologia empregada na construção do projeto, assim como outros fatores que possam ter influenciado a participação no concurso como cursos de extensão, aperfeiçoamento e especialização em gênero (como o GDE Gênero e Diversidade na Escola) e/ou ativismo político em movimentos sociais; e)Identificar o perfil da escola em termos de dependência administrativa nas esferas pública e privada e localização geográfica no município e no Estado. f) Realizar uma pesquisa qualitativa in loco com uma amostra de 2 ou 3 escolas por região das escolas premiadas na categoria Escola Promotora da Igualdade , observando especialmente, se elas continuam implementando o projeto pedagógico no campo dos estudos de gênero e entrevistando professoras/es que tenham especial destaque no desenvolvimento de atividades pela Igualdade de Gênero e, se for o caso, o acompanhamento de alunos/as vencedoras. g) Entrevistar presencialmente, durante a visita in loco, representantes na esfera municipal e estadual dos Organismos de Políticas para as Mulheres nos Municípios em que estão situadas as escolas premiados na categoria Promotoras da Igualdade de Gênero para conhecer as políticas locais que podem (ou não) influenciar o bom desempenho de algumas escolas no concurso. h) Realizar um levantamento quantitativo dos ganhadores de prêmios em todas as categorias, construindo diferentes gráficos por região, estado, nível de premiação, gênero dos vencedores, etc. em vista de uma análise mais sociológica dos dados já disponíveis no site da SPM. A análise das diferenças regionais será feita por consultoras/es do projeto, pesquisadores/as vivendo nas cinco regiões do Brasil...
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (23) / Mestrado acadêmico: (7) / Doutorado: (7) .
Integrantes: Jefferson Virgílio - Integrante / Luisa Naves Nabak Purcino - Integrante / Arianna Sala - Integrante / Miriam Pilllar Grossi - Coordenador / Tania Welter - Integrante / Anna Carolina H. Amorim - Integrante / Caterina Rea - Integrante / Jimena Maria Massa - Integrante / Mareli Eliane Graupe - Integrante / Marie-Anne Leal Losano - Integrante / Crishna Correa - Integrante / Mauricio Gomes - Integrante / Vinicius Kauê Ferreira - Integrante / Melissa Barbieri de Oliveira - Integrante / Felipe Bruno Martins Fernandes - Integrante / Daniel Machado Conceição - Integrante / Virginia Nunes - Integrante / Julia Godinho - Integrante / Bruno Cordeiro - Integrante / Leticia Cardoso Barreto - Integrante / Bruna Klöppel - Integrante / Nattany Rodrigues - Integrante / Sophia Caroline Amenezes - Integrante / Anahi Guedes de Mello - Integrante / Carmelita de Afonseca Silva - Integrante / Natan Schmitz Kremer - Integrante / Marisa de Souza Naspolini - Integrante / Pedro Rosas Magrini - Integrante / Claudia Regina Nichnig - Integrante / Jainara Gomes de Oliveira - Integrante / Arthur Leonardo da Costa Novo - Integrante / Alessandra Caroline Ghiorzi - Integrante / Lino Gabriel Nascimento dos Santos - Integrante / Vitor Lopes Andrade - Integrante / Emilia Haline Dutra - Integrante / Gabriela Solange Sagaz - Integrante / Geni Daniela Nunez Longhini - Integrante / Helena Motta Monaco - Integrante / Kessila Maria Silva - Integrante / Leonardo Pereira de Lima - Integrante / Luisa Frediani Oxley - Integrante / Nathalia Dothling dos Reis - Integrante / Nauana Antonello Ramos de Aguiar - Integrante / Sabrina Medeiros - Integrante / Thayse Jacques da Silva - Integrante / Vitor Gomes - Integrante / Veronica Mackoviak - Integrante / Jonatan Pereira - Integrante / Suzana Martins Costa - Integrante / Isabela Pereira Cantarelli - Integrante / Olga Regina Zigelli Garcia - Integrante.Financiador(es): Secretaria Especial de Políticas para as Mulheres - Bolsa.
2013 - 2016
Antropologia, Gênero e Educação em Santa Catarina

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Miriam Pillar Grossi em 20/07/2014.
Descrição: Este projeto de pesquisa, a ser realizado no âmbito do Programa de Apoio a Núcleos Emergentes PRONEM-FAPESC-CNPq visa a estudar como questões de gênero e sexualidade tem sido incorporadas pelas políticas públicas educacionais no Estado de Santa Catarina. Para o desenvolvimento deste projeto, serão articulados os campos teóricos da Antropologia, Educação, Psicologia e dos Estudos de Gênero visando a contribuir para a discussão e construção de políticas públicas educacionais, que objetivam a promoção da igualdade, da equidade e do respeito à diversidade.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2013 - 2016
Feminismo, ciências e educação: relações de poder e transmissão de conhecimento

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Miriam Pillar Grossi em 16/10/2014.
Descrição: Este projeto visa dar continuidade e articular teóricamente pesquisas realizadas por pesquisadoras/es vinculados ao Núcleo de Identidades de Gênero e Subjetividades (NIGS), sediado na UFSC em torno das temáticas de gênero, feminismo, ciências, educação e sexualidade. Tem como objetivos: a) estudar o lugar das mulheres no campo cientifico contemporâneo e em particular, estudar as relações de gênero e o lugar das mulheres em alguns espaços de produção de conhecimento científicos acadêmicos; b) refletir sobre a forma como a produção contemporânea feminista tem sido incorporada (ou não) nos espaços de transmissão de conhecimento e formação de professores e jovens, que é o espaço do ensino e da educação. O projeto tem como eixo analítico a analise critica feminista da ciência que entende toda produção de conhecimento como ?situada? e permeada por relações de poder, muitas vezes invisibilizadas nos discursos hegemônicos que legitimam instituições, tradições teóricas e indivíduos no interior de um campo de produção teórica. A pesquisa será realizada através de etnografia de laboratórios e rituais acadêmicos, entrevistas, investigação documental em arquivos institucionais e bibliotecas especializadas, observação participante de eventos significativos para as áreas disciplinares estudadas que se constituem enquanto importantes espaços rituais de consagração e legitimação acadêmica.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Projetos de extensão


2018 - 2018
Projeto Rondon (Operação Encantos do Vale)
Descrição: O Projeto Rondon é um projeto de integração social que envolve a participação voluntária de estudantes, na busca de soluções que contribuam para o desenvolvimento sustentável de comunidades e ampliem o bem-estar da população. A edição ocorreu entre os dias 10 e 21 de julho, na região de Itajaí, pelo Núcleo Extensionista Rondon da Universidade do Estado de Santa Catarina em conjunto com outras instituições..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (99) / Especialização: (10) / Mestrado acadêmico: (10) / Mestrado profissional: (10) / Doutorado: (10) .
Integrantes: Jefferson Virgílio - Coordenador / Jaison Ademir Sevegnani - Integrante.


Outros Projetos


2014 - 2015
Fellow-Mundus Project
Descrição: O projeto FELLOW-MUNDUS é uma parceria no âmbito do Erasmus Mundus Ação 2, que visa contribuir, através da mobilidade de estudantes e de pessoal docente e não docente, para o reforço dos laços sustentáveis nas áreas da educação, cultura, economia, ciência e tecnologia, entre a União Europeia e os países Latino-Americanos. O projeto visa reforçar a cooperação entre as Instituições de Ensino Superior da União Europeia e as Universidades latino-americanas, possibilitando a mobilidade de estudantes, investigadores e pessoal académico e administrativo através de um esquema de atribuição de bolsas, desenvolvendo o curriculum individual, reforçando a transferência do conhecimento e a partilha de experiências e de boas práticas. Permitirá às Instituições de Ensino Superior da América Latina criarem um sistema de mobilidade universitária, desenhado de acordo com a Declaração de Bolonha e as diretrizes do Programa Erasmus.
Situação: Concluído; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Graduação: (48) / Mestrado acadêmico: (43) / Doutorado: (41) .
Integrantes: Jefferson Virgílio - Integrante / José Esteves Pereira - Coordenador.Financiador(es): Comissão Européia - Bolsa.


Membro de corpo editorial


2016 - Atual
Periódico: Revista-red Iberoamérica Social
2015 - Atual
Periódico: Social, Open and Free Anthropology


Revisor de periódico


2015 - Atual
Periódico: Revista-red Iberoamérica Social
2015 - Atual
Periódico: EJA em debate
2017 - Atual
Periódico: Teaching anthropology
2018 - Atual
Periódico: REVISTA PIAUIENSE DE HISTÓRIA SOCIAL E DO TRABALHO
2018 - Atual
Periódico: REVISTA ENSAIOS


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Antropologia.


Idiomas


Inglês
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Outros
Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.


Prêmios e títulos


2014
Primeiro bacharel em Antropologia formado na Universidade federal de Santa Catarina, Universidade Federal de Santa Catarina.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
VIRGÍLIO, Jefferson2018 VIRGÍLIO, Jefferson. Da Companhia de Jesus aos cursos de formação de professores indígenas: Políticas nacionais e educação indígena em Santa Catarina. CAPTURA CRÍPTICA (ONLINE), v. 6, p. 190-213, 2018.

2.
VIRGÍLIO, Jefferson2018VIRGÍLIO, Jefferson. Repositórios virtuais da legislação brasileira: O caso da educação indígena. ATOZ: NOVAS PRÁTICAS EM INFORMAÇÃO E CONHECIMENTO, v. 6, p. 14-18, 2018.

3.
VIRGÍLIO, Jefferson2017VIRGÍLIO, Jefferson. Napë: relações sociais múltiplas e interseccionais. REVISTA LUDERE, v. 1, p. 4-25, 2017.

4.
VIRGÍLIO, Jefferson2017 VIRGÍLIO, Jefferson. A meta 10 do Plano Nacional da Educação: Do plano aos possíveis problemas. REVISTA EJA EM DEBATE, v. 6, p. 8-27, 2017.

5.
VIRGÍLIO, Jefferson2017VIRGÍLIO, Jefferson. Between Abjection and the Abject. Journal of Extreme Anthropology, v. 1, p. 101-105, 2017.

6.
VIRGÍLIO, Jefferson2015VIRGÍLIO, Jefferson. Antropólogo militante, pesquisador e/ou sujeito de estudo? Pesquisa e militância na antropologia contemporânea. Revista Antropologías del Sur, v. 3, p. 69-85, 2015.

7.
VIRGÍLIO, Jefferson2015VIRGÍLIO, Jefferson. Palavras, faixas e cânticos numa manifestação estudantil em Lisboa. Revista Trama - Revista de la Asociación Uruguaya de Antropología Social, v. 6, p. 68-76, 2015.

8.
VIRGÍLIO, Jefferson2014 VIRGÍLIO, Jefferson. A prática e a experiência etnográfica. Revista Periódicus, v. 1, p. 304-322, 2014.

9.
VIRGÍLIO, Jefferson2014VIRGÍLIO, Jefferson. Por uma atualização do método da pesquisa participante nos contextos urbanos globalizados. Cadernos de Estudos Sociais, v. 28, p. 74-92, 2014.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
VIRGÍLIO, Jefferson. Antropólogo militante, pesquisador e/ou sujeito de estudo? Revisão teórica sobre pesquisa e militância na antropologia contemporânea. 1. ed. Florianópolis: NIGS - Núcleo de Identidades de Gênero e Subjetividades, 2014. v. 1. 116p .

Capítulos de livros publicados
1.
VIRGÍLIO, Jefferson. Napë: Relações sociais múltiplas e interseccionais. In: Carlos Benítez Trinidad; Jose María Barroso Tristán. (Org.). Diálogos Iberoamericanos I: Análisis y propuestas desde las ciencias sociales para repensar Iberoamérica. 1ed.Sevilla: Iberoaméria Social Editorial - Asociación Reconocer, 2017, v. I, p. 125-144.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
VIRGÍLIO, Jefferson. Repositórios virtuais da legislação brasileira: O caso da educação indígena no Brasil e em Santa Catarina. In: XIII Encontro Catarinense de Arquivos, 2018, Florianópolis. Arquivos: Da gestão ao patrimônio documental. Florianópolis: Editora AAESC, 2018. v. XIII. p. 76-83.

2.
VIRGÍLIO, Jefferson; PURCINO, Luisa Naves Nabak ; SALA, Arianna ; GROSSI, M. P. . O uso de vídeos no projeto Papo Sério em Santa Catarina em 2013. In: VII Congresso Internacional de estudos sobre a diversidade sexual e de gênero da ABEH, 2014, Rio Grande. Práticas, pedagogias e políticas públicas. Rio Grande: Editora da FURG, 2014. v. 1.

3.
KREMER, Natan Schmitz. ; VIRGÍLIO, Jefferson . Um espelho da cidade? A(s) festa(s) do Divino Espírito Santo em Pirenópolis Goiás e outras reflexões sobre espaços e turismo. In: IV Encontro Internacional de Ciências Sociais, 2014, Pelotas. Espaços públicos, identidades e diferenças,. Pelotas: UFPel, 2014. v. IV. p. 1-1.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
VIRGÍLIO, Jefferson. Voluntary anthropology on conflict scenarios: or a replica try to ?anthropology is just the daughter of the colonialism?. In: Міжна практична конференція соціології, 2014, Kiev. Великі війни, великі трансформації: 1914-2014. Kiev: НТУУ, 2014. v. 1. p. 55-56.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
VIRGÍLIO, Jefferson. Percepções sobre etnologia indígena na antropologia do ciberespaço: 25 anos de dissertações em antropologia social no Brasil. In: VI Congresso da associação portuguesa de antropologia, 2016, Coimbra. Futuros disputados. Lisboa: BBCE, 2016. v. 1. p. 35-35.

2.
CHIKUJI, Daiane Yumi da Silva ; VIRGÍLIO, Jefferson . A recepção da agricultura familiar por unidades de alimentação e nutrição de hospitais universitários: O caso do decreto 8473/2015 e a Universidade Federal de Santa Catarina. In: VI Congresso da associação portuguesa de antropologia, 2016, Coimbra. Futuros disputados. Lisboa: BBCE, 2016. v. 1. p. 116-116.

3.
VIRGÍLIO, Jefferson; MELLO, A. G. . Vida precária Napë: Corpos dispensáveis e intersecionalidades. In: IV Enlaçando sexualidades, 2015, Salvador. Moralidades, famílias e fecundidade. Salvador: UNEB, 2015. v. IV. p. 1-1.

4.
MELLO, A. G. ; VIRGÍLIO, Jefferson ; GROSSI, M. P. . A produção dos dois lados dos diários de campo e a consulta a códigos de ética e laudos antropológicos no ensino de antropologia: Relatos de experiências de práticas de estágio-docência. In: XI Reunión de Antropología del Mercosur, 2015, Montevideo. Diálogos, prácticas y visiones antropológicas desde el Sur. Montevideo: AUAS, 2015. v. 1. p. 1-1.

5.
VIRGÍLIO, Jefferson. Activist anthropologist, researcher and / or subject of study?. In: European Association of Social Anthropologists 2014, 2014, Tallinn - Estônia. EASA 2014 - Collaboration, intimacy & revolution, 2014. v. 1. p. 209-209.

6.
VIRGÍLIO, Jefferson. The early anthropologist and the emancipation of anthropology. In: European Association of Social Anthropologists 2014, 2014, Tallinn - Estônia. EASA 2014 - Collaboration, intimacy & revolution, 2014. v. 1. p. 99-99.

7.
VIRGÍLIO, Jefferson. Vem pro meio: agentes, momentos e locais que definem o objecto de pesquisa. In: V Congresso da associação Portuguesa de Antropologia, 2013, Vila Real. Antropologia em contraponto, 2013. v. V. p. 131.

8.
VIRGÍLIO, Jefferson. Diferencias entre discurso y práctica: implicaciones para la práctica etnográfica. In: VII JIAS - Jornadas de Investigacion en Antropologia Social, 2013, Buenos Aires. Jornadas de Investigacion en Antropologia Social. Buenos Aires, 2013. v. VII.

9.
VIRGÍLIO, Jefferson. Diferenças entre o discurso e a prática: novas configuraçoes de assédio moral. In: II Seminário catarinense de prevenção ao assédio moral no trabalho, 2013, Florianópolis. Anais do II Seminário Catarinense de Prevenção ao Assédio Moral no Trabalho. Florianópolis: Editora da UFSC, 2013. v. II. p. 9.

Artigos aceitos para publicação
1.
VIRGÍLIO, Jefferson. Da etnografia não autorizada à etnografia não revelada: Percepções sobre ética antropológica na pesquisa em ambientes laborais precários. Cadernos de Campo (USP), 2018.

Apresentações de Trabalho
1.
VIRGÍLIO, Jefferson; SILVA, Carmelita de Afonseca ; PEDRO, Vânia ; AMÂNCIO, Hélder Pires . Antropologias, antropólogas e antropólogos, nas e das periferias. 2015. (Apresentação de Trabalho/Outra).

2.
VIRGÍLIO, Jefferson; REFÓLIO, Vera . Uma noite de fados em Alfama. Performances, dinâmicas sociais e representações sobre fados. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
MELLO, A. G. ; VIRGÍLIO, Jefferson ; GROSSI, M. P. . A produção dos dois lados dos diários de campo e a consulta a códigos de ética e laudos antropológicos no ensino de antropologia: Relatos de experiências de práticas de estágio-docência. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

4.
VIRGÍLIO, Jefferson; PURCINO, Luisa Naves Nabak ; SALA, Arianna ; GROSSI, M. P. . O uso de vídeos no projeto Papo Sério em Santa Catarina em 2013. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

5.
VIRGÍLIO, Jefferson. The early anthropologist and the emancipation of anthropology. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

6.
VIRGÍLIO, Jefferson. Activist anthropologist, researcher and / or subject of study?. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

7.
VIRGÍLIO, Jefferson. Voluntary anthropology on conflict scenarios: or a replica try to ?anthropology is just the daughter of the colonialism?. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

8.
VIRGÍLIO, Jefferson. Diferenças entre discurso e prática - implicações para a prática etnográfica. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

9.
VIRGÍLIO, Jefferson. Largadas de touros em Samora Correa - discursos do passado e práticas contemporâneas de masculinidades em uma aldeia do Ribatejo. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

10.
VIRGÍLIO, Jefferson. Entre a rua e o meio. 2013. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

11.
VIRGÍLIO, Jefferson. Diferenças entre o discurso e a prática: novas configuraçoes de assédio moral. 2013. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

12.
VIRGÍLIO, Jefferson. Palavras, faixas e cânticos numa manifestação estudantil em Lisboa. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

13.
CIRICO GARCIA, R. C. ; VIRGÍLIO, Jefferson . Incompatibilidades acadêmicas: quando a teoria e o método não são suficientes. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

14.
VIRGÍLIO, Jefferson. Visitante indesejado: sobre o imprevisto no trabalho de campo. 2013. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

15.
VIRGÍLIO, Jefferson. Militante, pesquisador ou sujeito de estudo? Intersecções entre a academia e a militância. 2013. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

16.
VIRGÍLIO, Jefferson. Palavras, faixas e cânticos numa manifestação estudantil em Lisboa. 2013. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

Outras produções bibliográficas
1.
VIRGÍLIO, Jefferson. Devemos manter fronteiras geográficas, epistêmicas, políticas e culturais com a África?. Sevilla: Iberoamérica Social: Revista-red de estudios sociale, 2018 (Coluna científica).

2.
YIP, J. ; GARCÍA, O. ; VIRGÍLIO, Jefferson . Translinguagens: Recomendações para educadores. Sevilla: Iberoamérica Social: Revista-red de estudios sociale, 2018. (Tradução/Artigo).

3.
VIRGÍLIO, Jefferson; AMÂNCIO, Hélder Pires . Antropologia no Brasil e em Moçambique: Um diálogo possível?. Lisboa: Congresso Luso-Afro-Brasileiro, 2015 (Aceito para apresentação).

4.
VIRGÍLIO, Jefferson. Resenha de MENEZES BASTOS, Rafael José de. A festa da jaguatirica: Uma partitura crítico-interpretativa 2015 (Aceito para apresentação).

5.
VIRGÍLIO, Jefferson. Nuevas vías para compartir nuestro diálogo con el público 2014 (Aceito para apresentação).


Produção técnica
Trabalhos técnicos
1.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: IFSC. 2018.

2.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: IFSC. 2018.

3.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: IFSC. 2018.

4.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: IFSC. 2018.

5.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: Revista Contemporânea de Educação. 2018.

6.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: Iberoamerica Social. 2018.

7.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: EJA em debate. 2018.

8.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: Iberoamerica Social. 2018.

9.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: Pro-reitoria de Extensão IFSC. 2018.

10.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: Iberoamerica Social. 2018.

11.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: Cadernos da Associação Brasileira de Ensino de Ciências Sociais. 2018.

12.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: Revista Estudos Institucionais. 2018.

13.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: Revista Epistemologias do Sul. 2018.

14.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: EJA em debate. 2018.

15.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: Idealogando. 2018.

16.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: EJA em debate. 2018.

17.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: Café com sociologia. 2017.

18.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: Café com sociologia. 2017.

19.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: EJA em debate. 2017.

20.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista externo - Governo do Estado do Paraná. 2017.

21.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: EJA em debate. 2017.

22.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: Iberoamérica Social. 2017.

23.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: Ludere. 2017.

24.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista externo - Governo do Estado do Paraná. 2017.

25.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista externo - Governo do Estado do Paraná. 2017.

26.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista externo - Governo do Estado do Paraná. 2017.

27.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: Prim@ Facie. 2017.

28.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: Idealogando. 2017.

29.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista externo - Governo do Estado do Paraná. 2017.

30.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista externo - Governo do Estado do Paraná. 2017.

31.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: EJA em debate. 2017.

32.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: Cadernos de Campo. 2017.

33.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: Iberoamerica Social. 2017.

34.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: Iberoamerica Social. 2017.

35.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: Iberoamérica Social. 2016.

36.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: EJA em debate. 2016.

37.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: EJA em debate. 2016.

38.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: EJA em debate. 2016.

39.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: EJA em debate. 2016.

40.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: EJA em debate. 2016.

41.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: EJA em debate. 2016.

42.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: Iberoamérica Social. 2016.

43.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: Políticas Públicas & Cidades. 2016.

44.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista externo - Governo do Estado do Paraná. 2016.

45.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: EJA em debate. 2015.

46.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: EJA em debate. 2015.

47.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: EJA em debate. 2015.

48.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: EJA em debate. 2015.

49.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: Iberoamérica Social. 2015.

50.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: EJA em debate. 2015.

51.
VIRGÍLIO, Jefferson. Parecerista ad-hoc: Café com sociologia. 2015.

52.
AMÂNCIO, Hélder Pires ; PEDRO, Vânia ; SILVA, Carmelita de Afonseca ; VIRGÍLIO, Jefferson . Parecerista ad-hoc: Congresso Luso-afro-brasileiro. 2015.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
LIPER, R. ; TRISTAN, J. M. B. ; VIRGÍLIO, Jefferson . Do anarquismo teórico ao liberalismo prático. 2018. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

Redes sociais, websites e blogs
1.
VIRGÍLIO, Jefferson. Outrem. 2015; Tema: Antropologia. (Blog).


Demais tipos de produção técnica
1.
VIRGÍLIO, Jefferson; SAGAZ, G. S. . As duas faces do Diário de Campo. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

2.
VIRGÍLIO, Jefferson; NOVO, A. L. C. ; MELLO, A. G. . Howard Becker e a Antropologia: apropriações antropológicas de uma teoria sociológica. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

3.
VIRGÍLIO, Jefferson. Monitoria no III Encontro Nacional de Estudantes Indígenas. 2015. (Monitoria de atividades científicas).

4.
VIRGÍLIO, Jefferson. Monitoria na XI Reunión de Antropología del Mercosur. 2015. (Monitoria de atividades científicas).

5.
VIRGÍLIO, Jefferson; SILVA, Carmelita de Afonseca ; PEDRO, Vânia ; AMÂNCIO, Hélder Pires . Antropologias, antropólogas e antropólogos, nas e das periferias. 2015. (Organização de Grupo de trabalho).

6.
VIRGÍLIO, Jefferson. Monitoria no Seminario Internacional Fazendo Gênero 10 - Desafios atuais dos feminismos. 2013. (Monitoria de atividades científicas).



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Diálogos Moçambicanos III. 2018. (Encontro).

2.
Cuba: Democracia e socialismo?.Há democracia em Cuba?. 2017. (Outra).

3.
História, memória, esquecimento. 2017. (Seminário).

4.
I Seminário de Línguas Indígenas do Sul da Mata Atlântica: Guarani, Kaingang e Xokleng. 2017. (Seminário).

5.
Seminários Responsible Research and Innovation: Fraude na produção científica. 2017. (Seminário).

6.
Workshop - Técnicas de entrevista.Role play seminar about interviewing. 2017. (Oficina).

7.
XIII Encontro Catarinense de Arquivos.Minicurso: Avaliação de documentos: interfaces com a eficiência da gestão pública e com a preservação da memória. 2017. (Oficina).

8.
Colóquio de ética e práticas da antropologia: Importância e aplicabilidade da antropologia - métodos e aplicação prática dos conhecimentos antropológicos. 2016. (Outra).

9.
Povos Indígenas e as consequências na atual estrutura política Brasileira. 2016. (Outra).

10.
VI Congresso da associação portuguesa de antropologia. Percepções sobre etnologia indígena na antropologia do ciberespaço: 25 anos de dissertações em antropologia social no Brasil. 2016. (Congresso).

11.
Arqueologia brasileira no século XXI: atuação política, interdisciplinaridade e institucionalização. 2015. (Outra).

12.
Cidade e etnografia - O bairro de Alfama na Antropologia Portuguesa Contemporânea.Uma noite de fados em Alfama. Performances, dinâmicas sociais e representações sobre fados. 2015. (Outra).

13.
Congresso da Associação Internacional de Ciências Sociais e Humanas em Língua Portuguesa. Antropologias, antropólogas e antropólogos, nas e das periferias. 2015. (Congresso).

14.
III Encontro Nacional de Estudantes Indígenas. 2015. (Encontro).

15.
V Conferência Estadual de CTI - SC.Outra. 2015. (Outra).

16.
XI Reunión de Antropología del Mercosur. A produção dos dois lados dos diários de campo e a consulta a códigos de ética e laudos antropológicos no ensino de antropologia: Relatos de experiências de práticas de estágio-docência. 2015. (Congresso).

17.
Великі війни, великі трансформації: 1914-2014. Voluntary anthropology on conflict scenarios: or a replica try to ?anthropology is just the daughter of the colonialism?. 2014. (Congresso).

18.
Colóquio Sujeitos e Políticas Públicas. 2014. (Simpósio).

19.
European Association of Social Anthropologists 2014.Activist anthropologist, researcher and / or subject of study?. 2014. (Encontro).

20.
European Association of Social Anthropologists 2014.The early anthropologist and the emancipation of anthropology. 2014. (Encontro).

21.
Fins de tarde com a Antropologia. Conversas sobre arquivos etnográficos. 2014. (Oficina).

22.
I Semana de Recepção para os Calouros do Curso de Antropologia da UFSC.Primeiro graduado em antropologia da universidade federal de Santa Catarina. 2014. (Outra).

23.
Qualidade de Conteúdo, o Grande Desafio para os Editores Científicos. 2014. (Outra).

24.
VII Congresso Internacional de Estudos Sobre a Diversidade Sexual e de Gênero da ABEH. O uso de vídeos no projeto Papo Sério em Santa Catarina em 2013. 2014. (Congresso).

25.
XVIII Congreso Internacional de Historia Oral. 2014. (Congresso).

26.
Contributo da análise paleopatológica na interpretação dos modos de vida do passado. 2013. (Seminário).

27.
Fazendo Gênero 10. 2013. (Seminário).

28.
I ENCONTRO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA NORTE E NORDESTE DE ANTROPOLOGIA / IV REA - REUNIÃO EQUATORIAL DE ANTROPOLOGIA.Largadas de touros em Samora Correia - discursos do passado e praticas contemporaneas de masculinidades em uma aldeia do Ribatejo. 2013. (Encontro).

29.
II Seminário Catarinense de Prevenção ao Assédio Moral no Trabalho.Diferenças entre o discurso e a prática: novas configuraçoes de assédio moral. 2013. (Seminário).

30.
II Seminário Patrimônio Cultural e Museologia.Palavras, faixas e cânticos numa manifestação estudantil em Lisboa. 2013. (Seminário).

31.
Jornada internacional NIGS 2013 - Trabalho de Campo, ética, sexualidades.. 2013. (Encontro).

32.
Jornadas Antropologicas PPGAS/UFSC 2013.Visitante indesejado - sobre o imprevisto no trabalho de campo. 2013. (Seminário).

33.
Jornadas Antropologicas PPGAS/UFSC 2013.Incompatibilidades acadêmicas: quando a teoria e o método não são suficientes. 2013. (Seminário).

34.
Práticas artísticas, "apropriações" e nação. 2013. (Seminário).

35.
Seminário de Iniciação Científica - UFSC.Militante, pesquisador ou sujeito de estudo? Intersecções entre a academia e a militância. 2013. (Seminário).

36.
VIII Semana de integração do CFH (UFSC).Entre a rua e o meio. 2013. (Outra).

37.
World Forum on Human Rights. 2013. (Outra).

38.
XIII Semana Acadêmica de Ciências Sociais - UFSC.Palavras, faixas e cânticos numa manifestação estudantil em Lisboa. 2013. (Encontro).

39.
X RAM ? REUNIÓN DE ANTROPOLOGÍA DEL MERCOSUR.Diferenças entre discurso e prática - implicações para a prática etnográfica. 2013. (Encontro).

40.
28ª Reunião Brasileira de Antropologia. 2012. (Encontro).

41.
VIII Seminário Internacional Jornadas Bolivarianas. 2012. (Seminário).

42.
Antropologia de Raposa. 2011. (Seminário).

43.
Uma proposta antropológica para o futuro do Museu de Arte Popular. 2011. (Outra).

44.
VII Seminário Internacional Jornadas Bolivarianas. 2011. (Seminário).



Outras informações relevantes


Primeiro bacharel em antropologia formado pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).
Bolsista no programa Erasmus Fellow Mundus pela Comissão Europeia no biênio 2014-2015.



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 10/12/2018 às 18:37:32