Esther Mayara Zamboni Rossi

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/8208906145125775
  • Última atualização do currículo em 06/02/2018


Possui Bacharelado e Licenciatura em História pela Universidade Federal de Santa Catarina (2011) e mestrado em História pela Universidade Federal de Santa Catarina (2015). Atualmente é Doutoranda do Programa de Pós-graduação em História pela Universidade Federal de Santa Catarina. Atuou como professora temporária de história do Instituto Federal Catarinense- Campus Ibirama. Faz parte do Grupo de Pesquisa do CNPq: Laboratório de Imigração, Migração e História Ambiental, UFSC. Pesquisadora dos seguintes temas: História Ambiental e Migração. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Esther Mayara Zamboni Rossi
Nome em citações bibliográficas
ROSSI, E. M. Z.

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal de Santa Catarina.
trindade
trindade
88040970 - Florianópolis, SC - Brasil - Caixa-postal: 88010300
Telefone: (48) 37219000


Formação acadêmica/titulação


2016
Doutorado em andamento em Programa de Pós-Graduação em História da UFSC.
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
Título: Políticas Públicas para Resíduos Sólidos Urbanos Domésticos: Brasil, Porto Alegre (1970-2015),
Orientador: Eunice Sueli Nodari.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: História Ambiental; Resíduos Sólidos.
2012 - 2015
Mestrado em História.
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
Título: ?Subindo à Serra?: Migrações, indústria madeireira e as transformações da paisagem no Rio Grande do Sul (1890-1970),Ano de Obtenção: 2015.
Orientador: Eunice Sueli Nodari.
Bolsista do(a): REUNI, REUNI, Brasil.
Palavras-chave: História Ambiental; Migração; Campos de Altitude; Indústria Madeireira.
2007 - 2011
Graduação em Bacharelado e licenciatura de historia.
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
Título: A expansão da indústria madeireira e a transformação da paisagem no Município de Vacaria - Rio Grande do Sul (1930-1970).
Orientador: Eunice Sueli Nodari.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.




Formação Complementar


2017 - 2017
Introdução ao QGIS. Software livre de geoprocessamento. (Carga horária: 8h).
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
2016 - 2016
Moodle: criando ambiente Ead. (Carga horária: 30h).
Cursos IAG formação a distância, IAG, Brasil.
2007 - 2007
Treinamento em Photoshop. (Carga horária: 6h).
Centro de Desenvolvimento Profissional, CDP, Brasil.


Atuação Profissional



Instituto Federal Catarinense, IF-Catarinense, Brasil.
Vínculo institucional

2013 - 2015
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor História temporário, Carga horária: 40


Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Estudante de Pós-Graduação, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

2012 - 2014
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Estudante de Pós-Graduação, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

2010 - 2011
Vínculo: estágiaria/bolsista CNPQ, Enquadramento Funcional: estagiária, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
A natureza dominada: ocupação e desmatamento no Rio Grande do Sul e no Oeste de Santa Catarina (1875-1970)

Vínculo institucional

2009 - 2010
Vínculo: estágiaria/bolsista CNPQ, Enquadramento Funcional: estagiária, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Atividades de Participação em Projeto, CNPQ, . Projetos de pesquisa Araucária: Símbolo de uma Era - o Parque Nacional das Araucárias e a Estação Ecológica da Mata Preta

Vínculo institucional

2008 - 2009
Vínculo: estagiária/bolsista CNPQ, Enquadramento Funcional: estagiária, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Atividades de Participação em Projeto, CNPQ, . Projetos de pesquisa Araucária: Símbolo de uma Era - o Parque Nacional das Araucárias e a Estação Ecológica da Mata Preta

Atividades

03/2017 - 07/2017
Estágios , CFH, .

Estágio realizado
Laboratório de Ensino de História: Meio Ambiente e História (PCC 72 horas/aula) 03326 Fase: 03 Créditos: 4 Curso: HISTÓRIA Prof(a): EUNICE SUELI NODARI.
03/2016 - 07/2016
Estágios , CFH, Programa de Pós-Graduação em História.

Estágio realizado
Laboratório de Ensino de História- Migrações e História Ambiental Fase: 04 Créditos: 4 Curso: HISTÓRIA Prof(a): JOAO KLUG.
08/2012 - 12/2012
Estágios , CFH, Programa de Pós-Graduação em História.

Estágio realizado
Estágio Docência.

Colegio Gustavo Vieira de Brito, GVB, Brasil.
Vínculo institucional

2005 - 2006
Vínculo: bolsista, Enquadramento Funcional: biblioteca e arqivologia, Carga horária: 20
Outras informações
-informatização da biblioteca -recepção -secretaria, atividades do setor responsavel por matriculas -organização do acervo bibliografico



Projetos de pesquisa


2013 - 2015
As Florestas com Araucárias no Cone Sul e a alteração das paisagens

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Eunice Sueli Nodari em 30/09/2015.
Descrição: A chegada dos imigrantes para as áreas de florestas do Rio Grande do Sul no século XIX e a migração de seus descendentes para o norte daquele Estado e o Oeste de Santa Catarina representou modificações não somente na vida humana, mas também na flora e na fauna da região que são personagens de destaque do presente estudo. O objetivo deste projeto é investigar o processo histórico das transformações ocorridas nas florestas do Rio Grande do Sul e do Oeste de Santa Catarina que foram ocupadas por imigrantes europeus e seus descendentes a partir de 1875. O período a ser pesquisado vai até década de 1970 quando se esgotam praticamente todas as áreas florestais. Para compreender tal processo será preciso buscar as mais diferentes fontes, muitas delas já conhecidas, mas não interpretadas com a abordagem da História Ambiental, que analisa a relação dos diferentes grupos sociais com o meio que o circunda. As leituras teóricas farão parte da pesquisa assim como a análise das seguintes fontes: a documentação oficial (relatórios de governo; legislação estadual e municipal; os censos demográficos; relatórios das companhias colonizadoras), os periódicos regionais, iconografias). Utilizaremos também a metodologia da história oral, para coletar as memórias deixadas por habitantes da região..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2010 - 2012
A natureza dominada: ocupação e desmatamento no Rio Grande do Sul e no Oeste de Santa Catarina (1875-1970)
Descrição: A chegada dos imigrantes para as áreas de florestas do Rio Grande do Sul no século XIX e a migração de seus descendentes para o norte daquele Estado e o Oeste de Santa Catarina representou modificações não somente na vida humana, mas também na flora e na fauna da região que são personagens de destaque do presente estudo. O objetivo deste projeto é investigar o processo histórico das transformações ocorridas nas florestas do Rio Grande do Sul e do Oeste de Santa Catarina que foram ocupadas por imigrantes europeus e seus descendentes a partir de 1875. O período a ser pesquisado vai até década de 1970 quando se esgotam praticamente todas as áreas florestais. Para compreender tal processo será preciso buscar as mais diferentes fontes, muitas delas já conhecidas, mas não interpretadas com a abordagem da História Ambiental, que analisa a relação dos diferentes grupos sociais com o meio que o circunda. As leituras teóricas farão parte da pesquisa assim como a análise das seguintes fontes: a documentação oficial (relatórios de governo; legislação estadual e municipal; os censos demográficos; relatórios das companhias colonizadoras), os periódicos regionais, iconografias). Utilizaremos também a metodologia da história oral, para coletar as memórias deixadas por habitantes da região. O estudo da transformação da paisagem no oeste catarinense e no Rio Grande do Sul mostra-se social e academicamente relevante, uma vez que a região está recriando constantemente sua identidade e a intervenção humana foi essencial na fragmentação e degradação dos ecossistemas..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (3) .
Integrantes: Esther Mayara Zamboni Rossi - Integrante / Eunice Sueli Nodari - Coordenador / Samira Peruchi Moretto - Integrante / Jó Klanovicz - Integrante / João Klug - Integrante / Marlon Brandt - Integrante / Marcos Gerhardt - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina - Auxílio financeiro / Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
2010 - 2012
Germânias Tropicais: as colônias alemãs e a modelagem antrópica das paisagens em biomas do Brasil e da África
Descrição: A imigração e a colonização alemã em áreas de florestas do Brasil meridional redundaram em modificações antrópicas da paisagem sulina. Na África, o colonialismo alemão também imprimiu alterações em diversos biomas como as florestas do Togo e dos Camarões ou as savanas e os desertos da Namíbia. Tanto no Brasil meridional quanto na África, naturalistas alemães produziram um conhecimento sobre a biodiversidade dos trópicos. Se essa biodiversidade era estudada por alguns, ela era também profundamente alterada pelos colonos e demais atores por meio de atividades extrativistas, agrícolas, artesanais, comerciais e industriais.O objetivo deste projeto é investigar o processo histórico das transformações ocorridas em vários biomas onde houve colônias alemães no Brasil meridional e na África. O período a ser pesquisado abarca desde os primeiros núcleos de colonização alemã no Sul do Brasil (1824 em São Leopoldo/RS e 1829 em São Pedro de Alcântara/SC) até o fim das colônias alemães na África durante a Primeira Guerra Mundial.Para compreender tal processo será preciso cotejar as mais diferentes fontes, muitas delas já conhecidas dos historiadores, mas não interpretadas pela abordagem da história ambiental. Além da documentação oficial (relatórios da administração colonial; leis, decretos e circulares; relatórios das companhias colonizadoras, etc.), há uma série de documentos (jornais, revistas, teses, fotografias, gravuras, cartas, memoriais, literatura, etc.) em língua alemã e produzida nas colônias do sul do Brasil e da África, mas também na Alemanha. Esse corpus documental foi até agora pouco explorado para se escrever uma história das paisagens das Germânias tropicais..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (5) .
Integrantes: Esther Mayara Zamboni Rossi - Integrante / Eunice Sueli Nodari - Coordenador / Samira Peruchi Moretto - Integrante / Miguel M. X. Carvalho - Integrante / João Klug - Integrante / Marlon Brandt - Integrante / Márcio José Werle - Integrante / Sílvio Marcus de Souza Correa - Integrante / Simoni Mendes - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2010 - 2011
Saber Escolar e conhecimento histórico: itinerários para novas configurações da história escolar da escravidão.
Descrição: O Projeto de Pesquisa Saber escolar e conhecimento histórico: itinerários para novas configurações da história escolar objetiva produzir materiais didáticos para a educação básica com novas abordagens acerca da escravidão e pós-emanipação, construídos a partir da inter-relação teórica e metodológica entre conhecimento histórico escolar, produção historiográfica e teorias pós-críticas do currículo. Entre seus objetivos específicos, destaca-se: a) Delinear uma metodologia de ensino de história que fundamente a mediação didática produzida tanto no processo de elaboração dos materiais didáticos, quanto nas experiências de uso construídas em salas de aula da educação básica; b) Inventariar a produção acadêmica sobre a história da escravidão e pós-emancipação, discutindo teórica e metodologicamente as diferentes perspectivas historiográficas; c) Problematizar as teorias pós-críticas do currículo, investigando principalmente as diferentes concepções do multiculturalismo e as contribuições dos Estudos Culturais; d) Investigar a teia discursiva produzida pelo Estado no processo de implementação da Lei no 10.639, de 9 de janeiro de 2003; e) Analisar as abordagens para a história da escravidão e pós-emancipação construídas nos livros didáticos de história produzidos para o ensino fundamental e médio. Os materiais serão elaborados a partir de temas selecionados durante a investigação historiográfica e serão compostos de textos, fontes históricas, estratégias didáticas com incorporação de diferentes linguagens e um conjunto diversificado de atividades. Os(as) alunos(as) dos cursos de História e Pedagogia que participam da pesquisa farão experiências de utilização dos materiais em escolas durante a prática de Estágio Supervisionado em História, no contexto de implementação e discussão crítica da Lei no 10.639, modificada pela Lei no 11.645. Essa etapa é fundamental para reavaliação dos materiais e produção da versão final. O principal produto da pesquisa será uma publicação dir..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (10) .
Integrantes: Esther Mayara Zamboni Rossi - Integrante / LIMA, Angela B. - Integrante / Andréa Ferreira Delgado - Coordenador / Clarícia Otto - Integrante / MENDES, Caroline Cunha. - Integrante.
2008 - 2010
ARAUCÁRIA: SÍMBOLO DE UMA ERA: o Parque Nacional das Araucárias e a Estação Ecológica da Mata Preta(Parte III)
Descrição: O projeto tem como objetivo investigar o processo histórico de devastação das Florestas de Araucária (ombrófila mista) no Estado de Santa Catarina, desde o final do século XIX até o presente, e identificar as medidas e/ou ações tomadas para a preservação ou não do restante das mesmas, com especial ênfase na região Oeste, onde estão localizados; o Parque Nacional das Araucárias e a Estação Ecológica da Mata Preta. Escrever uma história de tais relações traz, inevitavelmente, ao palco principal um conjunto de personagens não humanos que, geralmente, ocupam as margens da análise histórica isto quando elas estiverem realmente presentes. Desta forma esta pesquisa dedica-se a avaliar as circunstâncias de mudanças de aspectos tais como: a passagem de uma floresta densa para pequenos fragmentos, a introdução de plantações de subsistência, a transformação em campos de pastagens, além de outros elementos da paisagem das áreas antes cobertas por matas com pinheiros e modificadas pela ação humana. A historia da devastação da Floresta Ombrófila Mista, tem fases distintas em Santa Catarina, assim como varia de região para região, dependendo, especialmente, dos interesses em jogo. Tentativas por parte do governo federal através do Ministério do Meio Ambiente estão sendo feitas nos últimos anos para conservar o pouco que resta desta floresta. Uma destas medidas foi a criação, através de decreto do Presidente da República datado de 19 de outubro de 2005 do Parque Nacional das Araucárias, nos municípios de Ponte Serrada e Passos Maia, com uma área de 12.841 hectares e a Estação Ecológica da Mata Preta, no município de Abelardo Luz, com uma área de 6.563 hectares, como unidades de conservação. Ambas ficam localizadas no oeste de Santa Catarina e passaram pelo mesmo processo de colonização que aconteceu em toda a região. Não compete ao historiador simplesmente apontar os culpados e, sim, investigar as causas e as conseqüências que fizeram com que certas ações fossem tomadas em detr....
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (3) / Doutorado: (2) .
Integrantes: Esther Mayara Zamboni Rossi - Integrante / Eunice Sueli Nodari - Coordenador / Samira Peruchi Moretto - Integrante / Miguel M. X. Carvalho - Integrante / Jó Klanovicz - Integrante / Pedro Marcon Lindenmeyer - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Educação.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Italiano
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
MORETTO, S. P.2010 MORETTO, S. P. ; NODARI, E. S. ; ROSSI, E. M. Z. . A Preservação da Mata Preta no Oeste De Santa Catarina e a Criação das Unidades de Conservação.. Revista Tempos Acadêmicos, v. 6, p. 1-12, 2010.

Capítulos de livros publicados
1.
ROSSI, E. M. Z.; NODARI, E. S. . Campos da Vacaria dos pinhais: migrações, indústria madeireira e meio ambiente. In: PEREIRA, ELENITA MALTA ; RUCKERT, FABIANO QUADROS; MACHADO, NELI GALARCE. (Org.). História Ambiental no Rio Grande do Sul. 01ed.Lajeado: Editora da Univates, 2014, v. 01, p. 117-135.

2.
ROSSI, E. M. Z.; MORETTO, S. P. ; NODARI, E. S. . La Libertà à Correio Riograndense: O Cotidiano Dos Imigrantes Italianoa Na Região Da Serra Gaúcha. In: Eloísa Helena Capovilla da Luz Ramos, Isabel Cristina Arendt , Marcos AntônioWitt. (Org.). A História da Imigração e sua(s) escrita(s). 1ed.São Leopoldo: Oikos, 2012, v. 1, p. 888-899.

3.
MENDES, Caroline Cunha ; ROSSI, E. M. Z. . Representações de natureza e História Local: a incorporação da linguagem audiovisual no ensino de História. In: Cristiani Bereta da Silva; Luciana Rossato; Andréa Ferreira Delgado; Claricia Otto. (Org.). Experiências de Ensino de História no Estágio Supervisionado. 1ed.Florianópolis: UDESC, 2010, v. 1, p. 309-330.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
ROSSI, E. M. Z.; NODARI, E. S. . Políticas Públicas para Resíduos Sólidos Urbanos Domésticos: Brasil, Porto Alegre (1970- 2015). In: III Escuela de Posgrados da Sociedad Latinoamericana y Caribeña de Historia Ambiental, 2017, Anápolis. Anais da III Escuela de Posgrados da Sociedad Latinoamericana y Caribeña de Historia Ambiental, 2017. p. 1-15.

2.
ROSSI, E. M. Z.. Entre o Público e o Privado: Políticas Públicas para Resíduos Sólidos Urbanos Domésticos no Brasil. In: 4º Simpósio Internacional de História Ambiental e Migrações, 2016, Florianópolis. Anais do 4° Simpósio Internacional de História Ambiental e Migrações, 2016. p. 1043-1056.

3.
ROSSI, E. M. Z.. Resíduos Sólidos Urbanos Domésticos Porto Alegre (1970-2015). In: VII Semana Acadêmica de História da Universidade do Estado de Santa Catarina, 2016, Florianópolis. Anais da VII Semana Acadêmica de História, 2016.

4.
ROSSI, E. M. Z.. Da Floresta para o Campo: Trajetórias de Migrantes e a transformação da paisagem. In: II Congresso Internacional de História Regional, 2013, Passo Fundo. Anais Eletrônicos II CONGRESSO INTERNACIONAL DE HISTÓRIA REGIONAL (2013), 2013. v. 1.

5.
ROSSI, E. M. Z.; MORETTO, S. P. . Os Campos de Altitude do Brasil Meridional nos relatos dos viajantes Nicolau Dreys e Robert Avé-Lallemant. In: XXVII SIMPÓSIO NACIONAL DE HISTÓRIA Conhecimento histórico e diálogo social, 2013, Natal. Anais do XXVII SIMPÓSIO NACIONAL DE HISTÓRIA Conhecimento histórico e diálogo social, 2013.

6.
ROSSI, E. M. Z.; NODARI, E. S. . Campos de Altitude no Rio Grande do Sul: migrações, indústria madeireira e meio ambiente. In: 2º Simpósio Internacional de História Ambiental e Migrações, 2012, Florianópolis. Simposio Internacional de Historia Ambiental e Migrações - Florianópolis - SC ? Brasil, 2012.

7.
ROSSI, E. M. Z.; MORETTO, S. P. . O município de Vacaria: ocupação e alteração da paisagem. In: XIV Encontro Estadual de História, 2012, Florianópolis. Anais do XIV Encontro Estadual de História - Tempo, memórias e expectativas, 2012.

8.
ROSSI, E. M. Z.; MORETTO, S. P. ; NODARI, E. S. . Paisagem e memória: a transformação dos Campos de Altitude no Rio Grande do Sul, século XX.. In: XI Encontro Nacional de História Oral: Memória, Democracia e Justiça, 2012, Rio de Janeiro. Anais do XI Encontro Nacional de História Oral Memória, Democracia e Justiça, 2012.

9.
ROSSI, E. M. Z.; MORETTO, S. P. ; NODARI, E. S. . Ocupação e desmatamento na Floresta Ombrófila Mista e Floresta Estacional Decidual no Rio Grande do Sul (1875-1970). In: 1º Congresso Internacional de História Regional Mercosul: integração e desencontros, 2011, Passo Fundo. Anais eletrônicos do I Congresso Internacional de História Regional, 2011. v. 1. p. 934-946.

10.
MORETTO, S. P. ; NODARI, E. S. ; ROSSI, E. M. Z. . A Preservação da Mata Preta no Oeste de Santa Catarina e a Criação das Unidades de Conservação.. In: XIII Encontro Estadual de História, IV Encontro Estadual do GT Gênero de Santa Catarina, I Encontro Estadual do GT Estudos Africanos e da Diáspora, 2010, Chapecó. Caderno de Resumos do XIII Encontro Estadual de História, IV Encontro Estadual do GT Gênero de Santa Catarina, I Encontro Estadual do GT Estudos Africanos e da Diáspora, 2010. v. 1. p. 89-89.

11.
ROSSI, E. M. Z.; MENDES, Caroline Cunha . A utilização do áudio visual na metodologia de ensino de História. In: Semana Acadêmica de História: História, Cultura e Arte, 2010, Florianópolis. Trabalhos apresentados na Semana Academica de História: História, Cultura e Arte, 2010.

12.
ROSSI, E. M. Z.; NODARI, E. S. . Unidades de Conservação no Oeste de Santa Catarina:A Floresta de Araucaria como Identidade da região?. In: Simpósio Internacional Estados Americanos: o Bicentenário das Independências (1810-2010), 2010, Passo Fundo. V Simpósio Internacional estados Americanso:O Bicentenário das Independências(1810-2010), 2010.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
ROSSI, E. M. Z.; NODARI, E. S. . Unidades de conservação no oeste de Santa Catarina:debates e soluções?. In: Simpósio Internacional de História Ambiental, 2010, Florianópolis. Anais do Simpósio Internacional de História Ambiental, 2010.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
ROSSI, E. M. Z.. Fotografia e Memória: as Migrações, a Indústria Madeireira e as Transformações da Paisagem nos Campos de Altitude no Rio Grande Do Sul (1890-1970). In: XXVIII Simpósio Nacional de História, 2015, Florianópolis. CADERNO DE RESUMOS DO XXVIII SIMPÓSIO NACIONAL DE HISTÓRIA Lugares dos Historiadores: Velhos e Novos Desafios, 2015. v. 01. p. 834-834.

2.
ROSSI, E. M. Z.. Campos de Cima da Serra no Rio Grande do Sul- Brasil (1890-1970): trabalhadores(as) da indústria madeireira. In: XV ENCONTRO ESTADUAL DE HISTÓRIA DA ANPUH-SC 1964-2014: Memórias, Testemunhos e Estado, 2014, Florianópolis. Caderno de Resumos XV ENCONTRO ESTADUAL DE HISTÓRIA DA ANPUH-SC 1964-2014: Memórias, Testemunhos e Estado II COLÓQUIO INTERNACIONAL Gênero, Feminismos e Ditaduras no Cone Sul, 2014. v. 1. p. 7-7.

3.
ROSSI, E. M. Z.. Migrações e as transformações da Paisagem nos Campos de Cima da Serra no Rio Grande do Sul- Brasil (1890-1970). In: VII Simposio de la Sociedad Latinoamericana y Caribeña de Historia Ambiental, 2014, Quilmes. Libro de resumenes VII Simposio de la Sociedad Latinoamericana y Caribeña de Historia Ambiental, 2014. v. 1. p. 318.

4.
ROSSI, E. M. Z.. Da Floresta para o Campo: Trajetórias de Migrantes e a transformação da paisagem. In: II Congresso Internacional de História Regional, 2013, Passo Fundo. Caderno de Resumos II Congresso Internacional de História Regional, 2013. v. 1. p. 76-77.

5.
ROSSI, E. M. Z.. Migração e paisagem: a migração para os campos de altitude no Rio Grande do Sul e Santa Catarina.. In: 3º Workshop Internacional de História do Ambiente, 2013, Florianópolis. Caderno de Resumos do 3º Workshop Internacional de História do Ambiente, 2013. p. 33-34.

6.
NODARI, E. S. ; ROSSI, E. M. Z. ; MORETTO, S. P. . Paisagem e memória: a transformação dos Campos de Altitude no Rio Grande do Sul, século XX.. In: XI Encontro Nacional de História Oral: Memória, Democracia e Justiça, 2012, Rio de Janeiro. Anais do XI Encontro Encontro Nacional de História Oral, 2012. p. 284-285.

7.
ROSSI, E. M. Z.; MORETTO, S. P. . O município de Vacaria: ocupação e alteração da paisagem. In: XIV Encontro Estadual de História, 2012, Florianópolis. Anais do XIV Encontro Estadual de História - Tempo, memórias e expectativas, 2012.

8.
ROSSI, E. M. Z.; MORETTO, S. P. ; NODARI, E. S. . Ocupação e desmatamento na Floresta Ombrófila Mista e Floresta Estacional Decidual no Rio Grande do Sul (1875-1970). In: 1º Congresso Internacional de História Regional. Mercosul: integração e desencontros, 2011, Passo Fundo. Anais do 1º Congresso Internacional de História Regional. Mercosul: integração e desencontros, 2011.

9.
ROSSI, E. M. Z.; NODARI, E. S. ; MORETTO, S. P. . ARAUCÁRIA - SÍMBOLO DE UMA ERA: o Parque Nacional das Araucárias e a Estação Ecológica da Mata Preta e os reflexos regionais. In: 20ª Semana de Iniciação de Iniciação Cientifica, 2010, Florianópolis. Anais do 20º Seminário de Iniciação Científica, 2010.

10.
ROSSI, E. M. Z.; MENDES, Caroline Cunha . A utilização do áudio visual na metodologia de ensino de História. In: Semana Acadêmica de História: História, Cultura e Arte, 2010, Florianópolis. Resumos dos Trabalhos apresentados na Semana Academica de História: História, Cultura e Arte, 2010.

11.
ROSSI, E. M. Z.; NODARI, E. S. ; MORETTO, S. P. . ARAUCÁRIA: SÍMBOLO DE UMA ERA: o Parque Nacional das Araucárias e a Estação Ecológica da Mata Preta(Parte III). In: 19°Seminario de Iniciação Cientifica, 2009, Florianópolis. Anais do 19º Seminário de Iniciação Científica, 2009.

12.
ROSSI, E. M. Z.; LIMA, Angela B. ; FERREIRA,Gilmara de Campos. ; ESPINDOLA,Ariana Moreira. . Um Panorama Histórico da Agropecuária na Ilha de Santa Catarina.. In: 8ª Sepex, 2009, Florianópolis. Anais da 8ª SEPEX, 2009.

13.
MORETTO, S. P. ; NODARI, E. S. ; CARVALHO,Miguel M.X. ; ROSSI, E. M. Z. . ARAUCÁRIA, SÍMBOLO DE UMA ERA: As Unidades de Conservação no Oeste de Santa Catarina. In: 7ª SEPEX, 2008, Florianópolis. Anais da 7ª SEPEX, 2008.

14.
NOTZOLD, A. L. V ; OPPITZ, Gabriela ; ROSSI, E. M. Z. ; SILVA. Jeniffer C. ; SILVA, L. M ; LIMA, Angela B. . A cultura material Kaingáng em atividades lúdicas.. In: 7ª SEPEX, 2008, Florianópolis. Anais da 7ª SEPEX, 2008.

Artigos aceitos para publicação
1.
ROSSI, E. M. Z.. Políticas Públicas para Resíduos Sólidos Urbanos Domésticos: Brasil, Porto Alegre (1970-2015). REVISTA INCLUSIONES - REVISTA DE HUMANIDADES Y CIENCIAS SOCIALES, 2018.

Apresentações de Trabalho
1.
ROSSI, E. M. Z.. Urban Landscapes anda Garbage: Public Polices for Urban Solid Waste in Brazil. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

2.
ROSSI, E. M. Z.; NODARI, E. S. . Políticas Públicas para Resíduos Sólidos Urbanos Domésticos: Brasil, Porto Alegre (1970-2015). 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

3.
ROSSI, E. M. Z.; GUAREZ, F. C. ; PERON, A. C. ; KIRCHHOF, E. ; KLUG,João . História Ambiental: temas, fontes e possibilidades de pesquisa. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

4.
ROSSI, E. M. Z.; KLUG,João . Educação Ambiental: projetos em educação formal e não formal. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

5.
ROSSI, E. M. Z.; KLUG,João . História Ambiental e Educação fontes e conceitos. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

6.
ROSSI, E. M. Z.. Entre o Público e o Privado: Políticas Públicas para Resíduos Sólidos Urbanos Domésticos no Brasil. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

7.
ROSSI, E. M. Z.. Resíduos Sólidos Urbanos Domésticos Porto Alegre (1970-2015). 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

8.
ROSSI, E. M. Z.. Resíduos Sólidos Urbanos Domésticos e Politicas Públicas: Brasil, Porto Alegre (1970- 2015). 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

9.
ROSSI, E. M. Z.; FAGUNDES, L. G. ; LIMA, Angela B. ; KLAUCK, A. G. ; KLUG,João ; CALADO, G. . História Ambiental: perspectivas de abordagem. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

10.
ROSSI, E. M. Z.. Fotografia e Memória: as Migrações, a Indústria Madeireira e as Transformações da Paisagem nos Campos de Altitude no Rio Grande Do Sul (1890-1970). 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

11.
ROSSI, E. M. Z.. Migrações e as transformações da Paisagem nos Campos de Cima da Serra no Rio Grande do Sul- Brasil (1890-1970). 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

12.
ROSSI, E. M. Z.. Campos de Cima da Serra no Rio Grande do Sul- Brasil (1890-1970): trabalhadores(as) da indústria madeireira. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

13.
ROSSI, E. M. Z.. Campos de Cima da Serra: Migrações e as transformações da Paisagem- Rio Grande do Sul- Brasil (1890-1970). 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

14.
ROSSI, E. M. Z.; ANZINI, S. ; PERSUHN, N. R. ; SILVA, V. . Antigo Egito: novas histórias. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

15.
ROSSI, E. M. Z.; PAULI, C. S. ; FRIDRICH, L. E. ; SCHLUP, G. O. . Arqueologia na Sala Aula. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

16.
ROSSI, E. M. Z.. Construindo Conhecimento Histórico por meio de Revistas (Primeira República 1889-1930). 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

17.
ROSSI, E. M. Z.. Da Floresta para o Campo: Trajetórias de Migrantes e a transformação da paisagem. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

18.
ROSSI, E. M. Z.; MORETTO, S. P. . Os Campos de Altitude do Brasil Meridional nos relatos dos viajantes Nicolau Dreys e Robert Avé-Lallemant. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

19.
ROSSI, E. M. Z.. Migração e paisagem: a migração para os campos de altitude no Rio Grande do Sul e Santa Catarina.. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

20.
NODARI, E. S. ; ROSSI, E. M. Z. ; MORETTO, S. P. . Paisagem e memória: a transformação dos Campos de Altitude no Rio Grande do Sul, século XX.. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

21.
ROSSI, E. M. Z.; MORETTO, S. P. ; NODARI, E. S. . O município de Vacaria: ocupação e alteração da paisagem. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

22.
ROSSI, E. M. Z.; NODARI, E. S. . Campos de Altitude no Rio Grande do Sul: migrações, industria madeireira e meio ambiente. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

23.
ROSSI, E. M. Z.; MORETTO, S. P. ; NODARI, E. S. . La Libertà à Correio Riograndense; o cotidiano dos imigrantes italianos na região da Serra Gaúcha. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

24.
ROSSI, E. M. Z.; MORETTO, S. P. ; NODARI, E. S. . Ocupação e Desmatamento na Floresta Ombrófila Mista e Floresta Estacional Decidual no Rio Grande do Sul(1875-1970). 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

25.
MENDES, Caroline Cunha ; ROSSI, E. M. Z. . A utilização do ádio-visual na metodologia de ensino de História. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

26.
ROSSI, E. M. Z.; NODARI, E. S. . Unidades de Conservação no Oeste de Santa Catarina:A Floresta de Araucaria como Identidade da região?. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

27.
ROSSI, E. M. Z.; NODARI, E. S. . Unidades de Conservação no Oeste de Santa Catarina:debates e soluções?. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

28.
ROSSI, E. M. Z.. ARAUCÁRIA, SÍMBOLO DE UMA ERA: O Parque Nacional das Araucárias e a estação ecológica de Mata Preta (Parte III). 2009. (Apresentação de Trabalho/Outra).

29.
LIMA, Angela B. ; ESPINDOLA,Ariana Moreira. ; FERREIRA,Gilmara de Campos. ; ROSSI, E. M. Z. . Um panorama Histórico da Agropecuaria de Florianopolis. 2009. (Apresentação de Trabalho/Outra).

30.
ROSSI, E. M. Z.; NODARI, E. S. ; MORETTO, S. P. . ARAUCÁRIA: SÍMBOLO DE UMA ERA: o Parque Nacional das Araucárias e a Estação Ecológica da Mata Preta. 2008. (Apresentação de Trabalho/Outra).

31.
ROSSI, E. M. Z.; SILVA. Jeniffer C. ; SILVA, L. M ; SOUZA, M. E ; OPPITZ, Gabriela ; NOTZOLD, A. L. V ; LIMA, Angela B. . A cultura material Kaingáng em atividades lúdicas.. 2008. (Apresentação de Trabalho/Outra).


Produção técnica
Redes sociais, websites e blogs
1.
ROSSI, E. M. Z.. Resíduos Sólidos e História Ambiental. 2017; Tema: Resíduos Sólidos e História Ambiental. (Blog).


Demais tipos de produção técnica
1.
LIMA, A.B. ; KLAUCK, A. G. ; ROSSI, E. M. Z. ; FAGUNDES, L. G. . História Ambiental: perspectivas de abordagem. 2016. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

2.
ROSSI, E. M. Z.; LIMA, Angela B. ; FERREIRA,Gilmara de Campos. ; ESPINDOLA,Ariana Moreira. . Um Panorama Histórico da Agropecuária na Ilha de Santa Catarina.. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
KLUG,João; SANTOS, M. T.; ROSSI, E. M. Z.. Participação em banca de Renato Geraldo Menezes Filho.O flautista camuflado de Damasco. Sobre a imigração síria para Florianópolis 2011-2017. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Abi - História) - Universidade Federal de Santa Catarina.

2.
NODARI, E. S.; MORETTO, S. P.; ROSSI, E. M. Z.. Participação em banca de Eduardo Costa.Waffwn-SS: A Tropa de Elite de Hitler. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Abi - História) - Universidade Federal de Santa Catarina.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
9ª Biennial Conference European Society for Environmental History. Urban Landscapes and Garbage: Public Polices for Urban Solid Waste in Brazil. 2017. (Congresso).

2.
III Escola de Pós-Graduação da Sociedad Latinoamericana y Caribeña de Historia Ambiental (SOLCHA).Políticas Públicas para Resíduos Sólidos Urbanos Domésticos: Brasil, Porto Alegre (1970-2015). 2017. (Outra).

3.
LUTAS DAS MULHERES EM MOÇAMBIQUE: ENTRE O LOCAL E O GLOBAL. DISCURSOS, PRÁTICAS E DESAFIOS EPISTEMOLÓGICOS. 2017. (Outra).

4.
Semana do Meio Ambiente. 2017. (Outra).

5.
4º Simpósio Internacional de História Ambiental e Migrações.Entre o Público e o Privado: Políticas Públicas para Resíduos Sólidos Urbanos Domésticos no Brasil. 2016. (Simpósio).

6.
VIII Simpósio de la Sociedad Latinoamericana y Caribeña de Historia Ambiental.Resíduos Sólidos Urbanos Domésticos e Politicas Públicas: Brasil, Porto Alegre (1970- 2015). 2016. (Simpósio).

7.
VII Semana Acadêmica de História da Universidade do Estado de Santa Catarina.Resíduos Sólidos Urbanos Domésticos Porto Alegre (1970-2015). 2016. (Outra).

8.
IV Feira do Conhecimento. Áfricas, Ásias e Américas: Diversidades e histórias. 2015. (Feira).

9.
XXVIII Simpósio Nacional de História.Fotografia e Memória: as Migrações, a Indústria Madeireira e as Transformações da Paisagem nos Campos de Altitude no Rio Grande Do Sul (1890-1970). 2015. (Simpósio).

10.
3º Simpósio Internacional de História Ambiental e Migrações.Campos de Cima da Serra: Migrações e as transformações da Paisagem- Rio Grande do Sul- Brasil (1890-1970). 2014. (Simpósio).

11.
III Encontro A Construção de Saberes Docentes ? As Interfaces da Prática Pedagógica nas Diversas Áreas do Conhecimento.Construindo Conhecimento Histórico: Construindo Revistas (Primeira República 1889-1930). 2014. (Encontro).

12.
III Feira do Conhecimento. Antigo Egito: novas histórias. 2014. (Feira).

13.
VII Simposio de la Sociedad Latinoamericana y Caribeña de Historia Ambiental.Migrações e as transformações da Paisagem nos Campos de Cima da Serra no Rio Grande do Sul- Brasil (1890-1970). 2014. (Simpósio).

14.
XV ENCONTRO ESTADUAL DE HISTÓRIA DA ANPUH-SC 1964-2014: Memórias, Testemunhos e Estado.Campos de Cima da Serra no Rio Grande do Sul- Brasil (1890-1970): trabalhadores(as) da indústria madeireira. 2014. (Encontro).

15.
3º Workshop Internacional de História do Ambiente.Migração e Paisagem: a migração para os Campos de Altitude no Rio Grande do Sul Santa Catarina. 2013. (Outra).

16.
II Congresso Internacional de História Regional. Da Floresta para o Campo: Trajetórias de Migrantes e a transformação da paisagem. 2013. (Congresso).

17.
IV Semana Paulo Freire. 2013. (Outra).

18.
XXVII SIMPÓSIO NACIONAL DE HISTÓRIA.Os Campos de Altitude do Brasil Meridional nos relatos dos viajantes Nicolau Dreys e Robert Avé-Lallemant. 2013. (Simpósio).

19.
2º Simpósio Internacional de História Ambiental e Migrações.Campos de Altitude no Rio Grande do Sul: migrações, indústria madeireira e meio ambiente. 2012. (Simpósio).

20.
Apoio pedagógico e inserção social.Oficina de Interpretação de texto e analise de fontes historicas. 2012. (Outra).

21.
Oficina de Interpretação de texto e analise de fontes historicas.Oficina de Interpretação de texto e analise de fontes historicas. 2012. (Oficina).

22.
XI Encontro Nacional de História Oral Memória, Democracia e Justiça.Campos de Altitude no Rio Grande do Sul: migrações, indústria madeireira e meio ambiente. 2012. (Encontro).

23.
XIV Encontro Estadual de História Santa Catarina.O município de Vacaria: ocupação e alteração da paisagem. 2012. (Encontro).

24.
XX Simpósio Internacional de História da Imigração e Colonização e Seminário Internacional.La Libertà à Correio Riograndense; o cotidiano dos imigrantes italianos na região da Serra Gaúcha. 2012. (Simpósio).

25.
I Congresso Internacional de História Regional Mercosul: integração e desencontros. Ocupação e desmatamento na Floresta Ombrófila Mista e Floresta Estacional Decidual no Rio Grande do Sul(1875-1970). 2011. (Congresso).

26.
20º Seminário de Iniciação Cientifica.Araucária Símbolo de uma era: o Parque Nacional das Araucárias e a Estação Ecológica da Mata Preta e os reflexos regionais. 2010. (Seminário).

27.
9°Sepex. 2010. (Outra).

28.
Fazendo Gênero 9. 2010. (Seminário).

29.
Semana Acadêmica de História: História, Cultura e Arte.A utilização do áudio visual na metodologia de ensino de História. 2010. (Outra).

30.
Simpósio Internacional de História Ambiental e Migrações.Unidades de Conservação no Oeste de Santa Catarina:debates e soluções?. 2010. (Simpósio).

31.
Simpósio Internacional Estados Americanos: o Bicentenário das Independências (1810-2010).Unidades de Conservação no Oeste de Santa Catarina:A Floresta de Araucaria como Identidade da região?. 2010. (Simpósio).

32.
XIII Encontro Estadual de História, IV Encontro Estadual do GT Gênero de Santa Catarina, I Encontro Estadual do GT Estudos Africanos e da Diáspora.A Preservação da Mata Preta no Oeste de Santa Catarina e a Criação das Unidades de Conservação. 2010. (Encontro).

33.
19°Seminario de Iniciação Cientifica.ARAUCÁRIA, SÍMBOLO DE UMA ERA: O Parque Nacional das Araucárias e a estação ecológica de Mata Preta (Parte III). 2009. (Seminário).

34.
8ª Sepex.Um Panorama Histórico da Agropecuária na Ilha de Santa Catarina.. 2009. (Outra).

35.
Simposio Nacional de História-História e ética. 2009. (Simpósio).

36.
3ºForum Nacional de Museus. 2008. (Outra).

37.
7ª SEPEX.A cultura material Kaingáng em atividades lúdicas.. 2008. (Seminário).

38.
XVIII Simpósio de História da Imigração e Colonização.Saúde e doenças.. 2008. (Simpósio).

39.
Assembléia Popular: Mutirão por um novo Brasil. 2005. (Outra).

40.
Bioética: Biotecnologias, Saúde e Ambiente. 2005. (Oficina).

41.
Solidariedade e Paz- Na perspectiva da Soberania econômica, política e cultural.. 2005. (Outra).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
ROSSI, E. M. Z.; GUAREZ, F. C. ; MORES, L. . Simpósio Temático: História Ambiental: novos caminhos de pensar a história e o ambiente.. 2017. (Outro).

2.
ROSSI, E. M. Z.; GUAREZ, F. C. . Simpósio Temático - História Ambiental: Território, Espaço e Biodiversidade no Antropoceno. 2017. (Outro).

3.
NODARI, E. S. ; KLUG,João ; MORETTO, S. P. ; LIMA, A.B. ; ROSSI, E. M. Z. . 4º Simpósio Internacional de História Ambiental e Migrações. 2016. (Congresso).

4.
ROSSI, E. M. Z.. 3º Simpósio Internacional de História Ambiental e Migração. 2014. (Congresso).

5.
NODARI, E. S. ; KLUG,João ; ROSSI, E. M. Z. . 3º Simpósio Internacional de História Ambiental e Migração. 2014. (Congresso).

6.
ROSSI, E. M. Z.. 3º Workshop Internacional de História do Ambiente. 2013. (Congresso).

7.
ROSSI, E. M. Z.; NODARI, E. S. . 2º Simpósio Internacional de História Ambiental e Migrações. 2012. (Congresso).

8.
ROSSI, E. M. Z.. Oficinas de Interpretação de textos e analise de fontes historicas. 2012. (Outro).

9.
RIAL, Carmen ; PEDRO, Joana Maria ; AREND, Sílvia María Fávero ; ROSSI, E. M. Z. . Fazendo Gênero 9: Diaspóras, Diversidade, Deslocamentos.. 2010. (Congresso).

10.
NODARI, E. S. ; PEDRO, Joana Maria ; ROSSI, E. M. Z. . Simpósio Internacional de História Ambiental e Migrações. 2010. (Congresso).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 17/11/2018 às 13:49:46