José Alberto Pais

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/1093128218267354
  • Última atualização do currículo em 11/09/2018


Doutor em Museologia e Patrimônio pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO) - 2018. Mestre em Museologia e Patrimônio pela Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO) - 2013. Graduado em Ciências biologicas pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ) onde concluiu o Bacharelado em Ecologia em 1979 e a Licenciatura em Ciências Biológicas em 1980. Atuou como Professor de Biologia dos Colégios Estaduais Carlos Lacerda e Professora Maria Terezinha de Carvalho Machado, ambos na cidade do Rio de Janeiro, assim como do Colégio Militar do Rio de Janeiro. Atuou como Biólogo do Laboratório de Controle de Vetores da COMLURB, e como Biólogo na Secretaria de Pesca e Agricultura de Paraty. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
José Alberto Pais
Nome em citações bibliográficas
PAIS, J. A.


Formação acadêmica/titulação


2014 - 2018
Doutorado em Museologia e Patrimönio.
Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, UNIRIO, Brasil.
Título: Das pobres colônias ricas à rica metrópole pobre: a formação das coleções zoológicas vivas reais em Portugal durante o século XVIII, Ano de obtenção: 2018.
Orientador: Márcio Ferreira Rangel.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas
2011 - 2013
Mestrado em Museologia e Patrimönio.
Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, UNIRIO, Brasil.
Título: Jardim Zoológico: Desafios para a aplicação do conceito de Museu aos espaços de exposição de organismos vivos,Ano de Obtenção: 2013.
Orientador: Tereza Cristina Scheiner.
Palavras-chave: Jardim Zoológico; museu.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas
1980 - 1981
Graduação em Licenciatura em Ciências Biloógicas.
Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
1976 - 1979
Graduação em Ciências biológicas.
Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.




Formação Complementar


2018 - 2018
Musées, Muséologie et Médiation: le discours de la lumière. (Carga horária: 20h).
Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, UNIRIO, Brasil.
2018 - 2018
Etno-ornitologia. (Carga horária: 8h).
Sociedade Brasileira de Ornitologia, SBO, Brasil.
2015 - 2015
ISIS - Registro de Dados Institucionais. (Carga horária: 5h).
Sociedade de Zoológicos e Aquários do Brasil, SZB, Brasil.
2014 - 2014
Curadoria de Coleções Zoológicas. (Carga horária: 7h).
Sociedade Brasileira de Zoologia, SBZ, Brasil.
2014 - 2014
Coleções didáticas ferramenta educ. e divulg. cien. (Carga horária: 8h).
Instituto Vital Brazil, IVB, Brasil.
2014 - 2014
Taxidermia e restauração científica de aves. (Carga horária: 8h).
Sociedade Brasileira de Ornitologia, SBO, Brasil.
2013 - 2013
Produção de Alevinos. (Carga horária: 40h).
Universidade Online de Viçosa, UOV, Brasil.
2013 - 2013
Criação de Tilápias. (Carga horária: 40h).
Universidade Online de Viçosa, UOV, Brasil.
2013 - 2013
Produção de Camarões de Água Doce. (Carga horária: 40h).
Universidade Online de Viçosa, UOV, Brasil.
2013 - 2013
Sistema de Gestão e Contratos de Repasse.
Serviço Federal de Processamento de Dados, SERPRO, Brasil.
2010 - 2010
Montando o Galileoscópio. (Carga horária: 2h).
Universidade Federal de São Carlos, UFSCAR, Brasil.
2010 - 2010
Iluminação de museus. (Carga horária: 20h).
Museu Histórico Nacional, MHN, Brasil.
2010 - 2010
Montagem de exposições de longa duração. (Carga horária: 20h).
Museu Histórico Nacional, MHN, Brasil.
2010 - 2010
Sistema solar em escala. (Carga horária: 2h).
Universidade Federal de São Carlos, UFSCAR, Brasil.
2010 - 2010
Oficina de Astrofotografia. (Carga horária: 2h).
Universidade Federal de São Carlos, UFSCAR, Brasil.
2009 - 2010
Astrofísica do Sistema Solar. (Carga horária: 120h).
Observatório Nacional, ON, Brasil.
2009 - 2009
Galileo Teacher Training Program. (Carga horária: 16h).
Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
2009 - 2009
Workshop de Astronomia e Astrobiologia. (Carga horária: 16h).
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
2008 - 2008
Sistemática filogenética. (Carga horária: 12h).
Sociedade Brasileira de Zoologia, SBZ, Brasil.
2007 - 2007
De tempo em tempo, um novo tempo. (Carga horária: 4h).
Casa da Ciência, UFRJ, Brasil.
2007 - 2007
Fósseis e tempo geológico. (Carga horária: 4h).
Casa da Ciência, UFRJ, Brasil.
2006 - 2006
Instalação, criação e manejo de Borboletários. (Carga horária: 14h).
Sociedade de Zoológicos do Brasil, SZB, Brasil.
2006 - 2006
O Zoológico de São Paulo como recurso didático. (Carga horária: 8h).
Fundação Parque Zoológico de São Paulo, FPZSP, Brasil.
2005 - 2005
Atualização em Animais Peçonhentos. (Carga horária: 16h).
Instituto Vital Brazil S. A., IVB, Brasil.
2004 - 2004
Biologia e manejo da conservação de animais selvag. (Carga horária: 90h).
Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial, SENAC, Brasil.
2004 - 2004
Citogenética ferramenta diagnóstico taxonômico.
Sociedade de Zoológicos do Brasil, SZB, Brasil.
2002 - 2002
Técnicas avançadas de controle quimico de insetos. (Carga horária: 60h).
Núcleo de Pesquisas de Produtos Naturais, NPPN UFRJ, Brasil.
2002 - 2002
Técnicas avançadas de controle quimico de insetos. (Carga horária: 60h).
Núcleo de Pesquisas de Produtos Naturais, NPPN UFRJ, Brasil.
2000 - 2000
Capacitação em Educação para Gestão Ambiental. (Carga horária: 120h).
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
1998 - 1998
Extensão universitária em DNA: Desvendando o segredo das plantas. (Carga horária: 80h).
Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
1997 - 1997
Capacitação em Microbiologia, Imunologia e Virolog. (Carga horária: 80h).
Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
1997 - 1997
Pontes entre a Física e a Biologia. (Carga horária: 50h).
Instituto de Biofísica Carlos Chagas Filho, UFRJ, Brasil.
1997 - 1997
Oficina de Astronomia. (Carga horária: 40h).
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
1983 - 1983
Técnicas de dinâmica de grupo. (Carga horária: 30h).
Colégio Estadual Carlos Lacerda, CECARLOSLACERDA, Brasil.
1982 - 1982
Treinamento sobre Qualidade de Ensino. (Carga horária: 40h).
Colégio São Judas Tadeu, CSJT, Brasil.
1979 - 1979
Programação - Linguagem FORTRAN. (Carga horária: 30h).
Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
1978 - 1978
Curso de Protozoários. (Carga horária: 30h).
Associação dos Professôres de Ciências, APC, Brasil.
1978 - 1978
Curso de Insetos. (Carga horária: 30h).
Associação dos Professôres de Ciências, APC, Brasil.
1978 - 1978
Álgebra de Matrizes para o Estudo de Dinâmica Pop.
Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
1977 - 1977
Chondrichthyes. (Carga horária: 15h).
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.


Atuação Profissional



Secretaria de Pesca e Agricultura de Paraty, SPA, Brasil.
Vínculo institucional

2013 - 2014
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Biólogo, Carga horária: 35


Colégio Estadual Professora Maria Terezinha de Carvalho Machado, SEE-RJ, Brasil.
Vínculo institucional

1998 - 2013
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Docente I, Carga horária: 20


Companhia Municipal de Limpeza Urbana do Rio de Janeiro, COMLURB, Brasil.
Vínculo institucional

1998 - 2002
Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Biologo do Laboratório de Controle de Vetores, Carga horária: 40


Colégio Militar do Rio de Janeiro, CMRJ, Brasil.
Vínculo institucional

1985 - 1990
Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Professor de ciências e biologia, Carga horária: 20


Colégio Estadual Carlos Lacerda, CECARLOSLACERDA, Brasil.
Vínculo institucional

1983 - 2013
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Docente I, Carga horária: 20


Colégio Guanabara Ltda, CG, Brasil.
Vínculo institucional

1981 - 1986
Vínculo: Professor, Enquadramento Funcional: Professor de Ciências e Biologia


Colégio Santa Mônica, CSM, Brasil.
Vínculo institucional

1981 - 1985
Vínculo: Professor, Enquadramento Funcional: Professor de Ciências


Plantel Agência de Viagens e Turismo Ltda, PLANTEL, Brasil.
Vínculo institucional

1991 - 1992
Vínculo: Estagiário, Enquadramento Funcional: Auxiliar do Departamento de Operações



Idiomas


Inglês
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.
Espanhol
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
PAIS, J. A.2018PAIS, J. A.. O Abutre-preto (Aegypius monachus) de Santarém: um registro do século XVIII. Revista de Geistória e Pré-História, v. 1, p. 41-43, 2018.

2.
PAIS, J. A.2018PAIS, J. A.; RANGEL, M. F. . As aves do Rei. Revista de Geistória e Pré-História, v. 1, p. 44-47, 2018.

3.
SILVEIRA, CARMEN LUCIA DA1986 SILVEIRA, CARMEN LUCIA DA ; PAIS, J. A. . Breeding and hand-rearing the Red-billed curassow: at Rio de Janeiro Zoo. International Zoo Yearbook, v. 24, p. 244-247, 1986.

Apresentações de Trabalho
1.
PAIS, J. A.. Araras, Papagaios e Periquitos na corte portuguesa durante o século XVIII. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

2.
PAIS, J. A.; SCHEINER, T. . Análise dos espaços expositivos do Jardim Zoológico do Rio de Janeiro. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

3.
PAIS, J. A.; SCHEINER, T. . Padrões expositivos do Jardim Zoológico do Rio de Janeiro. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

4.
PAIS, J. A.; Rangel, M. . Environmental Preservation: Duty of Museums of Natural History. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
PAIS, J. A.; SCHEINER, T. . Jardins Zoológicos: Papel Educativo. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

6.
PAIS, J. A.. Ora (Direis) Ouvir Estrelas. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

7.
PAIS, J. A.. Malária: Aspectos epidemiológicos. 2002. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

8.
PAIS, J. A.. Desafios para o controle de Culex quinquefasciatus em área urbana no Rio de Janeiro. 2000. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

9.
PAIS, J. A.. Mosquitos, com ênfase em Aedes Aegypti. 2000. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

10.
PAIS, J. A.. II Treinamento de agentes comunitários de saúde, como parte das ações do plano de erradicação do Aedes Aegypti. 1999. (Apresentação de Trabalho/Outra).

11.
PAIS, J. A.; SILVEIRA, C. L. . Estudo do desenvolvimento de filhotes de Crax blumenbachii Spix, 1825. 1982. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

12.
SILVEIRA, C. L. ; PAIS, J. A. . Manutenção e reprodução de Crax blumenbachii Spix, 1825. 1982. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

13.
PAIS, J. A.. Introdução às técnicas para levantamento de parâmetros populacionais. 1980. (Apresentação de Trabalho/Outra).

14.
Cardoso, C. A. B. ; LEAO, E. L. M. ; PAIS, J. A. ; Soares, M. S. . Estimativa de parâmetros populacionais de caramujos vetores da esquistossomose. 1980. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

15.
Cardoso, C. A. B. ; LEAO, E. L. M. ; PAIS, J. A. ; Soares, M. S. . Estimativa de parâmetros populacionais de caramujos vetores da esquistossomose. 1979. (Apresentação de Trabalho/Congresso).


Demais tipos de produção técnica
1.
PAIS, J. A.. 1ª Missa para coro a capella de Francisco Mignone. 2011. (Edição de partitura).

2.
PAIS, J. A.. 2ª Missa para coro a capella de Francisco Mignone. 2011. (Edição de partitura).

3.
PAIS, J. A.. 3ª Missa para coro a capella de Francisco Mignone. 2011. (Edição de partitura).

4.
PAIS, J. A.. 4ª Missa para coro a capella de Francisco Mignone. 2011. (Edição de partitura).

5.
PAIS, J. A.. 5ª Missa para coro a capella de Francisco Mignone. 2011. (Edição de partitura).

6.
PAIS, J. A.. 6ª Missa para coro a capella de Francisco Mignone. 2011. (Edição de partitura).

7.
PAIS, J. A.. 7ª Missa para coro a capella de Francisco Mignone. 2011. (Edição de partitura).

8.
PAIS, J. A.. 20 modinhas portuguesas de Joaquim Manoel da Câmara - Brando Zéfiro suave. 2010. (Edição de partitura).

9.
PAIS, J. A.. 20 modinhas portuguesas de Joaquim Manoel da Câmara - Desde o dia em que nasci. 2010. (Edição de partitura).

10.
PAIS, J. A.. 20 modinhas portuguesas de Joaquim Manoel da Câmara - Estas lágrimas sentidas. 2010. (Edição de partitura).

11.
PAIS, J. A.. 20 modinhas portuguesas de Joaquim Manoel da Câmara - Foi o momento de ver-te. 2010. (Edição de partitura).

12.
PAIS, J. A.. 20 modinhas portuguesas de Joaquim Manoel da Câmara - Marfiza, adorada. 2010. (Edição de partitura).

13.
PAIS, J. A.. 20 modinhas portuguesas de Joaquim Manoel da Câmara - Nestes bosques, nesta sombra. 2010. (Edição de partitura).

14.
PAIS, J. A.. 20 modinhas portuguesas de Joaquim Manoel da Câmara - Nunca fui falso ao meu bem. 2010. (Edição de partitura).

15.
PAIS, J. A.. 20 modinhas portuguesas de Joaquim Manoel da Câmara - Oh, inquieta pombinha. 2010. (Edição de partitura).

16.
PAIS, J. A.. 20 modinhas portuguesas de Joaquim Manoel da Câmara - Oh! Minhas ternas saudades. 2010. (Edição de partitura).

17.
PAIS, J. A.. 20 modinhas portuguesas de Joaquim Manoel da Câmara - Ouvi montes, arvoredos. 2010. (Edição de partitura).

18.
PAIS, J. A.. 20 modinhas portuguesas de Joaquim Manoel da Câmara - Por que me dizes chorando. 2010. (Edição de partitura).

19.
PAIS, J. A.. 20 modinhas portuguesas de Joaquim Manoel da Câmara - Quando de pejo. 2010. (Edição de partitura).

20.
PAIS, J. A.. 20 modinhas portuguesas de Joaquim Manoel da Câmara - Roxa saudade. 2010. (Edição de partitura).

21.
PAIS, J. A.. 20 modinhas portuguesas de Joaquim Manoel da Câmara - Se me desses um suspiro. 2010. (Edição de partitura).

22.
PAIS, J. A.. 20 modinhas portuguesas de Joaquim Manoel da Câmara - Se padeço, se suspiro. 2010. (Edição de partitura).

23.
PAIS, J. A.. 20 modinhas portuguesas de Joaquim Manoel da Câmara - Teus encantos, tudo teu. 2010. (Edição de partitura).

24.
PAIS, J. A.. 20 modinhas portuguesas de Joaquim Manoel da Câmara - Triste cousa é de amar só. 2010. (Edição de partitura).

25.
PAIS, J. A.. 20 modinhas portuguesas de Joaquim Manoel da Câmara - Triste salgueiro. 2010. (Edição de partitura).

26.
PAIS, J. A.. 20 modinhas portuguesas de Joaquim Manoel da Câmara - Vem cá, minha companheira. 2010. (Edição de partitura).

27.
PAIS, J. A.. 20 modinhas portuguesas de Joaquim Manoel da Câmara - Se queres saber a causa. 2010. (Edição de partitura).

28.
PAIS, J. A.. Introdução às técnicas para levantamento de parâmetros populacionais. 1980. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

29.
PAIS, J. A.. Eologia e sistema de vetores da Schistossomose. 1979. (Curso de curta duração ministrado/Outra).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
da Silva, L. T. M.; PAIS, J. A.. Participação em banca de Luciano Tadeu de Mendonça da Silva.Estudo comparado da metodologia do controle de Culicídeos de importância médica no município do Rio de Janeiro. 2001. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade Castelo Branco.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Avaliação de cursos
1.
da Silva, L. T. M.; PAIS, J. A.. Estudo comparado da metodologia do controle de culicídeos de importância médica no município do Rio de Janeiro. 2001. Universidade Castelo Branco.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Estudos de caso de cultura material da ciência.A formação das coleções zoológicas vivas reais em Portugal durante o século XVIII: Resultados da Pesquisa de Tese. 2018. (Seminário).

2.
II Congresso Internacional as aves: evolução, paleontologia, arqueozoologia, artes e ambientes. As aves do Rei. 2018. (Congresso).

3.
II Congresso Internacional as aves evolução, paleontologia, arqueozoologia, artes e ambientes. O Abutre-preto (Aegypius monachus) de Santarém: um registro do século XVIII. 2018. (Congresso).

4.
Simpósio Internacional Museologia, Patrimônio, Comunicação. 2018. (Simpósio).

5.
VIII Encontro de Ensino e Pesquisa.Das pobres colônias ricas à rica metrópole pobre: a formação das coleções zoológicas vivas em Portugal durante o século XVIII. 2018. (Encontro).

6.
XXV Congresso Brasileiro de Ornitologia. Araras, Papagaios e Periquitos na corte portuguesa durante o século XVIII. 2018. (Congresso).

7.
VII Encontro de Ensino e Pesquisa.Das pobres colônias ricas à rica metrópole pobre: a contribuição do colonialismo português para a formação das coleções zoológicas vivas em Portugal. 2017. (Encontro).

8.
IV Seminario Internacional: Cultura Material e Patrimonio da Ciência e Tecnologiaia. 2016. (Seminário).

9.
39 Congresso da Sociedade de Zoológicos e Aquários do Brasil. Padrões expositivos do Jardim Zoológico do Rio de Janeiro. 2015. (Congresso).

10.
I Congresso Internacional As Aves na História Natural, na Pré-História e na História (Origem, Evolução e Domesticação). 2015. (Congresso).

11.
Encontro Nacional sobre Coleções Biológicas e suas Interfaces. 2014. (Encontro).

12.
ICOM NATHIST Conference 2014.Environmental Preservation: Duty of Museums of Natural History. 2014. (Outra).

13.
XXI Congresso Brasileiro de Ornitologia. 2014. (Congresso).

14.
XXX Congresso Brasileiro de Zoologia. 2014. (Congresso).

15.
Conferência Mundial da Tilápia. 2013. (Outra).

16.
IV Congresso Brasileiro de Aquicultura de Espécies Nativas. 2013. (Congresso).

17.
Jornadas Interdisciplinarias de Reflexión - Museologia, Educación y Acción Cultural: Interfaces CECA LAC / ICOFOM LAM.Jardins Zoológicos: Papel Educativo. 2011. (Outra).

18.
XI Encontro Regional de Ensino de Astronomia.Ora (Direis) Ouvir Estrelas. 2010. (Encontro).

19.
XXVII Congresso Brasileiro de Zoologia. 2008. (Congresso).

20.
XXX Conresso da Sociedade de Zoológicos do Brasil. 2006. (Congresso).

21.
XXVIII Congresso da Sociedade de Zoológicos do Brasil. 2004. (Congresso).

22.
I Simpósio de Genética de Aves Neotropicais. 2002. (Simpósio).

23.
Seminários do Departamento de Entomologia, Instituto Oswaldo Cruz.Desafios para o controle de Culex quinquefasciatus em área urbana no Rio de Janeiro. 2000. (Seminário).

24.
XII Congresso da Sociedade de Zoológicos do Brasil. 1988. (Congresso).

25.
V Encontro da Sociedade de Zoológicos do Brasil.Estudo do desenvolvimento de filhotes de Crax blumenbachii Spix, 1825.. 1982. (Encontro).

26.
V Encontro da Sociedade de Zoológicos do Brasil.Manutenção e Reprodução de Crax blumenbachii Spix, 1825. 1982. (Encontro).

27.
1º Congresso Brasileiro Piagetiano. 1980. (Congresso).

28.
32a. Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progreso da Ciência. Estimativa de parâmetros populacionais de caramujos vetores da esquistossomose. 1980. (Congresso).

29.
VI Semana de Biologia do Rio de Janeiro.Introdução às técnicas para levantamento de parâmetros populacionais. 1980. (Encontro).

30.
XXXI Congresso Nacional de Botânica. 1980. (Congresso).

31.
31a. Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência. Estimativa de parâmetros populacionais de caramujos vetores da esquistossomose. 1979. (Congresso).

32.
V Semana de Biologia do Rio de Janeiro.Ecologia e sistema de vetores da Esquistossomose. 1979. (Simpósio).

33.
XXX Congresso Nacional de Botânica. 1979. (Congresso).

34.
30 Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência. 1978. (Encontro).

35.
V Simpósio Latinoamericano sobre oceanografia biológica. 1978. (Simpósio).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
PAIS, J. A.. 1° FESTILAPA - Festival da Tilápia de Paraty. 2013. (Festival).

2.
PAIS, J. A.. Encontro dos Estudantes de Turismo com a cultura e os mistérios do Peru. 1991. (Outro).



Educação e Popularização de C & T



Apresentações de Trabalho
1.
PAIS, J. A.; SCHEINER, T. . Jardins Zoológicos: Papel Educativo. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

2.
PAIS, J. A.. Araras, Papagaios e Periquitos na corte portuguesa durante o século XVIII. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 24/10/2018 às 2:49:01