Gustavo da Silva Claudiano

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/6500363801545710
  • Última atualização do currículo em 17/12/2018


Possui graduação em Medicina Veterinária pela Universidade Estadual do Norte do Paraná (2008), mestrado e doutorado em Medicina Veterinária pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho na área Patologia Animal UNESP/FCAV e pós-doutorado na em Medicina Veterinária pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP/FCAV (2017). Atualmente é pesquisa e professor do magistério superior da Universidade Federal do Oeste do Pará. Tem experiência na área de Medicina Veterinária, com ênfase em Patologia Animal. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Gustavo da Silva Claudiano
Nome em citações bibliográficas
CLAUDIANO, G. S.;CLAUDIANO, GUSTAVO SILVA;DA SILVA CLAUDIANO, GUSTAVO;CLAUDIANO, GUSTAVO DA SILVA;CLAUDIANO, GUSTAVO S.;DA SILVA CLAUDIANO, G.

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal do Oeste do Pará, IBEF - Instituto de Biodiversidade e Floresta, Câmpus Tapajós.
Rua Vera Paz
Salé
68040255 - Santarém, PA - Brasil
Telefone: (093) 21014933
URL da Homepage: http://www.ufopa.edu.br/


Formação acadêmica/titulação


2011 - 2015
Doutorado em Medicina Veterinária.
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
Título: Estudo da fisiopatologia da sepse em Piaractus mesopotamicus, Ano de obtenção: 2015.
Orientador: Flávio Ruas de Moraes.
Coorientador: Cleni Mara Marzocchi Machado / Julieta R Engracia de Moraes.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.
Grande área: Ciências Agrárias
2009 - 2011
Mestrado em Medicina Veterinária (Patologia Animal) [Jaboticabal].
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
Título: EICOSANÓIDES NO AUMENTO DE PERMEABILIDADE VASCULAR E COMPONENTES CELULARES DA INFLAMAÇÃO AGUDA EM Piaractus mesopotamicus,Ano de Obtenção: 2011.
Orientador: Flávio Ruas de Moraes.
Coorientador: Marco Antonio de Andrade Belo.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências Agrárias
2003 - 2008
Graduação em Medicina Veterinária.
Universidade Estadual do Norte do Paraná, UENP, Brasil.
Título: Avaliação da concentração letal CL 50% (CL (I) (50-96h)) do extrato aquoso de Terminalia catappa em guarus ((Phalloceros caudimaculatus) e sua eficácia em alevinos de tambaqui, Colossoma macropomum (Cuvier, 1818) parasitados por Monogenea, Ichthyophthiri.
Orientador: Rogerio Salvador.


Pós-doutorado


2015 - 2017
Pós-Doutorado.
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo, FAPESP, Brasil.
Grande área: Ciências Agrárias
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Genética / Subárea: Genética Animal.


Formação Complementar


2016 - 2016
Fundamentos da PCR Quantitativa em Tempo Real (qPCR): uma abordagem teórico. (Carga horária: 20h).
Thermo Fisher Scientific, THERMO FISHER, Brasil.
2014 - 2014
Biologia Mitocondrial. (Carga horária: 12h).
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
2014 - 2014
Análise de Dados no solfware R. (Carga horária: 36h).
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
2010 - 2010
IV Curso de Inverno de Fisiologia Animal. (Carga horária: 32h).
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
2010 - 2010
VI Curso de Inverno de Genética. (Carga horária: 24h).
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
2010 - 2010
Imunoistoquímica - Aplicação Pesquisa Animal.
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
2010 - 2010
Ecotoxicologia Aquática e Qualidade Ambiental.
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
2008 - 2008
Atualização Piscicultura em tanques-rede. (Carga horária: 8h).
Agência Paulista de Tecnologia dos Agronegócios, APTA, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Estadual do Norte do Paraná, UENP, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisa e Desenvolvimento
Outras informações
Linhas de pesquisa Patologia de Organismos Aquáticos

Vínculo institucional

2011 - 2013
Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: Doenças Infecciosas

Vínculo institucional

2012 - 2012
Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: Fundamentos da Piscicultura e Ictiopatologia


Universidade Brasil, UNIVBRASIL, Brasil.
Vínculo institucional

2010 - Atual
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Pesquisa e Desenvolvimento
Outras informações
Pesquisas com farmacologia e toxicologia veterinária, realizando estudos de eficácia terapêutica, segurança clínica e farmacocinética de resíduo,


Cursinho Unificado Popular, CUP, Brasil.
Vínculo institucional

2009 - 2010
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 120
Outras informações
Disciplina Ministrada Química Inorgânica


Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
Vínculo institucional

2009 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisa e Desenvolvimento
Outras informações
Desenvolve pesquisas na área de patologia de organismos aquáticos com ênfase em inflamação e cicatrização como mecanismos de defesa de peixes teleósteos de interesse econômico, pesquisando os efeitos de estresse e nutrientes funcionais e imunizações naqueles fenômenos.


Centro de Aquicultura da UNESP, CAUNESP, Brasil.
Vínculo institucional

2007 - 2007
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Estágio, Carga horária: 40


Faculdade de Tecnologia de Taquaritinga, FATEC, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - 2017
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor de Ensino Superior, Carga horária: 4
Outras informações
Disciplina de Defesa Sanitária e Fitossanidade


Universidade Federal do Oeste do Pará, UFOPA, Brasil.
Vínculo institucional

2018 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Membro NDE - curso Zootecnia, Carga horária: 2

Vínculo institucional

2018 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Membro do NDE - Bacharelado Ciências Agrárias, Carga horária: 2

Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor do magistério superior, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Disciplinas ministradas: - Microbiologia Zootécnica - Higiene e Profilaxia - Microbiologia Geral - Parasitologia Animal - Nutracêuticos: sanidade e produção

Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Pesquisa e Desenvolvimento, Carga horária: 20
Outras informações
Líder do grupo de Pesquisa: - Grupo de Pesquisa e Extensão em Patologia de Organismos Aquáticos da Amazônia Participa como pesquisador nos grupos de Pesquisa: - Aquicultura no Baixo Amazonas - Produção Animal na Amazônia - Microbiologia aplicada a sanidade aquícola - Nutrição e Sanidade Aquícola de peixes marinhos e de água doce - Grupo de estudos em ImunoPatologia de Peixes

Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Extensão Rural e Saúde, Carga horária: 20



Projetos de pesquisa


2018 - Atual
Incremento da produção de peixes por adição de bactérias láticas isoladas do intestino de Colossoma macropomum à dieta de peixes de cativeiro: sanidade e desempenho zootécnico
Descrição: A aquicultura mundial encontra-se em plena expansão e é uma das principais fontes de proteína animal nas próximas décadas. Esse cenário impulsiona e culmina na intensificação dos sistemas de produção aquícola, com aumento da incidência e severidade de várias doenças. Os surtos de doenças cada vez mais são reconhecidos como um dos principais entraves para produção de aquicultura. Convencionalmente, o controle de doenças de peixes tem como principal foco o uso de compostos químicos e antibióticos, causando impactos na saúde animal e publica. Assim o desenvolvimento de formas alternativas na prevenção das doenças é uma das maiores necessidades para o desenvolvimento da piscicultura. Os probióticos são largamente estudados como alternativa a utilização de fármacos químicos e foram definidos pela Organização Mundial da Saúde como microrganismos vivos capazes de causar efeitos benéficos à saúde do hospedeiro, quando ingeridos em quantidades adequadas. Os principais microrganismos usados com essa finalidade são bactérias ácido-lácticas encontradas como parte da microbiota intestinal de várias espécies animais. Esses microrganismos agem principalmente pela produção de substâncias antimicrobianas e modulação do sistema imune. Dessa forma, objetivou-se buscar acessar o potencial probiótico de bactérias lácticas isoladas da microbiota intestinal de tambaquis saudáveis, avaliando sua resistência a barreiras biológicas e processos industriais, e determinando sua capacidade de produzir substâncias antimicrobiana antagonistas e de modular o sistema imune do hospedeiro. A prospecção de suas potencialidades tecnológicas e funcionais é de extrema importância para a produção aquícola..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (10) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Gustavo da Silva Claudiano - Coordenador / Julieta Rodine Engracia de Moraes - Integrante / Flávio Ruas de Moraes - Integrante / AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS - Integrante / Cleni Mara Marzocchi Machado - Integrante / Antonio V. Mundim - Integrante / Fabrizia Sayuri Otani - Integrante / Michelle Midori Sena Fugimura - Integrante / Luciano Jensen Vaz - Integrante / Thalis Ferreira dos Santos - Integrante.
2017 - Atual
Mecanismos da resistência natural de tilápias-do-Nilo a infecção por Streptococcus agalactiae
Descrição: A tilápia-do-Nilo apresenta grande diversidade genética decorrente de desovas abundantes e múltiplas, o que aumenta a possibilidade de que um grupo destes indivíduos apresentem determinada combinação genética que confira resistência a infecções por bactérias. A compreensão dos mecanismos envolvidos neste processo favorece o avanço na luta contra estas doenças. O objetivo deste estudo será compreender os mecanismos naturais de resistência de tilápias-do-Nilo naturalmente resistentes a Streptococcus agalactiae. Para isto serão utilizadas 408 tilápias-do-Nilo (aproximadamente de 200g de peso) oriundas de uma família de tilápias-do-Nilo onde previamente foram encontrados animais resistentes a esta bactéria. Os peixes serão identificados com microchips e distribuídos em caixas d'água de 300 L com fluxo continuo de agua numa densidade de 15 peixes por caixa. 48 peixes serão utilizados para a realização da DL50-10 dias. Será realizada triagem com 30 animais para descartar infecções previas por S. agalactiae. Outros 30 peixes serão injetados com solução salina estéril (grupo controle). Os animais restantes serão inoculados com a DL 50 de S. agalactiae. A coleta de sangue será realizada 5 dias após a inoculação, considerando que neste tempo já é possível diferenciar os animais susceptíveis dos resistentes pelos sinais clínicos. Serão realizadas as seguintes análises: exame clínico, perfil hematológico e bioquímico, cortisolemia, glicemia, atividade respiratória de leucócitos do sangue, concentração de lisozima, atividade lítica do soro, atividade de aglutinação bacteriana, avaliação do sistema complemento: atividade hemolítica e análise do transcriptoma de leucócitos sanguíneos. Para este último serão utilizados 100 peixes entre resistentes e susceptíveis. Os peixes serão acompanhados até três semanas após a coleta para avaliar a sobrevivência e verificar a resistência ou susceptibilidade. Finalmente, para a análise estatística serão considerados o grupo controle, os animais susceptíveis e os resistentes considerando a sobrevivência durante 3 semanas..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2017 - Atual
Comparação das variáveis plasmáticas em tambaquis anestesiados com benzocaína e eugenol em sangue coletado com diferentes anticoagulantes
Descrição: A intensificação da produção animal aumenta a susceptibilidade a doenças infecciosas e parasitaria, gerando grandes perdas econômicas. Neste contexto, a utilização de anestésicos em peixes é amplamente empregada para diminuir os efeitos adversos do manejo estressor e como forma a garantir a integridade dos animais, reduzir a mortalidade e facilitar sua manipulação. Entre os fármacos mais utilizados em teleósteos destacam a benzocaína e o eugenol. Apesar disso, há controversas na literatura sobre o efeito dos diferentes anestésicos sobre os parâmetros fisiológicos dos peixes, visto que existem peculiaridades que tornam alguns fármacos mais apropriados de acordo com a espécie, idade, sexo, tamanho, assim como observados em outros vertebrados. Além dos anestésicos a padronização do anticoagulante utilizado nas coletas de sangue é imprescindível no monitoramento da saúde dos peixes e do ambiente. As características hematológicas normais de peixes sadios também devem ser conhecidas para que o diagnóstico do seu estado de saúde ou nutricional seja confiável, principalmente em virtude da ampla variação fisiológica de cada espécie. Uma vez que a hematologia e a bioquímica clínica são à base das ferramentas diagnósticas e essenciais para análise e monitoramento sanidade e ambiental, este trabalho visa descrever os efeitos dos anticoagulantes EDTA 10 % (1.3 e 2 mg / ml), heparina de sódio (15 U / ml) e citrato 3.2 % (0,1 mol/L, 9:1 de sangue:citrato) em Colossoma macropomum anestesiados com benzocaína e eugenol para ampliar o entendimento da interação destes fármacos sobre os parâmetros fisiológicos e clínicos para auxiliar nas estratégias voltadas no controle das doenças..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (10) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (0) .
Integrantes: Gustavo da Silva Claudiano - Coordenador / Fabrizia Sayuri Otani - Integrante / Michelle Midori Sena Fugimura - Integrante / Luciano Jensen Vaz - Integrante / Thalis Ferreira dos Santos - Integrante.
2015 - Atual
Suplementação dietética de timomodulina (Leucogen®) na resposta à vacinação de tilápias do Nilo (Oreochromis niloticus) com Streptococcus agalactiae
Descrição: A infecção por Streptococcus agalactiae atualmente representa o maior problema sanitário em cultivos de tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus) no mundo todo. Entre as ações no controle da estreptococose em tilápias, destacam-se as vacinas intraperitoneais, consideradas eficientes, mas que necessita que os peixes sejam submetidos a um manejo capaz de comprometer sua resposte imunológica, já que eles devem ser removidos da água e anestesiados. Neste contexto, os imunomoduladores podem ser recursos valiosos, uma vez que administrados em associação às vacinas podem atuar positivamente na resposta imune do peixe. A timomodulina (Leucogen®) é um imunomodulador derivado do timo de vitelo e que age sobre o sistema imunológico, tendo a capacidade de modular a diferenciação e a proliferação de células precursoras da medula óssea. Assim, o objetivo do presente trabalho é avaliar os efeitos imunomoduladores da timomodulina (Leucogen®) em tilápias do Nilo e sua inter-relação com a vacinação com S. agalactiae. Para isso, oitenta e quatro tilápias com peso médio inicial de 35g serão distribuídas em 12 aquários de vidro, seguindo o esquema fatorial 2x2x3, correspondente a dois níveis de suplementação com timomodulina (0,0 e 0,3%), dois tratamentos (solução salina e vacina inativada de S. agalactae) e três coletas após o desafio com S. agalactie (7, 14, 21 dias) com sete repetições. A vacinação será realizada 30 dias após o início da alimentação, por meio da inoculação intraperitoneal de 1.0 mL da vacina. Após 15 dias da vacinação, todos os peixes serão submetidos ao desafio com S. agalactiae vivo por meio da inoculação intraperitoneal. De cada grupo de peixes, nos respectivos tempos de coleta serão avaliados os seguintes parâmetros: porcentagem relativa de sobrevivência (PRS), título de anticorpos IgM e perfil bioquímico sérico, por meio das dosagens de sódio, potássio, proteínas totais e glicose. Os dados serão analisados pelo teste F, segundo Pimentel Gomes (2000) e Barbin (2003), ao nível de 5,0% de probabilidade..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2015 - Atual
Caracterização estrutural e ultraestrutural da infecção por Aeromonas hydrophila em Piaractus mesopotamicus
Descrição: Dentre as problemáticas na piscicultura destacam-se as doenças bacterianas as quais se instalam devido ao estresse ocasionado pelas condições adversas ambientais e manejo zootécnico que são responsáveis por atraso no crescimento e altas taxas de mortalidade. Técnicas como microscopia de luz e a microscopia eletrônica de transmissão (MET) são utilizadas no estudo de material biológico, em particular, para examinar alterações estruturais, ultraestrurais e efeitos citopáticos ocasionados por bactérias e outros microrganismos em diversos tipos de infecções. Este auxílio diagnóstico colabora para o entendimento da interação patógeno-hospedeiro, que é de suma importância à compreensão da fisiopatogenia e ao desenvolvimento de estratégias voltadas à intervenção e controle de doenças. Assim, este projeto tem como objetivo investigar a sepse por meio do estudo da infecção, disseminação e colonização por A. hydrophila no sangue e em diferentes órgãos de pacus (Piaractus mesopotamicus), bem como a avaliação da atividade lítica do soro. Para isso, serão utilizados 170 pacus peso médio de 150,71 ± 56,73g e comprimento total médio de 18,27 ± 4,70 cm. Inicialmente será determinada a DL50 (DL50-96h) para A. hydrophila em pacus. A sepse será induzida pela administração celomática do inóculo correspondente à DL50 e um grupo injetado pela mesma via com salina 0,65% esterilizada será utilizado como controle. Antes das inoculações e 1, 3, 6 e 9 horas depois, dez animais de cada grupo (controle salina e desafiados) serão anestesiados para coleta de sangue, exame necroscópico e coleta de órgãos para as análises de microscopia de luz, microscopia eletrônica de transmissão, disseminação da bactéria nos diferentes compartimentos e para traçar a curva de crescimento de A. hydrophila. Durante todo o experimento os animais serão avaliados quanto às alterações de comportamento clínico. Os resultados serão comparados pela análise de variância (ANOVA) ao nível de 5% de probabilidade e a diferença entre as médias pelo teste de Tukey (p<0,05)..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2015 - Atual
RESPOSTA SÉPTICA EM Piaractus mesopotamicus INFECTADOS COM Aeromonas hydrophila: FISIOPATOLOGIA E TRANSCRIPTOMA
Descrição: A patogenia da sepse envolve múltiplas inter-relações entre componentes do hospedeiro e do patógeno, responsáveis por altas taxas de mortalidade em várias espécies animais. Embora seja uma das principais causas de mortalidade em peixes, há escassez de literatura sobre os fenômenos fisiopatológicos da sepse e seus mecanismos de modulação. Resultados recentes deste laboratório demonstraram rápido aumento da concentração de cortisol plasmático, com inibição da absorção de glicose seguidos de hipocortisolemia e hiperglicemia após a inoculação intracelomática de Aeromonas hydrophila. Os hormônios da tireóide T3 e T4 apresentaram diminuição de suas concentrações séricas, imediatamente, após a inoculação do microrganismo. As variações hormonais induzidas pela sepse desencadearam alterações nas vias metabólicas com aumento do catabolismo protéico e lipídico, com utilização da via glicólise anaeróbica transitória e lesão hepática. O leucograma demonstrou leucopenia e trombocitopenia, seguida do cessar da quimiotaxia leucocitária e graves alterações morfológicas. As variáveis do sistema imune inato apresentaram aumento da produção de espécies reativas de oxigênio, da atividade lítica do soro e da aglutinação bacteriana, sem alteração da concentração de lisozima. Após a inoculação da A. hydrophila em pacu foram evidenciados sinais clínicos da aeromonose, bacteremia crescente e sobrevida de 29%. Com o objetivo de ampliar estes estudos e esclarecer lacunas e controvérsias da literatura, pretende-se nova abordagem tecnológica, com a análise global dos genes ativados no decurso da sepse, bem como depositar as sequências no GenBank (NCBI), utilizando RNA-seq. Estes resultados permitirão elucidar a participação dos diferentes mecanismos da imunidade inata-adquirida dos leucócitos e os vários mediadores químicos que participam do processo, como o fator de necrose tumoral e interleucinas pró e anti-inflamatórias, por meio da identificação dos RNAs diferencialmente expressos. Além disso, pretende-se, também, identificar genes de resistência desta espécie para melhores medida profilática no futuro. Objetiva-se, ainda, analisar o perfil das concentrações dos íons sódio, cloro e potássio séricos e a atividade do sistema complemento para esclarecer dúvidas surgidas em estudos anteriores..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2015 - Atual
IMUNODIAGNÓSTICO DE Aeromonas hydrophila EM PACU (Piaractus mesopotamicus, HOLMBERG 1887) INFECTADOS EXPERIMENTALMENTE
Descrição: Aeromonas hydrophila é patógeno oportunista com potencial de infecção para mamíferos, peixes e humanos, cosmopolita e emergente em infecções hospitalares de humanos. O complexo Aeromonas hydrophila formado por várias subespécies apresenta variedade antigênica que dificulta o diagnóstico da infecção pelo uso de anticorpos monoclonais. Pelo exposto, o objetivo deste trabalho foi o de produzir uma imunoglobulina Y policlonal purificada em gema de galinhas poedeiras, imunizadas com proteínas de membrana bacteriana e testar sua eficácia nos ensaios de imuno-histoquímica para identificação de bactérias no fígado e rim de Piaractus mesopotamicus infectados experimentalmente. Os resultados mostraram que a técnica foi eficaz uma vez que as aves produziram anticorpos específicos anti-A. hydrophila no soro e na gema, com aumento significativo (p<0,05) e progressivo dos títulos até 60 dias, que se mantiveram detectáveis no teste ELISA até 90 dias após a terceira imunização. As análises de imuno-histoquímica foram efetivas para detecção de colônias de A. hydrophila no coração, fígado, rim, encéfalo e baço de P. mesopotamicus com anticorpos IgY específico. Os resultados permitiram concluir que a imunoglobulina Y produzida em ovos de galinha foi eficaz no diagnóstico de aeromonose na espécie de peixe testada..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2014 - Atual
Produção de anticorpos policlonais IgY anti-Aeromonas hydrophila e sua aplicação no ensaio de imunohistoquímica
Descrição: Aeromonas hydrophila é patógeno oportunista com potencial de infecção para mamíferos, peixes e humanos, cosmopolita e emergente em infecções hospitalares de pacientes em terapia intensiva (UTI). O complexo formado por várias subespecies apresenta variedade antigênica que dificulta o diagnóstico pelo uso de anticorpos monoclonais. O objetivo deste trabalho foi produzir uma imunoglobulina Y policlonal purificada em gema de galinhas poedeiras, imunizadas com proteínas de membrana bacteriana e testar sua eficácia para ensaios de imunohistoquímica na identificação de células bacterianas no fígado e rim de Piaractus mesopotamicus infectados experimentalmente. Os resultados mostraram que as aves produziram anticorpos específicos anti-A. hydrophila no soro e na gema, com aumento significativo (P<0.05) e progressivo dos títulos até 60 dias, que se mativeram detectáveis no teste ELISA até 90 dias após a terceira imunização. A imunohistoquímica foi positiva para adetecção de colônias de A. hydrophila no fígado e rim de P. mesopotâmicos com anticorpos IgY específico. Portanto a imunoglobulina produzida em ovos de galinha foi eficaz no diagnóstico de aeromonose na espécie de peixe testada..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2014 - Atual
Resposta séptica induzida por Aeromonas hydrophila em Piaractus mesopotamicus: citocinas pró-inflamatória e as alterações fisio-morfológica

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Flávio Ruas de Moraes em 02/04/2016.
Descrição: A patogenia da sepse envolve múltiplas inter-relações na dinâmica entre os diversos componentes relacionados ao hospedeiro e ao patógeno, responsável por altas taxas de mortalidade em várias espécies animais. Embora seja uma das principais causas de mortalidade em peixes, há escassez de literatura sobre os fenômenos fisiopatológicos da sepse e seus mecanismos de modulação. Assim, este projeto tem como objetivos estudar o perfil de diferentes variáveis na evolução da reposta séptica induzida por Aeromonas hydrophila em Piaractus mesopotamicus. Para tanto, serão utilizados 170 pacus, P. mesopotamicus, com peso médio de 250,71 ± 26,73 g e comprimento total médio de 25,27 ± 1,60 cm. Inicialmente será determinado a DL50 (DL50-96h) para A. hydrophila em pacus. A sepse será induzida pela administração intracelomática do inóculo correspondente a DL50 e depois de 30 mim, 1, 3, 6 e 24horas, dez animais de cada grupo (controle salina e desafiados) serão anestesiados para coleta de sangue e avaliação do perfil hematológico, bioquímica, coagulograma, radicais livres, lisozima sérica, a atividade respiratória de leucócitos, a atividade lítica bactericida do soro, atividade hemolítica do sistema complemento e atividade de aglutinação bacteriana e a identificação e determinação da expressão gênica do fator de necrose tumoral (TNF-α) e interleucina1 (IL-1), pelo método transcrição reversa-reação em cadeia da polimerase (PCR) em tempo real. A seguir os peixes serão sacrificados por aprofundamento do plano anestésico para exame necroscópico e coleta de material para histopatolagia. Durante todo o experimento os animais serão avaliados quanto às alterações clínicas e o percentual de sobrevivência relativa. Os resultados serão comparados pela análise de variância (ANOVA) ao nível de 5% de probabilidade e a diferença entre as médias será comparada pelo teste de Tukey..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2014 - Atual
Isulina e glucagon na inflamação aguda induzida por Aeromonas hydrophilas em tilápias-do-nilo
Descrição: Existem claras evidências que demonstram o envolvimento do sistema endócrino no processo inflamatório. Embora seja de grande importância, há escassez de literatura sobre a interação do processo inflamatório com os hormônios pancreáticos em peixes. Contudo, o objetivo deste trabalho é avaliar o efeito da insulina e glucagon na inflamação aguda induzida por Aeromonas hydrophila inativada em Oreochromis niloticus (tilápia-do-Nilo). Para isto, 960 tilápias-do-Nilo (± 200g) serão distribuídos em 8 grupos (3 repetições): T1: (Grupo controle) ? tratadas com solução salina esterilizada a 0,65%; T2: tratada com 30 mg/Kg de metirapona; T3: tratadas com 30 mg/Kg de metirapona + 0,75 mg/Kg de glucagon; T4: tratadas com 30 mg/Kg de metirapona + 0,8 mg/Kg de cortisol; T5: tratadas com metirapona 30 mg/Kg + 0,75 mg/Kg de glucagon + 0,8 mg/Kg de cortisol, T6: tratadas com 2 UI de insulina; T7: tratadas com 40 mg/Kg de aloxano e T8: tratadas com 40 mg/Kg de aloxano + 2 UI de insulina. Todos os tratamentos serão compostos por um grupo desafiado com A. hydrophila inativada e terão um grupo controle injetado com solução salina. Os animais sofrerão eutanásia nos tempos pré-determinados de 30 min, 1, 3, 6, e 24 horas após o desafio com A. hydrophila inativada na bexiga natatória para coleta de material biológico. Os animais serão avaliados quanto ao seu comportamento clínico, componente celular inflamatório, variáveis hematológicas, bioquímica sérica, cortisolemia, glicemia, determinação e quantificação das citocinas TNF, IL-1 e IL-8 no soro, atividade respiratória de leucócitos do sangue, concentração de lisozima, atividade lítica do soro, atividade de aglutinação bacteriana, avaliação do sistema complemento: atividade hemolítica, histopatologia e percentual de sobrevivência relativa..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2014 - Atual
Avaliação histológica e imunohistoquímica de Tilápias do Nilo (Oreochromis niloticus) vacinadas contra Streptococcus agalactiae
Descrição: A infecção causada por Streptococcus agalactiae provoca grandes perdas em sistemas de criação intensiva de tilápias no Brasil e uma das soluções para minimizar estas perdas é a utilização de vacinas. Assim, este estudo está avaliando a respostas dos tecidos e sua participação na resposta imune humoral induzida pela vacina contra S. agalactiae. Para tanto, serão utilizadas 206 tilápias do Nilo (Oreochromis niloticus) com peso médio de 200 ± 25 g. Será determinada a concentração bacteriana letal para 50,0% dos peixes (CL50) e avaliada a porcentagem relativa de sobrevivência (PRS) de tilápias vacinadas com as porções solúvel ou insolúvel do antígeno, resultantes do processo de sonicação do S. agalactiae. Para tanto serão utilizados quatro grupos (n= 20), sendo o grupo 1 (G1) injetado com solução salina 0,65% (controle), grupo 2 (G2) injetado com PBS + adjuvante incompleto de Freund, grupo 3 (G3) imunizado com a porção solúvel do antígeno sonicado + adjuvante incompleto de Freund e grupo 4 (G4) imunizado com a porção insolúvel do antígeno sonicado + adjuvante incompleto de Freund. Depois de 21 dias da imunização os peixes serão desafiados com inóculo de S. agalactiae e avaliados por 15 dias. Posteriormente será preparada a vacina contendo a porção de maior do antígenos que tenha conferido a PRS + adjuvante incompleto de Freund (1:1), com volume final de 200 µL. Para avaliar a reposta imune humoral serão utilizados dois grupos (n= 63), sendo eles; grupo injetado com salina 0,65% (controle) e grupo imunizado com a vacina constituída com o produto da sonicação do S. agalactiae que conferiu maior PRS. A vacina e a salina serão aplicadas por via intracelomática (i.c). Em todos os grupos será realizada uma coleta de sangue e órgãos pré imunização e coletas seriadas pós imunização nos tempos de 7, 14, 21, 28, 35, 42, 60 e 90 dias, para avaliação da resposta imune por meio de soroaglutinação direta em placa e para a confecção das lâminas histológicas e de imunohistoquímica. Os resultados serão comparados por meio de análise de variância (ANOVA) ao nível de 5% de probabilidade e a diferença entre as médias será comparada pelo teste de Tukey posteriormente. (AU).
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2013 - 2016
Avaliação do crescimento e da atividade imune de tilápias alimentadas com dietas suplementadas com unha de gato (Uncaria tomentosa)
Descrição: Neste estudo objetivou-se avaliar o efeito da unha de gato, Uncaria tomentosa, sobre a toxicidade em Hyphessobrycon eques e o efeito sobre o crescimento e a atividade imune em tilápias. Pela técnica da cromatografia líquida verificou-se a autenticidade da planta e quantificaram-se os principais componentes químicos. O extrato aquoso mostrou ser praticamente não tóxico para o H. eques, com CL50 de 18,16 mg/L. Na determinação do melhor tempo de suplementação pela análise do componente celular e dos parâmetros hematológicos na aerocistite em tilápias, verificou-se que o máximo do acúmulo celular ocorreu após três semanas. Para a análise do desempenho zootécnico e da resposta inflamatória aguda, tilápias foram alimentadas durante três semanas com dietas contendo: 0; 75; 150; 300 e 450 mg de extrato de unha de gato/kg da ração. Após o final do período experimental, os peixes foram desafiados com Streptococcus agalactiae inativado e as 6; 24 e 48 horas após o desafío foram coletadas as amostras. Às 6 horas observou-se incremento, dependente de dose, no número de leucócitos no sangue e às 24 horas incremento de leucócitos no local da inflamação. Além disso, os centros melanomacrófagos foram maiores em tamanho e número nos grupos tratados. Observou-se também aumento da expressão de Imunoglobulina M no baço após 24 horas do desafio nos grupos que receberam 300 e 450 mg/Kg. Não houve alterações histopatológicas em brânquias, intestino, baço e fígado. Verificou-se aumento no ganho de peso, que pode ter sido atribuído ao incremento do tamanho dos vilos intestinais. Finalmente, estes resultados são a primeira evidência do efeito da U. tomentosa sobre o ganho de peso e ativação do sistema imune inato e específico em tilápias. Os resultados histopatológicos sugerem que a planta pode ser usada oralmente em peixes sem efeitos colaterais indesejáveis..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2013 - 2015
Efeito do próbiotico Bacillus amyloliquefaciens no desempenho produtivo e nos parâmetros hematológicos, morfólogicos e ultra-estrutural de tilápias-do-Nilo cultivadas em tanques rede
Descrição: The aim of this study was to evaluate the effect of probiotic Bacillus amyloliquefaciens on the growth performance, blood profile and intestinal morphometry in Nile tilapia (Oreochromis niloticus) reared in cages. 936 Nile tilapias were distributed in 12 cages (1.5 m3). Fish were fed for 90 days on basal diets containing 0 (control); 1×106 CFU g-1; 5×106 CFU g-1; and 1×107 CFU g-1 of the probiotic. The results showed no significant difference on performance and proximal composition of fish. Blood glucose and hemoglobin were lower in 1×107 CFU g-1 group, suggesting improves of the homeostatic state of the fish. Other hematimetric indices did not differ between groups. It was observed significant increase of villi height and in the number of goblet cells of the intestine in fish supplemented 5×106 CFU g-1 and 1×107 CFU g-1 of food suggesting that fish improved the digestion and absorption of nutrients. However, more studies are needed to determine the efficacy of this probiotic in field conditions in Nile tilapia..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2012 - 2015
Aerocistite aguda em tilápias-do-nilo (Oreochromis niloticus) alimentados com ração adicionada de Bacillus amyloliquefaciens
Descrição: O uso de antibióticos como medida profilática e/ou terapêutica em produção de peixes favorecem o surgimento de resistência bacteriana e contamina o ambiente. Em substituição aos antimicrobianos, a utilização de probióticos é uma das alternativas que pode incrementar as defesas do organismo contra patógenos. O objetivo deste trabalho será o de avaliar os efeitos de três concentrações de probiótico comercial (1g, 3g, 5g de probiótico por quilograma de ração basal) contendo Bacillus sp, :a aerocistite aguda, do epitélio da mucosa intestinal, o perfil hematológico, a microbiota intestinal pela microbiologia e microscopia eletrônica de varredura em tilápias do Nilo (Oreochromis niloticus). Para tanto será utilizado o delineamento experimental inteiramente casualizado constituído de dois grupos, primeiro, composto de dois subgrupos que incluem o controle e o naive, alimentado com ração basal, sem adição de probiótico e o segundo, composto de subgrupos alimentado com ração basal adicionado de probiótico com as respectivas concentrações, durante 60 dias. Cada subgrupo terá quatro réplicas representadas por uma caixa d?água de 250L em que serão colocados 50 peixes de 8g a 10g em média. A cada quinzena será realizado o ajuste da densidade populacional retirando-se dez peixes de cada caixa, até 20 peixes. Os resultados das análises serão submetidos às análises de variância (ANOVA) e à comparação de médias pelo teste de Tukey (P<0,05), quando os valores de F indicarem diferenças significativas (P<0,05). Para a comparação de médias pelo teste de Tukey será utilizado o nível de 5% de probabilidade..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2011 - 2015
Aspectos fisiopatológicos da sepse induzida por Aeromonas hydrophila em Piaractus mesopotamicus
Descrição: A sepse é definida como síndrome da resposta inflamatória sistêmica que ocorre durante infecção. É uma das principais causas de mortalidade em peixes, apesar disso, há uma escassez de literatura sobre a fisiopatologia da sepse em teleósteos. Assim, este estudo pretende avaliar e caracterizar as alterações fisiopatológicas e histológicas da sepse, identificando e quantificando a expressão gênica do fator de necrose tumoral α e da interleucina 1 na sepse induzida pela Aeromonas hydrophila em pacus, e a inflamação aguda na bexiga natatória sob a influência do quadro séptico. Para tanto, serão utilizados 260 pacus, Piaractus mesopotamicus, com peso médio de 150,71 26,73g e comprimento total médio de 15,27 1,60 cm. Inicialmente será feito a padronização do inoculo, pela determinação da concentração bacteriana letal para 50,0% dos peixes (CL50) determinando assim o inóculo utilizado no experimento. A sepse será induzida pela administração intracelomática do inóculo correspondente a CL50 de A. hydrophila. Os animais serão divididos em dois grupos, um receberá 0,5 ml de solução NaCl (grupo controle) e outro grupo receberá o mesmo volume contendo o inóculo (grupo desafio) em delineamento inteiramente casualizado. Nos tempos de antes, meia, uma e duas horas após a aplicação do estímulo inflamatório ativo serão caracterizado o perfil hematológico, bioquímico e o coagulograma da sepse. Para a caracterização das alterações histopatológica, fragmentos de fígado, baço, rim, coração e brânquias serão coletados ao término dos tempos seis, 12, 24 e 48 horas após a indução da sepse. A expressão gênica das citocinas, TNF-α e IL-1, ocorrerá após 24 horas da indução da sepse, pelo método Transcrição Reversa- Reação em Cadeia da Polimerase e PCR em tempo real. Imediatamente após a indução da sepse será inoculado na bexiga natatória o estímulo inflamatório com tioglicolato e nos tempos de seis, 12, 24 e 48 horas após estimulo, serão coletados o exsudato e sangue para a avaliação..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2009 - 2013
Avaliação morfobiométrica, constitutiva e imuno-histoquímica de melanomacrófagos e centros de melanomacrófagos e da atividade fagocitária in vitro de leucócitos de Oreochromis niloticus submetidos à inflamação aguda e crônica
Descrição: Os CMMs são agrupamentos de células que contêm pigmentos, geralmente encontradas dentro do retículo endotelial na matriz dos tecidos hematopoiéticos e em menor escala na submucosa do intestino, timo, brânquias, cérebro e gônadas. O surgimento destas estruturas está relacionada a vários fatores e condições como órgão, idade, condição nutricional, condições anatomopatológicas e inflamatórias, e processos imunes, assim como em alterações ambientais, fatos que dificultam a padronização do uso destas estruturas na avaliação do estado de higidez. Os estudos realizados para entender a formação e função dos centros de melanomacrófagos (CMMs), ainda não são suficientes, pois existem controvérsias e lacunas principalmente no que tange á sua formação e função. Estas estruturas são utilizadas em muitas ocasiões como bioindicadores de impacto ambiental, assim como para avaliação do estado de higidez do animal, encontrando-se muitas divergências na forma como é analisada. Além disso, há espécies que não formam estes centros como o Piaractus mesopotamicus mesmo quando submetidos a fatores de estresse crônico do sistema imune específico e não específico durante 33 dias. Ao final deste estudo espera-se contribuir para esclarecimentos sobre a formação morfobiométrica e funcional destes centros..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2009 - 2012
Bacillus cereus e Bacillus subtilis na suplementação dietária de juvenis de Tilápia-do-Nilo (Oreochromis niloticus) e seu efeito probiótico
Descrição: O escopo desta pesquisa será o de avaliar o efeito do Probiótico PAS-TR (Bacillus subtilis e Bacillus cereus) sobre o desempenho produtivo, perfil hematológico, microbiota intestinal e o estabelecimento da inflamação crônica por corpo estranho em juvenis de tilápias do Nilo (Oreochromis niloticus)...
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2009 - 2011
EFEITO DE DROGAS ANTIINFLAMATÓRIAS ESTEROIDAIS E NÃO ESTEROIDAIS NA INFLAMAÇÃO AGUDA EM Piaractus mesopotamicus INDUZIDA POR Aeromonas hydrophila
Descrição: Neste trabalho serão avaliadas as alterações vasculares e celulares na inflamação aguda induzida na bexiga natatória de Piaractus mesopotamicus, pela inoculação de Aeromonas hydrophila inativada, tratados com drogas antiinfamatórias esteroidais e não esteroidais. Após meia hora, uma hora e duas horas após a aplicação do estímulo inflamatório as alterações de permeabilidade vascular serão avaliadas nos vasos da bexiga natatória pelo método do azul de Evans, que se liga á albumina e quando da ocorrência do edema extravaza para o interior do órgão. Será avaliado o componente celular da inflamação em diferentes tempos após a aplicação do estímulo lesivo. Para avaliar o efeito de drogas anti-inflamatórias sobre essas variáveis, os peixes serão pré-tratados com (0,5; 1,0 ou 2,0 mg/kg), indometacina (4,0; 8,0 ou 16,0 mg/kg), ou meloxican (20,0; 40,0 ou 80,0 mg/Kg), aplicados por via endovenosa, 30 minutos antes do estimulo lesivo. Os resultados serão comparados através de análise de variância (anova) ao nível de 5% de probabilidade e a diferença entre as médias será comparada pelo teste de Tuckey...
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2008 - 2012
Efeito da suplementação alimentar com cromo trivalente e parede celular de Saccharomyces cerevisiae sobre a imunidade inata de tilápias do Nilo, Oreochromis niloticus, criadas em tanques-rede.
Descrição: A piscicultura intensiva utiliza o sistema de tanques-rede para obter maior produtividade tornando os peixes mais susceptíveis a doenças. O uso de estimulantes biológicos ou sintéticos para os mecanismos de defesa são interessantes e estão se tornando freqüentes. Assim este projeto tem por objetivo avaliar a resposta inflamatória e determinar a cinética de seus componentes, testando o cromo trivalente e a parede celular da levedura (Saccharomyces cerevisiae), como moduladores da resposta imune inata. Para alcançar os objetivos propostos, tilápias do Nilo (Oreochromis niloticus) criadas em sistema de tanques-rede serão alimentadas com dietas suplementadas com 0,3% de parede celular de levedura e 18mg/kg de cromo trivalente ou sua associação, durante 120 dias. Para tanto os peixes serão distribuídos em DIC e parcelas subdivididas com duas repetições, sendo testados quatro tratamentos: T1= controle; T2= suplementação com 18 mg/kg de cromo trivalente; T3= suplementação com 0,3% de parede celular de Saccharomyces cerevisiae; T4= suplementação com 18 mg/kg de cromo trivalente e 0,3% de parede celular de Saccharomyces cerevisiae. Após o período de alimentação uma parcela dos peixes de cada tratamento será submetida à inoculação na bexiga natatória de Streptococcus agalactiae para indução do processo inflamatório, onde serão quantificados as populações de células acumuladas e determinadas a atividade fagocítica e explosão respiratória dos fagócitos com o auxílio da citometria de fluxo. Além disso, será investigada a possível interação do incremento da resposta imune inata com o desempenho produtivo, parâmetros hematológicos como cortisol plasmático e glicemia, histopatologia e taxa de sobrevivência...
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2008 - 2012
VARIÁVEIS HEMATOLÓGICAS, HORMONAIS, BIOQUÍMICAS SÉRICAS E FAUNA PARASITÁRIA EM QUATRO ESPÉCIES DE RAIAS DO GÊNERO Potamotrygon GARMAN, 1877 (MYLIOBATIFORMES, POTAMOTRYGONIDAE) DE VIDA LIVRE
Descrição: Os Potamotrygonidae são um grupo de raias endêmico da América do Sul e exclusivamente dulciaqüícolas. A família é representada por três gêneros: Potamotrygon, Paratrygon e Plesiotrygon e possui aproximadamente 20 espécies nominais, ocorrendo nas principais bacias hidrográficas do continente. São raros os estudos sobre à hematologia de peixes e os autores ainda adotam classificações diferentes entre eles. A variação morfológica dessas células em peixes é tão grande que é necessário um estudo aprofundado para diferenciá-las nas várias espécies. No sentido de contribuir para o preenchimento desta lacuna foram coletados 53 exemplares de quatro espécies de Potamotrygon e de cada animal foram colhidos 4 mL de sangue para realização da análise das variáveis hematológicas e bioquímicas séricas visando obter resultados que possam ser considerados representativos para as quatro espécies de Potramotrygon. Os valores foram próximos para as quatro espécies e os resultados com diferenças significativas entre Potamotrygon falkneri, P. motoro, P. orbigni e P. scobina ocorreram quanto ao número de eritrócitos, heterófilos, glicemia, triglicerídeos, colesterol, fósforo, albumina e potássio. Os exames parasitológicos mostraram a presença do crustáceo do gênero Dolops em 5,66% das raias coletadas e de hemogragarina em 33,96% do total. Não foram observados outros parasitos nos fragmentos de órgãos coletados para pesquisa. Os resultados mostram pouca interferência dos ambientes diferentes da bacia do rio Paraná, município de Porto Rico (PR) e do rio Piririm, município de Macapá (AP) nas variáveis avaliadas, apesar da diversidade geográfica..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2008 - 2009
Avaliação da concentração letal CL 50% (CL (I) (50-96h)) do extrato aquoso de Terminalia catappa em garus (Phalloceros caudimaculatus) e sua eficácia em alevinos de tambaqui, Colossoma macropomum (Cuvier, 1818) parasitados por Monogenea, Ichthyophthirius
Descrição: Os objetivos desse trabalho foram determinar a concentração letal DL 50% (CL (I) 50-96h) do extrato aquoso de folhas secas da Terminalia catappa para o guaru (Phalloceros caudimaculatus) e avaliar concentrações seguras, os parâmetros físico-químicos e o tempo de exposição do extrato aquoso da T. catappa no controle dos protozoários Ichthyophthirius multifiliis, Piscinoodinium pillulare e Monogenea para os alevinos de tambaqui, Colossoma macropomum; Avaliar a eficácia, as alterações comportamentais, sinais clínicos, taxa de mortalidade diária e redução do número de monogenea, Ichthyophthirius multifiliis e Piscinoodinium pillulare em tambaquis expostos a três concentrações do extrato aquoso de T. catappa; Para tanto, foram realizadas umas coletas antes da exposição ao extrato e sete dias após a exposição ao extrato, com realização de um raspado de muco e brânquias de todos os peixes de cada tratamento, visando quantificar e qualificar os parasitos; A CL (I) 50-96h calculada para o extrato aquoso das folhas secas da T. catappa foi de 208,52 mL/L, apresentando limite inferior de 187,79 mL/L e limite superior de 231,54 mL/L. Para os guarus as concentrações 50 e 100 ml/L, não apresentou mortalidade, no entanto na concentração de 300 ml/L houve 100% de mortalidade. O extrato da planta foi eficiente no controle dos parasitos monogenéticos e do protozoário Piscinoodinium pillulare, todavia, não foi eficiente no do protozoário Ichthyophthirius multifiliis. A melhor concentração do extrato foi a de 120 mg/L. Assim, o extrato aquoso da planta pode ser utilizado tanto na profiláxia quanto na terapêutica. O método de utilização do extrato aquoso das folhas secas da T. catappa é um método simples, rápido, com baixa toxicidade e eficaz para o controle de monogenea e Piscinoodinium pillulare, parasitos em potencial de uma grande variedade de peixes.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2007 - 2017
Wound healing in Piaractus mesopotamicus supplemented with chromium carbochelate and Saccharomyces cerevisiae
Descrição: Wound healing and tissue repair are necessary to ensure survival and health of any organism. The aim of this study was to investigate the impact of supplementation with chromium carbochelate (CC) and Saccharomyces cerevisiae (SC) on wound healing in tropical teleost fish Piaractus mesopotamicus. For this, fish were distributed into 4 groups: control (without supplementation), supplemented with 18 mg/kg of chromium carbochelate, 0.3% of S. cerevisiae and association of both supplements. After 105 days of feeding, full-thickness skin incisions (2.0 x 1.0 x 0.25 cm) were performed removing epidermis and dermis. Macroscopic and histologic observations were carried out at 1, 3, 7, 14, 21, 28, and 35 days after wounding to monitor the healing rate. Opposing fronts advanced gradually and faster each day demonstrating a progressive increase in the healing process over time. The inflammatory process was exacerbated and expansive, with an increase in mucous cells and chromatophores. Although, significant differences between groups on wound retraction and microscopic parameters were not observed, fish supplemented with CC and SC showed faster re-epithelialization, greater degree of organization of collagen fibers, and higher neovascularization. It was concluded that supplementation with S. cerevisiae and chromium carbochelate improves specific aspects of cutaneous healing process in pacu..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2005 - 2008
Imunização e inflamação por Streptococcus agalactiae em tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus) alimentadas com ração suplementada com parede celular de Saccharomyces cerevisiae.
Descrição: O presente trabalho teve por objetivos avaliar a inter-relação entre a suplementação alimentar com 0,3% de parede celular de levedura e vacinação com extrato oleoso de Streptococcus agalactiae sobre o desempenho produtivo, parâmetros fisiopatológicos e componente celular inflamatório em tilápia do Nilo. Oitenta e quatro tilápia com peso médio inicial de 125,0 + 1,5g foram distribuídas em 12 caixas de fibra, seguindo o esquema fatorial 2x2x3, correspondente a dois níveis de parede celular de levedura (0,0 e 0,3% parede celular), dois tratamentos (solução salina e vacina) e três coletas após o desafio com a bactéria viva (seis, 24 e 48h) com sete repetições. Os peixes foram alimentados durante 77 dias. A vacinação foi realizada 60 dias após o início da alimentação, por meio da inoculação intraperitoneal de 0,5 mL da vacina contendo 108 UFC/mL. Após 15 dias da vacinação, todos os peixes foram submetidos ao desafio com Streptococcus agalactiae vivo, por meio da inoculação intraperitoneal de 108 UFC/mL, veiculadas em 0,5 mL de solução salina (0,85%). As análises do desempenho produtivo mostraram que a suplementação dietética com parede celular de levedura associada à vacinação não influenciou o desempenho produtivo da tilápia do Nilo e o melhor desempenho ocorreu na utilização da parede celular de levedura. Os parâmetros hematológicos mostraram que a suplementação com 0,3% de parede celular de levedura associada à vacinação contra Streptococcus agalactiae em tilápia do Nilo foi essencial para incrementar a hematopoiese. A suplementação alimentar com 0,3% de parede celular de levedura associada à vacinação melhorou a resposta de defesa dos peixes, no que se refere à inflamação aguda e destaca a importância da vacinação..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Projetos de extensão


2017 - Atual
Projeto de Assistência Técnica-Sanitária e Extensão aos Piscicultores em Municípios da microrregião de Santarém-PA
Descrição: A extensão universitária representa um dos pilares básicos da Universidade, caracterizando-se como um tema bastante complexo, uma vez que perfaz uma extensa gama de ações que forma o elo do conhecimento produzido na academia para sociedade. Este projeto pretenderá difundir conceitos relacionados à produção e boas práticas de manejo nas pisciculturas e ribeirinhos do Oeste do Pará, capacitando-os para produção de peixes que atendam às normas vigentes, que sejam seguros em termos de Saúde Pública e conscientizando-os da importância do bem-estar animal na produção. Objetivará, ainda, à formalização de suas produções, capacidade de autogestão e de inovação: tecnológica e organizacional. O público-alvo será produtores e ribeirinhos carentes de instrução básica e técnica, que permanece à margem do mercado, com o intuito de demonstrar o efeito destas medidas na produção..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (10) .
Integrantes: Gustavo da Silva Claudiano - Coordenador / AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS - Integrante / Fabrizia Sayuri Otani - Integrante / Michelle Midori Sena Fugimura - Integrante / Luciano Jensen Vaz - Integrante / Graciene do Socorro Taveira Fernandes - Integrante.


Revisor de periódico


2011 - Atual
Periódico: Revista Brasileira de Saúde e Produção Animal
2011 - Atual
Periódico: Revista Brasileira de Farmacognosia (Impresso)
2013 - Atual
Periódico: Ciência Animal Brasileira (Online)
2012 - Atual
Periódico: Comparative Clinical Pathology (Internet)
2012 - Atual
Periódico: Bioscience Journal (UFU. Impresso)
2013 - Atual
Periódico: FAZU em Revista
2013 - Atual
Periódico: Journal of Fish Biology
2016 - Atual
Periódico: Aquaculture Nutrition (Print)
2016 - Atual
Periódico: Interface Tecnológica (São Paulo)
2017 - Atual
Periódico: Aquaculture International
2017 - Atual
Periódico: VETERINÁRIA E ZOOTECNIA
2017 - Atual
Periódico: REVISTA DE CIÊNCIAS AGROVETERINÁRIAS (UDESC)
2018 - Atual
Periódico: FISH & SHELLFISH IMMUNOLOGY
2018 - Atual
Periódico: AQUACULTURE
2018 - Atual
Periódico: Latin American Journal of Aquatic Research


Revisor de projeto de fomento


2017 - Atual
Agência de fomento: Fundação Amazônia Paraense de Amparo à Pesquisa


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Medicina Veterinária / Subárea: Patologia Animal/Especialidade: Anatomia Patologia Animal.
2.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Imunologia.
3.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Medicina Veterinária / Subárea: Medicina Veterinária Preventiva/Especialidade: Doenças Infecciosas de Animais.
4.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Genética / Subárea: Genética Animal.
5.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Microbiologia / Subárea: Biologia e Fisiologia dos Microorganismos/Especialidade: Bacteriologia.
6.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Recursos Pesqueiros e Engenharia de Pesca / Subárea: Aqüicultura/Especialidade: Piscicultura.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Pouco.
Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.


Prêmios e títulos


2018
Higiene e profilaxia nas pisciculturas dos Municípios da microrregião de Santarém-PA, Universidade Federal do Oeste do Pará.
2018
AVALIAÇÃO ESPECTROFOTOMÉTRICA DO AZUL DE EVANS NA REAÇÃO INFLAMATÓRIA DA BEXIGA NATATÓRIA: ESTUDO EXPERIMENTAL EM PACUS, VIII AQUACIÊNCIA.
2018
Ocorrência de Parasitas em Corydoras sp nos rios da amazônia peruana, XV ENBRAPOA.
2013
Perfil hematológico em Oreochromis niloticus submetidas ao estresse, 1º lugar pôsteres da área de Medicina Veterinária, Centro Universitário de Patos de Minas.
2013
RESPOSTA GLICEMICA AO ESTRESSE AGUDO EM TILÁPIAS DO NILO, 1º lugar entre os trabalhos de Medicina Veterinária, Centro Universitário de Patos de Minas.
2013
IMUNOMODULAÇÃO PELA Saccharomycescerevisiae E CARBOQUELATO DE CROMO NA INFLAMAÇÃO AGUDA EM TILÁPIAS DO NILO, 2ª lugar na área de Medicina Veterinária, Centro Universitário de Patos de Minas.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
PEREIRA, M. F.2018PEREIRA, M. F. ; CIRNE, L. G. A. ; NEVES, K. A. L. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; COSTA, A. S. ; CASTRO, E. K. F. ; MORINI, A. C. ; CARVALHO, G. G. P. . Condenações de bovídeos abatidos sob inspeção municipal no município de Santarém ? PA. Revista Agroecossistemas, v. 9, p. 78-90, 2018.

2.
1Petrillo T.R.2017Petrillo T.R. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; Castro M.P. ; Salvador, R. ; Moraes, F. R. ; Moraes J.R.E. . Influence of dexamethasone and levamisole on macrophage recruitment, giant cell formation and blood parameters in the tropical fish Piaractus mesopotamicus. Bioscience Journal, v. 33, p. 1015-1027, 2017.

3.
2BORTOLUZZI, NEIDA LUCAS2017BORTOLUZZI, NEIDA LUCAS ; Castro M.P. ; CLAUDIANO, G. S. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; QUIROZ, A. C. ; Moraes J.R.E. ; Moraes F.R. . Wound healing in Piaractus mesopotamicus supplemented with chromium carbochelate and Saccharomyces cerevisiae. Brazilian Journal of Veterinary Research and Animal Science, v. 52, p. 178-187, 2017.

4.
4FAGUNDES, L. C.2016FAGUNDES, L. C. ; FERNANDES ETO, S. ; MARCUSSO, P. F. ; FERNANDES, D. C. ; MARINHO NETO, F. A. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; Moraes J.R.E. ; Moraes, F. R. ; LOYOLA, W. ; Freitas, J.C ; Salvador, R. . Transferência passiva de soro hiperimune anti-Streptococcus agalactiae e seu efeito profilático em tilápias-do-nilo infectadas experimentalmente: sobrevivência e títulos de anticorpos. Arquivo Brasileiro de Medicina Veterinária e Zootecnia, v. 68, p. 379-386, 2016.

5.
3AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS2016AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; FERNANDES ETO, S. ; FERNANDES, D. C. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; MARINHO NETO, F. A. ; MARCUSSO, PAULO F. ; FERNANDES, J. B. K. ; Moraes, F. R. ; Moraes J.R.E. . Dietary camu camu, Myrciaria dubia, enhances immunological response in Nile tilapia. Fish & Shellfish Immunology (Print), v. 00, p. 00, 2016.

6.
9MARCUSSO, PAULO FERNANDES2015MARCUSSO, PAULO FERNANDES ; ETO, SILAS FERNANDES ; CLAUDIANO, GUSTAVO DA SILVA ; FREITAS VIEIRA, FLÁVIA CAMPOS ; SALVADOR, ROGÉRIO ; ENGRÁCIA DE MORAES, JULIETA RODINI ; DE MORAES, FLÁVIO RUAS . Isolamento de Streptococcus agalactiae em diferentes órgãos de tilápias do nilo (Oreochromis niloticus) criadas em tanques-rede. Bioscience Journal (Online), v. 31, p. 549-554, 2015.

7.
6MANRIQUE, WILSON GÓMEZ2015 MANRIQUE, WILSON GÓMEZ ; DA SILVA CLAUDIANO, GUSTAVO ; DE CASTRO, MARCELLO PARDI ; PETRILLO, THALITA REGINA ; FIGUEIREDO, MAYRA ARAGUAIA PEREIRA ; DE ANDRADE BELO, MARCO ANTONIO ; BERDEAL, MARÍA ISABEL QUIROGA ; DE MORAES, JULIETA ENGRACIA RODINI ; DE MORAES, FLÁVIO RUAS . Expression of Cellular Components in Granulomatous Inflammatory Response in Piaractus mesopotamicus Model. Plos One, v. 10, p. e0121625, 2015.

8.
10AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS2015AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; MARCUSSO, P. F. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; MAROTTA, B. L. ; SEBASTIAO, F. ; FERNANDES, J. B. K. ; Moraes, F. R. ; Moraes J.R.E. . Parasitic infections in ornamental cichlid fish in the Peruvian Amazon. Revista Brasileira de Parasitologia Veterinária (Online), v. 24, p. 82-86, 2015.

9.
8MARCUSSO, P. F.2015MARCUSSO, P. F. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; FERNANDES ETO, S. ; FERNANDES, D. C. ; Melo H. ; MARINHO NETO, F. A. ; Salvador, R. ; Moraes J.R.E. ; Moraes, F. R. . Influence of temperature on Streptococcus agalactiae infection in Nile tilapia. BRAZILIAN JOURNAL VETERINARY RES. AND ANIMAL SCIENCE, v. 52, p. 57-62, 2015.

10.
7Britto, FM2015Britto, FM ; CLAUDIANO, GUSTAVO DA SILVA ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; MUNDIM, A. V. ; DIAS, M. T. ; VIADANNA, P. H. O. ; Moraes J.R.E. ; Moraes, F. R. . Hematology, biochemical profile and thyroid hormones of four species of freshwater stingrays of the genus Potamotrygon. BRAZILIAN JOURNAL VETERINARY RES. AND ANIMAL SCIENCE, v. 52, p. 249-256, 2015.

11.
5SILVA, T. F.2015SILVA, T. F. ; Petrillo T.R. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; MARCUSSO, P. F. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; Moraes, F. R. ; Moraes J.R.E. . Effects of the probiotic Bacillus amyloliquefaciens on growth performance, hematology and intestinal morphometric in cage-reared Nile tilapia. Latin American Journal of Aquatic Research, v. 43, p. 963-971, 2015.

12.
11AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS2015AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; MARCUSSO, P. F. ; Manrique W.G. ; Moraes J.R.E. ; Moraes, F. R. ; FERNANDES, J. B. K. . Uncaria tomentosa increases growth and immune activity in Oreochromis niloticus challenged with Streptococcus agalactiae. Fish & Shellfish Immunology (Print), v. 47, p. 630-638, 2015.

13.
12CASTRO, MARCELLO P.2014 CASTRO, MARCELLO P. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; PETRILLO, THALITA R. ; SHIMADA, MARINA TIE ; BELO, MARCO A.A. ; MARZOCCHI-MACHADO, CLENI M. ; MORAES, JULIETA R.E. ; MANRIQUE, G. WILSON ; MORAES, FLÁVIO R. . Acute aerocystitis in Nile tilapia bred in net cages and supplemented with chromium carbochelate and Saccharomyces cerevisiae. Fish & Shellfish Immunology (Print), v. 36, p. 284-290, 2014.

14.
19COSENZA, G. R.2014COSENZA, G. R. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; MARCUSSO, P. F. ; FERNANDES ETO, S. ; Manrique W.G. ; LOUREIRO, B. A. ; SHIMADA, M. T. ; Salvador, R. ; Moraes J.R.E. ; Moraes, F. R. . Influence of glyceryl guaiacolate ether on anesthetics in tilapia compared to benzocaine and eugenol. MVZ Cordoba, v. 19, p. 3944-3953, 2014.

15.
13AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS2014AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; CLAUDIANO, G. S. ; MARCUSSO, P. F. ; IKEFUTI, C. ; ORTEGA, G. G. ; FERNANDES ETO, S. ; Cruz, C, ; Moraes J.R.E. ; Moraes, F. R. ; FERNANDES, J. B. K. . Acute Toxicity and Determination of the Active Constituents of Aqueous Extract of Uncaria tomentosa Bark in Hyphessobrycon eques. Journal of Toxicology, v. 1, p. 1-5, 2014.

16.
16ALVES, R. I. A.2014ALVES, R. I. A. ; CLAUDIANO, G. S. ; FERNANDES ETO, S. ; Manrique W.G. ; LOUREIRO, B. A. ; Alfredo, R ; Moraes J.R.E. ; Salvador, R. ; Moraes F.R. . Estúdio comparativo de valores hematológicos de serpientes de cascavel (Crotalus durissus terrificus) de vida libre y de cautiverio. Biotemas, v. 27, p. 109-115, 2014.

17.
17SHIMADA, M. T.2014SHIMADA, M. T. ; DA SILVA CLAUDIANO, G. ; ENGRACIA FILHO, J. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; Moraes F.R. ; MOREIRA, R. G. ; Moraes J.R.E. . Hepatic Steatosis in Cage-Reared Young Cobia, Rachycentron Canadum (Linnaeus, 1766), in Brazil. Journal of Veterinary Science & Medical Diagnosis, v. 3, p. 2-5, 2014.

18.
21MARCUSSO, P. F.2014MARCUSSO, P. F. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; Manrique W.G. ; Salvador, R. ; Moraes J.R.E. ; Moraes F.R. . Sodium fluorescein for early detection of skin ulcers in Aeromonas hydrophila infected Piaractus mesopotamicus. Bulletin of The European Association of Fish Pathologists, v. 34, p. 102-106, 2014.

19.
14FERNANDES ETO, S.2014FERNANDES ETO, S. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; FERNANDES, D. C. ; MARCUSSO, P. F. ; SILVA, V. D. ; SACCON, T. F. M. ; Salvador, R. . Biologia do Sistema Imune dos Teleósteos. Revista Científica da Faculdade Dom Bosco, v. 1, p. 1-21, 2014.

20.
15DE CASTRO, MARCELLO PARDI2014 DE CASTRO, MARCELLO PARDI ; CLAUDIANO, GUSTAVO SILVA ; BORTOLUZZI, NEIDA LUCAS ; GARRIDO, EDUARDO ; FUJIMOTO, RODRIGO YUDI ; BELO, MARCO ANTÔNIO ANDRADE ; SHIMADA, MARINA TIE ; MORAES, JULIETA RODINI ENGRACIA ; MORAES, FLÁVIO RUAS . Chromium carbochelate dietary supplementation favored the glucocorticoid response during acute inflammation of Piaractus mesopotamicus. Aquaculture (Amsterdam), v. 432, p. 114-118, 2014.

21.
20MANRIQUE, W. G.2014 MANRIQUE, W. G. ; DA SILVA CLAUDIANO, G. ; PETRILLO, T. R. ; DE CASTRO, M. PARDI ; PEREIRA FIGUEIREDO, M. A. ; DE ANDRADE BELO, M. A. ; DE MORAES, J. R. ENGRACIA ; DE MORAES, F. RUAS . Response of splenic melanomacrophage centers of Oreochromis niloticus (Linnaeus, 1758) to inflammatory stimuli by BCG and foreign bodies. Journal of Applied Ichthyology, v. 1, p. n/a-n/a, 2014.

22.
18FERNANDES, DAYANNE C.2014FERNANDES, DAYANNE C. ; ETO, SILAS F. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; MARCUSSO, PAULO F. ; VIEIRA, FLÁVIA C. F. ; SHIMADA, MARINA T. ; SILVA, THIAGO F. A. ; SOUZA, ELAINE C. ; SALVADOR, ROGÉRIO ; MORAES, JULIETA R. E. ; MORAES, FLÁVIO R. . Humoral immune response in Oreochromis niloticus: modified direct agglutination test. Comparative Clinical Pathology (Print), v. 01, p. 1, 2014.

23.
25Melo H.2013Melo H. ; Moraes J.R.E. ; NIZA, I. G. ; Moraes, F. R. ; OZORIO, R. ; SHIMADA, M. T. ; ENGRACIA FILHO, J. ; CLAUDIANO, G. S. . Efeitos benéficos de probióticos no intestino de juvenis de Tilápia-do-Nilo. Pesquisa Veterinária Brasileira (Impresso), v. 33, p. 724-730, 2013.

24.
24SALVADOR, ROGÉRIO2013SALVADOR, ROGÉRIO ; CLAUDIANO, GUSTAVO SILVA ; LOUREIRO, B. A. ; MARCUSSO, P. F. ; FERNANDES ETO, S. ; Pilarsk, F. ; TOAZZA, C. S. ; Moraes J.R.E. ; Moraes F.R. . Desempenho e hematologia de tilápias‑do‑nilo alimentadas com dieta suplementada com Saccharomyces cerevisiae, vacinadas e desafiadas com Streptococcus agalactiae. Pesquisa Agropecuária Brasileira (1977. Impressa), v. 48, p. 892-898, 2013.

25.
27Manrique W.G.2013Manrique W.G. ; CLAUDIANO, G. S. ; FIGUEIREDO, M. A. P. ; Petrillo T.R. ; MARCUSSO, P. F. ; GIMENO, E. J. ; Moraes J.R.E. ; Moraes F.R. . Lectinhistochemical staining of granuloma induced by bacillus Calmette-Guerin in Piaractus mesopotamicus. MVZ Cordoba, v. 18, p. 3753-3757, 2013.

26.
28PADUA, S. B.2013PADUA, S. B. ; DIAS NETO, J. ; SAKABE, R. ; CLAUDIANO, G. S. ; CHAGAS, E. C. ; PILARSKI, F. . Variáveis hematológicas em tambaquis anestesiados com óleo de cravo e benzocaína. Pesquisa Agropecuária Brasileira (Online), v. 48, p. 1171-1174, 2013.

27.
22CLAUDIANO, GUSTAVO DA SILVA2013 CLAUDIANO, GUSTAVO DA SILVA; PETRILLO, THALITA R. ; MANRIQUE, WILSON G. ; CASTRO, MARCELLO P. ; LOUREIRO, BRUNA A. ; MARCUSSO, PAULO F. ; BELO, MARCO A.A. ; MORAES, JULIETA R.E. ; DE MORAES, FLÁVIO RUAS . Acute aerocystitis in Piaractus mesopotamicus: Participation of eicosanoids and pro-inflammatory cytokines. Fish & Shellfish Immunology (Print), v. 34, p. 1057-1062, 2013.

28.
23FERNANDES, D. C.2013FERNANDES, D. C. ; FERNANDES ETO, S. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; MARCUSSO, P. F. ; LOUREIRO, B. A. . BIOLOGIA DO SISTEMA IMUNE DE AVES. Ensaios e Ciência (Campo Grande. Impresso), v. 17, p. 131-140, 2013.

29.
26Manrique W.G.2013Manrique W.G. ; FIGUEIREDO, M. A. P. ; CLAUDIANO, GUSTAVO SILVA ; MARTINS, M. L. ; Moraes F.R. . Extraction and recovery technique for myxozoan parasites from the Piaractus mesopotamicus kidney embedded in paraffin. Biotemas, v. 26, p. 225-268, 2013.

30.
29CLAUDIANO, G. S.2012CLAUDIANO, G. S.; Pilarsk, F. ; Cruz, C, ; SALVADOR, ROGÉRIO ; Belo, M. A. A ; Moraes, F. R. . Concentração Letal CL50 do Extrato Aquoso de Folhas de Terminalia Catappa em Guaru, Phalloceros Caudimaculatus. Archives of Veterinary Science, v. 17, p. 15-19, 2012.

31.
31Manrique W.G.2012Manrique W.G. ; CLAUDIANO, G. S. ; FIGUEIREDO, M. A. ; Petrillo T.R. ; Moraes J.R.E. ; Moraes F.R. . Myxosporidiosis in intensively-reared Piaractus mesopotamicus: Histopathological diagnosis by means of Ziehl-Neelsen staining1. Pesquisa Veterinária Brasileira (Impresso), v. 32, p. 1133-1137, 2012.

32.
30LOURENÇO, KAREN GIULIANA2012LOURENÇO, KAREN GIULIANA ; CLAUDIANO, GUSTAVO SILVA ; ETO, SILAS FERNANDES ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; MARCUSSO, PAULO FERNANDES ; SALVADOR, ROGÉRIO ; MORAES, JULIETA RODINI ENGRÁCIA ; MORAES, FLÁVIO RUAS . Hemoparasite and hematological parameters in Nile tilapia. Comparative Clinical Pathology (Print), v. 90, p. 00, 2012.

33.
32CLAUDIANO, G. S.2009CLAUDIANO, G. S.; PILARSKI, F. ; DIAS NETO, J. ; Sakabe, R ; CRUZ, C ; Salvador, R. . Eficácia do extrato aquoso de Terminalia catappa em juvenis de tambaqui parasitados por monogenéticos e protozoários. Revista Brasileira de Saúde e Produção Animal, v. 10, p. 625-636, 2009.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
MACEDO, H. J. A. ; SIQUEIRA, R. T. ; SILVA, E. C. C. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. . HIGIENE E PROFILAXIA NAS PISCICULTURAS DOS MUNICÍPIOS DA MICRORREGIÃO DE SANTARÉM-PA. In: VII Jornada Acadêmica da Ufopa, 2018, Santarem. Anais VII Jornada Acadêmica da Ufopa, 2018.

2.
Moraes J.R.E. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; QUIROZ, A. C. ; ESPINOZA, F. C. R. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; ABREU, S. A. ; Moraes, F. R. . Hematological chances in Piaractus mesopotamicus Alloxan-diabetics challenged with Aeromonas hydrophila. In: World Aquaculture 2017, 2017, Cape Town / South Africa. World Aquaculture 2017, 2017.

3.
AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; QUIROZ, A. C. ; ESPINOZA, F. C. R. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; VERRI, B. M. ; Moraes, F. R. ; Moraes J.R.E. . Pathophysiological aspects of the innate immune response of Piaractus mesopotamicus alloxan-diabetics challenged with Aeromonas hydrophila. In: World Aquaculture 2017, 2017, Cape Town / South Africa. World Aquaculture 2017, 2017.

4.
CUEVA-QUIROZ, V. A. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; MARINHO NETO, F. A. ; FERNANDES ETO, S. ; FERNANDES, D. C. ; Petrillo T.R. ; MARTINS, I. M. ; MIRANDA, R. L. ; GONCALVES, F. C. ; MUNDIM, A. V. ; MACHADO, C. M. M. ; Moraes J.R.E. ; Moraes, F. R. . Sepsis in Piaractus mesopotamicus infected with Aeromonas hydrophila: hormonal and biochemical response. In: XIV ENBRAPOA, 2016, Florianópolis. XIV ENBRAPOA, 2016.

5.
MARINHO NETO, F. A. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; CUEVA-QUIROZ, V. A. ; KOBASHIGAWA, K. K. ; CRUZ, N. N. R. ; Moraes, F. R. ; Moraes J.R.E. . MACROSCOPIC LESIONS AND MICROBIOLOGICAL ANALYSIS IN AN EXPERIMENTAL ACUTE INFECTION WITH Aeromonas hydrophila IN PACU (Piaractus mesopotamicus). In: XIV ENBRAPOA, 2016, Florianópolis. XIV ENBRAPOA, 2016.

6.
CLAUDIANO, GUSTAVO S.; CUEVA-QUIROZ, V. A. ; MARINHO NETO, F. A. ; SOUZA, ELAINE C. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; MACHADO, C. M. M. ; Moraes J.R.E. ; Moraes, F. R. . Insights into blood leukocytic response during sepsis in Piaractus Mesopotamicus. In: LAQUA16 - International Conference & Exposition, 2016, Lima, Peru. LAQUA16 - International Conference & Exposition, 2016.

7.
CUEVA-QUIROZ, V. A. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; MARINHO NETO, F. A. ; Moraes, F. R. ; Moraes J.R.E. . Validation of an enzyme-linked immunosorbent assay for quantification of insulin in Piaractus mesopotamicus. In: LAQUA16 - WAS, 2016, Lima. LAQUA16 - WAS, 2016.

8.
CLAUDIANO, GUSTAVO S.; Manrique W.G. ; FERNANDES, D. C. ; FERNANDES ETO, S. ; SHIMADA, M. T. ; MARCUSSO, P. F. ; SILVA, T. F. ; Moraes J.R.E. ; Moraes F.R. . EXPRESSION OF MIF IN THE INDUCED GRANULOMA IN Piaractus mesopotamicus. In: World Aquaculture Adelaide 2014, 2014, Adelaide - Australia. World Aquaculture Adelaide 2014, 2014.

9.
SHIMADA, M. T. ; FERNANDES, D. C. ; FERNANDES ETO, S. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; MARINHO NETO, F. A. ; URBANETT, A. N. ; MARCUSSO, P. F. ; MARTINS, I. M. ; Moraes J.R.E. ; Moraes F.R. . Plagioscion squamosissimus (Teleostei, Sciaenidae) infected by Austrodiplostomum compactum metacercariae (trematoda, diplostomidae). In: World Aquaculture Society, 2014, Adelaide - Australia. World Aquaculture Society, 2014.

10.
CLAUDIANO, GUSTAVO S.; FERNANDES, D. C. ; FERNANDES ETO, S. ; SHIMADA, M. T. ; Manrique W.G. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; Salvador, R. ; Moraes J.R.E. ; Moraes F.R. . Evaluation LD50 (LD (I) (50-96 h) and first report of neurophatological in Piaractus mesopatamicus inoculated with different concentration of Aeromanas hydrophila. In: World Aquaculture Society, 2014, Adelaide - Australia. World Aquaculture Adelaide 2014, 2014.

11.
SHIMADA, M. T. ; FERNANDES, D. C. ; FERNANDES ETO, S. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; SILVA, T. F. A. ; MARCUSSO, P. F. ; Salvador, R. ; Moraes J.R.E. ; Moraes F.R. . Humoral and cellular immune response in Nile tilapia inoculated with sheep red blood cells. In: World Aquaculture Adelaide, 2014, Adelaide - Australia. World Aquaculture Adelaide 2014, 2014.

12.
SHIMADA, M. T. ; MARCUSSO, P. F. ; FERNANDES ETO, S. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; FERNANDES, D. C. ; Manrique W.G. ; MARINHO NETO, F. A. ; Salvador, R. ; Moraes J.R.E. ; Moraes F.R. . Humoral Immune Response of Tilapia Oreochromis niloticus Immunized with sonicated bacterial extract of Streptococcus agalactiae. In: World Aquaculture Adelaide, 2014, Adelaide - Australia. World Aquaculture Society 2014, 2014.

13.
SHIMADA, M. T. ; FERNANDES, D. C. ; FERNANDES ETO, S. ; MARINHO NETO, F. A. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; MARCUSSO, P. F. ; SILVA, T. F. A. ; PAULILLO, A. C. ; Moraes F.R. ; Salvador, R. ; Moraes J.R.E. . High Mortality Caused by Streptococcus agalactiae Infection in Oreochromis niloticus reared in Brazil. In: World Aquaculture Adelaide, 2014, Adelaide - Australia. World Aquaculture Society, 2014.

14.
CLAUDIANO, GUSTAVO S.; SOUZA, ELAINE C. ; SILVA, C. F. ; MARTINS, I. M. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; FERNANDES ETO, S. ; FERNANDES, D. C. ; SHIMADA, M. T. ; Manrique W.G. ; Salvador, R. ; Moraes J.R.E. ; Moraes F.R. . Standardization of processing and extraction techniques of bacterial RNA from Piaractus mesopotamicus blood. In: World Aquaculture Adelaide, 2014, Adelaide - Australia. World Aquaculture Adelaide 2014, 2014.

15.
SHIMADA, M. T. ; SILVA, T. F. A. ; ARAUJO, T. D. ; VIEIRA, S. ; SANTOS-FILHO, L. G. ; GONZAGA JUNIOR, M. A. ; FOGACA, F. H. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; Salvador, R. ; Moraes F.R. ; Moraes J.R.E. . Sensory evaluation of smoked cobia Rachycentron canadum fillet with garlic and rosemary. In: World Aquaculture Adelaide, 2014, Adelaide - Australia. World Aquaculture Adelaide 2014, 2014.

16.
MARCUSSO, PAULO F. ; FERNANDES ETO, S. ; CLAUDIANO, G. S. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; Manrique W.G. ; SHIMADA, M. T. ; Petrillo T.R. ; SALVADOR, ROGÉRIO ; MORAES, JULIETA R.E. ; MORAES, FLÁVIO RUAS . FREQUÊNCIA DE ISOLAMENTO DE Streptococcus agalactiae EM DIFERENTES ÓRGÃOS DE TILÁPIAS DO NILO CRIADAS EM TANQUES-REDE. In: XI Reunião Cientifica do Instituto de Pesca, 2013, São Paulo. Anais XI Reunião Cientifica do Instituto de Pesca, 2013.

17.
AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; MARCUSSO, P. F. ; CLAUDIANO, G. S. ; FERNANDES ETO, S. ; IKEFUTI, C. ; Cruz, C, ; Moraes J.R.E. ; Moraes F.R. ; FERNANDES, J. B. K. . Toxicidade do extrato aquoso da casca de Uncaria tomentosa em Hyphessobrycon eques e avaliação dos seus princípios ativos. In: XI Reunião Cientifica do Instituto de Pesca, 2013, São Paulo. Anais XI Reunião Cientifica do Instituto de Pesca, 2013.

18.
MACHADO, J. C. ; CLAUDIANO, GUSTAVO SILVA ; ROSA JUNIOR, S. V. G. ; MARTINS, P. E. S. ; Moraes J.R.E. ; Moraes F.R. . RESPOSTA GLICEMICA AO ESTRESSE AGUDO EM TILÁPIAS DO NILO. In: Congresso Mineiro de Engenharia e Inovação Tecnologica, 2013, Patos de Minas. Congresso Mineiro de Engenharia e Inovação Tecnologica, 2013.

19.
SILVA, J. B. ; Castro M.P. ; CLAUDIANO, GUSTAVO SILVA ; FERNANDES, D. C. ; MARTINS, P. E. S. ; Moraes J.R.E. ; Moraes F.R. . IMUNOMODULAÇÃO PELA Saccharomycescerevisiae E CARBOQUELATO DE CROMO NA INFLAMAÇÃO AGUDA EM TILÁPIAS DO NILO. In: Congresso Mineiro de Engenharia e Inovação Tecnologica, 2013, Patos de Minas. Congresso Mineiro de Engenharia e Inovação Tecnologica, 2013.

20.
FERREIRA, L. N. ; CLAUDIANO, GUSTAVO SILVA ; Moraes J.R.E. ; Moraes F.R. ; MARTINS, P. E. S. . Perfil hematológico em Oreochromis niloticus submetidas ao estresse. In: 6º Congresso Mineiro de Engenharia e Inovação Agrárias (COMEIA), 2013, Patos de Minas. 6º Congresso Mineiro de Engenharia e Inovação Agrárias (COMEIA), 2013.

21.
FERNANDES, D. C. ; FERNANDES ETO, S. ; MARINHO NETO, F. A. ; CLAUDIANO, GUSTAVO DA SILVA ; MARCUSSO, P. F. ; SHIMADA, M. T. ; Salvador, R. . MEMÓRIA IMUNOLÓGICA E RESPOSTA IMUNE HUMORAL E CELULAR EM TILÁPIAS DO NILO (Oreochromis niloticus) IMUNIZADAS COM HEMÁCIAS DE CARNEIRO. In: 22º EAIC Encontro Anual de Iniciação Científica, 2013, Maringa. 22º EAIC Encontro Anual de Iniciação Científica, 2013.

22.
FERNANDES, D. C. ; FERNANDES ETO, S. ; MARTINS, I. M. ; MARINHO NETO, F. A. ; CLAUDIANO, G. S. ; TAMEHIRO, C. Y. ; Salvador, R. . AVALIAÇÃO DA DINÂMICA DA RESPOSTA IMUNE HUMORAL EM TILÁPIAS DO NILO (OREOCHROMIS NILOTICUS) IMUNIZADAS COM HEMÁCIAS DE CARNEIRO. In: AVALIAÇÃO DA DINÂMICA DA RESPOSTA IMUNE HUMORAL EM TILÁPIAS DO NILO (OREOCHROMIS NILOTICUS) IMUNIZADAS COM HEMÁCIAS DE CARNEIRO, 2012, Maringa. AVALIAÇÃO DA DINÂMICA DA RESPOSTA IMUNE HUMORAL EM TILÁPIAS DO NILO (OREOCHROMIS NILOTICUS) IMUNIZADAS COM HEMÁCIAS DE CARNEIRO, 2012.

23.
CLAUDIANO, G. S.; Moraes F.R. ; Petrillo T.R. ; Melo H. ; Bello M.A.A ; Moraes J.R.E. ; Manrique W.G. . Steroid And Nonsteroidal Anti-Inflammatory Drugs On Acute Inflammation Induced by Inactivated. In: The World Aquaculture Society, 2011, Natal/RN. World Aquaculture 20011 Natal, Brasil, 2011.

24.
Melo H. ; Moraes J.R.E. ; NIZA, I. G. ; Moraes F.R. ; OZORIO, R. ; Napoleão S. ; CLAUDIANO, G. S. ; Bello M.A.A ; LOUREIRO, B. A. . Dietary supplementation with PAS-TR on productive performance and survival of Nile tilápia, Oerochromis niloticus. In: World Aquaculture Society 2011, 2011, Natal. Abstrcts, 2011., 2011.

25.
CLAUDIANO, G. S.; Bello M.A.A ; LOUREIRO, B. A. ; Manrique W.G. ; Melo H. ; Moraes J.R.E. ; Petrillo T.R. ; Moraes F.R. . Spectrophotometric evaluation of vasular pemeability by the method of evans blue aerosstitite induced by inactivated Aeromonas hydrophila in Piaractus mesopotamicu. In: World Aquaculture Society 2011, 2011, Natal. Abstracts, 2011, 2011.

26.
Melo H. ; Moraes J.R.E. ; Moraes F.R. ; LOUREIRO, B. A. ; CLAUDIANO, G. S. ; Petrillo T.R. ; Manrique W.G. ; OZORIO, R. ; NIZA, I. G. . PAS-TR USE AS PROBIOTIC TO NILE TILAPIA Oreochromis niloticus: PERFORMANCE EVALUATION. In: World Aquaculture Society 2011, 2011, Natal. Abstracts, 2011, 2011.

27.
Petrillo T.R. ; CLAUDIANO, G. S. ; Bello M.A.A ; Melo H. ; Napoleão S. ; Manrique W.G. ; Moraes J.R.E. . VITAMIN C AND LEVAMISOLE PHOSPHATE ON LEUKOCYTES RESPONSE OF Piaractus mesopotamicus DURING FOREIGN BODY REACTION. In: World Aquaculture Society 2011, 2011, Natal. Abstracts, 2011, 2011.

28.
CLAUDIANO, G. S.; Petrillo T.R. ; Castro M.P. ; Melo H. ; Manrique W.G. ; Bello M.A.A ; Moraes J.R.E. ; Moraes, F. R. . INIBIÇÃO DA FOSFOLIPASE A2 SOBRE A RESPOSTA DE EXSUDAÇÃO INFLAMATÓRIA NA AEROCISTITE EM PACUS, Piaractus mesopotamicus. In: Conbravet, 2011, Florianopolis. 38 Conbravet, 2011.

29.
Moraes, F. R. ; CLAUDIANO, G. S. ; Petrillo T.R. ; Castro M.P. ; Melo H. ; Manrique W.G. ; Bello M.A.A ; Moraes J.R.E. . AVALIAÇÃO DE DOSES CRESCENTES DOS ANTI-INFLAMATÓRIOS ESTEROIDAIS E NÃO ESTEROIDAIS SOBRE AS ALTERAÇÕES DO AUMENTO DA PERMEABILIDADE VASCULAR NA INFLAMAÇÃO EM Piaractus mesopotamicus. In: Conbravet, 2011, Florianopolis. 38 Conbravet, 2011.

30.
Moraes, F. R. ; CLAUDIANO, G. S. ; Petrillo T.R. ; Castro M.P. ; Melo H. ; Manrique W.G. ; Bello M.A.A ; Moraes J.R.E. . RESPOSTA CELULAR SOBRE EXSUDATO INFLAMATÓRIO EM Piaractus mesopotamicus APÓS BLOQUEIO ENZIMÁTICO DA CICLOXIGENASE. In: Conbravet, 2011, Florianopolis. 38 Conbravet, 2011.

31.
Melo H. ; Moraes J.R.E. ; Moraes F.R. ; Manrique W.G. ; CLAUDIANO, G. S. . Efeito do probiótico Bacillus cereus e Bacillus subtillis na morfometria e microbiota intestinal em tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus). In: Conbravet, 2011, Florianopolis. 38 Conbravet, 2011.

32.
Manrique W.G. ; CLAUDIANO, G. S. ; Castro M.P. ; Britto, FM ; FIGUEIREDO, M. A. P. ; Petrillo T.R. ; Melo H. ; Moraes J.R.E. ; Moraes, F. R. . Mixosporidiose em Piaractus mesopotamicus mantidos em sistema de criação intensiva. In: Conbravet, 2011, Florianopolis. 38 Conbravet, 2011.

33.
Manrique W.G. ; CLAUDIANO, G. S. ; Castro M.P. ; FIGUEIREDO, M. A. P. ; Petrillo T.R. ; Melo H. ; Moraes J.R.E. ; Moraes, F. R. . Inflamação crônica induzida por BCG em Piaractus mesopotamicus. In: Conbravet, 2011, Florianopolis. 38 Conbravet, 2011.

34.
Manrique W.G. ; CLAUDIANO, G. S. ; Castro M.P. ; FIGUEIREDO, M. A. ; Petrillo T.R. ; Melo H. ; Moraes J.R.E. ; Moraes F.R. . Imunomarcação com anticorpos S100, iNOS e citoqueratina na inflamação crônica granulomatosa induzida pelo bacilo Calmette Guérin em Piaractus mesopotamicus. In: Conbravet, 2011, Florianopolis. 38 Conbravet, 2011.

35.
Manrique W.G. ; CLAUDIANO, G. S. ; Castro M.P. ; FIGUEIREDO, M. A. ; Petrillo T.R. ; Melo H. ; Moraes J.R.E. ; Moraes F.R. . Identificação de Mixosporídeos com uso da técnica de coloração Ziehl-Neelsen em Piaractus mesopotamicus. In: Conbravet, 2011, Florianopolis. 38 Conbravet, 2011.

36.
Britto, FM ; CLAUDIANO, G. S. ; Manrique W.G. ; Napoleão S. ; MUNDIM, A. V. ; DIAS, M. T. ; Belo, M. A. A ; MORAES, JULIETA RODINI ENGRÁCIA ; MORAES, FLÁVIO RUAS . Valores bioquímicos séricos obtidos para Potamotrygon sp. coletadas no rio Piririm, Amapá, Brasil.. In: Conbravet, 2011, Florianopolis. 38 Conbravet, 2011.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
SIQUEIRA, R. T. ; MACEDO, H. J. A. ; NASCIMENTO, E. T. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. . Rações e manejo alimentar de peixes: produção e sanidade. In: VII Jornada Acadêmica da Ufopa, 2018, Santarem. Anais VII Jornada Acadêmica da Ufopa, 2018.

2.
FARIAS, R. ; NASCIMENTO, E. T. ; ALMEIDA, J. P. ; Otani, F.S. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; Moraes J.R.E. ; Moraes F.R. . AVALIAÇÃO ESPECTROFOTOMÉTRICA DO AZUL DE EVANS NA REAÇÃO INFLAMATÓRIA DA BEXIGA NATATÓRIA: ESTUDO EXPERIMENTAL EM PACUS. In: VIII AQUACIÊNCIA, 2018, Natal. VIII AQUACIÊNCIA, 2018.

3.
SANTOS, A. F. S. ; SIQUEIRA, A. M. A. ; SILVA, E. C. C. ; BENTES, G. J. F. ; COSTA, L. F. A. ; VAZ, L. J. ; FUGIMURA, M. M. S. ; Otani, F.S. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. . EFEITO DO EDTA, HEPARINA E CITRATO SOBRE OS LEUCOCITOS TOTAIS EM Colossoma macropomum. In: VIII AQUACIÊNCIA, 2018, Natal. VIII AQUACIÊNCIA, 2018.

4.
SIQUEIRA, A. M. A. ; REIS, G. J. ; PINTO, G. A. S. ; PACHECO, A. H. B. ; COSTA, L. F. A. ; SILVA, J. C. A. ; VAZ, L. J. ; FUGIMURA, M. M. S. ; Otani, F.S. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. . Benzocaína e eugenol: efeito dos anestésicos sobre a análise hematológica de Colossoma macropomum. In: VIII AQUACIÊNCIA, 2018, Natal. VIII AQUACIÊNCIA, 2018.

5.
BENTO JUNIOR, M. J. O. ; SILVA, E. C. C. ; BENTES, G. J. F. ; PINTO, G. A. S. ; CORREA, I. T. ; SANTOS, A. F. S. ; VAZ, L. J. ; FUGIMURA, M. M. S. ; Otani, F.S. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. . Influência do tempo entre a coleta de amostras sanguíneas e análise hematológica em Colossomo macropomum. In: VIII AQUACIÊNCIA, 2018, Natal. VIII AQUACIÊNCIA, 2018.

6.
BENTES, G. J. F. ; SANTOS, A. F. S. ; SIQUEIRA, R. T. ; COSTA, L. F. A. ; SIQUEIRA, A. M. A. ; PINTO, G. A. S. ; VAZ, L. J. ; FUGIMURA, M. M. S. ; Otani, F.S. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. . Alterações morfológicas em células sanguíneas de Colossoma macropomum sob efeito dos anticoagulantes EDTA, heparina e citrato. In: VIII AQUACIÊNCIA, 2018, Natal. VIII AQUACIÊNCIA, 2018.

7.
AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; CLAUDIANO, GUSTAVO SILVA ; GONCALVES, F. C. ; Petrillo T.R. ; MUNDIM, A. V. ; Moraes, F. R. ; Moraes J.R.E. . Modulação Neuroendócrina e Bioquímica na sepses em Piaractus mesopotamicus. In: XV ENBRAPOA, 2018, Rio de Janeiro. XV ENBRAPOA, 2018.

8.
AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; ESPINOZA, F. C. R. ; CUEVA-QUIROZ, V. A. ; CLAUDIANO, GUSTAVO SILVA ; VERRI, B. M. ; Moraes, F. R. ; Moraes J.R.E. . Uso de pacu no estudo da diabetes induzida. In: XV ENBRAPOA, 2018, Rio de Janeiro. XV ENBRAPOA, 2018.

9.
ESPINOZA, F. C. R. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; DELGADO, D. C. ; CLAUDIANO, GUSTAVO SILVA ; Moraes, F. R. ; Moraes J.R.E. . Ocorrência de Parasitas em Corydoras sp nos rios da amazônia peruana. In: XV ENBRAPOA, 2018, Rio de Janeiro. XV ENBRAPOA, 2018.

10.
PEREIRA, M. F. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; Vantini, J.S ; Moraes, F. R. . Distúrbios eritrocitários na sepse em pacus (Piaractus mesopotamicus) por Aeromonas hydrophila. In: VI JORNADA ACADÊMICA DA UFOPA, 2017, Santarem. VI JORNADA ACADÊMICA DA UFOPA, 2017.

11.
NASCIMENTO, E. T. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; Vantini, J.S ; Moraes, F. R. . DISTÚRBIOS HEMORRÁGICOS NA SEPSE EM Piaractus mesopotamicus. In: VI Jornada acadêmica da UFOPA, 2017, Santarém. VI Jornada acadêmica da UFOPA, 2017.

12.
LIMA, V. C. F. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; Vantini, J.S ; Moraes F.R. . ALTERAÇÕES MORFOLOGICA EM LEUCÓCITOS DE PACUS INDUZIDAS POR Aeromonas hydrophila. In: VI JORNADA ACADÊMICA DA UFOPA, 2017, Santarém. VI JORNADA ACADÊMICA DA UFOPA, 2017.

13.
AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; CUEVA-QUIROZ, V. A. ; CLAUDIANO, GUSTAVO SILVA ; ESPINOZA, F. C. R. ; MARINHO NETO, F. A. ; VERRI, B. M. ; MUNDIM, A. V. ; Moraes, F. R. ; Moraes J.R.E. . Aspectos histopatológicos da inflamação induzida por Aeromonas hydrophila em Piaractus mesopotamicus aloxano diabéticos. In: XII Reunião Científica do Instituto de Pesca, 2017, São Paulo. XII Reunião Científica do Instituto de Pesca, 2017.

14.
CUEVA-QUIROZ, V. A. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; ESPINOZA, F. C. R. ; CLAUDIANO, GUSTAVO SILVA ; MARINHO NETO, F. A. ; ABREU, S. A. ; Moraes, F. R. ; Moraes J.R.E. . Protocolo para indução de diabetes com aloxano em pacu Piaractus mesopotamicus. In: XII Reunião Científica do Instituto de Pesca, 2017, São Paulo. XII Reunião Científica do Instituto de Pesca, 2017.

15.
CUEVA-QUIROZ, V. A. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; MARINHO NETO, F. A. ; Moraes, F. R. ; Moraes J.R.E. . Validação de kit comercial ELISA para detecção de cortisol em pacu: Baixa recuperação e linearidade. In: XIV ENBRAPOA, 2016, Florianópolis. XIV ENBRAPOA, 2016.

16.
Moraes J.R.E. ; SHIMADA, M. T. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; ENGRACIA FILHO, J. ; MOURINO, J. L. P. ; Moraes, F. R. . Photobacteriosis outbreak in cage-readed Rachycentron canadum: predisposing conditions. In: European aquaculture society (EAS), 2015, Rotterdan. European aquaculture society (EAS), 2015.

17.
Moraes, F. R. ; FERNANDES ETO, S. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; FERNANDES, D. C. ; GONCALVES, A. M. ; SANTOS, L. F. J. ; BALBUENA, T. S. ; Moraes J.R.E. ; Salvador, R. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; PIZAURO JUNIOR, J. M. . Production of IgY anti-Photobacterium damselae ssp. piscicida and its therapeutic and prophylactic use in Rachycentron canadum. In: FENACAM 2015 & LACQUA 2015, 2015, Fortaleza. FENACAM 2015 & LACQUA 2015, 2015.

18.
Moraes, F. R. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; FERNANDES ETO, S. ; MARINHO NETO, F. A. ; FERNANDES, D. C. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; MIRANDA, R. L. ; MUNDIM, A. V. ; MACHADO, C. M. M. ; Moraes J.R.E. . Immune endocrine depression in sepsis of Piaractus mesopotamicus induced by Aeromonas hydrophila. In: FENACAM 2015 & LACQUA 2015, 2015, Fortaleza. FENACAM 2015 & LACQUA 2015, 2015.

19.
AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; FERNANDES ETO, S. ; FERNANDES, D. C. ; MARCUSSO, P. F. ; Salvador, R. ; Moraes J.R.E. ; Moraes F.R. . Imunização Passiva em Tilápias com Soro Iperimune Anti-Streptococcus agalactiae: Sobrevivência e Título de Anticorpos. In: XIII Encontro Brasileiro de Patologistas de Organismos Aquáticos, 2014, Aracaju. XIII Encontro Brasileiro de Patologistas de Organismos Aquáticos, 2014.

20.
AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; FERNANDES ETO, S. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; SILVA, T. F. A. ; SHIMADA, M. T. ; Moraes J.R.E. ; Moraes F.R. . Uso do Camucamu (Myrciaria dubia) na Alimentação de Tilápia Nilótica: Crescimento e Resposta Imune. In: XIII Encontro Brasileiro de Patologistas de Organismos Aquáticos, 2014, Aracaju. XIII Encontro Brasileiro de Patologistas de Organismos Aquáticos, 2014.

21.
MARCUSSO, P. F. ; FERNANDES ETO, S. ; FERNANDES, D. C. ; MARINHO NETO, F. A. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; Salvador, R. ; Moraes J.R.E. ; Moraes F.R. . Alterações nas concentrações de proteínas totais plasmáticas, albumina e globulinas séricas de tilápias do Nilo vacinadas contra Streptococcus agalactiae. In: I Simpósio do Centro de Aquicultura da UNESP (CAUNESP), 2014, Jaboticabal. I Simpósio do Centro de Aquicultura da UNESP (CAUNESP), 2014.

22.
MARCUSSO, P. F. ; FERNANDES ETO, S. ; FERNANDES, D. C. ; MARINHO NETO, F. A. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; Salvador, R. ; Moraes J.R.E. ; Moraes F.R. . Alterações hematólogicas de tilápias do Nilo vacinadas contra Streptococcus agalactiae. In: I Simpósio do Centro de Aquicultura da UNESP (CAUNESP), 2014, Jaboticabal. I Simpósio do Centro de Aquicultura da UNESP (CAUNESP), 2014.

23.
Manrique W.G. ; Bello M.A.A ; ALDROVANI, M. ; FIGUEIREDO, M. A. P. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; FERNANDES ETO, S. ; MARCUSSO, P. F. ; Petrillo T.R. ; DID, C. C. ; Moraes J.R.E. ; Moraes F.R. . Imunomarcaje de MHC II y CD68 em el Gramuloma inducido por Mycobacterium marina em tilapia del Nilo. In: XIII Encontro Brasileiro de Patologistas de Organismos Aquáticos, 2014, Aracaju. XIII Encontro Brasileiro de Patologistas de Organismos Aquáticos, 2014.

24.
Manrique W.G. ; Bello M.A.A ; FIGUEIREDO, M. A. P. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; FERNANDES ETO, S. ; MARCUSSO, P. F. ; Petrillo T.R. ; Moraes J.R.E. ; Moraes F.R. . Estudio morfométrico de los centros de melanomacrófagos em tilapia del Nilo (Oreochromis niloticus) estimulados com Aeromonas hydrophila. In: XIII Encontro Brasileiro de Patologistas de Organismos Aquáticos, 2014, Aracaju. XIII Encontro Brasileiro de Patologistas de Organismos Aquáticos, 2014.

25.
Moraes J.R.E. ; Moraes F.R. ; BOZZO, F. R. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; ENGRACIA FILHO, J. . ACUTE AEROCYSTITIS IN PACUS SUPPLEMENTED WITH VITAMINS C AND E. In: XXIV Congreso Panamericano Ciencias, 2014, Havana - Cuba. XXIV Congreso Panamericano Ciencias, 2014.

26.
Moraes J.R.E. ; ENGRACIA FILHO, J. ; Moraes F.R. ; SHIMADA, M. T. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. . Deformities in Reared Cobia, Rachycentron canadum L. and Grouper, Epinephelus marginatus, in São Paulo State Coast, Brazil. In: XXIV Congreso Panamericano Ciencias Veterinarias, 2014, Havana. PANVET - XXIV Congreso Panamericano Ciencias Veterinarias, 2014.

27.
AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; CLAUDIANO, GUSTAVO SILVA ; DELGADO, D. C. ; MARCUSSO, P. F. ; FERNANDES ETO, S. ; GALLEGO, J. C. ; Moraes F.R. ; FERNANDES, J. B. K. . ZOOTECHNICAL PERFORMANCE AND IMMUNE EFFECT ON TILAPIA, FED WITH DIETS SUPPLEMENTED WTHI CAT´S CLAW (Uncaria tomentosa). In: 5ª Simpósio Internacional de nitrição e saúde de peixes, 2013, Botucatu. 5ª Simpósio Internacional de nitrição e saúde de peixes, 2013.

28.
Moraes J.R.E. ; CLAUDIANO, GUSTAVO SILVA ; Manrique W.G. ; ENGRACIA FILHO, J. ; PAULILLO, A. C. ; Moraes F.R. . Acute aerocystitis in Piaractus mesopotamicus: Participation of eicosanoids and proinflammatory cytokines. In: Aquaculture conference, 2013, Las Palmas, Gran Canaria. Aquaculture conference, 2013.

29.
CUEVAS, S. E. ; DA SILVA CLAUDIANO, GUSTAVO ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; URBANETT, A. N. ; MARCUSSO, P. F. ; Petrillo T.R. ; FERNANDES ETO, S. ; Moraes J.R.E. ; Moraes F.R. . Comparação entre Diagnóstico Citopatológico e Histopatológico de Neoplasia Mamária em Cadelas. In: Conbravet40, 2013, Salvador. Conbravet40, 2013.

30.
FERNANDES ETO, S. ; SHIMADA, M. T. ; CAMPOS, A. L. P. ; MARCUSSO, P. F. ; DA SILVA CLAUDIANO, GUSTAVO ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; FERNANDES, D. C. ; Salvador, R. ; Moraes F.R. . Anticorpos Naturais e Quantificação de Lactobacilos em Tilápias do Nilo (Oreochromis niloticus) com Diferentes Pesos Corporais. In: Conbravet40, 2013, Salvador. Conbravet40, 2013.

31.
DA SILVA CLAUDIANO, GUSTAVO; Petrillo T.R. ; FERNANDES ETO, S. ; MARCUSSO, P. F. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; LOUREIRO, B. A. ; FERNANDES, D. C. ; Manrique W.G. ; Salvador, R. ; Bello M.A.A ; Moraes J.R.E. ; Moraes F.R. . Eicosanoides e Citociinas Proinflamatorias na Aerocistite Aguda de Piaractus mesopotamicus. In: Conbravet40, 2013, Salvador. Conbravet40, 2013.

32.
FERNANDES, D. C. ; FERNANDES ETO, S. ; DA SILVA CLAUDIANO, GUSTAVO ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; MARCUSSO, P. F. ; LOUREIRO, B. A. ; Salvador, R. ; Moraes J.R.E. ; Moraes F.R. . Identificação Simultânea de Anticorpos contra Hemácias de Carneiro em Tilápias por Soro Aglutinação e Eletroforese. In: Conbravet, 2013, Salvador. Conbravet40, 2013.

33.
Castro M.P. ; DA SILVA CLAUDIANO, GUSTAVO ; Petrillo T.R. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; SHIMADA, M. T. ; Bello M.A.A ; MACHADO, C. M. M. ; URBANETT, A. N. ; Moraes J.R.E. ; Moraes F.R. . Resposta Imune na Aerocistite de Tilápias em Tanque Redes Suplementadas: Cromo e Saccharomyces cerevisiae. In: Conbravet, 2013, Salvador. Conbravet40, 2013.

34.
AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; DA SILVA CLAUDIANO, GUSTAVO ; MARCUSSO, P. F. ; SHIMADA, M. T. ; SILVA, T. F. ; Petrillo T.R. ; FERNANDES ETO, S. ; FERNANDES, D. C. ; Moraes J.R.E. ; Moraes F.R. . Influência da Temperatura e do Sal na Resposta Imuno-Fisiológica ao Estresse Agudo em Tilápias Nilóticas. In: Conbravet, 2013, Salvador. Conbravet40, 2013.

35.
AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; DELGADO, D. C. ; DA SILVA CLAUDIANO, GUSTAVO ; MARCUSSO, P. F. ; OLIVEIRA, M. A. ; Moraes F.R. ; FERNANDES, J. B. K. . Resposta Inflamatória em Tilápias Suplementadas com Uncaria Tomentosa, Avaliação do Tempo de Fornecimento. In: Conbravet40, 2013, Salvador. Conbravet40, 2013.

36.
MARCUSSO, P. F. ; FERNANDES ETO, S. ; CLAUDIANO, GUSTAVO DA SILVA ; FERNANDES, D. C. ; MARINHO NETO, F. A. ; ZAVASKI, M. ; Moraes J.R.E. ; Salvador, R. ; Moraes F.R. . Porcentagem relativa de sobrevivência de tilápias do Nilo inoculadas com diferentes vacinas de Streptococcus agalactiae. In: I Simpósio em Piscicultura da UEL, 2013, Londrina. I Simpósio em Piscicultura da UEL, 2013.

37.
MARCUSSO, P. F. ; FERNANDES ETO, S. ; CLAUDIANO, GUSTAVO DA SILVA ; FERNANDES, D. C. ; MARINHO NETO, F. A. ; ZAVASKI, M. ; Moraes J.R.E. ; Salvador, R. ; Moraes F.R. . Produção de bacterina de Streptococcus agalactiae isolado de tilápias naturalmente infectadas por meio do processo de sonicação. In: I Simpósio em Piscicultura da UEL, 2013, Londrina. I Simpósio em Piscicultura da UEL, 2013.

38.
CLAUDIANO, G. S.; Petrillo T.R. ; Melo H. ; Manrique W.G. ; Castro M.P. ; Bello M.A.A ; Moraes J.R.E. ; Moraes, F. R. . EICOSANÓIDES NO AUMENTO DE PERMEABILIDADE VASCULAR E COMPONENTES CELULARES DA INFLAMAÇÃO AGUDA EM Piaractus mesopotamicus. In: Enbrapoa, 2012, Bonito. XII ENBRAPOA, 2012.

39.
Petrillo T.R. ; CLAUDIANO, G. S. ; Melo H. ; Bello M.A.A ; Manrique W.G. ; MARCUSSO, PAULO FERNANDES ; FERNANDES ETO, S. ; MORAES, JULIETA RODINI ENGRÁCIA ; MORAES, FLÁVIO RUAS . O Efeito do fosfato de levamisol na resposta inflamatória crônica em Piaractus mesopatomicos. In: Enbrapoa, 2012, Bonito. XII ENBRAPOA, 2012.

40.
FERNANDES ETO, S. ; FERNANDES, D. C. ; MARCUSSO, P. F. ; CLAUDIANO, G. S. ; MARINHO NETO, F. A. ; MARTINS, I. M. ; SANTOS, M. A. P. ; ALVES, V. ; TAMEHIRO, C. Y. ; Salvador, R. ; Moraes J.R.E. ; Moraes, F. R. . Dinâmica da resposta imune humoral a antígeno de hemácia de carneiro em tilápias do Nilo (Oerochromis niloticus). In: Enbrapoa, 2012, Bonito. XII ENBRAPOA, 2012.

41.
FERNANDES ETO, S. ; MARINHO NETO, F. A. ; MARCUSSO, P. F. ; FERNANDES, D. C. ; CLAUDIANO, G. S. ; MARTINS, I. M. ; SANTOS, M. A. P. ; Petrillo T.R. ; TAMEHIRO, C. Y. ; SALVADOR, ROGÉRIO ; Moraes J.R.E. ; Moraes, F. R. . Resposta imune humoral de tilápias do Nilo (Oerochromis niloticus) imunizadas com antígenos bacterianos de Streptococcus agalactiae e aplicação do método de aglutinação direta para titulação dos anticorpos séricos;. In: Enbrapoa, 2012, Bonito. XII ENBRAPOA, 2012.

42.
FERNANDES ETO, S. ; MARCUSSO, P. F. ; CLAUDIANO, G. S. ; FERNANDES, D. C. ; MARINHO NETO, F. A. ; MARTINS, I. M. ; SANTOS, M. A. P. ; Petrillo T.R. ; TAMEHIRO, C. Y. ; Salvador, R. ; MORAES, JULIETA RODINI ENGRÁCIA ; Moraes F.R. . Anticorpos Naturais contra antígeno de hemácia de coelho em tilápias do Nilo (Oerochromis niloticus) com diferentes pesos corporais. In: Enbrapoa, 2012, Bonito. XII ENBRAPOA, 2012.

43.
MARCUSSO, PAULO FERNANDES ; FERNANDES ETO, S. ; CLAUDIANO, G. S. ; Petrillo T.R. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; Salvador, R. ; MORAES, JULIETA RODINI ENGRÁCIA ; MORAES, FLÁVIO RUAS . Isolamento de Streptococcus spp. de diferentes órgãos de tilápia do Nilo criadas em Tanque-rede. In: Enbrapoa, 2012, Bonito. XII ENBRAPOA, 2012.

44.
Manrique W.G. ; CLAUDIANO, G. S. ; Castro M.P. ; Petrillo T.R. ; Moraes F.R. . Formação de centros de melanomacrófago na resposta inflamatória crônica induzida em Orechoromis niloticus. In: Enbrapoa, 2012, Bonito. XII ENBRAPOA, 2012.

45.
PRADO, E. J. R. ; Belo, M. A. A ; MORAES, A. C. ; CLAUDIANO, G. S. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; FRANCO, R. P. ; C.TAVARES, D. ; GARRIDO, E. ; SILVA, K. R. . Alterações Hematológicas em Tilapias do Nilo desafiadas com Aeromonas hydrophila, tratadas com Dipirona. In: Enbrapoa, 2012, Bonito. XII ENBRAPOA, 2012.

46.
MORAES, A. C. ; Bello M.A.A ; PRADO, E. J. R. ; CLAUDIANO, G. S. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; FRANCO, R. P. ; C.TAVARES, D. ; GARRIDO, E. ; SILVA, K. R. . ALTERAÇÃO LEUCOCITÁRIA E TROMBOCITICA EM TILAPIA DE NILO, Oreochromis niloticus, DESAFIADA COM Aeromonas hydrophila, TRATADAS COM CICLOFOSFAMIDA. In: Enbrapoa, 2012, Bonito. XII ENBRAPOA, 2012.

47.
PRADO, E. J. R. ; Bello M.A.A ; MORAES, A. C. ; CLAUDIANO, G. S. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; FRANCO, R. P. ; C.TAVARES, D. ; GARRIDO, E. ; SILVA, K. R. . ALTERAÇÃO NA RESPOSTA LEUCOCITÁRIA EM TILAPIA-DO-NILO, Oreochromis niloticus, DESAFIADA COM Aeromonas hydrophila E TRATADAS COM CICLOSPORINA. In: Enbrapoa, 2012, Bonito. XII ENBRAPOA, 2012.

48.
Petrillo T.R. ; CLAUDIANO, G. S. ; MORAES, A. C. ; Belo, M. A. A ; Manrique W.G. ; PRADO, E. J. R. ; Castro M.P. ; MARCUSSO, PAULO FERNANDES ; FERNANDES ETO, S. ; MORAES, JULIETA RODINI ENGRÁCIA ; MORAES, FLÁVIO RUAS . Estudo Comparativo da inibição da fosfolipase A sobre o efeito de Levamisol em Piaractus mesopatomicus. In: Enbrapoa, 2012, Bonito. XII ENBRAPOA, 2012.

49.
CLAUDIANO, G. S.; Petrillo T.R. ; Melo H. ; Manrique W.G. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; Bello M.A.A ; Moraes J.R.E. ; MORAES, FLÁVIO RUAS . Estudo do aumento da permeabilidade vascular e da mediação química no processo inflamatório agudo em pacus induzida por Aeromonas hydrophila. In: Aquaciência, 2012, Palmas. V Aquaciencia, 2012.

50.
LOURENÇO, KAREN GIULIANA ; ETO, SILAS FERNANDES ; CLAUDIANO, G. S. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; MARCUSSO, P. F. ; CARANDINA, L. ; FERNANDES, D. C. ; Salvador, R. ; MORAES, FLÁVIO RUAS . PESQUISA DE HEMOPARASITAS EM TILÁPIAS DO NILO (Oreochromis niloticus) CRIADASS EM TANQUE REDE. In: Aquaciência, 2012, Palmas. V Aquaciencia, 2012.

51.
AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; CLAUDIANO, G. S. ; IKEFUTI, C. ; MARCUSSO, PAULO FERNANDES ; Petrillo T.R. ; ETO, SILAS FERNANDES ; FERNANDES, D. C. ; Moraes J.R.E. ; CRUZ, C ; FERNANDES, J. B. K. ; Moraes F.R. . ESTUDO TOXICOLÓGICO AGUDO ATRAVÉS DO BIOENSAIO DO EXTRATO AQUOSO DA CASCA DE Uncaria tomentosa EM Hyphessobrycon eques. In: Enbrapoa, 2012, Bonito. XII ENBRAPOA, 2012.

52.
MARCUSSO, P. F. ; TORRES, A. A. ; FERNANDES ETO, S. ; CLAUDIANO, G. S. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; Manrique W.G. ; Petrillo T.R. ; Moraes F.R. ; Salvador, R. ; Moraes J.R.E. . EVIDENCIAÇÃO DE ÚLCERAS CUTÂNEAS EM PACU (Piaractus mesopotamicus) PELO USO DE FLUORESCEÍNA. In: Enbrapoa, 2012, Bonito. XII ENBRAPOA, 2012.

53.
AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; KOBERSTEIN, T. C. R. D. ; CLAUDIANO, G. S. ; CASTILLO, J. A. ; STEFANN, T. ; FERNANDES, J. B. K. . Fontes lipídicas no desempenho zootécnico e nos níveis de ácidos graxos em tilapia do Nilo (Oreochromis niloticus). In: VII Encontro de Pós-graduando - UNESP - Jaboticabal, 2012, Jaboticabal. VII Encontro de Pós-graduando, 2012.

54.
FERNANDES ETO, S. ; MARINHO NETO, F. A. ; MARCUSSO, PAULO FERNANDES ; FERNANDES, D. C. ; CLAUDIANO, G. S. ; Salvador, R. ; Moraes J.R.E. ; Moraes F.R. . RESPOSTA IMUNE HUMORAL DE TILÁPIAS DO NILO (Oreochromis niloticus) IMUNIZADAS COM ANTÍGENOS BACTERIANOS DE Streptococcus agalactiae. In: Conbravet, 2012, Santos. 39 Conbravet, 2012.

55.
ALVES, R. I. A. ; CLAUDIANO, G. S. ; ETO, SILAS FERNANDES ; Petrillo T.R. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; MARCUSSO, PAULO FERNANDES ; MARQUEZ, E. S. ; Salvador, R. ; Moraes, F. R. . ASPECTOS HEMATOLÓGICOS DE Crotalus durissus terrificus EM DIFERENTES CATIVEIROS. In: Encontro de pós-graduação da UNESP, 2012, Jaboticabal. VII Encontro de pós-graduação da UNESP Jaboticabal, 2012.

56.
CLAUDIANO, G. S.; Petrillo T.R. ; Melo H. ; Manrique W.G. ; Castro M.P. ; Bello M.A.A ; ETO, SILAS FERNANDES ; MARCUSSO, P. F. ; Moraes J.R.E. ; Moraes, F. R. . BLOQUEIO DO AUMENTO DA PERMEABILIDADE VASCULAR PELO MELOXICAM NO PROCESSO INFLAMATÓRIO AGUDO EM Piaractus mesopotamicus. In: Encontro de pós-graduação da UNESP, 2012, Jaboticabal. VII Encontro de pós-graduação da UNESP Jaboticabal, 2012.

57.
MARCUSSO, P. F. ; COSENZA, G. R. ; ETO, SILAS FERNANDES ; CLAUDIANO, G. S. ; Petrillo T.R. ; MORAES, FLÁVIO RUAS ; Salvador, R. . ISOLAMENTO E CARACTERIZAÇÃO DOS ECTOPARASITOS DE MAIOR OCORRÊNCIA EM TILÁPIAS DO NILO DE PISCICULTURAS DA REGIÃO DO NORTE DO PARANÁ. In: Encontro de pós-graduação da UNESP, 2012, Jaboticabal. VII Encontro de pós-graduação da UNESP Jaboticabal, 2012.

58.
MARCUSSO, PAULO FERNANDES ; COSENZA, G. R. ; ETO, SILAS FERNANDES ; CLAUDIANO, G. S. ; Petrillo T.R. ; Salvador, R. ; Moraes F.R. . PESQUISA POR BACTERIOSES EM PISCICULTURAS DA REGIÃO DE BANDEIRANTES, PR. In: Encontro de pós-graduação da UNESP, 2012, Jaboticabal. VII Encontro de pós-graduação da UNESP Jaboticabal, 2012.

59.
AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; MARCUSSO, P. F. ; CLAUDIANO, G. S. ; SEBASTIAO, F. ; FERNANDES ETO, S. ; GARCIA FILHO, S. ; SILVA, A. C. ; FERNANDES, J. B. K. ; MORAES, FLÁVIO RUAS . OCORRÊNCIA E PREVALÊNCIA DE PARASITOSES EM Corydoras spp. ORIUNDOS DOS RIOS DA REGIÃO NORTE AMAZÔNICA PERUANA. In: 39º Conbravet Congresso Brasileiro de Medicina Veterinária, 2012, Santos. 39º Conbravet Anais, 2012.

60.
Manrique W.G. ; SHIMADA, M. T. ; SILVA, A. C. ; CLAUDIANO, G. S. ; MARCUSSO, P. F. ; Moraes J.R.E. ; Moraes, F. R. . ATIVIDADE DE MACRÓFAGOS NA INFLAMAÇÃO CRÔNICA POR CORPO ESTRANHO NA VIGÊNCIA DE INFLAMAÇÃO CRÔNICA GRANULOMATOSA. In: Conbravet 39, 2012, Santos. 39º Conbravet Anais, 2012.

61.
MANRIQUE, G. WILSON ; FIGUEIREDO, M. A. P. ; SILVA, A. C. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; MARCUSSO, P. F. ; Moraes J.R.E. ; Moraes, F. R. . Histoquímica do granuloma induzido pelo BCG em Piaractus mesopotamicus. In: 39º CONBRAVET, 2012, Santos. 39º CONBRAVET, 2012.

62.
CLAUDIANO, G. S.; Petrillo T.R. ; Melo H. ; Moraes J.R.E. ; Manrique W.G. ; Bello M.A.A ; GARCIA FILHO, S. G. ; Moraes F.R. . Inibição da cicloxigenase em processo inflamatório agudo de pacus, Piaractus mesopotamicus, induzidos por Aeromonas hydrophila. In: II Congresso Latino Americano de Peixes Nativos, 2011, Lavras. Anais, congresso latino amarecano, 2011.

63.
CLAUDIANO, G. S.; Petrillo T.R. ; Moraes J.R.E. ; Melo H. ; Manrique W.G. ; Castro M.P. ; Napoleão S. ; Moraes F.R. . Estudo comparativo da inibição de fosfolipase A2 no processo inflamatório agudo em pacus, Piaractus mesopotamicus, induzida por Aeromonas hydrophila,. In: II Congresso Latino Americano de Peixes Nativos, 2011, Lavras. Anais, congresso latino amarecano, 2011.

64.
PILARSKI, F. ; PADUA, S.B. ; DIAS NETO, J. ; CHAGAS, E. ; CLAUDIANO, G. S. . Efeito de anestésicos sobre os parâmetros hematológicos de tambaqui Colossoma macropomum. In: 2a. Conferencia latinoamericana sobre cultivo de peces nativos. In: Conferencia latinoamericana sobre cultivo de peces nativos, 2009, Chascomús. Anais da 2a. Conferencia latinoamericana sobre cultivo de peces nativos, 2009.

65.
Sakabe, R ; PADUA, S.B. ; PILARSKI, F. ; DIAS NETO, J. ; CHAGAS, E. ; CLAUDIANO, G. S. . Efeito da heparina e do EDTA como antigcoagulantes para o tambaqui Colossoma macropomum. In: Conferencia latinoamericana sobre cultivo de peces nativos, 2009, Chascomús. Anais da 2a. Conferencia latinoamericana sobre cultivo de peces nativos, 2009, 2009.

66.
CHAGAS, E. ; PADUA, S.B. ; Sakabe, R ; PILARSKI, F. ; DIAS NETO, J. ; CLAUDIANO, G. S. . Efeito de diferentes estressores sobre os parâmetros hematológicos e bioquímicos de tambaqui Colossoma macropomum. In: Conferencia latinoamericana sobre cultivo de peces nativos, 2009, Chascomús. Anais da 2a. Conferencia latinoamericana sobre cultivo de peces nativos, 2009, 2009.

67.
CLAUDIANO, G. S.; DIAS NETO, J. ; Salvador, R. ; Sakabe, R ; Cubo, P ; CRUZ, C ; PILARSKI, F. . Avaliação da concentração letal CL 50% (CL (I) (50-96h)) do extrato aquoso de Terminalia catappa para Phalloceros caudimaculatus.. In: Aquaciência, 2008, 2008, Maringa. Anais Aquaciência, 2008.

68.
CLAUDIANO, G. S.; DIAS NETO, J. ; CRUZ, C ; Lima, R.O ; Sakabe, R ; Salvador, R. ; PILARSKI, F. . Eficácia do extrato aquoso de Terminalia catappa em alevinos de tambaqui, Colossoma macropomum (Cuvier, 1818) naturalmente parasitados por Monogenea, Ichthyophthirius multifiliis e Piscinoodinium pillulare. In: Aquaciência, 2008, 2008, Maringa. Anais Aquaciência, 2008.

Artigos aceitos para publicação
1.
CLAUDIANO, GUSTAVO SILVA; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; MARINHO NETO, F. A. ; FERNANDES ETO, S. ; MIRANDA, R. L. ; Otani, F.S. ; MUNDIM, A. V. ; MACHADO, C. M. M. ; Moraes J.R.E. ; Moraes, F. R. . Sepsis by Aeromonas hydrophila induced hematological and immune changes in Piaractus mesopotamicus. FISH & SHELLFISH IMMUNOLOGY, 2018.

2.
CLAUDIANO, GUSTAVO S.; MARINHO NETO, F. A. ; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS ; Vantini, J.S ; Salvador, R. ; Moraes J.R.E. ; Moraes, F. R. . Experimental infection by Aeromonas hydrophila in Piaractus mesopotamicus: LD50, neurological 2 disturbances and mortality. PESQUISA VETERINARIA BRASILEIRA, 2018.

Apresentações de Trabalho
1.
CLAUDIANO, GUSTAVO S.. Nutracêuticos na Resposta Imune em Teleósteos. 2017. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

2.
CLAUDIANO, GUSTAVO S.. Immune endrocrine depression in sepsis of Piaractus mesopotamicus induced by Aeromonas hydrophila. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
CLAUDIANO, GUSTAVO S.. Production of Ig Y anti-Photobacterium damselae ssp. piscicida and its therapeutic and prophylactic use in Rachycentron canadum. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
CLAUDIANO, GUSTAVO SILVA. Processos fisiopatológicos em Medicina Veterinária. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
CLAUDIANO, G. S.. Estudo Comparativo da Inibção da Fosfolipase A2 no processo Inflamatório Agudo em Pacus Induzida Pela Aeromonas Hydrophila. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

6.
CLAUDIANO, G. S.. Inibição da cicloxigenase em processo inflamatório agudo de pacus, induzido pela Aeromonas hydrophila. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

7.
CLAUDIANO, G. S.. Spectrophotometric Evaluation of Vascular Permeability by the Method of Evnas Blue on Aerocistite Induced by Inactivated. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

8.
CLAUDIANO, G. S.. Inibição da fosfolipase A2 sobre a resposta de exsudação inflamatória na aerocistite em pacus, Piaractus mesopotamicus. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

9.
CLAUDIANO, G. S.. STEROID AND NONESTEROIDAL ANTI-INFLAMMATORY DRRUGS ON CUTE INFLAMMATION INDECED BY INACTIVATED AEROMONAS HYDROPJHILA IN PIARACTUS MESOPOTAMICUS.. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

10.
CLAUDIANO, G. S.. Avaliação da concentração letal CL 50% (CL (I) (50-96h)) do extrato aquoso de Terminalia catappa para Phalloceros caudimaculatus.. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

11.
CLAUDIANO, G. S.. Eficácia do extrato aquoso de Terminalia catappa em alevinos de tambaqui, Colossoma macropomum (Cuvier, 1818) naturalmente parasitados por Monogenea, Ichthyophthirius multifiliis e Piscinoodinium pillulare. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).


Demais tipos de produção técnica
1.
CLAUDIANO, GUSTAVO DA SILVA. Hematologia em peixes teleósteos. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

2.
CLAUDIANO, GUSTAVO SILVA; Otani, F.S. . Tópicos em aquicultura. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

3.
CLAUDIANO, GUSTAVO SILVA; Otani, F.S. . Tópicos em aquicultura: Aquariofilia. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

4.
CLAUDIANO, GUSTAVO S.; Otani, F.S. ; FUGIMURA, M. M. S. ; VAZ, L. J. ; SILVA, L. V. F. . Minicurso teórico-prático sobre hematologia comparada. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

5.
CLAUDIANO, GUSTAVO S.; Moraes, F. R. . Relatório cientifico do Auxilio Regular. 2016. (Relatório de pesquisa).

6.
CLAUDIANO, GUSTAVO S.; Moraes, F. R. . Relatório cientifico Auxilio Pesquisa Edital Universal. 2016. (Relatório de pesquisa).

7.
CLAUDIANO, GUSTAVO S.; Moraes, F. R. . Relatório cientifico Final Bolsa Doutorado. 2015. (Relatório de pesquisa).

8.
CLAUDIANO, GUSTAVO S.; SHIMADA, M. T. ; Moraes, F. R. ; Moraes J.R.E. . Processos Fisiopatológicos na Medicina Veterinária. 2013. .

9.
CLAUDIANO, GUSTAVO DA SILVA; Moraes, F. R. ; Moraes J.R.E. ; SHIMADA, M. T. ; MARTINS, P. E. S. . Programa de Treinamento para Complementação de Formação Educacional. 2013. .

10.
CLAUDIANO, G. S.; Moraes F.R. . Relatório cientifico do Auxilio Regular. 2011. (Relatório de pesquisa).

11.
CLAUDIANO, G. S.; Salvador, R. ; LEONHARDT, .. J. H. . RELATÓRIO Estágio curricular na área de piscicultura de água doce. 2008. (Relatório de pesquisa).



Patentes e registros



Patente

A Confirmação do status de um pedido de patentes poderá ser solicitada à Diretoria de Patentes (DIRPA) por meio de uma Certidão de atos relativos aos processos
1.
 FERNANDES ETO, S. ; KUSUO ETO, A. ; Moraes, F. R. ; Moraes J.R.E. ; PIZAURO JUNIOR, J. M. ; FERNANDES, D. C. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; GONCALVES, A. M. ; SANTOS, L. F. J. ; Salvador, R. ; NAOMI ETO, A. ; BALBUENA, T. S. . RAÇÕES NUTRACÊUTICAS E SEUS USOS. 2015, Brasil.
Patente: Privilégio de Inovação. Número do registro: BR10201501415, título: "RAÇÕES NUTRACÊUTICAS E SEUS USOS" , Instituição de registro: INPI - Instituto Nacional da Propriedade Industrial. Depósito: 16/06/2015



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Teses de doutorado
1.
Moraes J.R.E.; Salvador, R.; MUNDIM, A. V.; CLAUDIANO, GUSTAVO S.; Castro M.P.. Participação em banca de Jefferson Yunis Aguinaga. Caracterização fisiopatológica da infecção por Aeromonas hydrophila em pacus diabéticos. 2017. Tese (Doutorado em Aquicultura) - Centro de Aquicultura da UNESP.

Qualificações de Doutorado
1.
Moraes J.R.E.; Salvador, R.; CLAUDIANO, GUSTAVO S.. Participação em banca de Jefferson Yunis Aguinaga. Seleção de tilapias do Nilo naturalmente resistentes a Streptococcus agalactiae: imunologia, fisiopatologia e genética. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Aquicultura) - Centro de Aquicultura da UNESP.

Qualificações de Mestrado
1.
CLAUDIANO, GUSTAVO S.; FUGIMURA, M. M. S.; OLIVEIRA, R. B.. Participação em banca de Elcimara Cardoso Pereira. Efeitos de óleos essenciais em Dolops discoidalis (Bouvier, 1899) ectoparasita de peixes. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em RECURSOS AQUÁTICOS CONTINENTAIS AMAZÔNICOS) - Universidade Federal do Oeste do Pará.

Monografias de cursos de aperfeiçoamento/especialização
1.
Moraes J.R.E.; CLAUDIANO, G. S.; AGUINAGA, JEFFERSON YUNIS. Participação em banca de Silvia Elena Compusano Cuevas. Descrição de um caso envolvendo lesão por arma de fogo em cães. 2016. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Medicina Veterinária e Saúde Pública) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
REIS, A. S. B.; OLIVEIRA, C. S. B.; CLAUDIANO, GUSTAVO S.. Participação em banca de Fortunato Chocrón.Controle estratégico de verminoses na Amazônia. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Centro Universitário Estácio da Amazônia.

2.
Otani, F.S.; CIRNE, L. G. A.; CLAUDIANO, GUSTAVO SILVA. Participação em banca de Cristiane Rebouças Barbosa.Defumação artesanal como alternativa de transferência de tecnologia do pescado: Elaboração e custo de produção. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Zootecnia) - Universidade Federal do Oeste do Pará.

3.
FUGIMURA, M. M. S.; CLAUDIANO, GUSTAVO SILVA; VAZ, L. J.. Participação em banca de Alícia Maria de Andrade Siqueira.Determinação do melhor jejum alimentar para o transporte do camarão Macrobrachium amazonicum. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia de Pesca) - Universidade Federal do Oeste do Pará.

4.
CIRNE, L. G. A.; NEVES, K. A. L.; CLAUDIANO, GUSTAVO S.. Participação em banca de Maressa Fideles Pereira.Condenacoes de bovideos abatidos sob inspecao municipal no municipio de Santarem ? PA. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Zootecnia) - Universidade Federal do Oeste do Pará.

5.
Grossi, SF; CLAUDIANO, GUSTAVO S.; CAVICHIOLI, F. A.. Participação em banca de Ana Caroline do Nascimento.Emissão de gás metano pelos bovinos. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronegócios) - Faculdade de Tecnologia de Taquaritinga.

6.
Salvador, R.; FERNANDES, D. C.; CLAUDIANO, GUSTAVO S.. Participação em banca de Fausto de Almeida Marinho Neto.Parâmetros Hematológicos e Resposta Humoral de Tilápias do Nilo (Oreochromis niloticus) Imunizadas com Streptococcus agalactiae pelas Vias Intramuscular e Intracelomática. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Estadual do Norte do Paraná.

7.
Salvador, R.; MARCUSSO, P. F.; CLAUDIANO, G. S.. Participação em banca de Dayanne Carla Fernandes.Resposta Imune Humoral em Tilápia do Nilo (Oreochromis niloticus) Imunizada com Hemácias de Carneiro. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Estadual do Norte do Paraná.

8.
OGAWA, L.; CLAUDIANO, G. S.; HASHIZUME, E. Y.. Participação em banca de Anny Leyci Narciso Urbanetti.Comparação entre o Diagnóstico Citopatológico e Histopatológico de Neoplasias Mamárias em Cadelas. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Estadual do Norte do Paraná.

9.
Antonio, Marco; CLAUDIANO, G. S.; Castro M.P.. Participação em banca de Alessandra Cristina de Moraes.ESTUDO DOS EFEITOS GLICOCORTICÓIDES DA DEXAMETASONA SOBRE A RESPOSTA INFLAMATÓRIA AGUDA EM TILÁPIAS DO NILO, VACINADAS E DESAFIADAS COM Aeromonas hydrophila.. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinaria) - Universidade Brasil.

10.
Salvador, R.; Antonio, Marco; CLAUDIANO, G. S.. Participação em banca de Pedro Oliveira Moreira.Produção de Peixes em Tanque Rede. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Estadual do Norte do Paraná.

11.
OGAWA, L.; CLAUDIANO, G. S.; CRUZ, M. F. R.. Participação em banca de Rubens Igor Andrade Alves.ENDOPARASITOS ASSOCIADOS AOS ODONTOCETOS. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Medicina Veterinária) - Universidade Estadual do Norte do Paraná.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Outras participações
1.
CLAUDIANO, GUSTAVO SILVA. Avaliador da IV Salão de Extensão da Ufopa. 2018. Universidade Federal do Oeste do Pará.

2.
CLAUDIANO, GUSTAVO S.. Avaliador dos resumos da VI Jornada Acadêmica da Universidade Federal do Oeste do Pará ? UFOPA. 2017. Universidade Federal do Oeste do Pará.

3.
CLAUDIANO, GUSTAVO S.. III Simpósio de Ciências Agrárias da Amazônia. 2017. Universidade Federal do Oeste do Pará.

4.
CLAUDIANO, GUSTAVO S.. XII Curso de Inverno de Genética. 2016. Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

5.
CLAUDIANO, GUSTAVO S.. Avaliador dos trabalhos apresentados na área de ÁREA DE BIOLÓGICAS - XXVII Congresso de Iniciação Científica da UNESP. 2016. Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho.

6.
DA SILVA CLAUDIANO, G.. Judge of WAS student Oral or Poster Presentation. 2011. World Aquaculture Society.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
III Simpósio de Ciências Agrárias da Amazônia.Papel dos Sistemas Integrados na Mitigação de Gases de Efeito Estufa - Potencial da Aquicultura na Amazônia. 2017. (Simpósio).

2.
FAPESP/EU-LIFE Symposium on Cancer Genomics, Inflammation & Immunity.FAPESP/EU-LIFE Symposium on Cancer Genomics, Inflammation & Immunity. 2016. (Simpósio).

3.
FENACAM 2015 & LACQUA 2015. Immune Endocrine Depression in Sepsis of Piaractus mesopotamicus Induced by Aeromonas hydrophila. 2015. (Congresso).

4.
The World Aquaculture Society 2014. First Report of Neurophatological Sings in Piaractus Mesopotamicus Inoculated with Different Concentrations of Aeromonas hydrophila. 2014. (Congresso).

5.
Enbrapoa. Estudo Comparativo da inibição da fosfolipase A sobre o efeito de Levamisol em Piaractus mesopatomicus. 2012. (Congresso).

6.
Evento II Jornada de Iniciação Cientifica da Uenp.BLOQUEIO DO AUMENTO DA PERMEABILIDADE VASCULAR PELO MELOXICAM NO PROCESSO INFLAMATÓRIO AGUDO EM Piaractus mesopotamicus. 2012. (Encontro).

7.
Conbravet. INIBIÇÃO DA FOSFOLIPASE A2 SOBRE A RESPOSTA DE EXSUDAÇÃO INFLAMATÓRIA NA AEROCISTITE EM PACUS, Piaractus mesopotamicus. 2011. (Congresso).

8.
III Conferência Latinoamericana de Peixes Naivos. Estudo Comparativo da inibição da Fosfolipase A2 no processo inflamatório aguda em pacus, induzido pela Aeromonas Hydrophila. 2011. (Congresso).

9.
The World Aquaculture Society. SPECTROPHOTOMETRIC EVALUATION OF VASCULAR PERMEABILITY BY THE METHOD OF EVANS BLUE ON AEROCISTITE INDUCED BY INACTIVATED Aeromonas hydrophila IN Piaractus mesopotamicus. 2011. (Congresso).

10.
Segunda Conferencia Latinoamericana sobre Cultivo de Peces Mativos. Efeito de diferentes estressores sobre os parâmetros hematológicos e bioquímicos de tambaqui Colossoma macropomum. 2009. (Congresso).

11.
Aquaciencia. Avaliação da concentração letal CL 50% (CL (I) (50-96h)) do extrato aquoso de Terminalia catappa para Phalloceros caudimaculatus. 2008. (Congresso).

12.
I Ciclo de Palestras Academico de Microbiologia. 2008. (Simpósio).

13.
II Encontro de Biologia e Iniciação Científica. 2008. (Simpósio).

14.
Workshop Ações Transversais em Aquicultura: Modelo Paranapanema. 2008. (Simpósio).

15.
I Encontro de Biologia e Iniciação Cientíca - I EBIC. 2007. (Simpósio).

16.
V Semana da Veterinária Luiz Meneghel (SEVELM). 2007. (Simpósio).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
FUGIMURA, M. M. S. ; VAZ, L. J. ; Otani, F.S. ; SILVA, L. V. F. ; CLAUDIANO, GUSTAVO SILVA . "II Encontro de Aquicultura na Região Oeste do Pará e II Encontro para Produtores sobre Técnicas Alternativas em Aquicultura (EPAQUI). 2018. (Outro).

2.
CLAUDIANO, GUSTAVO S.. "I Encontro de Aquicultura na Região Oeste do Pará. 2017. (Outro).

3.
PILARSKI, F. ; VARANDAS, D. N. ; Sakabe, R ; CLAUDIANO, G. S. ; DIAS NETO, J. ; CHAGAS, E. ; URBINATI, E. C. . II Curso de Extenão - Boas Práticas de Manejo Sanitário em Piscicultura. 2009. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Roberta Tapajós Siqueira. Analise dos polissacarídeos complexos, das fibras, dos eritrócitos, dos macrófagos e ferros férricos em pacus durante o processo séptico induzida por Aeromonas hydrophila. Início: 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Zootecnia) - Universidade Federal do Oeste do Pará. (Orientador).

2.
Aline Dalmara Maia de Sousa. Analise da histologia dos moluscos bivalves da Amazônia das espécies Prisodon corrugatus e P. obliquus e analisar o impacto da ação antrópica sobre essas espécies. Início: 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Zootecnia) - Universidade Federal do Oeste do Pará. (Orientador).

3.
Hortencia Miranda Rocha. DL50 para banhos profiláticos e terapêuticos com Terminallia catappa em tambaqui. Início: 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Zootecnia) - Universidade Federal do Oeste do Pará. (Orientador).

4.
Iani Teixeira Corrêa. ESTIMULAÇÃO DA PRODUÇÃO DE PEIXES ATRAVÉS DO USO DE BACTÉRIAS LÁTICAS ISOLADAS DO INTESTINO DE Colossoma macropomum: DESEMPENHO ZOOTÉCNICA. Início: 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Zootecnia) - Universidade Federal do Oeste do Pará. (Orientador).

5.
Hugo José Amorim de Macedo. Identificação e quantificação dos endo e ectoparasitas das pisciculturas dos Municípios da microrregião de Santarém-PA. Início: 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Zootecnia) - Universidade Federal do Oeste do Pará, Universidade Federal do Oeste do Pará. (Orientador).

6.
MAÉVEM SOUSA CAMPOS. INCREMENTO DA PRODUÇÃO DE PEIXES POR ADIÇÃO DE BACTÉRIAS LÁTICAS ISOLADAS DO INTESTINO DE Colossoma macropomum À DIETA DE PEIXES DE CATIVEIRO: SANIDADE. Início: 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Zootecnia) - Universidade Federal do Oeste do Pará. (Orientador).

7.
LUIZ FELIPE DE ASSIS COSTA. Alterações plasmáticas induzidas pela anestesia com benzocaína e eugenol em tambaquis. Início: 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Zootecnia) - Universidade Federal do Oeste do Pará. (Orientador).

8.
Acacio Heitor Barros Pacheco. Efeito da benzocaína e do eugenol nos parâmetros hematológicos em Potamotrygon jabuti. Início: 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Zootecnia) - Universidade Federal do Oeste do Pará. (Orientador).

Iniciação científica
1.
Andria Gama Sousa. Efeito da benzocaína e do eugenol no metabolismo hepático em Potamotrygon jabuti. Início: 2017. Iniciação científica (Graduando em Zootecnia) - Universidade Federal do Oeste do Pará, Universidade Federal do Oeste do Pará. (Orientador).

2.
LUIZ FELIPE DE ASSIS COSTA. Vias metabólicas ativas nos leucócitos sanguíneos durante a sepse em Piaractus mesopotamicus infectados com Aeromonas hydrophila. Início: 2017. Iniciação científica (Graduando em Zootecnia) - Universidade Federal do Oeste do Pará, Fundação Amazônia Paraense de Amparo à Pesquisa. (Orientador).

3.
Kerolayne Sousa de Castro. Estabilidade das variáveis hematológicas selecionados em sangue de Colossoma macropomum armazenado com diferentes anticoagulantes. Início: 2017. Iniciação científica (Graduando em Zootecnia) - Universidade Federal do Oeste do Pará, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Fausto de Almeida Marinho Neto. Caracterização estrutural e ultraestrutural da infecção por Aeromonas hydrophila em Piaractus mesopotamicus. 2016. Dissertação (Mestrado em Medicina Veterinária (Patologia Animal) [Jaboticabal]) - Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de São Paulo. Coorientador: Gustavo da Silva Claudiano.

Monografia de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização
1.
Ludmila Pereira e Silva. TOXOPLASMOSE: PREVENÇÃO E FATORES DE RISCO. 2012. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Higiene e Inspeção de Produtos de Origem Animal) - Qualittas - Instituto de Pós-Graduação. Orientador: Gustavo da Silva Claudiano.

Iniciação científica
1.
Eliana Torres do Nascimento. Sistema complemento no curso da sepse em Piaractus mesopotamicus infectados com Aeromonas hydrophila. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Zootecnia) - Universidade Federal do Oeste do Pará, Universidade Federal do Oeste do Pará. Orientador: Gustavo da Silva Claudiano.

2.
Vivian Cristian de Freitas Lima. Alterações morfológicas de leucócitos sanguíneos em Piaractus mesopotamicus infectados com Aeromonas hydrophila. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Zootecnia) - Universidade Federal do Oeste do Pará, Universidade Federal do Oeste do Pará. Orientador: Gustavo da Silva Claudiano.

Orientações de outra natureza
1.
Roberta Tapajós Siqueira. Rações e manejo alimentar de peixes: produção e sanidade. 2017. Orientação de outra natureza. (Zootecnia) - Universidade Federal do Oeste do Pará, Universidade Federal do Oeste do Pará. Orientador: Gustavo da Silva Claudiano.

2.
Hugo José Amorim de Macedo. Higiene e profilaxia nas pisciculturas dos Municípios da microrregião de Santarém-PA. 2017. Orientação de outra natureza. (Zootecnia) - Universidade Federal do Oeste do Pará, Universidade Federal do Oeste do Pará. Orientador: Gustavo da Silva Claudiano.

3.
Jair Christian Aquino da Silva. Eritrograma em teleósteos: ferramenta de diagnóstico. 2017. Orientação de outra natureza - Escola Estadual de Ensino Fundamental e Médio Pedro Álvares Cabral, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Gustavo da Silva Claudiano.

4.
Júnia Carolina Machado. Treinamento técnico em Patologia Veterinária. 2013. Orientação de outra natureza. (Medicina Veterinária) - Centro Universitário de Patos de Minas. Orientador: Gustavo da Silva Claudiano.

5.
Jéssica Borges da Silva. Treinamento técnico em Patologia Veterinária. 2013. Orientação de outra natureza. (Medicina Veterinária) - Centro Universitário de Patos de Minas. Orientador: Gustavo da Silva Claudiano.

6.
Larisse Naves. Estresse agudo e tilapias. 2013. Orientação de outra natureza. (Medicina Veterinária) - Centro Universitário de Patos de Minas. Orientador: Gustavo da Silva Claudiano.

7.
Sebastião Vicente Guimarães Rosa Júnior Guimarães. Treinamento técnico em Patologia Veterinária. 2013. Orientação de outra natureza. (Medicina Veterinária) - Centro Universitário de Patos de Minas. Orientador: Gustavo da Silva Claudiano.



Inovação



Patente
1.
 FERNANDES ETO, S. ; KUSUO ETO, A. ; Moraes, F. R. ; Moraes J.R.E. ; PIZAURO JUNIOR, J. M. ; FERNANDES, D. C. ; CLAUDIANO, GUSTAVO S. ; GONCALVES, A. M. ; SANTOS, L. F. J. ; Salvador, R. ; NAOMI ETO, A. ; BALBUENA, T. S. . RAÇÕES NUTRACÊUTICAS E SEUS USOS. 2015, Brasil.
Patente: Privilégio de Inovação. Número do registro: BR10201501415, título: "RAÇÕES NUTRACÊUTICAS E SEUS USOS" , Instituição de registro: INPI - Instituto Nacional da Propriedade Industrial. Depósito: 16/06/2015


Projetos de pesquisa


Educação e Popularização de C & T



Apresentações de Trabalho
1.
CLAUDIANO, GUSTAVO S.. Nutracêuticos na Resposta Imune em Teleósteos. 2017. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).


Cursos de curta duração ministrados
1.
CLAUDIANO, GUSTAVO DA SILVA; Moraes, F. R. ; Moraes J.R.E. ; SHIMADA, M. T. ; MARTINS, P. E. S. . Programa de Treinamento para Complementação de Formação Educacional. 2013. .

2.
CLAUDIANO, GUSTAVO S.; Otani, F.S. ; FUGIMURA, M. M. S. ; VAZ, L. J. ; SILVA, L. V. F. . Minicurso teórico-prático sobre hematologia comparada. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 21/01/2019 às 12:50:00