Antônio José Morais de Lima

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/3636432720077091
  • Última atualização do currículo em 19/11/2018


Mestre em Políticas Públicas e Sociedade pela Universidade Estadual do Ceará (UECE), é Graduado em Ciências Sociais, Bacharelado, pela Universidade Estadual do Ceará (UECE), participante do Grupo de Estudos e Pesquisas em Etnicidade (GEPE/UECE) e do Laboratório de Estudos em Movimento Étnico (LEME/UFCG), foi aluno bolsista da Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico (FUNCAP), onde participa das pesquisas: "Mobilizações de Professores Indígenas e Políticas Multiculturais" e "Políticas multiculturais: produção de saberes como redes de prática social e política". Realizou trabalho de campo para a produção de monografia e dissertação sobre o tema da educação indígena no Ceará. Possui um vídeo documentário sobre o tema da educação entre os índios Tapebas, em Caucaia/Ce Tem experiência na área de Antropologia, Etnologia Indígena, Educação e políticas públicas. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Antônio José Morais de Lima
Nome em citações bibliográficas
LIMA, Antônio. J. M. de


Formação acadêmica/titulação


2012 - 2014
Mestrado em Sociologia.
Universidade Estadual do Ceará, UECE, Brasil.
Título: Políticas Educacionais e Povos Indígenas: O Multiculturalismo Neoliberal e a Escola para os índios no Ceará (1995 - 2002),Ano de Obtenção: 2014.
Orientador: Jouberth Max Maranhão Piorsky Aires.
Bolsista do(a): Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico, FUNCAP, Brasil.
Palavras-chave: Etnologia Indígena; Multiculturalismo Neoliberal; Antropologia da Educação; Mobilizações Indígenas.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Políticas Públicas.
2007 - 2011
Graduação em ciências sociais.
Universidade Estadual do Ceará, UECE, Brasil.
Título: DE EDUCAÇÃO ESPECIAL À EDUCAÇÃO INDÍGENA: uma análise das políticas governamentais e seus impactos nas mobilizações indígenas no Ceará.
Orientador: Jouberth Max Maranhão Piorsky Aires.
Bolsista do(a): Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico, FUNCAP, Brasil.




Formação Complementar


2016 - 2016
Antropologia Mexicana. (Carga horária: 12h).
Universidade Estadual do Ceará, UECE, Brasil.
2010 - 2010
Doc.Web. (Carga horária: 450h).
Vila das Artes, VA, Brasil.
2008 - 2008
O Trabalho do Antropólogo em Situação de Perícia. (Carga horária: 20h).
Universidade Estadual do Ceará, UECE, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Estadual do Ceará, UECE, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - 2014
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Estudante de Mestrado, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Bolsista da Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - FUNCAP

Atividades

03/2012 - 02/2014
Pesquisa e desenvolvimento , Mestrado Acadêmico em Políticas Públicas e Sociedade (MAPPS), .

02/2013 - 06/2013
Estágios , Mestrado Acadêmico em Políticas Públicas e Sociedade (MAPPS), .

Estágio realizado
Estágio Docente na disciplina de Introdução à Antropologia (4 créditos), para o II Semestre do Curso de Ciências Socais da Universidade Estadual do Ceará, sob a supervisão do Professor Doutor Jouberth Max Maranhão Piorsky Aires..
03/2012 - 03/2013
Conselhos, Comissões e Consultoria, Mestrado Acadêmico em Políticas Públicas e Sociedade (MAPPS), .

Cargo ou função
Representante discente e Menbro da comissão de Bolsas do Mestrado Acadêmico em Políticas Públicas e Sociedade - MAPPS.
08/2012 - 12/2012
Estágios , Mestrado Acadêmico em Políticas Públicas e Sociedade (MAPPS), .

Estágio realizado
Estágio Docente na disciplina de Antropologia I (4 créditos), para o III Semestre do Curso de Ciências Socais da Universidade Estadual do Ceará, sob a supervisão do Professor Doutor Jouberth Max Maranhão Piorsky Aires..
2009 - 2011
Pesquisa e desenvolvimento , Grupo de estudos e Pesquisas em Etnicidades (GEPE), .


Prefeitura Municipal de Fortaleza, PMF, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - 2006
Vínculo: Estagiário, Enquadramento Funcional: Orientador Social - Projeto Agente Jovem, Carga horária: 20


Juizado da Infância e da Juventude de Fortaleza, JUIZADO, Brasil.
Vínculo institucional

2005 - 2005
Vínculo: Estagiário, Enquadramento Funcional: Voluntário, Carga horária: 12
Outras informações
O estágio tem locação no setor de Privação de Liberdade que atende a adolescentes infratores que encontram-se em regime de privação de liberdade nos Centros Educacionais da cidade de Fortaleza-CE



Linhas de pesquisa


1.
Teoria Antropológica
2.
Etnologia Indígena
3.
Antropologia da Educação
4.
Políticas Públicas
5.
Multculturalismo


Projetos de pesquisa


2010 - 2011
Políticas multiculturais: produção de saberes como redes de prática social e política
Descrição: Num contexto de uma etnografia sobre mobilizações dos índios Tapebas, bem como apoiando-me em outros casos etnográficos, esta investigação analisou a criação de espaços de participação indígena no contexto local e a produção daquilo que ficou conhecido como "conhecimento indígena" (ou termos correlatos: etnoconhecimento, cultura etc.). A pesquisa foca na produção, transmissão, reprodução de conhecimentos e saberes por meio da constituição de redes de prática social e política que estão intimamente conectadas aos agenciamentos estatais e outros atores do campo indigenista. Parte deste projeto foi realizado no Instituto Nacional de Antropologia e História, México.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Antônio José Morais de Lima - Integrante / Max Maranhão piorsky aires - Coordenador / Maíra Pereira Leão - Integrante / Pedro Victor Moura Lima - Integrante.
Financiador(es): Universidade Estadual do Ceará - Bolsa / Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
2009 - 2011
Mobilizações de Professores Indígenas e Políticas Multiculturai
Descrição: O objetivo desta pesquisa é explorar a relação entre a adoção das políticas multiculturais de educação escolar indígena no Ceará e a mobilização de professores indígenas. O reconhecimento jurídico da diferença cultural na América Latina, em meados da década de 1990, inaugurou mecanismos de gestão e uma gramática política apropriada para as políticas direcionadas às populações etnicamente diferenciadas. Face a estas políticas constitui-se importante mobilização de professores indígenas, reivindicando direitos educacionais e adequando seus discursos ao novo idioma político. Nesta pesquisa analiso o modo como os docentes produzem-se e são produzidos em meio a discursos, práticas políticas, imagens e agendas definidas por distintos agentes, sobretudo o Estado, que disputam em torno da definição das identidades indígenas e quase sempre reclamam por tradicionalidade, autenticidade, valorização e resgate da cultura.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (1) .

Integrantes: Antônio José Morais de Lima - Integrante / Max Maranhão piorsky aires - Coordenador.
Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa / Universidade Estadual do Ceará - Bolsa / Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro / Fundação Cearense de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Antropologia / Subárea: Teoria Antropológica.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Sociologia / Subárea: Fundamentos da Sociologia/Especialidade: Teoria Sociológica.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Políticas Públicas.
4.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Antropologia / Subárea: Antropologia da Política.
5.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Antropologia / Subárea: Etnologia Indígena/Especialidade: Antropologia da Educação.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.
Francês
Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Pouco, Escreve Pouco.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
AIRES, M. M. P.2010 AIRES, M. M. P. ; LIMA, Antônio. J. M. de . DEFININDO UMA POLÍTICA GOVERNAMENTAL: mapeando agentes, discursos e ações. Cadernos do LEME, v. 2, p. 98-123, 2010.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
LIMA, Antônio. J. M. de; AIRES, M. M. P. . Estado e Povos Indígenas: uma análise da perspectiva estatal das políticas de educação indígena no Ceará. In: XXIX Congresso Latino-americano de Sociologia, 2013, Santiago. Acta Científica XXIX Congreso de la Asociación Latinoamericana de Sociologia 2013. Santiago: Universidad de Chile, 2013.

2.
LIMA, Antônio. J. M. de. As Políticas e os Símbolos no 'Governo das Mudanças': O mito de Iracema e as mobilizações indígenas. In: XV CISO - Encontro Norte e Nordeste de Ciências Sociais Pré-Alas Brasi, 2012, Teresina. Anais do 15º Encontro de Ciências Sociais do Norte e Nordeste, 2012.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
LIMA, Antônio. J. M. de. As Políticas e os Símbolos no "Governo das Mudanças": O mito de Iracema e as mobilizações indígenas. In: XV CISO - Encontro Norte e Nordeste de Ciências Sociais Pré-Alas Brasil, 2012, Teresina. XV CISO - Encontro Norte e Nordeste de Ciências Sociais Pré-Alas Brasil, 2012.

Apresentações de Trabalho
1.
LIMA, Antônio. J. M. de; AIRES, M. M. P. . Estado e Povos Indígenas: uma análise da perspectiva estatal das políticas de educação indígena no Ceará. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

2.
LIMA, Antônio. J. M. de; AIRES, M. M. P. . Uma Etnografia dos Agentes Estatais que Atuam com as Políticas de Educação Indígena. 2012. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

3.
LIMA, Antônio. J. M. de. Mobilização de Professores Indígenas: o cultural e o político entre os índios Tapeba. 2011. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

4.
LIMA, Antônio. J. M. de; SPINOSA, S. A. . A Escola Indígena Tapeba. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).

5.
LIMA, Antônio. J. M. de. A Escola Indígena Tapeba: o movimento de professores indígenas e o. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

6.
LIMA, Antônio. J. M. de. O Cultural e o Político na Festa da Carnaúba entre os índios Tapebas. 2009. (Apresentação de Trabalho/Outra).

7.
LIMA, Antônio. J. M. de. Feira Cultural Tapeba: O Cultural e o Político nas Mobilizações de Professores Indígenas. 2009. (Apresentação de Trabalho/Outra).


Produção artística/cultural
Artes Visuais
1.
LIMA, Antônio. J. M. de; SPINOSA, S. A. . A Escola Indígena Tapeba. 2010. Vídeo.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
XXIX Congresso Latino-americano de Sociologia. Estado e Povos Indígenas: uma análise da perspectiva estatal das políticas de educação indígena no Ceará. 2013. (Congresso).

2.
XVII Semana Universitária: Informação e tecnologia para sustentabilidade: os desafios da universidade.Uma Etnografia dos Agentes Estatais que Atuam com as Políticas de Educação Indígena. 2012. (Seminário).

3.
IV Seminário do Laboratório de Estudos em Movimentos Étnicos & IV Mostra LEME de Fotografia e Filme Etnográfico.Mobilização de Professores Indígenas: o cultural e o político entre os índios Tapeba. 2011. (Seminário).

4.
III SEMINÁRIO DO LABORATÓRIO DE MOVIMENTOS ÉTNICOS & III MOSTRA LEME DE FOTOGRAFIA E FILME ETNOGRÁFICOS. 2010. (Seminário).

5.
XV Semana Universitária: ciências para a humanidade.A Escola Indígena Tapeba: o movimento de professores indígenas e o "resgate da cultura". 2010. (Outra).

6.
III Encontro de Ciências Sociais do Estado do Ceará.O Cultural e o Político na Festa da Carnaúba entre os índios Tapebas. 2009. (Encontro).

7.
XIV Encontro Regional dos Estudantes de Ciências Sociais Norte/Nordeste. 2009. (Encontro).

8.
XIV Semana Universitária - Universidade, Estado e Sociedade.Feira Cultural Tapeba: O Cultural e o Político nas Mobilizações de Professores Indígenas. 2009. (Encontro).

9.
IX Simpósio Intrenacional de Filosofia: Nietzsche e Deleuze - A Inocência do Devir/O Devir Criança do Pensamento. 2008. (Simpósio).

10.
XXIII Encontro Nacional de Estudantes de Ciências Sociais - As Ciências Sociais Pensando o Mundo: os conflitos da diversidade e as incertezas contemporâneas. 2008. (Encontro).

11.
II Encontro de Ciências Sociais do Estado do Ceará - Democracias e Novas Utopias. 2007. (Encontro).

12.
XIII Encontro Regional dos Estudantes de Ciências Sociais. 2007. (Encontro).

13.
Documento, História e Pesquisa. 2005. (Outra).

14.
I Encontro de Ciências Sociais do Estado do Ceará - Saberes em Mundos Ligeiros. 2005. (Encontro).

15.
XXVIII Semana de Ciências Sociais e III Semana de Ciências Políticas: Sociedade e Cultura Política. 2005. (Seminário).

16.
Seminário 1964 - Memórias e Reflexôes de Um Tempo. 2004. (Seminário).

17.
V Simpósio Intrenacional de Filosofia: Nietzsche e Deleuze - Arte e Resistência. 2004. (Simpósio).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
AIRES, M. M. P. ; LIMA, Antônio. J. M. de . III MOSTRA LEME DE FOTOGRAFIAS E FILMES ETNOGRÁFICOS. 2010. (Outro).

2.
AIRES, M. M. P. ; LIMA, Antônio. J. M. de . III SEMINÁRIO DO LABORATÓRIO DE MOVIMENTOS ÉTNICOS. 2010. (Outro).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 23/01/2019 às 12:47:17