Ricardo Luiz Filipo

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/0218483015859875
  • Última atualização do currículo em 23/04/2010


Tem experiência nas áreas de Ciência da computação, Comunicação, Marketing e Artes. Possui graduação em Violão pela Universidade Federal do Rio de Janeiro (1995) e mestrado em Música - Conservatório Brasileiro de Música - Centro Universitário (1997). (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Ricardo Luiz Filipo
Nome em citações bibliográficas
FILIPO, R. L.


Formação acadêmica/titulação


1995 - 1997
Mestrado em Música.
Conservatório Brasileiro de Música - Centro Universitário, CBM-CEU, Brasil.
Título: Expressão musical na internet,Ano de Obtenção: 1997.
Orientador: Mauro Sá Rego Costa.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior.
Palavras-chave: música; internet; midi; inteligência coletiva; psico-música; criação coletiva.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Ciência da Computação / Subárea: Metodologia e Técnicas da Computação / Especialidade: Sistemas de Informação.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Sociologia / Subárea: Sociologia do Conhecimento.
Grande Área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Artes / Subárea: Música.
Setores de atividade: Correio e Telecomunicações; Atividades Recreativas, Culturais e Desportivas; Educação.
1980 - 1995
Graduação em Bacharelado em violão.
Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
1975 - 1977
Curso técnico/profissionalizante.
Universidade Presbiteriana Mackenzie.
1967 - 1974
Ensino Fundamental (1º grau).
Colégio Santo Agostinho.




Atuação Profissional



Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
Vínculo institucional

2004 - 2005
Vínculo: Professor vistante, Enquadramento Funcional: professor, Carga horária: 4
Outras informações
Cursos sobre Blender, Gimp, design e Software Livre. Cursos de extensão. Cursos de pós graduação.

Atividades

01/2004 - 06/2005
Ensino, Blender: Computação Gráfica em Software Livre, Nível: Aperfeiçoamento

Disciplinas ministradas
Blender

Instituto Militar de Engenharia, IME, Brasil.
Vínculo institucional

2004 - 2005
Vínculo: Professor vistante, Enquadramento Funcional: professor, Carga horária: 4
Outras informações
Cursos de extensão. Software Livre, Joomla-Mambo, PHP, Gimp, Webdesign.

Atividades

01/2004 - 12/2005
Ensino, Webdesign, Nível: Aperfeiçoamento

Disciplinas ministradas
Gimp
Joomla

Centro de Tecnologia de Informação e Comunic. do Estado do Rio de Janeiro, PRODERJ, Brasil.
Vínculo institucional

2003 - 2006
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: coordenador, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Coordenador e criador do PSL-RJ (Projeto Software do Estado do Rio de Janeiro)

Atividades

01/2003 - 12/2005
Direção e administração, gsl, .

Cargo ou função
coordenador.
01/2003 - 12/2005
Pesquisa e desenvolvimento , gsl, .

Linhas de pesquisa
php
e-ping
web semântica

Universidade Estácio de Sá, UNESA, Brasil.
Vínculo institucional

1997 - 2003
Vínculo: professor auxiliar, Enquadramento Funcional: coordenador, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Criador do curso de graduação tecnológica "Gestão em ambientes de software livre" Coordenador dos cursos de informática: Webdesign, Redes, Software Livre

Atividades

01/2001 - 09/2003
Ensino, Ambientes de Software Livre, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Algoritmos
Linguagens de programação
Empreendedorismo
Sistemas operacionais
Scripts
Filosofia do Software Livre
01/1999 - 09/2003
Direção e administração, Vice-Reitoria de Graduação, Instituto Politécnico.

Cargo ou função
Coordenador de Curso.
01/1999 - 09/2003
Ensino, Análise, Projeto e Gerência de Sistemas, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
Gerencia de projetos
Java
Programação na Web
01/1998 - 09/2003
Ensino, Rede de computadores, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
sistemas operacionais
01/1998 - 08/2003
Ensino, Webdesign, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
html
Negócios na Internet
Programação na web

Conservatório Brasileiro de Música - Centro Universitário, CBM-CEU, Brasil.
Vínculo institucional

1985 - 1997
Vínculo: Professor titular, Enquadramento Funcional: coordenador, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Professor titular da cadeira de violão. Cursos de extensão. Cursos de graduação.

Atividades

01/1988 - 09/1997
Ensino, Bacharelado em violão, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
violão


Linhas de pesquisa


1.
php
2.
e-ping
3.
web semântica


Áreas de atuação


1.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Artes / Subárea: Música.
2.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Ciência da Computação.


Idiomas


Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Inglês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Espanhol
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.
Francês
Compreende PoucoLê Pouco.
Italiano
Compreende PoucoLê Pouco.


Produções



Produção técnica
Programas de computador sem registro
1.
Inez Oliveira ; FILIPO, R. L. . atelier.mitologica. 2009.

2.
FILIPO, R. L.; Eduardo Stefani ; Inez Oliveira . kobkob. 2009.

3.
FILIPO, R. L.. Radar Saber - Interface humana. 2006.

Produtos tecnológicos
1.
FILIPO, R. L.; Inez Oliveira ; Fabio Destri . TagFashion. 2009.

Trabalhos técnicos
1.
FILIPO, R. L.; Inez Oliveira . Comunicação visual HSM EXPO MANAGEMENT 2008. 2008.


Demais tipos de produção técnica
1.
FILIPO, R. L.. Java Enterprise. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).


Produção artística/cultural
Outras produções artísticas/culturais
1.
FILIPO, R. L.. bgedc. 2009. (Composição musical/Orquestra).



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
3o Painel de Tendências do curso de Comunicação Social da Univercidade Cidade de São Paulo.Agências de publicidade e Software Livre. 2009. (Seminário).

2.
Seminário Propriedade Intelectual: Interfaces e desafios.Mesa sobre Tecnologia da Informação e da Comunicação. 2004. (Seminário).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Paulo Coelho ; FILIPO, R. L. ; Jayme Alvarez ; Roberto Pimentel . II Fórum de Software Livre do Rio de Janeiro. 2004. (Congresso).

2.
FILIPO, R. L.; Jayme Alvarez ; Roberto Pimentel . I Encontro de Software Livre da Estácio. 2003. (Congresso).

3.
FILIPO, R. L.; Roberto Pimentel ; Jayme Alvarez . II Encontro de Software Livre da Estácio. 2003. (Congresso).



Outras informações relevantes


Ricardo Luiz Filipo, brasileiro, nascido no Rio de Janeiro, no ano de 1960. Sua vida orbitou entre as cidades do Rio de Janeiro e São Paulo, onde estudou e trabalhou na maior parte da sua história.

Menino sempre curioso e ativo, aos 3 anos já sabia ler e escrever e aos 9 anos já havia construido um rádio e diversos circuitos com seu ferro de solda e peças que comprava, com seu pai, na rua Santa Ifigênia.  No ano de 1972 foi ser o mascote, com 12 anos de idade, numa turma do curso de circuitos lógicos, na USP, Universidade do Estado de São Paulo. A Universidade ficava perto da sua casa e foi lá que se iniciou na ciência da tecnologia e fez amigos mais velhos que ele. 
Sempre o melhor aluno nas escolas onde estudou e por isso mesmo pouco aceito socialmente, ele não fazia parte dos populares da escola. Mas  bad boys  o recebiam bem, Ricardo já demonstrava a vocação para professor, já gostava de ensinar e assim sua função social sempre foi a de  guru , mestre e mentor, liderando turmas e grupos.

A vida foi assim daí em diante, música e computação, computação e música. Bacharelado, pós graduações e mestrado aconteceram no meio de toda essa atividade,   e suas responsabilidades o obrigaram a trabalhar ainda mais e a dedicar a maior parte do seu tempo ao magistério e às atividades com TI, especialmente no governo do estado do Rio de Janeiro e em projetos desenvolvidos pelas empresas onde trabalhou, sempre em cargos de direção.

A arte e o aprendizado da música é semelhante à arte da TI. Circulam na esfera do abstrato, da lógica e da matemática, sempre desafiando a criatividade e a inteligência. Sua sempre presente atividade no mundo acadêmico o fizeram um dos mais destacados personagens do  software livre  no Brasil, tendo criado entidades e liderado diversos grupos de técnicos, professores e empresários no movimento. 

A música já não é tão presente. Em seu universo real agora toma lugar o design do ambiente virtual .



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 09/12/2018 às 20:33:33