Rafael da Silva Noleto

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/2145625844719060
  • Última atualização do currículo em 27/12/2018


Professor Adjunto da Universidade Federal de Pelotas, atuando no curso de graduação em Ciências Musicais nas áreas de Etno/Musicologia, Antropologia e Estudos de Gênero e Sexualidade. Doutor em Antropologia Social (PPGAS/USP). Mestre em Antropologia (PPGA/UFPA). Graduado em Música (UEPA). Possui interesse em temáticas ligadas aos seguintes campos de investigação: Etno/Musicologia, Teoria Antropológica, Estudos de Gênero e Sexualidade, Performance, Culturas Populares e Dança. É pesquisador do Grupo de Pesquisa em Ciências Musicais (CIMUS/UFPel) e do Núcleo dos Marcadores Sociais da Diferença (NUMAS/USP). Suas pesquisas buscam conectar temáticas pertinentes à Música e à Dança aos estudos interseccionais de gênero, sexualidade, raça e classe social. Tem experiência nas áreas de Antropologia e Artes (com ênfase em Música e Dança). (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Rafael da Silva Noleto
Nome em citações bibliográficas
NOLETO, Rafael;NOLETO, RAFAEL DA SILVA


Formação acadêmica/titulação


2013 - 2016
Doutorado em Ciência Social (Antropologia Social).
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: Brilham estrelas de São João: gênero, raça e sexualidade em performance nas festas juninas de Belém - PA, Ano de obtenção: 2016.
Orientador: Laura Moutinho.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Festas Juninas; Marcadores Sociais da Diferença; Ritual; Performance; Belém.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Antropologia / Subárea: Gênero e Sexualidade.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Antropologia / Subárea: Antropologia Urbana.
2011 - 2012
Mestrado em ANTROPOLOGIA.
Universidade Federal do Pará, UFPA, Brasil.
Título: Poderosas, Divinas e Maravilhosas: o imaginário e a sociabilidade homossexual masculina construídos em torno das cantoras de MPB,Ano de Obtenção: 2012.
Orientador: Cristina Donza Cancela.
Palavras-chave: Música; MPB; Canto popular; Homossexualidade Masculina; Gênero e Sexualidade.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Antropologia.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Antropologia / Subárea: Gênero e Sexualidade.
2007 - 2010
Graduação em Licenciatura Plena em Música.
Universidade do Estado do Pará, UEPA, Brasil.
Título: Meu nome é Gal: um grito feminino no Tropicalismo.
Orientador: Lívia Alexandra Negrão Braga.




Formação Complementar


2011 - 2011
Francês Instrumental. (Carga horária: 90h).
Universidade Federal do Pará, UFPA, Brasil.
2009 - 2009
Extensão universitária em ATeoria Espiral de Swanwick. (Carga horária: 30h).
Universidade do Estado do Pará, UEPA, Brasil.
2009 - 2009
Literatura e Sociedade. (Carga horária: 3h).
Universidade do Estado do Pará, UEPA, Brasil.
2008 - 2008
Extensão universitária em Introdução à Criação Musical. (Carga horária: 30h).
Universidade do Estado do Pará, UEPA, Brasil.
2008 - 2008
Carimbó: Patrimônio Nosso. (Carga horária: 12h).
Secretaria de Estado de Cultura do Pará, SECULT, Brasil.
2008 - 2008
Leitura Interpretativa de Textos de Max Martins. (Carga horária: 10h).
Secretaria de Estado de Cultura do Pará, SECULT, Brasil.
2005 - 2005
Interpretação para atores. (Carga horária: 12h).
Instituto de Artes do Pará, IAP, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal de Pelotas, UFPEL, Brasil.
Vínculo institucional

2018 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Professor Adjunto no curso de Ciências Musicais

Atividades

08/2018 - 12/2018
Ensino, Música - Ciências Musicais, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
A canção popular nos séc. XX e XXI
Musicologia IV
Práticas Musicais em Contextos Urbanos
Projeto de Pesquisa em Música I
Projeto Especial em Música III - Música, gênero e sexualidade
Projeto Especial em Música IV - Antropologia Cultural
08/2018 - 12/2018
Ensino, Antropologia, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Teoria Antropológica II

Universidade Federal do Tocantins, UFT, Brasil.
Vínculo institucional

2015 - 2018
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Professor Adjunto no Programa de Pós-Graduação em Cultura e Território (PPGCult/UFT) e no curso de Licenciatura em Ciências Sociais

Atividades

07/2017 - 08/2018
Conselhos, Comissões e Consultoria, Campus Tocantinópolis, .

Cargo ou função
Presidente do Núcleo Docente Estruturante (NDE) do curso de Licenciatura em Ciências Sociais.
05/2017 - 08/2018
Conselhos, Comissões e Consultoria, Campus Tocantinópolis, .

Cargo ou função
Representante Docente no Conselho Diretor do Campus de Tocantinópolis.
02/2017 - 08/2018
Conselhos, Comissões e Consultoria, Campus Tocantinópolis, .

Cargo ou função
Membro da Comissão de Constituição do Repositório Institucional da UFT.
03/2016 - 08/2018
Conselhos, Comissões e Consultoria, Campus Tocantinópolis, .

Cargo ou função
Membro do Grupo de Trabalho (GT) de Pesquisa do Campus de Tocantinópolis.
03/2018 - 07/2018
Ensino, Ciências Sociais, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Antropologia I (2018.1)
Antropologia III (2018.1)
08/2017 - 12/2017
Ensino, Ciências Sociais, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Antropologia II (2017.2)
Cultura Política e Patrimônio (2017.2)
03/2017 - 07/2017
Ensino, Ciências Sociais, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Antropologia III (2017.1)
Antropologia Urbana e Rural (2017.1)
02/2017 - 06/2017
Outras atividades técnico-científicas , Campus Tocantinópolis, Campus Tocantinópolis.

Atividade realizada
Coordenador de Área do Programa Institucional de Bolsas de Iniciação à Docência (PIBID) do curso de Licenciatura em Ciências Sociais.
08/2016 - 03/2017
Ensino, Ciências Sociais, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Antropologia II
Tópicos Especiais em Antropologia: Ritual, Festa e Performance
03/2016 - 07/2016
Ensino, Ciências Sociais, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Antropologia II
Movimentos Sociais e Desenvolvimento Regional
11/2015 - 04/2016
Ensino, Educação do Campo - Tocantinópolis, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Prática Coral II
Seminário Integrador IV
02/2016 - 02/2016
Ensino, Gênero e Diversidade na Escola, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
Módulo 5 - Metodologia de Pesquisa (Campus Palmas)
Módulo 5 - Metodologia de Pesquisa (Polo Araguatins - UAB)
10/2015 - 10/2015
Ensino, Gênero e Diversidade na Escola, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
Módulo 3 - Sexualidade (Polo Araguatins - UAB)
05/2015 - 09/2015
Ensino, Educação do Campo - Tocantinópolis, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Prática Coral I (Turma A)
Prática Coral I (Turma B)
Seminário Integrador III

Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - 2014
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Monitor, Carga horária: 6
Outras informações
Monitoria realizada na disciplina "Antropologia das Emoções: modos de (re)construção e regulação da vida social" ministrada pela Prof.ª Dr.ª Laura Moutinho Esta disciplina tem por objetivo abordar temáticas presentes, mas em parte resistentes às análises antropológicas como a emoção e a moral. O foco deste curso incidirá sobre a dimensão micro-politica da emoção, dos sentimentos e da moral na (re)construção do tecido social, especialmente em contextos sociais expostos a um tipo de violência reconhecida ?sob o signo do horror?, como o apartheid, por exemplo. Neste sentido, dor, ressentimento, perdão e reconciliação, compaixão e desprezo serão explorados e analisados tanto da forma como ecoam nas relações pessoais e nas negociações cotidianas (na domesticação ou não da violência e do racismo, por exemplo) quanto nos eventos políticos mais amplos (desde revoltas populares às comissões de verdade). Ao explorar as emoções e a moral de um ponto de vista sócio-antropológico, político e histórico espera-se dar inteligibilidade a processos sociais e a construções de coletividades, identidades e sujeitos que se posicionam de modo político e subjetivo a partir de experiências de dor e sofrimento. Pretende-se, portanto retirar as emoções da sua zona de conforto ? a ordem do privado ? e interpelá-la enquanto uma prática discursiva, permeada por relações de poder, que conformam sujeitos, políticas e coletividades. Eixos de análises: possibilidades sociais de expressão da dor e do sofrimento; a linguagem dos direitos humanos na contemporaneidade: sujeitos, práticas e resistências; (des)construindo reputações: rumores, honra e vergonha; a construção de si; marcadores sociais da diferença, tempo e espaço; políticas de raça, gênero, sexualidade e identidades nacional: sob a ótica do sofrimento, da moral e da compaixão.


Universidade Federal do Pará, UFPA, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - 2013
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Universidade do Estado do Pará, UEPA, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - 2015
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Agente Administrativo, Carga horária: 30
Outras informações
Servidor Efetivo aprovado em Concurso Público regido pelo Edital 09/2008 (SEAD/UEPA). Atuação como Agente Administrativo na Coordenação do curso de Licenciatura Plena em Música (UEPA).

Vínculo institucional

2007 - 2008
Vínculo: Estágio, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 20
Outras informações
Desenvolvimento de atividades relacionadas à produção de recitais, palestras e espetáculos promovidos pelo Núcleo de Arte e Cultura da Pró-Reitoria de Extensão da Universidade do Estado do Pará.


Escola de Música da UFPA, EMUFPA, Brasil.
Vínculo institucional

2010 - 2010
Vínculo: Estágio, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 6
Outras informações
Atividade desenvolvida como pré-requisito de avaliação na disciplina Estágio Supervisionado do curso de Licenciatura Plena em Música (UEPA). Atendimento às turmas de Canto Coral Infantil, Canto Coral Juvenil, Flauta Doce Iniciante e Flauta Doce Avançado.

Vínculo institucional

2005 - 2006
Vínculo: Estágio, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 20
Outras informações
Assessoramento nas atividades de produção de recitais, mostras de música, festivais e eventos relacionados às atividades acadêmicas da EMUFPA.


Fundação Cultural do Pará Tancredo Neves, FCPTN/CENTUR, Brasil.
Vínculo institucional

2004 - 2005
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Preparador Vocal da Companhia das Artes, Carga horária: 30
Outras informações
Atuação como preparador vocal, cantor, ator e bailarino da Companhia das Artes (Grupo de Experimentação Cênica da FCPTN/CENTUR)



Projetos de pesquisa


2017 - 2018
Gênero, Raça, Etnicidade e Sexualidade em Contextos Amazônicos
Descrição: O Projeto de Pesquisa Gênero, Raça, Etnicidade e Sexualidade em Contextos Amazônicos tem como objetivo geral fomentar o desenvolvimento de pesquisas no campo da Antropologia e Etnomusicologia, cujas problemáticas girem em torno de quatro eixos de discussão, a saber: gênero, raça, etnicidade e sexualidade. Pretende-se debater estas temáticas a partir de pesquisas etnográficas em contextos culturalmente específicos, situados geograficamente na Amazônia brasileira. Busca-se contemplar pesquisas desenvolvidas tanto em espaços urbanos quanto em contextos rurais, desde que situados no âmbito da Amazônia Legal. Assim, intenta-se reunir pesquisadores/as, vinculados/as a diversas universidades brasileiras, interessados/as em discutir questões relativas à emergência de sujeitos políticos marcados por gênero, Etnicidade, raça e sexualidade na região amazônica. Entende-se que esses agentes sociais integram e constroem redes de relações sociais, políticas, culturais e afetivas em seus contextos de interação, produzindo modos de vida específicos, formando coletivos políticos e culturais, constituindo-se como sujeitos de diretos frente aos avanços de políticas contrárias ao amplo acesso a direitos civis e sociais, afirmando suas identidades étnico-raciais a partir de elementos expressivos característicos do campo da arte, reivindicando politicas de reconhecimento e redistribuição..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (2) .

Integrantes: Rafael da Silva Noleto - Coordenador / Fabiano de Souza Gontijo - Integrante / Silvana de Souza Nascimento - Integrante / Laila Andresa Cavalcante Rosa - Integrante / Líliam Cristina Barros Cohen - Integrante / Caroline Soares da Silva - Integrante / Éven Bandeira Gonçalves - Integrante / Welitânia de Oliveira Rocha - Integrante / Lidiane Da Conceicao Alves - Integrante / Jorgete Maria Portal Lago - Integrante / Thiago de Lima Oliveira - Integrante / Vandeildes Almeida de Jesus - Integrante.
2013 - 2016
Brilham estrelas de São João: gênero, raça e sexualidade em performance nas festas juninas de Belém - Pará
Descrição: Este projeto de pesquisa objetiva analisar o protagonismo feminino, homossexual, travesti e transgênero nas festas juninas do Estado do Pará. A partir de etnografia produzida no contexto dos concursos juninos promovidos pela Prefeitura de Belém e pelo Governo do Estado do Pará, propõe-se abordar as festas juninas como um momento de congregação social ritualizado, partindo do pressuposto de que a participação destes sujeitos (mulheres, homossexuais, travestis e transgêneros) neste contexto festivo pode oferecer importantes informações acerca das relações de gênero e das convenções de sexualidade e moralidade vigentes neste lócus etnográfico. Assim, numa abordagem que privilegia a análise do contexto etnográfico a partir da problematização de marcadores sociais da diferença (raça, classe, gênero, sexualidade, geração), esta pesquisa dedica-se ao entendimento dos modos de inserção de certos sujeitos, com identidades de gênero e sexualidades diversas, na produção e no protagonismo das festas juninas do Estado do Pará. A intenção é dar inteligibilidade a um tenso processo de reconhecimento de certos sujeitos no contexto de realização de uma festa popular produzida pelo Estado, mas não apenas por ele..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Rafael da Silva Noleto - Coordenador.
2011 - 2013
Poderosas, divinas e maravilhosas: o imaginário e a sociabilidade homossexual masculina construídos em torno das cantoras de MPB
Descrição: Esta pesquisa aborda, sob o ponto de vista da Antropologia, o imaginário e a sociabilidade homossexual que são construídos em torno das cantoras pertencentes à Música Popular Brasileira. Dessa forma, este trabalho se dedica a analisar quais os significados subjacentes às noções de ?poder?, ?divindade? e ?glamour? frequentemente atribuídas por fãs homossexuais às cantoras brasileiras de sua preferência. Este trabalho aborda ainda outros aspectos relativos à construção de processos de performatividade de gênero e às relações de caráter afetivo, sexual e social que estes fãs homossexuais desenvolvem a partir do compartilhamento de um gosto musical em comum por cantoras..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.

Integrantes: Rafael da Silva Noleto - Coordenador.


Projetos de extensão


2018 - 2018
Ciclo de Debates Música e Sociedade
Descrição: As Ciências Sociais integram um campo de estudos interessado nas realizações humanas coletivamente organizadas. Nesse sentido, entende-se que as práticas musicais são organizadas a partir de grupos humanos unificados sob certas concepções societárias e modelos culturais específicos. Assim, a Música se configura como objeto de interesse da Antropologia e Sociologia na medida em que revela os aspectos sociais envolvidos nas mais diversas formas de fazer musical. O presente Ciclo de Debates ?Música e Sociedade? tem como objetivo explorar a interface entre os estudos em Música, Antropologia e Sociologia, evidenciando pontos de contato entre essas três áreas de conhecimento a partir da discussão de pesquisas contemporâneas desenvolvidas por docentes da Universidade Federal do Tocantins que atuam nessas duas frentes do saber. Realizado no âmbito do curso de Licenciatura em Ciências Sociais, sob coordenação do Prof. Dr. Rafael da Silva Noleto, o Ciclo de Debates ?Música e Sociedade? visa aproximar pesquisadores da UFT que atuam no campo da Música nas mais diversas perspectivas. A intenção é estreitar o diálogo entre o curso de Ciências Sociais e outros cursos de graduação da UFT como, por exemplo, o curso de Educação do Campo (Campus Tocantinópolis). O projeto contempla cinco eixos de debates, a saber: 1) Música, Gênero e Sexualidade; 2) Música e Radioteatro; 3) Música e projetos Sociais; 4) Música e Etnologia; 5) Música Popular e Indústria Cultural. A ideia do projeto é compartilhar, com uma linguagem mais acessível e para um público mais amplo, as pesquisas desenvolvidas por docentes da UFT, realizando dessa forma uma divulgação da produção intelectual da UFT para uma comunidade maior, extrapolando os muros da Universidade..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (60) .

Integrantes: Rafael da Silva Noleto - Coordenador / Marcus Bonilla - Integrante / Leon de Paula - Integrante / José Jarbas Pinheiro Ruas - Integrante / Anderson Brasil - Integrante.
2016 - 2016
I Ciclo de Debates GESCI
Descrição: Diante de um contexto brasileiro contemporâneo em que, por um lado, direitos sexuais estão sendo amplamente debatidos na cena pública e, por outro lado, os direitos dos povos tradicionais são paulatinamente cerceados, este ciclo de debates visa aprofundar o olhar sobre os povos tradicionais e populações em contexto urbano/rural (indígenas, quilombolas, camponeses, movimentos sociais do campo), tratando especificamente de questões como gênero, sexualidade em diálogo com a etnicidade dos sujeitos pesquisados pelo GESCI (grupo de pesquisa em Gênero, Etnicidade, Sexualidade em Contextos Interétnicos). Fazem parte deste debate, aspectos relacionados às culturas populares e manifestações artísticas (dança, música e performances em geral) presentes nesses contextos étnicos específicos e que, do ponto de vista da proposta do GESCI, serão abordados numa perspectiva interseccional na qual essas culturas populares são problematizadas a partir dos marcadores sociais da diferença (especialmente gênero, etnicidade e sexualidade) que constituem os sujeitos de pesquisa e informam sobre suas práticas culturais..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (15) .

Integrantes: Rafael da Silva Noleto - Coordenador / Bruno dos Santos Hammes - Integrante.
Financiador(es): Universidade Federal do Tocantins - Outra.


Membro de corpo editorial


2014 - 2015
Periódico: Cadernos de Campo (USP. 1991)


Revisor de periódico


2014 - Atual
Periódico: Ponto.Urbe (USP)
2015 - Atual
Periódico: Trans (Barcelona)
2014 - Atual
Periódico: Journal of Music and Dance
2016 - Atual
Periódico: Amazônica: Revista de Antropologia (Online)
2017 - Atual
Periódico: Religião e Sociedade
2017 - Atual
Periódico: Revista Equatorial
2018 - Atual
Periódico: LATIN AMERICAN RESEARCH REVIEW
2018 - Atual
Periódico: Revista Brasileira de Educação do Campo
2018 - Atual
Periódico: REVISTA ESTUDOS FEMINISTAS
2018 - Atual
Periódico: PROA: Revista de Antropologia e Arte


Áreas de atuação


1.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Artes / Subárea: Antropologia.
2.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Artes / Subárea: Música.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Antropologia / Subárea: Etnomusicologia.
4.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Artes / Subárea: Gênero e Sexualidade.


Idiomas


Inglês
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Alemão
Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.
Francês
Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
NOLETO, Rafael2018 NOLETO, Rafael. Casamento em performance, parentesco em questão: gênero e sexualidade no São João de Belém, Pará. CADERNOS PAGU, p. 10.1590/1809444, 2018.

2.
NOLETO, Rafael2018NOLETO, Rafael. Banalidade do mal, anestesia cultural, comunidades sexualizadas e transfeminismos: algumas reflexões. Revista Brasileira de Estudos da Homocultura (REBEH), v. 01, p. 78-94, 2018.

3.
NOLETO, Rafael2018NOLETO, Rafael. ... é tudo somente sexo e amizade: cantoras brasileiras como mediadoras de relações afetivas e sexuais entre homens gays. PONTO URBE, v. 1, p. 01-24, 2018.

4.
NOLETO, Rafael2018 NOLETO, Rafael. COR DE JAMBO E OUTROS MATIZES AMAZÔNICOS: SOBRE A ABOLIÇÃO DA MULATA E O ADVENTO DA MORENA CHEIROSA NAS FESTAS JUNINAS DE BELÉM. MANA (RIO DE JANEIRO. ONLINE), v. 24, p. 132-173, 2018.

5.
NOLETO, RAFAEL DA SILVA2017NOLETO, RAFAEL DA SILVA. -BABADOS, XOTES E XAXADOS-: NOTAS SOBRE FESTA, RITUAL E MARCADORES SOCIAIS DA DIFERENÇA NA QUADRA JUNINA DE BELÉM. Amazônica: Revista de Antropologia, v. 8, p. 198-221, 2017.

6.
1NOLETO, Rafael2016 NOLETO, Rafael. O canto da laicidade: Daniela Mercury e o debate sobre casamento civil igualitário no Brasil. Religiao & Sociedade, v. 36, p. 136-160, 2016.

7.
NOLETO, RAFAEL DA SILVA2016NOLETO, RAFAEL DA SILVA. Religião e sexualidade: dilemas contemporâneos brasileiros. CADERNOS PAGU, v. 1, p. 471-479, 2016.

8.
3NOLETO, Rafael2015NOLETO, Rafael. DEVOTAS E DIVINAS: REFLEXÕES SOBRE AS PERFORMANCES DE SACRALIZAÇÃO DAS CANTORAS DE MPB NO CONTEXTO RITUAL DO CÍRIO DE NAZARÉ EM BELÉM, PARÁ, AMAZÔNIA. Amazônica: Revista de Antropologia (Impresso), v. 7, p. 210-242, 2015.

9.
NOLETO, RAFAEL DA SILVA2015NOLETO, RAFAEL DA SILVA. Antropologia e Performance: Ensaios Napedra. PONTO URBE, v. (1), p. 1-7, 2015.

10.
NOLETO, Rafael2015NOLETO, Rafael. Gênero e etnicidade: intersecções possíveis. REVISTA DE ANTROPOLOGIA, v. (2), p. 463-471, 2015.

11.
NOLETO, Rafael2015NOLETO, Rafael; NEGRAO, Marcus V. N. . Feminilidades coreografadas: gênero, sexualidade e raça nas festas juninas em Belém, Pará. Amazônica: Revista de Antropologia, v. 7(1), p. 264-277, 2015.

12.
8NOLETO, Rafael;NOLETO, RAFAEL DA SILVA2014NOLETO, Rafael. 'Eu sou uma fruta 'gogóia', eu sou uma moça': Gal Costa e o Tropicalismo no feminino. PER MUSI (ONLINE), p. 64-75, 2014.

13.
6NOLETO, Rafael2014 NOLETO, Rafael. 'Brilham estrelas de São João!': notas sobre os concursos de 'Miss Caipira Gay' e 'Miss Caipira Mix' em Belém (PA). Sexualidad, Salud y Sociedad (Rio de Janeiro), v. 00, p. 74-110, 2014.

14.
7NOLETO, Rafael2014NOLETO, Rafael. ?Brilham estrelas de São João!?: homossexualidades e travestilidades masculinas nas festas juninas do Pará. Novos Debates - fórum de debates em antropologia, v. 1, p. 27-32, 2014.

15.
NOLETO, RAFAEL DA SILVA2014NOLETO, RAFAEL DA SILVA. Festa como perspectiva e em perspectiva. CADERNOS DE CAMPO (USP), v. 22, p. 363-367, 2014.

16.
10NOLETO, Rafael;NOLETO, RAFAEL DA SILVA2012NOLETO, Rafael. O que é que uma diva tem? Cantoras brasileiras, vozes, corpos e poderes vistos por entendidos. CADERNOS DE CAMPO (USP), v. 21, p. 45-63, 2012.

17.
9NOLETO, RAFAEL DA SILVA2012NOLETO, RAFAEL DA SILVA. Edmund Ronald Leach and The Dimension of the Unbalance. Ponto.Urbe (USP), v. 1, p. 1-13, 2012.

18.
NOLETO, Rafael2012NOLETO, Rafael. Nas redes do sexo: os bastidores do pornô brasileiro. AMAZÔNICA: REVISTA DE ANTROPOLOGIA (ONLINE), v. (2), p. 458-462, 2012.

Capítulos de livros publicados
1.
NOLETO, Rafael. Limites do gênero, fronteiras da sexualidade: heterossexualidade e cisgeneridade coreográfica na quadra junina de Belém. In: SAGGESE, Gustavo S.R.; MARINI, Marisol; LORENZO, Rocío A.; SIMÕES, Julio A.; CANCELA, Cristina D.. (Org.). Marcadores sociais da diferença: gênero, sexualidade, raça e classe em perspectiva antropológica. 1ed.São Paulo: Terceiro Nome/Gramma, 2018, v. , p. 287-305.

2.
NOLETO, Rafael. Comunidades sexualizadas: articulando raça, gênero e sexualidade na construção de nações. In: Cristina Donza Cancela; Laura Moutinho; Júlio Assis Simões. (Org.). Raça, etnicidade, sexualidade e gênero em perspectiva comparada. 1ed.São Paulo: Terceiro Nome, 2015, v. , p. 121-141.

3.
NOLETO, Rafael. 'Quero ficar no teu corpo feito tatuagem': cantoras brasileiras, fãs homossexuais e performatividades. In: Isabel Porto Nogueira; Susan Campos Fonseca. (Org.). Estudos de gênero, corpo e música: abordagens metodológicas. 1ed.Goiânia/Porto Alegre: ANPPOM, 2013, v. , p. 203-232.

4.
NOLETO, Rafael. Meu nome é Gal: um grito feminino no Tropicalismo. In: Líliam Cristina da Silva Barros; Paulo Murilo Guerreiro do Amaral. (Org.). Cadernos do Grupo de Pesquisa. 1ed.Belém: Paka-Tatu, 2011, v. 2, p. 79-87.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
NOLETO, Rafael. Drama, ritual e festa: gênero e sexualidade em performance no São João de Belém ? Pará. In: 30ª Reunião Brasileira de Antropologia, 2016, João Pessoa - PB. Políticas da antropologia: ética, diversidade e conflitos, 2016. p. 01-25.

2.
NOLETO, Rafael. Caipira, mulata, simpatia e gay: reflexões sobre gênero, raça e sexualidade nos concursos de miss das festas juninas em Belém ? Pará. In: II Encontro Regional da Associação Brasileira de Etnomusicologia (ABET) e II Colóquio Amazônico de Etnomusicologia, 2016, Belém. Etnomusicologia na contemporaneidade: diálogos disciplinares e interdisciplinares. Belém: LABETNO/GEMAM, 2016. p. 66-74.

3.
NOLETO, Rafael; NEGRAO, Marcus V. N. . Fotografia como dádiva: circulação e compartilhamento de imagens como formas de comunicação entre pessoas. In: EIAV - Encontro Internacional de Antropologia Visual (USP), 2015, São Paulo. Anais - Encontro Internacional de Antropologia Visual. São Paulo: FFLCH/USP, 2014. v. 1. p. 192-209.

4.
NOLETO, Rafael. Caipira, Mulata, Simpatia e Gay: reflexões sobre gênero, raça e sexualidade nos concursos de Miss das Festas Juninas em Belém - Pará. In: III Seminário de Antropologia da UFSCar, 2014, São Carlos - SP. Anais do III Seminário de Antropologia da UFSCar, 2014. v. 1. p. 636-643.

5.
NOLETO, Rafael. '... é tudo somente sexo e amizade': cantoras brasileiras como mediadoras de relações afetivossexuais entre homens gays. In: Fazendo Gênero 10, 2013, Florianópolis. Desafios atuais dos feminismos, 2013.

6.
NOLETO, Rafael. 'Quero ficar no teu corpo feito tatuagem': cantoras, fãs homossexuais e performatividades. In: 28ª Reunião Brasileira de Antropologia, 2012, São Paulo. Desafios Antropológicos Contemporâneos, 2012.

7.
NEGRAO, Marcus V. N. ; NOLETO, Rafael . O suicídio como espetáculo: morte, mídia e protagonismo. In: 28ª Reunião Brasileira de Antropologia, 2012, São Paulo. Desafios Antropológicos Contemporâneos, 2012.

8.
NOLETO, Rafael. 'Quero ficar no teu corpo feito tatuagem': cantoras, fãs homossexuais e performatividades.. In: VI Congresso Internacional de Estudos Sobre a Diversidade Sexual e de Gênero da ABEH, 2012, Salvador. Associação Brasileira de Estudos de Homocultura, 2012.

9.
NOLETO, Rafael. Meu nome é Gal: um grito feminino no Tropicalismo. In: V Encontro Nacional da Associação Brasileira de Etnomusicologia, 2011, Belém. Revista dos Anais do V Encontro Nacional da Associação Brasileira de Etnomusicologia-ABET, 2011.

10.
NOLETO, Rafael. Meu nome é Gal: um grito feminino no Tropicalismo. In: VII Encontro de Estudos Multidisciplinares em Cultura, 2011, Salvador - Bahia. VII Encontro de Estudos Multidisciplinares em Cultura, 2011.

11.
NOLETO, Rafael. Gal Costa e o Tropicalismo no feminino: corpo, subjetividade e sexualidade no discurso performático.. In: X Congreso Argentino de Antropología Social - La antropología interpelada: nuevas configuraciones político-culturales en América Latina, 2011, Buenos Aires. La antropología interpelada: nuevas configuraciones político-culturales en América Latina, 2011.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
NOLETO, Rafael. 'Quero ficar no teu corpo feito tatuagem': cantoras brasileiras, fãs homossexuais e performatividades. In: Antropologia em Foco II - PPGA/UFPA, 2012, Belém. Patrimônio e Diversidade Sociocultural, 2012.

Apresentações de Trabalho
1.
NOLETO, Rafael. Partituras no armário: composição musical e homossexualidade. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

2.
NOLETO, Rafael. Tocantinópolis: reflexões iniciais sobre sexualidade numa cidade de pequeno porte.. 2018. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

3.
NOLETO, Rafael. Comunidades sexualizadas: articulando gênero, raça e sexualidade na construção de nações. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
NOLETO, Rafael. Drama, ritual e festa: gênero e sexualidade em performance no São João de Belém ? Pará. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

5.
ROCHA, Lia ; CONCEIÇÃO, Wellington da Silva ; NOLETO, Rafael . Direitos Humanos e experiências etnográficas em contextos de violência. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
NOLETO, Rafael. Compartilhando algumas reflexões teóricas e experiências em trabalho de campo. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

7.
NOLETO, Rafael. Meu nome é Gal: um grito feminino no Tropicalismo. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

8.
NOLETO, Rafael. A Homocultura das cantoras. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

9.
NOLETO, Rafael. Meu nome é Gal: um grito feminino no Tropicalismo. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

10.
NOLETO, Rafael. Jayme Ovalle: erudito ou popular?. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

11.
NOLETO, Rafael. Jayme Ovalle: erudito ou popular?. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

Outras produções bibliográficas
1.
NOLETO, Rafael; ALVES, Yara . Liminaridade e Communitas (Verbete para a Enciclopédia de Antropologia da USP) 2015 (Verbete).

2.
NOLETO, RAFAEL DA SILVA. Luar do Sertão (Arranjo para Canto Coral), 2015. (Partitura Musical/Coral).

3.
NOLETO, Rafael. Madrugada (Choro para canto e piano), 2009. (Partitura Musical/Canto).

4.
NOLETO, Rafael. Lua (Acalanto para canto e piano), 2009. (Partitura Musical/Canto).

5.
NOLETO, Rafael. Musa (Bossa Nova para canto e piano), 2009. (Partitura Musical/Canto).

6.
NOLETO, Rafael. Noctívago (Samba para canto e piano), 2009. (Partitura Musical/Canto).

7.
NOLETO, Rafael. Cromática (Samba para canto e piano), 2009. (Partitura Musical/Canto).

8.
NOLETO, Rafael. Entardecendo (Bossa Nova para canto e piano), 2009. (Partitura Musical/Canto).

9.
NOLETO, Rafael. Delicadamente (Blues para canto e piano), 2009. (Partitura Musical/Canto).

10.
NOLETO, Rafael. Ao quadrado (Canção para canto e piano), 2009. (Partitura Musical/Canto).

11.
NOLETO, Rafael. Noctívago - Ciclo de Canções para Canto e Piano, 2009. (Partitura Musical/Outro).

12.
NOLETO, Rafael. Quando ele chega (Canção para canto e piano), 2009. (Partitura Musical/Canto).


Produção técnica
Trabalhos técnicos
1.
NOLETO, Rafael. Atuação como parecerista para a Latin American Research Review. 2018.

2.
NOLETO, Rafael. Consultoria ad hoc ao Programa Institucional de Bolsas de Extensão em Cultura (Pibex/Cultura) da Universidade Federal do Tocantins. 2018.

3.
NOLETO, Rafael. Atuação como parecerista da Revista Estudos Feministas. 2018.

4.
NOLETO, Rafael. Atuação como parecerista da Revista Brasileira de Educação do Campo. 2018.

5.
NOLETO, Rafael. Parecerista da 'V Jornada de Etnomusicologia' (UEPA). 2018.

6.
NOLETO, Rafael. Atuação como parecerista do 'III Colóquio Amazônico de Etnomusicologia' (UFPA/UEPA). 2018.

7.
NOLETO, Rafael; MENEZES NETO, Hugo . 31ª RBA - Coordenação do GT: Culturas populares, rituais, festas e sujeitos em performance: diversidade sexual, racial e de gênero. 2018.

8.
NOLETO, Rafael. 31ª RBA - Coordenação da Mesa Redonda: Novas universidades, novos campi, novas antropologias: docências, alteridades e expansão do Ensino Superior no Brasil. 2018.

9.
NOLETO, Rafael. Atuação como parecerista do Periódico 'Religião e Sociedade'. 2017.

10.
NOLETO, Rafael. Atuação como parecerista do periódico 'Revista Equatorial'. 2017.

11.
NOLETO, Rafael. Atuação como parecerista de 'Amazônica - Revista de Antropologia'. 2016.

12.
NOLETO, Rafael. Atuação como membro da Comissão Científica do VIII Fórum Internacional de Pedagogia. 2016.

13.
NOLETO, Rafael. Atuação como parecerista da revista acadêmica TRANS-Revista Transcultural de Música. 2015.

14.
NOLETO, Rafael. Atuação como debatedor do XII Graduação em Campo e II SemiNAU. 2014.

15.
NOLETO, Rafael. Atuação como parecerista do Journal of Music and Dance. 2014.

16.
NOLETO, Rafael. Atuação como parecerista da revista acadêmica Ponto Urbe - USP. 2014.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
NOLETO, Rafael. Como escreve Rafael da Silva Noleto. 2018. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

2.
NOLETO, Rafael; ROSA, Laila ; AMARAL, P. M. G. ; LAGO, Jorgete. ; BRAGA, L. A. N. . Reflexões sobre gênero, relacões etnicorraciais e sexualidades na etnomusicologia brasileira e nos estudos musicais na Amazônia. 2016. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).


Demais tipos de produção técnica
1.
NOLETO, Rafael. Compartilhando algumas reflexões teóricas e experiências em trabalho de campo - Núcleo de Antropologia Urbana da USP. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

2.
NOLETO, Rafael. Gal Costa e o Tropicalismo no feminino: reflexões sobre música, gênero e sexualidade. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

3.
NOLETO, Rafael. Gal Costa e o Tropicalismo no feminino: reflexões sobre música, gênero e sexualidade. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

4.
Lamêgo, V. ; NOLETO, Rafael . Feira de Orientação Profissional do Ensino Médio e Tecnológico da Rede Pública estadual. 2010. (Orientação vocacional para estudantes de ensino médio).

5.
NOLETO, Rafael. Musicalidade para o ator dançante. 2008. .

6.
NOLETO, Rafael; BERGMAN, R. ; QUINTAS, A . Consultoria em Técnica Vocal para o espetáculo 'Letras e Baionetas'. 2005. (Consultoria em Técnica Vocal).

7.
NOLETO, Rafael; BERGMAN, R. ; QUINTAS, A ; TORRES, R . Consultoria em Técnica Vocal para o espetáculo 'Construção'. 2005. (Consultoria em Técnica Vocal).

8.
NOLETO, Rafael; BERGMAN, R. ; QUINTAS, A . Consultoria em Técnica Vocal para o espetáculo 'Tembés, urupus, timbiras, caiapós'. 2004. (Consultoria em Técnica Vocal).

9.
NOLETO, Rafael; BERGMAN, R. ; QUINTAS, A . Consultoria em Técnica Vocal para o espetáculo 'Reino das Palavras'. 2004. (Consultoria em Técnica Vocal).


Produção artística/cultural
Artes Cênicas
1.
BERGMAN, R. ; MENDES, Ana Flávia ; NOLETO, Rafael . Negra Memória. 2008. Teatral.

2.
NOLETO, Rafael. O Corpo, o ritmo e a cena. 2008. Teatral.

3.
BERGMAN, R. ; NOLETO, Rafael . Construção (Encontro Internacional de Dança do Pará). 2005. Teatral.

4.
COLARES, R. ; NOLETO, Rafael . Em Laços. 2005. Coreográfica.

5.
BERGMAN, R. ; NOLETO, Rafael . Reino das Palavras. 2004. Teatral.

6.
BERGMAN, R. ; NOLETO, Rafael . Tembés, Urupus, Timbiras, Caiapós. 2004. Teatral.

Música
1.
NOLETO, Rafael. Delicadamente. 2011. Interpretação.

2.
NOLETO, Rafael. Rosas de Noel (Pão de Santo Antônio). 2010. Interpretação.

3.
NOLETO, Rafael. Delicadamente. 2010. Interpretação.

4.
NOLETO, Rafael; FREITAS, B. . Bossasamba. 2010. Interpretação.

5.
NOLETO, Rafael. Rosas de Noel (Fundação Curro Velho). 2010. Interpretação.

6.
CUTRIM, Eliana C. ; BRITO, L. ; NOLETO, Rafael ; MONTE, Milton ; CANTAO, F. . Recital Villa-Lobos. 2009. Interpretação.

7.
NOLETO, Rafael; AZULAY, A. . Recital de Canto e Piano no Fórum Internacional da Sociedade Civil. 2009. Interpretação.

8.
NOLETO, Rafael. Sempre Samba. 2008. Interpretação.

9.
NOLETO, Rafael; CUTRIM, Eliana C. . Canções de Amor. 2008. Interpretação.

10.
NOLETO, Rafael; MACHADO, D ; RATO, M . Sutil. 2008. Interpretação.

11.
NOLETO, Rafael; CUTRIM, Eliana C. . O Cantor e A Pianista (ENARTE). 2007. Interpretação.

12.
NOLETO, Rafael. Da Maior Importância. 2006. Interpretação.

13.
NOLETO, Rafael. Samba, Bossa e Afins. 2006. Interpretação.

14.
NOLETO, Rafael; CUTRIM, Eliana C. . Trovas Brasileiras. 2005. Interpretação.

15.
NOLETO, Rafael; CUTRIM, Eliana C. . Trovas Brasileiras (ENARTE). 2005. Interpretação.

16.
NOLETO, Rafael. Tacacá (Feira Internacional de Turismo da Amazônia). 2004. Interpretação.

17.
NOLETO, Rafael. Canções do Amor de Rádio. 2003. Interpretação.

18.
NOLETO, Rafael. Cantando Para Waldemar. 2002. Interpretação.



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
NASCIMENTO, Silvana; NOLETO, Rafael; DAWSEY, John Cowart; TEIXEIRA, Jacqueline Moraes. Participação em banca de Priscila Alves de Almeida. Coreografias do feminino: produção, apreensão e performatização de femininos na Dança do ventre em São Paulo. 2018. Dissertação (Mestrado em Ciência Social (Antropologia Social)) - Universidade de São Paulo.

Qualificações de Doutorado
1.
CAMARGO, Giselle Guilhon; SANTA BRÍGIDA, Miguel; NOLETO, Rafael; ALMEIDA, Ivone; LUCA, Thaíssa; DUMAS, Alexandra. Participação em banca de Ana Cláudia Moraes de Carvalho. Puta, pistoleira, dona de cabaré: a espetacularidade do corpo-cavalo-travestido de Dona Rosinha Malandra no Terreiro da Cabocla Herundina e de Dona Rosinha Malandra. Icoaraci - PA. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Artes) - Universidade Federal do Pará.

Qualificações de Mestrado
1.
COSTA, Kênia; NOLETO, Rafael; SILVA, Luiza Helena Oliveira da; MIRANDA, Olívia Macedo; SUZUKI, Júlio César. Participação em banca de Katiane da Silva Santos. Do passado ao presente: a Festa 13 de Maio da comunidade quilombola Dona Juscelina em Muricilândia - TO. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Estudos de Cultura e Território) - Universidade Federal do Tocantins.

2.
GONTIJO, Fabiano; NOLETO, Rafael; MAUÉS, Raymundo Heraldo; CHAVES, Ernani. Participação em banca de Alan Silva de Aviz. Sexualidade e religiosidade em Belém do Pará: uma etnografia junto a fiéis homossexuais de igrejas evangélicas em bairros populares da capital paraense. 2017. Exame de qualificação (Mestrando em ANTROPOLOGIA) - Universidade Federal do Pará.

Monografias de cursos de aperfeiçoamento/especialização
1.
NOLETO, Rafael; RODRIGUES, Mariana Meriqui; MAIA, Marcos F. G.. Participação em banca de Geiza Tavares Pereira. A escola no combate à violência sexual infanto-juvenil: informar é prevenr. 2016. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Gênero e Diversidade na Escola) - Universidade Federal do Tocantins.

2.
NOLETO, Rafael; RODRIGUES, Mariana Meriqui; MAIA, Marcos F. G.. Participação em banca de Maria Selsa Vieira de Santana. O perfil da mulher vítima de violência no município de Araguatins (TO). 2016. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Gênero e Diversidade na Escola) - Universidade Federal do Tocantins.

3.
NOLETO, Rafael; RODRIGUES, Mariana Meriqui; MAIA, Marcos F. G.. Participação em banca de Lívia Maria de Carvalho Cardoso. "Na minha escola todo mundo é diferente. Iguais, só no direito a aprender": questões de gênero e diversidade e o currículo escolar. 2016. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Gênero e Diversidade na Escola) - Universidade Federal do Tocantins.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
CONCEIÇÃO, Wellington da Silva; NOLETO, Rafael; HAMMES, Bruno; COSTA, Kênia. Participação em banca de Carina Alves Torres.As interações entre os kupê e os apinajé no bairro Antônio Pereira (Tocantinópolis - TO). 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Sociais) - Universidade Federal do Tocantins.

2.
FRANÇA, Paula M. F.; NOLETO, Rafael; CONCEIÇÃO, Wellington da Silva. Participação em banca de Deisy Moura Aguiar.Sociologia como experiência escolar: relatos dos alunos do Centro de Ensino Médio Girassol de Tempo Integral Deputado Darcy Marinho. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Sociais) - Universidade Federal do Tocantins.

3.
CONCEIÇÃO, Wellington da Silva; NOLETO, Rafael; SOUZA, Mirian Alves de; SANTOS, Bruno Barros dos. Participação em banca de Janeide da Silva Cavalcante.Ciganos em São João do Paraíso - MA: de andadores a moradores. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Sociais) - Universidade Federal do Tocantins.

4.
CONCEIÇÃO, Wellington da Silva; NOLETO, Rafael; HAMMES, Bruno; SILVA, Uvanderson. Participação em banca de Eva Pereira Régis."Lá tem muito mala": as representações sociais sobre o Alto da Boa Vista I e seus moradores. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Sociais) - Universidade Federal do Tocantins.

5.
RISCAROLI, Eliseu; NOLETO, Rafael. Participação em banca de William Carlos de Sousa.Entre livros, armários e ruas: armadilhas naturalizadas do percurso socioescolar de gays no Bico do Papagaio. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Pedagogia) - Universidade Federal do Tocantins.

6.
SOUSA, K. A.; NOLETO, RAFAEL DA SILVA; RISCAROLI, Eliseu. Participação em banca de Rosana Alves Soares.Relações de gênero, formação acadêmica e mercado de trabalho: uma análise a partir das discentes do curso de Ciências Sociais. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Sociais) - Universidade Federal do Tocantins.

7.
NOLETO, Rafael; Figueiredo, César. Participação em banca de Adailton Chaves Marinho.A Comissão da Verdade e o caso Epaminondas: reflexões acerca do Estado e a Anistia. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Sociais) - Universidade Federal do Tocantins.

8.
DEMARCHI, André; NOLETO, Rafael; ALVES, Suiá. Participação em banca de Welitânia de Oliveira Rocha.A vida de Nhiro: etnobiografia de uma cacica apinajé. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Sociais) - Universidade Federal do Tocantins.

9.
HAMMES, Bruno; NOLETO, Rafael; Figueiredo, César. Participação em banca de Josiane de Jesus Martins da Silva Alves.Pescadores da Colônia Z7 em Tocantinópolis: uma análise antropológica das mudanças socioambientais percebidas pelos impactados pela Usina Hidrelétrica de Estreito - MA. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Sociais) - Universidade Federal do Tocantins.

10.
HAMMES, Bruno; NOLETO, Rafael; COSTA, Kênia. Participação em banca de Josivan da Cruz Vilanova.Os Apanjekra e o Prevfogo: uma análise das percepções dos indígenas sobre a atuação da Brigada de Combate a Incêndios da Aldeia Porquinhos (MA). 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Sociais) - Universidade Federal do Tocantins.

11.
Figueiredo, César; NOLETO, Rafael. Participação em banca de Nara Maria Pereira Rodrigues.Políticas Públicas de Educação Inclusiva: o caso da CAP em Porto Franco (MA). 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Sociais) - Universidade Federal do Tocantins.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
SILVA, Mara Pereira da; NOLETO, Rafael; ARAÚJO, Gustavo Cunha de. Concurso Público para Professor Substituto da UFT - Edital 002/2018. Código de Vaga 40: Fundamentos da Notação Musical, Teoria e Percepção Musical, Instrumento Eletivo. 2018. Universidade Federal do Tocantins.

2.
SOARES, Carlos Walter Alves; NOLETO, Rafael; CASTELLANI, Felipe Merker. Concurso Público para Professor Substituto da UFPel - Edital 030/2018. Área: Música. 2018. Universidade Federal de Pelotas.

3.
NOLETO, Rafael; FRANÇA, Paula M. F.; HAMMES, Bruno. Concurso Público para Professor Substituto da UFT - Edital 032/2017. Código de Vaga 23: Psicologia da Educação; Estágio Supervisionado III; Introdução à Economia. 2017. Universidade Federal do Tocantins.

4.
NOLETO, Rafael; HAMMES, Bruno; SOUSA, Wellington Mota de. Concurso Público para Professor Substituto da UFT - Edital 032/2017. Código de Vaga 24: Interpretação Teatral; Improvisação Teatral; Estágio Supervisionado. 2017. Universidade Federal do Tocantins.

5.
NOLETO, Rafael; OLIVEIRA, Luiz R. P. F.; MATEUS, Andrea M. L.. Concurso Público para Professor Efetivo da UFT - Edital 001/2017. Código de Vaga 29: Teatro na Comunidade; Teatro Político; Estágio Supervisionado. 2017. Universidade Federal do Tocantins.

6.
NOLETO, Rafael; FRANÇA, Paula M. F.; CONCEIÇÃO, Wellington da Silva. Concurso Público para Professor Substituto da UFT - Edital 037/2017. Código de Vaga 23: Psicologia da Educação; Estágio Supervisionado III; Introdução à Economia. 2017. Universidade Federal do Tocantins.

7.
NOLETO, Rafael; COVER, Maciel.; NORONHA, Marcelo Brice Assis. Concurso Público para Professor Substituto da UFT - Edital 001/2016 - Código de Vaga: 16: Sociologia I, Sociologia II, Estágio Supervisionado IV, Introdução à Metodologia de Pesquisa em Ciências Sociais. 2016. Universidade Federal do Tocantins.

8.
NOLETO, Rafael; DUARTE, Samuel C.; PEREIRA, Jesus M.. Concurso Público para Professor Efetivo da UFT - Edital 001/2016. Código de vaga 51: Teoria Política, Análise Política, Política Brasileira. 2016. Universidade Federal do Tocantins.

9.
NOLETO, Rafael; FRANÇA, Paula M. F.; SILVA, Uvanderson. Concurso Público para Professor Substituto da UFT - Edital 017/2016 - Código de Vaga 25: Sociologia I, Sociologia II, Estágio Supervisionado IV, Introdução à Metodologia de Pesquisa em Ciências Sociais. 2016. Universidade Federal do Tocantins.

10.
NOLETO, Rafael; FELIX, J.B.J; SOUSA, K. A.. Concurso Público para Professor Substituto da UFT - Edital 027/2015 - Código de Vaga 21: Antropologia III, Introdução à Metodologia de Pesquisa em Ciências Sociais, Introdução à Antropologia, Tópicos Especiais em Antropologia. 2015. Universidade Federal do Tocantins.

Outras participações
1.
CONCEIÇÃO, Wellington da Silva; NOLETO, RAFAEL DA SILVA; FELIX, J.B.J. Seleção para o Programa Institucional de Monitoria. Edital 030/2018. Disciplina: "Sociologia I". 2018. Universidade Federal do Tocantins.

2.
NOLETO, Rafael; FELIX, J.B.J. Seleção para o Programa Institucional de Monitoria. Edital 030/2018. Disciplina: "Antropologia III". 2018. Universidade Federal do Tocantins.

3.
FELIX, J.B.J; NOLETO, Rafael. Seleção para o Programa Institucional de Monitoria. Edital 030/2018. Disciplina: "Leitura e Prática de Produção de Texto". 2018. Universidade Federal do Tocantins.

4.
NOLETO, Rafael; FELIX, J.B.J. Seleção para o Programa Institucional de Monitoria Indígena. Edital 031/2018.. 2018. Universidade Federal do Tocantins.

5.
NOLETO, Rafael; CONCEIÇÃO, Wellington da Silva; FELIX, J.B.J. Seleção para o Programa Institucional de Monitoria. Edital 118/2017. Disciplina: Antropologia II. 2017. Universidade Federal do Tocantins.

6.
NOLETO, Rafael; HAMMES, Bruno; CONCEIÇÃO, Wellington da Silva; FELIX, J.B.J. Seleção para o Programa Institucional de Monitoria. Edital 118/2017. Disciplina: Tópicos Especiais em Antropologia. 2017. Universidade Federal do Tocantins.

7.
NOLETO, Rafael; FELIX, J.B.J; CONCEIÇÃO, Wellington da Silva. Seleção para o Programa Institucional de Monitoria. Edital 118/2017. Disciplina: Estudos sobre África e Brasil-África. 2017. Universidade Federal do Tocantins.

8.
NOLETO, Rafael; CONCEIÇÃO, Wellington da Silva; FELIX, J.B.J. Seleção para o Programa Institucional de Monitoria Indígena. Edital 119/2017.. 2017. Universidade Federal do Tocantins.

9.
Figueiredo, César; NOLETO, Rafael. Seleção para o Programa Institucional de Monitoria. Edital 086/2015. Disciplina: Ciência Política I. 2016. Universidade Federal do Tocantins.

10.
Figueiredo, César; NOLETO, Rafael. Seleção para o Programa Institucional de Monitoria. Edital 086/2015. Disciplina: Ciência Política II. 2016. Universidade Federal do Tocantins.

11.
NOLETO, Rafael; Figueiredo, César. Seleção para o Programa Institucional de Monitoria Indígena. Edital 088/2015. 2016. Universidade Federal do Tocantins.

12.
NOLETO, Rafael; Figueiredo, César. Seleção para o Programa Institucional de Monitoria. Edital 086/2015. Disciplina: Antropologia II. 2016. Universidade Federal do Tocantins.

13.
NOLETO, Rafael; CONCEIÇÃO, Wellington da Silva. Seleção para o Programa Institucional de Monitoria. Edital 124/2016. Disciplina: Antropologia II. 2016. Universidade Federal do Tocantins.

14.
NOLETO, Rafael; CONCEIÇÃO, Wellington da Silva. Seleção para o Programa Institucional de Monitoria Indígena. Edital 125/2016. 2016. Universidade Federal do Tocantins.

15.
NOLETO, Rafael; CONCEIÇÃO, Wellington da Silva; BRASÍLIO, Liza. Seleção de bolsista para o PIBID - Sociologia. 2016. Universidade Federal do Tocantins.

16.
NOLETO, Rafael; BONILLA, Marcus. Seleção para o Programa Institucional de Monitoria. Edital 085/2015. Disciplina: Fundamentos da Notação Muical. 2015. Universidade Federal do Tocantins.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
30ª Reunião Brasileira de Antropologia. Drama, ritual e festa: gênero e sexualidade em performance no São João de Belém ? Pará. 2016. (Congresso).

2.
II Colóquio Amazônico de Etnomusicologia.Reflexões sobre gênero, relações étnico-raciais e sexualidades na Etnomusicologia brasileira e em estudos musicais na Amazônia. 2016. (Encontro).

3.
II Encontro Regional Norte da Associação Brasileira de Etnomusicologia.Reflexões sobre gênero, relações étnico-raciais e sexualidades na Etnomusicologia brasileira e em estudos musicais na Amazônia. 2016. (Encontro).

4.
VIII Fórum Internacional de Pedagogia. Avaliador de Trabalhos do GT 07 - Educação, Diversidade, Gênero e Sexualidade. 2016. (Congresso).

5.
VIII Fórum Internacional de Pedagogia. Palestrante na Mesa Redonda "Educação, Diversidade, Gênero e Sexualidade". 2016. (Congresso).

6.
VIII Fórum Internacional de Pedagogia. Coordenador do GT 07 - Educação, Diversidade, Gênero e Sexualidade. 2016. (Congresso).

7.
EIAV - Encontro Internacional de Antropologia Visual - PPGAS/USP.Fotografia como dádiva: circulação e compartilhamento de imagens como formas de comunicação entre pessoas. 2014. (Encontro).

8.
III ENUMAS - Encontro de Estudos de Marcadores Sociais da Diferença - USP.Caipira, Mulata, Simpatia e Gay: reflexões sobre gênero, raça e sexualidade nos concursos de miss das festas juninas em Belém ? Pará.. 2014. (Encontro).

9.
III Seminário de Antropologia da UFSCar.Caipira, mulata, simpatia e gay: reflexões sobre gênero, raça e sexualidade nos concursos de miss das festas juninas em Belém - Pará. 2014. (Seminário).

10.
Seminário Internacional Repensando Gênero e Feminismos - 20 anos do Núcleo de Estudos de Gênero PAGU/UNICAMP. 2014. (Seminário).

11.
Ciclo de Palestras 'Sexta do Mês' (PPGAS/USP): "Negros e Indígenas na Pós-Graduação". 2013. (Outra).

12.
Ciclo de Palestras 'Sexta do Mês' (PPGAS/USP): O valor do saber: uma perspectiavaa histórica do financiamento de pesquisas. 2013. (Outra).

13.
Ciclo de Palestras de Preparação Pedagógica do Programa de Aperfeiçoamento de Ensino (PAE/USP). 2013. (Outra).

14.
Ciclo de Palestras Sexta do Mês (PPGAS/USP): "Na casa da mãe, na casa do pai: anotações (de uma antropóloga e avó) em torno da circulação de crianças". 2013. (Outra).

15.
Ciclo de Palestras Sexta do Mês (PPGAS/USP): Antropologia e atuação política. 2013. (Outra).

16.
Ciclo de Palestras Sexta do Mês (PPGAS/USP): Ética antropológica: a controvérsia Sahlins-Chagnon. 2013. (Outra).

17.
Fazendo Gênero 10."...é tudo somente sexo e amizade": cantoras brasileiras como mediadoras de relações afetivossexuais entre homens gays. 2013. (Seminário).

18.
II ENUMAS - Encontro do Núcleo dos Marcadores Sociais da Diferença da Universidade de São Paulo."...é tudo somente sexo e amizade": cantoras brasileiras como mediadoras de relações afetivossexuais entre homens gays. 2013. (Encontro).

19.
Palestra: "La religiosidad popular como 'entre-medio' entre la religión insitucional y la espiritualidad individualizada. 2013. (Outra).

20.
Seminário Internacional Emancipação, Inclusão, Exclusão (USP). 2013. (Seminário).

21.
28ª Reunião Brasileira de Antropologia. "Quero ficar no teu corpo feito tatuagem": cantoras, fãs homossexuais e performatividades.. 2012. (Congresso).

22.
Antropologia em Foco II - PPGA/UFPA."Quero ficar no teu corpo feito tatuagem": cantoras brasileiras, fãs homossexuais e performatividades.. 2012. (Simpósio).

23.
I Ciclo de Estudos Etnomusicológicos GPMIA/GEMAM - UFPA.A antropologia descobre a sexualidade. 2012. (Encontro).

24.
Religiosidades afro-brasileiras e identidade nacional - UFPA/Centro de Memória da Amazônia. 2012. (Outra).

25.
Sexualidade, subjetivação e diferenciação social - UFPA/Centro de Memória da Amazônia. 2012. (Outra).

26.
VI Congresso Internacional de Estudos Sobre a Diversidade Sexual e de Gênero da ABEH. "Quero ficar no teu corpo feito tatuagem": cantoras, fãs homossexuais e performatividades. 2012. (Congresso).

27.
"Copiar, parafrasear, resumir: o perigo do plágio". 2011. (Outra).

28.
Anthropology and the Erotic Book Trade. 2011. (Oficina).

29.
Dr. Darwin and Mr. Stevenson. 2011. (Oficina).

30.
Encontro Internacional de Antropologia e Performance - USP. 2011. (Encontro).

31.
Gurupá - das ruínas aos cemitérios. As viagens de Francisco Xavier de Mendonça Furtado (1751-1759) e de Dalcídio Jurandir (1929-1978) na Baixa Amazônia. 2011. (Outra).

32.
II Semana de Gênero e Sexualidade (s) - UNIFESP.A homocultura das cantoras. 2011. (Encontro).

33.
Leituras em Stuart Hall: Trajetória Intelectual e Reflexões Conceituais Preliminares. 2011. (Encontro).

34.
Literatura, Antropologia e Darwin. 2011. (Seminário).

35.
Narrativas Discentes - Conexões em Arte.Meu nome é Gal: um grito feminino no Tropicalismo.. 2011. (Seminário).

36.
Reflexões da Estética Sobre a Arte - UEPA. 2011. (Encontro).

37.
Sex, Horror and the Victorians: Anthropology and Nineteenth Century British Literature. 2011. (Outra).

38.
V Encontro Nacional da Associação Brasileira de Etnomusicologia.Meu nome é Gal: um grito feminino no Tropicalismo. 2011. (Encontro).

39.
VII Encontro de Estudos Multidisciplinares em Cultura - UFBA. Meu nome é Gal: um grito feminino no Tropicalismo. 2011. (Congresso).

40.
X Congreso Argentino de Antropología Social - La antropología interpelada: nuevas configuraciones político-culturales en América Latina. Gal Costa e o Tropicalismo no feminino: corpo, subjetividade e sexualidade no discurso performático.. 2011. (Congresso).

41.
VI Encontro Estadual de Educação Infantil do Pará - FEIPA. 2010. (Encontro).

42.
XXVI Encontro Nacional do Movimento Interfóruns de Educação Infantil do Brasil. 2010. (Encontro).

43.
5º Prêmio Construindo a Igualdade de Gênero.Meu nome é Gal: um grito feminino do Tropicalismo. 2009. (Outra).

44.
A presença e a expulsão dos Jesuítas no Pará - O patrimônio Jesuítico revisitado. 2009. (Outra).

45.
Fórum Internacional da Sociedade Civil.Recital de Canto e Piano - Rafael Nolleto e Adriana Azulay. 2009. (Encontro).

46.
III Encontro de Didática e Prática de Ensino. 2009. (Encontro).

47.
III Simpósio de Letras e VI Interletras. 2009. (Simpósio).

48.
XIV Semana Acadêmica do Centro de Ciências Sociais e Educação da Universidade do Estado do Pará.Jayme Ovalle: erudito ou popular?. 2009. (Encontro).

49.
XIV Semana Acadêmica do Centro de Ciências Sociais e Educação - UEPA.Jayme Ovalle: Erudito ou Popular?. 2009. (Outra).

50.
Seminário A Memória Musical na Amazônia - Universidade Federal do Pará.Jayme Ovalle: Erudito ou Popular?. 2008. (Seminário).

51.
V Fórum de Pesquisa, Ensino, Extensão e Pós-Graduação da Universidade do Estado do Pará. 2008. (Encontro).

52.
XIII Semana Acadêmica do Centro de Ciências Sociais e Educação da Universidade do Estado do Pará. 2008. (Encontro).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Maria Elizabeth Lucas Anthony Seeger PRASS, L. LAGO, Jorgete. COELHO, L. F. H. STEIN, M. R. A. Montardo, Deise L. O. BRAGA, Reginaldo. BRAGA, L. A. N. CHADA, Sonia. BARROS, L. AMARAL, P. M. G. ALMEIDA, A. P. B. MELO NETO, A. C. CARVALHO, D. S. MELLO, Gláucia. SANTOS, Irlana P. LIMA, J. C. S. SILVA, L. S. GOMES, L. SILVA JR, Luiz V. S. GABBAY, Mariana. NERY, Nazaré. LIMA, Onelma L. NOLETO, Rafael , et al.FAÇANHA, Tainá M. GONÇALVES, Tirza L. O. ; V Encontro Nacional da Associação Brasileira de Etnomusicologia. 2011. (Congresso).

2.
Lamêgo, V. ; TRINDADE, Claudio. ; SOBRINHO, Sidnéa ; NOLETO, Rafael ; MORAES, Orileide M. ; REIS, Mauro R. R. . Semana de Integração do Curso de Licenciatura Plena em Música. 2011. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões concluídas
Monografia de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização
1.
Raimundo Nonato Alves da Silva. Sexualidade e vida socioafetiva de pessoas com deficiência intelectual. 2016. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Gênero e Diversidade na Escola) - Universidade Federal do Tocantins. Orientador: Rafael da Silva Noleto.

2.
Sidney Teixeira. "Mulher ao volante é perigo constante?": gênero e processos de ensino-aprendizagem em um Centro de Formação de Condutores em Araguatins (TO). 2016. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Gênero e Diversidade na Escola) - Universidade Federal do Tocantins. Orientador: Rafael da Silva Noleto.

3.
Luciana Pereira de Sousa. Formação docente para a diversidade sexual e de gênero: desmistificando conceitos e encontrando possibilidades. 2016. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Gênero e Diversidade na Escola) - Universidade Federal do Tocantins. Orientador: Rafael da Silva Noleto.

4.
Vanderlangia Sampaio Mendes. Meninos e meninas: problematizando questões de gênero em contextos educacionais. 2016. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Gênero e Diversidade na Escola) - Universidade Federal do Tocantins. Orientador: Rafael da Silva Noleto.

5.
Albetiza Pereira da Silva. Análise reflexiva sobre identidade de gênero e educação infantil: um olhar para uma creche municipal da cidade de Tocantinópolis ? TO. 2016. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Gênero e Diversidade na Escola) - Universidade Federal do Tocantins. Orientador: Rafael da Silva Noleto.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Caroline Soares da Silva. Amo homens e mulheres: uma etnografia Apinayé. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Sociais) - Universidade Federal do Tocantins. Orientador: Rafael da Silva Noleto.

2.
Vandeildes Almeida de Jesus. Olhares subalternos: gênero, raça e trabalho doméstico na cidade de Tocantinópolis - TO. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Sociais) - Universidade Federal do Tocantins. Orientador: Rafael da Silva Noleto.

3.
Joelson Rocha de Araújo. A dança do Lindô: um estudo etnográfico no povoado Folha Grossa (Tocantinópolis - TO). 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Sociais) - Universidade Federal do Tocantins. Orientador: Rafael da Silva Noleto.

4.
Sônia da Silva Marinho. Mulheres vereadoras: gênero e política em Tocantinópolis (TO). 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Sociais) - Universidade Federal do Tocantins. Orientador: Rafael da Silva Noleto.

5.
Cristiana Martins de Sousa. Gênero e educação: feminilidades no curso de Pedagogia em Tocantinópolis (TO). 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Sociais) - Universidade Federal do Tocantins. Orientador: Rafael da Silva Noleto.

6.
Edla Borges Marinho de Miranda. Os Ferros: gênero e sexualidade no São João de Tocantinópolis (TO). 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ciências Sociais) - Universidade Federal do Tocantins. Orientador: Rafael da Silva Noleto.

Orientações de outra natureza
1.
Luciana Conceição da Silva. Orientação no Programa Institucional de Monitoria Indígena (2018.1). 2018. Orientação de outra natureza. (Ciências Sociais) - Universidade Federal do Tocantins. Orientador: Rafael da Silva Noleto.

2.
Wátilla Cirqueira Leite. Orientação de Monitoria na disciplina de. 2018. Orientação de outra natureza. (Ciências Sociais) - Universidade Federal do Tocantins. Orientador: Rafael da Silva Noleto.

3.
Cícero Martins Vilanova Neto. Orientação de Monitoria na Disciplina de "Antropologia II" (2016.1). 2017. Orientação de outra natureza. (Ciências Sociais) - Universidade Federal do Tocantins. Orientador: Rafael da Silva Noleto.

4.
Caroline Soares da Silva. Orientação de Monitoria na Disciplina de "Antropologia II" (2017.2). 2017. Orientação de outra natureza. (Ciências Sociais) - Universidade Federal do Tocantins. Orientador: Rafael da Silva Noleto.

5.
Lidiane da Conceição Alves. Orientação de Monitoria na disciplina "Antropologia II" (2015.2). 2016. Orientação de outra natureza. (Ciências Sociais) - Universidade Federal do Tocantins. Orientador: Rafael da Silva Noleto.



Educação e Popularização de C & T



Artigos
Artigos completos publicados em periódicos
1.
8NOLETO, Rafael;NOLETO, RAFAEL DA SILVA2014NOLETO, Rafael. 'Eu sou uma fruta 'gogóia', eu sou uma moça': Gal Costa e o Tropicalismo no feminino. PER MUSI (ONLINE), p. 64-75, 2014.

2.
10NOLETO, Rafael;NOLETO, RAFAEL DA SILVA2012NOLETO, Rafael. O que é que uma diva tem? Cantoras brasileiras, vozes, corpos e poderes vistos por entendidos. CADERNOS DE CAMPO (USP), v. 21, p. 45-63, 2012.

3.
9NOLETO, RAFAEL DA SILVA2012NOLETO, RAFAEL DA SILVA. Edmund Ronald Leach and The Dimension of the Unbalance. Ponto.Urbe (USP), v. 1, p. 1-13, 2012.

4.
6NOLETO, Rafael2014 NOLETO, Rafael. 'Brilham estrelas de São João!': notas sobre os concursos de 'Miss Caipira Gay' e 'Miss Caipira Mix' em Belém (PA). Sexualidad, Salud y Sociedad (Rio de Janeiro), v. 00, p. 74-110, 2014.


Livros e capítulos
1.
NOLETO, Rafael. Meu nome é Gal: um grito feminino no Tropicalismo. In: Líliam Cristina da Silva Barros; Paulo Murilo Guerreiro do Amaral. (Org.). Cadernos do Grupo de Pesquisa. 1ed.Belém: Paka-Tatu, 2011, v. 2, p. 79-87.

2.
NOLETO, Rafael. 'Quero ficar no teu corpo feito tatuagem': cantoras brasileiras, fãs homossexuais e performatividades. In: Isabel Porto Nogueira; Susan Campos Fonseca. (Org.). Estudos de gênero, corpo e música: abordagens metodológicas. 1ed.Goiânia/Porto Alegre: ANPPOM, 2013, v. , p. 203-232.



Outras informações relevantes


Aprovado em 1º lugar no concurso para Professor de Magistério Superior na Universidade Federal do Tocantins (UFT), curso Educação do Campo (Habilitação Artes Visuais e Música), Campus Tocantinópolis, Vaga: História da Música Ocidental, História da Música Brasileira, Instrumento Eletivo. edital 003/2015. Código de Vaga: 2015.1/PMS/0054.

Aprovado em 4º lugar no concurso para professor da Escola de Música da Universidade Federal Pará (EMUFPA), modalidade "Canto Popular", edital 001/2014.



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 17/02/2019 às 8:03:22