Rejane Carolina Hoeveler

Bolsista de Doutorado do CNPq

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/1457651729538735
  • Última atualização do currículo em 24/07/2018


Rejane Carolina Hoeveler é doutoranda em História pelo Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Federal Fluminense (PPGH-UFF), mesma instituição em que concluiu o mestrado em 2013. Bacharelou-se e licenciou-se em História na Universidade Federal do Rio de Janeiro (UFRJ), onde foi monitora de História do Brasil Contemporâneo. Foi também bolsista de Iniciação Científica da FAPERJ e, na área docente, tutora de História do Pré-Vestibular Social da Fundação Cederj/Cecierj e professora do Município de Angra dos Reis (RJ). Assuntos de interesse: organizações internacionais, política externa dos Estados Unidos, teoria das relações internacionais, transições democráticas, ditaduras latino-americanas. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Rejane Carolina Hoeveler
Nome em citações bibliográficas
HOEVELER, R. C.;HOEVELER, REJANE


Formação acadêmica/titulação


2016
Doutorado em andamento em História.
Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil.
Título: O Conselho das Américas: capital-imperialismo e diplomacia privada (1965-2015),
Orientador: Virgínia Maria Gomes de Mattos Fontes.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: Conselho das Américas; Diplomacia privada; Capital-imperialismo.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História da América / Especialidade: História dos Estados Unidos.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Brasil Contemporâneo.
Setores de atividade: Educação.
2013 - 2015
Mestrado em História.
Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil.
Título: As elites orgânicas transnacionais diante da crise: os primórdios da Comissão Trilateral (1973-1979),Ano de Obtenção: 2015.
Orientador: Virgínia Maria Gomes de Mattos Fontes.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: política externa dos Estados Unidos; organismos internacionais; Teoria das Relações Internacionais.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Mundo Contemporâneo.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História das Relações Internacionais.
2007 - 2012
Graduação em HISTÓRIA.
Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
Título: ?Ditadura e democracia restrita: a elaboração do projeto de descompressão controlada no Brasil (1972-1973)?.
Orientador: Renato Luís do Couto e Lemos.
Bolsista do(a): Programa de monitoria, UFRJ, Brasil.
2007 interrompida
Graduação interrompida em 2009 em Letras.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Ano de interrupção: 2009




Formação Complementar


2010 - 2010
Teoria e epistemologia histórica. (Carga horária: 60h).
Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil.


Atuação Profissional



Centro de Educação Superior a Distância do Rio de Janeiro, CEDERJ, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - 2012
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Tutora de História, Carga horária: 8


Universidade Federal do Rio de Janeiro, UFRJ, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - 2012
Vínculo: Aluna Bolsista, Enquadramento Funcional: Monitora, Carga horária: 8


Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ, FAPERJ, Brasil.
Vínculo institucional

2009 - 2010
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de Iniciação Científica, Carga horária: 20


Colégio Papa Mike, CPM, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - 2006
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Professora Substituta, Carga horária: 20


Colégio Estadual Pedro Álvares Cabral, C.E. PAC, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - 2012
Vínculo: Estagiário, Enquadramento Funcional: Estágio supervisionado, Carga horária: 5
Outras informações
Estágio docente da licenciatura, vinculado à disciplina de Prática de Ensino em História, da Faculdade de Educação da UFRJ.


Prefeitura de Angra dos Reis, SEDUC, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - 2017
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professora - Ensino Fundamental, Carga horária: 20



Projetos de pesquisa


2009 - 2010
"A Justiça Militar na história republicana brasileira (1889-2008)"
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Membro de corpo editorial


2013 - Atual
Periódico: Revista História & Luta de Classes


Revisor de periódico


2018 - Atual
Periódico: ESTUDOS INTERNACIONAIS


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História da América Contemporânea.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Mundo Contemporâneo.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Brasil Contemporâneo.


Idiomas


Espanhol
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.


Prêmios e títulos


2016
Diploma de Dignidade Acadêmica -Cum laude, UFRJ.
2012
Menção Honrosa na XXXIV Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica, Artística e Cultural, UFRJ, UFRJ.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
HOEVELER, REJANE2018 HOEVELER, REJANE. Imperialismo e dependência versus interdependência: o lado silenciado de um embate teórico. ESTUDOS INTERNACIONAIS, v. 5, p. 35, 2018.

2.
HOEVELER, R. C.;HOEVELER, REJANE2017HOEVELER, R. C.. Introdução ao Memorando Powell. Marx e o Marxismo, v. 4, p. 343-360, 2017.

3.
HOEVELER, R. C.;HOEVELER, REJANE2017HOEVELER, R. C.. A Revolução Bolchevique no olhar de Clara Zektin. Margem Esquerda, v. 28, p. 49-55, 2017.

4.
HOEVELER, REJANE2017HOEVELER, REJANE. Hegemonia compartilhada e organizações internacionais: a proposta trilateralista dos anos 1970. Carta Internacional, v. 12, p. 55-75, 2017.

5.
HOEVELER, R. C.2017HOEVELER, R. C.. Joseph Tulchin sobre a relação entre Estados Unidos e América Latina. REVISTA ELETRÔNICA DA ANPHLAC, v. 1, p. 314-319, 2017.

6.
HOEVELER, R. C.;HOEVELER, REJANE2016HOEVELER, R. C.. Dominação e resistência nos Estados Unidos dos anos 1960: Zbigniew Brzezinski entre duas eras. Mosaico (Goiânia), v. 9, p. 8-23, 2016.

7.
HOEVELER, R. C.;HOEVELER, REJANE2014 HOEVELER, R. C.; MELO, D. B. . 'Muito além da conspiração: uma reavaliação crítica da obra de René Dreifuss'. Tempos Históricos (EDUNIOESTE), v. 18, p. 13-43, 2014.

8.
HOEVELER, R. C.;HOEVELER, REJANE2014 HOEVELER, R. C.. A internacionalização do Estado na História contemporânea: posições de um debate crítico interdisciplinar. Revista Crítica Histórica, v. 1, p. 102, 2014.

9.
HOEVELER, R. C.;HOEVELER, REJANE2013HOEVELER, R. C.. A revolução portuguesa de 1974: os cravos e as sementes. Revista História & Luta de Classes, v. 1, p. 91, 2013.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
HOEVELER, R. C.. Meio século de 1968: barricadas, história e política. 1. ed. Rio de Jjaneiro: Mauadx, 2018. v. 1.

2.
DEMIER, F.A. (Org.) ; HOEVELER, R. C. (Org.) . A onda conservadora: ensaios sobre os atuais tempos sombrios no Brasil. 1. ed. , 2016.

Capítulos de livros publicados
1.
HOEVELER, R. C.. Cronologia da campanha golpista e contrarreformista no Brasil (Março/2015-agosto/2016). In: José Antonio Peres Gedial (Coordenador); Lawrence Estivalet de Mello; Fernanda Zanin; João Luiz Arzeno da Silva (organizadores). (Org.). Estratégias autoritárias do Estado empregador: assédio e resistências. 1ed.Curitiba: Kaygangue, 2017, v. , p. 225-253.

2.
HOEVELER, R. C.. A direita transnacional em perspectiva histórica: o sentido da 'nova direita' brasileira. In: Demier, Felipe & Hoeveler, Rejane. (Org.). A onda conservadora: ensaios sobre os atuais tempos sombrios no Brasil. 1ed.Rio de Janeiro: Mauad, 2016, v. , p. 77-92.

3.
HOEVELER, R. C.; MELO, D. B. . A agenda anti-corrupção e as armadilhas da pequena politica. In: Hoeveler, Rejane & Demier, Felipe. (Org.). A onda conservadora: ensaios sobre os atuais tempos sombrios no Brasil. 1ed.Rio de Janeiro: Mauad, 2016, v. , p. 57-66.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
HOEVELER, R. C.. Considerações sobre o conceito gramsciano de aparelho privado de hegemonia. In: IX Simpósio Nacional Estado e Poder: Gramsci na pesquisa histórica, 2016, Rio de Janeiro. Anais do IX Simpósio Nacional Estado e Poder: Gramsci na pesquisa histórica, 2016. v. 1.

2.
HOEVELER, R. C.. Hegemonia compartilhada e organizações internacionais: a proposta trilateralista dos anos 1970. In: 3o. Seminário de Relações Internacionais: graduação e pós-graduação, 2016, Florianópolis. Anais do 3o. Seminário de Relações Internacionais: graduação e pós-graduação, 2016. v. 1.

3.
HOEVELER, R. C.. O trilateralismo e a política externa norte-americana dos anos 1970. In: XVII Encontro de História da Anpuh-Rio: entre o local e o global, 2016, Nova Iguaçu, RJ. Anais do XVII Encontro de História da Anpuh-Rio: entre o local e o global, 2016.

4.
HOEVELER, R. C.. O conceito de elite orgânica transnacional em René Dreifuss e o caso da Comissão Trilateral. In: Marx e o marxismo 2015: Insurreições, passado e presente, 2015, Niterói-RJ. Anais do Marx e o marxismo 2015: Insurreições, passado e presente, 2015.

5.
HOEVELER, R. C.. Elite orgânica e ditadura empresarial-militar: a contribuição de René Dreifuss. In: XVI Encontro Regional de História da Anpuh-Rio, 2014, Rio de Janeiro. Anais do XVI Encontro Regional de História da Anpuh-Rio. Rio de Janeiro, 2014.

6.
HOEVELER, R. C.. Gramsci, as Relações Internacionais e o Capitalismo Contemporâneo: as antinomias da 'escola neogramsciana'. In: XXVII Simpósio Nacional de História, 2013, Natal. Anais do XXVII Simpósio Nacional de História, 2013. p. 1-13.

7.
HOEVELER, R. C.. 'Apontamentos teórico-analíticos sobre as (im)possibilidades da democracia no Brasil, a partir da 'transição democrática' de 1974 a 1989. In: Marx e o Marxismo 2013: Marx hoje, 130 anos depois, 2013, Niterói-RJ. Anais do Marx e o marxismo 2013: Marx hoje, 130 anos depois, 2013.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
HOEVELER, R. C.. 'Transição democrática no Brasil: notas para um balanço historiográfico'. In: XXXIII Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica, Artística e Cultural, 2011, Rio de Janeiro. XXXIII Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica, Artística e Cultural, 2011. p. 372.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
HOEVELER, R. C.. René Dreifuss: uma introdução crítica a suas categorias teóricas e ao chamado ?conspiracionismo?. In: II Colóquio Internacional O Colapso das ditaduras: rupturas e continuidades, 2014, São Luís do Maranhão-MA. Caderno de Programação do II Colóquio Internacional O Colapso das ditaduras: Rupturas e continuidades (CD-ROOM), 2014. p. 16-16.

2.
HOEVELER, R. C.. 'Samuel Huntington, a ciência política e o projeto de distensão política do governo Geisel'. In: XXXIV Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica, Tecnológica, Artística e Cultural, 2012, Rio de Janeiro. XXXIV Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica, Tecnológica, Artística e Cultural, 2012. p. 320.

Apresentações de Trabalho
1.
HOEVELER, R. C.. Imperialismo, neoliberalismo e organizações empresariais nas Américas: o caso do Council of the Americas. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

2.
HOEVELER, R. C.. Nacionalismo e cosmopolitismo: clivagens da direita nos Estados Unidos dos anos 1970. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

3.
HOEVELER, R. C.. Imperialismo, neoliberalismo e organizações empresariais nas Américas: o caso do Council of the Americas. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

4.
HOEVELER, R. C.. O Conselho das Américas e o conceito de capital-imperialismo. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

5.
HOEVELER, REJANE. ?Imperialismo e neoliberalismo nas Américas: o caso do Council of the Americas?. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

6.
HOEVELER, R. C.. Coerção e consenso na atual onda conservadora. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

7.
HOEVELER, R. C.. Estado, formas de dominação e regimes políticos no Brasil contemporâneo. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

8.
HOEVELER, R. C.. O trilateralismo como alternativa imperialista na crise dos anos 1970: Joseph Nye, Zbigniew Brezinski e a Comissão Trilateral. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

9.
HOEVELER, R. C.. Considerações sobre o conceito gramsciano de aparelho privado de hegemonia. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

10.
HOEVELER, R. C.. Hegemonia compartilhada e organizações internacionais: a proposta trilateralista dos anos 1970. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

11.
HOEVELER, R. C.. A onda conservadora: ensaios sobre os atuais tempos sombrios no Brasil. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

12.
HOEVELER, R. C.. O trilateralismo e a política externa norte-americana dos anos 1970. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

13.
HOEVELER, R. C.. O conceito de elite orgânica transnacional em René Dreifuss e o caso da Comissão Trilateral. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

14.
HOEVELER, R. C.. Transições em perspectiva internacional: o caso da Comissão Trilateral e o Brasil. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

15.
HOEVELER, R. C.. René Dreifuss: uma introdução crítica a suas categorias teóricas e ao chamado ?conspiracionismo?. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

16.
HOEVELER, R. C.. Elite orgânica e ditadura empresarial-militar: a contribuição de René Dreifuss. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

17.
HOEVELER, R. C.. 'René Dreifuss e o golpe de 1964: sobre teorias e 'conspiracionismos''. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

18.
HOEVELER, R. C.. Gramsci, as relações internacionais e o capitalismo contemporâneo: as antinomias da 'escola neogramsciana'. 2013. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

19.
HOEVELER, R. C.. Mudar tudo para não mudar nada: o debate sobre a 'descompressão política' brasileira no início dos anos 1970. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

20.
HOEVELER, R. C.. Apontamentos teórico-analíticos sobre as (im)possibilidades históricas da democracia no Brasil, a partir da 'transição democrática' de 1974 a 1989. 2013. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

21.
HOEVELER, R. C.. A distensão gradualista: elaboração civil e militar no projeto estratégico de Golbery e Geisel (1972-1973). 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

22.
HOEVELER, R. C.. 'Samuel Huntington e a transição gradualista no Brasil (1972-1974)'. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

23.
HOEVELER, R. C.. 'Samuel Huntington, a ciência política e o projeto de distensão política do governo Geisel'. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

24.
HOEVELER, R. C.. "Transição democrática no Brasil: notas para um balanço historiográfico". 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).


Produção técnica
Redes sociais, websites e blogs
1.
HOEVELER, R. C.. Sobre 'Argo', ou o que os Estados Unidos devem fazer com o Irã. 2013; Tema: Política externa norte-americana; relações com o Irã.. (Blog).

2.
HOEVELER, R. C.. 'Um filme, uma questão: o 'No' a Pinochet'. 2013; Tema: Ditadura chilena. (Blog).


Demais tipos de produção técnica
1.
MELO, D. B. ; CAMPOS, P. ; LEMOS, Renato L. do C. e ; ARÊAS, J.B. ; MARTINS FILHO, J. R. ; PESTANA, M. ; ARRUDA, Marcos ; SPOHR, Martina ; BORTONE, E. ; HOEVELER, R. C. . 'Os civis que colaboraram com a ditadura' (Capítulo VIII do volume II do Relatório Final da Comissão Nacional da Verdade). 2014. (Capítulo do Relatório Final da Comissão Nacional da Verdade (CNV)).

2.
HOEVELER, R. C.. "Relatório anual de Iniciação Científica". 2010. (Relatório de pesquisa).



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
I Colóquio Polis Theo Lombariñas Pinheiro.O Council of the Americas e o imperialismo contemporâneo. 2017. (Outra).

2.
Colóquio Internacional Marx e o marxismo 2015: Insurreições, passado e presente.O conceito de elite orgânica transnacional em Renpe Dreifuss e o caso da Comissão Trilateral. 2015. (Simpósio).

3.
IV Simpósio de Pesquisa Estado e Poder: Ditaduras e Democracias.Apontamentos teórico-analíticos sobre as (im)possibilidades históricas da democracia no Brasil, a partir da 'transição democrática' de 1974 a 1989. 2013. (Simpósio).

4.
XXVII Encontro Nacional de História - Conhecimento histórico e diálogo social.Gramsci, as relações internacionais e o capitalismo contemporâneo: as antinomias da 'escola neogramsciana'. 2013. (Encontro).

5.
XXVII Simpósio Nacional de História.Gramsci, as relações internacionais e o capitalismo contemporâneo: as antinomias da ?escola neogramsciana?. 2013. (Simpósio).

6.
Seminário Internacional "História Contemporânea: Memória, Trauma e Reparação" (ouvinte). 2012. (Seminário).

7.
International Conference Strikes and Social Conflicts XX Century (ouvinte). 2011. (Congresso).

8.
XXVI Simpósio Nacional de História (ANPUH) (ouvinte). 2011. (Simpósio).

9.
XXXIII Jornada Giulio Massarani de Iniciação Científica, Artística e Cultural."Transição democrática no Brasil: notas para um balanço historiográfico". 2011. (Encontro).

10.
Seminário Encruzilhadas da América Latina no século XXI (ouvinte). 2010. (Seminário).

11.
Seminário Internacional Gramsci e os movimentos populares (ouvinte). 2010. (Seminário).

12.
XIV Encontro Regional de História da ANPUH-RJ: Memória e Patrimônio (ouvinte). 2010. (Encontro).

13.
XXV Simpósio Nacional de História - História e Ética (ouvinte). 2009. (Simpósio).

14.
Diálogos & Aproximações: Seminário de Pesquisa de Pós-Graduação em História da UFRJ(ouvinte). 2008. (Seminário).

15.
V Simpósio Estado e Poder: Hegemonia (ouvinte). 2008. (Simpósio).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Hugo Castro ; HOEVELER, R. C. . "?O choque neoliberal no Chile: analisando a implementação do El Ladrillo no imediato pós 1973?. 2018. (Outro).

2.
HOEVELER, R. C.. "Ser jovem e não se rebelar? Relembrando 1968 em tempos conservadores". 2018. (Outro).

3.
GONÇALVES, G.L. ; Hugo Castro ; MALAGUTI, V. ; HOEVELER, R. C. . ?Crime e encarceramento na periferia do capitalismo: um olhar comparativo entre Brasil e Chile?. 2018. (Outro).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 17/10/2018 às 9:51:55