Gustavo Diniz Ferreira Gusso

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/4492632210215513
  • Última atualização do currículo em 28/07/2017


Possui Graduação em Medicina pela Universidade de São Paulo, Residência em Medicina de Família e Comunidade pelo Grupo Hospitalar Conceição, Mestrado em Medicina de Família pela University of Western Ontário e Doutorado em Ciências Médicas pela Universidade de São Paulo. É membro efetivo do Wonca International Classification Committee e Professor Doutor da Disciplina de Clinica Geral da Universidade de São Paulo. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Gustavo Diniz Ferreira Gusso
Nome em citações bibliográficas
GUSSO G;Gusso, Gustavo;Gusso, Gustavo Diniz Ferreira;Gusso, GDF;GUSSO, GUSTAVO D. F.

Endereço


Endereço Profissional
Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, Departamento de Clinica Médica.
Av Enéas Carvalho de Aguiar, 155 (8º andar, bloco 3)
Pinheiros
05403000 - São Paulo, SP - Brasil
Telefone: (11) 30696300
URL da Homepage: http://www.clinicamedicafmusp.com.br/


Formação acadêmica/titulação


2005 - 2009
Doutorado em Medicina (Clínica Médica).
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: Diagnóstico de demanda em Florianópolis utilizando a Classificação Internacional de Atenção Primária: 2ª edição (CIAP-2), Ano de obtenção: 2009.
Orientador: Isabela Judith Martins Bensenor.
Palavras-chave: medicina de família e comunidade; atenção primária à saúde; classificação internacional de atenção primária; epistemologia das classificações.
Grande área: Ciências da Saúde
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
2005 - 2010
Mestrado em Master of Clinical Science.
The University of Western Ontario, UWO, Canadá.
Título: Statistical tests using data of Family Practice Patient's Problems in Florianópolis,Ano de Obtenção: 2010.
Orientador: Moira Stewart.
Palavras-chave: atenção primária à saúde; classificação internacional de atenção primária; epistemologia das classificações; medicina de família e comunidade.
Grande área: Ciências da Saúde
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
2002 - 2003
Especialização - Residência médica.
Hospital Nossa Senhora da Conceição, GHC, Brasil. Residência médica em: Medicina de Família e Comunidade
Número do registro: 60430-1.
Bolsista do(a): Hospital Nossa Senhora da Conceição S.A., HNSC, Brasil.
Palavras-chave: medicina de família e comunidade.
Grande área: Ciências da Saúde
Setores de atividade: Atividades de atenção à saúde humana.
1994 - 2000
Graduação em Medicina.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.




Formação Complementar


2012 - 2012
SUPERA - 4ª edição. (Carga horária: 120h).
Universidade Federal de São Paulo, UNIFESP, Brasil.
2004 - 2006
Acupuntura. (Carga horária: 384h).
Centro de Estudo Integrado de Medicina Chinesa, CEIMEC, Brasil.
2004 - 2004
Intercâmbio. (Carga horária: 40h).
The University of Western Ontario, UWO, Canadá.
2003 - 2003
Cross-Cultural Primary Care. (Carga horária: 40h).
University College London, UCL, Grã-Bretanha.
2003 - 2003
Intercâmbio. (Carga horária: 80h).
Secretaria Municipal de Saúde de São Paulo, SMS, Brasil.
2003 - 2003
Intercâmbio. (Carga horária: 80h).
University College London, UCL, Grã-Bretanha.
2003 - 2003
Intercâmbio. (Carga horária: 80h).
Coordenação do Internato de Clinica Geral da Zona Sul, Portugal, CICCG-ZS, Portugal.
2003 - 2003
Intercâmbio. (Carga horária: 80h).
Centro de Salud Salvador Caballero, Espanha, CSSC, Espanha.
2002 - 2002
Terapia de Família. (Carga horária: 215h).
Instituto da Pessoa do Terapeuta, IPT, Brasil.
2001 - 2001
Estágio de Adaptação e Serviço. (Carga horária: 450h).
Força Aérea Brasileira, FAB, Brasil.
1999 - 2000
Curso de Formação em Psicanálise. (Carga horária: 740h).
Centro de Estudos Psicanaliticos, CEP, Brasil.
1998 - 1998
Extensão universitária em Liga de Puericultra da FMUSP. (Carga horária: 200h).
Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, FMUSP, Brasil.
1997 - 1997
Intercâmbio. (Carga horária: 80h).
Instituto Superior de Ciências Médicas de Villa Clara, ISCM-VC, Cuba.


Atuação Profissional



Federação das Unimeds do Estado de São Paulo, FESP, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - 2015
Vínculo: Consultor, Enquadramento Funcional: Consultor, Carga horária: 4
Outras informações
Consultor da área de Organização dos Serviços e Atenção Primária à Saúde


Faculdade de Medicina Santa Marcelina, FASM, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - 2013
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Coordenador da Atenção Primária à Saúde, Carga horária: 12


AMIL-ASSIST. MEDICA INTERNACIONAL LTDA., AMI_FORN, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - 2013
Vínculo: Pessoa Juridica, Enquadramento Funcional: Médico Regulador, Carga horária: 20
Outras informações
Médico Regulador das Unidades Avançadas


Insper Instituto de Ensino e Pesquisa, INSPER, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - Atual
Vínculo: Professor Convidado, Enquadramento Funcional: Convidado, Carga horária: 0
Outras informações
Professor de Organização dos Serviços do MBA Executivo em Gestão de Saúde Einstein - Insper


Universidade Federal de São Paulo, UNIFESP, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - 2012
Vínculo: Tutor, Enquadramento Funcional: Tutor da Unasus, Carga horária: 10


Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
Vínculo institucional

2009 - 2009
Vínculo: Professor substituto, Enquadramento Funcional: Professor substituto do Dep. de Pediatria, Carga horária: 40
Outras informações
Preceptor de Medicina de Família e Comunidade dos alunos da 5ª a 12ª fase do curso de medicina


Ministério da Saúde, MS, Brasil.
Vínculo institucional

2007 - 2008
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Coordenador de Ações Estratégicas, Carga horária: 40
Outras informações
Atividades desenvolvidas: * coordenação da concepção do Programa de Educação para o Trabalho na Saúde (PET Saúde) * colaboração nas atividades de coordenação do ProSaúde * suporte aos 9 estados participantes da fase piloto do programa Telessaude Brasil * representação do Ministério da Saúde na Comissão Nacional de Residência Médica * coordenação da avaliação de projetos para financiamento das residências médicas pelo Ministério da Saúde, especialmente nas áreas de Medicina de Família e Comunidade e Residência Multiprofissional em Saúde da Família

Vínculo institucional

2006 - 2007
Vínculo: Assessor, Enquadramento Funcional: Assessor do Diretor do Dep. de Atenção Básica, Carga horária: 20
Outras informações
Atividades desenvolvidas: * Revisão técnica da Programação para Gestão por Resultados na Atenção Básica (PROGRAB) * Assessoria técnica com Departamento de Gestão da Educação na Saúde (DEGES) para fins de integração do ensino com o serviço na Atenção Básica


Secretaria Municipal da Saúde de Florianópolis, SMS, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - 2011
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Médico, Carga horária: 40
Outras informações
Atividades: * Coordenador do Centro de Saúde do Saco Grande de novembro de 2006 a abril de 2007 * Diretor do Distrito Sanitário Norte de junho de 2009 a março de 2010 * Coordenador do Centro de Saúde do Santinho de abril de 2010 a janeiro de 2011 * Representante da Secretaria Municipal de Saúde de Florianópolis no Prosaúde da Universidade Federal de Santa Catarina de março de 2008 a abril de 2011

Atividades

03/2008 - 04/2011
Conselhos, Comissões e Consultoria, Secretaria Municiapl de Saúde, .

Cargo ou função
Representante da Secretaria Municipal de Saúde de Florianópolis no Prosaúde da Universidade Federal de Santa Catarina.
04/2010 - 01/2011
Direção e administração, CS Santinho, .

Cargo ou função
Coordenador.
06/2009 - 03/2010
Direção e administração, Distrito Sanitário Norte, .

Cargo ou função
Diretor.
11/2006 - 04/2007
Direção e administração, CS Saco Grande, .

Cargo ou função
Coordenador.

Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, FMUSP, Brasil.
Vínculo institucional

2013 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor Doutor, Carga horária: 24
Outras informações
Supervisor da Residência de Medicina de Família e Comunidade Coordenador da Disciplina Atenção Primária à Saúde 3 (Internato em Medicina de Família e Comunidade)

Vínculo institucional

2011 - 2013
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor Doutor, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

2005 - 2006
Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Preceptor, Carga horária: 28
Outras informações
Preceptor do Programa de Residência em Medicina de Família e Comunidade da Universidade de São Paulo

Atividades

03/2013 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Departamento de Clinica Médica, .

08/2012 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Departamento de Clinica Médica, .


Wonca International Classification Committee, WICC, Cingapura.
Vínculo institucional

2005 - Atual
Vínculo: Full member, Enquadramento Funcional: Membro, Carga horária: 8

Vínculo institucional

2013 - 2016
Vínculo: Diretor, Enquadramento Funcional: Diretor, Carga horária: 10


Fundação Faculdade de Medicina, FFM, Brasil.
Vínculo institucional

2004 - 2006
Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Médico, Carga horária: 40
Outras informações
Atividades: * Ensino nas Disciplinas de Atenção Primária à Saúde do 1º e 3 º anos[ * Preceptoria na Unidade de Saúde Jardim São Jorge para alunos do 1º e 3º ano * Preceptoria na Unidade de Saúde do Jardim São Jorge para alunos da Liga de Saúde da Família * Ativa atuação na concepção do Programa de Residência em Medicina de Família e Comunidade da Universidade de São Paulo * Preceptoria para R1 e R2 do Programa de Residência em Medicina de Família e Comunidade da Universidade de São Paulo

Atividades

02/2007 - 06/2008
Ensino, Medicina, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Atenção Primária à Saúde
02/2007 - 06/2008
Ensino, Medicina, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
Residência em Medicina de Família e Comunidade

Sociedade Brasileira de Medicina de Familia e Comunidade, SBMFC, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - Atual
Vínculo: Diretor de Publicação, Enquadramento Funcional: Diretor de Publicação, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2015 - Atual
Vínculo: Editor da RBMFC, Enquadramento Funcional: Editor da RBMFC, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2014 - 2016
Vínculo: Diretor Científico, Enquadramento Funcional: Diretor Científico, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2008 - 2012
Vínculo: Presidente, Enquadramento Funcional: Presidente, Carga horária: 20
Outras informações
Principais atividades: * Congressos Nacionais e Estaduais * Titulo de Especialista em Medicina de Família e Comunidade: TEMFC * Diretrizes para a Associação Medica Brasileira * Curso de Especialização: Casos Complexos * Programa de Educação Médica Continuada em Medicina de Família e Comunidade (parceria com Semcad) * Oficina de Capacitação de Preceptores * Revista Brasileira de Medicina de Família e Comunidade * Organização de intercâmbio com outros países focado em preceptoria de residência * Assessoria de imprensa (leiga) * Publicação da Revista Saúde da Família (público leigo) * Site/ conteúdo para profissionais * Representação em fóruns e iniciativas federais, estaduais e municipais * Participação nos Fóruns da Associação Médica Brasileira e Organização Mundial dos Médicos de Família (Wonca) * Publicação da Classificação Internacional de Atenção Primária - 2ª edição (CIAP-2) * Publicação do Manual da Oficina de Capacitação de Preceptores * Publicação em parceria com a ArtMed dos livros Medicina Centrada na Pessoa (Stewart M & cols), Manual de Medicina de Família e Comunidade (Mc Whinney IR, Freeman T), Estratégias da Medicina Preventiva (Rose G)

Vínculo institucional

2006 - 2008
Vínculo: Diretor, Enquadramento Funcional: Diretor de Residência, Carga horária: 20
Outras informações
Principais atividades: estruturação da oficina de capacitação de preceptores (mais de 400 preceptores capacitados em 2 anos), vistorias de residências e suporte a novos programas

Vínculo institucional

2004 - 2006
Vínculo: Diretor, Enquadramento Funcional: Diretor Cultural e de Divulgação, Carga horária: 20
Outras informações
Principais atividades: divulgação da entidade, estruturação do novo portal, organização de eventos, conquista de novos sócios (passou de 200 a mais de 2000 em dois anos)


Conselho Regional de Medicina do Estado de São Paulo, CREMESP, Brasil.
Vínculo institucional

2013 - Atual
Vínculo: Membro da Câmara Técnica de MF, Enquadramento Funcional: Membro da Câmara Técnica de MFC, Carga horária: 4

Vínculo institucional

2004 - 2006
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Membro Suplente da Comissão de Ética Médica, Carga horária: 0


Casa de Saúde Santa Marcelina, CSSM, Brasil.
Vínculo institucional

2004 - 2004
Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Médico generalista, Carga horária: 40


Associação Nacional dos Médicos Residentes, ANMR, Brasil.
Vínculo institucional

2003 - 2004
Vínculo: Diretor, Enquadramento Funcional: Diretor de Educação Médica, Carga horária: 20
Outras informações
Solicitei desligamento antes do fim do mandato


Base Aerea de Boa Vista, BABV, Brasil.
Vínculo institucional

2001 - 2002
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: 2º Tenente Médico, Carga horária: 20


Centro Acadêmico Oswaldo Cruz, CAOC, Brasil.
Vínculo institucional

1998 - 1998
Vínculo: Diretor, Enquadramento Funcional: Diretor de Internato

Vínculo institucional

1997 - 1997
Vínculo: Diretor, Enquadramento Funcional: Diretor Social

Vínculo institucional

1996 - 1996
Vínculo: Diretor, Enquadramento Funcional: Diretor Social


American Academy of Family Physicians, AAFP, Estados Unidos.
Vínculo institucional

2015 - Atual
Vínculo: Member, Enquadramento Funcional: Member, Carga horária: 8
Outras informações
Membro



Linhas de pesquisa


1.
Problem Based Interview - Avaliação estruturada da análise de consultas filmadas
2.
Avaliação da organização dos serviços em Atenção Primária à Saúde através do Primary Care Assessment Tool


Projetos de pesquisa


2014 - Atual
Avaliação das Unidades Básicas de Saúde, Equipes de Saúde da Família e Assistência Médica Ambulatorial usando o Primary Care Assessment Tool
Descrição: Introdução: Os centros de saúde desde que foram implantados no Brasil na primeira metade do século XX passaram por muitas transformações. Até a Constituição de 1988 o Ministério da Saúde tinha a prerrogativa de ações de prevenção e promoção enquanto o Ministério da Previdência Social ficava com a responsabilidade da assistência. Com o advento do Sistema Único de Saúde (SUS) essas ações foram unificadas no Ministério da Saúde com consequências para a Atenção Básica. A criação do Programa Saúde da Família em 1994, transformado em Estratégia Saúde da Família em 1997 foi um processo natural para dar resposta a demanda criada por esta integração entre ações de prevenção, cura e reabilitação. Hoje a Estratégia Saúde da Família cobre aproximadamente 50% da população brasileira e conta com mais de 1000 equipes na cidade de São Paulo. Porém, não tem sido suficiente e a demanda por consultas além do elevado numero de pessoas coberta por equipe obrigou os governos a criar serviços focados para consultas não agendadas ou pequenas urgências. Enquanto no restante do Brasil este serviço foi denominado Unidade de Pronto Atendimento (UPA), em São Paulo recebeu o nome de Assistência Médica Ambulatorial (AMA). Por serem porta de entrada do sistema e majoritariamente ambulatorial podem ser considerados serviços de Atenção Básica. Para medir a efetividade da Atenção Básica há algumas metodologias. O Ministério da Saúde lançou o Programa para Melhoria do Acesso e da Qualidade (PMAQ) cujo instrumento não é validado o que torna esta análise principalmente qualitativa. No mundo todo o instrumento mais usado, e validado para o Brasil, é o Primary Care Assessment Tool (PCATool) que segue os atributos nucleares da atenção primária: acesso, coordenação, longitudinalidade e integralidade. Metodologia: Serão criados três eixos. O primeiro será o principal visando a aplicação do PCATool versões adulto e criança para a população das quatro Estratégias Saúde da Família (ESF) que recebem residentes de medicina de família e comunidade e alunos de medicina da Universidade de São Paulo. Também serão aplicados os questionários aos pacientes através de amostra por conveniência (pacientes consecutivos) dos quatro serviços de Assistência Médica Ambulatorial que são cogeridas pela Fundação Faculdade de Medicina. No segundo eixo serão aplicadas as versões profissionais da saúde do PCATool para os médicos e enfermeiros das mesmas equipes. No terceiro eixo serão visitadas casas por amostragem aleatória para avaliação do grau de afiliação, ou seja, para avaliar quais serviços a população da região adota como porta de entrada do sistema de saúde..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2012 - 2015
Avaliação da observação estruturada de consultas filmadas na Atenção Primária à Saúde
Descrição: Introdução: A relação médico-paciente é um dos pilares da medicina, mas relegada como matéria de investigação científica. Há mais de cinqüenta anos, Michael Ballint e outros autores mostraram que essa interação é uma habilidade que pode ser aprendida e, conseqüentemente deveria ser ensinada. Em faculdades de medicina, o treino da habilidade de comunicação é em geral transversal cobrindo diversas disciplinas como "propedêutica" ou "semiologia". Elegemos como temas relevantes a serem ensinados a utilização apropriada do tempo, a contradição entre as prioridades trazidas pelo paciente e aquelas consideradas pelo médico e, principalmente a abordagem centrada na pessoa focando sentimentos, expectativas e medos de cada paciente . O método de abordagem escolhido foi a filmagem da consulta, também chamada "autoscopia". Embora em muitos paises esta seja uma atividade obrigatória na graduação médica e programas de residência, no Brasil ainda é incipiente. Metodologia: Serão formados dois grupos de no máximo quinze (quinze) pessoas. Um será de alunos do quarto ou quinto anos da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo e o outro será de residentes de Medicina de Família e Comunidade da mesma instituição. O curso será optativo para os alunos e residentes nesta fase do projeto e cada turma fará dezoito seções. O aluno terá concluído o curso se tiver realizado no mínimo quinze seções com pelo menos uma consulta filmada e analisada. Há metodologias estudadas para se conduzir tanto o processo de filmagem quanto a avaliação em grupo. A metodologia que este projeto adotará é a Entrevista Baseada em Problemas ou Problem Based Interview (PBI). Todos os integrantes devem se comprometer a trazer as consultas filmadas. Os encontros serão quinzenais e terão duração de duas horas. Cada quinzena um aluno ou residente deve ajudar a coordenar e colaborar para a continência do grupo, embora a responsabilidade seja do docente. Este coordenador discente deve ser o responsável por parar a reprodução sempre que qualquer membro demandar. Muitas vezes os pedidos para parar são realizados com cenas de 15 segundos ou um pouco mais. O coordenador deve assegurar que a pessoa que está sendo avaliada tem o direito de se manifestar primeiro. Estas são as regras básicas do PBI. O coordenador deve direcionar a discussão e fazer perguntas como "o que o paciente parece desejar", "que tipo de emoção o paciente está apresentando", "como o médico está se sentindo neste momento", "o que os demais membros do grupo fariam". O coordenador deve sempre advertir para que os comentários sejam feitos com cuidado e de forma construtiva e, de preferência, sempre os membros devem externar primeiro os pontos positivos. Todos devem se colocar no lugar do profissional filmado e o coordenador pode solicitar uma dramatização para ajudar no "feed back". O objetivo do PBI é ensinar a aproveitar as possibilidades de empatia e os aspectos chave da comunicação. A análise de uma consulta de 15 minutos pode durar duas horas ou mais e como se para muitas vezes pode-se perder o contexto. Por isso o foco do PBI é mais relacionado a sensibilização diante dos sentimentos do paciente mais do que com o aspecto global da entrevista. Assim, uma vez a cada quatro meses (duas seções do curso) o método PBI poderá ser complementado com o "método de visualização global" quando os comentários só poderão ser realizados depois de se assistir a consulta toda. A escolha da consulta a ser apresentada é livre e em geral há possibilidades de discussão surpreendentes em cada consulta. Porém, o foco está nas habilidades de comunicação e deve-se evitar a "psicologização" da consulta (ou a "balintização") sendo esta uma tarefa também do docente. O consentimento livre e esclarecido deve ser obtido rotineiramente com o paciente, de preferência pelo próprio profissional ou aluno que vai ser analisado..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Membro de corpo editorial


2015 - Atual
Periódico: Revista Brasileira de Medicina da Família e Comunidade
2011 - 2015
Periódico: Revista Brasileira de Medicina da Família e Comunidade


Revisor de periódico


2011 - Atual
Periódico: Revista Brasileira de Medicina da Família e Comunidade
2010 - Atual
Periódico: Family Practice (Print)
2012 - Atual
Periódico: Revista Brasileira de Epidemiologia (Impresso)
2012 - Atual
Periódico: Interface (UNI/UNESP. Online)
2012 - Atual
Periódico: Canadian Family Physician
2016 - Atual
Periódico: BMJ Open


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Medicina de Família e Comunidade.
2.
Grande área: Ciências da Saúde / Área: Medicina / Subárea: Saúde Pública/Especialidade: Atenção Primária à Saúde.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.


Prêmios e títulos


2013
Premio Jabuti de Melhor Livro de Ciências da Saúde (Tratado de Medicina de Família e Comunidade), Camara Brasileira do Livro.
2009
Honorary Member, Faculty of Public Health of the Royal Colleges of Physicians of the United Kingdom.
2008
Direct Member, World Organization of Family Doctors (WONCA).
2004
Título de Especialista em Medicina de Família e Comunidade, Sociedade Brasileira de Medicina de Família e Comunidade/ Associação Médica Brasileira.
2000
Certificado de Qualificação Profissional, Associação Médica do Rio Grande do Sul.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
1MELO, MARCIO2017MELO, MARCIO ; GUSSO, GUSTAVO D. F. ; LEVITES, MARCELO ; AMARO, EDSON ; MASSAD, EDUARDO ; LOTUFO, PAULO A. ; ZEIDMAN, PETER ; PRICE, CATHY J. ; FRISTON, KARL J. . How doctors diagnose diseases and prescribe treatments: an fMRI study of diagnostic salience. Scientific Reports, v. 7, p. 1304, 2017.

2.
2Gusso, Gustavo Diniz Ferreira2017Gusso, Gustavo Diniz Ferreira. Programa Mais Médicos: análise dos potenciais riscos e benefícios a partir da experiência como supervisor no município de Jandira. REVISTA BRASILEIRA DE MEDICINA DA FAMÍLIA E COMUNIDADE, v. 12, p. 1, 2017.

3.
3ORLANDIN, EDUARDO ANTÔNIO DE SOUSA2016ORLANDIN, EDUARDO ANTÔNIO DE SOUSA ; MOSCOVICI, LEONARDO ; FRANZON, ANA CAROLINA ARRUDA ; PASSOS, AFONSO DINIS COSTA ; FABBRO, AMAURY LELIS DAL ; VIEIRA, ELISABETH MELONI ; BELLISSIMO-RODRIGUES, FERNANDO ; Gusso, Gustavo Diniz Ferreira ; FERREIRA, JANISE BRAGA BARROS ; MARQUES, JOÃO MAZZONCINI DE AZEVEDO ; RIBEIRO, LUCIANA CISOTO ; SANTOS, LUCIANE LOURES DOS ; DEMARZO, MARCELO MARCOS PIVA ; FONTÃO, PAULO CELSO NOGUEIRA ; SOUZA, JOÃO PAULO . Uma agenda de pesquisa para a Atenção Primária à Saúde no estado de São Paulo, Brasil: o estudo ELECT. Interface (Botucatu. Online), v. 21, p. 349-361, 2016.

4.
4BRUNELLI, BRUNO2016BRUNELLI, BRUNO ; Gusso, Gustavo Diniz Ferreira ; SANTOS, ITAMAR SOUZA ; BENSEÑOR, ISABELA JUDITH MARTINS . Avaliação da presença e extensão dos atributos de atenção primária em dois modelos coexistentes na rede básica de saúde do Município de São Paulo. REVISTA BRASILEIRA DE MEDICINA DA FAMÍLIA E COMUNIDADE, v. 11, p. 1, 2016.

5.
6Gusso, Gustavo2016Gusso, Gustavo; POLI, PAULO . A medicina de família e comunidade revista. REVISTA BRASILEIRA DE MEDICINA DA FAMÍLIA E COMUNIDADE, v. 11, p. 1, 2016.

6.
5GUSSO G2016GUSSO G; BOTTI, C. . O Registro Eletrônico como Ferramenta de Trabalho da Medicina de Família e Comunidade.. PROMEF - Programa de Atualização em Medicina de Família e Comunidade, v. 3, p. 9-39, 2016.

7.
7Gusso, Gustavo Diniz Ferreira2015Gusso, Gustavo Diniz Ferreira; KNUPP, DANIEL ; TRINDADE, THIAGO GOMES DA ; JUNIOR, NULVIO LERMEN ; NETO, PAULO POLI . Bases para um Novo Sanitarismo. REVISTA BRASILEIRA DE MEDICINA DA FAMÍLIA E COMUNIDADE, v. 10, p. 1, 2015.

8.
8GOMES, LUÍS FILIPE2015GOMES, LUÍS FILIPE ; Gusso, Gustavo ; JAMOULLE, MARC . Teaching and learning quaternary prevention. REVISTA BRASILEIRA DE MEDICINA DA FAMÍLIA E COMUNIDADE, v. 10, p. 1, 2015.

9.
9Gusso, Gustavo Diniz Ferreira2015Gusso, Gustavo Diniz Ferreira; POLI NETO, PAULO . De pessoa a pessoa passando pela doença. REVISTA BRASILEIRA DE MEDICINA DA FAMÍLIA E COMUNIDADE, v. 10, p. 1, 2015.

10.
10Gusso, Gustavo Diniz Ferreira2015Gusso, Gustavo Diniz Ferreira. Pesquisando o dia a dia. REVISTA BRASILEIRA DE MEDICINA DA FAMÍLIA E COMUNIDADE, v. 10, p. 1, 2015.

11.
11GUSSO G2014GUSSO G. Sobrediagnóstico. PROMEF - Programa de Atualização em Medicina de Família e Comunidade, v. 1, p. 9-25, 2014.

12.
13GUSSO G2013GUSSO G; BENSENOR, I. M. . A methodological proposal to research patients? demands and pre-test probabilities using paper forms in primary care settings. Revista Brasileira de Medicina de Família e Comunidade, v. 8, p. 97-105, 2013.

13.
12GUSSO G2013 GUSSO G; LOTUFO, P. A. ; BENSENOR, I. M. . Assessment of pre-test probability in Primary Health Care using the International Classification of Primary Care - 2 (ICPC-2). Revista Brasileira de Medicina de Família e Comunidade, v. 8, p. 112-120, 2013.

14.
18GUSSO G2012GUSSO G; BENSENOR, I. J. M. ; OLMOS R D . Terminologia da Atenção Primária à Saúde. Revista Brasileira de Educação Médica (Impresso), v. 36, p. 96-99, 2012.

15.
14RONCOLETTA, A. F. T.2012 RONCOLETTA, A. F. T. ; GUSSO G ; Benseñor, I ; LOTUFO, P. A. . A Reappraisal in São Paulo, Brazil (2008) of "The Ecology of Medical Care:" The "One Per Thousand's Rule".. Family Medicine, v. 44, p. 247-251, 2012.

16.
17GUSSO G2012GUSSO G; SOUZA, R. A. . Prevenção quaternária: do conceito à prática. PROMEF - Programa de Atualização, v. 2, p. 9-28, 2012.

17.
15DEMARZO, MARCELO MARCOS PIVA2012DEMARZO, MARCELO MARCOS PIVA ; ALMEIDA, RODRIGO CARIRI CHALEGRE DE ; MARINS, JOÃO JOSÉ NEVES ; TRINDADE, THIAGO GOMES DA ; ANDERSON, MARIA INEZ PADULA ; STEIN, AIRTON TETELBOM ; GUIMARÃES, FABIANO GONÇALVES ; OLIVEIRA, FELIPE PROENÇO DE ; CARVALHO, FERNANDA PLESMANN DE ; SILVA, FLAVIO DIAS ; OLIVEIRA, FRANCISCO ARSEGO DE ; CARLOS, GUSTAVO TENÓRIO ; MARQUES, JACIARA BEZERRA ; GENIOLE, LEIKA APARECIDA ISHIGAMA ; SILVEIRA, LIA MÁRCIA CRUZ DA ; PINTO, MARIA EUGÊNIA BRESOLIN ; SILVA, NAYRA ALMEIDA DA ; BAGATELLI, RODRIGO CECHELERO ; BATISTA, SANDRO ROGÉRIO RODRIGUES ; BARBOZA, TÂNIA DE ARAÚJO ; SARTI, THIAGO DIAS ; BARRETO, VITOR ; Gusso, Gustavo Diniz Ferreira ; BELACIANO, MOURAD IBRAHIM . Diretrizes para o ensino na atenção primária à saúde na graduação em medicina. Revista Brasileira de Educação Médica (Impresso), v. 36, p. 143-148, 2012.

18.
16GUSSO G2012GUSSO G. O legado de Ian Mc Whinney. Revista Brasileira de Medicina da Família e Comunidade, v. 7, p. 1, 2012.

19.
22GUSSO G2011GUSSO G. Os rumos da Atenção Primária e da Estratégia Saúde da Família no Brasil. Revista Brasileira de Medicina da Família e Comunidade, v. 6, p. 97-101, 2011.

20.
21DEMARZO, M. M. P.2011DEMARZO, M. M. P. ; SAVASSI, L. C. M. ; MILHOMENS, D. M. ; GUSSO G . Nova etapa da RBMFC. Revista Brasileira de Medicina da Família e Comunidade, v. 6, p. 7-8, 2011.

21.
20DEMARZO, M. M. P.2011DEMARZO, M. M. P. ; ALMEIDA, R. C. C. ; MARINS, JOÃO JOSÉ NEVES ; Trindade TG ; Anderson MIP ; STEIN, A. ; GUIMARÃES, FABIANO GONÇALVES ; OLIVEIRA, FELIPE PROENÇO DE ; CARVALHO, FERNANDA PLESMANN DE ; SILVA, FLAVIO DIAS ; OLIVEIRA, FRANCISCO ARSEGO DE ; CARLOS, GUSTAVO TENÓRIO ; MARQUES, JACIARA BEZERRA ; GENIOLE, LEIKA APARECIDA ISHIGAMA ; SILVEIRA, LIA MÁRCIA CRUZ DA ; PINTO, MARIA EUGÊNIA BRESOLIN ; SILVA, NAYRA ALMEIDA DA ; BAGATELLI, RODRIGO CECHELERO ; BATISTA, SANDRO ROGÉRIO RODRIGUES ; BARBOZA, TÂNIA DE ARAÚJO ; SARTI, THIAGO DIAS ; BARRETO, VITOR ; Gusso, Gustavo ; BELACIANO, MOURAD IBRAHIM . Diretrizes para o ensino na Atenção Primária à Saúde na graduação em Medicina. Revista Brasileira de Medicina da Família e Comunidade, v. 6, p. 145-150, 2011.

22.
19GUSSO G;Gusso, Gustavo;Gusso, Gustavo Diniz Ferreira;Gusso, GDF;GUSSO, GUSTAVO D. F.2011 GUSSO G; Fernández, Mercedes Pérez ; Gérvas, Juan . Brazilian health-service organisation: problems at a glance. Lancet (British edition), v. 378, p. 316-317, 2011.

23.
25GUSSO G2010GUSSO G. Uma semana em Madrid: rural e capital. Revista Portuguesa de Clínica Geral, v. 26, p. 170-175, 2010.

24.
23DEMARZO, M. M. P.2010DEMARZO, M. M. P. ; GUSSO G ; ANDERSON, M. I. P. ; ALMEIDA, R. C. C. ; BELACIANO, M. I. . Academic family medicine: new perspectives in Brazil (Letter). Family Medicine, v. 42, p. 464-465, 2010.

25.
24STEIN, A.2010STEIN, A. ; GUSSO G . Medicina de família no Brasil: ainda é necessário estimular a atenção primária.. BMJ Brasil. British Medical Journal - Brasil, v. 3, p. 645-646, 2010.

26.
26GUSSO G2009GUSSO G; MARINS, J. J. N. ; DEMARZO, M. M. P. ; et al . Diretrizes para o Ensino na Atenção Primária à Saúde na Graduação em Medicina (SBMFC e ABEM). Cadernos da ABEM, v. 5, p. 13-20, 2009.

27.
28CASTRO FILHO, E. D.2007CASTRO FILHO, E. D. ; GUSSO G ; DEMARZO, M. M. P. ; STEIN, A. ; SCHNEIDER, J. C. ; DALLA, M. D. B. ; ANDERSON, M. I. P. ; TAVARES, M. R. G. ; RODRIGUES, R. D. ; CASTRO FILHO, J. A. ; AGUIAR, R. A. T. . A especialização em MFC e o desafio da qualificação médica para a Estratégia Saúde da Família: proposta de especialização, em larga escala, via educação à distância. Revista Brasileira de Medicina da Família e Comunidade, v. 3, p. 199-209, 2007.

28.
27FERREIRA, J. R.2007FERREIRA, J. R. ; CURY, G. C. ; CAMPOS, F. E. ; HADDAD, A. E. ; GUSSO G . A construção de parcerias como estratégia para o sucesso do Pró-Saúde. Cadernos da ABEM, v. 3, p. 53, 2007.

29.
29HAQ, C.2006HAQ, C. ; GUSSO G ; ANDERSON, M. I. P. . Strengthening primary health care with family and community medicine in Brazil. Revista Brasileira de Medicina da Família e Comunidade, v. 2, p. 196-202, 2006.

30.
30Anderson MIP2005Anderson MIP ; GUSSO G ; Castro Filho ED . Medicina de Família e Comunidade: especialistas em integralidade. Revista de APS (Online), v. 8, p. 1-12, 2005.

31.
31GUSSO G;Gusso, Gustavo;Gusso, Gustavo Diniz Ferreira;Gusso, GDF;GUSSO, GUSTAVO D. F.2004GUSSO G. Atencion Primária de Salud en Brasil: pasado reciente y retos. SEMERGEN: Sociedad Española de Medicina Rural y Generalista, v. 30, p. 408-410, 2004.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
VALLADAO JUNIOR, J. B. R. (Org.) ; GUSSO G (Org.) ; OLMOS R D (Org.) . Série Manual do Médico-Residente do Hospital das Clinicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo - volume Medicina de Família e Comunidade. 1. ed. Porto Alegre: Artmed, 2017. v. 1. 667p .

2.
GUSSO G; Lopes JMC (Org.) . Tratado de Medicina de Família e Comunidade. 1. ed. Porto Alegre: Artmed, 2012. v. 2. 2200p .

Capítulos de livros publicados
1.
GUSSO G. James Macinko and colleagues on Family medicine development in Brazil (2006). In: Michael Kidd; Iona Heath; Amanda Howe. (Org.). Family Medicine. The Classic Papers. 1ed.Boca Raton: CRC Press, 2017, v. , p. 259-274.

2.
GUSSO G. Registro Clinico Ambulatorial. In: Jose Benedito Ramos Valladão Junior; Gustavo Gusso; Rodrigo Diaz Olmos. (Org.). Medicina de Família e Comunidade. Manual do Médico Residente do Hospital das Clinicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. 1ed.São Paulo: Atheneu, 2017, v. , p. 35-44.

3.
GUSSO G; VALLADAO JUNIOR, J. B. R. ; OLMOS R D . Roberta. In: Jose Benedito Ramos Valladão Junior; Gustavo Gusso; Rodrigo Diaz Olmos. (Org.). Medicina de Família e Comunidade. Manual do médico residente do Hospital das Clinicas da Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. 1ed.São Paulo: Atheneu, 2017, v. , p. 67-92.

4.
ALMEIDA, M. ; GUSSO G ; TRINDADE, THIAGO GOMES DA . Primary Care Research in Brazil. In: Felicity Goodyear-Smith; Bob Mash. (Org.). International Perspectives on Primary Care Research (WONCA Family Medicine). 1ed.Boca Raton: CRC Press, 2016, v. , p. 233-240.

5.
OLMOS R D ; GUSSO G . Função limites e dificuldades para o não psiquiatra no tratamento de pacientes com transtornos mentais. In: Eduardo de Castro Humes; Marcio Eduardo Bergamini Vieira; Renério Fráguas Júnior. (Org.). Psiquiatria Interdisciplinar. 1ed.Barueri: Manole, 2016, v. , p. 30-42.

6.
FALK, J. W. ; GUSSO G ; Lopes JMC . Medicina de Família e Comunidade como especialidade médica e profissão. In: Gusso G, Lopes JMC. (Org.). Tratado de Medicina de Família e Comunidade. 1ed.Porto Alegre: Artmed, 2012, v. 1, p. 12-18.

7.
JAMOULLE, M. ; GUSSO G . Prevenção quaternária: primeiro não causar dano. In: Gusso G, Lopes JMC. (Org.). Tratado de Medicina de Família e Comunidade. 1ed.Porto Alegre: Artmed, 2012, v. 1, p. 205-211.

8.
GUSSO G; Landsberg, G ; PINTO, C. M. F. . Prontuário eletrônico e uso de sistema de classificação na Atenção Primária à Saúde. In: Gusso G, Lopes JMC. (Org.). Tratado de Medicina de Família e Comunidade. 1ed.Porto Alegre: Artmed, 2012, v. 1, p. 337-345.

9.
GUSSO G. Lombalgia aguda e crônica. In: Gusso G, Lopes JMC. (Org.). Tratado de Medicina de Família e Comunidade. 1ed.Porto Alegre: Artmed, 2012, v. 2, p. 1662-1673.

10.
GUSSO G; GYURICZA, J. V. . Náuseas e vômitos. In: Gusso G, Lopes JMC. (Org.). Tratado de Medicina de Família e Comunidade. 1ed.Porto Alegre: Artmed, 2012, v. 2, p. 1334-1340.

11.
OLMOS R D ; GUSSO G . Doença pulmonar obstrutiva crônica. In: Gusso G, Lopes JMC. (Org.). Tratado de Medicina de Família e Comunidade. 1ed.Porto Alegre: Artmed, 2012, v. 2, p. 1183-1196.

12.
GUSSO G. Tabela de recomendações de rotina em adultos segundo a faixa etária. In: Gusso G, Lopes JMC. (Org.). Tratado de Medicina de Família e Comunidade. 1ed.Porto Alegre: Artmed, 2012, v. 2, p. 2135-2137.

13.
GUSSO G; POLI, P. . Gestão da clinica. In: Gusso G, Lopes JMC. (Org.). Tratado de Medicina de Família e Comunidade. 1ed.Porto Alegre: Artmed, 2012, v. 1, p. 159-166.

14.
GUSSO G; ALMEIDA, R. C. C. . Necessidades de Saúde e de Ensino. In: João José Neves Marins; Sergio Rego. (Org.). Educação Médica: gestão, cuidado, avaliação. 1ed.São Paulo: Hucitec, 2011, v. , p. 55-66.

15.
GUSSO G. Considerações sobre a Operacionalização da Atenção Primária à Saúde. In: Conselho Nacional de Secretários e Saúde. (Org.). Atenção Primária e Promoção da Saúde. Brasilia: , 2007, v. 8, p. 53-72.

16.
Gyrão NB ; GUSSO G ; Castro Filho ED . O cuidado da pessoa com HIV/ Aids pelo médico de família e comunidade. In: Castro Filho ED; Anderson MIP. (Org.). Programa de atualização em medicina de família e comunidade. Porto Alegre: Semcad/ ArtMed, 2006, v. 1/3, p. 139-189.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
GUSSO G; Gérvas, Juan . A reforma da saúde começa com uma nova visão do vestibular. Folha de São Paulo, 14 maio 2015.

2.
GUSSO G. Mitos e incertezas sobre a vacina 'contra o HPV'. Folha de São Paulo, 27 out. 2014.

3.
GUSSO G. Epidemia do medo. Correio Brasiliense e Estado de Minas, 16 jul. 2011.

4.
GUSSO G; Zambon Z . O generalista no SUS. Folha de São Paulo, 09 dez. 2008.

5.
GUSSO G; Gérvas, Juan ; Fernández, Mercedes Pérez . Rastreamento de câncer de mama: o que (não) fazer?. Sociedade Brasileira de Mastologia.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
NOGUEIRA, D. ; GUSSO G ; CONCEICAO, A. F. . Instrumento de avaliação PCATool para Smartphones. In: XV Congresso Brasileiro de Informática em Saúde, 2016, Goiânia. Anais do XV Congresso Brasileiro de Informática em Saúde, 2016.

2.
GUSSO G; Castro Filho ED ; Gyrão NB . Manejo do HIV no adolescente e adulto em atenção primária à saúde. In: 6º Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade, 2004, Rio de Janeiro. Anais do 6º Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade, 2004.

3.
GUSSO G; Manfroi A . Terminologia da Atenção Primária à Saúde. In: 6º Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade, 2004, Rio de Janeiro. Anais do 6º Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade, 2004.

4.
GUSSO G; Fernandes CLC . Risk, resileince and vulnerability: a diagnostic study. In: 17th Wonca World Conference of Family Doctors, 2004, Orlando. Annals of 17th Wonca World Conference of Family Doctors, 2004.

5.
GUSSO G; Fernandes CLC . Risco, proteção, vulnerabilidade e resiliência: um estudo de diagnóstico. In: 6º Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade, 2004, Rio de Janeiro. Anais do 6º Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade, 2004.

6.
GUSSO G; Castro Filho ED ; Gyrão NB ; Trindade TG ; Manfroi A . Manejo do HIV no adolescente e adulto em atenção primária à saúde. In: VII Congresso Brasileiro de Clinica Médica, 2003, São Paulo. Anais do VII Congresso Brasileiro de Clinica Médica, 2003.

Apresentações de Trabalho
1.
GUSSO G. Papel do Clinico no Sistema de Saúde estruturado. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
GUSSO G; Manfroi A . Terminologia da Atenção Primária à Saúde. 2004. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

Outras produções bibliográficas
1.
GUSSO G. From Dictionary to Terminologies / Ontologies in General Practice/Family Medicine 2016 (Capítulo de livro on line).

2.
GUSSO G. Apresentação. Porto Alegre, 2016. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

3.
GUSSO G. São e Salvo. E Livre de Intervenções Médicas Desnecessárias. Porto Alegre: Artmed, 2016. (Tradução/Livro).

4.
KIDD, M. ; GUSSO G . The Contribution of Family Medicine to Improving Health Systems. Londres: Radcliffe, 2013 (Contribuição).

5.
GUSSO G; Lopes JMC . Prefácio. Porto Alegre, 2012. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

6.
GUSSO G. A Nova Consulta: desenvolvendo a comunicação entre médico e paciente. Porto Alegre: Artmed, 2011. (Tradução/Livro).

7.
GUSSO G. Apresentação à Edição Brasileira. Porto Alegre, 2010. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

8.
GUSSO G. Caso complexo 2009 (Conteúdo para curso de especialização).

9.
GUSSO G. Apresentação à edição brasileira. Porto Alegre, 2009. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

10.
GUSSO G. Apresentação à edição brasileira. Porto Alegre, 2009. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

11.
GUSSO G. Apresentação à edição brasileira. Porto Alegre, 2009. (Prefácio, Pósfacio/Apresentação)>.

12.
GUSSO G. Prefácio da edição brasileira. Florianópolis, 2009. (Prefácio, Pósfacio/Prefácio)>.

13.
GUSSO G. Classificação Internacional de Atenção Primária (CIAP 2). Florianópolis: SBMFC, 2009. (Tradução/Livro).


Produção técnica
Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
GUSSO G. Epidemia de exames. 2011. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

2.
GUSSO G. Medico de família e comunidade. 2009. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).


Demais tipos de produção técnica
1.
GUSSO G; OTAVIANO, J. . Curso de Atenção Primária à Saúde. 2015. .

2.
GUSSO G. Especialização em Informática em Saúde. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

3.
GUSSO G. Curso de Atenção Primária à Saúde. 2014. .

4.
GUSSO G. Curso de Atenção Primária à Saúde. 2013. .

5.
GUSSO G. Programa de Atenção Primária à Saúde. 2012. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

6.
GUSSO G; Lopes JMC . Oficina de Capacitação de Preceptores em Medicina de Família e Comunidade. 2007. .

7.
GUSSO G. Capacitação de Agentes Comunitários de Saúde de Florianópolis. 2006. .



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
Batista NA; Ribeiro MSS; Silva GGA; GUSSO G. Participação em banca de Izaias Francisco de Souza Junior. O Ensino e a Aprendizagem no Internato em Atenção Primária à Saúde nas Escolas Médicas Públicas do Estado de Pernambuco. 2013. Dissertação (Mestrado em Centro de Desenv. do Ensino Superior em Saúde) - Universidade Federal de São Paulo.

2.
GUSSO G; Sirena S; Knauth DR; Harzheim E. Participação em banca de Marcelo Garcia Kolling. Avaliação do método clinico centrado na pessoa: tradução e validação do Patient Perception of Patient Centeredness Questionaire (PPC). 2012. Dissertação (Mestrado em Medicina) - Faculdade de Medicina da UFRGS.

Teses de doutorado
1.
BENSENOR, I. J. M.; LIMA, D. B.; GUSSO G; SANTOS, I. S.; FRACOLLI, L. A.. Participação em banca de Bruno Brunelli. Avaliação da presença e extensão dos atributos da atenção primária em dois modelos coexistentes na rede básica de saúde do município de São Paulo. 2016. Tese (Doutorado em Ciências Médicas) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

2.
Benseñor, I; Goulart, AC; GUSSO G; Gorzoni, ML; Guedes, JS. Participação em banca de Danielle Bivanco de Lima. Perfil de fatores de risco para doença cardiovascular em amostra de estudo epidemiológico populacional de morbidade psiquiátrica: Estudo São Paulo Megacity. 2011. Tese (Doutorado em Ciências Médicas) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo.

3.
CAPONI, SNC; GUSSO G; Camargo-Junior, KR; TESSER, CD; HERNAEZ, A. M.; Mitjavila, M; Minella, LS. Participação em banca de Paulo Poli Neto. Encontros no Centro de Saúde: a medicina de família e comunidade (MFC) e o sofrimento social. 2011. Tese (Doutorado em Curso de Pós-Graduação Interdisciplinar em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Santa Catarina.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
SILVERIO, J. B.; GUSSO G; PEREIRA, R. P. A.; CORTES, M. C. J. W.. Concurso Público de Provas e Títulos para Provimento de Cargos da Carreira de Professor de Educação Superior do Quadro de Pessoal da Universidade Estadual de Montes Claros. 2015. Universidade Estadual de Montes Claros.

2.
PEREIRA, R. P. A.; SIQUEIRA-BATISTA, R.; GUSSO G. Professor auxiliar, nível 1, na área de Medicina de Família e Comunidade/ Saúde Coletiva. 2013. Universidade Federal de Ouro Preto.

3.
Akerman M; Nascimento VB; GUSSO G. Professor Auxiliar dos Cursos da Faculdade de Medicina do ABC. 2012. Faculdade de Medicina do ABC.

4.
GUSSO G; HARZHEIM, E.; Pustai, O. Comissão Examinadora para Concurso Público de Títulos e Provas para Provimento de Cargo na Classe de Professor Assistente na área de Medicina de Família e Comunidade. 2011. Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

5.
Ramos, LR; GUSSO G; FORSTER, AC; DAL-FABRRO, AL; ARAUJO, E. C.; ABREU, L. C.. Professor Adjunto Campus São Paulo. 2011. Universidade Federal de São Paulo.

6.
LEAL, E. M.; GUSSO G; Pitta, AM. Professor Auxiliar, Campus Macaé. 2011. Universidade Federal do Rio de Janeiro.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
2a Conferência Brasileira de Gestão da Saúde Corporativa. Promoção á Saúde e Atenção Primária á Saúde. 2017. (Congresso).

2.
Mestrado Profissional em Gestão da Competitividade - linha de saúde.Gestão de Saúde Populacional. 2017. (Simpósio).

3.
Seminário Internacional "Tecnologia e Saúde Pública: soluções viáveis para os desafios brasileiros" es. 2017. (Seminário).

4.
Simpósio Choosing Wisely e Slow Medicine.Choosing Wisely: a iniciativa da SBMFC. 2017. (Simpósio).

5.
5º Simpósio Científico Internacional CEJAM.Registro Clinico. 2016. (Simpósio).

6.
I Workshop do Estágio de Pesquisa Científica do Programa de Residência em Medicina de Família e Comunidade da Faculdade de Medicina da USP. 2016. (Oficina).

7.
Reunião de Atualização em Temas Relevantes na Prática Clinica.Discussão de caso: Prevenção e Cascata Diagnóstica. 2016. (Encontro).

8.
13º Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade. Oficina: e-SUS. 2015. (Congresso).

9.
13º Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade. Certificação de Prontuário Eletrônico Adequado a APS. 2015. (Congresso).

10.
13º Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade. Minicurso: Registro (SOAP) e CIAP. 2015. (Congresso).

11.
13º Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade. Manejo da Hipertensão Arterial Sistêmica. 2015. (Congresso).

12.
Congresso Ibero Americano de Medicina Familiar y Comunitária. Residências de medicina familiar y comunitária, actualidad y perspectivas. 2015. (Congresso).

13.
I Encontro de Residentes em Medicina de Família e Comunidade.Residência acadêmica e em serviço. 2015. (Encontro).

14.
12º Wonca Rural Health Conference. Atividade clinica: Lombalgia. 2014. (Congresso).

15.
12º Wonca Rural Health Conference. Overdiagnosis and quaternary prevention. 2014. (Congresso).

16.
3º Congresso Nacional de Saúde da Faculdade de Medicina da UFMG. APS na Saúde Suplementar. 2014. (Congresso).

17.
3º Simposio Científico Internacional CEJAM.Questões éticas relacionadas com o advento da informatização de prontuários. 2014. (Simpósio).

18.
A Saúde da Mulher na Saúde Pública.Vacina contra HPV: Riscos e Benefícios. 2014. (Seminário).

19.
II Encontro de Atenção Integrada a Saúde da Unimed Mercosul. A Atenção Primária à Saúde no Sistema Unimed. 2014. (Congresso).

20.
I Simpósio Tocantinense de Medicina de Família e Comunidade. Qualidade em Atenção Primária - O que é, como medir. Qualidade em APS: para além do PMAQ. 2014. (Congresso).

21.
Preventing Overdiagnosis: Warding back the harms of too much medicine. 2014. (Congresso).

22.
Projeto Avaliação das Escolas Médicas (PAEM).Projeto Avaliação das Escolas Médicas (PAEM). 2014. (Oficina).

23.
V Congresso Internacional de Cuidados Paliativos e do II Congresso Lusófono de Cuidados Paliativos. A contribuição da Medicina de Família e Comunidade. 2014. (Congresso).

24.
V Congresso Paulista de Medicina de Família e Comunidade. Prevenção Quaternária. 2014. (Congresso).

25.
V Congresso Paulista de Medicina de Família e Comunidade. Prioridades em Pesquisa na APS. 2014. (Congresso).

26.
12º Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade. O NASF hoje: política ou realidade. 2013. (Congresso).

27.
12º Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade. 2013. (Congresso).

28.
12º Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade. A residência em MFC regula o sistema de saúde. 2013. (Congresso).

29.
12º Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade. Lombalgia aguda e crônica. 2013. (Congresso).

30.
20th Wonca World Conference of Family Medicine. 2013. (Congresso).

31.
Fórum sobre Politicas de Saúde da Amerusp: Mais ou Menos Médicos.Mais Regulação. 2013. (Seminário).

32.
Plenária Temática CREMESP.Perspectivas da Atenção Primária à Saúde no Município de São Paulo. 2013. (Simpósio).

33.
Reunião Científica de Medicina de Família e Comunidade da APM.Prevenção é função do MFC?. 2013. (Encontro).

34.
Seminário de Inovação em Atenção Primária.Formas de remuneração. 2013. (Seminário).

35.
1° Forum de APS da Residência de Medicina de Família e Comunidade da FMUSP.Características da MFC. 2012. (Simpósio).

36.
15º Congresso UNIDAS - II Congresso Internacional de Gestão em Saúde. Sistema de Saúde Belga. 2012. (Congresso).

37.
2012 Annual Meeting of Wonca International Classification Committee.Primary Care Classification in Brazil. 2012. (Encontro).

38.
3º Congresso de Medicina de Família e Comunidade do Estado do Rio de Janeiro. Medicalização da Sociedade: Papel da APS. 2012. (Congresso).

39.
50º Congresso Brasileiro de Educação Médica. Como inserir as necessidades de saúde da população no currículo: a ecologia da educação médica. 2012. (Congresso).

40.
50º Congresso Brasileiro de Educação Médica. O Ensino da Medicina de Família e Comunidade na Graduação. 2012. (Congresso).

41.
Curso de Metodologia Problematizadora. 2012. (Oficina).

42.
I Congresso de Habilidades Clinicas em Medicina de Família e Comunidade do Leste Mineiro. Prevenção e a Função do Médico de Família e Comunidade. 2012. (Congresso).

43.
I Curso Introdutório da Liga de Medicina de Família UNICID.Medicina de Família no Brasil: A importância de ser diferente. 2012. (Encontro).

44.
I Encontro Potiguar de Medicina.Paradigmas para a Formação de Generalistas. 2012. (Encontro).

45.
I Fórum Nacional de Residências em Medicina de Família e Comunidade. 2012. (Seminário).

46.
III Congresso Sul-Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade. Lombalgia na APS. 2012. (Congresso).

47.
III Congresso Sul-Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade. APS à Brasileira. 2012. (Congresso).

48.
III Congresso Sul-Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade. Por uma avaliação adequada da Atenção Primária. 2012. (Congresso).

49.
III Fórum Nacional de Especialidades Médicas. 2012. (Seminário).

50.
II Simpósio Rede Escola de Cuidados à Saúde em Ação: Integração Universidade e Serviços de Saúde.Saúde da Família: Um modelo para a Atenção Primária com Valorização Profissional. 2012. (Simpósio).

51.
I Simpósio de Atenção Primária em Saúde do Einstein.Os Rumos da Atenção Primária e da Estratégia Saúde da Família no Brasil.. 2012. (Simpósio).

52.
Reunião Científica de Medicina de Família e Comunidade: Aplicação da Analise Transacional pelo Médico de Família. 2012. (Encontro).

53.
Reunião Científico-Didática do Departamento e Divisão de Clinica de Moléstias Infecciosas.Atenção Primária: Princípios e Experiências de Sucesso. 2012. (Simpósio).

54.
SIAP: Seminar of Innovation in Primary Care Conference 2012.Debatedor. 2012. (Seminário).

55.
WHO FIC Network Annual Meeting 2012. 2012. (Encontro).

56.
XVI Congresso Médico Amazônico. As Novas Ferramentas da Atenção Primária à Saúde. 2012. (Congresso).

57.
XVI Congresso Médico Amazônico. A Prevenção Quaternária na Prática Diária. 2012. (Congresso).

58.
XVI Congresso Médico Amazônico. Os Novos Rumos da Atenção Primária à Saúde no Brasil: Quantidade ou Qualidade. 2012. (Congresso).

59.
XXX Congresso Médico Acadêmico de Santos. Habilidades de Comunicação. 2012. (Congresso).

60.
11º Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade e 4º Encontro Luso-Brasileiro de Medicina Geral, Familiar e Comunitária. Necessidades do serviço, vagas de residência e obrigatoriedade da residência. 2011. (Congresso).

61.
11º Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade e 4º Encontro Luso-Brasileiro de Medicina Geral, Familiar e Comunitária. Clube CIAP/ Prontuário eletrônico. 2011. (Congresso).

62.
11º Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade e 4º Encontro Luso-Brasileiro de Medicina Geral, Familiar e Comunitária. Porque precisamos de um sistema de saúde menos preventivista?. 2011. (Congresso).

63.
11º Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade e 4º Encontro Luso-Brasileiro de Medicina Geral, Familiar e Comunitária. Sintomas Medicamente Inexplicáveis (MUS). 2011. (Congresso).

64.
28° Encontro Nacional de Clinica Geral. Cuidados de Saúde Primários na sustentabilidade dos sistemas de saúde - A importância da Medicina Familiar na sustentabilidade do sistema de saúde brasileiro. 2011. (Congresso).

65.
7th MGF XXI Conference Cycle entitled "Primary Health Care in a Global Perspective: The contribution of Family Medicine to Global Health" - Special Guest Professor Per Kallestrup. 2011. (Outra).

66.
7th MGF XXI Conference Cycle - Primary Health Care in a Global Perspective. 2011. (Simpósio).

67.
Congresso Técnico Científico da Atenção Primária à Saúde Santa Marcelina. Parceria Ensino e Serviço: Residência e Especialização em Áreas da Saúde. 2011. (Congresso).

68.
Fórum de Atenção Primária à Saúde.A Estratégia Saúde da Família - Avanços e Desafios. 2011. (Oficina).

69.
Fórum Internacional SPDM: Saúde em 2021. 2011. (Simpósio).

70.
I Encontro de Câmaras Técnicas de Medicina de Família e Comunidade e II Fórum de Medicina de Família e Comunidade do CFM.Formação e Titulação na Estratégia Saúde da Família. 2011. (Encontro).

71.
II Congresso de Medicina da Estácio. Perspectivas da Medicina de Família no Brasil. 2011. (Congresso).

72.
II Congresso de Medicina da Estácio. Formação em Saúde da Família. 2011. (Congresso).

73.
III Congresso Internacional de Saúde da Criança e do Adolescente. Como evitar a verticalização das ações materno-infantis na Estratégia Saúde da Família (ESF). 2011. (Congresso).

74.
III Jornada Científica da Associação Acadêmica Grupo de Medicina de Família e Comunidade e Núcleo Acadêmico de Saúde da Família e III Encontro Nacional de Ligas Acadêmicas de Medicina de Família e Comunidade.A Medicina de Família e Comunidade e a Saúde da Família no Brasil. 2011. (Encontro).

75.
I Jornada Nacional de Saúde da Família - São Camilo.Saúde Brasil 2014: Desafios e Perspectivas na Saúde da Família. 2011. (Simpósio).

76.
I Simpósio Científico CEJAM.Prontuário Eletrônico para APS. 2011. (Simpósio).

77.
I Simpósio Científico CEJAM.Atenção Primária no Brasil e no Mundo. 2011. (Simpósio).

78.
I Simpósio PSF UNASP.Prevenção Quaternária. 2011. (Simpósio).

79.
Primary Health Care Innovation Seminar.Quaternary Prevention: actions to avoid harm by medical activities. 2011. (Seminário).

80.
Seminário de Pesquisas do Centro de Pesquisa Clinica do Hospital Universitário da Universidade de São Paulo. 2011. (Seminário).

81.
Workshop CIAP.Workshop CIAP. 2011. (Oficina).

82.
XLVII Congresso da Sociedade Brasileira de Medicina Tropical. Estratégias para Ampliação da Resolutividade Médica nas Ações de Atenção Primária no Brasil Voltadas para o Controle de Doenças Tropicais. 2011. (Congresso).

83.
XVIII Congresso Catarinense de Medicina. Medicina: A Arte de Cuidar. 2011. (Congresso).

84.
XVIII Congresso Catarinense de Medicina. Saúde da Criança na Medicina de Família. 2011. (Congresso).

85.
XXIIII Congres d´Atenció Primária de la CAMFiC. In search for a system that decode medical world. 2011. (Congresso).

86.
19th Wonca World Conference of Family Doctors. ICPC in Brazilian Reality. 2010. (Congresso).

87.
2º Congresso Sul Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade. Prevenção Quaternária. 2010. (Congresso).

88.
4º Ciclo de Conferências MGF XXI.Medicina de Família no Brasil - Fortalezas e Deficiências. 2010. (Seminário).

89.
I Fórum sobre Saúde da Família e Comunidade.Financiamento. 2010. (Encontro).

90.
I Fórum sobre Saúde da Família e Comunidade.Assistência à Criança no PSF: a visão do médico de família. 2010. (Encontro).

91.
III Congresso Paulista de Medicina de Família e Comunidade. A Atenção Primária que Queremos. 2010. (Congresso).

92.
Oficina da Programação Anual de Saúde - PAS 2010 - Distrito Sanitário Norte. 2010. (Oficina).

93.
Primary Healthcare Summit. 2010. (Seminário).

94.
Reunião de Avaliação do Pacto de Redução da Mortalidade Infantil (PRMI).Avaliação do PRMI sob a ótiuca da Medicina de Família e Comunidade. 2010. (Encontro).

95.
Seminário Internacional do Homem nas Américas.Saúde do Homem sob a perspectiva da Medicina de Família e Comunidade. 2010. (Seminário).

96.
V Congresso Mineiro de Medicina de Família e Comunidade. ICPC - Classificação Internacional de Atenção Primária. 2010. (Congresso).

97.
3º Encontro referente ao Ciclo de Diabetes sobre Redes Regionalizadas de Atenção à Saúde. 2009. (Encontro).

98.
47º COBEM - Congresso Brasileiro de Educação Médica. Estratégias para especialização em áreas de necessidade. 2009. (Congresso).

99.
Curso de Medicina Baseada em Evidências - UNIMED. 2009. (Outra).

100.
Encontro de Sensibilização em Saúde sexual e Reprodutiva. 2009. (Encontro).

101.
I Congresso Goiano de Medicina de Família e Comunidade. Atenção Pimária à saúde / Saúde da Família, com o tema: Atenção Primária à Saúde: 30 anos após Alma-Ata. 2009. (Congresso).

102.
II Fórum de Especialidades Médicas. 2009. (Seminário).

103.
III Seminario de Imnovación en Atención Primaria 2009. 2009. (Seminário).

104.
I Jornada Científica da OS-ACSC/ III Jornada Científica da Microrregião Cidade Ademar.Estratégia Saúde da Família como Reorientadora da Atenção Básica. 2009. (Simpósio).

105.
I Seminário Paraense de Atenção Primária à Saúde.Princípios da Medicina de Família e Comunidade. 2009. (Seminário).

106.
IX Congresso Brasileiro de Medicina Antroposófica. A Madicina Antroposófica no SUS - Integralidade e Medicina de Família e Comunidade. 2009. (Congresso).

107.
Mostra Comemorativa dos 10 anos de Saúde da Família em Campo Grande.Importância do papel do Médico para o trabalho em equipe na Saúde da Família. 2009. (Encontro).

108.
Mostra Comemorativa dos 10 anos de Saúde da Família em Campo Grande. 2009. (Encontro).

109.
Oficina de Trabalho da Saúde do Homem. 2009. (Oficina).

110.
PEP 2009 - Prontuário Eletrônico do Paciente. 2009. (Congresso).

111.
Seminário Internacional sobre Fixação de Profissionais de Saúde em áreas remotas, isoladas e de maior vulnerabilidade. 2009. (Seminário).

112.
Seminário Novos Cooperados - UNIMED. 2009. (Outra).

113.
XXV Congresso Nacional de Secretarias Municipais de Saúde. A contribuição da medicina de família e comunidade para os sistemas de saúde. 2009. (Congresso).

114.
1º Congresso Brasileiro de Saúde Mental. Saúde mental na atenção básica. 2008. (Congresso).

115.
46 COBEM - Congresso Brasileiro de Educação Médica. Ensino de Medicina de Família e Comunidade na Graduação. 2008. (Congresso).

116.
46 COBEM - Congresso Brasileiro de Educação Médica. A Ética no Ensino da Atenção Primária. 2008. (Congresso).

117.
Capacitação em Tratamento Intensivo do Fumante. 2008. (Outra).

118.
Conference Host: The National Centre for Studies in family Medicine (NCSFM). 2008. (Seminário).

119.
First Virtual Congress of General Practice and Family Medicine. 2008. (Congresso).

120.
I Congresso Paranaense de Medicina de Família e Comunidade. A Importância da experiência paranaense para a medicina de família e comunidade no Brasil.. 2008. (Congresso).

121.
III Concurso Nacional de Experiências em Saúde da Família.Avaliador ad hoc. 2008. (Outra).

122.
III Cúpula Iberoamericana de Medicina Familiar. 2008. (Encontro).

123.
III Mostra Nacional de Produção em Saúde da Família e IV Seminário Internacional de Atenção Primária / Saúde da Família. 2008. (Congresso).

124.
IX Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade. ICPC 2 - Sistema de Classificação Adequado para ESF/APS para Gerenciamento Clínico e Coletivo para o MFC.. 2008. (Congresso).

125.
IX Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade. 2008. (Congresso).

126.
IX Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade. Políticas de Educação em Saúde: APS e MFC (Pró-Saúde, PET, Universidade Aberta - UNAES). 2008. (Congresso).

127.
IX Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade. Residência em MFC na Qualificação da APS. 2008. (Congresso).

128.
Reunião de Implementação do Programa Saúde de Ferro. 2008. (Oficina).

129.
V Congresso Médico do rio Grande do Norte. Medicina de Família e Comunidade no contexto atual da saúde. 2008. (Congresso).

130.
XVIII Congresso Mundial de Epidemiologia. 2008. (Congresso).

131.
13ª Conferência Nacional de Saúde.Representante da gestão nos fóruns de discussão e voto. 2007. (Outra).

132.
2 Seminário dfa Atenção Básica do SUS BH.Residente de Medicina de Família e Comunidade: perspectivas, tendências e o município de Belo Horizonte como campo da prática / a necessidade de um novo modelo para a atencão especializada.. 2007. (Seminário).

133.
2º Seminário da Atenção Básica do SUS BH.A Consolidação da Saúde da Família como estratégia de organização da Atenção Básica. 2007. (Seminário).

134.
59ª Reunião Anual da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência da. A residência multiprofissional: em busca de um novo modelo de atenção em saúde. 2007. (Congresso).

135.
Curso de Capacitação de Preceptores em Medicina de Família e Comunidade.Capacitação de Preceptores em Medicina de Família e Comunidade. 2007. (Oficina).

136.
Curso EURACT para professores e orientadores de Medicina Geral e Familiar. 2007. (Outra).

137.
I Ciclo de Debates da Liga de Saúde da Família da Faculdade de Medicina da USP.História e expansão do PSF no Brasil e MFC em outros países. 2007. (Outra).

138.
I Congresso da Associação de Medicina de Família e Comunidade do Estado do Rio de Janeiro. Educação Parmanente: Desafios, Experiências e Perspecticas / A Formação em Nível de Residência na ESF / PSF. 2007. (Congresso).

139.
II Congresso Catarinense de Medicina de Família e Comunidade. PET-Saúde / MFC e Docência. 2007. (Congresso).

140.
II Congresso Gaúcho de Medicina de Família e Comunidade. Medicina de Família e Comunidade: Porquê. Para quê e para quem?. 2007. (Congresso).

141.
IV Fórum de Produção Acadêmica.Perspectivas na Formação de Profissionais de Saúde no Brasil. 2007. (Encontro).

142.
Seminãrio A inserção do hospital de Ensino na Microrregião.A Inserção do Hospital de Ensino na Microrregião. 2007. (Seminário).

143.
Seminário Internacional: os Desafios do Ensino da Atenção Básica - Graduação em Medicina. 2007. (Seminário).

144.
Wonca International Classification Committee Annual Meeting.Implementation of ICPC-2 in Brazil. 2007. (Encontro).

145.
12 Regional Conference of Wonca Europe ESGP/FM. 2006. (Outra).

146.
1ª Mostra Nacional de Saúde da Criança. Prinícpios da Medicina de Família e Comunidade. 2006. (Congresso).

147.
2º Encontro Universitário de Saúde da Família. 2006. (Encontro).

148.
8 Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade.A Atenção Primária como um campo em desenvolvimento. 2006. (Seminário).

149.
Curso de Capacitação de Preceptores de Medicina de Família e Comunidade. 2006. (Oficina).

150.
I Oficina para Implantação do Pacto de Gestão e Sistema de Regulação do Município de Florianópolis.Experiência do Centro de Saúde do Saco Grande. 2006. (Oficina).

151.
I Seminário sobre Atenção Primária à Saúde - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. 2006. (Seminário).

152.
IV Curso Introdutório à Liga de Saúde da Família.Conceitos e Principios da Medicina de Família e Comunidade. 2006. (Simpósio).

153.
IX Seminario Internacional de APS.La excelencia y calidad en la APS: Experiencia Brasilera. 2006. (Seminário).

154.
IX Seminário Internacional de APS. 2006. (Seminário).

155.
WICC - Wonca International Classification Committee. 2006. (Encontro).

156.
Workshop - A Prática Clínica Baseada em Evidências Científica e Centrada no Paciente. 2006. (Outra).

157.
Conferência Atenção Básica e o Programa Saúde da Família.Atenção Básica e o Programa Saúde da Família. 2005. (Outra).

158.
Congresso Internacional de Acupuntura de São Paulo 2005. 2005. (Congresso).

159.
I Congresso Catarinense de Medicina de Família e Comunidade. Modelos de APS no mundo. 2005. (Congresso).

160.
III Curso Introdutório à Liga de Saúde da Família da Faculdade de Medicna dea USP.Princípios da Medicina de Família e Comunidade. 2005. (Simpósio).

161.
Oficina sobre Residência em Medicina da Família e Comunidade. 2005. (Oficina).

162.
VII Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade. 2005. (Congresso).

163.
VII Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade. Comissão de Avaliação. 2005. (Congresso).

164.
17 Wonca World Conference of family Doctors. 2004. (Congresso).

165.
17 Wonca World Conference of Family Doctors. Family Doctors in Training - Brazil. 2004. (Congresso).

166.
17 Wonca World Conference of Family Doctors. Risk, Resilience and Vulnerability: a diagnostioc study. 2004. (Congresso).

167.
2º Seminário Nacional para Avaliação da Implantação do Programa de Saúde da Família no Brasil.Formação Médica e Atenção Primária à Saúde. 2004. (Seminário).

168.
6º Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade. 2004. (Congresso).

169.
6º Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade. Manejo do HIV no adolescente e adulto em Atenção primária à Saúde. 2004. (Congresso).

170.
6º Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade. Risco, proteção, vulnerabilidade e resiliência: um estudo de disgnóstico. 2004. (Congresso).

171.
Curso Básico de Manejo Clínico e Transmissão Vertical para DST-HIV/AIDS. 2004. (Oficina).

172.
Curso Momento I. 2004. (Oficina).

173.
II Curso Introdutório da Liga de Saúde da Família.Princípios da Medicina de Família e Comunidade. 2004. (Simpósio).

174.
Oficina: Residência Médica - Processo Seletivo - "Adequação a Seleção". 2004. (Oficina).

175.
Oficina Básica do Método Boal de Teatro e Terapia ARCO-ÍRIS DO DESEJO - Módulo I. 2004. (Oficina).

176.
VI Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade. Terminologia da Atenção Primária à Saúde. 2004. (Congresso).

177.
Workshop - Diretrizes Baseadas em Evidencias para a Prática Clínica Centrada no Paciente. 2004. (Oficina).

178.
37º Congresso Nacional de Médicos Residentes. 2003. (Congresso).

179.
Fórum Estadual de Atenção Básica em Saúde.A Estratégia do Programa de Saúde da Família. 2003. (Outra).

180.
Seminário "Refletindo sobre as Práticas Educativas, Preventivas e Assistenciais" em DST/HIV/AIDS no Serviço de Saúde Comunitária - GHC.Acompanhamento Clínico. 2003. (Seminário).

181.
Seminário Internacional sobre Cuidados Básicos de Saúde - 25 anosda Declaraçã de Alma-Ata. 2003. (Seminário).

182.
VII Congresso brasileiro de Clícica Médica, I Congresso Internacional de Medicina de Urgência, I Congresso Internacional de Medicina de Família e Comunidade e i Simpósio Nacional de Cuidados Paliativos. Clínica Médica Ambulatorial III. 2003. (Congresso).

183.
VII Congresso Brasileiro de Clícica Médica, I Congresso Internacional de Medicina de Urgência, I Congresso Internacional de Medicina de Família e Comunidade e i Simpósio Nacional de Cuidados Paliativos. 2003. (Congresso).

184.
VII Congresso Brasileiro de Clínica Médica, I Congresso Internacional de Medicina de Urgência, I Congresso Internacional de Medicina de família e Comunidade e I Simpósio Nacional de Cuidados Paliativos. Manejo do HIV no adolescente e adulto em Atenção Primária à Saúde. 2003. (Congresso).

185.
III Conferência Regional Latino Americana de Promoção da Saúde e Educação para a Saúde. Princípios da Atenção Primária à Saúde. 2002. (Congresso).

186.
I Jornada do Instituto da pessoa do terapeuta, "Terapia Familiar: Breve ou Longa?". 2002. (Seminário).

187.
VI Congresso de Acupuntura da SBMA. 2002. (Congresso).

188.
Curso de Formação do Corpo de Voluntários de Emergência - CVE/ 2001".Suporte Básico de Vida (BLS). 2001. (Simpósio).

189.
I Simpósio de Educação Médica, Psicanálise e Psicologia. 2001. (Simpósio).

190.
V Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade. 2001. (Congresso).

191.
I Encontro Luso-Brasileiro de Medicina Geral, Familiar e Comunitárisa. 2000. (Encontro).

192.
Simpósio Internacional de Etnopsiquiatria. 2000. (Simpósio).

193.
II Forum - Em Foco: A saúde da Criança. 1998. (Encontro).

194.
VI Congresso Paulista de Acadêmicos de Medicina - Emergências Clínicas. 1998. (Congresso).

195.
XXVIII Encontro Científico dos Estudantes de Medicina. 1998. (Encontro).

196.
Curso de Introdução à Liga de Prevenção à Surdez. 1997. (Outra).

197.
I Curso Internacional de Cirurgia Endoscópica dos Seios Parnasais - Módulo I. 1997. (Outra).

198.
II Curso Internacional de Laringologia e Voz. 1997. (Outra).

199.
I Semana Nacional de Prevenção da Surdez. 1997. (Outra).

200.
Psiquiatrioa e Saúde Mental no Século XXI - Assistência, Ensino e Pesquisa. 1997. (Simpósio).

201.
Seminário Internacional de Estudos de Antropologia em Saúde. 1997. (Seminário).

202.
VIII Encontro Regional dos Estudantes de Medicina. 1997. (Encontro).

203.
XVI Congresso Médico Universitário da Faculdade de Medicina da USP - A sexualidade e seus transtornos. 1997. (Simpósio).

204.
XXVII Encontro Científico dos Estudantes de Medicina. 1997. (Encontro).

205.
XXXV Congresso Brasileiro de Educação Médica. 1997. (Congresso).

206.
Curso de Introdução à Liga de Puericultura de 1996. 1996. (Outra).

207.
Curso de Neuropsiquiatria - XV Congresso Médico Universitário. 1996. (Congresso).

208.
VIII Congresso Brasileiro dos Estudantes de Medicina. 1996. (Congresso).

209.
XV Congresso Médico Universitário. 1996. (Congresso).

210.
XXVI ECEM - Encontro Científico dos Estudantes de Medicina. 1996. (Encontro).

211.
XXXIII Congresso Brasileiro de Educação Médica. 1995. (Congresso).

212.
Jornada Sobre Temas de Farmacodependências para Estudantes de Mmedicina: Tranquilizantes e Maconha. 1994. (Outra).

213.
XXIV Encontro Científico dos Estudantes de Medicina. 1994. (Encontro).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
GUSSO G; LERMEN JUNIOR, N. ; POLI, P. ; AUGUSTO, D. K. ; KIDD, M. ; MANNING, G. ; OSTERGAARD, D. ; SEIFERT, B. . 21st WONCA World Conference of Family Doctors. 2016. (Congresso).

2.
GUSSO G; Rodrigues, S ; Oliveira, J . 11º Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade e 4º Encontro Luso-Brasileiro de Medicina Geral, Familiar e Comunitária. 2011. (Congresso).

3.
GUSSO G; Landsberg, G . Oficina sobre SOAP, Lista de Problemas e Software TranHis. 2011. (Outro).

4.
GUSSO G. Organização e gestão de saúde em países desenvolvidos (com ênfase a Atenção Primária): Estrutura, processo e resultado. 2011. (Outro).

5.
GUSSO G; Prado Jr. JC . 10º Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade. 2009. (Congresso).

6.
GUSSO G. Encontro Anual do Comitê de Classificação da Wonca. 2009. (Congresso).

7.
GUSSO G. 8º Congresso Brasileiro de Medicina de Família e Comunidade. 2006. (Congresso).

8.
Turcotte S ; Silva AS ; GUSSO G . I Congresso Paulista de Medicina de Família e Comunidade. 2005. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões concluídas
Tese de doutorado
1.
Bruno Brunelli. PRESENCE AND EXTENSION ASSESSMENT OF PRIMARY CARE ATTRIBUTES IN TWO HEALTH SERVICESOFPRIMARY HEALTH CARE NETWORK OF THE CITY OF SÃO PAULO. 2013. Tese (Doutorado em Ciências Médicas) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo, . Coorientador: Gustavo Diniz Ferreira Gusso.

Monografia de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização
1.
Eduardo P Vicentin e Marcus V C G Pontes. O acesso avançado é melhor que outros modelos de acesso?. 2016. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Programa de Residência Médica em Medicina de Família e Comunidade) - Faculdade de Medicina da Universidade de São Paulo. Orientador: Gustavo Diniz Ferreira Gusso.




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 20/01/2019 às 22:24:20