Debora Casanova da Silva

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/6489706953291940
  • Última atualização do currículo em 21/08/2018


Doutoranda pelo Programa de Pós-Graduação em História Social da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO, na linha de pesquisa - Poder, Cultura e Representações. Mestre pelo Programa de Pós-Graduação em História Social da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO, na linha de pesquisa - Poder, Cultura e Representações. Possui especialização Lato Sensu em História Antiga e Medieval pela Universidade Estadual do Rio de Janeiro - UERJ/CEHAM/NEA (2012). Licenciada e bacharel em História pela Universidade Gama Filho (2007). Participa como pesquisadora dos grupos de pesquisa: do Núcleo de Estudos e Referências da Antiguidade e do Medievo - NERO-LÍBER/UNIRIO, e do Grupo de Estudos sobre Roma e as Províncias - ROMANITAS/UNIRIO-UFRJ. Integrante do comitê editorial da Urca: Revista Discente do PPGH UNIRIO. Atualmente é Professora Tutora Presencial da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro (UNIRIO), integrante do consórcio CEDERJ/UAB. Tem experiência na área de História em Ensino a Distância, com ênfase em História Antiga, Pesquisa em Ensino de História e História Medieval. Especialista em rituais romanos e política no principado augustano. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Debora Casanova da Silva
Nome em citações bibliográficas
CASANOVA, D.

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, Reitoria, Pró-Reitoria de Pós-Graduação, Pesquisa e Extensão.
Av. Pasteur, 458
Urca
22290-240 - Rio de Janeiro, RJ - Brasil


Formação acadêmica/titulação


2016
Doutorado em andamento em Historia.
Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, UNIRIO, Brasil.
Título: Magistri Vici: o mapeamento da rede político-religiosa das Compitalia sob o pontificado de Augusto (7 a.E.C. a 13 E.C.),
Orientador: Claudia Beltrão da Rosa.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Religião Romana; plebe urbana; Restauratio augustana; Religião urbana; Teoria de rede.
Grande área: Ciências Humanas
2012 - 2014
Mestrado em História Social.
Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, UNIRIO, Brasil.
Título: Genius et Lares Augusti: a criação do modelo augustano a partir dos altares do ritual das Compitalia (27 a.E.C a 2 a.E.C.),Ano de Obtenção: 2014.
Orientador: Drª Claudia Beltrão da Rosa.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Antiguidade; Religião Romana; Cultura e Poder; Restauratio augustana; reforma urbana.
Grande área: Ciências Humanas
Setores de atividade: Pesquisa e desenvolvimento científico.
2011 - 2012
Especialização em Pós Graduação História Antiga e Medieval. (Carga Horária: 360h).
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
Título: Genius Augusti: uma análise dos fundamentos do culto imperial a partir do altar Belvedere (ca. 12 a.C.).
Orientador: Dr ª Claudia Beltrão da Rosa.
2002 - 2007
Graduação em HISTORIA.
Universidade Gama Filho, UGF, Brasil.
Título: No Rastro do Ouro: as diligências de reconhecimento do sertão e a fundação de duas vilas auríferas na Bahia 1709 - 1723.
Orientador: Drº Paulo Cavalcante de Oliveira Junior.




Formação Complementar


2012
Francês I. (Carga horária: 40h).
Serviço Nacional de Aprendizagem Comercial RJ, SENAC ARRJ, Brasil.
2017 - 2017
Extensão universitária em Curso de Formação em EAD com Ênfase na Tutoria CEDERJ. (Carga horária: 90h).
Fundação Centro de Ciências e Educação Superior à Distância do Estado do RJ, CECIERJ, Brasil.
2014 - 2014
Extensão universitária em A ligação entre os deuses e o lugar: evocatio, con. (Carga horária: 6h).
Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, UNIRIO, Brasil.
2014 - 2014
Extensão universitária em A arqueologia como fonte da História Antiga. (Carga horária: 8h).
Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, UNIRIO, Brasil.
2013 - 2013
Arqueologia como fonte da História Antiga. (Carga horária: 5h).
Programa de Estudos Medievais - UFRJ, PEM, Brasil.
2011 - 2011
Extensão universitária em Língua e Literatura Latina. (Carga horária: 30h).
Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, UNIRIO, Brasil.
2011 - 2011
Extensão universitária em Crises Financeiras e mercado de crédito no princip. (Carga horária: 6h).
Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, UNIRIO, Brasil.
2001 - 2002
Espanhol. (Carga horária: 20h).
Cambridge English Course, CEC, Brasil.
1999 - 2000
Inglês. (Carga horária: 40h).
Cambridge English Course, CEC, Brasil.


Atuação Profissional



Fundação Centro de Ciências e Educação Superior à Distância do Estado do RJ, CECIERJ, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Professora Tutora de História Moderna I, Carga horária: 2
Outras informações
Professora Tutora Presencial da disciplina de História Medieval no curso de História na modalidade semipresencial da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO, no Polo de Piraí/Rj.

Vínculo institucional

2014 - Atual
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Tutora Coordenadora do Curso de História, Carga horária: 15
Outras informações
Tutora Coordenadora do curso de História na modalidade semipresencial da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO, no polo Cederj-UAB do município de Piraí/RJ. Como tutora coordenadora, responsável pelas seguintes atividades de ensino e pesquisa realizadas no polo regional CEDERJ-UAB: aulas - tutorias presenciais, jornadas acadêmicas e laboratórios de pesquisa.

Vínculo institucional

2014 - Atual
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Professora Tutora História Medieval, Carga horária: 2
Outras informações
Professora Tutora Presencial da disciplina de História Medieval no curso de História na modalidade semipresencial da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO, no Polo de Piraí/Rj.

Vínculo institucional

2013 - Atual
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Professora Tutora História Antiga, Carga horária: 2
Outras informações
Professora Tutora Presencial da disciplina de História Antiga no curso de História na modalidade semipresencial da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO, no Polo de Piraí/Rj.

Vínculo institucional

2013 - 2014
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Professora Tutora Seminário de Pesquisa, Carga horária: 2
Outras informações
Professora Tutora Presencial da disciplina Seminário de Pesquisa em Ensino de História no curso de História modalidade semipresencial da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO, no Polo de Piraí/RJ.


Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, UNIRIO, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Discente de Doutorado, Bolsista CAPES, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

2013 - Atual
Vínculo: Bolsa CAPES/UAB, Enquadramento Funcional: Professora Tutora Presencial, Carga horária: 5
Outras informações
Professora Tutora Presencial das disciplinas de História Antiga e Seminário de Pesquisa em Ensino de História na modalidade semipresencial da Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO, no Polo Piraí/RJ

Vínculo institucional

2012 - 2014
Vínculo: Discente, Enquadramento Funcional: Discente de Mestrado, com Bolsa CAPES, Carga horária: 12, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Nome do Plano de trabalho: Genius et Lares Augusti: um análise da legitimação do poder de Augusto na urbs (27 a.E.C a 2 a.E.C.). Orientadora: Profª Drª Claudia Beltrão da Rosa, Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO - Programa de Pós-Graduação em História Social - PPGH - Linha de Pesquisa: Cultura, Poder e Representações.

Atividades

3/2013 - Atual
Ensino, História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História Antiga
Seminário de Pesquisa em Ensino de História
História Medieval

Núcleo de Estudos e Referências da Antiguidade e do Medievo, NERO, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador


Colégio Iba Wakigawa, IBA, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - 2017
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professora de História e Filosofia, Carga horária: 8
Outras informações
Professora de História do Ensino Fundamental II e Ensino Médio. Como professora ministro as aulas de História para o 6º, 7º, anos do ensino fundamental, e aulas de História e Filosofia para o 1º ano do ensino médio, assim como coordeno atividades em sala e corrijo provas e atividades extras.


Unidade Educacional Gama e Souza, UEGS, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - 2015
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professora de História, Carga horária: 8
Outras informações
Professora de História do Ensino Fundamental II. Como professora ministro as aulas de história para o 6º, 7º, 8º e 9º anos do ensino fundamental, assim como coordeno atividades em sala e corrijo provas e atividades extras.


Centro Cultural da Light S.A., CCL, Brasil.
Vínculo institucional

2005 - 2006
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 45
Outras informações
Pesquisa, organização e catalogação de acervo iconográfico, textual e fonográfico da empresa Light que corresponde a grande parte das fotos e negativos conservados da coleção do fotógrafo Augusto Malta, que trabalhou para a empresa em finais do século XIX e início do século XX. O acervo corresponde, principalmente, a história do Bonde na cidade do Rio do Janeiro, e as modificação concomitantes com as reformas de Pereira Passos.


Universidade Gama Filho, UGF, Brasil.
Vínculo institucional

2005 - 2006
Vínculo: Pesquisador, Enquadramento Funcional: Pesquisadora, Carga horária: 20
Outras informações
Projeto: Levantamento, identificação e catalogação de documentos nos arquivos do Rio de Janeiro, voltados a História do Brasil em seus períodos colonial, imperial e republicano. Coord. Profª Drª Vera Borges e Profº Drº Marcos Sanchez.

Vínculo institucional

2005 - 2005
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Monitora de História do Brasil I, Carga horária: 5

Vínculo institucional

2004 - 2004
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Monitora de Iniciação a Pesquisa Histórica, Carga horária: 5

Vínculo institucional

2004 - 2004
Vínculo: Pesquisador, Enquadramento Funcional: Pesquisadora, Carga horária: 20
Outras informações
Pesquisa: Relações lícitas e ilícitas no Brasil Colonial. Coord. Profº Drº Paulo Cavalcante.


Museu Histórico Nacional, MHN, Brasil.
Vínculo institucional

2002 - 2004
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Contratada, Carga horária: 20
Outras informações
Integrante da equipe do Laboratório de Conservação e Restauração, sob a supervisão da restauradora chefe Deize da Silva Domingues. Fundação VITAE - projeto Restauração do Acervo documental - Coleção Wanderley Pinho. Atividades - higienização, desinfestação, reenfibragem, catalogação e armazenamento de documentos. O trabalho foi executado nas oficinas de Suporte de Papel e Restauração de Documentos do Museu Histórico Nacional, a partir da recuperação da coleção acima citada, que contou com a restauração de mais de 6.000 documentos, entre eles cartoriais e literários das câmaras das cidades da Bahia, abrangendo do século XVII ao XX.


Prefeitura de Magé, SMEC, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: P I, Carga horária: 16



Projetos de pesquisa


2016 - Atual
MAGISTRI VICI: o mapeamento da rede político-religiosa das Compitalia sob o pontificado de Augusto (7 A.E.C. A 13 E.C.).
Descrição: O presente projeto tem como objetivo mapear a rede político-religiosa do festival das Compitalia a partir da atuação dos líderes dos bairros e oficiantes do ritual dos Lares Compitales/Augusti. O mapeamento dessa rede é possibilitado a partir do resgate e ressignificação de um festival antigo e tradicional, o Festival das Compitalia e da incorporação de atribuições ao cargo dos magistri uici durante as reformas do espaço físico da cidade no período do pontificado de Augusto. A relação entre Augusto e a plebe urbana é expressa pelas marcas epigráficas deixadas nos altares do ritual dos Lares Compitales/Augusti, por vezes encomendados pelos oficiantes, outras ofertadas por Augusto. A possibilidade de memorialização dos magistri nos indica a mudança de seu status. Aberto o pequeno hiato nos espaços de poder da cidade de Roma, a partir da reforma urbanística de Augusto, os magistri uici puderam fazer-se presentes com seus nomes e suas effigies. Reconhecemos neste movimento o esforço de autopromoção desses atores sociais..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .
Integrantes: Debora Casanova da Silva - Coordenador.
2011 - 2014
Genius et Lares Augusti: a criação do modelo augustano a partir dos altares do ritual das Compitalia (27 a.E.C. a 2 a.E.C.)
Descrição: Este plano de trabalho pretende propor uma análise do culto aos Genius e Lares Augusti, tendo como perspectiva o ritual voltado as divindades Lares Compitales, protetoras dos locais onde as famílias viviam, vendo nesse ritual modificado por Augusto em 7 a.E.C. a ampliação de seu poder, a partir da reordenação dos espaços físicos e sagrados da urbs e sua tutela sobre os mesmos. Assim como pretende problematizar o conceito de "culto imperial" entendo-o como o conjunto de rituais voltados a celebração da essência divina do princeps, seu genius, em diversos locais do espaço geográfico compreendido como imperium romanum. A partir do corpus documental, que contém material arqueológico e epigráfico procuraremos: definir os elementos pro genio, que presentes no culto imperial, indicam a relação do mesmo com a religio domestica; analisar de que forma a modificação da representação política de Octaviano/Augusto irá auxiliar na composição de um culto voltado a sua gens; analisar a legitimação de poder de Augusto através da reorganização física da urbs e da aproximação de Augusto com os bairros e sua reestruturação..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Debora Casanova da Silva - Coordenador.Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História Antiga e Medieval/Especialidade: Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História Antiga e Medieval..


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Bem.
Latim
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Francês
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.
Italiano
Compreende Bem, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.


Prêmios e títulos


2017
Bolsa de Doutorado, CAPES.
2016
Menção Honrosa, Universidade do Estado do Rio de Janeiro.
2015
2º Lugar no Concurso de Seleção de Doutorado em História Social da UNIRIO, UNIRIO.
2012
1º Lugar no Concurso de Seleção de Mestrado em História Social da UNIRIO. PPGH-UNIRIO, Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro - UNIRIO.
2012
Bolsa de Mestrado, CAPES.
2005
Monitora da disciplina de História do Brasil I, Universidade Gama Filho.
2004
Monitora da disciplina de Iniciação à Pesquisa Histórica, Universidade Gama Filho.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
CASANOVA, D.2013CASANOVA, D.. Altar Belvedere no Culto dos Lares Augusti: reorganização do espaço da urbs (ca. 12 a.C). Plêthos, v. 3, p. 36-47, 2013.

2.
CASANOVA, D.2011CASANOVA, D.. Fundamentos do Culto Imperial a partir do altar Belvedere (séc. I a.C.). Anais Eletrônicos - Ciclo de Debates em História Antiga, v. VII, p. 50-62, 2011.

Capítulos de livros publicados
1.
CASANOVA, D.. Magistri Vici: a autopromoção dos vicomagistri nos bairros de Roma sob o principado de Augusto. In: Raquel de Morais Soutelo Gomes; Airan dos Santos Borges. (Org.). Escritos para a eternidade: a epigrafia e os estudos da antiguidade. 1ed.Curitiba: Appris, 2018, v. 1, p. 223-246.

2.
CASANOVA, D.; BELTRÃO, C. . A Domus Augusta no Vicus Sandaliarius: imagem e presença augusta num altar romano.. In: Campos, Carlos Eduardo da Costa; Candido, Maria Regina. (Org.). Caesar Augustus: Entre Práticas e Representações. 1ed.Vitória/Rio de Janeiro: DLL-UFES/UERJ-NEA, 2014, v. 1, p. 173-190.

3.
CASANOVA, D.. Spatium urbis: política e religião na organização dos bairros à época do principado augustano. In: CAMPOS, Carlos Eduardo da Costa; BIRRO, Renan Marques. (Org.). Relações de Poder: da Antiguidade ao Medievo.. 1ed.Vitória: DLL/UFES, 2013, v. 1, p. 113-138.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
CASANOVA, D.. Elementos religiosos no altar Belvedere. Philía (UERJ), Rio de Janeiro, p. 4 - 5.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
CASANOVA, D.. Genius et Lares Augusti: a legitimação do poder de Augusto na urbs através da religião (séc. I a.C.). In: I Seminário Fluminense de Pós-Graduandos em História, 2012, Rio de Janeiro. Anais do I Seminário Fluminense de Pós-Graduandos em História. Rio de Janeiro: UNIRIO, 2012. v. 1. p. 1-10.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
CASANOVA, D.. Mutatas Formas: a apropriação do ritual dos Lares Compitales por Augusto em 7 a.E.C.. In: II Encontro Internacional e IV Nacional de Estudos sobre o Mediterrâneo Antigo, 2013, Rio de Janeiro. Fórum de Debates em História Antiga. Rio de Janeiro: UERJ/NEA, 2013. v. 1. p. 29-29.

2.
CASANOVA, D.. O Compitum como local de interação entre os rituais domésticos e oficiais voltados à Augusto (7 a.E.C.). In: III Encontro Discente de História Antiga e Medieval, 2013, Niterói. Programações e Resumos. Niterói: UFF, 2013. v. 1. p. 1-31.

3.
CASANOVA, D.. O Culto Imperial e a Legitimação de Augusto a partir da divinização de sua Domus: a composição de uma religião imperial. (séc. I a. C.). In: II Congresso Internacional de Religião, Mito e Magia na Antiguidade., 2012, Rio de Janeiro. Fórum de Debates em História Antiga. Rio de Janeiro: NEA CEHAM, 2012. v. I. p. 23-24.

4.
CASANOVA, D.. Entre a exaltação do Princeps e a divinização do Genius: uma análise do debate em torno da definição de 'Culto Imperial' no início do século XX. In: I encontro de História UGF, 2012, Rio de Janeiro. I encontro de História da Universidade Gama Filho: caderno de resumos. Rio de Janeiro: Gama Filho, 2012. v. 1. p. 82-83.

5.
CASANOVA, D.. Altar Belvedere no culto dos Lares Augusti: reorganização do espaço sagrado da urbs (ca. 12 a.C.). In: II Encontro Discente de História Antiga e Medieval, 2012, Niterói. Resumo das Atividades, 2012. v. 1. p. 28-28.

6.
CASANOVA, D.. Spatium urbis in regiones uicosque diuisit: a reordenação dos bairros à época do principado augustano a partir da obra de Suetônio Vita Diui Augusti. In: XXII Ciclo de Debates em História Antiga - História e Narrativas, 2012, Rio de Janeiro. Caderno de Resumos - História e Narrativa: XXII Ciclo de Debates em História Antiga. Rio de Janeiro: LHIA UFRJ, 2012. v. 1. p. 4-125.

7.
CASANOVA, D.. Fundamentos do Culto Imperial a partir do Altar Belvedere (séc. I a.C.). In: XXI Ciclo de debates em História Antiga, 2011, Rio de Janeiro. Tempo e espaço.. Rio de Janeiro: IH/UFRJ, 2011. v. 21. p. 4-77.

8.
CASANOVA, D.. Genius Augusti: fundamentos do culto imperial (ca. 12 a. C.). In: I Forum de Debates em História Antiga e Medieval, 2011, Rio de Janeiro. I Forum de Dabates em História Antiga e Medieval - Caderno de resumos, 2011. v. 1. p. 14-14.

Apresentações de Trabalho
1.
CASANOVA, D.. Pelas esquinas e encruzilhadas: o festival das Compitalia e a autopromoção da plebe urbana sob o pontificado de Augusto (I a.E.C.). 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

2.
CASANOVA, D.. Magistri Vici: a inclusão da plebe urbana nos rituais oficiais e a construção da paisagem religiosa na urbs augustana (7 a.E.C. a 13 E.C.). 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

3.
CASANOVA, D.. Genius et Lares Augusti: análise de imagens de altares romanos.. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
CASANOVA, D.. Mutatas Formas: a apropriação do ritual dos Lares Compitales por Augustus em 7 a.E.C.. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

5.
CASANOVA, D.. O aniversário do paterfamilias: considerações sobre a religião doméstica no século I a.E.C.. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

6.
CASANOVA, D.. Análise de Imagens: possibilidades de interpretação de elementos simbólicos no Altar Belvedere. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

7.
CASANOVA, D.. Mutatas Formas: a apropriação do ritual dos Lares Compitales por Augusto em 7 a.E.C.. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

8.
CASANOVA, D.. O Compitum como local de interação entre os rituais domésticos e oficiais voltados à Augusto (7 a.E.C.). 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

9.
CASANOVA, D.. Curator Vrbis: o cuidado e a manutenção da cidade de Roma sob a tutela de Augusto (I a.E.C.). 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

10.
CASANOVA, D.. O Culto Imperial e a legitimação de Augusto a partir de sua Domus: a composição de uma religião imperial. (séc. I a. C.). 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

11.
CASANOVA, D.. Entre a exaltação do Princeps e a divinizãção do Genius: uma análise do debate em torno da definição de 'Culto Imperial' no início do século XX. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

12.
CASANOVA, D.. Altar Belvedere no culto dos Lares Augusti: reorganização do espaço sagrado da urbs (ca. 12 a.C.). 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

13.
CASANOVA, D.. Spatium urbis in regiones uicosque diuisit: reordenação dos bairros à época do principado augustano a partir da obra de Suetônio Vita Diui Augusti. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

14.
CASANOVA, D.. Genius et Lares Augusti: a legitimação do poder de Augusto na urbs através da religião (séc. I a.C.). 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

15.
CASANOVA, D.. Genius Augusti: fundamentos do culto imperial (ca. 12 a.C.). 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

16.
CASANOVA, D.. Fundamentos do culto imperial a partir do altar Belvedere (séc. I a. C.). 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

17.
CASANOVA, D.. Lares Augusti e o culto do paterfamilias no altar Belvedere (séc. I a. C.). 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

Outras produções bibliográficas
1.
CASANOVA, D.. Magistri Vici: a autopromoção dos Vicomagistri nos bairros de Roma sob o principado de Augusto.. Curitiba: Appris, 2018 (Capítulo de Livro).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
CASANOVA, D.. Experiências Religiosas no Mundo Antigo. Vol 2. 2017.

Trabalhos técnicos
1.
CASANOVA, D.. Revista Cantareira. 2016.


Demais tipos de produção técnica
1.
CASANOVA, D.. Mini-Curso: Cum Magisterium: autopromoção da plebe, reordenação urbana e religiosidade sob a tutela de Augusto. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

2.
CASANOVA, D.. O Game como fonte histórica III: Egito e Roma a partir de Assassins Creed Origins. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

3.
CASANOVA, D.. Oficina: O Game como Fonte Histórica: A obra de Homero no jogo Apotheon. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

4.
CASANOVA, D.. Oficina: Genius et Lares Augusti: análise de imagens nos altares romanos de Augusto. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

5.
CASANOVA, D.. Oficina de Pesquisa: O game como fonte histórica. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

6.
CASANOVA, D.. Oficina: O game como fonte histórica: Valiant Hearts. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

7.
CASANOVA, D.; LOPES, M. F. . Oficina de Pesquisa: A Nova História Cultural. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
BELTRÃO, C.; BARBOSA, G. O. A.; CASANOVA, D.. Participação em banca de Fernanda Mendonça de Paiva Caputo Durão.Os sacerdotes Sálios: cidade, guerra e rituais na Roma Republicana.. 2018. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro.

2.
CASANOVA, D.. Participação em banca de Karina Diacuí dos Santos.O Discurso Paulino e as Representações da Escravidão Romana no Primeiro Século d.C.. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro.

3.
CASANOVA, D.; BELTRÃO, C.. Participação em banca de Paulo Mario Feitosa de Sousa.Libitina et Libertinarii: O caráter ambíguo da morte na sociedade romana entre os séculos I a.C e II d.C.. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro.

4.
CASANOVA, D.; EICHLER, M. N.. Participação em banca de Álvaro Henrique Prates Souza.Culto Imperial em Epigrafias Lusitanas. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro.

5.
CASANOVA, D.; BENKO, P. V. V.. Participação em banca de Julio Magalhães Pereira.Música e a Representação dos músicos em rituais de Isis no Mediterrâneo Romano. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Internacional Colloquium Statues in Roman Religion. 2018. (Congresso).

2.
Seminário Piedade e Guerra Civil na República Tardia. 2018. (Seminário).

3.
Colloquium: Cicero and Roman Religion. 2017. (Congresso).

4.
I Simpósio de História Política da Faculdade Saberes.Cum Magisterium: autopromoção da plebe, reordenação urbana e religiosidade sob a tutela de Augusto. 2017. (Seminário).

5.
Seminar Cicero on Divination: Argument, Structure, Context.. 2017. (Seminário).

6.
XIX Encontro de História de Piraí. 2017. (Encontro).

7.
A ligação entre os deuses e o lugar: evocatio, conquista de cidades e a interpretatio com Juno. 2014. 2014. (Congresso).

8.
A loucura imperial na Roma Antiga. 2012. (Outra).

9.
I encontro de História UGF.A antiguidade e suas reinterpretações contemporâneas. 2012. (Encontro).

10.
II Congresso Internacional de Religião, Mito e Magia na Antiguidade. O culto imperial e a legitimação de Augusto a partir da divinização de sua Domus: a composição de uma religião imperial. (séc I a.C.). 2012. (Congresso).

11.
II Encontro Discente de História Antiga e Medieval.Altar Belvedere no culto dos Lares Augusti: reorganização do espaço sagrado da urbs( ca. 12 a.C.). 2012. (Encontro).

12.
I Seminário Fluminense de Pós-Graduandos em História.Genius et Lares Augusti: a legitimação do poder de Augusto na urbs através da religião (séc. I a.C.). 2012. (Seminário).

13.
XXII Ciclo de Debates em História Antiga - História e Narrativas.Spatium urbs in regiones uicosque diuisit: a reordenação dos bairros à época de Augusto a partir da obra de Suetônio, Vita Diui Augustus.. 2012. (Outra).

14.
A economia romana era uma economia de mercado?. 2011. (Outra).

15.
Economia romana: mercado de crédito e crises financeiras no principado. 2011. (Outra).

16.
I Fórum de Debates de História Antiga e Medieval.Genius Augusti: fundamentos do culto imperial (ca. 12 a. C.). 2011. (Outra).

17.
III Semana Acadêmica de História.Lares Augusti e o culto do paterfamilias no altar Belvedere. 2011. (Encontro).

18.
Sobre uma visão "heterodoxa" da moeda romana. 2011. (Oficina).

19.
XXI Ciclo de Debates em História Antiga "Tempo e Espaço".Fundamentos do Culto Imperial a partir do altar Belvedere (séc. I a. C.). 2011. (Encontro).

20.
I COLOQUIO DE CELTAS E GERMANICOS. 2007. (Outra).

21.
VII SEMANA DE HISTÓRIA ANTIGA - UERJ. 2007. (Seminário).

22.
40 ANOS DO GOLPE MILITAR - FGV / UFF / UFRJ / APERJ. 2004. (Seminário).

23.
A PRESENÇA HOLANDESA NO BRASIL - MEMÓRIA E IMAGINÁRIO - MHN. 2004. (Seminário).

24.
A PRESENÇA HOLANDESA NO BRASIL - MEMÓRIA E IMAGINÁRIO - MHN. 2004. (Seminário).

25.
CURSO CLEOPATRA RAINHA DO EGITO: DA HISTORIA AO MITO - MHN. 2004. (Seminário).

26.
RELAÇÕES ESTADO SOCIEDADE NO BRASIL - IHGB / REAL GABINETE PORTUGUÊS. 2004. (Seminário).

27.
CURSO GLOBALIZAÇÃO E FUNDAMENTALISMO - X ANPUH. 2002. (Outra).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
CASANOVA, D.. XV Jornada de História Antiga - Coordenação da sessão III. 2018. (Congresso).

2.
CASANOVA, D.; EICHLER, M. N. ; DAETWYLER, J. L. . Seminar Cicero on Divination: Argument, Structure, Context. 2017. (Congresso).

3.
CASANOVA, D.. XIX Encontro de História de Piraí. 2017. (Outro).

4.
CASANOVA, D.. XX Encontro de História de Piraí. 2017. (Outro).

5.
CASANOVA, D.. Coordenação de Mesa XXVI Ciclo d Debates em História Antiga. 2016. (Congresso).

6.
CASANOVA, D.. IX Encontro de História de Piraí - CEDERJ/UNIRIO. 2014. (Outro).

7.
CASANOVA, D.. VII Encontro de História EAD UNIRIO POLO PIRAÍ. 2013. (Outro).

8.
CASANOVA, D.. I Seminário Fluminense de Pós-Graduandos em História. 2012. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Naiara Teixeira Monteiro. Mentira Política? O poder da Imagem e sua Manipulação pelo Imperador Otávio Augusto. Início: 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro. (Orientador).

2.
Camila Moisés da Silva. A arte de Amar: o feminino em Ovídio. Início: 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro. (Orientador).



Educação e Popularização de C & T



Apresentações de Trabalho
1.
CASANOVA, D.. Magistri Vici: a inclusão da plebe urbana nos rituais oficiais e a construção da paisagem religiosa na urbs augustana (7 a.E.C. a 13 E.C.). 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).


Cursos de curta duração ministrados
1.
CASANOVA, D.. Oficina: O Game como Fonte Histórica: A obra de Homero no jogo Apotheon. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

2.
CASANOVA, D.. Mini-Curso: Cum Magisterium: autopromoção da plebe, reordenação urbana e religiosidade sob a tutela de Augusto. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

3.
CASANOVA, D.. Oficina: O game como fonte histórica: Valiant Hearts. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

4.
CASANOVA, D.. Oficina: Genius et Lares Augusti: análise de imagens nos altares romanos de Augusto. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Outra).



Outras informações relevantes


Coordenação do grupo de pesquisa - CEAM - Centro de Estudos de História Antiga e Medieval - 2002.



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 22/10/2018 às 4:41:16