Taina Ottoni Borges Igreja Ramos

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/7923585845524511
  • Última atualização do currículo em 28/09/2018


Possui graduação em Ciências Biológicas (BACH) pela Universidade Federal de Pernambuco (2013). Mestrado em Biologia Animal na Universidade Federal de Pernambuco. Tem experiência na área de Genética, com ênfase em Genética Animal, Genética da Conservação e Taxonomia Molecular. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Taina Ottoni Borges Igreja Ramos
Nome em citações bibliográficas
RAMOS, T. O. B. I.


Formação acadêmica/titulação


2014 - 2016
Mestrado em Biologia Animal.
Universidade Federal de Pernambuco, UFPE, Brasil.
Título: Taxonomia molecular de morcegos (Chiroptera: Mammalia) em três Unidades de Conservação da Caatinga.,Ano de Obtenção: 2018.
Orientador: Rodrigo Augusto Torres.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco, FACEPE, Brasil.
2009 - 2013
Graduação em Ciências Biológicas (BACH).
Universidade Federal de Pernambuco, UFPE, Brasil.
Título: Uso de técnicas moleculares na correta identificação de Amazona aestiva (Psittacidae, Psittaciformes) recebidos pelo Centro de Triagem de Animais Silvestres (CETAS) de Recife, Pernambuco, Brasil..
Orientador: Enrico Bernard.




Formação Complementar


2018 - 2018
Método CIS - Inteligência Emocional. (Carga horária: 50h).
FEBRACIS, FEBRACIS, Brasil.
2016 - 2016
Curso de Bioestatística: da teoria à análise de dados com programa R. (Carga horária: 24h).
Centro de Pesquisas Ambientais do Nordeste, CEPAN, Brasil.
2014 - 2014
Genética da Conservação. (Carga horária: 6h).
Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, PUCRS, Brasil.
2012 - 2012
X Curso Prático de Manejo de Ofídios Peçonhentos e Não Peçonhentos. (Carga horária: 20h).
Universidade Federal de Pernambuco, UFPE, Brasil.
2010 - 2010
Bioinformátca. (Carga horária: 4h).
Centro de pesquisa Aggeu Magalhães (UFPE), CPQAM, Brasil.
2008 - 2008
Extensão universitária em Gestão de um Mergulho Sustentável. (Carga horária: 45h).
Universidade Federal de Pernambuco, UFPE, Brasil.
2008 - 2008
Curso de mergulho - Open Water Diver PADI. (Carga horária: 25h).
Aquáticos centro de mergulho, AQUÁTICOS, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal de Pernambuco, UFPE, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - Atual
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Mestranda, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

2013 - 2013
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Monitoria, Carga horária: 12
Outras informações
Monitoria na disciplina: Micologia Geral.

Vínculo institucional

2012 - 2012
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Monitoria, Carga horária: 12
Outras informações
Monitoria na disciplina: Biologia da Conservação.

Vínculo institucional

2011 - 2012
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Monitoria, Carga horária: 12
Outras informações
Monitoria na disciplina: Micologia Geral.

Vínculo institucional

2010 - 2011
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Graduanda - Bolsista de IC PIBIC/FACEPE/CNPq, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Título do projeto - Sistema Reprodutivo de Solanum stramonifolium Jacq. (Solanaceae): Um caso de andromonoicia funcional?



Projetos de pesquisa


2014 - Atual
Taxonomia Molecular de morcegos (Chiroptera: Mammalia) em três Unidades de Conservação da Caatinga.
Descrição: O bioma da Caatinga apresenta singularidades ecossistêmicas notáveis tendo, entre outras atributos, a maior riqueza biológica entre as florestas secas do mundo. Neste cenário biológico, morcegos estão entre o grupos animais de maior importância devido à sua servidão ambiental. Ou seja, estes animais realizam importantes funções ecológicas como polinização e dispersão de sementes, além de serem controladores de insetos herbívoros. A união de tais atributos fazem das espécies de morcegos aliados imprescindíveis na manutenção da dinâmica eco/evolutiva de uma ecossistema tão particular como é a Caatinga. Nesse sentido, a aplicação de metodologias modernas de acesso à informação biológica (taxonômica/sistemática) contidas no DNA se torna imprescindível, perante a necessidade de evidências mais consistentes e modernas quando comparadas àquelas outrora mais eficazes para grupos taxonômicos mais controversos ou pouco conhecidos como os morcegos na Caatinga. Dessa forma, pretende-se a modernização analítica das ratificações de riqueza de espécies e/ou da identificação de linhagens crípticas em áreas designadas como de conservação em um bioma tão singular e igualmente pouco conhecido..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Taina Ottoni Borges Igreja Ramos - Coordenador.Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Bolsa.
2011 - 2014
REDE DE PESQUISAS E CONSERVAÇÃO DE PEQUENOS MAMÍFEROS EM ÁREAS PROTEGIDAS DA CAATINGA
Descrição: Proposta selecionada para a chamada CNPq/ICMBio 13/2011, reúne iniciativas conjuntas de inventário e pesquisa genética em pequenos mamíferos terrestres e morcegos em três Unidades de Conservação da Caatinga: As Estações Ecológicas do Seridó (RN) e Raso da Catarina (BA) e o Parque Nacional do Catimbau. A escolha de pequenos mamíferos justifica-se por este ser um grupo focal extremamente rico em espécies, relativamente pouco conhecido quanto à sua real diversidade, que tem elevado potencial de acréscimo de espécies novas, apresenta relações sistemáticas e filogenéticas ainda mal resolvidas, tem importante papel ecológico, econômico e de saúde pública, tem potencial bioindicador, é frequentemente negligenciado e preterido em estudos e iniciativas de conservação, e pode fornecer informações úteis para a geração de subsídios para a gestão das Unidades de Conservação da Caatinga. Esta proposta emprega um arsenal de técnicas complementares para a melhor caracterização da biodiversidade da Caatinga, utilizando desde inventários padronizados de alta eficácia, até o uso complementar de técnicas morfológicas e genéticas de identificação de espécies e diagnósticos populacionais, numa abordagem pioneira para a região..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (6) .
Integrantes: Taina Ottoni Borges Igreja Ramos - Integrante / Enrico Bernard - Coordenador / Diego Astúa de Moraes - Integrante / Rodrigo Augusto Torres - Integrante / Alexandre Ramlo Torre Palma - Integrante / Jorge Luiz do Nascimento - Integrante / Paulo Henrique Asfora Lopes Peres - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2010 - 2011
Sistema reprodutivo de Solanum stramonifolium Jacq. (Solanaceae): um caso de andromonoicia funcional?
Descrição: Este trabalho visa investigar o sistema reprodutivo de Solanum stramonifolium Jacq. (Solanaceae), analisando e testando a funcionalidade das flores com diferentes expressões sexuais na espécie, com ênfase na comparação morfológica entre as estruturas reprodutivas (estiletes e anteras) observadas nos diferentes tipos florais em populações naturais ocorrentes no Parque Estadual Dois Irmãos, Recife-PE. Será realizada ainda uma investigação de possíveis mecanismos de auto-incompatibilidade nessa espécie..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Taina Ottoni Borges Igreja Ramos - Coordenador.Financiador(es): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco - Bolsa.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Genética / Subárea: Genética Animal.
2.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Zoologia.
3.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Zoologia / Subárea: Taxonomia dos Grupos Recentes.


Idiomas


Inglês
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.
Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.


Prêmios e títulos


2013
Láurea Universitária, UFPE.


Produções



Produção bibliográfica


Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
VIII Congresso Brasileiro de Mastozoologia. Sistemática molecular e diversidade filogenética dos morcegos de três Unidades de Conservação da Caatinga, Nordeste do Brasil.. 2015. (Congresso).

2.
XXX Congresso Brasileiro de Zoologia. Uso de técnicas moleculares da correta identificação de Amazona aestiva (Psittacidae, Psittaciformes) recebidos pelo Centro de Triagem de Animais Silvestres (CETAS) de Recife, Pernambuco, Brasil.. 2014. (Congresso).

3.
62° Congresso Nacional de Botânica. Sistema reprodutivo de Solanum stramonifolium Jacq. (Solanaceae): um caso de andromonoicia funcional?. 2011. (Congresso).

4.
I Simpósio em Biodiversidade, Conservação, Manejo e Pesquisa de Animais Silvestres (SIMAS). 2011. (Simpósio).

5.
XIX Congresso de Iniciação Científica. Sistema reprodutivo de Solanum stramonifolium Jacq. (Solanaceae): um caso de andromonoicia funcional?. 2011. (Congresso).

6.
III Simpósio de Inovação em Ciências Biológicas. 2010. (Simpósio).

7.
XXIII Tarde Recifal. 2010. (Encontro).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 14/12/2018 às 8:56:16