Mahira Caixeta Pereira da Luz

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/2706511069047307
  • Última atualização do currículo em 08/08/2017


Possui graduação em História (Licenciatura) pela Universidade Federal de Minas Gerais (2014). Fez intercâmbio acadêmico na Illinois State University (2014). Atualmente é mestranda no Programa de Pós-Graduação em História pela Universidade Federal de Minas Gerais, na linha de História e Culturas Políticas. É membro, desde 2011, do grupo de pesquisa "Dimensões culturais e políticas do exílio latino-americano". Possui experiência na área de História Latino-Americana, atuando principalmente nos seguintes temas: história intelectual, México, movimentos sociais. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Mahira Caixeta Pereira da Luz
Nome em citações bibliográficas
LUZ, Mahira. C.P.


Formação acadêmica/titulação


2016
Mestrado em andamento em História.
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Título: A revista "Chiapas" e o debate intelectual em torno do Exército Zapatista de Libertação Nacional (1995-2004),Orientador: Adriane Vidal Costa.
Grande área: Ciências Humanas
2010 - 2014
Graduação em História.
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
com período sanduíche em Illinois State University (Orientador: Adriane Vidal Costa).




Formação Complementar


2016 - 2016
Culturas, identidades e tradições no mundo globalizado.. (Carga horária: 6h).
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
2015 - 2015
As revistas como fonte e objeto de pesquisa para... (Carga horária: 7h).
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
2014 - 2014
Intercâmbio acadêmico. (Carga horária: 180h).
Illinois State University, ISU, Estados Unidos.
2013 - 2013
As revistas latino-americanas como objetos de...... (Carga horária: 18h).
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
2012 - 2012
Literatura e História na Narrativa Argentina. (Carga horária: 6h).
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - Atual
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Mestranda bolsista, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

2016 - 2016
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Estágio Docente, Carga horária: 2
Outras informações
Professora da disciplina optativa "História do México: da Revolução de 1910 a atualidade", oferecida ao curso de graduação em História da UFMG, com duração total de 30h/aula.

Vínculo institucional

2013 - 2014
Vínculo: Iniciação Científica, Enquadramento Funcional: Bolsista, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Projeto "Das montanhas mexicanas ao ciberespaço: a guerrilha informacional do movimento indígena de Chiapas", sob orientação da Prof. Dr. Adriane Vidal Costa

Vínculo institucional

2012 - 2013
Vínculo: Iniciação Cientifica, Enquadramento Funcional: Bolsista, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Projeto "Os quintais das Minas Gerais: séculos XVIII e XIX", sob orientação do Prof. Dr. José Newton Coelho Menezes.


Museu de Artes e Ofício de Belo Horizonte, MAO, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - 2014
Vínculo: Educador, Enquadramento Funcional: Educadora, Carga horária: 40

Vínculo institucional

2011 - 2011
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Educadora, Carga horária: 30


Revista Varia Historia, UFMG, Brasil.
Vínculo institucional

2010 - 2012
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Estagiária



Projetos de pesquisa


2013 - 2014
Das montanhas mexicanas ao ciberespaço: a guerrilha informacional do movimento indígena de Chiapas
Descrição: Esse projeto tem como objetivo analisar a estratégia de luta engendrada pelo Exército Zapatista de Libertação Nacional (EZLN), que o transformou em um movimento bastante original dentro do contexto das lutas populares na América Latina. Os zapatistas foram pioneiros no uso da Internet como instrumento para a ação política. Na década de 1990, das montanhas do Estado de Chiapas, eles criaram uma rede de comunicação que chamou atenção do mundo para a questão indígena no sul do México. Foi o primeiro grupo organizado a empreender, através da Web, uma oposição sistemática contra os efeitos da globalização neoliberal. Pretende-se identificar como e porque os zapatistas utilizam os recursos tecnológicos de meios eletrônicos como estratégia de ação política, convergindo a cosmovisão das comunidades indígenas com seu histórico de resistência..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2011 - Atual
Dimensões políticas e culturais do exílio latino-americano
Descrição: O exílio sempre foi uma tradição na cultura latino-americana, afirmou certa vez o crítico uruguaio Ángel Rama. A história da América Latina tem sido, desde o século XIX, marcada pelo exílio, seja ele forçado ou voluntário, seja para países do Continente Americano ou para a Europa. Grandes figuras do século XIX ilustram essa tradição: Sarmiento, no Chile; Montalvo, na Colômbia e na França; José Martí, na América Central e EUA. No século XX, o século do exílio, continuaram a tradição Octavio Paz, Julio Cortázar, Pablo Neruda, Vargas Llosa, García Márquez, Ferreira Gullar, Guillermo Cabrera Infante e tantos outros. O exílio tem sido uma das mais importantes formas de expressão política na América Latina. A condição exílica é relevante nos estudos sócio-históricos e literários e é considerada como categoria de discussão a respeito das produções daqueles que estão, por diversas razões, fora de sua terra de origem. O grupo de pesquisa pretende contribuir para a ampliação dos estudos sobre as dimensões culturais e políticas do exílio latino-americano nos séculos XIX e XX ao investigar as ideias culturais e políticas que circulam em periódicos, narrativas literárias e biográficas criadas por intelectuais no exílio. Para tal, analisar-se-á as práticas políticas e as estratégias de intervenção intelectual motivadas pela condição exílica. O grupo congregará pesquisadores, estudantes de graduação, pós-graduação e participantes externos que se dedicam a temas relacionados ao exílio latino-americano. As pesquisas produzidas pelos membros do grupo se ampliarão sob aspectos temáticos, conceituais e de possibilidades historiográficas, explorando fontes de natureza variada (impressos, romances, biografias, petições, manifestos, correspondências) e buscando promover ampla discussão e divulgação de produção acadêmica. Promover-se-á seminários nacionais e internacionais, participação dos membros em congressos e buscar-se-á edições de textos em livros e artigos em periódicos..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2009 - 2012
Os quintais das Minas Gerais (séculos XVIII e XIX)
Descrição: O objeto de investigação histórica que o projeto propõe são os quintais, formação espacial importante na configuração das vilas e cidades do espaço histórico das Minas Gerais setecentistas e do início do século XIX. De forma sintética, quintais são pequenas quintas como os definem os dicionários que se constroem anexos às casas urbanas e rurais e se prestam, ao primeiro olhar, para suprir as demandas alimentares do domicílio e da vizinhança. Lugares de relações humanas identitárias, são espaços construídos na interseção entre o domicílio, a intimidade privada da família e a sociabilidade de vizinhança e de relações com o arruamento e o mundo público. Em contraponto comparativo, o quintal rural, anexo evidenciado e importante das sedes das fazendas, será investigado na perspectiva de oferecer evidências das fronteiras entre urbano e rural nesse tempo histórico. A proposta é, portanto, a problematização de um espaço, evidenciado em documentos históricos como Inventários post mortem, documentação cartorária, relatos de viajantes e contemporâneos e documentação das Câmaras. Por outro lado, busca-se ainda, uma construção conceitual, ou seja, de explicação lógica e sistematizada sobre um lugar específico e das evidências materiais de uma tradição que configura importante característica da história de Minas Gerais e do Brasil. Como problema de pesquisa histórica, os quintais serão aqui investigados sob a perspectiva da materialidade da cultura que se constrói nas relações do homem com o mundo natural, na edificação de valores sociais ligados aos espaços da vida, identificando e caracterizando essa sociedade e constituindo patrimônios caros à cultura dos grupos humanos..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História da América.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História da América/Especialidade: História Latino-Americana.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Pouco.
Francês
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Pouco, Escreve Pouco.


Produções



Produção bibliográfica
Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
LUZ, Mahira. C.P.. A revista Chiapas: intelectuais e o combate transnacional contra o neoliberalismo. In: ? V Encontro de Pesquisa em História da UFMG, 2017, Belo Horizonte. Anais Eletrônicos do V EPHIS Encontro de Pesquisa em História da UFMG: Brasil em perspectiva: passado e presente. Belo Horizonte, 2017. v. 1. p. 665-675.

2.
LUZ, Mahira. C.P.. A revista Chiapas e o Exército Zapatista de Libertação Nacional: o debate sobre a questão agrária no sul do México. In: IV Encontro de Pesquisa em História da UFMG, 2016, Belo Horizonte. Anais do IV Encontro de Pesquisa em História da UFMG. Belo Horizonte: Revista Temporalidades, 2015. v. 7. p. 868-878.

3.
LUZ, Mahira. C.P.; DRUMMOND, C. M. F. ; AZEVEDO, N. F. . Literatura e exílio nas revistas Encuento de La Cultura Cubana , La Habana Elegante e Hispano Cubana. In: II Encontro de Pesquisa em História da UFMG, 2013, Belo Horizonte. Anais Eletrônicos do II Encontro de Pesquisa em História da UFMG, 2013. v. IV. p. 140-152.

4.
LUZ, Mahira. C.P.; DRUMMOND, C. M. F. . Revista Hispano Cubana: cultura e política dos exilados cubanos.. In: II Encontro do Grupo de Estudo e Trabalho em História e Linguagem, 2011, Belo Horizonte. Linguagem no mundo, mundo na linguagem., 2011. v. 1. p. 140-146.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
LUZ, Mahira. C.P.. A revista 'Chiapas' e o Exército Zapatista de Libertação Nacional: o debate sobre a questão agrária no sul do México. In: IV Encontro de Pesquisa em História da UFMG, 2015, Belo Horizonte. Caderno de Resumos IV Encontro de Pesquisa em História da Universidade Federal de Minas Gerais, 2015. p. 119.

2.
LUZ, Mahira. C.P.; DRUMMOND, C. M. F. . Revista Hispano Cubana: cultura e política dos exilados cubanos. In: II Encontro do Grupo de Estudo e Trabalho em História e Linguagem: Linguagem no Mundo, Mundo na Linguagem, 2011, Belo Horizonte. II Encontro do Grupo de Estudo e Trabalho em História e Linguagem: Linguagem no Mundo, Mundo na Linguagem, 2011. p. 42.

Apresentações de Trabalho
1.
LUZ, Mahira. C.P.. A revista Chiapas e o debate intelectual em torno do Exército Zapatista de Libertação Nacional (1995-2004). 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

2.
LUZ, Mahira. C.P.. Para todos todo, nada para nosotros - Roda de discussão sobre o movimento Zapatista no México. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
LUZ, Mahira. C.P.. Revista Chiapas: intelectuais, política e o Exército Zapatista de Libertação Nacional. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

4.
LUZ, Mahira. C.P.. A revista Chiapas e o Exército Zapatista de Libertação Nacional: o debate sobre a questão agrária no sul do México. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

5.
LUZ, Mahira. C.P.; DRUMMOND, C. M. F. ; AZEVEDO, N. F. . Dimensões culturais e políticas do exílio: revistasde exilados cubanos na Espanha e EUA. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

6.
LUZ, Mahira. C.P.. Das montanhas mexicanas ao ciberespaço: a guerrilha informacional do movimento indígena em Chiapas.. 2013. (Apresentação de Trabalho/Outra).

7.
LUZ, Mahira. C.P.. Os quintais setecentistas e oitocentistas. 2012. (Apresentação de Trabalho/Outra).

8.
LUZ, Mahira. C.P.. Dimensões políticas e culturais do exílio (1996-2009). Revistas de exilados cubanos na Espanha e EUA: Encuentro de la Cultura Cubana, La Habana Elegante e Revista Hispano Cubana. 2012. (Apresentação de Trabalho/Outra).

9.
LUZ, Mahira. C.P.; DRUMMOND, C. M. F. . Revista Hispano Cubana: cultura e política dos exilados cubanos. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

10.
LUZ, Mahira. C.P.. imensões culturais e políticas do exílio (1996-2009) Revistas de exilados cubanos na Espanha e EUA: Encuentro de la Cultura Cubana, La Habana Elegante e Revista Hispano Cubana. 2011. (Apresentação de Trabalho/Outra).



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
IV Encontro de Pesquisa em História da UFMG.A revista Chiapas e o Exército Zapatista de Libertação Nacional: o debate sobre a questão agrária no sul do México. 2015. (Encontro).

2.
XXXII International Congress of Latin American Studies Association. 2014. (Congresso).

3.
II Encontro de Pesquisa em História da UFMG.Dimensões culturais e políticas do exílio: revistasde exilados cubanos na Espanha e EUA. 2013. (Encontro).

4.
XXII Semana de Iniciação Científica da UFMG.Das montanhas mexicanas ao ciberespaço: a guerrilha informacional do movimento indígena em Chiapas.. 2013. (Outra).

5.
I Encontro de Pesquisa em História da UFMG..Dimensões culturais e políticas do exílio (1996-2009) Revistas de exilados cubanos na Espanha e EUA: Encuentro de la Cultura Cubana, La Habana Elegante e Revista Hispano Cubana. 2012. (Encontro).

6.
X Encontro Internacional da ANPHLAC.. 2012. (Encontro).

7.
XXI Semana de Iniciação Científica da UFMG..O quintal urbano nas Vilas de Minas Gerais (séculos XVIII e XIX).. 2012. (Outra).

8.
"A linguagem dos quadrinhos como prática social".. 2011. (Oficina).

9.
II Encontro do Grupo de Estudo e Trabalho em História e Linguagem.Revista Hispano Cubana: Cultura e Política dos Exilados Cubanos. 2011. (Encontro).

10.
I Simpósio Internacional Legados da Diáspora Africana no Brasil e nos Estados Unidos. 2011. (Simpósio).

11.
O Brasil em Dois Tempos: História, Pensamento Social e Tempo Presente. 2. 2011. (Seminário).

12.
XV Semana da Graduação da UFMG.Dimensões Culturais e Políticas do Exílio (1996-2009): Revistas de exilados cubanos na Espanha e EUA: Encuentro de la Cultura Cubana, La Habana Elegante e Revista Hispano Cubana.. 2011. (Outra).

13.
Seminário Internacional Cultura, Arte e História - A contribuição dos jesuítas entre os séculos XVI e XIX. 2010. (Seminário).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
LUZ, Mahira. C.P.. VI Encontro de Pesquisa em História da UFMG -EPHIS. 2017. (Congresso).

2.
LUZ, Mahira. C.P.; DRUMMOND, C. M. F. ; COELHO NETO, R. ; GOMES, W. A. ; SCHEID, N. I. S. ; PRATES, T. H. O. . Simpósio Temático: Cultura, economia e política na América independente. 2016. (Outro).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 09/12/2018 às 20:30:45