Emilia Haline Dutra

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/5401597949984022
  • Última atualização do currículo em 15/05/2017


Graduada em Licenciatura e bacharelanda em Ciências Sociais pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC). Tem se dedicado às pesquisas nas áreas de Educação, Gênero, Sexualidades, Sociologia, Antropologia, Políticas Públicas, Música e Formação de professor@s. Foi bolsista de pesquisa e extensão pelo PROEX/UFSC durante 2014 e 2015 no Projeto Saúde e Ações Educativas: Parasitologia na Escola, coordenado pelo CFH e CCS (UFSC) em parceria com a Prefeitura Municipal de Santo Amaro da Imperatriz-SC/Brasil. Integrante no Núcleo de Identidades de Gênero e Sexualidades (NIGS/UFSC), participou durante o ano de 2014 e 2016 como voluntária e posteriormente bolsista PROEXT/CNPq do Projeto de Extensão Papo Sério, ministrando oficinas sobre Gênero, Diversidades e Violências para estudantes da rede pública de ensino da grande Florianópolis. Realizou em 2016 intercâmbio durante um semestre na Facultad de Ciencias Sociales da Universidad de la República (UDELAR) em Montevideo - Uruguay pelo Programa Escala de Grado da Asociación de Universidades Grupo Montevideo (AUGM). (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Emilia Haline Dutra
Nome em citações bibliográficas
DUTRA, E. H.


Formação acadêmica/titulação


2011
Graduação em andamento em Ciências Sociais.
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
2016 - 2016
Graduação em Facultad de Ciencias Sociales.
Universidad de la Republica Uruguay, UDELAR, Uruguai.
Título: Programa de Intercâmbio - AUGM.
Bolsista do(a): Asociación de Universidades Grupo Montevideo, AUGM, Uruguai.
2011 - 2016
Graduação em Ciências Sociais.
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
Título: Trabalho de Conclusão de Licenciatura (TCL) - ENTRE VERSOS E PROSAS - GÊNERO, EDUCAÇÃO E MÚSICA. Experiência etnográfica nas oficinas do Projeto Papo Sério.
Orientador: Dra. Miriam Pillar Grossi.
2006 - 2008
Ensino Médio (2º grau).
E.E João Franceschini, E.E.J.F, Brasil.




Formação Complementar


2017 - 2017
Curso de Extensão "O que é gordofobia?". (Carga horária: 20h).
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
2016 - 2016
Curso de Capacitação: por uma prática pedagógica inclusiva nas escolas. (Carga horária: 40h).
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
2016 - 2016
IMÁGENES CONTROVERSIALES. La comunicación visual y la perspectiva de género. (Carga horária: 12h).
Codidiano Mujer, C.M., Uruguai.
2016 - 2016
Programa de Intercâmbio Escala de Grado - AUGM.
Universidad de la Republica Uruguay, UDELAR, Uruguai.
2015 - 2015
Grupo de Estudos do NIGS (GENIGS).. (Carga horária: 20h).
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
2015 - 2015
Mini Curso Angela Davis - vida, obra e conceitos centrais. (Carga horária: 4h).
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
2015 - 2015
Minicurso Políticas de Sexualidade e Gênero na América Latina. (Carga horária: 12h).
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
2015 - 2015
CURSO DE ANTROPOLOGIA: GÊNERO E DIVERSIDADE NA ESCOLA. (Carga horária: 20h).
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
2015 - 2015
5º Curso de Curta Duração em Gênero e Feminismo. (Carga horária: 30h).
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
2014 - 2014
4º Curso de Curta Duração em Gênero e Feminismo.. (Carga horária: 40h).
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsa Monitoria, Carga horária: 12
Outras informações
Estagiária Docente pelo CNPq, monitoria presidencial e EaD na disciplina Estágio Supervisionado I do Curso de Graduação em Ciências Sociais - Licenciatura sob orientação do Dr. Antônio Alberto Brunetta. Local: CFH - Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) Florianópolis - SC Brasil.

Vínculo institucional

2011 - Atual
Vínculo: Estudante, Enquadramento Funcional: Ciências Sociais-Licenciatura e Bacharelado, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

2016 - 2016
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsa Monitoria, Carga horária: 12
Outras informações
Estagiária Docente pelo CNPq, monitoria presidencial e EaD na disciplina Estágio Supervisionado II do Curso de Graduação em Ciências Sociais - Licenciatura sob orientação do Dr. Antônio Alberto Brunetta. Local: CFH - Centro de Filosofia e Ciências Humanas, Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC) Florianópolis - SC Brasil.

Vínculo institucional

2015 - 2016
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de pesquisa e extensão (PROEXT/CNPq), Carga horária: 20
Outras informações
Projeto Papo Serio (NIGS/UFSC) de pesquisa extensão e pesquisa que tem como objetivo problematizar as representações de gênero e sexualidade com jovens alunos e alunas de escolas públicas de Florianópolis. . As atividades do projeto são divididas em 4 principais eixos de atuação: 1) as oficinas Papo Sério oferecidas nas escolas, que têm por objetivo discutir direitos sexuais, violência contra as mulheres, homo-lesbo-transfobia, masculinidades, racismo, entre outros temas; 2) o Concurso de Cartazes sobre Homo-Lesbo-Transfobia e Heterossexismo nas Escolas, que neste ano de 2015 chega a sua 7ª edição envolvendo 37 escolas, cerca de 500 estudantes e uma média de 290 cartazes; 3) um cronograma de eventos de datas comemorativas e de lutas contra discriminações no campo dos estudos de gênero e sexualidades, que articula pesquisa, formação acadêmica e diálogo com a sociedade civil. Uma quarta linha foi iniciada em 2015, intitulada 4) Corpo, Performance e Gênero visando integrar atividades artísticas nas práticas da equipe de bolsistas e nas atividades do projeto.

Vínculo institucional

2014 - 2015
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de pesquisa e extensão (PROEX/UFSC), Carga horária: 20
Outras informações
Projeto de extensão Saúde de Ações Educativas: Parasitologia na Escola (CFH-CCS/UFSC) que integra o Programa Institucional Projeto de Cooperação entre Universidade Federal de Santa Catarina e a Prefeitura Municipal de Santo Amaro da Imperatriz em Parasitologia, Drenagem e Resíduos Sólidos , aprovado sob o protocolo n. 2013.6222. São feitas interfaces entre saúde e educação, através de medidas preventivas no combate as doenças parasitárias humanas. A criação do projeto se deu pela proposta de promover a ampliação de conhecimentos dos alunos sobre saúde e suas inter-relações no município de Santo Amaro da Imperatriz/SC, dando origem assim ao projeto Saúde de Ações Educativas: Parasitologia na Escola, unindo dois centros da UFSC, o Centro de Ciências da Saúde (CCS) e o Centro de Filosofia e Ciências Humanas (CFH) sob orientação dos seguintes professores, Lenilza Mattos Lima Departamento de Análises Clínicas (CCS) Juliet Kiyoko Sugai Departamento de Bioquímica (CCB), Márcia Grisotti Departamento de Sociologia e Ciência Política (CFH). Concedente: Fundação de Ensino e Engenharia de Santa Catarina - FEESC

Vínculo institucional

2013 - 2014
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Estágio: Núcleo de Patrimônio (HU), Carga horária: 20
Outras informações
Estágio Não Obrigatório no Núcleo de Patrimônio - Hospital Universitário Polydoro Ernani de São Thiago (HU/UFSC).

Vínculo institucional

2012 - 2012
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Perfil profissional do jornalismo brasileiro
Outras informações
Projeto de pesquisa PROEX/UFSC: Perfil profissional do jornalismo brasileiro - Etapa 1. Quantos são os jornalistas brasileiros? (Coordenação: Dr. Jacques Mick)

Vínculo institucional

2011 - 2012
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Estágio: Associação Amigos do HU (AAHU), Carga horária: 20
Outras informações
Estágio Não Obrigatório na Associação Amigos do AAHU - Hospital Universitário Polydoro Ernani de São Thiago (HU/UFSC).



Projetos de pesquisa


2015 - 2016
Antropologia, Gênero e Educação em Santa Catarina
Descrição: Este projeto de pesquisa, foi realizado no âmbito do Programa de Apoio a Núcleos Emergentes PRONEM-FAPESC-CNPq. Ele visou estudar como questões de gênero e sexualidade foram incorporadas pelas políticas públicas educacionais no Estado de Santa Catarina. Para o desenvolvimento deste projeto, foram articulados os campos teóricos da Antropologia, Educação, Psicologia e dos Estudos de Gênero visando a contribuir para a discussão e construção de políticas públicas educacionais, que objetivam a promoção da igualdade, da equidade e do respeito à diversidade..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2013 - 2013
GRUPO DE PESQUISA RAÍZES DO GOLPE: MÁRIO PEDROSA E A OPÇÃO IMPERIALISTA
Descrição: Trata-se de projeto inserido na linha "História e Política" do Grupo de Pesquisa Memorial dos Direitos Humanos. A pesquisa tem por objetivo analisar as obras "A opção Imperialista" e "A opção brasileira" de autoria de Mário Pedrosa para extrair a explicação fornecida pelo autor para o Golpe Civil-Militar de 1964, bem como estudar os pressupostos e conceitos utilizados para agregar a sua contribuição aos estudos de teoria social e política, históricos e historiográficos que refletiram criticamente sobre aquele período da história no Brasil e no mundo de modo a enriquecer o conhecimento acerca das idéias e ideologias políticas voltadas à temática do autoritarismo...
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Especialização: (2) .
Integrantes: Emilia Haline Dutra - Integrante / Luciane Manica Espinola - Integrante / José Carlos Mendonça - Coordenador / Guilherme Wagner - Integrante / Joacy Ghizzi Neto - Integrante.
2012 - 2013
Grupo de Estudos Nietzsche e a Teoria Política (GENTP)
Descrição: Grupo de estudos interdisciplinar sobre o pensamento de Nietzsche e sua relação com a teoria política. O grupo é formado por alunos de graduação e pós-graduação de diversos cursos (Ciências Sociais, História, Psicologia e Relações Internacionais). Além de estudar e discutir textos de Nietzsche, o grupo também discute trabalhos de autores que tiveram alguma conexão com o pensamento de Nietzsche, com destaque para os pós-estruturalistas franceses e autores recentes da corrente agonística da teoria democrática..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (10) / Especialização: (2) .
Integrantes: Emilia Haline Dutra - Integrante / Victor Wolfgang Kegel Amal - Integrante / Jean Gabriel Castro da Costa. - Coordenador / Ivan Gomes - Integrante.
2012 - 2012
Perfil profissional do jornalismo brasileiro - Etapa 1. Quantos são os jornalistas brasileiros?
Descrição: A pesquisa estimou o número de jornalistas que atuavam no Brasil em 2011 (145 mil), sua estratificação por sexo e sua distribuição por unidade da Federação, o que viabilizou a realização de um amplo online survey, do qual extraiu-se um plano amostral representativo da categoria. As estimativas sobre as dimensões da categoria foram obtidas pelo cruzamento de três bases de dados: a quantidade de egressos de cursos superiores, obtida junto a coordenações de cursos de jornalismo; o total de registrados no Ministério do Trabalho; os sindicalizados em 31 entidades filiadas à Federação Nacional de Jornalistas. O survey, realizado entre setembro e novembro de 2012, produziu um plano amostral com respostas de 2.731 jornalistas de todas as unidades da Federação e também do exterior. O estudo constatou que a expansão da oferta de cursos superiores para a formação de jornalistas (a partir de meados dos anos 1990) afetou dramaticamente a composição da categoria, por fatores como extensão, feminização e juvenilização, os quais mitigaram os efeitos do fim da exigência de formação superior para o exercício da profissão, por decisões judiciais a partir de 2001. Os resultados começaram a ser divulgados em abril de 2013. Análises aprofundadas da base de dados constituem o objetivo da Etapa 2 do projeto, no período 2013-2016..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Projetos de extensão


2014 - 2016
Projeto Papo Sério (PROEXT/CNPq)
Descrição: Projeto de extensão e pesquisa que tem como objetivo problematizar as representações de gênero e sexualidade com jovens alunos e alunas de escolas públicas de Florianópolis. As atividades do projeto são divididas em 4 principais eixos de atuação: 1) as oficinas Papo Sério oferecidas nas escolas, que têm por objetivo discutir direitos sexuais, violência contra as mulheres, homo-lesbo-transfobia, masculinidades, racismo, entre outros temas; 2) o Concurso de Cartazes sobre Homo-Lesbo-Transfobia e Heterossexismo nas Escolas, que no ano de 2015 chega a sua 7ª edição envolvendo 37 escolas, cerca de 500 estudantes e uma média de 290 cartazes; 3) um cronograma de eventos de datas comemorativas e de lutas contra discriminações no campo dos estudos de gênero e sexualidades, que articula pesquisa, formação acadêmica e diálogo com a sociedade civil. Uma quarta linha foi iniciada em 2015, intitulada 4) Corpo, Performance e Gênero visando integrar atividades artísticas nas práticas da equipe de bolsistas e nas atividades do projeto. O projeto tem permitido não apenas a formação continuada de estudantes, como de educadoras, em temáticas ligadas à diversidade sexual e na luta contra preconceitos, assim como ter sido campo de desenvolvimento de pesquisas sobre as temáticas dos direitos humanos, da sexualidade e da violência..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (15) .
Integrantes: Emilia Haline Dutra - Coordenador / Miriam Pillar Grossi - Integrante / Emília Haline Dutra - Integrante / Marisa Naspolini - Integrante / Everson Fernandes - Integrante / Bruna Bernhardt - Integrante / Raphael Ramos da Silva - Integrante / Isís Beckhauser - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2014 - 2015
Projeto: Saúde e Ações Educativas: Parasitologia na Escola (PROEX/UFSC)
Descrição: Projeto de extensão que integra o Programa Institucional Projeto de Cooperação entre Universidade Federal de Santa Catarina e a Prefeitura Municipal de Santo Amaro da Imperatriz em Parasitologia, Drenagem e Resíduos Sólidos , aprovado sob o protocolo n. 2013.6222. São feitas interfaces entre saúde e educação, através de medidas preventivas no combate as doenças parasitárias humanas. A criação do projeto se deu pela proposta de promover a ampliação de conhecimentos dos alunos sobre saúde e suas inter-relações no município de Santo Amaro da Imperatriz/SC, dando origem assim ao projeto Saúde de Ações Educativas: Parasitologia na Escola, unindo dois centros da Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC), o Centro de Ciências da Saúde e o Centro de Filosofia e Ciências Humanas, sob orientação dos seguintes professores, Lenilza Mattos Lima Departamento de Análises Clínicas/CCS, Juliet Kiyoko Sugai Departamento de Bioquímica/CCB, Márcia Grisotti Departamento de Sociologia e Ciência Política/ CFH, Alcides Milton da Silva Departamento de Saúde Pública/CCS, Karin Caumo - Departamento de Análises Clínicas/CCS (participante do projeto de pesquisa sobre os exames parasitológicos de fezes e representações sociais), criando uma equipe com mais quatro bolsistas Bruna e Jéssica do curso de Farmácia da UFSC e Emília e Natalia do curso de Ciências Sociais da UFSC. Concedente: Fundação de Ensino e Engenharia de Santa Catarina - FEESC.
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) .
Integrantes: Emilia Haline Dutra - Integrante / Jessica Silva - Integrante / Natalia Seeger Duarte - Integrante / Lenilza Mattos - Coordenador / Márcia Grisotti - Integrante.
2012 - 2013
Nietzsche e Teoria Política
Descrição: Grupo de estudos interdisciplinar sobre o pensamento de Nietzsche e sua relação com a teoria política. O grupo é formado por alunos de graduação e pós-graduação de diversos cursos (Ciências Sociais, História, Psicologia e Relações Internacionais). Além de estudar e discutir textos de Nietzsche, o grupo também discute trabalhos de autores que tiveram alguma conexão com o pensamento de Nietzsche, com destaque para os pós-estruturalistas franceses e autores recentes da corrente agonística da teoria democrática..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.


Outros Projetos


2015 - 2015
Grupo de Estudos do Núcleo de Identidade de Gênero e Subjetividades (GENIGS)
Descrição: O Grupo de Estudos do NIGS (GENIGS) tem o objetivo de realizar formação teórica e metodológica sobre gênero, sexualidade, educação, relações étnico-raciais, deficiências e políticas públicas..
Situação: Concluído; Natureza: Outra.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Sociologia / Subárea: Sociologia.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Educação / Subárea: Educação.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Educação / Subárea: Antropologia.


Idiomas


Inglês
Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Pouco, Escreve Pouco.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.


Produções



Produção bibliográfica
Livros publicados/organizados ou edições
1.
DUTRA, E. H.. 'ENTRE VERSOS E PROSAS - GÊNERO, EDUCAÇÃO E MÚSICA. Experiência etnográfica nas oficinas do Projeto Papo Sério. 1. ed. Florianópolis: Red Nedel, 2015. v. 30. 221p .

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
GROSSI, M. P. ; NASPOLINI, M. ; BERNHARDT, B. ; DUTRA, E. H. ; FERNANDES, E. ; MARTINS, S. M. ; ROSA, A. L. ; DANIEL, L. ; DOTHLING, N. ; DUTRA, E. H. . 'Então eu sou Feminista?'. Revista Papo Sério, UFSC, Florianópolis - SC, 16 ago. 2015.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
DUTRA, E. H.; DOTHLING, N. . PROJETO PAPO SÉRIO: ABORDAGENS SOBRE GÊNERO E SEXUALIDADE NA ESCOLA. In: IV Encontro Nacional sobre o Ensino de Sociologia na Educação Básica, 2015, São Leopoldo. IV Encontro Nacional sobre o Ensino de Sociologia na Educação Básica, 2015.

2.
DUTRA, E. H.; KREMER, N. S. ; GROSSI, M. P. . O Projeto Papo Sério: a extensão universitária criando novas possibilidades nas trajetórias de estudantes de escolas públicas catarinenses.. In: IV Seminário Internacional Enlaçando Sexualidades, 2015, Salvador. O Projeto Papo Sério: a extensão universitária criando novas possibilidades nas trajetórias de estudantes de escolas públicas catarinenses., 2015.

3.
DUTRA, E. H.. Violência cantada? Gênero, Educação e Música, experiência etnográfica nas oficinas do projeto Papo Sério.. In: IV Seminário Internacional Enlaçando Sexualidades, 2015, Salvador - BA. relatodeexpeienciaDUTRA.doc.pdf, 2015.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
DUTRA, E. H. ; DUTRA, E. H. . Entre Versos e Prosas - A música como facilitador metodológico para o debate entre gênero e educação nas oficinas do projeto Papo-Sério.. In: 30ª Reunião Brasileira de Antropologia - VI Prêmio Lévi-Strauss, 2015, João Pessoa - PB. Anais 30ª RBA.

Apresentações de Trabalho
1.
DUTRA, E. H.; GROSSI, M. P. . Poster: 'Entre Versos e Prosas? A música como facilitador metodológico para o debate entre gênero e educação nas oficinas do projeto Papo Sério'. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

2.
KREMER, N. S. ; GROSSI, M. P. ; NASPOLINI, M. ; DUTRA, E. H. . O Projeto Papo Sério: a extensão universitária criando novas possibilidades nas trajetórias de estudantes de escolas públicas catarinenses. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

3.
DUTRA, E. H.. 'Violência cantada? Gênero, educação e música, experiência etnográfica nas oficinas do Projeto Papo Sério?. 2015. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

4.
DUTRA, E. H.. 'ENTRE VERSOS E PROSAS - Refletindo sobre as violências contra as mulheres a partir de músicas brasileiras nas oficinas do Projeto Papo Sério'. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

5.
DUTRA, E. H. ; DUTRA, E. H. . Poster: Entre Versos e Prosas? A música como facilitador metodológico para o debate entre gênero e educação nas oficinas do projeto Papo Sério. 2015. (Apresentação de Trabalho/Outra).

6.
GROSSI, M. P. ; DUTRA, E. H. . Gênero, Educação e Música: O projeto de extensão Papo Sério e o combate às violências na escola. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).


Produção técnica
Trabalhos técnicos
1.
DUTRA, E. H.. Monitoria no CURSO DE ANTROPOLOGIA: GÊNERO E DIVERSIDADE NA ESCOLA (LEFIS/UFSC). 2015.

2.
DUTRA, E. H.. Monitoria no 5º Curso de Curta Duração em Gênero e Feminismo. 2015.

3.
DUTRA, E. H.. Monitoria no estande do IEG durante a 14ª SEPEX (UFSC). 2015.

4.
DUTRA, E. H.. Monitoria no Fazendo Gênero 10 - Desafios Atuais dos Feminismos (UFSC) 10h. 2013.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
DUTRA, E. H. ; DUTRA, E. H. . Rádio Ponto UFSC - Programa ?Rádio Rolê?.. 2015.


Demais tipos de produção técnica
1.
DUTRA, E. H.; GROSSI, M. P. ; NASPOLINI, M. ; COSTA, A. ; KREMER, N. S. ; DANIEL, L. ; ANTONELO, N. . Oficina Papo Sério - 'Violências contra as Mulheres'. 2014. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Oficina Didática).

2.
COSTA., J. G. C. ; DUTRA, E. H. ; GOMES, I. ; AMAL, V. W. K. . Minicurso: Na batucada do trágico (12ª SEPEX/UFSC). 2013. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).


Produção artística/cultural
Artes Cênicas
1.
NASPOLINI, M. ; DUTRA, E. H. ; ANTONELO, N. ; BERNHARDT, B. ; MARTINS, S. M. ; BECKHAUSER, I. ; ROSA, A. L. . CENAS DO PAPO SÉRIO. 2016. Performática.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Curso de extensão "O que é Gordofobia?". 2017. (Exposição).

2.
Seminário Reforma do Ensino Médio: impactos na organização escolar e no trabalho docente (UFSC). 2017. (Seminário).

3.
30ª Reunião Brasileira de Antropologia (RBA) - VI Prêmio Lévi-Strauss.Entre Versos e Prosas ? A música como facilitador metodológico para o debate entre gênero e educação nas oficinas do projeto Papo Sério.. 2016. (Encontro).

4.
5º Tenemos Que Ver Festival de Cine y Derechos Humanos del Uruguay (URUGUAY). 2016. (Outra).

5.
8ª Jornada Nacional por la Salud y los Derechos Sexuales y Reproductivos - MYSU ? Mujer y Salud en Uruguay. 2016. (Congresso).

6.
Charla taller Lenguaje Inclusivo y Lenguaje No-Sexista dictada por Teresa Meana. 2016. (Oficina).

7.
Ciclo de Conferencias: LAURENCE TAIN. 1. Dominación y resistencias: Bourdieu y las feministas francesas y 2. Las corrientes de la segunda ola feminista francesa». 2016. (Seminário).

8.
Formação Gênero e Sexualidade Prefeitura Municipal de Rio do Sul (NIGS/ UFSC).Oficina para docentes da rede pública de ensino. 2016. (Oficina).

9.
III Jornadas de Debate Feminista - UDELAR (Uruguay). 2016. (Encontro).

10.
Jornada 25 anos do NIGS/UFSC.Pesquisas de graduação e mestrado em Gênero e Educação desenvolvidas no quadro do Projeto: PRONEM FAPESC.. 2016. (Encontro).

11.
Mesa redonda: Famílias Inter-Raciais: um estudo psicossocial das hierarquias raciais em dinâmicas familiares - Profª Drª Lia Vainer Schucman - USP (UFSC). 2016. (Outra).

12.
Mesa-redonda: Violências contra Mulheres: 10 anos da Lei Maria da Penha (NIGS) 4H. 2016. (Encontro).

13.
Oficina na Semana Nacional de Ciência e Tecnologia - IFSC 2016 (IFSC). Oficina Ministrada: Diversidade Sexual na Escola. 2016. (Exposição).

14.
Palestra: NEN 30 anos: O Pensamento Negro no Século XXI. 2016. (Outra).

15.
Simpósio [Trans] Gênero e Religião: Diversidades, Resistências e Afetos (UFSC). 2016. (Simpósio).

16.
VI Jornada de Licenciaturas em Ciências Biológicas da UFSC. 2016. (Seminário).

17.
"Teoria Queer" Palestra com Marie Hélene/Sam Bourcier e Alessia/Leo Acquintapace". 2015. (Outra).

18.
14ª SEPEX - Semana de Ensino, Pesquisa e Extensão (UFSC). Poster Estande IEG/UFSC.. 2015. (Exposição).

19.
25º SIC - Seminário de Iniciação Científica (UFSC).Entre Versos e Prosas? A música como facilitador metodológico para o debate entre gênero e educação nas oficinas do projeto Papo Sério.. 2015. (Seminário).

20.
5º Curso de Curta Duração Gênero e Feminismo (UFSC). 2015. (Exposição).

21.
Café Antropológico - Dia da Visibilidade Lésbica Filme ?Pariah?. 2015. (Outra).

22.
Colóquio Interdisciplinar sobre Gênero e Violências (UFSC).?ENTRE VERSOS E PROSAS - Refletindo sobre as violências contra as mulheres a partir de músicas brasileiras nas oficinas do Projeto Papo Sério?,. 2015. (Outra).

23.
Colóquio Nacional: 90 anos do Ensino de Sociologia no Brasil (PPGSP/UFSC). 2015. (Outra).

24.
Curso de Capacitação de Professores - Escola: E.E.B João Silveira.Diversidade Sexual e Práticas Escolares (4h). 2015. (Seminário).

25.
II Conferência Municipal de Política Públicas e Direitos Humanos de Lésbicas, Gays, Bissexuais, Travestis e Transexuais ? LGBT de Florianópolis. 2015. (Encontro).

26.
III Seminário Cidadania e Direitos de Travestis, Transexuais e Transgêneros da Grande Florianópolis ? SC. 2015. (Seminário).

27.
I Seminário Regional Educação Gênero e Sexualidades (UNIPLAC). 2015. (Seminário).

28.
I Seminário Regional Educação Gênero e Sexualidades (UNIPLAC).Participação na Mesa redonda "Educação, gênero e sexualidades" (4h). 2015. (Seminário).

29.
IV Seminário Internacional Enlaçando Sexualidades (UNEB).Violência Cantada? Gênero, Educação E Música, Experiência Etnográfica Nas Oficinas Do Projeto Papo sério. 2015. (Seminário).

30.
Jornada Gênero, Antropologia e Educação (IEG) (6h). 2015. (Outra).

31.
Minicurso Políticas de Sexualidade e Gênero na América Latina (NIGS/UFSC). 2015. (Encontro).

32.
Oficina Papo Sério: EB José Amaro Cordeiro.Homo-lesbo-transfobia e heterossexismo (1h30min). 2015. (Oficina).

33.
Oficina Papo Sério: Escola Mara Luíza Vieira e Liberato.Oficina: Violência(s) contra a(s) mulhere(s) (3h). 2015. (Oficina).

34.
Oficina Papo Sério: Graduação em Educação Física - UFSC (3h).Oficina: Violências nas músicas. 2015. (Oficina).

35.
Oficina Papo Sério: Graduação em Pedagogia - UFSC.Oficina: Gênero e Sexualidades. 2015. (Oficina).

36.
Oficina Papo Sério - EBM Fernando B. Viegas de Amorim (3h).Oficina: Violências contra as mulheres. 2015. (Oficina).

37.
Oficina Papo Sério - EBM Osmar Cunha.Oficina: Violências contra as mulheres. 2015. (Oficina).

38.
Oficina Papo Sério - EJA Ensino de Jovens e Adultos.Oficina: Violências contra as mulheres. 2015. (Oficina).

39.
Oficina Papo Sério - EJA NORTE II.Oficina "Violência contra as mulheres". 2015. (Oficina).

40.
Oficina Papo Sério- EM Batista Pereira.Violências contra as mulheres (3h). 2015. (Oficina).

41.
Oficina Papo Sério - Escola Básica Silveira de Souza.Oficina: Violências contra as mulheres. 2015. (Oficina).

42.
Seminário Memória e Visibilidade de Lésbicas e Mulheres Bissexuais. 2015. (Seminário).

43.
VII Concurso de Cartazes sobre Lesbo-Homo-Transfobia (NIGS/UFSC). Organização do Júri Científico. 2015. (Exposição).

44.
4º Curso de Curta Duração em gênero e Feminismo. 2014. (Outra).

45.
Colóquio Estágio Docência em Ciências Sociais da UFSC. 2014. (Outra).

46.
III Simpósio de Formação de Professores e Práticas Pedagógicas (20h). 2014. (Simpósio).

47.
Oficina Papo Sério: Escola Wanderley Júnior.Violência(s) contra a(s) mulhere(s). 2014. (Oficina).

48.
Oficina Papo Sério - EEB Cecília Rosa Lopes (4h).Oficina: Violências contra as mulheres. 2014. (Oficina).

49.
23º ENECS- Encontro Nacional de Ciências Sociais (CE). 2013. (Encontro).

50.
David Le Breton: Conferência CORPO: SOB RISCOS E DIFERENTES IDENTIDADES. 2013. (Outra).

51.
Encontro PIBID Ciências Sociais da região Sul. 2013. (Encontro).

52.
Fazendo Gênero 10 - Desafios Atuais dos Feminismos (UFSC).Participação: Ouvinte; Monitoria. 2013. (Seminário).

53.
Oficina Papo Sério: Masculinidades. EEB Coronel Antonio Lehmkul.Oficina: Masculinidades. 2013. (Oficina).

54.
12º SEPEX - Semana de Pesquisa, Ensino e Extensão (UFSC). Minicurso: Na Batucada do Trágico (Ministrante). 2012. (Exposição).

55.
22º ENECS- Encontro Nacional de Ciências Sociais (RS). 2012. (Encontro).

56.
Debate Política em pauta (UFSC) (3h). 2012. (Exposição).

57.
Militância e academia nas publicações Feministas: 20 anos da Revista de Estudos Feministas.. 2012. (Exposição).

58.
Trans Day NIGS ? Seminário Transfobia, Identidades e Cidadania Trans. (UFSC) (16h). 2012. (Encontro).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
GROSSI, M. P. ; NASPOLINI, M. ; DUTRA, E. H. ; FERNANDES, E. ; BERNHARDT, B. ; DUTRA, E. H. . VII Concurso de Cartazes sobre Trans-lesbo-homofobia e heterossexismo nas Escolas. 2015. (Concurso).

2.
DUTRA, E. H.; FERNANDES, E. ; NASPOLINI, M. ; BERNHARDT, B. ; GROSSI, M. P. . 5º Curso de Curta Duração em Gênero e Feminismo.. 2015. (Outro).

3.
CORREA, V. ; GROSSI, M. P. ; NASPOLINI, M. ; DOTHLING, N. ; DUTRA, E. H. . "CURSO DE ANTROPOLOGIA: GÊNERO E DIVERSIDADE NA ESCOLA". 2015. (Outro).



Educação e Popularização de C & T



Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
DUTRA, E. H. ; DUTRA, E. H. . Rádio Ponto UFSC - Programa ?Rádio Rolê?.. 2015.




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 17/12/2018 às 2:52:12