Gustavo Eduardo Marcatti

Bolsista de Pós-doutorado Júnior do CNPq

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/3268767286765155
  • Última atualização do currículo em 08/08/2018


Possui graduação em Engenharia Florestal pela Universidade Federal de Viçosa (2011). Mestrado e Doutorado em Ciência Florestal pela pela mesma instituição. Tem experiência na área de Recursos Florestais e Engenharia Florestal, com ênfase em Manejo Florestal, Otimização, Modelagem Numérica de Terreno, Agricultura/Silvicultura de Precisão, Sensoriamento Remoto, Sistemas de Informações Geográficas (SIG), Programação Computacional e Geotecnologias Aplicadas ao Meio Ambiente. Atualmente é Professor Adjunto do Departamento de Ciências Agrárias da Universidade Federal de São João Del Rei, Campus Sete Lagoas (UFSJ/CSL). (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Gustavo Eduardo Marcatti
Nome em citações bibliográficas
MARCATTI, G. E.;MARCATTI, GUSTAVO EDUARDO;MARCATTI, GUSTAVO E.

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal de São João Del-Rei.
Campus Sete Lagoas - CSL
Rodovia MG 424 - Km 47
35701970 - Sete Lagoas, MG - Brasil - Caixa-postal: 56
Telefone: (31) 36972041
Ramal: 2041
URL da Homepage: http://www.ufsj.edu.br


Formação acadêmica/titulação


2013 - 2017
Doutorado em Ciência Florestal.
Universidade Federal de Viçosa, UFV, Brasil.
Título: Otimização do Traçado Geométrico de Estradas Florestais, Ano de obtenção: 2017.
Orientador: Carlos Antonio Alvares Soares Ribeiro.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
2011 - 2013
Mestrado em Ciência Florestal.
Universidade Federal de Viçosa, UFV, Brasil.
Título: Caminhamento ótimo para acesso às parcelas de inventário florestal,Ano de Obtenção: 2013.
Orientador: Carlos Antonio Alvares Soares Ribeiro.
Coorientador: Helio Garcia Leite.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
2007 - 2011
Graduação em Engenharia Florestal.
Universidade Federal de Viçosa, UFV, Brasil.
Título: Regulação da Produção em um Sistema Agroflorestal.
Orientador: Helio Garcia Leite.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais, FAPEMIG, Brasil.




Formação Complementar


2017 - 2017
Treinamento para operador de motosserra: operação e manutenção.. (Carga horária: 24h).
Serviço Nacional de Aprendizagem Rural, SENAR, Brasil.
2016 - 2016
Técnicas de Mineração de Dados Aplicados na Modelagem Espaciais Ambientais. (Carga horária: 40h).
Universidade Federal de Viçosa, UFV, Brasil.
2015 - 2015
O método lógico para redação científica. (Carga horária: 12h).
Universidade Federal de Viçosa, UFV, Brasil.
2013 - 2013
Curso de Redação Científica. (Carga horária: 16h).
Universidade Federal de Viçosa, UFV, Brasil.
2012 - 2012
Inteligência Artificial e Pesquisa Operacional. (Carga horária: 40h).
Universidade Federal de Viçosa, UFV, Brasil.
2011 - 2011
Redd inventories basead on recent spaceborne radar. (Carga horária: 30h).
Universidade Federal de Viçosa, UFV, Brasil.
2010 - 2010
Mini-curso Software Mata Nativa. (Carga horária: 8h).
Universidade Federal de Viçosa, UFV, Brasil.
2010 - 2010
Introdução a Modelagem. (Carga horária: 4h).
Universidade Federal de Viçosa, UFV, Brasil.
2010 - 2010
Introdução aos Modelos de Regressão Linear e Não-L. (Carga horária: 16h).
Universidade Federal de Viçosa, UFV, Brasil.
2009 - 2009
Memorização, Leitura Dinâmica e Técnicas de Estudo. (Carga horária: 8h).
Centro de Treimanento - Palestras, Cursos e Consultoria, CETRESC, Brasil.
2009 - 2009
Introdução Ao Latex - Editor de Textos Científicos. (Carga horária: 4h).
Universidade Federal de Viçosa, UFV, Brasil.
2008 - 2008
Nutrição de Solos Florestais. (Carga horária: 3h).
Universidade Federal de Viçosa, UFV, Brasil.
2007 - 2007
Perícia Judicial Ambiental na Eng. Florestal. (Carga horária: 2h).
Instituto Solidário : Mãos dadas pela Vida, INSTITUTO SOLIDÁ, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal de São João Del-Rei, UFSJ, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor do Magistério Superior - Adjunto, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor do Magistério Superior - Adjunto, Carga horária: 2, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Disciplina ministrada: Incêndios Florestais. CARGA HORÁRIA TOTAL: 36 horas.

Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor do Magistério Superior - Adjunto, Carga horária: 3, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Disciplina ministrada: Colheita e Transporte Florestal. CARGA HORÁRIA TOTAL: 54 horas.

Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor do Magistério Superior - Adjunto, Carga horária: 5, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Disciplina ministrada: Geoprocessamento e Topografia Aplicados às Ciências Florestais e Ambientais. CARGA HORÁRIA TOTAL: 90 horas.

Vínculo institucional

2017 - 2017
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor do Magistério Superior - Adjunto, Carga horária: 3, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Disciplina ministrada: Economia Florestal. CARGA HORÁRIA TOTAL: 54 horas.

Vínculo institucional

2017 - 2017
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor do Magistério Superior - Adjunto, Carga horária: 4, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Disciplina ministrada: Inventário Florestal. CARGA HORÁRIA TOTAL: 40 horas.


Universidade Federal de Viçosa, UFV, Brasil.
Vínculo institucional

2013 - 2017
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Estudante de pós-graduação (Doutorado), Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Estudante de doutorado do programa de pós-graduação em ciência florestal do departamento de engenharia florestal da Universidade Federal de Viçosa. Sua pesquisa tem os objetivos de desenvolver metodologias para otimizar o traçado geométrico de estradas florestais e posteriormente implementá-las em um ambiente com interface gráfica para o usuário e integradas a um sistema de informações geográficas.

Vínculo institucional

2016 - 2016
Vínculo: Ensino, Enquadramento Funcional: Estudante de pós-graduação (Doutorado), Carga horária: 7
Outras informações
Lecionou 3 aulas teóricas e 6 aulas práticas na disciplina de graduação ENF 313 - Fotointerpretação Florestal, sob coordenação do Prof. Carlos Antonio Alvares Soares Ribeiro durante o primeiro semestre de 2016. A carga horária total perfaz 21 horas, distribuídas da seguinte forma: 9 h de aulas teóricas e 12 h de aulas práticas. Ademais, auxiliou na atualização do material didático desta disciplina assim como na elaboração e correção de provas e trabalhos. CARGA HORÁRIA TOTAL: 21 horas.

Vínculo institucional

2016 - 2016
Vínculo: Ensino, Enquadramento Funcional: Estudante de pós-graduação (Doutorado), Carga horária: 4
Outras informações
Lecionou 5 aulas teóricas e 5 aulas práticas na disciplina de pós-graduação ENF 613 ? Tópicos Avançados em Sistemas de Informações Geográficas, sob coordenação do Prof. Carlos Antonio Alvares Soares Ribeiro durante o segundo semestre de 2016. A carga horária total perfaz 20 horas, distribuídas da seguinte forma: 10 h de aulas teóricas e 10 h de aulas práticas. Ademais, auxiliou na atualização do material didático desta disciplina assim como na elaboração e correção de provas e trabalhos. CARGA HORÁRIA TOTAL: 20 horas.

Vínculo institucional

2015 - 2015
Vínculo: Ensino, Enquadramento Funcional: Estudante de pós-graduação (Doutorado), Carga horária: 7
Outras informações
Lecionou 5 aulas teóricas e 10 aulas práticas na disciplina de graduação ENF 313 - Fotointerpretação Florestal, sob coordenação do Prof. Carlos Antonio Alvares Soares Ribeiro durante o primeiro semestre de 2015. A carga horária total perfaz 35 horas, distribuídas da seguinte forma: 15 h de aulas teóricas e 20 h de aulas práticas. Ademais, auxiliou na atualização do material didático desta disciplina assim como na elaboração e correção de provas e trabalhos. CARGA HORÁRIA TOTAL: 35 horas.

Vínculo institucional

2015 - 2015
Vínculo: Ensino, Enquadramento Funcional: Estudante de pós-graduação (Doutorado), Carga horária: 7
Outras informações
Lecionou 5 aulas teóricas e 10 aulas práticas na disciplina de graduação ENF 313 - Fotointerpretação Florestal, sob coordenação do Prof. Carlos Antonio Alvares Soares Ribeiro durante o segundo semestre de 2015. A carga horária total perfaz 35 horas, distribuídas da seguinte forma: 15 h de aulas teóricas e 20 h de aulas práticas. Ademais, auxiliou na atualização do material didático desta disciplina assim como na elaboração e correção de provas e trabalhos. CARGA HORÁRIA TOTAL: 35 horas.

Vínculo institucional

2015 - 2015
Vínculo: Ensino, Enquadramento Funcional: Monitor Nível II, Carga horária: 4
Outras informações
Lecionou 18 aulas teóricas e 18 aulas práticas na disciplina de pós-graduação ENF 613 ? Tópicos Avançados em Sistemas de Informações Geográficas, sob coordenação do Prof. Carlos Antonio Alvares Soares Ribeiro durante segundo semestre de 2015. Nesse período atuou como monitor nível II da disciplina. A carga horária total perfaz 72 horas, distribuídas da seguinte forma: 36 h de aulas teóricas e 36 h de aulas práticas. Ademais, auxiliou na atualização do material didático desta disciplina assim como na elaboração e correção de provas e trabalhos. CARGA HORÁRIA TOTAL: 72 horas.

Vínculo institucional

2013 - 2015
Vínculo: Ensino, Enquadramento Funcional: Estudante de pós-graduação (Doutorado), Carga horária: 4
Outras informações
Lecionou 10 aulas teóricas na disciplina de pós-graduação ENF 644 ? Otimização Florestal, sob coordenação do Prof. Carlos Antonio Alvares Soares Ribeiro durante o primeiro semestre de 2013, primeiro semestre de 2014 e primeiro semestre de 2015. A carga horária total perfaz 40 horas, distribuídas da seguinte forma: 1º Período/2013: 12 horas (3 aulas teóricas) - 1º Período/2014: 12 horas (3 aulas teóricas) - 1º Período/2015: 16 horas (4 aulas teóricas). Ademais, auxiliou na atualização do material didático desta disciplina assim como na elaboração e correção de provas e trabalhos. CARGA HORÁRIA TOTAL: 40 horas.

Vínculo institucional

2013 - 2015
Vínculo: Ensino, Enquadramento Funcional: Estudante de pós-graduação (Doutorado), Carga horária: 4
Outras informações
Lecionou 8 aulas teóricas e 8 aulas práticas na disciplina de pós-graduação ENF 612 ? Introdução ao Sistema de Informações Geográficas, sob coordenação do Prof. Carlos Antonio Alvares Soares Ribeiro durante o primeiro semestre de 2013, primeiro semestre de 2014 e primeiro semestre de 2015. A carga horária total perfaz 32 horas, distribuídas da seguinte forma: 1º Período/2013: 4 horas (2 horas de aulas teóricas; 2 horas de aulas práticas) - 1º Período/2014: 12 horas (6 horas de aulas teóricas; 6 horas de aulas práticas) - 1º Período/2015: 16 horas (8 horas de aulas teóricas; 8 horas de aulas práticas). Ademais, auxiliou na atualização do material didático desta disciplina assim como na elaboração e correção de provas e trabalhos. CARGA HORÁRIA TOTAL: 32 horas.

Vínculo institucional

2014 - 2014
Vínculo: Ensino, Enquadramento Funcional: Estudante de pós-graduação (Doutorado), Carga horária: 7
Outras informações
Lecionou 4 aulas teóricas e 8 aulas práticas na disciplina de graduação ENF 313 - Fotointerpretação Florestal, sob coordenação do Prof. Carlos Antonio Alvares Soares Ribeiro durante o primeiro semestre de 2014. A carga horária total perfaz 28 horas, distribuídas da seguinte forma: 12 h de aulas teóricas e 16 h de aulas práticas. Ademais, auxiliou na atualização do material didático desta disciplina assim como na elaboração e correção de provas e trabalhos. CARGA HORÁRIA TOTAL: 28 horas.

Vínculo institucional

2014 - 2014
Vínculo: Ensino, Enquadramento Funcional: Estudante de pós-graduação (Doutorado), Carga horária: 7
Outras informações
Lecionou 4 aulas teóricas e 8 aulas práticas na disciplina de graduação ENF 313 - Fotointerpretação Florestal, sob coordenação do Prof. Carlos Antonio Alvares Soares Ribeiro durante o segundo semestre de 2014. A carga horária total perfaz 28 horas, distribuídas da seguinte forma: 12 h de aulas teóricas e 16 h de aulas práticas. Ademais, auxiliou na atualização do material didático desta disciplina assim como na elaboração e correção de provas e trabalhos. CARGA HORÁRIA TOTAL: 28 horas.

Vínculo institucional

2014 - 2014
Vínculo: Ensino, Enquadramento Funcional: Estudante de pós-graduação (Doutorado), Carga horária: 4
Outras informações
Lecionou 4 aulas teóricas e 4 aulas práticas na disciplina de pós-graduação ENF 613 ? Tópicos Avançados em Sistemas de Informações Geográficas, sob coordenação do Prof. Carlos Antonio Alvares Soares Ribeiro durante o segundo semestre de 2014. A carga horária total perfaz 16 horas, distribuídas da seguinte forma: 8 h de aulas teóricas e 8 h de aulas práticas. Ademais, auxiliou na atualização do material didático desta disciplina assim como na elaboração e correção de provas e trabalhos. CARGA HORÁRIA TOTAL: 16 horas.

Vínculo institucional

2014 - 2014
Vínculo: Ensino, Enquadramento Funcional: Estudante de pós-graduação (Doutorado), Carga horária: 7
Outras informações
Lecionou 3 aulas teóricas e 6 aulas práticas na disciplina de graduação ENF 210 - Métodos Estatísticos Aplicado à Ciência Florestal, sob coordenação do Prof. Helio Garcia Leite durante o primeiro semestre de 2014. A carga horária total perfaz 21 horas, distribuídas da seguinte forma: 9 h de aulas teóricas e 12 h de aulas práticas. CARGA HORÁRIA TOTAL: 21 horas.

Vínculo institucional

2013 - 2013
Vínculo: Ensino, Enquadramento Funcional: Estudante de pós-graduação (Doutorado), Carga horária: 7
Outras informações
Lecionou 4 aulas teóricas e 8 aulas práticas na disciplina de graduação ENF 313 - Fotointerpretação Florestal, sob coordenação do Prof. Carlos Antonio Alvares Soares Ribeiro durante o primeiro semestre de 2013. A carga horária total perfaz 28 horas, distribuídas da seguinte forma: 12 h de aulas teóricas e 16 h de aulas práticas. Ademais, auxiliou na atualização do material didático desta disciplina assim como na elaboração e correção de provas e trabalhos. CARGA HORÁRIA TOTAL: 28 horas.

Vínculo institucional

2013 - 2013
Vínculo: Ensino, Enquadramento Funcional: Estudante de pós-graduação (Doutorado), Carga horária: 7
Outras informações
Lecionou 4 aulas teóricas e 8 aulas práticas na disciplina de graduação ENF 313 - Fotointerpretação Florestal, sob coordenação do Prof. Carlos Antonio Alvares Soares Ribeiro durante o segundo semestre de 2013. A carga horária total perfaz 28 horas, distribuídas da seguinte forma: 12 h de aulas teóricas e 16 h de aulas práticas. Ademais, auxiliou na atualização do material didático desta disciplina assim como na elaboração e correção de provas e trabalhos. CARGA HORÁRIA TOTAL: 28 horas.

Vínculo institucional

2011 - 2013
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Estudante de pós-graduação (Mestrado), Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Estudante de mestrado em Ciência Florestal no Departamento de Engenharia Florestal - UFV. Foram desenvolvidas metodologias para otimização do acesso e do caminhamento às parcelas de inventário florestal. Posteriormente essas metodologias foram implementadas em um ambiente com interface gráfica para o usuário e integradas a um sistema de informações geográficas.

Vínculo institucional

2012 - 2012
Vínculo: Ensino, Enquadramento Funcional: Estudante de pós-graduação (Mestrado), Carga horária: 7
Outras informações
Lecionou 5 aulas teóricas e 10 aulas práticas na disciplina de graduação ENF 313 - Fotointerpretação Florestal, sob coordenação do Prof. Carlos Antonio Alvares Soares Ribeiro durante o segundo semestre de 2012. A carga horária total perfaz 35 horas, distribuídas da seguinte forma: 15 h de aulas teóricas e 20 h de aulas práticas. Ademais, auxiliou na atualização do material didático desta disciplina assim como na elaboração e correção de provas e trabalhos. CARGA HORÁRIA TOTAL: 35 horas.

Vínculo institucional

2010 - 2011
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de Iniciação Científica, Carga horária: 20
Outras informações
Bolsista da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais (FAPEMIG). Realizou pesquisa sobre: Regulação da Produção em um Sistema Agroflorestal, sob orientação do Prof. Helio Garcia Leite.

Vínculo institucional

2008 - 2008
Vínculo: Estagiário, Enquadramento Funcional: Estudante de graduação, Carga horária: 16
Outras informações
Desenvolveu atividades como: Auxílio nas pesquisas; Controle de qualidade das sementes armazenadas; Preparo de soluções e limpeza de vidrarias; Desenvolvimento de pesquisas próprias; Preparo de relatórios e Controle de arquivos de análises.


Sociedade de Investigações Florestais, SIF, Brasil.
Vínculo institucional

2013 - 2015
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Consultor, Carga horária: 10
Outras informações
Realizou atividades de pesquisa como: Auxiliar no desenvolvimento de modelos de crescimento, deposição de litter e ciclagem da matéria orgânica visando o refinamento dos programas NUTREECALC e NUTREECARBON, ajuste de equações e validação do NUTREECALC para várias condições de solo e clima do Brasil, auxiliar no desenvolvimento de estudos com silvicultura de precisão envolvendo espacialização de dados de solos de produtividade e recomendação de adubos e corretivos para o eucalipto em doses variáveis. CARGA HORÁRIA TOTAL: 840 horas.

Vínculo institucional

2011 - 2011
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de Iniciação científica, Carga horária: 20


Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, EMBRAPA, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia de Mato Grosso, IFMT, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional:



Projetos de pesquisa


2017 - Atual
Apoio a Redes de Pesquisa para Recuperação da Bacia do Rio Doce - Localização ótima de zonas de vegetação para a recuperação da bacia do Rio Doce
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2017 - Atual
Centro De Sementes Do Cerrado Mineiro

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Glauciana da Mata Ataíde em 14/05/2018.
Descrição: O bioma Cerrado apresenta considerável parcela da biodiversidade brasileira, elevado grau de endemismo e formações seriamente afetadas pela ação antrópica, sendo uma das 25 áreas do mundo prioritárias para estudo e conservação. As árvores do Cerrado podem oferecer muitos produtos, serviços e bem estar para os organismos em geral. Do ponto de vista aplicado à prospecção de produtos e entendimento de processos funcionais tem-se estudado nos últimos anos a propagação de espécies do bioma, em razão da necessidade de recuperação ambiental. A produção de sementes florestais de qualidade é fundamental para qualquer programa de restauração e conservação dos recursos genéticos. Por conseguinte, é necessário conhecer tecnicamente as etapas para obter sementes de qualidade e em quantidade suficiente para cada espécie. Neste contexto, este projeto tem como objetivo definir as melhores técnicas para coleta, beneficiamento, armazenamento e análise de sementes das espécies Apuleia leiocarpa, Bowdichia virgiloides, Copaifera langsdorfii, Handroanthus impetiginosus, Stryphnodendron adstringens e Zeyheria tuberculosa, nativas do Cerrado de Minas Gerais. Para tanto, será criado o Centro de Sementes do Cerrado Mineiro (CSCM), que visa desenvolver estudos a partir de ferramentas morfológicas e fisiológicas, para definir os fatores que propiciem qualidade das sementes aliado à otimização das atividades produtivas. Para cada espécie, será gerado um protocolo específico, com informações detalhadas sobre a produção e análise das sementes. Esta pesquisa torna-se importante à medida em que viveiristas, pesquisadores e técnicos não dispõem de dados científicos sistematizados acerca dessas espécies, possibilitando às equipes de trabalho abrir novos nichos. Pretende-se ao final do projeto consolidar o CSCM como referência e excelência em pesquisas com sementes, oferecendo à sociedade e aos diversos setores subsídios consistentes para conservação e utilização sustentável do Cerrado..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2017 - Atual
Sistema Para Otimização Do Traçado Geométrico De Estradas Florestais
Descrição: Em um empreendimento florestal as estradas são fundamentais, pois são utilizadas em praticamente todas as atividades que envolvem o empreendimento, como a abertura do terreno para preparo do solo e plantio, operações de manejo e proteção e, por fim, a colheita e o transporte da madeira. Dentre essas atividades, a colheita e o transporte merecem destaque, pois são responsáveis por uma importante parcela do custo total de produção de madeira, algo em torno de 70%. De modo que a estrada é considerada um dos elementos que mais afeta os custos dessas duas atividades e, consequentemente, o custo de produção da madeira. Além dos custos econômicos diretamente vinculados com a construção, as estradas podem apresentar uma série de outros custos, de ordem ambiental, social e econômica. Para minimizar esses custos, de forma a atender as exigências técnicas relacionadas as estradas, um sistema de otimização é proposto. Esse sistema é composto por três módulos: 1) Custos: construção, manutenção, utilização e fatores ambientais e sociais; 2) Restrições técnicas: para a estrada proporcionar ao usuário eficiência e segurança de tráfego ela deve atender algumas exigências técnicas de concordância vertical e horizontal entre trechos; 3) Procedimento de otimização: realiza a adequação do traçado geométrico conforme as especificações técnicas (atende as restrições técnicas) enquanto minimiza uma função objetivo composta pelos custos totais. Toda a metodologia será implementada utilizando a linguagem de programação Python ou outras ferramentas livres. Melhorias na alocação de estradas podem promover reduções significativas de custos e de impactos ambientais e sociais, além de aumentar a segurança, eficiência e conforto de tráfego. Essas melhorias, aliadas ao fato de que o sistema será disponibilizado gratuitamente, poderão tornar produtores florestais e/ou empresas florestais mais competitivos em um cenário nacional e internacional..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2017 - Atual
Sistemas de suporte à decisão para escolha de local e cultivo de espécies florestais
Descrição: O uso sistemas de suporte à decisão que utilizam geotecnologias, inteligência artificial e modelagem tem se mostrado eficiente no planejamento e na gestão dos recursos florestais. Esses sistemas propiciam a identificação e a correlação de variáveis que afetam a produtividade das plantações e possibilitam tomas de decisões mais acertadas. Por isso será desenvolvido esta pesquisa com objetivo de propor e analisar metodologias (zoneamento) que auxiliam a escolha de locais apropriados ao cultivo de espécies com potencial madeireiro e não madeireiro para o Estado de Mato Grosso, como o pequi, cumbaru, bocaiuva, pinho cuiabano, mogno africano, guanandi e pupunha, considerando características climáticas, edáficas e fisiográficas. Para isto serão utilizadas geotecnologias, inteligência artificial e análise multicritério. Serão gerados mapas (zoneamento agroecológico) que apontarão regiões do Estado que expressarão o potencial produtivo das espécies em estudo, de acordo com suas características ecológicas e silviculturais. Os resultados obtidos nesta pesquisa contribuirão o desenvolvimento técnico e científico do setor de florestas plantadas do Estado de Mato Grosso, já que podem subsidiar decisões, melhorar a produtividade das plantações e otimizar gerenciamento das atividades..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2017 - Atual
Otimização de rotas para ecoturismo na bacia hidrográfica do rio Pandeiros
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2015 - Atual
Localização ótima de zonas de vegetação para a recuperação da bacia do Rio Doce
Descrição: Uma questão discutida sobre as zonas de vegetação é qual o tamanho e forma ideal para que apresentem maior eficiência na retenção de sedimentos, além dos locais mais apropriados. Para proteger os recursos hídricos da lixiviação dos solos, diversos estudos indicam que as zonas ripárias são as áreas que apresentam maior eficiência na retenção dos sedimentos presentes no escoamento superficial e no aumento da infiltração da água no solo. Analogamente, mas não se atendo apenas às zonas ripárias da bacia do Rio Doce, este projeto tem como objetivos: - mapear os depósitos de rejeitos da mineração nas margens dos seus cursos d%u2019água; - localizar os melhores locais para a construção de barreiras físicas (obras hidráulicas e/ou zonas de vegetação) visando à retenção do escoamento desse rejeito para a calha do rio; - determinar o tamanho e a forma de zonas de vegetação que propiciem maior eficiência na retenção dos sedimentos transportados pelo escoamento superficial; - avaliar o uso e manejo dos solos, comparando a capacidade de suporte e seu uso atual; - propor as diretrizes para avaliar a eficiência da metodologia a longo prazo na Bacia do Rio Doce..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .
Integrantes: Gustavo Eduardo Marcatti - Integrante / Carlos Antonio Alvares Soares Ribeiro - Coordenador / Alexandre Rosa dos Santos - Integrante / Getúlio Fonseca Domingues - Integrante.
2014 - 2017
Processo CNPq 304771/2013-9 - O pagamento por serviços ambientais e o setor de energia elétrica no Brasil - uma perspectiva inovadora para a distribuição dos royalties de Itaipu
Descrição: A presente proposta insere-se na linha de pesquisa Desenvolvimento de Modelos Digitais de Elevação Hidrograficamente Condicionados como Subsídio à Gestão e à Preservação dos Recursos Florestais , registrada na Universidade Federal de Viçosa e no CNPq desde o ano de 2000. Dando continuidade aos trabalhos mais recentes, apoiados também pela FAPEMIG no âmbito dos editais PPM-2009, PPM-2011 e PPM-2013, e tendo por norte recente o abrandamento das limitações ao uso da terra, ditado pelo novo Código Florestal brasileiro, a Lei Federal no 12.651, de 25 de maio de 2012, propõe-se agora rever o mecanismo vigente de compensação e participação dos municípios nas receitas provenientes do aproveitamento dos recursos hídricos para a geração da energia elétrica na bacia hidrográfica em que estão inseridos. Considerando-se que as bacias hidrográficas, unidades naturais de planejamento, desconhecem fronteiras políticas, deflagra-se assim uma inovadora proposta de revisão da partilha destes royalties entre dois países limítrofes, Brasil e Paraguai, tendo como cenário a Usina Hidrelétrica de Itaipu, cuja produção e distribuição de energia são regulamentadas pelo Tratado de Itaipu. Assinado em 1973, este tratado será revisado em 2023. A oportunidade mostra-se estratégica e de vital importância para se considerar a real participação dos municípios à montante do barramento, sob pena de ferir preceito constitucional brasileiro, acerca da repartição destes benefícios. A comprovação da hipótese lançada, à luz das perdas econômicas, financeiras e sociais impostas, há quase 3 décadas, a 1.383 municípios e 7 unidades federativas brasileiras, pertencentes à bacia de contribuição de Itaipu, permitirá traçar novo marco regulatório para a compensação pelo uso dos recursos hídricos, reparando-se grave equívoco histórico.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (3) .
Integrantes: Gustavo Eduardo Marcatti - Integrante / Kelly de Oliveira Barros - Integrante / Carlos Antonio Alvares Soares Ribeiro - Coordenador / Vicente Paulo Soares - Integrante / Elias Silva - Integrante / Alexandre Simões Lorenzon - Integrante.
2014 - 2016
Modelo de aptidão e localização ótima de usinas de biomassa florestal utilizando Sistemas de Informações Geográficas
Descrição: Este trabalho apresenta metodologias aplicadas ao ambiente SIG para o apontamento de localidades ótimas para a instalação de unidades energéticas a base de biomassa florestal em Minas Gerais. Primeiramente, será obtido o zoneamento de aptidão para o desenvolvimento da atividade, combinando diversos fatores ambientais e de infraestrutura do estado por meio da lógica Fuzzy. Em um segundo momento, será gerado um modelo de localização-alocação envolvendo as áreas aptas para o empreendimento, a disponibilidade de matéria-prima e a malha viária do estado. Serão simulados vários cenários com diferentes números de usinas bioenergéticas por um modelo de localização-alocação do tipo "Minimizar Impedância". As localidades ótimas e o número ideal de usinas serão determinadas tais que, sejam minimizadas as distâncias de transporte da matéria-prima até as fábricas..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) Doutorado: (1) .
Integrantes: Gustavo Eduardo Marcatti - Integrante / Carlos Antonio Alvares Soares Ribeiro - Coordenador / Thaisa Ribeiro Teixeira - Integrante.
2014 - Atual
Mapeamento de Castanhais Nativos e Caracterização Socioambiental e Econômica de Sistemas de Produção da Castanha-do-Brasil na Amazônia
Descrição: Duração 4 anos O projeto MapCast tem duração de 48 meses e objetiva Gerar base de dados e metodologias para o mapeamento e modelagem da ocorrência de castanhais nativos por meio de geotecnologias, e caracterizar as relações sociais e econômicas de sistemas de produção extrativista da castanha-dobrasil na Amazônia Brasileira, a fim de contribuir para o fortalecimento de sua cadeia de valor..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2013 - 2017
Otimização do Traçado Geométrico de Estradas Florestais
Descrição: Desenvolver metodologias para otimizar o traçado geométrico de estradas florestais; Implementá-las em um ambiente com interface gráfica para o usuário e integradas a um sistema de informações geográficas..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .
Integrantes: Gustavo Eduardo Marcatti - Integrante / Carlos Antonio Alvares Soares Ribeiro - Coordenador.
2013 - 2014
Classificação da capacidade produtiva utilizando Máquina de Vetor de Suporte e Redes Neurais Artificiais
Descrição: Pesquisadores da área florestal têm utilizado cada vez mais ferramentas de inteligência artificial (IA) para solucionar problemas de modelagem, por se tratar de técnicas estatísticas capazes de resolver situações complexas e gerar ajustes mais eficientes do que os métodos convencionais. Apesar disso, embora seja uma técnica muito utilizada para classificação de imagens e análise de dados biológicos, Máquinas de Vetor de Suporte (MVS) ainda não foram utilizadas para modelagem do crescimento e da capacidade produtiva de povoamentos equiâneos. Por outro lado, Redes Neurais Artificiais (RNA) tem sido utilizadas com sucesso em diversas aplicações na área de mensuração florestal, incluindo a classificação da capacidade produtiva. Considerando que em muitos casos MSV tem se mostrado mais eficiente que RNA, foi idealizado o presente projeto de pesquisa cujo objetivo é avaliar a eficiência relativa de MSV e RNA em relação à métodos usuais de classificação da capacidade produtiva..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (2) .
Integrantes: Gustavo Eduardo Marcatti - Integrante / Hélio Garcia Leite - Coordenador / Diogo Nepomuceno Concenza - Integrante / Rafael Rode - Integrante.
2011 - 2013
Caminhamento ótimo para acesso às parcelas de inventário florestal
Descrição: O objetivo desta pesquisa pesquisa é desenvolver metodologias para otimização do acesso e do caminhamento às parcelas de inventário florestal, implementando-as em um ambiente com interface gráfica para o usuário e integradas a um sistema de informações geográficas. Este problema é classificado como um problema de caixeiro-viajante e sua solução exata será obtida a partir de sua formulação como um problema de programação linear inteira..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Gustavo Eduardo Marcatti - Integrante / Carlos Antonio Alvares Soares Ribeiro - Coordenador.
2011 - 2011
Metodologia de seleção clonal considerando efeito da competição entre plantas em experimentos com eucalyptus sp
Descrição: Verificar o efeito da competição entre plantas vizinhas em plantios clonais e sua influência nos parâmetros genéticos e na seleção; analisar o efeito de parcelas experimentais (lineares e quadradas) na estimação dos parâmetros genéticos e ambientais. Os objetivos específicos são: Propor um algoritmo que minimize o erro das estimativas dos componentes genéticos, fenotípicos e ambientais ocasionado pela competição entre plantas vizinhas no teste clonal; Comparar a perda de rendimento em produtividade utilizando os diferentes tipos de parcelas; Correlacionar o ordenamento dos clones superiores corrigidos para o modelo proposto no teste clonal com o teste clonal ampliado; Corrigir o efeito sobre cada indivíduo gerado pela qualidade das árvores vizinhas, aproximando os valores estimados dos valores reais do experimento para inferências mais qualificadas através de regressões integradas..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Gustavo Eduardo Marcatti - Integrante / Rafael Tassinari Resende - Integrante / Cosme Damião Cruz - Coordenador / Danielle Silva Pinto - Integrante / Antônio Marcos Rosado - Integrante.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Recursos Florestais e Engenharia Florestal / Subárea: Manejo Florestal.
2.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Recursos Florestais e Engenharia Florestal / Subárea: Sistemas de Informações Geográficas.
3.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Recursos Florestais e Engenharia Florestal / Subárea: Otimização.
4.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Recursos Florestais e Engenharia Florestal / Subárea: Estatística.
5.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Recursos Florestais e Engenharia Florestal / Subárea: Hidrologia Florestal.


Idiomas


Inglês
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Espanhol
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.
Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
TEIXEIRA, T. R.2018TEIXEIRA, T. R. ; RIBEIRO, C. A. A. S. ; SANTOS, A. R. ; MARCATTI, G. E. ; LORENZON, A. S. ; CASTRO, N. L. M. ; DOMINGUES, G. F. ; LEITE, H. G. ; MENEZES, S. J. M. C. ; MOTA, P. H. S. ; TELLES, L. A. A. ; VIEIRA⁠ . Forest biomass power plant installation scenarios. BIOMASS & BIOENERGY, v. 108, p. 35-47, 2018.

2.
RESENDE, RAFAEL T.2018RESENDE, RAFAEL T. ; SOARES, ALVARO A.V. ; FORRESTER, DAVID I. ; MARCATTI, GUSTAVO E. ; DOS SANTOS, ALEXANDRE R. ; TAKAHASHI, ELIZABETE K. ; E SILVA, FABYANO F. ; GRATTAPAGLIA, DARIO ; RESENDE, MARCOS DEON V. ; LEITE, HELIO G. . Environmental uniformity, site quality and tree competition interact to determine stand productivity of clonal Eucalyptus. FOREST ECOLOGY AND MANAGEMENT, v. 410, p. 76-83, 2018.

3.
CESCONETTO, LAISI BELLON2018CESCONETTO, LAISI BELLON ; PRUSKI, FERNANDO FALCO ; RODRIGUEZ, RENATA DEL GIUDICE ; MARCATTI, GUSTAVO EDUARDO . Potentiality of sugarcane expansion under irrigation conditions considering natural and potential water availability. AGRICULTURAL WATER MANAGEMENT, v. 203, p. 162-171, 2018.

4.
MOREIRA, SANDRO L.S.2018MOREIRA, SANDRO L.S. ; PIRES, CLEVERSON V. ; MARCATTI, GUSTAVO E. ; SANTOS, RICARDO H.S. ; IMBUZEIRO, HEWLLEY M.A. ; FERNANDES, RAPHAEL B.A. . Intercropping of coffee with the palm tree, macauba, can mitigate climate change effects. AGRICULTURAL AND FOREST METEOROLOGY, v. 256-257, p. 379-390, 2018.

5.
LORENZON, ALEXANDRE SIMÕES2018LORENZON, ALEXANDRE SIMÕES ; RIBEIRO, CARLOS ANTONIO ALVARES SOARES ; DOS SANTOS, ALEXANDRE ROSA ; DE CASTRO, NERO LEMOS MARTINS ; MARCATTI, GUSTAVO EDUARDO ; DOMINGUES, GETULIO FONSECA ; TEIXEIRA, THAISA RIBEIRO ; SILVA, Elias ; SOARES, Vicente Paulo ; MENEZES, SADY JÚNIOR MARTINS DA COSTA DE ; DE ALMEIDA TELLES, LUCAS ARTHUR ; MOTA, PEDRO HENRIQUE SANTOS . A new methodology for royalties distribution of the Itaipu hydroelectric plant: The hydrographic basin as the unit of analysis. JOURNAL OF ENVIRONMENTAL MANAGEMENT, v. 217, p. 710-717, 2018.

6.
DE OLIVEIRA BARROS, KELLY2018DE OLIVEIRA BARROS, KELLY ; ALVARES SOARES RIBEIRO, CARLOS ANTONIO ; MARCATTI, GUSTAVO EDUARDO ; LORENZON, ALEXANDRE SIMÕES ; MARTINS DE CASTRO, NERO LEMOS ; DOMINGUES, GETULIO FONSECA ; ROMÁRIO DE CARVALHO, JOSÉ ; ROSA DOS SANTOS, ALEXANDRE . Markov chains and cellular automata to predict environments subject to desertification. JOURNAL OF ENVIRONMENTAL MANAGEMENT, v. 225, p. 160-167, 2018.

7.
LORENZON, A. S.2017LORENZON, A. S. ; RIBEIRO, C. A. A. S. ; SANTOS, A. R. ; MARCATTI, G. E. ; DOMINGUES, G. F. ; SOARES, V. P. ; CASTRO, N. L. M. ; TEIXEIRA, T. R. ; MENEZES, S. J. M. C. ; SILVA, E. ; BARROS, K. O. ; SANTOS, G. M. A. D. A. ; SILVA, S. F. ; MOTA, P. H. S. . Itaipu royalties: The role of the hydroelectric sector in water resource management. JOURNAL OF ENVIRONMENTAL MANAGEMENT, v. 187, p. 482-489, 2017.

8.
SANTOS, A. R.2017 SANTOS, A. R. ; PATERLINI, E. M. ; FIEDLER, N. C. ; RIBEIRO, C. A. A. S. ; LORENZON, A. S. ; DOMINGUES, G. F. ; MARCATTI, G. E. ; CASTRO, N. L. M. ; TEIXEIRA, T. R. ; SANTOS, G. M. A. D. A. ; JUVANHOL, R. S. ; BRANCO, E. R. F. ; MOTA, P. H. S. ; SILVA, L. G. ; PIROVANI, D. B. ; JESUS JUNIOR, W. C. ; SANTOS, A. C. A. ; LEITE, H. G. ; IWAKIRI, S. . Fuzzy logic applied to prospecting for areas for installation of wood panel industries. JOURNAL OF ENVIRONMENTAL MANAGEMENT, v. 193, p. 345-359, 2017.

9.
MARCATTI, G. E.2017 MARCATTI, G. E.; RESENDE, R. T. ; RESENDE, M. D. V. ; RIBEIRO, C. A. A. S. ; SANTOS, A. R. ; CRUZ, J. P. ; LEITE, H. G. . GIS-based approach applied to optimizing recommendations of Eucalyptus genotypes. Forest Ecology and Management, v. 392, p. 144-153, 2017.

10.
DOS SANTOS, ALEXANDRE ROSA2017DOS SANTOS, ALEXANDRE ROSA ; DE OLIVEIRA, FELÍCIO SANTOS ; DA SILVA, ADERBAL GOMES ; GLERIANI, JOSÉ MARINALDO ; GONÇALVES, WANTUELFER ; MOREIRA, GISELLE LEMOS ; SILVA, FELIPE GIMENES ; BRANCO, ELVIS RICARDO FIGUEIRA ; MOURA, MARKS MELO ; DA SILVA, ROSANE GOMES ; JUVANHOL, RONIE SILVA ; DE SOUZA, KAÍSE BARBOSA ; RIBEIRO, CARLOS ANTONIO ALVARES SOARES ; DE QUEIROZ, VAGNER TEBALDI ; COSTA, ADILSON VIDAL ; LORENZON, ALEXANDRE SIMÕES ; DOMINGUES, GETULIO FONSECA ; MARCATTI, GUSTAVO EDUARDO ; DE CASTRO, NERO LEMOS MARTINS ; RESENDE, RAFAEL TASSINARI ; GONZALES, DUBERLI ELERA ; DE ALMEIDA TELLES, LUCAS ARTHUR ; TEIXEIRA, THAISA RIBEIRO ; DOS SANTOS, GLEISSY MARY AMARAL DINO ALVES ; MOTA, PEDRO HENRIQUE SANTOS . Spatial and temporal distribution of urban heat islands. SCIENCE OF THE TOTAL ENVIRONMENT, v. 605-606, p. 946-956, 2017.

11.
CASTRO, C. A. O.2017CASTRO, C. A. O. ; RESENDE, R. T. ; KUKI, K. N. ; CARNEIRO, V. Q. ; MARCATTI, G. E. ; CRUZ, C. D. ; MOTOIKE, S. Y. . High-performance prediction of macauba fruit biomass for agricultural and industrial purposes using Artificial Neural Networks. INDUSTRIAL CROPS AND PRODUCTS, v. 108, p. 806-813, 2017.

12.
EUGENIO, F. C.2016EUGENIO, F. C. ; SANTOS, A. R. ; FIEDLER, N. C. ; RIBEIRO, G. A. ; SILVA, A. G. ; JUVANHOL, R. S. ; SCHETTINO, V. R. ; MARCATTI, G. E. ; DOMINGUES, G. F. ; SANTOS, G. M. A. D. A. ; PEZZOPANE, J. E. M. ; PEDRA, B. D. ; SANTOS, A. B. ; MARTINS, L. D. . GIS applied to location of fires detection towers in domain area of tropical forest. SCIENCE OF THE TOTAL ENVIRONMENT, v. 562, p. 542-549, 2016.

13.
BARROS, K. O.2016BARROS, K. O. ; RIBEIRO, C. A. A. S. ; MARCATTI, G. E. ; SILVA, E. ; SOARES, V. P. . Evolução do uso da terra na bacia hidrográfica do Rio Vieira, Montes Claros, MG.. Revista de Geografia, v. 33, p. 68-83, 2016.

14.
OLIVEIRA, M. V. M.2016OLIVEIRA, M. V. M. ; SILVA, A. P. V. ; BONATTI, F. K. Q. ; MARCATTI, G. E. ; VARGAS JUNIOR, F. M. . Suplementação com probióticos e aminoácidos no desempenho de novilhos de corte: estudo de identidade de modelos. Revista Brasileira de Saúde e Produção Animal, v. 17, p. 474-483, 2016.

15.
RESENDE, RAFAEL T.2016 RESENDE, RAFAEL T. ; MARCATTI, GUSTAVO E. ; PINTO, DANIELLE S. ; TAKAHASHI, ELIZABETE K. ; CRUZ, COSME DAMIÃO ; RESENDE, MARCOS DEON V. . Intra-genotypic competition of Eucalyptus clones generated by environmental heterogeneity can optimize productivity in forest stands. Forest Ecology and Management, v. 380, p. 50-58, 2016.

16.
SANTOS, A. R.2016SANTOS, A. R. ; RIBEIRO, CARLOS ANTONIO ALVARES SOARES ; PELUZIO, T. M. O. ; PELUZIO, J. B. E. ; QUEIROZ, V. T. ; DOMINGUES, G. F. ; MARCATTI, G. E. ; CASTRO, N. L. M. ; TEIXEIRA, T. R. ; SANTOS, G. M. A. D. A. ; MOTA, P. H. S. ; SILVA, S. F. ; VARGAS, R. ; CARVALHO, J. R. ; MACEDO, L. L. ; ARAUJO, C. S. ; ALMEIDA, S. L. H. ; BRANCO, E. R. F. . Geotechnology and landscape ecology applied to the selection of potential forest fragments for seed harvesting. Journal of Environmental Management, v. 183, p. 1050-1063, 2016.

17.
MOTA, P. H. S.2016MOTA, P. H. S. ; REIS, B. P. ; ZATELLI, K. S. ; ROCHA, S. J. S. S. ; MARCATTI, G. E. ; SAPORI, L. E. ; TORRES, F. T. P. ; RIBEIRO, C. A. A. S. . FOREST FIRE HAZARD MAPPING OF A STATE PARK IN THE ATLANTIC FOREST, MG, BRAZIL. Australian Journal of Basic and Applied Sciences, v. 10, p. 223-230, 2016.

18.
MATSIMBE, S. F. S.2015 MATSIMBE, S. F. S. ; MOTOIKE, S. Y. ; PINTO, F. A. C. ; LEITE, H. G. ; MARCATTI, G. E. . Prediction of oil content in the mesocarp of fruit from the macauba palm using spectrometry. Revista Ciência Agronômica (UFC. Impresso), v. 46, p. 21-28, 2015.

19.
CONCENZA, D. N.2015CONCENZA, D. N. ; LEITE, H. G. ; MARCATTI, G. E. ; BINOTI, D. H. B. ; ALCANTARA, A. E. M. ; RODE, R. . CLASSIFICAÇÃO DA CAPACIDADE PRODUTIVA UTILIZANDO MÁQUINA DE VETOR DE SUPORTE E REDES NEURAIS ARTIFICIAIS. Scientia Forestalis (IPEF), v. `43, p. 1-11, 2015.

20.
MATRANGOLO, CARLOS AUGUSTO RODRIGUES2014MATRANGOLO, CARLOS AUGUSTO RODRIGUES ; ANJOS, NORIVALDO DOS ; LEITE, HELIO GARCIA ; MARCATTI, GUSTAVO EDUARDO . Distribuição espacial dos danos de Heilipodus naevulus em plantio de clones de eucalipto. Arquivos do Instituto Biológico (Online), v. 81, p. 119-125, 2014.

21.
BARROS, K. O.2013BARROS, K. O. ; MARCATTI, G. E. ; COSTA, F. R. ; OLIVEIRA, J. C. ; SOARES, V. P. ; SILVA, E. . Análise temporal das classes de uso e ocupação da terra na bacia hidrográfica do Rio Vieira, Montes Claros, Minas Gerais. Revista Agrogeoambiental. Revista Agrogeoambiental, v. 5, p. 43-54, 2013.

22.
GONÇALVES, ANDREA BRANDÃO2012GONÇALVES, ANDREA BRANDÃO ; MARCATTI, GUSTAVO EDUARDO ; RIBEIRO, CARLOS ANTONIO ALVARES SOARES ; SOARES, VICENTE PAULO ; MEIRA NETO, JOÃO AUGUSTO ALVES ; LEITE, HELIO GARCIA ; GLERIANI, JOSÉ MARINALDO ; LANA, VANESSA MENDES . Mapeamento das áreas de preservação permanente e identificação dos conflitos de uso da terra na sub-bacia hidrográfica do Rio Camapuã/Brumado. Revista Árvore (Impresso), v. 36, p. 759-766, 2012.

23.
ARAÚJO JUNIOR, C. A.2012ARAÚJO JUNIOR, C. A. ; LEITE, H. G. ; BINOTI, D. H. B. ; CASTRO, R. V. O. ; BINOTI, M. L. M. S. ; MARCATTI, G. E. . Uso da função Weibull para descrever a área basal por classe de diâmetro de um povoamento de eucalipto.. Scientia Forestalis, v. 40, p. 401-406, 2012.

24.
CASTRO, R. V. O.2012CASTRO, R. V. O. ; CASTRO, A. F. N. M. ; ATAÍDE, G. M. ; ARAÚJO JUNIOR, C. A. ; MARCATTI, G. E. ; SILVEIRA, D. P. ; COSTA, C. B. . Análise econométrica da produção de madeira serrada no Brasil. Floresta (UFPR. Impresso), v. 42, p. 661-670, 2012.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
MEDEIROS, R. A. ; PAIVA, H. N. ; MARCATTI, G. E. . Tectona grandis - Zoneamento ecológico para o cultivo no Estado de Mato Grosso, Brasil. 1. ed. Novas Edições Acadêmicas, 2018. v. 1. 84p .

2.
SANTOS, A. R. RIBEIRO, C. A. A. S. SEDIYAMA, G. C. PELUZIO, J. B. E. PEZZOPANE, J. E. M. BRAGANCA, R. SILVA, A. G. LORENZON, A. S. LUPPI, A. S. L. FIGUEIREDO, A. C. MARTINS, C. V. FELETTI, C. F. DAMBROZ, C. S. PIROVANI, D. B. FREITAS, D. F. REIS, E. F. SOUSA, E. F. BRANCO, E. R. F. CASTRO, F. S. PARTELLI, F. L. MOTA, F. M. OLIVEIRA, F. S. NEVES, F. P. EUGENIO, F. C. DOMINGUES, G. F. , et al.GARCIA, G. O. MOREIRA, G. L. SANTOS, G. M. A. D. A. PANETO, G. G. MARCATTI, G. E. FERREIRA, H. R. M. SIMOES, I. M. FERRARI, J. L. AMARAL, J. A. T. RAMALHO, J. C. AMARAL, J. F. T. GLERIANI, J. M. SOUZA, J. S. MARCELLINO, L. C. SILVA, L. G. MARTINS, L. D. TEIXEIRA, L. J. Q. TOMAZ, M. A. FERNANDES, M. A. S. P. PEREIRA, M. L. ORLANDI, M. J. P. HOTT, M. O. OMENA, M. S. CASTRO, N. L. M. FIEDLER, N. C. DOHLER, R. E. DALFI, R. L. SILVA, R. G. ALMEIDA, S. L. H. SARAIVA, S. H. CORREIA, T. P. PELUZIO, T. M. O. TEIXEIRA, T. R. TULER, T. O. QUINTO, V. M. SOARES, V. P. SILVA, V. H. SCHETTINO, V. R. JESUS JUNIOR, W. C. ; Espacialização de Dados Meteorológicos no ArcGIS 10.3 Passo a Passo. 1. ed. Alegre, ES: CAUFES, 2015. v. 1. 64p .

3.
SANTOS, A. R. RIBEIRO, C. A. A. S. SEDIYAMA, G. C. PELUZIO, J. B. E. PEZZOPANE, J. E. M. BRAGANCA, R. SILVA, A. G. LORENZON, A. S. LUPPI, A. S. L. FIGUEIREDO, A. C. SANTOS, A. B. FELETTI, C. F. DAMBROZ, C. S. LIMA, C. A. PIROVANI, D. B. FREITAS, D. F. REIS, E. F. SOUSA, E. F. BRANCO, E. R. F. CASTRO, F. S. PARTELLI, F. L. MOTA, F. M. OLIVEIRA, F. S. NEVES, F. P. EUGENIO, F. C. , et al.DOMINGUES, G. F. GARCIA, G. O. MOREIRA, G. L. SANTOS, G. M. A. D. A. PANETO, G. G. MARCATTI, G. E. FERRARI, J. L. AMARAL, J. A. T. RAMALHO, J. C. AMARAL, J. F. T. GLERIANI, J. M. LIMA, J. S. S. OLIVEIRA, K. D. GASPARINI, K. A. C. SILVA, L. G. MARTINS, L. D. SANTOS, L. B. P. TEIXEIRA, L. J. Q. TOMAZ, M. A. PEREIRA, M. L. ORLANDI, M. J. P. MOURA, M. M. HOTT, M. O. OMENA, M. S. CASTRO, N. L. M. FIEDLER, N. C. MOTA, P. H. S. DOHLER, R. E. DALFI, R. L. SILVA, R. G. MENEZES, S. J. M. C. ALMEIDA, S. L. H. SARAIVA, S. H. CORREIA, T. P. PELUZIO, T. M. O. TEIXEIRA, T. R. TULER, T. O. QUINTO, V. M. SOARES, V. P. SILVA, V. H. SCHETTINO, V. R. JESUS JUNIOR, W. C. ; Zoneamento agroclimático no ArcGIS 10.3.1: passo a passo. 1. ed. Alegre; ES: CAUFES, 2015. v. 1. 58p .

4.
RIBEIRO, C. A. A. S. ; LIMA, C. A. ; DOMINGUES, G. F. ; LANA, V. M. ; MENEZES, S. J. M. C. ; SANTOS, A. R. ; LORENZON, A. S. ; SANTOS, G. M. A. D. A. ; MARCATTI, G. E. ; SANTOS, L. B. P. ; CASTRO, N. L. M. ; MOTA, P. H. S. ; TEIXEIRA, T. R. ; SOARES, V. P. . ArcGIS 10.3.1 ? ArcScan e aplicações na preparação de base de dados. 1. ed. Alegre, ES: CAUFES, 2015. v. 1. 110p .

Capítulos de livros publicados
1.
SANTOS, A. R. ; CHIMALLI, T. ; PELUZIO, J. B. E. ; SILVA, A. G. ; SANTOS, G. M. A. D. A. ; LORENZON, A. S. ; TEIXEIRA, T. R. ; CASTRO, N. L. M. ; MARCATTI, G. E. ; DOMINGUES, G. F. ; RIBEIRO, C. A. A. S. . Áreas de Preservação Permanente no Entorno do Parque Nacional do Caparaó - Análise Comparativa de Acordo com o Antigo e o Novo Código Florestal. In: Alexandre Rosa dos Santos; Carlos Antonio Alvares Soares Ribeiro; João Batista Esteves Peluzio; Telma Machado de Oliveira Peluzio; Gleissy Mary Amaral Dino Alves dos Santos; Ivo Augusto Lopes Magalhães. (Org.). Geotecnologias & análise ambiental: aplicações práticas. 1ed.Alegre; ES: CAUFES, 2015, v. 1, p. 68-83.

2.
SANTOS, G. M. A. D. A. ; SANTOS, A. R. ; SCHERER, R. ; TEIXEIRA, L. J. Q. ; PEREIRA JUNIOR, O. S. ; SARAIVA, S. H. ; FERRARI, J. L. ; RIBEIRO, C. A. A. S. ; DOMINGUES, G. F. ; MARCATTI, G. E. ; CASTRO, N. L. M. ; EUGENIO, F. C. ; TULER, T. O. . Resíduos de Agrotóxicos no Brasil: Uma Análise Bibliométrica. In: Alexandre Rosa dos Santos; Carlos Antonio Alvares Soares Ribeiro; João Batista Esteves Peluzio; Telma Machado de Oliveira Peluzio; Gleissy Mary Amaral Dino Alves dos Santos; Giselle Lemos Moreira; Ivo Augusto Lopes Magalhães. (Org.). Geotecnologias & análise ambiental: aplicações práticas. 1ed.Alegre; ES: CAUFES, 2015, v. 1, p. 210-229.

3.
RIBEIRO, C. A. A. S. ; MARCATTI, G. E. ; GLERIANI, J. M. ; OLIVEIRA, J. C. ; BARROS, K. O. ; CHAVES, M. A. ; SOARES, V. P. . Mapeamento da disponibilidade e do conflito de uso legal das terras na bacia de contribuição da hidrelétrica Três Marias - MG.. In: Alexandre Rosa dos Santos; João Batista Esteves Peluzio; Telma Machado de Oliveira Peluzio; Gleissy Mary Amaral Dino Alves dos Santos. (Org.). Geotecnologias aplicadas aos recursos florestais. 1ed.Alegre - ES: CAUFES, 2012, v. , p. 1-249.

4.
BARROS, K. O. ; OLIVEIRA, J. C. ; MARCATTI, G. E. ; RIBEIRO, C. A. A. S. ; SOARES, V. P. . Os SIG`S como ferramentas para o planejamento territorial.. In: José Ambrósio Ferreira Neto; Carlos Joaquim Einloft; Renato Luiz Gonçalves. (Org.). Desenvolvimento Rural, Sustentabilidade e Ordenamento Territorial.. 1ed.Visconde do Rio Branco - MG: Suprema, 2011, v. , p. 01-284.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
MARCATTI, G. E.; RESENDE, R. T. . Recomendação de genótipos com altíssimo nível de refinamento ambiental. Jornal SIF, Viçosa - MG, p. 4 - 5, 01 maio 2017.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
SILVA, A. A. ; MACHADO, C. C. ; ENRIQUEZ, A. G. ; MARCATTI, G. E. ; ARRIVABENI, B. S. . Evaluacion de mezclas de suelo-cemento como estrategia para reducir la erodibilidad en suelos de vias forestales. In: VIII CONGRESO IBEROAMERICANO DE CONTROL DE EROSION Y SEDIMENTOS, 2016, Cartagena. Anais do VIII CICES CONGRESO IBEROAMERICANO DE CONTROL DE EROSION Y SEDIMENTOS, 2016. v. 1.

2.
MARCATTI, G. E.; RIBEIRO, C. A. A. S. ; ANDRADE, M. V. A. ; SOARES, V. P. ; COSTA, F. R. ; CASTRO, N. L. M. ; LORENZON, A. S. ; MARTINS, B. F. ; DOMINGUES, G. F. ; BARROS, K. O. . DETERMINAÇÃO DA SEQUÊNCIA ÓTIMA DE ACESSO ÀS PARCELAS DE INVENTÁRIO FLORESTAL. In: XI Seminário de Atualização em Sensoriamento Remoto e Sistemas de Informações Geográficas Aplicados à Engenharia Florestal, 2014, Curitiba, Pr. Anais do XI Seminário de Atualização em Sensoriamento Remoto e Sistemas de Informações Geográficas Aplicados à Engenharia Florestal., 2014. p. 320-327.

3.
RIBEIRO, C. A. A. S. ; SOARES, V. P. ; GLERIANI, J. M. ; CHAVES, M. A. ; LORENZON, A. S. ; BARROS, K. O. ; COSTA, F. R. ; MARCATTI, G. E. ; CASTRO, N. L. M. ; DOMINGUES, G. F. ; OLIVEIRA, J. C. . Fostering the Payment for Environmental Services in Brazil: A Fair Review of the Itaipu Binacional`s Royalties Policy. In: 33th EARSeL Symposium, 2013, Matera, Itália. 33th EARSeL Symposium. Towards Horizon 2020: Earth Observation and Social Perspectives, 2013. p. 667-674.

4.
RIBEIRO, C. A. A. S. ; SOARES, V. P. ; GLERIANI, J. M. ; CHAVES, M. A. ; LORENZON, A. S. ; BARROS, K. O. ; COSTA, F. R. ; MARCATTI, G. E. ; CASTRO, N. L. M. ; DOMINGUES, G. F. ; OLIVEIRA, J. C. . Brazilian forest code: an intriguing framework for designing worldwide protected areas. In: 33th EARSeL Symposium, 2013, Matera, Italy. 33th EARSeL Symposium. Towards Horizon 2020: Earth Observation and Social Perspectives, 2013. p. 1-14.

5.
RIBEIRO, C. A. A. S. ; ROCHA, R. R. C. ; SOARES, V. P. ; SILVA, E. ; CHAVES, M. A. ; GLERIANI, J. M. ; MENEZES, S. J. M. C. ; OLIVEIRA, J. C. ; BARROS, K. O. ; MARCATTI, G. E. ; COSTA, F. R. ; CASTRO, N. L. M. ; DOMINGUES, G. F. ; ALVES, L. M. . Geotecnologias como ferramental de análise da paisagem e controle de pagamentos de serviços ambientais: o caso dos royalties pagos pela Itaipu Binacional. In: X Seminário de Atualização em Sensoriamento Remoto e Sistemas de Informações Geográficas Aplicados à Engenharia Florestal / 10th Seminar on Remote Sensing and GIS Applications in Forest Engineering, 2012, Curitiba, Pr. Anais do X Seminário de Atualização em Sensoriamento Remoto e Sistemas de Informações Geográficas Aplicados à Engenharia Florestal. Curitiba: IEP, 2012. v. 1.

6.
MARCATTI, G. E.; LEITE, H. G. ; RIBEIRO, C. A. A. S. ; ARAÚJO JUNIOR, C. A. ; CASTRO, R. V. O. ; BONATTI, F. K. Q. ; GASPAR, R. O. . Utilização de programação linear na regulação da produção de um sistema agroflorestal.. In: Simpósio Latino-Americano Sobre Manejo Florestal :Sustentabilidade Florestal, 2011, Santa Maria - RS. 5º Simpósio Latino-Americano Sobre Manejo Florestal.. Santa Maria - RS: UFSM, 2011.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
BARROS, K. O. ; RIBEIRO, C. A. A. S. ; SILVA, E. ; SOARES, V. P. ; MARCATTI, G. E. ; LORENZON, A. S. ; MARTINS, B. F. . Evolução do uso da terra na bacia hidrográfica do Rio Vieira, Montes Claros, MG. In: VIII Simpósio Brasileiro de Pós-Graduação em Ciências Florestais, 2014, Recife; PE. VIII Simpósio Brasileiro de Pós-Graduação em Ciências Florestais, 2014.

2.
RESENDE, R. T. ; MARCATTI, G. E. ; PEREIRA, G. S. ; PINTO, D. S. ; TAKAHASHI, ELIZABETE K. ; ALCARDE, R. ; CRUZ, C. D. . Análise de covariáveis no estudo de competição em clones de Eucalyptus spp.. In: 58ª Reunião Anual Regional Brasileira da Sociedade Internacional de Biometria (RBras) e 15º Simpósio de Estatística Aplicada à Experimentação Agronômica (SEAGRO), 2013, Campina Grande. Modelagem estatística em áreas multidisciplinares: impactos pelas mudanças climáticas na região nordeste, 2013.

3.
BARROS, K. O. ; MARCATTI, G. E. ; COSTA, F. R. ; RIBEIRO, C. A. A. S. ; SOARES, V. P. ; SILVA, E. . A vulnerabilidade à desertificação da bacia hidrográfica do Rio Vieira, Montes Claros, Minas Gerais. In: VII Simpósio de Pós-Graduação em Ciências Florestais, 2012, Viçosa - MG. VII Simpósio de Pós-Graduação em Ciências Florestais, 2012.

4.
MIELKI, G. F. ; PAIVA, A. N. ; LANA, A. Q. ; MARCATTI, G. E. ; FREITAS, A. F. . Efeito De Fósforo E Nitrogênio Em Mudas De Cedro-Australiano (Toona Ciliata). In: FERTBIO - A responsabilidade socioambiental da pesquisa agrícola, 2012, Maceió - AL. FERTBIO 2012, 2012.

5.
BONATTI, F. K. Q. ; MARCATTI, G. E. ; PEREIRA, J. C. ; ABREU, C. L. ; SILVA, C. J. ; NÁPOLES, G. G. O. . Desenvolvimento de modelo de simulação para excreção de nitrogênio em sistemas de produção de leite. In: 49ª Reunião da Sociedade Brasileira de Zootecnia, 2012, Brasilia. SBZ, 2012, 2012.

6.
BONATTI, F. K. Q. ; MARCATTI, G. E. ; PEREIRA, J. C. ; NÁPOLES, G. G. O. ; DIAS, D. S. ; VIEIRA, C. I. . Ajuste de modelos matemáticos de excreção de nitrogênio em sistemas de produção de leite. In: 49ª Reunião da Sociedade Brasileira de Zootecnia, 2012, Brasilia. SBZ, 2012, 2012.

7.
BERGUER, A. P. A. ; BORGES, E. E. L. ; Silva, M. S. ; PEREIRA, B. L. C. ; MARCATTI, G. E. . Efeito dos potenciais osmóticos na germinação de sementes de Vinhático (Plathymenia reticulata) apos embebição a 5ºC.. In: XVI Congresso Brasileiro de Sementes, 2009, Curitiba - PR. Informativo ABRATES - Associação Brasileira de Tecnologia de Sementes. Londrina - PR, 2009. v. 19.

8.
PEREIRA, B. L. C. ; BORGES, E. E. L. ; OLIVEIRA, A. C. ; Silva, M. S. ; MARCATTI, G. E. . Efeito do nitrato de potássio na germinação de sementes de Plathymenia reticulata benth.. In: XVI Congresso Brasileiro de Sementes, 2009, Curitiba - PR. Informativo ABRATES - Associação Brasileira de Tecnologia de Sementes. Londrina - PR, 2009. v. 19.

9.
Silva, M. S. ; BORGES, E. E. L. ; BERGUER, A. P. A. ; ALFENAS, A. C. ; PEREIRA, B. L. C. ; MARCATTI, G. E. . Perfil eletroforético de proteínas e isoenzimas de sementes de Melanoxylon brauna schott (Leguminosae-Caesalpinoideae) submetidas à secagem rápida em estufa.. In: XVI Congresso Brasileiro de Sementes, 2009, Curitiba - PR. Informativo ABRATES - Associação Brasileira de Tecnologia de Sementes. Londrina - PR, 2009. v. 19.

10.
MARCATTI, G. E.; BORGES, E. E. L. ; PEREIRA, B. L. C. ; Silva, M. S. ; BERGUER, A. P. A. . Efeito da baixa temperatura na germinação de sementes de Dalbergia Vigra (VELL.) FR. ALL. EX BENTH.. In: XVI Congresso Brasileiro de Sementes, 2009, Curitiba - PR. Informativo ABRATES - Associação Brasileira de Tecnologia de Sementes. Londrina - PR, 2009. v. 19.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
RESENDE, R. T. ; MARCATTI, G. E. ; LEITE, H. G. ; RESENDE, M. D. V. . Estratificação quantitativa: Otimização da recomendação de plantio de clones de Eucalyptus sp. utilizando sistemas de informação geográfica (SIG). In: VII Simpósio Internacional de Genética e Melhoramento, 2016, Viçosa. Desafios Biométricos no Melhoramento Genético, 2016.

2.
MOTA, P. H. S. ; LEITE, H. G. ; MARCATTI, G. E. . Predição da capacidade produtiva em função de variáveis edáficas, climáticas e fisiográficas. In: Simpósio de Integração Acadêmica SIA UFV, 2015, Viçosa; MG. SIA UFV, 2015.

3.
TAQUETTI, M. F. ; LEITE, H. G. ; CONCENZA, D. N. ; ALCANTARA, A. E. M. ; MARCATTI, G. E. . Classificação da capacidade produtiva de povoamentos utilizando máquina de vetor de suporte e redes neurais artificiais. In: Simpósio de Integração Acadêmica SIA UFV, 2014, Viçosa; MG. SIA UFV, 2014.

4.
MARCATTI, G. E.; RIBEIRO, C. A. A. S. ; CASTRO, N. L. M. ; LORENZON, A. S. ; MARTINS, B. F. ; DOMINGUES, G. F. . Caminhamento ótimo para acesso às parcelas de inventário florestal. In: Simpósio de Integração Acadêmica SIA UFV, 2014, Viçosa; MG. SIA UFV, 2014.

5.
CONCENZA, D. N. ; LEITE, H. G. ; FERRAZ, A. S. ; RODE, R. ; MARCATTI, G. E. ; BINOTI, D. H. B. . Comparação entre redes neurais artificias e máquina de vetor de suporte para estimar biomassa da parte aérea em floresta inequiânea.. In: Simpósio de Integração Acadêmica da Universidade Federal de Viçosa, 2012, Viçosa - MG. SIA/UFV 2012, 2012.

6.
MIELKI, G. F. ; PAIVA, A. N. ; LANA, A. Q. ; MARCATTI, G. E. ; FREITAS, A. F. . Adubação mineral em mudas de Cedro-Australiano (Toona Ciliata): Efeito de fósforo e nitrogênio. In: Simpósio de Integração Acadêmica da Universidade Federal de Viçosa, 2012, Viçosa - MG. SIA/UFV 2012, 2012.

7.
MARCATTI, G. E.; LEITE, H. G. ; BONATTI, F. K. Q. . Regulação da produção de um sistema agroflorestal.. In: Simpósio de Integração Acadêmica da Universidade Federal de Viçosa, 2011, Viçosa - MG. SIA/UFV 2011, 2011.

8.
RESENDE, R. T. ; CRUZ, C. D. ; SILVA, A. P. M. ; MARCATTI, G. E. ; PINTO, D. S. ; ROSADO, A. M. . Efeito da competição em clones de Eucalyptus SPP em testes clonais com parcelas quadradas.. In: Simpósio de Integração Acadêmica da Universidade Federal de Viçosa, 2011, Viçosa - MG. SIA/UFV 2011, 2011.

9.
MARCATTI, G. E.; LEITE, H. G. ; BONATTI, F. K. Q. ; ARAÚJO JUNIOR, C. A. ; CASTRO, R. V. O. ; COSTA, F. R. . Modelagem de curvas de índice local atraves de modelos lineares generalizados. In: SIA/UFV, 2010, Viçosa - MG. Simpósio de Integração Acadêmica da UFV. Viçosa - MG: UFV, 2010.

10.
MARCATTI, G. E.; BORGES, E. E. L. ; PEREIRA, B. L. C. ; BONATTI, F. K. Q. ; BERGUER, A. P. A. ; Silva, M. S. . Danos germinativos e alterações de embebição em sementes de Dalbergia nigra (VELL.) FR.ALL. EX BENTH. sob efeito de baixa temperatura.. In: SIC/SIMPÓS/SEU/SEn-2009, 2009, Viçosa - MG. XIX Simpósio de Iniciação Científica, IX Simpósio da Pós - Graduação, VII Simpósio de Extensão Universitária e III Simpósio de Ensino. Viçosa - MG: UFV, 2009.

11.
PEREIRA, B. L. C. ; BORGES, E. E. L. ; OLIVEIRA, A. C. ; FLORES, A. V. ; MARCATTI, G. E. . Efeito da aplicação de nitratode potássio e nitroprussia de sódioem sementes de baixo vigor de Vinhático (Plathymenia reticulata Benth. - Leguminosae e mimosoideae). In: SIC/SIMPÓS/SEU/SEn-2009, 2009, Viçosa - MG. XIX Simpósio de Iniciação Científica, IX Simpósio da Pós - Graduação, VII Simpósio de Extensão Universitária e III Simpósio de Ensino, 2009.

12.
PEREIRA, B. L. C. ; OLIVEIRA, A. C. ; BORGES, E. E. L. ; MARCATTI, G. E. ; FLORES, A. V. . Germinação de sementes de Vinhático (Plathymenia reticulata Benth. -Leguminosae e Mimosoideae) submetidas ao envelhecimento acelerado. In: SIC/SIMPÓS/SEU/SEn-2009, 2009, Viçosa - MG. XIX Simpósio de Iniciação Científica, IX Simpósio da Pós - Graduação, VII Simpósio de Extensão Universitária e III Simpósio de Ensino, 2009.

13.
NÁPOLES, G. G. O. ; BONATTI, F. K. Q. ; DINIZ, D. B. ; BELLO, I. C. S. ; MARCATTI, G. E. ; ALMEIDA, D. M. ; ABREU, C. L. ; OLIVEIRA, T. S. ; SILVA, C. J. ; PEREIRA, J. C. . Modelo dinâmico de simulação para sistemas de recria e terminação de bovinos em pasto. In: SIC/SIMPÓS/SEU/SEn-2009, 2009, Viçosa - MG. XIX Simpósio de Iniciação Científica, IX Simpósio da Pós - Graduação, VII Simpósio de Extensão Universitária e III Simpósio de Ensino. Viçosa - MG: UFV, 2009.

14.
CONDÉ, D. O. ; BONATTI, F. K. Q. ; ABREU, C. L. ; BATALHA, C. D. A. ; SOARES, S. M. O. ; FERREIRA JÚNIOR, H. C. ; MORAES, R. L. ; MARCATTI, G. E. ; PEREIRA, J. C. . Tempo de secagem e armazenamento do feno de Leucaena leucocephala (LAM) de wit (MIMOSACEA).. In: SIC, SIMPÓS, SEU, SEn - 2008, 2008, Viçosa - MG. XVIII Simpósio de Iniciação Científica, VIII SIMPÓs - Mostra Científica da Pós - Graduação, VI Simpósio de Extensão Universitária e II SEn - Simpósio de Ensino. Viçosa - MG: UFV, 2008.

15.
BONATTI, F. K. Q. ; ABREU, C. L. ; SILVA, C. J. ; OLIVEIRA, T. S. ; FINHOLDT, G. ; NOGUEIRA, L. J. ; CONDÉ, D. O. ; MARCATTI, G. E. ; PEREIRA, J. C. . Indicadores para o estudo da cinética de trânsito de partículas em novilhos recebendo diferentes fontes de fibra.. In: SIC, SIMPÓS, SEU, SEn - 2008, 2008, Viçosa - MG. XVIII Simpósio de Iniciação Científica, VIII SIMPÓs - Mostra Científica da Pós - Graduação, VI Simpósio de Extensão Universitária e II SEn - Simpósio de Ensino. Viçosa - MG: UFV, 2008.

16.
FERREIRA JÚNIOR, H. C. ; ABREU, C. L. ; BONATTI, F. K. Q. ; NÁPOLES, G. G. O. ; SILVA, V. P. ; NOGUEIRA, L. J. ; FINHOLDT, G. ; MARCATTI, G. E. ; BRANDÃO, F. M. ; PEREIRA, J. C. . Desempenho de bezerros leiteiros lactentes alimentados com ração concentrada e feno de leucena.. In: SIC, SIMPÓS, SEU, SEn - 2008, 2008, Viçosa - MG. XVIII Simpósio de Iniciação Científica, VIII SIMPÓs - Mostra Científica da Pós - Graduação, VI Simpósio de Extensão Universitária e II SEn - Simpósio de Ensino. Viçosa - MG: UFV, 2008.

Apresentações de Trabalho
1.
MARCATTI, G. E.. Planejamento e otimização do traçado de estradas e sua influência no transporte florestal. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
MARCATTI, G. E.. Programação e eficiência computacional em SIG: exemplos em R, Python e C/C++. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
MARCATTI, G. E.. Otimização em redes - II GISday UFV. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
MARCATTI, G. E.; RIBEIRO, C. A. A. S. ; CASTRO, N. L. M. ; LORENZON, A. S. ; MARTINS, B. F. ; DOMINGUES, G. F. . Caminhamento ótimo para acesso às parcelas de inventário florestal. 2014. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

5.
MARCATTI, G. E.; RIBEIRO, C. A. A. S. . Caminhamento ótimo para acesso às parcelas de inventário florestal. 2012. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

6.
MARCATTI, G. E.; LEITE, H. G. ; BONATTI, F. K. Q. . Regulação da produção de um sistema agroflorestal. 2011. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

7.
RESENDE, R. T. ; CRUZ, C. D. ; SILVA, A. P. M. ; MARCATTI, G. E. ; PINTO, D. S. ; ROSADO, A. M. . Efeito da competição em clones de Eucalyptus spp. em testes clonais com parcelas quadradas. 2011. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

8.
MARCATTI, G. E.; LEITE, H. G. . Regulação da produção em um sistema agroflorestal. 2011. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

9.
MARCATTI, G. E.; LEITE, H. G. ; ARAÚJO JUNIOR, C. A. ; CASTRO, R. V. O. ; COSTA, F. R. . Modelagem de curvas de índice de local através de modelos lineares generalizados. 2010. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

10.
MARCATTI, G. E.; BORGES, E. E. L. ; PEREIRA, B. L. C. ; BONATTI, F. K. Q. ; BERGUER, A. P. A. ; Silva, M. S. . Danos germinativos e alterações de embebição em sementes de Dalbergia nigra (vell.) fr.all. ex benth. sob efetio de baixa temperatura. 2009. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).


Demais tipos de produção técnica
1.
BORGES, I. D. ; MARCATTI, G. E. . Experimentação agrícola e software estatístico R. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

2.
RIBEIRO, C. A. A. S. ; MARCATTI, G. E. . Otimização de trilhas de acesso a recursos florestais. 2016. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

3.
MARCATTI, G. E.. Programação computacional no software R com aplicações em SIG. 2016. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

4.
RIBEIRO, C. A. A. S. ; MARCATTI, G. E. . Utilização de ferramentas SIG para otimização de tilhas de acesso a recursos florestais naturais. 2016. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

5.
MARCATTI, G. E.. Introdução a Análise estatística no software R. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

6.
MARCATTI, G. E.. Introdução ao Sistema de Informações Geográficas. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

7.
LEITE, H. G. ; BINOTI, D. H. B. ; MARCATTI, G. E. . II Treinamento em Inventário e Mensuração Florestal (Participou como instrutor do curso). 2011. .



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
SOARES FILHO, B. S.; RIBEIRO, S. M. C.; SOUZA, F. K. A.; MARCATTI, G. E.; OLIVEIRA, U.; RAJAO, R. G. L.. Participação em banca de Elaine Lopes da Costa. Pode o Açaí (Euterpe precatoria Mart.) ser parte importante no desenvolvimento socioeconômico das famílias extrativistas no Acre, Brasil?. 2017. Dissertação (Mestrado em Análise e Modelagem de Sistemas Ambientais) - Universidade Federal de Minas Gerais.

2.
GARCIA, R. A.; MARCATTI, G. E.; NERO, M. A.. Participação em banca de Kelen Karla Reis Oliveira Moreira. Modelagem baseada em agentes como ferramenta de análise da operação florestal de baldeio. 2017. Dissertação (Mestrado em Análise e Modelagem de Sistemas Ambientais) - Universidade Federal de Minas Gerais.

Teses de doutorado
1.
VALVERDE, S. R.; TORRES, F. T. P.; TORRES, C. M. M. E.; COELHO, F. M. G.; MARCATTI, G. E.. Participação em banca de Maria Cristina Martins. Fogo: visões, possibilidades e limites do seu uso na agricultura, nas unidades de conservação e nas atividades florestais. 2017. Tese (Doutorado em Ciência Florestal) - Universidade Federal de Viçosa.

2.
PAIVA, H. N.; LEITE, H. G.; NEVES, J. C. L.; BARROS, N. F.; MARCATTI, G. E.. Participação em banca de Eliane Cristina Sampaio De Freitas. Modelagem da produtividade de eucalipto por meio de redes neuronais artificiais. 2017. Tese (Doutorado em Ciência Florestal) - Universidade Federal de Viçosa.

Qualificações de Doutorado
1.
LEITE, A. M. P.; HORTA, E. G.; DUTRA, G. C.; MARCATTI, G. E.. Participação em banca de José Jhones Matuda. USO FERRAMENTAS SIG PARA PLANEJAMENTO DA EXTRAÇÃO FLORESTAL COM SKIDDER. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em CIÊNCIA FLORESTAL) - Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri - Campus JK.

2.
LEITE, A. M. P.; OLIVEIRA, M. L. R.; ROCHA, W. W.; MARCATTI, G. E.. Participação em banca de Luiz Paulo de Sousa Correia. PRODUTIVIDADE E CUSTO DA EXTRAÇÃO COM FORWARDERS EM FUNÇÃO DA DECLIVIDADE DO TERRENO, DISTÂNCIA DE EXTRAÇÃO E UMIDADE DA MADEIRA. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em CIÊNCIA FLORESTAL) - Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri - Campus JK.

3.
MARQUES, E. A. G.; MINETTE, E.; MENEZES, S. J. M. C.; MEDEIROS, N. G.; MARCATTI, G. E.. Participação em banca de Cleverson Alves de Lima. Modelagem espacial dinâmica aplicada ao estudo de áreas de risco do município de Três Rios - RJ. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Engenharia Civil) - Universidade Federal de Viçosa.

4.
SANTOS, A. R.; RIBEIRO, C. A. A. S.; LEITE, H. G.; SOARES, V. P.; MARCATTI, G. E.. Participação em banca de Getulio Fonseca Domingues. Localização ótima de zonas de vegetação para a recuperação da bacia do rio Doce. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Ciência Florestal) - Universidade Federal de Viçosa.

5.
LEITE, A. M. P.; CORDEIRO, S. A.; OLIVEIRA, M. L. R.; MARCATTI, G. E.. Participação em banca de Luiz Carlos Araújo. ?Modelagem técnica e econômica da produtividade e utilização de SIG na extração de toras curtas em terrenos acidentados. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Ciência Florestal) - Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri - Campus JK.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
LEITE, H. G.; MARCATTI, G. E.; SOARES, C. P. B.; FERNANDES, L.. Participação em banca de Lucas Arthur de Almeida Telles.Redução do Tamanho Amostral em Inventário Florestal Através de Índices de Importância. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de Viçosa.

2.
LEITE, H. G.; MARCATTI, G. E.; LORENZON, A. S.. Participação em banca de Pedro Henrique Santos Mota.Classificação da capacidade produtiva em função de variáveis edáficas, climáticas e fisiográficas. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de Viçosa.

3.
SOUZA, T. F. C. W. L.; DOMINGUES, G. F.; MARCATTI, G. E.. Participação em banca de Guilherme Lana Alves.Conflito de uso e ocupação da terra em áreas de preservação permanente ao longo da baica hidrográfica do córrego São Joaquim. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de Viçosa.

4.
LEITE, H. G.; MARCATTI, G. E.; SILVA, M. L.. Participação em banca de Cíntia Ribeiro Gomide.Regulação da produção de povoamentos de eucalipto incluindo desbastes seletivos. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de Viçosa.

5.
LEITE, H. G.; JACOVINE, L. A. G.; MARCATTI, G. E.. Participação em banca de Simone Silva.Regulação da produção de floresta equiânea utilizando sistemas multiagentes, programação linear e programação inteira mista. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de Viçosa.

6.
LEITE, H. G.; GLERIANI, J. M.; MARCATTI, G. E.. Participação em banca de Paula Ventura da Silva.Estimação do volume e afilamento do fuste de árvores de eucalipto utilizando redes neurais artificiais. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de Viçosa.

7.
LEITE, H. G.; GLERIANI, J. M.; MARCATTI, G. E.. Participação em banca de Diogo Nepomuceno Cosenza.Classificação da capacidade produtiva de povoamentos utilizando máquina de vetor de suporte e redes neurais artificiais. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de Viçosa.

8.
LEITE, H. G.; MARCATTI, G. E.; SOUZA, A. L.. Participação em banca de Moisés Oliveira da Silva.Utilização da função hiperbólica para a descrição da distribuição diamétrica em povoamentos de Tectona grandis desbastados. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de Viçosa.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
SILVA, M. L. M.; MARCATTI, G. E.; VIEIRA, R. S.. Manejo Florestal, subárea Manejo de Florestas Nativas. 2018. Universidade Federal de São João Del-Rei.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Análise visual e instrumental, novas técnicas para avaliação de árvores com risco de queda. 2017. (Outra).

2.
V GISday UFV. 2017. (Seminário).

3.
IV GISday UFV. 2016. (Outra).

4.
III GISday UFV. 2015. (Seminário).

5.
II GISday UFV. 2014. (Seminário).

6.
Reunião sobre Diagnóstico de Microbacias para Sustentabilidade.Diagnóstico de Microbacias para Sustentabilidade. 2014. (Outra).

7.
Simpósio de Integração Acadêmica da UFV/SIA.Caminhamento ótimo para acesso às parcelas de inventário florestal. 2014. (Simpósio).

8.
GISday UFV. 2013. (Seminário).

9.
Inovar 2013 IV Seminário sobre Empreendedorismo, Inovação e desenvolvimento. 2013. (Seminário).

10.
II Seminário Internacional Brasil, Espanha, Portugal. Desenvolvimento Rural, Sustentabilidade e ordenamento Territorial.. 2011. (Seminário).

11.
Workshop Concepts for REDD inventories based on recent spaceborne radar imagery. 2011. (Outra).

12.
Simpósio de Integração Acadêmica da UFV/SIA. 2010. (Simpósio).

13.
Semana Acadêmica de Engenharia Florestal - UFV. 2009. (Encontro).

14.
XIX Simpósio de Iniciação Científica, IX Simpósio da Pós-Graduação, VIII Simpósio de Extensão Universitária, III Simpósio de Ensino. 2009. (Simpósio).

15.
Semana Acadêmica de Engenharia Florestal - UFV. 2008. (Encontro).

16.
XVIII Simpósio de Iniciação Cientíífica, VIII Simpós - Mostra Científica da Pós-Graduação, VI Simpósio de Extensão Universitária e II SEn - Simpósio de Ensino. 2008. (Simpósio).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
SANTOS, A. R. ; LORENZON, A. S. ; RIBEIRO, C. A. A. S. ; AMARAL, C. H. ; GONZALES, D. G. E. ; DOMINGUES, G. F. ; LAGE, G. B. ; MARCATTI, G. E. ; TELLES, L. A. A. ; CASTRO, N. L. M. ; MOTA, P. H. S. ; SOARES, V. P. . IV GISday UFV. 2016. (Outro).

2.
RIBEIRO, C. A. A. S. ; MARCATTI, G. E. . Programação computacional no software R com aplicações em SIG. 2016. (Outro).

3.
RIBEIRO, C. A. A. S. ; SANTOS, A. R. ; MARCATTI, G. E. ; LORENZON, A. S. ; CASTRO, N. L. M. ; DOMINGUES, G. F. ; TEIXEIRA, T. R. ; MOTA, P. H. S. ; BARROS, K. O. ; SANTOS, G. M. A. D. A. ; GLERIANI, J. M. ; SOARES, V. P. . III GISday UFV. 2015. (Outro).

4.
RIBEIRO, C. A. A. S. ; LORENZON, A. S. ; SANCHEZ, A. F. E. ; MARTINS, B. F. ; DOMINGUES, G. F. ; MARCATTI, G. E. ; BARROS, K. O. ; CASTRO, N. L. M. ; TEIXEIRA, T. R. . II GISday. 2014. (Outro).

5.
RIBEIRO, C. A. A. S. ; LORENZON, A. S. ; MARTINS, B. F. ; COSTA, F. R. ; DOMINGUES, G. F. ; MARCATTI, G. E. ; BARROS, K. O. ; CASTRO, N. L. M. . GISday. 2013. (Outro).

6.
MARCATTI, G. E.. Concepts for REDD inventories based on recent spaceborne RADAR imagery. 2011. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Tese de doutorado
1.
Rafael Tassinari Resende. Interação Genótipo × Ambiente SIG. Início: 2017. Tese (Doutorado em Ciência Florestal) - Universidade Federal de Viçosa, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Coorientador).

2.
Getulio Fonseca Domingues. Localização-Alocação de zonas de vegetação para minimizar erosão e sedimentação de cursos d'água. Início: 2017. Tese (Doutorado em Ciência Florestal) - Universidade Federal de Viçosa, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Coorientador).


Orientações e supervisões concluídas
Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Lucas Arthur de Almeida Telles. Redução do Tamanho Amostral em Inventário Florestal Através de Índices de Importância. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de Viçosa. Orientador: Gustavo Eduardo Marcatti.

2.
Pedro Henrique Santos Mota. Classificação da capacidade produtiva em função de variáveis edáficas, climáticas e fisiográficas. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de Viçosa. Orientador: Gustavo Eduardo Marcatti.

3.
Diogo Nepomuceno Cosenza. Classificação da capacidade produtiva de povoamentos utilizando máquina de vetor de suporte e redes neurais artificiais. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de Viçosa. Orientador: Gustavo Eduardo Marcatti.

Iniciação científica
1.
Lucas Gomes Magalhães. Identificação de locais potenciais para coleta de sementes de espécies florestais nativas. 2018. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de São João Del-Rei. Orientador: Gustavo Eduardo Marcatti.

2.
Lucas de Souza Segato. Sistemas de informações geográficas aplicado ao planejamento da colheita florestal. 2018. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de São João Del-Rei. Orientador: Gustavo Eduardo Marcatti.

3.
Samuel Correa de Oliveira. Avaliação econômica de povoamentos florestais submetidos a diferentes tratamentos silviculturais. 2018. Iniciação Científica. (Graduando em Engenharia Florestal) - Universidade Federal de São João Del-Rei. Orientador: Gustavo Eduardo Marcatti.



Inovação



Projetos de pesquisa




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 10/12/2018 às 16:24:59