Barbara Oliveira Lamounier

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/4793245719182758
  • Última atualização do currículo em 14/07/2018


Possui graduação em Turismo pela Universidade Federal de Minas Gerais (2011) e Graduação em Gestão Pública pela Universidade Federal de Minas Gerais- UFMG. Mestre em Ciência Política pelo Departamento de Ciência Política da Universidade Federal de Minas Gerais - UFMG e Doutoranda em Ciência Política, pela mesma universidade. Pesquisadora do Centro de Estudos Legislativos -CEL UFMG e do Projeto Democracia Participativa - PRODEP UFMG. Pesquisadora e bolsista Capes vinculada ao INCT: Instituto de Democracia e Democratização da Comunicação.Tem experiência na área de Ciência Política e Gestão Pública. Seus interesses de pesquisa incluem os seguintes temas: Relação executivo-legislativo, governos de Coalizão e a Presidência. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Barbara Oliveira Lamounier
Nome em citações bibliográficas
LAMOUNIER, B. O.


Formação acadêmica/titulação


2018
Doutorado em andamento em Ciência Política.
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Título: Politização como estratégia Presidencial na América do sul: Uma análise comparativa.,
Orientador: Maria Magna Inácio.
2016 - 2018
Mestrado em Ciência Política.
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Título: Politização do Poder Executivo na Brasil: 1999 a 2015,Ano de Obtenção: 2018.
Orientador: Magna Maria Inácio.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências Humanas
2012 - 2015
Graduação em Gestão Pública.
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
2007 - 2011
Graduação em Turismo.
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Título: O gênero feminino no contexto cultural de São João da Chapada.
Orientador: Mariana Lacerda.
2004 - 2006
Ensino Médio (2º grau).
Instituto Educacional Gabriela Leopoldina, IEGL, Brasil.
1996 - 2003
Ensino Fundamental (1º grau).
Instituto Educacional Gabriela Leopoldina, IEGL, Brasil.




Formação Complementar


2017 - 2017
Modus: Especificações para Desenho Quase-Experimental. (Carga horária: 15h).
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
2017 - 2017
Modus: Introdução ao R. (Carga horária: 8h).
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
2016 - 2016
Introdução à Análise de Redes Sociais. (Carga horária: 12h).
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
2016 - 2016
Introdução à Estatística. (Carga horária: 30h).
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
2015 - 2015
Lei de Diretrizes Orçamentárias para Municípios. (Carga horária: 45h).
Escola Virtual SOF - Secretaria de Orçamento Federal, SOF, Brasil.
2015 - 2015
Ética e Serviço Público (ENAP). (Carga horária: 20h).
Escola Virtual SOF - Secretaria de Orçamento Federal, SOF, Brasil.
2014 - 2014
Introdução à análise estatística - SPSS. (Carga horária: 20h).
Fundação João Pinheiro, FJP, Brasil.


Atuação Profissional



University of British Columbia, UBC, Canadá.
Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador colaborador


Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Pesquisador, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
INCT: Instituto da Democracia e da Democratização da Comunicação. Descrição: O Instituto da Democracia e da Democratização da Comunicação pretende avançar a discussão sobre a democracia brasileira, a sua organização, os hábitos democráticos da população e a organização da mídia no país.

Vínculo institucional

2016 - Atual
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Pesquisador, Carga horária: 20
Outras informações
Projeto: Formulação de uma linguagem pública sobre os quilombos do Brasil. O Projeto pretende colaborar para a criação de uma linguagem pública e acessível sobre os quilombos através da análise de 190 Relatórios Antropológicos. Coordenado pelo Professor Doutro Leonardo Avritzer.

Vínculo institucional

2016 - 2016
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Pesquisador, Carga horária: 20
Outras informações
Projeto: Apoio A Conferência Nacional De Saúde: Pesquisa E Homepage. O Conselho Nacional de Saúde, tendo em vista o processo de organização da 15º Conferência Nacional de Saúde, a ser realizada de 01 a 05 de Dezembro de 2015, demandou ao PRODEP (Projeto Democracia Participativa), Núcleo de pesquisa e extensão da UFMG, duas atividades de apoio à conferência: uma pesquisa com os delegados da conferência aferindo a sua visão do SUS e como eles veem a participação social na área e, por fim, uma ampliação do projeto de homepage já em execução pelo PRODEP

Vínculo institucional

2014 - 2015
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista, Carga horária: 20
Outras informações
Projeto: Presidência Institucional Na América Latina

Vínculo institucional

2014 - 2014
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista, Carga horária: 20
Outras informações
Projeto: Presidentes e seus agentes: O Poder Executivo por dentro

Vínculo institucional

2013 - 2014
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bosista, Carga horária: 20
Outras informações
Projeto: Presidentes e seus agentes: O Poder Executivo por dentro

Vínculo institucional

2012 - 2013
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista, Carga horária: 20
Outras informações
Projeto de Extensão: Jovens eleitores e novas tecnologias: um experimento com estudantes do ensino médio de Belo Horizonte

Atividades

03/2017 - Atual
Estágios , Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas, .

Estágio realizado
Estágio docente. Disciplina ministrada.
03/2016 - 07/2016
Estágios , Faculdade de Filosofia e Ciências Humanas, .

Estágio realizado
Estágio docente. Disciplina ministrada.

LicitaSim, LICITASIM, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - 2012
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Coordenadora de curso, Carga horária: 40
Outras informações
Atividades desenvolvidas: Coordenação de palestras para empresas privadas sobre Licitação e Contratos administrativos


Instituto de Pesq. Econômicas, Administrativas e Contábeis de Minas Gerais, IPEAD/MG, Brasil.
Vínculo institucional

2015 - 2015
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Assistente Administrativo, Carga horária: 40

Vínculo institucional

2013 - 2015
Vínculo: Estágio, Enquadramento Funcional: Estagiária, Carga horária: 30
Outras informações
Atividades desenvolvidas: Gerenciamento e coordenação de projetos. Gerenciamento administrativo e financeiro de projetos. Reuniões e treinamento com atores governamentais e não governamentais. Formulação de projetos.


Agência Reguladora de Abastecimento de água e Esgoto de Minas Gerais., ARSAE-MG, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - 2013
Vínculo: Estágio, Enquadramento Funcional: Estagiária, Carga horária: 30
Outras informações
Atividades: Setor de Licitação e Contratos Administrativos e departamento de prestação de contas.



Projetos de pesquisa


2017 - Atual
Instituto da Democracia e da Democratização da Comunicação
Descrição: O Instituto da Democracia e da Democratização da Comunicação pretende avançar a discussão sobre a democracia brasileira, a sua organização, os hábitos democráticos da população e a organização da mídia no país. O programa do Instituto da Democracia e da Democratização da Comunicação prima pela mobilização e agregação de grupos de pesquisa de quatro instituições principais - UFMG, UERJ, Unicamp e USP - além da participação de pesquisadores da Unb, UFPR, UFPE, UNAMA, IPEA e, internacionalmente, do CES/UC e da UBA. Pesquisadores de reconhecida competência nacional e internacional deverão promover duas atividades no âmbito do Instituto: (1) pesquisas de opinião pública sobre o estado da democracia no Brasil incluindo o legislativo e o judiciário; (2) proposição de aplicação de tecnologias de informação que melhorem a qualidade da democracia no Brasil. O Instituto da Democracia e da Democratização da Comunicação também terá como um dos seus eixos de atuação central a avaliação de como tecnologias de comunicação podem melhorar o desempenho da democracia. Esta parte será realizada em estreita colaboração com o Centro de Estudos Sociais da Universidade de Coimbra (CES/UC)..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2017 - Atual
Partidos y Democracia: las dinámicas participativas en los sistemas políticos representativos
Descrição: The 1988 Brazilian Constitution has introduced various participatory institutions in dialogue with the country?s civil society, with the broader goal of enhancing the democratization of its political system. However, the Brazilian party system shows a crisis of representation linked mainly to the degree of its embeddedness in society. Facing this scenario, the project goal is to analyze political parties through the perception of elected city councilors in Brazil in the 2016 election. To understand the degree of parties? internal democratization..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2015 - 2016
Manifestações e Protestos no Brasil
Descrição: A pesquisa se destina a analisar as recentes manifestações e protestos organizados tanto por grupos ligados a direita quanto à esquerda política, no Brasil. O objetivo é construir uma série histórica a partir do perfil dos participantes dessas manifestações em algumas cidades do país, como: Belo Horizonte, São Paulo e Brasília.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2015 - 2016
Apoio A Conferência Nacional De Saúde: Pesquisa E Homepage
Descrição: O Conselho Nacional de Saúde, tendo em vista o processo de organização da 15º Conferência Nacional de Saúde, a ser realizada de 01 a 05 de Dezembro de 2015, demandou ao PRODEP (Projeto Democracia Participativa), Núcleo de pesquisa e extensão da UFMG, duas atividades de apoio à conferência: uma pesquisa com os delegados da conferência aferindo a sua visão do SUS e como eles veem a participação social na área e, por fim, uma ampliação do projeto de homepage já em execução pelo PRODEP..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2015 - Atual
Formulação de uma linguagem pública sobre os quilombos do Brasil
Descrição: O Projeto pretende colaborar para a criação de uma linguagem pública e acessível sobre os quilombos através da análise de 190 Relatórios Antropológicos. O objetivo é editar livretos, de até 20 páginas, que traduzam o conteúdo técnico dos Relatórios para uma linguagem que permita uma melhor compreensão do histórico de ocupação das comunidades, da caracterização dos territórios, dos principais conflitos em questão, das atividades produtivas essenciais e potenciais, dos modos de ser e viver, dos saberes e fazeres, dos principais desafios enfrentados para a sustentabilidade de seus territórios, dentre outros aspectos que se mostrarem nodais para o grupo..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2014 - 2015
PRESIDENCIA INSTITUCIONAL NA AMERICA LATINA
Descrição: Descrição: A pesquisa investiga a emergência da presidência institucional na América Latina no contexto da redemocratização recente (1980-2013). A Presidência institucional distingue-se pela especialização, diferenciação funcional e profissionalização das estruturas de apoio direito ao Presidente. A despeito da ampla produção sobre o presidencialismo, a análise da instituição situada no topo do Poder Executivo tem sido negligenciada. O presidencialismo latino-americano tem singularidades devido às amplas prerrogativas institucionais conferidos aos presidentes. Tais recursos asseguram, potencialmente, vantagens estratégicas aos chefes do Executivo na aprovação e implementação das agendas de governo. Entretanto, pouco se sabe se, e em que medida, a presidência amplia tais vantagens por meio do fortalecimento de suas capacidades informacionais, administrativas e de controle do Poder Executivo por parte do Presidente. Argumentamos que as variações no formato e atuação das presidências podem ser explicadas pelos problemas de coordenação interna do Executivo. A hipótese principal do estudo é que o tipo de governo (unipartidário ou de coalizão) afeta as mudanças na organização presidencial, sendo este efeito condicional à natureza da agenda presidencial e aos limites constitucionais à mudança do Poder Executivo. Essas mudanças são mais frequentes em governos de coalizão, devido ao formato multipartidário do gabinete. O estudo concentra-se em dois processos de mudança, relativos ao (1) tamanho e (2) à complexidade interna da Presidência. A análise abrange as mudanças das Presidências em seis países. Os países foram selecionados com base no tipo de governos formados ao longo do período analisado: unipartidários (Argentina e México); de coalizão (Brazil e Chile) e misto (Uruguai e Peru).
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (4) .
Integrantes: Barbara Oliveira Lamounier - Integrante / Magna Maria Inácio - Coordenador.
2014 - 2014
Presidentes e seus agentes: O Poder Executivo por dentro
Descrição: Descrição: A pesquisa investiga os impactos da participação dos partidos nas coalizões de governo e da estrutura da Presidência sobre a formação da agenda legislativa do Poder Executivo na esfera ministerial e na arena parlamentar no Brasil entre 1994-2010. A pesquisa está organizada em dois eixos: (1) O primeiro refere-se à análise do desenvolvimento institucional da Presidência brasileira. Neste eixo o objetivo é analisar, em perspectiva longitudinal, a dinâmica institucional do presidencialismo de coalizão no que diz respeito ao redesenho da estrutura interna do Executivo, com foco na relação Presidência-ministérios. (2) O segundo eixo abarca a formação da agenda legislativa do Executivo a partir das barganhas sequenciais entre a Presidência e os partidos da coalizão na esfera ministerial e na arena legislativa..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (6) .
Integrantes: Barbara Oliveira Lamounier - Integrante / Magna Maria Inácio - Coordenador.


Projetos de extensão


2016 - 2017
Participedia
Descrição: Participedia harnesses the power of collaboration to respond to a recent global phenomenon: the rapid development of experiments in new forms of participatory politics and governance around the world. We live in a world in which citizens of most countries are asking for greater involvement in collective decisions. Many governments, non-governmental organizations, and even some corporations are responding by experimenting with ways to increase public participation. Hundreds of thousands of participatory processes occur each year in almost every country in the world. They are occurring in a wide variety of political and policy problems. And they often supplement and sometimes compete with more traditional forms of politics, such as representative democracy. Participedia responds to these developments by providing a low-cost, easy way for hundreds of researchers and practitioners from across the globe to catalogue and compare the performance of participatory political processes..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
2012 - 2013
Jovens eleitores e novas tecnologias: um experimento com estudantes do ensino médio de Belo Horizonte
Descrição: O projeto "Jovens Eleitores e novas tecnologias: um experimento extensionista com estudantes de ensino médio de Belo Horizonte", iniciado em 2011, trata-se de uma extensão realizada pelo grupo de pesquisa Opinião Pública: Marketing Político e Comportamento Eleitoral com apoio da UFMG e da Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado de Minas Gerais - FAPEMIG. O objetivo do projeto é a ativação política de jovens estudantes do ensino médio de escolas públicas de Belo Horizonte aliada ao uso das novas tecnologias de informação e comunicação. Com o potencial das redes sociais na chamada "web 2.0", o projeto busca atender à demanda por informações e análises especializadas que capacitem os jovens eleitores a atuarem politicamente, de maneira qualificada, durante os interstícios eleitorais e no momento do voto..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Estado e Governo/Especialidade: Instituições Governamentais Específicas.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Políticas Públicas/Especialidade: Análise Institucional.


Idiomas


Espanhol
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
GAMA, B. B.2013 GAMA, B. B. ; BAPTISTA, E. A. ; Stéfany Sidô ; LAMOUNIER, B. O. . Jovens Eleitores e Novas Tecnologias: Percepção da Política e Participação.. Em Debate, v. 5, p. 124-132, 2013.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
LAMOUNIER, B. O.. Politização no Executivo Brasileiro. Análise da estruturação e evolução dos cargos de confiança dentro de três ministérios: Ministério do transporte, da Saúde e das Cidades.. In: ALACIP - 9º Congresso Latino americano de Ciência Política, 2017, Montevideo. Poder Ejecutivo y Gobierno, 2017.

2.
LAMOUNIER, B. O.; COELHO, H. . AMIGOS OU RIVAIS: PERFIL DOS MINISTROS E CONFLITO INTERNO NO EXECUTIVO. In: 40o Encontro Anual da Anpocs, 2016, Caxambu -MG. nais do 40º Encontro Anual da Anpocs, de 24 a 28 de outubro de 2016, em Caxambu - MG., 2016.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
LAMOUNIER, B. O.. APOIO AO EXECUTIVO EM CONTEXTOS DE CRISE NO PRESIDENCIALISMO DE COALIZÃO.. In: XXIII SEMANA DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA / PRPQ, 2014, Belo Horizonte. XXIII Semana de Iniciação Científica da Universidade Federal de Minas Gerais, 2014.

Apresentações de Trabalho
1.
LAMOUNIER, B. O.. Politização do Poder Executivo no Brasil: 1999-2015. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

2.
LAMOUNIER, B. O.. Escândalos políticos e seus impactos na dinâmica intra-coalizão. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

3.
LAMOUNIER, B. O.; de Melo, Paulo Victor Teixeira Pereira. . ?Direita, Volver! Uma análise dos movimentos políticos juvenis de direita no Brasil'. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

4.
LAMOUNIER, B. O.. Apoio ao Executivo em Contextos de crise no Presidencialismo de Coalizão. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

5.
LAMOUNIER, B. O.. Direita, Volver! Uma análise dos movimentos políticos juvenis de direita no Brasil. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).


Produção técnica
Trabalhos técnicos
1.
MARTINS, P. Z. ; MOREIRA, E. S. ; LAMOUNIER, B. O. ; MARONA, M. C. ; ROCHA, M. ; SILVEIRA, M. A. ; AVRITZER, L. . Apoio à Conferência Nacional de Saúde: Pesquisa e Homepage. 2016.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Associação Latino-americana de Ciência Política. Politização do Poder Executivo no Brasil: 1999 -2016. 2017. (Congresso).

2.
Ciclo de debates BDMG - UFMG: A MÍDIA E O ESTADO DE DIREITO NO BRASIL DEPOIS DA LAVA-JATO. 2017. (Seminário).

3.
Ciclo de debates BDMG - UFMG: Crise política e Eleições. 2017. (Seminário).

4.
Ciclo de debates BDMG - UFMG: PENSANDO A DEMOCRACIA, A REPÚBLICA E O ESTADO DE DIREITO NO BRASIL. 2017. (Seminário).

5.
Ciclo de debates BDMG - UFMG: Qual o futuro dos partidos?. 2017. (Seminário).

6.
Associação Brasileira de Ciência Política. 2016. (Congresso).

7.
I Seminário Participação Social e Controle na Saúde: Percepções sobre a 15º Conferência Nacional de Saúde.I Seminário Participação Social e Controle na Saúde: Percepções sobre a 15º Conferência Nacional de Saúde.Conferências Nacionais e Efetividade:Um estudo a partir da 15º Conferência Nacional de Saúde. 2016. (Seminário).

8.
IV Fórum Brasileiro de em Ciência Política. Escândalos políticos e seus impactos na dinâmica intra-coalizão.. 2015. (Congresso).

9.
II International Conference on Comparative Presidential Studies and Presidentialism. 2014. (Seminário).

10.
IX Encontro ABCP. 2014. (Congresso).

11.
XXIII Semana do Conhecimento UFMG.Apoio ao Executivo em contextos de crise no presidencialismo de coalizão. 2014. (Outra).

12.
1º Fórum de Graduação UNIRIO-UFMG. Eleições, Juventude e Novas tecnologias..Direita, Volver! Uma análise dos movimentos Políticos Juvenis da Direita no Brasil. 2013. (Outra).

13.
II Workshop Nacional "Como o eleitor escolhe o seu prefeito: As lógicas do voto". 2013. (Outra).

14.
Seminário Internacional - Coalitional Presidentialism in Comparative Perspective UFMG-OXFORD.. 2013. (Seminário).

15.
VII Congresso da Associação Lationo-americana de Ciência Política. Direita, Volver! Uma análise dos movimentos Políticos Juvenis da Direita no Brasil. 2013. (Congresso).

16.
WORKSHOP PEX 2013: O Presidente e Seus Agentes: o Executivo por Dentro.. 2013. (Outra).

17.
XXII Semana de Iniciação Científica.Apoio ao Executivo em contextos de crise no presidencialismo de coalizão. 2013. (Outra).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
LAMOUNIER, B. O.. Desafios da Participação. 2017. (Outro).

2.
LAMOUNIER, B. O.. Ciclo de debates BDMG - UFMG: PENSANDO A DEMOCRACIA, A REPÚBLICA E O ESTADO DE DIREITO NO BRASIL. 2017. (Outro).

3.
LAMOUNIER, B. O.. Ciclo de debates BDMG - UFMG: CRISE POLÍTICA E ELEIÇÕES. 2017. (Outro).

4.
LAMOUNIER, B. O.. Ciclo de debates BDMG - UFMG: Qual o futuro dos partidos políticos?. 2017. (Outro).

5.
LAMOUNIER, B. O.. Ciclo de debates BDMG - UFMG: A MÍDIA E O ESTADO DE DIREITO NO BRASIL DEPOIS DA LAVA-JATO. 2017. (Outro).

6.
LAMOUNIER, B. O.. 10º Encontro da ABCP. 2016. (Congresso).

7.
LAMOUNIER, B. O.; MARTINS, P. Z. ; AVRITZER, L. ; SILVEIRA, M. A. ; MARONA, M. C. ; MOREIRA, E. S. . I Seminário Participação Social e Controle na Saúde: Percepções sobre a 15º Conferência Nacional de Saúde.Conferências Nacionais e Efetividade:Um estudo a partir da 15º Conferência Nacional de Saúde. 2016. (Outro).

8.
LAMOUNIER, B. O.. II International Conference on Comparative Presidential Studies and Presidentialism. 2014. (Outro).

9.
INÁCIO, M. M. ; LAMOUNIER, B. O. . WORKSHOP PEX 2013: O Presidente e Seus Agentes: o Executivo por Dentro. 2013. (Outro).

10.
LAMOUNIER, B. O.; INÁCIO, M. M. . International Seminar Coalitional Presidentialism in Comparative Perspective UFMG-OXFORD . 2013. 2013. (Outro).



Inovação



Projeto de extensão



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 15/10/2018 às 6:38:10