Ludhanna Marinho Veras

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/0916526973900199
  • Última atualização do currículo em 28/08/2018


Possui graduação em Pedagogia pela Universidade Estadual do Maranhão (2011). Possui graduação em Agronomia pela Universidade Federal do Maranhao (2017), mestranda em Agronomia (Ciência do Solo) pela UNESP-FCAV (2018), onde trabalha em pesquisas com foco na emissão de CO2 do solo (respiração do solo) e analises fractais. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Ludhanna Marinho Veras
Nome em citações bibliográficas
VERAS, L. M.;LUDHANNA, MARINHO VERAS


Formação acadêmica/titulação


2011
Graduação em andamento em Agronomia.
Universidade Federal do Maranhão, UFMA, Brasil.
2007 - 2011
Graduação em Pedagogia.
Universidade Estadual do Maranhão, UEMA, Brasil.
2004 - 2006
Ensino Médio (2º grau).
CENTRO DE ENSINO MEDIO SENADOR JOSE SARNEY, CEMSJS, Brasil.




Formação Complementar


2018 - 2018
Analise Multivariada. (Carga horária: 80h).
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
2016 - 2016
quintais produtivos. (Carga horária: 8h).
Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural do Maranhão, AGERP/MA, Brasil.
2016 - 2016
gestao em agronegocio. (Carga horária: 60h).
Universidade Estadual do Maranhão, UEMA, Brasil.
2016 - 2016
cadastro ambiental rural. (Carga horária: 8h).
Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural do Maranhão, AGERP/MA, Brasil.
2016 - 2016
curso de gestao ambiental sustentabilidade. (Carga horária: 60h).
Universidade Estadual do Maranhão, UEMA, Brasil.
2013 - 2014
Extensão universitária em Agronomia.
Illinois State University, ISU, Estados Unidos.


Atuação Profissional



Universidade Federal do Maranhão, UFMA, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - 2013
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA, FAPEMA, Brasil.
Vínculo institucional

2015 - 2016
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: estagiario

Vínculo institucional

2012 - 2013
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: bolsista
Outras informações
Bolsista do projeto: Otimização da Produção de Etanol no Estado do Maranhão com Preservação da Qualidade da Água e do Ar


Agência Estadual de Pesquisa Agropecuária e Extensão Rural do Maranhão, AGERP/MA, Brasil.
Vínculo institucional

2015 - 2015
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: estagiario, Carga horária: 30, Regime: Dedicação exclusiva.


United States Department of Agriculture, USDA, Estados Unidos.
Vínculo institucional

2013 - 2013
Vínculo: colaborador visitante, Enquadramento Funcional: voluntario, Regime: Dedicação exclusiva.


SECRETARIA DE EDUCAÇÃO DO MARANHAO, SEDUC MA, Brasil.
Vínculo institucional

2010 - 2011
Vínculo: COORDENADORA DE TURMAS DE ALFA, Enquadramento Funcional: COORDENADORA, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2010 - 2010
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: professor, Carga horária: 16


SECRETARIA MUNICIPAL DE EDUCAÇÃO DE PINDARE MIRIM, SEMEDPM, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - 2010
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: PROFESSOR, Carga horária: 20


Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - Atual
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: bolsista



Projetos de pesquisa


2012 - Atual
Otimização da Produção de Etanol no Estado do Maranhão com Preservação da Qualidade da Água e do Ar
Descrição: As águas cobrem da superfície do planeta Terra. Mais de 97,5 % da água está nos oceanos, sendo impróprias para o consumo humano. Existem indicações de que no próximo século, ocorra uma acirrada disputa pelas fontes de água doce no mundo. No âmbito da qualidade da água, é reconhecido que o crescimento de plantas que promovem o processo de eutrofização em sistemas aquáticos é influenciado por vários fatores como luminosidade, temperatura, turbidez e substâncias tóxicas. Porém, também sabe-se que a adição de nutrientes de plantas, em particular a adição de nitrogênio (N) e fósforo (P) para os manancias de água, pode causar o processo de eutrofização. Como resultado, a minimização das perdas e o controle da adição de N e P para os mananciais é essencial na redução do processo de eutrofização. Sendo assim, este projeto visa minimizar os impactos ambientais que podem ser causados em áreas onde a cultura da cana-de-açúcar tem se instalado como monocultura para produção de etanol. Diante do exposto, esse projeto propõe: (1) a indicação de variedades de cana-de-açúcar mais adapatadas às condições edafo-climáticas da região; (2) avaliação de técnicas de manejo que visam a produção sustentável do etanol no estado do Maranhão, verificando-se para tal, as formas e doses de aplicação de nitrogênio com intuito de minimizar as peras de N por lixiviação (nitrato) e volatilização (amônia) ; (3) avaliação temporal das propriedades físico-químicas e da floração de cianobactérias em corpos d?água localizados no entorno de áreas de moncultivo de cana-de-açúcar; (3) indicação de espécies nativas para compor a mata ciliar no entorno da área de monocultivo de cana com o intuito de minimizar o carreamento de nutrientes e sedimentos para os corpos d?água adjacentes, minimizando dessa forma o processo de eutrofização..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (7) .
Integrantes: Ludhanna Marinho Veras - Coordenador / Francirose Shigaki - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo à Pesquisa ao Desenvolv. Científico e Tecnológico - MA - Auxílio financeiro.
2011 - 2013
SELEÇÃO DE GENOTIPOS DE GIRASSOL PARA A PRODUCAO D BIODIESEL NO ESTADO DO MARANAHAO
Descrição: A demanda por combustíveis e recursos energéticos vem aumentando no mundo inteiro devido à explosão populacional. Estimativas indicam que no ano de 2050 a população mundial deve atingir 10,5 bilhões de pessoas. Nesse contexto, o custo dos produtos petrolíferos também aumenta. Esse fato vem desencadeando a criação de uma série de programas de investigação no mundo inteiro com objetivo de se encontrar combustíveis alternativos, que não tenham petróleo como base. Esses combustíveis alternativos podem ser obtidos principalmente pela produção vegetal, e são denominados ?biocombustíveis? e incluem o etanol e o biodiesel. Atualmente, dentre as culturas mais utilizadas para matéria prima na produção de biodiesel, e das quais já existem várias pesquisas sendo realizadas, estão: a soja, a mamona, o dendê e o girassol. No caso do girassol, na região Nordeste, os estados do Piauí e Maranhão são os únicos recomendados pelo Ministério da Agricultura Pecuária e Abastecimento (MAPA) por meio de zoneamento agrícola para o cultivo do girassol, tendo em vista que as primeiras pesquisas com esta oleaginosa foram iniciadas em Teresina no ano de 1988 pela Embrapa Meio-Norte, cujos resultados permitiram concluir que as condições edafo-climáticas da região são favoráveis ao cultivo desta oleaginosa (Ribeiro & Carvalho, 2006). Nesse contexto, acordo com a Embrapa Meio-norte, no estado do Maranhão, as pesquisas com girassol foram iniciadas em 1997, nos municípios de Sambaíba e Balsas e, atualmente, alguns estudos estão sendo desenvolvidos em São Raimundo das Mangabeiras, localizado na mesorregião do cerrado do sul maranhense, não havendo ainda pesquisas de impacto significativo para a região do Baixo Parnaíba Maranhense. Assim sendo, é de suma importância que pesquisas nessa região sejam desenvolvidas com o intuito de fomentar a produção de biodiesel para suprir a demanda do mercado consumidor que está cada vez maior.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Idiomas


Espanhol
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.
Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Inglês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Bem.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
FRANCIROSE, SHIGAKI2016 FRANCIROSE, SHIGAKI ; THIAGO, PONTES LIRA ; JOSE, ROBERTO BRITO FREITAS ; MAYANNA, KARLLA LIMA COSTA ; LUDHANNA, MARINHO VERAS ; ROSANE, CLAUDIA RODRIGUES ; ELISANGELA, SOUSA DE ARAUJO . Growth analysis, nitrogen accumulation, and yield of sugarcane varieties for the pre-amazon region of Brazil. African Journal of Agricultural Research, v. 11, p. 4000-4007, 2016.

Capítulos de livros publicados
1.
COSTA, M. K. L. ; SHIGAKI, F ; VERAS, L. M. ; Siqueira. E. T. . Lixiviacao de nitrato em culturas de cana de açúcar em função da adubação nitrogenada. In: Glécio Machado Siqueira;Raimunda Alves Silva;Mayanna Karlla Lima Costa. (Org.). Geotecnologias, agricultura de precisão e manejo dos recursos naturais. 1ed.sao luis: edufma, 2016, v. 1, p. 1-236.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
VERAS, L. M.; Siqueira. E. T. ; ALVES, A.S ; SHIGAKI, F ; COSTA, M.K.L ; LIMA, E. . ESTOQUE DE CARBONO ORGÂNICO NO SOLO EM ÁREA CULTIVADA DE CANA-DE-AÇÚCAR COM APLICAÇÃO DE DIFERENTES DOSES NITROGÊNIO. In: XXXV Congresso Brasileiro de Ciência do Solo, 2015, Natal-RN. Anais do XXXV Congresso Brasileiro de Ciência do Solo, 2015.

2.
Siqueira. E. T. ; SHIGAKI, F ; VERAS, L. M. ; SILVA, G. B ; COSTA, M.K.L . VOLATILIZAÇÃO DE AMÔNIA EM SOLO CULTIVADO COM CANA-DE-AÇÚCAR EM TERCEIRA SOCA NA REGIÃO PRÉ-AMAZÔNICA DO BRASIL. In: XXXV Congresso Brasileiro de Ciência do Solo, 2015, natal-RN. Anais do XXXV Congresso Brasileiro de Ciência do Solo, 2015.

3.
ALVES, A.S ; SHIGAKI, F ; PAIVA, M. ; Siqueira. E. T. ; VERAS, L. M. ; SHARPLEY, A. . Acúmulo de N em cana-de-açúcar sob sistema de colheita sem queima. In: XXXV Congresso Brasileiro de Ciência do Solo, 2015, Natal-RN. Anais do XXXV Congresso Brasileiro de Ciência do Solo, 2015.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
VERAS, L. M.. CARBONO ORGÂNICO TOTAL NO SOLO EM ÁREA CULTIVADA DA CANA-DEAÇÚCAR COM APLICAÇÃO DE DIFERENTES DOSES DE ADUBAÇÃO NITROGENADA EM ANOS SUBSEQUENTES. In: XXV Seminário de Iniciação Científica - SEMIC, 2013. XXV Seminário de Iniciação Científica - SEMIC.

Apresentações de Trabalho
1.
VERAS, L. M.. Spatial variability of CO2 emission of soil by Sequential Gaussian Simulation in Cerrado of Mato Grosso do Sul, Brazil. 2018. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

2.
VERAS, L. M.. HISTORIA DO MELHORAMENTO GENETICO DA MELANCIA. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

3.
VERAS, L. M.. ESTOQUE DE CARBONO ORGÂNICO NO SOLO EM ÁREA CULTIVADA DE CANA-DE-AÇÚCAR COM APLICAÇÃO DE DIFERENTES DOSES NITROGÊNIO. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

4.
SILVA, F. C. S. ; DIAS, F. S. ; SILVA, D. C. ; SOARES, D. A. ; VERAS, L. M. . 7º Congresso Brasileiro de Melhoramento de Plantas. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
21st World Congress of Soil Science. 2018. (Congresso).

2.
Aula Magna. 2018. (Encontro).

3.
Aula Magna. 2017. (Encontro).

4.
1 exposicao cientiica. historia do melhoramento genetico da melancia. 2016. (Exposição).

5.
XXXV CONGRESSO BRASILEIRO DE CIENCIAS DO SOLO. 2015. (Congresso).

6.
XXXV CONGRESSO BRASILEIRO DE CIENCIAS DO SOLO. Estoque de carbono organico no solo em areas cultiadas de ca de acucar com aplicacao de didferentes doses de nitrognio. 2015. (Congresso).

7.
Intensificacao ecologica da agricultura no tropico umido. 2013. (Outra).

8.
AGRICULTURA CONVENCIONAL E DESAFIOS DA AGRICULTURA ECOLOGICAS. 2012. (Oficina).

9.
II SEMANA DO MEIO AMBIENTE. 2012. (Encontro).

10.
sbpc. 2012. (Encontro).

11.
I COLOQUIO DE ESTUDANTES DA UNIVERSIDADE INTEGRADA DA TERCEIRA IDADE. 2011. (Encontro).

12.
APERFEIÇOAMENTO EM EDUCAÇÃO MATEMATICA COM P´RATICAS DE LABORATORIO. 2009. (Oficina).

13.
II SEMANA CIENTIFICA CULTURAL DO DCE. 2009. (Seminário).

14.
ENCONTRO MARANHENSE DOS ESTUDANTES DE PEDAGOGIA. 2008. (Encontro).

15.
SEMINARIO DE PSICOLOGIA DO DESENVOLVIMENTO.As contribuiçoes piagetianas sobre o conhecimento cognitivo nas series iniciais. 2008. (Seminário).

16.
VIII ENCONTRO HUMANISTICO. 2008. (Encontro).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
VERAS, L. M.. Energia, meio ambiente e mudanças climaticas. 2012. (Outro).

2.
VERAS, L. M.. Psicologia do Desenvolvimento: as contribuiçoes piagetinas para o desenvolvimento infantil. 2008. (Outro).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 16/10/2018 às 10:13:19