Mariana Desiderá

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/0551830483158153
  • Última atualização do currículo em 24/05/2012


Mariana Desiderá, graduanda em Medicina pela Universidade Estadual de Campinas - Unicamp. Membro da equipe de organização do XXI CoMAU - Congresso Médico Acadêmico da Unicamp, em Campinas. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Mariana Desiderá
Nome em citações bibliográficas
DESIDERÁ, M.

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Estadual de Campinas.
Rua: Tessália Vieira de Camargo, 126
Barão Geraldo
13083-887 - Campinas, SP - Brasil
Telefone: (19) 35347665


Formação acadêmica/titulação


2011
Graduação em andamento em Medicina.
Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil.
2003 - 2007
Graduação em Engenharia de Alimentos.
Universidade Federal de Lavras, UFLA, Brasil.
2000 - 2002
Ensino Médio (2º grau).
Colégio Koelle.




Atuação Profissional



Universidade Estadual de Campinas, UNICAMP, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - 2012
Vínculo: Outro (especifique), Enquadramento Funcional: Iniciação Cientícica, Carga horária: 6



Projetos de pesquisa


2011 - 2012
Preditivos de mortalidade em doentes submetidos à laparotomia exploradora com controle de dano.
Descrição: Avaliar os fatores preditivos de mortalidades em pacientes submetidos à laparotomia exploradora com controle de danos. Estudo descritivo retrospectivo de 58 pacientes submetido à tática de laparotomia exploradora com controle de danos no Hospital das Clínicas da Unicamp no período de Janeiro de 1995 a Dezembro de 2010..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Mariana Desiderá - Integrante / Maurício Godinho - Coordenador / Gustavo Pereira Fraga - Integrante / José Hélio Zen Júnior - Integrante.
2011 - Atual
Estigma no Lúpus Eritematoso Sistêmico
Descrição: O Lúpus Eritematoso Sistêmico (LES) é uma doença do tecido conjuntivo caracterizado por períodos de remissão e exacerbação com participação do sistema imunológico. As manifestações clínicas do LES são diversas e podem acarretar transformações no corpo, tanto pela ação da doença, como pelo uso de medicamentos. O estigma, dividido entre estigma sentido e promulgado, acarreta no individuo um sentimento de profundo descredito e de desumanização, o que pode interfirir no tratamento e no quadro geral da doença. O estudo tem como objetivo avaliar a presença e a gravidade do estigma no LES..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Mariana Desiderá - Coordenador / Simone Appenzeller - Integrante.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Outros.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.


Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
XIV Curso de Trauma - Pré Congresso Brasileiro das Ligas do Trauma (Colt). 2012. (Congresso).

2.
VI Simpósio Paulista das Ligas do Trauma - Módulo Prático. Carga Horária = 8 horas. 2011. (Simpósio).

3.
VI Simpósio Paulista das Ligas do Trauma - Módulo Prático-Cirúrgico. Carga Horária = 8 horas. 2011. (Simpósio).

4.
VI Simpósio Paulista das Ligas do Trauma - Módulo Teórico. Carga Horária = 8 horas. 2011. (Simpósio).

5.
XI CIGEO - Curso de Introdução ao Grupo de Estudos em Oncologia. 2011. (Outra).

6.
XX COMAU - Congresso Médico-Academico da Unicamp - Carga Horária = 8 horas. 2011. (Congresso).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 12/12/2018 às 4:03:25