Rielda Karyna de Albuquerque

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/2158739068015236
  • Última atualização do currículo em 12/07/2017


Mestrado em Educação pela Universidade Federal de Pernambuco, especialização em Alfabetização pela Faculdade Frassinetti do Recife (2010) e graduação em Pedagogia pela Universidade Federal de Pernambuco (2009). Atualmente é professora da Rede de ensino de Jaboatão dos Guararapes e membro do Centro de Estudos em Educação e Linguagem (CEEL- UFPE), atuando na formação de professores. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Rielda Karyna de Albuquerque
Nome em citações bibliográficas
ALBUQUERQUE, R. K.


Formação acadêmica/titulação


2012 - 2014
Mestrado em Educação.
Universidade Federal de Pernambuco, UFPE, Brasil.
Título: Os Acervos Complementares do PNLD como recurso didático para o ensino da leitura,Ano de Obtenção: 2014.
Orientador: Telma Ferraz Leal.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo à Ciência e Tecnologia do Estado de Pernambuco, FACEPE, Brasil.
Palavras-chave: Leitura; Acervos complementares.
Setores de atividade: Educação.
2010 - 2011
Especialização em Alfabetização. (Carga Horária: 372h).
Faculdade Frassineti do Recife, FAFIRE, Brasil.
Título: Acervos complementares: O professor utilizando-os no ensino-apredizagem da leitura.
Orientador: Magna do Carmo Silva Cruz.
2005 - 2009
Graduação em Pedagogia.
Universidade Federal de Pernambuco, UFPE, Brasil.
Título: CONSCIÊNCIA FONOLÓGICA NA ALFABETIZAÇÃO: SABERES E PRÁTICAS DE DUAS PROFESSORAS DA REDE DE ENSINO MUNICIPAL DO RECIFE.
Orientador: Tânia Maria S. B. Rios Leite.




Formação Complementar


2009 - 2009
Extensão universitária em Alfabetização e Letramento. (Carga horária: 20h).
Faculdade Frassinette do Recife, FAFIRE, Brasil.


Atuação Profissional



Colégio Savina Petrilli, CSP, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - 2012
Vínculo: serviço voluntário, Enquadramento Funcional: Oficina de Jogos nas séries iniciais, Carga horária: 8
Outras informações
Ministrou uma oficina sobre a importância dos jogos e das brincadeiras na séries iniciais para os professores no Colégio Savina Petrilli - escola privada do município de Ribeirão com carga horária de 8 horas.


Prefeitura Municipal de Jaboatão dos Guararapes, P JABOATÃO, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor regente

Vínculo institucional

2011 - Atual
Vínculo: Professor I, Enquadramento Funcional: Efetivo, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2012 - 2012
Vínculo: serviço voluntário, Enquadramento Funcional: Oficinas de Jogos de Alfabetização, Carga horária: 4
Outras informações
Ministrou uma oficina sobre Jogos para Alfabetização no curso de formação continuada do Pró-letramento- no município de Jaboatão dos Guararapes com carga horária de 4 horas.


Prefeitura da Cidade do Recife, PCR, Brasil.
Vínculo institucional

2007 - 2007
Vínculo: Estagiário, Enquadramento Funcional: Professora Polivalente, Carga horária: 20
Outras informações
Professora Polivalente do 3 ano do 1º ciclo / 2ªsérie


Universidade Federal de Pernambuco, UFPE, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - Atual
Vínculo: Formador de Língua Portuguesa, Enquadramento Funcional: Formador de Língua Portuguesa
Outras informações
Formadora do programa Pacto Nacional pela Educação

Vínculo institucional

2010 - 2012
Vínculo: CEEL, Enquadramento Funcional: Apoio pedagógico e Administrativo, Carga horária: 30
Outras informações
Apoio pedagógico e Administrativo do Projeto Pro-letramento 2011, realizado nos Estados de Pernambuco, Mato Grosso, Rio Grande do Norte, Sergipe, Alagoas e Paraíba.

Vínculo institucional

2009 - 2010
Vínculo: Estagiário, Enquadramento Funcional: Apoio pedagógico - Bolsista CEEL, Carga horária: 20
Outras informações
Parcitipa como apoio pedagógico do Plano de Ações Acelerada - PAR- SC e RS

Vínculo institucional

2008 - 2009
Vínculo: Estágio, Enquadramento Funcional: - Apoio pedagógico - Bolsista CEEL, Carga horária: 20
Outras informações
Apoio pedagógico do Progama Nacional Biblioteca na Escola - Especial (PNBE Especial)

Vínculo institucional

2008 - 2009
Vínculo: Estagiário, Enquadramento Funcional: Apoio pedagógico - Bolsista CEEL, Carga horária: 20
Outras informações
Paritcipou como apoio pedagógico do PNLD - Materiais Complementares 2010

Vínculo institucional

2006 - 2008
Vínculo: Bolsa de Apoio Acadêmico, Enquadramento Funcional: Bolsa de Apoio Acadêmico - Comitê de Ética, Carga horária: 20
Outras informações
Bolsista de apoio Acadêmico do Comitê de Ética em Pesquisa do Centro de Ciências da Saúde da Universidade Federal de Pernambuco - CCS/UFPE

Atividades

05/2006 - 08/2008
Estágios , Centro de Ciências da Saúde, .

Estágio realizado
Comitê de Ética em Pesquisa.


Projetos de pesquisa


2013 - Atual
Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa: formação de professores e impactos sobre a prática docente
Descrição: Não é recente a discussão sobre o processo de alfabetização no Brasil. Durante muitos anos a taxa de analfabetismo vem preocupando estudiosos e governantes, além disso, a possibilidade de termos jovens que terminam o ensino básico e que não são capazes de produzir ou ler textos com autonomia também é preocupante. Muitas ações têm sido implantadas para resolver tais problemas. O Brasil tem conseguido diminuir a taxa de analfabetismo, mas muito ainda tem a ser feito. No ano de 2012 o Governo Federal lançou o Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa que constitui um acordo formal assumido pelo Governo Federal, estados, municípios e universidades para firmar o compromisso de alfabetizar crianças até, no máximo, 8 anos de idade, ao final do ciclo de alfabetização. Nesse pacto para que a criança seja considerada alfabetizada não basta que ela seja capaz de realizar todas as correspondências entre grafema e fonema e escrever/ler algumas palavras. É necessário mais que isso: que ela seja capaz de ler e produzir textos com autonomia. Por essa razão, acredita-se que a criança necessite de um tempo maior para consolidar o processo de alfabetização o que se prolongaria até o final do 3º ano do ensino fundamental. Um dos principais investimentos do Pacto será o desenvolvimento da formação continuada de professores. Essa formação acontecerá dentro de uma perspectiva reflexiva sobre a prática de professores. Entendendo a importância do Pacto para o processo de alfabetização, essa pesquisa terá como objetivo principal analisar o processo de formação de professores no âmbito do Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa e os impactos dessa formação nas concepções e práticas de professores alfabetizadores de escolas da cidade e do campo. Tal objetivo desdobra-se em objetivos específicos organizados em nove subprojetos: formação continuada de professores em larga escala: limites e possibilidades; concepções sobre alfabetização de profissionais da educação: orientadores.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2010 - 2012
Alfabetização e ensino de língua portuguesa: investigando o currículo no Brasil
Descrição: Objetiva-se, neste projeto de pesquisa, analisar 21 propostas curriculares: 12 de redes estaduais (Acre, Amapá, Amazonas, Goiás, Maranhão, Mato Grosso, Minas Gerais, Paraná, Pernambuco, Rio de Janeiro, Santa Catarina e São Paulo) e 09 de redes municipais de capitais brasileiras (Cuiabá, Curitiba, Macapá, Recife, Rio Branco, Rio de Janeiro, São Paulo e Teresina), buscando identificar as orientações relativas ao processo de alfabetização, tanto no tocante às concepções de alfabetização e princípios didáticos subjacentes às propostas, quanto a se há nos documentos alguma indicação da etapa de escolaridade em que tal processo deve ser iniciado. Tais propostas também serão analisadas com o intuito de investigarmos quais princípios teórico-metodológicos acerca do ensino da leitura e produção de textos orientam os documentos e os modos como os pressupostos relativos à diversidade textual são inseridos. A análise estará fundamentada nas abordagens sociointeracionistas, com base na teoria bakhtiniana e no sociointeracionismo instrumental de Dolz e Schneuwly, bem como na abordagem de Análise de Conteúdo, segundo Bardin (2007). Outros autores serão inseridos, sobretudo, para estabelecermos diálogos em relação às diferentes abordagens teóricas que possam perpassar os documentos analisados...
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (7) / Mestrado acadêmico: (6) / Doutorado: (2) .
Integrantes: Rielda Karyna de Albuquerque - Integrante / Telma Ferraz Leal - Integrante / Ana carolina Perrusi Brandão - Coordenador.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2008 - 2010
Apropriação de gêneros discursivos da ordem do argumentar por crianças: análise da mediação de professoras no desenvolvimento de seqüências didáticas
Descrição: Nesta pesquisa analisamos sequências didáticas voltadas para o trabalho de produção e compreensão de textos da ordem do argumentar. Tivemos como objetivos específicos: investigar as estratégias de mediação adotadas pelas docentes no desenvolvimento das sequências didáticas; identificar os conhecimentos explicitados por alunos e professoras acerca dos gêneros textuais em foco durante a realização das atividades; comparar diferentes situações didáticas de compreensão e produção de textos orais e escritos da ordem do argumentar, identificando preferências infantis; identificar quais dimensões dos gêneros textuais da ordem do argumentar foram mais contempladas em sala de aula; analisar os efeitos dessas diferentes situações sobre a aprendizagem dos alunos. A pesquisa consistiu de 5 fases, correspondentes aos 5 gêneros textuais eleitos: debate, cartaz educativo, reportagem, carta do leitor, carta de reclamação. Cada uma das fases foi executada em quatro etapas. A etapa 1 consistia no planejamento das sequências, juntamente com dez professoras dos anos iniciais do Ensino Fundamental, de escolas públicas. Na etapa 2, os alunos eram avaliados quanto às capacidades de produção do gênero escolhido. Após a primeira avaliação das crianças, eram vivenciadas as sequências didáticas pelas professoras, cujas aulas eram gravadas e filmadas. Na etapa final, os estudantes eram novamente avaliados. Os dados evidenciaram que todas as professoras estimulavam as crianças a falar em sala, preocupavam-se em orientar os estudantes durante as atividades, retomavam discussões anteriores para dar sustentação às novas questões a serem debatidas. Uma dificuldade encontrada em todas as professoras era a de explorar os confrontos quando idéias divergentes eram emitidas sobre determinado tema ou texto. Outro resultado importante foi que as crianças realizaram as atividades propostas, evidenciando motivação para participação em sala. Os textos utilizados nas atividades de leitura para motivar a refle.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (10) / Mestrado acadêmico: (8) / Doutorado: (2) .
Integrantes: Rielda Karyna de Albuquerque - Integrante / Telma Ferraz Leal - Integrante / Ana carolina Perrusi Brandão - Coordenador.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.


Idiomas


Espanhol
Compreende RazoavelmenteLê Razoavelmente.


Prêmios e títulos


2012
Aprovação em concurso público para o cargo de Professor I, Prefeitura Municipal do Recife, .
2010
Aprovação em concurso público para o cargo de Professor I, Prefeitura Municipal de Jaboatão dos Guararapes, .
2010
Aprovação em concurso público para o cargo de Professor I, Prefeitura Municipal de Caruaru, .
2010
Aprovação em concurso público para o cargo de Professor I., Prefeitura Municipal do São Lourenço da Mata, .


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
ALBUQUERQUE, R. K.2012ALBUQUERQUE, R. K.; CRUZ, M. C. S. . PNLD ACERVOS COMPLEMENTARES: Os saberes de duas professoras da rede municipal de Camaragibe sobre as possibilidades de uso dos livros para o ensino da leitura. Leitura. Teoria & Prática, v. 58, p. 29, 2012.

Capítulos de livros publicados
1.
LEAL, T. F. ; BRANDAO, A. C. P. ; ALBUQUERQUE, R. K. . Por que trabalhar com sequências didáticas?. In: Andréa Tereza Brito Ferreira; Ester Calland de Sousa Rosa. (Org.). O fazer cotidiano na sala de aula: A organização do trabalho pedagógico no ensino da língua materna. 1ed.Belo Horizonte: Autêntica, 2012, v. 1, p. 1-180.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
ALBUQUERQUE, R. K.; Hiramine ; BARROS ; LEITE . CONSCIÊNCIA FONOLÓGICA NA ALFABETIZAÇÃO: SABERES E PRÁTICAS DE DUAS PROFESSORAS DA REDE DE ENSINO MUNICIPAL DO RECIFE. In: XV Encontro Nacional de Didática e Prática de Ensino, Convergências e tensões no campo da formação e do trabalho docente: políticas e práticas educacionais, 2010, Belo Horizonte. CONSCIÊNCIA FONOLÓGICA NA ALFABETIZAÇÃO: SABERES E PRÁTICAS DE DUAS PROFESSORAS DA REDE DE ENSINO MUNICIPAL DO RECIFE, 2010.

Apresentações de Trabalho
1.
ALBUQUERQUE, R. K.; LEAL, T. F. . OS ACERVOS COMPLEMENTARES DO PNLD COMO RECURSOS DIDÁTICOS PARA O ENSINO DA LEITURA. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

2.
ALBUQUERQUE, R. K.. PNLD ACERVOS COMPLEMENTARES: Os saberes de duas professoras da rede municipal de Camaragibe sobre as possibilidades de uso dos livros para o ensino da leitura. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

3.
ALBUQUERQUE, R. K.. PNLD Acervos Complementares -2010: Como o professor está utilizando os livros paradidáticos no ensino aprendizagem da letirua?. 2011. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

4.
ALBUQUERQUE, R. K.; Hiramine ; BARROS ; LEITE . CONSCIÊNCIA FONOLÓGICA NA ALFABETIZAÇÃO: SABERES E PRÁTICAS DE DUAS PROFESSORAS DA REDE DE ENSINO MUNICIPAL DO RECIFE. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

Outras produções bibliográficas
1.
ALBUQUERQUE, R. K.; LEAL, T. F. ; PESSSOA, A. C. R. G. . O tempo escolar em propostas interdisciplinares de ensino: a leitura como elo integrador do ensino. Brasília: MEC, SEB.: Ministério da Educação, Secretaria de Educação Básica, Diretoria de Apoio à Gestão Educacional., 2015 (Material para formação de professores das séries iniciais).

2.
LEAL, T. F. ; PESSSOA, A. C. R. G. ; Lima, J. M. ; ALBUQUERQUE, R. K. . AVALIAÇÃO NO CICLO DE ALFABETIZAÇÃO: REFLEXÕES E SUGESTÕES. Brasília - DF: MINISTÉRIO DA EDUCAÇÃO SECRETARIA DE EDUCAÇÃO BÁSICA ? SEB DIRETORIA DE APOIO À GESTÃO EDUCACIONAL, 2012 (Material para formação de professores das séries iniciais).

3.
LEAL, T. F. ; ALBUQUERQUE, R. K. . Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certa 2012 (Material para formação de professores das séries iniciais).


Produção técnica
Trabalhos técnicos
1.
ALBUQUERQUE, R. K.. Avaliação de livros didáticos de Alfabetização e letramento e língua portuguesa - PNLD 2016. 2015.. 2015.



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
Gomes, Tâmara M. S.; ALBUQUERQUE, R. K.. Participação em banca de GISELY DOS SANTOS COSTA; JHENEFER GLAYCE DA SILVA EVANGELIST.Escola, Família e Desempenho Escolar: Um estudo de caso em uma escola integral do Ensino Fundamental. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Pedagogia) - Faculdade Metropolitana da Grande Recife.

2.
ALBUQUERQUE, R. K.. Participação em banca de Michelli Vieira Araujo.Práticas de ensino de leitura e a progressão das aprendizagens dos alunos. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Pedagogia) - UFRPE.

3.
Lima, J. M.; ALBUQUERQUE, R. K.. Participação em banca de Ladjane de Barros Santos.O que pensam os alunos do 2.º ano do ensino fundamental sobre o ensino das histórias em quadrinhos?. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Pedagogia) - Universidade Federal de Pernambuco.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Seminário de Planejamento e Produção de Material do Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certsa 2015.Seminário de Planejamento e Produção de Material do Pacto Nacional pela Alfabetização na Idade Certsa 2015. 2015. (Seminário).

2.
VI Seminário de Estudos em Educação e Linguagem. Recursos didáticos na alfabetização. 2014. (Congresso).

3.
V Seminário de Estudos em Educação e Linguagem.PNLD Acervos complementares- 2010: Como os livros paradidáticos estão sendo utilizados no ensino aprendizagem da leitura?. 2011. (Seminário).

4.
IV Seminário de Estudos em Educaçã e Linguagem.Jogo intitulado: Loto Alfabética. 2008. (Seminário).

5.
IV Seminário de estudos em Educação e linguagem. 2008. (Seminário).

6.
IV Seminário de Estudos em Educação e Linguagem.Jogo para Alfabetização "Corrida Ortográfica do M e N ". 2008. (Seminário).

7.
Ofinicas de Jogos para Alfabetização.Jogos para alfabetização. 2008. (Oficina).

8.
Vi Congresso Internacional de Educação. 2008. (Congresso).

9.
Oficina Pedagógica de Linguagem: Gol de letras. 2006. (Oficina).

10.
Oficina Pedagógica de LInguagem: Um encontro lúdico entre música e linguagem. 2006. (Oficina).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
ALBUQUERQUE, R. K.. VI Seminário de Estudos em Educação e Linguagem. 2014. (Congresso).

2.
ALBUQUERQUE, R. K.. V Seminário de Estudos em Educação e Linguagem - CEEL - UFPE. 2011. (Outro).

3.
LEAL, T. F. ; MARCUSCHI, E. ; ALBUQUERQUE, R. K. ; Souza, J. . Seminário Educação e Linguagem: pesquisa em debate.. 2010. (Congresso).

4.
ALBUQUERQUE, R. K.. IV Seminário de Estudos em Educação e Linguagem. 2008. (Outro).



Educação e Popularização de C & T



Artigos
Artigos completos publicados em periódicos
1.
ALBUQUERQUE, R. K.2012ALBUQUERQUE, R. K.; CRUZ, M. C. S. . PNLD ACERVOS COMPLEMENTARES: Os saberes de duas professoras da rede municipal de Camaragibe sobre as possibilidades de uso dos livros para o ensino da leitura. Leitura. Teoria & Prática, v. 58, p. 29, 2012.


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
LEAL, T. F. ; MARCUSCHI, E. ; ALBUQUERQUE, R. K. ; Souza, J. . Seminário Educação e Linguagem: pesquisa em debate.. 2010. (Congresso).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 20/01/2019 às 1:49:09