Osvaldo Teixeira Lopes Campos

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/6721393573862495
  • Última atualização do currículo em 26/09/2017


Atualmente é professor do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnológica do Pará. E é também Coordenador do curso de pesca e aquicultura do IFPA- Campus Belém. É graduado em pesca e navegação.É Especialista em Oceanografia e Mestre em Gestão de Recursos Naturais para o Desenvolvimento Local na Amazônia. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Osvaldo Teixeira Lopes Campos
Nome em citações bibliográficas
CAMPOS, O. T. L.

Endereço


Endereço Profissional
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará.
Av. Almirante Barroso, 1155
Marco
66093-020 - Belem, PA - Brasil
Telefone: (91) 32011700
Ramal: 1724


Formação acadêmica/titulação


2009 - 2011
Mestrado em Recursos Naturais da Amazônia.
Universidade Federal do Pará, UFPA, Brasil.
Título: A Ostreicultura no Município de Curuçá - Uma Alternativa para o Desenvolvimento Local?,Ano de Obtenção: 2011.
Orientador: Sônia Maria Simões Barbosa Magalhães Santos.
2003 - 2003
Especialização em Oceanografia.
Universidade Federal do Pará, UFPA, Brasil.
Título: navigabilidade do rio amazonas.
Orientador: Maamar El Robrini.
1989 - 1991
Graduação em Licenciatura em ciências náuticas.
Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Pará, IFPA, Brasil.
Título: Formação de professores na área de pesca e navegação.
Orientador: Washington Cordovil Rocha.
Bolsista do(a): convênio Angola/Suécia/Brasil, IFPA, Brasil.
1984 - 1989
Curso técnico/profissionalizante.
Instituto de Pesca Industrial de Belgorad-Dnestrovsky, IPIBD, Rússia.
Bolsista do(a): ASDI, ASDI, Suécia.
1980 - 1983
Ensino Fundamental (1º grau).
Escola de ensino fundamental, ESPAG, Angola.




Formação Complementar


2008 - 2008
confecção de apetrechos de pesca. (Carga horária: 40h).
Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Pará, IFPA, Brasil.
2008 - 2008
Confecção de apetrechos de Pesca.
Instituto Fereral de Educação Ciência e Tecnologia do Pará, IFPA, Brasil.
2004 - 2004
Motores Diesel e Motores Marítimos. (Carga horária: 240h).
SENAI - Departamento Regional do Pará, SENAI/DR/PA, Brasil.
1991 - 2002
licenciatura em ciências náuticas.
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará, IFPA, Brasil.
1989 - 1991
Inglês Técnico Marítimo. (Carga horária: 80h).
Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Pará, IFPA, Brasil.


Atuação Profissional



Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Pará, IFPA, Brasil.
Vínculo institucional

2009 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor e Coordenador do curso de pesca, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.


Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará, IFPA, Brasil.
Vínculo institucional

2002 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: professor, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.



Projetos de pesquisa


2013 - Atual
Estudo do crescimento juvenil do caranguejo uca, ucides cordatus (Decapoda, Brachyura) de um sistema estuarino Amazônico cultivado em laboratório.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Osvaldo Teixeira Lopes Campos - Coordenador.
2011 - 2011
Novas Oportunidades na Aquicultura: o Cultivo de Ostras na Zona Costeira do Estado Pará
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Projetos de extensão


2017 - Atual
Avaliação do perfil de trabalhadores e das condições de trabalho nas atividades de pesca na Baía do Sol, Ilha de Mosqueiro, Belém-PA
Descrição: O trabalho no setor da pesca é um dos que apresenta maiores índices de sinistralidade, devido às características próprias da atividade de trabalho: realiza-se longe de terra firme, no frágil equilíbrio de uma embarcação, com espaços de trabalho limitados, processos de trabalho física e psicologicamente exigentes e à mercê de difíceis condições naturais. A pesca pode ser caracterizada como uma atividade de risco, com alto índice de acidentes não notificados, pouca mão-de-obra com conhecimentos e treinamento na prevenção de acidentes. Na população de pescadores o uso de Equipamentos de Proteção Individual (EPIs) é um recurso pouco explorado. A bibliografia sobre o assunto também é muito escassa, além de não existir fiscalização de nenhuma instituição pública quanto ao uso destes equipamentos, deixando a responsabilidade para o próprio pescador. Os objetivos deste projeto são: Realizar o levantamento do perfil dos pescadores que atuam na Baía do Sol; Identificar as condições de trabalho dos pescadores que atuam na Baía do Sol; Verificar o nível de conhecimento e uso de equipamentos de segurança pelos pescadores que atuam na Baía do Sol...
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Recursos Pesqueiros e Engenharia de Pesca / Subárea: Recursos Pesqueiros Marinhos/Especialidade: Exploração Pesqueira Marinha.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Francês
Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.
Russo
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Ucraniâno
Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.
Italiano
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.
Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
CAMPOS, O. T. L.2011CAMPOS, O. T. L.. Novas Oportunidades na Aquicultura: o Cultivo de Ostras na Zona Costeira do Estado do Pará. Engrenagem, v. 1, p. 29-35, 2011.



Bancas




Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
CAMPOS, O. T. L.. membro de banca examinadora. 2009. Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Pará.



Orientações



Orientações e supervisões concluídas
Orientações de outra natureza
1.
Patricia Dantas Santos. estágio. 2013. Orientação de outra natureza. (Aqüicultura) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Pará, convênio Angola/Suécia/Brasil. Orientador: Osvaldo Teixeira Lopes Campos.



Educação e Popularização de C & T



Artigos
Artigos completos publicados em periódicos
1.
CAMPOS, O. T. L.2011CAMPOS, O. T. L.. Novas Oportunidades na Aquicultura: o Cultivo de Ostras na Zona Costeira do Estado do Pará. Engrenagem, v. 1, p. 29-35, 2011.



Outras informações relevantes


Recentemente fui eleito membro da comissão nacional para escolha do centro de referência em Navegação, para ser construido no Brasil do modelo do Instituto politécnico de pesca de Vigo em Espanhã.
Participei da banca examinadora para concurso de professores na área da pesca e aquicultura.



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 22/10/2018 às 15:40:33