Heiliane de Brito Fontana

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/5941828387128772
  • Última atualização do currículo em 31/08/2018


Heiliane é Doutora em Ciências do Movimento Humano - Comportamento Motor pela Universidade do Estado de Santa Catarina (UDESC) e Universidade de Calgary (PDSE -CAPES) e Mestre em Ciências do Movimento Humano - Biomecânica e Bacharel em Fisioterapia pela UDESC. Atualmente Heiliane é Professora Adjunta no Departamento de Ciências Morfológicas do Centro de Ciências Biológicas da Universidade Federal de Santa Catarina e Professora no Programas de Pós-graduação em Ciências da Reabilitação e de Educação Física dessa mesma Universidade. Seus interesses estão voltados ao estudo dos determinantes biomecânicos, anatômicos e fisiológicos da função/disfunção do Aparelho Locomotor e das adaptações desses frente ao exercício físico, à reabilitação e ao envelhecimento. Membro do Grupo de Pesquisa em Biodinâmica (UFSC) e do Grupo de Pesquisa em Biomecânica Aquática (UDESC), com experiência na área de Biomecânica musculoesquelética, instrumentação e Biomecânica dos exercícios. Heiliane é revisora de periódicos nacionais e internacionais, já trabalhou como consultora de agências de fomento e é coordenadora do Convênio entre a Universidade de Calgary e a Universidade Federal de Santa Catarina. Membro da Sociedade Brasileira de Biomecânica e da Sociedade Internacional de Biomecânica desde 2013. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Heiliane de Brito Fontana
Nome em citações bibliográficas
FONTANA, H. B.;FONTANA, HEILIANE DE BRITO;DE BRITO FONTANA, H.;Fontana, H de B;DE BRITO FONTANA, HEILIANE

Endereço


Endereço Profissional
Universidade do Estado de Santa Catarina, Centro de Fisioterapia e Educação Física e Desportos.
Rua: Paschoal Simone, 358
Coqueiros
88080350 - Florianópolis, SC - Brasil
Telefone: (48) 32714909


Formação acadêmica/titulação


2011 - 2015
Doutorado em Ciências do Movimento Humano.
Universidade do Estado de Santa Catarina, UDESC, Brasil.
com período sanduíche em University of Calgary (Orientador: Walter Herzog).
Título: Análise in-vivo da relações força-comprimento e força-velocidade do músculo vasto lateral nos níveis do fascículo e da unidade músculo tendínea., Ano de obtenção: 2015.
Orientador: Helio Roesler.
Coorientador: Walter Herzog.
Bolsista do(a): Government of Canada - Emerging Leaders of the Americas Program, ELAP, Canadá.
2009 - 2011
Mestrado em Ciências do Movimento Humano.
Universidade do Estado de Santa Catarina, UDESC, Brasil.
Título: Força de Reação do solo na corrida estacionária em ambiente aquático e terrestre: Efeito dã imersão da cadência do movimento e da densidade corporal,Ano de Obtenção: 2011.
Orientador: Helio Roesler.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências da Saúde
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Educação Física.
2004 - 2008
Graduação em Bacharelado Em Fisioterapia.
Universidade do Estado de Santa Catarina, UDESC, Brasil.
Título: Análise da componente vertical da força de reação do solo duran te a corrida estacionária de adultos em ambiente aquático e ter restre.
Orientador: Helio Roesler.




Formação Complementar


2018 - 2018
Curso Prático de Dissecação de Cadáveres: MEMBRO INFERIOR. (Carga horária: 32h).
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
2017 - 2017
LEGISLAÇÃO DA CARREIRA DO MAGISTÉRIO FEDERAL. (Carga horária: 8h).
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
2017 - 2017
Ultrasound techniques for muscle-tendon imaging. (Carga horária: 4h).
International Society Of Biomechanics, ISB, Inglaterra.
2017 - 2017
Curso Prático de Dissecação de Cadáveres: DORSO. (Carga horária: 24h).
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
2017 - 2017
Curso prático de dissecação do membro superior humano. (Carga horária: 32h).
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
2016 - 2016
DESENVOLVIMENTO DE DISCIPLINA NO ENSINO PRESENCIAL APOIADA POR AMBIENTE VIR. (Carga horária: 16h).
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
2016 - 2016
INTEGRAÇÃO INSTITUCIONAL AOS NOVOS DOCENTES. (Carga horária: 16h).
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
2016 - 2016
Workshop em Estimulação Elétrica Muscular no V SNA. (Carga horária: 3h).
Pontifícia Universidade Católica do Paraná, PUC/PR, Brasil.
2015 - 2015
Advanced Muscle Mechanics. (Carga horária: 52h).
University of Calgary, UCALGARI, Canadá.
2015 - 2015
Emerging Leaders in the Americas Study Tour. (Carga horária: 48h).
Canadian Bureau of International Education, CBIE, Canadá.
2014 - 2014
Neuromecânica do Movimento Humano. (Carga horária: 60h).
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
2013 - 2013
Advanced Biomechanics. (Carga horária: 60h).
University of Calgary, UCALGARI, Canadá.
2012 - 2012
Modelo de gestão com atuação no terceiro setor. (Carga horária: 10h).
Centro de Estudo e Difusão do Terceiro Setor, APTO, Brasil.
2012 - 2012
Os neurônios da leitura/Reading in the Brain. (Carga horária: 4h).
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
2012 - 2012
Simpósio Internacional de Biomecânica do Esporte. (Carga horária: 10h).
Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS, Brasil.
2011 - 2011
Simpósio da Sociedade Internacional de Biomecânica. (Carga horária: 18h).
Universidade do Porto, U.PORTO, Portugal.
2008 - 2009
Certificate of English. (Carga horária: 480h).
Embassy CES, EMBASSY CES, Inglaterra.
2008 - 2008
Human Movement Lab - Experiência Laboratorial. (Carga horária: 400h).
University of Brighton, U.B., Inglaterra.
2006 - 2006
Ventilação Mecânica Invasiva. (Carga horária: 25h).
Associação Brasil. Fisiot. Cardiorrespiratória e Fisiot. Terap. Intensiva, ASSOBRAFIR, Brasil.
2006 - 2006
Eletroestimulação Neuromuscular. (Carga horária: 12h).
Associação de Fisioterapeutas do Brasil, AFB, Brasil.
2006 - 2006
Avaliação Psicomotora na Infância. (Carga horária: 32h).
ENEFI, ENEFI, Brasil.
2006 - 2006
Upper and Lower Extremities Manual Therapy. (Carga horária: 36h).
The Mulligan Concept Teachers Association, MCTA, Estados Unidos.
2005 - 2005
Reabilitação no Pós-operatório de Joelho. (Carga horária: 35h).
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
2001 - 2003
Programa de Inglës Avançado. (Carga horária: 200h).
Yazigi, YAZIGI, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
Vínculo institucional

2015 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Professora junto ao Departamento de Ciências Morfológicas do Centro de Ciências Biológicas e junto ao Programa de Pós Graduação em Ciências da Reabilitação

Vínculo institucional

2011 - 2012
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor Colaborador, Carga horária: 40

Atividades

08/2016 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA - UFSC, Departamento de Ciências Morfológicas.

08/2016 - Atual
Ensino, Educação Física, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Anatomia Humana aplicada a Educação Física
08/2016 - Atual
Extensão universitária , UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA - UFSC, Departamento de Ciências Morfológicas.

Atividade de extensão realizada
FUNÇÃO E DISFUNÇÃO DO APARELHO LOCOMOTOR: TROCA DE SABERES EM BIOMECÂNICA.
05/2016 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA - UFSC, .

Cargo ou função
Coordenadora do Acordo de Cooperação entre a Universidade de Calgary e a Universidade Federal de Santa Catarina.
03/2016 - Atual
Ensino, Programa de Pós-graduação em Ciências da Reabilitação, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Bases Mecânicas do Movimento Humano
02/2016 - Atual
Ensino, Ciência e Tecnologia de Alimentos, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Morfologia Humana
03/2016 - 12/2017
Ensino, Psicologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Processos Biopsicológicos I: Neuroanatomia e Sistemas Orgânicos
03/2016 - 12/2017
Ensino, Abi - Ciências Biológicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Morfologia dos Sistemas
10/2014 - 10/2014
Outras atividades técnico-científicas , UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA - UFSC, UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA - UFSC.

Atividade realizada
Aula na Pós-Graduação em Educação Física - Arquitetura e Mecânca Muscular.
03/2012 - 07/2012
Ensino, Medicina, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Anatomia Humana
08/2011 - 07/2012
Ensino, Ciência e Tecnologia Agroalimentar, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Anatomia Humana
03/2011 - 07/2012
Ensino, Abi - Ciências Biológicas, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Anatomia Humana aplicada às Ciências Biológicas
03/2011 - 07/2012
Ensino, Farmácia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Anatomia Humana
03/2011 - 07/2012
Ensino, Nutrição, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Anatomia Humana
07/2011 - 03/2012
Ensino, Odontologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Anatomia Humana
03/2011 - 07/2011
Ensino, Educação Física, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Anatomia Humana

University of Calgary, UCALGARI, Canadá.
Vínculo institucional

2015 - 2015
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Pesquisadora - Programa ELAP, Carga horária: 30

Vínculo institucional

2013 - 2013
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Estagiária - PDSE/CAPES, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

01/2015 - 05/2015
Estágios , Human Performance Laboratory, .

Estágio realizado
Biomecânica Músculo-Esquelética.
01/2013 - 10/2013
Estágios , Human Performance Laboratory, .

Estágio realizado
Análise da arquitetura e mecânica muscular através da ultrasonografia e dinamometria.

Universidade do Estado de Santa Catarina, UDESC, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - Atual
Vínculo: Colaboradora, Enquadramento Funcional: Pesquisadora em Biomecânica Aquática

Vínculo institucional

2014 - 2015
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor Colaborador, Carga horária: 32
Outras informações
Professora das discilplinas de Cinesioterapia I e Cinesioterapia II

Vínculo institucional

2006 - 2008
Vínculo: Bolsista de IC, Enquadramento Funcional: Iniciação Científica, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2005 - 2006
Vínculo: Monitoria, Enquadramento Funcional: Monitor de Anatomia humana, Carga horária: 20
Outras informações
Monitoria em Anatomia e Neuroanatomia para os cursos de graduação em Educação Física e Fisioterapia

Atividades

08/2006 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Fisioterapia e Educação Física e Desportos, .

Linhas de pesquisa
Exercícios Aquáticos
07/2014 - 12/2014
Ensino, Fisioterapia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Cinesioterapia I
Cinesioterapia II
06/2014 - 12/2014
Ensino, Educação Física, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Biomecânica da Educação Física
01/2014 - 07/2014
Ensino, Educação Física, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Biomecânica
01/2010 - 06/2010
Ensino, Educação Física, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Biomecânica (Docência orientada)
08/2009 - 12/2009
Ensino, Bacharelado Em Fisioterapia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Biomecânica (Docência Orientada)
06/2005 - 06/2006
Ensino, Educação Física, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Monitoria em Anatomia e Neuroanatomia
10/2005 - 10/2005
Outras atividades técnico-científicas , Centro de Ciências da Saúde e do Esporte, Centro de Ciências da Saúde e do Esporte.

Atividade realizada
Organizadora da VIII Maratona de Anatomia Humana.

Instituto Ciência e Movimento, CIMOVI, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - Atual
Vínculo: Pesquisador associado, Enquadramento Funcional: Pesquisadora, Carga horária: 2
Outras informações
Desenvolver tecnologia em biomecânica e aplicá-la às áreas da saúde, esporte, ergonomia e reabilitação.

Atividades

8/2012 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Universidade do Estado de Santa Catarina, .

01/2013 - 08/2015
Conselhos, Comissões e Consultoria, Conselho gestor, .

Cargo ou função
Secretária.

University of Brighton, U.B., Inglaterra.
Vínculo institucional

2009 - 2010
Vínculo: Visitante, Enquadramento Funcional: Voluntária - Human Movement Laboratory, Carga horária: 8

Atividades

11/2010 - 03/2011
Estágios , School of Health Professions, .

Estágio realizado
Medições em Biomecânica Musculo-esquelética.


Linhas de pesquisa


1.
Exercícios Aquáticos

Objetivo: Visa a investigação de características biomecânicas e fisiológicas dos exercícios realizados em ambiente aquático, considerando parâmetros de controle como antropometria, propriedades físicas da água e cinemática do movimento..
Grande área: Ciências da Saúde
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Fisioterapia e Terapia Ocupacional.
Palavras-chave: Força de Reação do Solo; hidroterapia; hidroginástica; Biomecânica; Reabilitação; Treinamento.
2.
Biomecânica Clínica do Movimento Humano

Objetivo: Visa o estudo de parâmetros biomecânicos determinantes da função/disfunção do Aparelho Locomotor. Nesse contexto, são investigados o comportamento desses parâmetros durante o movimento humano e as adaptações frente ao exercício físico, à reabilitação e ao envelhecimento..
Grande área: Ciências Biológicas
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Biofísica / Subárea: Educação Física.
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Medicina.
Palavras-chave: Aparelho Locomotor; Biomecânica; Fisioterapia; Sistema musculoesquelético; Reabilitação.
3.
Biomecânica Musculoesquelética

Objetivo: Visa a o estudo integrativo das propriedades mecânicas musculares e seus determinantes em variados níveis de organização. Nesse contexto, é investigado o comportamento de parâmetros neuromecânicos do sistema musculoesquelético durante o movimento em estudos in-vitro, in-situ e in-vivo. Desenvolvimento, testagem e validação de instrumentos de análise biomecânica do movimento..
Grande área: Ciências Biológicas
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Morfologia / Subárea: Fisiologia.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Morfologia / Subárea: Biomecânica.
Palavras-chave: Propriedades mecânicas musculares; movimento humano; Eletromiografia; dinamometria; cinemetria.
4.
Biomecânica no Esporte, Saúde e Reabilitação

Objetivo: Desenvolver tecnologia em biomecânica e aplicá-la às áreas da saúde, esporte, ergonomia e reabilitação..
Grande área: Ciências da Saúde
Grande Área: Ciências da Saúde / Área: Educação Física.
Grande Área: Engenharias / Área: Engenharia Biomédica / Subárea: Engenharia Médica.
Palavras-chave: Inovação; Biomecânica; Înstrumentação; Validação.


Projetos de pesquisa


2017 - Atual
Marcha e obesidade: relação entre o índice inflamatório da dieta, espessura da fáscia plantar e distribuição de pressão plantar durante a marcha em diferentes velocidades.
Descrição: Analisar a relação entre o índice inflamatório da dieta, a espessura da fáscia plantar e a distribuição de pressão plantar em indivíduos obsesos.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Heiliane de Brito Fontana - Coordenador / Marcelo Peduzzi de Castro - Integrante / Eduarda Heinen - Integrante.
2016 - Atual
Avaliação de indicadores morfológicos, biomecânicos e funcionais em indivíduos com síndrome da dor patelo-femoral
Descrição: A síndrome da dor patelo-femoral (DPF) é o diagnóstico mais frequente para adolescentes e adultos referindo dor no joelho. A etiologia da DPF é multifatorial e diversos fatores biomecânicos contribuem para o seu desenvolvimento. Porém, a natureza multifatorial dessa disfunção geralmente não é considerada nos estudos científicos e estratégias gerais de prevenção, reabilitação e treinamento. Como consequência, indivíduos com disfunções com características substancialmente diferentes são agrupados para análises ou intervenções. Recentemente, a literatura indica uma necessidade de classificar indivíduos com DPF em sub-grupos. Tal classificação deve considerar fatores anatômicos e biomecânicos subjacentes à disfunção. Três sub-grupos foram propostos: (i) proximal, o qual refere-se à disfunção do quadril e cintura pélvica, (ii) local, que compreende as alterações no joelho/patela, e (iii) distal, onde o principal agende da DPF seria a disfunção no mecanismo do tornozelo e pé. Tal classificação permitiria o desenvolvimento e implementação de abordagens de prevenção, reabilitação e de treinamento específicas para cada sub-grupo. Porém, os critérios aos quais os indivíduos devem contemplar para serem incluídos em tais sub-grupos ainda não foram claramente identificados. A presente investigação configura-se como um estudo transversal do tipo Caso Controle com o objetivo de avaliar indicadores morfológicos, biomecânicos e funcionais para a caracterização de sub-grupos de indivíduos com DPF, assim como identificar quais são os parâmetros mais sensíveis para o desenvolvimento de tais classificações..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Heiliane de Brito Fontana - Integrante / Caroline Ruschel - Coordenador / Marcelo Peduzzi de Castro - Integrante.
2016 - Atual
Propriedades mecânicas musculares in-vivo
Descrição: O comportamento mecânico dos músculos pode ser amplamente compreendido através da análise de três propriedades mecânicas musculares elementares. Essas propriedades indicam que a capacidade de produção de força de um músculo depende (1) do comprimento do músculo, a chamada relação "força-comprimento"; (2) da velocidade de contração do músculo, a "relação força-velocidade" e (3) da história prévia de contração desse músculo, o que resulta nas chamadas "propriedades temporais". Embora não existam grandes limitações na obtenção dessas propriedades in-vitro, a determinação e a verificação da expressão dessas propriedades in-vivo são certamente mais complexas, sendo frequentemente baseadas em medidas de torque e ângulo articular em músculos ativados voluntariamente. Assume-se que há, portanto, um íntima conexão entre o comportamento mecânico das fibras musculares e o movimento a nível articular. Uma importante limitação dessa abordagemreside no fato de as mudanças de comprimento do fascículo e da fibra muscular não se relacionarem de maneira simples às da unidade músculo-tendínea (UMT). Além dessa dificuldade, o controle da ativação muscular in-vivo é frequentemente limitado a verificação da atividade eletromiográfica durante uma contração voluntária máxima, sendo que pouco se conhece o a respeito do comportamento muscular durante o movimento humano em níveis submáximos de ativação. Devido a essas dificuldades, o conhecimento a respeito do potencial de geração de força do músculo in-vivo frente a mudanças no comprimento, velocidade de contração, bem como frente a diferentes estados de contração prévios é ainda muito limitado e pouco se sabe sobre a relação entre os achados in-vivo e as propriedades verificadas in-vitro. Dessa forma, a investigação in-vivo da mecânica músculo-tendão em níveis máximos e submáximos de ativação torna-se necessária para a determinação da expressão dessas propriedades musculares celulares no contexto do movimento humano. Esse estudo se propõe a analisar as propriedades mecânicas musculares e a investigar a crítica interação entre ângulo articular, comprimento da UMT e comprimento do fascículo/fibra muscular in-vivo. Como modelo, será investigado o grupamento muscular do quadríceps de indivíduos adulto-jovens saudáveis. Os experimentos envolverão medidas sincronizadas de 1) ângulo articular e 2) torque de extensores de joelho através da dinamometria isocinética, 3) ativação muscular do quadríceps através da eletromiografia de superfície e 4) arquitetura muscular do quadríceps através da ultrasonografia de imagem. A partir dessas medições será possível calcular ainda os comprimentos da unidade músculo tendínea e do fascículo muscular durante variados modos e intensidades de contração, de modo a explorar as diferentes propriedades mecânicas musculares in-vivo. O conhecimento a respeito dessa interação entre articulação, unidade músculo tendínea e fascículo muscular auxiliará na superação de diversas restrições encontradas quando se relaciona e/ou se aplica conhecimento obtido nos diferentes níveis organizacionais dos músculos..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Heiliane de Brito Fontana - Coordenador / Walter Herzog - Integrante.
2016 - Atual
Biomecânica dos Exercícios Aquáticos
Descrição: Avaliação da cinemática, FRS e eletromiografia durante variados tipos de exercício físico na água. Dentre os fatores avaliados, destacam-se os efeitos do nível de imersão, da cadência dos exercícios e da densidade corporal dos participantes ..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Heiliane de Brito Fontana - Coordenador.
2015 - Atual
The non-intuitive mechanics of agonist muscles
Descrição: When analyzing the mechanics of agonistic muscles crossing a joint, we typically make some assumptions. Typical assumptions include: (i) the contribution of a muscle is proportional to its cross-sectional area(1, 2), (ii) the force-length properties are similar among agonistic muscles(3), and (iii) the sum of the individual contributions to the joint torque adds up to the joint torque when all muscles are activated together. In this study we aim to investigate systematically the mechanics of quadriceps agonistic muscles and test the fundamental assumptions introduced above. Experiments will be performed on New Zealand white rabbits. Nerve branches of iall quadricepsl muscles will be surgically isolated and muscle properties of individual quadriceps muscles will be evaluated using surgically implanted nerve cuff electrodes..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2014 - 2016
Avaliação da força de membros superiores no aparelho Cadilac do método Pilates
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2014 - 2016
Análise da força e da atividade muscular concêntrica de saltos verticais com e sem o uso do ciclo de alongamento-encurtamento no solo e na água.
Descrição: Este estudo tem por objetivo análisar a força e da atividade muscular concêntrica de saltos verticais no solo e na água.com e sem o uso do ciclo de alongamento-encurtamento da unidade músculo tendínea.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2012 - 2015
Mecânica Muscular: Análise In-vivo da Relação Força-Velocidade no Nivel do Fascículo e no Nível da Unidade Músculo Tendínea
Descrição: Neste trabalho, foi determinado, in-vivo, a relação F-C e a relação F-V nos níveis do fascículo e da UMT para contrações voluntárias do músculo vasto lateral (VL) em humanos. A relação F-C foi obtida para contrações máximas e submáximas e a relação F-V, para diferentes níveis de pré-contração do músculo. A fim de obter um melhor entendimento do fenômeno, o movimento de extensão de joelho foi analisado em diferentes amplitudes de acordo com características cinéticas e cinemáticas do mesmo. Os resultados apontam para a crítica natureza da interação entre ângulo articular, força/ativação muscular, elementos elásticos e mecânica dos fascículos musculares e auxiliam no superação das restrições encontradas quando se relaciona e se aplica conhecimento obtido nos diferentes níveisorganizacionais dos músculos..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Heiliane de Brito Fontana - Integrante / Helio Roesler - Coordenador / Walter Herzog - Integrante.
2012 - 2015
In-vivo vastus lateralis force-length and force-velocity relationships at the fascicle and muscle tendon unit level
Descrição: In this work, we determined the in-vivo F-L relationship and F-V relationshipat the fascicle and MTU levels for voluntary contractions of the human vastus lateralis muscle (VL). F-L relationships were obtained for maximal and submaximal contractions, and F-V relationships for different pre-load conditions. In order to obtain a better understanding of the phenomena, different ranges of the knee extension movement were identified for their kinematic or kinetic properties and were analyzed separately. The results point to the critical nature of the interaction between joint angle, muscle force/activation, series elastic compliance, and fascicle mechanics and help to overcome the difficulties in relating and applying knowledge obtained at the different organizational levels of muscles..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Heiliane de Brito Fontana - Integrante / Helio Roesler - Integrante / Walter Herzog - Coordenador.
Número de produções C, T & A: 1
2012 - 2014
Caracterização da força de membros inferiores no exercício foot work do Pilates
Descrição: O objetivo deste trabalho foi caracterizar a força de membros inferiores durante a execução de um exercício específico, o foot work. Foram utilizadas duas plataformas de força triaxial extensométricas, que foram projetadas, construídas e adaptadas no aparelho Reformer.Os resultados apontam para a presença de significativa assimetria entre os membros inferiores, mesmo em indivíduos treinados e salientam a dificuldade de instrutores e praticantes em avaliar a simetria bilateral, sem o devido auxilio de equipamentos dinamométricos, interferindo de forma significativa no controle da carga ente os membros e consequentes adaptações inerentes ao treinamento..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (3) .
Integrantes: Heiliane de Brito Fontana - Integrante / Marcel Hubert - Integrante / Alessandro Haupenthal - Integrante / Caroline Ruschel - Integrante / HELIO ROESLER - Coordenador / Carolina Neis Machado - Integrante / Deise Ferreira de Oliveira - Integrante.
2012 - 2014
Análise cinética e cinemática de saltos em profundidade realizados no solo e na água
Descrição: .Este estudo teve como objetivo analisar e comparar a componente vertical da força de reação do solo e a duração do contato do SP realizado no solo e na água. Considerando o crescente interesse sobre a utilização de programas de pliometria na água, acredita-se que a análise de aspectos biomecânicos durante a execução do SP possa fornecer subsídios para a sua prescrição..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (3) .
Integrantes: Heiliane de Brito Fontana - Integrante / Marcel Hubert - Integrante / Alessandro Haupenthal - Integrante / Caroline Ruschel - Integrante / HELIO ROESLER - Coordenador / Marina da Costa Foés - Integrante / Elisa Dell'Antonio - Integrante.
2012 - 2014
Análise do efeito da velocidade e do percentual de suspensão corporal na FRS durante a caminhada em esteira
Descrição: Este trabalho tem por objetivo analisar o efeito da velocidade e do percentual de suspensão corporal na força de reação do solo durante a caminhada em esteira intrumentalizada em adultos e crianças..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Doutorado: (4) .
Integrantes: Heiliane de Brito Fontana - Integrante / Marcel Hubert - Integrante / Caroline Ruschel - Integrante / Alessandro Haupenthal - Integrante / Helio Roesler - Coordenador / Geison Sebastião Reitz - Integrante.
2010 - 2011
Biomecânica da corrida no solo e na água: o efeito do nível de imersão, da cadência do movimento e da densidade corporal
Descrição: Este trabalho avaliou o pico máximo da componente vertical (Fymáx) da força de reação do solo na corrida estacionária em cadências máximas e sub-máximas no ambiente aquático e terrestre. O efeito da imersão (solo, nível de imersão do quadril e nível do xifóide) , bem como da cadência do movimento e da densidade corporal foram analisados. Quando analisadas conjuntamente em um modelo de predição, as variáveis nível de imersão, cadência do movimento e densidade corporal são capazes de explicar 75% da variabilidade de Fymáx na corrida estacionária em ambiente aquático e terrestre. A variável que mais contribui para este poder de determinação é o nível de imersão, seguido pela cadência do movimento e, por último, pela densidade corporal. Esse estudo contribui para uma melhor fundamentação da prescrição da corrida estacionária e fornece informações que podem ajudar os profissionais que prescrevem exercícios aquáticos a compreender o efeito de diferentes níveis de imersão, diferentes cadências de movimento e da densidade corporal do sujeito na corrida estacionária. Os modelos criados são válidos para a predição de Fymáx e devem ser utilizados como uma ferramenta norteadora na escolha do nível de imersão e da cadência do movimento..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) Doutorado: (3) .
Integrantes: Heiliane de Brito Fontana - Integrante / Marcel Hubert - Integrante / Caroline Ruschel - Integrante / Alessandro Haupenthal - Integrante / Helio Roesler - Coordenador / Suzana Matheus Pereira - Integrante / Thiago Gonzaga de Souza - Integrante.
2010 - 2011
Desenvolvimento e validação de equipamento para análise da força isométrica para o acompanhamento de programas de reabilitação e treinamento
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Heiliane de Brito Fontana - Integrante / Alessandro Haupenthal - Integrante / Caroline Ruschel - Integrante / HELIO ROESLER - Coordenador / Gabriel Fernandes Jacomel - Integrante.
2009 - 2012
Desenvolvimento de sistema instrumentalizado de análise e tratamento da marcha

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Helio Roesler em 01/02/2014.
Descrição: Convênio 17.220/2009-0, Chamada Pública 004/2009 MS/CNPq 61.0038/08-7/FAPESC/SES-PPSUS. Este trabalho se propôs a criação de um sistema de análise e tratamento da marcha que permita a análise da componente vertical da força de reação do solo durante a caminhada. Em conjunto com este sistema de análise de marcha foi desenvolvido e utilizado um sistema de suspensão corporal (SPC). O SPC gera um alívio de carga para a caminhada do paciente e a quantificação desta carga pode ser analisada através da célula de carga. A marcha é analisada com duas plataformas de força acopladas na esteira. As plataformas de força são capazes de analisar o padrão da caminhada e a carga efetiva durante o exercício. A esteira com SPC desenvolvida é capaz de mensurar a componente vertical da FRS durante a caminhada e corrida com variação de velocidade de 0 a 15 km/h controlando-se o percentual de sustentação através de uma célula de carga anexada ao SPC. A partir dos resultados analisados até o instante é possível gerar uma suspensão de 0% a 60% do peso corporal. A partir de 60% de suspensão ocorrem alterações no padrão da marcha que inviabilizam uma porcentagem maior de suporte. As informações obtidas através de parâmetros quantitativos da marcha com a utilização do SPC são cruciais para o embasamento da prescrição do tratamento que utiliza esta alternativa para a reabilitação. Assim, podem ser criados procedimentos mais precisos para a condução do processo de reabilitação, facilitando a comparação dos dados e promovendo a obtenção de melhores resultados terapêuticos. A mensuração destas variáveis quantitativas possibilita a criação de um banco de informações acerca dos sujeitos, que podem ser repassadas a eles próprios como forma de feedback e também utilizadas para o acompanhamento de processos de reabilitação através de comparações intra e inter-sujeitos..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (3) .
Integrantes: Heiliane de Brito Fontana - Integrante / Alessandro Haupenthal - Integrante / Helio Roesler - Coordenador / Caroline Ruschel - Integrante.
2009 - 2011
Desenvolvimento e avaliação de um protocolo de avaliação física específico para velejadores da classe Laser
Descrição: Este projeto teve por objetivo desenvolver um protocolo de avaliação física específico para velejadores da classe laser. Os atletas foram avaliados, para identificação e quantificação dos movimentos mais freqüentes durante uma regata. Foi então definidos um conjunto de testes bem como os instrumentos necessários à avaliação.Esses testes foram aplicados em velejadores profissionais e as informações foram repassadas em forma de relatórios de desempenho, auxiliando a prescrição do treinamento.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2008 - 2013
The effects of slump test on mechanical deformation of the sciatic nerve, protective muscle activation and quantitative sensory measures.
Descrição: This project aimed to assess the amount of strain and cross sectional area of the sciatic nerve during the slump test in asymptomatic and symptomatic subjects of different age groups, and to assess whether a protective response by the hamstring muscles occurs during sciatic nerve deformation..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2008 - 2010
Análise biomecânica como subsídio para prescrição dos exercícios aquáticos
Descrição: Este projeto teve como objetivo comparar a componente vertical da força de reação do solo nos exercícios de caminhada, corrida com deslocamento, corrida estacionária e salto vertical, realizados em ambiente aquático em diferentes níveis de imersão a fim de obter uma referência para a nortear a progressão de descarga de peso na reabilitação de lesões músculo-esqueléticas..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2007 - 2008
Biomecanica da marcha subaquatica
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2006 - 2007
Análise biomecânica da corrida estacionária em ambiente aquático
Descrição: Este projeto teve por objetivo explorar as características dinamométricas e cinemáticas da corrida estacionária em ambiente aquático em homens e mulheres a fim de compará-las às características apresentadas durante o mesmo exercício em solo..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Projetos de extensão


2016 - Atual
ENTENDENDO A NORMALIDADE E AS DISFUNÇÕES DO APARELHO LOCOMOTOR: TROCA DE SABERES EM BIOMECÂNICA
Descrição: Esse projeto tem por objetivo a estruturação e execução de encontros para a promoção do debate científico a respeito dos aspectos biomecânicos (morfológicos, cinemáticos e cinéticos) relacionados às disfunções do aparelho locomotor. O publico alvo será formado por acadêmicos de cursos da área da saúde (a especificar: Fisioterapia, Educação Física e Medicina), pós-graduandos e profissionais, pesquisadores e professores interessados no debate científico e no desenvolvimento de pesquisas relacionados à disfunção do aparelho locomotor. Como meta, busca-se uma maior sociabilização e translação do conhecimento científico, bem como a contribuição do olhar clínico para o norteamento das pesquisas desenvolvidas a respeito dessa relevante disfunção. Espera-se ainda que, a partir dessas ações, possa-se fortalecer parcerias que possibilitam a logística de pesquisas aplicadas sobre disfunções do aparelho locomotor..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
2013 - 2015
SSORRIA - Sistema de Suporte Ortopédico para Reeducação e Reabilitação Infantil Avançada

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Helio Roesler em 28/05/2015.
Descrição: Projeto de extensão destinado ao treino da marcha em pacientes neurológicos que não são possuem o desempenho da caminhada. O Projeto conta com um sistema de suporte de peso corporal instrumentalizado para avaliar a carga agindo sobre o Aparelho Locomotor.
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (2) .
Integrantes: Heiliane de Brito Fontana - Integrante / Helio Roesler - Coordenador.
2006 - 2007
VIII Maratona de Anatomia Humana
Descrição: Projeto de extensão destinado ao ensino de Anatomia na Graduação por meio de gincana e atividades em grupo..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.


Projetos de desenvolvimento


2018 - Atual
Desenvolvimento de dispositivo de resistência para treino dos rotadores externos do quadril durante exercícios funcionais
Descrição: O projeto visa a construção, avaliação e validação de um dispositivo para a reabilitação e treinamento, com foco no recrutamento dos rotadores externos. Serão realizados estudos de modelamento e análise da atividade eletromigráfica..
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.
2010 - 2011
Desenvolvimento e validação de equipamento para análise da força isométrica para o acompanhamento de programas de reabilitação e treinamento
Situação: Em andamento; Natureza: Desenvolvimento.


Outros Projetos


2017 - Atual
Estudo dirigido via moodle como ferramenta complementar para a disciplina de Anatomia
Descrição: Desenvolvimento de um banco de questões interativas (com imagens) e de automática correção em sistema Moodle.
Situação: Em andamento; Natureza: Outra.


Revisor de periódico


2014 - Atual
Periódico: Brazilian Journal of Physical Therapy
2014 - Atual
Periódico: International Journal of Sports Medicine
2015 - Atual
Periódico: Revista Brasileira de Educacao Fisica e Esporte
2016 - Atual
Periódico: Journal of Biomechanics
2016 - Atual
Periódico: European Journal of Sport Science (Print)
2016 - Atual
Periódico: Physical Therapy in Sport
2016 - Atual
Periódico: EUROPEAN JOURNAL OF APPLIED PHYSIOLOGY
2017 - Atual
Periódico: Revista Brasileira de Cineantropometria e Desempenho Humano
2017 - Atual
Periódico: SCANDINAVIAN JOURNAL OF MEDICINE & SCIENCE IN SPORTS


Revisor de projeto de fomento


2017 - Atual
Agência de fomento: Fundação de Amparo à Pesquisa e Inovação do Estado de Santa Catarina


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Biofísica / Subárea: Biomecânica.
2.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Biofísica / Subárea: Anatomia Humana.
3.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Biofísica / Subárea: Fisioterapia.
4.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Biofísica / Subárea: Educação Física.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.
Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.


Prêmios e títulos


2015
Honorable Mention - Vastus Lateralis fascicle force-length relationship for maximal and submaximal activation, XVI Brazilian Congress of Biomechanics.
2015
Emerging Leader in the Americas, Canadian Bureau of International Education.
2008
Mérito Acadêmico - Bacharelado em Fisioterapia, Universidade do Estado de Santa Catarina.
2007
2 lugar no XVII Seminário de Iniciação Científica do CEFID UDESC, UDESC.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
DE BRITO FONTANA, H.2018DE BRITO FONTANA, H.; RUSCHEL, Caroline ; DELL' ANTONIO, E. ; HAUPENTHAL, Alessandro ; PEREIRA, G. S. ; ROESLER, Helio . Vertical ground reaction force in stationary running in water and on land: a study with a wide range of cadences. HUMAN MOVEMENT SCIENCE, v. 58, p. 279-286, 2018.

2.
FONTANA, HEILIANE DE BRITO2018FONTANA, HEILIANE DE BRITO; DE CAMPOS, DAIANI ; SAKUGAWA, RAPHAEL LUIZ . Predictors of residual force enhancement in voluntary contractions of elbow flexors. Journal of Sport and Health Science, v. 1, p. 1, 2018.

3.
DE BRITO FONTANA, HEILIANE2018DE BRITO FONTANA, HEILIANE; HAN, Seong-won ; SAWATSKY, A. ; HERZOG, W. . The mechanics of agonistic muscles. JOURNAL OF BIOMECHANICS, v. 1, p. 1, 2018.

4.
RUSCHEL, Caroline2016RUSCHEL, Caroline ; DELL' ANTONIO, E. ; FONTANA, H. B. ; HAUPENTHAL, A. ; HUBERT, M. ; PEREIRA, S. M. ; ROESLER, H. . Biomechanical analysis of the contact phase in drop jumps performed in water and on dry land.. Revista Brasileira de Cineantropometria & Desempenho Humano (Online), v. 18, p. 41-49, 2016.

5.
DELL?ANTONIO, ELISA2016DELL?ANTONIO, ELISA ; RUSCHEL, Caroline ; DE BRITO FONTANA, HEILIANE ; HAUPENTHAL, Alessandro ; PEREIRA, Suzana Matheus ; ROESLER, Helio . Effect Of Immersion On Ground Reaction Force And Contact Time During Drop Jump Exercise. Journal of Strength and Conditioning Research, v. 1, p. 1, 2016.

6.
DE BRITO FONTANA, HEILIANE2016 DE BRITO FONTANA, HEILIANE; HERZOG, WALTER . Vastus lateralis maximum force-generating potential occurs at optimal fascicle length regardless of activation level. European Journal of Applied Physiology (Print), v. 1, p. 1-11, 2016.

7.
RUSCHEL, Caroline2015RUSCHEL, Caroline ; HAUPENTHAL, A. ; JACOMEL, GABRIEL FERNANDES ; FONTANA, H. B. ; DOS SANTOS, DANIELA PACHECO ; SCOZ, ROBSON DIAS ; ROESLER, Helio . Validity and Reliability of an Instrumented Leg Extension Machine for Measuring Isometric Muscle Strength of Knee Extensors. Journal of Sport Rehabilitation, v. 20, p. 1-4, 2015.

8.
DE BRITO FONTANA, H.2015DE BRITO FONTANA, H.; RUSCHEL, C. ; HAUPENTHAL, A. ; HUBERT, M. ; ROESLER, H. . Ground Reaction Force and Cadence during Stationary Running Sprint in Water and on Land. International Journal of Sports Medicine, v. 36, p. 490-493, 2015.

9.
FONTANA, H. B.2014 FONTANA, H. B.; ROESLER, H. ; HERZOG, W . In vivo vastus lateralis force-velocity relationship at the fascicle and muscle tendon unit level. Journal of Electromyography and Kinesiology, v. 24, p. 934-940, 2014.

10.
HAUPENTHAL, Alessandro2013HAUPENTHAL, Alessandro ; FONTANA, HEILIANE DE BRITO ; RUSCHEL, Caroline ; DOS SANTOS, DANIELA PACHECO ; ROESLER, Helio . Ground reaction forces in shallow water running are affected by immersion level, running speed and gender. Journal of Science and Medicine in Sport, v. 16, p. 348-352, 2013.

11.
FONTANA, H. B.;FONTANA, HEILIANE DE BRITO;DE BRITO FONTANA, H.;Fontana, H de B;DE BRITO FONTANA, HEILIANE2012 FONTANA, H. B.; HAUPENTHAL, A. ; RUSCHEL, Caroline ; HUBERT, M. ; HIDEHALGH, C. ; ROESLER, Helio . Effect of Gender, Cadence, and Water Immersion on Ground Reaction Forces During Stationary Running. The Journal of Orthopaedic and Sports Physical Therapy, v. 42, p. 437-443, 2012.

12.
SCHÜTZ, G. R.2011SCHÜTZ, G. R. ; HAUPENTHAL, Alessandro ; RUSCHEL, Caroline ; FONTANA, H. B. ; HUBERT, M. ; PEREIRA, Suzana Matheus ; ROESLER, Helio . A dynamometric method for the evaluation of hiking in laser boats. Revista Portuguesa de Ciências do Desporto, v. 11, p. 931-934, 2011.

13.
FONTANA, H. B.;FONTANA, HEILIANE DE BRITO;DE BRITO FONTANA, H.;Fontana, H de B;DE BRITO FONTANA, HEILIANE2011FONTANA, H. B.; HAUPENTHAL, Alessandro ; RUSCHEL, Caroline ; PIZZOLATTI, A. L. A. ; CERUTTI, Paulo Roberto ; ROESLER, Helio . Comparison of ground reaction forces between in-place and forward water running at two levels of immersion. Revista Portuguesa de Ciências do Desporto, v. 11, p. 495-498, 2011.

14.
ESPINDOLA, B. M.2011ESPINDOLA, B. M. ; RUSCHEL, Caroline ; FONTANA, H. B. ; SANTOS, Daniela Pacheco ; NORONHA, M. A. ; HAUPENTHAL, Alessandro . Relative error analysis during reproduction of isometric force of knee extensors in young adults. Revista Portuguesa de Ciências do Desporto, v. 11, p. 871-874, 2011.

15.
RUSCHEL, Caroline2011RUSCHEL, Caroline ; HAUPENTHAL, Alessandro ; HUBERT, Marcel ; FONTANA, H. B. ; PEREIRA, Suzana Matheus ; ROESLER, Helio . Tempo de Reação Simples de Jogadores de Futebol de Diferentes Categorias e Posições. Motricidade (Santa Maria da Feira), v. 7, p. 73-82, 2011.

16.
HAUPENTHAL, Alessandro2011HAUPENTHAL, Alessandro ; RUSCHEL, Caroline ; FONTANA, H. B. ; SANTOS, Daniela Pacheco ; CERUTTI, Paulo Roberto ; ROESLER, Helio . Load during the vertical jump in water: values for prescription in hydrotherapy. Revista Portuguesa de Ciências do Desporto, v. 11, p. 515-518, 2011.

17.
FERREIRA, T.2010FERREIRA, T. ; PIZZOLATTI, A. L. ; FONTANA, H. B. ; POLIDORO, B. S. ; SILVA, C. D. C. . Alongamento balístico x sustentar e relaxar: uma comparação do ganho imediato e após 24 horas. Fisioterapia Brasil, v. 11, p. 128-132, 2010.

18.
HAUPENTHAL, Alessandro2010HAUPENTHAL, Alessandro ; RUSCHEL, Caroline ; HUBERT, M. ; FONTANA, H. B. ; ROESLER, Helio . Força de reação do solo como subsídio para a prescrição de exercícios aquáticos: estudo de caso. Fisioterapia em Movimento (PUCPR. Impresso), v. 23, p. 303-310, 2010.

19.
HAUPENTHAL, A.2010HAUPENTHAL, A. ; RUSCHEL, Caroline ; Ruschel, C ; Hubert, M ; FONTANA, H. B. ; Roesler, H . Loading forces in shallow water running in two levels of immersion. Journal of Rehabilitation Medicine (Print), v. 42, p. 664-669, 2010.

20.
SOUZA, P. V. de2010SOUZA, P. V. de ; FONTANA, H. B. ; HAUPENTHAL, A. ; SCHUTZ, G. R. ; ROESLER, Helio . Força de reação do solo durante a marcha de crianças em ambiente aquático. Pediatria Moderna, v. 46, p. 146-150, 2010.

21.
HAUPENTHAL, A.2010HAUPENTHAL, A. ; FONTANA, H. B. ; RUSCHEL, Caroline ; ROESLER, H. ; BORGATTO, A. F. . Predição da força de reação do solo durante a corrida na água. Fisioterapia e Pesquisa, v. 17, p. 253-258, 2010.

22.
HAUPENTHAL, Alessandro2010HAUPENTHAL, Alessandro ; SANTOS, Daniela Pacheco ; RUSCHEL, Caroline ; Jacomel G. F. ; FONTANA, H. B. ; MALLMANN, E. ; SCOZ, R. . Análise do pico de torque isométrico no joelho e sua predição através de dados antropométricos.. Terapia Manual, v. 8, p. 537-542, 2010.

23.
FONTANA, H. B.;FONTANA, HEILIANE DE BRITO;DE BRITO FONTANA, H.;Fontana, H de B;DE BRITO FONTANA, HEILIANE2009FONTANA, H. B.; JACOMEL, G. F. ; POLLI, V. J. ; ROESLER, H. . Determinação dos procedimentos para a coleta de dados dinamométricos na corrida estacionária subaquática. Lecturas Educación Física y Deportes, v. v., p. p., 2009.

24.
GINDRI, Gabriela2009GINDRI, Gabriela ; CARVALHO, Gilmar ; FONTANA, H. B. . Efeito do tratamento quiroprático na lombalgia crônica de idosos. Lecturas Educación Física y Deportes (Buenos Aires), v. v., p. p., 2009.

25.
FARIA, B. Mariana2009FARIA, B. Mariana ; FONTANA, H. B. ; LIMA, B.N. Marcelo . Perfil do conhecimento dos profissionais de educação física sobre a fibromialgia. The FIEP Bulletin, v. v, p. p-p, 2009.

26.
FONTANA, H. B.;FONTANA, HEILIANE DE BRITO;DE BRITO FONTANA, H.;Fontana, H de B;DE BRITO FONTANA, HEILIANE2009FONTANA, H. B.; JACINTO, I. C. . Fisioterapia respiratória e motora no pós operatório imediato de gastroplastia - relato de caso. Arquivos de Ciências da Saúde da UNIPAR (Impresso), v. 13, p. 237, 2009.

27.
FONTANA, H. B.;FONTANA, HEILIANE DE BRITO;DE BRITO FONTANA, H.;Fontana, H de B;DE BRITO FONTANA, HEILIANE2008FONTANA, H. B.; HAUPENTHAL, A. ; HUBERT, M. ; CERUTTI, P. R. ; ROESLER, H. . Determination of sampling rate and number of executions for data collection in underwater running analysis.. The FIEP Bulletin, v. v. 78, p. 103-106, 2008.

Capítulos de livros publicados
1.
FONTANA, H. B.; HAUPENTHAL, A. ; RUSCHEL, Caroline . Força de reação do solo na corrida em ambiente aquático. In: Suzana Matheus Pereira;Helio Roesler. (Org.). Laboratório de pesquisas em biomecânica aquática: experiências e produção científica. 1ed.Florianópolis: Universidade do Estado de Santa Catarina, 2013, v. 1, p. 75-88.

2.
RUSCHEL, Caroline ; FONTANA, HEILIANE DE BRITO ; HAUPENTHAL, Alessandro . Força de reação do solo no salto vertical em ambiente aquático. In: Suzana Matheus Pereira;Helio Roesler. (Org.). Laboratório de pesquisas em biomecânica aquática: experiências e produção científica. 1ed.: , 2013, v. 1, p. 89-104.

3.
HAUPENTHAL, A. ; RUSCHEL, Caroline ; FONTANA, HEILIANE DE BRITO . Força de reação do solo na caminhada em ambiente aquático. In: Suzana Matheus Pereira;Helio Roesler. (Org.). Laboratório de pesquisas em biomecânica aquática: experiências e produção científica. 1ed.Florianópolis: Universidade do Estado de Santa Catarina, 2013, v. 1, p. 61-73.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
DE BRITO FONTANA, H.. Avanços em Biomecânica Muscular. Newsletter da Sociedade Brasileira de Biomecânica, RS - Brasil, 09 ago. 2016.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
FONTANA, H. B.; ROESLER, H. ; HERZOG, W . Vastus Lateralis Fascicle Force-Length Relationship for Maximal and Submaximal Activation. In: XVI Brazilian Congress of Biomechanics, 2015, Florianópolis. XVI Brazilian Congress of Biomechanics, 2015.

2.
MORATELLI, A. P. ; FONTANA, H. B. ; Ruschel, C ; PEREIRA, S. M. ; ROESLER, H. . O efeito da mola e do apoio dos joelhos sobre a mecânica do ombro durante o exercício long stretch. In: XVI Brazilian Congress of Biomechanics, 2015, Florianópolis. XVI Brazilian Congress of Biomechanics, 2015.

3.
Ruschel, C ; DELL'ANTONIO E ; FONTANA, H. B. ; ROESLER, H. ; HAUPENTHAL, A. ; HUBERT, M. . Análise biomecânica da fase de contato no salto em profundidade no solo e na água. In: XVI Brazilian Congress of Biomechanics, 2015, Florianópolis. XVI Brazilian Congress of Biomechanics, 2015.

4.
FONTANA, HEILIANE DE BRITO; HERZOG, W ; ROESLER, H. . Ground reaction forces during stationary running in water and on land: effect of immersion, movement cadence and body density. In: XXIV Congress of the International Society of Biomechanics, 2013, Florianópolis. XXIV Congress of the International Society of Biomechanics, 2013. v. 1.

5.
ROESLER, H. ; FONTANA, H. B. ; HAUPENTHAL, A. ; RUSCHEL, C. ; HUBERT, M. ; CARNEIRO, L. C. ; SCHUTZ, G. R. . Análise da componente vertical da força de reação do solo durante a corrida estacionária de adultos em ambiente aquático e terrestre. In: XVIII Seminário de Iniciação Científica Udesc, 2008, Florianópolis. XVIII Seminário de Iniciação Científica Udesc, 2008.

6.
SOUZA, P. V. de ; SCHUTZ, G. R. ; FONTANA, H. B. ; HAUPENTHAL, A. ; ROESLER, H. . Análise dinamométrica da marcha de crianças em ambiente aquático. In: Congresso Brasileiro de Biomecanica, 2007, São Pedro. XII Congresso Brasileiro de Biomecânica. São Paulo: TEC ART, 2007. v. vunico. p. 25-30.

7.
BRITO R. N. de ; FONTANA, H. B. . Análise da Componente Vertical da Força de Reação do Solo no Salto Vertical em Ambiente Aquático. In: Congresso Brasileiro de Biomecânica, 2007, Sao Pedro. XII Congresso Brasileiro de Biomecânica. São Paulo: TEC ART, 2007. v. unico. p. 25-30.

8.
MENEZES, F. S. ; SCHUTZ, G. R. ; FONTANA, H. B. ; CERUTTI, P. R. ; ROESLER, H. ; CARNEIRO, L. C. . Biomechanical Analysis of Spine Movements in Hiking on Sailing: a preliminary study.. In: 25th International Symposium on Biomechanics in Sports, 2007, Ouro Preto. 25th International Symposium on Biomechanics in Sports Proceedings. Belo Horizonte: Belo Horizonte : Department of Sports - Federal University of Minas Gerais, 2007. p. 125-128.

9.
FONTANA, H. B.; HAUPENTHAL, A. ; SCHUTZ, G. R. ; HUBERT, M. ; ROESLER, H. . Análise Biomecânca da Corrida Estacionária em Ambiente Aquático. In: XVII Seminário de Iniciação Científica, 2007, Florianópolis. XVII Seminário de Iniciação Científica. Florianópolis: UDESC, 2007.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
HEINEN, E. ; DE CAMPOS, DAIANI ; DE BRITO FONTANA, H. . Análise do efeito da velocidade da marcha nos rolamentos plantares da perna dominante e não dominante.. In: IX Simpósio de Neuromecânica Aplicada, 2018, Santa Maria. IX Simpósio de Neuromecânica Aplicada, 2018.

2.
DE BRITO FONTANA, HEILIANE; HAN, Seong-won ; SAWATSKY, A. ; HERZOG, W. . The non-intuitive mechanics of agonist muscles. In: XXVI Congress of the International Society of Biomechanics, 2017, Brisbane - Australia. Abstract book of XXVI Congress of the International Society of Biomechanics, 2017.

3.
DE CAMPOS, D. ; DE BRITO FONTANA, HEILIANE . FORCE ENHANCEMENT IN ELBOW FLEXORS IN-VIVO:. In: XXVI Congress of the International Society of Biomechanics, 2017, Brisbane. Abstract book of XXVI Congress of the International Society of Biomechanics, 2017.

4.
DE BRITO FONTANA, H.; HERZOG, WALTER . VASTUS LATERALIS MAXIMUM FORCE-GENERATING POTENTIAL OCCURS AT OPTIMAL FASCICLE LENGTH REGARDLESS OF ACTIVATION LEVEL. In: 40th Annual Meeting of the American Society of Biomechanics, 2016, Raleigh - Estados Unidos. 40th Annual Meeting of the American Society of Biomechanics, 2016.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
DE BRITO FONTANA, H.. Why do muscles lose force potential when activated within their agonistic group?. In: XXII Congress of the International Society of Electrophysiology and kinesiology, 2018, Dublin. XXII Congress of the International Society of Electrophysiology and kinesiology, 2018.

2.
DE BRITO FONTANA, H.. The role of moment arm and connective tissue linkage in the summation of torque and force of agonist muscles.. In: 8th World Congress of Biomechanics, 2018, Dublin. 8th World Congress of Biomechanics, 2018.

3.
SILVA, R. C. ; HEINEN, E. ; DE CAMPOS, DAIANI ; DE BRITO FONTANA, H. . Análise da reprodutibilidade de um sistema de baropodometria sem fio na identificação dos rolamentos do pé na marcha.. In: IX Simpósio em Neuromecânica Aplicada, 2018, Santa Maria. IX Simpósio em Neuromecânica Aplicada, 2018.

4.
DE BRITO FONTANA, HEILIANE; DE CAMPOS, D. . Propriedades temporais in vivo: efeito do alongamento ativo na força e na eficiência neuromuscular de flexores de cotovelo nas diferentes porções da curva força-comprimento. In: XVII Congresso Brasileiro de Biomecânica e I Encontro Latino-Americano de Biomecânica, 2017, Porto Alegre. Anais de Resumos do XVII CBB, 2017.

5.
DE BRITO FONTANA, H.. Relações força-comprimento in vivo: uma análise do músculo vasto-lateral durante contrações máximas e submáximas. In: VII Simpósio em Neuromecânica Aplicada: do Olímpico ao Paralímpico, 2016, Curitiba. Anais do VII Simpósio em Neuromecânica Aplicada: do Olímpico ao Paralímpico. Rio de Janeiro, 2016. v. 85. p. 335-336.

6.
FONTANA, H. B.; ROESLER, H. ; HERZOG, W . In-vivo Vastus lateralis Force-velocity Relationship at the Fascicle and Muscle Tendon Unit Level. In: 7th World Congress of Biomechanics, 2014, Boston. 7th World Congress of Biomechanics, 2014. v. 1.

7.
FONTANA, H. B.; HAUPENTHAL, A. ; DETÂNICO. R. ; CERUTTI, P. R. ; ROESLER, H. . Salto vertical em ambiente aquático, verificação da força de reação do solo.. In: VI Congresso em Atividade Física e Saúde, 2007, Florianópolis. Revista Brasileira em Atividade Física e Saúde, 2007. v. v. 12. p. 189-189.

8.
CARNEIRO, L. C. ; FONTANA, H. B. ; HAUPENTHAL, A. ; SCHUTZ, G. R. ; ROESLER, H. . Verificação da força na marcha subaquática de crianças. In: VI Congresso em Atividade Física e Saúde, 2007, Florianópolis. Revista Brasileira de atividade física e Saude, 2007. v. v. 12. p. 190-190.

Apresentações de Trabalho
1.
DE BRITO FONTANA, H.; HAN, Seong-won ; SAWATSKY, A. ; HERZOG, W. . The role of moment arm and connective tissue linkage in the summation of torque and force of agonist muscles.. 2018. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

2.
DE CAMPOS, DAIANI ; DE BRITO FONTANA, H. ; HAN, Seong-won ; SAWATSKY, A. ; HERZOG, WALTER . Why do muscles lose force potential when activated within their agonistic group?. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
DE BRITO FONTANA, H.; HERZOG, W . The non-intuitive mechanics of agonist muscles. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

4.
DE CAMPOS, D. ; DE BRITO FONTANA, H. . Elbow flexors residual force enhancement in-vivo. 2017. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

5.
DE BRITO FONTANA, H.; HERZOG, W. ; MAFFIULETTI, N. . Mentoring Session da SBB: Como se Organizar para um Estágio de Doutorado no Exterior. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
DE BRITO FONTANA, HEILIANE; HERZOG, WALTER . Relações força-comprimento in vivo: uma análise do músculo vasto-lateral durante contrações máximas e submáximas. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

7.
DE BRITO FONTANA, HEILIANE; HERZOG, WALTER . VASTUS LATERALIS MAXIMUM FORCE-GENERATING POTENTIAL OCCURS AT OPTIMAL FASCICLE LENGTH REGARDLESS OF ACTIVATION LEVEL. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

8.
FONTANA, H. B.; ROESLER, H. ; Ruschel, C . Vastus Lateralis Fascicle Force-Length Relationship for Maximal and Submaximal Activation. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

9.
FONTANA, H. B.; ROESLER, H. ; HERZOG, W . In-vivo Vastus lateralis Force-velocity Relationship at the Fascicle and Muscle Tendon Unit Level. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

10.
FONTANA, H. B.; HERZOG, W ; ROESLER, H. . GROUND REACTION FORCES DURING STATIONARY RUNNING IN WATER AND ON LAND: EFFECT OF IMMERSION, MOVEMENT CADENCE AND BODY DENSITY. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

11.
Ruschel, C ; FONTANA, H. B. ; HAUPENTHAL, A. ; SANTOS, D. P. . RELATIVE ERROR ANALYSIS DURING REPRODUCTION OF ISOMETRIC FORCE OF KNEE EXTENSORS IN YOUNG ADULTS. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

12.
HAUPENTHAL, A. ; Ruschel, C ; FONTANA, H. B. ; SANTOS, D. P. ; CERUTTI, P. R. ; ROESLER, H. . LOAD DURING THE VERTICAL JUMP IN WATER: VALUES FOR PRESCRIPTION IN HYDROTHERAPY. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

13.
FONTANA, H. B.; HAUPENTHAL, A. ; HUBERT, M. ; CERUTTI, P. R. ; ROESLER, H. . Determination of sampling rate and number of executions for data collection in underwater running analysis.. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

14.
SOUZA, P. V. de ; FONTANA, H. B. ; SCHUTZ, G. R. ; ROESLER, H. ; HAUPENTHAL, A. . Análise Dinamométrica da Marcha de Crianças em Ambiente Aquático. 2007. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

15.
FONTANA, H. B.; HAUPENTHAL, A. ; HUBERT, M. ; SCHUTZ, G. R. ; ROESLER, H. . Análise Biomecânica da Corrida Estacionária em Ambiente Aquatico. 2007. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

16.
FONTANA, H. B.; CARNEIRO, L. C. ; HAUPENTHAL, Alessandro ; SCHÜTZ, G. R. ; ROESLER, Helio . Verificação da força na marcha subaquática de crianças. 2007. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

17.
FONTANA, H. B.; HAUPENTHAL, A. ; DETÂNICO. R. ; CERUTTI, P. R. ; ROESLER, H. . Salto vertical em ambiente aquático, verificação da força de reação do solo. 2007. (Apresentação de Trabalho/Congresso).


Produção técnica
Produtos tecnológicos
1.
ROESLER, H. ; FONTANA, H. B. ; MICHAELSEN, S. M. ; HAUPENTHAL, A. ; Ruschel, C ; NORONHA, M . Desenvolvimento de sistema instrumentalizado de análise e tratamento da marcha. 2011.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
DE BRITO FONTANA, HEILIANE; HERZOG, WALTER ; MAFFIULETTI, N. A. ; MORRISSEY, D. . Mentoring Session da SBB: Como se Organizar para um Estágio de Doutorado no Exterior. 2017. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).


Demais tipos de produção técnica
1.
FONTANA, H. B.. Mecânica Muscular. 2014. .

2.
FONTANA, H. B.. Arquitetura e Mecânica Muscular. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
DE BRITO FONTANA, HEILIANE. Participação em banca de Manoela Vieira Sousa. Respostas de dano muscular em praticantes de treinamento de força: efeito do ciclo menstrual. 2018. Dissertação (Mestrado em Educacao Fisica) - Universidade Federal de Santa Catarina.

2.
Ruschel, C; de Castro, MP; MICHAELSEN, S. M.; DE BRITO FONTANA, H.; ROESLER, Helio. Participação em banca de Jader Alfredo Beck. Análise da atividade neuromuscular e dos momentos articulares durante o agachamento unilateral até a exaustão. 2018. Dissertação (Mestrado em Ciências do Movimento Humano) - Universidade do Estado de Santa Catarina.

3.
DE BRITO FONTANA, H.. Participação em banca de Adriana Ferraz. A Influência da morfologia do quadril no padrão de movimento dos membros inferiores em adultos assintomáticos. 2017. Dissertação (Mestrado em Ciências do Movimento Humano) - Universidade do Estado de Santa Catarina.

4.
FONTANA, H. B.; PEREIRA, Suzana Matheus. Participação em banca de Laís Marinho. Análise da mobilidade da coluna lombar e do quadril e resistência dos músculos do tronco em velejadores com e sem dor lombar. 2016. Dissertação (Mestrado em FISIOTERAPIA) - Universidade do Estado de Santa Catarina.

5.
NUNES, E.A.; FONTANA, H. B.. Participação em banca de Henver Simionato Brunetta. Expressão da p47phox e fenótipo de monócitos estão associados à recuperação precoce da capacidade de produção de força em indivíduos saudáveis submetidos a dano muscular induzido por exercício excêntrico. 2016. Dissertação (Mestrado em Programa Multicêntrico. Pós-graduação em Ciências Fisiológicas.) - Universidade Federal de Santa Catarina.

6.
ROESLER, Helio; FONTANA, H. B.. Participação em banca de Ana Paula Moratelli Prado. Análise biomecanica do exercício de pilates long stretch realizado no reformer. 2015.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
NUNES, G S; FONTANA, H. B.; OLIVEIRA, J. Participação em banca de Paula Urio Bender.Efeito da massoterapia em quadriceps de atletas após prova de triathlon de longa distância: Um ensaio clínico randomizado. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Fisioterapia) - Universidade do Estado de Santa Catarina.

2.
FONTANA, H. B.; NUNES, G S. Participação em banca de Igor Yamashitafuji.Confiabilidade intra-avaliador e interavaliador de mensurações de volume de joelho em individuos saudaveis. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Fisioterapia) - Universidade do Estado de Santa Catarina.

3.
FONTANA, H. B.. Participação em banca de Eddy Mallmann.Análise da componente vertical da força de reação do solo no salto em profundidade de adultos nos ambientes aquático e terrestre. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Educação Física) - Universidade do Estado de Santa Catarina.

4.
FONTANA, H. B.. Participação em banca de Gabriel Fernades Jacomel.Validação de instrumento para avaliação da força isométrica na extensão do joelho. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Educação Física) - Universidade do Estado de Santa Catarina.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
62nd Annual Meeting of the Biophysical Society. 2018. (Congresso).

2.
8th World Congress of Biomechanics. Skeletal muscle properties and function during human movement (in vivo muscle properties). 2018. (Congresso).

3.
8th World Congress of Biomechanics. The role of moment arm and connective tissue linkage in the summation of torque and force of agonist muscles.. 2018. (Congresso).

4.
Escola de Inverno de Biomecânica da UFSC.Avaliação das propriedades mecânicas musculares. 2018. (Encontro).

5.
XXII Congress of the International Society of Electrophysiology and Kinesiology. Why do muscles lose force potential when activated within their agonistic group?. 2018. (Congresso).

6.
XVII Congresso Brasileiro de Biomecânica. "Mentoring Session da Sociedade Brasileira de Biomecânica". 2017. (Congresso).

7.
XXVI Congress of the International Society of Biomechanics. The non-intuitive mechanics of agonistic muscles AND Elbow flexors residual force-enhancement. 2017. (Congresso).

8.
40th Annual Meeting of the American Society of Biomechanics. VASTUS LATERALIS MAXIMUM FORCE-GENERATING POTENTIAL OCCURS AT OPTIMAL FASCICLE LENGTH REGARDLESS OF ACTIVATION LEVEL. 2016. (Congresso).

9.
40th Annual Meeting of the American Society of Biomechanics. Biomechanics of Human Skeletal Muscles. 2016. (Congresso).

10.
Simpósio de Neuromecânica Aplicada.Relações força-comprimento in vivo: uma análise do músculo vasto-lateral durante contrações máximas e submáximas. 2016. (Simpósio).

11.
XVI Brazilian Congress of Biomechanics. Vastus Lateralis Fascicle Force-Length Relationship for Maximal and Submaximal Activation. 2015. (Congresso).

12.
7th World Congress of Biomechanics. In-vivo Vastus lateralis Force-velocity Relationship at the Fascicle and Muscle Tendon Unit Level. 2014. (Congresso).

13.
IV Simpósio de Neuromecânica Aplicada. 2013. (Simpósio).

14.
XXIV Congresso da Sociedade Internacional de Biomecânica. Ground reaction forces during stationary running in water and on land: effect of immersion, movement cadence and body density. 2013. (Congresso).

15.
Simpósio Internacional de Biomecânica do Esporte. 2012. (Simpósio).

16.
ISBS - Congresso da Sociedade Internacional de Biomecânica no Esporte. Comparison of ground reaction forces between in-place and forward water running at two levels of immersion. 2011. (Congresso).

17.
FIEP Congress. Determination of sampling rate and number of executions for data collection in underwater running analysis. 2008. (Congresso).

18.
XII Congresso Brasileiro de Biomecânica. Análise dinamométrica da marcha de crianças em ambiente aquático. 2007. (Congresso).

19.
Congresso Brasileiro de Fisioterapia. 2006. (Congresso).

20.
IV ENAFISIO. 2006. (Encontro).

21.
IV Fórum Brasill Esporte. 2006. (Outra).

22.
IV Jornada Catarinense de Fisioterapia Cardiorepiratória. 2006. (Congresso).

23.
I Fórum Nacional dos Docentes da Fisioterapia Esportiva. 2005. (Outra).

24.
II CONEFISIO. 2005. (Congresso).

25.
II Congresso Brasileiro da Sociedade Nacional de Fisioterapia Esportiva. 2005. (Congresso).

26.
VIII Maratona de Anatomia. 2005. (Outra).

27.
IV Maratona de Santa Catarina. 2004. (Outra).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
DE BRITO FONTANA, HEILIANE; BALTZOPOULOS, V. . Sessão "Skeletal muscle properties and function during human movement" no 8th World Congress of Biomechanics. 2018. (Outro).

2.
FONTANA, H. B.. Palestra Internacional. 2016. (Outro).

3.
DE BRITO FONTANA, HEILIANE; HERZOG, W. . Sessão "Skeletal Muscle Mechanics" no 40th Annual Meeting of the American Society of Biomechanics. 2016. (Outro).

4.
FONTANA, H. B.. XVI Brazilian Congress of Biomechanics. 2015. (Congresso).

5.
FONTANA, H. B.. Seminário em Gestão no Terceiro Setor. 2012. (Outro).

6.
FONTANA, H. B.. VIII Maratona de Anatomia. 2005. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Gessica Aline Silvano. Manipulação do momento externo de rotação e adução do quadril em exercícios funcionais. Início: 2018. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em Ciências da Reabilitação) - Universidade Federal de Santa Catarina. (Orientador).

2.
Lucas Borges Steffen. Análise da tensão dos musculos isquiotibiais durante o single leg bridge test em jogadores de futebol com e sem histórico de estiramento desse grupo muscular. Início: 2018. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-graduação em Ciências da Reabilitação) - Universidade Federal de Santa Catarina. (Orientador).

Tese de doutorado
1.
Raphael Luiz Sakugawa. Contribuições dos fatores morfológicos e neurais para a produção de força em diferentes comprimentos musculares entre praticantes de diversas modalidades. Início: 2017. Tese (Doutorado em Educação Física) - Universidade Federal de Santa Catarina, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Coorientador).

Iniciação científica
1.
Raissa Correia da Silva. Análise da relação entre a espessura da fáscia plantar e os rolamentos pé durante a marcha em diferentes velocidades. Início: 2018. Iniciação científica (Graduando em Educação Física) - Universidade Federal de Santa Catarina. (Orientador).

Orientações de outra natureza
1.
Daiani de Campos. The non-intuitive mechanics of agonistic muscles - intercâmbio discente. Início: 2018. Orientação de outra natureza. University of Calgary. International Society of Biomechanics. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Alessandro Haupenthal. Análise de regressão para a força vertical de reação do solo na corrida estacionária dentro e fora da água. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Educação Física) - Universidade do Estado de Santa Catarina. Orientador: Heiliane de Brito Fontana.

Iniciação científica
1.
Arthur Duarte Fernandes. Relação entre índice inflamatório da dieta, espessura da fáscia plantar e distribuição de pressão plantar em indivíduos obesos.. 2018. Iniciação Científica - Universidade Federal de Santa Catarina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Heiliane de Brito Fontana.

2.
Eduarda Heydt Heinen. Relação entre índice inflamatório da dieta, espessura da fáscia plantar e distribuição de pressão plantar em indivíduos obesos.. 2018. Iniciação Científica. (Graduando em Educação Física) - Universidade Federal de Santa Catarina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Heiliane de Brito Fontana.

3.
Daiani de Campos. Influência do aumento residual da força no adiamento da fadiga em contrações isométricas. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Educação Física) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Heiliane de Brito Fontana.

4.
Eduarda Heydt Heinen. Relação entre índice inflamatório da dieta, espessura da fáscia plantar e distribuição de pressão plantar em indivíduos obesos.. 2017. Iniciação Científica - Universidade Federal de Santa Catarina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Heiliane de Brito Fontana.

5.
Daiani de Campos. Efeito das propriedades musculares histórico-dependentes na curva torque-ângulo de flexores de cotovelo. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Educação Física) - Universidade Federal de Santa Catarina, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Heiliane de Brito Fontana.

Orientações de outra natureza
1.
Daiani de Campos. Estágio na Universidade de Calgary. 2018. Orientação de outra natureza. (Educação Física) - Universidade Federal de Santa Catarina, International Society of Biomechanics. Orientador: Heiliane de Brito Fontana.

2.
Heron Baptista de Oliveira Medeiros. Anatomia Humana aplicada à Educação Física. 2018. Orientação de outra natureza - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Heiliane de Brito Fontana.

3.
André Cherubini Cechinel. Anatomia Humana aplicada à Educação Física. 2017. Orientação de outra natureza. (Educação Física) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Heiliane de Brito Fontana.

4.
Suelyn Rios. Cinesioterapia I. 2015. Orientação de outra natureza. (Fisioterapia) - Universidade do Estado de Santa Catarina, Universidade do Estado de Santa Catarina. Orientador: Heiliane de Brito Fontana.

5.
Lucas Santos da Silveira. Cinesioterapia II. 2014. Orientação de outra natureza. (Fisioterapia) - Universidade do Estado de Santa Catarina, Universidade do Estado de Santa Catarina. Orientador: Heiliane de Brito Fontana.



Inovação



Projetos de pesquisa

Projeto de extensão



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 18/12/2018 às 20:18:08