Eduardo Antonio Ríos Villamizar

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/0456569720477783
  • Última atualização do currículo em 20/08/2018


Possui graduação em Engenharia Química pela Universidade de Los Andes da Colômbia (2002), Especialização em Estudos da Amazônia pela Universidade Nacional da Colômbia (2005), Mestrado em Ciências do Ambiente e Sustentabilidade na Amazônia pela Universidade Federal do Amazonas (2008) e Doutorado pelo Programa de Clima e Ambiente do INPA-UEA (2013). Tem experiência na área de engenharia química, com ênfase em operações de separação e mistura aplicadas ao tratamento da água, atuando principalmente no seguintes temas: Recursos hídricos, qualidade da água, áreas úmidas, bacias hidrográficas, mudanças climáticas, conservação e serviços ambientais, educação ambiental, ecossistemas aquáticos, limnologia. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Eduardo Antonio Ríos Villamizar
Nome em citações bibliográficas
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.;RIOS-VILLAMIZAR, EDUARDO ANTONIO;RIOS-VILLAMIZAR, EDUARDO A.;Ríos-Villamizar, E. A.;Ríos-Villamizar, Eduardo Antonio;Ríos-Villamizar, Eduardo A.

Endereço


Endereço Profissional
Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.
Av. André Araújo, 2936.
Aleixo
69060001 - Manaus, AM - Brasil
Telefone: (92) 36433377


Formação acadêmica/titulação


2008 - 2013
Doutorado em Clima e Ambiente.
Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, INPA, Brasil.
Título: QUÍMICA DA ÁGUA PARA A CLASSIFICAÇÃO DOS RIOS E IGARAPÉS DA BACIA AMAZÔNICA, Ano de obtenção: 2013.
Orientador: Wolfgang Johannes Junk.
Coorientador: Maria Teresa Fernandez Piedade.
2006 - 2008
Mestrado em Ciências do Ambiente e Sustentabilidade na Amazônia.
Universidade Federal do Amazonas, UFAM, Brasil.
Título: CARACTERIZAÇÃO DAS ÁGUAS DA BACIA DO RIO PURUS, AMAZÔNIA BRASILEIRA OCIDENTAL: RELAÇÕES COM DESMATAMENTO, CLIMA E SANEAMENTO BÁSICO,Ano de Obtenção: 2008.
Orientador: Andréa Viviana Waichman.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
2004 - 2005
Especialização em Estudos da Amazônia.
Universidad Nacional da Colombia, UNAL, Colômbia.
Título: Valoração do estado da qualidade das águas do igarapé Yahuarcaca, com especial ênfase nas áreas relacionadas com sua função como fonte abastecedora de água potável para a cidade de Leticia?..
Orientador: Santiago Duque.
1996 - 2002
Graduação em Engenharia Quimica.
Universidade de Los Andes, UNIANDES, Colômbia.
Título: Diseno y Dimensionamiento de un Reactor Tubular para el laboratorio de de Ingenieria Quimica.
Orientador: Jorge Mario Gomez.
Bolsista do(a): Universidad de Los Andes, UNIANDES, Colômbia.


Pós-doutorado


2014 - 2017
Pós-Doutorado.
Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, INPA, Brasil.
Bolsista do(a): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas, FAPEAM, Brasil.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra
Grande Área: Outros / Área: Ciências Ambientais.
Grande Área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Gestão de Bacias Hidrográficas.


Formação Complementar


2015 - 2015
Discover Moreton Bay: Resilient waterways and ecotourism, Catchment to Tap. (Carga horária: 8h).
International RiverFoundation, IRF, Austrália.
2014 - 2014
Taipei Water Department technical tour (Taiwan). (Carga horária: 10h).
National Taiwan University, NTU, Formosa.
2014 - 2014
Taipei Feitsui Reservoir technical tour. (Carga horária: 16h).
INTERNATIONAL WATER ASSOCIATION, IWA, Inglaterra.
2014 - 2014
Environmental and Water Education for Management. (Carga horária: 8h).
Chinese Taiwan Water Works Association, CTWWA, Formosa.
2013 - 2013
Treatment Works, New Forest Spring Water (UK). (Carga horária: 16h).
Wessex Institute of Technology, WIT, Inglaterra.
2012 - 2012
Intl. Cr: World History of Water Management (Iran). (Carga horária: 80h).
UNESCO Institute for Water Education, UNESCO-IHE, Holanda.
2012 - 2012
Transboundary Waters. (Carga horária: 60h).
UNESCO Institute for Water Education, UNESCO-IHE, Holanda.
2009 - 2012
Inglês Intermediário, Avançado e Master (MEC).. (Carga horária: 4h).
Escola de Idiomas-CCAA, CCAA, Brasil.
2011 - 2011
Curso Internacional em Hidrologia de Flor. Trop. (Carga horária: 48h).
Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, INPA, Brasil.
2010 - 2010
Curso Internacional de Ecohidrología Tropical. (Carga horária: 60h).
Universidad Nacional Agraria La Molina, UNALM, Peru.
2009 - 2009
Extensão universitária em Amazon Forest Ecology and Biogeochemistry. (Carga horária: 120h).
Harvard University, HARVARD, Estados Unidos.
2002 - 2002
Extensão universitária em Gestão da floresta Amazônica. (Carga horária: 80h).
University of Strathclyde, STRATH, Escócia.


Atuação Profissional



Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Amazonas, IFAM, Brasil.
Vínculo institucional

2018 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Vínculo institucional

2015 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


International Water Association, IWA, Holanda.
Vínculo institucional

2014 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador e assesor colaborador, Carga horária: 5
Outras informações
Cooperação com a International Water Association (IWA), com a criação de um capítulo para America Latina e específicamente o Brasil, com especial enfase na região Amazonica, ja que estas regiões tem pouca participação nesta importante associação internacional. Participo nos programas: Basins of the future programme, Young Water Professionals programme, and relevant Specialist groups such as Wetlands, Watersheds, catchments and River basin Management, river protection, sustainable management, adaptation and restoration at all scales, Sustainable development of healthy, working river systems, Communities and sustainable development, Maintaining ecosystem services, Protecting river systems and adapting to change, Tropical rivers, River and wetland protection, Integrating the management of river basins, Managing large river basins and transboundary issues, Interdisciplinarity, inclusivity and integration, Communities and citizen science, traditional knowledge for water resources management. Fiz parte do comite avaliador dos posters (best poster award), e proferí discurso (key feedback speech) no encerramento do evento 7th International Young Water Professionals Conference ? IWA realizado em Taipei, Chinese Taiwan, 7-11 Dezembro 2014. Após o evento ministrei mais duas palestras na National Central University (Programa de Mestrado Internacional em Desenvolvimento Sustentável Ambiental/College of Engineering-Taoyuan County, Taiwan), e na National Taiwan University (Department of Geography-Taipei, Taiwan), durante os dias 12 e 16 de Dezembro 2014, respectivamente.


Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, INPA, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador colaborador
Outras informações
Pesquisador e colaborador na Pós-Graduação do Programa de Mestrado Profissional em Gestão de Área Protegidas na Amazônia-MPGAP/INPA.

Vínculo institucional

2008 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador, Carga horária: 40
Outras informações
Pesquisador colaborador no Grupo de Ecologia, Monitoramento e Uso Sustentável de Áreas Úmidas - MAUA, da Coordenação de Pesquisas em Dinâmica Ambiental - CDAM/INPA, do Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia - INPA


National Taiwan University, NTU, Formosa.
Vínculo institucional

2014 - Atual
Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: Palestrante colaborador
Outras informações
Programa de Geografía/ Participation on ?Introduction to Physical Geography? course at the Department of Geography, National Taiwan University - NTU, Taipei, Chinese Taiwan.


National Central University, Zhongli, Taoyuan (Taiwan), IESD/NCU, China.
Vínculo institucional

2014 - Atual
Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: Colaborador em disciplina/curso
Outras informações
Palestrante em disciplina/curso "Tópicos Especiais" do Programa de Mestrado Internacional em Desenvolvimento Sustentável Ambienta l/ Participation on ?Special Topics? course at the International Environment Sustainable Development - IESD Master?s Program, College of Engineering, National Central University, Zhongli District, Taoyuan County, Taiwan.


National University of Tainan, NUT, Formosa.
Vínculo institucional

2014 - 2014
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Colaborador, Professor Visitante
Outras informações
Palestrante no Programa de Geografía/ Participation on Introduction to Physical Geography/ A Systematic Review on Hydrochemical classification of Amazonian rivers for water resources management / Course at the Geography Department, National University of Tainan, Tainan - Taiwan, 2014.


Centro de Pesquisa do Pantanal, CPP, Brasil.
Vínculo institucional

2010 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador


Universidade do Estado do Amazonas, UEA, Brasil.
Vínculo institucional

2013 - 2013
Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: Professor Colaborador
Outras informações
Disciplinas ministradas em SGC: Tecnologia em Processos Orgânicos (75 h)


Universidade Federal do Amazonas, UFAM, Brasil.
Vínculo institucional

2007 - 2007
Vínculo: Estagiário, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 8
Outras informações
O trabalho foi realizado atuando como Professor da disciplina Fisicoquímica Experimental no departamento de Química da Universidade Federal do Amazonas (UFAM), Manaus, Brasil.

Atividades

04/2007 - 08/2007
Estágios , Departamento de Química, .

Estágio realizado
As atividades do estágio foram realizadas com ministração de aulas práticas, preparação do plano de ensino, avaliação, correção de relatórios, preenchimento de diário com conteúdo programático e freqüência dos alunos. Estas atividades ocorreram no pe.

Universidad Nacional da Colômbia, UNAL, Colômbia.
Vínculo institucional

2003 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador/Investigador
Outras informações
Participante do grupo de pesquisa em Limnologia Amazônica, Instituto Amazónico de Investigaciones (Imani), Universidad Nacional de Colombia, Sede Amazonia, Km 2 vía Tarapacá. Leticia, Colômbia (Coordenador: Dr. Santiago R. Duque).

Vínculo institucional

2003 - 2005
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Presidência da república da Colômbia, PRC, Colômbia.
Vínculo institucional

2002 - 2002
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Assessor, Carga horária: 25
Outras informações
Assessor, na cidade de Leticia (Colômbia), do Programa "Computadores para Educar" da Presidência da República da Colômbia.

Atividades

02/2002 - 06/2002
Estágios .

Estágio realizado
d) Coordenador do programa Computadores para Educar em Leticia. Presidência da república da Colômbia. Como coordenador do programa, tive o encargo de capacitar professores, gestar a construção das aulas de informática de duas escolas na cidade. O pro.

Asociación Puentes para el desarrollo/PERU HYDRAULICS S.A.C, PH-APPD, Peru.
Vínculo institucional

2012 - 2013
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Centro Universitário Luterano de Manaus, CEULM/ULBRA, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - 2015
Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: Professor colaborador
Outras informações
Ensino, Engenharia Química, Nível: Graduação. Orientação de 18 alunos de TCC. Disciplinas ministradas 2014: Beneficiamento de Material Plástico (68 h), Reações de polimerização (68 h), Fenômenos de Transporte (68 h), Físico-química: Gases e Termodinâmica (68 h), Engenharia de processos (68 h), Instrumentalização Científica (68 h), Operações Unitárias - A (68 h), Operações Unitárias - B (68 h), Trabalho de Conclusão de Curso em Engenharia Química (68 h), Orientação de 09 alunos de TCC 2015: Beneficiamento de Material Plástico (68 h), Reações de polimerização (68 h), Fenômenos de Transporte (68 h), Físico-química: Gases e Termodinâmica (68 h), Engenharia de processos (68 h), Instrumentalização Científica (68 h), Operações Unitárias - A (68 h), Operações Unitárias - B (68 h), Trabalho de Conclusão de Curso em Engenharia Química (68 h), Orientação de 09 alunos de TCC


FACULDADE KURIOS e Centro de Pesquisa da Amazonia, FAK E CEPAM, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - 2012
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor
Outras informações
Ministração das disciplinas Química Inorgânica (20h) e Química Orgânica (20h) nos cursos de Pós-Graduação em Biologia e Química, em Tabatinga-AM.


Companhia de saneamento básico de Letícia, Amazonas, Colômbia, EMPOLETICIA, Colômbia.
Vínculo institucional

2002 - 2005
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Engenheiro Químico, Carga horária: 40

Atividades

06/2002 - 01/2005
Serviços técnicos especializados , Usina de tratamento de água., .

Serviço realizado
Chefe da secção de potabilização de água e chefe de Laboratório..

Consorcio GEAM LTDA - FUNCATAGUA Amazonas, GEAM LTDA - FUNC, Colômbia.
Vínculo institucional

2005 - 2006
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Consorcio GEAM Ltda. - FUNCATAGUA Amazonas, FUNCATAGUA, Colômbia.
Vínculo institucional

2006 - 2006
Vínculo: Engenheiro Consultor, Enquadramento Funcional: Consultoria, Leticia (Colombia)
Outras informações
A consultoria consistiu em atualizar o Plano de Manejo Ambiental da bacia de Yahuarcaca em Leticia (Colômbia), especificamente no relacionado com o monitoramento da qualidade da água superficial e subterrânea.


Amazonas Traduções, AT, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - 2010
Vínculo: Tradutor colaborador, Enquadramento Funcional: Tradutor e interprete, Carga horária: 20
Outras informações
Tradutor e intérprete dos idiomas Espanhol, Português, Inglês


Empresa de eletrificação de Letícia, Amazonas, Colômbia, EASSA, Colômbia.
Vínculo institucional

2004 - 2004
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Assessor, Carga horária: 20

Atividades

01/2004 - 02/2004
Serviços técnicos especializados , Laboratório de azeites e análises de água, .

Serviço realizado
e) Engenheiro Assessor na elaboração do plano de gestão ambiental, com as seguintes responsabilidades: Análise de água potável, análise de efluentes, análise dos azeites dos motores..

Escola de Idiomas-CCAA, CCAA, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - 2014
Vínculo: Prof. e Instructor de Idiomas, Enquadramento Funcional: Instructor de Idiomas, Carga horária: 10
Outras informações
Ensino de Inglês nos níveis básico e intermediário


Instituição Educativa Sagrado, IES, Colômbia.
Vínculo institucional

2005 - 2006
Vínculo: Professor Titular, Enquadramento Funcional: Professor, Leticia, Colombia., Carga horária: 30


Organización Revista Camaleón, Cali-Colombia, ORC, Colômbia.
Vínculo institucional

1994 - 1998
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Escritor, Editor, Carga horária: 20
Outras informações
Coordenador, Escritor, Editor do comitê regional N. Santander, Revista Camaleón. Cali-Colombia,


PERU HYDRAULICS S.A.C./Hidráulica, Recursos Hídricos y Medio Ambiente, PERU HYDRAULICS, Peru.
Vínculo institucional

2012 - Atual
Vínculo: Consultor, Enquadramento Funcional: Consultor


National Institute of Geophysics, Geodesy and Geography, Bulgarian Academy, BAS, Bulgária.
Vínculo institucional

2016 - Atual
Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: colaborador
Outras informações
special topics: ?New insights into the physico-chemical features of Amazonian water types: subsidies for river classification and water resources management?.,


Alexandru Ioan Cuza University of Iasi, Faculty of Geography and Geology, I, AIC, Romênia.
Vínculo institucional

2016 - Atual
Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: colaborador
Outras informações
special topics subject: New insights on the physicochemistry of major Amazonian water types: a review and re-analysis for river classification.


Faculty of Sciences, University of Pécs, Pécs (Hungary), UP, Hungria.
Vínculo institucional

2016 - Atual
Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: pesquisador colaborador
Outras informações
special topics: Hydrochemical Classification of Amazonian Rivers: A Systematic Review and Meta-Analysis



Projetos de pesquisa


2018 - Atual
?Caracterização dos aspectos físicos e químicos dos corpos de água na área de abrangência da represa Jirau/RO?. Atuando dentro do projeto ?Desenvolvimento de uma Metodologia para o monitoramento da dinâmica comportamental de Mansonia spp?.
Descrição: O rio Madeira, afluente do rio Amazonas com aproximadamente 1.450 km de extensão, corta a porção sudoeste e noroeste dos estados do Amazonas e Rondônia. Tem nascente na Bolívia, a partir da confluência dos rios Guaporé, Mamoré, Beni e Madre de Dios e é identificado como de água branca devido à grande carga de sedimentos em suspensão (Sioli 1968). Ao longo do seu curso recebe diversos afluentes (Abunã, Jaci-Paraná, Candeias do Jamari, Machado, Marmelos, Manicoré, Aripuanã, Canumã, Madeirinha e Acará) (Horbe, et al.2013). Um aspecto importante na Amazônia são as alterações ambientais que as hidrelétricas provocam na região e na qualidade dos recursos hídricos. Neste contexto, este projeto visa à avaliação dos diferentes parâmetros físico-químicos da água, na região sob influência da UHE Jirau no estado de Rondônia, que possam ser facilmente manuseados e utilizados como indicadores da qualidade da água. O intuito deste projeto é caracterizar quanto aos aspectos físicos e químicos os corpos hídricos na área de abrangência da represa UHE Jirau no estado de Rondônia (Realizar coletas em períodos sazonais diferentes, determinar os macro e micro nutrientes nos locais selecionados). Serão estudados os corpos de água, rio Madeira e tributários e o lago da Represa de Jirau no Estado de Rondônia. Os resultados obtidos permitirão avaliar as características dos mananciais hídricos quanto à heterogeneidade e qualidade destes recursos. Isto pode servir como ferramenta para auxiliar o grupo de ictiofauna e macrófitas aquáticas, assim como ajudar em medidas e decisões quanto a preservação e controle do uso dos recursos hídricos nesta região..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2018 - Atual
DNA ambiental: Uma nova abordagem para Monitoramento da diversidade ictiofaunística em lagos de várzea da Amazônia Central (EDITAL N. 002/2018 - UNIVERSAL AMAZONAS)
Descrição: O conhecimento da distribuição das espécies é uma fase crítica de estudos de biodiversidade e é necessária para várias áreas como biogeografia, biologia da conservação e ecologia. Estudos de ecologia de comunidade de organismos como o monitoramento de biodiversidade vegetal e animal é convencionalmente realizada com base na detecção visual e contagem, que na maioria das vezes não são padronizadas, devido a seletividade dos petrechos de pesca, e dependente de conhecimentos práticos de taxonomia. Um aspecto ainda não abordado na ecologia de comunidades de peixes na Amazônia é a utilização de rastros de DNA no ambiente (DNAa - DNA ambiental ou eDNA ? Environmental DNA) onde estes organismos habitam. A análise de DNAa é uma ferramenta inovadora, e de relativo baixo custo, utilizada para elucidar processos ecológicos e evolutivos, para avaliação rápida da biodiversidade e monitoramento biológico. Além disso, várias espécies são difíceis de detectar, especialmente durante períodos de tempo específicos ou estágios de desenvolvimento. A extração do DNA a partir de amostras ambientais pode permitir a identificação e caracterização de organismos mesmo em situações como essas. Células de fezes, urina e epidérmicas são consideradas as principais fontes de DNA ambiental bem como fragmentos celulares, presente em amostras ambientais, proveniente de excreção ou secreção do organismo que, dependendo do ambiente, podem sobreviver/persistir de horas a milhares de anos. Neste método utiliza-se a identificação de espécies baseado em sequências de DNA barcode, a fim de detectar e identificar geneticamente as espécies sem coletar o próprio organismo. Com grande potencial para o monitoramento da biodiversidade, a detecção de DNAa em populações selvagens tem sido aplicada a algumas espécies comuns ou invasivas de peixes e anfíbios. A investigação da distribuição espaço-temporal da ictiofauna, utilizando DNAa, pode explorar uma vantagem de ambientes aquáticos: o ambiente aquoso suspende tecidos descartados, tornando mais fácil a coleta e detecção do DNA dos organismos que estão presentes, mas invisíveis para as ferramentas tradicionais. A metodologia do DNAa, quando combinada com os métodos de PCR convencional, PCR em Tempo Real ou quantitativa (qPCR) e seqüenciamento de Sanger possibilita a detecção de uma determinada espécie alvo, conhecida como a abordagem espécie-específica. Por outro lado, a combinação desta técnica com a metodologia de sequenciamento de nova geração (NGS), conhecida como metabarcode ou metagenômica, possibilita a identificação de grande parte da fauna de ambientes aquáticos. Desta forma, o uso do DNAa pode ser um método eficaz de identificação de espécies de peixes em corpos d?agua com a grande diversidade de habitats existentes na bacia Amazônica. Além dessas possibilidades, com o DNAa, é possível avaliar por exemplo: se as concentrações de DNA ambiental refletem a abundância e distribuição das espécies de peixes em sistemas de água doce na bacia Amazônica; e se a abordagem é amplamente aplicável em todos os grupos taxonômicos. O DNAa, pertencente a linha de pesquisa Genética ambiental, começou recentemente (a partir de 2015) a ser alvo de estudos na região amazônica, em nosso grupo de pesquisas, com o foco voltado para o estudo de peixes. Com isso foi possível estabelecermos um protocolo padronizado para o estudo envolvendo DNAa na abordagem espécie-específica, desde a Coleta de água até às reações de PCR convencional e em tempo Real (qPCR) com base no processamento de amostras de água de lagos da região amazônica. Considerando que a.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2018 - Atual
Tecnologias para o Beneficiamento e Conservação de Pescado: alternativa para a Soberania e Segurança Alimentar e Nutricional das Comunidades Tradicionais do município Manacapuru, Brasil.
Descrição: O pescado representa uma das mais importantes fontes de proteínas e minerais na alimentação humana. Além das proteínas e minerais, o pescado é também uma excelente fonte de ácidos graxos poliinsaturados, que contribuem na prevenção de doenças cardiovasculares. No entanto, apesar de se estimar que entre 50-60% da produção pesqueira e aquícola sejam destinados ao consumo humano direto, dados de 2010 colocam o Brasil como um fraco consumidor de pescado, consumindo 9,75kg percapita. Por outro lado, de acordo com o Ministério da Pesca e Aquicultura (MPA) houve um aumento no consumo e atualmente os brasileiros consomem pescados na média mínima recomendada pela Organização Mundial da Saúde (OMS), de 12 kg por habitante/ano. Certo que o consumo de pescado no Brasil é muito baixo em relação ao consumo de outras carnes, o que pode ser justificado não só por problemas na distribuição e comercialização, mas também pela falta do hábito de consumo, gerado em parte pela ausência de praticidade no preparo. Neste sentido, é imprescindível a busca de novas alternativas para a utilização desta matéria-prima, com o fim de transformá-la em produtos aceitáveis pela população, como produtos prontos ou semiprontos. Os estabelecimentos que trabalham com alimentos e todos os envolvidos nos procedimentos, desde o proprietário até o manipulador e o pessoal de apoio, tem responsabilidade na produção de alimentos seguros, do ponto de vista da inocuidade, além de saborosos e bonitos. A inocuidade significa que o alimento ou matéria-prima utilizada não apresentam substâncias químicas ou biológicas capazes de produzir efeitos prejudiciais à saúde humana. Portanto, este projeto tem como objetivo desenvolver e aplicar técnicas de beneficiamento e conservação de pescado para garantir a soberania e segurança alimentar e nutricional das comunidades tradicionais do Amazonas..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2015 - Atual
O papel dos rios no ciclo de carbono na Amazônia
Descrição: Este projeto objetiva desenvolver as ferramentas para descrever, de maneira compreensiva, a biogeoquímica dos sistemas fluviais da Amazônia e seu papel nos ciclos regional e global de carbono, para tornar possível prever sua influência e respostas a um clima em mutação. Nossas hipóteses são: (H1) A hidrologia é o principal fator controlador da biogeoquímica do carbono (e nutrientes associados) nos rios da Amazônia. Portanto, alterações na quantidade de chuva (e descarga) resultarão em novos níves funcionais nestes sistemas; (H2) Existem conjuntos comuns de fatores controladores da biogeoquímica do carbono (e nutrientes associados) nos rios tropicais da Amazônia. Nossa atual incapacidade em elaborar modelos que descrevam adequadamente estes sistemas em todas as escalas resulta da falta de conjuntos de dados intercomparáveis de longo prazo, em vez da inadequação dos modelos e; (H3) Rios desempenham um papel ativo no balanço geral de carbono destas bacias. Mudanças climáticas que afetem estes sistemas também modificarão seu papel na retroalimentação com a atmosfera e no ciclo regional de carbono. Os produtos deste projeto serão fundamentais para o atual esforço nacional de desenvolvimento de um modelo climático brasileiro, auxiliando na criação de um desenho original, no qual não somente a biosfera, mas também a retroalimentação fluvial será considerada no ciclo regional de carbono.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Especialização: (2) / Mestrado acadêmico: (10) / Doutorado: (5) .
Integrantes: Eduardo Antonio Ríos Villamizar - Integrante / Alex V. Krusche - Coordenador / Hilandia Brandão da Cunha - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Outra.
2014 - Atual
ESTUDOS DA QUALIDADE QUÍMICA DA ÁGUA E SEDIMENTOS PARA O REFINAMENTO DO SISTEMA DE CLASSIFICAÇÃO DOS CORPOS DE ÁGUA, COMO SUBSIDIO PARA O APERFEIÇOAMENTO DA CLASSIFICAÇÃO DAS ÁREAS ÚMIDAS DA BACIA AMAZÔNICA (FIXAM/AM, EDITAL N. 022/2013)
Descrição: O monitoramento das importantes variáveis ambientais nas áreas úmidas visando a sua classificação, conservação e proteção, é primordial e de fundamental interesse ecológico. Entretanto, a classificação dos corpos de água da Amazônia sofre ainda pela falta de informações hidrológicas e químicas para muitas áreas. A qualidade química da água e sedimentos, devido à sua importância fundamental para a vida na água e nas áreas úmidas, é um dos níveis de classificação que subsidiam o refinamento das tipologias alagáveis amazônicas como base para seu uso sustentável, e ocupa o terceiro nível hierárquico após os níveis clima e hidrologia. O conteúdo e composição química da água e dos sedimentos proporcionam parâmetros fundamentais para o estudo da ecologia dos rios e sua biodiversidade (ocorrência de organismos), mas também para a produção primária e secundária em áreas úmidas, assim como para o funcionamento dos ciclos biogeoquímicos. Além disso, esses parâmetros determinam a formulação de opções de gestão dos rios e das áreas úmidas associadas. A primeira classificação científica dos corpos da água da Amazônia foi elaborada por Harald Sioli em meados do século passado, o qual usou a cor da água, a quantidade de sedimentos, o pH e a condutividade elétrica para estabelecer 3 tipos de água: água branca, água preta e água clara. Com esta tipologia ele explicou peculiaridades limnológicas dos grandes rios da Amazônia. Além disso, relacionou os fatores físico-químicos dos três tipos de águas com as propriedades geológicas e geomorfológicas das suas bacias hidrográficas, uma visão científica que, naquela época, era inovadora e levou a uma nova área de pesquisas a ?ecologia da paisagem?. Esta classificação simplificada tem influenciado até hoje a discussão científica sobre limnologia e ecologia da bacia Amazônica, sendo muito útil para explicar estruturas, processos e funções das paisagens Amazônicas. No entanto, hoje em dia uma quantidade crescente de dados hidro-químicos indicam que a composição dos corpos da água na Amazônia varia muito mais do que foi assumido por Sioli e a disponibilização de dados tem evoluído drasticamente durante as últimas décadas. Recentemente foram compilados os dados disponíveis na literatura e de levantamentos de campo atuais sobre variáveis físico-químicas da água para reavaliar a classificação existente postulada por Sioli. Esta análise permitiu distinguir/corroborar os três tipos de água clássicos e categorizar outros corpos da água em mais três tipos, sendo dois intermediários (A e B) e um de águas salobres. Neste contexto, este projeto se propõe utilizar dados disponíveis na literatura além da realização de novos levantamentos em corpos de água com poucos ou sem nenhum estudo sobre as variáveis cor da água, transparência, pH, condutividade elétrica e o conteúdo e distribuição de cátions e ânions principais, assim como nutrientes tais como nitrogênio, fosforo e sílica, dentre outros, incluindo análise completa (mineralógica e granulométrica) de amostras dos sedimentos, para aprimorar esta nova categorização proposta em 2013, a qual ajustou/corroborou a postulada por Sioli e acrescentou mais três categorias, a fim de subsidiar um sistema de classificação mais detalhado para as águas Amazônicas, assim como auxiliar o sistema de classificação das áreas úmidas da Bacia Amazônica, e desta forma oferecer argumentos para gestão, uso e desenvolvimento regional sustentável destas áreas..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Eduardo Antonio Ríos Villamizar - Coordenador / Santiago R. Duque - Integrante / Wolfgang J. Junk - Integrante / Florian Wittmann - Integrante / Thiago Morato de Carvalho - Integrante / Jaine Galganha da Costa - Integrante / J. Marion Adeney - Integrante / Tatiana Andreza da Silva Marinho - Integrante / Joana D`Arc de Paula - Integrante / Marcelo Carim - Integrante / Jochen Schöngart - Integrante / Maria Teresa Fernandez Piedade - Integrante / T M CARVALHO - Integrante / Junk, W. J. - Integrante / Sérgio Bringel - Integrante.Financiador(es): Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.
2012 - Atual
UNIVERSAL 14/2011 - Fatores reguladores da distribuição e diversidade de macrófitas aquáticas em nível local e geográfico nas principais tipologias alagáveis amazônicas
Descrição: Os últimos cinco anos, grandes esforços têm sido direcionados para aumentar a área de abrangência das coletas de plantas aquáticas na região amazônica, por meio de projetos diversos realizados pelo grupo MAUA (Ecologia, monitoramento e uso sustentável de áreas úmidas). Por meio dessas ações, coletas foram feitas em vários sistemas e em diferentes habitats em Rios de águas brancas, pretas e claras da Bacia Amazônica (Tabatinga, Santa Isabel do Rio Negro, Barcelos, Tapajós). Este projeto é importante pela busca na redução das discrepâncias em termos de esforços de coleta e escala de análise entre esses sistemas..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2012 - Atual
Monitoramento e modelagem de dois grandes ecossistemas de áreas úmidas amazônicas em cenários de mudanças climáticas - PELD Áreas Úmidas Amzônicas - MAUA
Descrição: Este PELD estabelecerá dois sítios nos principais tipos de áreas úmidas menos estudadas do bioma Amazônico, sendo estes: áreas sujeitas à inundação periódica por rios de água preta (igapó), e áreas episodicamente alagáveis em savanas Amazônicas (campina). Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2010 - Atual
Delineamento das quatro grandes Áreas Úmidas de Mato Grosso e Mato Grosso do Sul e a classificação dos seus principais habitats com parâmetros ecológicos
Descrição: Delineamento das grandes Áreas Úmidas (AUs) do Pantanal, Guaporé, Bananal e Rio Paraná. Elaboração de um sistema de classificação dos habitats principais para subsidiar políticas públicas, a comunidade científica, e as comunidades pantaneiras em manejo sustentável e proteção dos recursos naturais e da biodiversidade em favor da qualidade de vida da população local..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (2) .
Integrantes: Eduardo Antonio Ríos Villamizar - Integrante / Wolfgang J. Junk - Coordenador.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2007 - 2011
PRONEX - CARATERIZAÇÃO, CLASSIFICAÇÃO E AVALIAÇÃO DO POTENCIAL DE USO COMO BASE PARA UMA POLÍTICA DO MANEJO SUSTENTÁVEL DAS ÁREAS ÚMIDAS DO ESTADO DO AMAZONAS
Descrição: Estimativas indicam que 20-25% da Amazônia pertencem a categoria de áreas úmidas (Junk 1993). Porém, não existem levantamentos detalhados nem uma classificação destas áreas. Isso é estranho, por que, além da grande extensão, existem vários tipos de áreas úmidas com características diferentes. Isso afeta, entre outros, o potencial produtivo destes sistemas e o seu potencial econômico para a população do Estado. Certos tipos de áreas úmidas como a várzea dos rios de água branca, já agora tem grande importância para a economia da região. Estas áreas são altamente vulneráveis contra mudanças hidrológicas provocadas pelo homem e mudanças climáticas. Por isso, uma política moderna e bem elaborada para o seu manejo sustentável e de interesse fundamental para o governo do Estado. Nesse contexto, devido a grande extensão e a dificuldade de acesso a estas planícies de inundação o uso de técnicas de Sensoriamento Remoto surgem como uma forma viável de monitoramento de áreas alagáveis ao nível de bacia..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (3) Doutorado: (2) .
Integrantes: Eduardo Antonio Ríos Villamizar - Integrante / Wolfgang J. Junk - Integrante / Maria Teresa F. Piedade - Coordenador / Florian Wittmann - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro / Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas - Auxílio financeiro.
2006 - 2008
Os efeitos das intervenções antrópicas na Bacia do Purus: análise das relações entre as funções ambientais, atores sociais e gestão das águas na Amazônia legal. Financiado pelo PPG-7/CNPq
Descrição: A presente sub-rede de pesquisas está sendo proposta, com o objetivo de determinar os efeitos das intervenções antrópicas na bacia do rio Purus a partir de uma análise das relações entre as funções ambientais, atores sociais e gestão dos recursos hídricos na Amazônia legal, de forma a subsidiar a formulação de políticas públicas e o estabelecimento de um modelo de gestão dos recursos hídricos apropriado à realidade amazônica. Para atingir este objetivo maior, foram idealizados objetivos específicos a serem atingidos pela atuação da sub-rede, a saber: - Sistematizar informações espaciais e disponibilizá-las à sociedade para uma tomada de decisão fundamentada e democrática; - Conhecer o comportamento dos sistemas hídricos locais e determinar o impacto da variabilidade climática sobre estes sistemas; - Estabelecer modelos que permitam uma adequada avaliação nas diferentes escalas temporais e espaciais de comportamento dos sistemas hídricos da região; - Identificar as principais cargas poluidoras dos recursos hídricos, bem como das áreas ambientais críticas; - Identificar e mapear os riscos e impactos negativos para que possam ser propostos programas de manejo dos mesmos com a finalidade de reduzi-los ou mesmo anulá-los. - Classificar as unidades ambientais considerando suas restrições. - Verificar o atual uso do solo, o nível de aproveitamento dos recursos naturais e a qualidade ambiental, incluindo um inventário dos equipamentos urbanos e rurais e infra-estrutura disponível; - Realizar o diagnóstico sócio-ambiental da região de estudos a partir de metodologia participativa; - Simular cenários que permitam antever situações e planejar soluções diante da realidade do avanço da fronteira agrícola e outras atividades antrópicas; - Promover a implantação de mecanismos facilitadores de acesso à informação, que poderão subsidiar o desenvolvimento social, econômico, ambiental e cultural de forma sustentável nas comunidades da área..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (3) / Doutorado: (2) .
Integrantes: Eduardo Antonio Ríos Villamizar - Integrante / Andrea Viviana Waichman - Coordenador.
2005 - 2006
Formulación de la propuesta de ajuste del Plan de Ordenación y Manejo de la microcuenca de la quebrada Yahuarcaca (incluyendo los humedales de Yahuarcaca)
Descrição: Formulación de la propuesta de ajuste del Plan de Ordenación y Manejo de la microcuenca de la quebrada Yahuarcaca (incluyendo los humedales de Yahuarcaca), en un área aproximada de 4.000 hectáreas, de acuerdo a las características biofísicas, socioeconómicas e institucionales para el mejoramiento de la calidad de vida de sus habitantes, localizada en el municipio de Leticia departamento del Amazonas.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2003 - 2005
Estado da qualidade das águas do igarapé Yahuarcaca e sua função como fonte abastecedora de água potável para a cidade de Leticia, Colômbia
Descrição: Various anthropic activities have been developed in the principal stream of the Yahuarcaca catchment producing changes in water quality. Analyzing the data from the water quality, hydrology and local rainfalls survey, and the discussion about the procedures related to the water use made by the communities seated in critical zones along the catchment, it was found that the Color variable was correlated with the water level and it not fit within the acceptable parameters regarding the use of water for human and domestic consumption. In addition, it was demonstrated, for an eleven-year period that the water level registered for the principal stream of the Yahuarcaca catchment depends strongly on the level presented by the Amazonas River, and not on local rainfalls. Furthermore, we observed a level increasing trend for the low water seasons during a six-year period. The pH-values were within the admissible parameters only at the low area of the catchment and especially during the high water season; as well as the Iron and Turbidity values in the high area. In general, by the microbiological results, none of the samples was apt for the human consumption. Owing to the great importance that the water provided by the Yahuarcaca catchment has for the settlers of the Leticia city, it is necessary to raise the interest for actions which result in the reduction of the alterations suffered by the aforementioned catchment currently./Las diferentes actividades antrópicas que se vienen desarrollando en la microcuenca de la quebrada Yahuarcaca producen cambios en la calidad de sus aguas. Analizando los datos del levantamiento realizado sobre la calidad del agua, hidrología y precipitaciones locales, así como la discusión acerca de los procedimientos relacionados con el uso del agua realizado por las comunidades asentadas en zonas críticas a lo largo de la microcuenca, se constató que la variable Color se correlacionó con el nivel del agua, estando fuera de los parámetros vigentes en cuanto al uso del agua para consumo humano y doméstico. Además se demostró, para un período de once años, que el nivel del agua registrado en la quebrada Yahuarcaca depende en gran medida del nivel presentado por el Río Amazonas y no de las precipitaciones locales. También se observó que durante seis años se ha presentado una tendencia al aumento de los niveles para el período de aguas bajas. Los valores de pH están dentro de los parámetros admisibles sólo en la zona baja de la microcuenca y durante la época de aguas altas, así como los valores de Hierro y Turbiedad en la zona alta de la microcuenca. A partir de los resultados microbiológicos, ninguna de las muestras salió apta para el consumo humano. Debido a la gran importancia que el agua proporcionada por la microcuenca de la quebrada Yahuarcaca tiene para los pobladores de la ciudad de Leticia, es necesario aumentar el interés de las acciones que tengan como resultado la reducción de las alteraciones sufridas por la mencionada microcuenca..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (3) / Mestrado acadêmico: (3) / Mestrado profissional: (1) / Doutorado: (2) .
Integrantes: Eduardo Antonio Ríos Villamizar - Coordenador / Santiago R. Duque - Integrante.


Outros Projetos


2012 - 2013
Evaluación de la Calidad de las Aguas por efecto de la construcción de la represa Cuturi - Vila Apacheta
Situação: Concluído; Natureza: Outra.
Alunos envolvidos: Especialização: (2) Doutorado: (2) .
Integrantes: Eduardo Antonio Ríos Villamizar - Coordenador / Roberto Campana Toro - Integrante.


Membro de corpo editorial


2018 - Atual
Periódico: International Journal of Oceanography & Aquaculture


Membro de comitê de assessoramento


2014 - Atual
Agência de fomento: International Water Association


Revisor de periódico


2013 - Atual
Periódico: Anais da Academia Brasileira de Ciências (Impresso)
2013 - Atual
Periódico: Anais da Academia Brasileira de Ciências (Online)
2013 - Atual
Periódico: Uakari (Impresso) (Belém)
2013 - Atual
Periódico: Uakari (Belém. Online)
2010 - Atual
Periódico: Revista Geográfica Acadêmica
2014 - Atual
Periódico: International Journal of Sustainable Development and Planning: encouraging
2014 - Atual
Periódico: International Journal of Sustainable Development and Planning (Online)


Revisor de projeto de fomento


2018 - Atual
Agência de fomento: Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Planejamento Urbano e Regional / Subárea: Recursos Hídricos.
2.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Gestão de Bacias Hidrográficas.
3.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Monitoramento,uso sustentável e manejo de áreas alagáveis.
4.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Ecologia de áreas alagáveis.
5.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Química / Subárea: Limnologia tropical.
6.
Grande área: Ciências Exatas e da Terra / Área: Geociências / Subárea: Mudanças climáticas, conservação/serviços ambientais, educação ambiental.


Idiomas


Inglês
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Bem.
Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Latim
Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.
Persa
Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Pouco, Escreve Pouco.


Prêmios e títulos


2015
Programa PAPE/FAPEAM - Concessão de Passagem para Participação em Evento Científico Internacional em Brisbane, Austrália, FAPEAM - Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas, FAPEAM - Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas.
2014
Programa PAPE/FAPEAM - Concessão de Passagem para Participação em Evento Científico Internacional em Taipei, Chinese Taiwan, FAPEAM - Fundação de Amparo à Pesquisa do Estado do Amazonas.
2013
Programa PAPE/FAPEAM - Concessão de Passagem para Participação em Evento Científico Internacional no Reino Unido (UK), PAPE/FAPEAM.
2013
Indicação ao prêmio: "Distinción a egresados ? 2013, en las categorías Investigación y Aporte social a la nación., Vicerrectoría General, Programa de Egresados ? Sede Amazonia, Universidad Nacional de Colombia.
2012
Concessão de Passagem para Participação em Evento Científico Internacional sobre Recursos Hídricos no Iran (Yazd), Universidade do Estado do Amazonas - UEA (PROAP - CAPES).
2009
Concessão de Passagem para Participação em Evento Científico Internacional sobre boas práticas no uso da água na Industria, Kuala Lumpur, Malaysia (Water Malaysia/The Malaysian Water Association), Programa de Pós-Graduação em Clima e Ambiente, INPA/UEA(PROAP - FDB/FAPEAM).
2008
Bolsa de estudo para cursar Doutorado. Programa de Estudantes Convênio de Pós-graduação (PEC-PG). Selecionado por Colômbia., Embaixada do Brasil na Colombia..
2008
Terceiro colocado na Seleção 2008 - Doutorado do Programa de Clima e Ambiente, Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia ? INPA e Universidade do Estado do Amazonas ? UEA.
2006
Segundo colocado na Seleção 2006 - Mestrado em Ciências do Ambiente e Sustentabilidade na Amazônia, Pós-Graduação - PPG CASA, UNIVERSIDADE FEDERAL DO AMAZONAS (UFAM).
2004
Bolsa de estudo para cursar o segundo semestre do programa de Especialização em Estudos Amazônicos. Letícia, Amazonas, Colômbia. Excelência Acadêmica., Universidade Nacional da Colômbia. Sede Amazônia..
1996
Bolsa de estudo para cursar estudos universitários em Engenharia Química. Programa de Oportunidades para o Talento Regional . Bogotá, Colômbia., Universidad de Los Andes, Bogotá, Colombia..
1995
Inscrição na Placa de Mármore. Honor e Reconhecimento. Estudante destacável pela excelência Acadêmica., Escola: Normal Nacional Para Varones, Pamplona, Colombia..


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
EMBID, A.2017EMBID, A. ; MARTIN, L. ; RíOS-VILLAMIZAR, E. A. . Nexo entre el agua, la energia y la alimentación em América Latina y el Caribe: Planificación, marco normativo e identifcación de interconexiones prioritarias. CEPAL - Naciones Unidas - Serie Recursos Naturales e Infraestructura N° 179, v. 1, p. 1-69-69, 2017.

2.
Ríos-Villamizar, Eduardo Antonio2016Ríos-Villamizar, Eduardo Antonio; PIEDADE, MARIA T. F. ; Junk, Wolfgang J. ; WAICHMAN, ANDRÉA VIVIANA . Surface water quality and deforestation of the Purus river basin, Brazilian Amazon. International Aquatic Research, v. s/n, p. 1-9, 2016.

3.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.2014 RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; PIEDADE, M. T. F. ; Da Costa, J.G. ; ADENEY, J. M. ; Junk, Wolfgang J. . Chemistry of different Amazonian water types for river classification: a preliminary review. WIT Transactions on Ecology and the Environment (Print), v. 178, p. 17-28, 2014.

4.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.2013RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; PIEDADE, M. T. F. ; Da Costa, J.G. ; ADENEY, J. M. ; Junk, Wolfgang J. . Chemistry of different Amazonian water types for river classification: a preliminary review. WIT Transactions on Ecology and the Environment (Online), v. 178, p. 17-28, 2013.

5.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.2012RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; PIEDADE, M. T. F. ; WITTMANN, F. ; CARVALHO, T. M. ; Junk, W. J. . Improvement of a Major Naturally-Occurring Amazonian Lowland Wetlands Classification by means of the Classical Knowledge of River Water Hydrochemistry: Major Cations. Proceedings of International Conference on Traditional Knowledge for Water Resources Management (TKWRM2012), v. 1, p. 354-360, 2012.

6.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.2011RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; NOGUEIRA, A. C. ; SOUSA, L.C ; RIVAS, A. A. F. . SILVINITA, UNA NUEVA MATRIZ DE DESARROLLO?: EL CASO DEL MUNICIPIO DE NOVA OLINDA DO NORTE, AMAZONAS, BRASIL. Revista Geográfica Acadêmica, v. 5, p. 68-78, 2011.

7.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.2011RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; Junior, A. F. M ; WAICHMAN, A. V. . CARACTERIZAÇÃO FÍSICO-QUÍMICA DAS ÁGUAS E DESMATAMENTO NA BACIA DO RIO PURUS, AMAZÔNIA BRASILEIRA OCIDENTAL.. Revista Geográfica Acadêmica, v. 5, p. 54-65, 2011.

8.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.2009RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; WAICHMAN, A. V. . Characterization of the Purus River water, western Brazilian Amazon: relations with deforestation, hydrology and precipitation. Proceedings of the International Conference on Industry Best Practices (Water Malaysia 2009)/The Malaysian Water Association (Persatuan Air Malaysia), Kuala Lumpur, Malaysia., v. 1, p. 1-8, 2009.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
EMBID, A. ; MARTIN, L. ; Ríos-Villamizar, Eduardo Antonio . El Nexo entre el agua, la energíay la alimentación em América Latina y el Caribe: Planificación, marco normativo e identificación de interconexiones prioritarias. 1. ed. Santiago: Comisión Económica para América Latina y el Caribe (CEPAL), División de Publicaciones y Servicios We, 2017. v. 1. 69p .

Capítulos de livros publicados
1.
JOURAVLEV, A. ; CANALES, C. ; Ríos-Villamizar, E. A. ; LENTNI, E. ; FERRO, G. ; HESPANHOL, I. ; LLOSA, J. ; SUEROS, J. ; DORIA, M. ; SOLANES, M. ; KUMRA, S. . CHAPTER 13. LATIN AMERICA AND THE CARIBBEAN. In: WWAP (United Nations World Water Assessment Programme). (Org.). The United Nations World Water Development Report 2017. Wastewater: The Untapped Resource. Paris, UNESCO. 1ed.Paris 07 SP, France: 7, place de Fontenoy, 75352 Paris 07 SP, France, 2017, v. 1, p. 106-110.

2.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; PIEDADE, M. T. F. ; Junk, W. J. . Tipologias de águas em áreas úmidas da Bacia Amazônica: uma revisão enfatizando a classificação dos rios e igarapés (status:. In: Sávio José Filgueiras Ferreira, Márcio Luiz da Silva, Domitila Pascoaloto. (Org.). Amazônia das águas: qualidade, ecologia e educação ambiental. 1ed.Manaus-Brasil: Editora Valer/Fapeam/Inpa, 2016, v. 1, p. 175-191.

3.
MARINHO, T. A. S. ; PAULA, J. D. ; RIOS-VILLAMIZAR, EDUARDO ANTONIO ; SCHONGART, J. . Tipos de Áreas Úmidas Amazônicas. In: Lopes, A; Piedade, MTF.. (Org.). Conhecendo as Áreas Úmidas Amazônicas: uma viagem pelas várzeas e igapós. 1ed.Manaus: INPA, 2015, v. 1, p. 1-8.

4.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; PIEDADE, M. T. F. ; Da Costa, J.G. ; ADENEY, J. M. ; Junk, Wolfgang J. . Chemistry of different Amazonian water types for river classification: a preliminary review (online)). In: Wessex Institute of Technology, UK. (Org.). Water and Society II: SECOND INTERNATIONAL CONFERENCE ON WATER AND SOCIETY. 1ed.Southampton (UK) and Boston: WIT Press, 2014, v. 178, p. 17-28.

5.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; PIEDADE, M. T. F. ; Da Costa, J.G. ; ADENEY, J. M. ; Junk, Wolfgang J. . Chemistry of different Amazonian water types for river classification: a preliminary review (print)). In: Wessex Institute of Technology, UK. (Org.). Water and Society II: SECOND INTERNATIONAL CONFERENCE ON WATER AND SOCIETY. 1ed.Southampton (UK) and Boston: WIT Press, 2013, v. 178, p. 17-28.

6.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; PIEDADE, M. T. F. ; WITTMANN, F. ; CARVALHO, T. M. ; Junk, Wolfgang J. . Improvement of a Major Naturally-Occurring Amazonian Lowland Wetlands Classification by means of the Classical Knowledge of River Water Hydrochemistry: Major Cations. In: Saleh Semsar Yazdi; Alireza Bahri; Elaheh Ahmadieh Yazdi. (Org.). Proceedings of International Conference on Traditional Knowledge for Water Resources Management (TKWRM2012). 1ed.Yazd, Iran: CIVILICA®: www.CIVILICA.com, 2012, v. 1, p. 354-360.

7.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; DUQUE, S. R. . Calidad del agua y aspectos hidrológicos de la quebrada Yahuarcaca: especial énfasis en su función como fuente abastecedora para la ciudad de Leticia, sur de la Amazonia colombiana. In: Tobón Ocampo, Marco Alejandro; Duque Escobar, Santiago Roberto. (ed.). (Org.). Imani Mundo IV: Remando a varias manos : Investigaciones desde la Amazonia. Leticia, Colombia: Diseño, impresión y acabados Impresol Ediciones LTDA, 2010, v. 1, p. 201-222.

8.
Ríos-Villamizar, Eduardo Antonio; WAICHMAN, A. V. . Purus River waters, Brazilian Amazon: relationships with deforestation and hydrology. In: Mahmod, R; Alhabshi, SM. (Org.). Proceedings of International Conference Water Malaysia 2009. 1ed.Kuala Lumpur, Malaysia: Persatuan Air Malaysia (Malaysian Water Association-MWA), 2009, v. 1, p. 30-38.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.. El mejor Viaje. Revista Camaleón, Cali-Colombia, 01 ago. 1996.

2.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.. La Educación que queremos hoy. Revista Camaleón, Cali-Colombia, 01 ago. 1996.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; SILVA, S. R. ; ADENEY, J. M. ; Junk, Wolfgang J. ; PIEDADE, M. T. F. . PHYSICO-CHEMICAL FEATURES OF MAJOR AMAZONIAN WATER TYPOLOGIES: SUBSIDIES FOR THE IMPROVEMENT OF RIVER CLASSIFICATION. In: 3rd International Conference Water resources and wetlands 2016 Tulcea, Romenia., 2016, Tulcea, Romenia. Water resources and wetlands, Conference Proceedings, 8-10 September 2016, Tulcea, Romenia.. Targoviste, Romania: Transversal Publishing House, 2016. v. 1. p. 214-219.

2.
Ríos-Villamizar, Eduardo Antonio; PIEDADE, M. T. F. ; SILVA, S. R. ; WAICHMAN, A. V. . PRELIMINARY ANALYSIS ON DEFORESTATION AND SELECTED SURFACE WATER QUALITY PARAMETERS OF THE PURUS RIVER BASIN, AMAZONAS STATE, BRAZIL. In: 3rd International Conference Water resources and wetlands 2016 Tulcea, Romenia, 2016, Tulcea, Romenia. Water resources and wetlands, Conference Proceedings, 8-10 September 2016, Tulcea, Romenia. Targoviste, Romania: Transversal Publishing House, 2016. v. 1. p. 69-74.

3.
Ríos-Villamizar, E. A.; PIEDADE, M. T. F. ; Junk, W. J. ; Junior, A. F. M ; WAICHMAN, A. V. . WATER QUALITY OF THE PURUS RIVER BASIN, WESTERN BRAZILIAN AMAZON: RELATIONSHIPS WITH DEFORESTATION AND HYDROLOGY. In: 7th International Young Water Professional (IYWP) Conference 2014 (Taipei, Chinese Taiwan), 2014, Taipei, Chinese Taiwan. Oral Programme of the International Young Water Professionals Conference. Taipei, Chinese Taiwan: National Taiwan University and The International Water Association Press., 2014. v. 1. p. 158-169.

4.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; PIEDADE, M. T. F. ; Da Costa, J.G. ; ADENEY, J. M. ; Junk, Wolfgang J. . Chemistry of different Amazonian water types for river classification: a preliminary review (Wessex Institute of Technology / Brockenhurst-New Forest, Inglaterra, UK of Great Britain). In: Water and Society II: SECOND INTERNATIONAL CONFERENCE ON WATER AND SOCIETy, 2013, Brockenhurst, Inglaterra, UK. Water and Society II: SECOND INTERNATIONAL CONFERENCE ON WATER AND SOCIETY. Southampton and Boston: WIT Press, 2013. v. 178. p. 17-28.

5.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; PIEDADE, M. T. F. ; WITTMANN, F. ; CARVALHO, T. M. ; Junk, Wolfgang J. . Improvement of a Major Naturally-Occurring Amazonian Lowland Wetlands Classification by means of the Classical Knowledge of River Water Hydrochemistry: Major Cations. In: International Conference on Traditional Knowledge for Water Resources Management (TKWRM2012), 2012, Yazd, Iran. Proceedings of International Conference on Traditional Knowledge for Water Resources Management (TKWRM2012). Yazd, Iran: CIVILICA® ? www.CIVILICA.com, 2012. v. 1.

6.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; WAICHMAN, A. V. . Characterization of the Purus River basin? waters, western Brazilian Amazon: relations with deforestation, hydrology and precipitation.. In: International Conference on Industry Best Practices (Water Malaysia 2009): A Biennial International Water Conference and Exhibition, 2009, Kuala Lumpur, Malaysia. Water Malaysia 2009: An International Conference on Industry Best Practices. Kuala Lumpur, Malaysia: The Malaysian Water Association (Persatuan Air Malaysia), 2009. v. 1. p. 1-8.

7.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; WAICHMAN, A. V. ; VEIGA, R. S. S ; CAMPOS, P.S . Caracterização das águas da bacia do rio Purus: relações com desmatamento, clima e hidrologia.. In: Conferência do Subprograma de Ciência & Tecnologia Fase II do PPG-7, 2008, Belém., 2008, Brasília. Anais da I Conferência do Subprograma de Ciência & Tecnologia Fase II do PPG-7. Brasília : Ministério de Ciência e Tecnologia - CNPq, 2008., 2008. v. 1. p. 88-92.

8.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; NOGUEIRA, A. C. ; SOUSA, L.C . Silvinita: Una nueva matriz económica para el Amazonas brasileño?. In: CONGRESO INTERNACIONAL SOBRE DESARROLLO, MEDIO AMBIENTE Y RECURSOS NATURALES: SOSTENIBILIDAD A MÚLTIPLES NIVELES Y ESCALAS, 2007, Cochabamba, Bolivia. CONGRESO INTERNACIONAL SOBRE DESARROLLO, MEDIO AMBIENTE Y RECURSOS NATURALES: SOSTENIBILIDAD A MÚLTIPLES NIVELES Y ESCALAS. Cochabamba, Bolivia: Talleres Gráficos "Kipus", 2007. v. III. p. 1989-1995.

9.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; WAICHMAN, A. V. . Efectos del uso del agua y de la tierra sobre los recursos hírdicos de la cuenca del río Purus, Amazonas. In: Coloquio Internacional de Ciencia y Tecnología para el Desarrollo, 2007, Granada - España. Memorias Coloquio Ciencia y Tecnología para el Desarrollo / Science and Technology for Development. Granada - Andalucía (España): Consorcio Parque de las Ciencias, 2007. v. 1. p. 137-147.

10.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.. Valoración del Estado de la Calidad de la aguas de la Quebrada Yahuarcaca, con especial énfasis en áreas relacionadas con su función como fuente abastecedora de agua potable para la ciudad de Leticia, Amazonas, Colombia.. In: VII Congreso Latino-Americano de Sociología Rural, 2006, Equador. GT 26 - Crisis del água y crisis rural en latinoamérica: Hacia un debate desde la Ecologia Política. CD de anais do evento. Ponecias Completas em pdf.. Quito-Equador, 2006. p. 01-20.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
Ríos-Villamizar, Eduardo Antonio; ADENEY, J. M. ; Junk, W. J. ; PIEDADE, M. T. F. . New insights into the limnological classification of major Amazonian rivers: subsidies for water resources management, 18th International Riversymposium, Brisbane, Australia, 2015.. In: 18th International Riversymposium, Brisbane, Australia, 21-24 Setembro de 2015., 2015, Brisbane, Australia. CONFERENCE ABSTRACTS. Brisbane, Australia: International RiverFoundation press, 2015. v. 1. p. 53-54.

2.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; WAICHMAN, A. V. . Efectos del uso del agua y de la tierra sobre los recursos hírdicos de la cuenca del río Purus, Amazonas.. In: Coloquio Internacional de Ciencia y Tecnología para el Desarrollo, 2007, Granada-Espanha. Coloquio Internacional de Ciencia y Tecnología para el Desarrollo, 2007, Granada - Espanha.. Granada-Espanha, 2007. v. 1. p. 137-141.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
Ríos-Villamizar, Eduardo Antonio; PIEDADE, M. T. F. ; SILVA, S. R. ; WAICHMAN, A. V. . 1. PRELIMINARY ANALYSIS ON DEFORESTATION AND SURFACE WATER QUALITY OF THE PURUS RIVER BASIN, AMAZONAS STATE, BRAZIL. In: 3rd International Conference Water resources and wetlands 2016 Tulcea, Romenia., 2016, Tulcea, Romania. Program and Book of Abstracts. Targoviste, Romania.: Transversal Publishing House, 2016. v. 1. p. 57-57.

2.
Ríos-Villamizar, E. A.; SILVA, S. R. ; ADENEY, J. M. ; Junk, W. J. ; PIEDADE, M. T. F. . PHYSICO-CHEMICAL FEATURES OF MAJOR AMAZONIAN WATER TYPOLOGIES: SUBSIDIES FOR THE IMPROVEMENT OF RIVER CLASSIFICATION. In: 3rd International Conference Water resources and wetlands 2016 Tulcea, Romenia., 2016, Tulcea. Book of Abstracs. Targoviste, Romania.: Transversal Publishing House, 2016. v. 1. p. 119-120.

3.
Ríos-Villamizar, Eduardo Antonio; PIEDADE, M. T. F. ; Junk, W. J. ; WAICHMAN, A. V. . WATER QUALITY OF THE PURUS RIVER BASIN, WESTERN BRAZILIAN AMAZON: RELATIONSHIPS WITH DEFORESTATION AND HYDROLOGY (MON-06-3 2839352)). In: 7th International Young Water Professional (IYWP) Conference 2014 (Taipei, Chinese Taiwan), 2014, Taipei, Chinese Taiwan. International Young Water Professionals Conference, Oral Programme. Taipei, Chinese Taiwan: National Taiwan University and The International Water Association, 2014. v. 1. p. 158-159.

4.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; PIEDADE, M. T. F. ; WITTMANN, F. ; CARVALHO, T. M. ; Junk, Wolfgang J. . Improvement of a Major Naturally-Occurring Amazonian Lowland Wetlands Classification by means of the Classical Knowledge of River Water Hydrochemistry: Major Cations. In: International Conference on Traditional Knowledge for Water Resources Management (TKWRM2012), 2012, Yazd, Iran. Abstracts of the International Conference on Traditional Knowledge for Water Resources Management (TKWRM2012). Yazd, Iran: Yazdi, S.S; Bahri, A; Ahmadieh Yazdi, E., 2012. v. 1. p. 1-81.

5.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; WAICHMAN, A. V. . Characterization of the Purus River basin? waters, western Brazilian Amazon: relations with deforestation, hydrology and precipitation.. In: Water Malaysia 2009: An International Conference on Industry Best Practices, 2009, Kuala Lumpur, Malaysia. Water Malaysia 2009: An International Conference on Industry Best Practices. Kuala Lumpur, Malaysia: The Malaysian Water Association, 2009. v. I. p. 19-19.

6.
CAMPOS, P.S ; WAICHMAN, A. V. ; VEIGA, R. S. S ; RíOS-VILLAMIZAR, E. A. . Diagnóstico da qualidade da água da Bacia do Purus, Amazonas.. In: AquaCiência 2008, Maringá, 2008, Maringá. Anais do AquaCiência 2008., 2008. v. 1. p. 123-123.

7.
VEIGA, R. S. S ; WAICHMAN, A. V. ; CAMPOS, P.S ; RíOS-VILLAMIZAR, E. A. . Caracterização da Pesca de subsistênia no Rio Purus, Amazonas.. In: AquaCiências 2008., 2008, Maringá.. Anais do AquaCiência 2008, 2008. v. 1. p. 85-85.

8.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.. PAGAMENTO PELA PROTEÇÃO DE SERVIÇOS AMBIENTAIS: Será sempre a alternativa mais viável?. Comentários acerca do caso da calha do rio Purus no Amazonas brasileiro.. In: Seminário de Ciências do Ambiente na Amazonia, 2007, Manaus - Brasil. Seminário de Ciências do Ambiente na Amazonia. Anais 2007. Primera edição.. Manaus - Brasil: Maice Comunicação, 2007. v. 1. p. 01-132.

9.
NOGUEIRA, A. C. ; RíOS-VILLAMIZAR, E. A. ; SOUSA, L.C . Silvinita: Uma nova matriz economica para o Amazonas. In: I Simpósio da SBPC no Amazonas-Desafíos e Perspectivas da Realidade Amazónica, 2006, Manaus. I Simpósio da SBPC no Amazonas - Sessão de Pôsteres. Manaus, 2006. p. 09-124.

10.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.. Valoración del Estado de la Calidad de la aguas de la Quebrada Yahuarcaca, con especial énfasis en áreas relacionadas con su función como fuente abastecedora de agua potable para la ciudad de Leticia, Amazonas, Colombia. 2006. In: VII Congreso Latino-Americano de Sociología Rural, 2006, Quito. La cuestión rural en América Latina, exclusión y resistencia social. Resúmenes de Ponencias. Quito, Equador, 2006. p. 738-739.

Artigos aceitos para publicação
1.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; PIEDADE, M. T. F. ; Da Costa, J.G. ; ADENEY, J. M. ; Junk, Wolfgang J. . Comparative Analysis about the chemistry of Different Amazonian Water Types: Subsidies for River Classification. Short Notes ADAPTA, 2018.

2.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; WAICHMAN, A. V. ; Junior, A. F. M ; CAMPOS, P.S ; VEIGA, R. S. S ; Da Costa, J.G. . Deforestation, hydrology, precipitation and surface water quality of the Purus River, western Brazilian Amazon. Short Notes ADAPTA, 2014.

Apresentações de Trabalho
1.
Ríos-Villamizar, E. A.. Química de Água e Classificação de Rios da Bacia Amazônica. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.. Química de Rios Amazônicos. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
RIOS-VILLAMIZAR, EDUARDO ANTONIO. Proteção das Áreas Úmidas (AU's) e Rios Amazônicos: estratégia inteligente para garantir água de qualidade. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
Ríos-Villamizar, Eduardo Antonio. Bacias hidrográficas, Proteção das Áreas Úmidas (AU's) e Rios Amazônicos: Estratégias para Gestão de Recursos Hídricos. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
RIOS-VILLAMIZAR, EDUARDO A.. Bacias hidrográficas, Química da água em Áreas Úmidas (AU's) e Rios Amazônicos: Estratégias para Gestão de Recursos Hídricos. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; PIEDADE, M. T. F. ; SILVA, S. R. ; WAICHMAN, A. V. . PRELIMINARY ANALYSIS ON DEFORESTATION AND SURFACE WATER QUALITY OF THE PURUS RIVER BASIN, AMAZONAS STATE, BRAZIL, 3rd International Conference Water resources and wetlands 2016 Tulcea, Romenia.. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

7.
Ríos-Villamizar, Eduardo A.; SILVA, S. R. ; ADENEY, J. M. ; Junk, W. J. ; PIEDADE, M. T. F. . PHYSICO-CHEMICAL FEATURES OF MAJOR AMAZONIAN WATER TYPOLOGIES: SUBSIDIES FOR THE IMPROVEMENT OF RIVER CLASSIFICATION, 3rd International Conference Water resources and wetlands 2016 Tulcea, Romenia. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

8.
Ríos-Villamizar, Eduardo Antonio. ?New insights into the physico-chemical features of Amazonian water types: subsidies for river classification and water resources management?., National Institute of Geophysics, Geodesy and Geography, Bulgarian Academy of Sciences, Sofia (Bulgaria). 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

9.
Ríos-Villamizar, E. A.. ?New insights on the physicochemistry of major Amazonian water types: a review and re-analysis for river classification?. Geographic Seminar ?Dimitrie Cantemir?, ?Alexandru Ioan Cuza? University of Iaşi, Faculty of Geography and Geology, Iași, Romania (EU), 21-23 October 2016.. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

10.
RIOS-VILLAMIZAR, EDUARDO ANTONIO. ?Hydrochemical Classification of Amazonian Rivers: A Systematic Review and Meta-Analysis?. Institute of Geography, Faculty of Sciences, University of Pécs, Pécs (Hungary). 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

11.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; Junk, W. J. ; PIEDADE, M. T. F. . Chemistry of Different Amazonian Water Types: New insights into the limnological classification of major Amazonian rivers for water resources management, Ciclo de palestras, Department of Environmental Sciences, Faculty of Science and Engineering, Macquarie University, NSW 2109, Australia. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

12.
Ríos-Villamizar, Eduardo Antonio; Junk, Wolfgang J. ; PIEDADE, M. T. F. . Characterization of the Purus River basins? waters, western Brazilian Amazon: relations with deforestation, hydrology and precipitation (Seminar at Murdoch University 2 October 2015, Sustainable Water Management, Perth-Western Australia). 2015. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

13.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; ADENEY, J. M. ; Junk, W. J. ; PIEDADE, M. T. F. . Chemistry of Different Amazonian Water Types: Comparative Analysis and Subsidies for River Classification?, Aquatic Ecodynamics Research Group , 2nd October 2015, Geography and Geology Building ? UWA, School of Earth and Environment, Perth, The University of Western Australia.. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

14.
Ríos-Villamizar, Eduardo Antonio; ADENEY, J. M. ; PIEDADE, M. T. F. ; Junk, Wolfgang J. . ?New insights into the physico-chemical features of Amazonian water types: subsidies for river classification and water resources management?, School of Civil, Environmental and Mining Engineering , Webb Lecture Theatre, The University of Western Australia on September 29th, Cross-faculty, interdisciplinary Environment Seminar Series., Perth, Australia. 2015. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

15.
Ríos-Villamizar, Eduardo Antonio; PIEDADE, M. T. F. ; Junk, W. J. ; Junior, A. F. M ; WAICHMAN, A. V. . Water Quality Characterization In The Purus River Basin, Western Brazilian Amazon: Relations With Deforestation, Precipitation, River Discharge And Level (7th International Young Water Professional (IYWP) Conference 2014 (Taipei, Chinese Taiwan)). 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

16.
Ríos-Villamizar, Eduardo Antonio. Preliminary analysis on deforestation and water quality of the Purus basin, Amazonas State, Brazil (I Ciclo de palestras/Programa de Mestrado Internacional em Desenvolvimento Sustentável Ambiental, National Central University, Zhongli, Taiwan). 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

17.
Ríos-Villamizar, E. A.. ?New insights into the physico-chemical features of Amazonian water types: subsidies for river classification and water resources management?, Weekly meeting on Physical Geography, Dept. of Geography at National Taiwan University, Taipei, Chinese Taiwan. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

18.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.. Discurso no encerramento do evento 7th International Young Water Professionals Conference (key feedback speech), Taipei-Taiwan. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

19.
Ríos-Villamizar, Eduardo Antonio. Os tipos de águas em áreas úmidas da Bacia Amazônica. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

20.
Ríos-Villamizar, Eduardo A.. Seminário Tipologia de águas em áreas úmidas da Bacia Amazônica/Grupo de Pesquisa MAUA (Ecologia, monitoramento e uso sustentável de áreas úmidas), Manaus, 10/10/2014. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

21.
Ríos-Villamizar, Eduardo Antonio. Tipologia de águas em áreas úmidas da Bacia Amazônica. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

22.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.. A Systematic Review on Hydrochemical classification of Amazonian rivers for water resources management / Speech at Geography Department, National University of Tainan, Tainan - Taiwan, 2014. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

23.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; PIEDADE, M. T. F. ; Da Costa, J.G. ; ADENEY, J. M. ; Junk, Wolfgang J. . Chemistry of different Amazonian water types for river classification: a preliminary review (Wessex Institute of Technology / Brockenhurst-New Forest, Inglaterra, UK-Grã Bretanha). 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

24.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.. Chemistry of different Amazonian water types for river classification: a preliminary review (Lancaster Environment Centre-LEC, Lancaster University, Lancaster, Inglaterra, UK of Great Britain). 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

25.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.. Chemistry of different Amazonian water types: comparative analysis and subsidies for river classification (Ecology and Global Change research group weekly seminar/School of Geography of the University of Leeds, Leeds, Inglaterra, UK). 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

26.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.. Tipologia de Águas de Áreas Alagáveis Amazônicas (curso sobre florestas alagáveis na Universidade Federal do Amazonas-UFAM). 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

27.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.. Química da água para a classificação dos rios e igarapés da Bacia Amazônica (Ciclo de palestras do Curso de Mestrado em Biologia Urbana. Universidade Nilton Lins, Manaus, Amazonas, Brasil). 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

28.
Da Costa, J.G. ; Ríos-Villamizar, Eduardo Antonio ; LOPES, A. ; PIEDADE, M. T. F. . Meta-análise de dados de Química de Água de 221 Rios da Bacia Amazônica (XIV Congresso brasileiro de limnologia realizado em Bonito/MS ? Brasil, 2013). 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

29.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; PIEDADE, M. T. F. ; WITTMANN, F. ; CARVALHO, T. M. ; Junk, Wolfgang J. . Improvement of a Major Naturally-Occurring Amazonian Lowland Wetlands Classification by means of the Classical Knowledge of River Water Hydrochemistry: Major Cations (International Conference on Traditional Knowledge for Water Resources Management, Yazd, Iran. UNESCO-IHE/IHP, International Water History Association (IWHA), International Centre on Qanats and Historic Hydraulic Structures, Iran). 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

30.
Ríos-Villamizar, Eduardo A.. The Classical Knowledge of River Water Hydrochemistry: Subsidies for Amazonian Rivers and Lowland Wetlands Classification (Weekly Meeting of Science Department, Shiraz University, Shiraz - Islamic Republic of Iran/Irão/Irã). 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

31.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; Junk, Wolfgang J. ; PIEDADE, M. T. F. . A físico-química da água: subsídios para o refinamento das tipologias alagáveis amazônicas / III WORKSHOP-PRONEX - Caracterização, classificação e avaliação do potencial de uso como base para uma política de manejo sustentável das áreas úmidas do Estado do Amazonas (INPA, Manaus, 26 a 28 de abril/2011). 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

32.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; Junk, Wolfgang J. . A físico-química das tipologias alagáveis amazônicas: estado da arte / II WORKSHOP-PRONEX - CARACTERIZAÇÃO, CLASSIFICAÇÃO E AVALIAÇÃO DO POTENCIAL DE USO COMO BASE PARA UMA POLÍTICA DE MANEJO SUSTENTÁVEL DAS ÁREAS ÚMIDAS DO ESTADO DO AMAZONAS (INPA, Manaus, 19 a 21 de agosto/2010). 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

33.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; WAICHMAN, A. V. . Characterization of the Purus River basin? waters, western Brazilian Amazon: relations with deforestation, hydrology and precipitation (International Conference Water Malaysia 2009/The Malaysian Water Association (Persatuan Air Malaysia)/Kuala Lumpur, Malaysia). 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

34.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.. ?Vertical profile of canopy, Caxiuanã, Amazon? (Oral presentation in the Amazon Forest Field Course, Amazon Forest Ecology and Biogeochemistry ? PIRE, Ferreira Penna Field Station, Caxiuanã National Forest, Belém, Para, Brazil, 2009. Organized by Harvard University/Museu Paraense Emilio Goeldi/CENA-USP/University of Arizona).. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

35.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; RIVAS, A. A. F. ; SOUSA, L.C ; NOGUEIRA, A. C. . Silvinita: Una nueva matriz económica para la Amazonia brasileña? (In: Congreso internacional sobre desarrollo, medio ambiente y recursos naturales: sostenibilidad a múltiples niveles y escalas, 2007, Cochabamba, Bolivia).. 2007. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

36.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; DUQUE, S. R. . Valoración del Estado de la Calidad de la aguas de la Quebrada Yahuarcaca, Leticia, Amazonas, Colombia. GT 26 - Crisis del agua y crisis rural en latinoamérica: Hacia un debate desde la Ecologia Política. (In: VII Congreso Latino-Americano de Sociología Rural, 2006, Quito-Equador).. 2006. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

Outras produções bibliográficas
1.
EMBID, A. ; MARTIN, L. ; RíOS-VILLAMIZAR, E. A. . El Nexo entre el agua, la energia y la alimentación em América Latina y el Caribe Planifcación, marco normativo e identifcación de interconexiones prioritarias. Santiago: Publicación de las Naciones Unidas, Comisión Económica para América Latina y el Caribe (CEPAL), 2017 (Colaboração em Publicação Técnica).

2.
RIOS-VILLAMIZAR, EDUARDO ANTONIO; CROSS, K. ; ARMALEO, A. . Basins Restoration Charter (guidance to the water sector) (status: em andamento), Publication of the International Water Association-IWA. London ? Amsterdã: IWA press-IWA Media Office, 2016 (Capítulo).

3.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; WAICHMAN, A. V. . Characterization of the Purus River basin waters, western Brazilian Amazon: relations with deforestation, hydrology and precipitation.. Kuala Lumpur, Malaysia.: The Malaysian Water Association. Water Malaysia 2009., 2009 (Capítulo).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.. EVALUACIÓN DE LA CALIDAD DE LAS AGUAS POR EFECTO DE LA CONSTRUCCIÓN DE LA REPRESA CUTURI - VILA APACHETA, PERU (PERU HYDRAULICS S.A.C.). 2012.

2.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.. INFORME SOBRE ACTIVIDADES PARA LA FORMULACIÓN DE LA PROPUESTA DE AJUSTE DEL PLAN DE MANEJO DE LA MICROCUENCA YAHUARCACA: HIDROQUIMICA (Leticia, Amazonas, Colombia). 2005.

Trabalhos técnicos
1.
KROSS, K. ; RíOS-VILLAMIZAR, E. A. . Basin Restoration Charter/Framework for Action. 2016.

2.
JOURAVLEV, A. ; RíOS-VILLAMIZAR, E. A. . Wastewater: An Untapped Resource. 2016.

3.
JOURAVLEV, A. ; Ríos-Villamizar, E. A. . O nexo entre agua-energia-alimentação em América Latina e o Caribe: marco normativo e identificação de interconexões prioritárias. 2016.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
RIOS-VILLAMIZAR, EDUARDO ANTONIO. Desmatamento, qualidade da água, e áreas úmidas da Amazônia_na Rádio BandNews. 2018. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

2.
RIOS-VILLAMIZAR, EDUARDO ANTONIO; GHENKA, C. . Amazônia em debate_Amazon Sat. 2017.

3.
RIOS-VILLAMIZAR, EDUARDO A.; GHENKA, C. . Amazonia em debate_Amazon Sat: Proteção das Áreas Úmidas (AU's) e Rios Amazônicos: estratégia inteligente para garantir água de qualidade. 2017. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

4.
GHENKA, C. ; RíOS-VILLAMIZAR, E. A. . Amazônia em Debate: Proteção das Áreas Úmidas (AU's) e Rios Amazônicos: estratégia inteligente para garantir água de qualidade. 2017. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).


Demais tipos de produção técnica
1.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.. ?New insights into the physico-chemical features of Amazonian water types: subsidies for river classification and water resources management?. 2015. .

2.
Ríos-Villamizar, Eduardo A.. ?Chemistry of Different Amazonian Water Types: New insights into the limnological classification of major Amazonian rivers for water resources management', Macquarie University, Sydney, Australia. 2015. .

3.
Ríos-Villamizar, Eduardo A.. ?Chemistry of Different Amazonian Water Types: Comparative Analysis and Subsidies for River Classification?, University of Western Australia, Perth, Australia. 2015. .

4.
Ríos-Villamizar, Eduardo Antonio. ?Characterization of the Purus River basins? waters, western Brazilian Amazon: relations with deforestation, hydrology and precipitation, Murdoch University, Perth, Australia. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

5.
Ríos-Villamizar, E. A.. Water quality in Brazilian Amazon and its relationships with deforestation and hydrological cycle / Participation on ?Special Topics? course at the International Environment Sustainable Development - IESD Master?s Program, College of Engineering, National Central University, Zhongli District, Taoyuan County, Taiwan.. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

6.
Ríos-Villamizar, Eduardo Antonio. Physico-chemical features of different Amazonian water types, rivers and wetlands classification, water resources management / Course at the Department of Geography, National Taiwan University, Taipei - Chinese Taiwan. 2014. .

7.
Ríos-Villamizar, Eduardo Antonio. A Systematic Review on Hydrochemical classification of Amazonian rivers for water resources management / Course at the Geography Department, National University of Tainan, Tainan - Taiwan, 2014. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Outra).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
Ríos-Villamizar, Eduardo A.; SAMPAIO, P. T. B.; LIMA, T. A.. Participação em banca de Javier Enrique López Gómez. Análisis preliminar para la viabilidad de lncorporación de lncentivos Economicos para la Conservacion y Uso del Recurso Hídrico en la Cuenca Media-Alta del Rio Fragua Chorroso, Amazonia Colombiana. 2015. Dissertação (Mestrado em Pós-Graduação em Gestão de Áreas Protegidas) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.

Teses de doutorado
1.
ALBUQUERQUE, C. Q.; RIOS-VILLAMIZAR, EDUARDO A.; CLEMENT, C. R.; AMARAL, R. S.; PAULA, J. D.. Participação em banca de LUCIANA CARVALHO CREMA. CARACTERIZAÇÃO DE IGAPÓS DE ÁGUAS CLARAS E PRETAS E SUAS DISPONIBILIDADES ALIMENTARES PARA O PEIXE-BOI-DA-AMAZÔNIA (Trichechus inunguis). 2017. Tese (Doutorado em Biologia de Água Doce e Pesca Interior) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.

Qualificações de Mestrado
1.
Ríos-Villamizar, Eduardo A.; BRINGEL, S.; TEZZA NETO, J. B.. Participação em banca de JAVIER ENRIQUE LÓPEZ GÓMEZ. Custo de oportunidade de uso da terra associada às fontes de água no Parque Nacional Alto Fragua Indi Wasi. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Pós-Graduação em Gestão de Áreas Protegidas) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
BRAGA, K.; RíOS-VILLAMIZAR, E. A.. Participação em banca de ANTONIO OLIVEIRA DE CARVALHO.Otimizacao de processo de utilizacao do CO2 como Fluido Supercrítico (no estado supercrítico - sc-CO2) como solvente alternativo em extração de produtos naturais, encapsulamento de fármacos, meio reacional.. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em ENGENHARIA QUÍMICA) - Centro Universitário Luterano de Manaus.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Outras participações
1.
Ríos-Villamizar, Eduardo A.. AVALIAÇÃO DE 2 RELATÓRIOS PARCIAIS DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA. 2017. Universidade Nilton Lins.

2.
RIOS-VILLAMIZAR, EDUARDO ANTONIO. DETERMINAÇÃO DA CONCENTRAÇÃO LETAL (CL50) DO ÓLEO ESSENCIAL DE Mentha piperita (LAMIACEAE) PARA JUVENIS DE Colossoma macropomum (Cuvier, 1808).. 2017. Universidade Nilton Lins.

3.
Ríos-Villamizar, E. A.. OLÉO ESSENCIAL DE Mentha piperita (LAMIACEAE) NO CONTROLE DE Piscinoodinium pillulare (SCHÄPERCLAUS, 1954) EM TAMBAQUI Colossoma macropomum (CUVIER, 1818). 2017. Universidade Nilton Lins.

4.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.. POLIMORFISMO NO GENE TNF ALPHA SUSCEPTIBILIDADE A LEISHMANIA CUTÂNEA CAUSADA POR LEISHMANIA GUYANENSIS NO ESTADO DO AMAZONAS. 2017. Universidade Nilton Lins.

5.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.. Banca de avaliacao dos trabalhos na I Semana academica de Engenharias e Arquitetura- CEULM/ULBRA - Centro Universitário Luterano de Manaus, 26-27 maio 2015. 2015. Centro Universitário Luterano de Manaus.

6.
Ríos-Villamizar, Eduardo Antonio; BERBERT, F.; BRAGA, N. P.. Banca Avaliacao de Relatorios Atividades Laboratorio de Op. Unitarias. 2015. Universidade Federal do Amazonas.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Preparatório da Engenharia e da Agronomia para o 8º Fórum Mundial da Água. Proteção das Áreas Úmidas (AU's) e Rios Amazônicos: estratégia inteligente para garantir água de qualidade. 2017. (Congresso).

2.
SHOW DAS ÁGUAS ALTAZES - Data: 06/11/2017 a 11/11/2017.Proteção das Áreas Úmidas (AU's) e Rios Amazônicos: Estratégias para Gestão de Recursos Hídricos. 2017. (Simpósio).

3.
VI WORKSHOP DE TECNOLOGIA SOCIAL DO INPA e III SEMINÁRIO DAS ÁGUAS DA AMAZÔNIA, 27/11/2017, Auditório do Instituto Soka - CEPEAM - RPPN Dr. Daisaku Ikeda, Manaus, AM.Química das Áreas Úmidas (AU's) e Rios Amazônicos: Ferramentas para Gestão de Recursos Hídricos. 2017. (Seminário).

4.
3rd International Conference Water resources and wetlands 2016 Tulcea, Romenia. PRELIMINARY ANALYSIS ON DEFORESTATION AND SURFACE WATER QUALITY OF THE PURUS RIVER BASIN, AMAZONAS STATE, BRAZIL. 2016. (Congresso).

5.
3rd International Conference Water resources and wetlands 2016 Tulcea, Romenia. PHYSICO-CHEMICAL FEATURES OF MAJOR AMAZONIAN WATER TYPOLOGIES: SUBSIDIES FOR THE IMPROVEMENT OF RIVER CLASSIFICATION. 2016. (Congresso).

6.
Geographic Seminar ?Dimitrie Cantemir?, ?Alexandru Ioan Cuza? University of Iaşi, Faculty of Geography and Geology, Romania (EU), 21-23 October 2016 in Iași, Romania..New insights on the physicochemistry of major Amazonian water types: a review and re-analysis for river classification. 2016. (Seminário).

7.
Scientific seminar of the Institute of Geography, Faculty of Sciences, University of Pécs, Pécs (Hungary).Hydrochemical Classification of Amazonian Rivers: A Systematic Review and Meta-Analysis. 2016. (Seminário).

8.
Scientific seminar of the National Institute of Geophysics, Geodesy and Geography, Bulgarian Academy of Sciences, Sofia (Bulgaria).New insights into the physico-chemical features of Amazonian water types: subsidies for river classification and water resources management.. 2016. (Seminário).

9.
18th International Riversymposium, Brisbane, Australia no período de 21-24 Setembro de 2015.New insights into the limnological classification of major Amazonian rivers: subsidies for water resources management. 2015. (Simpósio).

10.
Breakfast event of the International Rivers Symposium, organized by Sustainable Water Program, Global Change Institute, University of Queensland, Australia..Comparative Analysis about the Chemistry of Different Amazonian Water Typologies for River Classification.. 2015. (Seminário).

11.
Session ?Large River Basin Forum? organized by Murray-Darling Basin Authority at the 18th International Riversymposium, Brisbane, Australia..Chemistry of Amazonian Water Typologies for River Classification: A Systematic Review. 2015. (Simpósio).

12.
Weekly meeting, Sustainable Water Management, School of Veterinary and Life Sciences, South Street, Murdoch WA 615, Murdoch University, Perth, Australia.Characterization of the Purus River basin? waters, western Brazilian Amazon: relations with deforestation, hydrology and precipitation.. 2015. (Encontro).

13.
Weekly Seminar, Department of Environmental Sciences, Level 2, Australian Hearing Hub Faculty of Science and Engineering, Macquarie University, NSW 2109, Sydney, Australia.Chemistry of Different Amazonian Water Types: New insights into the limnological classification of major Amazonian rivers for water resources management. 2015. (Simpósio).

14.
Weekly Seminary series, School of Earth and Environment, The University of Western Australia.New insights into the physico-chemical features of Amazonian water types: subsidies for river classification and water resources management. 2015. (Encontro).

15.
7th International Young Water Professional (IYWP) Conference 2014 (Taipei, Chinese Taiwan). Water Quality Characterization In The Purus River Basin, Western Brazilian Amazon: Relations With Deforestation, Precipitation, River Discharge And Level. 2014. (Congresso).

16.
Ciclo de palestras at National Central University, International Environment Sustainable Development - IESD Program, College of Engineering, Zhongli District, Taoyuan County, Taiwan..Water Quality Characterization In The Purus River Basin, Western Brazilian Amazon: Relations With Deforestation, Precipitation, River Discharge And Level. 2014. (Seminário).

17.
Graduate seminar on Physical Geography, Geography Department at National University of Tainan, Tainan - Taiwan, 2014..Hydrochemical classification of Amazonian rivers: A Systematic Review for water resources management. 2014. (Seminário).

18.
Weekly meeting on Physical Geography, Department of Geography at National Taiwan University, Taipei, Chinese Taiwan.Chemistry of different Amazonian water types: comparative analysis and subsidies for river classification. 2014. (Seminário).

19.
Ecology and Global Change research group weekly seminar, School of Geography of the University of Leeds (Leeds, UK, 19th September 2013).Chemistry of different Amazonian water types: comparative analysis and subsidies for river classification. 2013. (Seminário).

20.
Tropical Lunch Weekly Meeting, Lancaster Environment Centre (LEC), Lancaster University, UK.Chemistry of different Amazonian water types for river classification: a preliminary review. 2013. (Seminário).

21.
Water and Society II: SECOND INTERNATIONAL CONFERENCE ON WATER AND SOCIETY (Wessex Institute of Technology / Brockenhurst-New Forest, Inglaterra, UK-Grã Bretanha. Chemistry of different Amazonian water types for river classification: a preliminary review. 2013. (Congresso).

22.
International Conference on Traditional Knowledge for Water Resources Management (TKWRM2012), Yazd, Iran. Improvement of a Major Naturally-Occurring Amazonian Lowland Wetlands Classification by means of the Classical Knowledge of River Water Hydrochemistry: Major Cations. 2012. (Congresso).

23.
Curso Internacional em Hidrologia de Floresta Tropical, Reserva Biologica do Cuieiras - ZF-2, Manaus, Brasil. 2011. (Outra).

24.
III WORKSHOP-PRONEX: Caracterização, classificação e avaliação do potencial de uso como base para uma política de manejo sustentável das áreas úmidas do Estado do Amazonas.A físico-química da água: subsídios para o refinamento das tipologias alagáveis amazônicas. 2011. (Outra).

25.
Curso Internacional de Ecohidrología Tropical, Universidad Agraria La Molina, Lima (Perú). 2010. (Outra).

26.
Dia Mundial da Água. Centro Cultural Thiago de Mello, SEDUC..Characterization of the Purus River basin? waters, western Brazilian Amazon: relations with deforestation, hydrology and precipitation.. 2010. (Simpósio).

27.
II WORKSHOP-PRONEX: CARACTERI ZAÇÃO, CLASSIFICAÇÃO E AVALIAÇÃO DO POTENCIAL DE USO COMO BASE PARA UMA POLÍTICA DE MANEJO SUSTENTÁVEL DAS ÁREAS ÚMIDAS DO ESTADO DO AMAZONAS..A físico-química das tipologias alagáveis amazônicas: estado da arte.. 2010. (Outra).

28.
Seminário "O Desenvolvimento Sustentável em Áreas Alagáveis e as Mudanças Climáticas". 2010. (Seminário).

29.
Cúpula Amazonica de Governos Locais, Manaus-Brasil. 2009. (Congresso).

30.
Curso PIRE: Amazon Forest Field Course, 2009, in the Ferreira Penna Field Station, Caxiuanã, National Forest (near Belém, Brazil)..Vertical profile of canopy, Caxiuanã, Amazon. 2009. (Outra).

31.
II Ciclo de palestras da Secretaria Municipal de Meio Ambiente e Sustentabilidade.Caracterização das águas da Bacia do Rio Purus, Amazônia brasileira ocidental: relações com desmatamento, clima e saneamento básico. 2009. (Simpósio).

32.
Water Malaysia 2009: An International Conference on Industry Best Practices. Characterization of the Purus River basin? waters, western Brazilian Amazon: relations with deforestation, hydrology and precipitation.. 2009. (Congresso).

33.
III Encontro de Etnobiologia e Etnoecologia da região norte. Manaus, Brasil.CARACTERIZAÇÃO DAS ÁGUAS DA BACIA DO RIO PURUS, AMAZÔNIA BRASILEIRA OCIDENTAL: RELAÇÕES COM DESMATAMENTO, CLIMA E SANEAMENTO BÁSICO.. 2008. (Encontro).

34.
II Seminário de Ciências do Ambiente na Amazônia. Manaus, Brasil.CARACTERIZAÇÃO DAS ÁGUAS DA BACIA DO RIO PURUS, AMAZÔNIA BRASILEIRA OCIDENTAL: RELAÇÕES COM DESMATAMENTO, CLIMA E SANEAMENTO BÁSICO.. 2008. (Seminário).

35.
International Conference on Water and Urban Development Paradigms: Towards an integration of engineering, design and management approaches. Leuven-Belgium. Deforestation and surface water quality of the Purus basin, western Brazilian Amazon. 2008. (Congresso).

36.
Coloquio Internacional de Ciencia y Tecnología para el Desarrollo, Granada-Espanha.EFEITO DAS INTERVENÇÕES ANTRÓPICAS NOS AMBIENTES AQUÁTICOS DA BACIA DO PURUS, AMAZÔNIA BRASILEIRA OCCIDENTAL. 2007. (Outra).

37.
CONGRESO INTERNACIONAL SOBRE DESARROLLO, MEDIO AMBIENTE Y RECURSOS NATURALES: SOSTENIBILIDAD A MÚLTIPLES NIVELES Y ESCALAS, Cochabamba-Bolívia. Silvinita: Una nueva matriz económica para el Amazonas brasileño?. 2007. (Congresso).

38.
I Simpósio da SBPC no Amazonas-Desafíos e Perspectivas da Realidade Amazónica.Silvinita: Uma nova matriz economica para o Amazonas?. 2006. (Simpósio).

39.
Seminário Geodiversidade do Amazonas-Paradigma ao Desenvolvimento Sustentável Regional.Seminário Geodiversidade do Amazonas-Paradigma ao Desenvolvimento Sustentável Regional. 2006. (Seminário).

40.
Seminário Internacional BIODAM.Seminário Internacional BIODAM. 2006. (Seminário).

41.
VII Congreso Latino-Americano de Sociología Rural. Valoración del estado de la calidad de las aguas de la Quebrada Yahuarcaca con especial énfasis en áreas relacionadas con su función como fuente abastecedora de agua potable para la ciudad de Leticia, Amazonas, Colombia. 2006. (Congresso).

42.
VII Congreso Latino-Americano de Sociología Rural, Quito-Equador. Valoración del Estado de la Calidad de la aguas de la Quebrada Yahuarcaca, con especial énfasis en áreas relacionadas con su función como fuente abastecedora de agua potable para la ciudad de Leticia, Amazonas, Colombia.. 2006. (Congresso).

43.
Valoração do estado da qualidade das águas do igarapé Yahuarcaca, com especial ênfase nas áreas relacionadas com sua função como fonte abastecedora de água potável para a cidade de Leticia.Forum Educativo Departamental organizado pelo governo do Amazonas.. 2005. (Encontro).

44.
Valoração do estado da qualidade das águas do igarapé Yahuarcaca, com especial ênfase nas áreas relacionadas com sua função como fonte abastecedora de água potável para a cidade de Leticia.. I Congresso Internacional de Estudantes Universitários da Região Amazônica.. 2005. (Congresso).

45.
Curso de capacitação sobre o planejamento de programas de Vigilância e monitoramento da qualidade da água. Bogotá, Colombia..Curso de capacitação sobre a planificação de programas de Vigilância da qualidade da água. Instituto Nacional de saúde.. 2003. (Oficina).

46.
Estado Atual do sistema de abastecimento de água para a cidade de Letícia, Colombia..Reunião extraordinária do comitê de fronteira Brasil-Colômbia. Delegação colombiana.. 2003. (Outra).

47.
Vigilância epidemiológica das doenças transmitidas por alimentos e boas práticas de manufatura. Letícia, Colombia..?Vigilância epidemiológica das doenças transmitidas por alimentos e boas práticas de manufatura?. INVIMA.. 2003. (Oficina).

48.
Conferência sobre a vacina contra a Malária, ministrada pelo Dr. Manuel Elkin Patarroyo. Tabatinga, Colombia..Conferência sobre a vacina contra a Malária ministrada pelo médico colombiano Manuel Elquin Patarroyo. 2002. (Outra).

49.
Curso de capacitação sobre os métodos de preservação, recuperação e manejo da floresta Amazônica. Letícia. Colombia..Curso de capacitação sobre os métodos de preservação, recuperação e manejo da selva tropical Amazônica, organizado pelas seguintes instituições: Universidade de Los Andes (Bogotá-Colômbia), Universidade de Strathclyde (Glasgow) e iniciativa Darwin. 2002. (Oficina).

50.
X Encontro de Engenharia Química-Universidade Industrial de Santander, Bucaramanga, Colombia..Seminário sobre o tratamento de águas residuais no X Encontro de estudantes de Engenharia Química. Universidade industrial de Santander.. 2002. (Encontro).

51.
Primeiro Encontro de Estudantes de Engenharia Química, Universidad de Los Andes, Bogotá, Colombia..Primeiro Encontro de estudantes de Engenharia Química. 2001. (Encontro).

52.
Seminário: Qualidade na Indústria Química, Universidad de Los Andes, Bogotá, Colombia..Qualidade na indústria química. 2001. (Seminário).

53.
Seminário sobre o Petróleo na Colombia, Universidad de Los Andes, Bogotá, Colombia..Petróleo na Colômbia. 2001. (Seminário).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.. I Seminário de Ciências do Ambiente na Amazônia. Centro de Ciências do Ambiente (CCA/UFAM)/Programa de Mestrado en Ciências do Ambiente e Sustentabilidade na Amazônia. 2007. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões concluídas
Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
WALTON MICHAEL MOREIRA DE SOUZA MINICHELLO MONTIN. TRATAMENTO DE ÁGUA INDUSTRIAL PARA TORRE DE RESFRIAMENTO. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Química) - Universidade Luterana do Brasil. Orientador: Eduardo Antonio Ríos Villamizar.

2.
ALEX SANDRO CORUJA TAVARES. Influencia da riqueza do gas natural no processamento por absorcao refrigerada. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em ENGENHARIA QUÍMICA) - Centro Universitário Luterano de Manaus. Orientador: Eduardo Antonio Ríos Villamizar.

3.
DIEGO MACEDO DE ALMEIDA. Reducao da perda de carga pelo uso de soda caustica em tubulacoes. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em ENGENHARIA QUÍMICA) - Centro Universitário Luterano de Manaus. Orientador: Eduardo Antonio Ríos Villamizar.

4.
JAYSE TRINDADE DA SILVA. Uso da semente do buriti (Mauritia Flexuosa) como agente coagulante no tratamento de agua. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em ENGENHARIA QUÍMICA) - Centro Universitário Luterano de Manaus. Orientador: Eduardo Antonio Ríos Villamizar.

5.
KEILA MIRACELY BARBOSA DOS SANTOS. Desenvolvimento de compositos polimericos com fibras de acai, e hibridos com fibra de vidro. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em ENGENHARIA QUÍMICA) - Centro Universitário Luterano de Manaus. Orientador: Eduardo Antonio Ríos Villamizar.

6.
THALYTA SUELLEN NINA DA SILVA AGUIAR. Otimizacao do processo de Reutilização de Garrafas PET para fabricação de mangueiras pelo método de Extrusão Direta. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em ENGENHARIA QUÍMICA) - Centro Universitário Luterano de Manaus. Orientador: Eduardo Antonio Ríos Villamizar.

7.
FRANCISCO JOSE MOTA CAVALCANTE FILHO. Estudo de viabilidade tecnica para a substituicao do gas argonio pelo gas nitrogenio em processo de desgaseificacao. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em ENGENHARIA QUÍMICA) - Centro Universitário Luterano de Manaus. Orientador: Eduardo Antonio Ríos Villamizar.

8.
DIOGO WESLEY SOARES DA SILVA. ESTUDO DA APLICAÇÃO DE POLÍMERO DE ALTA DENSIDADE NA SEDIMENTABILIDADE DO PROCESSO DE TRATAMENTO DE LODOS ATIVADOS AERÓBIOS. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em ENGENHARIA QUÍMICA) - Centro Universitário Luterano de Manaus. Orientador: Eduardo Antonio Ríos Villamizar.

9.
GILBERTO BATISTA DO CARMO. ANÁLISE SITUACIONAL, COMPARATIVA PRELIMINAR E PROPOSTA ALTERNATIVA DE UM NOVO SISTEMA DE REFRIGERAÇÃO PARA PRODUÇÃO DE GASES EM BAIXA TEMPERATURA. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em ENGENHARIA QUÍMICA) - Centro Universitário Luterano de Manaus. Orientador: Eduardo Antonio Ríos Villamizar.

10.
Heloisa do Amaral Pereira. Obtençao e utilizaçao da celulose das cascas do cocos nucífera para a confecçao de vasos de germinaçao. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em ENGENHARIA QUÍMICA) - Centro Universitário Luterano de Manaus. Orientador: Eduardo Antonio Ríos Villamizar.

11.
JORDANA ALENCAR LOPES. REAPROVEITAMENTO DO CAROÇO DO AÇAÍ COMO AGREGADO DO CONCREO PARA PAVIMENTAÇÃO. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Engenharia Química) - Universidade Luterana do Brasil. Orientador: Eduardo Antonio Ríos Villamizar.

12.
JOSÉ DE MESQUITA ANSELMO. PRODUÇÃO DE BIOCOMBUSTÍVEL A PARTIR da palmeira DO PATAUÁ (Oenorcarpus bataua Mart.). 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em ENGENHARIA QUÍMICA) - Centro Universitário Luterano de Manaus. Orientador: Eduardo Antonio Ríos Villamizar.

13.
TATIANE FRAÇA DA SILVA. OTIMIZAÇÃÁO DO PROCESSO DE DRAGEAMENTO (COM CHOCOLATE) DA CASTANHA DO BRASIL. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em ENGENHARIA QUÍMICA) - Centro Universitário Luterano de Manaus. Orientador: Eduardo Antonio Ríos Villamizar.

Iniciação científica
1.
Jaine Galganha da Costa. Compilação e análises de dados relacionados à qualidade da água para a classificação dos principais tipos de áreas úmidas da Bacia Amazônica (INPA, 2012-2013). 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Ciências Biológicas) - Centro Universitário do Norte, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Eduardo Antonio Ríos Villamizar.

Orientações de outra natureza
1.
ROBSON MATOS CALAZÃES. QUIMICA DE SOLOS DA RESERVA DE DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL UATUMÃ E PARQUE NACIONAL DO JAU ? PARNAJAU, AMAZONAS. 2017. Orientação de outra natureza. (ENGENHARIA QUÍMICA) - Centro Universitário Luterano de Manaus, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas. Orientador: Eduardo Antonio Ríos Villamizar.

2.
NELCIVAN LOPES DE SOUZA. Características físicas, químicas e bacteriológicas da água do Igarapé no campus da Universidade Nilton Lins, Manaus, Brazil. 2017. Orientação de outra natureza. (Engenharia Ambiental) - Universidade Nilton Lins, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas. Orientador: Eduardo Antonio Ríos Villamizar.

3.
NELCIVAN LOPES DE SOUZA. CARACTERÍSTICAS FÍSICAS, QUÍMICAS E BACTERIOLÓGICAS DA ÁGUA DO IGARAPÉ NO CAMPUS DA UNIVERSIDADE NILTON LINS (microbacia do igarapé do Bindá, na Bacia do São Raimundo). 2017. Orientação de outra natureza. (Engenharia Ambiental) - Universidade Nilton Lins, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas. Orientador: Eduardo Antonio Ríos Villamizar.

4.
Bruna Gabriella Matheus de Souza Vaz. Qualidade química da água para o refinamento do sistema de classificação dos corpos de água da Bacia Amazônica. 2016. Orientação de outra natureza. (Engenharia Ambiental e Sanitária) - Centro Universitário do Norte, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas. Orientador: Eduardo Antonio Ríos Villamizar.

5.
Mateus Soares de Oliveira. Levantamento e estimativa das coordenadas geográficas de 1200 pontos de coleta da qualidade química da água da Bacia Amazônica, a partir da compilação de 150 artigos. 2016. Orientação de outra natureza. (ENGENHARIA QUÍMICA) - Centro Universitário Luterano de Manaus. Orientador: Eduardo Antonio Ríos Villamizar.

6.
ROBSON MATOS CALAZÃES. Analise da qualidade química dos sedimentos e solos em areas umidas associadas a rios, igarapés e lagos, no Parque Nacional do Jaú (Sítio Igapó) e da Reserva de Desenvolvimento Sustentável Uatumã (Sítio Campina). 2015. Orientação de outra natureza - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas. Orientador: Eduardo Antonio Ríos Villamizar.

7.
Nilyan Adria Santarem dos Santos. Estudos da qualidade química da água nas bacias dos rios Uatumã, Abacate e Jaú (Estado do Amazonas). 2015. Orientação de outra natureza. (ENGENHARIA QUÍMICA) - Centro Universitário Luterano de Manaus. Orientador: Eduardo Antonio Ríos Villamizar.

8.
Diego Macedo de Almeida. Levantamento de dados secundários, coleta e analise de amostras acerca da química do solo em ambientes lóticos e lênticos, e analise comparativa final dos dados.. 2014. Orientação de outra natureza. (ENGENHARIA QUÍMICA) - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas. Orientador: Eduardo Antonio Ríos Villamizar.

9.
Nilyan Adria Santarem dos Santos. Estudos da qualidade química da água para o refinamento do sistema de classificação dos corpos de água, como subsidio para o aperfeiçoamento da classificação das áreas úmidas da Bacia Amazônica.. 2014. Orientação de outra natureza - Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, Fundação de Amparo a Pesquisa do Estado do Amazonas. Orientador: Eduardo Antonio Ríos Villamizar.



Inovação



Projetos de pesquisa

Outros projetos


Educação e Popularização de C & T



Livros e capítulos
1.
EMBID, A. ; MARTIN, L. ; Ríos-Villamizar, Eduardo Antonio . El Nexo entre el agua, la energíay la alimentación em América Latina y el Caribe: Planificación, marco normativo e identificación de interconexiones prioritarias. 1. ed. Santiago: Comisión Económica para América Latina y el Caribe (CEPAL), División de Publicaciones y Servicios We, 2017. v. 1. 69p .

1.
MARINHO, T. A. S. ; PAULA, J. D. ; RIOS-VILLAMIZAR, EDUARDO ANTONIO ; SCHONGART, J. . Tipos de Áreas Úmidas Amazônicas. In: Lopes, A; Piedade, MTF.. (Org.). Conhecendo as Áreas Úmidas Amazônicas: uma viagem pelas várzeas e igapós. 1ed.Manaus: INPA, 2015, v. 1, p. 1-8.

2.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; PIEDADE, M. T. F. ; Junk, W. J. . Tipologias de águas em áreas úmidas da Bacia Amazônica: uma revisão enfatizando a classificação dos rios e igarapés (status:. In: Sávio José Filgueiras Ferreira, Márcio Luiz da Silva, Domitila Pascoaloto. (Org.). Amazônia das águas: qualidade, ecologia e educação ambiental. 1ed.Manaus-Brasil: Editora Valer/Fapeam/Inpa, 2016, v. 1, p. 175-191.

3.
JOURAVLEV, A. ; CANALES, C. ; Ríos-Villamizar, E. A. ; LENTNI, E. ; FERRO, G. ; HESPANHOL, I. ; LLOSA, J. ; SUEROS, J. ; DORIA, M. ; SOLANES, M. ; KUMRA, S. . CHAPTER 13. LATIN AMERICA AND THE CARIBBEAN. In: WWAP (United Nations World Water Assessment Programme). (Org.). The United Nations World Water Development Report 2017. Wastewater: The Untapped Resource. Paris, UNESCO. 1ed.Paris 07 SP, France: 7, place de Fontenoy, 75352 Paris 07 SP, France, 2017, v. 1, p. 106-110.


Apresentações de Trabalho
1.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; Junk, Wolfgang J. . A físico-química das tipologias alagáveis amazônicas: estado da arte / II WORKSHOP-PRONEX - CARACTERIZAÇÃO, CLASSIFICAÇÃO E AVALIAÇÃO DO POTENCIAL DE USO COMO BASE PARA UMA POLÍTICA DE MANEJO SUSTENTÁVEL DAS ÁREAS ÚMIDAS DO ESTADO DO AMAZONAS (INPA, Manaus, 19 a 21 de agosto/2010). 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; Junk, Wolfgang J. ; PIEDADE, M. T. F. . A físico-química da água: subsídios para o refinamento das tipologias alagáveis amazônicas / III WORKSHOP-PRONEX - Caracterização, classificação e avaliação do potencial de uso como base para uma política de manejo sustentável das áreas úmidas do Estado do Amazonas (INPA, Manaus, 26 a 28 de abril/2011). 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.. Chemistry of different Amazonian water types for river classification: a preliminary review (Lancaster Environment Centre-LEC, Lancaster University, Lancaster, Inglaterra, UK of Great Britain). 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.. Tipologia de Águas de Áreas Alagáveis Amazônicas (curso sobre florestas alagáveis na Universidade Federal do Amazonas-UFAM). 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
Ríos-Villamizar, Eduardo Antonio; PIEDADE, M. T. F. ; Junk, W. J. ; Junior, A. F. M ; WAICHMAN, A. V. . Water Quality Characterization In The Purus River Basin, Western Brazilian Amazon: Relations With Deforestation, Precipitation, River Discharge And Level (7th International Young Water Professional (IYWP) Conference 2014 (Taipei, Chinese Taiwan)). 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
Ríos-Villamizar, Eduardo Antonio. Preliminary analysis on deforestation and water quality of the Purus basin, Amazonas State, Brazil (I Ciclo de palestras/Programa de Mestrado Internacional em Desenvolvimento Sustentável Ambiental, National Central University, Zhongli, Taiwan). 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

7.
Ríos-Villamizar, E. A.. ?New insights into the physico-chemical features of Amazonian water types: subsidies for river classification and water resources management?, Weekly meeting on Physical Geography, Dept. of Geography at National Taiwan University, Taipei, Chinese Taiwan. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

8.
Ríos-Villamizar, Eduardo Antonio. Os tipos de águas em áreas úmidas da Bacia Amazônica. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

9.
Ríos-Villamizar, Eduardo A.. Seminário Tipologia de águas em áreas úmidas da Bacia Amazônica/Grupo de Pesquisa MAUA (Ecologia, monitoramento e uso sustentável de áreas úmidas), Manaus, 10/10/2014. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

10.
Ríos-Villamizar, Eduardo Antonio. Tipologia de águas em áreas úmidas da Bacia Amazônica. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

11.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.. A Systematic Review on Hydrochemical classification of Amazonian rivers for water resources management / Speech at Geography Department, National University of Tainan, Tainan - Taiwan, 2014. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

12.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; Junk, W. J. ; PIEDADE, M. T. F. . Chemistry of Different Amazonian Water Types: New insights into the limnological classification of major Amazonian rivers for water resources management, Ciclo de palestras, Department of Environmental Sciences, Faculty of Science and Engineering, Macquarie University, NSW 2109, Australia. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

13.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.; PIEDADE, M. T. F. ; SILVA, S. R. ; WAICHMAN, A. V. . PRELIMINARY ANALYSIS ON DEFORESTATION AND SURFACE WATER QUALITY OF THE PURUS RIVER BASIN, AMAZONAS STATE, BRAZIL, 3rd International Conference Water resources and wetlands 2016 Tulcea, Romenia.. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

14.
Ríos-Villamizar, Eduardo A.; SILVA, S. R. ; ADENEY, J. M. ; Junk, W. J. ; PIEDADE, M. T. F. . PHYSICO-CHEMICAL FEATURES OF MAJOR AMAZONIAN WATER TYPOLOGIES: SUBSIDIES FOR THE IMPROVEMENT OF RIVER CLASSIFICATION, 3rd International Conference Water resources and wetlands 2016 Tulcea, Romenia. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

15.
Ríos-Villamizar, Eduardo Antonio. ?New insights into the physico-chemical features of Amazonian water types: subsidies for river classification and water resources management?., National Institute of Geophysics, Geodesy and Geography, Bulgarian Academy of Sciences, Sofia (Bulgaria). 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

16.
Ríos-Villamizar, E. A.. ?New insights on the physicochemistry of major Amazonian water types: a review and re-analysis for river classification?. Geographic Seminar ?Dimitrie Cantemir?, ?Alexandru Ioan Cuza? University of Iaşi, Faculty of Geography and Geology, Iași, Romania (EU), 21-23 October 2016.. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

17.
RIOS-VILLAMIZAR, EDUARDO ANTONIO. ?Hydrochemical Classification of Amazonian Rivers: A Systematic Review and Meta-Analysis?. Institute of Geography, Faculty of Sciences, University of Pécs, Pécs (Hungary). 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

18.
Ríos-Villamizar, E. A.. Química de Água e Classificação de Rios da Bacia Amazônica. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).


Cursos de curta duração ministrados
1.
Ríos-Villamizar, E. A.. Water quality in Brazilian Amazon and its relationships with deforestation and hydrological cycle / Participation on ?Special Topics? course at the International Environment Sustainable Development - IESD Master?s Program, College of Engineering, National Central University, Zhongli District, Taoyuan County, Taiwan.. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

2.
Ríos-Villamizar, Eduardo Antonio. Physico-chemical features of different Amazonian water types, rivers and wetlands classification, water resources management / Course at the Department of Geography, National Taiwan University, Taipei - Chinese Taiwan. 2014. .

3.
Ríos-Villamizar, Eduardo Antonio. A Systematic Review on Hydrochemical classification of Amazonian rivers for water resources management / Course at the Geography Department, National University of Tainan, Tainan - Taiwan, 2014. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Outra).


Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
RIOS-VILLAMIZAR, EDUARDO ANTONIO. Desmatamento, qualidade da água, e áreas úmidas da Amazônia_na Rádio BandNews. 2018. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
RíOS-VILLAMIZAR, E. A.. I Seminário de Ciências do Ambiente na Amazônia. Centro de Ciências do Ambiente (CCA/UFAM)/Programa de Mestrado en Ciências do Ambiente e Sustentabilidade na Amazônia. 2007. (Outro).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 16/10/2018 às 18:52:17