Florencia Stubrin

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/9228489302450008
  • Última atualização do currículo em 30/09/2018


possui graduação em Ciencias de la Educación - Universidad de Buenos Aires (2002). É Mestre em Sociologia pelo Instituto Universitário de Pesquisa do Rio de Janeiro (IUPERJ) e Doutora em Sociologia pelo Instituto de Estudos Sociais e Políticos (2014) da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (IESP/UERJ). Fez Pós Doutorado em Educação no Programa de Pós-Graduação da Faculdade de Educação da Universidade Federal de Minas Gerais (UFMG). Tem experiência nas áreas da Educação e da Sociologia, atuando principalmente nos seguintes temas: movimentos sociais, lutas populares, políticas educacionais, reformas do Estado, mobilização pela educação, sindicatos docentes, direito à educação e América Latina. Atualmente atua como Coordenadora Académica na Faculdade de Ciencias Sociais - Sede Brasil e coordena a Especialização em Políticas Públicas para a Igualdade na América Latina. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Florencia Stubrin
Nome em citações bibliográficas
STUBRIN, Florencia

Endereço


Endereço Profissional
Faculdade Latino-americana de Ciências Sociais - Sede Brasil.
Rua São Francisco Xavier - de 280 a 530 - lado par
Maracanã
20550013 - Rio de Janeiro, RJ - Brasil
Telefone: (21) 23340969
Ramal: 31
URL da Homepage: flacso.org.br


Formação acadêmica/titulação


2008 - 2014
Doutorado em Sociologia.
Instituto de Estudos Sociais e Políticos, IESP-UERJ, Brasil.
Título: Mobilização social e reformas do Estado: alternativas políticas e educação na América Latina contemporânea, Ano de obtenção: 2014.
Orientador: José Maurício Domingues.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Reformas educacionais; Movimentos sociais; políticas públicas; Governo Lula; Governo Chavez.
2006 - 2007
Mestrado em Sociologia.
Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro, IUPERJ, Brasil.
Título: Movimientos sociales y luchas populares. Algunos aportes desde la teoría social.,Ano de Obtenção: 2007.
Orientador: José Maurício Domingues.
Bolsista do(a): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ, FAPERJ, Brasil.
Palavras-chave: Movimentos sociais; Lutas populares; Estado; Clases sociais.
Grande área: Ciências Humanas
2002 - 2003
Especialização em Profesorado En Ciencias de La Educación.
Universidad de Buenos Aires, UBA, Argentina.
1997 - 2002
Graduação em Ciencias de la Educación.
Universidad de Buenos Aires, UBA, Argentina.
1996 - 1998
Curso técnico/profissionalizante.
Colegio Normal Mariano Acosta, CNMA, Argentina.


Pós-doutorado


2015 - 2016
Pós-Doutorado.
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Grande área: Ciências Humanas


Formação Complementar


2006 - 2006
Crisis, cambio y transformación en América Latina. (Carga horária: 40h).
Universidad Complutense, UCMADRI, Espanha.


Atuação Profissional



Faculdade Latinoamericana de Ciências Sociais, FLACSO, Brasil.
Vínculo institucional

2018 - Atual
Vínculo: Pesquisador, Enquadramento Funcional: Coordenadora Acadêmica, Carga horária: 40

Vínculo institucional

2016 - Atual
Vínculo: Coordenação de Projeto, Enquadramento Funcional: Coordenadora Adjunta, Carga horária: 10
Outras informações
Coordenação Adjunta do Projeto Agenda Igualdade

Vínculo institucional

2016 - Atual
Vínculo: Docente, Enquadramento Funcional: Coordenadora de curso, Carga horária: 10
Outras informações
Coordenação acadêmica da Especialização em Políticas Públicas para a Igualdade na América Latina e do Curso Internacional: América Latina, cidadania direitos e igualdade

Atividades

01/2018 - Atual
Direção e administração, FLACSO, .

Cargo ou função
Coordenação Acadêmica.
01/2016 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , FLACSO, .

01/2016 - Atual
Ensino, Especialização em Políticas Públicas para a Igualdade na América Latina, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
Curso Internacional: América Latina, cidadania direitos e igualdade

Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Vínculo institucional

2015 - 2016
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de Pós-Doutorado

Atividades

08/2015 - 08/2016
Pesquisa e desenvolvimento , Faculdade de Educação, .


Fundação Ford, FORD, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - 2014
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Consultor


Conselho Latino-americano de Ciencias Sociais, CLACSO, Argentina.
Vínculo institucional

2016 - Atual
Vínculo: Coordenadora de Especialização, Enquadramento Funcional: Coordenadora docente, Carga horária: 10
Outras informações
Coordenação Acadêmica da Especialização em Políticas Públicas para a Igualdade e do Curso Internacional: América Latina, cidadania, direitos e igualdade.

Vínculo institucional

2007 - 2012
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Asistencia Acadêmica à Secretaría Executiva

Atividades

01/2016 - Atual
Direção e administração, Escuela Latinoamericana de Políticas Públicas, .

Cargo ou função
Coordenadora Acadêmica.
01/2016 - Atual
Ensino, Especialización en Políticas Públicas para la Igualdad en América Latina, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
Curso Internacional: América Latina, ciudadanía, derechos y igualdad
01/2007 - 12/2012
Outras atividades técnico-científicas , Secretaría Executiva, Secretaría Executiva.

Atividade realizada
Assistencia Acadêmica.

Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
Vínculo institucional

2013 - 2013
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Estagio Docente, Carga horária: 10
Outras informações
Disciplina: Sociologia. Ministrada junto ao Prof. José Maurício Domingues. Faculdade de Comunicação Social.

Vínculo institucional

2005 - 2006
Vínculo: Assistente de Pesquisa, Enquadramento Funcional: Pesquisador assistente, Carga horária: 20

Atividades

03/2013 - 07/2013
Ensino, Comunicação Social, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Sociologia
5/2005 - 5/2006
Pesquisa e desenvolvimento , Laboratório de Políticas Públicas, .


Laboratorio de Políticas Públicas, LPP, Brasil.
Vínculo institucional

2003 - 2005
Vínculo: Assistente, Enquadramento Funcional: Assistente de coordenação acadêmica, Carga horária: 40
Outras informações
No periodo atuei como assistente acadêmica da coordenação da sede do LPP em Buenos Aires. Ao mesmo tempo, participei de vários projetos de pesquisa promovidos pela instituição.


Fórum Latino-americano de Políticas Educacionais, FLAPE, Brasil.
Vínculo institucional

2004 - 2008
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Assistência à Coordenação e Consultoria, Carga horária: 10

Vínculo institucional

2004 - 2006
Vínculo: Pesquisadora, Enquadramento Funcional: Pesquisadora, Carga horária: 20

Atividades

05/2004 - 05/2008
Direção e administração, Coordenação Nacional - Brasil, .

Cargo ou função
Assistência à Coordenação.
5/2006 - 12/2006
Pesquisa e desenvolvimento , Coordenação Nacional - Brasil, .



Linhas de pesquisa


1.
Protesto magisterial e reformas educacionais na América Latina
2.
Participação e incidência da sociedade civil nas políticas educacionais / Movimentos sociais e lutas pelo direito à educação
3.
Agenda Igualdade: cidadania e justiça social no Brasil
4.
Mobilização social e políticas educacionais


Projetos de pesquisa


2017 - Atual
Agenda Igualdade

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Pablo Antonio Amadeo Gentili em 10/04/2018.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2015 - 2016
Mobilização social e políticas educacionais no Brasil: uma análise dos vínculos entre os atores coletivos e o Estado
Descrição: A investigação, desenvolvida no pós-doutorado, teve como intuito promover a interlocução entre campos de estudo diversos. A análise da mobilização social e dos processos de reforma do Estado uniram-se às perspectivas da sociologia da educação traçando uma trama interpretativa que buscou enxergar os fenômenos analisados na sua complexidade. Por sua parte, a pesquisa avançou na construção de modelos de leitura analítica baseados na realidade latino-americana, particularmente a Brasileira, abrangendo as especificidades e características que levam à configuração das políticas públicas educacionais e dos processos de mobilização social pela educação na região..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2006 - 2007
Participação e incidência da sociedade civil nas políticas educacionais: o caso brasileiro
Descrição: Mapeou e analisou a participação dos principais atores organizados da sociedade civil que atuam no campo das políticas públicas da educação como sindicatos, movimentos universitários, organizações sociais em 5 países latino-americanos..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2005 - 2008
Conflito social e reformas educacionais na América Latina. Fragmentação, regionalização e globalização do conflito educacional em 18 países latino-americanos

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Pablo Antonio Amadeo Gentili em 21/09/2018.
Descrição: Durante os últimos vinte anos, os países da América Latina têm presenciado a ampliação, diversificação e intensificação de um significativo número de conflitos sociais e políticos. Com o surgimento de novos sujeitos em confronto e a multiplicação dos cenários de conflito, o setor assalariado sindicalizado (público e privado) destacou-se como protagonista da maior parte dos enfrentamentos, com ações principalmente do setor docente (professores e mestres). Se acrescentarmos a essa constatação o fato de que os estudantes universitários - e em alguns casos todo o conjunto das comunidades universitárias - também vêm realizando numerosas ações de protesto e mobilização reivindicativa, facilmente perceberemos que os conflitos de origem educacional assumiram uma posição central no terreno da conflitividade social latino-americana. O Projeto "CONFLITO SOCIAL E REFORMAS EDUCACIONAIS NA AMÉRICA LATINA. Fragmentação, regionalização e globalização do conflito educacional em 18 países latino-americanos" terá como objetivos: - Dar continuidade ao desenvolvimento de um campo analítico que auxilie na compreensão e produção teórica crítica acerca dos atuais processos de reforma educacional, analisando a intervenção social e política dos atores que resistem à implementação das políticas neoliberais nos países da região. - Avançar na discussão teórica sobre os sentidos, formas e dinâmicas que assume o conflito educacional no contexto dos atuais processos de reforma estrutural dos sistemas escolares na América Latina. - Identificar, a partir do mapeamento dos conflitos educacionais e suas reivindicações na região, as problemáticas mais prementes de diferentes atores sociais em relação ao processo de transformação da educação pública operado na América Latina nas últimas duas décadas. - Identificar as novas formas de conflitividade educacional, geradas ao redor dos processos de internacionalização das políticas educacionais na América Latina..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2004 - 2005
As lutas pelo direito à educação na América Latina
Descrição: O projeto teve como principal objetivo contribuir para a compreensão dos processos de mobilização e luta pelo direito à educação na América Latina, a partir da documentação de iniciativas promovidas por organizações sociais que desenvolvem estratégias de intervenção e mobilização cidadã destinadas à garantir e ampliar o direito à educação de setores tradicionalmente excluídos..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2004 - 2005
Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra. Una experiencia alternativa de educação estatal
Descrição: O projeto analisou a ações educacionais do MST, seus princípios, suas dinâmicas, seus conflitos e a forma como estas se articulam no cenário das políticas públicas de educação..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2003 - 2004
Conflicto Social y Protesta Docente en América Latina - Un estudio sobre la conflictividad educativa entre 1998 y 2003

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Pablo Antonio Amadeo Gentili em 21/09/2018.
Descrição: As greves e mobilizações docentes na América Latina têm aparecido como respostas freqüentes à desvalorização salarial, aos ataques aos direitos trabalhistas, às medidas de privatização educacional e à aplicação das políticas neoliberais em geral. O projeto realizou o acompanhamento das ações de protesto docente e uma compilação de documentos e textos disponíveis online sobre o tema. No banco de dados sobre a Ação Sindical Docente temos registrado mais de 1.600 protestos desde 1998 até o presente. A pesquisa somamos outras desenvolvidas por docentes, sindicalistas, pesquisadores, organismos internacionais e organizações sociais também preocupadas com os conflitos nos sistemas educacionais na região..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Projetos de extensão


2004 - Atual
Observatório Latino-Americano de Políticas Educacionais - OLPEd
Descrição: O Observatório Latino-Americano de Políticas Educacionais (OLPEd) é uma plataforma de informação e documentação desenvolvida pelo Núcleo de Políticas Educativas de la Universidad Metropolitana para la Educación y el Trabajo (UMET), pelo Programa de Pós-Graduação em Políticas Públicas e Formação Humana da Universidade do Estado do Rio de Janeiro (PPFH/UERJ) e pela Faculdade Latino-Americana de Ciências Sociais (Flacso Brasil). Disponibilizade ferramentas e recursos que contribuem com a pesquisa e a análise das políticas educacionais, particularmente nos países da América Latina e Caribe. Suas principais linhas de atuação são: (1) Políticas e reformas universitárias; (2) Processos de privatização no campo educacional; (3) Desigualdade, processos de exclusão e educação; (4) Políticas de ação afirmativa e educação; (5) Trabalho e formação docente; (6) Movimentos sociais e educação; (7) Sindicalismo docente; (8) Direitos humanos e direito à educação; (9) Desigualdades raciais, racismo e educação e (10) Internacionalização das políticas educacionais. www.olped.net..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Educação / Subárea: Fundamentos da Educação/Especialidade: Sociologia da Educação.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Educação / Subárea: Planejamento e Avaliação Educacional/Especialidade: Política Educacional.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Políticas Públicas.


Idiomas


Espanhol
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Francês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Pouco.
Alemão
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
SADER, Emir2008SADER, Emir ; STUBRIN, Florencia . Seminario Internacional "Las dinámicas de la construcción democrática en América Latina, el Caribe y Haití". Observatorio Social de América Latina, v. 23, p. 17-19, 2008.

2.
SKLIAR, C.2008SKLIAR, C. ; GENTILI, Pablo ; STUBRIN, Florencia . El derecho a al educación de niños, niñas y adolescentes con discapacidades. Novedades Educativas, v. 210, p. 4-14, 2008.

3.
STUBRIN, Florencia2008STUBRIN, Florencia. Una experiencia alternativa de educación pública: el Movimiento de los Trabajadores Rurales Sin Tierra. Docencia (Santiago), v. 34, p. 39-51, 2008.

4.
STUBRIN, Florencia2007STUBRIN, Florencia. Reseña Bibliográfica: El derecho a la educación de las personas con discapacidades. Informe del Relator Especial de las Naciones Unidas sobre el Derecho a la Educación. Boletín Electrónico Referencias, v. 21, p. 2-7, 2007.

5.
STUBRIN, Florencia2007STUBRIN, Florencia. Participación social y Estado en las luchas por el derecho a la educación. Anais do ... Seminário Nacional Movimentos Sociais, Participação e Democracia, v. 3, p. 173-198, 2007.

6.
STUBRIN, Florencia2006STUBRIN, Florencia. Protesta magisterial y reformas educativas en América Latina. Cadernos de Sociologia e Política (Online), v. 9, p. 109-124, 2006.

7.
STUBRIN, Florencia2006STUBRIN, Florencia; GINDIN, Julian . Acciones de protesta magisterial en América Latina. Un balance del año 2005. Boletín Electrónico Referencias, v. 19, p. 6, 2006.

8.
STUBRIN, Florencia2006STUBRIN, Florencia. Pueblos indígenas y educación superior. Los desafíos de una universidad intercultural en el Ecuador. Entrevista a Pablo Dávalos. Boletín Electrónico Referencias, v. 19, p. 5, 2006.

9.
STUBRIN, Florencia2006STUBRIN, Florencia. Brasil: proyectos en disputa. Los desafíos y perspectivas del segundo Gobierno Lula. Entrevista a Emir Sader. Boletín Electrónico Referencias, v. 20, p. 2.3, 2006.

10.
STUBRIN, Florencia2006STUBRIN, Florencia. El Gobierno Lula y los trabajadores de la educación. Expectativas y perspectivas. Entrevista a Juçara Dutra Vieira. Boletín Electrónico Referencias, v. 20, p. 2.5, 2006.

11.
STUBRIN, Florencia2006STUBRIN, Florencia. Profundizar los avances con nuevos desafíos. Entrevista a Francisco das Chagas Fernandes. Boletín Electrónico Referencias, v. 20, p. 2.4, 2006.

12.
STUBRIN, Florencia2005STUBRIN, Florencia. Reforma educativa y luchas docentes en América Latina. Boletín de La Secretaría Continental de Educación, n.3, 2005.

13.
STUBRIN, Florencia2005STUBRIN, Florencia. Um retrato das desigualdades no ensino superior: alguns dados. Revista Advir, Rio de Janeiro, v. 19, p. 72-74, 2005.

14.
STUBRIN, Florencia2004STUBRIN, Florencia; GENTILI, Pablo ; SUÁREZ, Daniel ; GINDIN, Julian . Reforma educativa y luchas docentes en América Latina. Educação e Sociedade, Campinas, v. 25, p. 1251-1274, 2004.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
GENTILI, Pablo ; SAFORCADA, F. ; GLUTZ, N. ; IMEN, P. ; STUBRIN, Florencia . Políticas, movimientos sociales y derecho a la educación. 1. ed. Buenos Aires: Consejo Latinoamericano de Ciencias Sociales - CLACSO, 2011. v. 1. 198p .

2.
GENTILI, Pablo (Org.) ; Frigotto, G. (Org.) ; Leher, Roberto (Org.) ; STUBRIN, Florencia (Org.) . Políticas de privatización, espacio público y educación en América Latina. 1. ed. Rosario, Argentina: Homo Sapiens, 2009. v. 1. 405p .

3.
STUBRIN, Florencia; OLIVEIRA, D. A. ; FERREIRA, R. ; BOLLMAN, G. . Participación e incidencia de la sociedad civil en las políticas educativas: el caso brasileño. 1. ed. Buenos Aires: Fundación Laboratorio de Políticas Públicas, 2007. v. 1. 113p .

Capítulos de livros publicados
1.
GENTILI, Pablo ; STUBRIN, Florencia . Igualdade, direito à educaçao e cidadania: quatro evidencias de uma década de conquistas democráticas.. 9788576431824. 1ed.Sao Paulo: Fundação Perseu Abramo, 2013, v. 1, p. 15-25.

2.
STUBRIN, Florencia. Fórum Mundial de Educação. In: Dalila Andrade Oliveira; Adriana Maria Cancela Duarte; Livia Maria Fraga Vieira. (Org.). Dicionário de trabalho, profissão e condição docente. 1ed.Belo Horizonte: UFMG, 2010, v. , p. 1-.

3.
GENTILI, Pablo ; STUBRIN, Florencia . Las políticas educativas y la nueva ofensiva privatizadora en América Latina. In: Gentili, P.; Frigotto, G.; Leher, R.; Stubrin, F.. (Org.). Políticas de privatización, espacio público y educación en América Latina. 1ed.Rosario, Argentina: Homo Sapiens, 2009, v. 1, p. 9-13.

4.
STUBRIN, Florencia. Una experiencia alternativa de educación pública: el Movimiento de los Trabajadores Rurales Sin Tierra. In: Gentili, Pablo & Sverdlik, Ingrid. (Org.). Movimientos sociales y derecho a la educación: cuatro estudios. Buenos Aires: Laboratorio de Políticas Públicas, 2008, v. , p. 135-198.

5.
STUBRIN, Florencia. Fórum Mundial de Educação. In: Emir Sader; Ivana Jinkins. (Org.). Enciclopédia Contemporânea da América Latina e do Caribe. 1ed.São Paulo: Boitempo, 2006, v. , p. 549-549.

6.
STUBRIN, Florencia; GENTILI, Pablo ; SUÁREZ, Daniel ; GINDIN, Julian . Reforma educativa y luchas docentes en América Latina. In: Arturo Ballesteros Leiner; José Alejandro Ramírez. (Org.). Una mirada a la educación en América Latina. México DF: Fundación para la Cultura del Maestro, 2005, v. , p. 19-34.

7.
STUBRIN, Florencia. Reforma educativa y luchas docentes en América Latina. In: Graciela Frigerio; Gabriela Diker. (Org.). Educar: ese acto político. Buenos Aires: Del Estante Editorial, 2005, v. , p. -.

8.
STUBRIN, Florencia. Banco de dados sobre a ação sindical docente na América Latina. In: Pablo Gentili; Daniel Suárez. (Org.). Reforma educacional e lutas democrática. Um debate sobre a ação sidical docente na América Latina. São Paulo: Cortez, 2004, v. , p. -.

Apresentações de Trabalho
1.
STUBRIN, Florencia. Participación social y Estado en las luchas por el derecho a la educación. 2007. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

2.
STUBRIN, Florencia. Movimiento de los Trabajadores Rurales Sin Tierra. Una experiencia alternativa de educación estatal. 2007. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

3.
STUBRIN, Florencia; OLIVEIRA, D. A. ; FERREIRA, R. ; BOLLMAN, G. . Participação social, cidadania e educação no Brasil. 2006. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

4.
STUBRIN, Florencia; OLIVEIRA, D. A. ; FERREIRA, R. ; BOLLMAN, G. . Participación social, ciudadanía y educación en Brasil. 2006. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

Outras produções bibliográficas
1.
STUBRIN, Florencia. Mobilização social e reformas do Estado: alternativas políticas e educação na América Latina contemporânea 2014 (Tese Doutorado).

2.
STUBRIN, Florencia. Mobilización social y luchas populares. Algunos aportes desde la teoría social 2007 (Tese Mestrado).

3.
STUBRIN, Florencia. La escuela imaginaria. Buenos Aires: Miño y Dávila Editores, 2006. (Tradução/Outra).

4.
STUBRIN, Florencia. Inclusión, política pública y derecho a la educación de las minorías raciales en Brasil, 2004. (Tradução/Artigo).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
STUBRIN, Florencia; GENTILI, Pablo . Membro da equipe de coordenação do Grupo de Trabalho: Educação e desafios da sociedade do conhecimento. 2013.

2.
STUBRIN, Florencia; SKLIAR, C. ; ROSSO, L. . Aportes para el informe sobre el derecho a la educación de niños, niñas y jóvenes con discapacidad. 2006.

Trabalhos técnicos


Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
GENTILI, Pablo; BRINGEL, B.; STUBRIN, Florencia; LAZARO, A. L. F.; ALGEBAILE, E. B.. Participação em banca de Betty Ramona Solano Espinosa. Redes empresariais na política educacional: os casos do Brasil e da Colômbia. 2017. Dissertação (Mestrado em Programa de Políticas Públicas y Formação Humana (PPFH)) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

2.
STUBRIN, Florencia; GENTILI, Pablo; LAZARO, A. L. F.; ALGEBAILE, E. B.. Participação em banca de Jaqueline Tavares de Souza. Cidadania regulada e reforma neoliberal: o caso do programa Autonomia na rede pública estadual do Rio de Janeiro. 2016. Dissertação (Mestrado em Programa de Políticas Públicas y Formação Humana (PPFH)) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

Teses de doutorado
1.
LAZARO, A. L. F.; GENTILI, Pablo; ALGEBAILE, E. B.; STUBRIN, Florencia; Assumpção, Raiane. Participação em banca de Salete Valesan Camba. Pacto federativo e seus impactos nas políticas públicas de direitos humanos no Brasil. 2018. Tese (Doutorado em Políticas Públicas e Formação Humana) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

Qualificações de Doutorado
1.
GENTILI, Pablo; LAZARO, A. L. F.; STUBRIN, Florencia. Participação em banca de Salete Valesan Camba. Pacto federativo e seus impactos nas políticas públicas de direitos humanos no Brasil. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Políticas Públicas e Formação Humana) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

Qualificações de Mestrado
1.
GENTILI, Pablo; ALGEBAILE, E. B.; GAMA, Z. J.; STUBRIN, Florencia. Participação em banca de René Antonio Varas González. Ciudadanía y Educación en el Chile Neoliberal actual, La propuesta de la nueva Mayoría. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Políticas Públicas y Formação Humana (PPFH)) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

2.
GENTILI, Pablo; Frigotto, G.; ALGEBAILE, E. B.; STUBRIN, Florencia. Participação em banca de Paulina Sofía Santibáñez Cavieres. Inventivar para precarizar: Análisis del actual sistema de desarrollo profesional docente en Chile. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Programa de Políticas Públicas y Formação Humana (PPFH)) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.

3.
GENTILI, Pablo; Frigotto, G.; STUBRIN, Florencia. Participação em banca de Jaqueline Tavares de Souza. Cidadania Regulada e Reforma Neoliberal: o caso do Projeto Autonomia na rede pública estadual do Rio de Janeiro. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Políticas Públicas e Formação Humana) - Universidade do Estado do Rio de Janeiro.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
38ª Reunião Anual da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação (ANPEd). 2017. (Outra).

2.
Seminário sobre Educação Comparada do Doutorado Latino-americano em Educação.Mobilização social e reformas do Estado: alternativas políticas e educação na América Latina contemporânea. 2016. (Seminário).

3.
37ª Reunião Nacional da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação (ANPEd). 2015. (Outra).

4.
36ª Reunião Nacional da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação (ANPEd). 2013. (Outra).

5.
35ª Reunião Anual da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação. 2012. (Outra).

6.
34ª Reunião Anual da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação (ANPEd). 2011. (Outra).

7.
33ª Reunião Anual da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação (ANPEd). 2010. (Outra).

8.
XIII Colóquio ANPEd/ CLACSO.Os movimentos sociais e a luta pelo direito à educação na América Latina. 2010. (Outra).

9.
32ª Reunião Anual da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação (ANPEd). 2009. (Outra).

10.
31ª Reunião Anual da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação (ANPEd). 2008. (Outra).

11.
Coloquios CLACSO - ANPED. Novos governos na América Latina e as políticas educacionais. 2008. (Congresso).

12.
Desenvolvimento e Movimentos Sociais nos países do Sul: sucessos, dilemas e desafios. 2008. (Simpósio).

13.
Primeiro Fórum de Sociologia - Associação Internacional de Sociologia. 2008. (Congresso).

14.
Seminario Internacional: Pós-neoliberalismo, Movimento Sociais e Desenvolvimento: Perspectias comparadas na América Latina e Caribe, Ásia e África. 2008. (Seminário).

15.
30ª Reunião Anual Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação (ANPEd). 2007. (Outra).

16.
La Actualidad de Pensamiento Crítico en América Latina y el Caribe. 2007. (Seminário).

17.
Seminario Internacional ?Las dinámicas de la construcción democrática en Haití, América Latina y el Caribe?. 2007. (Seminário).

18.
XXVI Congreso de la Asociación Latinoamericana de Sociología - ALAS. 2007. (Congresso).

19.
29ª Reunião Anual da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação (ANPEd). 2006. (Outra).

20.
Foro Mundial de Educación - Caracas: La integración americana y la lucha por un proyecto educativo emancipatorio. 2006. (Outra).

21.
Foro Mundial de Educación Temático. Educación Pública, Inclusión y Derechos Humanos - Buenos Aires 2006. 2006. (Outra).

22.
Foro Mundial de Educación Temático. Educación Pública, Inclusión y Derechos Humanos - Buenos Aires 2006.La lucha por el derecho a la educación en Latinoamérica: desafíos y perspectivas. 2006. (Outra).

23.
Fórum Mundial de Educação de Nova Iguaçu - Educação Cidadã para uma Cidade Educadora.Direito à educação, cidadania e interculturalidade. 2006. (Outra).

24.
Fórum Mundial de Educação de Nova Iguaçu - Educação Cidadã para uma Cidade Educadora.A luta pelo direito à Eeducação na América Latina: desafios e perspectivas. 2006. (Outra).

25.
Reunión Anual GTs CLACSO: Tratados de Libre Comercio, espacio público y derecho a la educación en América Latina. 2006. (Outra).

26.
Seminário Internacional: Crise Hegemônica na América Latina e Pós-Neoliberalismo. 2006. (Seminário).

27.
Seminário Nacional: Direito à Educação, Participação Social e Cidadania no Brasil.Participação Social, Cidadania e Educação no Brasil. 2006. (Seminário).

28.
28ª Reunião Anual da Associação Nacional de Pós-Graduação e Pesquisa em Educação (ANPEd). 2005. (Outra).

29.
Democratização do Acceso: o desafio das universidades públicas brasileiras no século XXI. 2005. (Seminário).

30.
Seminário de Políticas Públicas de Cultura. 2005. (Seminário).

31.
27º Reunión Anual de la Associaçao Nacional de Pós-Graduaçao e Pesquisa e Educaçao. 2004. (Congresso).

32.
Fórum Mundial de Educação, São Paulo. Educação cidadã para uma cidade educadora.Movimentos sociais e conflitividade na America Latina. 2004. (Outra).

33.
Fórum Mundial de Educação, São Paulo. Educação cidadã para uma cidade educadora. 2004. (Outra).

34.
III Edición del Foro Mundial de Educación, Porto Alegre. 2004. (Outra).

35.
La encrucijada latinoamericana. Balance y perspectivas de un nuevo escenario regional. 2004. (Seminário).

36.
Seminário Nacional: Dois anos de políticas de cotas: balanço e perspectivas. 2004. (Seminário).

37.
4ta. Reunión Anual del GT de CLACSO Educación, trabajo y exclusión social: Hacia una nueva política educativa en América Latina. Balance y perspectivas después de dos décadas de ajuste. 2003. (Outra).

38.
América Latina 2003: nuevos tiempos, nuevas políticas?. 2003. (Seminário).

39.
Seminario Internacional: Política Educativa y Desigualdad Social. Situación, emergencias y perspectivas en los países del Cono Sur. 2003. (Seminário).

40.
Seminário Nacional: Um ano do Governo Lula: balanço e perspectivas. 2003. (Seminário).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
GENTILI, Pablo ; STUBRIN, Florencia . Colóquio Internacional O desafio da igualdade no Brasil e na América Latina. 2017. (Outro).

2.
GENTILI, Pablo ; STUBRIN, Florencia . Colóquio Internacional Os dilemas da desigualdade na América Latina. 2016. (Outro).

3.
STUBRIN, Florencia. V Conferencia Latinoamericana y Caribeña de Ciencias Sociales: Desafíos democráticos y políticas emancipatorias. 2009. (Congresso).

4.
STUBRIN, Florencia. IV Conferência Latino-Americana e Caribenha de Ciências Sociais. 2006. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Valdinei Lemos de Carvalho. A formação do aluno e a reforma do Ensino Médio. Início: 2018. Dissertação (Mestrado profissional em Maestría en Estado, Gobierno y Políticas Públicas) - Faculdade Latinoamericana de Ciências Sociais. (Orientador).

2.
Rosaura Aparecida de Almeida. O controle social no sistema estadual de ensino paulista ? Sobre o quê delibera o conselho estadual de educação?. Início: 2018. Dissertação (Mestrado profissional em Maestría en Estado, Gobierno y Políticas Públicas) - Faculdade Latinoamericana de Ciências Sociais. (Orientador).

3.
Silvana Pontel de Oliveira. Uma reflexão sobre a construção curricular na reforma do Ensino Medio. Promove igualdades ou aprofunda diferenças?. Início: 2018. Dissertação (Mestrado profissional em Maestría en Estado, Gobierno y Políticas Públicas) - Faculdade Latinoamericana de Ciências Sociais. (Orientador).

4.
Amilton Fernandes Da Silva. Por todo o estado, com todos os mineiros: por dentro dos Fóruns Regionais de Participação. Início: 2018. Dissertação (Mestrado profissional em Maestría en Estado, Gobierno y Políticas Públicas) - Faculdade Latinoamericana de Ciências Sociais. (Orientador).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 11/12/2018 às 14:42:31