Sérgio Campos Gonçalves

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/2637782070263210
  • Última atualização do currículo em 13/12/2013


Doutorando (com estágio na Universidade de Stanford), Mestre (2009) e Graduado (2006) em História pela Universidade Estadual Paulista "Júlio de Mesquita Filho" (UNESP), campus de Franca.

Graduado em Comunicação Social\Jornalismo (2006) pela Universidade de Ribeirão Preto (UNAERP).

Listado no diretório de pesquisadores da International Network for Theory of History. É membro do grupo de pesquisa de Teoria e História da Historiografia, associado ao Centro de Estudos dos Oitocentos e sócio da Sociedade Brasileira de Teoria e História da Historiografia.

Áreas de interesse: História, Teoria e História da Historiografia, Ciências Humanas e Sociais, Comunicação Social e Jornalismo.

 
 

 
 


(Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Sérgio Campos Gonçalves
Nome em citações bibliográficas
GONÇALVES, Sérgio Campos;GONÇALVES, S. C.;CAMPOS GONÇALVES, Sérgio.

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, Faculdade de Ciências Humanas e Sociais.
Av. Eufrásia Monteiro Petráglia, 900
Jardim Doutor Antônio Petráglia
14409160 - Franca, SP - Brasil
Telefone: (16) 37068700
URL da Homepage: http://www.unesp.br/portal#!/eng


Formação acadêmica/titulação


2011
Doutorado em andamento em História.
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
com período sanduíche em Stanford University (Orientador: Marília Librandi Rocha).
Título: O Brasil no Discurso Historiográfico entre os Séculos XIX e XX,
Orientador: Ana Raquel Marques da Cunha Martins Portugal.
Co-orientador: Marília Librandi Rocha.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Teoria Literária; Teoria e Filosofia da História; Memória; História da Historiografia.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: Teoria e Filosofia da História / Especialidade: Teoria e História da Historiografia.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: Memória Social.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Brasil.
Setores de atividade: Educação.
2007 - 2009
Mestrado em História.
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
Título: Pensamento civilizador e escrita da História: origens da historiografia do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro,Ano de Obtenção: 2009.
Orientador: Jurandir Malerba.
Co-orientador: Teresa Malatian.
Palavras-chave: Teoria e Filosofia da História; História da Historiografia; Memória; Processo civilizador; História do Brasil; Brasil Império.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: Teoria e Filosofia da História / Especialidade: Teoria e História da Historiografia.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: Teoria e Filosofia da História.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: Memória Social.
Setores de atividade: Educação.
2003 - 2006
Graduação em História (Bacharelado).
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
Orientador: Jurandir Malerba.
2003 - 2006
Graduação em História (Licenciatura).
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
Orientador: Jurandir Malerba.
2003 - 2006
Graduação em Comunicação Social / Jornalismo (Bacharelado).
Universidade de Ribeirão Preto, UNAERP, Brasil.
Orientador: Luis Carlos Eblak de Araujo.




Formação Complementar


2011 - 2011
A Linguagem na Escrita da História. (Carga horária: 8h).
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
2011 - 2011
Narrativas de viagem sobre o Brasil. (Carga horária: 8h).
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
2011 - 2011
A escrita da história em tempos republicanos. (Carga horária: 4h).
Sociedade Brasileira de Teoria e História da Historiografia.
2010 - 2010
Teoria da História. (Carga horária: 4h).
Universidade Federal de Ouro Preto.
2006 - 2006
História e Ciência. (Carga horária: 8h).
Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.


Atuação Profissional



Stanford University, STANFORD, Estados Unidos.
Vínculo institucional

2012 - 2013
Vínculo: Visiting Researcher, Enquadramento Funcional: Pesquisador Visitante, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
https://dlcl.stanford.edu/people/s%C3%A9rgio-campos-gon%C3%A7alves


Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - Atual
Vínculo: Livre, Enquadramento Funcional: Aluno(Doutorado em História e Cultura Social), Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

2012 - 2012
Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Professor substituto, Carga horária: 12
Outras informações
Cargo temporário de professor substituto, estabelecido a partir de concurso público.

Vínculo institucional

2007 - 2009
Vínculo: Livre, Enquadramento Funcional: Aluno (Mestrado em História e Cultura Social)

Atividades

02/2012 - Atual
Ensino, História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História do Brasil V (República)
02/2012 - Atual
Ensino, Relações Internacionais, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História Moderna e Contemporânea

Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, PUCRS, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador
Outras informações
Participação em grupo de pesquisa certificado pela instituição: http://dgp.cnpq.br/buscaoperacional/detalhegrupo.jsp?grupo=0006705GQKT1AM


Universidade de Ribeirão Preto, UNAERP, Brasil.
Vínculo institucional

2005 - 2006
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Repórter, Carga horária: 4

Atividades

7/2006 - 12/2006
Serviços técnicos especializados , Departamento de Comunicação Social, Coordenação do Curso de Jornalismo.

Serviço realizado
ÚLTIMO ATO (Revista Impressa) - Função: Editor.
2/2005 - 12/2006
Serviços técnicos especializados , Departamento de Comunicação Social, Coordenação do Curso de Jornalismo.

Serviço realizado
FREQÜÊNCIA UNIVERSITÁRIA - Rádio CMN 750Hz (Radiojornalismo) - Função: Repórter.
4/2006 - 6/2006
Serviços técnicos especializados , Departamento de Comunicação Social, Coordenação do Curso de Jornalismo.

Serviço realizado
LENTE ABERTA (Telejornal) Função: Repórter.
7/2005 - 6/2006
Serviços técnicos especializados , Departamento de Comunicação Social, Coordenação do Curso de Jornalismo.

Serviço realizado
JORNAL DO ÔNIBUS (Jornal Impresso) Função: Diagramador, Editor de Reportagem e de Fechamento.
7/2005 - 4/2006
Serviços técnicos especializados , Departamento de Comunicação Social, Coordenação do Curso de Jornalismo.

Serviço realizado
LENTE ABERTA (Telejornal) Função: Editor de reportagens e Editor de fechamento.
2/2005 - 6/2005
Serviços técnicos especializados , Departamento de Comunicação Social, Coordenação do Curso de Jornalismo.

Serviço realizado
AGE Agência de Notícias Experimental - Função: Editor.

Tribos Ribeirão, TRIBOS, Brasil.
Vínculo institucional

2005 - 2007
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Coordenador da Seção de Jornalismo, Carga horária: 4
Outras informações
Site que faz cobertura jornalística de eventos culturais de assuntos gerais.

Atividades

6/2005 - 1/2007
Serviços técnicos especializados , Seção de Jornalismo, Redação.

Serviço realizado
SEÇÃO DE JORNALISMO (Website) Função: Chefe de Seção e Editor.
6/2005 - 1/2007
Conselhos, Comissões e Consultoria, Seção de Jornalismo, Redação.

Cargo ou função
Membro de conselho editorial.


Projetos de pesquisa


2012 - 2013
Teoria Literária & Teoria da História: modelos de gestão de pesquisa sobre o discurso historiográfico

Descrição: O projeto de pesquisa diz despeito ao estudo acerca da condição narrativa da historiografia enquanto um constructo linguístico intertextual, para, com isso, ir buscar na linguística e na teoria literária a incorporação de novos modos ou modelos de gestão da pesquisa na área da teoria da história. O plano de estudos, sob orientação e supervisão da Prof. Marília Librandi-Rocha, prevê a realização de estudos que orbitem os núcleos temáticos da (1) compreensão da dimensão discursiva da linguagem, (2) da construção social da significação na relação entre texto, contexto e discurso, (3) da análise dos aspectos problemáticos do discurso escrito enquanto fenômeno socialmente constituído e (4) das estruturas e padrões narrativos. Tais núcleos representam uma verticalização em tópicos fundamentais para garantir a coerência epistemológica e teórico-metodológica do trabalho de doutorado intitulado O Brasil no Discurso Historiográfico entre os Séculos XIX e XX ..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (0) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (0) / Mestrado profissionalizante: (0) / Doutorado: (1) .

Integrantes: Sérgio Campos Gonçalves - Coordenador / Marília Librandi Rocha - Integrante.
Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 5
2011 - Atual
O Brasil no Discurso Historiográfico entre os Séculos XIX e XX

Descrição: No século XIX, a construção intelectual do Brasil deu-se, notadamente, por meio da narrativa histórica, uma narrativa impregnada pelo conceito de civilização, fundamentada em uma concepção teleológica da história e amparada no projeto moderno ocidental-europeu. A partir do advento da República e durante as primeiras décadas do século XX, contudo, diante do deslanche da Europa e dos Estados Unidos e do fracasso local na realização de tal projeto, vários intelectuais brasileiros promoveram análises críticas da narrativa histórica oitocentista, com a intenção de compreender e apontar soluções para o problema do atraso do país isso inaugurou o que ficou conhecido como pensamento social brasileiro . O que propomos é pesquisar como se deu, no discurso historiográfico produzido entre o final do século XIX e início do século XX, esse movimento intelectual de crítica ao Brasil que se civilizava , elaborado ao longo do oitocentos, e avaliar a sua contribuição para a constituição histórica do país e para a construção de sua então denominada identidade ..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .

Integrantes: Sérgio Campos Gonçalves - Coordenador.
Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 6
2008 - Atual
Teoria e História da Historiografia

Descrição: A institucionalização do Grupo de Pesquisa em Teoria e História da Historiografia configura-se no coroamento natural de um percurso já longo, no qual interesses comuns de pesquisa e reflexão, em torno de temas afeitos à área proposta, vinham sendo desenvolvidos em iniciativas individuais e dispersas. A institucionalização deste Grupo, com seu credenciamento junto ao CNPq, vem contribuir fortemente para sua consolidação, no sentido de atribuir-lhe a função precípua de capitanear as discussões em torno da Teoria e História da Historiografia na grande área de História no Brasil, efetivando sua articulação com os polos mais dinâmicos de pesquisa em todo o mundo. Desde sua criação, os membros do grupo têm participado ativamente do debate na área da Teoria da História e da História da Historiografia, com cooperações nos principais periódicos nacionais, publicações de livros e participações importantes eventos, no país e no exterior. O impacto do grupo de pessquisa faz-se marcante em várias iniciativas editoriais (como nas coletâneas "A história escrita" (Contexto, 2006) e ("Historiografia contemporânea em persectiva crítica" (EDUSC, 2007)e "Lições de HIstória: o caminho da ciência no longo século XIX (Editora FGV/EdiPUCRS, 2010). Além de um volume significativo de publicações individuais, alguns membros do grupo, acrescido de colaboradores externos, estão envolvidos num projeto editorial de ponta, cujo objetivo é compilar textos seminais de clássicos da historiografia ocidental do século XIX, inéditos em língua portuguesa, agora em traduções comentadas. O projeto de maior envergadura do grupo ora em curso é a Coleção Monumenta, voltada à produção de traduções críticas de grandes obras da historiografia ocidental moderna. http://dgp.cnpq.br/buscaoperacional/detalhegrupo.jsp?grupo=0006705GQKT1AM.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (19) .

Integrantes: Sérgio Campos Gonçalves - Integrante / Jurandir Malerba - Coordenador / Julio Bentivoglio - Integrante / Marcos Antônio Lopes - Integrante / Tereza Cristina Kirschner - Integrante / Helenice Rodrigues da Silva - Integrante / José Carlos Reis - Integrante / Carlos Oiti Berbert Junior - Integrante / Cristiano Pereira Alencar Arrais - Integrante / Daniela Pinheiro Machado Kern - Integrante / Estevao Chaves de Rezende Martins - Integrante / Hélio Rebello Cardoso Jr - Integrante / Hugo Hruby - Integrante / Luiz Sérgio Duarte da Silva - Integrante / Pedro Spinola Pereira Caldas - Integrante / Raimundo Barroso Cordeiro Junior - Integrante / Sérgio Ricardo da Mata - Integrante / Temístocles Américo Corrêa Cezar - Integrante / Teresa Maria Malatian - Integrante / Valdei Lopes de Araujo - Integrante.

Número de produções C, T & A: 4
2007 - 2009
A Arte da Estratégia: Civilização e Historiografia no Brasil do Século XIX

Descrição: A História, compreendida como via linear e progressiva que articula passado, presente e futuro, além de ter sido o meio explícito e indispensável para forjar a nacionalidade e a identidade do Brasil no século XIX, foi também um meio latente de apologia da noção de civilização. Nesta pesquisa, estudou-se a adesão da cultura historiográfica brasileira do século XIX ao pensamento civilizador (termo/conceito que utilizamos para designar uma estrutura mental constituída na experiência colonial brasileira cuja compreensão é, segundo entendemos, importantíssima para a História da Historiografia no Brasil oitocentista). Desse projeto de pesquisa resultou a dissertação Pensamento Civilizador e Escrita da História: origens da historiografia do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro , defendida como exigência parcial para obtenção do título de Mestre em História pelo Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (campus de Franca). O objetivo do trabalho foi tratar da relação entre a fundação do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro (IHGB) e a missão civilizadora que a elite letrada imperial se atribuiu durante o processo de construção da nação; em especial, procuramos compreender se e em que medida o projeto historiográfico de escrita da história nacional do IHGB serviu de estratégia política para viabilizar no Brasil um projeto idealizado de civilização..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .

Integrantes: Sérgio Campos Gonçalves - Coordenador.

Número de produções C, T & A: 12


Membro de corpo editorial


2013 - Atual
Periódico: História e Cultura


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: Teoria e Filosofia da História/Especialidade: Teoria e História da Historiografia.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Brasil.
3.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Comunicação / Subárea: Jornalismo e Editoração/Especialidade: Teoria e Ética do Jornalismo.
4.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Comunicação / Subárea: Teoria da Comunicação.


Idiomas


Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.
Francês
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.
Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.


Prêmios e títulos


2005
Prêmio: 3º lugar - Categoria: Agência de Notícias, EXPOCOM - INTERCOM.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
3GONÇALVES, Sérgio Campos2013GONÇALVES, Sérgio Campos . Processo civilizador e colonização em Norbert Elias: uma teoria interpretativa através da sociologia, da história e da psicologia. Opsis, v. 13, p. 200-221, 2013.

2.
1GONÇALVES, Sérgio Campos2013GONÇALVES, Sérgio Campos . A figura do intelectual e a razão universal na fundação do Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro. Brasiliana - Journal for Brazilian Studies, v. 2, p. 37-69, 2013.

3.
2GONÇALVES, Sérgio Campos2013GONÇALVES, Sérgio Campos . Poder e civilização no Brasil Imperial: a Monarquia na perspectiva da História das Ideias. Diálogos Latinoamericanos, v. 20, p. 48-71, 2013.

4.
4GONÇALVES, Sérgio Campos2012GONÇALVES, Sérgio Campos . Enfrentamentos epistemológicos: teoria da história e problemática pós-moderna. História da Historiografia, v. 8, p. 187-196, 2012.

5.
5GONÇALVES, Sérgio Campos2011GONÇALVES, Sérgio Campos . A história em questão: a afirmação da plausibilidade científica através de uma volta aos clássicos do século XIX. Opsis, v. 11, p. 260-265, 2011.

6.
6GONÇALVES, Sérgio Campos2011GONÇALVES, Sérgio Campos . Da premissa metafísica à história do sentido: a Verdade em questão e sua concepção como objeto em Nietzsche. Revista de Teoria da História, v. 6, p. 122-138, 2011.

7.
7GONÇALVES, Sérgio Campos;GONÇALVES, S. C.;CAMPOS GONÇALVES, Sérgio.2009GONÇALVES, Sérgio Campos . O método arqueológico de análise discursiva: o percurso metodológico de Michel Foucault. História e-História, v. 1, p. 1-21, 2009.

8.
9GONÇALVES, Sérgio Campos;GONÇALVES, S. C.;CAMPOS GONÇALVES, Sérgio.2008GONÇALVES, Sérgio Campos . Cultura popular e suas representações: caminhos possíveis de reflexão. Revista Eletrônica História em Reflexão (UFGD), v. 2, p. 1-19, 2008.

9.
10GONÇALVES, Sérgio Campos;GONÇALVES, S. C.;CAMPOS GONÇALVES, Sérgio.2008GONÇALVES, Sérgio Campos . O pensamento civilizador e a cultura historiográfica brasileira no século XIX. Revista Fazendo História, v. 1, p. 128-147, 2008.

10.
8GONÇALVES, Sérgio Campos;GONÇALVES, S. C.;CAMPOS GONÇALVES, Sérgio.2008GONÇALVES, Sérgio Campos . Cultura e Sociedade de Consumo: um olhar em retrospecto. In Revista (UNAERP), v. 5, p. 18-28, 2008.

11.
11GONÇALVES, Sérgio Campos;GONÇALVES, S. C.;CAMPOS GONÇALVES, Sérgio.2008GONÇALVES, Sérgio Campos . Os fundamentos religiosos da pequena propriedade no pensamento católico: uma perspectiva histórica. Revista Brasileira de História das Religiões, v. 2, p. 196-206, 2008.

12.
12GONÇALVES, Sérgio Campos;GONÇALVES, S. C.;CAMPOS GONÇALVES, Sérgio.2006GONÇALVES, Sérgio Campos . Debates Impressos no Caso Collor. Ensaios de História (Franca), v. 11, p. 177-186, 2006.

13.
14GONÇALVES, Sérgio Campos;GONÇALVES, S. C.;CAMPOS GONÇALVES, Sérgio.2005GONÇALVES, Sérgio Campos . O Caso Watergate: Marco Histórico do Jornalismo Investigativo. Ensaios de História (Franca), Franca, v. 10, n.1, p. 95-106, 2005.

14.
13GONÇALVES, Sérgio Campos;GONÇALVES, S. C.;CAMPOS GONÇALVES, Sérgio.2005GONÇALVES, Sérgio Campos . Collor e Watergate: uma análise comparativa. Ensaios de História (Franca), v. 10, p. 191-198, 2005.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
GONÇALVES, Sérgio Campos . Collorgate: mídia, jornalismo e sociedade nos casos Watergate e Collor. 1. ed. Rio de Janeiro: CBJE, 2008. v. 1. 106p .

Capítulos de livros publicados
1.
GONÇALVES, S. C. . Charles Beard. In: Jurandir Malerba. (Org.). Lições de história: Da história científica à razão metódica no limiar do século XX. 1ed.Porto Alegre: EDIPUCRS; FGV EDITORA, 2013, v. 1, p. 327-353.

2.
GONÇALVES, S. C. . O intelectual cortesão e a civilização: um perfil dos fundadores do IHGB e de sua Revista. In: Maria da Glória de Oliveira; Valdei Lopes de Araujo. (Org.). Disputas pelo passado: história e historiadores no Império do Brasil. 1ed.Ouro Preto: EDUFOP, 2012, v. 1, p. 1-21.

3.
GONÇALVES, Sérgio Campos . Thomas Babington Macaulay. In: Jurandir Malerba(org.); Sérgio Campos Gonçalves; François Dosse; Daniela Kern; Lilia M. Schwarcz; Teresa Malatian; Julio Bentivoglio; Marcos A. Lopes; Tereza C. Kirschner; Helenice R. da Silva; Raimundo B. Cordeiro Jr.; José Carlos Reis; Sérgio R. da Mata. (Org.). Lições de História : o caminho da ciência no longo século XIX. 1ed.Rio de Janeiro / Porto Alegre: Editora FGV ; EdiPucrs, 2010, v. 1, p. 211-247.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
GONÇALVES, Sérgio Campos . Vossa Excelência, o analfabeto legislativo. Jornal A CIDADE, Ribeirão Preto/SP, 17 out. 2010.

2.
GONÇALVES, Sérgio Campos . O show da notícia no seqüestro em Santo André. Revista Expressão, Ribeirão Preto, p. 46 - 46, 30 dez. 2008.

3.
GONÇALVES, Sérgio Campos . População paga juros em compra à vista. Jornal do Ônibus, Ribeirão Preto, , v. 1, p. 8 - 8, 01 out. 2005.

4.
GONÇALVES, Sérgio Campos . Tráfico de Incoerência. Circular 274, Araraquara, p. 6 - 6, 10 maio 2005.

5.
GONÇALVES, Sérgio Campos . Tráfico de Incoerência. AGE Notícias, Ribeirão Preto, 03 maio 2005.

6.
GONÇALVES, Sérgio Campos . MARP chega aos 12 anos no dia 20. Jornal A Cidade, Ribeirão Preto, , v. 99-295, 18 dez. 2004.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
GONÇALVES, S. C. . O intelectual cortesão e a civilização: um perfil dos fundadores do IHGB e de sua Revista. In: 5º Seminário Nacional de História da Historiografia, 2011, Mariana, MG. Caderno de Resumos & Anais do 5º Seminário Nacional de História da Historiografia: biografia & história intelectual. Ouro Preto, MG: EdUFOP, 2011. v. 1. p. 1-15.

2.
GONÇALVES, S. C. . Nos quadros do pensamento civilizador: aspectos da legitimidade do poder do Estado no Brasil entre Primeiro Reinado, Regência e Segundo Reinado. In: XXVI SIMPÓSIO NACIONAL DE HISTÓRIA, 2011, São Paulo. Anais do XXVI SIMPÓSIO NACIONAL DE HISTÓRIA (Org. Marieta de Moraes Ferreira). São Paulo: Associação Nacional de História - ANPUH, 2011. v. 1. p. 1-17.

3.
GONÇALVES, Sérgio Campos . A escrita da História do Brasil: o Pensamento Civilizador no Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro. In: 4º Seminário Nacional de História da Historiografia. Tempo presente & usos do passado, 2010, Mariana, MG. Caderno de Resumos & Anais do 4º Seminário Nacional de História da Historiografia. Tempo presente & usos do passado. Mariana, MG: Universidade Federal de Ouro Preto, 2010. v. 1. p. 1-12.

4.
GONÇALVES, Sérgio Campos . A Adesão da Cultura Historiográfica Brasileira ao Pensamento Civilizador no Século XIX. In: Seminário Nacional de História da Historiografia Brasileira e Modernidade, 2007, Mariana-MG. Caderno de Resumos & Anais do Seminário Nacional de História da Historiografia Brasileira e Modernidade. Ouro Preto / MG: EdUFOP, 2007. v. 1. p. 1-10.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
GONÇALVES, S. C. . Processo civilizador e colonização: a contribuição de Norbert Elias para a teoria da história de estudos relativos ao expansionismo europeu. In: XVIII Semana de História: Linguagens da História, 2011, Franca. Caderno de Resumos. XVIII Semana de História: Linguagens da História. Franca: Faculdade de Ciências Humanas e Sociais, 2011. v. 1. p. 44-44.

2.
GONÇALVES, S. C. . Nos quadros do pensamento civilizador: aspectos da legitimidade do poder do Estado no Brasil entre Primeiro Reinado, Regência e Segundo Reinado. In: XXVI SIMPÓSIO NACIONAL DE HISTÓRIA, 2011, São Paulo. Anais do XXVI SIMPÓSIO NACIONAL DE HISTÓRIA (Org. Marieta de Moraes Ferreira). São Paulo: ANPUH-SP, 2011. v. 1. p. 1-14.

3.
GONÇALVES, S. C. . O intelectual cortesão e a civilização: um perfil dos fundadores do IHGB e de sua Revista. In: 5º Seminário Nacional de História da Historiografia: biografia e história intelectual, 2011, Mariana, MG. Caderno de Resumos & Anais do 5º Seminário Nacional de História da Historiografia. Ouro Preto, MG: Sociedade Brasileira de Teoria e História da Historiografia, 2011. v. 1. p. 1-1.

4.
GONÇALVES, S. C. . A escrita da História do Brasil: o Pensamento Civilizador no Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro. In: 4º Seminário Nacional de História da Historiografia. Tempo presente & usos do passado, 2010, Mariana, MG. Caderno de Resumos & Anais do 4º Seminário Nacional de História da Historiografia. Tempo presente & usos do passado. Mariana, MG: UFOP, 2010. v. 1. p. 1-12.

5.
GONÇALVES, Sérgio Campos . A Adesão da Cultura Historiográfica Brasileira ao Pensamento Civilizador no Século XIX. In: Seminário Nacional de História da Historiografia: Historiografia Brasileira e Modernidade, 2007, Mariana / MG. Caderno de Resumos & Anais do Seminário Nacional de História da Historiografia: Historiografia Brasileira e Modernidade. Ouro Preto / MG: EDUFOP, 2007. v. 1. p. 1-1.

6.
GONÇALVES, Sérgio Campos ; SARDINHA, Náthaly Vieira . O JORNALISMO NOS CASOS WATERGATE E COLLOR: UMA ANÁLISE COMPARATIVA. In: 4. Congresso de Iniciação Científica e Pesquisa da UNAERP, 2003, Ribeirão Preto. Anais de Pesquisa da Universidade de Ribeirão Preto (Impresso). Ribeirão Preto: Ed. da Universidade de Ribeirão Preto, 2003. v. 4. p. 1-272.

Artigos aceitos para publicação
1.
GONÇALVES, Sérgio Campos . As teses narrativistas na filosofia analítica anglo-americana: antecedentes de uma outra teoria da história. Politéia (UESB), 2013.

Apresentações de Trabalho
1.
GONÇALVES, S. C. . Teoria e História da Historiografia. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
GONÇALVES, S. C. . Nos quadros do pensamento civilizador: aspectos da legitimidade do poder do Estado no Brasil entre Primeiro Reinado, Regência e Segundo Reinado. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

3.
GONÇALVES, S. C. . Processo civilizador e colonização: a contribuição de Norbert Elias para a teoria da história de estudos relativos ao expansionismo europeu. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

4.
GONÇALVES, S. C. . O intelectual cortesão e a civilização: um perfil dos fundadores do IHGB e de sua Revista. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

5.
GONÇALVES, Sérgio Campos . A escrita da História do Brasil: o Pensamento Civilizador no Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

6.
GONÇALVES, Sérgio Campos . Collorgate: mídia, jornalismo e sociedade. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

7.
GONÇALVES, Sérgio Campos . A Adesão da Cultura Historiográfica Brasileira ao Pensamento Civilizador no Século XIX. 2007. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

8.
GONÇALVES, Sérgio Campos . Collor e Watergate: uma análise comparativa. 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

9.
GONÇALVES, S. C. . Collor e Watergate: uma análise comparativa. 2007. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

10.
GONÇALVES, Sérgio Campos ; SARDINHA, Náthaly Vieira . O Jornalismo nos Casos Watergate e Collor: uma análise comparativa. 2003. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

Outras produções bibliográficas
1.
GONÇALVES, S. C. . Aquele Sonho Nobre. In: Jurandir Malerba (org.). Lições de história: Da história científica à razão metódica no limiar do século XX.. Porto Alegre; Rio de Janeiro: EDIPUCRS; FGV EDITORA, 2013. (Tradução/Livro).

2.
GONÇALVES, S. C. . Teoria da História ca.1870-1940: Objetividade e Antinomias da História em um Tempo de Crise Existencial. In: Jurandir Malerba. (Org.). Lições de história: Da história científica à razão metódica no limiar do século XX.. Porto Alegre; Rio de Janeiro: EDIPUCRS; Editora FGV, 2013. (Tradução/Livro).

3.
GONÇALVES, Sérgio Campos . História. In: Jurandir Malerba (Org) Et. al. Lições de História : O caminho da ciência no longo século XIX. Rio de Janeiro / Porto Alegre: Editora FGV / EdiPucrs, 2010. (Tradução/Livro).


Produção técnica
Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
GONÇALVES, S. C. . Poder Público: Administração e Cumprimento de Leis em Ribeirão Preto. 2013. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

2.
GONÇALVES, S. C. . História Recente: A Lógica Eleitoreira nas Ações do Poder Público. 2013. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

3.
GONÇALVES, S. C. . Patrimônio Histórico: abandono de área histórica gera problemas de segurança. 2013. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

4.
GONÇALVES, S. C. . História Regional: o lugar da praça pública no espaço urbano. 2013. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

5.
GONÇALVES, S. C. . História Política: a participação de sindicatos em acordos eleitorais. 2013. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

6.
GONÇALVES, S. C. . Legislativo: Diferença entre CEE e CPI. 2013. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

7.
GONÇALVES, S. C. . Patrimônio Histórico: Novos Documentos Sobre a Memória de Ribeirão Preto. 2013. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

8.
GONÇALVES, S. C. . Demografia e História: População idosa de Ribeirão é maior do que a média registrada no Estado. 2013. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

9.
GONÇALVES, S. C. . O abandono de um antigo clube no Alto do Ipiranga, em Ribeirão Preto. 2013. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

10.
GONÇALVES, S. C. . Publicação de alunos da Unesp de Franca obtém A2 do Qualis. 2013. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

11.
CAMPOS GONÇALVES, Sérgio. . História da Religiosidade Popular: Cristo Redentor como ponto turístico na região de Ribeirão Preto. 2011. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

Redes sociais, websites e blogs
1.
GONÇALVES, S. C. ; COSTA, G. V. ; CHRISTOFARO, A. ; PIMENTA, R. M. ; JHONES, J. ; FAGUNDES, J. M. S. C. ; CAPELOSSA, R. ; MARTTIE, R. M. ; VALE, A. ; FLORINDO, G. M. . História e Historiografia Brasil. 2012; Tema: História, Historiografia, Teoria. (Rede social).

2.
GONÇALVES, S. C. . Pesquisadores e Pós-Graduados Brasileiros: Pesquisa, inovação, conhecimento e tecnologia em debate. 2012; Tema: Grupo de Discussão sobre educação, pesquisa, inovação, conhecimento e tecnologia.. (Rede social).


Demais tipos de produção técnica
1.
GONÇALVES, Sérgio Campos . Trajetórias de Pesquisa: Teoria e História da Historiografia. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

2.
GONÇALVES, Sérgio Campos . A arte da estratégia: civilização e historiografia no Brasil do século XIX. 2008. (Relatório de pesquisa).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
DUARTE, E. E.; CAMARGO, J. A.; GONÇALVES, S. C.. Participação em banca de Glauco Scaglia; Thiago Martins de Paula.Os Conflitos Pós-Guerra Fria: Uma Discussão Teórica do Cenário Internacional. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais e Comércio Exterior) - Universidade de Ribeirão Preto.

2.
DUARTE, E. E.; SILVA, A. P.; GONÇALVES, S. C.. Participação em banca de Felipe André Bustos Mac Lean; Juliana Mara Berti.Política Externa Brasileira de 1937 a 1942: Equidistância Pragmática e a Transição do Governo Provisório. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais e Comércio Exterior) - Universidade de Ribeirão Preto.

3.
DUARTE, E. E.; SILVA, A. P.; GONÇALVES, S. C.. Participação em banca de Eduardo Eid Ambrósio.Política Externa Iraniana, 1979-2001: da Revolução ao 11/9. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais e Comércio Exterior) - Universidade de Ribeirão Preto.

4.
DUARTE, E. E.; CAMARGO, J. A.; GONÇALVES, S. C.. Participação em banca de Manuella Ferreira Barata de Oliveira; Marcelo Tessari Danesi.A Política Externa Austríaca do Século XIX: Uma Apreciação pelo Realismo Ofensivo. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais e Comércio Exterior) - Universidade de Ribeirão Preto.

5.
DUARTE, E. E.; CAMARGO, J. A.; GONÇALVES, S. C.. Participação em banca de Beatriz Calegare de Oliveira; Cláudia Elaine Galvão.A Política dos Estados Unidos de Combate ao Narcotráfico e o Plano Colômbia. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais e Comércio Exterior) - Universidade de Ribeirão Preto.

6.
DUARTE, E. E.; CAMARGO, J. A.; GONÇALVES, S. C.. Participação em banca de Marcela Dias Godoy.Brasil - Argentina: Análise das Décadas de 1960 a 1990 e a Integração Nuclear. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais e Comércio Exterior) - Universidade de Ribeirão Preto.

7.
GONÇALVES, Sérgio Campos; MEIRELLES, R. J. A.; ELIAS, Pablo.. Participação em banca de Camila Andressa Fonzara.História da Ginástica Aeróbica em Ribeirão Preto. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Educação Física) - Centro Universitário Moura Lacerda.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Questões que incomodam o historiador. 2011. (Congresso).

2.
XVIII Semana de História: Linguagens da História. Processo civilizador e colonização: a contribuição de Norbert Elias para a teoria da história de estudos relativos ao expansionismo europeu. 2011. (Congresso).

3.
5º Seminário Nacional de História da Historiografia: biografia e história intelectual.O intelectual cortesão e a civilização: um perfil dos fundadores do IHGB e de sua Revista. 2011. (Seminário).

4.
XXVI SIMPÓSIO NACIONAL DE HISTÓRIA.Nos quadros do pensamento civilizador: aspectos da legitimidade do poder do Estado no Brasil entre Primeiro Reinado, Regência e Segundo Reinado. 2011. (Simpósio).

5.
4º Seminário Nacional de História da Historiografia. Tempo presente & usos do passado. A escrita da História do Brasil: o Pensamento Civilizador no Instituto Histórico e Geográfico Brasileiro. 2010. (Congresso).

6.
XVI Semana de Comunicação Social da Unaerp. Collorgate: mídia, jornalismo e sociedade. 2009. (Congresso).

7.
Seminário Nacional de História da Historiografia Brasileira e Modernidade.A Adesão da Cultura Historiográfica Brasileira ao Pensamento Civilizador no Século XIX. 2007. (Seminário).

8.
1ª Jornada de Geografia e História.Collor e Watergate: uma análise comparativa. 2007. (Encontro).

9.
. XVI Semana de História: História Reprensada. 2006. (Congresso).

10.
XVI Semana de História: História Repensada (Promovida pelo Depto de História e pelo Programa de Pós-Graduação em História da UNESP, campus de Franca). 2006. (Congresso).

11.
Exposição da Pesquisa Experimental em Comunicação. 12º EXPOCOM - Exposição da Pesquisa Experimental em Comunicação. 2005. (Congresso).

12.
XXVIII Congresso da INTERCOM. XXVIII Congresso da INTERCOM. 2005. (Congresso).

13.
Congresso de Iniciação Científica e Pesquisa da UNAERP. O JORNALISMO NOS CASOS WATERGATE E COLLOR: UMA ANÁLISE COMPARATIVA. 2003. (Congresso).

14.
.A monarquia e o sagrado durante a Idade Média. 2003. (Simpósio).

15.
A monarquia e o sagrado durante a Idade Média (Ciclo de palestras promovido pelo Depto de História e pelo Grupo de Estudos da Memória e do Parentesco na Idade Média UNESP-CNPQ). 2003. (Oficina).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
GONÇALVES, S. C. . Questões que incomodam o historiador. 2011. (Congresso).

2.
GONÇALVES, S. C. . XVIII Semana de História: Linguagens da História. 2011. (Congresso).



Educação e Popularização de C & T



Artigos
Artigos completos publicados em periódicos
1.
7GONÇALVES, Sérgio Campos;GONÇALVES, S. C.;CAMPOS GONÇALVES, Sérgio.2009GONÇALVES, Sérgio Campos . O método arqueológico de análise discursiva: o percurso metodológico de Michel Foucault. História e-História, v. 1, p. 1-21, 2009.

2.
5GONÇALVES, Sérgio Campos2011GONÇALVES, Sérgio Campos . A história em questão: a afirmação da plausibilidade científica através de uma volta aos clássicos do século XIX. Opsis, v. 11, p. 260-265, 2011.

3.
4GONÇALVES, Sérgio Campos2012GONÇALVES, Sérgio Campos . Enfrentamentos epistemológicos: teoria da história e problemática pós-moderna. História da Historiografia, v. 8, p. 187-196, 2012.

4.
3GONÇALVES, Sérgio Campos2013GONÇALVES, Sérgio Campos . Processo civilizador e colonização em Norbert Elias: uma teoria interpretativa através da sociologia, da história e da psicologia. Opsis, v. 13, p. 200-221, 2013.

Artigos aceitos para publicação
1.
GONÇALVES, Sérgio Campos . As teses narrativistas na filosofia analítica anglo-americana: antecedentes de uma outra teoria da história. Politéia (UESB), 2013.


Apresentações de Trabalho
1.
GONÇALVES, S. C. . Teoria e História da Historiografia. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).


Cursos de curta duração ministrados
1.
GONÇALVES, Sérgio Campos . Trajetórias de Pesquisa: Teoria e História da Historiografia. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).


Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
CAMPOS GONÇALVES, Sérgio. . História da Religiosidade Popular: Cristo Redentor como ponto turístico na região de Ribeirão Preto. 2011. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

2.
GONÇALVES, S. C. . Patrimônio Histórico: Novos Documentos Sobre a Memória de Ribeirão Preto. 2013. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

3.
GONÇALVES, S. C. . Publicação de alunos da Unesp de Franca obtém A2 do Qualis. 2013. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).


Redes sociais, websites e blogs
1.
GONÇALVES, S. C. ; COSTA, G. V. ; CHRISTOFARO, A. ; PIMENTA, R. M. ; JHONES, J. ; FAGUNDES, J. M. S. C. ; CAPELOSSA, R. ; MARTTIE, R. M. ; VALE, A. ; FLORINDO, G. M. . História e Historiografia Brasil. 2012; Tema: História, Historiografia, Teoria. (Rede social).

2.
GONÇALVES, S. C. . Pesquisadores e Pós-Graduados Brasileiros: Pesquisa, inovação, conhecimento e tecnologia em debate. 2012; Tema: Grupo de Discussão sobre educação, pesquisa, inovação, conhecimento e tecnologia.. (Rede social).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 23/10/2014 às 1:01:29