Natally Vieira Dias

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/2968467994422413
  • Última atualização do currículo em 12/11/2018


Possui graduação (2006), mestrado (2009) e doutorado (2015) em História pela Universidade Federal de Minas Gerais. Desde 2012 é professora da Universidade Estadual de Maringá, campus de Ivaiporã, onde desenvolve e orienta pesquisas em História da América e da Educação. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Natally Vieira Dias
Nome em citações bibliográficas
DIAS, N. V.;DIAS, NATALLY VIEIRA

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Estadual de Maringá, Centro de Ciências Humanas Letras e Artes.
Av. Colombo, 5790
87020-900 - Maringa, PR - Brasil


Formação acadêmica/titulação


2011 - 2015
Doutorado em História.
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Título: A Revolução Mexicana nos debates político-intelectuais brasileiros: projeções, leituras e apropriações (1910-1941), Ano de obtenção: 2015.
Orientador: Kátia Gerab Baggio.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
2007 - 2009
Mestrado em História.
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Título: O México como "lição": a Revolução Mexicana nos grandes jornais brasileiros e argentinos (1910-1915),Ano de Obtenção: 2009.
Orientador: Kátia Gerab Baggio.
Palavras-chave: Revolução Mexicana; América Latina; Imprensa.
2002 - 2006
Graduação em História - Licenciatura e Bacharelado.
Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Título: A Revolução Mexicana na imprensa brasileira (1910-1914).
Orientador: Kátia Gerab Baggio.




Atuação Profissional



Universidade Estadual de Maringá, UEM, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

08/2018 - Atual
Ensino, História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História a América II
História da América III
História e Comunicação
02/2013 - Atual
Ensino, História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História da América I
História da América II
08/2018 - 08/2018
Conselhos, Comissões e Consultoria, Campus Regional do Vale do Ivaí (CRV), .

Cargo ou função
Membro comissão de sindicância.
03/2018 - 07/2018
Ensino, História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História da América I
Historiografia
Tópicos Especiais em História da Arte I
03/2018 - 03/2018
Conselhos, Comissões e Consultoria, Campus Regional do Vale do Ivaí (CRV), .

Cargo ou função
Participante Banca Examinadora para Processo de Ascensão de Nível Professor (DEF).
03/2018 - 03/2018
Conselhos, Comissões e Consultoria, Campus Regional do Vale do Ivaí (CRV), .

Cargo ou função
Participante Banca Examinadora para Processo de Ascensão de Nível Professor (DEF).
09/2017 - 01/2018
Ensino, História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História da América II
História da América III
Tópicos Especiais em História do Ensino de História
04/2017 - 08/2017
Ensino, História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História da América I
Tópicos Especiais em História das Relações Internacionais (Relações EUA/ América Latina)
07/2017 - 07/2017
Conselhos, Comissões e Consultoria, Campus Regional do Vale do Ivaí (CRV), .

Cargo ou função
Participante Banca Examinadora para Processo de Ascensão de Nível Professor (DCS).
02/2017 - 02/2017
Conselhos, Comissões e Consultoria, Campus Regional do Vale do Ivaí (CRV), .

Cargo ou função
Participantes Banca Examinadora para Processo de Ascensão de Nível Professor (DEF).
07/2015 - 12/2016
Ensino, História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História e Literatura I
11/2016 - 11/2016
Conselhos, Comissões e Consultoria, Campus Regional do Vale do Ivaí (CRV), .

Cargo ou função
Participantes Banca Examinadora para Processo de Ascensão de Nível Professor (DEF).
06/2016 - 07/2016
Ensino, História, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
A história intelectual na renovação da história política
02/2015 - 07/2016
Ensino, História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Tópicos Especiais em História da Arte I
06/2016 - 06/2016
Conselhos, Comissões e Consultoria, Campus Regional do Vale do Ivaí (CRV), .

Cargo ou função
Participante de Banca Examinadora para Processo de Ascensão de Nível Professor (DEF).
05/2016 - 05/2016
Conselhos, Comissões e Consultoria, Campus Regional do Vale do Ivaí (CRV), .

Cargo ou função
Presidente Banca Examinadora para Processo de Ascensão de Nível Professor (DEF).
07/2014 - 12/2015
Ensino, História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Tópicos Especiais em História das Relações Internacionais
02/2013 - 12/2015
Ensino, História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
História da América III
02/2013 - 12/2013
Ensino, História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Metodologia e Prática do Ensino de História

Universidade Federal de Ouro Preto, UFOP, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - 2010
Vínculo: Contrato, Enquadramento Funcional: Professor Substituto, Carga horária: 40


Faculdade Educação, FAE, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - 2006
Vínculo: Bolsa Extensão Universitária, Enquadramento Funcional: Professor-Monitor EJA, Carga horária: 20
Outras informações
Atuação como professor de História no Ensino Fundamental-EJA no Colégio Pedagógico da UFMG; e na produção de material didático para o mesmo nível de ensino, através do Programa de Educação Básica de Jovens e Adultos, promovido em parceria pela FAE e CP/UFMG.

Atividades

08/2006 - 12/2006
Ensino,

Disciplinas ministradas
História

Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho, UNESP, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Universidade Federal de Minas Gerais, UFMG, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


EducarBrasil, EDUCARBRASIL, Brasil.
Vínculo institucional

2010 - 2011
Vínculo: Contrato, Enquadramento Funcional: Analista e Produtor de Conteúdos Didáticos
Outras informações
Desenvolvimento e análise de material didático produzido para o portal educacional EducarBrasil.



Projetos de pesquisa


2018 - Atual
Programa Interdisplinar de Estudos de Populações - Laboratório de Arqueologia, Etnologia e Etno-história
Descrição: Propostas de investigação interdisciplinar tornaram-se corriqueiras no meio acadêmico brasileiro nas últimas duas décadas, todavia, ações efetivamente interdisciplinares continuam bastante raras. Muitos pesquisadores procuram explorar questões e noções advindas de diferentes áreas, mas por trabalharem isolados, não tem como evitar momentos de confusões conceituais ou de superficialidade na coleta, na organização e na análise dos dados. Uma das alternativas para superar tais situações reside na prática coletiva interdisciplinar, ou seja, diferentes pesquisadores concorrendo para o diálogo comum a partir de suas competências específicas. Assim, o Programa Interdisciplinar de Estudos de Populações - Laboratório de Arqueologia, Etnologia e Etno-história se propõe a pesquisar as relações dos povos não-ocidentais entre sí e com as sociedades envolventes no âmbito do cone sul americano, entendendo que dessa forma podemos contribuir com significativos aportes para o desenvolvimento científico..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2016 - Atual
Núcleo de Pesquisas em História Religiosa e das Religiões
Descrição: O Núcleo de Pesquisa em História Religiosa e das Religiões, tem como objetivo, estabelecer um diálogo entre diversos pesquisadores de diversas instituições com o intuito de desenvolver pesquisas voltadas para o estudo das mais variadas formas de manifestações religiosas e religiões monoteístas constituídas. Ao estabelecer um diálogo inter-institucional, o Grupo intenciona desenvolver, nas instituições envolvidas, um campo de pesquisa em história religiosa e das religiões, configurando pontos de referência neste campo do conhecimento..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2016 - Atual
Projeções político-culturais do México pós-revolucionário no continente: latino-americanismo e indigenismo através dos periódicos MONTERREY e AMÉRICA INDÍGENA (1930-1960)
Descrição: O processo revolucionário iniciado em 1910 no México e seus desdobramentos políticos e culturais, nas décadas seguintes, tiveram uma grande incidência continental, sendo que a Revolução Mexicana figurou como o principal modelo de transformação social na América Latina pelo menos durante toda a primeira metade do século XX. Nesse período, as facetas anti-imperialista e latino-americanista, marcantes no movimento mexicano, transformaram o país em um eixo fundamental na articulação de projetos de solidariedade continental, bem como o tratamento dado pelo México revolucionário às questões agrária e indígena fizeram com que o país se erigisse no cenário continental como o principal exemplo de atenção a essas históricas demandas, que perpassavam diversos países do continente. Portanto, pode-se afirmar que o latino-americanismo e o indigenismo foram dois dos principais elementos balizadores da projeção internacional do México pós-revolucionário, destacando-se o fato de que esses dois elementos foram oficialmente fomentados pelo Estado mexicano por meio de uma ativa política externa levada a cabo no cenário continental a partir da Revolução de 1910. A pesquisa aqui descrita consiste em recuperar e analisar parte dessa atuação assumida pelo México pós-revolucionário por meio da análise de dois periódicos que funcionaram com importantes promotores do latino-americanismo e do indigenismo ligados à política externa mexicana no continente: MONTERREY. Correo literario de Alfonso Reyes, editado entre 1930 e 1938 pelo escritor-embaixador mexicano, com um evidente viés latino-americanista e a revista América Indígena: órgano trimestral del Instituto Indigenista Interamericano, dirigido pelos mexicanos Moisés Sáenz e Manuel Gamio entre 1941 e 1960..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .
Integrantes: Natally Vieira Dias - Coordenador.
2014 - Atual
História Visual, Artistas e Intelectuais
Descrição: Grupo de pesquisa registrado no CNPQ.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2013 - 2015
A Revolução Mexicana nos debates político-intelectuais brasileiros (1910-1940)
Descrição: Projeto docente.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2013 - 2015
Laboratório de Estudos em Religiosidades e Culturas (LERC)
Descrição: Projeto docente.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2011 - Atual
Dimensões culturais e políticas do exílio latino-americano
Descrição: Grupo de pesquisa registrado no CNPQ.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.


Membro de corpo editorial


2016 - 2018
Periódico: REVISTA ELETRÔNICA DA ANPHLAC


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História da América.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: Ensino História.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: Teoria e Filosofia da História.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
DIAS, NATALLY VIEIRA2018DIAS, NATALLY VIEIRA. Monterrey. Correo literario de Alfonso Reyes: a publicação do escritor-embaixador e suas convergências e dissonâncias em relação às diretrizes oficiais da secretaria de relações exteriores do México (1930-1937). Revista Antíteses, v. 11, p. 217-243, 2018.

2.
DIAS, N. V.;DIAS, NATALLY VIEIRA2018DIAS, N. V.. Projeções da Revolução Mexicana na América Latina no pós 1917: o caso brasileiro. Diálogos (On-line), v. 22, p. 4-18, 2018.

3.
DIAS, N. V.;DIAS, NATALLY VIEIRA2017DIAS, N. V.. José Veríssimo e os ?inconvenientes? de suas leituras estadunidenses da guerra civil no México (1913-1914). REVISTA ELETRÔNICA DA ANPHLAC, v. XVII, p. 202-230, 2017.

4.
DIAS, N. V.;DIAS, NATALLY VIEIRA2016DIAS, N. V.. De índios, camponeses, bandidos e doentes: a faceta popular da Revolução Mexicana noticiada por grandes jornais brasileiros e argentinos: uma análise comparada (1910-1914). Revista de História Comparada (UFRJ), v. 10, p. 170-200, 2016.

5.
DIAS, N. V.;DIAS, NATALLY VIEIRA2013DIAS, N. V.. Diplomacia e atuação intelectual: Alfonso Reyes e a embaixada mexicana no Brasil (1930-1936). Temporalidades, v. 5, p. 97-110, 2013.

6.
DIAS, N. V.;DIAS, NATALLY VIEIRA2010DIAS, N. V.. O Brasil no ?espelho do México?: visões da Revolução Mexicana na imprensa brasileira (1910-1914). Revista Espaço Acadêmico (UEM), v. 10, p. 37-45, 2010.

7.
DIAS, N. V.;DIAS, NATALLY VIEIRA2008DIAS, N. V.. Entre a selva e as alturas: movimentos indígenas no México e na Bolívia. Outros Tempos, v. 5, p. 173-190, 2008.

8.
DIAS, N. V.;DIAS, NATALLY VIEIRA2006DIAS, N. V.; PEREIRA, Aline M. D. ; FARIA, Raíssa A. P. ; MIRANDA, Renata C. . A experiência de iniciação à docência na EJA e a formação do professor de história. Trabalho e Educação em Perspectiva, v. 3, p. 55-65, 2006.

Capítulos de livros publicados
1.
DIAS, N. V.. América Indígena e Boletín Indigenista: as publicações oficiais do Instituto Indigenista Interamericano e as vicissitudes da formação de uma rede intelectual transnacional em torno da instituição indigenista continental (1941-1945). In: Adriane Vidal Costa; Claudio Maíz. (Org.). Sociabilidade dos intelectuais nas tramas da "cidade letrada": produção político-cultural latino-americana a partir de redes transnacionais. 1ed.Belo Horizonte: Fino Traço, 2018, v. 1, p. 190-2015.

2.
DIAS, N. V.. DE LA INFORMACIÓN A LA OPIINIÓN: La Revolución Mexicana en la prensa brasileña (1910-1914). In: Pineda Soto, Adriana. (Org.). Recorridos de la prensa moderna a la prensa actual. 1ªed.Morelia: Universidad Autónoma de Querétaro/ Universidad Michoacana de San Nicolás de Hidalgo, 2015, v. , p. 135-158.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
DIAS, N. V.. A Revolução Mexicana na crítica da intelectualidade conservadora católica brasileira nos anos 20: o discurso da revista A Ordem sobre o México revolucionário. In: VII Congresso Internacional de História (UEM), 2015, Maringá-PR. Anais do VII Congresso Internacional de História (UEM), 2015. p. 591-603.

2.
DIAS, N. V.. O México revolucionário em MONTERREY: o correio literario de Alfonso Reyes muito além do personalismo (1930-1936). In: XI Encontro Internacional da ANPHLAC, 2014, Niterói. Anais do XI Encontro Internacional da ANPHLAC, 2014. p. 1-11.

3.
DIAS, N. V.. Entre a função diplomática e a autonomia intelectual: Alfonso Reyes e seu latino-americanismo no Brasil (1930-1936). In: VI CONGRESSO INTERNACIONAL DE HISTÓRIA - UEM, 2013, Maringá. ANAIS DO VI CONGRESSO INTERNACIONAL DE HISTÓRIA, 2013. v. 1. p. 1-9.

4.
DIAS, N. V.; BARCELOS, L. . Intelectuais, cultura e política em Encuentro de la cultura cubana. In: II Encontro do Grupo de Estudo e Trabalho em Historia e Linguagem, 2012, Belo Horizonte. Linguagem no mundo, mundo na linguagem: Anais Eletrônicos do II Encontro do Grupo de Estudo e Trabalho em Historia e Linguagem. Belo Horizonte, 2012. v. 1. p. 65-71.

5.
DIAS, N. V.. Projeções do México revolucionário no Brasil (1910-1922). In: XXVI Simpósio Nacional de História - ANPHU-SP, 2011, São Paulo. Anais Eletrônicos do XXVI Simpósio Nacional de História - ANPHU-São Paulo, 2011. p. 1-9.

6.
DIAS, N. V.. Oliveira Lima e José Veríssimo: visões da Revolução Mexicana na imprensa brasileira (1910-1914). In: 9º Encontro Internacional da ANPHLAC, 2010, Goiânia. Anais Eletrônicos do 9º Encontro Internacional da ANPHLAC, 2010. p. 1-14.

7.
DIAS, N. V.. A Revolução Mexicana e o debate sobre as relações continentais (1910-1914). In: VIII Encontro Internacional da ANPHLAC, 2008, Vitória. Anais Eletrônicos do VIII Encontro Internacional da ANPHLAC Vitória ? 2008, 2008. p. 1-15.

8.
DIAS, N. V.. A Revolução Mexicana e os sentidos de "revolução" na imprensa sul-americana (1910-1915). In: XVI Encontro Regional de História - ANPUH 2008, 2008, Belo Horizonte. Anais eletrônicos do XVI Encontro Regional de História - ANPHU 2008, 2008. p. 1-10.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
DIAS, N. V.. O latino-americanismo de Columbia, uma revista de 'cultura, política, letras, propaganda e expansão continentais' (1928-1929). In: X Encontro Internacional da ANPHLAC, 2012, São Paulo. Caderno de Resumos, 2012. p. 84-84.

2.
DIAS, N. V.. Oliveira Lima e José Veríssimo: visões da Revolução Mexicana na imprensa (1910-1914). In: IX Encontro Internacional da ANPHLAC, 2010, Goiânia. Caderno de Resumos, 2010. p. 65-66.

3.
DIAS, N. V.. A Revolução Mexicana e os sentidos de 'revolução' na imprensa latino-americana (1910-1915). In: Encontro Regional de História - ANPUH-MG, 2008, Belo Horizonte. Caderno de Resumos, 2008. p. 230-231.

4.
DIAS, N. V.. A Revolução Mexicana e o debate sobre as relações continentais nos grandes jornais brasileiros (1910-1915). In: VIII Encontro Internacional da ANPHLAC, 2008, Vitória. Caderno de Resumos, 2008. p. 1-1.

Artigos aceitos para publicação
1.
DIAS, N. V.. O México revolucionário e o latino-americanismo no Brasil nos anos 20. ESBOÇOS (UFSC), 2018.

Apresentações de Trabalho
1.
DIAS, N. V.. O Brasil e as projeções continentais do México revolucionário: a construção de um latino-americanismo através do periódico MONTERREY, editado pelo escritor-embaixador Alfonso Reyes no Rio de Janeiro nos anos 30. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

2.
DIAS, N. V.. Projeções da Revolução Mexicana na América Latina no pós 1917: o caso brasileiro. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
DIAS, N. V.. A revista América Indígena e a projeção continental do indigenismo mexicano (1941-1960). 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

4.
DIAS, N. V.. Monterrey. Correo Literario de Alfonso Reyes e as projeções político-culturais do México pós-revolucionário no continente (1930-1936). 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

5.
DIAS, N. V.. A estratégia continental mexicana e o latino-americanismo no Brasil nos anos 20 e 30. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

6.
DIAS, N. V.. A Revolução Mexicana na crítica da intelectualidade conservadora católica brasileira nos anos 20: o discurso da revista A Ordem sobre o México revolucionário. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

7.
DIAS, N. V.. De la información a la opinión: la Revolución Mexicana en la prensa brasileña (1910-1914). 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

8.
DIAS, N. V.. Algumas reflexões sobre a imprensa popular mexicana de inícios do século XX: as ilustrações de Posada nas hojas sueltas de Vanegas Arroyo. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

9.
DIAS, N. V.. O México revolucionário em MONTERREY: o correio literario de Alfonso Reyes muito além do personalismo (1930-1936). 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

10.
DIAS, N. V.. Monterrey, correo literario de Alfonso Reyes: 'noticias mexicanas' para o mundo, a partir do Brasil (1930-1936). 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

11.
DIAS, N. V.. O latino-americanismo de Columbia, uma revista de 'cultura, política, letras, propaganda e expansão continentais' (1928-1929). 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

12.
DIAS, N. V.. A grande imprensa como espaço de intervenção e debate político-intelectual: uma análise das discussões desencadeadas nos grandes diários brasileiros a partir das notícias sobre o México revolucionário (1910-1914). 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

13.
DIAS, N. V.; BARCELOS, L. . Intelectuais, cultura e política em Encuentro de la cultura cubana. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

14.
DIAS, N. V.. Projeções do México revolucionário no Brasil (1910-1922). 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

15.
DIAS, N. V.. Oliveira Lima e José Veríssimo: visões da Revolução Mexicana na imprensa. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

16.
DIAS, N. V.. A Revolução mexicana e o debate sobre as relações continentais nos grandes jornais brasileiros, 1910-1915. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

17.
DIAS, N. V.. A Revolução Mexicana e os sentidos de 'revolução' na imprensa latino-americana (1910-1915). 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

Outras produções bibliográficas
1.
DIAS, N. V.; BARBOSA, C. A. S. . Revista Eletrônica da ANPHLAC entrevista o historiador Pablo Yankelevich. São Paulo: ANPHLAC, 2017 (Entrevista).


Produção técnica
Trabalhos técnicos
1.
DIAS, N. V.. Parecer ad hoc Revista Escrita da História. 2017.

2.
DIAS, N. V.. Parecer ad-hoc para a Revista Eletrônica da ANPHLAC. 2017.

3.
DIAS, N. V.. Parecer ad hoc Revista Eletrônica da ANPHLAC. 2014.

4.
DIAS, N. V.. Parecer ad-hoc para a Revista Temporalidades. 2012.

5.
DIAS, N. V.. Correção prova História Vestibular UFMG. 2010.

6.
DIAS, N. V.. Elaboração de questões para o Banco de Itens do Programa de Avaliação da Aprendizagem Escolar da Secretaria de Estado da Educação de Minas Gerais. 2010.

7.
DIAS, N. V.. Parecer ad-hoc para a Revista Temporalidades. 2009.

8.
DIAS, N. V.. Correção prova História - Vestibular UFMG. 2009.

9.
DIAS, N. V.. Elaboração de questões para o Banco de Itens do Programa de Avaliação da Aprendizagem Escolar da Secretaria de Estado da Educação de Minas Gerais. 2009.

10.
DIAS, N. V.. Elaboração de questões para o Banco de Itens do Programa de Avaliação da Aprendizagem Escolar da Secretaria de Estado da Educação de Minas Gerais. 2007.


Demais tipos de produção técnica
1.
DIAS, N. V.. História e imprensa: apontamentos teórico-metodológicos para o uso dos jornais como fonte e objeto da história. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

2.
DIAS, N. V.. Itens Avaliativos História - Programa Avaliação Aprendizagem Escolar. 2010. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Secretaria Estado Educação MG).

3.
DIAS, N. V.. Itens avaliativos de História - Programa de Avaliação de Aprendizagem Escolar. 2008. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Secretaria de Estado da Educação de Minas Gerais).

4.
DIAS, N. V.. Imprensa, história e política na América Latina. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

5.
DIAS, N. V.. Itens avaliativos de História - Programa de Avaliação de Aprendizagem Escolar. 2007. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Secretaria de Estado da Educação de Minas Gerais).

6.
DIAS, N. V.. A Revolução Mexicana na imprensa brasileira. 2005. (Relatório de pesquisa).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
DIAS, N. V.; COSTA, Adriane Vidal. Participação em banca de Bruna Reis Afonso. Os livros didáticos produzidos durante a ditadura de Stroessner no Paraguai e na ditadura civil-militar brasileira (1959-1983): o ensino de História e as versões da Guerra do Paraguai. 2017. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em História) - Universidade Federal de Minas Gerais.

Monografias de cursos de aperfeiçoamento/especialização
1.
DIAS, N. V.. Participação em banca de MÔNICA LUCIANA LIMONTA. BREVE HISTÓRIA POLÍTICA DA VENEZUELA (1958-2004). 2013. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em História e Humanidades) - Universidade Estadual de Maringá.

2.
DIAS, N. V.. Participação em banca de Raphael Coelho Neto. Culturas Políticas de esquerda na América Latina nos anos 1920: revolução e libertação nacional em José Carlos Mariátegui, Haya de la Torre e Julio Antonio Mella. 2013. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em História e Culturas Políticas) - Universidade Federal de Minas Gerais.

3.
DIAS, N. V.. Participação em banca de Flávia Schetuino Marques Gomes. Guerra do Pacífico: o combate naval de Iquique e a construção do nacionalismo chileno nas páginas do jornal El Mercurio de Valparaíso - maio de 1879. 2013. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em História e Culturas Políticas) - Universidade Federal de Minas Gerais.

4.
DIAS, N. V.. Participação em banca de Angelo Anderson Andrade Coimbra. Partido Comunista do peru Sendero Luminoso: ideologia, política e estratégias de guerrilha. 2011. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em História e Culturas Políticas) - Universidade Federal de Minas Gerais.

5.
DIAS, N. V.. Participação em banca de Bárbara Carolina Medeiros de Tompa. A Revolução Sandinista e a Libertação Nacional. 2011. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em História e Culturas Políticas) - Universidade Federal de Minas Gerais.

6.
DIAS, N. V.. Participação em banca de Suely de Carvalho Araujo Loos. Sarmiento e a formação do Estado Nacional Argentino. 2011. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em História e Culturas Políticas) - Universidade Federal de Minas Gerais.

7.
DIAS, N. V.. Participação em banca de Camila Filomena Costa. Cultura política e revoluções de esquerda na América Latina: a experiência da Frente Sandinista de Libertação Nacional na Nicarágua. 2011. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em História e Culturas Políticas) - Universidade Federal de Minas Gerais.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
DIAS, N. V.. Participação em banca de Fernanda Bastos Barbosa.Despotismo modernizador: Porfirio Díaz, Senhor do México: as representações de Porfirio Díaz e seu governo em escritores contemporâneos ao seu regime presidencial, 1901-1911. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Ouro Preto.

2.
DIAS, N. V.. Participação em banca de Ana Paula Aparecida Araújo.Movimento neozapatista: um novo repertório de ação coletiva. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Centro Universitário Newton Paiva.

3.
DIAS, N. V.. Participação em banca de Elizabete Lopes Ferreira.Belle Époque: modernidade e civilidade à francesa nos anúncios das casas comericiais da capital mineira (1989-1919). 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Centro Universitário Newton Paiva.

4.
DIAS, N. V.. Participação em banca de Daiene Solange Dalamora.A questão nacional nas páginas dos jornais mineiros, 1942-1945. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Centro Universitário Newton Paiva.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Outras participações
1.
GOMES, W. A.; BAGGIO, K. G.; DIAS, N. V.. Exame de Qualificação de Doutorado: Escritas de si, escritas da Revolução: a literatura da Revolução Mexicana em páginas autobiográficas (1928-1958). 2018. Universidade Federal de Minas Gerais.

2.
LUZ, M. C. P.; COSTA, Adriane Vidal; DIAS, N. V.. Exame de qualificação de Mestrado: A revista Chiapas e o debate intelectual em torno do EZLN (1995-2004). 2017. Universidade Federal de Minas Gerais.

3.
ANDRADE, C. M.; COSTA, Adriane Vidal; DIAS, N. V.. Exame de Qualificação de Mestrado: Trajetória político-intelectual, representações do poder e revolução nas obras do mexicano Martín Luis Guzmán (1928-1963). 2016. Universidade Federal de Minas Gerais.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
VI EPHIS. Brasil e as projeções continentais do México revolucionário: a construção de um latino-americanismo através do periódico MONTERREY, editado pelo escritor-embaixador Alfonso Reyes no Rio de Janeiro nos anos 30. 2017. (Congresso).

2.
XII Encontro Internacional da ANPHLAC. A revista América Indígena e a projeção continental do indigenismo mexicano (1941-1960). 2016. (Congresso).

3.
XXI Semana de História da UEM. Coordenação Simpósio Temático: Intelectuais, cultura e política nas Américas. 2016. (Congresso).

4.
XXI Semana de História da UEM. Monterrey. Correo Literario de Alfonso Reyes e as projeções político-culturais do México pós-revolucionário no continente (1930-1936). 2016. (Congresso).

5.
I Colóquio História Visual, Artistas e Intelectuais. A estratégia continental mexicana e o latino-americanismo no Brasil nos anos 20 e 30. 2015. (Congresso).

6.
VII Congresso Internacional de História da UEM. A Revolução Mexicana na crítica da intelectualidade conservadora católica brasileira nos anos 20: o discurso da revista A Ordem sobre o México revolucionário. 2015. (Congresso).

7.
III Encontro de Pesquisa em História da UFMG. Algumas reflexões sobre a imprensa popular mexicana de inícios do século XX: as ilustrações de Posada nas hojas sueltas de Vanegas Arroyo. 2014. (Congresso).

8.
III Encontro de Pesquisa em História da UFMG. Coordenação de Simpósio Temático: Política editorial, impressos e leitura. 2014. (Congresso).

9.
IX Encuentro Internacional de Historiadores de la Prensa. De la información a la opinión: la Revolución Mexicana en la prensa brasileña (1910-1914). 2014. (Congresso).

10.
XI Encontro Internacional da ANPHLAC. O México revolucionário em MONTERREY: o correio literario de Alfonso Reyes muito além do personalismo (1930-1936). 2014. (Congresso).

11.
XI Encontro Internacional da ANPHLAC.Coordenação mesa: Revolução Mexicana, intelectuais e imprensa: debates internos e projeções continentais (anos 1920 e 1930). 2014. (Encontro).

12.
II Encontro de Pesquisa em História da UFMG. Monterrey, correo literario de Alfonso Reyes: 'noticias mexicanas' para o mundo, a partir do Brasil (1930-1936). 2013. (Congresso).

13.
III Simpósio do GT História das Religiões e das Religiosidades.Coordenação Simpósio Temático: Religiosidades e Culturas na América Latina. 2013. (Simpósio).

14.
VIII Encuentro Internacional de Historiadores de la Prensa. A grande imprensa como espaço de intervenção e debate político-intelectual: uma análise das discussões desencadeadas nos grandes diários brasileiros a partir das notícias sobre o México revolucionário (1910-1914). 2012. (Congresso).

15.
X Encontro Internacional da ANPHLAC. O latino-americanismo de Columbia, uma revista de 'cultura, política, letras, propaganda e expansão continentais' (1928-1929). 2012. (Congresso).

16.
II Encontro do Grupo de estudo e Trabalho em História da Linguagem - Mundo na linguagem e linguagem no mundo. Intelectuais, cultura e política em Encuentro de la cultura cubana. 2011. (Congresso).

17.
XXVI Simpósio Regional de História - ANPUH. Projeções do México revolucionário no Brasil (1910-1922). 2011. (Congresso).

18.
9º Encontro Internacional da ANPHLAC. Oliveira Lima e José Veríssimo: visões da Revolução Mexicana na imprensa. 2010. (Congresso).

19.
Encontro Regional de História - ANPUH-MG. A Revolução Mexicana e os sentidos de 'revolução' na imprensa latino-americana (1910-1915). 2008. (Congresso).

20.
VIII Encontro Internacional da ANPHLAC. A Revolução mexicana e o debate sobre as relações continentais nos grandes jornais brasileiros, 1910-1915. 2008. (Congresso).

21.
XIV Semana de Iniciação Científica da UFMG.A Revolução Mexicana na imprensa brasileira (1910-1914). 2005. (Encontro).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
DIAS, N. V.. III Simpósio do GT História das Religiões e das Religiosidades da Associação Nacional de História. 2013. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Iniciação científica
1.
Aline Rodrigues Pierobom. Os artigos de indigenistas mexicanos na revista América Indígena (1941-1960). Início: 2018. Iniciação científica (Graduando em História) - Universidade Estadual de Maringá, Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Orientador).

2.
Higor Braen da Silva. As sociedades indígenas pré-colombianas nas narrativas dos livros didáticos de História do Programa Nacional do Livro Didático 2018 selecionados pelas escolas públicas da região do Vale do Ivaí (PR). Início: 2018. Iniciação científica (Graduando em História) - Universidade Estadual de Maringá, Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico. (Orientador).

3.
Ana Carla Ribeiro Rodrigues. União e instrução: a educação do indivíduo libertário através do periódico anarquista La Protesta Humana (1897-1901). Início: 2018. Iniciação científica (Graduando em História) - Universidade Estadual de Maringá. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Monografia de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização
1.
Marcelo Felício Martins Pinto. O EZLN e a construção de uma autonomia indígena zapatista. 2018. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em História das revoluções e dos movimentos sociais) - Universidade Estadual de Maringá. Orientador: Natally Vieira Dias.

Iniciação científica
1.
Larissa Motta Foss. Imagens do ?índio? na revista américa indígena: órgano trimestral del instituto indigenista interamericano (1941-1945). 2017. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Universidade Estadual de Maringá. Orientador: Natally Vieira Dias.

2.
Letícia Rita Ribeiro. O indigenismo peruano na revista américa indígena: órgano trimestral del instituto indigenista interamericano (1941-1945). 2017. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Universidade Estadual de Maringá. Orientador: Natally Vieira Dias.

3.
Guilherme Gomes dos Santos. A polêmica indigenista norte-americana nas páginas da revista América Indígena (1942-1945). 2017. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Universidade Estadual de Maringá. Orientador: Natally Vieira Dias.

4.
Denis Carlos Moser Ieni. O passado indígena do México na obra do pintor Diego Rivera (1926-1950). 2017. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Universidade Estadual de Maringá. Orientador: Natally Vieira Dias.

5.
Thiago Caetano Custódio. As culturas pré-hispânicas nos livros didáticos usados pelas escolas públicas de Ivaiporã e região na última década. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Universidade Estadual de Maringá. Orientador: Natally Vieira Dias.

6.
Ligiane Cristine Szpaler Pereira / Thaísa Luzeti Lunardello. A história dos Estados Unidos nos livros didáticos usados pelas escolas públicas de Ivaiporã e região na última década. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Universidade Estadual de Maringá. Orientador: Natally Vieira Dias.

7.
Danielle Thaís Vital Gonçalves. A participação popular na Revolução Mexicana através da obra de José Clemente Orozco: os murais La despedida, La familia e Mujeres (1926). 2015. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Universidade Estadual de Maringá. Orientador: Natally Vieira Dias.

8.
André Rodrigues. O anticlericalismo na imprensa anarquista sul-americana uma análise comparada dos jornais A Lanterna e La Protesta (1897-1904). 2013. Iniciação Científica. (Graduando em História) - Universidade Estadual de Maringá. Orientador: Natally Vieira Dias.



Educação e Popularização de C & T



Cursos de curta duração ministrados
1.
DIAS, N. V.. História e imprensa: apontamentos teórico-metodológicos para o uso dos jornais como fonte e objeto da história. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

2.
DIAS, N. V.. Imprensa, história e política na América Latina. 2007. (Curso de curta duração ministrado/Outra).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 18/11/2018 às 19:44:40