Daniel Ricardo Castelan

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/8511875619143410
  • Última atualização do currículo em 12/10/2017


Professor adjunto do Departamento de Economia e Relações Internacionais da Universidade Federal de Santa Catarina. Doutor em Ciência Política pelo Instituto de Estudos Sociais e Políticos da UERJ (IESP-UERJ) e mestre em Relações Internacionais pelo Instituto de Relações Internacionais da Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (PUC-Rio). Graduou-se na mesma área pela Universidade de Brasília (UnB). Atuou como pesquisador-bolsista do IPEA entre 2010 e 2012, pelo Programa de Pesquisa para o Desenvolvimento Nacional, em projeto sobre Regulação do Comércio Global nos BRICS coordenado pela prof. Vera Thorstensen (FGV-SP) e Ivan T. Oliveira (IPEA), e como pesquisador do Observatório Político Sul-Americano (OPSA-IESP), coordenado pela prof. Maria Regina Soares de Lima (IESP-UERJ), entre 2008 e 2010. Entre 2010 e 2014, lecionou na graduação e pós-graduação do Instituto Brasileiro de Mercado de Capitais (Ibmec-RJ). (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Daniel Ricardo Castelan
Nome em citações bibliográficas
CASTELAN, D. R.


Formação acadêmica/titulação


2010 - 2014
Doutorado em CIÊNCIA POLÍTICA.
Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
Título: Internacionalização econômica e coalizões políticas, Ano de obtenção: 2014.
Orientador: Maria Regina Soares de Lima.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Grande área: Ciências Humanas
2007 - 2009
Mestrado em Relações Internacionais.
Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, PUC-Rio, Brasil.
Título: O fim do consenso e o consenso do fim: a reforma da política comercial brasileira entre 1985 e 1994,Ano de Obtenção: 2009.
Orientador: Letícia de Abreu Pinheiro.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: Rodada Uruguai; Ministério da Fazenda; Política Comercial; Política Externa; GATT; Sarney.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Política Internacional / Especialidade: Política Externa do Brasil.
2002 - 2006
Graduação em Relações Internacionais.
Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
Título: Segurança e Defesa na década de 90: interpretações do Itamaraty e Forças Armadas.
Orientador: Alcides Costa Vaz.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.




Formação Complementar


2010 - 2010
Concepts, methods and techniques in Political Sc.. (Carga horária: 80h).
International Political Science Association, IPSA, Canadá.


Atuação Profissional



Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor Adjunto, Regime: Dedicação exclusiva.


Grupo IBMEC, IBMEC, Brasil.
Vínculo institucional

2010 - 2014
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor horista, Carga horária: 4
Outras informações
Disciplinas ministradas: Comércio Internacional e Política Externa Brasileira


Instituto de Pesquisa Econômica Aplicada - DF, IPEA, Brasil.
Vínculo institucional

2010 - 2012
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Pesquisador bolsista
Outras informações
Pesquisador-bolsista do Programa de Pesquisa para o Desenvolvimento Nacional, em projeto sobre Regulação do Comércio Global nos BRICS coordenado pela professora Vera Thorstensen (FGV-SP) e por Ivan T. M. Oliveira (IPEA).


Universidade Candido Mendes, UCAM, Brasil.
Vínculo institucional

2009 - 2010
Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Professor horista, Carga horária: 15
Outras informações
Disciplinas ministradas: Política Externa Brasileira, Relações Internacionais na América Latina, Metodologia de Pesquisa


Instituto Universitário de Pesquisas do Rio de Janeiro, IUPERJ, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - 2010
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador, Carga horária: 15
Outras informações
Pesquisador do Observatório Político Sul-Americano (OPSA) do IUPERJ (atualmente IESP-UERJ), coordenado pela professora Maria Regina Soares de Lima (IESP)



Projetos de pesquisa


2016 - Atual
Interesses de classe nas negociações de comércio
Descrição: O empresariado brasileiro, embora sem ter vínculos orgânicos com o Partido dos Trabalhadores (PT), apoiou a política econômica e externa implementadas pelo presidente Luiz Inácio Lula da Silva voltadas à aceleração do crescimento via distribuição de renda e fortalecimento do mercado interno, especialmente entre 2003 e 2008. Desde então, algumas circunstâncias combinaram-se para que o apoio empresarial às orientações do governo começasse a ruir. A fragmentação da base política dos governos petistas e o respectivo fortalecimento de um projeto alternativo de política externa e de comércio exterior são os objetos desse projeto de pesquisa. Mais precisamente, os objetivos do projeto são: (a) analisar a mudança no posicionamento empresarial com relação à política comercial, identificando suas lideranças, seus contornos principais e as disputas internas à coalizão; (b) buscar na estrutura econômica e na conjuntura política e econômica explicações para a pulverização do apoio empresarial aos governos do PT; (c) discutir as teorias sobre coalizões políticas e política externa à luz dos resultados encontrados..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2010 - 2012
Regulação do Comércio nos BRICs
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (2) .
Integrantes: Daniel Ricardo Castelan - Integrante / Vera Thorstensen - Coordenador / Abrão Árabe Neto - Integrante.
Número de produções C, T & A: 9


Projetos de extensão


2017 - Atual
Projeto Colmeia
Descrição: O projeto tem o propósito de (a) desenvolver competências básicas de coleta, organização e análise de dados quantitativos em profissionais de organizações da sociedade civil e alunos da Universidade Federal de Santa Catarina; além de (b) contribuir para que ONGs e Projetos de Extensão incorporem a coleta, sistematização e análise de dados a suas tarefas rotineiras, de forma a aprimorar processos decisórios e avaliação de resultados. Para tanto, anualmente os integrantes do projeto atuam em duas etapas (i) Coleta e sistematização de dados: após uma etapa de prospecção de ONGs e Projetos de Extensão interessados, o coordenador deste projeto orienta parceiros selecionados na coleta e sistematização de dados de seu interesse. A coleta é executada pelo parceiro, com colaboração deste projeto de extensão. (ii) Curso de análise descritiva de dados: com os dados devidamente organizados, é oferecido um Curso de Extensão sobre análise de dados quantitativos, aberto a alunos do curso de Relações Internacionais da UFSC e também a integrantes das entidades parceiras, ao longo do qual as bases coletadas e organizadas previamente são analisados com métodos discutidos no curso. O trabalho final da disciplina deverá ser um relatório de análise dos dados coletados, compartilhado então com a entidade parceira e disponibilizado para a sociedade em geral sob forma previamente acertada com o parceiro..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (10) / Mestrado acadêmico: (3) .
Integrantes: Daniel Ricardo Castelan - Coordenador.


Membro de corpo editorial


2011 - Atual
Periódico: Cadernos de Estudos Sociais e Políticos


Revisor de periódico


2009 - 2009
Periódico: Candelária (Rio de Janeiro)
2016 - Atual
Periódico: Contexto Internacional (PUCRJ. Impresso)
2015 - Atual
Periódico: Brazilian Political Science Review
2016 - Atual
Periódico: RARI - Revista Acadêmica de Relações Internacionais
2016 - Atual
Periódico: Estudos Internacionais
2017 - Atual
Periódico: Carta Internacional (USP)


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.


Prêmios e títulos


2012
Bolsa Aluno Nota 10, FAPERJ.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
CASTELAN, D. R.2016CASTELAN, D. R.. Domestic coalitions in the FTAA negotiations: the Brazilian case. Contexto Internacional (on-line), v. 38, p. 313-348, 2016.

2.
CASTELAN, D. R.2015CASTELAN, D. R.. 20 anos controversos: a América do Sul nas disputas da OMC. Boletim OPSA, v. 3, p. 19-25, 2015.

3.
CASTELAN, D. R.2014CASTELAN, D. R.. Esquerdas na América do Sul: restrições e respostas à globalização. Observador on-line, v. 9, p. 1-25, 2014.

4.
CASTELAN, D. R.2013 CASTELAN, D. R.. Esquerdas na América do Sul: padrões de inserção internacional e constrangimentos aos programas de proteção social. Texto para Discussão (IPEA. Brasília), v. 1861, p. 1-29, 2013.

5.
CASTELAN, D. R.2012CASTELAN, D. R.. Antidumping: Brasil, Índia e China. Boletim de Economia e Política Internacional, v. 9, p. 69-88, 2012.

6.
LIMA, M.R.S.2012 LIMA, M.R.S. ; CASTELAN, D. R. . Os grandes países periféricos na política externa brasileira. Boletim de Economia e Política Internacional, v. 9, p. 127-138, 2012.

7.
CASTELAN, D. R.2012CASTELAN, D. R.. Acordos de Investimento na América do Sul. Boletim de Economia e Política Internacional, v. 12, p. 75-94, 2012.

8.
CASTELAN, D. R.2012CASTELAN, D. R.. O uso de medidas antidumping no Brasil, na Índia e na China: características de regulação e de participação do setor privado. Texto para Discussão (IPEA. Brasília), v. 1756, p. 1-38, 2012.

9.
LIMA, M.R.S.2012LIMA, M.R.S. ; CASTELAN, D. R. . O Brasil, os BRICS e a Institucionalização do Conflito Internacional. Observador on-line, v. 6, p. 1-10, 2012.

10.
CASTELAN, D. R.2011 CASTELAN, D. R.. A implementação do consenso: Itamaraty, Ministério da Fazenda e a liberalização brasileira. Contexto Internacional (PUCRJ. Impresso), v. 32, p. 563-605, 2011.

11.
CASTELAN, D. R.2010CASTELAN, D. R.. Em defesa da indústria. Boletim OPSA, v. 5, p. 14-20, 2010.

12.
CASTELAN, D. R.2010CASTELAN, D. R.. Subsídios norte-americanos e política comercial brasileira. Boletim OPSA, v. 2, p. 6-11, 2010.

13.
CASTELAN, D. R.2009CASTELAN, D. R.. Inserção Internacional: A Formação dos Conceitos Brasileiros (resenha). Contexto Internacional (PUCRJ. Impresso), v. 31, p. 189-197, 2009.

14.
CASTELAN, D. R.2009CASTELAN, D. R.. Proteção ambiental e desenvolvimento econômico na política externa brasileira: ainda um dilema?. Candelária (Rio de Janeiro), v. 10, p. 71-94, 2009.

15.
CASTELAN, D. R.2009CASTELAN, D. R.. Ordem, progresso e proteção ao meio ambiente. Boletim OPSA, v. 3, p. 25-32, 2009.

16.
CASTELAN, D. R.2009CASTELAN, D. R.. Brasil: internet e jogo eleitoral. Boletim OPSA, v. 5, p. 15-20, 2009.

17.
CASTELAN, D. R.2009CASTELAN, D. R.. Segurança e defesa na década de 1990: interpretações do Itamaraty e das Forças Armadas. Revista Múltipla (UPIS), v. 20, p. 45-76, 2009.

18.
CASTELAN, D. R.2008CASTELAN, D. R.. A política comercial do governo Lula: nuances da esquerda no poder. Observador on-line, v. 3, p. 01-16, 2008.

Capítulos de livros publicados
1.
LIMA, M.R.S. ; CASTELAN, D. R. . O Brasil, os BRICS e a institucionalização do conflito internacional. O Brasil, os BRICS e a agenda internacional. 2ed.Brasília: FUNAG, 2013, v. , p. 251-266.

2.
THORSTENSEN, V. ; CASTELAN, D. R. ; RAMOS, D. ; MUELLER, C. . Participação dos BICS na Rodada Doha. In: Thorstensen, V; Oliveira, I.T.M.. (Org.). Os BRICS na OMC: Políticas Comerciais Comparadas de Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul. 1ed.Brasília: , 2012, v. , p. 399-448.

3.
THORSTENSEN, V. ; CASTELAN, D. R. ; RAMOS, D. ; MUELLER, C. ; STUCCHI, J. A. ; NOGUEIRA, T. . Investimentos. In: Vera Thorstensen; Ivan Tiago Machado Oliveira. (Org.). Os BRICS na OMC: Políticas Comerciais Comparadas de Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul. 1ed.Brasília: Ipea, 2012, v. , p. 215-252.

4.
THORSTENSEN, V. ; OLIVEIRA, I. T. M. ; CASTELAN, D. R. ; RAMOS, D. ; MULLER, C. ; NOGUEIRA, T. . Serviços. In: Vera Thorstensen; Ivan Tiago Machado Oliveira. (Org.). Os BRICS na OMC: Políticas Comerciais Comparadas de Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul. 1ed.Brasília: Ipea, 2012, v. , p. 167-192.

5.
THORSTENSEN, V. ; CASTELAN, D. R. ; RAMOS, D. ; MULLER, C. . Barreiras Técnicas, Sanitárias e Fitossanitárias. In: Vera Thorstensen; Ivan Tiago Machado Oliveira. (Org.). Os BRICS na OMC: Políticas Comerciais Comparadas de Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul. 1ed.Brasília: Ipea, 2012, v. , p. 123-138.

6.
THORSTENSEN, V. ; CASTELAN, D. R. ; RAMOS, D. ; MULLER, C. . Propriedade Intelectual. In: Vera Thorstensen; Ivan Tiago Machado Oliveira. (Org.). Propriedade Intelectual. 1ed.Braília: Ipea, 2012, v. , p. 193-214.

7.
FERRARI, R. ; CASTELAN, D. R. ; NELSON, A. J. ; ABDALA, R. . Policy design to the achievement of the millennium development goals. In: Adam Jayme Muniz; Cammilla Horta. (Org.). Uniting people, uniting peoples: americas model united nations. Brasília: FUNAG, 2004, v. 01, p. 37-96.

8.
ROSA, H. ; CASTELAN, D. R. . Public administration and development. In: Melina Espeschit Maia; Marina Moreira Costa; Virgínia de Ângelis. (Org.). Building bridges across nations: americas model united nations. Brasília: FUNAG, 2004, v. 01, p. 31-48.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
CASTELAN, D. R.; SANTOS, L. W. . O Brasil na OMC: soft balancing?. In: 10o. Encontro da Associação Brasileira de Ciência Política, 2016, Belo Horizonte. Anais do 10o. Encontro da Associação Brasileira de Ciência Política, 2016.

2.
PINHEIRO, F. L. ; CASTELAN, D. R. ; MIGNOZZETTI, U. . Institutional Effects and State Behavior: Does Regional Integration Promotes Political Convergence?. In: 52h Annual ISA Convention, Global Governance: Political Authority In Transition, 2011, Montreal. nternational Studies Association Annual Conference, 2011.

3.
CASTELAN, D. R.; RIBEIRO, D. M. F. ; LEMGRUBER, S. . A política externa brasileira sul-sul e as perspectivas de integração regional. In: Associação Nacional de Pós-Graduação em Ciências Sociais (ANPOCS), 2009, Caxambu. Anais do 33º Encontro Anual / 2009, 2009.

4.
CASTELAN, D. R.. Segurança e Defesa na década de noventa: interpretações do Itamaraty e Forças Armadas. In: I Simpósio de Pós-Graduação em Relações Internacionais do Programa San Tiago Dantas, 2007, São Paulo. Simpósio de Pós-Graduação em Relações Internacionais do Programa San Thiago Dantas, 2007. v. 1. p. 1-30.

Apresentações de Trabalho
1.
CASTELAN, D. R.; SANTOS, L. W. . Brasil: Soft balancing na OMC? (trabalho aceito)(evento em setembro 2016). 2016. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

2.
CASTELAN, D. R.. Preferências econômicas e alianças políticas em economias abertas: o caso da indústria brasileira nas negociações da ALCA. 2015. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

3.
CASTELAN, D. R.. Preferências econômicas e alianças políticas em economias abertas: o caso da indústria brasileira nas negociações da ALCA. 2015. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

4.
CASTELAN, D. R.. El rol de Brasil en el marco de los BRICS. Impactos y desafios de la nueva governanza global. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
CASTELAN, D. R.. Defesa comercial no México, Argentina e Brasil: estrutura econômica e tomada de decisão. 2010. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

6.
CASTELAN, D. R.. A abertura econômica nos governo Sarney e Collor: um estudo comparado da incorporação do liberalismo às elites e burocracias do Estado brasileiro. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

7.
RIBEIRO, D. M. F. ; CASTELAN, D. R. ; LEMGRUBER, S. . A política externa brasileira Sul-Sul e as perspectivas de integração regional. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

8.
CASTELAN, D. R.. Autonomia e desenvolvimento na política externa brasileira da década de noventa: um ensaio sobre meio ambiente e tecnologia de mísseis. 2008. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

9.
CASTELAN, D. R.. Política de Segurança e Defesa na década de noventa: interpretações do Itamaraty e Forças Armadas. 2007. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

10.
CASTELAN, D. R.. Estratégias de desenvolvimento, orientações de política externa e políticas de segurança e defesa.. 2006. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

Outras produções bibliográficas
1.
THORSTENSEN, V. ; CASTELAN, D. R. ; RAMOS, D. ; MULLER, C. . A participação dos BICS na OMC: o exemplo da Rodada Doha. Brasília: IPEA, 2012 (IPEA: Nota Técnica n. 7).


Demais tipos de produção técnica
1.
CASTELAN, D. R.. Comércio internacional: regras, negociações e instrumentos de defesa comercial. 2015. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
REZENDE, L. P.; VISENTINI, P. F.; PAGLIARI, G. C.; CASTELAN, D. R.. Participação em banca de Felá Armando Pereira. Processo de formação do Estado em Guiné-Bissau (1974-2012). 2016. Dissertação (Mestrado em Relações Internacionais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

2.
COELHO, J. C.; CASTELAN, D. R.; VALENTE, M. A.; RAMOS, L. C. S.. Participação em banca de Daniel da Cunda Corrêa da Silva. Latitude e longitude: quem domina o ensino e a pesquisa da Economia Política Internacional no Brasil? Um estudo sobre a presença das escolas britânica e estadunidense. 2015. Dissertação (Mestrado em Relações Internacionais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Qualificações de Mestrado
1.
LEITE, I. C.; CASTELAN, D. R.. Participação em banca de Laís Caroline Kuss. A inclusão do programa ProSavana na agenda da cooperação trilateral Brasil-Japão-Moçambique. 2016 - Universidade Federal de Santa Catarina.

2.
COELHO, J. C.; OURIQUES, N. D.; CASTELAN, D. R.. Participação em banca de Mariana Davi Ferreira. Subdesenvolvimento com abundância de divisas: uma análise da política externa venezuelana para a integração regional (2004-2012). 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Relações Internacionais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

3.
CASTELAN, D. R.. Participação em banca de Daniel Gonçalves Ferraresi. A legitimidade internacional da soberania: uma análise discursiva da legitimação internacional no caso das Ilhas Falklands (Malvinas) na esfera da Organização das Nações Unidas (1965-1988). 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Relações Internacionais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

4.
COELHO, J. C.; VALENTE, M. A.; CASTELAN, D. R.. Participação em banca de Jorge Juan Robles Aponte. O mito do desenvolvimento Porto-Riquenho. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Relações Internacionais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

5.
ASSIS, G.; DRI, C. F.; CASTELAN, D. R.. Participação em banca de Thamirys Mendes Lunardi. A construção da Política Migratória do Mercosul: processos e características. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Relações Internacionais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

6.
REZENDE, L. P.; LEITE, I. C.; CASTELAN, D. R.. Participação em banca de Roberta Zandonai Moreira. O processo de ratificação do Protocolo de Nagoya e a polítização da política externa brasileira. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Relações Internacionais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

7.
REZENDE, L. P.; CASTELAN, D. R.; PAGLIARI, G. C.. Participação em banca de Felá Armando Pereira. Processo de formação do Estado em Guiné-Bissau (1974-2012). 2015 - Universidade Federal de Santa Catarina.

8.
LEITE, I. C.; CASTELAN, D. R.. Participação em banca de Heitor Pergher. A política externa brasileira de integração energética na América do Sul: uma análise dos acordos assinados pelo Brasil (1969-2014). 2015 - Universidade Federal de Santa Catarina.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
CASTELAN, D. R.; SALOMÓN, M.; PAGLIARI, G. C.. Participação em banca de JÚLIO CESAR RIBEIRO MOTA FILHO.ESTILO DE LIDERANÇA E POLÍTICA EXTERNA: UM ESTUDO DE CASO DA POLÍTICA NUCLEAR CANADENSE NO GOVERNO DE JOHN G. DIEFENBAKER. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

2.
CASTELAN, D. R.; COELHO, J. C.; ARIENTI, P. F. F.. Participação em banca de THAIS SIMOES DORIA.O VAIVÉM DA POLÍTICA EXTERNA ESTADUNIDENSE: O ESTUDO DA RELAÇÃO SINO-AMERICANA ENTRE 1989 -2001. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

3.
CASTELAN, D. R.; SALOMÓN, M.; SILVA, j. M.. Participação em banca de JONATAN CARVALHO DE BORBA.A MÍDIA COMO ATOR DE POLÍTICA EXTERNA: A COBERTURA DA ADESÃO DA VENEZUELA AO MERCOSUL PELA FOLHA DE SÃO PAULO E O ESTADO DE SÃO PAULO. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

4.
CASTELAN, D. R.; CARIO, S. A. F.; COELHO, J. C.. Participação em banca de MARINA LAZAROTTO DE ANDRADE.A VIAGEM REDONDA: A RELAÇÃO ENTRE ESTADO E EMPRESARIADO INDUSTRIAL NO PERÍODO DE 1990 - 2015. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

5.
LEITE, I. C.; CASTELAN, D. R.. Participação em banca de Tatiana de Andrade Goulart.A Resolução Normativa número 17 do Comitê Nacional para os Refugiados: uma análise do processo de tomada de decisão. 2015.

6.
LEITE, I. C.; CASTELAN, D. R.. Participação em banca de Thiago Millnitz.As políticas públicas influenciando a internacionalização das empresas brasileiras: um enfoque na Apex-Brasil. 2015.

7.
LEITE, I. C.; CASTELAN, D. R.. Participação em banca de Tiago Mocellin Pittas.A projeção externa brasileira a partir do caso dos bancos de leite humano. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

8.
COELHO, J. C.; VALENTE, M. A.; CASTELAN, D. R.. Participação em banca de Bruno Haemig.O capitalismo liderado pelas finanças: de Bretton Woods ao "Consenso Neoliberal" e a formatação do ajustamento como matriz do pensamento econômico e social contemporâneo. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

9.
LEITE, I. C.; PAIN, R.; CASTELAN, D. R.. Participação em banca de Luiza Helena Vieira Virgilio.Política externa e direitos trabalhistas: uma análise da tramitação da convenção 158 da OIT no Brasil. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

10.
COELHO, J. C.; CASTELAN, D. R.; CAPINZAIKI, M. R.. Participação em banca de Caroline Scotti Vilain.A crise financeira de 2008 e as novas instituições dos BRICS: a obsolescência do Fundo Monetário Internacional. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

11.
CASTELAN, D. R.; SEABRA, F.; ROSA, H. R.. Participação em banca de Bruna de Oliveira Gonçalves.O regionalismo asiático após o acordo de livre comércio entre China e ASEAN. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

12.
CASTELAN, D. R.; BOFF, R. B.; ALBUQUERQUE, L.. Participação em banca de Renan Batista Jark.África e a colonialidade do ser: um estudo sobre os direitos LGBT em Nigéria. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

13.
REZENDE, L. P.; CASTELAN, D. R.; SEVERO, M. B.. Participação em banca de Gabriel Rezende Piccini.Repensando o dilema de segurança na América do Sul: o Brasil e os gastos em defesa na região. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

14.
OURIQUES, H. R.; VIEIRA, P. A.; CASTELAN, D. R.. Participação em banca de Marcelo Fracalossi de Moraes.Industrialização na periferia: um estudo sobre a experiência têxtil em blumenau no período 1880-1930. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

15.
OURIQUES, H. R.; LINS, H. N.; CASTELAN, D. R.. Participação em banca de Talita Silva Yakabi.O desafio da "ascenção pacífica" da china on contexto das relações sino-japoneas e a disputa pelas Ilhas Diaoyu/Senkaku. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

16.
OURIQUES, H. R.; VIEIRA, P. A.; CASTELAN, D. R.. Participação em banca de Amanda Caroline Nunes de Avelar.As relações bilaterais entre Angola e China no início do século XXI. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

17.
FACHINELLO, A. L.; SEABRA, F.; CASTELAN, D. R.. Participação em banca de Beatriz Scheerman dos Santos Gonçalves.Fluxo de comércio internacional brasileiro segundo o modelo gravitacional em 2012. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

18.
SALOMÓN, M.; LEITE, I. C.; CASTELAN, D. R.. Participação em banca de Marina Pruner Willrich.O posicionamento do Brasil no sistema internacional de cooperação para o desenvolvimento. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

19.
OURIQUES, H. R.; VIEIRA, P. A.; CASTELAN, D. R.. Participação em banca de Rafael Vieira da Silva.O papel da África na demanda chinesa por bens primários e recursos energéticos. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Universidade Federal de Santa Catarina.

20.
CASTELAN, D. R.. Participação em banca de Carlos Eduardo Silveira de Menezes.Panorama atual do comércio exterior brasileiro. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC.

21.
CASTELAN, D. R.. Participação em banca de Natalia Lins Jordão.Globalização e crise: a nova ordem econômica mundial. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC.

22.
CASTELAN, D. R.. Participação em banca de Priscila Mariano Luminatti.Evolução da política agrícola comum: busca por maior sustentabilidade e políticas mais verdes. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC.

23.
CASTELAN, D. R.. Participação em banca de Aline Larcher Maximiano.Pré-Sal e Gás de Xisto: alternativas de produção energéticas no mundo contemporâneo. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC.

24.
CASTELAN, D. R.. Participação em banca de Paulo Cesar Trinxet Brigido Filho.O fim do protecionismo: quais caminhos trilhar. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC.

25.
CASTELAN, D. R.. Participação em banca de Camila Novaes Nader.A questão do ártico: como a região se tornou alvo de disputas internacionais. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC.

26.
CASTELAN, D. R.. Participação em banca de Julia Dunley de Lucena.Impacto de crises internacionais sobre a orientação de novos modelos macroeconômicos. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC.

27.
CASTELAN, D. R.. Participação em banca de Guy Leob de Barros.Eficiência econômica e nova lei antitruste brasileira. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC.

28.
CASTELAN, D. R.. Participação em banca de Marianne Gabriella Moreira Fernandes.A ascensão dos BRICS na crise e sua atuação no G-20: uma mudança na ordem mundial?. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC.

29.
CASTELAN, D. R.. Participação em banca de Luca Rodrigues de Castro.A presença muçulmana na França. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC.

30.
CASTELAN, D. R.; GOMES, J. M. M.. Participação em banca de Frederico Coimbra Freyesleben.A crise financeira americana de 2008 e seus efeitos sobre a hegemonia americana. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC.

31.
CASTELAN, D. R.; FORTES, M. S.. Participação em banca de Natália Werneck Sabatié Roettger.Impacto da crise americana na economia brasileira. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC.

32.
CASTELAN, D. R.; GOMES, J. M. M.. Participação em banca de Matheus Nunes Saramago.As relações comerciais entre EUA e China a partir de 1972. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC.

33.
CASTELAN, D. R.; WEBER, R. B.. Participação em banca de Beatriz Furtado de Vasconcellos Maluf.Gerenciando o sistema financeiro internacional: a transição do G-7 para o G-20. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC.

34.
CASTELAN, D. R.; FORTES, M. S.. Participação em banca de Joana Lopes Marques.Desafios no processo de inserção internacional da Valle a partir dos anos 1990. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC.

35.
CASTELAN, D. R.; FORTES, M. S.. Participação em banca de Priscila da Silva Castro.A influência das multinacionais: o caso da General Mottors. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC.

36.
CASTELAN, D. R.; VELASCO, P.. Participação em banca de Karina Gomes Augusto de Araújo.Direito Internacional Humanitário: a compreensão da guerra humanizada sob a perspectiva realista. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Universidade Candido Mendes.

37.
CASTELAN, D. R.; VASCONCELOS, I.. Participação em banca de Fernando Luiz Langoni Júnior.Segurança internacional no pós-Guerra Fria: uma análise do caso Colômbia. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Universidade Candido Mendes.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
10º Encontro da Associação Brasileira de Ciência Política.O Brasil na OMC: soft balancing?. 2016. (Encontro).

2.
II Seminário de Estudantes de Pós Graduação em Ciências Sociais do Estado do Rio de Janeiro.Configurações de Poder no Cenário Internacional (Comentador dos trabalhos). 2012. (Seminário).

3.
33o Encontro Anual da ANPOCS. A política externa brasileira Sul-Sul e as perspectivas de integração regional. 2009. (Congresso).

4.
33o Encontro Anual da ANPOCS. A abertura econômica nos governo Sarney e Collor: um estudo comparado da incorporação do liberalismo às elites e burocracias do Estado brasileiro. 2009. (Congresso).

5.
V Simpósio dos Pós-Graduandos em Ciência Política da Universidade de São Paulo.Autonomia e desenvolvimento na política externa brasileira da década de noventa: um ensaio sobre meio ambiente e tecnologia de mísseis. 2008. (Simpósio).

6.
I Simpósio de Relações Internacionais do Programa Santiago Dantas.Segurança e defesa na década de noventa: interpretações do Itamaraty e Forças Armadas. 2007. (Simpósio).

7.
XII Congresso de Iniciação Científica da UnB e 3º Congresso de Iniciação Científica do DF. Estratégias de desenvolvimento, orientações de política externa e políticas de segurança e defesa. 2006. (Congresso).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
CASTELAN, D. R.; PAGLIARI, G. C. ; OURIQUES, H. R. . 3o. Seminário de Relações Internacionais. 2016. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Guilherme Carlos da Costa. Neodesenvolvimentismo e a Política Externa dos governos Lula. Início: 2015. Dissertação (Mestrado em Relações Internacionais) - Universidade Federal de Santa Catarina. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Roberta Zandonai Moreira. Congresso e política externa: a influência do Legislativo brasileiro no Protocolo de Nagoya à Convenção da Diversidade Biológica. 2016. Dissertação (Mestrado em Relações Internacionais) - Universidade Federal de Santa Catarina, . Orientador: Daniel Ricardo Castelan.

2.
Thamirys Mendes Lunardi. A política migratória do Mercosul. 2014. Dissertação (Mestrado em Relações Internacionais) - Universidade Federal de Santa Catarina, . Orientador: Daniel Ricardo Castelan.

Monografia de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização
1.
THAIS SIMOES DORIA. O VAIVÉM DA POLÍTICA EXTERNA ESTADUNIDENSE: O ESTUDO DA RELAÇÃO SINO-AMERICANA ENTRE 1989 -2001. 2016. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Relações Internacionais) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Daniel Ricardo Castelan.

2.
JONATAN CARVALHO DE BORBA. A MÍDIA COMO ATOR DE POLÍTICA EXTERNA: A COBERTURA DA ADESÃO DA VENEZUELA AO MERCOSUL PELA FOLHA DE SÃO PAULO E O ESTADO DE SÃO PAULO. 2016. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Relações Internacionais) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Daniel Ricardo Castelan.

3.
MARINA LAZAROTTO DE ANDRADE. A VIAGEM REDONDA: A RELAÇÃO ENTRE ESTADO E EMPRESARIADO INDUSTRIAL NO PERÍODO DE 1990 - 2015. 2016. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Hidroecologia/Ufsc) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Daniel Ricardo Castelan.

4.
JÚLIO CESAR RIBEIRO MOTA FILHO. ESTILO DE LIDERANÇA E POLÍTICA EXTERNA: UM ESTUDO DE CASO DA POLÍTICA NUCLEAR CANADENSE NO GOVERNO DE JOHN G. DIEFENBAKER. 2016. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Relações Internacionais) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Daniel Ricardo Castelan.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Bruna de Oliveira Gonçalves. O regionalismo asiático após o acordo de livre comércio entre China e ASEAN. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Daniel Ricardo Castelan.

2.
Guilherme Garbin Rangel de Castilhos. O posicionamento político dos Estados Unidos frente a Aliança do Pacífico. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Daniel Ricardo Castelan.

3.
Daniel de Paula Braga. Alemanha: as bases, vantagens e dificuldades de seu modelo econômico. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC. Orientador: Daniel Ricardo Castelan.

4.
Alexandre Gustavo Freire da S. Caldas Junior. Origens e desdobramentos da crise subprime americana. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC. Orientador: Daniel Ricardo Castelan.

5.
Thaise Figueira. Integração: Mercosul e União Europeia. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC. Orientador: Daniel Ricardo Castelan.

6.
Renata Fulop. O impacto do G-20 na governança global. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC. Orientador: Daniel Ricardo Castelan.

7.
Anna Carolina D'Elia Cortinhas. América Latina: Subdesenvolvimento, OMC e a agroindústria. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC. Orientador: Daniel Ricardo Castelan.

8.
Diego Almeida Campos. As possibilidades de cooperação entre o Brasil e a China para produção de biocombustíveis. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC. Orientador: Daniel Ricardo Castelan.

9.
Eduardo Petiz Amarante de Souza. Brasil e China: um estudo comparativo de suas divergências comerciais nos últimos 30 anos. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC. Orientador: Daniel Ricardo Castelan.

10.
Patrícia Montenegro de Oliveira Souza. O dumping social e o papel da OMC no comércio internacional. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC. Orientador: Daniel Ricardo Castelan.

11.
Thaysa Alice Cantarin Rodrigues. Importância estratégica das reservas petrolíferas para o Brasil junto ao cenário internacional. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC. Orientador: Daniel Ricardo Castelan.

12.
Bianca Meregalli Dutra. A atuação de Brasil e China na OMC e suas implicações. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC. Orientador: Daniel Ricardo Castelan.

13.
Eric Duarte Bastos. Inserção internacional dos BRICS. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC. Orientador: Daniel Ricardo Castelan.

14.
Fabio Ferrante. Importância da inflação controlada para o Brasil para a diminuição de sua vulnerabilidade durante crises econômicas externas. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC. Orientador: Daniel Ricardo Castelan.

15.
Victor Augusto Lins Mendes. Dumping social: um novo desafio para o Brasil. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC. Orientador: Daniel Ricardo Castelan.

16.
Diogo Veiga Flores. Estado grande, grandes problemas. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC. Orientador: Daniel Ricardo Castelan.

17.
Yani de Oliveira Almeida. Rio Branco: a política externa brasileira de 1902 a 1912. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC. Orientador: Daniel Ricardo Castelan.

18.
Vicente Passos Mello Filho. O governo de Fernando Henrique Cardoso e a inserção internacional brasileira. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC. Orientador: Daniel Ricardo Castelan.

19.
Isabel Susane Gonçalves de Souza. O papel das idéias na construção da política externa de Lula. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC. Orientador: Daniel Ricardo Castelan.

20.
Flávia dos Santos Muniz. Processo de abertura econômica brasileira. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC. Orientador: Daniel Ricardo Castelan.

21.
Rafaela Machado. As relações comerciais sino-brasileiras. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Grupo IBMEC. Orientador: Daniel Ricardo Castelan.

22.
Letícia Dorigo. A importância socio-econômica do Mercosul. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Universidade Candido Mendes. Orientador: Daniel Ricardo Castelan.



Educação e Popularização de C & T



Apresentações de Trabalho
1.
CASTELAN, D. R.. Preferências econômicas e alianças políticas em economias abertas: o caso da indústria brasileira nas negociações da ALCA. 2015. (Apresentação de Trabalho/Seminário).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 13/11/2018 às 1:28:30