Claudia Regina Nichnig

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/7664408692666022
  • Última atualização do currículo em 05/12/2018


Claudia Regina Nichnig é doutora em Ciências Humanas pela Universidade Federal de Santa Catarina (2013), na área de Estudos de Gênero. Pós-doutoranda em História, na Universidade Federal de Santa Catarina, no projeto intitulado 'Criando laços, fazendo redes: encontros e articulações feministas no Brasil dos anos 70 e 80". Pós doutora em Antropologia Social no CNRS, EHESS, Universidade de Toulouse le Mirail, LISST, no quadro do Projeto CAPES-COFECUB intitulado ?Gênero, sexualidade e parentesco: um estudo comparativo entre França e Brasil?. Possui graduação em História pela Universidade Federal de Santa Catarina (2003), graduação em Direito pela Universidade do Vale do Itajaí (1999), especialização em Direito Civil e Direito do Trabalho. Mestre em História pela Universidade Federal de Santa Catarina (2008). É professora visitante no Programa de Pós Graduação em História da Universidade Federal da Grande Dourados, no Mato Grosso do Sul. Atua principalmente nos seguintes temas: estudos de gênero, feministas e sexualidades; feminismos no Brasil; família no Brasil contemporâneo; gênero e direito, conjugalidades entre pessoas do mesmo sexo no Brasil, conjugalidades e homoparentalidades no Brasil e na França, violências de gênero, migrações, pesquisa e ensino em História. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Claudia Regina Nichnig
Nome em citações bibliográficas
NICHNIG, C. R.;NICHNIG, CLAUDIA REGINA


Formação acadêmica/titulação


2009 - 2013
Doutorado em Doutorado Interdisciplinar em Ciências Humanas.
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
com período sanduíche em Ecole des Hautes Études en Sciences Sociales (Orientador: Agnès Fine).
Título: "Para ser digno há quer ser livre": reconhecimento jurídico da conjugalidade entre pessoas do mesmo sexo no Brasil, Ano de obtenção: 2013.
Orientador: Miriam Pillar Grossi.
Coorientador: Cristina Scheibe Wolff.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: Conjugalidade entre pessoas do mesmo sexo; eqüidade de Gênero; Direito e Gênero; Direitos LGBT.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Antropologia.
Setores de atividade: Educação.
2006 - 2008
Mestrado em História.
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
Título: Entre igualdades e diferenças: mudanças nas legislações referentes às mulheres (1975-1985),Ano de Obtenção: 2008.
Orientador: Roselane Neckel.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: alterações legislativas; feminismo; direito das mulheres.
Grande área: Ciências Humanas
2003 - 2005
Especialização em Curso de Pós-Graduação em Direito Civil. (Carga Horária: 435h).
Faculdade CESUSC, CESUSC, Brasil.
Título: O Uso do Sobrenome pelos Cônjuges na Legislação brasileira: perspectivas históricas.
Orientador: Wilson Augusto do Nascimento.
2000 - 2000
Aperfeiçoamento em Curso de Preparação à Magistratura do Trabalho.
Universidade do Vale do Itajaí, UNIVALI, Brasil.
Título: Não foi necessário apresentar monografia. Ano de finalização: 2000.
1996 - 2003
Graduação em História.
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
Título: Assédio sexual: o uso do discurso do poder nas relações de trabalho - Santa Catarina, de 1996 a 2002..
Orientador: Cristina Scheibe Wolf.
1995 - 1999
Graduação em Direito.
Universidade do Vale do Itajaí, UNIVALI, Brasil.


Pós-doutorado


2016 - 2017
Pós-Doutorado.
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Grande área: Ciências Humanas
2013 - 2014
Pós-Doutorado.
Ecole des Hautes Études en Sciences Sociales, EHESS, França.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências Humanas


Formação Complementar


2009 - 2009
Extensão universitária em Formação de tutores em EaD. (Carga horária: 23h).
Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal da Grande Dourados, UFGD, Brasil.
Vínculo institucional

2018 - Atual
Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: PROFESSORA, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Professora do Programa de Pós-Graduação em História, Disciplinas: História e Estudos de Gênero e Projetos de Ensino e Pesquisa em História


Centro Universitário Municipal de São José, USJ, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - 2018
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professora, Carga horária: 4
Outras informações
Curso de Ciências Contábeis - Disciplina de Direito do Trabalho e Previdenciário (72 h/a) - 4ª fase


Faculdade de Santa Catarina, FASC, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - 2018
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: PROFESSORA, Carga horária: 9
Outras informações
Professora de História do Direito, Direito de Família, Direito das Sucessões, Instituições de Direito, Hermenêutica Jurídica e Psicologia Jurídica


Universidade para o Desenvolvimento do Alto Vale do Itajaí, UNIDAVI, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - 2014
Vínculo: Professor Visitante, Enquadramento Funcional: professor de pós graduação, Carga horária: 12
Outras informações
CURSO DE PÓS-GRADUAÇÃO LATO SENSU ESPECIALIZAÇÃO EM EDUCAÇÃO, DIVERSIDADE E REDES DE PROTEÇÃO SOCIAL.Disciplina de Gênero e SExualidade


Universidade Federal de Santa Catarina, UFSC, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - 2017
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista, Carga horária: 40
Outras informações
Professora na Disciplina História das Mulheres e das Relações de Gênero no Programa de Pós-Graduação em História, período 2017-1.

Vínculo institucional

2009 - 2009
Vínculo: Tutora à distância, Enquadramento Funcional: Tutora à distância
Outras informações
Curso de Formação de Professoras/es em Gênero, Sexualidade, Orientação SExual e Relaçoes Étnico-raciais, oferecido pela Universidade Federal de Santa Catarina, na modalidade à distância, e coordenado pelo Instituto de Estudos de Gênero, no périodo de 16 de março de 2009 a 29 de junho de 2009, no Pólo de Itapema, com duração total de 200 horas/aula.


Müller, Mello, Kaway, Zilli, Schmidt e Gomes Advogados Associados, DECLATRA, Brasil.
Vínculo institucional

2002 - 2004
Vínculo: Advogada, Enquadramento Funcional: Advogada, Carga horária: 44, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Advogada especializada em causas Previdenciárias, Previdência Privada, Cível e Trabalhista.


Nichnig e Sanchez Advocacia e Consultoria Jurídica, NSADV, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - 2009
Vínculo: Advogada, Enquadramento Funcional: Advogada, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2004 - 2007
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Advogada, Carga horária: 44, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Advogada especilizada em causas Previdenciárias, Previdência Privada e Tributária


Ordem dos Advogados do Brasil de Santa Catarina, OAB-SC, Brasil.
Vínculo institucional

2010 - 2012
Vínculo: Presidente, Enquadramento Funcional: Presidente da Comissão da Mulher Advogada


Tractebel Energia SA, TRACTEBEL, Brasil.
Vínculo institucional

1999 - 1999
Vínculo: Estagiário, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 44, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Estágio Curricular de Direito, totalizando 1880 horas



Projetos de pesquisa


2016 - Atual
Mulheres de luta: feminismo e esquerdas no Brasil (1964-1985)
Descrição: A principal problemática deste projeto é a de que o feminismo tem sido um conflito social importante na sociedade brasileira, que se consolidou especialmente na sua interação com grupos de esquerda durante o período da Ditadura (1964-1985) e que, neste período, trouxe significativas mudanças sociais. Partimos assim de uma concepção de conflito social que abrange não somente as lutas por condições materiais de existência e lutas políticas no sentido tradicional, mas também lutas por mudanças culturais e lutas contra hierarquias e preconceitos, no caso especialmente os construídos a partir do gênero. Assim, nosso objetivo é analisar o feminismo percebendo a especificidade da sua constituição enquanto movimento social e conjunto de ideias no Brasil no período da ditadura civil-militar e suas interfaces com as organizações e movimentos de enfrentamento da ditadura: partidos, organizações armadas, movimentos de familiares de presos e desaparecidos, grupos de exiladas/os, entre outros movimentos..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Mestrado acadêmico: (2) .
Integrantes: Claudia Regina Nichnig - Integrante / joana maria pedro - Integrante / Cristina Scheibe Wolff - Coordenador / Janine Gomes da Silva - Integrante / Soraia Carolina de Melo - Integrante / Ana Rita Fonteles Duarte - Integrante / Cintia Maria Crescêncio - Integrante / Karina Janz Woitowicz - Integrante / Maíse Caroline Zucco - Integrante / Luísa Briggmann - Integrante / BARBARA MARIA POPADIUK - Integrante / BINAH IRE VIEIRA MARCELLINO - Integrante / LUANA MAGALHAES DE PAULA - Integrante / Raísa Adrianne Gomes - Integrante / Valéria Machado - Integrante.
2011 - 2012
Um estudo Interdisciplinar sobre o II Plano Nacional de Políticas para as Mulheres (PNPM) e a III Conferência Nacional de Políticas para as Mulheres (2011-2012)
Descrição: Este projeto, elaborado sob demanda da Secretaria de Políticas para as Mulheres (SPM) do governo federal iniciou-se em setembro de 2011 (com previsão de término em 2012), e tem como objetivo realizar um estudo analítico e crítico da política para mulheres desenvolvida a partir do II PNPM e de sua implementação, constituindo subsídio para definição de prioridades e atualização da Política para as Mulheres para o próximo período . Conta com uma equipe total de 41 pesquisadoras e pesquisadores (vinculadas/os ao NIGS mas também de núcleos de pesquisa em antropologia e/ou gênero e sexualidade em universidades parceiras como UFRN, UFBA, UFAM, UFV e PUC-GO) dos diversos níveis de formação escolar e acadêmica (ensino médio, graduação, especialização, mestrado, doutorado e pós-doutorado), bem como de várias áreas do conhecimento como Antropologia, Sociologia, Direito, Psicologia, História, Pedagogia, Serviço Social entre outras, sendo estas/es, em sua totalidade, pesquisadoras/es das questões de gênero, feminismos e sexualidades na contemporaneidade. A pesquisa possui duas metas: uma de avaliação institucional e outra de avaliação da dinâmica política. A meta de avaliação institucional prevê a análise do desenho, das estratégias e dos instrumentos de articulação e gestão do II PNPM . A meta de avaliação da dinâmica política prevê a identificação do processo político da III Conferência, com ênfase nos avanços e desafios da implementação do II PNPM..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (10) / Mestrado acadêmico: (5) / Doutorado: (5) .
Integrantes: Claudia Regina Nichnig - Coordenador / GROSSI, Miriam Pillar - Integrante / gicele sucupira - Integrante.
2010 - 2013
CAPES-COFECUB: Gênero, Sexualidade e Parentesco: Um estudo comparativo entre França e Brasil
Descrição: Trata-se de projeto de cooperação internacional bilateral entre a UFSC e EHESS em torno de três eixos de investigação: 1. Gênero: pesquisas sobre questão teóricas sobre os estudos de gênero em sua articulação com parentesco e sexualidade, feminismos em perspectiva comparada, literatura feminina, construção social de masculinidades e feminilidades, questões de gênero na transmissão de saberes entre mestres-aluno/as, violências contra mulheres e homofobia. 2. Parentesco: pesquisas sobre maternidade, reprodução, novas tecnologias reprodutivas, adoção, aborto, circulação de crianças, paternidades, maternidades, homoparentalidades, fratrias, filiação, gerações familiares, avos e netos. 3. Sexualidades: pesquisas sobre praticas afetivo-sexuais, amor e outros sentimentos afetivos vinculados a relações interpessoais, conjugalidades hetero e homossexuais, travestilidades, lesbianidades, homossexualidades masculinas e bissexualidades..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) / Mestrado acadêmico: (4) / Doutorado: (10) .
Integrantes: Claudia Regina Nichnig - Integrante / joana maria pedro - Integrante / WOLFF, Cristina Scheibe - Integrante / GROSSI, Miriam Pillar - Coordenador / Felipe Bruno Martins Fernandes - Integrante / Simone Ávila - Integrante / Anna Carolina Horstmann Amorim - Integrante / Carmem Silva Rial - Integrante / Flávio Luiz Tarnowski - Integrante / Mara Coelho de Souza Lago - Integrante / Cornelia Eckert - Integrante / Claudia Lee Willians Fonseca - Integrante / Leandro Castro Oltramari - Integrante / Jérôme Courduriès - Integrante / Sylvie Sagnes - Integrante / Sylvie Mouyssef - Integrante / Daniela Novelli - Integrante / Melina Ayres - Integrante / Laurence Hérault - Integrante / Agnès Martial - Integrante / Nicolas Adell-Gombert - Integrante.
2010 - 2013
Teoria Feminista, Teoria Queer ou Teorias Sociais Contemporâneas? O campo dos estudos de gênero e sexualidade no Brasil
Descrição: Este projeto visa contribuir à consolidação do campo de estudos sobre gênero e sexualidade no Brasil, refletindo sobre as principais correntes teóricas que o constituem: teorias feministas, teorias queer, teorias antropológicas, teorias históricas, teorias psicanalíticas e outras teorias sociais contemporâneas. O projeto tem como objetivo investigar os seguintes aspectos deste campo de estudos no Brasil: a)Sobre sua constituição disciplinar/interdisciplinar em quatro distintas décadas de desenvolvimento da pós-graduação (1970/1980/1990 e 2000) b) Sobre a relação entre conhecimento teórico e ativismo político em torno de questões de gênero e sexualidade, com ênfase na contribuição d os movimentos feminista e homossexual (LGBTTT). c) Sobre as influências teóricas internacionais e suas reapropriações e ressignificações no contexto brasileiro. d) Sobre o papel dos estudos de gênero e sexualidade no campo da produção de conhecimento cientifico no Brasil contemporâneo em publicações acadêmicas, associações científicas, instituições de pesquisa, etc. Para o desenvolvimento desta análise nos debruçaremos sobre cinco grandes eixos temáticos: a)Gênero e Campo Cientifico b)Violências e Politicas Publicas c) Sexualidade e Corpo d) Gênero e Religião e) Amor e Conjugalidades No plano metodológico serão desenvolvidos levantamentos bibliográficos e pesquisas empíricas por uma equipe composta de vinte doutor@s, doutorand@s, mestrand@s e estudantes de iniciação cientifica que integram o Núcleo de Identidades de Gênero e Subjetividades (NIGS) da UFSC..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (12) / Mestrado acadêmico: (5) / Doutorado: (10) .
Integrantes: Claudia Regina Nichnig - Integrante / GROSSI, Miriam Pillar - Coordenador / Moura Costa, Patrícia Rosalba Salvador - Integrante / Machado, Isadora Vier - Integrante / Ferreira, Emilia Juliana - Integrante / Caterina Rea - Integrante / Felipe Bruno Martins Fernandes - Integrante / Fatima Weiss de Jesus - Integrante / Vinicius Kauê Ferreira - Integrante / Raruilquer Oliveira - Integrante / Rosa Maria Blanca Cedillo - Integrante / Giovanna Triñanes - Integrante / Simone Ávila - Integrante / Claudio Leite Leandro - Integrante / Fernanda Azeredo Moraes - Integrante / Tania Welter - Integrante / Anahi Guedes - Integrante / Julia Godinho - Integrante / Anna Carolina Horstmann Amorim - Integrante / Bruno Cordeiro - Integrante / Letícia Cardoso Barreto - Integrante / Angela Medeiros - Integrante / Izabela Lins Schlindwein - Integrante / Jimena Maria Massa - Integrante / Bruna Kloppel - Integrante / Kathilça Lopes - Integrante / Nathany Rodrigues - Integrante / Camila Laurindo Oliveira - Integrante / Laura Martendal - Integrante / Mareli Eliane Graupe - Integrante / Arianna Sala - Integrante / Marie-Anne Leal Losano - Integrante / Diego Pontes - Integrante / Cristian Fernando Caje Rodriguez - Integrante.
2010 - Atual
Sexualidades, gênero, violências e reprodução numa perspectiva comparada
Descrição: Este projeto visa a contribuir para o campo dos estudos sobre gênero e sexualidades a partir do desenvolvimento de pesquisas etnográficas sobre Homossexualidades/Transexualidades, Violências e Reprodução desenvolvidas por pesquisador@s integrantes do NIGS-UFSC. O projeto está centrado em dois grandes eixos temáticos: Sexualidades e Gênero, ambos articulados pelas problemáticas teóricas dos estudos sobre violências (homofóbicas e de gênero). Os dois grandes eixos de investigação visam a desenvolver pesquisas sobre homossexualidades, transexualidades, movimentos LGBTT e homofobia/lesbofobia/transfobia em diferentes espaços institucionais (Estado, escola, Judiciário, campos médico e religioso) e pesquisas sobre parentalidades, maternidade e parto, conjugalidades, amor, afeto, corpo e identidades de gênero relacionadas com classes etárias (juventude e terceira idade). A pesquisa será desenvolvida em diferentes contextos urbanos contemporâneos, tendo como objeto de investigação diferentes espaços discursivos institucionais (campos jurídico, médico, escolar, religioso) e de indivíduos envolvidos em processos de subjetivação vinculados a constituições identitárias (LGBTTT, parentais, conjugais e geracionais). Projeto desenvolvido com apoio do Edital MCT/CNPq/MEC/CAPES nº 02/2010 - Ciências Humanas, Sociais e Sociais Aplicadas..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (8) / Mestrado acadêmico: (6) / Doutorado: (11) .
Integrantes: Claudia Regina Nichnig - Integrante / paula pinhal de carlos - Integrante / GROSSI, Miriam Pillar - Coordenador / Moura Costa, Patrícia Rosalba Salvador - Integrante / Machado, Isadora Vier - Integrante / Ferreira, Emilia Juliana - Integrante / Felipe Bruno Martins Fernandes - Integrante / Vinicius Kauê Ferreira - Integrante / Rosa Maria Blanca Cedillo - Integrante / Giovanna Triñanes - Integrante / Simone Ávila - Integrante / Claudio Leite Leandro - Integrante / Fernanda Azeredo Moraes - Integrante / Anahi Guedes - Integrante / Anna Carolina Horstmann Amorim - Integrante / Letícia Cardoso Barreto - Integrante / Fernanda Cardozo - Integrante / Anelise Fróes da Silva - Integrante.


Membro de corpo editorial


2014 - Atual
Periódico: Revista do Núcleo de Estudos e Pesquisas em Gênero e Direito


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.
Espanhol
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.
Francês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Razoavelmente.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA2018NICHNIG, CLAUDIA REGINA; BRAGAGNOLO, REGINA INGRID ; RAMOS, MARIA EDUARDA . Violências, Justiça e Gênero: debates teóricos e aplicações práticas do Direito e dos Estudos de Gênero. Cadernos de Gênero e Diversidade, v. 4, p. 103-106, 2018.

2.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA2015NICHNIG, CLAUDIA REGINA. « POUR ÊTRE DIGNE IL FAUT ÊTRE LIBRE » : reconnaissance juridique de la conjugalité entre personnes du même sexe au Brésil. Passages de Paris (APEB-Fr), v. 1, p. 96-105, 2015.

3.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA2014NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Os conceitos têm história: os usos e a historicidade dos conceitos utilizados em relação à conjugalidade entre pessoas do mesmo sexo no Brasil. Revista do Núcleo de Estudos e Pesquisas em Gênero e Direito, v. 1, p. 27-27, 2014.

4.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA2013NICHNIG, CLAUDIA REGINA. O casamento e a união estável são -o tesouro atrás do arco-íris-? Notas sobre família e conjugalidade no Brasil contemporâneo. Percursos (Florianópolis. Online), v. 14, p. 33-55, 2013.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
NICHNIG, C. R.. MULHER, MULHERES MULHERIO: DISCURSOS, RESISTENCIA E REIVINDICAÇOES POR DIREITOS. 1. ed. Rio de Janeiro: Multifoco, 2013. v. 1. 238p .

2.
Viana Júnior, Mário Martins (Org.) ; Silveira, Viviane Teixeira (Org.) ; NICHNIG, C. R. (Org.) ; Moura Costa, Patrícia Rosalba Salvador (Org.) . Por linhas tortas: gênero e interdicisplinariedade I. 1. ed. Fortaleza: Instituto Frei Tito de Alencar, 2011. v. 6. 176p .

3.
Viana Júnior, Mário Martins (Org.) ; Silveira, Viviane Teixeira (Org.) ; NICHNIG, C. R. (Org.) ; Moura Costa, Patrícia Rosalba Salvador (Org.) . Por linhas tortas: interdisciplinariedade e gênero II. 2. ed. Fortaleza: Instituto Frei Tito de Alencar, 2011. v. 6. 176p .

Capítulos de livros publicados
1.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA; GROSSI, M. P. ; FERNANDES, F. B. M. . O reconhecimento jurídico da conjugalidade entre pessoas do mesmo sexo: participação da sociedade civil durante o julgamento do STF de maio de 2011. In: Miriam Pillar Grossi; Felipe Bruno Martins Fernandes. (Org.). A força da situação de campo: ensaios sobre antropologia e teoria queer. 1ed.Florianopolis: Editora da UFSC, 2018, v. 1, p. 305-324.

2.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA; GERENT, L. C. . Experiências de maternidades lésbicas na escola: o (não) lugar das duas mães. In: Miriam Pillar Grossi; Olga Zigelli Garcia; Jair Zandoná. (Org.). Transformando a educação em Santa Catarina: trabalhos de conclusão do Curso de Especialização em Gênero e Diversidade na Escola.. 1ed.Tubarão: Perito, 2017, v. 1, p. 179-180.

3.
CARDOSO, T. R. M. ; NICHNIG, CLAUDIA REGINA . A possibilidade de retificação de registro civil e a utilização do nome social por estudantes transexuais: uma análise segundo o princípio da dignidade da pessoa humana. In: Miriam Pillar Grossi; Olga REgina Zigelli; Jair Zandoná. (Org.). Transformando a educação em Santa Catarina: trabalhos de conclusão do Curso de Especialização em Gênero e Diversidade na Escola.. 1ed.Tubarão: Perito, 2017, v. 1, p. 261-262.

4.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA; SOUZA, V. S. . Experiências de práticas pedagógicas inclusivas a partir do uso do computador como tecnologia assistiva. In: Miriam Pillar Grossi; Olga Regina Zigelli Garcia; Jair Zandoná.. (Org.). Transformando a educação em Santa Catarina: trabalhos de conclusão do Curso de Especialização em Gênero e Diversidade na Escola.. 1ed.: , 2017, v. 1, p. 271-273.

5.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Experiências e práticas jurídicas no combate à violência a partir da Lei Maia da Penha. In: Ana Maria Veiga; Teresa Kleba Lisboa; Crista Scheibe Wolff. (Org.). Gênero e Violências: Diálogos interdisciplinares. 1ed.Florianópolis: Edições do Bosque, 2016, v. 1, p. 1-278.

6.
NICHNIG, C. R.; COSTA, P. R. S. M. . Percursos metodológicos para o estudo das fontes judiciais. In: Esmael Alves de Oliveira, Mário Martins Viana Júnior, Patrícia Rosalba Salvador Moura Costa. (Org.). Metodologias de pesquisa em Ciências Humanas: campos, problemas e objetos. 1ed.Curitiba: Editora CRV, 2015, v. 1, p. 45-56.

7.
NICHNIG, C. R.; GROSSI, Miriam Pillar . Sous le même toi? Discussion sur la famille et l'homosexualité au Brésil. In: COURDURÈS, Jérôme; FINE, Agnès.. (Org.). Homosexualité et Parenté. 1ed.Paris: Armand Colin, 2014, v. , p. 85-94.

8.
NICHNIG, C. R.. Rompendo o laço: embates e debates em torno da Lei do Divórcio no Brasil.. In: DUARTE, Ana Rita Fonteles; LUCAS. Meize Regina de Lucena. (Org.). As Mobilizações do Gênero pela Ditadura Militar.. 1ed.Fortaleza: Expressão Gráfica, 2014, v. 1, p. 211-235.

9.
NICHNIG, C. R.. Somos Família? Reconhecimento social e jurídico da conjugalidade entre pessoas do mesmo sexo no Brasil. In: Fernando Ostuni Gauthier; Selvino Assmann; Javier Vernar; Silvia Maria Puentes Bentacourt; Michele Guerreiro torres; Fernanda Matinhago; Jair Zandoná; Silvia Regina Pochmann de Quevedo.. (Org.). Interdisciplinariedade teoria e prática. 1ed.Florianópolis: UFSC/EGC, 2014, v. 1, p. 251-272.

10.
NICHNIG, C. R.; WOLFF, Cristina Scheibe . O anel que tu me deste era vidro e se quebrou: as discussões sobre o divórcio no Brasil a partir da Revista Cláudia. In: Viana Júnior, Mário Martins; Silveira,Viviane Teixeira; Nichnig, Claudia Regina; Costa, Patrícia Rosalba Salvador Moura. (Org.). Por Linhas Tortas: Gênero e Interdiciplinaridade- II. V.6.. 1ed.Fortaleza: Instituto Frei Tito de Alencar, 2011, v. 6, p. 31-48.

11.
NICHNIG, C. R.. Direito das mulheres: igualdade, diferença e equidade. In: Carmem Miranda Gonçalves de Lacerda, Sidney Francisco Reis dos Santos. (Org.). Debate Interdisciplinar sobre os direitos humanos das mulheres. Florinopolis: Insular, 2010, v. 1, p. 15-400.

12.
NICHNIG, C. R.. Metodologia para estudar as fontes judiciais. In: Cardozo, Fernanda; Mariano, Rayani. (Org.). Capítulo 3: Metodologia para estudar as fontes judiciais. 1ed.Florianópolis: , 2010, v. 1, p. 37-49.

13.
NICHNIG, C. R.; OLTRAMARI, LEANDRO ; MOREIRA, Maria Aparecida Rita . Ensino a distância, especificidades da formação e encontros presenciais: o GDE em Itapema.. In: MINELLA, Luzinete Simões; CABRAL, Carla Giovana. (Org.). Práticas pedagógicas e emancipação: gênero e diversidade na escola. 1ed.Florianopolis: Editora Mulheres, 2009, v. 1, p. 211-230.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Feministas latino-americanas:agendas e encontros. In: III Jornadas do Legh: Feminismo e Democracia, 2018, Florianopolis. Anais III Jornadas do Legh: Feminismo e Democracia, 2018. v. 1. p. 293-306.

2.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Refugiadas nas fronteiras: impressões sobre violências e inserção no mercado de trabalho. In: XIV ENCONTRO DE HISTÓRIA DA ANPUH MS, 2018, DOURADOS. ANAIS 2018: XIV Encontro de História da ANPUH/MS: "´História: o que é, quando vale, para que serve?". DOURADOS, 2018.

3.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Agendas FEministas:o acesso à Justiça e a reivindicação das mulheres por direitos. In: 13 Congresso Mundos de Mulheres e Seminário Internacional FAzendo Gênero 11 - Transformações Conexões, Deslocamentos, 2017, Florianópolis. Anais do XI Seminário Internacional Fazendo Gênero [recurso eletrônico] : 13th. Women?s Worlds Congress, 2017.

4.
NICHNIG, C. R.. Somos Família: reconhecimento social e jurídico da conjugalidade entre pessoas do mesmo sexo no Brasil. In: II Seminario Internacional Desfazendo Gênero, 2015, Salvador. II Seminário Internacional Desfazendo Gênero, 2015.

5.
NICHNIG, C. R.; WOLFF, Cristina Scheibe ; GROSSI, Miriam Pillar . SOMOS FAMÍLIA?: RECONHECIMENTO SOCIAL E JURÍDICO DA CONJUGALIDADE ENTRE PESSOAS DO MESMO SEXO NO BRASIL. In: Simpósio Internacional sobre Interdisciplinaridade no Ensino, na Pesquisa e na Extensão ? Região Sul, 2013, florianopolis. Anais do Siiepe Sul 2013, 2013.

6.
NICHNIG, C. R.; GROSSI, Miriam Pillar ; WOLFF, Cristina Scheibe . 'Quando a preferência sexual não corresponde ao padrão social da heterossexualidade?: notas sobre a conjugalidade entre pessoas do mesmo sexo e a decisão do STF de maio de 2011. In: Fazendo Gênero 10: Desafios Atuais do Feminismo, 2013, Florianópolis. Anais eletrônicos, 2013. p. 1-12.

7.
NICHNIG, C. R.; REA, C. . Direitos, igualdade e democracia sexual: a união entre pessoas do mesmo sexo na Argentina e no Brasil.. In: Congresso Internacional Interdisciplinar em Ciências Sociais e Humanidades, 2012, Niteroi - Rio de Janeiro. Congresso Internacional Interdisciplinar em Ciências Humanas e Humanidades, 2012.

8.
NICHNIG, C. R.; GROSSI, Miriam Pillar ; WOLFF, Cristina Scheibe . Conjugalidades Homoeróticas no judiciário brasileiro e o reconhecimento de direitos. In: Seminário Internacional Fazendo Gênero 9, 2010, Florianopolis. Anais eletrônicos, 2010.

9.
NICHNIG, C. R.. Genre et diversité à l!école: expérience brésiliene. In: Former les enseignants et enseignantes à l'égalité filles garçons: l'avenir, 2010, Toulouse France. Anais, 2010.

10.
NICHNIG, C. R.. Ditadura Militar e a segunda onda do movimento feminista no Brasil: alterações no direito das mulheres. In: Colóquio Internacional Gênero, Feminismos e Ditaduras no Cone Sul, 2009, Florianopolis. Feminismos em Tempo de Ditadura, 2009.

11.
NICHNIG, C. R.; GROSSI, Miriam Pillar ; WOLFF, Cristina Scheibe . Conjugalidades homoeróticas na justiça brasileira. In: VIII Reunión de Antropologia del Mercosur, 2009, Buenos Aires. VIII Reunión de Antropologia del Mercosur, 2009.

12.
NICHNIG, C. R.; WOLFF, Cristina Scheibe ; GROSSI, Miriam Pillar . A busca pelo reconhecimento de conjugalidades homoeróticas no judiciária brasileiro. In: XXV Simposio Nacional de História - História e Ética, 2009, Fortaleza - ceara. História e Ética, 2009. v. 1.

13.
NICHNIG, C. R.. Direito das Mulheres, Reivindicações Feministas, Eqüidade de Gênero. In: Seminário Internacional Fazendo Gênero, 2008, Florianopolis. Seminário Internacional Fazendo Gênero 8 - Corpo, Violência e Poder. Florianópolis: Editora Mulheres e Produzido por RBY Informática Ltda ME, 2008.

14.
NICHNIG, C. R.. Resistência e opressão: a segunda onda do movimenta feminista no Brasil e as alterações no direito das mulheres. In: XXIV SIMPÓSIO NACIONAL DE HISTÓRIA, 2007, SÃO LEOPOLDO -RS. História e multidisciplinaridade: territorios e deslocamentos: Cadernos de resumo do 24 Simposio Internacional de História. são leopoldo: oikos, 2007. v. 1. p. 11-640.

15.
NICHNIG, C. R.. Os movimentos feministas e as mudanças no direito de família. In: Seminario Internacional Fazendo Gênero 7, 2006, Florianópolis. Os feminismos latino-americanos e suas múltiplas temporalidades no século XX, 2006.

16.
NICHNIG, C. R.. Mudanças no Direito da família e os movimentos feministas. In: III Simpósio Nacional de História Cultural Mundo da Imagem do Texto ao Visual, 2006, florianopolis. Do Texto Visual: Família e Infância, 2006.

Apresentações de Trabalho
1.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Relações de Gênero e Feminismo: a contribuição para os estudos interdisciplinares. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Refugiadas:deslocamentos, direitos humanos e violências. 2018. (Apresentação de Trabalho/Outra).

3.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Violência e Saúde. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Capacitação para o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher de São Bento do Sul. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

5.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. A violência de Gênero na esfera escolar. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Combate à violência: experiências e práticas. 2015. (Apresentação de Trabalho/Outra).

7.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Gênero e interdisciplinariedade de uma perspectiva histórica. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

8.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. II Seminário Internacional Desfazendo Gênero. 2015. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

9.
NICHNIG, C. R.. Para ser digno há que ser livre : reconhecimento social e jurídico da conjugalidade entre pessoas do mesmo sexo no Brasil. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

10.
NICHNIG, C. R.. Familias formadas por personas del mismo sexo y el reconocimiento juridico en Brasil: debates por los medios de comunication. 2014. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

11.
NICHNIG, C. R.; GROSSI, Miriam Pillar ; WOLFF, Cristina Scheibe . Pour être digne il faut être libre». Reconnaissance juridique du couple de même sexe au Brésil. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

12.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Violências contra a mulher e Lei Maria da Penha. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

13.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Violência contra as mulheres e o contexto educacional. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

14.
NICHNIG, C. R.. Somos todos/as família?. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

15.
NICHNIG, C. R.. Aplicação da lei Maria da Penha e a violência doméstica e de gênero. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

16.
NICHNIG, C. R.; WOLFF, Cristina Scheibe ; GROSSI, Miriam Pillar . Somos família? reconhecimento social e jurídico da conjugalidade entre pessoas do mesmo sexo no Brasil. 2013. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

17.
NICHNIG, C. R.. Somos todos família. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

18.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Dos direitos das mulheres aos direitos LGBT: a experiência brasileira. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

19.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Violência contra a mulher. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

20.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Um estudo interdisciplinar no campo de gênero: o uso das fontes. 2012. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

21.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Socialização de Direitos - OAB MULHER CONDIM. 2012. (Apresentação de Trabalho/Outra).

22.
NICHNIG, C. R.; GROSSI, Miriam Pillar ; WOLFF, Cristina Scheibe . Genre et diversité à l'école: expérience brésiliene. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

23.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Reflexões sobre diversidade. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

24.
NICHNIG, C. R.; WOLFF, Cristina Scheibe ; GROSSI, Miriam Pillar . XXV Simpósio Nacional de História. 2009. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

25.
NICHNIG, C. R.; WOLFF, Cristina Scheibe ; GROSSI, Miriam Pillar . xxv Simpósio Nacional de História. 2009. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

26.
NICHNIG, C. R.; WOLFF, Cristina Scheibe . Colóquio Internacional Gênero, feminismos e ditaduras no cone sul. 2009. (Apresentação de Trabalho/Outra).

27.
NICHNIG, C. R.. Gênero e Sexualidade, destinada ao Fórum de Pais da Escola Autonomia. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

28.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Entendendo o ciclo de Violência e Agressão. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

29.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Preconceitos Étnicos e Sexistas. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

30.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Uma vida sem violência é um direito das mulheres. 2009. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

31.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Sexo, identidades de Gênero e sexualidades. 2009. (Apresentação de Trabalho/Outra).

32.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Direito das Mulheres, Reivindicações feministas, Equidade de Gênero. 2008. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

33.
NICHNIG, C. R.. XXIV Simpósio Nacional de História. 2007. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

34.
NICHNIG, C. R.. Seminário Internacional FAzendo Gênero 7. 2006. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

35.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Mudanças no Direito de Família e a influênicia dos movimentos feministas. 2006. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

Outras produções bibliográficas
1.
ZANDONA, J. ; VEIGA, A. M. ; NICHNIG, CLAUDIA REGINA . Anais do XI Seminário Internacional Fazendo Gênero. Florianipolis: Universidade Federal de Santa Catarina, 2017 (Anais).

2.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Le collectif onze: au tribunal des couples. Ênquete sur des affaires familiales. Paris: Editions Antipodes, 2016 (Resenha).

3.
NICHNIG, C. R.. Entre a perversão e a dissidência: práticas sexuais, corpos e prazeres. Florianópolis: Universidade Federal de Santa Catarina - REvista de Estudos Feministas, 2010 (Resenha).

4.
NICHNIG, C. R.. Foucault e a influência teórica nas ciências humanas. Florinópolis: Universidade Federal de Santa Catarina, 2009 (Resenha).

5.
NICHNIG, C. R.. Mulheres Públicas, Políticas de mulheres. Florianópolis: Revista de Estudos Feministas - Universidade Federal de Santa Catarina, 2007 (Resenha).


Produção técnica
Assessoria e consultoria
1.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Consultor Externo ad hoc - Divisão de Pesquisa/PROPP/UEMS. 2018.

Trabalhos técnicos
1.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Projeto seletivo PIBIC-CNPQ/UEMS 2018. 2018.

2.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Coordenação do Simpósio Temático 'Políticas de Gênero: sexualidade, direito e legislação no Brasil. 2018.

3.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Coordenação do Simpósio Temático 'Gênero, diversidade, cidadania e políticas públicas. 2018.

4.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Parecer REvista de Estudos Feministas. 2018.

5.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Revista de Estudos Feministas - parecerista ad hoc. 2017.

6.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Revista de Estudos Feministas. 2017.

7.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Consultor Ad hoc - Revista Cadernos de Gênero e Diversidade. 2017.

8.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA; RAMOS, MARIA EDUARDA ; BRAGAGNOLO, R. I. . Coordenação do Simpósio Temático: Violências, justiça e Gênero. 2017.

9.
NICHNIG, C. R.. Revista HUmanidades em diálogo. 2016.

10.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Revista de Estudos Feministas. 2016.

11.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Revista de Estudos Feministas. 2014.

12.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Revista de Estudos Feministas. 2014.

13.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Revista de Pesquisa Multidisciplinar. 2014.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Conversas Cruzadas - Aborto. 2014. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

2.
NICHNIG, C. R.; TRIDAPALLI, Elidia . Estudio 36. 2010. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

3.
NICHNIG, C. R.. Poder Feminino. 2010. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).


Demais tipos de produção técnica
1.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA; GROSSI, M. P. . Curso de Curta Duração em Gênero e Feminismos. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

2.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Mini curso Gênero e Direito: agendas feministas contemporâneas e o acesso à Justiça. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

3.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Minicurso - Feminismos Latino-americanos: agendas feministas contemporâneas. 2018. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

4.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA; FROES, A. . Mini Curso Família e novas conjugalidades. 2010. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

5.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA; WEISS DE JESUS, F. . Visibilidade e legitimidade: Aspectos jurídicos e religiosos sobre famílias e homossexualidades. 2010. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

6.
NICHNIG, C. R.; Machado, Isadora Vier ; Ferreira, Emilia Juliana . Direito e Relações de Gênero. 2010. .

7.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Curso de Curta Duração em Gênero e Feminismo. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

8.
NICHNIG, C. R.; CARLOS, Paula Pinhal . Direito e Gênero. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

9.
NICHNIG, C. R.; CARLOS, Paula Pinhal . Direito e Gênero. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Outra).


Produção artística/cultural
Outras produções artísticas/culturais
1.
NICHNIG, C. R.; LUPI, Suzana ; LENZI, Zuleika ; CAMARGO, Anna . Falando Abertamente: A mulher e a lei. 2008.



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA; SILVA, J. G.; LISBOA, T. K.. Participação em banca de José Vitor Lemos de Oliveira. Crimes SExuais em Joinville (1916-1950):relações de gênero e discurso jurídico nos processos crime de de estupro e defloramento. 2018. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Teses de doutorado
1.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA; STELZER, J.; SILVEIRA, S. S.; KNOERR, V. C. S.; SILVA, K. S.. Participação em banca de Gabriela de Moraes Kryrillos. Os direitos humanos das Mulheres no Brasil a partir de uma perspectiva interseccional de gênero e raça sobre a eficácia da convenção para a eliminação de todas as formas de discriminação contra a mulher - CEDAW. 2018. Tese (Doutorado em Programa de Pós Graduação em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

2.
MINELLA, Luzinete Simões; PECHENY, M.; GROSSI, M. P.; NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Participação em banca de Melissa Barbieiri de Oliveira. Transtornando o campo do direito: uma análise da construção da categoria transexual na doutrina jurídica brasileira e seus efeitos no reconhecimento das pessoas trans como sujeitos de direito. 2017. Tese (Doutorado em Doutorado Interdisciplinar em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Qualificações de Doutorado
1.
TEDESCHI, L. A.; COLLING, A. M.; LEITE, E. F.; NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Participação em banca de Fernanda Reis Varella. Lidia Bais: transgressão e resistência feminina na História. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em História) - Universidade Federal da Grande Dourados.

2.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA; GROSSI, Miriam Pillar. Participação em banca de Marinês da Rosa. Aproximações dos estudos sobre Gênero e Prisão. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Doutorado Interdisciplinar em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Santa Catarina.

3.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA; WOLFF, Cristina Scheibe. Participação em banca de Kelly Cristina Teixeira. Helena Greco e o movimento feminino pela anistia: Memórias, Emoção e Subjetividade. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Programa de Pós Graduação em História) - Universidade Federal de Santa Catarina.

4.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA; LAGO, M. C. S.. Participação em banca de Melissa BArbieri de Oliveira. Transtornando o direito ou transtornando a família? Transexualidades e relações de parentesco - conexões entre antropologia e o direito. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Interdisciplinar em Ciências Humanas) - Universidade Federal de Santa Catarina.

Qualificações de Mestrado
1.
BAGGENSTOSS, G. A.; POZZATI JUNIOR, A.; NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Participação em banca de Thais Silveira Pertille. Subalternidade dos seres como consequencia da subalternidade dos país: a (in) justica internacional analisada no caso das deslocadas de belo monte. 2018. Exame de qualificação (Mestrando em Direito) - Universidade Federal de Santa Catarina.

2.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Participação em banca de José Vitor Lemos de Oliveira. Crimes Sexuais em Joinville (1916-1950): relações de gênero e Discurso Jurídico nos processos crime de estupro e defloramento. 2017.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA; ESPINDOLA, L. R.; SOUZA, E. L. E.. Participação em banca de Rosana Aparecida Monteiro da Silva.Direito de família e a Guarda Compartilhada. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Faculdade de Santa Catarina.

2.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA; DIEHL, M. R.; DECA, F. L. G. L.. Participação em banca de Fillipy Rosário Cruz.Responsabilidade civil do Estado com a família do deficiente. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Faculdade de Santa Catarina.

3.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA; DECA, F. L. G. L.; VIEGAS, M. C. E.. Participação em banca de Elizabete Zaira Ferreira.Erro médico a luz do CDC. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Faculdade de Santa Catarina.

4.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA; ESPINDOLA, L. R.; SELL, L. F. G.. Participação em banca de Victor Hugo Laval Daniel.Ética, Marketing e OAB. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Faculdade de Santa Catarina.

5.
CAPELETTO, R.; RUGINO, M. A.; NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Participação em banca de Renan Ferreira Roggia.Adicional de Periculosidade na atividade de logística de valores. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Instituto de Ensino Superior da Grande Florianópolis.

6.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA; CAPELETTO, R.; RUGINO, M. A.. Participação em banca de Ritiely Machado de Souza.A violência psicológica contra a mulher, baseado na Lei Maria da Penha. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Instituto de Ensino Superior da Grande Florianópolis.

7.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA; DUARTE, M. R.; SELL, L. F. G.. Participação em banca de Vilson Valdemiro Rios Júnior.Proteção previdenciária da família. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Faculdade de Santa Catarina.

8.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA; RAMOS, J. M.; OLIVEIRA, A. R.. Participação em banca de Rodrigo Bueno Coutinho Muller.Defensoria Pública como guardiã constitucional no direito penal e processual penal. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Faculdade de Santa Catarina.

9.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA; VIEGAS, M. C. E.; SELL, L. F. G.. Participação em banca de Eduardo Dias Costa.Abordagem policial e abuso de autoridade: limite de atenção doa gente público. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Faculdade de Santa Catarina.

10.
KRAUSE, D.; VIEGAS, M.; NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Participação em banca de Sebastiao Assis Silva.Alimentos Gravidicos: (Im)possibilidade de restituição pela negativa de paternidade. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Faculdade Santa Catarina.

11.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Participação em banca de Kyskey Alvim Espindola.Relação Jurídica entre a transfusão de sangue e a liberdade de crença. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Instituto de Ensino Superior da Grande Florianópolis.

12.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Participação em banca de Flavia A de Souza Vicenzi.O papel regulador do direito nos casos de alienação parental. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Faculdade de Santa Catarina.

13.
ESPINDOLA, L. R.; ZANETTI, L.; NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Participação em banca de Claudia Souza Miranda.Dano moral decorrente de abandono afetivo. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Faculdade de Santa Catarina.

14.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA; KUHNEN, J. A.; VIEGAS, M. C. E.. Participação em banca de Bruna Nascimento Behr.Direitos Humanos e Educação para ressocialização dentro do sistema penal brasileiro. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Faculdade de Santa Catarina.

15.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA; ESPINDOLA, L. R.; DIEHL, M. R.. Participação em banca de Andressa Carpes de Oliveira.Reflexões acerca da síndrome de alienação parental e a guarda compartilhada e mediação familiar. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Faculdade de Santa Catarina.

16.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA; VIEGAS, M.; ZANETTI, L.. Participação em banca de Manoel Vicente Lopes Neto.A condução coercitiva à luz do direito ao silêncio. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Faculdade de Santa Catarina.

17.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA; ZANETTI, L.; DACOL, A. L.. Participação em banca de Ian Marcos Macedo.A irreversibilidade da tutela antecipada. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Direito) - Faculdade de Santa Catarina.

18.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA; GOMES, M. P.. Participação em banca de ANGELO ANTÔNIO DE AGUIAR.OS DIREITOS HUMANOS NO RELATÓRIO BRASIL NUNCA MAIS. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Santa Catarina.

19.
NECKEL, Roselane; NICHNIG, C. R.; ATHAYDE, Maria Cristina de Oliveira. Participação em banca de Carla Cristina Seffrin.O caso Angela Diniz e suas repercussoes no jornal O Estado e Revista Veja. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Santa Catarina.

20.
PEDRO, J. M.; NICHNIG, C. R.. Participação em banca de Rosimari Damiani.Minimização da Violência contra as mulheres no Brasil: a Lei dos Juizados Especiais (1995-2004). 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em História) - Universidade Federal de Santa Catarina.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Outras participações
1.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Avaliadora na comissão de Pôsteres do Seminário Internacional Fazendo Gênero 10. 2013. Universidade Federal de Santa Catarina.

2.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Avaliadora na comissão de Pôsteres do Seminário Internacional Fazendo Gênero 9. 2010. Universidade Federal de Santa Catarina.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
III Jornadas do Legh - Feminismo e Democracia.Relações de Gênero e Feminismos: as contribuições para os estudos interdisciplinares. 2018. (Outra).

2.
Congresso Mundos de Mulheres 13 e FAzendo Gênero 11. Apresentação oral. 2017. (Congresso).

3.
Seminário Salário igual para trabalho igual e pela aprovação do PLC 130/2011. 2015. (Seminário).

4.
Jornada Nigs. 2013. (Outra).

5.
Sexualidade - Homo transexualidades e teoria queer - Marie Hélene. 2013. (Encontro).

6.
Teorias feministas e Estudos de Gênero - Marie Hélene Bourcier. 2013. (Encontro).

7.
Congresso do Direito e do Mercado Imobiliário. 2012. (Congresso).

8.
Curso de Formação Continuada sobre Gênero, Sexualidades, homo -lesbo-transfobia nas escolas.Homo-lesbo-transfobia na Escola - Modulo III. 2012. (Outra).

9.
Desafio da pesquisa interdisciplinar em Ciênicas Humanas. 2012. (Seminário).

10.
Lei Maria da Penha: implementação e aplicação no enfrentamento às violências contras mulheres no Brasili.Lei Maria da Penha: implementação e aplicação no enfrentamento às violências contras mulheres no Brasili. 2012. (Encontro).

11.
Seminário Políticas Públicas na Defesa dos Direitos e no Combate às violências contra as mulheres. 2012. (Seminário).

12.
2 Conferências Nacional de Políticas Públicas e Direitos Humanos LGBT. 2011. (Outra).

13.
Roda de Conversa - Políticas Pùblicas e despatologização Trans. 2011. (Encontro).

14.
XVI Conferência Estadual dos Advogados. 2011. (Seminário).

15.
3 Curso de Curta Duração em Gênero e Feminismo. 2010. (Outra).

16.
Curso de Curta Duração em Gênero e Feminismo. 2010. (Outra).

17.
II Jornada Catarinense da Mulher Advogada. 2010. (Outra).

18.
Jornada de Estudos das Redes CAPES - COFECUB E CAPES PROCACAD.Ativismo e Conjugalidade. 2010. (Outra).

19.
Jornada Nigs - A obra da Miguel Vale de Almeida.Gênero e sexualidade. 2010. (Outra).

20.
Jornadas Nigs - A obra de Miguel Vale de Almeida.Gênero e sexualidade. 2010. (Outra).

21.
Seminário Estadual de Educação em Direitos Humanos de Santa Catarina. 2010. (Seminário).

22.
As mulheres e a participação política: democratizando a democracia. 2009. (Outra).

23.
Colóquio Internacional gênero, feminismos e Ditaduras no Cone sul.Ditadura militar e a segunda onda do movimento feminista no Brasil: alterações no direito das mulheres. 2009. (Outra).

24.
Complicando as noçoes de raça e etnia: qual o seu étnico. 2009. (Outra).

25.
Curso de Curta Duração em Gênero e Feminismo- Insituto de Estudos de Gênero.Conjugalidades Homoeróticas e a Constituição de Famílias. 2009. (Outra).

26.
Curso de Curta Duração em Gênero e Feminismo - Instituto de Estudos de Gênero. 2009. (Outra).

27.
Curso de Prática em Processo Administrativo Previdenciário. 2009. (Outra).

28.
Ensino do Direito e Gênero. 2009. (Outra).

29.
Formação de tutores em Gênero e Diversidade na Escola - 23 horas. 2009. (Outra).

30.
Gênero, poder e sexualidade - Francoise Gaspard. 2009. (Outra).

31.
Gênero e raça nas rotas do "Atlântico Pardo". 2009. (Outra).

32.
I Jornada Catarinense da mulher advogada. 2009. (Outra).

33.
Mesa Redonda - Michel Foucault + 25. 2009. (Outra).

34.
OAB CIDADÃ.Uma vida sem violência é um direito das mulheres. 2009. (Encontro).

35.
Pesquisas no campo de Gênero e Feminismo. 2009. (Outra).

36.
Seminário A Mulher e a Mídia 6. 2009. (Seminário).

37.
Seminário da Saúde da Mulher- Empodramento e participação no processo de trabalho como condição de saúde.Oficina Entendendo o Ciclo de Violência e Agressão. 2009. (Seminário).

38.
Seminário Saúde da Mulher - Empoderamento e Participação no Processo de Trabalho como condição de saúde.Preconceito étnico e seximos. 2009. (Seminário).

39.
VIII Reunión de Antropologia del Mercosur.Conjugalidades homoeróticas na justiça brasileira. 2009. (Outra).

40.
XXV Simposio Nacional de História.A busca pelo reconhecimento de conjugalidades homoeróticas no judiciário brasileiro. 2009. (Simpósio).

41.
1 Encontro Catarinense dos Advogados Trabalhistas. 2008. (Encontro).

42.
Seminário Ensino Religioso, Gênero e Sexualidade em Santa Catarina. 2008. (Congresso).

43.
Seminário Internacional FAzendo Gênero 8.Direito das Mulheres, Reivindicações Feministas, Equidade de Gênero.. 2008. (Seminário).

44.
I Congresso Sul Brasileiro de Direito Previdenciário. 2007. (Congresso).

45.
XXIV Simpósio Nacional de História.Os movimentos feministas e as mudanças no direito de família. 2007. (Simpósio).

46.
Benefícios previdenciários e critérios de revisão. 2006. (Outra).

47.
Debate Interdisciplinar guarda compartilhada: aspectos psicologiso e jurírídicos. 2006. (Outra).

48.
III Simpósio Nacional de História Cultural.Mudanças no direito de família e os movimentos feministas. 2006. (Simpósio).

49.
Seminário Internacional FAzendo Gênero 7.Os movimentos feministas e as mudanças no direito de família. 2006. (Seminário).

50.
Curso Gramática e Redação Jurídica. 2005. (Outra).

51.
Teoria da História III - 30 HORAS. 2005. (Outra).

52.
Teorias da História II - 30 horas. 2005. (Outra).

53.
curso de Atualização em Direito Previdenciáiro. 2004. (Outra).

54.
Seminário Internacional Fazendo Gênero 6. 2004. (Seminário).

55.
Teorias da História I - 30 horas. 2004. (Outra).

56.
Ciclo intensivo Reforma da Previdência - Propostas e Alternativas. 2003. (Outra).

57.
Palestra: O advogado e a Advocacia - desafios do novo século. 2001. (Outra).

58.
Ciclo Intensivo: Procedimento sumarísssimo na Justiça do Trabalho. 2000. (Outra).

59.
I Ciclo de Estudos Inedam - Reforma Constitucional. 1999. (Outra).

60.
II Conferência Nacional de Juristas. 1999. (Outra).

61.
Congresso Florianopolitano de Atualidades Jurídicas. 1997. (Congresso).

62.
Semana Jurídica. 1997. (Encontro).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
WOLFF, C. S. ; GROSSI, M. P. ; NICHNIG, C. R. . 13º Mundos de Mulheres e Fazendo Gênero 11. 2017. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Elenisia Maria de Oliveira. ENTRE RELIGIÃO E POLÍTICA: MOVIMENTO DE MULHERES DE ANDRADINA E A RESISTÊNCIA PERIFÉRICA. Início: 2018. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal da Grande Dourados, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Coorientador).

2.
Edna Aparecida Ferreira Benedicto. Palavra e escrita de homens: a condição Jurídica da mulher no novo código civil brasileiro. Início: 2018. Dissertação (Mestrado em História) - Universidade Federal da Grande Dourados. (Coorientador).


Orientações e supervisões concluídas
Monografia de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização
1.
Silvana Alves de Lima Scharf. EDUCAÇÃO, RELAÇÕES DE GÊNERO E DIVERSIDADE NA ESCOLA. 2016. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Curso de Pós-graduação Lato Sensu Especialização em Educação, Diversidade e) - Universidade para o Desenvolvimento do Alto Vale do Itajaí. Orientador: Claudia Regina Nichnig.

2.
LUCIANA CAROLINE GERENT. EXPERIÊNCIAS DE MATERNIDADES LÉSBICAS NA ESCOLA: O (NÃO) LUGAR DE DUAS MÃES. 2016. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EaD GÊNERO E DIVERSIDADE NA ESCOLA) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Claudia Regina Nichnig.

3.
TAMARA ROSSWEILER MARQUES CARDOSO. A POSSIBILIDADE DE RETIFICAÇÃO DE REGISTRO CIVIL E A UTILIZAÇÃO DO NOME SOCIAL POR ESTUDANTES TRANSEXUAIS: UMA ANÁLISE SEGUNDO O PRINCÍPIO DA DIGNIDADE DA PESSOA HUMANA. 2016. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EaD GÊNERO E DIVERSIDADE NA ESCOLA) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Claudia Regina Nichnig.

4.
VARELI SIMAS DE SOUZA. EXPERIÊNCIAS DE PRÁTICAS PEDAGÓGICAS INCLUSIVAS A PARTIR DO USO DO COMPUTADOR COMO TECNOLOGIA ASSISTIVA. 2016. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em CURSO DE ESPECIALIZAÇÃO EaD GÊNERO E DIVERSIDADE NA ESCOLA) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Claudia Regina Nichnig.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Mayara Betty Alves. ADOÇÃO DE CRIANÇAS E ADOLESCENTES POR CASAIS QUE VIVEM EM UNIÃO HOMOAFETIVA. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Faculdade de Santa Catarina. Orientador: Claudia Regina Nichnig.

2.
MAISE APARECIDA DE LARA. MEDIAÇÃO NO DIREITO DE FAMÍLIA COMO MÉTODO DE RESOLUÇÃO DE CONFLITOS. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Faculdade de Santa Catarina. Orientador: Claudia Regina Nichnig.

3.
JANAÍNA DE AZEVEDO VALADÃO. A descriminalização do aborto com enfoque dos direitos humanos: Uma análise a partir da decisão do HC 124.306.. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Faculdade de Santa Catarina. Orientador: Claudia Regina Nichnig.

4.
JÉSSICA CORRÊA JOÃO. ABORTO: UMA QUESTÃO DE SAÚDE PÚBLICA. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Faculdade de Santa Catarina. Orientador: Claudia Regina Nichnig.

5.
LETÍCIA DE OLIVEIRA. A VALIDADE JURÍDICA DO CONTRATO DE NAMORO. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Faculdade de Santa Catarina. Orientador: Claudia Regina Nichnig.

6.
NATHÁLIA HILLER ROZADO. LEI MARIA DA PENHA E AS MEDIDAS DE PROTEÇÃO À MULHER. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Faculdade de Santa Catarina. Orientador: Claudia Regina Nichnig.

7.
PRISCILA DE OLIVEIRA. ALIENAÇÃO PARENTAL. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Faculdade de Santa Catarina. Orientador: Claudia Regina Nichnig.

8.
FRANCINE DA SILVA BASILIO. INVENTÁRIO E PARTILHA EXTRAJUDICIAIS. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Faculdade de Santa Catarina. Orientador: Claudia Regina Nichnig.

9.
VINÍCIUS COMELLI FORTES. FEMINICÍDIO: APLICAÇÃO NO DIREITO BRASILEIRO. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Faculdade de Santa Catarina. Orientador: Claudia Regina Nichnig.

10.
THIAGO GOULART DO ROZARIO. PRÁTICAS POLICIAIS E AS MEDIDAS PROTETORAS A PARTIR DA LEI MARIA DA PENHA.. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Faculdade de Santa Catarina. Orientador: Claudia Regina Nichnig.

11.
LUANA BELTRAME WAGNER PEREIRA. A (IM)POSSIBILIDADE DA APLICAÇÃO DA EXCEÇÃO DE ROMEU E JULIETA NOS CRIMES DE ESTUPRO DE VULNERÁVEIS NO ORDAMENTO JURÍDIO BRASILEIRO. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Faculdade de Santa Catarina. Orientador: Claudia Regina Nichnig.

12.
ANA PAULA OLESZKO. O DIREITO DA PENSÃO POR MORTE NA UNIÃO HOMOAFETIVA. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Faculdade de Santa Catarina. Orientador: Claudia Regina Nichnig.

13.
LETÍCIA COSTA DA CRUZ. AS INOVAÇÕES DO Estatuto da Criança e do Adolescente - ECA MEDIANTE A ADOÇÃO.. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Faculdade de Santa Catarina. Orientador: Claudia Regina Nichnig.

14.
Carolina Medeiros Vieira. O reconhecimento do casamento hoomofetivo. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Instituto de Ensino Superior da Grande Florianópolis. Orientador: Claudia Regina Nichnig.

15.
Simone dos Santos Silva. Crianças Institucionalizados-a espera por um convívio familiar. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Instituto de Ensino Superior da Grande Florianópolis. Orientador: Claudia Regina Nichnig.

16.
Sabrina da Rosa. O descomprimento no dever moral de ser pai. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Instituto de Ensino Superior da Grande Florianópolis. Orientador: Claudia Regina Nichnig.

17.
Ritiely Machado de Souza. A violência psicológica contra a mulher baseada na Lei Maria da Penha. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Instituto de Ensino Superior da Grande Florianópolis. Orientador: Claudia Regina Nichnig.

18.
DANIEL ALBERTO BUNN. PENSÃO ALIMENTÍCIA. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Faculdade de Santa Catarina. Orientador: Claudia Regina Nichnig.

19.
Faiane Jardim Willeck. As novas modalidades de família após a Constituição de 1988: relações poliafetivas. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Faculdade de Santa Catarina. Orientador: Claudia Regina Nichnig.

20.
Hilário José Ferreira. Poliamor e o (não) reconhecimento jurídico pelo ordenamento pátrio. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Faculdade de Santa Catarina. Orientador: Claudia Regina Nichnig.

21.
Ana Laura Bortolanza. Adoção por casais homoafetivos. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Direito) - Faculdade de Santa Catarina. Orientador: Claudia Regina Nichnig.

22.
ISABELLA PEREIRA VICENTE. A CONVENÇÃO PARA A ELIMINAÇÃO DE TODAS AS FORMAS DE DISCRIMINAÇÃO CONTRA AS MULHERES (CEDAW) E AS MEDIDAS ADOTADAS PELO BRASIL PARA GARANTIR SUA EFETIVAÇÃO. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Universidade Federal de Santa Catarina. Orientador: Claudia Regina Nichnig.



Educação e Popularização de C & T



Apresentações de Trabalho
1.
NICHNIG, C. R.; GROSSI, Miriam Pillar ; WOLFF, Cristina Scheibe . Pour être digne il faut être libre». Reconnaissance juridique du couple de même sexe au Brésil. 2014. (Apresentação de Trabalho/Outra).

2.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Capacitação para o Conselho Municipal dos Direitos da Mulher de São Bento do Sul. 2016. (Apresentação de Trabalho/Outra).

3.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. A violência de Gênero na esfera escolar. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Violência e Saúde. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).


Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
NICHNIG, CLAUDIA REGINA. Conversas Cruzadas - Aborto. 2014. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).



Outras informações relevantes


Aprovação na Seleção Pública realizada pelo Colegiado Pleno do Programa de Pós Graduação em Antropologia Social da Universidade Federal de Santa Catarina, conforme PNPD Edital n.6/2014/PPGAS, publicado em 29 de outubro de 2014.
CENTRO DE ENSINO À DISTÂNCIA - CEAD
Aprovação no Processo Seletivo realizado pela Universidade do Estado de Santa Catarina - UDESC, em terceiro lugar, na disciplina Conteúdos e Metodologias do Ensino de História, conforme Portaria 1701, de 11/12/2015.
Aprovação no Processo Seletivo realizado pelo Centro Universitário Municipal de São José, para o cargo de professora, da disciplina Direito do Trabalho e Previdenciário, em 21/08/2017



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 15/12/2018 às 19:27:28