Matheus Bornelli de Castro

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/8590569411544397
  • Última atualização do currículo em 25/06/2018


Engenheiro Agrônomo formado pela Universidade Federal de Lavras (UFLA). Mestre e Doutor em Agronomia/Fitotecnia pela UFLA. Professor EBTT do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso do Sul (IFMS) - Campus Naviraí. Atualmente está como Diretor-Geral Pro Tempore do Campus Naviraí do IFMS. Participa como membro do Colégio de Dirigentes do IFMS - CODIR. Participa como conselheiro no Conselho Superior do IFMS - COSUP. Atual representante do IFMS no Fórum de Educação do Campo do CONIF. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Matheus Bornelli de Castro
Nome em citações bibliográficas
CASTRO, M. B.

Endereço


Endereço Profissional
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso do Sul, IFMS - Campus Naviraí.
Rua Hilda, 203
Boa Vista
79950000 - Naviraí, MS - Brasil
Telefone: (067) 34092501


Formação acadêmica/titulação


2011 - 2013
Doutorado em Agronomia (Fitotecnia).
Universidade Federal de Lavras, UFLA, Brasil.
Título: Retardamento da secagem e qualidade fisiológica de sementes de milho, Ano de obtenção: 2013.
Orientador: Renato Mendes Guimarães.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: análise isoenzimática; zea mays; qualidade fisiológica; testes de vigor.
Grande área: Ciências Agrárias
Setores de atividade: Agricultura, Pecuária e Serviços Relacionados.
2009 - 2011
Mestrado em Agronomia (Fitotecnia).
Universidade Federal de Lavras, UFLA, Brasil.
Título: Avaliação da qualidade fisiológica de sementes de milho por meio da atividade respiratória,Ano de Obtenção: 2011.
Orientador: Renato Mendes Guimarães.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: zea mays; análise isoenzimática; aparelho de pettenkofer.
Grande área: Ciências Agrárias
Setores de atividade: Agricultura, Pecuária e Serviços Relacionados.
2004 - 2008
Graduação em Agronomia.
Universidade Federal de Lavras, UFLA, Brasil.
Título: Produção de sementes híbridas de milho pela empresa Monsanto em Minas Gerais.
Orientador: João Almir Oliveira.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.




Formação Complementar


2017 - 2017
Programa de Formação Continuada: A concepção dos Institutos Federais. (Carga horária: 40h).
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso do Sul, IFMS, Brasil.
2016 - 2016
Ética e Administração Pública. (Carga horária: 40h).
Instituto Legislativo Brasileiro, ILB, Brasil.
2016 - 2016
Capacitação de Gestores-Gestão por Competências no Serviço Público Federal. (Carga horária: 2h).
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso do Sul, IFMS, Brasil.
2016 - 2016
Nascer Bem - Visualizando meu negócio no papel. (Carga horária: 8h).
Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Campo Grande, SEBRAE/MS, Brasil.
2016 - 2016
Gestão Estratégica de Pessoas e Planos de Carreira. (Carga horária: 20h).
Escola Nacional de Administração Pública, ENAP, Brasil.
2015 - 2015
Gestão do Orçamento Público. (Carga horária: 35h).
Escola Nacional de Administração Pública, ENAP, Brasil.
2015 - 2015
Oficina SETEC - SIAPE e suas funcionalidades. (Carga horária: 4h).
Escola Nacional de Administração Pública, ENAP, Brasil.
2015 - 2015
Oficina SETEC - Lei 8.112/90 e suas alterações. (Carga horária: 8h).
Escola Nacional de Administração Pública, ENAP, Brasil.
2015 - 2015
Oficina SETEC - Planejamento. (Carga horária: 4h).
Escola Nacional de Administração Pública, ENAP, Brasil.
2015 - 2015
Análise e Melhoria de Processos. (Carga horária: 35h).
Escola Nacional de Administração Pública, ENAP, Brasil.
2015 - 2015
Orçamento Público: conceitos básicos. (Carga horária: 30h).
Escola Nacional de Administração Pública, ENAP, Brasil.
2015 - 2015
Capacitação Metodologia Despertar. (Carga horária: 40h).
Serviço de Apoio às Micro e Pequenas Empresas de Campo Grande, SEBRAE/MS, Brasil.
2015 - 2015
Workshop de Planejamento Estratégico Aplicável IFs. (Carga horária: 12h).
Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Espírito Santo, IFES, Brasil.
2015 - 2015
Oficina SETEC - Orçamento e Finanças. (Carga horária: 4h).
Escola Nacional de Administração Pública, ENAP, Brasil.
2015 - 2015
Oficina SETEC - Engenharia e Infraestrutura. (Carga horária: 4h).
Escola Nacional de Administração Pública, ENAP, Brasil.
2015 - 2015
Oficina SETEC - Licitações e Contratos. (Carga horária: 8h).
Escola Nacional de Administração Pública, ENAP, Brasil.
2015 - 2015
Oficina SETEC - Processo Administrativo Disciplinar. (Carga horária: 4h).
Escola Nacional de Administração Pública, ENAP, Brasil.
2014 - 2014
Liderança Eficaz e Relações Interpessoais. (Carga horária: 16h).
Instituto Euvaldo Lodi - MS, IEL/MS, Brasil.
2014 - 2014
Oficina SETEC - Sistemas Informatizados. (Carga horária: 4h).
Escola Nacional de Administração Pública, ENAP, Brasil.
2014 - 2014
Oficina SETEC - SISTEC/SIMEC. (Carga horária: 4h).
Escola Nacional de Administração Pública, ENAP, Brasil.
2014 - 2014
Elaboração de Indicadores de Desempenho Institucional. (Carga horária: 35h).
Escola Nacional de Administração Pública, ENAP, Brasil.
2014 - 2014
Gestão Orçamentária e Financeira. (Carga horária: 35h).
Escola Nacional de Administração Pública, ENAP, Brasil.
2014 - 2014
Oficina SETEC - Inovação. (Carga horária: 4h).
Escola Nacional de Administração Pública, ENAP, Brasil.
2014 - 2014
Administração Pública no Contexto Institucional Contemporâneo. (Carga horária: 8h).
Escola Nacional de Administração Pública, ENAP, Brasil.
2014 - 2014
Oficina SETEC - Logística. (Carga horária: 4h).
Escola Nacional de Administração Pública, ENAP, Brasil.
2014 - 2014
Oficina SETEC - Estrutura Organizacional. (Carga horária: 4h).
Escola Nacional de Administração Pública, ENAP, Brasil.
2014 - 2014
Oficina SETEC - A Rede Federal. (Carga horária: 4h).
Escola Nacional de Administração Pública, ENAP, Brasil.
2014 - 2014
Gestão da Estratégia com uso do BSC. (Carga horária: 28h).
Escola Nacional de Administração Pública, ENAP, Brasil.
2013 - 2013
Avaliação da Educação Superior. (Carga horária: 14h).
Carta Consulta, CARTA CONSULTA, Brasil.
2012 - 2012
Oficina: Motivação na Aprendizagem. (Carga horária: 2h).
Universidade Federal de Lavras, UFLA, Brasil.
2012 - 2012
Introdução à Microscopia Eletrônica de Varredura. (Carga horária: 24h).
Universidade Federal de Lavras, UFLA, Brasil.
2011 - 2011
Oratória e Apresentações em Público. (Carga horária: 8h).
Universidade Federal de Lavras, UFLA, Brasil.
2010 - 2010
Análise de Discurso. (Carga horária: 4h).
Universidade Federal de Lavras, UFLA, Brasil.
2010 - 2010
Análise de Discurso. (Carga horária: 4h).
Universidade Federal de Lavras, UFLA, Brasil.
2010 - 2010
Desenho de Primer para PCR. (Carga horária: 4h).
Universidade Federal de Lavras, UFLA, Brasil.
2010 - 2010
Fisiologia de Sementes - avanços e inovações. (Carga horária: 8h).
Universidade Federal de Uberlândia, UFU, Brasil.
2010 - 2010
Interpretação da Análise de Solos. (Carga horária: 2h).
Universidade Federal de Lavras, UFLA, Brasil.
2008 - 2008
Estágio na empresa Monsanto na produção de semente. (Carga horária: 704h).
Universidade Federal de Lavras, UFLA, Brasil.
2006 - 2008
Bolsista de Iniciação Científica. (Carga horária: 600h).
Universidade Federal de Lavras, UFLA, Brasil.
2007 - 2007
Manejo da Fertilidade do Solo. (Carga horária: 4h).
Universidade Federal de Lavras, UFLA, Brasil.
2006 - 2006
Estágio no laboratótio de Física do Solo. (Carga horária: 300h).
Universidade Federal de Lavras, UFLA, Brasil.


Atuação Profissional



Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso do Sul, IFMS, Brasil.
Vínculo institucional

2013 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor EBTT, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

01/2017 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, INSTITUTO FEDERAL DE MATO GROSSO DO SUL, .

Cargo ou função
Representante do IFMS no Fórum de Educação do Campo - CONIF.
02/2016 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, INSTITUTO FEDERAL DE MATO GROSSO DO SUL, .

Cargo ou função
Conselheiro do Conselho Superior do IFMS - COSUP.
08/2014 - Atual
Direção e administração, INSTITUTO FEDERAL DE MATO GROSSO DO SUL, .

Cargo ou função
Diretor-Geral Pro Tempore do Câmpus Naviraí.
08/2014 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, INSTITUTO FEDERAL DE MATO GROSSO DO SUL, .

Cargo ou função
Membro do Colégio de Dirigentes do IFMS.
09/2013 - 08/2014
Direção e administração, IFMS - Campus Ponta Porã, .

Cargo ou função
Coordenador do Curso Superior de Tecnologia em Agronegócio.
02/2013 - 08/2014
Ensino, Agronegócio, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Fundamentos de Agricultura
Mercado Regional e Nacional de Produtos Agropecuários
Produção Vegetal I
Produção Vegetal II
Noções de Morfologia e Fisiologia Vegetal
02/2013 - 08/2014
Ensino,

Disciplinas ministradas
Produção e Tecnologia de Sementes
Introdução a Agricultura
Solos I

Universidade Federal de Lavras, UFLA, Brasil.
Vínculo institucional

2004 - 2013
Vínculo: Estudante, Enquadramento Funcional: Estudante, Carga horária: 40

Atividades

02/2011 - 08/2013
Pesquisa e desenvolvimento , Departamento de Agricultura, .

Linhas de pesquisa
Fisiologia de Sementes
07/2008 - 02/2011
Pesquisa e desenvolvimento , Departamento de Agricultura, .

02/2005 - 06/2008
Estágios , Departamento de Ciência do Solo, .

Estágio realizado
Física do Solo.

Centro Superior de Ensino e Pesquisa de Machado, CESEP, Brasil.
Vínculo institucional

2010 - 2010
Vínculo: Professor, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 3

Vínculo institucional

2009 - 2009
Vínculo: Professor, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 5

Atividades

02/2010 - 07/2010
Ensino, Agronomia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Topografia
02/2009 - 07/2009
Ensino, Agronomia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Olericultura II
Alimentos e Alimentação


Linhas de pesquisa


1.
Fisiologia de Sementes
2.
Produção e Tecnologia de Sementes


Projetos de pesquisa


2013 - 2014
Taxa de utilização de sementes de soja em Ponta Porã - MS e suas implicações agronômicas, econômicas e legais
Descrição: A cultura da soja é uma das principais no Brasil e o Mato Grosso do Sul, com destaque para a região de Ponta Porã, está inserido de forma significativa nesse contexto. A adoção de novas tecnologias, principalmente através de sementes de boa qualidade, se torna um fator necessário à competitividade do mercado e à alta produtividade com consequente lucro. No entanto, a taxa de utilização de sementes no estado ainda é relativamente baixa. É necessário, portanto, um levantamento cuidadoso para se conhecer os motivos da não adoção de sementes certificadas pelos produtores do estado, principalmente nas regiões de fronteira, onde a pirataria de sementes se mostra mais evidente. E, a partir desse estudo, alertar os agricultores do perigo da aquisição inadequada de sementes e do risco de salvaguarda-las de uma safra para outra. Para tanto, será realizada uma coleta de dados junto aos agricultores, comerciantes, compradores e órgãos relacionados com esta questão em Ponta Porã - MS, além de exposições através de reuniões e palestras para disseminação do conhecimento técnico e acadêmico aos produtores rurais, principalmente aos agricultores com acesso limitado ao conhecimento. A coleta dos dados será feita por meio de questionários direcionados e estruturados ao assunto em questão. Com isso, espera-se um maior entendimento das implicações econômicas, legais e agronômicas da taxa de utilização de sementes de soja e um levantamento adequado do caso na região de Ponta Porã ? MS..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Matheus Bornelli de Castro - Coordenador / João Gabriel Brizueña - Integrante / Izidro dos Santos de Lima Junior - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 1
2011 - 2013
Retardamento da secagem e qualidade fisiológica de sementes de milho
Descrição: Sementes de milho são geralmente colhidas em espiga e com altos teores de água, tornando necessária uma secagem artificial antes do beneficiamento. Entretanto, na época de colheita, normalmente as usinas de beneficiamento de sementes ficam sobrecarregadas, provocando, assim, um retardamento da secagem das sementes recém colhidas. É comum que as sementes de milho fiquem mal acondicionadas durante o transporte. São raras as informações sobre a deterioração ocorrida em sementes de milho no período entre a colheita e a secagem, sendo de fundamental importância a avaliação das alterações na qualidade fisiológica para estabelecer um período crítico de permanência nessa etapa. Dessa forma, almeja-se que, com os resultados obtidos na pesquisa, haja uma maior elucidação do processo de deterioração de sementes de milho, quantificando sua conseqüente perda de vigor, contribuindo assim para uma produção de sementes de alta qualidade..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) Doutorado: (2) .
Integrantes: Matheus Bornelli de Castro - Integrante / Renato Mendes Guimarães - Coordenador / Rodrigo de Góes Esperon Reis - Integrante / Diego de Sousa Pereira - Integrante.
2008 - 2011
Projetos para Capacitação Técnica Especializada na Área de Sementes - UFLA
Descrição: Apoiar atividades de treinamento em amostragem e controle da qualidade de sementes para ampliação da competência científica e tecnológica de profissionais envolvidos na produção de sementes e nas ações de defesa agropecuária do País..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Matheus Bornelli de Castro - Integrante / Maria Laene Moreira de Carvalho - Coordenador / Joao Almir Oliveira - Integrante / Renato Mendes Guimarães - Integrante / Édila Vilela de Resende Von Pinho - Integrante / Hebe Perez de Carvalho - Integrante.Financiador(es): Ministério da Agricultura, Pecuária e Abastecimento - Bolsa.
2008 - 2009
Predição da capacidade de suporte de carga e descompactação promovido pelo capim-tifon 85 como ferramentas na manutenção da qualidade estrutural de solos
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) .
Integrantes: Matheus Bornelli de Castro - Integrante / Eduardo da Costa Severiano - Integrante / Geraldo César de Oliveira - Coordenador / Moacir Dias Júnior - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2005 - 2007
Capacidade de suporte de carga do solo e perdas de produtividade da cultura da cana-de-açúcar sob colheita mecanizada
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Matheus Bornelli de Castro - Integrante / Eduardo da Costa Severiano - Integrante / Geraldo César de Oliveira - Coordenador / Moacir Dias Júnior - Integrante / Luis Fernando Coutinho de Oliveira - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.


Projetos de extensão


2018 - Atual
Extensão Rural com Produtores de Hortaliças do Distrito Verde em Naviraí/MS
Descrição: A região do Distrito Verde de Naviraí é uma localidade predominantemente de produção agropecuária na qual o destaque é a produção de hortaliças com o intuito de abastecer os mercados e feiras locais. Nessa região da zona rural de Naviraí residem cerca de 34 famílias de agricultores familiares com características de mão-de-obra familiar, propriedades pequenas até 4 módulos fiscais e renda obtida principalmente das atividades agropecuárias. Entre os agricultores que compõe o Distrito Verde existem diferentes níveis tecnológicos envolvidos diretamente na produção de hortaliças. Existem diversos gargalos e dificuldades dos agricultores no processo produtivo das hortaliças na qual pode-se destacar a etapa de produção de mudas de qualidade, preparo de solo das áreas produtivas, correta utilização de adubos químicos e orgânicos, controle de pragas e doenças, manejo da irrigação, ponto de colheita, procedimentos da pós-colheita, transporte e comercialização dos produtos. Desta maneira, em contato com os produtores rurais e através de informações da Agência de Desenvolvimento Agrário e Extensão Rural (AGRAER) de Mato Grosso do Sul do escritório local de Naviraí, foi constatado que os diversos agricultores do local necessitam de informações e acompanhamento sobre as diversas etapas do processo produtivo de hortaliças em geral. O objetivo principal deste projeto de extensão é proporcionar um maior conhecimento sobre as diferentes técnicas de cultivo de hortaliças aos agricultores envolvidos através do acompanhamento de estudantes, docentes, técnicos administrativos e instituição parceira (Agraer)..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Matheus Bornelli de Castro - Coordenador / Daniel Zimmermann Mesquita - Integrante / Agenor Ricardo de Paiva - Integrante / Ricardo de Carvalho - Integrante / Renan Soares de Souza - Integrante / Leucivaldo Carneiro Morais - Integrante / Everton Meira dos Santos - Integrante / Cicero Teixeira Silva Costa - Integrante / João Paulo Gava Cremasco - Integrante / Lucas Eduardo de Oliveira Aparecido - Integrante / Fábio Yoshimi Wada - Integrante / Paulo Gabriel Felden - Integrante / Nathália Fabiane Gomes Pereira - Integrante.Financiador(es): Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso do Sul - Outra.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia.
2.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Fitotecnia/Especialidade: Produção e Beneficiamento de Sementes.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Espanhol
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.


Prêmios e títulos


2013
Desafios Química Nova Interativa - 1o lugar Desafios QNInt - Vídeo Ensino Médio, Sociedade Brasileira de Química.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
CASTRO, M. B.2015 CASTRO, M. B.; GUIMARÃES, R.M. ; PEREIRA, D. S. ; REIS, R. G. E. . Physiological quality of maize seeds harvested with different moisture contents and submitted to drying delay. Journal of Agriculture Food and Development, v. 1, p. 19-26, 2015.

2.
REIS, R. G. E.2013REIS, R. G. E. ; GUIMARÃES, R.M. ; PEREIRA, D. S. ; CASTRO, M. B. ; VIEIRA, A. R. ; CARVALHO, M. L. M. . Qualidade fisiológica de sementes de berinjela osmocondicionadas submetidas à secagem. Pesquisa Agropecuária Brasileira (1977. Impressa), v. 48, p. 1507-1516, 2013.

3.
SEVERIANO, E. C.2010 SEVERIANO, E. C. ; OLIVEIRA, G. C. ; DIAS JUNIOR, M. S. ; COSTA, K. A. P. ; CASTRO, M. B. ; MAGALHÃES, E. N. . Potencial de descompactação de um Argissolo promovido pelo capim-Tifton 85. Revista Brasileira de Engenharia Agrícola e Ambiental, v. 14, p. 39-45, 2010.

4.
SEVERIANO, E. C.2010 SEVERIANO, E. C. ; OLIVEIRA, G. C. ; DIAS JUNIOR, M. S. ; CASTRO, M. B. ; OLIVEIRA, L. F. C. ; COSTA, K. A. P. . Compactação de solos cultivados com cana-de-açúcar: I Modelagem e quantificação da compactação adicional após as operações de colheita. Engenharia Agrícola (CD-ROM), v. 30, p. 404-413, 2010.

5.
SEVERIANO, E. C.2010 SEVERIANO, E. C. ; OLIVEIRA, G. C. ; DIAS JUNIOR, M. S. ; CASTRO, M. B. ; OLIVEIRA, L. F. C. ; COSTA, K. A. P. . Compactação de solos cultivados com cana-de-açúcar: II Quantificação das restrições às funções edáficas do solo em decorrência da compactação prejudicial. Engenharia Agrícola (CD-ROM), v. 30, p. 414-423, 2010.

6.
Magalhães, E. N.2009Magalhães, E. N. ; OLIVEIRA, G. C. ; SEVERIANO, E. C. ; COSTA, K. A. P. ; CASTRO, M. B. . Recuperação estrutural e produção de capim-Tifton 85 em um Argissolo Vermelho-Amarelo compactado. Ciência Animal Brasileira (UFG. Impresso), v. 10, p. 68-76, 2009.

7.
SEVERIANO, E. C.2008 SEVERIANO, E. C. ; OLIVEIRA, G. C. ; DIAS JUNIOR, M. S. ; OLIVEIRA, L. F. C. ; CASTRO, M. B. . Pressão de Preconsolidação e Intervalo Hídrico Ótimo como indicadores de alterações estruturais de um Latossolo e um Cambissolo sob cana-de-açúcar. Revista Brasileira de Ciência do Solo (Impresso), v. 32, p. 1419-1427, 2008.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
BRIZUENA, J. G. ; CASTRO, M. B. . Taxa de utilização de sementes de soja em Ponta Porã ? MS e suas implicações agronômicas, econômicas e legais.. In: O Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica do IFMS (SEMICT) - Edição 2014, 2014, Coxim - MS. Anais do Seminário de Iniciação Científica e Tecnológica do IFMS (SEMICT) - Edição 2014, 2014.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
CASTRO, M. B.; PEREIRA, D. S. ; REIS, R. G. E. ; GUIMARÃES, R.M. . Retardamento da secagem e qualidade fisiológica de sementes de milho. In: 29° Congresso Nacional de Milho e Sorgo, 2012, Águas de lindóia. Anais do 29° Congresso Nacional de Milho e Sorgo, 2012.

2.
CARVALHO, H.P. ; CASTRO, M. B. ; ÓRFÃO, A.P.B. ; SOUZA, P.E. . Patogenicidade de Colletotrichum gloreosporioides PENZ, agente etiológico da Mancha-Manteigosa, em hipocótilos de cultivares de cafeeiros. In: XIX Congresso de Pós-graduação da Universidade Federal de Lavras, 2010, Lavras. Anais do Evento XIX Congresso da Pós-graduação da Universidade Federal de Lavras, 2010.

3.
VILELA, X. M. S. ; PINTO, C. A. B. P. ; RIBEIRO, S. R. R. P. ; CARVALHO, B.O. ; ANDRADE, T. ; CASTRO, M. B. . Avaliação de clones de batata resistentes ao vírus do enrolamento das folhas da batata (Potato leafroll virus - PLRV). In: XVIII Congresso de Pós-Graduação da UFLA, 2009, Lavras. Anais, 2009.

4.
OLIVEIRA, G. C. ; SEVERIANO, E. C. ; CASTRO, M. B. . Água disponível em Latossolo e Cambissolo do município de Goianésia, GO sob cana-de-açúcar. In: Reunião Brasileira de Manejo e Conservação do Solo e da Água, 2008, Rio de Janeiro. Anais do XVII Reunião Brasileira de Manejo e Conservação do Solo e da Água, 2008.

5.
CASTRO, M. B.; SEVERIANO, E. C. ; OLIVEIRA, G. C. . Alterações estruturais e capacidade de suporte de carga do solo em função do grau de compactação. In: Reunião Brasileira de Manejo e Conservação do Solo e da Água, 2008, Rio de Janeiro. Anais do XVII Reunião Brasileira de Manejo e Conservação do Solo e da Água, 2008.

6.
CASTRO, M. B.; OLIVEIRA, G. C. . Intervalo Hídrico Ótimo de um Latossolo e de um Cambissolo submetidos à colheita da cana-de-açúcar. In: Congresso de Iniciação Científica da UFLA ? CIUFLA, 2007, Lavras. Anais do XX Congresso de Iniciação Científica da UFLA ? CIUFLA, 2007.

7.
CASTRO, M. B.; SEVERIANO, E. C. ; OLIVEIRA, G. C. ; FONSECA, G. G. . Métodos de dispersão do solo e influência da umidade residual nos resultados de granulometria de solos com finalidade de análise de rotina. In: Congresso Brasileiro de Ciência do Solo, 2007, Gramado. Anais do XXXI Congresso Brasileiro de Ciência do Solo, 2007.

8.
SEVERIANO, E. C. ; OLIVEIRA, G. C. ; DIAS JUNIOR, M. S. ; CASTRO, M. B. . Alterações estruturais em um Latossolo e um Cambissolo submetidos à colheita mecanizada de cana-de-açúcar. In: Congresso Brasileiro de Ciência do Solo, 2007, Gramado. Anais do XXXI Congresso Brasileiro de Ciência do Solo, 2007.

9.
SEVERIANO, E. C. ; OLIVEIRA, G. C. ; DIAS JUNIOR, M. S. ; CASTRO, M. B. . Avaliação da capacidade de suporte de carga de um Latossolo e um Cambissolo cultivados com cana-de-açúcar (Saccharum spp.). In: XXXI Congresso Brasileiro de Ciência de Solo, 2007, Gramado. Anais do XXXI Congresso Brasileiro de Ciência do Solo, 2007.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
REIS, R. G. E. ; PEREIRA, D. S. ; CASTRO, M. B. ; GUIMARÃES, R.M. ; VIEIRA, A. R. . Qualidade de sementes de berinjela osmocondicionadas e submetidas a diferentes métodos de secagem. In: XIX Congresso Brasileiro de Sementes, 2015, Foz do Iguaçú. Anais do XIX Congresso Brasileiro de Sementes, 2015.

2.
AVILA, M. A. B. ; REIS, R. G. E. ; PEREIRA, D. S. ; CASTRO, M. B. ; GUIMARÃES, R.M. ; VIEIRA, A. R. . Qualidade de sementes de berinjela secadas após condicionamento fisiológico. In: XXVI Congresso de Iniciação Científica da UFLA, 2013, Lavras. Anais do XXVI Congresso de Iniciação Científica da UFLA, 2013.

3.
CASTRO, M. B.; GUIMARÃES, R.M. ; REIS, R. G. E. ; TONIN, L. M. . Avaliação do vigor de sementes de milho pela correlação com a atividade respiratória. In: XX Congresso de Pós-Graduação da UFLA, 2011, Lavras. Anais do XX Congresso de Pós-Graduação da UFLA, 2011.

4.
CASTRO, M. B.; GUIMARÃES, R.M. ; REIS, R. G. E. ; TONIN, L. M. ; COSTA, J.R. . Avaliação da qualidade fisiológica de sementes de milho por meio da atividade respiratória. In: XVII Congresso Brasileiro de Sementes, 2011, Natal. Anais do XVII Congresso Brasileiro de Sementes, 2011.

Apresentações de Trabalho
1.
CASTRO, M. B.. Determinismo e Epigenética. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
CASTRO, M. B.; GUIMARÃES, R.M. ; REIS, R. G. E. ; TONIN, L. M. ; COSTA, J.R. . Avaliação da qualidade fisiológica de sementes de milho por meio da atividade respiratória. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

3.
CASTRO, M. B.; GUIMARÃES, R.M. ; REIS, R. G. E. ; TONIN, L. M. . Avaliação do vigor de sementes de milho pela correlação com a atividade respiratória. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

4.
CASTRO, M. B.. Infuência da Temperatura e da Umidade na Atividade Respiratória de Sementes de Milho Durante Períodos de Armazenamento que Simulam Intervalos Entre a Colheita e a Secagem. 2010. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

5.
CASTRO, M. B.. Ciração e Evolução. 2010. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

6.
CASTRO, M. B.; OLIVEIRA, G. C. . Intervalo Hídrico Ótimo de um Latossolo e de um Cambissolo submetidos à colheita de cana-de-açúcar. 2007. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

7.
CASTRO, M. B.; SEVERIANO, E. C. ; OLIVEIRA, G. C. ; FONSECA, G. G. . Método de dispersão do solo e influência da umidade residual nos resultados de granulometria de solos com finalidade de análise de rotina. 2007. (Apresentação de Trabalho/Congresso).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Qualificações de Mestrado
1.
Castro Junior, A. A.; CASTRO, M. B.; Rodrigues, E. S. C.; Gonçalves, W. N.. Participação em banca de Marcos Pinheiro Vilhanueva. Análise de Imagens: Método alternativo de mensuração de comprimento de plântulas para testes de vigor. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Ciência da Computação) - Universidade Federal de Mato Grosso do Sul.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
Busanelo, E. C.; CASTRO, M. B.; Forest, M.. Participação em banca de Fabian Pereira Gomes.Vantagem Competitiva Sustentável - Um estudo de caso Ciarama Máquinas LTDA. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Administração) - Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul.

2.
Busanelo, E. C.; CASTRO, M. B.; Zamberlan, C. O.. Participação em banca de Lilian Raquel Rios Gonçalves.Evasão Escolar - Um estudo no IFMS - Unidade de Ponta Porã. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Administração) - Universidade Estadual de Mato Grosso do Sul.

3.
OLIVEIRA, A. D.; CASTRO, M. B.; SILVA, V. A.. Participação em banca de Matheus Costa Andrade.Estágio Supervisionado: Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Sul de Minas Gerais, Campus Machado. 2010. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Agronomia) - Universidade Federal de Lavras.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
CASTRO, M. B.; SANTOS, M. L.; QUEIROZ, R. P.. Banca Examinadora do Concurso Público para provimento de professores EBTT do quadro permanente do IFMS. 2016. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso do Sul.

2.
Quintana, K. A.; CASTRO, M. B.; Soncela, R.. Banca Examinadora do Concurso Público para provimento de professores EBTT do quadro permanente do IFMS. 2014. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso do Sul.

3.
CASTRO, M. B.; LIMA JUNIOR, I. S.; HASTENPFLUG, M.. Banca Examinadora do Concurso Público para provimento de professores EBTT do quadro permanente do IFMS. 2013. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso do Sul.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Futuro Em Construção - Workshop Planejamento Estratégico e Congresso do PDI do IFMS. Confecção do Mapa Estratégico do PDI do IFMS. 2018. (Congresso).

2.
Reunião Regional da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência em Rio Verde - GO. 2018. (Outra).

3.
41a Reunião dos Dirigentes das Instituições de Educação Profissional e Tecnológica.Participante no Fórum de Educação do Campo como representante do IFMS. 2017. (Encontro).

4.
40a Reunião dos Dirigentes das Instituições Federais de Educação Profissional e Tecnológica (Reditec). 2016. (Outra).

5.
Congresso Internacional da Federação dos Colleges e politécnicos (WFCP). 2016. (Congresso).

6.
XIX Congresso Brasileiro de Sementes. Taxa de utilização de sementes de soja em Ponta Porã - MS e suas implicações agronômicas, econômicas e legais. 2015. (Congresso).

7.
XXXIX Reunião dos Dirigentes das Instituições Federais de Educação Profissional e Tecnológica. 2015. (Encontro).

8.
Olimpíada Brasileira de Agropecuária. Professor Orientador de Equipe Finalista. 2013. (Olimpíada).

9.
29° Congresso Nacional de Milho e Sorgo. Retardamento da secagem e qualidade fisiológica de sementes de milho. 2012. (Congresso).

10.
Avaliação da Aprendizagem. 2011. (Oficina).

11.
Primeiro Simpósio: Agronegócio Brasileiro - Situação Atual e Perspectivas. 2011. (Simpósio).

12.
XVII Congresso Brasileiro de Sementes. Avaliação da qualidade fisiológica de sementes de milho por meio da atividade respiratória. 2011. (Congresso).

13.
XX Congresso de Pós-graduação da UFLA. Revisor e Avaliador de Pôsteres. 2011. (Congresso).

14.
Curso Teórico Prático de Formação de Amostradores de Sementes - Qualificação Técnica em Amostragem - UFLA/MAPA/CNPq..Curso. 2010. (Outra).

15.
III Workshop Brasileiro sobre Controle de Qualidade de Sementes. 2010. (Outra).

16.
Reunião Regional da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência. 2010. (Encontro).

17.
XIX Congresso de Pós-Graduação da Universidade Federal de Lavras. Avaliador de Pôsteres e Revisor de Resumos. 2010. (Congresso).

18.
XIX Congresso de Pós-Graduação da Universidade Federal de Lavras.PATOGENICIDADE DE Colletotrichum gloreosporioides PENZ, AGENTE ETIOLÓGICO DA MANCHA-MANTEIGOSA, EM HIPOCÓTILOS DE CULTIVARES DE CAFEEIROS. 2010. (Encontro).

19.
II Simpósio Sul Mineiro de Cana-de-Açúcar. 2008. (Simpósio).

20.
Palestra: "Perfil do recém formado para o mercado de trabalho". 2008. (Outra).

21.
1ª Semana Acadêmica da UFLA. 2007. (Seminário).

22.
33º Congresso Brasileiro de Pesquisas Cafeeiras. 2007. (Congresso).

23.
IV Ciclo de Palestras em Cafeicultura. 2007. (Encontro).

24.
Palestra: "Metas e índices como ferramentas de motivação em rebanhos leiteiros".Organizador. 2007. (Outra).

25.
Visita técnica a COOPADAP (Cooperativa Agropecuária do Alto Paranaíba). 2007. (Encontro).

26.
XX Congresso de Iniciação Científica da UFLA, XV Seminário de Avaliação do PIBIC/CNPq e X Seminário de Avaliação de PIBIC/FAMPEMIG. Intervalo Hídrico Ótimo de um Latossolo e de um Cambissolo submetidos à colheita da cana-de-açúcar. 2007. (Congresso).

27.
XXXI Congresso Brasileiro de Ciência do Solo. Alterações estruturais em um Latossolo e um Cambissolo submetidos à colheita mecanizada de cana-de-açúcar. 2007. (Congresso).

28.
I Ciclo de Palestras em Cafeicultura. 2006. (Encontro).

29.
II Ciclo de Palestras em Cafeicultura. 2006. (Encontro).

30.
Visita técnica a Expocafé. 2005. (Encontro).

31.
Concurso Estadual de Qualidade do Café de Minas Gerais..organizador. 2004. (Outra).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Dantas, L. A. ; Teixeira, K. M. S. ; Santos, J. ; CASTRO, M. B. ; Laguilio, I. P. ; Silva, T. A. ; Silva, A. A. . Festival de Arte e Cultura do IFMS - Campus Naviraí. 2016. (Festival).

2.
Wommer, T. P. ; CASTRO, M. B. . I Semana Acadêmica do Agronegócio. 2013. (Outro).

3.
CARVALHO, M. L. M. ; OLIVEIRA, J.A. ; GUIMARÃES, R.M. ; PINHO, E.V.R.V. ; CASTRO, M. B. ; CARVALHO, B.O. ; CARVALHO, H.P. ; CLEMENTE, A.C.S. . Curso Teórico-Prático de Formação de Amostragem de Sementes - Qaulificação Técnica em Amostragem - UFLA/MAPA/CNPq. 2010. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões concluídas
Iniciação científica
1.
João Gabriel Brizueña. Taxa de utilização de sementes de soja em Ponta Porã - MS e suas implicações agronômicas, econômicas e legais. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Agronegócio) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso do Sul, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Matheus Bornelli de Castro.

Orientações de outra natureza
1.
Letícia Colman Cerqueira. Estágio Obrigatório na Empresa América Agro Seeds. 2014. Orientação de outra natureza. (Técnico Integrado em Agricultura) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso do Sul. Orientador: Matheus Bornelli de Castro.

2.
Tamiris Rocha Locatelli. Estágio Obrigatório na Prefeitura Municipal de Ponta Porã - MS. 2014. Orientação de outra natureza. (Técnico Integrado em Agricultura) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia de Mato Grosso do Sul. Orientador: Matheus Bornelli de Castro.




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 15/12/2018 às 8:22:36