Renato Marinho Brandão Santos

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/1090127481007059
  • Última atualização do currículo em 22/08/2018


Possui graduação em História (UFRN, 2009), mestrado em História e Espaços (UFRN,2012) e doutorado em Ciências da Educação (UMinho, 2018). É professor efetivo do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte (IFRN) desde 2012. Tem experiência na área de História, com ênfase em História do Brasil republicano, atuando principalmente nos campos da História urbana e História da educação. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Renato Marinho Brandão Santos
Nome em citações bibliográficas
SANTOS, R. M. B.;BRANDÃO SANTOS, RENATO MARINHO


Formação acadêmica/titulação


2013 - 2018
Doutorado em Doutoramento em Ciências da Educação.
Universidade do Minho, UMINHO, Portugal.
Título: CIDADANIA E ORDEM SOCIAL: A EDUCAÇÃO PROFISSIONAL E O MUNDO DO TRABALHO NO RIO GRANDE DO NORTE (1909-1937), Ano de obtenção: 2018.
Orientador: José António Martim Moreno Afonso.
2010 - 2012
Mestrado em História.
Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.
Título: NATAL, OUTRA CIDADE!: o papel da Intendência Municipal no desenvolvimento de uma nova ordem urbana (1904-1929),Ano de Obtenção: 2012.
Orientador: Raimundo Pereira Alencar Arrais.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
2005 - 2009
Graduação em História.
Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.




Formação Complementar


2009 - 2009
Centros Históricos: das reflexões às intervenções. (Carga horária: 15h).
Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.
2008 - 2008
Metdologia da pesquisa. (Carga horária: 6h).
Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil.
2007 - 2007
Cultura popular e Multidisciplinaridade: debates. (Carga horária: 8h).
Associação Nacional de História, ANPUH, Brasil.
2007 - 2007
Hannah Arendt, o conceito de História e Política. (Carga horária: 4h).
Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.
2006 - 2006
De herói ou vilão a material didático. (Carga horária: 6h).
Associação Nacional de História - Seção Rio Grande do Norte, ANPUH/RN, Brasil.
2005 - 2005
Don Quijote bajo el signo del Barroco. (Carga horária: 4h).
Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.


Atuação Profissional



Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte, IFRN, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional: professor efetivo, Carga horária: 26, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

04/2016 - Atual
Direção e administração, IFRN - Campus São Gonçalo do Amarante, .

Cargo ou função
Coordenador de Atividades Estudantis.

Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.
Vínculo institucional

2007 - 2009
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Iniciação científica, Carga horária: 20



Projetos de pesquisa


2017 - 2018
Dos currais eleitorais ao coronelismo eletrônico: continuidades e rupturas na política partidária do município de São Gonçalo do Amarante/RN
Descrição: O projeto volta-se para uma análise comparativa entre os mecanismos de poder político adotados pelos grupos familiares que lideraram a Primeira República no Rio Grande do Norte (1889-1930), e aqueles praticados pelos grupos políticos que tem governado a cidade de São Gonçalo do Amarante-­RN ao longo da denominada Nova República (1985 ­? 2016). Após pesquisas iniciais, constatou-se que determinados grupos se revezaram no poder em São Gonçalo do Amarante durante a atual fase da República brasileira. É possível identificar que tais grupos adotam práticas que guardam semelhanças com aquelas identificadas à Primeira República, diretamente vinculadas ao fenômeno do coronelismo. Na atual vertente, esse coronelismo baseia-se em outros métodos mais sofisticados, em especial canais de televisão e rádio, passando a ser denominado de coronelismo eletrônico. Isto posto, os dados vão ser levantados na câmara municipal, na literatura sobre o tema, em jornais, mensagens de governo e em relatos dos moradores regionais através da metodologia da História oral..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2016 - 2017
A Escola de Aprendizes Artífices de Natal e seus servidores: uma análise de perfil (1909-1937)
Descrição: Uma escola não é feita apenas de muros, mas também, diríamos essencialmente, de pessoas. Em relação à Escola de Aprendizes Artífices de Natal, até bem pouco tempo, quase nada sabíamos sobre os sujeitos que ajudaram a construir sua história. Pensando nisso, desenvolvemos, entre julho do ano passado e abril do corrente ano, o projeto de pesquisa intitulado Análise do perfil de aprendizes e servidores da Escola de Aprendizes de Natal - 1909-1937. Diante do grande volume de informações referentes aos aprendizes (foram organizados, ao todo, 1418 registros de alunos), encontradas em especial nos livros de matrícula da instituição, não foi possível levar adiante a análise do perfil dos servidores da Escola. Agora, pretendemos nos voltar, especificamente, para a análise deste perfil, a partir dos termos de posse e livros de assentamento de pessoal, material ao qual já tivemos acesso e que se encontra hoje digitalizado. Os dados encontrados serão lançados, inicialmente, em planilha do Excel para, em seguida, serem organizados em um banco de dados já preparado para o projeto anterior. Esse banco permitirá uma visualização mais rápida e precisa dos dados, ajudando-nos a analisar de maneira mais detida quem foram os homens e mulheres que trabalharam na Escola de Aprendizes de Natal..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2015 - 2016
Análise do perfil de aprendizes e servidores da Escola de Aprendizes de Natal - 1909-1937
Descrição: A análise do perfil de discentes e servidores que compuseram a Escola de Aprendizes e Artífices em Natal, entre os anos de 1909 e 1937, é parte de uma pesquisa mais ampla, realizada em programa de doutoramento, voltada para o estudo do papel das Escolas de Aprendizes, criadas por decreto federal em 1909, na construção de uma nova ordem social e um novo conceito de cidadania no Brasil, entre os anos de 1909 e 1937, com foco na realidade da capital potiguar. Quanto aos aprendizes que ingressaram na Escola no referido período, pretendemos construir um perfil socioeconômico, de modo a entender, entre outros aspectos, o que levou a um índice de evasão tão grande na Escola, bem como os mecanismos de disciplina usados no espaço escolar. Em relação aos servidores, pretendemos saber: havia um perfil específico desejado para esses servidores? Fatores políticos eram considerados para sua nomeação? Em busca de respostas aos questionamentos propostos, exploraremos, entre outras fontes, livros de matrícula, diários de classe e termos de posse..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2012 - 2013
Ensino de História e pesquisa: trabalhando com documentos escritos em sala de aula
Descrição: Trata-se de projeto voltado para a pesquisa e inventário de documentos escritos da história de Caicó e do Seridó, que possam ser trabalhados em sala de aula. A pesquisa será realizada no Labordoc ? Ceres, local onde está guardado significativo acervo da história local, dividido em seis fundos nos quais encontramos processos-crime, códigos de postura, habilitações de casamento, inventários e jornais locais, entre outros documentos. O inventário desses documentos, já iniciado a partir do projeto de extensão Oficinas de História (financiado pela PROEX-IFRN, em andamento), será seguido pela análise e discussão de métodos de abordagem desses documentos em sala de aula. O propósito dessa ação é conhecer e localizar fontes da história local que possam ser trabalhadas nas salas de aula da educação básica, a partir de ações de extensão como a Oficinas de História..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2008 - 2011
A institucionalização da gestão urbana: levantamento documental e análise das resoluções do Conselho da Intendência Municipal de Natal (1890-1930)
Descrição: Este projeto propõe sistematizar, disponibilizar e analisar as resoluções do Conselho da Intendência Municipal de Natal, publicadas desde a fundação da Intendência, em 1890, até sua dissolução, em 1930, em virtude da Revolução de 1930 . O período estudado destaca-se por ser uma época de significativa intervenção dos poderes públicos (inclusive municipais, que nos interessa destacar aqui) no espaço público de Natal, incluindo duas iniciativas que assinalam o início e o término desse período: a construção da Cidade Nova (1900), que formaria posteriormente os bairros de Petrópolis e Tirol e o Plano Palumbo (1929), um plano de remodelamento da cidade, a partir dos critérios de circulação, higiene e embelezamento. As Resoluções do Conselho da Intendência Municipal são instrumentos legais, direcionadores dessas ações e intervenções do Estado sobre o espaço urbano. Elas versam sobre a gestão do espaço, a higiene, os serviços públicos, a cobrança de tributos, a ordem pública, os impostos etc. Elas são o instrumento da administração municipal para normatizar e gerir o espaço..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (2) .
Integrantes: Renato Marinho Brandão Santos - Integrante / Raimundo Pereira Alencar Arrais - Integrante / Alenuska Kelly Guimarães Andrade - Integrante / Helicarla Nyely Batista de Morais - Integrante / Raimundo Nonato Rocha - Coordenador / Márcia Maria Fonseca Marinho - Integrante / Diego Firmino Chacon - Integrante.Financiador(es): Pró-reitoria de pesquisa da UFRN - Bolsa.
2007 - 2009
Cidade, técnica e natureza: Natal, 1900-1940
Descrição: o projeto de pesquisa se intitula Cidade, técnica e natureza: Natal, 1900-1940 , insere-se na base de pesquisa do Departamento de História da UFRN, Configurações espaciais contemporâneas: natureza, região e cidade , em formação (ligada ao Programa de Mestrado em História, com área de concentração em História e espaços ) e tem como objetivo analisar a relação entre cidade e natureza no período entre a passagem do século XIX para o século XX e o ano de 1940, levando em conta as ações institucionalizadas no Estado (como agente orientador da ocupação do espaço), a atuação do corpo profissional de técnicos, engenheiros e médicos, levando em conta também a perspectiva daqueles intelectuais que através da escrita se posicionam em relação a temas que, de um modo ou de outro, incluíam a natureza...
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Renato Marinho Brandão Santos - Integrante / Raimundo Pereira Alencar Arrais - Coordenador / Alenuska Kelly Guimarães Andrade - Integrante / Helicarla Nyely Batista de Morais - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 2


Projetos de extensão


2018 - Atual
A cidade de Natal em documentário (1900-1930)
Descrição: Este projeto propõe a realização de um documentário de curta-duração (cerca de 15 minutos), tendo como tema a história da cidade de Natal, abrangendo o período entre 1900 e 1930. O projeto será realizado a partir de uma articulação entre a disciplina História Urbana (graduação do curso de História) e os pesquisadores do Grupo de Pesquisa Espaços na Modernidade, para servir de material de apoio didático aos professores de História da rede pública de ensino..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) Doutorado: (2) .
Integrantes: Renato Marinho Brandão Santos - Integrante / Raimundo Pereira Alencar Arrais - Coordenador / Márcia Maria Fonseca Marinho - Integrante / gabriela fernandes siqueira - Integrante / GIOVANNI ROBERTO PROTÁSIO BENTES FILHO - Integrante / LUIZ FELIPE SOUSA TAVARES EMIDIO - Integrante.Financiador(es): Universidade Federal do Rio Grande do Norte - Auxílio financeiro.
2016 - 2017
Formação política dos estudantes de São Gonçalo do Amarante, através da organização de grêmios escolares
Descrição: Trata-se de projeto voltado para discentes das escolas do município de São Gonçalo do Amarante, com o fim de investir na formação política desse público a partir da organização de grêmios escolares. Inicialmente, foram escolhidas duas escolas com as quais o IFRN-Campus São Gonçalo do Amarante já tem contato: a Escola Municipal Joaquim de Almeida e a Escola Municipal Vicente F. Monte. Além de localizarem próximas ao campus São Gonçalo do Amarante, ambas oferecem ensino de primeiro e segundo graus, o que nos permitirá atingir diferentes faixas etárias. Serão organizadas palestras e oficinas voltadas para esse público, tanto no espaço do campus, como no das escolas escolhidas, voltadas para a compreensão de como se organiza um grêmio escolar, quais os seus mecanismos de funcionamento e de atuação política..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
2012 - 2013
EDUCAÇÃO NO CAMPO: CAPACITAR PARA INCLUIR
Descrição: O Projeto capacita estudantes da Educação Básica de Escolas Rurais que estejam cursando as séries finais (8º e 9º ano) ou EJA, a fim de dar-lhes um reforço escolar a partir dos Temas Transversais propostos pelos Parâmetros Curriculares Nacionais, considerando as carências estruturais das referidas escolas..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
2012 - 2013
Oficinas de História: formando professores pesquisadores nas comunidades rurais de Caicó
Descrição: Trata-se de projeto de extensão voltado para professores de história da educação pública estadual e municipal de Caicó, prioritariamente os que trabalham em comunidades rurais. Desejamos investir na formação de professores, propondo-lhes, através de oficinas temáticas sobre história local, métodos de trabalho com fontes. Com isso, esperamos envolver esses profissionais em atividades de pesquisa, fundamentais para renovação do conhecimento e das práticas de ensino e aprendizagem..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
2009 - 2010
Oficinas sobre a história da cidade de Natal: uma proposta de trabalho com o ensino médio
Descrição: O projeto baseia-se na realização de oficinas extra-curriculares em escolas públicas, em turmas de nível médio, socializando, para além da academia, o conhecimento sobre a cidade do Natal, com enfoque no período entre o fim do século XIX e as primeiras décadas do XX, tomando como ponto de partida as produções e discussões realizadas pelo grupo de pesquisa "Os espaços na modernidade" acerca desta cidade..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (7) .
Integrantes: Renato Marinho Brandão Santos - Integrante / Alenuska Kelly Guimarães Andrade - Integrante / Raimundo Nonato Rocha - Coordenador / Márcia Maria Fonseca Marinho - Integrante / Ricardo Vilar - Integrante / Yuma Ferreira - Integrante / Sonni Lemos Barreto - Integrante / Gabriel Lopes Anaya - Integrante.Financiador(es): Pró-reitoria de pesquisa da UFRN - Auxílio financeiro.


Membro de corpo editorial


2011 - 2012
Periódico: Revista Espacialidades
2007 - 2009
Periódico: Revista Fazendo História


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História do Brasil.


Idiomas


Francês
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.


Prêmios e títulos


2017
Medalha de bronze na 9ª Edição da Olimpíada Nacional de História do Brasil (ONHB), Unicamp.
2015
Medalha de bronze na 7ª Edição da Olimpíada Nacional de História do Brasil (ONHB), Unicamp.
2009
Medalha de Mérito Estudantil, Reitoria da UFRN.
2008
Programa Santander Universidades de Mobilidade Nacional, Santander, Prograd-UFRN.


Produções



Produção bibliográfica
Citações

SciELO
Total de trabalhos:1
Total de citações:1
Renato Marinho Brandão Santos  Data: 01/06/2011

Artigos completos publicados em periódicos

1.
BRANDÃO SANTOS, RENATO MARINHO2017 BRANDÃO SANTOS, RENATO MARINHO. Escola, a cidade e os desfavorecidos de fortuna: espaços da pobreza em Natal-RN (1909-1937) * The school, the city and the unwealthy ones: spaces of poverty in Natal-RN (1909-1937). História e Cultura, v. 6, p. 119, 2017.

2.
SANTOS, R. M. B.;BRANDÃO SANTOS, RENATO MARINHO2013SANTOS, R. M. B.. Entre Bockharam e Babel: a gestão do espaço urbano natalense na Primeira República. Espacialidades, v. 6, p. 52-73, 2013.

3.
SANTOS, R. M. B.;BRANDÃO SANTOS, RENATO MARINHO2009SANTOS, R. M. B.. A gestão da cidade: o papel da Intendência Municipal na construção de uma Natal Moderna (1890-1930). Espacialidades, v. 2, p. 1-22, 2009.

4.
SANTOS, R. M. B.;BRANDÃO SANTOS, RENATO MARINHO2009SANTOS, R. M. B.. A SOCIEDADE DO PACTO: ELEMENTOS DE COESÃO SOCIAL NO IMPÉRIO PORTUGUÊS (XVI-XVIII). Dominium (Natal), v. 1, p. 1-12, 2009.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
SANTOS, R. M. B.. Natal, outra cidade! : o papel da Intendência Municipal no desenvolvimento de uma nova ordem urbana na cidade de Natal (1904-1929). 1. ed. Natal: EDUFRN, 2018. v. 1. 356p .

Capítulos de livros publicados
1.
ARRAIS, R. P. A. ; SANTOS, R. M. B. ; SIQUEIRA, G. F. ; SILVA, M. J. G. ; SILVA, A. R. L. ; JOBIM, K. . A Escola de Aprendizes e a cidade (1909-1937). In: Raimundo Pereira Alencar Arrais. (Org.). A terra, os homens e os sonhos: a cidade de Natal no início do século XX. 1ed.Natal: Sebo Vermelho, 2017, v. 1, p. 127-157.

2.
SANTOS, R. M. B.; ARRAIS, R. P. A. . CONSTRUINDO UMA NOVA CIDADE DO NATAL: anseios, projetos e obras para o erguimento de uma urbe moderna (1904-1905). In: Raimundo Pereira Alencar Arrais. (Org.). Nove Histórias de espaços. 1ed.Natal: EDUFRN, 2015, v. , p. 13-35.

3.
SANTOS, R. M. B.; BALBINO, B. ; FERNANDES, S. E. . POR UMA OUTRA CIDADE: a intendência da capital potiguar, seus homens e a busca por uma nova ordem urbana (1890-1913). In: BALBINO, B.; FERNANDES, S. E.. (Org.). História do Rio Grande do Norte: novos temas. 1ed.Natal: EDUFRN, 2014, v. 1, p. 81-101.

4.
SANTOS, R. M. B.. Cidade ou campo de criação?: A Intendência Municipal e a busca por uma nova ordem urbana em Natal na Primeira República. In: Antonio Clarindo Barbosa de Souza; Luiz Felipe Falcão. (Org.). Cidades Médias do Brasil na Historiografia contemporânea. 1ed.Campina Grande: Editora da Universidade Federal de Campina Grande, 2012, v. 1, p. 119-132.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
SANTOS, R. M. B.. Ensino de História e pesquisa: trabalhando com documentos escritos em sala de aula. Ciência Sempre - Revista da Fapern, Natal, p. 35 - 35.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
SANTOS, R. M. B.. A ESCOLA DE APRENDIZES ARTÍFICES E A CIDADE DO NATAL (BRASIL), ENTRE 1909 E 1937. In: XI Congresso Luso Brasileiro de História da Educação (Colubhe), 2016, Porto. Actas do XI Congresso Luso Brasileiro de História da Educação (Colubhe). Porto: Colubhe, 2016. p. 580-593.

2.
SANTOS, R. M. B.. Os desfavorecidos de fortuna e seus espaços na cidade: Natal, 1909-1937. In: V Colóquio Nacional História Cultural e Sensibilidades (CNHCS), 2015, Caicó. Anais do V Colóquio Nacional História Cultural e Sensibilidades (CNHCS). Caicó: CERES-UFRN, 2015. v. 1. p. 259-271.

3.
SANTOS, R. M. B.. Cidadania e ordem social: a Escola de Aprendizes em paralelo com outras instituições de educação profissional no Rio Grande do Norte (1909-1937). In: X Congresso Luso brasileiro de História da Educação, 2014, Curitiba. Anais do X Congresso Luso brasileiro de História da Educação, 2014. p. 1-15.

4.
SANTOS, R. M. B.. A ESCOLA DE APRENDIZES ARTÍFICES E O CENÁRIO URBANO NATALENSE NAS PRIMEIRAS DÉCADAS DO SÉCULO XX. In: I Colóquio internacional História e Espaços (CIHE), 2014, Natal. Anais do I Colóquio internacional História e Espaços (CIHE). Natal: UFRN/CCHLA, 2014. p. 131-141.

5.
SANTOS, R. M. B.. O JORNAL A REPUBLICA NA ESCRITA DA HISTÓRIA DA CIDADE E NA CONSOLIDAÇÃO DO NOVO REGIME (1889-1919). In: IV Colóquio Nacional História Cultural e Sensibilidades, 2014, Caicó-RN. Anais do IV Colóquio Nacional História Cultural e Sensibilidades. Caicó-RN: UFRN, 2014. p. 271-283.

6.
SANTOS, R. M. B.; RIBEIRO, F. E. L. . REDEFININDO FRONTEIRAS NO MAR:A DISCUSSÃO DAS MILHAS NÁUTICAS E A SEGURANÇA NACIONAL (1970-1980). In: VI Simpósio Internacional Estados Americanos: pesquisas acadêmicas contemporâneas, 2013, Natal. Anais do VI Simpósio Internacional Estados Americanos: pesquisas acadêmicas contemporâneas, 2012. p. 219-224.

7.
SANTOS, R. M. B.. CIDADANIA E ORDEM SOCIAL: A ESCOLA DE APRENDIZES ARTÍFICES NO RIO GRANDE DO NORTE E O PERFIL DE SEU ALUNADO (1909-1937). In: III Colóquio Nacional História Cultural e Sensibilidades, 2013, Caicó. Anais do III Colóquio Nacional História Cultural e Sensibilidades, 2013. p. 1407-1417.

8.
SANTOS, R. M. B.; ARAÚJO, G. M. ; ASSIS, S. M. de . OFICINAS DE HISTÓRIA ANÁLISE E AUXÍLIO ÀS METODOLOGIAS DE ENSINO DOS DOCENTES DA REDE PÚBLICA. In: VIII Congresso Norte-Nordeste de Pesquisa e Inovação, 2013, Salvador. Anais do VIII Congresso Norte-Nordeste de Pesquisa e Inovação, 2013.

9.
SANTOS, R. M. B.; BRAGA, I. D. ; ASSIS, S. M. de . A LITERATURA COMO FACILITADORA DA APRENDIZAGEM NAS AULAS DE HISTÓRIA. In: VIII Congresso Norte-Nordeste de Pesquisa e Inovação, 2013, Salvador. Anais do VIII Congresso Norte-Nordeste de Pesquisa e Inovação, 2013.

10.
SANTOS, R. M. B.. Cidade, lei e ordem: a construção de uma Natal moderna entre 1904 e 1929. In: IV Encontro Estadual de História, 2010, Natal. Anais do IV Encontro Estadual de História, 2010.

11.
SANTOS, R. M. B.; ARRAIS, R. P. A. ; ANDRADE, A. K. G. . Construindo uma cidade moderna: o papel da Intendência municipal e da legislação urbanística em Natal (1892-1930). In: XI Simpósio de História da Cidade e do Urbanismo, 2010, Vitória. Anais do XI Simpósio de História da Cidade e do Urbanismo, 2010.

12.
ANDRADE, A. K. G. ; SANTOS, R. M. B. . NOS CAMINHOS DAS LEIS: INVESTIGANDO A CONSTRUÇÃO DE UMA NATAL MODERNA POR MEIO DAS RESOLUÇÕES MUNICIPAIS (1892-1930). In: I Seminário nacional fontes documentais e pesquisa histórica: diálogos interdisciplinares, 2009, Campina Grande. Seminário Nacional Fontes Documentais e Pesquisa Histórica, 2009.

13.
SANTOS, R. M. B.; ANDRADE, A. K. G. ; ARRAIS, R. P. A. ; MORAIS, H. N. B. . A ponte sobre o Potengi: natureza e técnica na Belle Époque natalense. In: III Encontro Estadual de História: História e Ética, 2008, Mossoró. III Encontro Estadual de História: História e Ética, 2008. p. 1-11.

14.
SANTOS, R. M. B.. A gestão da cidade moderna: a administração do engenheiro Omar O'Grady em Natal (1924-1930). In: I Colóquio internacional de História, Sociedade, Natureza e Cultura, 2008, Campina Grande. Anais do I Colóquio internacional de História - UFCG, 2008.

15.
SANTOS, R. M. B.; FRAGA, M. C. . Entre a religião e a política: conflitos de um parlamentar religioso. In: XIII Seminário de Pesquisa do CCSA, 2007, Natal. XIII Seminário de Pesquisa do CCSA, 2007. p. 1-9.

16.
SANTOS, R. M. B.. O Iphan e o ensino de História: uma discussão acerca do papel das instituições patrimoniais na educação. In: VI Encontro Nacional Perpectivas do Ensino de História, 2007, Natal. Anais do ... Encontro Nacional Perspectivas do Ensino de História, 2007. p. 1-10.

17.
SANTOS, R. M. B.. Católicos e Protestantes: visões e contrastes na política partidária do Rio Grande do Norte. In: VI Encontro estadual de História, 2006, Recife. VI Encontro estadual de História. História: Cultura e Sociedade, 2006. p. 1-7.

18.
SANTOS, R. M. B.; MOURA, A. M. N. . O Iphan e a educação Patrimonial no RN: instituição e conservação do patrimônio potiguar como alternativa do ensino de História. In: VI Encontro estadual de História da Anpuh-PE, 2006, Recife. VI Encontro estadual de História. História: Cultura e Sociedade, 2006. p. 1-12.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
SANTOS, R. M. B.. Braz Contente e as Coisas da Terra: crônicas de uma Natal que se quer moderna (1907-1922). In: VI Colóquio Nacional História Cultural e Sensibilidades, 2016, Caicó. Anais do VI Colóquio Nacional História Cultural e Sensibilidades. Caicó: CERES, 2016.

2.
SANTOS, R. M. B.. A Intendência Municipal do Natal e a construção de uma nova ordem urbana (1904-1929). In: XV Encontro Regional de História - ANPUH-Rio Ofício do Historiador: Ensino e Pesquisa, 2012, São Gonçalo-RJ. Caderno de resumos do XV Encontro Regional de História - ANPUH-Rio Ofício do Historiador: Ensino e Pesquisa, 2012. p. 159-159.

3.
SANTOS, R. M. B.. Construindo uma nova cidade: a Intendência de Natal e a produção de um modelo de urbe ideal (1890-1930). In: 4º Encontro Cultura e Memória: História e trabalho, 2009, Recife. Caderno de resumos do 4º Encontro Cultura e Memória: História e trabalho, 2009.

4.
SANTOS, R. M. B.. A gestão da cidade moderna: Natal, 1900-1940. In: XX Congresso de Iniciação Científica, 2009, Natal. Anais CIC 2009, 2009.

5.
SANTOS, R. M. B.. A gestão da cidade moderna: a administração do engenheiro Omar O'Grady em Natal (1924-1930). In: I Colóquio internacional de História, Sociedade, Natureza e Cultura, 2008, Campina Grande. Caderno de resumos do I Colóquio internacional de História, Sociedade, Natureza e Cultura, 2008.

6.
SANTOS, R. M. B.. Em nome da fé: a atuação dos evangélicos na política do Rio Grande do Norte (1986-2004). In: XV Semana de Humanidades, 2007, Natal. XV Semana de Humanidades, 2007.

7.
SANTOS, R. M. B.. O Iphan e o ensino de História: uma discussão acerca do papel das instituições patrimnoniais na educação. In: VI Encontro nacional perspectivas do ensino de História, 2007, Natal. Caderno de programação e resumos do VI Encontro nacional perspectivas do ensino de História. Natal: EDUFRN, 2007.

8.
SANTOS, R. M. B.. A Ponte sobre o Potengi: natureza e técnica na Belle Époque natalense. In: III Encontro estadual de História: História e ética, 2007, Mossoró. Caderno de programação e resumos do III Encontro estadual de História: História e ética, 2007.

9.
SANTOS, R. M. B.. Religião, Política e Movimentos sociais. In: XVIII Congresso de Iniciação Científica, 2007, Natal. Anais do CIC 2007, 2007.

10.
SANTOS, R. M. B.. Entre a religião e a política: conflitos de um parlamentar religioso. In: XIII Seminário de pesquisa do CCSA: Universidade, políticas públicas e solidariedade, 2007, Natal. XIII Seminário de pesquisa do CCSA: Universidade, políticas públicas e solidariedade, 2007.

11.
SANTOS, R. M. B.; MOURA, A. M. N. . O Iphan e o Patrimônio do Rio Grande do Norte. In: II Encontro Regional da Anpuh-RN/ VI Semana de Estudos Históricos do CERES, 2006, Caicó. II Encontro Regional da Anpuh-RN/ VI Semana de Estudos Históricos do CERES: História, Historiografia e Ensino, 2006.

12.
SANTOS, R. M. B.. O Iphan e a educação patrimonial no Rio Grande do Norte. In: VI Encontro estadual de História, 2006, Recife. Caderno de resumos do VI Encontro estadual de História, 2006.

Apresentações de Trabalho
1.
SANTOS, R. M. B.; SIQUEIRA, G. F. ; SOUSA, R. G. . Cidade e modernidade. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
SANTOS, R. M. B.. Para além de Xarias e Canguleiros: História e expansão da cidade do Natal no século XX. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
SANTOS, R. M. B.; RIBEIRO, F. E. L. . Redefinindo fronteiras no mar: a discussão das milhas náuticas e a segurança nacional. 2012. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

4.
SANTOS, R. M. B.. Construindo uma nova Natal: anseios, projetos e obras para o erguimento de uma urbe moderna. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

5.
SANTOS, R. M. B.. A gestão da cidade moderna: o governo municipal de Natal e a construção de um modelo de urbe ideal (1904-1929). 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

6.
SANTOS, R. M. B.. A gestão da cidade moderna: o papel do conselho de Intendência municipal de Natal na construção de uma nova disciplina para o espaço urbano (1890-1930). 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

7.
SANTOS, R. M. B.. Construindo uma nova cidade: a Intendência de Natal e a produção de um modelo de urbe ideal. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

8.
SANTOS, R. M. B.. A gestão da cidade moderna: Natal, 1900-1940. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

9.
SANTOS, R. M. B.. A Ponte sobre o Potengi: natureza e técnica na Belle Époque natalense. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

10.
SANTOS, R. M. B.. Em nome da fé: a atuação dos evangélicos na política do Rio Grande do Norte (1986-2004). 2007. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

11.
SANTOS, R. M. B.. História, Memória, Religião e Política no Rio Grande do Norte. 2007. (Apresentação de Trabalho/Outra).

12.
SANTOS, R. M. B.; MOURA, A. M. N. . O IPHAN e a educação patrimonial no Rio Grande do Norte: instituição e conservação do patrimônio potiguar como alternativa do ensino de História. 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

13.
SANTOS, R. M. B.. Religião, Política e Movimentos Sociais. 2007. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

14.
SANTOS, R. M. B.; MOURA, A. M. N. . O IPHAN e a educação patrimonial no Rio Grande do Norte. 2006. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

15.
SANTOS, R. M. B.. Católicos e protestantes: visões e contrastes no fazer política partidária no Rio Grande do Norte. 2006. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).


Produção técnica
Trabalhos técnicos
1.
SANTOS, R. M. B.; ANDRADE, A. K. G. ; ARRAIS, R. P. A. . A Ponte de Ferro sobre o Rio Potengi. 2007.


Demais tipos de produção técnica
1.
SANTOS, R. M. B.; CAVALCANTE, E. J. S. . A Ética do/para o trabalho: o caso da Escola de Aprendizes de Natal (1909-1937). 2015. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

2.
SANTOS, R. M. B.; MELO, E. M. . Imagens da cidade: uma leitura do espaço urbano em diferentes perspectivas. 2013. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

3.
SANTOS, R. M. B.. A cidade moderna e a natureza: Natal, 1920-1940 - 2º relatório parcial. 2009. (Relatório de pesquisa).

4.
SANTOS, R. M. B.. A cidade moderna e a natureza: Natal, 1920-1940 - relatório final (2009). 2009. (Relatório de pesquisa).

5.
SANTOS, R. M. B.. A cidade moderna e a natureza: Natal, 1920-1940 - 1º relatório parcial. 2008. (Relatório de pesquisa).

6.
SANTOS, R. M. B.. A cidade moderna e a natureza: Natal, 1920-1940 - relatório final (2008). 2008. (Relatório de pesquisa).

7.
SANTOS, R. M. B.. Dos Movimentos Sociais aos poderes Executivo e Legislativo - relatório parcial. 2007. (Relatório de pesquisa).

8.
SANTOS, R. M. B.. Dos Movimentos Sociais aos poderes Executivo e Legislativo- relatório final. 2007. (Relatório de pesquisa).

Demais trabalhos
1.
SANTOS, R. M. B.. CD Comemorativo aos 50 anos do curso de História-UFRN. 2006 (Organização das entrevistas) .



Bancas




Participação em bancas de comissões julgadoras
Concurso público
1.
SANTOS, R. M. B.; FRANCA, G. C.; SANTANNA, D. F. V.. Banca examinadora do processo seletivo simplificado para contratação de professor substituto na disciplina de História. 2015. Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
I Encontro Nacional Espaços e Modernidade: Acervos, Cidades, Biografias e Identidades.Cidade e Modernidade. 2017. (Encontro).

2.
Semana de História da UnP - 2015.Para além de Xarias e Canguleiros: a história e a expansão da cidade do Natal no século XX. 2015. (Encontro).

3.
V Colóquio Nacional História Cultural e Sensibilidades.Os desfavorecidos de fortuna e seus espaços na cidade: Natal, 1909-1937. 2015. (Outra).

4.
VI Encontro Estadual de História - Anpuh-RN.A imprensa periódica no Rio Grande do Norte: o papel do jornal A Republica na escrita da história da cidade e na consolidação do novo regime (1889-1930). 2014. (Encontro).

5.
X Congresso Luso brasileiro de História da Educação. Cidadania e ordem social: a Escola de Aprendizes Artífices em paralelo com outras instituições de educação profissional no Rio Grande do Norte (1909-1937). 2014. (Congresso).

6.
III Colóquio Nacional História Cultural e Sensibilidades.CIDADANIA E ORDEM SOCIAL: A ESCOLA DE APRENDIZES ARTÍFICES NO RIO GRANDE DO NORTE E O PERFIL DE SEU ALUNADO (1909-1937). 2013. (Outra).

7.
VI Simpósio Internacional Estados Americanos: pesquisas acadêmicas contemporâneas.Redefinindo fronteiras no mar: a discussão das milhas náuticas e a segurança nacional (1970-1980). 2012. (Simpósio).

8.
4º Encontro Cultura e Memória: História e trabalho. 2009. (Encontro).

9.
XXV Simpósio Nacional de História. 2009. (Simpósio).

10.
Culturas políticas, Memória e Historiografia. 2008. (Seminário).

11.
III Encontro estadual de História. 2008. (Encontro).

12.
I Semana de estudos históricos. 2007. (Outra).

13.
VI Encontro de História Oral do Nordeste. 2007. (Encontro).

14.
XV Semana de Humanidades. 2007. (Outra).

15.
XXIV Simpósio Nacional de História. 2007. (Simpósio).

16.
Encontro nordestino do Ministério Público em defesa do Patrimônio Histórico e Cultural. 2006. (Encontro).

17.
Diálogos- Núcleo de estudos históricos, arqueológicos e documentação. 2005. (Outra).

18.
XIII Semana de Humanidades. 2005. (Outra).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
SANTOS, R. M. B.; CAPISTRANO, J. T. . II Semana de Humanidades do campus São Gonçalo do Amarante - IFRN. 2017. (Congresso).

2.
SANTOS, R. M. B.; CAPISTRANO, J. T. . I Semana de Humanidades do Campus São Gonçalo do Amarante - IFRN. 2016. (Congresso).

3.
SANTOS, R. M. B.; SILVA, L. M. C. ; FREIRE, F. O. ; DUARTE, F. T. ; PIMENTEL, L. A. C. P. . I Semana de Ciência, Tecnologia e Cultura do IFRN/SGA. 2014. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões concluídas
Iniciação científica
1.
Karolayne Nayanne Martins Oliveira. Dos currais eleitorais ao coronelismo eletrônico: continuidades e rupturas na política partidária do município de São Gonçalo do Amarante/RN. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Logística) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte, Pró-reitoria de pesquisa e inovação do Instituto Federal do RN. Orientador: Renato Marinho Brandão Santos.

2.
Nathalia Alves de Oliveira. Dos currais eleitorais ao coronelismo eletrônico: continuidades e rupturas na política partidária do município de São Gonçalo do Amarante/RN. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Logística) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte. Orientador: Renato Marinho Brandão Santos.

3.
Jennefer Larissa Guedes Silva. Análise do perfil de aprendizes e servidores da Escola de Aprendizes de Natal - 1909-1937. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Logística) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte, Pró-reitoria de Pesquisa e Inovação do IFRN. Orientador: Renato Marinho Brandão Santos.

4.
Maria Luisa Braga. Ensino de História e pesquisa: trabalhando com documentos escritos em sala de aula. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Informática (Médio integrado)) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Renato Marinho Brandão Santos.

5.
Sayonara de Jesus Dantas. Ensino de História e pesquisa: trabalhando com documentos escritos em sala de aula. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Informática (Médio integrado)) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Renato Marinho Brandão Santos.

6.
Jeremias Medeiros. Ensino de História e pesquisa: trabalhando com documentos escritos em sala de aula. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Informática (Médio integrado)) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Renato Marinho Brandão Santos.

7.
Taciana Cabral. Ensino de História e pesquisa: trabalhando com documentos escritos em sala de aula. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Informática (Médio integrado)) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Renato Marinho Brandão Santos.

8.
Alan de Medeiros Tavares. Ensino de História e pesquisa: trabalhando com documentos escritos em sala de aula. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Informática (Médio integrado)) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Renato Marinho Brandão Santos.

9.
Cínthia de Lelis Araújo Santos. Ensino de História e pesquisa: trabalhando com documentos escritos em sala de aula. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Informática (Médio integrado)) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Renato Marinho Brandão Santos.

10.
Igor Bruno de Araujo Brito. Ensino de História e pesquisa: trabalhando com documentos escritos em sala de aula. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Informática (Médio integrado)) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Renato Marinho Brandão Santos.

11.
Lauanny Isabel Medeiros Lopes. Ensino de História e pesquisa: trabalhando com documentos escritos em sala de aula. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Informática (Médio integrado)) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Renato Marinho Brandão Santos.

12.
Cecília Tavares. Ensino de História e pesquisa: trabalhando com documentos escritos em sala de aula. 2013. Iniciação Científica. (Graduando em Informática (Médio integrado)) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Renato Marinho Brandão Santos.

13.
Flávia Taline Silva de Medeiros. Ensino de História e pesquisa: trabalhando com documentos escritos em sala de aula. 2012. Iniciação Científica. (Graduando em Informática (Médio integrado)) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Renato Marinho Brandão Santos.

Orientações de outra natureza
1.
Ester Martins de Souza/ Nara Nathalie Nascimento dos Santos. ESTUDO DOS ESTILOS ARQUITETÔNICOS IDENTIFICADOS NO PATRIMÔNIO HISTÓRICO DE SÃO GONÇALO DO AMARANTE. 2017. Orientação de outra natureza. (Edificações (Médio integrado)) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte. Orientador: Renato Marinho Brandão Santos.

2.
Jonathan Jameli Santos Medeiros. Petróleo e indústria automobilística: modificações na vida urbana pela inserção do automóvel (Rio Grande do Norte, 1890-1920). 2013. Orientação de outra natureza. (Eletrotécnica) - Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Rio Grande do Norte, Petrobras. Orientador: Renato Marinho Brandão Santos.



Educação e Popularização de C & T



Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
SANTOS, R. M. B.; CAPISTRANO, J. T. . I Semana de Humanidades do Campus São Gonçalo do Amarante - IFRN. 2016. (Congresso).

2.
SANTOS, R. M. B.; CAPISTRANO, J. T. . II Semana de Humanidades do campus São Gonçalo do Amarante - IFRN. 2017. (Congresso).



Outras informações relevantes


Cursou na UFF (Universidade Federal Fluminense) as disciplinas de História do Liberalismo, organizada pelo prof. Dr. Williams Gonçalves, e História do Poder e das idéias políticas nos tempos modernos, dirigida pela profª Drª. Maria Fernada Baptista Bicalho, como bolsista do Programa Santander Universidades de Mobilidade Nacional.
Participou, como pesquisador, da produção do livro A Intendência e a cidade: fontes para o estudo da gestão da cidade de Natal (1892 e 1919).



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 18/12/2018 às 22:18:40