Sergio Luis do Nascimento

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/8361645058425319
  • Última atualização do currículo em 09/08/2018


Doutor em Educação pela UFPR na linha de Políticas Educacionais. Possui graduação em Filosofia pela Pontifícia Universidade Católica do Paraná (1998), mestrado em Educação pela Universidade Federal do Paraná (2009). Atualmente é professor - Secretaria Estadual de Educação do Paraná e professor de Filosofia na Pontifícia Universidade Católica do Paraná - experiência na área de Educação, com ênfase em Filosofia da Educação, atuando principalmente nos seguintes temas: discursos racistas e relações raciais, relações raciais, livros didáticos, educação e currículo. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Sergio Luis do Nascimento
Nome em citações bibliográficas
NASCIMENTO, S. L.


Formação acadêmica/titulação


2011 - 2015
Doutorado em Educação.
Universidade Federal do Paraná, UFPR, Brasil.
Título: Política de Ensino Religioso e Educação das Relações Étnico-Raciais no Brasil, Ano de obtenção: 2015.
Orientador: Paulo Vinicius Baptista da Silva.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: ensino religioso; educação.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Educação.
2007 - 2009
Mestrado em Educação.
Universidade Federal do Paraná, UFPR, Brasil.
Título: Relações raciais em Livros didáticos de Ensino Religioso do Ensino Fundamental,Ano de Obtenção: 2009.
Orientador: Paulo Vinicius Batista da Silva.
Palavras-chave: livros didáticos; ensino religioso; discursos racistas e relações raciais.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: História da Filosofia.
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: Epistemologia.
Setores de atividade: Educação.
1999 - 2000
Especialização em Magistério da Educação Básica.
Faculdades Integradas Espírita, FIE, Brasil.
Título: Alteridade em Emanuel Levinas.
Orientador: Ana maria Petraitis Liblik.
1996 - 1998
Graduação em Filosofia.
Pontifícia Universidade Católica do Paraná, PUC/PR, Brasil.
Título: Alteridade.
Orientador: Sergio D'Angeles.




Formação Complementar


2008 - 2009
Extensão universitária em Aperfeiçoamento para capacitação de tutores em EaD. (Carga horária: 180h).
Universidade Federal do Paraná, UFPR, Brasil.
2007 - 2007
Extensão universitária em Relações, Raciais e Multiculturalismo. (Carga horária: 40h).
Universidade do Estado de Santa Catarina, UDESC, Brasil.
2007 - 2007
Extensão universitária em Relações raciais e políticas educacionais. (Carga horária: 10h).
Universidade Federal do Paraná, UFPR, Brasil.
2007 - 2007
Extensão universitária em Seminário educar na Infãncia: perspectivas. (Carga horária: 20h).
Universidade Federal do Paraná, UFPR, Brasil.
2007 - 2007
Extensão universitária em Crianças e adolescentes em situação de risco. (Carga horária: 8h).
Universidade Federal do Paraná, UFPR, Brasil.
2007 - 2007
Enfrentamento da Violência contra crianças. (Carga horária: 8h).
centro de combate à violência infantil, CECOVI, Brasil.
2005 - 2005
Ètica e educação,juventude e sociedade. (Carga horária: 4h).
Colégio Nossa Senhora Medianeira, CNSM, Brasil.
2004 - 2004
Extensão universitária em Violência e Direitos humanos. (Carga horária: 2004h).
Universidade Federal do Paraná, UFPR, Brasil.
1999 - 2000
Extensão universitária em magistério da educação básica. (Carga horária: 420h).
Faculdades Integradas Espírita, FIE, Brasil.
1998 - 1998
Extensão universitária em Semana Cultural de Filosofia. (Carga horária: 20h).
Pontifícia Universidade Católica do Paraná, PUC/PR, Brasil.
1997 - 1997
Extensão universitária em semana cultural de Filosofia sócio biologia ética. (Carga horária: 20h).
Pontifícia Universidade Católica do Paraná, PUC/PR, Brasil.
1996 - 1996
Extensão universitária em semana cultural o ser na pós modernidade.
Pontifícia Universidade Católica do Paraná, PUC/PR, Brasil.
1996 - 1996
Extensão universitária em A questão do poder, de Maquiavel a Foucault. (Carga horária: 10h).
Pontifícia Universidade Católica do Paraná, PUC/PR, Brasil.


Atuação Profissional



Pontificia da Universidade católica do Parana, PUC, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional:


Pontifícia Universidade Católica do Paraná-PUC/PR, PUC, Brasil.
Vínculo institucional

2015 - Atual
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor
Outras informações
Professor de Filosofia


Secretaria Estadual de Educação do Paraná, SEED-PR, Brasil.
Vínculo institucional

2009 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2010 - 2012
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Diretor Auxiliar, Carga horária: 40


Universidade Federal do Paraná, UFPR, Brasil.
Vínculo institucional

2009 - 2011
Vínculo: Universidade Federal do Paraná, Enquadramento Funcional: substituto, Carga horária: 20
Outras informações
Setor de Educação no Departamento de Planejamento e Administração Escolar.

Vínculo institucional

2008 - 2009
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Tutor de ensino à distância, Carga horária: 20
Outras informações
Professor de turma (tutor) do Curso de Especialização em Gestão Escolar - EAD ( Programa Escola de Gestores) da Universidade Federal do Paraná.

Atividades

08/2010 - Atual
Ensino, Educação das Relações Étnico-Raciais, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
Vice-coordenador
02/2008 - 08/2009
Ensino, Educação, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
gestão escolar

Colégio Nossa Senhora Medianeira - Matriz, CNSM, Brasil.
Vínculo institucional

2001 - 2007
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 30


Escola em Tempo Integral Manoel Ribas, SEED, Brasil.
Vínculo institucional

2009 - 2012
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Diretor Auxiliar, Carga horária: 40


Faculdades Itecne de Cascavel, ITECNE, Brasil.
Vínculo institucional

2009 - 2010
Vínculo: Professor vistante, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 24
Outras informações
Ministrei o módulo de O Homem quem é ele? As diferentes respostas apresentadas pelos filósofos da modernidade. No curso de especialização em Filosofia, Educação e Existência: a contribuição da Filosofia Clínica.

Atividades

03/2009 - Atual
Ensino, Filosofia, Educação e existência, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
Descartes e Kant


Projetos de pesquisa


2016 - Atual
Sociedade, Direitos Humanos e novas formas de solução de conflitos
Descrição: O grupo propõe realizar estudos e pesquisas interdisciplinares vinculadas às temáticas Desigualdade, Violência, Direitos Humanos, Políticas Públicas e Formas de Solução de Conflitos. Em especial, àquelas dirigidas à juventude pobre e em situação de vulnerabilidade social com idade entre 15 e 29 anos e que frequentam o ensino médio, cursos profissionalizantes e ensino superior. No plano analítico busca-se compreender e contextualizar, à luz da teoria crítica dos Direitos Humanos, atores e processos econômicos, políticos e socioculturais na construção da agenda e formulação das políticas públicas juvenis e avaliar, por meio de pesquisas empíricas, percepções sobre políticas no âmbito de suas vivências e experiência de vida local. A prioridade é realizar estudos e pesquisas com a presença e participação de estudantes de diferentes cursos e, ainda, integrar e abordar estudos e pesquisas sobre questões raciais e de gênero, inovações em políticas sobre drogas e gestão de políticas sociais..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (5) / Doutorado: (2) .
Integrantes: Sergio Luis do Nascimento - Coordenador / Iziquel Antônio Radvanskei - Integrante / Cezar Bueno de Lima Juciméri Isolda Silveira - Integrante.
Número de produções C, T & A: 5 / Número de orientações: 3
2013 - Atual
Discurso e relações raciais
Descrição: Esse projeto tem como o desenvolvimento e integração pelos grupos de pesquisa NEAB-UFPR, NUREGS-UEPG e Ações Afirmativas UFMG de estudo amplo e interdisciplinar sobre relações entre os grupos raciais negros(as) e brancos(as) em discursos midiáticos e políticos. O foco da pesquisa são as relações entre brancos(as) e negros(as) expressa em discursos, e possíveis formas de hierarquia racial estabelecidas em discursos políticos, de livros didáticos, literatura infanto-juvenil e cinema. O estudo partirá de uma análise de contexto de produção dos discursos, complementando revisão de literatura, analisando os programas de distribuição de livros do governo federal (PNLD e PNBE), as proposições dos movimentos sociais negros, as políticas de promoção de igualdade racial no Brasil e na América Latina, os debates públicos em 2011 e 2012 (sobre Estatuto da Igualdade Racial, julgamento da cotas no Supremo Tribunal Federal e Lei de cotas ). Serão constituídas para análise amostras de livros didáticos de Língua Portuguesa, Língua Inglesa e História, amostra de literatura infanto-juvenil e escolha de filmes do cinema nacional contemporâneo. Também serão entrevistados equipe pedagógica e docentes de escola de educação básica de Curitiba, assim como obervadas, gravadas em áudio e transcritas aulas em que os livros didáticos estiverem em uso. Os textos serão submetidos a técnicas de análise crítica do discurso e serão analisadas as possíveis formas de hierarquia racial presentes nos discursos..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Especialização: (4) / Mestrado acadêmico: (8) / Doutorado: (7) .
Integrantes: Sergio Luis do Nascimento - Coordenador / Paulo Vinicius Baptista da Silva - Integrante.Financiador(es): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior - Bolsa / Fundação Araucária de Apoio ao Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2012 - Atual
POLÍTICA DE ENSINO RELIGIOSO NO BRASIL: UMA ANÁLISE IDEOLÓGICA
Descrição: Neste estudo se efetuou a análise parcial de três atos normativos que regulamentam o ensino religioso nos Estados do Rio Grande do Sul, de Santa Catarina e do Paraná. Também realizamos a análise de dois dos quatro relatórios propostos para este estudo; referimo-nos ao relatório do plano Nacional de Direitos Humanos de 1999 (implementado e publicado em 2002) e de 2009. A análise foi produzida nos contextos interpretativos da teoria da ideologia (THOMPSON, 1995) e dos estudos contemporâneos sobre discursos racistas. Além disso, manteve-se como pressuposto de análise as congruências e incongruências das normativas e diretrizes, compreendendo-as como formas de expressão das contradições e acordos possíveis dos atores sociais, analisando documentos dos Programas Nacionais de Direitos Humanos e do Conselho Nacional de Promoção da Igualdade Racial, e a intervenção dos atos administrativos normatizados pelas resoluções e pareceres entre 1997 a 2012. Delimitamos para este estudo análise formal argumentativa discursiva e análise de conteúdo. Foi adotada, como aparece no primeiro capítulo, a proposta metodológica de Hermenêutica de Profundidade/HP (THOMPSON, 1995), envolvendo três níveis de análise. O primeiro nível foi a sócio-histórica, de produção simbólica, em que se basearam em três capítulos de discussão. O segundo capítulo é sobre as teorias de raça no pensamento social brasileiro discute acerca da construção do legado e de suas matrizes ideológicas, da degenerescência e da problematização das teorias raciais no Brasil. O terceiro capítulo versa sobre as relações raciais e suas intersecções no pensamento social brasileiro, no que tange o legado do racismo doutrinário brasileiro analisando sua principal manifestação, a democracia racial, numa perspectiva de correlações de relações de forças por meio de uma ruptura emancipatória provocada pelos movimentos sociais negros nas últimas décadas. No quarto capítulo há uma revisão sobre os estudos e pesquisas das religiões de matriz afro-brasileira no pensamento social brasileiro e sobre os estereótipos, perseguições, preconceitos em relação a essas matrizes. Traçamos, em seguida, um propósito investigativo das resoluções e pareceres dos conselhos e secretarias estaduais de educação e suas propostas no que tange a aproximação dos três modelos de aprendizagem do ensino religioso mais presentes no sistema escolar brasileiro no que se refere aos modelos: Confessional, Interconfessional e Fenomenológico. Apresenta-se um panorama das pesquisas sobre as legislações que orientam o ensino religioso brasileiro pós-alteração e revisão do artigo 33 da Lei de Diretrizes e Bases da Educação, Lei 9.475 de 1997..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .
Integrantes: Sergio Luis do Nascimento - Coordenador / Paulo Vinicius Baptista da Silva - Integrante.
2011 - 2013
A Intercompreensão em língua estrangeira através da plataforma lingalog
Descrição: trabalhar a intercompreensão francês e português na plataforma lingaog.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2011 - Atual
Sociedade, Direitos Humanos e novas formas de solução de conflitos
Descrição: O grupo propõe realizar estudos e pesquisas interdisciplinares vinculadas às temáticas Desigualdade, Violência, Direitos Humanos, Políticas Públicas e Formas de Solução de Conflitos. Em especial, àquelas dirigidas à juventude pobre e em situação de vulnerabilidade social com idade entre 15 e 29 anos e que frequentam o ensino médio, cursos profissionalizantes e ensino superior. No plano analítico busca-se compreender e contextualizar, à luz da teoria crítica dos Direitos Humanos, atores e processos econômicos, políticos e socioculturais na construção da agenda e formulação das políticas públicas juvenis e avaliar, por meio de pesquisas empíricas, percepções sobre políticas no âmbito de suas vivências e experiência de vida local. A prioridade é realizar estudos e pesquisas com a presença e participação de estudantes de diferentes cursos e, ainda, integrar e abordar estudos e pesquisas sobre questões raciais e de gênero, inovações em políticas sobre drogas e gestão de políticas sociais..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (10) .
Integrantes: Sergio Luis do Nascimento - Coordenador / Cezar Bueno de Lima Juciméri Isolda Silveira - Integrante.
2007 - 2009
RELAÇÕES RACIAIS EM LIVROS DIDÁTICOS DE
Descrição: Na dissertação se efetuou análise dos discursos sobre os segmentos raciais negros e brancos em livros didáticos de Ensino Religioso de 5ª e de 8ª séries do ensino Fundamental, publicados entre 1977 e 2007. A análise foi produzida nos contextos interpretativos da teoria da ideologia (Thompson, 1995) e dos estudos contemporâneos sobre discursos racistas. Além disso, manteve-se como foco os possíveis impactos da movimentação em torno do tema na produção de discurso racista em livros didáticos de Ensino Religioso, procurando contemplar livros didáticos produzidos de acordo com os três modelos tradicionalmente presentes em diversas escolas do Brasil, a saber: as concepções denominadas Confessional, Interconfessional e a Fenomenológica. A análise foi realizada em perspectiva diacrônica. Foi adotada a proposta metodológica de Hermenêutica de Profundidade/HP (Thompson, 1995), envolvendo três níveis de análise. O primeiro nível foi a análise sócio-histórica de produção simbólica, que baseou-se em: a) discussão sobre aspectos teórico-conceituais acerca do racismo e das relações entre negros e brancos no Brasil; b) revisão de estudos sobre desigualdades raciais em livros didáticos brasileiros e em livros de ensino religioso; c) uma revisão sobre a história do Ensino Religioso nas escolas brasileiras e os modelos temáticos nesse campo do conhecimento que vieram se construindo ao longo do período recente e estabeleceram nuances de identidade pedagógica, no que se refere aos modelos: Confessional, Interconfessional e Fenomenológico. Traçamos um panorama das religiões no Brasil e a consonância das diversas manifestações religiosas, até chegar ao cenário democrático representado na legislação que pela lei nº 9.475/97 (LDB) que assegura o respeito à diversidade cultural religiosa no Brasil. O segundo, a análise formal ou discursiva, consistiu na análise interna às próprias formas simbólicas, à qual buscou-se integrar técnicas de análise de conteúdo. Para análise quantitativa foi analisada uma amostra de 229 unidades de leitura, retiradas de 20 livros didáticos de Ensino Religioso de 5ª e de 8ª séries do Ensino Fundamental, nas quais foram observados 468 personagens nos textos e 433 personagens nas ilustrações. O terceiro nível de análise consistiu na interpretação/reinterpretação das formas simbólicas e como podem ser utilizadas para estabelecer e manter relações de poder desiguais entre os grupos raciais. Os personagens negros analisados, no modelo Confessional, foram submetidos, principalmente, a uma estratégia ideológica de dissimulação que ocultava, negava a existência social desse grupo étnico. Além disso, observamos que nos selos publicados e classificados do modelo Interconfessional, em seu conteúdo as formas simbólicas atuaram de forma a naturalizar os personagens brancos como representantes da espécie e como interlocutores em potencial dos textos. O modo de operação ideológica da fragmentação foi identificado nos três modelos e o principal nas publicações mais recentes como os que são classificados de Fenomenológicos. Os livros desse modelo apresentaram, ao mesmo tempo, rupturas e permanências nos discursos sobre os personagens negros e brancos..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Revisor de periódico


2015 - Atual
Periódico: Núcleo Paranaense de Pesquisa em Religião (NUPPER)


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Educação / Subárea: Fundamentos da Educação/Especialidade: Filosofia da Educação.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Educação / Subárea: Fundamentos da Educação/Especialidade: História da Educação.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Educação / Subárea: Fundamentos da Educação/Especialidade: Sociologia da Educação.
4.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: Ética.
5.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia / Subárea: História da Filosofia.
6.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Filosofia.


Idiomas


Inglês
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.
Francês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Pouco.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
NASCIMENTO, S. L.2018NASCIMENTO, S. L.. A HERMENÊUTICA DE PROFUNDIDADE (HP): INTERPRETAÇÃO E REINTERPRETAÇÃO E SEUS PRESSUPOSTOS INTERDISCIPLINARES. CAPOEIRA - REVISTA DE HUMANIDADES E LETRAS, v. 3, p. 4-15, 2018.

2.
NASCIMENTO, S. L.2017NASCIMENTO, S. L.. Sobre teorias de raça no pensamento social brasileiro: Acerca da ruptura do legado epistemológico. Kulambela, v. IV, p. 6, 2017.

3.
NASCIMENTO, S. L.2016NASCIMENTO, S. L.; RADVANSKEI, I. A. . A Hermenêutica de Profundidade e a Análise dos Discursos presentes nas atuais Políticas Educacionais. Revista do NESEF Filosofia e Ensino, v. VI, p. 1-12, 2016.

4.
NASCIMENTO, S. L.2016NASCIMENTO, S. L.. A construção do legado: A negação de uma epistemologia da filosofia africana. Revista da Associação Brasileira de Pesquisadores(as) Negros(as) - ABPN, v. VIII, p. 177-194, 2016.

5.
NASCIMENTO, S. L.2014NASCIMENTO, S. L.. SABERES E PRÁTICAS EDUCACIONAIS: HISTÓRIA E CULTURA AFRODESCENDENTE NA ESCOLA. Identidade, v. 19, p. 60-73, 2014.

6.
NASCIMENTO, S. L.2014NASCIMENTO, S. L.. A Avaliação Inserida no processo de Aprendizagem: Identidade e Interação entre Pares. Revista Espaço da Sophia, v. 50, p. 1-11, 2014.

7.
NASCIMENTO, S. L.2013NASCIMENTO, S. L.; JUNQUEIRA, S. R. . Concepções do Ensino Religioso. Numen: revista de estudos e pesquisa da religião, v. 16, p. 231-257, 2013.

8.
NASCIMENTO, S. L.2011NASCIMENTO, S. L.; JOAO., A. W. M. . Racismo: Desigualdades entre Negros e Brancos no Brasil.. Revista Espaço da Sophia, v. 43, p. 107-122, 2011.

9.
NASCIMENTO, S. L.2011 NASCIMENTO, S. L.. Personagens Negros e Brancos em Livros didáticos de Ensino Religioso. Ciberteologia (São Paulo. Edição em Português), v. 36, p. 84-100, 2011.

10.
NASCIMENTO, S. L.2011NASCIMENTO, S. L.. As imagens que reforçam a estereotipação do negro: Possibilidades de desconstrução destas estereotipias nos meios midiáticos.. Revista Espaço da Sophia, v. IV, p. 85-99, 2011.

11.
NASCIMENTO, S. L.2010 NASCIMENTO, S. L.. Ilustração de personagens negros e brancos em livros didático de ensino Religioso do Ensino Fundamental. Revista Pistis & Praxis (Impresso), v. 02, p. 417-433, 2010.

12.
NASCIMENTO, S. L.2009 NASCIMENTO, S. L.. Livro didático: Uma perspectiva de seu aparecimento e seu uso.. Revista Espaço da Sophia, v. 32, p. 01-11, 2009.

13.
NASCIMENTO, S. L.2005NASCIMENTO, S. L.. Democratização das vagas no ensino superior: um debate necessário. Mediação (Curitiba), v. 3, p. 46-49, 2005.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
NASCIMENTO, S. L.. Relações raciais e Ensino Religioso no Brasil. 01. ed. Belo Horizonte: Nandyala, 2012. v. 1. 176p .

Capítulos de livros publicados
1.
NASCIMENTO, S. L.. O eurocentrismo no pensamento social brasileiro: Sobre "teorias de raça" na formação dos educados no Brasil.. In: Jaci de Fatima Souza Candiotto, Miriam Célia castellain Guebert, Valquiria Elita Renk. (Org.). Direitos Humanos e Perspectivas. Ved.Curitiba: CRV, 2018, v. IV, p. 135-150.

2.
NASCIMENTO, S. L.. Personagens Negros em Livros Didáticos de Ensino Religioso. In: Prof. Dr. Paulo Vinicius Baptista da Silva. (Org.). Discurso, Relações Raciais e Educação: estratégias ideológicas. 1ed.Curitiba: NEAB-UFPR, 2016, v. I, p. 113-132.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
NASCIMENTO, S. L.. Religião de Matriz Afro-Brasileira no Pensamento Social. In: II SIMPÓSIO INTERNACIONAL DA ABHR / XV SIMPÓSIO NACIONAL DA ABHR / II SIMPÓSIO SUL DA ABHR - 'HISTÓRIA, GÊNERO E RELIGIÃO: VIOLÊNCIAS E DIREITOS HUMANOS', 2016, Florianópolis. II SIMPÓSIO INTERNACIONAL DA ABHR / XV SIMPÓSIO NACIONAL DA ABHR / II SIMPÓSIO SUL DA ABHR - "HISTÓRIA, GÊNERO E RELIGIÃO: VIOLÊNCIAS E DIREITOS HUMANOS". São Paulo: ABHR - Associação Brasileira de História das Religiõescomo fazer um blog, 2016. v. VI. p. 1-12.

2.
NASCIMENTO, S. L.. ANÁLISE DOS BOLETINS E APOSTILAS DE FORMAÇÃO DA ASSOCIAÇÃO INTER-RELIGIOSA DE EDUCAÇÃO (ASSINTEC). In: O EDUCERE ? Congresso Nacional de Educação, é um evento realizado a cada dois anos, com o objetivo de promover uma discussão sobre as relações entre formação, prática e pesquisa educacionais em um contexto globalizado e de forte demanda social., 2015, Curitiba. O EDUCERE ? Congresso Nacional de Educação, é um evento realizado a cada dois anos, com o objetivo de promover uma discussão sobre as relações entre formação, prática e pesquisa educacionais em um contexto globalizado e de forte demanda social.. Curitiba: Champagnat, 2015. v. 1. p. 357-371.

3.
NASCIMENTO, S. L.; RADVANSKEI, I. A. . DIVERSIDADE E DIRETRIZ CURRICULAR: ANÁLISE DOS ARTIGOS 26-A E 79-B DA LEI Nº 10.639/2003 COMO REPRESENTAÇÃO DA RELIGIÃO ENQUANTO OBJETO DE ESTUDO E NÃO DE FÉ. In: EDUCERE ? Congresso Nacional de Educação, é um evento realizado a cada dois anos, com o objetivo de promover uma discussão sobre as relações entre formação, prática e pesquisa educacionais em um contexto globalizado e de forte demanda social., 2015, Curitiba. EDUCERE ? Congresso Nacional de Educação, é um evento realizado a cada dois anos, com o objetivo de promover uma discussão sobre as relações entre formação, prática e pesquisa educacionais em um contexto globalizado e de forte demanda social.. Curitiba: Champagnat, 2015. v. 1. p. 17670-17682.

4.
NASCIMENTO, S. L.. Saberes e Práticas Educacionais: História e Cultural Afrodescendente na Escola. In: VIII Congresso Brasileiro dos pesquisadores negros, 2014, Belém. Ações Afirmativas: Cidadanis e Relações étnico-raciais. Belém: Livraria Física, 2014. v. 1. p. 1-13.

5.
NASCIMENTO, S. L.. :Prática social e educação em tempo integral: O dialogo entre as práticas educativas e a gestão escolar. In: Seminário da ANPAE Região Sul - Gestão e Políticas de Educação: Desafios Atuais., 2012, Pelotas. Seminário da ANPAE Região Sul. Pelotas: UFpel, 2012. v. 01. p. 10-17.

6.
NASCIMENTO, S. L.. Religião e Livros Didáticos de Ensino Religioso: A Invisibilidade da Religiosidade de matriz Africana. In: Congresso Nacional de Educação - EDUCERE, 2011, curitiba. Seminário Internacional de representações sociais, subjetividade de Educação, 2011. v. 1. p. 784-785.

7.
NASCIMENTO, S. L.. Personagens Negros em Livros Didáticos de Ensino Religioso. In: 33º Anped, 2010, Caxambu. Revista Brasileira de Educação (Impresso). Campinas: Autores Associados, 2010. v. 33. p. 1-17.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
NASCIMENTO, S. L.. Saberes e Práticas Educacionais: História e Cultural Afrodescendente na escola. In: VIII Congresso Brasileiros dos pesquisadores Negros, 2014, Belém. VIII Congresso Brasileiro de Pesquisadores Negros: Ações afirmativas:cidadania e relações étnico-raciais. Belém: Livraria da Física, 2014. v. 1. p. 186-187.

Apresentações de Trabalho
1.
NASCIMENTO, S. L.. Religião de Matriz Afro-Brasileira no Pensamento Social Brasileiro. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

2.
NASCIMENTO, S. L.. ?Sobre Teorias de Raça no Pensamento Social Brasileiro?. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

3.
NASCIMENTO, S. L.. Sobre teorias de raça no pensamento social brasileiro. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

4.
NASCIMENTO, S. L.. A construção do pensamento eurocentrado e a (in)visibilidade da filosofia africana. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

5.
NASCIMENTO, S. L.. ANÁLISE DOS BOLETINS E APOSTILAS DE FORMAÇÃO DA ASSOCIAÇÃO INTER-RELIGIOSA DE EDUCAÇÃO (ASSINTEC). 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

6.
NASCIMENTO, S. L.; RADVANSKEI, I. A. . DIVERSIDADE E DIRETRIZ CURRICULAR: ANÁLISE DOS ARTIGOS 26-A E 79-B DA LEI Nº 10.639/2003 COMO REPRESENTAÇÃO DA RELIGIÃO ENQUANTO OBJETO DE ESTUDO E NÃO DE FÉ.. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

7.
NASCIMENTO, S. L.. SABERES E PRÁTICAS EDUCACIONAIS: HISTÓRIA E CULTURA AFRODESCENDENTE NA ESCOLA.. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

8.
NASCIMENTO, S. L.. Presença de Estudantes Negros na Universidade ? Mitos e Realidades. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

9.
NASCIMENTO, S. L.. Prática social e educação em tempo integral: O dialogo entre as práticas educativas e a gestão escolar. 2012. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

10.
NASCIMENTO, S. L.. Mediações dos discursos sobre o negro na sala de aula. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

11.
NASCIMENTO, S. L.. Diversidade. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

12.
NASCIMENTO, S. L.. RELIGIÃO E LIVROS DIDÁTICOS DE ENSINO RELIGIOSO: A INVISIBILIDADE DA RELIGIOSIDADE DE MATRIZ AFRICANA. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

13.
NASCIMENTO, S. L.; MARÇAL, José Antonio . Relações raciais em livros didáticos de ensino religioso do ensino fundamental. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

14.
NASCIMENTO, S. L.. As imagens que reforçam a estereotipação do negro: Possibilidades de desconstrução destas estereotipias nos meios midiáticos. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

15.
NASCIMENTO, S. L.. Legislação e Cultura. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

16.
NASCIMENTO, S. L.. Personagens Negros e Brancos em e[livros didáticos de Ensino Religioso. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

17.
NASCIMENTO, S. L.. Políticas de ações afirmativas no ensino superior público: implicações sociais e pedagógicas. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

Outras produções bibliográficas
1.
NASCIMENTO, S. L.. Relações na Mídia Brasileira. Curitiba: Universidade Federal do Paraná, 2012 (Curso de EaD de Qualificação Profissional Educação das Relações Étnico-Raciais).


Demais tipos de produção técnica
1.
NASCIMENTO, S. L.. Distinções e aproximações entre a Filosofia eixo ocidental e as Epistemologia do Sul. 2017. .

2.
NASCIMENTO, S. L.. Educação das Relações Étnicos-Raciais. 2012. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

3.
NASCIMENTO, S. L.. Educação das Relações Étnico-Raciais. 2012. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

4.
NASCIMENTO, S. L.. Racismo em Livros Didáticos. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

5.
NASCIMENTO, S. L.. Racismo em livro Didático. 2010. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

6.
NASCIMENTO, S. L.. Escolas e Desigualdade Social. 2010. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

7.
NASCIMENTO, S. L.. O ensino na história da educação pública paranaense no século XIX. 2010. (Banca examinadora do 18º EVINCI).

8.
NASCIMENTO, S. L.. Relações raciais na história da educação primária paranaense. 2010. (Banca examinadora do !8º EVINCI).

9.
NASCIMENTO, S. L.. Históra e arquitetura escolar em Curitiba. 2010. (Banca examinadora do 18º EVINCI).

10.
NASCIMENTO, S. L.. Estudo das categorias da concepção teórica da educação popular. 2010. (Banca examinadora do 18º EVINCI).

11.
NASCIMENTO, S. L.. Jornal diário como fonte e como tema para pesquisa em história da educação:um estudo entre a relação sobre imprensa, intelctuais e modernidade(1910-1930). 2010. (Banca examinadora do 18º EVINCI).

12.
NASCIMENTO, S. L.. Desafios para a construção da Escola Pública que Queremos. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

13.
NASCIMENTO, S. L.. Racismo em livro Didático. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

14.
NASCIMENTO, S. L.. Homem quem é ele? Tema da aula: René Descartes. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

15.
NASCIMENTO, S. L.. O Homem que é ele? Tema da aula: Immanuel Kant. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

16.
NASCIMENTO, S. L.. Racismo em Livro Didático. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
NASCIMENTO, S. L.. Participação em banca de Janaina Souza de Queiroz. Ubuntuismo e quilombismo na musica de Leci Brandão. 2017. Dissertação (Mestrado em Tecnologia) - Universidade Tecnológica Federal do Paraná.

Monografias de cursos de aperfeiçoamento/especialização
1.
NASCIMENTO, S. L.. Participação em banca de Jorge luis Castro de Souza. uma perspectiva dos direitos humanos a partir do casamento cristão. 2016. Monografia (Aperfeiçoamento/Especialização em Direitos Humanos) - pontificia universidade católica do paraná.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
56º Congresso Internacional de Americanistas. Religião de matriz afro-brasileira no pensamento social bRasileiro. 2018. (Congresso).

2.
Inventando pessoas em tempos sombrios: Racialização, Necropolítica e Resistência.sobre teorias de raça no pensamento social brasileiro. 2018. (Oficina).

3.
Formação de professores do curso de Educação de Fìsica.As consequências da Reforma do Ensino Médio para Educação Brasileira. 2017. (Oficina).

4.
XV Congresso Contemporânea da PUCPR: Fenomelogia da Vida. Distinções e aproximações entre a filosofia eixo ocidental e as Epistemologias do Sul. 2017. (Congresso).

5.
II SIMPÓSIO INTERNACIONAL DA ABHR / XV SIMPÓSIO NACIONAL DA ABHR / II SIMPÓSIO SUL DA ABHR - 'HISTÓRIA, GÊNERO E RELIGIÃO: VIOLÊNCIAS E DIREITOS HUMANOS'.Religião de matriz afro-brasileira no pensamento social. 2016. (Simpósio).

6.
XIV Congresso Nacional de Filosofia Contemporânea da PUC/Pr. A Filosofia da descolonialidade: Temas filosóficos na Contemporaneidade. 2016. (Congresso).

7.
Congresso das?os Pesquisadoras/es Negras/as da Região Sul. 2015. (Congresso).

8.
EDUCERE ? Congresso Nacional de Educação, é um evento realizado a cada dois anos, com o objetivo de promover uma discussão sobre as relações entre formação, prática e pesquisa educacionais em um contexto globalizado e de forte demanda social.. 2015. (Congresso).

9.
Simpósio de Direitos Humanos e Políticas Públicas: os desafios da universidade e da interdisciplinariedade..Direitos Humanos e Relações Etnico-Raciais. 2015. (Simpósio).

10.
V Seminário Presença Africana no Brasil: Dez anos do Parecer 03/2004 e da Resolução das Relações Ètnico -Raciais. 2014. (Seminário).

11.
Entrelinhas: Plano nacional de educação em discussão. 2012. (Encontro).

12.
Literaturas Africanas de Língua Portuguesa. 2012. (Seminário).

13.
Semana de Estudos Afro Brasileiros. 2012. (Seminário).

14.
Seminário da aNPAE região sul - Gestão e Políticas Públicas de Educação:Desafios atuiais. 2012. (Seminário).

15.
TRAJETÓRIAS SOCIOESPACIAIS E CORPOREIDADE NA VIDA E OBRA DE INTELECTUAIS NEGROS/AS: MILTON SANTOS,BEATRIZ NASCIMENTO E LELIA GONZALEZ. 2012. (Seminário).

16.
Trajetórias socioespaciais e corporeidade na vida e obra de Intelectuais Negros/as: Milton Santos, Beatriz Nascimento e Liela Gongalez. 2012. (Outra).

17.
Educação Infantil e Igualdade Racial. 2011. (Seminário).

18.
EDUCERE X congresso Nacional de Educação. Livros didáticos de Ensino Religioso: a invisibilidade da Religiosodade de Matriz africana. 2011. (Congresso).

19.
Raça, identidade e Educação. 2011. (Seminário).

20.
IV CONGRESSO BRASILEIRO DE PESQUISADORES NEGROS. Relações Raciais em livros didáticos de ensino religioso do ensino fundamental. 2010. (Congresso).

21.
XV ENDIPE ENCONTRO NACIONAL DE DIDÁTICA E PRÁTICA DE ENSINO. 2010. (Congresso).

22.
Colégio Nossa senhora Medianeira.ètica e educação, juventude e sociedade. 2005. (Seminário).

23.
congresso brasileiro de psicologia da cominidade e trabalho social. 1992. (Congresso).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Ana Paula Martins de Souza. A Exclusão da Filosofia Africana. Início: 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Filosofia) - Pontifícia Universidade Católica do Paraná. (Orientador).

Iniciação científica
1.
JEAN CARLO DE CARVALHO. ANALISE AO DISCURSO DE ATAQUE AOS SÍMBOLOS DA HERANÇA RELIGIOSA AFRICANA NO BRASIL. Início: 2016. Iniciação científica (Graduando em Ciências Sociais) - Pontifícia Universidade Católica do Paraná. (Orientador).

2.
Elouise Souza. O NEGRO NA TELENOVELA BRASILEIRA: A NATURALIZAÇÃO DO PADRÃO ESTÉTICO BRANCO. Início: 2016. Iniciação científica (Graduando em Ciências Sociais) - Pontifícia Universidade Católica do Paraná. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Monografia de conclusão de curso de aperfeiçoamento/especialização
1.
Elio da Silva. Um Estudo sobre o Racismo Silencioso no Cotidiano Escolar a Partir da Implantação da Lei 10.639/2003. 2015. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Educação das Relações Étnico-Rac) - Universidade Federal do Paraná. Orientador: Sergio Luis do Nascimento.

2.
Romilda Oliveira Santos. Posturas Positivas e Construção da Identidade Negra. 2015. Monografia. (Aperfeiçoamento/Especialização em Especialização em Educação das Relações Étnico-Rac) - Universidade Federal do Paraná. Orientador: Sergio Luis do Nascimento.

Iniciação científica
1.
ELOUISE SOUZA BRASILENSE. O NEGRO NA TELENOVELA BRASILEIRA: A NATURALIZAÇÃO DO PADRÃO ESTÉTICO BRANCO>. 2017. Iniciação Científica. (Graduando em Direitos Humanos) - Pontifícia Universidade Católica do Paraná-PUC/PR. Orientador: Sergio Luis do Nascimento.

2.
Laís Candida Ferreira. Religiões de matriz africana nas propostas pedagógicas do Ensino Religioso. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em HISTÓRIA, MEMÓRIA E IMAGEM) - Universidade Federal do Paraná, Fundação Araucária. Orientador: Sergio Luis do Nascimento.

3.
Marjory do Rosário Reis Rocha. Religões de Matriz Africana nos Parâmetros Curriculares do Ensino Religioso. 2010. Iniciação Científica. (Graduando em Tecnologia em produção cênica) - Universidade Federal do Paraná. Orientador: Sergio Luis do Nascimento.

Orientações de outra natureza
1.
Maria Souza, Maria Costa, Nayre da Silva, Sandra Martins. Relatório de Estágio Colégo Pio Lantéri. 2010. Orientação de outra natureza. (Pedagogia) - Universidade Federal do Paraná. Orientador: Sergio Luis do Nascimento.

2.
luiziellen dos santos. Relatório de Estágio Escola Dr. Xavier da Silva. 2010. Orientação de outra natureza. (Pedagogia) - Universidade Federal do Paraná. Orientador: Sergio Luis do Nascimento.

3.
Aline Diogo, Marlene Rosa da Costa. Relatório de estágio Escola Dr. Xavier da Silva. 2010. Orientação de outra natureza. (Pedagogia) - Universidade Federal do Paraná. Orientador: Sergio Luis do Nascimento.

4.
Karina Pschera, Maria F. Ropelato, Maria F. Ropelato. Relatório de estágio Colégio Prof. Júlio Mesquita. 2010. Orientação de outra natureza. (Pedagogia) - Universidade Federal do Paraná. Orientador: Sergio Luis do Nascimento.

5.
Grazielle Triaquim,José Antonio,José Maurício,Lisandra Depin. Relatório de estágio Colégio Estadual Hildebrando de Araújo. 2010. Orientação de outra natureza. (Pedagogia) - Universidade Federal do Paraná. Orientador: Sergio Luis do Nascimento.

6.
Suelen Piccioli Buozi, Susan Martins dos Santos. Avaliação diagnóstica. 2009. Orientação de outra natureza. (Pedagogia) - Universidade Federal do Paraná. Orientador: Sergio Luis do Nascimento.

7.
Anielle Costa Maruchi, Juliana Aparecida Subirá. Percurso da prática pedagógica do estágio supervisionado na organização escolar no Tatuquara. 2009. Orientação de outra natureza. (Pedagogia) - Universidade Federal do Paraná. Orientador: Sergio Luis do Nascimento.

8.
Christian I. Ruhle, Janaina C. da Silva, Karina Muraro. Avaliação numa Perspectiva diagnóstica, uma experiência construída no campo de estágio em pedagogia. 2009. Orientação de outra natureza. (Pedagogia) - Universidade Federal do Paraná. Orientador: Sergio Luis do Nascimento.

9.
Anne Oliveira, Cândida Bittencourt,Debora Wosniak. Relatório de estágio supervisionado na organização escolar. 2009. Orientação de outra natureza. (Pedagogia) - Universidade Federal do Paraná. Orientador: Sergio Luis do Nascimento.

10.
Andréia Milanez,Angela Silva, Regiane da Silva. Andréia Diagnóstica de alunos do 1º ano - leitura, escrita e oralidade. 2009. Orientação de outra natureza. (Pedagogia) - Universidade Federal do Paraná. Orientador: Sergio Luis do Nascimento.



Educação e Popularização de C & T



Livros e capítulos
1.
NASCIMENTO, S. L.. Relações raciais e Ensino Religioso no Brasil. 01. ed. Belo Horizonte: Nandyala, 2012. v. 1. 176p .


Apresentações de Trabalho
1.
NASCIMENTO, S. L.. Prática social e educação em tempo integral: O dialogo entre as práticas educativas e a gestão escolar. 2012. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

2.
NASCIMENTO, S. L.. Religião de Matriz Afro-Brasileira no Pensamento Social Brasileiro. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).



Outras informações relevantes


Participou em 2005 do projeto de extensão universitária na área de direitos humanos e segurança pública da Universidade Federal do Paraná sobre a orientação do Profº Dr. Pedro Bodê de morais. Núcleo de estudos sobre a violência e cidadania e direitos humanos.

Coordenador do curso de Extensão sobre Relações Etnicos Raciais da UFPR e NEAB no ano de 2010.

Aprovado no teste seletivo promovido pela UFPR para professor substituto na área de conhecimento: Organização e Gestão da Escola. Matéria específica: Organização do Trabalho Pedagógico.(2010)



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 13/12/2018 às 12:14:34