Luiz César dos Santos Baía

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/7957013420443010
  • Última atualização do currículo em 20/06/2016


Doutor e Mestre em Museologia e Patrimônio pelo Programa de Pós-Graduação em Museologia e Patrimônio da Universisade do Estado do Rio de Janeiro e Museu de Astronomia - UNIRIO/MAST (2008) .Possui graduação em Licenciatura pela Universidade Federal Fluminense (1981). É pesquisador e técnico em educação do Centro Nacional de Folclore e Cultura Popular do Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional/MinC. Tem experiência em elaboração, execução e análise (diagnósticos e pareceres técnicos) de programas e projetos artísticos, culturais e sócio-educacionais; programação de espaços; formação de recursos humanos; organização, pesquisa e texto de projetos voltados para o área de desenvolvimento, organização, fomento e apoio a programas e projetos de estudo, pesquisa, planejamento, documentação e difusão das manifestações na área de folclore e cultura popular, com ênfase em patrimônio. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Luiz César dos Santos Baía
Nome em citações bibliográficas
BAÍA, L. C. S.

Endereço


Endereço Profissional
Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional - DF, Centro Nacional de Cultura Popular.
Rua do Catete, 179.
Catete
22220000 - Rio de Janeiro, RJ - Brasil
Telefone: (021) 22850891
Ramal: 207
URL da Homepage: www.cnfcp.com.br


Formação acadêmica/titulação


2012 - 2015
Doutorado em Museologia e Patrimönio.
Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, UNIRIO, Brasil.
Título: Do mito da índia Uaraci à Palmenra que dá brinquedo: narrativas de um grupo de artesãos de Abaetetuba, Ano de obtenção: 2016.
Orientador: Luiz Carlos Borges.
Palavras-chave: Arte Popular; Artistas populares; Patrimônio; memória.
2006 - 2008
Mestrado em Museologia e Patrimônio.
Universidade Federal do Estado do Rio de Janeiro, UNIRIO, Brasil.
Título: Sala do artsita popular: tradição, identidade e mercado,Ano de Obtenção: 2008.
Orientador: Nilson Alves de Moraes.
Palavras-chave: Museologia; Patrimônio; Cultura Popular; Artesanato; Arte Popular; Artistas populares.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas
Setores de atividade: Outros Setores.
1977 - 1981
Graduação em Licenciatura.
Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil.




Formação Complementar


1979 - 1979
Treinamento de Professores. (Carga horária: 600h).
Universidade Federal do Rio de Janeiro/Fundação Getúlio Vargas, UFRJ/FGV, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade do Estado do Rio de Janeiro, UERJ, Brasil.
Vínculo institucional

2009 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador


Centro de Apoio à Populações Marginalizadas, CEAP, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - 2009
Vínculo: Prestador de Serviço, Enquadramento Funcional: Pesquisador


Associação Cultural Paraquedas do Ar, CIRCO VOADOR, Brasil.
Vínculo institucional

1983 - 1985
Vínculo: Autônomo, Enquadramento Funcional: Prestador de Serviço como arte-educador
Outras informações
Responsável pela elaboração, execução e coordenação pedagógica dos Projeto Creche e Apareche e Meninos de Rua

Atividades

2/1983 - 6/1985
Serviços técnicos especializados , Circo Voador, .

Serviço realizado
Coordenação dos projetos educativos do Circo Vaodor.

Colégio Arte e Instrução, ARTE E INSTRUÇÃO, Brasil.
Vínculo institucional

1980 - 1983
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor

Atividades

4/1980 - 2/1983
Ensino,

Disciplinas ministradas
Matemática

Colégio São Judas Tadeu, SÃO JUDAS TADEU, Brasil.
Vínculo institucional

1976 - 1979
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor

Atividades

4/1976 - 7/1979
Ensino,

Disciplinas ministradas
Matemática

Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional - DF, IPHAN/DF, Brasil.
Vínculo institucional

2003 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Pesquisador e Técnico em Educação, Carga horária: 40

Atividades

7/2006 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Centro Nacional de Cultura Popular, .

12/2003 - Atual
Serviços técnicos especializados , Centro Nacional de Cultura Popular, .

Serviço realizado
Pesquisador e Parecerista Responsável pela análise global de projetos relativos ao Programa Nacional de Apoio à Cultura/IPHAN - Lei Rouanet, além de exercer as seguintes atribuições: desenvolvimento, organização, fomento e apoio a programas e projeto.

Fundação Nacional de Artes, FUNARTE, Brasil.
Vínculo institucional

1995 - 2003
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Técnico em Educação, Carga horária: 40

Atividades

2/1995 - 12/2003
Serviços técnicos especializados , Coordenação de Música, .

Serviço realizado
1) Técnico em Educação de nível superior especializado, responsável pela área de coros; desenvolvimento, organização, fomento e apoio a programas e projetos de estudo, pesquisa, planejamento, documentação e difusão na área do canto coral..

Fundação Legião Brasileira de Assistência, FLBA, Brasil.
Vínculo institucional

1987 - 1995
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Ativo permanente

Atividades

2/1994 - 2/1995
Direção e administração, Centro Social de Realengo, .

Cargo ou função
Chefe do Centro Social de Realengo/Função de Assessoramento Superior - símbolo DAS-101.1.
4/1987 - 2/1995
Serviços técnicos especializados , Superintendência Estadual do Rio de Janeiro, .

Serviço realizado
Participação em campanhas para a solução de problemas sociais de natureza temporária, cíclica, intermitente ou que possam ser debelados ou erradicados por esse meio; Propor projetos para a realização de programas para melhoria das condições de vida d.
10/1987 - 3/1988
Conselhos, Comissões e Consultoria, Coordenadoria de Ações Integradas da Secretaria Geral do MPAS, .

Cargo ou função
Assessor técnico em assunstos comunitários e educacionais na Coordenadoria de Ações Integradas do Rio de Janeiro /Secretaria Geral do MPAS.

Fundação Nacional do Bem Estar do Menor, FUNABEM, Brasil.
Vínculo institucional

1985 - 1987
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Técnico de nível superior especializado, Carga horária: 40

Atividades

7/1986 - 1/1987
Direção e administração, Coordenadoria de Cooperação Técnica, .

Cargo ou função
Diretor - função de assessoramento superior - símbolo DAS 4.
12/1985 - 7/1986
Direção e administração, Centro de Estudos e Desenvolvimento de Pessoal, .

Cargo ou função
Diretor - função de assessoramento superior símbolo DAS 4.
7/1985 - 12/1985
Direção e administração, Centro de Estudos e Desenvolvimento de Pessoal, .

Cargo ou função
Assistente de Diretor - função de assessoramento superior - símbolo DAS 3.
6/1985 - 12/1985
Serviços técnicos especializados , Centro de Estudos e Desenvolvimento de Pessoal, .

Serviço realizado
Realizar estudos e pesquisas promovendo cursos, seminários e congressos, e procedendo ao levantamento nacional do problema do menor; Promover a articulação das atividades de entidades públicas e privadas; Propiciar a formação, o treinamento e o aperf.


Linhas de pesquisa


1.
Sala do Artista Popular: canal de múltiplas expressões de arte popular produzida no Brasil.

Objetivo: 1) Analisar a pespectiva de permanência do artesanato tradicional, dotado de valor cultural e patrimonial a partir da possibilidade de inserção qualificada do artesão na sociedade mais abrangente; 2) Identificar o significado contemporâneo de um objeto como aspecto fundamental para a compreensão do circuito do fazer, usar e comercializar produtos procedentes dos trabalhos artesanais; 3) Análisar as relações do artesão com seu contexto social e natural, processos de produção do artesanato, tecnologias, tipologias dos objetos, seus aspectos simbólicos e funcionais e formas de comercialização.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas
Palavras-chave: Patrimônio; Cultura Popular; Artesanato.


Projetos de pesquisa


2009 - Atual
Memórias do candomblé no Rio de Janeiro
Descrição: A pesquisa "Memórias do candomblé no Rio de Janeiro" se realiza no âmbito pesquisa "Museu Digital da Memória Afro-brasileira e Africana no Brasil ? Galeria Rio de Janeiro", coordenado pela professora Myrian Sepúlveda dos Santos (IFCH/UERJ). O objetivo é criar arquivos digitais e exposições virtuais sobre a memória dos africanos que chegaram à cidade do Rio de Janeiro e seus descendente. Este projeto busca ampliar as possibilidades de salvaguarda e acesso à fontes documentais que estejam sob guarda de instituições públicas e acervos particulares. Inserido no projeto nacional Museu Digital da Memória Afro?Brasileira, coordenado pelo professor Lívio Sansone (UFBA), associa-se a iniciativas temáticas e regionais, que se organizam sob a forma virtual de galerias e reserva técnica..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.


Outros Projetos


2008 - 2009
Senhora das Águas - Memorial Regina de Bamboxê
Descrição: As casas de candomblé consistiram historicamente em territórios de resistência e, sobretudo, de articulações políticas, o ?Senhora das Águas - Memorial Mãe Regina de Bamboxe pressupõe superação do conceito culturalista de ?lugar de memória? de Pierre Nora, isto é, espaços físicos e simbólicos voluntariamente demarcados com a tarefa de manter coesos os vínculos sociais e escapar à iminência do esquecimento e aponta para que se assegure papel político da participação afro-descendente como constituinte do processo sócio-cultural do país..
Situação: Concluído; Natureza: Outra.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Museologia / Subárea: MUSEOLOGIA E PATRIMÔNIO.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Políticas Públicas.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Educação / Subárea: Ensino-Aprendizagem.


Idiomas


Inglês
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Francês
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.
Espanhol
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.
Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.


Prêmios e títulos


1993
Elogio pela colaboração e dedicação no desempenho da função de Técnico em Educação, Fundação Legião Brasileira de Assistência/ Superintendência do Rio de Janeiro - Portaria nº 294.
1989
Moção de Congratulações pelo serviço social prestado com dedicação, empenho e profissionalismo, Câmara Municipal do Rio de Janeiro..
1988
Elogio por mérito no desempenho da função de Assessor no Gabinete do MPAS, Secretaria Geral do MPAS - Ofício RGM-RJ/Nº 014.


Produções



Produção bibliográfica
Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
BAÍA, L. C. S.. São Critovão Fair: A Northeast Piece in ono quartier of Rio. In: Heritage 2008 Internacional Conference, 2008, Via Nova de Foz Côa. World Heritage and Sustainable Development. Barcelos: Green Lines Instituto para o Desenvolvimento Sustentável, 2008. v. 1. p. 33-40.

2.
BAÍA, L. C. S.; MORAES, N. A. (Nilson Alves de Moraes) ; LOUREIRO, José Mauro M. (José Mauro Matheus Loureiro) . Arte e Artistas Populares: tradição, identidade e mercado. In: VIII ENANCIB ? Encontro Nacional de Pesquisa em Ciência da Informação, 2007, Salvador. Anais do VIII Encontro Nacional de Pesquisa em Ciências da Infirmação. Rio de Janeiro: ANCIB/PPGCI, 2007.

Apresentações de Trabalho
1.
BAÍA, L. C. S.. Sala do Artista Popular: desafios de um espaço etnográfico. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
BAÍA, L. C. S.. Artesanato tradcional e identidade. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
BAÍA, L. C. S.. Culturas de matrizes africanas e direito à memória: passados compartilhados, futuros coletivos. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

4.
BAÍA, L. C. S.. Estudo de Casos. 2010. (Apresentação de Trabalho/Outra).

Outras produções bibliográficas
1.
BAÍA, L. C. S.. Garrafas que guardam símbolos e sonhos: a arte em areias coloridas de Majorlândia. Rio de Janeiro: Centro Nacional de Folclore e Cultura Popular, 2010 (Catálogo da exposição realizada no período de 11/11 a 12/12/2010 na Sala do Artista Popular/CNFCP).

2.
BAÍA, L. C. S.. Arte em madeira num pedaço do Rio: escultores de Grota Funda. Rio de Janeiro: Funarte, 2000 (Catálogo da exposição realizada no período de 17/02 a 26/03/00).

3.
BAÍA, L. C. S.. Imagens universais de A. Rosalino. Rio de Janeiro: Funarte, 1999 (Catálogo da exposição realizada no período de 08/06 a 15/08/1999 na Sala do Artista Popular/CNFCP).


Produção técnica
Trabalhos técnicos
1.
BAÍA, L. C. S.. Metodologia de Avaliação: uma aplicação para o Programa Artesanato Solidário. 2001.


Demais tipos de produção técnica
1.
BAÍA, L. C. S.. Curso Livre de Folclore e Cultura Popular. 2009. (Curso de curta duração ministrado/Especialização).

2.
BAÍA, L. C. S.. Edital de Seleção para a Sala do Artista Popular/CNFCP/IPHAN/MinC. 2006. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Elaboração).



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
13 ª Jornada Técnica do Museu Histórico do Exército - Forte de Copacabana.Considerações sobre arte popular e artesanato tradicional. 2010. (Outra).

2.
Homegem ao Dia do Advogado.Culturas de matrizes africanas e direito a memória: passados compartilhados, futuros coletivos. 2010. (Outra).

3.
Seminário Destinações da Cultura Popular em Museus.Sala do Artista Poplar: desfios de um espaço etnográfico. 2010. (Seminário).

4.
Proteção ao Patrimônio Imaterial - Marcas e Indicação Geográfica.Estudo de Casos. 2009. (Outra).

5.
Curso Livre de Folclore e Cultura Popular.Um olhar sobre a Feira de São Cristóvão ou Centro Luiz Gonzga de Tradições Nordestinas. 2008. (Outra).

6.
Heritage 2008 Internacional Conference. São Critovão Fair: A Northeast Piece in one quartier of Rio. 2008. (Congresso).

7.
Seminário de Estudos de Caso de Cultura Material.Museu de Folclore Edison Carneiro: desafios de um espaço etnográfico. 2008. (Seminário).

8.
Seminário Internacional 2008 - A democratização da memória: a função social dos museus iber-americanos. 2008. (Seminário).

9.
VIII ENANCIB ? Encontro Nacional de Pesquisa em Ciência da Informação.Arte e Artistas Populares: tradição, identidade e mercado. 2007. (Encontro).

10.
9ª Semana de Cultura Popular.Programa de Apoia a Comunidades Artesanais (PACA): limites e tensões da ação do Estado e o conceito de patrimônio. 2006. (Seminário).

11.
Seminário de Informação Profissional e I Mostra de Iniciação Científica e Estágio Curricular do Museu da Vida/Casa da Ciência/FIOCRUZ.O Profissinal de Museu: caminhos da museologia. 2006. (Seminário).

12.
Fórum Cultural Mundial. 2004. (Congresso).

13.
Seminário Internacional Fazendo Gênero 6: Fazeres Globais Saberes Locais Fazeres Locais Saberes Locais - UNIVERSIDADE FEDERAL DE SANTA CATARINA.Preservando Tradições: artesanato brasileiro. 2004. (Seminário).

14.
Seminário "Como Estabelecer Parceria Cultural?, promovido pela SECRETARIA MUNICIPAL DE CULTURA DE BELO HORIZONTE E ASSERTE.Programa Nacional de Apoio à Cultura (PRONAC): caminho das pedras ou não?. 1997. (Seminário).

15.
Palestra para o Grupo de Licenciandos do Curso de Formação Pedagógica da Faculdade de Educação da Universidade Federal do Rio de Janeiro."Infância, Juventude e Educação". 1991. (Outra).

16.
Palestra para os graduandos do Curso de Serviço Social das Faculdades Integradas Veiga de Almeida."Uma Experiência com Meninos de Rua". 1991. (Outra).

17.
Semana da Pedagogia, promovida pelas Faculdades Mário Henrique Simonsen."Educação Popular". 1989. (Seminário).

18.
Seminário Latino - Americano sobre Legislação e Bem-Estar Social promovido pela Internacional Council on Social Wefare. 1987. (Seminário).

19.
Capacitação de Recursos Humanos das Representações da FUNABEM.Criança em situação de risco social: o que fazer?. 1986. (Encontro).

20.
Diagnóstico das Políticas de Atendimento à Criança e Jovem no Estado do Rio de Janeiro, promovido pela FEEM/FUNABEM.. 1986. (Seminário).

21.
Encontro Estratégico sobre Autogestão Municipal a partir do enfoque Educacional promovido pela Associação Brasileira de Tecnologia Educacional. 1986. (Encontro).

22.
Seminário "Atendimento em Meio Aberto", promovido pela FUNABEM. 1986. (Seminário).

23.
Seminário sobre Alternativas de Atendimento, promovido pelo Projeto Meninos de Rua / UNICEF. 1986. (Seminário).

24.
Seminário sobre Educação Popular, promovido pelo Projeto Meninos de Rua / UNICEF. 1986. (Seminário).

25.
I Seminário de Estudos sobre a problemática do Menor - promovido pelo Juizado e Menores e a OAB - Seção Bahia. 1985. (Seminário).

26.
Seminário "O Menor em Debate", promovido pelo Centro de Estudos do Menor da Universidade Santa Úrsula.Menor em Debate. 1985. (Seminário).

27.
Congresso Brasileiro de Educação - CBE. 1984. (Congresso).

28.
I Encontro de Escolas Cumunitárias do Rio de Janeiro, promovido pela Secretaria Municipal de Educação da Cidade do Rio de Janeiro..Por que Paulo Freire?. 1984. (Encontro).

29.
Seminário Sobre Educação Alternativa, promovido pelo Projeto Meninos de Rua / UNICEF. 1984. (Seminário).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
BAÍA, L. C. S.. ENCONTRO DE ARTISTAS POPULARES DA SALA DO ARTISTA POPULAR. 2011. (Outro).

2.
BAÍA, L. C. S.; PEREIRA, J. W. ; JUNIOR, E. . Encontro Muses e Patrimônio: zonas de sombras, silêncios e esquecimentos. 2009. (Outro).

3.
BAÍA, L. C. S.. Prêmio Manuel Diégues Junior. 2009. (Outro).

4.
BAÍA, L. C. S.; PEREIRA, J. W. ; JUNIOR, E. . Encontro Museus e Patrimônio na construção de outro mundo possível. 2008. (Outro).

5.
BAÍA, L. C. S.. Prêmio Manuel Diégues Júnior. 2007. (Outro).

6.
BAÍA, L. C. S.. ENCONTRO DE ARTISTAS POPULARES 2007. 2007. (Outro).

7.
LIMA, Ricardo G. ; BAÍA, L. C. S. ; DIAS, Marylia . Artesanato Brasileiro. 2006. (Exposição).

8.
BAÍA, L. C. S.. Prêmio Manuel Diégues Júnior. 2006. (Outro).

9.
BAÍA, L. C. S.. Prêmio Manuel Diégues Júnior. 2005. (Outro).

10.
BAÍA, L. C. S.. Brasil por Brasil. 2004. (Exposição).

11.
BAÍA, L. C. S.. Arte em madeira num pedaço do Rio: escultores de Grota Funda. 2000. (Exposição).

12.
BAÍA, L. C. S.. Imagens Universais de A.Rosalino. 1999. (Exposição).

13.
BAÍA, L. C. S.. I CONCURSO NACIONAL FUNARTE DE CANTO CORAL. 1996. (Concurso).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 19/12/2018 às 1:15:34