Camila Maia da Silva

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/9227172366499984
  • Última atualização do currículo em 11/09/2018


Possui graduação em Ciências Biológicas pelo Centro Universitário Barão de Mauá (2004), mestrado (2009) e doutorado (2013) em Ciências (área de concentração - Entomologia) pela Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ribeirão Preto, na Universidade de São Paulo. Desenvolveu projeto de Pós-Doutoramento (PNPD/CAPES) na Pós-graduação em Ecologia e Conservação da Universidade Federal Rural do Semi-Árido, durante esse período ministrou aulas para graduação (Ecologia) e pós-graduação (Ecologia da Polinização) nessa instituição. É coordenadora do Espaço ASA, onde desenvolve atividades de ensino, pesquisa e extensão. Atua em temas relacionados à ecologia comportamental e fisiologia, avaliando as influências dos fatores ambientais na coleta de recursos florais por abelhas. Tem experiência em manejo e uso sustentável de polinizadores; melhoramento ambiental de áreas degradadas; melissopalinologia; apicultura e meliponicultura. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Camila Maia da Silva
Nome em citações bibliográficas
MAIA-SILVA, C.;MAIA-SILVA, CAMILA;Maia-Silva, Camila

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal Rural do Semi-Árido, Departamento de Ciências Animais.
Escola Superior de Agricultura de Mossoró - Esam
Presidente Costa e Silva
59625900 - Mossoró, RN - Brasil
Telefone: (84) 00000000


Formação acadêmica/titulação


2009 - 2013
Doutorado em Entomologia.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: Adaptações comportamentais de Melipona subnitida (Apidae, Meliponini) às condições ambientais do semiárido brasileiro., Ano de obtenção: 2013.
Orientador: Vera Lucia Imperatriz-Fonseca.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: abelhas sem ferrão; forrageamento; Caatinga; palinologia; recursos florais.
Grande área: Ciências Biológicas
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Ecologia comportamental.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Conservação.
2007 - 2009
Mestrado em Entomologia.
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Título: Influência do tamanho do alvéolo de cria no peso ao nascer e no comportamento de forrageamento das operárias de abelhas Apis mellifera L.,Ano de Obtenção: 2009.
Orientador: David De Jong.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: forrageamento de pólen; divisão de trabalho; polietismo etário.
Grande área: Ciências Biológicas
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Ecologia comportamental.
2001 - 2004
Graduação em Biologia (Licenciatura Plena).
Centro Universitário Barão de Mauá, BM, Brasil.


Pós-doutorado


2013 - 2018
Pós-Doutorado.
Universidade Federal Rural do Semi-Árido, UFERSA, Brasil.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências Biológicas
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Conservação.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Educação ambiental.


Formação Complementar


2011 - 2011
Extensão universitária em Curso de Ecologia de Campo da Caatinga. (Carga horária: 90h).
Universidade Federal de Pernambuco, UFPE, Brasil.
2010 - 2010
Extensão universitária em Curso Internacional em Ecologia da Polinização. (Carga horária: 120h).
Pontifícia Universidade Católica do Rio Grande do Sul, PUCRS, Brasil.
2010 - 2010
Extensão universitária em Programa de Aperfeiçoamento ao Ensino. (Carga horária: 96h).
Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
2007 - 2007
Comportamento Animal aplicado ao ensino médio. (Carga horária: 5h).
Sociedade Brasileira de Etologia, SBET, Brasil.
2004 - 2004
Curso Pratica em Genética. (Carga horária: 16h).
Centro Universitário Barão de Mauá, CBM, Brasil.
2001 - 2001
Biologia de Baleias e Golfinhos. (Carga horária: 15h).
Centro Universitário Barão de Mauá, CBM, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal Rural do Semi-Árido, UFERSA, Brasil.
Vínculo institucional

2013 - 2018
Vínculo: Pesquisador, Enquadramento Funcional: Pós-Doutoramento, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Pós-Graduação em Ecologia e Conservação

Vínculo institucional

2013 - 2016
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor externo, Carga horária: 4
Outras informações
Responsável pela Disciplina: Ecologia e Biodiversidade, Graduação: Biotecnologia

Vínculo institucional

2015 - 2015
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Tutor, Carga horária: 20
Outras informações
Tutoria no curso: Aperfeiçoamento em Educação Ambiental

Vínculo institucional

2015 - 2015
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor externo, Carga horária: 4
Outras informações
Responsável pela disciplina: Zoologia, Graduação: Biotecnologia

Atividades

09/2018 - 09/2018
Ensino, Ecologia e Conservação, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Ecologia da Polininização
09/2011 - 08/2018
Pesquisa e desenvolvimento , Departamento de Ciências Animais, .

12/2014 - 12/2014
Ensino, Ecologia e Conservação, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Ecologia de Comunidades (responsável Prof. Darius Pukenis Tubelis)
11/2013 - 11/2013
Ensino, Ecologia e Conservação, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
Antropoceno: Sustentabilidade, Uso e Conservação do Planeta Terra (responsável Profa. Dra. Vera L. Imperatriz Fonseca)
05/2012 - 05/2012
Ensino, Ecologia, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Ecologia de Campo

Universidade de São Paulo, USP, Brasil.
Vínculo institucional

2009 - 2013
Vínculo: Pós graduação, Enquadramento Funcional: Doutorado, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

2007 - 2009
Vínculo: Pós graduação, Enquadramento Funcional: Mestrado, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

2007 - 2013
Pesquisa e desenvolvimento , Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ribeirão Preto, .

2010 - 2010
Estágios , Faculdade de Filosofia Ciências e Letras de Ribeirão Preto, .

Estágio realizado
Estágio PAE - Disciplina de Ecologia de Ecossistemas.

Ulm University, UNI/Ulm, Alemanha.
Vínculo institucional

2012 - 2012
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador

Atividades

08/2012 - 09/2012
Estágios , Institut für Experimentelle Ökologie, .

Estágio realizado
Ecologia química: análise dos hidrocarbonetos cuticulares do parasita Plega hagenella (Neuroptera, Mantispidae) e de seu hospedeiro Melipona subnitida (Apidae, Meliponini)..

Universidad de Buenos Aires, UBA, Argentina.
Vínculo institucional

2008 - 2009
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Pesquisador


Projeto Macaco-prego, USP/RP, Brasil.
Vínculo institucional

2003 - 2004
Vínculo: Estagiário, Enquadramento Funcional: Estágio
Outras informações
Projeto: Estudo Multidisciplinar em Cebus apella (Cebidae, Primates) de Vida Livre: Comportamento Social, Parentesco, Endocrinologia, Parasitologia e Zoonoses Descrição: Estudo e Conservação de Populações de Macacos e da Fauna Silvestre na Mata Santa Teresa em Ribeirão Preto, SP Jeanne Margareth Jimenes Amaral - Coordenador

Atividades

2003 - 2004
Estágios , Departamento de Genética, FMRP/USP, .

Estágio realizado
Participação nas atividades de captura e contenção de macacos-prego, estudos comportamentais, educação ambiental e abertura de trilhas na Mata Santa Teresa.

Núcleo de Educação e Cultura, NEC, Brasil.
Vínculo institucional

2005 - 2007
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor

Atividades

2005 - 2007
Ensino,

Disciplinas ministradas
Biologia

Prefeitura Municipal de Ribeirão Preto, P/RIBEIRAO, Brasil.
Vínculo institucional

2009 - 2009
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 20
Outras informações
Programa Projovem Urbano

Atividades

2009 - 2009
Ensino,

Disciplinas ministradas
Ciências da Natureza


Linhas de pesquisa


1.
Ecologia comportamental de abelhas sociais
2.
Ecologia e conservação de abelhas e plantas


Projetos de pesquisa


2016 - Atual
Espaço ASA Abelhas Semiárido: onde podemos voar junto às abelhas
Descrição: Essa proposta tem por objetivo montar a estrutura física que servirá para fins didáticos, científicos e de educação ambiental e será batizado de ?Espaço ASA ? Abelhas Semiárido: onde podemos voar junto às abelhas?. Nesse espaço, no Campus Oeste da Universidade Federal do Semiárido UFERSA, Mossoró/RN, serão montados dois meliponários (um experimental e um modelo tradicional), um hotel para abelhas solitárias e o jardim para abelhas. O Espaço ASA será um local para atividades que visem o conhecimento científico, e educação ambiental e conservação dos mais importantes polinizadores terrestres: as abelhas..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Camila Maia da Silva - Coordenador / Michael Hrncir - Integrante / Dirk Koedam - Integrante / Airton Torres Carvalho - Integrante.Financiador(es): SYNGENTA Proteção de Cultivos - Matriz - Auxílio financeiro.
2014 - 2018
A palinologia como ferramenta para conservação dos polinizadores da Caatinga
Descrição: Os polinizadores atuam na base da cadeia alimentar e prestam um importante serviço ecossistêmico na manutenção da biodiversidade. As abelhas, tanto as solitárias como as sociais, são os principais polinizadores da maioria das plantas com flores. No entanto, os sistemas plantas-polinizadores são frágeis frente a alterações ambientais antrópicas e a perda da qualidade do habitat. A palinologia é uma ferramenta ecológica fundamental para identificação de recursos florais utilizadas pelas abelhas. O objetivo central deste projeto é monitorar áreas estratégicas para conservação da biodiversidade do estado do Rio Grande do Norte a fim de determinar as espécies de plantas importantes para a manutenção das populações de espécies de abelhas da Caatinga. Os dados obtidos a partir dessas investigações não somente serão importantes para diagnosticar a situação atual dos polinizadores da Caatinga, mas também para entender e prever os impactos de possíveis mudanças climáticas, permitindo o planejamento de metas para a conservação da biodiversidade do semiárido brasileiro..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Camila Maia da Silva - Coordenador / Michael Hrncir - Integrante / Vera Lucia Imperatriz-Fonseca - Integrante.Número de orientações: 1
2014 - 2016
No clima do futuro avaliando o estado atual e o possível futuro dos polinizadores na Caatinga

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Michael Hrncir em 14/05/2014.
Descrição: Os sistemas plantas-polinizadores são sistemas frágeis frente a perturbações ambientais. A crescente desertificação da Caatinga, causada por perturbações antrópicas, e o aquecimento global previsto para as próximas décadas levarão a alterações tanto nos ciclos biológicos como na distribuição geográfica de polinizadores e plantas. Os polinizadores, em especial as abelhas, são os elementos-chave tanto da conservação ambiental como da produção agrícola. Porém, diversas perturbações, tanto antrópicas como naturais, podem causar um declínio nas populações dos polinizadores, prejudicando, consequentemente, o funcionamento dos ecossistemas. A Caatinga é o único bioma exclusivamente brasileiro e, apesar da sua relevância biológica, pode ser considerado um dos mais ameaçados do Brasil. Grande parte da sua superfície já foi altamente modificada e está em processo de desertificação pela utilização e ocupação humana. Qualquer plano de conservação e mitigação, como a migração assistida de espécies, a colonização assistida ou a relocação manejada, requer um profundo conhecimento biológico das espécies em questão para poder avaliar sua sobrevivência sob as novas condições climáticas. O objetivo do projeto proposto é investigar a dinâmica atual e prever o possível futuro de sistemas polinizadores-plantas face às intensas perturbações a que estão sujeitos na Caatinga. O sucesso do projeto depende da colaboração de uma equipe multidisciplinar, envolvendo tanto ecólogos como geneticistas, fisiologistas e engenheiros especializados em tecnologia da informação. Serão estabelecidos sítios de pesquisa em áreas prioritárias de conservação da Caatinga. Nestas áreas serão avaliadas: (1) a ocorrência atual e as possíveis mudanças, causadas por perturbações, na distribuição geográfica de espécies de polinizadores importantes; (2) a genética populacional de polinizadores-chave a fim de quantificar sua densidade populacional e entender sua capacidade de dispersão; (3) as relações entre polinizadores e plantas (tanto como sitio de nidificação como recursos florais); (4) suas adaptações ao clima extremo da caatinga, sujeita à desertificação e (5) Com as informações sobre a distribuição geográfica, características do nicho ecológico e perturbações ambientais serão modelados cenários futuros a fim de determinar os ambientes adequados para a ocorrência futura dessas espécies. O conhecimento obtido durante o projeto proposto será utilizado para a elaboração de materiais de educação ambiental e para a capacitação da comunidade local e do entorno das áreas do projeto proposto..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2014 - 2016
Agricultura e polinizadores inseparáveis rumo a um futuro incerto
Descrição: Cerca de 75% das culturas agrícolas dependem em algum momento de polinizadores, principalmente de abelhas. Consequentemente, a presença desses animais no ambiente é importante não exclusivamente para a conservação e manutenção de populações vegetais nativas, mas também para o aumento da produtividade em culturas agrícolas. A crescente demanda mundial por alimentos provenientes de culturas que dependem de polinização por animais durante as últimas décadas levou a um aumento exponencial das áreas de cultivo dessas plantas. Os polinizadores, porém, não acompanharam este crescimento. Pelo contrário. Devido a diversas ações antrópicas, tais como desmatamento, fragmentação de habitats e uso indiscriminado de pesticidas, as populações dos polinizadores se encontram em declínio progressivo. A consequente estagnação da produtividade das culturas agrícolas que dependem de polinizadores pode resultar em sérias consequências socioeconômicas, principalmente para países de economia emergente. Além de sofrer ações antrópicas, as populações de abelhas são ameaçadas pelas mudanças climáticas globais, que afetam tanto a distribuição das espécies como as interações entre polinizadores e plantas. A importância dos polinizadores para o sucesso da agricultura em mente, o objetivo central do projeto aqui proposto é a investigação da dinâmica atual e o possível futuro dos sistemas abelhas-plantas na Caatinga face às intensas perturbações a que estão sujeitos. O possível impacto das mudanças climáticas sobre as populações das abelhas será investigado em quatro eixos principais: (1) Fisiologia de abelhas (adaptações para ambientes quentes e secos, e limites térmicos dessas adaptações); (2) Redes de interações abelhas-plantas (composição das populações de abelhas e plantas ao longo de gradientes térmicos); (3) Modelagem de cenários futuros (identificar ambientes adequados para a ocorrência futura das espécies de abelhas e plantas, definindo possíveis corredores de biodiversidade). (4) O conhecimento científico gerado pelo projeto viabilizará a execução de atividades de educação e gestão ambiental..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2013 - 2016
Coleção de polinizadores no Rio Grande do Norte: abelhas e plantas em um ambiente em transformação

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Vera Lucia Imperatriz-Fonseca em 25/09/2014.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2013 - 2016
No clima do futuro: análise do forrageamento em Melipona subnitida no semiárido

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Vera Lucia Imperatriz-Fonseca em 14/05/2014.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2012 - 2014
Análise dos hidrocarbonetos cuticulares do parasita Plega hagenella (Neuroptera, Mantispidae) e de seu hospedeiro Melipona subnitida (Apidae, Meliponini)
Descrição: No interior do ninho, devido à ausência de luz, as abelhas operárias utilizam o olfato para identificar membros da colônia e para localizar inimigos, parasitas ou "objetos estranhos". Portanto a percepção, identificação e discriminação de compostos químicos são ferramentas importantes para a defesa da colônia. Neste contexto, será avaliado se os parasitas adultos faratos emergem com um perfil químico parecido com o das abelhas da colônia hospedeira e se esse perfil muda depois a última ecdise dos adultos, fato que explicaria o comportamento diferenciado das abelhas. O perfil químico dos parasitas e das abelhas será analisado utilizando métodos quimo-ecológicos, através da extração dos hidrocarbonetos cuticulares e sua análise com cromatografia gasosa acoplada a espectrometria de massas (GC/EM)..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2012 - 2013
Avaliação dos impactos ambientais e elaboração do plano de manejo para a reserva da fazenda experimental Rafael Fernandes, Universidade Federal Rural do Semi-árido, Mossoró, RN
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2011 - 2013
Distribuição espaço temporal de recursos florais utilizados por abelhas sociais no Rio Grande do Norte: suporte para definição da origem floral dos méis
Descrição: Dentre os polinizadores, as abelhas estão entre os mais importantes nos ecossistemas naturais e agroecossistemas, principalmente pela facilidade no seu manejo, além de visitarem muitos tipos de flores e haver muitas espécies no mundo todo. A identificação das plantas que mantém as abelhas tornou-se de grande importância para a elaboração de planos de manejo e conservação em áreas de vegetação nativa e áreas cultivadas, o que poderia minimizar os impactos gerados pelas ações antrópicas. Mais do que simplesmente a elaboração de listas de espécies visitadas e/ou polinizadas, é necessário também analisar os padrões de utilização das plantas na dieta das abelhas em uma escala espaço-temporal. Nesse contexto, a análise polínica é uma ferramenta importante para definir parâmetros quantitativos e qualitativos que possam auxiliar: na avaliação da amplitude do nicho alimentar das abelhas, na determinação dos padrões de escolha de espécies-chave e na compreensão das redes de interações que se estabelecem entre as espécies de abelhas e espécies de plantas em um determinado ecossistema. A organização destes dados a partir de tais técnicas e parâmetros para análises de redes de interações pode ajudar a caracterizar algumas das propriedades dessas interações e suas conseqüências para ações de conservação das abelhas e outros polinizadores. O desenvolvimento da presente proposta terá como subproduto a possibilidade de avaliação da origem floral dos méis produzidos pelas espécies de abelhas aqui estudadas, além de sugerir espécies de plantas importantes para a restauração ambiental e melhoria do pasto apícola em uma região onde a apicultura e a meliponicultura têm importância social e econômica.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2011 - 2012
Adaptações estruturais, fisiológicas e comportamentais para lidar com temperaturas extremas - lições das abelhas sem ferrão

Projeto certificado pelo(a) coordenador(a) Michael Hrncir em 02/08/2012.
Descrição: O conhecimento profundo dos mecanismos de termorregulação animal é um assunto de pesquisa de alta relevância. Estes estudos não somente são importantes para entender e prever o impacto de possíveis mudanças climáticas para as comunidades ecológicas, mas também podem inspirar métodos alternativos de arquitetura e construção econômica e autossustentável para o ser humano. O objetivo central do projeto proposto é entender as adaptações estruturais, fisiológicas e comportamentais de abelhas sem ferrão para lidar com temperaturas ambientais altas em combinação com uma umidade relativa do ar baixa, situação climática que exige mecanismos para evitar o superaquecimento da colônia e, ao mesmo tempo, compensar a perda de água através de evaporação e convecção. Como modelo será usada Melipona subnitida, popularmente conhecida como jandaíra, espécie com distribuição na região Nordeste do Brasil. Devido ao fato que esta abelha é endêmica da Caatinga nordestina, esperam-se adaptações ao estresse climático dessas regiões temperaturas altas e, ao mesmo tempo, uma umidade relativa baixa. Serão investigados mecanismos passivos e ativos possivelmente evoluídos para regular o clima e a respiração colonial. A pesquisa será dividida em cinco partes principais: (1) Descrição detalhada da situação e arquitetura dos ninhos; (2) Investigações da temperatura, umidade relativa e das concentrações de oxigênio e dióxido de carbono dentro de ninhos naturais; (3) Investigações dos fluxos de ar e dos ciclos respiratórios em ninhos naturais; (4) Investigações de alterações de possíveis fontes de calor metabólico referente à variação do estresse climático ao longo do ano; (5) Experimentos influenciando o estresse climático (temperatura, dióxido de carbono) a fim de determinar os mecanismos comportamentais dos indivíduos para conseguir a homeostasia colonial.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2009 - 2013
Adaptações comportamentais de Melipona subnitida (Apidae, Meliponini) às condições ambientais do semiárido brasileiro
Descrição: As abelhas sem ferrão (Apidae, Meliponini) pertencem a um grupo de abelhas altamente eussociais, que ocorrem nas regiões tropicais e subtropicais da Terra. Os fatores abióticos como temperatura e umidade relativa, exercem forte influência sobre as atividades de uma colônia, e certamente, também podem influenciar a oferta de recursos pelas plantas. A espécie Melipona subnitida é endêmica da região semiárida do nordeste brasileiro. Durante a estação seca do ano ocorrem variações estruturais (redução no número de potes de alimento e na quantidade de células de cria) e comportamentais (diminuição do forrageamento ) nas colônias dessa espécie. Entretanto, pouco se sabe sobre as adaptações dessa espécie às condições climáticas do semiárido brasileiro, e quais os limites de variações abióticas tolerados por essa espécie. O objetivo central desse estudo é investigar quais variáveis climáticas e/ou ecológicas provocam alterações no ciclo de vida nas colônias de M. subnitida..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2008 - 2009
Influência do fluxo alimentar nos sinais de recrutamento (dança e vibrações torácicas) em Apis mellifera.
Descrição: Colônias de Apis mellifera exploram fontes ricas de néctar e pólen. Sabe-se, que flores com maior volume de néctar e que oferecem maior ganho de energia são mais exploradas. As informações, direção, distância e qualidade do recurso, obtidas por uma forrageira são transmitidas para a colônia através de danças. Um parâmetro importante para a transmissão de tais informações são as vibrações torácicas produzidas durante a dança. Visto que, a lucratividade (energia ganha menos energia gasta durante a coleta) é um fator importante para a comunicação, durante este estudo investigamos a relação entre a lucratividade do recurso, a dança e as vibrações torácica em abelhas Apis mellifera..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
2007 - 2009
Influência do tamanho do alvéolo de cria no peso ao nascer e no comportamento de forrageamento das operárias de abelhas Apis mellifera L.
Descrição: Uma eficiente coleta de alimento é fundamental para colônias de insetos sociais, pois garante o crescimento e a reprodução da colônia. Assim frente à extrema importância do conhecimento sobre o comportamento forrageiro na sociedade das abelhas Apis mellifera, torna-se necessário estudos que avaliem características desse comportamento. Existem várias diferenças comportamentais entre as abelhas Apis mellifera africanizadas (poli-híbrido) e as abelhas Apis mellifera de subespécies de origem européias, e algumas respostas podem ser obtidas através da comparação entre tais abelhas. Além disso, alguns fatores como o tamanho corporal, indicado pelo peso da operária recém-nascida, podem contribuir para a organização social de tais abelhas e consequentemente influenciar o comportamento forrageiro. Portanto, os objetivos deste trabalho se constituíram em investigar a influência do peso e das características genéticas das operárias africanizadas e européias no comportamento de forrageamento de pólen, em duas estações do ano..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Projetos de extensão


2013 - 2014
Trilha dos polinizadores UFERSA: um passeio ecológico na Caatinga
Descrição: Recentemente foi instalada uma trilha ecológica, a Trilha dos Polinizadores UFERSA (TRIPOL), na Estação Experimental Rafael Fernandes/UFERSA, em Mossoró/RN. A trilha localiza-se em uma área de 26 ha de mata nativa de Caatinga e ao longo da transecção foram destacadas, com placas de identificação coloridas, 26 espécies arbóreo-arbustivas importantes para a manutenção das populações de abelhas. O objetivo desta trilha é tematizar a necessidade de preservação da vegetação nativa para a conservação dos seus polinizadores, e sensibilizar os visitantes da importância dos polinizadores para a manutenção da vida no planeta. Através dos passeios ecológicos realizados na trilha é possível demonstrar que as plantas e seus polinizadores podem constituir uma ferramenta de melhoria da qualidade de vida nas áreas urbanas e rurais, além de formar agentes multiplicadores de ideias e incentivar o uso sustentável dos recursos naturais..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Camila Maia da Silva - Integrante / Michael Hrncir - Coordenador / Denis Oliveira Cavalheiro - Integrante.Financiador(es): Pró-Reitoria de Extensão da UFERSA - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 2


Revisor de periódico


2014 - Atual
Periódico: Sociobiology
2015 - 2015
Periódico: Global Change Biology (Print)
2015 - 2015
Periódico: Gaia Scientia (UFPB)
2017 - 2017
Periódico: Neotropical Entomology


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Zoologia.
2.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Zoologia / Subárea: Entomologia.
3.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Ecologia.
4.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Educação ambiental.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Alemão
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Pouco, Escreve Razoavelmente.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
VOLLET-NETO, A.2017VOLLET-NETO, A. ; MAIA-SILVA, C. ; MENEZES, C. ; IMPERATRIZ-FONSECA, V. L. . Newly emerged workers of the stingless bee Scaptotrigona aff. depilis prefer stored pollen to fresh pollen. Apidologie (Celle), v. 48, p. 204-210, 2017.

2.
SILVA, M. A.2017SILVA, M. A. ; FERREIRA, N. S. ; TEIXEIRA-SOUZA, V. H. S. ; MAIA-SILVA, C. ; OLIVEIRA, F. A. ; HRNCIR, M. . On the thermal limits for the use of stingless bees as pollinators in commercial greenhouses. Journal of Apicultural Research, v. 56, p. 81-90, 2017.

3.
GIANNINI, TEREZA C.2017GIANNINI, TEREZA C. ; Maia-Silva, Camila ; ACOSTA, ANDRE L. ; JAFF?, RODOLFO ; CARVALHO, AIRTON T. ; MARTINS, CELSO F. ; ZANELLA, FERNANDO C. V. ; CARVALHO, CARLOS A. L. ; HRNCIR, MICHAEL ; SARAIVA, ANTONIO M. ; SIQUEIRA, JOS? OSWALDO ; IMPERATRIZ-FONSECA, VERA L. . Protecting a managed bee pollinator against climate change: strategies for an area with extreme climatic conditions and socioeconomic vulnerability. APIDOLOGIE, v. 47, p. 1-11, 2017.

4.
GIANNINI, TEREZA C.2017GIANNINI, TEREZA C. ; MAIA-SILVA, C. ; ACOSTA, A. L. ; JAFFE, R. ; CARVALHO, A. T. ; MARTINS, C. F. ; ZANELLA, F. C. V. ; CARVALHO, C. A. L. ; HRNCIR, M. ; SARAIVA, A. M. ; IMPERATRIZ-FONSECA, V. L. . Proteção da abelha jandaíra no Nordeste Brasileiro considerando-se as mudanças climáticas. MENSAGEM DOCE (ASSOCIAÇÃO PAULISTA DE APICULTORES, CRIADORES DE ABELHAS MELIFICAS EUROPÉIAS), v. 143, p. 1-7, 2017.

5.
MAIA-SILVA, C.2016MAIA-SILVA, C.; HRNCIR, M. ; IMPERATRIZ-FONSECA, V. L. ; SCHORKOPF, D. L. P. . Stingless bees (Melipona subnitida) adjust brood production rather than foraging activity in response to changes in pollen stores. Journal of Comparative Physiology. A, Sensory, Neural, and Behavioral Physiology, v. 202, p. 723-732, 2016.

6.
SCHORKOPF, DIRK LOUIS P.2016SCHORKOPF, DIRK LOUIS P. ; DE SÁ FILHO, GEOVAN FIGUEIRÊDO ; Maia-Silva, Camila ; SCHORKOPF, MARTINA ; HRNCIR, MICHAEL ; BARTH, FRIEDRICH G. . Nectar profitability, not empty honey stores, stimulate recruitment and foraging in Melipona scutellaris (Apidae, Meliponini). Journal of Comparative Physiology. A, Sensory, Neural, and Behavioral Physiology, v. 202, p. 709-722, 2016.

7.
MAIA-SILVA, C.2015MAIA-SILVA, C.; HRNCIR, M. ; SILVA, C. I. ; IMPERATRIZ-FONSECA, V. L. . Survival strategies of stingless bees (Melipona subnitida) in an unpredictable environment, the Brazilian tropical dry forest. Apidologie, v. 46, p. 631-643, 2015.

8.
MAIA-SILVA, C.2014MAIA-SILVA, C.; GONCALVES, L. S. ; HRNCIR, M. ; IMPERATRIZ-FONSECA, V. L. . Trilha dos polinizadores UFERSA: um passeio ecológico na Caatinga. Mensagem Doce (Associação Paulista de Apicultores, Criadores de Abelhas Melificas Européias), v. 126, p. 2-5, 2014.

9.
MAIA-SILVA, C.2014MAIA-SILVA, C.; IMPERATRIZ-FONSECA, V. L. ; SILVA, C. I. ; HRNCIR, M. . Environmental windows for foraging activity in stingless bees, Melipona subnitida Ducke and Melipona quadrifasciata Lepeletier (Hymenoptera: Apidae: Meliponini). Sociobiology, v. 61, p. 378-385, 2014.

10.
MAIA-SILVA, CAMILA2013MAIA-SILVA, CAMILA; HRNCIR, MICHAEL ; KOEDAM, DIRK ; MACHADO, RENATO JOSE PIRES ; IMPERATRIZ-FONSECA, VERA LUCIA . Out with the garbage: the parasitic strategy of the mantisfly Plega hagenella mass-infesting colonies of the eusocial bee Melipona subnitida in northeastern Brazil. Naturwissenschaften, v. 100, p. 101-105, 2013.

11.
MAIA-SILVA, CAMILA2012MAIA-SILVA, CAMILA; KOEDAM, D. ; HRNCIR, M. ; IMPERATRIZ-FONSECA, VERA LUCIA . Um novo parasita de colônias de Meliponini é descoberto em Mossoró - RN. Mensagem Doce (Associação Paulista de Apicultores, Criadores de Abelhas Melificas Européias), v. 119, p. 8-9, 2012.

12.
HRNCIR, M.2011HRNCIR, M. ; MAIA-SILVA, C. ; Mc CABE, S. I. ; FARINA, W. M. . The recruiter's excitement - features of thoracic vibrations during the honey bee's waggle dance related to food source profitability. Journal of Experimental Biology, v. 214, p. 4055-4064, 2011.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
HRNCIR, M. ; MAIA-SILVA, C. . Educação ambiental no semiárido brasileiro. 1. ed. Mossoró: EdUFERSA, 2015. 40p .

2.
MAIA-SILVA, C.; SILVA, C. I. ; HRNCIR, M. ; QUEIROZ, R. T. ; IMPERATRIZ-FONSECA, V. L. . Guia de plantas visitadas por abelhas na Caatinga. Fortaleza-CE: Editora Fundação Brasil Cidadão, 2012. 191p .

Capítulos de livros publicados
1.
Maia-Silva, Camila; Limão, Amanda Aparecida Castro ; HRNCIR, MICHAEL ; da Silva Pereira, Jaciara ; IMPERATRIZ-FONSECA, VERA LUCIA . The Contribution of Palynological Surveys to Stingless Bee Conservation: A Case Study with Melipona subnitida. Pot-Pollen in Stingless Bee Melittology. 1ed.: Springer International Publishing, 2018, v. , p. 89-101.

2.
CARVALHO, A. T. ; MAIA-SILVA, CAMILA ; JAFFE, R. ; SOUZA, B. A. ; ZANELLA, F. C. V. ; MARTINS, C. F. ; CARVALHO, C. A. L. ; ALVES, R. M. O. ; KOEDAM, D. ; ACOSTA, A. L. ; IMPERATRIZ-FONSECA, V. L. ; GIANNINI, T. C. . Distribuição geográfica atual da abelha jandaíra e previsões para sua distribuição futura. In: Vera Lucia Imperatriz-Fonseca; Dirk Koedam; Michael Hrncir. (Org.). A abelha Jandaíra: no passado, no presente e no futuro. 1ed.Mossoró: EdUFERSA, 2017, v. , p. 73-78.

3.
MAIA-SILVA, CAMILA; KOEDAM, DIRK ; HRNCIR, MICHAEL ; IMPERATRIZ-FONSECA, VERA L. . Mantispídeo parasita: um inimigo de colônias da abelha jandaíra. In: Vera Lucia Imperatriz-Fonseca; Dirk Koedam; Michael Hrncir. (Org.). A abelha Jandaíra: no passado, no presente e no futuro. 1ed.Mossoró: EdUFERSA, 2017, v. , p. 87-90.

4.
COSTA, C. C. A. ; SILVA, C. I. ; MAIA-SILVA, CAMILA ; LIMAO, A. A. C. ; IMPERATRIZ-FONSECA, VERA L. . Origem botânica do mel da jandaíra em áreas de Caatinga nativa do Rio Grande do Norte. In: Vera Lucia Imperatriz-Fonseca; Dirk Koedam; Michael Hrncir. (Org.). A abelha Jandaíra: no passado, no presente e no futuro. 1ed.Mossoró: EdUFERSA, 2017, v. , p. 161-166.

5.
FERREIRA, N. S. ; TEIXEIRA-SOUZA, V. H. S. ; SA FILHO, G. F. ; MAIA-SILVA, CAMILA ; HRNCIR, MICHAEL . Como a abelha jandaíra consegue sobreviver no calor da Caatinga?. In: Vera Lucia Imperatriz-Fonseca; Dirk Koedam; Michael Hrncir. (Org.). A abelha Jandaíra: no passado, no presente e no futuro. 1ed.Mossoró: EdUFERSA, 2017, v. , p. 201-209.

6.
MAIA-SILVA, CAMILA; HRNCIR, MICHAEL ; IMPERATRIZ-FONSECA, VERA L. . Estratégias para a conservação da abelha jandaíra na Caatinga. In: Vera Lucia Imperatriz-Fonseca; Dirk Koedam; Michael Hrncir. (Org.). A abelha Jandaíra: no passado, no presente e no futuro. 1ed.Mossoró: EdUFERSA, 2017, v. , p. 227-235.

7.
MAIA-SILVA, C.; MACINNIS, G. ; OLIVEIRA-ABREU, C. ; OLIVEIRA, M. O. ; NUNES-SILVA, P. . The efficiency of pollen transfer by three species of stingless bees (Melipona quadrifasciata L., 1836; Melipona bicolor L., 1836 and Melipona marginata L., 1836) during the pollination of Solanum variabile. In: Blandina Felipe Viana; Fabiana Oliveira da Silva. (Org.). Biologia e ecologia da polinização. 1ed.Salvador: EDUFBA: Rede Baiana de Polinizadores, 2014, v. , p. 45-54.

8.
HRNCIR, MICHAEL ; Maia-Silva, Camila . On the diversity of foraging-related traits in stingless bees. In: VIT, P; PEDRO, S R M; ROUBIK, D W. (Org.). Pot honey: A legacy of stingless bees. 1ed.New York: Springer, 2013, v. , p. 201-215.

9.
HRNCIR, M. ; MAIA-SILVA, C. . The fast versus the furious ? On competition, morphological foraging traits, and foraging strategies in stingless bees. In: Vit P; Roubik DW. (Org.). Stingless bees process honey and pollen in cerumen pots. 1ed.Mérida, Venezuela: Facultad de Farmacia y Bioanálisis, Universidad de Los Andes, 2013, v. , p. 1-13.

10.
SILVA, C. I. ; MAIA-SILVA, C. ; SANTOS, F. A. R. ; BAUERMANN, S. G. . O uso da palinologia como ferramenta em estudos sobre ecologia e conservação de polinizadores no Brasil. In: Imperatriz-Fonseca, V.L.; Canhos, D.A.L.; Alves, D.A.; Saraiva, A.M.. (Org.). Polinizadores no Brasil - contribuição e perspectivas para a biodiversidade, uso sustentável, conservação e serviços ambientais. São Paulo, SP: EDUSP, 2012, v. , p. 369-384.

11.
ALMEIDA, N.M. ; MAIA-SILVA, C. ; CHAGAS, E.C.O ; SILVA, F.F.S ; OLIVEIRA, F.M.P ; LEAL, I.R . Efeito de perturbações sobre o papel das formigas na proteção de plantas contra herbívoros. In: Leal, I.R.; Meiado, M.V.; Rabanni, A.R.C. & Siqueira Filho, J.A. (Org.). Ecologia da Caatinga Curso de Campo 2011. 1ed.Petrolina: PrintPex, 2012, v. , p. 51-64.

12.
CHAGAS, E.C.O ; MAIA-SILVA, C. ; SILVA, F.F.S ; ALMEIDA, N.M. ; OLIVEIRA, F.M.P ; FERNANDES, G.W . Assimetria foliar em plantas parasitadas e não parasitadas por ervas-de-passarinho. In: Leal, I.R.; Meiado, M.V.; Rabanni, A.R.C. & Siqueira Filho, J.A. (Org.). Ecologia da Caatinga Curso de Campo 2011. 1ed.Petrolina: PrintPex, 2012, v. , p. 97-113.

13.
SILVA, F.F.S ; MAIA-SILVA, C. ; CHAGAS, E.C.O ; ALMEIDA, N.M. ; OLIVEIRA, F.M.P ; SIQUEIRA FILHO, J.A. . Ocupação espacial de espécies ornitocóricas e anemocóricas em Commiphora leptophloeos (Mart.) J.B.Gillett (Burseraceae). In: Leal, I.R.; Meiado, M.V.; Rabanni, A.R.C. & Siqueira Filho, J.A. (Org.). Ecologia da Caatinga Curso de Campo 2011. 1ed.Petrolina: PrintPex, 2012, v. , p. 145-157.

14.
MAIA-SILVA, C.; FERREIRA, S.M ; RIBEIRO, S.C ; CHAGAS, E.C.O ; MEIADO, M.V ; OLIVEIRA, F.M.P ; OLIVEIRA, M.A . Influência do contraste de cores na atração de formigas por sementes de Cactaceae da Caatinga. In: Leal, I.R.; Meiado, M.V.; Rabanni, A.R.C. & Siqueira Filho, J.A. (Org.). Ecologia da Caatinga Curso de Campo 2011. 1ed.Petrolina: PrintPex, 2012, v. , p. 159-168.

15.
CHAGAS, E.C.O ; FERREIRA, S.M ; RIBEIRO, S.C ; MAIA-SILVA, C. ; MELO, F.P.L . Tolerar ou resistir? A hipótese da ausência do grande comedor.. Ecologia da Caatinga Curso de Campo 2011. 1ed.Petrolina: PrintPex, 2012, v. , p. 191-201.

16.
MAIA-SILVA, C.. As abelhas Ceblurgus longipalpis (Rophitinae, Halictidae) preferem inflorescências de Varronia leucocephala (Boraginaceae) com maior número de flores. In: Leal, I.R.; Meiado, M.V.; Rabanni, A.R.C. & Siqueira Filho, J.A. (Org.). Ecologia da Caatinga Curso de Campo 2011. 1ed.Petrolina: PrintPex, 2012, v. , p. 243-260.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
VOLLET-NETO, A. ; MAIA-SILVA, C. ; MENEZES, C. ; VENTURIERI, G. C. ; DE JONG, D. ; IMPERATRIZ-FONSECA, V. L. . Dietas protéicas para abelhas sem ferrão. In: IX Encontro sobre Abelhas, 2010, Ribeirão Preto SP. IX Encontro sobre Abelhas, 2010.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
MAIA-SILVA, C.; LIMAO, A. A. C. ; SILVA, C. I. ; IMPERATRIZ-FONSECA, V. L. ; HRNCIR, M. . Strategies of stingless bees (Melipona subnitida) to cope with irregular rainy periods in the Brazilian tropical dry forest. In: International Union for the Study of Social Insects (IUSSI), 2018, Guarujá, SP. International Union for the Study of Social Insects (IUSSI), 2018.

2.
HRNCIR, M. ; SILVA, A. G. M. ; LUZ, K. S. S. ; MAIA-SILVA, C. . The hidden costs of climate warming for stingless bee survival. In: International Union for the Study of Social Insects (IUSSI), 2018, Guarujá, SP. International Union for the Study of Social Insects (IUSSI), 2018.

3.
MAIA-SILVA, CAMILA; IMPERATRIZ-FONSECA, VERA LUCIA ; LIMAO, A. A. C. ; SILVA, A. G. M. ; Filho, G.F.S. ; HRNCIR, M. . Thermal foraging window of Melipona subnitida (Apidae, Meliponini). In: IV Workshop sobre Insetos Sociais, 2017, Poços de Caldas. IV Workshop sobre Insetos Sociais, 2017.

4.
OLIVEIRA, A. F. ; CARVALHO, A. T. ; OLIVEIRA, J. R. D. ; MAIA-SILVA, C. ; HRNCIR, M. . Método de captura de abelhas com armadilhas pan trap em áreas de Caatinga. In: XXII Seminário de Iniciação Científica (SEMIC), 2016, Mossoró, RN, Brasil. XXII Seminário de Iniciação Científica (SEMIC), 2016.

5.
OLIVEIRA, J. R. D. ; MAIA-SILVA, C. ; HRNCIR, M. . Avaliação da paisagem como indicador de qualidade ambiental para abelhas nativas. In: XXII Seminário de Iniciação Científica (SEMIC), 2016, Mossoró, RN, Brasil. XXII Seminário de Iniciação Científica (SEMIC), 2016.

6.
PEREIRA, E. S. S. ; VERAS, A. R. R. ; CARVALHO, A. T. ; HRNCIR, M. ; MAIA-SILVA, C. . Nidificação de Centris analis (Apidae, Centridini) no semiárido brasileiro. In: XXII Seminário de Iniciação Científica (SEMIC), 2016, Mossoró, RN, Brasil. XXII Seminário de Iniciação Científica (SEMIC), 2016.

7.
LUZ, K. S. S. ; MAIA-SILVA, C. ; SILVA, A. M. ; SILVA, A. R. ; HRNCIR, M. . Aspectos biológicos de espermatozoides em espermatecas de rainhas de Melipona subnitida (Apidae, Meliponini). In: XXII Seminário de Iniciação Científica (SEMIC), 2016, Mossoró, RN, Brasil. XXII Seminário de Iniciação Científica (SEMIC), 2016.

8.
OLIVEIRA, P. F. ; SOUZA, A. O. ; LUZ, K. S. S. ; MAIA-SILVA, C. ; HRNCIR, M. . Dinâmica espacial de voo de Melipona subnitida (Apidae, Meliponini). In: XXII Seminário de Iniciação Científica (SEMIC), 2016, Mossoró, RN, Brasil. XXII Seminário de Iniciação Científica (SEMIC), 2016.

9.
MAIA-SILVA, C.; IMPERATRIZ-FONSECA, V. L. ; LIMAO, A. A. C. ; SILVA, A. G. M. ; Filho, G.F.S. ; HRNCIR, M. . Stingless bees (Melipona subnitida) adjust their foraging behavior to ambient temperature. In: 52nd Animal Behavior Society Annual Conference, 2015, Anchorage, Alaska. 52nd Animal Behavior Society Annual Conference, 2015.

10.
MAIA-SILVA, C.; IMPERATRIZ-FONSECA, V. L. ; HRNCIR, M. . Floristic composition and vegetation structure: indicators of habitat quality for stingless bees (Melipona subnitida). In: XI Encontro sobre Abelhas, 2015, Ribeirão Preto, SP. XI Encontro sobre Abelhas. Ribeirão Preto, SP, 2015.

11.
OLIVEIRA, P. F. ; CARVALHO, A. T. ; PEREIRA, E. S. S. ; SOUZA, A. O. ; SOUZA, V. H. S. T. ; MAIA-SILVA, C. . Trophic niche-overlap between Centris bees (C. analis, C. tarsata) in two phytophysiognomies of the brazilian semiarid region. In: XI Encontro sobre Abelhas, 2015, Ribeirão Preto, SP. XI Encontro sobre Abelhas. Ribeirão Preto, SP, 2015.

12.
PEREIRA, E. S. S. ; CARVALHO, A. T. ; OLIVEIRA, P. F. ; SOUZA, A. O. ; SOUZA, V. H. S. T. ; MAIA-SILVA, C. . Pollen types collected by Centris bees (C. analis, C. tarsata) in two phytophysiognomies of the brazilian semiarid region. In: XI Encontro sobre Abelhas, 2015, Ribeirão Preto, SP. XI Encontro sobre Abelhas. Ribeirão Preto, SP, 2015.

13.
LIMAO, A. A. C. ; IMPERATRIZ-FONSECA, V. L. ; MAIA-SILVA, C. . Environmental temperature influences the collection of water by stingless bees (Melipona subnitida) in the brazilian semiarid region. In: XI Encontro sobre Abelhas, 2015, Ribeirão Preto, SP. XI Encontro sobre Abelhas. Ribeirão Preto, SP, 2015.

14.
PEREIRA, J. S. ; SILVA, A. G. M. ; SA-FILHO, G. F. ; HRNCIR, M. ; MAIA-SILVA, C. . Which environmental factors influence the pollen collection by Melipona subnitida (Apidae, Meliponini) in an urban landscape in the brazilian semiarid region?. In: XI Encontro sobre Abelhas, 2015, Ribeirão Preto, SP. XI Encontro sobre Abelhas. Ribeirão Preto, SP, 2015.

15.
SILVA, A. G. M. ; MAIA-SILVA, C. ; SA-FILHO, G. F. ; PEREIRA, J. S. ; MOURA, V. S. ; HRNCIR, M. . Trade-off in nectar collection between concentrated and diluted nectar by stingless bees in the brazilian tropical dry-forest. In: XI Encontro sobre Abelhas, 2015, Ribeirão Preto, SP. XI Encontro sobre Abelhas. Ribeirão Preto, SP, 2015.

16.
SA-FILHO, G. F. ; MAIA-SILVA, C. ; SILVA, A. G. M. ; PEREIRA, J. S. ; CARVALHO, A. T. ; HRNCIR, M. . The thermal foraging window of stingless bees (Melipona subnitida) in moist forest enclaves of the brazilian tropical dry-forest. In: XI Encontro sobre Abelhas, 2015, Ribeirão Preto, SP. XI Encontro sobre Abelhas. Ribeirão Preto, SP, 2015.

17.
MAIA-SILVA, C.; SILVA, C. I. ; SOUZA, D. A. ; ALEIXO, K P ; IMPERATRIZ-FONSECA, VERA LUCIA ; HRNCIR, MICHAEL . Climate warming will increase direct competition for food among stingless bees. In: XXXIII Encontro Anual de Etologia, 2015, Belém. XXXIII Encontro Anual de Etologia, 2015.

18.
MAIA-SILVA, C.; HRNCIR, M. ; SILVA, C. I. ; IMPERATRIZ-FONSECA, V. L. . Influence of environmental factors on the behavior of the stingless bee Melipona subnitida in the Brazilian tropical dry forest. In: 6th European Conference of Apidology, 2014, Murcia, Espanha. 6th European Conference of Apidolody, 2014.

19.
PEREIRA, J. S. ; LIMAO, A. A. C. ; SILVA, A. G. M. ; MAIA-SILVA, C. ; HRNCIR, M. . Forrageamento de pólen no semiárido brasileiro: plantas visitadas pela abelha jandaíra (Meliponini, Melipona subnitida) em um ambiente urbano. In: XXXII Encontro Anual de Etologia e V Simpósio Latino-americano de Etologia, 2014, Mossoró/RN. XXXII Encontro Anual de Etologia e V Simpósio Latino-americano de Etologia, 2014.

20.
LIMAO, A. A. C. ; MAIA-SILVA, C. ; FELIPE NETO, C. A. L. ; IMPERATRIZ-FONSECA, V. L. . A influência dos fatores climáticos no néctar coletado por Melipona subnitida (Apidae, Meliponini) na região semiárida brasileira. In: XXXII Encontro Anual de Etologia e V Simpósio Latino-americano de Etologia, 2014, Mossoró/RN. XXXII Encontro Anual de Etologia e V Simpósio Latino-americano de Etologia, 2014.

21.
HRNCIR, M. ; FERREIRA, N. S. ; SOUZA, V. H. S. T. ; MAIA-SILVA, C. . How to stand the heat: Adaptations of stingless bees to extreme environmental conditions in the Brazilian tropical dry-forest. In: 6th European Conference of Apidology, 2014, Murcia, Espanha. 6th European Conference of Apidolody, 2014.

22.
MAIA-SILVA, C.; HRNCIR, M. ; IMPERATRIZ-FONSECA, V. L. . Pollen foraging and brood cell construction in Melipona subnitida (Apidae, Meliponini): the effect of the amount of pollen stored within the nest. In: X Encontro sobre Abelhas, 2012. X Encontro sobre Abelhas. Ribeirão Preto/SP, 2012.

23.
MAIA-SILVA, C.; HRNCIR, M. ; KOEDAM, D. ; MACHADO, R. J. P. ; IMPERATRIZ-FONSECA, V. L. . First record of mantisflies (Plega hagenella) parasitizing eusocial bee colonies (Melipona subnitida). In: 5th European Conference of Apidology, 2012, Halle an der Salle. 5th European Conference of Apidology, 2012.

24.
LIMAO, A. A. C. ; MAIA-SILVA, C. ; SILVA, C. I. ; IMPERATRIZ-FONSECA, V. L. . Pollen sources used by Melipona subnitida (Apidae, Meliponini) during the dry season in an urbanized landscape in the brazilian semi-arid region. In: X Encontro sobre Abelhas, 2012. X Encontro sobre Abelhas. Ribeirão Preto/SP, 2012.

25.
MAIA-SILVA, C.; SILVA, C. I. ; SOUZA, D. A. ; ALEIXO, K P ; IMPERATRIZ-FONSECA, V. L. ; HRNCIR, M. . Pollen resources exploited by two species of stingless bees during the cold season in the brazilian south-east. In: 42th International Apiculture Congress of APIMONDIA, 2011, Buenos Aires, Argentina. 42th International Apiculture Congress of APIMONDIA, 2011.

26.
MAIA-SILVA, C.; SOUZA, D. A. ; RODRIGUES, A. V. ; SILVA, C. I. ; HRNCIR, M. ; IMPERATRIZ-FONSECA, V. L. . Forrageamento de três espécies de abelhas sem ferrão (Melipona quadrifasciata, Melipona scutellaris, Scaptotrigona aff. depilis) durante a floração em massa de Eugenia uniflora (pitanga). In: IX Encontro sobre Abelhas, 2010, Ribeirão Preto. IX Encontro sobre Abelhas, 2010.

27.
MAIA-SILVA, C.; HRNCIR, M. ; SILVA, C. I. ; IMPERATRIZ-FONSECA, V. L. . Estratégias de forrageamento de Melipona subnitida na Caatinga: a coleta de pólen em fontes lucrativas.. In: X Congresso Íberolatino Americano de Apicultura, 2010, Natal-RN. X Congresso Íberolatino Americano de Apicultura, 2010.

28.
MAIA-SILVA, C.; ALEIXO, K P ; IMPERATRIZ-FONSECA, V. L. ; HRNCIR, M. . Competição por exploração entre duas espécies de abelhas sem ferrão (Melipona quadrifasciata, M. scutellaris): a influência do tamanho corporal na estratégia de forrageamento. In: XXVIII Encontro Anual de Etologia e II Simpósio Latino-Americano de Etologia, 2010, Alfenas, MG. XXVIII Encontro Anual de Etologia e II Simpósio Latino-Americano de Etologia, 2010.

29.
MAIA-SILVA, C.; SOUZA, D. A. ; HRNCIR, M. ; DE JONG, D. . Differences in pollen foraging behavior of Africanized Apis mellifera and Apis mellifera carnica. In: 41st Apimondia Congress, 2009, Montpellier - France. 41st Apimondia Congress, 2009.

30.
MAIA-SILVA, C.; BUGALHO, V. A ; SOUZA, D. A. ; AGUIAR, R. ; DE JONG, D. . Tempo de desenvovimento das operárias de abelhas africanizadas Apis mellifera. In: 17º Congresso Brasileiro de Apicultura e 3º de Meliponicultura, 2008, Belo Horizonte MG. 17º Congresso Brasileiro de Apicultura e 3º de Meliponicultura, 2008.

31.
MAIA-SILVA, C.; SOUZA, D. A. ; BUGALHO, V. A ; MORAIS, M. M. ; FRANCOY, T. M. ; DE JONG, D. . Influencia del peso de las obreras africanizadas (Apis mellifera) en relación a la división de trabajo. In: IX Congreso Ibero Latino Americano de Apicultura, 2008, Concepción - Chile. IX Congreso Ibero Latino Americano de Apicultura, 2008. p. 85-85.

32.
MAIA-SILVA, C.; HRNCIR, M. ; FARINA, W. M. . Influência do fluxo alimentar nos sinais de recrutamento (dança e vibrações torácicas) em Apis mellifera. In: VIII Encontro sobre Abelhas, 2008, Ribeirão Preto-SP. Anais do VIII Encontro sobre Abelhas, 2008.

33.
MAIA-SILVA, C.; BAPTISTELLA, A. R. T. O. ; HRNCIR, M. ; DE JONG, D. . Processos de forrageamento e recrutamento em colônias de abelhas sem ferrão (Melipona seminigra) durante a exploração de uma fonte natural de pólen (Eugenia uniflora). In: XXV Encontro Anual de Etologia, 2007, São José do Rio Preto. Resumos do XXV Encontro Anual de Etologia, 2007.

34.
BAPTISTELLA, A. R. T. O. ; MAIA-SILVA, C. ; ASSIS, A. F. ; AKATSU, I.P. ; SOARES, A. E. E. . Distribuição espacial dos ninhos de Frieseomelitta varia no campus da USP, Ribeirão Preto-SP. In: XXV Encontro Anual de Etologia, 2007, São José do Rio Preto. Resumos do XXV Encontro Anual de Etologia, 2007.

35.
AMARAL, J. M. J. ; Guerra-Neto, G ; HOPPE, E. G. L ; ANDRADE, T. M ; NAKAGE, A. P ; PERIN, C. ; MAIA-SILVA, CAMILA ; BARIONE, D. F. ; POLEGATTO, C. M. ; DE JONG, D. . Captura e Contenção Física de Cebus apella nigritus (Cebidae, Primates) de Vida Livre, que Habitam a Mata Santa Teresa - Ribeirão Preto, SP. In: XI Congresso Brasileiro de Primatologia, 2005, Porto Alegre. Programa e Livro de Resumos do XI Congresso Brasileiro de Primatologia, 2005.

Apresentações de Trabalho
1.
MAIA-SILVA, C.. Mudanças climáticas e possíveis consequências para os polinizadores. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
MAIA-SILVA, C.. A Trilha de polinizadores na Estação Experimental da UFERSA. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
MAIA-SILVA, C.. A meliponicultura na Caatinga e a dependência das plantas melíferas para sua sustentabilidade. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
MAIA-SILVA, C.; HRNCIR, M. ; IMPERATRIZ-FONSECA, V. L. . Pollen foraging and brood cell construction in Melipona subnitida (Apidae, Meliponini): the effect of the amount of pollen stored within the nest. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
MAIA-SILVA, C.; HRNCIR, M. ; KOEDAM, D. ; MACHADO, R. J. P. ; IMPERATRIZ-FONSECA, V. L. . First record of mantisflies (Plega hagenella) parasitizing eusocial bee colonies (Melipona subnitida). 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
MAIA-SILVA, C.. Conservação de Plantas e Abelhas do Semiárido. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

7.
MAIA-SILVA, C.; ALEIXO, K P ; IMPERATRIZ-FONSECA, V. L. ; HRNCIR, M. . Competição por exploração entre duas espécies de abelhas sem ferrão (Melipona quadrifasciata, M. scutellaris): a influência do tamanho corporal na estratégia de forrageamento. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

8.
MAIA-SILVA, C.; IMPERATRIZ-FONSECA, V. L. . Estudos comportamentais relacionados ao papel da abelha jandaíra (Melipona subnitida) na polinização de plantas do semi-árido. 2010. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

9.
MAIA-SILVA, C.. O tamanho das células do favo e sua influência sobre as abelhas Apis mellifera. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

10.
MAIA-SILVA, C.. Biologia de Apis. 2008. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).


Produção técnica
Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
MAIA-SILVA, C.. Abelhas sem ferrão ? Mecanismos de controle de forrageamento e construção de células de cria em colônias. 2016. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

Redes sociais, websites e blogs
1.
MAIA-SILVA, C.; IMPERATRIZ-FONSECA, V. L. ; HRNCIR, M. ; KOEDAM, D. ; CARVALHO, A. T. . Grupo ASA: Abelhas Semiárido. 2013; Tema: Grupo de pesquisa em abelhas da UFERSA ? Mossoró RN. (Blog).


Demais tipos de produção técnica
1.
MAIA-SILVA, C.. Curso de preparação e identificação de grãos de pólen. 2014. .

2.
MAIA-SILVA, C.; HRNCIR, M. ; IMPERATRIZ-FONSECA, V. L. . Folder - Trilha dos polinizadores UFERSA: um passeio ecológico na Caatinga. 2013. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Folder).

3.
MAIA-SILVA, C.. Plantas Apícolas do Semiárido e generalidades sobre Meliponicultura. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

4.
MAIA-SILVA, C.; DE JONG, D. . Interpretação da Literatura Científica. 2008. (Curso de curta duração ministrado/Outra).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
HRNCIR, M.; FERNANDES, R.; MAIA-SILVA, C.. Participação em banca de Aline Oliveira de Souza. Influência de variáveis ambientais sobre a produção de sexuados em colônias da abelha Melipona subnitida (Apidae, Meliponini). 2018. Dissertação (Mestrado em Ecologia e Conservação) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

2.
HRNCIR, M.; MAIA-SILVA, C.; FERNANDES, R.. Participação em banca de Aline Oliveira de Souza. Influência de variáveis ambientais sobre a produção de sexuados em colônias da abelha Melipona subnitida (Apidae, Meliponini). 2018. Dissertação (Mestrado em Ecologia e Conservação) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

3.
HRNCIR, M.; MAIA-SILVA, C.; CARVALHO, A. T.. Participação em banca de Geovan Figueirêdo de Sá Filho. Forrageamento de abelhas sem ferrão Melipona subnitida (Apidae, Meliponini) em uma área de brejo de altitude no nordeste brasileiro. 2016. Dissertação (Mestrado em Ecologia e Conservação) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

4.
MAIA-SILVA, C.; HRNCIR, M.; CARVALHO, A. T.. Participação em banca de Amanda Aparecida de Castro Limão. A influência dos fatores bióticos e abióticos no néctar coletado por Melipona subnitida (Apidae, Meliponini) na Caatinga.. 2015. Dissertação (Mestrado em Ecologia e Conservação) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

5.
HRNCIR, M.; MAIA-SILVA, C.; KOEDAM, D.. Participação em banca de Fabiano Luiz de Oliveira. Atividade de voo de Plebeia aff. flavocincta (Apidae, Meliponini) e sua relação com fatores abióticos. 2015. Dissertação (Mestrado em Ciência Animal) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

Teses de doutorado
1.
IMPERATRIZ-FONSECA, V. L.; RIBEIRO, M. F.; FRANCOY, T. M.; HRNCIR, M.; MAIA-SILVA, C.. Participação em banca de Francimária Rodrigues. Influência do sítio de coleta e estação do ano sobre a variação da forma da asa de MELIPONA mandacaia smith, 1863 (Hymenoptera, Apidae, Meliponini). 2018. Tese (Doutorado em Ciência Animal) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

2.
SILVA, J. B. A.; BLANCO, B. S.; SILVA, R. O. S.; MAIA-SILVA, C.; AROUCHA, E. M. M.. Participação em banca de Carolina de Gouveia Mendes da Escóssia Pinheiro. Caracterização do mel das abelhas Jandaíra (Melipona subnitida) do Estado do Rio Grande do Norte. 2016. Tese (Doutorado em Ciência Animal) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

Qualificações de Doutorado
1.
HRNCIR, M.; MAIA-SILVA, C.; KOEDAM, D.. Participação em banca de Noeide da Silva Ferreira. Homeostase térmica em abelhas sem ferrão: mecanismos termorregulatórios utilizados por abelhas Melipona subnitida (Apidae, Meliponini) para lidar com temperaturas elevadas. 2016. Exame de qualificação (Doutorando em Ciência Animal) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

Qualificações de Mestrado
1.
HRNCIR, M.; MAIA-SILVA, C.; CARVALHO, A. T.. Participação em banca de Geovan Figueirêdo de Sá Filho. Atividade de forrageamento de abelha sem ferrão (Melipona subnitida) em brejo de altitude no semiárido brasileiro.. 2015. Exame de qualificação (Mestrando em Ecologia e Conservação) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

2.
MAIA-SILVA, C.; CARVALHO, A. T.; KOEDAM, D.. Participação em banca de Amanda Aparecida de Castro Limão. Influência dos fatores abióticos na concentração de açúcar do néctar coletado por Melipona subnitida (Apidae, Meliponini) na Caatinga. 2014. Exame de qualificação (Mestrando em Ecologia e Conservação) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

3.
CARVALHO, A. T.; MAIA-SILVA, C.; HRNCIR, M.. Participação em banca de Carlos Antonio Lira Felipe Neto. Influência da cobertura vegetal sobre a produção e a quantidade do mel da abelha jandaíra (Melipona subnitida, Apidae; Meliponini) na Caatinga. 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Ciência Animal) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

4.
HRNCIR, M.; MAIA-SILVA, C.; CARVALHO, A. T.. Participação em banca de Fabiano Luiz de Oliveira. Adaptações e mecanismos de regulação térmica em Plebeia aff. flavocincta (Cockerell, 1912) (Hymenoptera, Apidae, Meliponini). 2013. Exame de qualificação (Mestrando em Ciência Animal) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
MAIA-SILVA, C.; FRANCA, L. F.; SILVA, P. C. M.. Participação em banca de Jecson Regman Dantas de Oliveira.Influência da paisagem na riqueza de abelhas em um fragmento de Caatinga. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ecologia) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

2.
MAIA-SILVA, C.; CARVALHO, A. T.; BALDAUF, C.. Participação em banca de Denis de Oliveira Cavalheiro.Tipos polínicos coletados por abelhas solitárias (Apidae, Centridini, Centris) no nordeste brasileiro. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ecologia) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

3.
HRNCIR, M.; MAIA-SILVA, C.; KOEDAM, D.. Participação em banca de Aline Oliveira de Souza.A influência da temperatura sobre a atividade forrageira de formigas (Dinoponera quadriceps). 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ecologia) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

4.
BALDAUF, C.; CAMACHO, R. G. V.; MAIA-SILVA, C.. Participação em banca de Lorena Karla Ferreira de Medeiros.Importância cultural de espécies vegetais em uma comunidade rural do semiárido brasileiro. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ecologia) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

5.
MAIA-SILVA, C.; Lunardi, V O; HRNCIR, M.. Participação em banca de Jaciara da Silva Pereira.Plantas importantes para a manutenção da abelha jandaíra (Melipona subnitida) em paisagem urbana do semiárido brasileiro. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ecologia) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

6.
HRNCIR, M.; MAIA-SILVA, C.; BARROS, P. K. S.. Participação em banca de Luiz Luz da Silva Junior.Atividade de voo de Partamona seridoensis. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências Biológicas) - Universidade do Estado do Rio Grande do Norte.

7.
Lunardi, V O; Lunardi, D G; MAIA-SILVA, C.. Participação em banca de Maria Luiza Andrade Mendonça.Variação sazonal, uso do habitat e reprodução do pernilongo-de-costas-negras Himantopus mexicanus (Aves, Charadriiformes) em salinas do estuário do Rio Apodi- Mossoró, nordeste do Brasil. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ecologia) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

8.
Lunardi, V O; Lunardi, D G; MAIA-SILVA, C.. Participação em banca de Catharina Cristhina de Oliveira Silva.Seleção de locais para descanso pelo tesourinha Tachornis squamata (Aves, Apodidae) no semiárido brasileiro. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ecologia) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Outras participações
1.
Lunardi, D G; MAIA-SILVA, C.. Seleção de mestrado nível acadêmico do Programa de Pós-graduação em Ambiente, Tecnologia e Sociedade/ PPGATS. 2014. Universidade Federal Rural do Semi-Árido.

2.
Lunardi, V O; MAIA-SILVA, C.. Seleção de mestrado nível acadêmico do Programa de Pós-graduação em Ambiente, Tecnologia e Sociedade/ PPGATS. 2014. Universidade Federal Rural do Semi-Árido.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
IV Workshop sobre Insetos Sociais. Thermal foraging window of Melipona subnitida (Apidae, Meliponini). 2017. (Congresso).

2.
52nd Animal Behavior Society Annual Conference. Stingless bees (Melipona subnitida) adjust their foraging behavior to ambient temperature. 2015. (Congresso).

3.
XI Encontro sobre Abelhas. Floristic composition and vegetation structure: indicators of habitat quality for stingless bees (Melipona subnitida). 2015. (Congresso).

4.
6th European Conference of Apidology. Influence of environmental factors on the behavior of the stingless bee Melipona subnitida in the Brazilian tropical dry forest. 2014. (Congresso).

5.
XXXII Encontro Anual de Etologia e V Simpósio Latino-Americano de Etologia. 2014. (Congresso).

6.
19º Congresso Brasileiro de Apicultura, 5º Congresso Brasileiro de Meliponicultura. A meliponicultura na caatinga e a dependência das plantas melíferas para sua sustentabilidade. 2012. (Congresso).

7.
5th European Conference of Apidology. First record of mantisflies (Plega hagenella) parasitizing eusocial bee colonies (Melipona subnitida). 2012. (Congresso).

8.
VII CBUC Congresso Brasileiro de Unidades de Conservação. 2012. (Congresso).

9.
X Encontro sobre Abelhas. Pollen foraging and brood cell construction in Melipona subnitida (Apidae, Meliponini): the effect of the amount of pollen stored within the nest. 2012. (Congresso).

10.
42º. International Congress of Apiculture APIMONDIA. Pollen resources exploited by two species of stingless bees during the cold season in the Brazilian South-East. 2011. (Congresso).

11.
I Workshop sobre abelhas do semiárido.Estudos comportamentais relacionados ao papel da abelha jandaíra (Melipona subnitida) na polinização de plantas do semi-árido. 2010. (Outra).

12.
IX Encontro sobre Abelhas. Forrageamento de três espécies de abelhas sem ferrão (Melipona quadrifasciata, M. scutellaris, Scaptotrigona aff. depilis) durante a floração em massa de Eugenia uniflora (pitanga). 2010. (Congresso).

13.
X Congresso Íberolatino Americano de Apicultura. Estratégias de forrageamento de Melipona subnitida na Caatinga: a coleta de pólen em fontes lucrativas.. 2010. (Congresso).

14.
XXVIII Encontro Anual de Etologia e II Simpósio Latino-Americano de Etologia. Competição por exploração entre duas espécies de abelhas sem ferrão (Melipona quadrifasciata, M. scutellaris): a influência do tamanho corporal na estratégia de forrageamento. 2010. (Congresso).

15.
17º. Congresso Brasileiro de Apicultura e 3º. Meliponicultura. Tempo de desenvolvimento das operárias de abelhas Africanizadas Apis mellifera.. 2008. (Congresso).

16.
VI Curso de Verão em Entomologia.Biologia de Apis. 2008. (Outra).

17.
VIII Encontro sobre Abelhas. Influência do fluxo alimentar nos sinais de recrutamento (dança e vibrações torácicas) em Apis mellifera. 2008. (Congresso).

18.
XIII Curso de Verão em Genética.O tamanho das células do favo e sua influência sobre as abelhas Apis mellifera. 2008. (Outra).

19.
I Encontro de Biologia do Desenvolvimento da USP. 2007. (Encontro).

20.
XXV Encontro Anual de Etologia. Processos de forrageamento e recrutamento em colônias de abelhas sem ferrão (Melipona seminigra)durante a exploração de uma fonte natural de pólen (Eugenia uniflora).. 2007. (Congresso).

21.
VII Encontro sobre abelhas.. 2006. (Congresso).

22.
SABio - Simpósio sobre avanços em Biologia. 4º SABio - Simpósio sobre avanços em Biologia.. 2004. (Simpósio).

23.
SABio - Simpósio sobre avanços em Biologia. 2º SABio - Simpósio sobre avanços em Biologia.. 2002. (Simpósio).

24.
SABio - Simpósio sobre avanços em Biologia. 1º SABio - Simpósio sobre avanços em Biologia.. 2001. (Simpósio).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
HRNCIR, M. ; MAIA-SILVA, C. . XXXII Encontro Anual de Etologia e do V Simpósio Latino-americano de Etologia. 2014. (Congresso).

2.
HARTFELDER, K. H. ; MAIA-SILVA, C. . IX Encontro sobre Abelhas. 2010. (Congresso).

3.
IMPERATRIZ-FONSECA, V. L. ; MAIA-SILVA, C. . VIII Encontro sobre Abelhas. 2008. (Congresso).

4.
NUNES-SILVA, P. ; MAIA-SILVA, C. . VI Curso de Verão em Entomologia. 2008. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Iniciação científica
1.
Eva Sara Santiago Pereira. Nidificação de Centris analis (Apidae, Centridini) no semiárido brasileiro. Início: 2016. Iniciação científica (Graduando em Ecologia) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Antonio Gustavo Medeiros da Silva. Efeito do aumento da temperatura sobre a atividade colonial de abelhas sem ferrão na caatinga (Melipona subnitida). 2017. Dissertação (Mestrado em Ecologia e Conservação) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Coorientador: Camila Maia da Silva.

2.
Jaciara da Silva Pereira. A redução na disponibilidade de recursos florais aumenta o tempo de forrageamento de abelhas sem ferrão (Melipona subnitida, Apidae, Meliponini). 2017. Dissertação (Mestrado em Ecologia e Conservação) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Coorientador: Camila Maia da Silva.

3.
Amanda Aparecida de Castro Limão. Influência da origem botânica e das condições abióticas na concentração de açúcar do néctar coletado por Melipona subnitida (Apidae, Meliponini) na Caatinga.. 2015. Dissertação (Mestrado em Ecologia e Conservação) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Coorientador: Camila Maia da Silva.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
Jecson Regman Dantas de Oliveira. A cobertura vegetal influencia a riqueza de abelhas no semiárido brasileiro. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ecologia) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido. Orientador: Camila Maia da Silva.

2.
Denis de Oliveira Cavalheiro. Tipos polínicos coletados por abelhas solitárias no nordeste brasileiro (Apidae, Centridini: Centris analis, C. tarsata). 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ecologia) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Camila Maia da Silva.

3.
Jaciara da Silva Pereira. Plantas importantes para a manutenção da abelha jandaíra (Melipona subnitida) em paisagem urbana do semiárido brasileiro. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Ecologia) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Camila Maia da Silva.

Iniciação científica
1.
Jecson Regman Dantas de Oliveira. Avaliação da paisagem como indicador da qualidade ambiental para abelhas nativas. 2016. Iniciação Científica. (Graduando em Ecologia) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido. Orientador: Camila Maia da Silva.

2.
Eva Sara Santiago Pereira. Plantas utilizadas na alimentação de crias da abelha solitária, Centris analis (Apidae, Centridini), no semiárido brasileiro. 2015. Iniciação Científica. (Graduando em Ecologia) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Camila Maia da Silva.

3.
Aline Oliveira de Souza. Plantas visitadas por Melipona subnitida (Apidae, Meliponini) em área urbana da Caatinga. 2015. Iniciação Científica - Universidade Federal Rural do Semi-Árido, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Camila Maia da Silva.

4.
Vinicio Heidy da Silva Teixeira de Souza. Tipos polínicos coletados por abelhas solitárias na Caatinga. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em Ecologia) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Camila Maia da Silva.

5.
Jaciara da Silva Pereira. Plantas importantes para a manutenção da abelha jandaíra (Melipona subnitida) em paisagem urbana do semiárido brasileiro. 2014. Iniciação Científica. (Graduando em Ecologia) - Universidade Federal Rural do Semi-Árido, Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico. Orientador: Camila Maia da Silva.



Educação e Popularização de C & T



Artigos
Artigos completos publicados em periódicos
1.
MAIA-SILVA, C.2014MAIA-SILVA, C.; GONCALVES, L. S. ; HRNCIR, M. ; IMPERATRIZ-FONSECA, V. L. . Trilha dos polinizadores UFERSA: um passeio ecológico na Caatinga. Mensagem Doce (Associação Paulista de Apicultores, Criadores de Abelhas Melificas Européias), v. 126, p. 2-5, 2014.


Apresentações de Trabalho
1.
MAIA-SILVA, C.. Mudanças climáticas e possíveis consequências para os polinizadores. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
MAIA-SILVA, C.. A Trilha de polinizadores na Estação Experimental da UFERSA. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).


Cursos de curta duração ministrados
1.
MAIA-SILVA, C.. Plantas Apícolas do Semiárido e generalidades sobre Meliponicultura. 2011. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).


Redes sociais, websites e blogs
1.
MAIA-SILVA, C.; IMPERATRIZ-FONSECA, V. L. ; HRNCIR, M. ; KOEDAM, D. ; CARVALHO, A. T. . Grupo ASA: Abelhas Semiárido. 2013; Tema: Grupo de pesquisa em abelhas da UFERSA ? Mossoró RN. (Blog).



Outras informações relevantes


ESTÁGIOS REALIZADOS
- Realizou Estágio PAE com carga horária de 6 horas semanais durante o 2 semestre de 2010, tendo desenvolvido atividades didáticas junto à disciplina de Ecologia de Ecossistemas, do Departamento de Biologia, da Faculdade de Filosofia, Ciências e Letras de Ribeirão Preto, aos alunos de graduação, sob supervisão do Prof. Dr. Fábio Santos do Nascimento. 

Aprovação em 3ª lugar no concurso público para docente, disciplina: Ecotoxicologia. Ecologia de Poluição. Ecologia de Regiões Semiáridas, EDITAL N. 38/2013, Diário Oficial da União nº 082, de 30 de Abril de 2013



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 17/01/2019 às 18:29:51