Gislaine Cristina de Souza Melanda

Bolsista de Doutorado do CNPq

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/6979293262971543
  • Última atualização do currículo em 31/08/2018


Graduação em Ciências Biológicas pela Universidade Estadual de Londrina - Paraná/BR (2011-2016). Realizou graduação em Licenciatura em Biologia pela Universidade de Coimbra-PT em período sanduíche pelo Programa Licenciaturas Internacionais- PLI/Capes, de 2012 a 2014. Mestre em Sistemática e Evolução pelo Programa de Pós-Graduação em Sistemática e Evolução na Universidade Federal do Rio Grande do Norte (UFRN), Laboratório de Biologia de Fungos, com ênfase em taxonomia de fungos gasteroides. Doutoranda em Biologia de Fungos pela Universidade Federal de Pernambuco (UFPE) trabalhando com fungos gasteroides (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Gislaine Cristina de Souza Melanda
Nome em citações bibliográficas
MELANDA, G. C. S.;Melanda, Gislaine Cristina de Souza;Melanda, G. C. S.;MELANDA, GCS;SOUZA, G.C.;Gislaine Cristina de Souza Melanda;SOUZA, G. C.


Formação acadêmica/titulação


2018
Doutorado em andamento em Biologia de Fungos.
Universidade Federal de Pernambuco, UFPE, Brasil.
Título: REVISÃO DA SÉRIE LATERNOIDE (CLATHRACEAE, PHALLALES) E ESPÉCIES MORFOLÓGICAMENTE APARENTADAS UTILIZANDO UMA TAXONOMIA INTEGRATIVA,
Orientador: Iuri Goulart Baseia.
Coorientador: María Paz Martín.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: Gasteromycetes; Sistemática; Taxonomia; cage fungi.
2016 - 2018
Mestrado em Sistemática e Evolução.
Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.
Título: REVISÃO DO GÊNERO BLUMENAVIA MÖLLER (PHALLALES): INTEGRAÇÃO DE DADOS MORFOLÓGICOS E MOLECULARES,Ano de Obtenção: 2018.
Orientador: Iuri Goulart Baseia.
Coorientador: María Paz Martín.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências Biológicas
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Microbiologia / Subárea: Biologia e Fisiologia dos Microorganismos / Especialidade: Micologia.
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Microbiologia / Subárea: Fungos gasteroides.
2011 - 2016
Graduação em Ciências Biológicas.
Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.
com período sanduíche em Universidade de Coimbra (Orientador: Álvaro Lorencini Junior).
2012 - 2014
Graduação em Licenciatura em Biologia.
Universidade de Coimbra, UC, Portugal.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
2009 - 2010
Curso técnico/profissionalizante em Curso Técnico em Meio Ambiente.
Colégio Estadual Albino Feijó Sanches, CEAFS, Brasil.




Formação Complementar


2017 - 2017
Inglês-Compreensão oral: palestras e aulas, B1, IsF. (Carga horária: 32h).
Núcleo de Línguas da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, NUCLIUFRN, Brasil.
2017 - 2017
Inglês- Exames de proficiência: familiarização, nível B1, IsF. (Carga horária: 16h).
Núcleo de Línguas da Universidade Federal do Rio Grande do Norte, NUCLIUFRN, Brasil.
2017 - 2017
Curso de Inglês Nível III - MyEnglish Online CAPES. (Carga horária: 60h).
National Geographic Learning, MEO, Brasil.
2016 - 2016
I Curso de Verão em Micologia. (Carga horária: 30h).
Instituto de Botânica, IBT, Brasil.
2016 - 2016
Curso de Inglês Nível II - MyEnglish Online CAPES. (Carga horária: 60h).
National Geographic Learning, MEO, Brasil.
2015 - 2015
Oficina de LIBRAS - Língua Brasileira de Sinais. (Carga horária: 4h).
Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.
2015 - 2015
Minicurso Formação profº inclusão alunos necessidades especiais. (Carga horária: 4h).
Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.
2015 - 2015
Minicurso: Agricultura Moderna-Impactos e alternativas sustentáveis. (Carga horária: 4h).
Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.
2014 - 2014
Curso de Español para extranjeros. (Carga horária: 20h).
Centro de Estudios Internacionales, ENFOREX, Espanha.
2014 - 2014
Workshop: Património Florístico do Algarve.
Universidade do Algarve, UALG, Portugal.
2013 - 2013
Workshop: Espécies invasoras.
Universidade do Minho, UMINHO, Portugal.
2013 - 2013
Workshop: Caracterização avançada das células.
Universidade do Minho, UMINHO, Portugal.
2012 - 2012
Minicurso:Ferramentas de bioinformática. (Carga horária: 4h).
Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.
2012 - 2012
Minicurso:Alternativas de uso e impactos ambientais de resíduos. (Carga horária: 4h).
Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.
2011 - 2011
II Trabalhos Técnicos em Consultoria Ambiental. (Carga horária: 8h).
Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.
2011 - 2011
Atualização em biotecnologia e biossegurança. (Carga horária: 10h).
Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.
2011 - 2011
Minicurso: Métodos para Levantamento da Flora. (Carga horária: 4h).
Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.
2011 - 2011
Minicurso: Desmestificando a Fauna Brasileira. (Carga horária: 3h).
Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.
2011 - 2011
Levantamento florístico e paisagístico do campus da UEL. (Carga horária: 30h).
Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.
2009 - 2009
Gestão Ambiental. (Carga horária: 4h).
Centro Universitário Filadélfia, UNIFIL, Brasil.
2009 - 2009
Licenciamento e Auditoria Ambiental no Estado do Paraná. (Carga horária: 3h).
Universidade Norte do Paraná, UNOPAR, Brasil.
2009 - 2009
Crédito de Carbono. (Carga horária: 4h).
Centro Universitário Filadélfia, UNIFIL, Brasil.
2007 - 2007
Curso de Inglês Avançado. (Carga horária: 50h).
SESC PARANÁ, SESC, Brasil.
2006 - 2007
Curso de Língua Espanhola. (Carga horária: 324h).
Centro de Linguas Estrangeiras Modernas, CELEM, Brasil.
2006 - 2006
Curso Intermediário de Inglês. (Carga horária: 55h).
SESC PARANÁ, SESC, Brasil.
2006 - 2006
Curso Básico de Inglês. (Carga horária: 50h).
SESC PARANÁ, SESC, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil.
Vínculo institucional

2016 - Atual
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista de mestrado, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

03/2016 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Centro de Biociências, Departamento de Botânica e Zoologia.


Universidade Estadual de Londrina, UEL, Brasil.
Vínculo institucional

2015 - 2016
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: PIBID, Carga horária: 8
Outras informações
PIBID III - PROGRAMA INSTITUCIONAL DE BOLSA DE INICIAÇÃO À DOCÊNCIA - AMPLIAÇÃO E CONSOLIDAÇÃO Coordenador: Profº Carlos Alberto Albertuni Orientadora: Profª Tania Aparecida da Silva Klein


Universidade de Coimbra, UC, Portugal.
Vínculo institucional

2012 - 2014
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Aluno Programa Licenciaturas Internacionais, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Graduação Sanduíche pelo PLI-Programa Licenciaturas Internacionais, com bolsa da CAPES, na Universidade de Coimbra (UC), Portugal,

Atividades

06/2013 - 07/2014
Estágios , Departamento de Ciências da Vida da UC, .

Estágio realizado
As atividades de investigação incluíram trabalho de campo e laboratório.

Prefeitura Municipal de Londrina, P/LONDRINA, Brasil.
Vínculo institucional

2009 - 2009
Vínculo: Estágio Voluntário, Enquadramento Funcional: Biblioteca Móvel Amb. e Descobrindo o Parque
Outras informações
Total 49 horas.


Companhia Municipal de Trânsito e Urbanização, CMTU, Brasil.
Vínculo institucional

2009 - 2009
Vínculo: Estágio Voluntário, Enquadramento Funcional: Coleta Seletiva
Outras informações
Total 160 horas


Instituto Paranaense de Assistência Técnica e Extensão Rural, EMATER/PR, Brasil.
Vínculo institucional

2009 - 2009
Vínculo: Estágio voluntário, Enquadramento Funcional: Via Rural-EXPOLONDRINA-Apoio Meio Ambiente
Outras informações
Total 60 horas


Secretaria de Estado do Meio Ambiente e dos Recursos Hídricos - PR, SEMA, Brasil.
Vínculo institucional

2009 - 2009
Vínculo: Estágio Voluntário, Enquadramento Funcional: Atividade de Educação Ambiental -Matsuri
Outras informações
Atividade voluntária de Educação Ambiental sob a orientação da SEMA no Londrina Matsuri, 2009, com carga horária total de 16 horas.

Vínculo institucional

2009 - 2009
Vínculo: Estágio Voluntário, Enquadramento Funcional: Atividade de Educação Ambiental
Outras informações
Atividade de Educação Ambiental desenvolvida no evento "Cem milhões de Mudas de Árvores Plantadas no Paraná"- Programa Mata Ciliar, total 10 horas.



Linhas de pesquisa


1.
Taxonomia e sistemática de fungos

Objetivo: Revisar as coleções do gênero Blumenavia de herbários nacionais e internacionais por meio de análises taxonômicas e moleculares e realizar a identificação de espécimes coletados, a fim de determinar quais caracteres são informativos para separação das espécies..
Grande área: Ciências Biológicas
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Biologia Geral / Subárea: taxonomia.
Palavras-chave: Clathraceae; Gasteromycetes; Sistemática; Taxonomia.


Projetos de pesquisa


2016 - 2016
Estudos taxonômicos e filogenéticos de fungos gasteroides (Basidiomycota) com enfase em Lycoperdaceae
Descrição: Os fungos gasteroides têm em comum os basidiomas angiocárpicos e dispersão passiva dos esporos (estatimósporos), e durante muito tempo eram agrupados na classe Gasteromycetes; porém, os estudos moleculares confirmaram que a natureza angiocarpica surgiu numerosas vezes ao longo da evolução dos fungos, em distintas ordens de Agaricomycotina (Agaricales, Boletales, Geastrales, Gomphales, Russulales). Para compreender a evolução dos homobasidiomicetos, os fungos gasteroides são um grupo chave, já que alguns estudos sugerem que seu tipo de desenvolvimento é uma adaptação a regiões de clima cada vez mais quentes. Entretanto, estes estudos estão concentrados em espéciemees dp Hemisferio Norte e zonas temperadas, por isso é fundamental estudar esspéciemes do Hemisferio Sul. A identificação dos fungos gasteroides se tem baseado tradicionalmente nos caracteres morfológicos, mas o advento de técnicas moleculares permitiu revelar a existência de inúmeras espécies crípticas. O objetivo do presente projeto é realizar estudos taxonômicos e moleculares de vários grupos de fungos gasteroides, incluindo formas epígeas e hipógeas, oriundas do semiárido nordestino e de áreas de mata atlântica. Esperamos com isso ampliar o conhecimento não somente em nível específico, mas também inferir sobre níveis hierárquicos mais elevados. A experiência da Professora Dra. Maria Paz Martín será de suma importância para os estudos de filogenia molecular, pois este é um tema do interesse de todos os projetos de discentes que estão sendo desenvolvidas no Programa de Pós-graduação em Sistemática e Evolução da UFRN. (Projeto Pesquisador Visitante Especial do Programa Ciencia sem Fronteiras. Chamada MEC/MCTI/CNPq/FAPs nº 71/2013).
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (2) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (9) .
Integrantes: Gislaine Cristina de Souza Melanda - Integrante / Bianca Denise Barbosa da Silva - Integrante / Maria Paz Martín - Integrante / Renato Juciano Ferreira - Integrante / Donis S Alfredo - Integrante / R H S F CRUZ - Integrante / Iuri Goulart Baseia - Coordenador / Alexandro de Andrade de Lima - Integrante / Nathalia Mendonça de Assis - Integrante / Julieth de Oliveira Sousa - Integrante / Marcelo Aloisio Sulzbacher - Integrante / Thiago Accioly - Integrante / Julimar Freitas Neto - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2016 - Atual
Estudos taxonômicos e filogenéticos de fungos gasteroides (Basidiomycota) com ênfase em Lycoperdaceae
Descrição: Os fungos gasteroides têm em comum os basidiomas angiocárpicos e dispersão passiva dos esporos e por isso, durante muito tempo foram agrupados na classe Gasteromycetes. Porém, estudos moleculares confirmaram que a natureza angiocarpica surgiu numerosas vezes ao longo da evolução dos fungos, em distintas ordens de Agaricomycotina (Agaricales, Boletales, Geastrales, Gomphales, Phallales, Russulales). Para compreender a evolução dos homobasidiomicetos, os fungos gasteroides são um grupo chave, tendo em vista que alguns estudos sugerem que seu tipo de desenvolvimento é uma adaptação a regiões com estresse climático. Entretanto, estes estudos estão concentrados em espécimes do hemisferio norte e zonas temperadas, por isso é fundamental estudar as coleções provenientes de áreas tropicais do hemisferio sul. A identificação dos fungos gasteroides tem se baseado tradicionalmente nos caracteres morfológicos, mas o advento de técnicas moleculares esta revelando a existência de inúmeras espécies crípticas e semi crípticas. O objetivo do presente projeto é realizar estudos taxonômicos e moleculares de vários grupos de fungos gasteroides, incluindo formas epígeas e hipógeas, oriundas do semiárido nordestino e de áreas de mata atlântica. Esperamos com isso, ampliar o conhecimento não somente em nível específico, mas também inferir sobre níveis hierárquicos mais elevados. (Projeto Universal CNPq.
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Especialização: (0) / Mestrado acadêmico: (4) / Mestrado profissional: (0) / Doutorado: (11) .
Integrantes: Gislaine Cristina de Souza Melanda - Integrante / Bianca Denise Barbosa da Silva - Integrante / Maria Paz Martín - Integrante / Renato Juciano Ferreira - Integrante / Donis S Alfredo - Integrante / A C M RODRIGUES - Integrante / R. H. S. F. Cruz - Integrante / Iuri Goulart Baseia - Coordenador / Alexandro de Andrade de Lima - Integrante / Nathalia Mendonça de Assis - Integrante / Julieth de Oliveira Sousa - Integrante / Paulo Sergio Lucio Marinho - Integrante / Marcelo Aloisio Sulzbacher - Integrante / Thiago Accioly - Integrante / Julimar Freitas Neto - Integrante / Verônica Giuliani de Queiroz Aquino Martins - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Auxílio financeiro.
2015 - 2016
Desenvolvimento de fertilizantes de base biológica e de rotas alternativas para a produção de fertilizantes fosfatados e potássicos a partir de rochas marginais e subprodutos da mineração.
Descrição: Colaborador em Projeto. O projeto de pesquisa desenvolvimento de fertilizantes de base biológica e de rotas alternativas para a produção de fertilizantes fosfatados e potássicos a partir de rochas marginais e subprodutos da mineração é um projeto de cooperação embrapa/vale fertilizantes e participante da rede fertbrasil, uma rede de pesquisa multidisciplinar que envolve vários pesquisadores em torno do tema tecnologias em fertilizantes . Este projeto contempla cinco subprojetos, entre eles o subprojeto 3 intitulado desenvolvimento de fertilizantes fosfatados de base biológica a partir do fosfato de patos de minas e de subprodutos da mineração e do processo de acidulação de fosfatos , no qual estão incluídas 19 atividades de pesquisa a serem realizadas por diversos pesquisadores. As atividades a serem desenvolvidas incluem o melhoramento genético de bactérias e fungos visando à obtenção de estirpes com elevada capacidade de solubilização de fosfato para uso na agricultura. Neste sentido, o presente projeto visa obter mutantes por meio de técnicas clássicas de mutação, selecionando aqueles mutantes de alta eficiência na solubilização do fosfato..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.


Outros Projetos


2011 - 2011
Levantamento Florístico e Planejamento Paisagístico do Campus da Universidade Estadual de Londrina
Descrição: Colaborador no Programa de Formação Complementar.Este programa pretende preservar as espécies com grande potencial para pesquisa do campus da Universidade Estadual de Londrina, bem como coletar sementes e armazená-las adequadamente em sementário, realizar o levantamento florístico das espécies existentes e integrá-las a um planejamento paisagístico..
Situação: Concluído; Natureza: Outra.


Revisor de periódico


2017 - Atual
Periódico: CADERNOS DE CULTURA E CIÊNCIA (URCA)
2017 - Atual
Periódico: SAÚDE (SANTA MARIA)


Idiomas


Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Inglês
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
GURGEL, R. A. F.2017GURGEL, R. A. F. ; MELANDA, GCS ; FERREIRA RJ ; ALFREDO DS ; BASEIA IG . Mycenastrum catimbauense (Agaricales, Basidiomycota), a new puffball species from the Brazilian semi-arid region. Studies in Fungi, v. 2, p. 112-118, 2017.

2.
MEDEIROS, G. S.2017MEDEIROS, G. S. ; RODRIGUES, A. C. M. ; CRUZ, R. H. S. F. ; MELANDA, G. C. S. ; CARVALHO Jr, A. A. ; BASEIA, I. G. . Phallus fluminensis (Phallaceae, Basidiomycota), a new species of stinkhorn from the Brazilian Atlantic rainforest. Studies in Fungi, v. 2, p. 191-198, 2017.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
REJAN, D. C. L. ; MAISTRO, V. I. A. ; KLEIN, T. A. S. ; OLIVEIRA, V. L. B. ; SILVA, B. M. ; MELANDA, G. C. S. ; SILVA, R. A. A. ; ROCHA, S. S. ; et. al . Práticas de ensino de Ciências e Biologia para a Educação Básica. 1. ed. Londrina: , 2016. 291p .

Capítulos de livros publicados
1.
SILVA, B. M. ; MELANDA, G. C. S. ; SILVA, R. A. A. ; ROCHA, S. S. . Descobrindo o açúcar invisível. In: Daniela Cristina Lopez Rejan; Virgínia Iara de Andrade Maistro; Tania Aparecida da Silva Klein; Vera Lucia Bahl de Oliveira. (Org.). Práticas de ensino de Ciências e Biologia para a Educação Básica. 1ed.: , 2016, v. , p. 194-195.

2.
SILVA, B. M. ; MELANDA, G. C. S. ; SILVA, R. A. A. ; ROCHA, S. S. . Doenças causadas pela má alientação. In: Daniela Cristina Lopez Rejan; Virgínia Iara de Andrade Maistro; Tania Aparecida da Silva Klein; Vera Lucia Bahl de Oliveira. (Org.). Práticas de ensino de Ciências e Biologia para a Educação Básica. 1ed.: , 2016, v. , p. 196-202.

3.
SILVA, B. M. ; MELANDA, G. C. S. ; SILVA, R. A. A. ; ROCHA, S. S. . Mandioca ou Macaxeira?. In: Daniela Cristina Lopez Rejan; Virgínia Iara de Andrade Maistro; Tania Aparecida da Silva Klein; Vera Lucia Bahl de Oliveira. (Org.). Práticas de ensino de Ciências e Biologia para a Educação Básica. 1ed.: , 2016, v. , p. 228-235.

4.
SILVA, B. M. ; MELANDA, G. C. S. ; SILVA, R. A. A. ; ROCHA, S. S. . Hábitos saudáveis: conhecer o que se come. In: Daniela Cristina Lopez Rejan; Virgínia Iara de Andrade Maistro; Tania Aparecida da Silva Klein; Vera Lucia Bahl de Oliveira. (Org.). Práticas de ensino de Ciências e Biologia para a Educação Básica. 1ed.: , 2016, v. , p. 212-221.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
MELANDA, G. C. S.; SILVA, B. M. ; SILVEIRA, G. ; KLEIN, T. A. S. . Concepções de Alunos de Ensino Médio sobre a temática da educação nutricional.. In: XII Congresso Nacional de Educação- Educere, III Seminário Internacional de Representações Sociais, Subjetividade e Educação ? SIRSEE,V Seminário Internacional sobre Profissionalização Docente ? SIPD/Cátedra UNESCO,IX ENAEH, 2015, Curitiba - PR. Formação de professores, complexidade e trabalho docente., 2015.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
ARRAIS, F. M. A. ; SILVA, L. G. B. ; FERREIRA, R. J. ; MELANDA, G. C. S. . Avaliação entomológica da doença de Chagas em Tarrafas - CE, Brasil.. In: XX Semana de Iniciação Científica e III Encontro de Pós-Graduação, 2017, Crato. Anais da XX Semana de Iniciação Científica e III Encontro de Pós-Graduação, 2017.

2.
LIMA, A. R. ; NASCIMENTO, M. B. N. ; MELANDA, G. C. S. ; FERREIRA, R. J. . Perfil parasitológico e condições higiênico-sanitárias de hortaliças comercializadas em supermercados no município de Crato-CE. In: XX Semana de Iniciação Científica e III Encontro de Pós-Graduação, 2017, Crato. Anais da XX Semana de Iniciação Científica e III Encontro de Pós-Graduação, 2017.

3.
SILVA, L. G. B. ; ARRAIS, F. M. A. ; MELANDA, G. C. S. ; FERREIRA, R. J. . Perfil parasitológico de Coriandrum sativum L. comercializado em bancas de rua no município de Crato-CE. In: XX Semana de Iniciação Científica e III Encontro de Pós-Graduação, 2017, Crato. Anais da XX Semana de Iniciação Científica e III Encontro de Pós-Graduação. Crato, 2017.

4.
NASCIMENTO, M. B. N. ; LIMA, A. R. ; MELANDA, G. C. S. ; FERREIRA, R. J. . Perfil parasitológico de hortaliças cultivadas no município do Crato-CE. In: XX Semana de Iniciação Científica e III Encontro de Pós-Graduação, 2017, Crato. Anais da XX Semana de Iniciação Científica e III Encontro de Pós-Graduação. Crato, 2017.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
Gurgel RAF ; MELANDA, GCS ; FERREIRA RJ ; ALFREDO DS ; BASEIA IG . Mycenastrum catimbauense (agaricales, basidiomycota), uma nova espécie de 'puffball' para semiárido brasileiro. In: III Simpósio Micológico do Semiárido (SIMS), 2017, Petrolina - PE. Anais do 3º Simpósio Micológico do Semiárido, 12 a 15 setembro 2017, Petrolina, PE. Petrolina, 2017. p. 124-124.

2.
Bianca Denise Barbosa da Silva ; Tiara Sousa Cabral ; Gislaine Cristina de Souza Melanda ; Iuri Goulart Baseia . Uma nova espécie de Clathrus (PHALLALES, BASIDIOMYCOTA) encontrada no semiárido brasileiro. In: VIII Congresso Brasileiro de Micologia, 2016, Florianópolis - SC. Resumos VIII Congresso Brasileiro de Micologia, 2016. p. 576-576.

3.
SILVA, B. M. ; Melanda, G. C. S. ; SILVA, R. ; ROCHA, S. S. ; SILVEIRA, G. ; KLEIN, T. A. S. . Educação nutricional na concepção de alunos do ensino médio. In: III CONGRESSO DE BIOLOGIA DA UNIVERSIDADE ESTADUAL DE LONDRINA E VI ENCONTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS DA UEL, 2015, Londrina-PR. III CONGRESSO DE BIOLOGIA DA UNIVERSIDADE ESTADUAL DE LONDRINA E VI ENCONTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS DA UEL, 2015.

4.
SILVA, R. A. A. ; ROCHA, S. S. ; SILVA, B. M. ; Melanda, G. C. S. ; KLEIN, T. A. S. ; SILVEIRA, G. . Concepções de alunos dos ensino fundamental e médio sobre doenças relacionadas ao hábito alimentar. In: III CONGRESSO DE BIOLOGIA DA UNIVERSIDADE ESTADUAL DE LONDRINA E VI ENCONTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS DA UEL, 2015, Londrina-PR. III CONGRESSO DE BIOLOGIA DA UNIVERSIDADE ESTADUAL DE LONDRINA E VI ENCONTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS DA UEL, 2015.

5.
CELY, M. V. T. ; FREITAS, V. F. ; SOUZA, G.C. ; IMBRIANI, J.R. ; GARCIA, G.V. ; SILVA, Y.A. ; ALMEIDA, J. ; ANDRADE, G. . Avaliação da atividade enzimática do solo em cultura de milho Bt.. In: III ENCONTRO PARANAENSE DE MICROBIOLOGIA, 2012, Londrina. III ENCONTRO PARANAENSE DE MICROBIOLOGIA, 2012.

6.
SATANGNELLI, M. M. ; BERANGER, J.P.O. ; SPAGO, F. ; SALVADOR, M. ; CELY, M. ; FREITAS, V. F. ; SOUZA, G. C. ; IMBRIANI, J.R. ; GIONCO, B. ; OLIVEIRA, A.G. ; ANDRADE, G. . Bioprospecção de microrganismos do solo produtores de antibióticos contra patógenos de importância médica. In: III ENCONTRO PARANAENSE DE MICROBIOLOGIA, 2012, Londrina. III ENCONTRO PARANAENSE DE MICROBIOLOGIA, 2012.

Artigos aceitos para publicação
1.
SILVA, L. M. B. ; SILVA, L. G. B. ; MELANDA, G. C. S. ; FERREIRA, R. J. . Hortaliças orgânicas: alimentos saudáveis ou um risco à saúde?. SEMINA. CIÊNCIAS BIOLÓGICAS E DA SAÚDE (ONLINE), 2018.

Apresentações de Trabalho
1.
Melanda, G. C. S.. Relação de interação entre fungos stinkhorns e insetos dispersores. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
Bianca Denise Barbosa da Silva ; Tiara Sousa Cabral ; Gislaine Cristina de Souza Melanda ; Iuri Goulart Baseia . Uma nova espécie de Clathrus (PHALLALES, BASIDIOMYCOTA) encontrada no semiárido brasileiro. 2016. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

3.
SILVA, R. A. A. ; ROCHA, S. S. ; SILVA, B. M. ; Melanda, G. C. S. ; KLEIN, T. A. S. ; SILVEIRA, G. . Concepções de alunos dos ensino fundamental e médio sobre doenças relacionadas ao hábito alimentar. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

4.
SILVA, B. M. ; Melanda, G. C. S. ; SILVA, R. ; ROCHA, S. S. ; SILVEIRA, G. ; KLEIN, T. A. S. . Educação nutricional na concepção de alunos do ensino médio. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

5.
MELANDA, G. C. S.; SILVA, B. M. ; SILVEIRA, G. ; KLEIN, T. A. S. . Concepções de Alunos do Ensino Médio sobre a temática da Educação Nutricional. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

6.
CELY, M. V. T. ; FREITAS, V. F. ; SOUZA, G.C. ; IMBRIANI, J. ; GARCIA, G.V. ; SILVA, Y.A. ; ALMEIDA, J. ; ANDRADE, G. . Avaliação da atividade enzimática do solo em cultura de milho Bt. 2012. (Apresentação de Trabalho/Outra).

7.
SATANGNELLI, M. M. ; BERANGER, J.P.O. ; SPAGO, F. ; SALVADOR, M. ; CELY, M. V. T. ; FREITAS, V. F. ; SOUZA, G. C. ; IMBRIANI, J. ; GIONCO, B. ; OLIVEIRA, A.G. ; ANDRADE, G. . Bioprospecção de microrganismos do solo produtores de antibióticos contra patógenos de importância médica. 2012. (Apresentação de Trabalho/Outra).



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
II FÓRUM DE SISTEMÁTICA E EVOLUÇÃO - CAFÉ COM DARWIN.Palestra: Relação de interação entre fungos stinkhorns e insetos dispersores. 2017. (Outra).

2.
Evento de Extensão-Seminário: Relatos de experiência de estágio. 2016. (Outra).

3.
VIII Congresso Brasileiro de Micologia. 2016. (Congresso).

4.
II CONGRESSO DE BIOLOGIA e VI ENCONTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS DA UNIVERSIDADE ESTADUAL DE LONDRINA. 2015. (Congresso).

5.
IV FEIRA DAS PROFISSÕES DA UEL. 2015. (Feira).

6.
XVI SEMANA DE EDUCAÇÃO: DESAFIOS ATUAIS PARA A EDUCAÇÃO E VI SIMPÓSIO DE PESQUISA E PÓS-GRADUAÇÃO EM EDUCAÇÃO. 2015. (Simpósio).

7.
XVII ENEB- Encontro Nacional de Estudantes de Biologia - PT. 2014. (Encontro).

8.
Dia Internacional do fascínio das plantas. 2013. (Outra).

9.
XIV Jornadas de Biologia Aplicada - Biopercuros no Século XXI -PT. 2013. (Outra).

10.
III ENCONTRO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS DA UNIVERSIDADE ESTADUAL DE LONDRINA-40 ANOS DO CURSO DE CIÊNCIAS BIOLÓGICAS DA UEL. 2012. (Encontro).

11.
III ENCONTRO PARANAENSE DE MICROBIOLOGIA. 2012. (Encontro).

12.
V EREBIO-SUL e IV Simpósio Latino Americano e Caribenho de Educação. 2011. (Outra).

13.
1º Encontro Paranaense de Bioética e 4º Encontro de Bioética de Londrina. 2010. (Encontro).

14.
Painéis da Semana do Meio Ambiente. 2009. (Exposição).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
MELANDA, GCS. II FÓRUM DE SISTEMÁTICA E EVOLUÇÃO - CAFÉ COM DARWIN. 2017. (Outro).



Outras informações relevantes


Aprovação em primeiro lugar na Seleção de Mestrado para o Programa de Pós-Graduação em Sistemática e Evolução -UFRN Edital 03/2016



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 16/12/2018 às 7:23:52