Ana Clara Cabral Davi

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/0232615292980465
  • Última atualização do currículo em 16/01/2019


Graduanda em Engenharia Florestal, pela Universidade Federal Rural do Semi-Árido (UFERSA), onde permaneci bolsista de iniciação cientifica no período de tempo de 2013 a 2016. Atualmente cursando o mestrado em Ciências Florestais na Universidade Federal do Rio Grande do Norte, inserida na linha de pesquisa: Biodiversidade,conservação e uso dos recursos genéticos florestais. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Ana Clara Cabral Davi
Nome em citações bibliográficas
DAVI, A. C. C.


Formação acadêmica/titulação


2018
Mestrado em andamento em Ciências Florestais.
Universidade Federal do Rio Grande do Norte, UFRN, Brasil. Orientador: Alice de Moraes Cavalcante Versieux.
2011 - 2017
Graduação em Engenharia Florestal.
Universidade Federal Rural do Semi-Árido, UFERSA, Brasil.
Título: RELATÓRIO DE ESTÁGIO SUPERVISIONADO OBRIGATÓRIO: LABORATÓRIO DE TECNOLOGIA FLORESTAL DA UNIVERSIDADE FEDERAL RURAL DE PERNAMBUCO-UFRPE.
Orientador: Vinicius Gomes de Castro.
2008 - 2010
Ensino Médio (2º grau).
Geo Garcia e Brito, GEO, Brasil.




Formação Complementar


2018 - 2018
Extensão universitária em IV ENCONTRO DE INTEGRAÇÃO INSTITUCIONAL VISANDO DESENVOLVIMENTO DE PROJETOS. (Carga horária: 45h).
Escola Agrícola de Jundiaí, EAJ, Brasil.
2017 - 2017
Secagem da Madeira. (Carga horária: 20h).
Universidade Federal Rural de Pernambuco, UFRPE, Brasil.
2016 - 2016
Análise de problemas e tomada de decisão com enfoque na indústria florestal. (Carga horária: 4h).
Universidade Federal Rural do Semi-Árido, UFERSA, Brasil.
2015 - 2015
Princípios de Genética Quantitativa. (Carga horária: 32h).
Universidade Federal Rural do Semi-Árido, UFERSA, Brasil.
2015 - 2015
XII Curso de Manejo Florestal. (Carga horária: 240h).
Instituto Nacional de Pesquisas da Amazônia, INPA, Brasil.
2015 - 2015
Manejo Florestal Sustentável da Caatinga. (Carga horária: 20h).
Universidade Federal Rural do Semi-Árido, UFERSA, Brasil.
2015 - 2015
Potencial de uso da espectrometria de massas. (Carga horária: 2h).
Universidade Federal Rural do Semi-Árido, UFERSA, Brasil.
2015 - 2015
XXI Seminário de Iniciação Científica ? SEMIC. (Carga horária: 16h).
Universidade Federal Rural do Semi-Árido, UFERSA, Brasil.
2012 - 2012
Paisagismo e Conforto Ambiental. (Carga horária: 16h).
Universidade Federal Rural do Semi-Árido, UFERSA, Brasil.
2011 - 2011
Paisagismo e arbor. urb. - jardins públi. e priv.. (Carga horária: 8h).
Universidade Federal Rural do Semi-Árido, UFERSA, Brasil.
2011 - 2011
Implem. uma Unid. de Conser. a partir do mar. zero. (Carga horária: 3h).
Universidade Federal Rural do Semi-Árido, UFERSA, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal Rural do Semi-Árido, UFERSA, Brasil.
Vínculo institucional

2015 - 2016
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: bolsista, Carga horária: 12, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica ? PIBIC/UFERSA/CNPq

Vínculo institucional

2014 - 2015
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista, Carga horária: 12
Outras informações
Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica ? PIBIC/UFERSA/CNPq

Vínculo institucional

2013 - 2014
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista, Carga horária: 12
Outras informações
Programa Institucional de Bolsas de Iniciação Científica ? PIBIC/UFERSA/CNPq

Vínculo institucional

2012 - 2012
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Bolsista, Carga horária: 12

Atividades

02/2017 - 05/2017
Estágios , Universidade Federal Rural de Pernambuco, .

Estágio realizado
Realizado no Laboratório de Tecnologia Florestal situado na Universidade Federal Rural de Pernambuco.


Projetos de pesquisa


2013 - Atual
Coevolução e coadaptação no semiárido: relações entre a flora da Caatinga e a fauna dispersora de sementes/polinizadora de flores
Descrição: Muitos vertebrados dependem de néctar e outros recursos alimentares como frutos e sementes de forma a serem a principal fonte de energia, assim como muitas plantas dependem das aves e mamíferos para polinização, e a perda deste tipo de interação mutualística pode ter consequências importantes para a conservação ambiental. Frutos e sementes são importantes fontes de energia e nutrientes para muitas espécies animais. Estes, por sua vez, podem dispersar sementes intactas e, assim, aumentar as chances de sobrevivência das sementes, contribuindo essencialmente para a reprodução e para o processo evolutivo das plantas. Devido a grande dependência de muitas espécies animais à produção de frutos, qualquer mudança na disponibilidade deste recurso pode afetar a sobrevivência de populações animais. Este projeto tem como principal objetivo investigar evidências de coevolução e coadaptação entre a fauna e a flora da Caatinga, a partir da análise e descrição de suas relações evolutivas, especialmente a frugivoria, a dispersão e a predação de sementes por aves e mamíferos, e a polinização de flores por aves da Caatinga. Assim, os seguintes objetivos e metas são propostos: i. Realizar levantamentos sazonais de aves potencialmente polinizadoras de flores da Caatinga; ii. Investigar as interdependências entre as aves polinizadoras e as plantas da Caatinga; iii. Realizar levantamentos sazonais da fauna (especialmente mamíferos e aves) potencialmente dispersora de sementes; iv. Estimar o consumo de frutos e sementes pelas aves e mamíferos nos períodos seco e chuvoso; v. Analisar o conteúdo de fezes de aves e mamíferos, a fim de determinar a presença de sementes e potenciais espécies dispersoras; vi. Investigar as adaptações das aves polinizadoras e dispersoras de sementes ao clima da região..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) / Mestrado acadêmico: (1) / Doutorado: (2) .
Integrantes: Ana Clara Cabral Davi - Integrante / Diana Gonçalves Lunardi - Integrante / Vitor de Oliveira Lunardi - Coordenador / Jânio Lopes Torquato - Integrante / Yara Lemos de Paula - Integrante.
Número de produções C, T & A: 2
2012 - 2014
Diversidade de ninhos de Aves em espécies lenhosas da Caatinga
Descrição: A rápida expansão de áreas urbanas tem gerado um processo ecológico denominado sinantropia, no qual populações animais se ajustam às condições específicas do ambiente urbano. Com o intuito de avaliar o potencial de áreas semiurbanas no semiárido Potiguar para nidificação e manutenção de aves nestes ambientes, os objetivos deste estudo foram: avaliar quais espécies lenhosas são preferencialmente utilizadas para o estabelecimento de ninhos de aves e descrever os ninhos, a partir de sua estrutura e composição..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Ana Clara Cabral Davi - Integrante / Diana Gonçalves Lunardi - Coordenador / Vitor de Oliveira Lunardi - Integrante / Jean Lucas Oliveira Silva - Integrante.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Outros / Área: Ciências Ambientais.
2.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Ecologia / Subárea: Conservação dos recursos naturais.


Idiomas


Espanhol
Compreende PoucoLê Pouco.
Inglês
Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Pouco, Escreve Pouco.
Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.


Prêmios e títulos


2018
Menção Honrosa de 2° lugar na área temática de Tecnologia de Produtos Florestais ao trabalho "Rendimento gravimétrico e caracterização do carvão vegetal de espécies da Caatinga", X Simpósio Brasileiro de Pós Graduação em Ciências Florestais - X SIMPÓS.


Produções



Produção bibliográfica
Capítulos de livros publicados
1.
DAVI, A. C. C.; PAULA, Y.L ; Medeiros, E. E. ; FREITAS, D.C ; LUNARDI, V. O. ; LUNARDI, D. G. . ANIMAIS SILVESTRES DE MÉDIO E GRANDE PORTE COMO POTENCIAIS DISPERSORES DE SEMENTES NO PARQUE NACIONAL DA FURNA FEIA, RIO GRANDE DO NORTE. In: Francisco Marlon Carneiro; Feijó Lucas Andrade de Morais. (Org.). Educação, Gestão e Sustentabilidade Série Ambiente, Tecnologia e Sociedade: Diálogos interdisciplinares. 1ed.Mossoró: Edufersa editora universitária, 2016, v. 2, p. 93-101.

2.
DAVI, A. C. C.; TORQUATO, J.L. ; LUNARDI, V. O. ; LUNARDI, D. G. . Frugivoria de Spondias sp. por Animais Silvestres Nativos da Caatinga. In: Giovanni Seabra. (Org.). TERRA-Saúde Ambiental e Soberania Alimentar. 1ed.Ituiutaba, MG: Barlavento, 2015, v. 1, p. 1179-1189.

3.
DAVI, A. C. C.; LUNARDI, D. G. ; LUNARDI, V. O. ; DIODATO, M.A. . Avaliação do Potencial de uso de Espécies Lenhosas da caatinga para Arborização. In: Giovanni Seabra. (Org.). TERRA Qualidade de Vida, Mobilidade e Segurança nas Cidades. 1ed.João Pessoa-PB: Editora Universitária da UFPB, 2012, v. 3, p. 260-271.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
DAVI, A. C. C.; LUNARDI, V. O. ; SILVA, J.O. ; LUNARDI, D. G. . Uso Potencial de Espécies Lenhosas Para Nidificação de Aves no Semiárido Brasileiro. In: VI Simpósio brasileiro sore meio ambiente e desenvolvimento sustentável do semiárido, 2013, Mossoró-RN. Uso potencial de espécies lenhosas para nidificação de aves no semiárido brasileiro, 2013. v. 01. p. 646-650.

2.
DAVI, A. C. C.; Lunardi, G. D. ; LUNARDI, V. O. . Estrutura de ninhos de aves em espécies lenhosas no semiárido potiguar. In: IV CONGRESSO NORDESTINO DE ENGENHARIA FLORESTAL (IV CONEFLOR) E IIII SEMANA DE ENGENHARIA FLORESTAL DA BAHIA (III SEEFLOR), 2013, Vitória da Conquista-BA. ?Mudanças Climáticas Globais: Atuação e perspectivas da Engenharia Florestal no Nordeste?, 2013. p. 653-659.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
TOMAZ, E. C. ; MENDES, M. M. ; DAVI, A. C. C. ; CARVALHO, F. A. ; VERSIEUX, A. M. C. . 6ht International Conference on Comparative Biology of Monocotyledons. In: 6ht International Conference on Comparative Biology of Monocotyledons, 2018, NATAL. Biogeography of Bromeliaceae in the northernmost distribution of the Brazilian Atlantic forest and Caatinga. NATAL: EDUFRN, 2018. v. 1.

2.
PORFIRIO, S. T. B. ; DAVI, A. C. C. ; BRAZ, R. L. ; SANTANA FILHO, U. O. ; SILVA, T. C. ; SANTOS, N. A. T. . X-SIMPÒS Simpósio brasileiro de pós-graduação em ciências florestais. In: X-SIMPÒS Simpósio brasileiro de pós-graduação em ciências florestais, 2018, NATAL. X-SIMPÒS Simpósio brasileiro de pós-graduação em ciências florestais. NATAL, 2018.

3.
DAVI, A. C. C.; PAULA, Y.L ; LUNARDI, D. G. ; LUNARDI, V. O. . Danos causados por vertebrados silvestres à cultivos agrícolas na zona de amortecimento do Parque Nacional da Furna Feia, RN.. In: XXII Seminário de Iniciação Científica (SEMIC), 2016, Mossoró. XXII Seminário de Iniciação Científica (SEMIC), 2016.

4.
PAULA, Y.L ; DAVI, A. C. C. ; LUNARDI, V. O. ; LUNARDI, D. G. . Conflitos entre produtores agrícolas e vertebrados silvestres em áreas produtivas da Zona de Amortecimento do Parque Nacional da Furna Feia, RN. In: XXII Seminário de Iniciação Científica (SEMIC), 2016, Mossoró. XXII Seminário de Iniciação Científica (SEMIC), 2016.

5.
TORQUATO, J.L. ; DAVI, A. C. C. ; LUNARDI, D. G. ; LUNARDI, V. O. . Frugivoria de cactáceas por aves no semiárido do Rio Grande do Norte. In: XXXII Encontro Anual de Etologia e V Simpósio Latino-americano de Etologia, 2014, Mossoró. Frugivoria de cactáceas por aves no semiárido do Rio Grande do Norte, 2014. p. 89-89.

6.
DAVI, A. C. C.; SILVA, E. E. M. ; LUNARDI, V. O. ; LUNARDI, D. G. . Diversidade de ninhos de aves em espécies lenhosas da caatinga. In: XIX Seminário de Iniciação Científica, 2013, Mossoró. XIX Seminário de Iniciação Científica, 2013. p. 16-16.

Apresentações de Trabalho
1.
PAULA, Y.L ; DAVI, A. C. C. ; LUNARDI, V. O. ; LUNARDI, D. G. . Conflitos entre produtores agrícolas e vertebrados silvestres em áreas produtivas de Zona de Amortecimento do Parque Furna Feia, RN.. 2016. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

2.
DAVI, A. C. C.; PAULA, Y.L ; LUNARDI, D. G. ; LUNARDI, V. O. . Danos causados por vertebrados silvestres à cultivos agrícolas na zona de amortecimento do Parque Nacional da Furna Feia, RN. 2016. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

3.
DAVI, A. C. C.; PAULA, Y.L ; SILVA, E. E. M. ; FREITAS, D.C ; LUNARDI, V. O. ; Lunardi, G. D. . Animais silvestres de médio e grande porte como potenciais dispersores de sementes no Parque Nacional da Furna Feia, Rio Grande do Norte. 2015. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

4.
DAVI, A. C. C.; TORQUATO, J.L. ; LUNARDI, V. O. ; LUNARDI, D. G. . Frugivoria e dispersão de sementes de Spondiad sp. por animais silvestres da caatinga. 2014. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

5.
DAVI, A. C. C.; TORQUATO, J.L. ; LUNARDI, V. O. ; LUNARDI, D. G. . Frugivoria de Spondias sp. por animais silvestres nativos da caatinga. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
DAVI, A. C. C.; Lunardi, G. D. ; LUNARDI, V. O. . Estrutura de ninhos de aves em espécies lenhosas no semiárido potiguar. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

7.
DAVI, A. C. C.; LUNARDI, V. O. ; SILVA, J.O. ; LUNARDI, D. G. . Uso potencial de espécies lenhosas para nidificação de aves no semiárido brasileiro. 2013. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

8.
DAVI, A. C. C.; ALVES, L. L. B. . Árvores frutiferas lenhosas da Caatinga. 2012. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

9.
DAVI, A. C. C.; LUNARDI, D. G. ; LUNARDI, V. O. ; DIODATO, M.A. . Avaliação do potencial de uso de espécies lenhosas da caatinga para arborização. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

Outras produções bibliográficas
1.
DAVI, A. C. C.. Economia verde: solução para os problemas de quem? 2014 (Cartilha Preparatória para o XIV Encontro Regional de Agroecologia).



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
4º FÓRUM DE GESTÃO SUSTENTÁVEL DE FLORESTAS: SISTEMAS AGROFLORESTAIS, FERRAMENTA DE INCLUSÃO E SUSTENTABILIDADE e XVII SEMANA DE ENGENHARIA FLORESTAL. 2014. (Outra).

2.
A conferência da Terra Fórum internacional do meio ambiente.Frugivoria de Spondias SP. por Animais Silvestres Nativos da Caatinga. 2014. (Outra).

3.
A conferência da Terra Fórum internacional do meio ambiente. 2014. (Outra).

4.
I Congresso de Agroecologia do Semiárido e VII Simpósio Brasileiro Sobre Meio Ambiente e Desenvolvimento Sustentável no Semiárido. 2014. (Congresso).

5.
I Encontro Regional de Estudantes de Engenharia Florestal. 2014. (Encontro).

6.
III Semana de Meio Ambiente da UFERSA. 2014. (Outra).

7.
III Semana de Meio Ambiente da UFERSA. 2014. (Outra).

8.
43º Congresso Brasileiro dos Estudantes de Engenharia Florestal. 2013. (Congresso).

9.
I Semana de Engenharia Florestal. 2013. (Outra).

10.
IV Congresso Nordestino de Engenharia Florestal. Estrutura de Ninhos de Aves em Espécies Lenhosas no Semiárido Potiguar. 2013. (Congresso).

11.
IV Congresso Nordestino de Engenharia Florestal e III Semana de Engenharia Florestal. 2013. (Congresso).

12.
VI SIMPÓSIO BRASILEIRO SOBRE MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL DO SEMIÁRIO BRASILEIRO. 2013. (Seminário).

13.
VI SIMPÓSIO BRASILEIRO SOBRE MEIO AMBIENTE E DESENVOLVIMENTO SUSTENTÁVEL DO SEMIÁRIO BRASILEIRO.USO POTENCIAL DE ESPÉCIES LENHOSAS PARA NIDIFICAÇÃO DE AVES NO SEMIÁRIO BRASILEIRO. 2013. (Simpósio).

14.
XIII Encontro Regional de Agroecologia. 2013. (Encontro).

15.
A Conferência da Terra Fórum Internacional do Meio Ambiente.Avaliação do Potencial de Uso de Espécies Lenhosas da Caatinga para Arborização. 2012. (Outra).

16.
A Conferência da Terra Fórum Internacional do Meio Ambiente. 2012. (Outra).

17.
I Seminário sobre estágio da UFERSA. 2012. (Outra).

18.
Semana de Meio Ambiente da UFERSA. 2012. (Outra).

19.
Semana de Meio Ambiente do IFRN. 2012. (Outra).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
DAVI, A. C. C.; LUNARDI, D. G. ; LUNARDI, V. O. ; TORQUATO, J.L. ; SILVA, E. E. M. . III Semana de Meio Ambiente da UFERSA. 2014. (Outro).

2.
DAVI, A. C. C.. II Semana de Engenharia Florestal: Valorando e Valorizando a Caatinga. 2014. (Outro).

3.
DAVI, A. C. C.. I Semana de Engenharia Florestal - Manejo e uso sustentável da Caatinga. 2013. (Outro).

4.
DAVI, A. C. C.. II Feira de ciências do semiárido potiguar. 2012. .




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 20/01/2019 às 22:23:14