José Ernesto Moura Knust

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/4575070531928484
  • Última atualização do currículo em 04/05/2018


Doutor em História pela Universidade Federal Fluminense e professor de História do Instituto Federal Fluminense. Possui Mestrado e Graduação (Bacharelado e Licenciatura) em História também pela UFF. Tem especial interesse na pesquisa sobre História Social, Econômica e Política da Itália antiga no período republicano romano, e sobre o ensino de história de passados distantes na educação básica brasileira. Interessa-se, também, em questões teórico-metodológicas ligadas às Áreas de Teoria Social, Ensino de História, História Econômica e Marxismo. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
José Ernesto Moura Knust
Nome em citações bibliográficas
KNUST, J. E. M.


Formação acadêmica/titulação


2012 - 2016
Doutorado em História.
Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil.
com período sanduíche em Durham University (Orientador: Robert Witcher).
Título: Comunidades camponesas e a expansão do poder aristocrático na Itália Romana (séculos III-I a.C.), Ano de obtenção: 2016.
Orientador: Sônia Regina Rebel de Araújo.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: Campesinato Romano; Economia Antiga; Escravidão Antiga; Aristocracia Romana; Propriedade Fundiária.
Grande área: Ciências Humanas
2009 - 2011
Mestrado em História.
Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil.
Título: Senhores de Escravos, Senhores da Razão. Racionalidade Ideológica e a Villa Escravista na República Romana (séculos II e I a.C.),Ano de Obtenção: 2011.
Orientador: Sônia Regina Rebel de Araújo.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: Varrão; Roma Tardo-Republicana; Escravidão; Catão; Economia Antiga.
Grande área: Ciências Humanas
2004 - 2008
Graduação em História.
Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil.
Título: Escravidão, Produção e Controle na "De Re Rustica" de Varrão.
Orientador: Sônia Regina Rebel de Araújo.




Atuação Profissional



Secretaria de Educação do Estado do Rio de Janeiro - Santo Cristo, SEE/RJ, Brasil.
Vínculo institucional

2010 - 2013
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Professor Docente I, Carga horária: 16

Atividades

02/2013 - 07/2013
Ensino,

Disciplinas ministradas
História - Primeiro ano
História - Primeiro ano - (Educação de Jovens e Adultos)
História - Segundo ano
História - Segundo ano (Educação de Jovens e Adultos)
02/2012 - 12/2012
Ensino,

Disciplinas ministradas
História - Nono Ano (Educação de Jovens e Adultos)
História - Oitavo Ano (Educação de Jovens e Adultos)
02/2012 - 02/2012
Ensino,

Disciplinas ministradas
História - Primeiro Ano
02/2011 - 12/2011
Ensino,

Disciplinas ministradas
História - Sexto Ano (Educação de Jovens e Adultos)
História - Sétimo Ano (Educação de Jovens e Adultos)
História - Oitavo Ano (Educação de Jovens e Adultos)
História - Nono Ano (Educação de Jovens e Adultos)
02/2011 - 12/2011
Ensino,

Disciplinas ministradas
História - Primeiro Ano
06/2010 - 12/2010
Ensino,

Disciplinas ministradas
História - Primeiro Ano
História - Segundo Ano
História - Terceiro Ano
História - Segundo Ano (Educação de Jovens e Adultos)
História - Primeiro Ano (Educação de Jovens e Adultos)

Centro Educacional São Domingos, CESD, Brasil.
Vínculo institucional

2010 - 2011
Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 10

Atividades

03/2010 - 12/2010
Ensino,

Disciplinas ministradas
História - Sexto Ano
História - Sétimo Ano
História - Oitavo Ano
História - Nono Ano

Universidade Federal Fluminense, UFF, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - 2016
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Aluno bolsista de Doutorado

Vínculo institucional

2009 - 2011
Vínculo: Bolsista de Mestrado, Enquadramento Funcional: Aluno bolsista de Mestrado

Vínculo institucional

2007 - 2008
Vínculo: Bolsista PIBIC, Enquadramento Funcional: Graduando Bolsista PIBIC, Carga horária: 20

Vínculo institucional

2005 - 2006
Vínculo: Bolsista de Monitoria, Enquadramento Funcional: Monitor de História Antiga (GHT04125), Carga horária: 12

Atividades

02/2014 - 07/2014
Ensino, Abi - História, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Seminário em História do Poder e das Ideias Políticas VIII (O Estado no Pré-Capitalismo)

Fundação Centro de Ciências e Educação Superior à Distância do Estado do RJ, CECIERJ, Brasil.
Vínculo institucional

2006 - 2008
Vínculo: Tutor Bolsita, Enquadramento Funcional: Tutor de História do Pré-Vestibular Social, Carga horária: 8

Atividades

06/2006 - 12/2008
Ensino,

Disciplinas ministradas
História - Pré-Vestibular

Instituto Federal Fluminense, IFF, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Professor EBTT, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Atividades

03/2018 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Diretoria de Ensino, .

Cargo ou função
Membro do GT Ensino, Pesquisa e Extensão - Reformulação Curricular EMI.
10/2017 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Diretoria de Ensino, .

Cargo ou função
Membro NDE Curso Meio Ambiente.
08/2016 - Atual
Ensino,

Disciplinas ministradas
História - 1o ano Ensino Médio
02/2015 - Atual
Conselhos, Comissões e Consultoria, Diretoria de Ensino, .

Cargo ou função
Membro NDE formulador Licenciatura em História.
06/2016 - 12/2016
Ensino, Engenharia de Controle e Automação, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Metodologia Científica


Projetos de pesquisa


2009 - 2011
Administração do Trabalho Escravo nas Villae descritas por Catão e Varrão (Séculos II-I a.C.)
Descrição: Projeto de pesquisa de Mestrado. Nos séculos finais da República Romana algumas transformações importantes se deram na economia rural italiana. O crescimento da demanda por produtos agrícolas (seja pelo crescimento urbano, seja pelo surgimento de mercados provinciais ou ainda pelas crescentes demandas do exército) juntamente com a incorporação de uma grande massa de escravos como mão-de-obra rural fizeram necessárias transformações nas relações de produção e na administração da mão-de-obra pelas classes proprietárias romanas. Dois tratados escritos sobre "as coisas do campo" neste período sobrevieram aos nossos dias e a partir deles podemos analisar como essas transformações se deram; são eles o De Agri Cultura de Marco Pórcio Catão e o De Re Rustica de Marco Terêncio Varrão..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: José Ernesto Moura Knust - Coordenador / Sônia Regina Rebel de Araújo - Integrante.Financiador(es): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 6
2007 - 2008
Os Escravos e a agricultura romana na obra De Re Rustica de Varrão
Descrição: Pesquisa de iniciação científica. Procurou-se analisar a presença a importância da escravidão no trabalho agrícola e pastoril como descrito na obra "De Re Rustica" de Marcos Terêncio Varrão, escrita nas últimas décadas da República Romana. Percebeu-se uma identificação fundamental da mão-de-obra com os escravos e a centralidade de duas preocupações na descrição da mão-de-obra: a importância da autoridade dos chefes escravos e a necessidade de criar certas atitudes benéficas entre os escravos. Analisaram-se estes dados a partir das preocupações relacionadas com a produtividade e controle da mão-de-obra escrava e o contexto histórico da produção do texto..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: José Ernesto Moura Knust - Integrante / Sônia Regina Rebel de Araújo - Coordenador.Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Bolsa.
Número de produções C, T & A: 7


Membro de corpo editorial


2011 - Atual
Periódico: Revista História & Luta de Classes


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: História Antiga e Medieval.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: História / Subárea: Teoria e Filosofia da História.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Espanhol
Compreende Razoavelmente, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.
Francês
Lê Pouco.
Italiano
Lê Pouco.


Prêmios e títulos


2013
Selecionado para Bolsa do Programa de Doutorado Sanduíche no Exterior - Capes, Coordenadoria de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior.
2013
Aprovado no concurso público para professor auxiliar de História Antiga e Medieval, Universidade Federal de Santa Catarina.
2011
2o Colocado no processo de seleção para o Doutorado na banca de História Antiga e Medieval, PPGH-UFF.
2009
Aprovado no concurso público para o Magistério no Estado do Rio de Janeiro, Governo do Estado do Rio de Janeiro.
2008
1° colocado no processo de seleção para o Mestrado na banca de História Antiga & Medieval, PPGH - UFF.
2008
Aprovado no concurso público para o Magistério no Município de Nova Friburgo, Prefeitura Municipal de Nova Friburgo.
2007
Aprovado no concurso público para o Magistério no Estado do Rio de Janeiro, Governo do Estado do Rio de Janeiro.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
KNUST, J. E. M.2017KNUST, J. E. M.. Entre a literatura agrária latina e a economia rural romana: elementos discursivos e aspectos econômicos em Catão e Varrão. ALETHÉIA (GOIÂNIA), v. 10, p. 105-122, 2017.

2.
KNUST, J. E. M.2016KNUST, J. E. M.. Economia antiga e 'racionalidade limitada': uma crítica ao uso de modelos neomodernistas. CANTAREIRA (UFF), v. 25, p. 214-229, 2016.

3.
KNUST, J. E. M.2012 KNUST, J. E. M.. Um passado romano para um presente capitalista: a economia romana em dois séculos de História Econômica. Revista História & Luta de Classes, v. 8, p. 18-22, 2012.

4.
KNUST, J. E. M.2010KNUST, J. E. M.. Resenha de Aldo Schiavone, Uma História Rompida: Roma Antiga e Ocidente Moderno. Aedos: Revista do Corpo Discente do Programa de Pós-Graduação em História da UFRGS (Online), v. 03, p. 205-210, 2010.

5.
KNUST, J. E. M.2010 KNUST, J. E. M.. Racionalidade, Costume e Ideologia: Esboço de crítica marxista a uma controvérsia do individualismo metodológico. Revista Tessituras, v. 01, p. 12, 2010.

6.
KNUST, J. E. M.2010KNUST, J. E. M.. Escravidão Rural no final da República Romana. Politéia (UESB), v. 10, p. 01, 2010.

7.
KNUST, J. E. M.2009KNUST, J. E. M.. Os desafios do Estudo da escravidão antiga. Resenha de Niall McKeown, The Invention of Ancient Slavery. Phoinix (UFRJ), v. 15, p. 151-154, 2009.

Livros publicados/organizados ou edições
1.
DAFLON, Eduardo (Org.) ; FRIZZO, Fábio (Org.) ; MELO, Gabriel (Org.) ; BASTOS, M. J. M. (Org.) ; KNUST, J. E. M. (Org.) ; PACHÁ, Paulo Henrique (Org.) . O pré-capitalismo em perspectiva: estudos em homenagem ao prof. Ciro F.S. Cardoso. 1. ed. Rio de Janeiro: Ítaca, 2015. v. 1. 367p .

Capítulos de livros publicados
1.
KNUST, J. E. M.. Controle e exploração dos Escravos Rurais na República Romana. In: Mário Bastos; Eduardo Daflon; Fábi oFrizzo José Knust; Gabriel Melo; Paulo Pachá. (Org.). O pré-capitalismo em perspectiva: estudos em homenagem ao prof. Ciro F.S. Cardoso. 1ed.Rio de Janeiro: Ítaca, 2015, v. 1, p. 247-261.

2.
KNUST, J. E. M.. A Escravidão rural romana no Rerum Rusticarum de Varrão. In: Maria Regina Cândido. (Org.). Roma e as Sociedades da Antiguidade: Política, Cultura e Economia. 01ed.Rio de Janeiro: NEA-UERJ, 2008, v. , p. 51-54.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
KNUST, J. E. M.. Crise(s) Agrária(s) na Etrúria Meridional: modelos e indícios. In: III Jornada do Niep-PréK e II Encontro Internacional de Jovens Pesquisadores sobre Sociedades Pré-Capitalistas, 2013, Niterói. Caderno de Textos da III Jornada do Niep-PréK e II Encontro Internacional de Jovens Pesquisadores sobre Sociedades Pré-Capitalistas, 2013. p. 73-83.

2.
KNUST, J. E. M.. Comunidades camponesas e expansão do poder aristocrático na Itália Central Tirrênica (séculos III-I a.C.): alguns elementos iniciais para pesquisa.. In: I Encontro de Pós-Graduandos sobre Sociedades Pré-Capitalistas e II Jornada do Niep -PréK, 2012, Niterói. Caderno de Textos do I Encontro de Pós-Graduandos sobre Sociedades Pré-Capitalistas e II Jornada do Niep -PréK, 2012. p. 34-43.

3.
KNUST, J. E. M.; FRIZZO, Fábio . Expropriação e Mediação nas Formas de Exploração Pré-Capitalistas. In: VII Colóquio Internacional Marx e Engels, 2012, Campinas. Anais do VII Colóquio Internacional Marx e Engels, 2012.

4.
KNUST, J. E. M.. A Composição do De Agri Cultura por Catão, o censor, como estratégia social de criação de uma identidade aristocrática. In: XXI Simpósio Nacional de Estudios Clásicos ? La palabra que ordena, interpreta y hace inteligible El mondo, 2010, Santa Fé. XXI Simpósio Nacional de Estudios Clásicos ? La palabra que ordena, interpreta y hace inteligible El mondo, 2010.

5.
KNUST, J. E. M.. Controle e Exploração dos Escravos Rurais na República Romana. In: VI Colóquio Marx Engels, 2009, Campinas. Anais do VI Colóquio Internacional Marx Engels, 2009.

6.
KNUST, J. E. M.. Chefes escravos e racionalidade da organização do trabalho rural em Catão. In: XXV Simpósio Nacional de História - Anpuh, 2009, Fortaleza. Anais do XXV Simpósio Nacional de História - Anpuh, 2009. v. 1. p. 9902-9910.

7.
KNUST, J. E. M.. Por uma Historiografia Realista e Objetiva: uma abordagem a partir das considerações de Martin Bunzl e Chris Lorenz. In: Scientiarum Historia: I Encontro de História da Ciência e das Técnicas e Epistemologia, 2008, Rio de Janeiro. Anais do Scientiarum Historia: I Encontro de História da Ciência, das Técnicas e Epistemologia, 2008.

8.
KNUST, J. E. M.. Considerações sobre o vocabulário acerca da mão-de-obra em Varrão. In: XX Seminário de Estudos Clássicos - Prazer e Moral no Mundo Antigo, 2008, Niterói. Anais do XX Seminário de Estudos Clássicos - Prazer e Moral no Mundo Antigo, 2008. p. 138-145.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
KNUST, J. E. M.. Concentração fundiária e relações de produção na Itália republicana (séculos III-I a.C.). In: I Encuentro Internacional de Historiadores Jóvenes sobre Sociedades Precapitalistas, 2011, La Plata. Encuentro Internacional de Historiadores Jóvenes sobre Sociedades Precapitalistas, 2011. p. 7-9.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
KNUST, J. E. M.; FRIZZO, Fábio . Expropriação e Mediação nas Formas de Exploração Pré-Capitalistas: o Egito Faraônico e a Roma Republicana. In: IV Jornadas Nacionales de Historia Antigua y III Jornadas Internacionales de Historia Antigua, 2012. IV Jornadas Nacionales de Historia Antigua y III Jornadas Internacionales de Historia Antigua, 2012. p. 39.

2.
KNUST, J. E. M.. As narrativas históricas antigas e a História da República Romana. In: XXI Ciclo de Debates em História Antiga: História & Narrativas, 2012, Rio de Janeiro. Caderno de Resumos História & Narrativas XXI Ciclo de Debates em História Antiga, 2012. p. 25-26.

3.
KNUST, J. E. M.. A Composição do De Agri Cultura por Catão, o censor, como estratégia social de criação de uma identidade aristocrática. In: XXI Simpósio Nacional de Estudios Clásicos ? La palabra que ordena, interpreta y hace inteligible El mondo, 2010, Santa Fé. Libro de Resúmenes do XXI Simpósio Nacional de Estudios Clásicos ? La palabra que ordena, interpreta y hace inteligible El mondo, 2010. p. 60-60.

4.
KNUST, J. E. M.. O processo de formação do sistema imperial-escravista romano. In: Congresso Internacional Tempus Fugit: Processo, Mudança e Transição, 2010, Niterói. Caderno de Resumos do Congresso Internacional Tempus Fugit: Processo, Mudança e Transição, 2010. p. 15-15.

5.
KNUST, J. E. M.. Chefes escravos e racionalidade da organização do trabalho rural em Catão. In: XXV Simpósio Nacional de História - Anpuh, 2009, Fortaleza. Simpósios Temáticos e Resumos do XXV Simpósio Nacional de História: História e Ética. Fortaleza, 2009. p. 240-240.

6.
KNUST, J. E. M.. Vilicus e Magister Pecoris em Varrão R.R. 1.17 e 2.10: as características necessárias aos chefes escravos. In: X Jornada de Estudos da Antigüidade: Festivais, Cultura e Poder, 2008, Niterói. Cadernos de Resumos da X Jornada de Estudos da Antigüidade: Festivais, Cultura e Poder, 2008.

7.
KNUST, J. E. M.. "Studiosos ad Opus et Beneuolentia in Domino": estímulo à produtividade e controle da mão-de-obra escrava na "De Re Rustica" de Varrão.. In: XVIII Ciclo de Debates em História Antiga: "Dialogando com Clio - 15 anos do LHIA", 2008, Rio de Janeiro. Cadernos de Resumos: XVIII Ciclo de Debates em História Antiga: "Dialogando com Clio - 15 anos do LHIA", 2008.

8.
KNUST, J. E. M.. Considerações sobre o vocabulário acerca da mão-de-obra em Varrão. In: XX Seminário de Estudos Clássicos - Prazer e Moral no Mundo Antigo, 2008, Niterói. Cadernos de Resumos do XX Seminário de Estudos Clássicos - Prazer e Moral no Mundo Antigo, 2008. p. 14.

9.
KNUST, J. E. M.. A escravidão rural no Rerum Rusticarum de Varrão.. In: IX Jornada de Estudos Interdisciplinares da Antigüidade: Arte e Identidade, 2007, Niterói. Caderno de resumos da IX Jornada de Estudos Interdisciplinares da Antigüidade: Arte e Identidade, 2007.

10.
KNUST, J. E. M.. Drímaco de Quios: um exemplo da relação entre amos e escravos na Grécia Antiga. In: VIII Jornada de Estudos da Antigüidade: Ética, Política e Participação na Antiguidade, 2006, Niterói. Caderno de resumos da VIII Jornada de Estudos da Antigüidade: Ética, Política e Participação na Antiguidade, 2006.

Apresentações de Trabalho
1.
KNUST, J. E. M.. O campesinato como protagonista da História Antiga. 2018. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

2.
KNUST, J. E. M.. Para que servem as histórias da Grécia e Roma antigas?. 2018. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
KNUST, J. E. M.. Onde viviam os camponeses romanos?. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

4.
KNUST, J. E. M.. Espúrio Cássio e os latinos: uma reinterpretação da atuação política do primeiro ?aspirante a tirano? da República Romana. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

5.
KNUST, J. E. M.. História da Grécia e Roma antigas nas propostas curriculares da Base Nacional Comum Curricular brasileira.. 2017. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

6.
KNUST, J. E. M.. Consciência Histórica de Passados Distantes: sobre usos e abusos.. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

7.
KNUST, J. E. M.. From young Marx to Early Rome: State and Community in Early-republican Central Italy.. 2016. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

8.
KNUST, J. E. M.. A história do pré-capitalismo na educação básica: Por que ensinar passados distantes às crianças e jovens brasileiras(os)?. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

9.
KNUST, J. E. M.. Cacos de cerâmica e fazendas camponesas: o campesinato itálico nas categorias de classificação de sítios nos levantamentos de superfície.. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

10.
KNUST, J. E. M.. Uma História em ruídos: Fontes e metodologias para o estudo do campesinato romano.. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

11.
KNUST, J. E. M.. Clãs e camponeses na cidade-Estado da Roma protorrepublicana. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

12.
KNUST, J. E. M.. Trabalho abstrato e trabalho concreto na Antiguidade Clássica. 2014. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

13.
KNUST, J. E. M.. Leis agrárias no início da República romana e o problema das formas de propriedade da terra (486-339 a.C.).. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

14.
KNUST, J. E. M.. Conquistadores e camponeses: o impacto da conquista romana sobre os camponeses itálicos (séculos IV-I a.C.).. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

15.
KNUST, J. E. M.. Crise(s) Agrária(s) na Etrúria Meridional: modelos e indícios. 2013. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

16.
KNUST, J. E. M.. Um passado romano para um presente capitalista: a economia romana em dois séculos de História Econômica. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

17.
KNUST, J. E. M.. Comunidades camponesas e expansão do poder aristocrático na Itália Central Tirrênica (séculos III-I a.C.): alguns elementos iniciais para pesquisa.. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

18.
KNUST, J. E. M.; FRIZZO, Fábio . Expropriação e Mediação nas Formas de Exploração Pré-Capitalistas: o Egito Faraônico e a Roma Republicana. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

19.
KNUST, J. E. M.. Os espaços do poder estatal da Res Publica romana (séculos IV-II a.C.). 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

20.
KNUST, J. E. M.; FRIZZO, Fábio . Expropriação e Mediação nas Formas de Exploração Pré-Capitalistas.. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

21.
KNUST, J. E. M.. As narrativas históricas antigas e a História da República Romana. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

22.
KNUST, J. E. M.. Campesinato e Escravidão na República Romana (séculos II e I a.C.). 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

23.
KNUST, J. E. M.. Concentração fundiária e relações de produção na Itália republicana (séculos III-I a.C.). 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

24.
KNUST, J. E. M.. Trabalho livre e assalariado nos campos da Itália Romana? Considerações a partir dos tratados de Catão e Varrão. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

25.
KNUST, J. E. M.; FRIZZO, Fábio . Expropriação e Mediação nas Formas de Exploração Pré-Capitalistas. 2011. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

26.
KNUST, J. E. M.. Racionalidade econômica dos grandes proprietários de terras romanos: crítica à leitura weberiana de Finley. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

27.
KNUST, J. E. M.. O processo de formação do sistema imperial-escravista romano. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

28.
KNUST, J. E. M.. A Composição do De Agri Cultura por Catão, o censor, como estratégia social de criação de uma identidade aristocrática. 2010. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

29.
KNUST, J. E. M.. Novas perspectivas metodológicas na abordagem dos Agrônomos Latinos. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

30.
KNUST, J. E. M.. Controle e Exploração dos Escravos Rurais na República Romana. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

31.
KNUST, J. E. M.. Chefes escravos e racionalidade da organização do trabalho rural em Catão. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

32.
KNUST, J. E. M.. A Historiografia Moderna e a Racionalidade na Economia Antiga: Contribuição a partir da Análise dos Agrônomos Latinos. 2009. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

33.
KNUST, J. E. M.. 'Vilicus' e 'Magister Pecoris' em Varrão 1.17 e 2.10: as características necessárias aos chefes escravos. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

34.
KNUST, J. E. M.. "Studiosos ad Opus et Beneuolentia in Domino": estímulo à produtividade e controle da mão-de-obra escrava na "De Re Rustica" de Varrão.. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

35.
KNUST, J. E. M.. Considerações sobre o vocabulário acerca da mão-de-obra na De Re Rustica de Varrão. 2008. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

36.
KNUST, J. E. M.. Os Escravos e a agricultura romana na obra De Re Rustica de Varrão. 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

37.
KNUST, J. E. M.. A escravidão rural no Rerum Rusticarum de Varrão. 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

38.
KNUST, J. E. M.. A Escravidão Rural no Rerum Rusticarum de Varrão. 2007. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

39.
KNUST, J. E. M.. Drímaco de Quios: um exemplo da relação entre amos e escravos na Grécia Antiga. 2006. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

Outras produções bibliográficas
1.
KNUST, J. E. M.; FRIZZO, Fábio ; BASTOS, Mário Jorge da Motta . Capitalismo romano, modernismo e marxismo. A propósito de algumas ideias de Jairus Banaji sobre o trabalho assalariado, 2012. (Tradução/Artigo).


Demais tipos de produção técnica
1.
KNUST, J. E. M.. Economia Romana: problemas conceituais e metodológicos. 2014. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

2.
KNUST, J. E. M.; MELO, Gabriel ; PACHÁ, Paulo Henrique ; BASTOS, Mário Jorge da Motta . Sujeito histórico e transformação social no pré-capitalismo. 2012. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

3.
KNUST, J. E. M.. Escravidão e Agricultura na "De re Rustica" de Varrão. 2008. (Relatório de pesquisa).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Teses de doutorado
1.
BASTOS, Mário Jorge da Motta; PACHÁ, Paulo Henrique; CERINEU, João; FREITAS, E. C.; KNUST, J. E. M.. Participação em banca de Álvaro Mendes Ferreira. A colonização oriental e o senhorio rural em Bradenburgo. 2017. Tese (Doutorado em História) - Universidade Federal Fluminense.




Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Para que serve a História Antiga?.Para que serve a História da Grécia e Roma Antigas. 2018. (Oficina).

2.
V Jornada Universitária da Reforma Agrária.O campesinato como protagonista da História Antiga. 2018. (Encontro).

3.
Encuentro de Investigadores Jóvenes sobre Sociedades Precapitalistas.História da Grécia e Roma antigas nas propostas curriculares da Base Nacional Comum Curricular brasileira.. 2017. (Encontro).

4.
II Jornada de História da UFF Campos.Consciência Histórica de Passados Distantes: sobre usos e abusos.. 2017. (Encontro).

5.
XXI Congresso da SBEC. Onde viviam os camponeses romanos?. 2017. (Congresso).

6.
XXIV Congresso Nacional de História. Espúrio Cássio e os latinos: uma reinterpretação da atuação política do primeiro ?aspirante a tirano? da República Romana. 2017. (Congresso).

7.
European Social Science History Conference. From young Marx to Early Rome: State and Community in Early-republican Central Italy. 2016. (Congresso).

8.
Ciclo de Palestras "Encontros com a História Antiga e Medieval".Uma História em ruídos: Fontes e metodologias para o estudo do campesinato romano. 2015. (Encontro).

9.
III Encuentro Internacional de Investigadores Jóvenes sobre sociedades precapitalistas.Cacos de cerâmica e fazendas camponesas: o campesinato itálico nas categorias de classificação de sítios nos levantamentos de superfície.. 2015. (Seminário).

10.
V Jornada do Niep-PreK: O pré-capitalismo em perspectiva.A história do pré-capitalismo na educação básica: Por que ensinar passados distantes às crianças e jovens brasileiras(os)?. 2015. (Seminário).

11.
Ciclo de Debates Mare Nostrum.Conquistadores e camponeses: o impacto da conquista romana sobre os camponeses itálicos (séculos IV-I a.C.). 2014. (Encontro).

12.
Ciclo de Estudos do Laboratório de Estudos sobre o Império Romano.Leis agrárias no início da República romana e o problema das formas de propriedade da terra (486-339 a.C.). 2014. (Encontro).

13.
I Ciclo de debates do Niep-PréK: trocas, comércio, mercado e valor.Trabalho abstrato e trabalho concreto na Antiguidade Clássica. 2014. (Encontro).

14.
IV Jornada do Niep-PréK: Estado e Poder em sociedades pré-capitalisalistas.Clãs e camponeses na cidade-Estado da Roma protorrepublicana. 2014. (Encontro).

15.
Migração e Mobilidade no Mediterrâneo Antigo: realidades demográficas e implicações culturais. 2014. (Oficina).

16.
III Jornada do Niep-PréK e II Encontro Internacional de Jovens Pesquisadores sobre Sociedades Pré-Capitalistas.Crise(s) Agrária(s) na Etrúria Meridional: modelos e indícios. 2013. (Encontro).

17.
Rural communities in a globalizing economy. 2013. (Seminário).

18.
Tenth Annual Historical Materialismo Conference 'Making the World Working Class'. 2013. (Congresso).

19.
Colóquio Internacional O Império Romano e suas províncias: a integração e seus limites. Economia e Sociedade. 2012. (Congresso).

20.
I Encontro de Pós-Graduandos sobre Sociedades Pré-Capitalistas e II Jornada do Niep -PréK.Comunidades camponesas e expansão do poder aristocrático na Itália Central Tirrênica (séculos III-I a.C.): alguns elementos iniciais para pesquisa.. 2012. (Encontro).

21.
II Encontro Discente de História Antiga e Medieval.Os espaços do poder estatal da Res Publica romana (séculos IV-II a.C.). 2012. (Encontro).

22.
IV Jornadas Nacionales de Historia Antigua y III Jornadas Internacionales de Historia Antigua. Expropriação e Mediação nas Formas de Exploração Pré-Capitalistas: o Egito Faraônico e a Roma Republicana. 2012. (Congresso).

23.
VII Colóquio Internacional Marx e Engels. Expropriação e Mediação nas Formas de Exploração Pré-Capitalistas.. 2012. (Congresso).

24.
XXII Ciclo de Debates em História Antiga - História & Narrativas.As narrativas históricas antigas e a História da República Romana. 2012. (Encontro).

25.
Colóquio Nacional Marx e o Marxismo 2011. Expropriação e Mediação nas Formas de Exploração Pré-Capitalistas. 2011. (Congresso).

26.
I Encuentro Internacional de Historiadores Jóvenes sobre Sociedades Precapitalistas.Concentração fundiária e relações de produção na Itália republicana (séculos III-I a.C.). 2011. (Encontro).

27.
IV Encontro do Laboratório de Estudos do Império Romano - Mediterrâneo Antigo (LEIR-MA/USP) Processos de integração no Mediterrâneo Antigo: Aceleração e Crise.Trabalho livre e assalariado nos campos da Itália Romana? Considerações a partir dos tratados de Catão e Varrão. 2011. (Encontro).

28.
Tierras, Leyes, História: estúdios sobre la gran obra de la propriedad. 2011. (Outra).

29.
XXVI Simpósio Nacional de História. Anpuh: 50 anos.. Campesinato e Escravidão na República Romana (séculos II e I a.C.). 2011. (Congresso).

30.
XXXIV Coloquio Internacional GIREA / III Coloquio Internacional PEFSCEA Formas de subordinação personal y poder político en el Mediterráneo Antigüo. 2011. (Congresso).

31.
Congresso Internacional Tempus Fugit: Processo, Mudança e Transição. Processo, Mudança e Transição em perspectiva - a Antiguidade Ocidental. 2010. (Congresso).

32.
I Jornada do Niep-PréK - Desvendando a Anatomia do Macaco: o Pré-Capitalismo em perspectiva.Racionalidade econômica dos grandes proprietários de terras romanos: crítica à leitura weberiana de Finley. 2010. (Encontro).

33.
XXI Simpósio Nacional de Estudios Clásicos ? La palabra que ordena, interpreta y hace inteligible El mondo.A Composição do De Agri Cultura por Catão, o censor, como estratégia social de criação de uma identidade aristocrática. 2010. (Simpósio).

34.
A Ordem Imperial Romana: fronteiras identitárias e fronteiras sociais. 2009. (Seminário).

35.
VI Colóquio Marx Engels. Controle e Exploração dos Escravos Rurais na República Romana. 2009. (Congresso).

36.
XI Jornada de Estudos da Antiguidade.Novas perspectivas metodológicas na abordagem dos "Agrônomos Latinos. 2009. (Encontro).

37.
XIX Ciclo de debates em História Antiga: Encontros e Enfrentamentos.A Historiografia Moderna e a Racionalidade na Economia Antiga: Contribuição a partir da Análise dos Agrônomos Latinos. 2009. (Encontro).

38.
XXV Simpósio Nacional de História - Anpuh.Chefes escravos e racionalidade da organização do trabalho rural em Catão. 2009. (Simpósio).

39.
Oficina de Mitologia, ministrada pelo Prof. Me. Manuel Rolph De Viveiros Cabeceiras. 2008. (Oficina).

40.
Scientiarum Historia: I Encontro de História da Ciência e das Técnicas e Epistemologia.Por uma Historiografia Realista e Objetiva: uma abordagem a partir das considerações de Martin Bunzl e Chris Lorenz. 2008. (Encontro).

41.
X Jornada de Estudos Interdisciplinares da Antigüidade: Festivais, Cultura e Poder.'Vilicus' e 'Magister Pecoris' em Varrão 1.17 e 2.10: as características necessárias aos chefes escravos. 2008. (Encontro).

42.
XVIII Ciclo de Debates em História Antiga."Studiosos ad Opus et Beneuolentia in Domino": estímulo à produtividade e controle da mão-de-obra escrava na "De Re Rustica" de Varrão.. 2008. (Encontro).

43.
XX Seminário de Estudos Clássicos - Prazer e Moral no Mundo Antigo.Considerações sobre o vocabulário acerca da mão-de-obra na "De Re Rustica" de Varrão. 2008. (Seminário).

44.
III Encontro de estudos Romanos: Roma e as sociedades da Antiguidade.A Escravidão Rural no Rerum Rusticarum de Varrão. 2007. (Encontro).

45.
IX Jornada de Estudos Interdisciplinares da Antigüidade: Arte e Identidade.A escravidão rural no Rerum Rusticarum de Varrão. 2007. (Encontro).

46.
XVII Seminário de Iniciação Científica e Prêmio UFF Vasconcellos Torres de Ciência e Tecnologia.Os Escravos e a agricultura romana na obra De Re Rustica de Varrão. 2007. (Seminário).

47.
VIII Jornada de Estudos da Antigüidade: Ética, Política e Participação na Antiguidade.Drímaco de Quios: um exemplo da relação entre amos e escravos na Grécia Antiga. 2006. (Encontro).

48.
II Simpósio Estado Brasileiro: Historiografia. 2005. (Simpósio).

49.
Mostra de Monitoria 2005 da Universidade Federal Fluminense.Drímaco de Quios e a Revolta Escrava na Grécia Antiga. 2005. (Outra).

50.
VII Jornada de Estudos da Antiguidade: Guerra, Escravidão e Liberdade.. 2005. (Encontro).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
BASTOS, Mário Jorge da Motta ; DAFLON, Eduardo ; SILVA, Renato Rodrigues da ; PACHÁ, Paulo Henrique ; FRIZZO, Fábio ; MAGELA, T. ; KNUST, J. E. M. . IV Jornada Universitária em Defesa da Reforma Agrária. 2017. (Congresso).

2.
MENDES, A.F. ; DAFLON, Eduardo ; FRIZZO, Fábio ; MELO, Gabriel ; KNUST, J. E. M. ; BASTOS, M. J. M. ; PACHÁ, Paulo Henrique ; MOERBECK, G. ; MAGELA, T. . IV Jornada do Niep-PréK: Estado e Poder em sociedades pré-capitalistas. 2014. (Congresso).

3.
MENDES, A.F. ; DAFLON, Eduardo ; MELO, Gabriel ; KNUST, J. E. M. ; BASTOS, M. J. M. ; PACHÁ, Paulo Henrique ; MOERBECK, G. ; MAGELA, T. . III Jornada do Niep-PréK e II Encontro Internacional de Jovens pesquisadores sobre sociedades pré-capitalistas. 2013. (Congresso).

4.
BASTOS, Mário Jorge da Motta ; KNUST, J. E. M. ; FRIZZO, Fábio ; MELO, Gabriel ; PACHÁ, Paulo Henrique ; SILVA, Renato Rodrigues da ; MENDES, A.F. ; DAFLON, Eduardo . I Encontro de Pós-Graduandos sobre Sociedades Pré-Capitalistas e II Jornada do Niep-Prek. 2012. (Congresso).

5.
AUGUSTO, A. ; MEDEIROS, J. L. ; MIRANDA, K. ; BADARO, M. ; CARCANHOLO, M. ; FONTES, V. ; DUAYER, J. ; DUAYER, M. ; BASTOS, M. J. M. ; KNUST, J. E. M. ; MELO, Gabriel ; PACHÁ, Paulo Henrique ; FRIZZO, Fábio . Colóquio Nacional Marx e o Marxismo 2011: Teoria e Prática. 2011. (Congresso).

6.
BASTOS, Mário Jorge da Motta ; KNUST, J. E. M. ; SILVA, Renato Rodrigues da ; FRIZZO, Fábio ; PACHÁ, Paulo Henrique ; MELO, Gabriel . I Jornada de Estudos do NIEP-PréK - Desvendando a Anatomia do Macaco: o Pré-Capitalismo em Perspectiva. 2010. (Congresso).

7.
Cardoso, Ciro F.S. ; BASTOS, Mário Jorge da Motta ; Barreto, Lívia L.P. ; KNUST, J. E. M. ; FRIZZO, Fábio ; MELO, Gabriel ; PACHÁ, Paulo Henrique ; SILVA, Renato Rodrigues da ; Bedran, Mariana . Congresso Internacional Tempus Fugit: Processo, Mudança e Transição. 2010. (Congresso).




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 21/11/2018 às 24:02:03