Fabiano Pellin Mielniczuk

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/3278613474204470
  • Última atualização do currículo em 16/10/2018


Doutor em Relações Internacionais pelo IRI/PUC-Rio, é mestre em Relações Internacionais pelo mesmo Instituto e graduado em Ciências Sociais pela UFRGS com ênfase em Ciência Política. Colaborador do Programa de Pós-Graduação em Estudos Estratégicos Internacionais da UFRGS (2015-2020) e professor da ESPM-Sul. Foi Diretor da Audiplo: Educação e relações Internacionais (2013-2018) e professor de Relações Internacionais dos Programas de Pós-Graduação e Graduação do IRI/PUC-Rio (2011-2013) e de Graduação da PUC-Rio (2007-2013) e Coordenador de Pesquisas do BRICS Policy Center (2011-2013). Suas áreas de interesse são: Teoria de Relações Internacionais; Relações Internacionais da Rússia, do Espaço da Antiga URSS e da Europa; História das Relações Internacionais; Segurança Internacional; BRICS. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Fabiano Pellin Mielniczuk
Nome em citações bibliográficas
MIELNICZUK, Fabiano;MIELNICZUK, FABIANO

Endereço


Endereço Profissional
Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Faculdade de Ciências Econômicas.
Av. João Pessoa 52
Centro
90040060 - Porto Alegre, RS - Brasil
Telefone: (51) 33083963
URL da Homepage: https://www.ufrgs.br/ppgeei/


Formação acadêmica/titulação


2007 - 2011
Doutorado em Relações Internacionais.
Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, PUC-Rio, Brasil.
com período sanduíche em University of Hawaii (Orientador: Michael J. Shapiro).
Título: Sovietologismo: a União Soviética como representação Ocidental, Ano de obtenção: 2011.
Orientador: Joao Franklin Abelardo Pontes Nogueira.
Bolsista do(a): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ, FAPERJ, Brasil.
Palavras-chave: União Soviética; Análise de Discurso; Teoria Crítica; Genealogia; Arqueologia do Saber; Estudos Culturais.
Grande área: Ciências Humanas
2002 - 2004
Mestrado em Relações Internacionais.
Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, PUC-Rio, Brasil.
Título: A Identidade como Fonte de Conflito: As relações entre Ucrânia e Rússia no Pós-URSS,Ano de Obtenção: 2004.
Orientador: Nizar Messari.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.
Palavras-chave: Teoria de Relações Internacionais; Construtivismo; Relações Ucrânia e Rússia; Expansão da OTAN; Segurança Internacional.
Grande área: Ciências Humanas
Grande Área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Política Internacional / Especialidade: Relações Internacionais, Bilaterais e Multilaterais.
Setores de atividade: Outros.
1996 - 1999
Graduação em Ciências Sociais.
Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS, Brasil.
Título: A influência do Executivo na composição dos presidentes do sistema de comissões das comissões permanentes da Câmara dos Deputados do Brasil (1989-1998).
Orientador: André Marenco dos Santos.
Bolsista do(a): Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.




Formação Complementar


2001 - 2001
Extensão universitária em As Relações Internacionais no Pós Guerra Fria. (Carga horária: 40h).
Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS, Brasil.
2001 - 2001
Ascensão e Queda das Grandes Potências. (Carga horária: 30h).
Clube de Cultura de Porto Alegre, CLUBE DE CULTURA, Brasil.
2001 - 2001
A Diplomacia Brasileira Séc. XIX - XX. (Carga horária: 30h).
Clube de Cultura de Porto Alegre, CLUBE DE CULTURA, Brasil.


Atuação Profissional



Universidade Federal do Rio Grande do Sul, UFRGS, Brasil.
Vínculo institucional

2015 - Atual
Vínculo: Colaborador, Enquadramento Funcional: Professor do PPGEEI
Outras informações
A Solicitação de Credenciamento 15994 de FABIANO PELLIN MIELNICZUK foi aprovada. Dados do Credenciamento: Data de Solicitação: 12/11/2015 Categoria de Credenciamento: Colaborador Data de Início: 12/11/2015 Data de Fim: 30/09/2020 Escopo: Ensino e Orientação

Atividades

08/2016 - Atual
Ensino, Programa de Pós-Graduação em Estudos Estratégicos Internacionais, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
EEI04 - Estudos de Política internacional: As relações internacionais da Rússia no Pós-Guerra fria - do fim da URSS aos dias de hoje
EEI27 - Teoria das relações internacionais: abordagens pós-positivistas
03/2018 - 05/2018
Ensino, Especialização em Estudos Estratégicos Internacionais, Nível: Especialização

Disciplinas ministradas
Estados unidos e Europa : Relações Internacionais e Estratégia

Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, PUC-Rio, Brasil.
Vínculo institucional

2011 - 2013
Vínculo: Celetista formal, Enquadramento Funcional: Professor Assistente, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

2006 - 2009
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor Agregado, Carga horária: 12

Atividades

01/2011 - 08/2013
Ensino, Relações Internacionais, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
IRI 1830 - Questões de Política Internacional da Rússia
IRI 1524 - Teorias Contemporâneas de Relações Internacionais II
IRI 1804 - Relações Internacionais da Rússia e da Europa do Leste depois da Guerra Fria
01/2011 - 08/2013
Ensino, Relações Internacionais, Nível: Pós-Graduação

Disciplinas ministradas
IRI 2400 História do Sistema Internacional
04/2011 - 12/2012
Conselhos, Comissões e Consultoria, Instituto de Relações Internacionais, Centro de Estudos e Pesquisas dos Países BRICS / BRICS Policy Center.

Cargo ou função
Coordenador de Pesquisas.
09/2008 - 12/2009
Direção e administração, Instituto de Relações Internacionais, .

Cargo ou função
Coordenador Adjunto da Graduação em Relações Internacionais.
08/2006 - 12/2009
Ensino, Relações Internacionais, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Teoria de Relações Internacionais IV
Formação do Sistema Internacional
Relações Internacionais da Rússia e do Leste da Europa depois da Guerra Fria

Escola Superior de Propaganda e Marketing, ESPM, Brasil.
Vínculo institucional

2014 - Atual
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Assistente, Carga horária: 24

Atividades

08/2014 - Atual
Ensino, Relações Internacionais, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Estudos Estratégicos China, Rússia e Índia
Estudos Estratégicos Europa
História Contemporânea do Brasil
História das Relações Internacionais Contemporânea
História das Relações Internacionais Moderna
Introdução ao Estudo das Relações Internacionais
Laboratório de Pesquisa em Relações Internacionais

Centro Universitário Ritter dos Reis, UniRITTER, Brasil.
Vínculo institucional

2013 - 2014
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Horista

Atividades

08/2013 - 08/2014
Ensino, Relações Internacionais, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
RLI0052 - Segurança Internacional
RLI0064 - Análise de Política Externa
RLI0068 - Geopolítica dos Estados Emergentes
RLI0012 - Política Internacional Contemporânea
RLI0019 - Economia Política internacional II

Instituto Superior de Educação La Salle, UNILASALLE-RJ, Brasil.
Vínculo institucional

2004 - 2008
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 12

Atividades

8/2004 - 08/2008
Ensino, Relações Internacionais, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Conflitos Armados Pós-1945
Geografia Político-Econômica
Introdução às Relações Internacionais
Teoria das Relações Internacionais I
Teoria das Relações Internacionais II
11/2006 - 12/2007
Direção e administração, Coordenação de Cursos, .

Cargo ou função
Coordenador da Graduação em Relações Internacionais.
08/2006 - 12/2007
Direção e administração, Coordenação de Cursos, .

Cargo ou função
Coordenador do Curso de Especialização em Relações Internacionais.
04/2005 - 08/2007
Treinamentos ministrados , Coordenação de Cursos, Relações Internacionais.

Treinamentos ministrados
Monitoria
04/2005 - 11/2006
Conselhos, Comissões e Consultoria, Conselho de Pesquisa e Extensão - Consepe, .

Cargo ou função
Representante Docente.
04/2006 - 10/2006
Direção e administração, Coordenação de Cursos, .

Cargo ou função
Coordenador Adjunto do Curso de Graduação em Relações Internacionais.

Universidade Estácio de Sá, UNESA, Brasil.
Vínculo institucional

2004 - 2005
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: Professor, Carga horária: 11

Atividades

04/2004 - 08/2005
Ensino, Relações Internacionais, Nível: Graduação

Disciplinas ministradas
Introdução às Relações Internacionais
Organizações Políticas Internacionais
Relações Internacionais Contemporâneas
Segurança Internacional


Projetos de pesquisa


2015 - Atual
O papel dos BRICS na política externa do Brasil: uma avaliação sobre seus limites e possibilidades
Descrição: O Brasil passou por transformações sem precedentes durante os dois mandatos do Presidente Lula da Silva (2003 - 2010). O país reduziu suas emissões de carbono significativamente, o crescimento econômico alcançou a média de 4% ao ano e as políticas de redistribuição aliviaram a pobreza para cerca de 30 milhões de pessoas. Além disso, o Brasil atingiu um novo nível de envolvimento nos assuntos internacionais. O país mostrou seu comprometimento como um candidato a um assento permanente no Conselho de Segurança das Nações Unidas e, pela primeira vez, liderou uma operação de paz da ONU, no Haiti. Após a crise econômica mundial de 2008, o Brasil participou ativamente do G-20 e das negociações sobre a reestruturação do sistema de quotas do FMI e do Banco Mundial. A postura inovadora da política externa de Lula afirmou-se mais corajosamente ainda quando seu ministro das Relações Exteriores, Embaixador Celso Amorim, abandonou as negociações da Área de Livre Comércio das Américas (ALCA) e redirecionou a atenção do Brasil para os Estados emergentes na África, no Oriente Médio e na Ásia. Dentro deste novo âmbito da política externa, organizações regionais como a UNASUL, a União Africana, a Liga Árabe, entre outros, receberam atenção especial. Acima do nível regional, o Brasil também promoveu arranjos alternativos como o IBSA (Índia, Brasil e África do Sul) e mais tarde os BRICS (Brasil, Rússia, Índia, China e África do Sul). Esta estrutura de camadas diplomáticas sobrepostas facilitou o crescimento econômico do Brasil, posto que a) resultou em novos mercados para as exportações brasileiras, b) os excedentes comerciais resultantes financiaram as despesas crescentes em políticas redistributivas, que, por sua vez, c) contribuíram para impulsionar o consumo interno e reforçaram uma atmosfera econômica favorável ao investimento direto estrangeiro. Desde 2011, no entanto, os limites deste modelo tornaram-se aparentes e a incapacidade da presidente Dilma Roussef para oferecer uma alternativa econômica coincidiu com uma inflexão na política externa do Brasil em relação aos seus laços tradicionais com os EUA e Europa. Este projeto de pesquisa pretende explorar a afirmação de que o BRICS foi a cereja no topo do bolo diplomático que permitiu ao Brasil entrar neste ciclo econômico virtuoso. Essa é a razão pela qual ele veio relativamente tarde na presidência de Lula: é um resultado natural de todas as outras iniciativas e dependeu do modelo de desenvolvimento econômico adotado durante seu governo. Já com o governo Dilma, a inciativa perde força em função do redirecionamento de sua política externa e do esgotamento do modelo econômico interno. Qual a importância do BRICS para o Brasil nesse contexto? Será possível apostar em um afastamento brasileiro do agrupamento? Essas são algumas perguntas que serão respondidas ao longo da pesquisa..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2015 - Atual
"Culturabilidade Violenta": uma crítica sobre as condições para performances violentas.
Descrição: Desde o fim da Guerra Fria, os acadêmicos de segurança estão envolvidos em uma intensa batalha sobre o significado de segurança. Contra as abordagens tradicionais que privilegiam aspectos políticos e militares para a defesa da sobrevivência do Estado, definições mais amplas incorporaram as dimensões econômicas, ambientais e sociais, bem como novos temas - como indivíduos ou a humanidade - na equação de segurança. No entanto, as condições de possibilidade para a promoção da insegurança, ou seja, as manifestações de violência em suas variadas formas, raramente são explicitados. Este projeto de pesquisa explora as semelhanças e diferenças entre os conceitos de "Violência Cultural" (Galtung) e "Governança Cultural" (Shapiro) a fim de avançar a noção de "culturabilidade violenta" - a capacidade de naturalizar uma cultura de violência - para explicitar essas condições por intermédio de uma crítica das manifestações contemporâneas no campo das artes, cinema e literatura..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2013 - 2013
Brasil Global: desafios da inserção internacional brasileira em um mundo em transformação
Descrição: O PET/IRI, intitulado 'BRASIL GLOBAL': DESAFIOS DA INSERÇÃO INTERNACIONAL BRASILEIRA EM UM MUNDO EM TRANSFORMAÇÃO, tem como objetivo formar alunos com capacidade crítica para análise de temas e problemas centrais ao processo de inserção internacional do Brasil. Visa contribuir para implementação e consolidação de novos métodos de ensino-aprendizagem vinculados ao programa de desenvolvimento curricular do IRI. Serão desenvolvidas atividades de ensino, pesquisa e extensão nos eixos prioritários: a) Instituições e Governança ? participação brasileira na nova arquitetura do sistema internacional, 2) Desenvolvimento e Cooperação ? agenda de desenvolvimento internacional brasileira, sobretudo, nas estratégias de cooperação Sul-Sul e 3) Plataforma de Direitos e Temas Sociais ? ênfase para posição brasileira sobre direitos humanos, direito humanitário e temática migratória. O Programa foi desenvolvido em conjunto com o TEPP/PUC-Rio, bolsa de Tutoria Ensino e Pesquisa..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (9) / Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Fabiano Pellin Mielniczuk - Coordenador / Ana Clara Vianna Martins de Almeida - Integrante / Antonio Luis Mendes Chagas - Integrante / Carolina Grinsztajn - Integrante / Maiara Folly Gomes - Integrante / Java Orlando Teixeira - Integrante / Marcelle Trote Martins - Integrante / Deborah Lipka - Integrante / Pedro Maia - Integrante / Alice Rampini - Integrante / Jéssica Máximo - Integrante.Financiador(es): Ministério da Educação - Outra.
2011 - 2013
O efeito dos ataques terroristas de 11 de setembro para o relacionamento OTAN-Rússia
Descrição: Após o fim da Guerra Fria, a segurança internacional depende, em grande medida, do modo como OTAN e Rússia se relacionam. Em um primeiro momento, ambas continuam a reproduzir a mesma lógica discursiva da bipolaridade. Os ataques terroristas de 11/09 alteram esse quadro. Nesse sentido, o objetivo desse plano de pesquisa é verificar qual o efeito dos ataques de 11 de Setembro no relacionamento OTAN-Rússia. A hipótese para respondê-la é de que há uma mudança radical no modo como a identidade de ambas é construída. Ao invés de serem construídas contra cada uma, as identidades passam a ser construídas em oposição a uma ameaça comum: o terrorismo global. Por isso, a relação entre OTAN e Rússia deve ser entendida em termos completamente novos, e uma aproximação permanente entre as duas deve ser considerada. Teoricamente, o estudo está fundamentado em uma abordagem não tradicional da política externa, informada pelo construtivismo social e pelo pós-estruturalismo. O estudo está compreendido entre o ano de 1991, que marca o fim da URSS e o início da relação da OTAN com os antigos países socialistas, e 2012..
Situação: Desativado; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Fabiano Pellin Mielniczuk - Coordenador / Renato Bahia - Integrante.Financiador(es): Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro - Remuneração.
2005 - 2007
Rússia e a Segurança Internacional no Pós-Guerra Fria
Descrição: Nesse projeto são tratadas questões de Segurança Internacional que tenham alguma relação com a Rússia, desde o fim da URSS até os dias atuais.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Fabiano Pellin Mielniczuk - Coordenador / Larissa Mazolli Veiga - Integrante / Raul Martins Palermo - Integrante.Financiador(es): Instituto Superior de Educação La Salle - Remuneração.


Projetos de extensão


2012 - 2012
Sistema Internacional do Século XX
Descrição: Coordenador do Módulo Sistema Internacional do Século XX no curso de Especialização em relações Internacionais da PUC-Rio, oferecido pela CEE/IRI/PUC-Rio..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
2011 - 2013
Questões de Política Internacional da Rússia e da Europa do Leste
Descrição: Coordenação do Módulo "Questões de POlítica Internacional da Rússia e da Europa do Leste"no curso de Especialização em Relações Internacionais da PUC-Rio oferecido pela CCE/IRI/PUC-Rio..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.


Membro de corpo editorial


2016 - Atual
Periódico: Revista de Defesa e Segurança


Revisor de periódico


2011 - 2012
Periódico: International Political Sociology


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política.
2.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Política Internacional.
3.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Política Internacional/Especialidade: Integração Internacional, Conflito, Guerra e Paz.
4.
Grande área: Ciências Humanas / Área: Ciência Política / Subárea: Política Internacional/Especialidade: Relações Internacionais, Bilaterais e Multilaterais.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Francês
Compreende Bem, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.
Russo
Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Pouco, Escreve Pouco.


Prêmios e títulos


1999
DESTAQUE DE SESSÃO SALÃO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA, Pró-reitoria de Pesquisa - UFRGS.
1999
PRÊMIO JOVEM PESQUISADOR, Pró-reitoria de Pesquisa - UFRGS.
1999
Distinção como acadêmico do IFCH em função do 65º aniversário da UFRGS, Reitoria da UFRGS.
1998
DESTAQUE DE SESSÃO SALÃO DE INICIAÇÃO CIENTÍFICA, Pró-reitoria de Pesquisa - UFRGS.
1998
PRÊMIO JOVEM PESQUISADOR, Pró-reitoria de Pesquisa - UFRGS.


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
MIELNICZUK, Fabiano2018MIELNICZUK, Fabiano. A reeleição de Putin e a Copa do Mundo na Rússia: uma ligação perigosa, por Fabiano Mielniczuk. MUNDORAMA, v. 12, p. s/p, 2018.

2.
Dall'Agnol, A. C.2018Dall'Agnol, A. C. ; Zabolotsky, B. P. ; MIELNICZUK, Fabiano . The Return of the Bear? Russian Military Engagement in Latin America: the Case of Brazil?. MILITARY REVIEW, v. July, p. 1-11, 2018.

3.
MIELNICZUK, Fabiano2018MIELNICZUK, Fabiano; LISBOA, A. . O uso do véu na França e o tempo do internacional: considerações a partir de uma abordagem póscolonial. Conjuntura Austral. Revista do Núcleo Brasileiro de Estratégia e Relações Internacionais da UFRGS, v. 9, p. 83-98, 2018.

4.
MIELNICZUK, FABIANO2017MIELNICZUK, FABIANO. Como assim, Trump?. TEXTUAL (PORTO ALEGRE), v. 1, p. 16-21, 2017.

5.
MIELNICZUK, Fabiano2015MIELNICZUK, Fabiano. A diferença que a ontologia faz: Intergovernamentalismo Liberal, Construtivismo e Integração Europeia. Século XXI : revista de relações internacionais / Escola Superior de Propaganda e Marketing do Rio Grande do Sul., v. 6, p. 69-84, 2015.

6.
MIELNICZUK, Fabiano2015MIELNICZUK, Fabiano; PICCOLLI, L. . Política e sociedade na Rússia atual. Em Debate (Belo Horizonte), v. 7, p. 50-54, 2015.

7.
MIELNICZUK, FABIANO2014MIELNICZUK, FABIANO. A Crise Ucraniana e suas Implicações para as Relações Internacionais. Conjuntura Austral, v. 5, p. 4-19, 2014.

8.
MIELNICZUK, Fabiano;MIELNICZUK, FABIANO2013 MIELNICZUK, Fabiano. brics in the Contemporary World: changing identities, converging interests. Third World Quarterly (Print), v. 34, p. 1075-1090, 2013.

9.
MIELNICZUK, FABIANO2013 MIELNICZUK, FABIANO. Food security, biotechnology, and the BRICS: a necessary relationship. INTERNATIONAL AFFAIRS FORUM, v. 1, p. 1-5, 2013.

10.
MIELNICZUK, FABIANO2013MIELNICZUK, FABIANO. O Conflito entre Rússia e Geórgia: uma revisão histórica. ESTUDOS INTERNACIONAIS, v. 1, p. 157-166-166, 2013.

11.
MIELNICZUK, FABIANO2013MIELNICZUK, FABIANO. O que (não) aprendemos sobre a Rússia no caso Pussy Riot. MUNDORAMA, v. v.66, p. s/p, 2013.

12.
MIELNICZUK, Fabiano;MIELNICZUK, FABIANO2012 MIELNICZUK, Fabiano. Do realismo à emancipação: o papel dos fatores econômicos nos estudos de segurança. Revista Brasileira de Política Internacional (Impresso), p. 9-30, 2012.

13.
MIELNICZUK, Fabiano;MIELNICZUK, FABIANO2012 MIELNICZUK, Fabiano. Brazil-Russia relations (1991-2011): new identities, converging interests. A Russian Journal of World Politics, Diplomacy and International Relations, v. 58, p. 169-184, 2012.

14.
MIELNICZUK, Fabiano;MIELNICZUK, FABIANO2009MIELNICZUK, Fabiano. Ucrânia e Belarus: Tão perto da Rússia e tão longe do Ocidente. Cadernos ADENAUER (São Paulo), v. X, p. 41-57, 2009.

15.
MIELNICZUK, Fabiano;MIELNICZUK, FABIANO2006 MIELNICZUK, Fabiano. Identidade como Fonte de Conflito: Ucrânia e Rússia no Pós-URSS. Contexto Internacional, Rio de Janeiro, v. 28, n.1, 2006.

Capítulos de livros publicados
1.
MIELNICZUK, Fabiano. Relação Brasil-Rússia (1991-2011): Novas identidades, interesses convergentes. In: João Pontes Nogueira. (Org.). Os BRICS e as Transformações na Ordem Internacional. 1ed.Rio de Janeiro: Editora PUC-Rio, 2012, v. , p. 121-162.

2.
MIELNICZUK, Fabiano; CATTANI, Antonio David . A formação sindical cutista na região sul. In: Maria da Graça Krieger; Marininha Aranha Rocha. (Org.). Rumos da Pesquisa: Múltiplas Trajetórias. 1ªed.Porto Alegre: Pró-Reitoria de Pesquisa/UFRGS, 1998, v. , p. 324-334.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
MIELNICZUK, FABIANO. A Rússia como ela é. Jornal do Brasil, Rio de Janeiro, 30 jun. 2018.

2.
MIELNICZUK, FABIANO. Por que as negociações incomodam?. Zero Hora, Porto Alegre, 16 jun. 2018.

3.
MIELNICZUK, FABIANO. Fabiano Mielniczuk: por que Donald Trump venceu. Zero Hora, Porto Alegre, 01 nov. 2016.

4.
MIELNICZUK, FABIANO. As razões da ascensão de Donald Trump na corrida eleitoral americana. Zero Hora, Porto Alegre, 27 maio 2016.

5.
MIELNICZUK, FABIANO. Legado nas relações internacionais para o ano que vem será de crise no Oriente Médio e um equilíbrio do poder multilateral. Zero Hora, 26 dez. 2015.

6.
MIELNICZUK, FABIANO. À beira do abismo: o novo estágio da guerra na Síria. Estado de São Paulo, 25 nov. 2015.

7.
MIELNICZUK, FABIANO. A saga da Rússia, do socialismo ao capitalismo: resenha do livro de Angelo Segrillo. Gazeta Russa: encarte do Russia Beyond the Headlines, Moscou, 17 maio 2015.

8.
MIELNICZUK, FABIANO. Todos são culpados por Nemtsov. Estadão Noite, 05 mar. 2015.

9.
MIELNICZUK, FABIANO. Uma nova configuração de poder?. Estadão Noite, 25 ago. 2014.

10.
MIELNICZUK, FABIANO. Por que aderir à Europa é ruim para a Ucrânia. Ópera Mundi, Rio de Janeiro, 31 jan. 2014.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
MIELNICZUK, Fabiano; SANTOS, André Marenco dos . A composição dos líderes no sistema de comissões permanentes da Câmara de Deputados do Brasil (1989 a 1998). In: XI Salão de Iniciação Científica da UFRGS, 1999, Porto Alegre. Livro de Resumos. Porto Alegre: Editora da UFRGS, 1999. p. 423-423.

2.
MIELNICZUK, Fabiano; CATTANI, Antonio David . Teoria e Prática na Formação Sindical Cutista. In: X Salão de Iniciação Científica da UFRGS, 1998, Porto Alegre. Livro de Resumos. Porto Alegre: Editora da UFRGS, 1998. p. 397-397.

Artigos aceitos para publicação
1.
MIELNICZUK, Fabiano. Lógica da (in)apropriação? Os problemas do construtivismo na análise do alargamento da União Européia.. ESTUDOS INTERNACIONAIS, 2019.

Apresentações de Trabalho
1.
MIELNICZUK, Fabiano. Rússia e suas relações Internacionais sob Vladimir Putin. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

2.
MIELNICZUK, FABIANO. Cem Anos da Revolução Russa. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
MIELNICZUK, Fabiano. As eleições norte-americanas e a Rússia. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
MIELNICZUK, FABIANO. O Desmembramento da URSS e a Rússia no pós-Guerra fria. 2017. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
MIELNICZUK, Fabiano. Migrants and Asylum Seekers in Europe. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
MIELNICZUK, Fabiano. A Guerra ao Estado Islâmico e suas Implicações para a Segurança Internacional. 2016. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

7.
MIELNICZUK, Fabiano. A Crise na Ucrânia e suas Implicações para a Segurança Internacional. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

8.
MIELNICZUK, Fabiano. A crise da Ucrânia e suas implicações para as Relações Internacionais. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

9.
MIELNICZUK, Fabiano. Migrações e Oriente Médio. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

10.
MIELNICZUK, Fabiano. A Crise Ucraniana. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

11.
MIELNICZUK, Fabiano. As origens da Crise Russo-Ucraniana e suas consequencias para as relações internacionais. 2014. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

12.
MIELNICZUK, Fabiano. Rússia e Índia na Nova Ordem Mundial. 2012. (Apresentação de Trabalho/Comunicação).

13.
MIELNICZUK, Fabiano. Relação Brasil-Rússia (1991-2011). 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

14.
MIELNICZUK, Fabiano. Aestheticizing subjects, disrupting objects: discourse analysis and the aesthetic approach in global politics. 2011. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

15.
MIELNICZUK, Fabiano. Os BRICS e a Nova Ordem Internacional. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

16.
MIELNICZUK, Fabiano. Excavating Texts? Rethinking the State Concept through Archeological Practice. 2010. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

17.
MIELNICZUK, Fabiano. Turning Aesthetics. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

18.
MIELNICZUK, Fabiano. How to escape the statism trap in IR Theory. 2008. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

19.
MIELNICZUK, Fabiano. ?Vácuo de Segurança? ou ?Espaço Moral?? As Relações entre Rússia e OTAN no pós-guerra fria. 2007. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

20.
MIELNICZUK, Fabiano. O Tempo e o Outro: Considerações sobre o tempo do internacional. 2007. (Apresentação de Trabalho/Congresso).


Produção técnica
Trabalhos técnicos
1.
MIELNICZUK, FABIANO. Parecer de Artigo Científico - Conjuntura Austral. 2018.

2.
MIELNICZUK, FABIANO. Parecer de Artigo Científico - Carta Internacional. 2016.

3.
MIELNICZUK, FABIANO. Parecer de Artigo Científico - Revista Brasileira de Estudos de Defesa. 2016.

4.
MIELNICZUK, FABIANO. Parecer de Artigo Científico - Conjuntura Austral. 2016.

5.
MIELNICZUK, FABIANO. Parecer de Artigo Científico - Carta Internacional. 2015.

6.
MIELNICZUK, FABIANO. Parecer de Artigo Científico - Conjuntura Austral. 2015.

7.
MIELNICZUK, FABIANO. Parecer de Artigo Científico - Contexto Internacional. 2015.

8.
MIELNICZUK, FABIANO. Parecer de Artigo Científico - Conjuntura Austral. 2014.

9.
MIELNICZUK, FABIANO. Parecer de Artigo Científico - Conjuntura Austral. 2014.

10.
MIELNICZUK, FABIANO. Parecer de Artigo Científico - Brazilian Political Science Review. 2014.

11.
MIELNICZUK, Fabiano. Parecer de Artigo Científico - Contexto Internacional. 2013.

12.
MIELNICZUK, FABIANO. Parecer de Artigo Científico - Contexto Internacional. 2013.

13.
MIELNICZUK, FABIANO. Parecer de Artigo Científico - Contexto Internacional. 2012.

14.
MIELNICZUK, FABIANO. Parecer de Artigo Científico - International Political Sociology. 2012.

15.
MIELNICZUK, Fabiano. Parecer de Artigo Científico - International Political Sociology. 2011.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
MIELNICZUK, FABIANO; Bia, Pedro ; Chade, Jamil . Correspondentes na Rússia - Episódio #02 - Um anfitrião polêmico. 2018. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

2.
MIELNICZUK, FABIANO. Apesar de onda de protestos, Putin assume hoje 4º mandato sem adversários para enfrentá-lo. 2018. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

3.
MIELNICZUK, FABIANO. Ataque americano contra Síria relembra clima da Guerra Fria, mas contexto hoje é outro. 2018. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

4.
MIELNICZUK, FABIANO; Zahran Filho ; MENDONCA, F. . Chute 054 - Rússia, de novo com Fabiano Mielniczuk. 2018. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

5.
MIELNICZUK, FABIANO. Rodrigo Oliveira entrevista Fabiano Mielniczuk, professor de Relações Internacionais da ESPM. 2018. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

6.
MIELNICZUK, FABIANO. Como estão as antigas repúblicas que integravam a União Soviética?. 2017. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

7.
MIELNICZUK, FABIANO. Para especialista, Rússia anula tendência do PSDB de se aproximar dos EUA. 2017. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

8.
MIELNICZUK, FABIANO. Rússia, sede da Copa de 2018: que país é este?. 2017. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

9.
MIELNICZUK, FABIANO. Da Guerra Fria ao Colapso. 2017. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

10.
MIELNICZUK, FABIANO. Há cem anos, Revolução Russa reescrevia a história. 2017. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

11.
MIELNICZUK, Fabiano; Zahran Filho ; MENDONCA, F. . Chute 005 ? A política da Mãe Rússia explicada por Fabiano Mielniczuk. 2017. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

12.
MIELNICZUK, FABIANO. Cerco aos Neonazis. 2017. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

13.
MIELNICZUK, FABIANO. Quem ganha e quem perde com a vitória de Donald Trump. 2016. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

14.
MIELNICZUK, FABIANO. Trump ameaça acabar com a reaproximação EUA-Cuba sem 'um acordo melhor'. 2016. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

15.
MIELNICZUK, FABIANO. Juíza brasileira acompanha, em Guantánamo, audiência de acusados do 11 de Setembro. 2016. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

16.
MIELNICZUK, Fabiano. Entrevista ao programa Atualidade, da Rádio Gaúcha. 2016. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

17.
MIELNICZUK, Fabiano. O que muda na sua vida. 2016. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

18.
MIELNICZUK, FABIANO. O pêndulo global se inclina à direita. 2016. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

19.
MIELNICZUK, FABIANO. Fabiano Mielniczuk: ?Yevgeny Primakov inscreveu seu nome na História da Rússia?. 2015. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

20.
MIELNICZUK, FABIANO. Especialista considera positivo acordo de Minsk para cessar­-fogo. 2015. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

21.
MIELNICZUK, FABIANO. Por que a França é alvo do terrorismo. 2015. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

22.
MIELNICZUK, FABIANO. Petróleo, impostos e doações: a larga rede de financiamento do Estado Islâmico. 2015. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

23.
MIELNICZUK, FABIANO. Briga de gigantes. 2015. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

24.
MIELNICZUK, FABIANO. Cooperación militar de Argentina y Rusia amenazaría el control británico en las Malvinas, cree experto. 2015. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

25.
MIELNICZUK, FABIANO. Interesses das potências travam reforma da ONU. 2015. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

26.
MIELNICZUK, FABIANO. 70 anos do fim da Segunda Guerra Mundial: a guerra acabou, mas não para todos. 2015. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

27.
MIELNICZUK, FABIANO. Risco de uma nova Guerra Fria é real, diz especialista. 2014. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

28.
MIELNICZUK, FABIANO. BRICS preparam-se para ocupar espaço no poder mundial. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

29.
MIELNICZUK, FABIANO. Unequal development: What?s the social cost of the BRICS? economic growth?. 2014. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

30.
MIELNICZUK, FABIANO. O que será do mundo?. 2013. (Programa de rádio ou TV/Comentário).

31.
MIELNICZUK, Fabiano. Voz da Rússia: O Futuro da Rússia. 2012. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).


Demais tipos de produção técnica
1.
MIELNICZUK, Fabiano. Módulo ?Sistema Internacional?. 2012. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - Coordenador de Módulo do Programa de Desenvolvimento Curricular (PDC)).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Mestrado
1.
VADELL, J. A.; DULCI, O. S.; MIELNICZUK, FABIANO. Participação em banca de Felipe Costa Lima. A Federação Contra-Ataca? A Guerra Civil Ucraniana como Palco do conflito Hegemônico entre Ocidente e Federação Russa. 2017. Dissertação (Mestrado em Relações Internacionais: Política Internacional) - Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais.

2.
MIELNICZUK, Fabiano; SILVA, A. L. R.; ARTURI, C.; Morosini, Fábio. Participação em banca de Lauren Machado. Europa "Não-Cidadã"?: O Lugar dos Russos na Construção Estatal Letã e Estoniana no Pós Guerra Fria. 2017. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Estudos Estratégicos Internacionais) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

3.
Svartman, Eduardo; MIELNICZUK, Fabiano; ARTURI, C.; SILVA, A. L. R.. Participação em banca de Fernando Preusser de Mattos. O Brasil no Debate Estratégico Franco-Alemão: Uma análise do discurso dos principais think tanks da Alemanha e da França a respeito da inserção internacional do Brasil (2003-2014).. 2016. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

4.
SILVA, A. L. R.; MIELNICZUK, FABIANO; Perla, Rodrigo; Filippi, Eduardo. Participação em banca de Isadora Loreto. O Oriente Médio na Política Externa Brasileira desde 2003: relações do Brasil com Irã, Egito e Turquia.. 2016. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Estudos Estratégicos Internacionais) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

5.
Aragão, Daniel; Laniado, Ruthy; MIELNICZUK, Fabiano. Participação em banca de Milton José Deiró de Mello Neto. Identidades Nacionais Russas e Geopolítica do Cáucaso. 2016. Dissertação (Mestrado em Relações Internacionais) - Universidade Federal da Bahia.

6.
Herz, Monica; Nogueira, J. P.; MIELNICZUK, Fabiano. Participação em banca de João Victor Pinto Dutra. Matryoshka Putina: masculinidades, segurança e fronteiras na Rússia. 2015. Dissertação (Mestrado em Relações Internacionais) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

7.
Cepik, Marco; ARTURI, C.; MIELNICZUK, Fabiano. Participação em banca de Marcelo Mesquita Leal. Guerra e Ciberespaço: Implicações Político-Estratégicas. 2015. Dissertação (Mestrado em Ciência Política) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

8.
dos Santos, Norma Breda; MIELNICZUK, Fabiano; Becard, Danielly. Participação em banca de Ciro Eduardo Ferreira. A Adesão da Rússia À Organização Mundial do Comércio sob a Lógica das Relações Bilaterais Russo-Norte-Americanas (1993-2008). 2012. Dissertação (Mestrado em Relações Internacionais) - Universidade de Brasília.

9.
Fernandes, Luis; SILVA, F.C.T; MIELNICZUK, Fabiano. Participação em banca de Marcos Daemon Barbosa. As crises de abastecimento de 2005 a 2009 e seus impactos na formulação da POlítica Energética Alemã. 2012. Dissertação (Mestrado em Relações Internacionais) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

10.
Herz, Monica; SHAPIRO, M. J.; MIELNICZUK, Fabiano. Participação em banca de Júlia Peres Guimarães. Cinema and the officail U.S discourse on the `War on Drugs`: Miss Bala. 2012. Dissertação (Mestrado em Relações Internacionais) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

Teses de doutorado
1.
Ramos, Leonardo; MIELNICZUK, Fabiano; Zahran Filho; de Souza, Igor Abdalla Medina; LASMAR, J.; Abdrade e Barros, Marinana. Participação em banca de Daniela Vieira Secches. Sociedade Internacional e Democracia: interpelação e rearticulação da política externa da Rússia contemporânea. 2018. Tese (Doutorado em Relações Internacionais: Política Internacional) - Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais.

2.
Morosini, Fábio; Haffner, Jacqueline; SILVA, A. L. R.; ARTURI, C.; MIELNICZUK, FABIANO. Participação em banca de Diego Trindade d'Ávila Magalhães. Globalizadores e a Globalização Comercial: A China é um país globalizador?. 2015. Tese (Doutorado em Estudos Estratégicos Internacionais) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

3.
ARTURI, C.; Marx, Vanessa; SILVA, A. L. R.; MIELNICZUK, Fabiano. Participação em banca de Marília Bortoluzzi Severo. Integração e Segurança nas Relações entre a União Europeia e os Bálcàs Ocidentais (2000-2014). 2015. Tese (Doutorado em Ciência Política) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

4.
Nogueira, J. P.; Herz, Monica; MIELNICZUK, Fabiano; Diniz, Eugênio; Wohlforth, Willian. Participação em banca de Layla Ibrahim Abdallah Dawood. China versus The United States: Is bipolarity back? A study of internal balancing as a possible source of international systemic change. 2013. Tese (Doutorado em Relações Internacionais) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

Qualificações de Doutorado
1.
FERABOLLI, S. R.; MIELNICZUK, Fabiano; ARENDT NETO, H. C.. Participação em banca de Bruno Gomes Guimarães. O Lugar da ONU na Grande Estratégia de Potências Emergentes e Tradicionais. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Estudos Estratégicos Internacionais) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

2.
ARTURI, C.; SILVA, A. L. R.; MIELNICZUK, Fabiano. Participação em banca de Guilherme Ziebell de Oliveira. Terrorismo e securitização: os impactos do discurso de "novo terrorismo" e da securitização do tema no pós-11 de setembro de 2001 na política externa das potências centrais para o Sul Global. 2018. Exame de qualificação (Doutorando em Ciência Política) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

3.
Martins, J. M. Q; Pereira, A. L.; MIELNICZUK, Fabiano. Participação em banca de Larlecianne Piccolli. Defesa Antimíssil dos Estados unidos (NMD) e seus Impactos na Política de Segurança da Rússia: o marco Defensivo Reativo Utilitário (DRU) enquanto hipótese síntese.. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Estudos Estratégicos Internacionais) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

4.
Ramos, Leonardo; LASMAR, J.; MIELNICZUK, Fabiano. Participação em banca de Daniela Vieira Secches. Sociedade Internacional e Democracia: Interpelação e rearticulação na política externa da Rússia Contemporânea. 2017. Exame de qualificação (Doutorando em Relações Internacionais: Política Internacional) - Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais.

5.
Cepik, Marco; ARTURI, C.; MIELNICZUK, Fabiano. Participação em banca de Thiago Borne. Sistemas Robóticos e Capacidades Militares: Conceitos de Emprego, Pesquisa e Desenvolvimento, Estrutura e Força. 2015. Exame de qualificação (Doutorando em Estudos Estratégicos Internacionais) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul.

Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
ALESSANDRI, V.; MIELNICZUK, Fabiano. Participação em banca de Ailton Franke Goularte.O choque com as matrizes: a cisão de identidades dos boxeadores de Cuba. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Escola Superior de Propaganda e Marketing - Sul.

2.
Simão, Ana; MIELNICZUK, Fabiano. Participação em banca de Jéssica Bortoleto Zanchet.Redes Sociais e Propaganda: uma análise do Estado Islâmico. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Escola Superior de Propaganda e Marketing - Sul.

3.
Adam, Gabriel; MIELNICZUK, Fabiano. Participação em banca de Bruna Rissi Reichert.Análise de Discurso: a construção narrativa do papel que os Estados Unidos e Rússia procuravam desempenhar nos anos 1990 a partir de seus discursos na ONU sobre as Guerras da Bósnia e Herzegóvina e do Kosovo.. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Escola Superior de Propaganda e Marketing - Sul.

4.
Pesavento, Fábio; MIELNICZUK, Fabiano. Participação em banca de Matheus Vasques Niewierowski.A Reconstrução da Diplomacia Comercial Brasileira Frente ao Fim do Sistema Bretton Woods e a Primeira Crise do Petróleo: um retrato da Participação na Rodada Tóquio. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Escola Superior de Propaganda e Marketing - Sul.

5.
Simão, Ana; Adam, Gabriel; MIELNICZUK, Fabiano. Participação em banca de Franciele Tavares Kelm.O PAÍS DOS VIKINGS EM BUSCA DA IGUALDADE DE GÊNERO: Um estudo da Política Externa Feminista da Suécia. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Escola Superior de Propaganda e Marketing - Sul.

6.
Adam, Gabriel; Simão, Ana; MIELNICZUK, Fabiano. Participação em banca de Paolo Ramos de garcia.ANÁLISE DOS MEIOS DE FINANCIAMENTO DO ESTADO ISLÂMICO. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Escola Superior de Propaganda e Marketing - Sul.

7.
Kurtz, Adriana; Simão, Ana; MIELNICZUK, Fabiano. Participação em banca de EDUARDA HEINECK FERNANDES.O FEMINISMO TRANSNACIONAL: um diálogo entre a transnacionalização do movimento feminista e as políticas públicas para mulheres no governo Dilma Rousseff. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Escola Superior de Propaganda e Marketing - Sul.

8.
Adam, Gabriel; MIELNICZUK, Fabiano; Pautasso, Diego. Participação em banca de Júlia Escobar Chaise.A Balança de Poder no oriente Médio: uma análise das capacidades de Irã, Arábia Saudita e Israel no pós 11 de setembro. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Escola Superior de Propaganda e Marketing - Sul.

9.
Adam, Gabriel; MIELNICZUK, Fabiano; Simão, Ana. Participação em banca de Ana Júlia Marangoni.Fluxos Migratórios e seus Reflexos Polarizadores no Pós-Guerra Fria: uma análise de componentes xenófobos e multiculturalistas presentes na sociedade alemã. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Escola Superior de Propaganda e Marketing - Sul.

10.
Carneiro, Camilo; MIELNICZUK, Fabiano; Pesavento, Fábio. Participação em banca de Gabriel Pirondi.O sistema financeiro chinês como instrumento de consolidação do seu protagonismo no sistema internacional contemporâneo. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Escola Superior de Propaganda e Marketing - Sul.

11.
Simão, Ana; MIELNICZUK, Fabiano; Brigido, Eveline. Participação em banca de Fernanda Ratzkov.Impactos Securitários de Operação Barkhane nos Estados Unidos do G5 Sahel. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Escola Superior de Propaganda e Marketing - Sul.

12.
Pautasso, Diego; Rocha, Bruno; MIELNICZUK, Fabiano. Participação em banca de João Pedro Valandro Bertani.O papel dos bancos públicos de fomento na política externa da China. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Escola Superior de Propaganda e Marketing - Sul.

13.
Adam, Gabriel; Simão, Ana; MIELNICZUK, Fabiano. Participação em banca de Luiza Reck Ortigara.A identidade nacional como base para a construção da imagem: Por que Vladimir Putin é o líder ideal para a Rússia. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Escola Superior de Propaganda e Marketing - Sul.

14.
Sandrin, Paula; MIELNICZUK, Fabiano. Participação em banca de Ian Gibbons.Reterritorializar e Integrar: Identidades Liquidas na Ucrânia e os discursos da UE e Rússia. 2015. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

15.
Pautasso, Diego; Adam, Gabriel; MIELNICZUK, Fabiano. Participação em banca de Bethina Hintz Germanos.O Papel da Rússia na Política Externa Alemã no Contexto Pós-Guerra Fria. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Escola Superior de Propaganda e Marketing - Sul.

16.
Herz, Monica; MIELNICZUK, Fabiano. Participação em banca de Beatriz Rodrigues da Costa.Entre o BRICS e o CDH: Análise sobre a Política Externa Brasileira para os Direitos Humanos. 2012. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

17.
Moulin, Carolina; MIELNICZUK, Fabiano. Participação em banca de Ana Pires de Sá Prates.Representações Cinematográficas do Tráfico Humano: influências e efeitos políticos. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

18.
MIELNICZUK, Fabiano; DELGADO, Ana Carolina Teixeira. Participação em banca de Luiza Gava Milani.O Movimento Transnacional pela Defesa dos Direitos das Mulheres no Afeganistão: Vozes e Silêncos. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

19.
MIELNICZUK, Fabiano; Moreno, Marta. Participação em banca de Gustavo Alvim de Góes Bezerra.Dois Pesos e uma medida: uma análise sobre a formação de Estados na Europa e da imposição desse modelo na África. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

20.
ARAGAO, D. M. C.; MIELNICZUK, Fabiano. Participação em banca de Catarina Peres Gama Lopes da Costa.Uma Nação Prisioneira do Discurso: A Dominação Chinesa sobre o Tibete. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

21.
HOFFMANN, A. R.; MIELNICZUK, Fabiano. Participação em banca de Luis Fernando De Moraes y Blanco.A Crise em torno da Ratificação do Tratado Constitucional Euro-peu: Uma Abordagem Construtivista. 2006. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Relações Internacionais) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Outras participações
1.
MIELNICZUK, Fabiano. Prêmio Gerson Moura de melhor trabalho de conclusão de Curso em Relações Internacionais. 2011. Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

2.
MIELNICZUK, Fabiano; Kenkel, Kai; Fernandes, Luis. Banca de Qualificação do Doutorado em Relações Internacionais. 2011. Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

3.
MIELNICZUK, Fabiano; Herz, Monica. Banca de Defesa - Projeto de Dissertação de Mestrado (Julia Guimaraes). 2011. Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

4.
MIELNICZUK, Fabiano; Fernandes, Luis. Banca de Defesa - Projeto de Dissertação de Mestrado (Marcos Daemon). 2011. Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

5.
MIELNICZUK, Fabiano; Kenkel, Kai; Cepik, Marco. Banca de Passagem Direta - Doutorado em Relações Internacionais (Aline Vasconcelos de Abreu). 2011. Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

6.
MIELNICZUK, Fabiano; Esteves, Paulo; Moreno, Marta; Fernandes, Luis; Abdnur, Adriana. Banca de Seleção de Mestrado em Relações Internacionais. 2011. Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.

7.
MIELNICZUK, Fabiano; Kenkel, Kai; Cepik, Marco. Banca de Passagem Direta - Doutorado em Relações Internacionais (Débora Sol Freire). 2011. Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
Débats d?idées: Traversée Clandestine.Jornalista francês Grégoire Deniau debate a Crise migratória na Europa. 2017. (Outra).

2.
Desafios da Política Externa Brasileira - CEBRI / KAS / PPGEEI.Os Desafios do Comércio Exterior Brasileiro. 2017. (Seminário).

3.
Desafios da Política Externa Brasileira - CEBRI / KAS / PPGEEI.Segurança e Defesa. 2017. (Seminário).

4.
CIVIC BRICS. BRICS in the Contemporary World: changing identities, converging interests. 2015. (Congresso).

5.
IX Конвент РАМИ (IX Conferência da Associação Russa de Relações Internacionais - RISA). The role of BRICS in Brazil's Foreign Policy: an assessment on limits and possibilities. 2015. (Congresso).

6.
X Econtro do Valdai Discussion Club.Política e sociedade na Rússia atual. 2013. (Outra).

7.
4th BRICS Academic Forum.BRICS Partnership for Stability, Security and Growth. 2012. (Outra).

8.
5ª edição do GlobalEurope EU-Russia.What Russia's experience can teach us about the relations between BRICS and the West?. 2011. (Simpósio).

9.
III Encontro Nacional da ABRI - Governança Global e Novos Atores.Os BRIC e a Ordem Internacional. 2011. (Encontro).

10.
III Encontro Nacional da ABRI - Governança Global e Novos Atores.Pós modernismo e governamentalidade. 2011. (Encontro).

11.
X Simpósio de História Comparada.Contextos Comparativos de Responsabilidade Política. 2011. (Simpósio).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
MIELNICZUK, Fabiano. BRICS e Megaeventos Esportivos. 2012. (Outro).

2.
MIELNICZUK, Fabiano. Cidades BRICS e os desafios do desenvolvimento urbano sustentável. 2012. (Outro).

3.
MIELNICZUK, Fabiano. Os Desafios dos BRICS após a Cúpula de Nova Deli. 2012. (Outro).



Orientações



Orientações e supervisões em andamento
Dissertação de mestrado
1.
Bóris Perius Zabolotsky. Desconstruindo o discurso da ?agressão russa? nas eleições presidenciais dos Estados Unidos de 2016. Início: 2017. Dissertação (Mestrado em Estudos Estratégicos Internacionais) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

2.
Augusto César Dall'Agnol. Realismo Neoclássico e estratégias de balanceamento interno: o caso da Rússia no período pós-Guerra Fria (1991-2017). Início: 2017. Dissertação (Mestrado em Estudos Estratégicos Internacionais) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. (Orientador).

Tese de doutorado
1.
Tito Lívio Barcellos Pereira. As influências Primakovianas para a construção de um Espaço Geopolítico Eurasiático. Início: 2017. Tese (Doutorado em Estudos Estratégicos Internacionais) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul. (Orientador).

2.
Valter José Fainda. Polos de Inovação na África do Sul. Início: 2017. Tese (Doutorado em Estudos Estratégicos Internacionais) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul. (Orientador).


Orientações e supervisões concluídas
Dissertação de mestrado
1.
Lauren Machado. Europa "Não-Cidadã"?: O Lugar dos Russos na Construção Estatal Letã e Estoniana no Pós-Guerra Fria. 2017. Dissertação (Mestrado em Programa de Pós-Graduação em Estudos Estratégicos Internacionais) - Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior. Orientador: Fabiano Pellin Mielniczuk.

Tese de doutorado
1.
Daniela Vieira Secches. Sociedade Internacional e Democracia: interpelação e rearticulação na política externa da Rússia contemporânea. 2018. Tese (Doutorado em Relações Internacionais: Política Internacional) - Pontifícia Universidade Católica de Minas Gerais, . Coorientador: Fabiano Pellin Mielniczuk.

Trabalho de conclusão de curso de graduação
1.
ISADORA SOUZA MUCCILLO. O AGRAVAMENTO DA CRISE UCRANIANA (2014) A partir da mudança na distribuição de poder entre a Rússia e os Estados Unidos após o colapso da União Soviética até 2014. 2017. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Escola Superior de Propaganda e Marketing - Sul. Orientador: Fabiano Pellin Mielniczuk.

2.
Ana Claudia Zschoerper. A Política Externa do Irã no Iraque: o uso das milícias Xiitas. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Escola Superior de Propaganda e Marketing - Sul. Orientador: Fabiano Pellin Mielniczuk.

3.
Pedro de Macedo Boaz. Nobles vascos, adelante! Como o Athletic Bilbao se insere no contexto do nacionalismo separatista do povo basco. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Escola Superior de Propaganda e Marketing - Sul. Orientador: Fabiano Pellin Mielniczuk.

4.
Vinícius Silva Tosca. Mantiqis: análise do grupo Jihadista Islamiyah na Indonésia e sua influência e impactos sudeste asiático. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Escola Superior de Propaganda e Marketing - Sul. Orientador: Fabiano Pellin Mielniczuk.

5.
Ana Dreher Lisboa. Liberdade Velada: os debates por trás da proibição do véu islâmico na França. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Escola Superior de Propaganda e Marketing - Sul. Orientador: Fabiano Pellin Mielniczuk.

6.
Bruna Emely Hohensee. Imigração e Multiculturalismo no Québec: discurso oficial e percepção dos imigrantes. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Escola Superior de Propaganda e Marketing - Sul. Orientador: Fabiano Pellin Mielniczuk.

7.
Luiza Pereira do Prado Lima. Rússia e a Religião: como a religião ortodoxa participou na reformulação da identidade russa. 2016. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Escola Superior de Propaganda e Marketing - Sul. Orientador: Fabiano Pellin Mielniczuk.

8.
Pietro Gouvea del Corona. A diplomacia presidencial nos discursos políticos brasileiros. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Centro Universitário Ritter dos Reis. Orientador: Fabiano Pellin Mielniczuk.

9.
Karoline Sierote Duarte. As instituições do BRICS e as mudanças na ordem econômica global. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Centro Universitário Ritter dos Reis. Orientador: Fabiano Pellin Mielniczuk.

10.
Felipe Perez Martinez. As representações do estrangeiro nas telenovelas brasileiras: o caso boliviano. 2014. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Centro Universitário Ritter dos Reis. Orientador: Fabiano Pellin Mielniczuk.

11.
Serguey Monin. A Biopolítica e o Conflito entre a Rússia e a Geórgia. 2011. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. Orientador: Fabiano Pellin Mielniczuk.

12.
Carolina Martins de Oliveira. A Influência dos Regimes Internacionais sobre o Colapso da União Soviética. 2009. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. Orientador: Fabiano Pellin Mielniczuk.

13.
Pedro Henrique Amado de Cerqueira. O êxito do programa para geração de energia nuclear da França: um embate de interesses. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Instituto Superior de Educação La Salle. Orientador: Fabiano Pellin Mielniczuk.

14.
Pedro mendes Pinheiro Murelle. O Discurso de Intervenção dos Estados Unidos no Caso da Invasão do Iraque em 2003: A Soberania Iraquiana Entendida por uma Lógica da Simulação. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. Orientador: Fabiano Pellin Mielniczuk.

15.
Maria Alice de Camargo Pires Rebello. A balança de poder no Cáucaso. A crise entre Rússia, OTAN e Geórgia. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. Orientador: Fabiano Pellin Mielniczuk.

16.
Michelle Dutemple. A incorporação das preferências da Oligarquia na formulação da Política Externa Russa na Era Yeltsin. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. Orientador: Fabiano Pellin Mielniczuk.

17.
Daniel Edler. A POLÍTICA EXTERNA UCRANIANA: INFLUÊNCIA DOS PROCESSOS DE SECURITIZAÇÃO E DE- SECURITIZAÇÃO NAS RELAÇÕES COM A RÚSSIA E A EUROPA. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro. Orientador: Fabiano Pellin Mielniczuk.

18.
Fábio Ferraz Braga Guimarães. A Otan no pós-Guerra Fria: A construção de uma nova identidade. 2008. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Instituto Superior de Educação La Salle. Orientador: Fabiano Pellin Mielniczuk.

19.
Caroline Santos Silva. A Guerra Fria e sua Relação com a Guerra Civil Angolana. 2007. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Instituto Superior de Educação La Salle. Orientador: Fabiano Pellin Mielniczuk.

20.
Larissa Mazolli Veiga. As Contradições neoliberais: "Faça o que eu digo, mas não mfaça o que eu faço". 2007. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Instituto Superior de Educação La Salle. Orientador: Fabiano Pellin Mielniczuk.

21.
Fernando Cassib. O outro lado do Terror. 2005. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Universidade Estácio de Sá. Orientador: Fabiano Pellin Mielniczuk.

22.
Tathiana Gonçalvez Ferreira. Política Externa Brasileira: A Eqüidistância Pragmática. 2004. 53 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Universidade Estácio de Sá. Orientador: Fabiano Pellin Mielniczuk.

23.
Maria Larissa De Farias Teixeira. A Política Européia Comum de Segurança e Defesa e as Relações Transatlânticas: Primórdios de Autonomia em Matéria de Segurança?. 2004. 76 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Universidade Estácio de Sá. Orientador: Fabiano Pellin Mielniczuk.

24.
Marco Antonio Corrêa da Silva Júnior. As Questões de Segurança do Plano Colômbia Segundo o Ponto de Vista da Escola de Copenhague. 2004. 52 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Universidade Estácio de Sá. Orientador: Fabiano Pellin Mielniczuk.

25.
Rodrigo Marins Pinheiro. Teoria da Estabilidade Hegemônica e as Origens Históricas do Fundo Monetário Internacional. 2004. 44 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Universidade Estácio de Sá. Orientador: Fabiano Pellin Mielniczuk.

26.
Liandre Cristina Mertz Lemos. A Relevância do Mercosul para a Inserção Internacional do Brasil durante o Governo Fernando Henrique Cardoso. 2004. 49 f. Trabalho de Conclusão de Curso. (Graduação em Relações Internacionais) - Universidade Estácio de Sá. Orientador: Fabiano Pellin Mielniczuk.




Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 19/01/2019 às 24:01:15