Thiago Erir Cadete Meneguzzo

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/3321321922162821
  • Última atualização do currículo em 29/10/2018


Graduado em Engenharia Agronômica pela Universidade de Brasília, Mestre, Doutor e Pós-Doutor pela Escola Nacional de Botânica Tropical - Jardim Botânico do Rio de Janeiro. Os principais e correntes projetos de pesquisa são estudos em Biodiversidade de Orchidaceae, em especial Sistemática (revisão taxonômica, filogenia e delimitações específicas) do clado Zygopetalum (subtribo Zygopetalinae), gênero Gomesa e clado Trichocentrum (subtribo Oncidiinae). (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Thiago Erir Cadete Meneguzzo
Nome em citações bibliográficas
MENEGUZZO, T. E. C.;Meneguzzo, Thiago E. C.;MENEGUZZO, THIAGO ERIR CADETE;MENEGUZZO, THIAGO E.C.

Endereço


Endereço Profissional
Instituto de Pesquisa Jardim Botânico do Rio de Janeiro.
Rua Pacheco Leão, 925
Jardim Botânico
22460030 - Rio de Janeiro, RJ - Brasil
Telefone: (21) 32042076
URL da Homepage: http://www.meneguzzo.net.br


Formação acadêmica/titulação


2014 - 2018
Doutorado em Botânica.
Instituto de Pesquisa Jardim Botânico do Rio de Janeiro, IP/JBRJ, Brasil.
Título: Systematics of Zygopetalum (Orchidaceae), Ano de obtenção: 2018.
Orientador: José Fernando Andrade Baumgratz.
Coorientador: Cássio van den Berg.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Palavras-chave: orchidaceae; taxonomia; sistemática; filogenia.
Grande área: Ciências Biológicas
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Taxonomia Vegetal / Especialidade: Taxonomia de Fanerógamos.
Setores de atividade: Pesquisa e desenvolvimento científico.
2011 - 2013
Mestrado em Botânica.
Instituto de Pesquisa Jardim Botânico do Rio de Janeiro, IP/JBRJ, Brasil.
Título: Sistemática do complexo Zygopetalum e estudos taxonômicos do subcomplexo Aganisia (Orchidaceae, Zygopetalinae),Ano de Obtenção: 2013.
Orientador: José Fernando Andrade Baumgratz.
Coorientador: Cássio van den Berg.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências Biológicas
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Taxonomia Vegetal / Especialidade: Taxonomia de Orchidaceae.
Setores de atividade: Pesquisa e desenvolvimento científico.
2008 - 2010
Graduação em Agronomia.
Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
Título: A Tribo Cranichideae (Orchidaceae) no Distrito Federal, Brasil.
Orientador: Luciano de Bem Bianchetti, Carolyn Elinore Barnes Proença.
2005 interrompida
Graduação interrompida em 2007 em Agronomia.
Universidade Federal do Paraná, UFPR, Brasil.
Ano de interrupção: 2007


Pós-doutorado


2018
Pós-Doutorado.
Instituto de Pesquisa Jardim Botânico do Rio de Janeiro, IP/JBRJ, Brasil.
Bolsista do(a): Coordenação de Aperfeiçoamento de Pessoal de Nível Superior, CAPES, Brasil.
Grande área: Ciências Biológicas
Grande Área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Taxonomia Vegetal.


Formação Complementar


2012 - 2012
Extensão universitária em Introdução ao GNU R. (Carga horária: 18h).
Instituto de Pesquisa Jardim Botânico do Rio de Janeiro, IP/JBRJ, Brasil.
2012 - 2012
Databasing of Herbarium specimens using Brahms.
Royal Botanic Gardens, Kew, RBG-KEW, Inglaterra.
2012 - 2012
Digital imaging using HerbScan technology.
Royal Botanic Gardens, Kew, RBG-KEW, Inglaterra.
2009 - 2010
Iniciação Científica.
Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
2008 - 2009
Iniciação Científica.
Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
2008 - 2008
Inglês como Segunda Língua. (Carga horária: 64h).
Conselho Cultural Casa Thomas Jefferson, CTJ, Brasil.
2006 - 2007
Iniciação Científica.
Universidade Federal do Paraná, UFPR, Brasil.
2005 - 2005
Integração Lavoura-Pecuária. (Carga horária: 40h).
Centro Acadêmico de Agronomia Lycio Vellozo, CAALV, Brasil.
2003 - 2005
Inglês como Segunda Língua. (Carga horária: 480h).
Magphil Assessoria Educacional Ltda. - Phil Young's English School, MAE, Brasil.
2001 - 2002
Inglês como Segunda Língua. (Carga horária: 211h).
Fundação Richard H. Fisk - Escolas Fisk, FRHF, Brasil.


Atuação Profissional



Instituto de Pesquisa Jardim Botânico do Rio de Janeiro, IP/JBRJ, Brasil.
Vínculo institucional

2018 - 2018
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Estagiário de Pós-Doutorado, Regime: Dedicação exclusiva.

Vínculo institucional

2011 - 2018
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: pós-graduando, Regime: Dedicação exclusiva.


Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária, EMBRAPA, Brasil.
Vínculo institucional

2008 - 2010
Vínculo: Estagiário, Enquadramento Funcional: Estagiário, Carga horária: 20
Outras informações
Estágio no Herbário da Empresa Brasileira de Agricultura e Pecuária, Recursos Genéticos e Biotecnologia - EMBRAPA/CENARGEM (CEN), para o estudo da família botânica Orchidaceae com a finalidade de publicação de monografia na série "Flora do Distrito Federal, Brasil".

Atividades

2008 - Atual
Pesquisa e desenvolvimento , Recursos Genéticos e Biotecnologia, .


Universidade Federal do Paraná, UFPR, Brasil.
Vínculo institucional

2005 - 2007
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: aluno de iniciação científica


Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
Vínculo institucional

2010 - 2010
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: monitor
Outras informações
Monitor na disciplina de Anatomia Vegetal para graduação em Engenharia Agronômica.

Vínculo institucional

2008 - 2010
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: aluno de iniciação científica


Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro, PUC-Rio, Brasil.
Vínculo institucional

2012 - 2012
Vínculo: Celetista, Enquadramento Funcional: monitor, estariário em docência, Carga horária: 4
Outras informações
Carga de 90 horas em monitoria / estágio em docência na disciplina de Biologia Vegetal II para o curso de Ciências Biológicas.



Linhas de pesquisa


1.
Taxonomia de Fanerógamos: Orchidaceae Juss.

Objetivo: Estudo taxonômico da família botânica Orchidaceae Juss. no Brasil, levantamento de espécies e publicação de dados obtidos..
Grande área: Ciências Biológicas
Palavras-chave: orchidaceae; taxonomia; fanerógamos.


Projetos de pesquisa


2012 - Atual
Estudos taxonômicos e filogenéticos em Zygopetalinae (Orchidaceae)
Descrição: Objetiva desenvolver estudos taxonômicos, florísticos e filogenéticos em Orchidaceae, com enfoques no clado do complexo Zygopetalum, propondo-se: (1) elaborar um checklist das espécies de Zygopetalinae para o Brasil; (2) testar a hipótese do monofiletismo do clado Zygopetalum com base em análise cladística morfológica e molecular; (4) revisar taxonomicamente os gêneros Aganisia, Cheiradenia, Koellensteinia, Neogardneria, Otostylis, Pabstia, Paradisanthus, Vargasiella, Warrea, Warreella e Warreopsis, Zygopetalum; e (5) reconhecer o grau de ameaça e padrões de distribuição geográfica das espécies estudadas ..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) Doutorado: (2) .
Integrantes: Thiago Erir Cadete Meneguzzo - Integrante / van den Berg, C. - Integrante / José Fernando Andrade Baumgratz - Coordenador.Financiador(es): Fundação Carlos Chagas Filho de Amparo à Pesquisa do Estado do RJ - Auxílio financeiro.
Número de produções C, T & A: 1
2012 - Atual
Sistemática do gênero Gomesa R.Br. (Orchidaceae, Oncidinae)
Descrição: O gênero Gomesa (Orchidaceae, Cymbidieae, Oncidiinae) se distribuí na América do Sul, e se estende na Guiana venezuelana, costa oriental dos Andes peruanos e bolivianos, Paraguai, nordeste da Argentina, leste e sul do Brasil e Uruguai. A maior concentração de espécies ocorre no leste do Brasil, e diminui drasticamente nas demais áreas. Considerável parte das espécies ocorre em florestas úmidas, e secundariamente em formações campestres, savanas arbóreas, campestres ou campestres rochosas, comumente do nível do mar a cerca de 2000m. A circunscrição de Gomesa aqui aceita se dá no sentido amplo, de maneira a respeitar uma circunscrição monofilética conforme sugerido por trabalhos publicados de sistemática filogenética molecular. Em uma abordagem ampla Gomesa, inclui quase que a totalidade espécies brasileiras antes pertencentes ao gêneros Oncidium e a totalidade das espécies de gêneros tradicionalmente mantidos a parte: Baptistonia, Ornithophora, Rodrigueziopsis e Rodrigueziella. Assim, a circunscrição de Gomesa aqui aceita inclue em sua sinonímia 29 gêneros, dos quais em maioria foram recentemente descritos: Alatiglossum, Ampliglossum, Annetea, Baptistonia, Binotia, Brasilidium, Campaccia, Carenidium, Carria, Carriella, Castroa, Concocidium, Coppensia, × Coppensitonia, Hardingia, Hellerorchis, Kleberiella, Maturna, Menezesiella, Neoruschia, Nitidocidium, × Ornithocidium, Ornithophora, Rhinocerotidium, Rhinocidium, Rodrigueziella, Rodrigueziopsis, Theodorea e Waluewa. Está prevista a publicação de um nomenclator botânico, o qual trará novidades nomenclaturais, e a médio prazo a revisão do gênero como um todo e uma atualização filogenética com ênfase no estabelecimento de tratamento infragenérico..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Mestrado acadêmico: (1) .
Integrantes: Thiago Erir Cadete Meneguzzo - Coordenador / José Fernando Andrade Baumgratz - Integrante / Cássio van den Berg - Integrante.
Número de produções C, T & A: 1
2012 - Atual
Revisão taxonômica do clado Trichocentrum (Orchidaceae: Oncidiinae)
Descrição: As espécies do clado Trichocentrum é distrituído no Neotrópico, se estendendo do México ao sul do Brasil e nordeste da Argentina. O grupo inclui três gêneros, conformes circunscrições propostas por estudos de sistemática molecular: Grandiphyllum, Saundersia e Trichocentrum s.l. (inclui Cohniella, Lophiaris e Lophiarella). Saundersia é endêmico do Brasil, com uma única espécie. Grandiphyllum é amplamente distribuído no leste e sul do Brasil, mas também ocorre no nordeste da Argentina, com estimativa de espécies entre 6 e 11. Já Trichocentrum é neotropical e possui cerca de 80 espécies, sendo estimadas para o Brasil 10 e 15 espécies. Como objetivos, este projeto visa proceder com revisão taxonômica de Grandiphyllum, Saundersia e espécies brasileiras de Trichocentrum. Para 2015-2106 está prevista dos dois primeiros gêneros, e a médio prazo a revisão do terceiro..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
2011 - 2012
Catálogo das Espécies de Plantas Vasculares e Briófitas da Flora do Estado do Rio de Janeiro: base para pesquisas e uso sustentável da diversidade - Orchidaceae
Descrição: O estado do Rio de Janeiro está entre os três mais ricos em diversidade de espécies vegetais no país e representa um centro de diversidade e de endemismo para diferentes grupos de plantas, o que demonstra a sua importância na composição da megadiversidade da flora brasileira. A elaboração de um catálogo das espécies da flora do Estado do Rio de Janeiro, com dados sobre ocorrências nos estados do Brasil, municípios fluminenses e Unidades de Conservação, tipos de formações vegetacionais, endemismo, estado de conservação no Rio de Janeiro e imagens digitalizadas, possibilitará o avanço no conhecimento sobre a diversidade nas formações vegetacionais da flora fluminense. O projeto prevê a publicação impressa de um catálogo das plantas vasculares e briófitas da flora do Estado do Rio de Janeiro organizado pelas famílias botânicas, a disponibilização do referido catálogo no sítio eletrônico da web do Instituto de Pesquisas Jardim Botânico do Rio de Janeiro, a elaboração de um diagnóstico qualiquantitativo da diversidade, a retrospectiva histórica dos estudos botânicos realizados para a flora do estado até os dias de hoje e monografias de grupos devidamente revisados..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) / Mestrado acadêmico: (2) / Doutorado: (1) .
Integrantes: Thiago Erir Cadete Meneguzzo - Integrante / Felipe Fajardo Villela Antolin Barberena - Coordenador / Fábio de Barros - Integrante / Marco Octávio de Oliveira Pellegrini - Integrante.
2010 - Atual
Flora do Brasil: estudos taxonômicos, sistemáticos e filogenéticos em Orchidaceae
Descrição: Este projeto visa de maneira ampla abordar a taxonomia, sistemática e filogenia da família de fanerógamas Orchidaceae com dois grandes escopos: (1) táxons das tribos Epidendreae (subtribo Laeliinae) e tribo Cranichideae (subtribos Cranichidinae, Goodyerinae e Spiranthinae) e tribo Cymbidiae (subtribos Oncidiinae e Zygopetalinae); (2) estudos florísticos locais a nível de unidades federativas brasileiras do Distrito Federal e Rio de Janeiro..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Doutorado: (1) .
Integrantes: Thiago Erir Cadete Meneguzzo - Coordenador / Batista, João Aguiar Nogueira - Integrante / Eric Hágsater - Integrante / SALAZAR, GERARDO A. - Integrante / Luciano de Bem Bianchetti - Integrante / Claudia Araújo Bastos - Integrante / van den Berg, C. - Integrante / ROMERO-GONZÁLEZ, GUSTAVO A. - Integrante / Luis Sánchez Saldaña - Integrante / José Fernando Andrade Baumgratz - Integrante / CLAUDIO NICOLETTI FRAGA - Integrante.
Número de produções C, T & A: 17
2008 - 2010
Flora do Distrito Federal, Brasil - Orchidaceae Juss.
Descrição: De modo a aprimorar o conhecimento da diversidade vegetal brasileira, está em execução o projeto ?Flora do Distrito Federal, Brasil?, sob coordenação da Empresa Brasileira de Agricultura e Pecuária ? Recursos Genéticos e Biotecnologia. Esse trabalho consiste no levantamento das espécies nativas e divulgação dos dados obtidos: descritivos, fitogeográficos, ecológicos, taxonômicos e sistemáticos. A publicação final é formada por uma série de livros cujos capítulos abordam cada uma das famílias nativas. O tratamento de cada capítulo é elaborado por especialistas em cada família. Desde o ano 2000 até 2010 foram publicados sete volumes. Este projeto faz parte de um maior intitulado ?Flora do Brasil?, coordenado pela Sociedade Botânica do Brasil, com o objetivo da ?Flora do Distrito Federal, Brasil?, porém com circunscrição nacional. Neste contexto se insere esse projeto: estudar, descrever e enumerar os membros da família Orchidaceae ocorrentes no Distrito Federal. Estimativas iniciais baseadas em números de Batista & Bianchetti (2003) mostram a presença de 72 gêneros e 254 espécies de toda a família na área estudada. Os resultados desse trabalho servirão como base para diversas aplicações e áreas, sendo as imediatas: melhor conhecimento e identificação da flora do Distrito Federal, Cerrado, Brasil e da família Orchidaceae; atualização da listagem de táxons do Distrito Federal; dados que quando trabalhados possam subsidiar planos de manejo e seleção de áreas para preservação e contribuição para o capítulo concernente as Orchidaceae da série ?Flora do Distrito Federal, Brasil?..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Thiago Erir Cadete Meneguzzo - Integrante / Luciano de Bem Bianchetti - Coordenador / Batista, João Aguiar Nogueira - Integrante.Financiador(es): Empresa Brasileira de Pesquisa Agropecuária - Outra.
Número de produções C, T & A: 11
2005 - 2007
Geometria Descritiva aplicada ao Julgamento Horticultural de Orchidaceae
Descrição: A união da Geometria Descritiva e da Morfometria (medição de formas externas) das Orchidaceae, aplicando-as ao Julgamento Horticultural é um fator inovador que virá a revolucionar o processo de julgamento das exposições dessas plantas. Este tipo de trabalho se torna um agente modificador na atuação de profissionais em qualquer área do conhecimento. Utilizando-se um enfoque interdisciplinar, no intuito de superar o pensar fragmentado e simplista da realidade, passamos a enxergá-la através de suas múltiplas representações e complexidades, transformando o conhecimento em algo concreto e aplicado à realidade. A importância de resgatar o ensino da geometria descritiva através de suas relações interdisciplinares, como um instrumento facilitador na construção do conhecimento, firmou-se através da compreensão da necessidade de reintroduzir em nossas universidades o princípio de que toda a morfogênese do conhecimento tem algo a ver com a experiência criativa e compartilhada. Um trabalho possível de construção coletiva, de conhecimentos e atitudes, delineia-se de modo desafiador, levando ao desenvolvimento de uma pesquisa multidisciplinar, em que a teoria e a prática caminhem juntas. A ausência dessa dimensão torna o conhecimento um processo meramente instrucional. Por meio dela, criamos possibilidades inseridas em contextos reais, que envolvem a aplicação do conhecimento nas áreas de desenho, matemática, botânica, psicologia, através do estudo das inteligências múltiplas, da Arte, resgatando o belo através da estética e da forma. Adota-se assim, uma tomada de posição no que concerne à metodologia da pesquisa, diferente da tradicional do método único. Destaca-se a importância das relações teórico-práticas dos conhecimentos englobados com as demandas do mercado de atuação dos profissionais de Expressão Gráfica, Agronomia, Orquidólogos e dos Botânicos. Cria-se então, um novo significado para o ensino da geometria descritiva, na formação de profissionais de várias áreas.
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Thiago Erir Cadete Meneguzzo - Integrante / Adriana Augusta Benigno dos Santos Luz - Coordenador.
Número de produções C, T & A: 8


Membro de corpo editorial


2012 - Atual
Periódico: Icones Orchidacearum


Revisor de periódico


2009 - Atual
Periódico: Icones Orchidacearum
2013 - Atual
Periódico: Phytotaxa: a rapid international journal for accelerating the publication o
2013 - Atual
Periódico: Revista Brasileira de Biociências (Impresso)


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia.
2.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Agronomia / Subárea: Fitotecnia/Especialidade: Produção Vegetal.
3.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Taxonomia Vegetal.
4.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Taxonomia Vegetal/Especialidade: Taxonomia de Fanerógamos.
5.
Grande área: Ciências Biológicas / Área: Botânica / Subárea: Taxonomia Vegetal/Especialidade: Taxonomia de Orchidaceae.


Idiomas


Inglês
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.
Espanhol
Compreende Bem, Fala Pouco, Lê Bem, Escreve Pouco.
Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.


Prêmios e títulos


2010
Epidendrum thiagoi Hágsater & L.Sánchez - epônimo de uma espécie de orquídea nativa do cerrado do Distrito Federal, Goiás e Minas Gerais, Brasil. Publicada em Icones Orchidacearum 13: t. 1393, 2010, Asociacion Mexicana de Orquideología - Eric Hágsater Gartenberg, Luis Martín Sánchez Saldaña.
2003
26° colocado entre os alunos do Ensino Médio do estado do Paraná na Olimpíada Brasileira de Física, Sociedade Brasileira de Física e Centro Federal de Educação Tecnológica do Paraná.
2002
2° lugar na Feira Cultural com o trabalho entitulado "Plantas Carnívoras", Colégio Graciosa, Quatro Barras, Paraná..


Produções



Produção bibliográfica
Artigos completos publicados em periódicos

1.
BASTOS, CLÁUDIA A.2018BASTOS, CLÁUDIA A. ; Meneguzzo, Thiago E. C. ; VAN DEN BERG, CÁSSIO . A taxonomic revision of the Brazilian species of Encyclia (Orchidaceae: Epidendroideae: Epidendreae). Phytotaxa (on-line), v. 342, p. 1, 2018.

2.
BFG - The Brazil Flora Group2018BFG - The Brazil Flora Group ; Meneguzzo, Thiago E. C. . Brazilian Flora 2020: Innovation and collaboration to meet Target 1 of the Global Strategy for Plant Conservation (GSPC). Rodriguesia, v. 69, p. 1513-1527, 2018.

3.
BASTOS, CLÁUDIA ARAÚJO2016BASTOS, CLÁUDIA ARAÚJO ; MENEGUZZO, THIAGO ERIR CADETE ; VAN DEN BERG, CÁSSIO . Flora da Bahia: Encyclia (Orchidaceae). Sitientibus serie Ciencias Biologicas (SCB), v. 16, p. 1-18, 2016.

4.
CARVALHO, DENIS N.2016CARVALHO, DENIS N. ; MENEGUZZO, THIAGO E.C. ; POPOVKIN, ALEX ; BERG, CÁSSIO VAN DEN . Orchidaceae of Bahia, Brazil: notes on taxonomy and nomenclature. Phytotaxa (Online), v. 272, p. 231-234, 2016.

5.
MENEGUZZO, T. E. C.;Meneguzzo, Thiago E. C.;MENEGUZZO, THIAGO ERIR CADETE;MENEGUZZO, THIAGO E.C.2016MENEGUZZO, T. E. C.; VAN DEN BERG, C. . Corrigendum to -Taxonomic studies in the Aganisia complex (Orchidaceae, Zygopetalinae)-. Phytotaxa (Online), v. 268, p. 225-226, 2016.

6.
FRAGA, C. N.2015FRAGA, C. N. ; Meneguzzo, Thiago E. C. ; SADDI, E. M. . The true identity of Serapias nitida, a species of Buchtienia (Orchidaceae) from Brazilian Atlantic Forest. Taxon, v. 64, p. 355-361, 2015.

7.
BASTOS, CLÁUDIA ARAÚJO2015BASTOS, CLÁUDIA ARAÚJO ; Meneguzzo, Thiago E. C. ; VAN DEN BERG, CÁSSIO .

Taxonomic notes on Brazilian Encyclia (Orchidaceae: Laeliinae)

. Phytotaxa (Online), v. 218, p. 77, 2015.

8.
Meneguzzo, Thiago E. C.2015Meneguzzo, Thiago E. C.; BAUMGRATZ, JOSÉ F. A. ; VAN DEN BERG, CÁSSIO .

Taxonomic studies in the Aganisia complex (Orchidaceae, Zygopetalinae)

. Phytotaxa: a rapid international journal for accelerating the publication of botanical taxonomy, v. 238, p. 1-39, 2015.

9.
Meneguzzo, Thiago E. C.2014Meneguzzo, Thiago E. C.. New Combinations and Synonyms in Brazilian Oncidiinae (Orchidaceae). Harvard Papers in Botany, v. 19, p. 73-75, 2014.

10.
MENEGUZZO, T. E. C.2013MENEGUZZO, T. E. C.. 752. Sacoila cerradicola. Curtis's Botanical Magazine, v. 30, p. 18-27, 2013.

11.
Bastos, C.A.2012Bastos, C.A. ; van den Berg, C. ; MENEGUZZO, T. E. C. . Encyclia fimbriata (Orchidaceae: Laeliinae), a new large-flowered species from Bahia, Brazil. Phytotaxa, v. 40, p. 26-30, 2012.

12.
MENEGUZZO, T. E. C.2012MENEGUZZO, T. E. C.; Bianchetti, L. B. ; Proença, C. E. B. . O gênero Encyclia (Orchidaceae) no Distrito Federal, Goiás e Tocantins. Rodriguésia (Online), v. 63, p. 277-292, 2012.

13.
MENEGUZZO, T. E. C.2012MENEGUZZO, T. E. C.. Mudanças Nomenclaturais em Goodyerinae do Novo Mundo (Orchidaceae). Orquidario (Rio de Janeiro), v. 20, p. 86-91, 2012.

14.
ROMERO-GONZÁLEZ, GUSTAVO A.2012ROMERO-GONZÁLEZ, GUSTAVO A. ; Meneguzzo, Thiago E. C. . Novelties in the Orchid Flora of Venezuela IV Reinstatement of (Orchidaceae, Zygopetalinae). Harvard Papers in Botany, v. 17, p. 235-244, 2012.

15.
BATISTA, JOÃO A. N.2011BATISTA, JOÃO A. N. ; MENEGUZZO, T. E. C. ; SALAZAR, GERARDO A. ; RAMALHO, ALINE J. ; BIANCHETTI, L.B. . Phylogenetic placement, taxonomic revision and a new species of Nothostele (Orchidaceae), an enigmatic genus endemic to the cerrado of central Brazil. Botanical Journal of the Linnean Society (Print), v. 165, p. 348-363, 2011.

16.
MENEGUZZO, T. E. C.2010MENEGUZZO, T. E. C.; Bianchetti, L. B. ; Proença, C. E. B. . Typifications in Brazilian names of the genus Encyclia (Orchidaceae). Neodiversity (Feira de Santana), v. 5, p. 18-22, 2010.

17.
MENEGUZZO, T. E. C.2010MENEGUZZO, T. E. C.. New combinations in Brazilian Orchidaceae. Neodiversity (Feira de Santana), v. 5, p. 23-25, 2010.

18.
Luz, A. A. B. S.2007Luz, A. A. B. S. ; MENEGUZZO, T. E. C. . A aplicação do desenho no julgamento horticultural de orquídeas - Orchidaceae. Educação Gráfica (UNESP. Bauru), v. 11, p. 2, 2007.

Capítulos de livros publicados
1.
MENINI NETO, L. ; MOULTON, L. ; MORAES, M. ; MENEGUZZO, T. E. C. ; MESSINA, T. ; SANTOS FILHO, L. ; NEGRÃO, R. ; WIMMER, F. ; AVANCINI, R. ; NOVAES, L. ; MARGON, H. ; BRAGA, R. . Orchidaceae. In: Martinelli, Gustavo.; Martins, E.; Moraes, M.; Loyola, R.; Amaro, R.. (Org.). Livro Vermelho da Flora Endêmica do Estado do Rio de Janeiro. 1ed.Rio de Janeiro: Instituto de Pesquisas Jardim Botânico do Rio de Janeiro / Andrea Jakobsson, 2018, v. , p. 365-376.

2.
Hágsater G., E. ; MENEGUZZO, T. E. C. ; Sánchez Saldaña, L. . Epidendrum erectum Brieger & Bicalho. In: Hágsater G., E.; Sánchez Saldaña, L. M.. (Org.). Icones Orchidacearum. 2ed.Ciudad de México: Herbario AMO - Instituto Chinoin, 2015, v. 15, p. 1520-.

3.
Hágsater G., E. ; MENEGUZZO, T. E. C. ; Sánchez Saldaña, L. . Epidendrum taguatingense (Brieger & Bicalho) Hágsater, Meneguzzo & L.Sanchéz. In: Hágsater G., E.; Sánchez Saldaña, L. M.. (Org.). Icones Orchidacearum. 2ed.Ciudad de México: Herbario AMO - Instituto Chinoin, 2015, v. 15, p. 1564-.

4.
Hágsater G., E. ; MENEGUZZO, T. E. C. ; Sánchez Saldaña, L. . Epidendrum amarajiense V.P.Castro & L.C.Menezes. In: Hágsater, E.. (Org.). Icones Orchidacearum. 1ed.Ciudad de México: Herbario AMO - Instituto Chinoin, 2013, v. 12, p. 1404-.

5.
Sánchez Saldaña, L. ; MENEGUZZO, T. E. C. ; Hágsater G., E. . Epidendrum anatipedium L.Sánchez & Hágsater. In: Hágsater, E.. (Org.). Icones Orchidacearum. 1ed.Ciudad de México: Herbario AMO - Instituto Chinoin, 2013, v. 12, p. 1407-.

6.
MENEGUZZO, T. E. C.. Orchidaceae: subtribo Laeliinae e tribo Cranichideae.. In: Cavalcanti, T. B.. (Org.). Flora do Distrito Federal, Brasil.. Brasília: EMBRAPA Recursos Genéticos e Biotecnologia, 2010, v. , p. -.

7.
Hágsater G., E. ; MENEGUZZO, T. E. C. . Epidendrum rothii A.D.Hawkes. In: Hágsater G., E.; Sánchez Saldaña, L. M.. (Org.). Icones Orchidacearum. 1ed.Ciudad de México: Herbario AMO - Instituto Chinoin, 2010, v. 13, p. 1381-.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
Lírio, E.J. ; Assis, E.L.M. ; Gonzaga, D.R. ; Luna, B.N. ; Meneguzzo, Thiago E. C. ; Passos, R. ; Ribeiro, M. ; Rosa, P. ; Sargnalia Junior, V.B. ; Spoladore, J. ; Tuler, A.C. ; Peixoto, A.L. ; Freitas, M.F. . Ensino da Botânica: Vantagens e perspectivas com uso auxliar de ambiente virtual de aprendizagem. In: V Simpósio sobre a Biodiversidade da Mata Atlântica, 2016, Santa Teresa. Anais do V Simpósio sobre a Biodiversidade da Mata Atlântica (SIMBIOMA), ?Conservação da Mata Atlântica: pesquisa, educação e políticas públicas?, 2015. p. 480-486.

2.
Luz, A. A. B. S. ; MENEGUZZO, T. E. C. . A Aplicação do Desenho no Julgamento Horticultural das Orchidaceae. In: VII International Conference on Graphics Engineering for Arts and Design (GRAPHICA 2007) & XVIII Simpósio Nacional de Geometria Descritiva e Desenho Técnico, 2007, Curitiba. Anais Graphica 2007 & XVIII Simpósio Nacional de Geometria Descritiva e Desenho Técnico: Desafio da Era Digital, Ensino e Tecnologia. Curitiba: Universidade Federal do Paraná, 2007.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
BARBERENA, F. F. V. A. ; Meneguzzo, Thiago E. C. ; BAUMGRATZ, JOSÉ F. A. . A subtribo Zygopetalinae (Orchidaceae) em herbários do Leste do Brasil: diagnóstico das coleções. In: 64º Congresso Nacional de Botânica, 2013, Belo Horizonte. 64º Congresso Nacional de Botânica, 2013.

2.
BARBERENA, F. F. V. A. ; Meneguzzo, Thiago E. C. ; BAUMGRATZ, JOSÉ F. A. . A subtribo Zygopetalinae (Orchidaceae) no estado do Rio de Janeiro. In: 64º Congresso Nacional de Botânica, 2013, Belo Horizonte. 64º Congresso Nacional de Botânica, 2013.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
BARBERENA, F. F. V. A. ; MENEGUZZO, T. E. C. ; BARROS, F. ; PELLEGRINI, M. O. O. . Orchidaceae do Estado do Rio de Janeiro. In: 63° Congresso Nacional de Botânica, 2012, Joinville. Anais do 63° Congresso Nacional de Botânica, 2012. p. 92.

2.
MENEGUZZO, T. E. C.; Proença, C. E. B. ; Bianchetti, L. B. . Flora do Distrito Federal, Brasil: Epidendrum e Encyclia (Orchidaceae). In: 60° Congresso Nacional de Botânica, 2009, Feira de Santana. Resumos do 60° Congresso Nacional de Botânica, 2009.

3.
Schwarz, E. A. ; Scariot, G. N. ; Bastos, M. C. ; MENEGUZZO, T. E. C. . Relictos de Campos de Primeiro Planalto do Estado do Paraná, Brasil. In: 59° Congresso Nacional de Botânica, 2008, Natal. Anais do 59° Congresso Nacional de Botânica, 2008.

4.
MENEGUZZO, T. E. C.. Geometria Descritiva e Morfometria Vegetal Aplicadas ao Julgamento Horticultural de Orchidaceae. In: 15° Evento de Iniciação Científica - Universidade Federal do Paraná, 2007, Curitiba. Livro de Resumos 15° Evento de Iniciação Científica: Consciência no Presente Rumo ao Futuro. Curitiba: Universidade Federal do Paraná, 2007. p. 210.

5.
MENEGUZZO, T. E. C.. Geometria Descritiva e Morfometria Vegetal Aplicadas ao Julgamento Horticultural de Orchidaceae. In: 14° Evento de Iniciação Científica - Universidade Federal do Paraná, 2006, Curitiba. Livro de Resumos 14° Evento de Iniciação Científica: Formando um Cientista. Curitiba: Universidade Federal do Paraná, 2006. p. 204.

Apresentações de Trabalho
1.
MENEGUZZO, T. E. C.. Reflora: Epiphytic Orchids. 2012. (Apresentação de Trabalho/Seminário).

2.
MENEGUZZO, T. E. C.. A tribo Cranichideae no Distrito Federal, Brasil. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
MENEGUZZO, T. E. C.. Flora do Distrito Federal: Orchidaceae. 2009. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

4.
MENEGUZZO, T. E. C.. Geometria Descritiva e Morfometria Vegetal Aplicadas ao Julgamento Horticultural de Orchidaceae. 2007. (Apresentação de Trabalho/Outra).

5.
MENEGUZZO, T. E. C.. Geometria Descritiva e Morfometria Vegetal Aplicadas ao Julgamento Horticultural de Orchidaceae. 2006. (Apresentação de Trabalho/Outra).


Produção técnica
Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
Arquivo Público do Estado do Espírito Santo ; Meneguzzo, Thiago E. C. . Obra rara do acervo do Arquivo Público traz artigo de Augusto Ruschi. 2013. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).


Demais tipos de produção técnica
1.
Meneguzzo, Thiago E. C.. Métodos em Taxonomia Vegetal: uso de Ferramentas Digitais. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).

2.
MENEGUZZO, T. E. C.. A tribo Cranichideae no Distrito Federal, Brasil. 2011. (Palestra).



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
68º Congresso Nacional de Botânica. 2017. (Congresso).

2.
7° Congresso de Iniciação Científica. Flora do Distrito Federal: Orchidaceae. 2010. (Congresso).

3.
15° Congresso de Iniciação Científica da Universidade de Brasília / 6° Congresso de Iniciação Científica do DF. Flora do Distrito Federal, Brasil. 2009. (Congresso).

4.
60° Congresso Nacional de Botânica / 32ª Reunião Nordestina de Botânica / 29º Encontro Reginal de Botânicos MG, BA, ES. Flora do Distrito Federal, Brasil: Epidendrum e Encyclia (Orchidaceae). 2009. (Congresso).

5.
15° Evento de Iniciação Científica - Universidade Federal do Paraná.Geometria Descritiva e Morfometria Vegetal Aplicadas ao Julgamento Horticultural de Orchidaceae. 2007. (Outra).

6.
14° Evento de Iniciação Científica - Universidade Federal do Paraná.Geometria Descritiva e Morfometria Vegetal Aplicadas ao Julgamento Horticultural de Orchidaceae. 2006. (Outra).

7.
56° Congresso Nacional de Botânica. 2005. (Congresso).

8.
O Neoliberalismo e suas Reformas. 2004. (Seminário).



Educação e Popularização de C & T



Apresentações de Trabalho
1.
MENEGUZZO, T. E. C.. A tribo Cranichideae no Distrito Federal, Brasil. 2011. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).


Cursos de curta duração ministrados
1.
Meneguzzo, Thiago E. C.. Métodos em Taxonomia Vegetal: uso de Ferramentas Digitais. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).


Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
Arquivo Público do Estado do Espírito Santo ; Meneguzzo, Thiago E. C. . Obra rara do acervo do Arquivo Público traz artigo de Augusto Ruschi. 2013. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).



Outras informações relevantes


Participação do Programa de Iniciação Científica / Universidade Federal do Paraná com o projeto "Geometria Descritiva e Morfometria Vegetal Aplicadas ao Julgamento Horticultural de Orchidaceae". Período 2006-2007.

Participação do Programa de Iniciação Científica / Universidade de Brasília com o projeto "Flora do Distrito Federal, Brasil: Orchidaceae, subtribo Laeliinae e tribo Cranichideae". Período 2008-2009 e 2009-2010



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 12/12/2018 às 6:26:44