Miguel Fernando Maximiliano Maria Baron von Behr

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/4941692550702716
  • Última atualização do currículo em 25/11/2017


Possui graduação em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade Católica de Santos (1981) e Mestrado em Arquitetura e Urbanismo pela Universidade de Brasília (1997). Foi analista ambiental da SEMA-Secretaria Especial do Meio Ambiente, IBAMA-Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis, ICMBio - Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade e Ministério do Meio Ambiente. Tem experiência na área ambiental relacionado especialmente com unidades de conservação e Planejamento Urbano e Regional, com ênfase em processos de elaboração de Planos Diretores. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Miguel Fernando Maximiliano Maria Baron von Behr
Nome em citações bibliográficas
BEHR, M. F. M. M. B. V.


Formação acadêmica/titulação


1995 - 1997
Mestrado em Arquitetura e Urbanismo.
Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
Título: Crescimento urbano desordenado em municípios de potencial turístico,Ano de Obtenção: 1997.
Orientador: Benny Schazemberg.
1977 - 1981
Graduação em Arquitetura e Urbanismo.
Universidade Católica de Santos, UNISANTOS, Brasil.
Título: Plano de Aproveitamento dos Recursos Naturais do Alto Vale do Ribeira, SP.
Orientador: Roberto Machado de Almeida.




Formação Complementar


2014 - 2015
III Curso de Ed Ambl na Gestão Pública da Biodiver. (Carga horária: 255h).
Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade, ICMBio, Brasil.
1998 - 1998
Curso Internacional de Permacultura. (Carga horária: 40h).
Ministério da Agricultura e Desenvolvimento Rural, INCA-CABI, Angola.
1998 - 1998
Permaculture Design. (Carga horária: 72h).
Fundação Centro de Treinamento Daniel Efraim Dazcal, FDED/AM, Brasil.
1998 - 1998
Processo de Avaliação de Impacto Ambiental. (Carga horária: 40h).
Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis, IBAMA, Brasil.
1998 - 1998
Protección Ambiental: ecossistemas urbanos. (Carga horária: 100h).
Universidad Nacional de Colombia - Bogotá, UNAL/Bogotá, Colômbia.
1997 - 1997
Extensão universitária em Tecn. Tradicionais de Constr. na África e no Brasi. (Carga horária: 4h).
Universidade de Brasília, UnB, Brasil.
1996 - 1996
Lideranças em Meio Ambiente e Desenvolvimento. (Carga horária: 160h).
LEAD International, LEAD, Estados Unidos.
1995 - 1995
Liderança em Meio Ambiente e Sustentabilidade. (Carga horária: 80h).
LEAD International, LEAD, Estados Unidos.
1994 - 1994
Lideranças em Meio Ambiente e Desenvolvimento. (Carga horária: 40h).
LEAD International, LEAD, Estados Unidos.
1992 - 1992
Gestão de projetos. (Carga horária: 136h).
Escola Nacional de Administração Pública, ENAP, Brasil.
1992 - 1992
Gestão ambiental. (Carga horária: 388h).
Escola Nacional de Administração Pública, ENAP, Brasil.
1990 - 1991
Ciências Biológicas e de Saúde. (Carga horária: 360h).
Pontifícia Universidade Católica do Paraná, PUC/PR, Brasil.
1980 - 1980
Parcelamento do solo urbano. (Carga horária: 16h).
Fundação do Desenvolvimento Administrativo, FUNDAP, Brasil.


Atuação Profissional



Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade, ICMBio, Brasil.
Vínculo institucional

2007 - Atual
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: analista ambiental, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
ICMBio/MMA- Instituto Chico Mendes de Conservação da Biodiversidade ? ICMBio, do Ministério do Meio Ambiente ? 2007-2010: Cargo: Analista ambiental Atividades de destaque: ? Assessor na gestão do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros. ? Coordenação do Guia do Parque Nacional ? Coordenação dos trabalhos técnicos do Programa Paraíso Limpo, uma parceria entre a Ong Oca Brasil, o ICMBio, a Prefeitura de Alto Paraíso de Goiás e a Universidade Federal de Goiás, cujo objetivo é qualificar o gerenciamento dos resíduos sólidos da cidade de Alto Paraíso de Goiás e das comunidades da área de influência do Parque Nacional da Chapada dos Veadeiros; ? Atuação nos Conselhos Municipais de Meio Ambiente e Turismo. 2011-2013: Cargo: Analista ambiental Chefe da Floresta Nacional (FLONA) de Lorena, Vale do Paraíba, SP Atividades de destaque: ? Coordenação das atividades de todos os setores da unidade de forma a harmonizar as ações para atingir os objetivos da unidade No setor administrativo: ? Assegurar a continuidade operacional da FLONA, através da manutenção de sua infra-estrutura básica, assim entendidos os bens, serviços e compromissos ? Desenvolver instrumentos de captação e execução de recursos extra-orçamentários para aplicação nos projetos, previamente aprovados, de interesse da Flona. ? Prover apoio à elaboração, análise, aprovação e execução dos projetos de interesse da Flona de Lorena, em especial, propondo e desenvolvendo os instrumentos de parceria necessários à consecução dos mesmos. Manejo: ? Planejar e coordenar as ações de manejo dos recursos da FLONA; ? Planejar e coordenar as ações de recuperação de áreas degradadas da FLONA; ? Exercer as atividades de controle das pesquisas realizadas na FLONA. Controle e proteção: ? Planejar e executar ações de ronda na Unidade e entorno, visando a proteção da Unidade; ? Acompanhar os empreendimentos do entorno da Unidade, em especial aquelas que dependem da anuência prévia do


Instituto Brasileiro do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais Renováveis, IBAMA, Brasil.
Vínculo institucional

1988 - 2007
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Analista ambiental, Carga horária: 20, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
IBAMA/MMA: Assessoria de Comunicação Social do Ibama em Brasília 2004 ? 2005 Cargo: Analista ambiental/assessor técnico Atividades de destaque: ? Apoio na elaboração de publicações do Ibama; ? Apoio na formação do banco de imagens fotográficas do Ibama; co-autor da exposição fotográfica ?Ecossistemas Brasileiros?. Coordenação de Ecossistemas, da Diretoria de Ecossistemas/Ibama 2000- 2002 Cargo:Analista ambiental/assessor técnico Atividades de destaque: ? Participação nos trabalhos técnicos que resultaram na criação da maior unidade de conservação do cerrado brasileiro: a Estação Ecológica da Serra Geral do Tocantins com 792 mil hectares. ? Gerente do Corredor Ecológico do Jalapão-Chapada das Mangabeiras (PI/MA/TO). ? Coordenação da Expedição Científica e Conservacionista Gilvandro Simas Pereira ao Jalapão. Divisão de Tecnologias Ambientais-DITAM, da Diretoria de Pesquisa e Divulgação/Ibama 1997-1999 Cargo: analista ambiental/assessor técnico Atividade de destaque: ? Coordenação dos trabalhos técnicos do Projeto Nacional de Planejamento Urbano e Unidades de Conservação Federais. Entre 1995 e 1997, durante a realização do Mestrado em Planejamento Urbano, integrou o Grupo de Trabalho que elaborou o Plano Diretor Ambiental Urbano e Municipal de Alto Paraíso na Chapada dos Veadeiros ? Goiás. CNPT - Centro Nacional de Desenvolvimento Sustentado das Populações Tradicionais do Ibama em Brasília 1991-1995 Cargo: Analista ambiental/assessor técnico e chefe Atividades de destaque: ? criação e implantação do CNPT ? chefe do CNPT durante o ano de 1994 ? implantação e consolidação da estrutura de gerenciamento das Reservas Extr; ? execução do Programa Emergência para o Desenvolvimento Sustentado das Populações Tradicionais das Resex; ? coordenação dos trabalhos de regularização fundiária das Resex de RO, AP, TO e MA; ? participação nos trabalhos de levantamento sócio econômico das Resex do MA e TO(ela


Secretaria Especial do Meio Ambiente, SEMA, Brasil.
Vínculo institucional

1982 - 1988
Vínculo: , Enquadramento Funcional: Analista ambiental, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Cargo na SEMA: Analista ambiental Chefe de unidade de conservação Atividades de destaque: ? Chefe da Estação Ecológica de Guaraqueçaba e Área de Proteção Ambiental de Guaraqueçaba, PR ? Participação nos trabalhos técnicos que culminaram na criação da Área de Proteção Ambiental de Guaraqueçaba, Tombamento da Serra do Mar no Estado do Paraná, Área de Proteção Ambiental de Cananéia-Iguape-Peruíbe, Estação Ecológica da Juréia e Estação Ecológica de Tupinambás e Tupiniquins, no litoral do Estado de São Paulo; ? Apoio na implantação da Estação Ecológica da Juréia, SP ? Implantação dos projetos do Fundo Mundial para Natureza (WWF), em Guaraqueçaba, PR; ? Colaboração na elaboração e execução da Política Estadual do Meio Ambiente e apoio técnico no Conselho Estadual do Meio Ambiente do Estado de São Paulo


Superintendência de Desenvolvimento do Litoral Paulista, SUDELPA, Brasil.
Vínculo institucional

1981 - 1981
Vínculo: Prestador de Serviço, Enquadramento Funcional: Estagiário, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
ATIVIDADES DESENVOLVIDAS: - Participação em pesquisas, levantamento de dados(produção, área agrícola, tipos de culturas, etc) do setor primário da área de atuação da SUDELPA e sua relação com uso do solo de outras atividades/ocupações existentes na região(mineração, silvicultura, urbanização, etc); - Algumas indicações a respeito de metodologias e parâmetros básicos sobre lei de zoneamento e uso do solo de cidades de Porte Médio e Pequenas; - Indicação de trabalhos realizados na área de Planejamento Regional sobre a região do Vale do Ribeira;


Secretaria de Patrimônio da União, SPU, Brasil.
Vínculo institucional

2010 - 2011
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Assessor técnico, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Atividades de destaque na SPU em Brasília, na Assessoria da Presidente da SPU: ? Apoio técnico na Assessoria do Gabinete da SPU em Brasília e coordenação e organização de livro de fotografias e texto sobre o patrimônio da União, SPU/Ministério do Planejamento, Brasília.


Secretaria de Estado dos Negócios do Interrior, SINT, Brasil.
Vínculo institucional

1979 - 1981
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Estagiário/técnico em planejamento urbano, Carga horária: 20
Outras informações
Principais atividades desenvolvidas: Elaboração de trabalhos práticos executados na área de planejamento urbano, execução de zoneamento e uso do solo das cidades de Registro(SP) e Jacupiranga(SP).Programa de Apoio técnico às Prefeituras em Planejamento Urbano e Uso do Solo. Apoio técnico na elaboração dos Planos Diretores de Registro e Jacupiranga.


Empresa Brasileira de Planejamento de Transporte, GEIPOT, Brasil.
Vínculo institucional

1980 - 1981
Vínculo: Prestador de serviço, Enquadramento Funcional: Consultoria, Carga horária: 8
Outras informações
Prestação de serviços técnicos profissionais para a realização da tradução do relatório de pesquisa do Ministério do Planejamento Territorial das Construções e Urbanismo da República federal da Alemanha sobre o uso de bicicletas em áreas urbanas.


Ministério do Meio Ambiente e da Amazonia Legal, MMA, Brasil.
Vínculo institucional

2015 - 2017
Vínculo: Servidor Público, Enquadramento Funcional: Analista ambiental, Carga horária: 44, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Aposentou-se no Ministério do meio Ambiente em Abril de 2017



Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Planejamento Urbano e Regional / Subárea: Métodos e Técnicas do Planejamento Urbano e Regional/Especialidade: Técnicas de Análise e Avaliação Urbana e Regional.
2.
Grande área: Ciências Sociais Aplicadas / Área: Planejamento Urbano e Regional / Subárea: Métodos e Técnicas do Planejamento Urbano e Regional/Especialidade: Técnicas de Planejamento e Projeto Urbanos e Regionais.
3.
Grande área: Outros / Área: Ciências Ambientais.
4.
Grande área: Lingüística, Letras e Artes / Área: Artes / Subárea: Fotografia.


Idiomas


Alemão
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Razoavelmente, Escreve Pouco.
Inglês
Compreende Razoavelmente, Fala Razoavelmente, Lê Bem, Escreve Razoavelmente.
Francês
Compreende Pouco, Fala Pouco, Lê Pouco, Escreve Pouco.


Prêmios e títulos


2012
Medalha pela Câmara dos Vereadores de Lorena-SP como reconhecimento das contribuições em defesa do meio ambiente, Câmara dos Vereadores.
2008
Cidadão honorário de Alto Paraíso de Goiás, Câmara dos Vereadores de Alto Paraíso de Goiás.
2007
Cidadão honorário Quixadaense - Medalha do Cedro, Câmara dos Vereadores de Quixadá-Ceará.
1991
Certificado de apreciação da Universidade de Antioch(EUA) pela contribuição à Primeira Viagem de Estudo da Universidade aos ecossistemas brasileiros, Universidade de Antioch (EUA).
1986
Portaria 173 de 11/07/86 assinada por Paulo Nogueira Neto de agradecimento pela colaboração amiga e grande dedicação profissional prestado durante a sua gestão frente à SEMA., Secretaria Especial do Meio Ambiente-SEMA.


Produções



Produção bibliográfica
Livros publicados/organizados ou edições
1.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. Costa dos Corais. 01. ed. São José dos Campos: Somos Editora, 2010. v. 01. 263p .

2.
BEHR, M. F. M. M. B. V.; ícaro Cunha ; Maria Fernanda Neves Britto . Cubatão Força da Vida. 01. ed. São José dos Campos: Somos Editora, 2009. v. 01. 158p .

3.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. Quixadá Terra dos Monólitos. 01. ed. São José dos Campos: Somos Editora, 2007. v. 01. 301p .

4.
BEHR, M. F. M. M. B. V.; Cleide Passos ; Fernanda Oliveto . Paisagens literárias. 01. ed. Brasília: IBAMA, 2006. v. 01. 96p .

5.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. Jalapão Sertão das Águas. 01. ed. São José dos Campos: Somos Editora, 2004. v. 01. 207p .

6.
BEHR, M. F. M. M. B. V.; Moacir Bueno Arruda . Jalapão Expedição Científica e Conservacionista. 01. ed. Brasília: Edições IBAMA, 2002. v. 01. 94p .

7.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. Berço das Águas do Novo Milênio Chapada dos Veadeiros -Goiás Brasil. 01. ed. Brasília: Editora UnB e Edições IBAMA, 2001. v. 01. 173p .

8.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. Serra da Bodoquena História Cultura Natureza. 01. ed. Campo Grande: Free Editora, 2001. v. 01. 143p .

9.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. Guarakessaba Paraná Brasil Passado Presente Futuro. 01. ed. São Paulo: Empresa das Artes, 1998. v. 01. 140p .

Capítulos de livros publicados
1.
BEHR, M. F. M. M. B. V.; Margarida de Souza Neves ; NIède Guidon ; Sergio Cabral Santos ; Oscar Niemeyer. ; Haroldo Mattos de Lemos ; Paulo Beretran ; Luiz Antônio Bolcato Custódio . Parque Nacional das Emas - Goiás. Brasil Patrimônio Cultural e Natural. 01ed.Barcelona, Espanha: Laia Libros, 2000, v. 01, p. 264-273.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. A importância da Floresta Nacional de Lorena para o Vale do Paraíba. Acontece Vale, Cachoeira Paulista, SP, p. 44 - 45, 15 fev. 2012.

Apresentações de Trabalho
1.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. Curso 'Criação e Gestão de unidades de conservação em áreas urbanas: aspectos conceituais, legais e práticos. 2017. (Apresentação de Trabalho/Outra).

2.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. A APA da Baleia Franca. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

3.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. As cidades e suas unidades de conservação. 2015. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

4.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. Expansão urbana e unidades de conservaçãó. 2013. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

5.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. 'Gestão ambiental em unidades de conservação'. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

6.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. Modificações no meio ambiente'. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

7.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. 'Rio+20: Trajetória e Perspectivas para o Desenvolvimento Sustentável'. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

8.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. Educação ambiental: aspectos naturais e humanos. 2012. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

9.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. Planejamento urbano e meio ambiente. 2000. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

10.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. Plano Diretor de Alto Paraíso de Goiás. 1997. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

11.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. Populações tradicionais. 1990. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

12.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. A Mata Atlântica e a Serra do Mar. 1989. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

13.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. Administração de Unidades de Conservação. 1986. (Apresentação de Trabalho/Conferência ou palestra).

Outras produções bibliográficas
1.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. Crescimento urbano acelerado e descontrolado em municípios de potencial turístico. Um enfoque metodológico e estratégico para elaboração de planos diretores(1995-1997). Município de Alto Paraíso de Goiás, Chapada dos Veadeiros, Goiás 1997 (Arquitetura e urbanismo).

2.
BEHR, M. F. M. M. B. V.; Lcia Helena de Oliveira Cunha ; Dominique Rougeulle . Comunidades Litorâneas e Unidades de Proteção Ambiental: convivência e conflitos - o caso de Guaraqueçaba, PR. São Paulo: Pro-Reitoria de Pesquisa da USP, 1989 (Antropologia).

3.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. Plano de aproveitamento dos recursos naturais do Alto Ribeira, SP 1981 (Arquitetura e urbanismo).


Produção técnica
Processos ou técnicas
1.
BEHR, M. F. M. M. B. V.; Ofélia Willmersdorf . Oficina de Planejamento Participativo para subsidiar a elaboração do Plano de Manejo da Flona de Lorena. 2013.

Trabalhos técnicos
1.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. Relatório de Atividades - Resumo - Floresta Nacional de Lorena 2013. 2013.

2.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. Relatório de atividades Floresta Nacional de Lorena Set 2011 - dezembro de 2012. 2012.

Entrevistas, mesas redondas, programas e comentários na mídia
1.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. Renuurb-Rede Nacional de Unidades de Conservação Urbanas. 2013. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

2.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. A Floresta Nacional de Lorena, SP. 2012. (Programa de rádio ou TV/Mesa redonda).

3.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. Jalapão Sertão das Águas. 2004. (Programa de rádio ou TV/Entrevista).

Redes sociais, websites e blogs
1.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. Rede Nacional de unidades de conservação urbanas. 2012; Tema: Unidades de conservação urbanas, experiências e troca de informações envolvendo a pressão urbana na conservação da biodiversidade.. (Rede social).


Demais tipos de produção técnica
1.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. Criação e gestão de unidades de conservação urbanas. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

2.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. Criação e gestão de unidades de conservação em áreas urbanas: aspectos conceituais e práticos'. 2017. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

3.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. Criação e gestão de unidades de conservação urbanas. 2016. (Curso de curta duração ministrado/Outra).

4.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. EDUCAÇÃO AMBIENTAL NO PROCESSO DE ELABORAÇÃO DO PLANO DE MANEJO DA APA DA BALEIA FRANCA - A QUESTÃO URBANA ?. 2015. (Desenvolvimento de material didático ou instrucional - II CURSO DE EDUCAÇÃO AMBIENTAL NA GESTÃO DA BIODIVERSIDADE PLANO DE ENSINO - APRENDIZAGEM).

5.
BEHR, M. F. M. M. B. V.; Márcia Paraíso ; Ralf Tammke . Quixadá - o Vale dos Bichos de Pedra. 2009. (Documentário).

6.
BEHR, M. F. M. M. B. V.; Márcia Paraíso ; Ralf Tammke . Profetas da Chuva. 2009. (Documentário).

7.
BEHR, M. F. M. M. B. V.; Márcia Paraíso ; Ralf Tammke . Marajó - Barreira do Mar. 2008. (Documentário).

8.
Márcia Paraíso ; BEHR, M. F. M. M. B. V. ; Ralf Tammke . Jalapão Sertão das Águas. 2004. (Documentário).

9.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. Desenvolvimento metodológico para o zoneamento ecológico econômico da Bacia do Riacho Fundo. 1996. (Comunicação Oral).

10.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. Leituras do Patrimônio. 1991. (Curso de curta duração ministrado/Extensão).



Bancas



Participação em bancas de trabalhos de conclusão
Trabalhos de conclusão de curso de graduação
1.
BEHR, M. F. M. M. B. V.; Paulo Sergio de Sena. Participação em banca de Márcia Maria Bezerra do Nascimento.Conservação e conflito social. Presença de animais domésticos no entorno da Unidade de Conservação. Floresta Nacional de Lorena, Flona Lorena, SP. 2013. Trabalho de Conclusão de Curso (Graduação em Ciências biológicas) - Faculdades Integradas Teresa D´Ávila, - Fatea, Lorena, SP;.



Participação em bancas de comissões julgadoras
Outras participações
1.
BEHR, M. F. M. M. B. V.; Erika Guimarães; Sandra Leite. Avaliação de projetos de unidades de conservação municipais. 2016. Fundação SOS Pró-Mata Atlântica.

2.
BEHR, M. F. M. M. B. V.; Leda Alves; Mequita de Andrade; Mary del Priore. Premio Rodrigo Mello Franco de Andrade. 2001. Ministério da Cultura.



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
III Semana da arquitetura e urbanismo do Paraná.As cidades e suas unidades de conservação. 2015. (Encontro).

2.
Workshop "passo a passo em seleções de consultoria financiadas com recursos do Bano Mundial".APA da Baleia Franca, SC. 2015. (Outra).

3.
III Seminário Nacional sobre o Tratamento de Áreas de Preservaçào Permanente em Meio Urbano e Restrições Ambientais ao Parcelamento do Solo. 2014. (Seminário).

4.
Seminário Internacional BiodiverCities.Unidades de Conservação ç. 2012. (Seminário).

5.
Seminário Nacional - Planejamento e Gestão Urbana e Ambiental Sustentável. 1998. (Seminário).

6.
Segunda Conferência Mundial das Nações Unidas sobre Assenrtamentos Humanos(HABITAT).Experiências criativas que preparam futuras gerações de planejadores urbanos". 1996. (Outra).

7.
Seminário "Problemas sócio-ambientais e perspectivas de desenvolvimento sustentável na Baixada Santista.Problemas sócio-ambientais e perspectivas de desenvolvimento sustentável na Baixada Santista. 1994. (Seminário).

8.
Seminário Internacional de Desenvolvimento Sustentável e Conservação de Regiões Estuarinas - Lagunares.Estação Ecológica e APA de Guaraqueçaba, PR. 1989. (Seminário).

9.
Seminário Internacional sobre Parques Costeiros e Áreas Portegidas.Áreas Protegidas Brasileiras. 1989. (Seminário).

10.
Seminário Internacional sobre Parques Nacionais e Outras Áreas Protegidas.Áreas Protegidas Brasileiras. 1987. (Seminário).

11.
Workshop sobre Zoneamento de Áreas de Proteção Ambiental. 1987. (Outra).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. COP-8 Oitava Conferência Internacional das Partes da Convenção sobre a Diversidade Biológica. 2006. (Exposição).



Educação e Popularização de C & T



Livros e capítulos
1.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. Guarakessaba Paraná Brasil Passado Presente Futuro. 01. ed. São Paulo: Empresa das Artes, 1998. v. 01. 140p .

2.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. Berço das Águas do Novo Milênio Chapada dos Veadeiros -Goiás Brasil. 01. ed. Brasília: Editora UnB e Edições IBAMA, 2001. v. 01. 173p .

3.
BEHR, M. F. M. M. B. V.. Quixadá Terra dos Monólitos. 01. ed. São José dos Campos: Somos Editora, 2007. v. 01. 301p .



Outras informações relevantes


o	Jurado da Comissão Nacional de Avaliação do Prêmio Rodrigo Melo Franco de Andrade, Ministério da Cultura, 2001
?	Publicações sobre natureza, história e cultura de diversas regiões brasileiras, incluindo trabalho de fotografia e pesquisa em campo, 1998-2015
?	Co-participação em diversas publicações na área ambiental e cultural
	 Membro fundador e ex-conselheiro administrativo da Fundação SOS Mata
	Atlântica (1986)
?	Associado ao Programa Internacional do LEAD (Lideranças em Meio Ambiente e Desenvolvimento), 1995-1997
?	Integrante do Grupo de Especialistas em Áreas Protegidas Urbanas - UICN-União Internacional para Conservação da Natureza, desde 2011

Representou oficialmente a ex-SEMA-Secretaria Especial do Meio Ambiente em diversos Grupos de Trabalho com os seguintes objetivos: 
- elaborar projeto e procedimentos preparatórios relacionados com a criação da Área de Proteção Ambiental de Guaraqueçaba, PR(1984);
- orientar e elaborar diretrizes para a proteção e conservação dos recursos naturais da Área de Proteção Ambiental de Guaraqueçaba(1985);
- assessorar os estudos para ao Tombamento do trecho Paranaense da Serra do Mar, Curitiba(!985);
- colaborar na execução da Política Estadual do Meio Ambiente e dos Recursos Naturais através do Conselho Estadual do Meio Ambiente do Estado de São Paulo(1985)


Cursos na área editorial

?	PROJETOS EDITORIAIS ? Universidade do Livro, Editora da Universidade do
	Estado de São Paulo-UNESP, São Paulo, 2006;
?	GESTÃO EDITORIAL
	Fundação Universidade de Brasília ? Oficina do Livro, Brasília, 2002;
?	CURSO BÁSICO DE PRODUÇÃO E MARKETING CULTURAL, Instituto de
	Produção Cultural Brasileira, produtora Nôga Ribeiro, Brasília, 2001;
?	MERCADO CULTURAL
	Ministrado por Leonardo Brant-Instituto Pensarte (SP) Goiânia, 2000;
?	EDIÇÃO DE LIVROS DE ARTE DE FOTOGRAFIA
	Secretaria de Estado da Cultura - Oficinas Culturais Três Rios, São Paulo, 1987

Voluntário e colaborador do Instituto Oca do Sol, desde mea



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 18/10/2018 às 21:13:53