Diana Marques Silva

  • Endereço para acessar este CV: http://lattes.cnpq.br/0938432714152067
  • Última atualização do currículo em 09/10/2018


Graduanda do curso de Engenharia Florestal, trabalha com pesquisas nas áreas de geoprocessamento, microbiologia, hidrologia e entomologia. Profissional responsável, dedicada, com alto grau de comprometimento, sempre visando obter melhorias na empresa ou instituição na qual estiver inserida. (Texto informado pelo autor)


Identificação


Nome
Diana Marques Silva
Nome em citações bibliográficas
SILVA, D. M.


Formação acadêmica/titulação


2014
Graduação em andamento em Engenharia Florestal.
Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Norte de Minas Gerais, IFNMG, Brasil.
2009 - 2011
Ensino Médio (2º grau).
Escola Estadual Idalino Ribeiro, EECIR, Brasil.




Formação Complementar


2018 - 2018
Botânica, Muito Prazer em Conhecer e Aprender.. (Carga horária: 4h).
Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Norte de Minas Gerais, IFNMG, Brasil.
2018 - 2018
Curso Básico de Desenho Assistido por Computador (CAD). (Carga horária: 4h).
Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Norte de Minas Gerais, IFNMG, Brasil.
2018 - 2018
Compostagem Amiga. (Carga horária: 2h).
Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Norte de Minas Gerais, IFNMG, Brasil.
2018 - 2018
Em sintonia com o Novo Acordo Ortográfico. (Carga horária: 2h).
Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Norte de Minas Gerais, IFNMG, Brasil.
2018 - 2018
Análise Físico-Química da Água. (Carga horária: 4h).
Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Norte de Minas Gerais, IFNMG, Brasil.
2015 - 2015
Taxonomia de Euriocaulaceae com Ênfase nos Gêneros Brasileiros. (Carga horária: 8h).
Instituto Federal do Norte de Minas Gerais-Campus Salinas, IFNMG, Brasil.
2015 - 2015
Técnicas de germinação e Quebra de Dormência em Sementes. (Carga horária: 8h).
Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Norte de Minas Gerais, IFNMG, Brasil.


Atuação Profissional



Instituto Federal de Educação Ciência e Tecnologia do Norte de Minas Gerais, IFNMG, Brasil.
Vínculo institucional

2018 - Atual
Vínculo: Bolsista, Enquadramento Funcional: Em projeto de extensão., Carga horária: 20

Vínculo institucional

2018 - Atual
Vínculo: Monitoria Voluntária, Enquadramento Funcional: Monitora na Displina Entomologia Básica, Carga horária: 15


Universidade Federal dos Vales do Jequitinhonha e Mucuri - Campus JK, UFVJM, Brasil.
Vínculo institucional

2017 - 2018
Vínculo: ESTAGIÁRIO, Enquadramento Funcional: ESTAGIÁRIO, Carga horária: 40, Regime: Dedicação exclusiva.
Outras informações
Estágio realizado na Universidade Federal dos Vales Jequitinhonha e Mucuri- Campus Diamantina no LMS ( Laboratório de microbiologia do solo) sob a supervisão da Ms. Andrezza Mara Martins Grandim no período de outubro de 2017 a fevereiro de 2018, totalizando uma carga horaria de 180 horas.



Projetos de pesquisa


2018 - Atual
O TURISMO IMPACTA A FLORA E FAUNA DE INVERTEBRADOS DE SOLO EM AMBIENTES CAVERNÍCOLAS?
Descrição: A promoção do turismo sustentável é uma excelente ferramenta no desenvolvimento da consciência ecológica, científica e no desenvolvimento socioeconômico da região. No entanto, existe na literatura alguns estudos que constatam a influência negativa do turismo sobre a biodiversidade . Assim, acreditamos que mesmo que essa atividade seja sustentável, os impactos negativos gerados devido a presença e frequência do turismo nas cavernas podem diminuir a riqueza e modificar a composição local das espécies vegetais e animais residentes..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (4) .
Integrantes: Diana Marques Silva - Integrante / CHIRLEIDE FRANCISCA DE OLIVEIRA - Integrante / GLEISIANY NUNES GOMES - Integrante / Paulo Filipe Santos Fonseca - Integrante / Tatianne Giselle Marques Silva - Coordenador.
2016 - Atual
ISOLAMENTO E IDENTIFICAÇÃO DE LEVEDURAS FERMENTADORAS DE MATERIAL LIGNOCELULÓSICO EM CASCAS DE EUCALIPTO COMO SUBSIDIO A PRODUÇÃO DE BIOETANOL
Descrição: O crescente aumento na aceitação dos biocombustíveis no mercado mundial baseia-se na alternativa aos problemas associados com a exploração e o esgotamento dos combustíveis fósseis, e a redução da poluição ambiental. Anualmente, grandes quantidades de resíduos são gerados pelo setor agrícola ou agroflorestal, em muitos casos o destino aplicado a esses materiais é inapropriado, o que causa uma perda significativa do potencial energético. O Brasil possui condições especiais na produção de biocombustível a partir de biomassa lignocelulósica, pois há uma abundancia em resíduos gerados pelo setor florestal, e estas biomassas residuais estão disponíveis de forma limpa e em grandes quantidades. Portanto este trabalho tem como objetivo utilizar a casca de diferentes espécies de eucalipto, para isolar e selecionar leveduras com potencial na fermentação dos açúcares e da lignina do seu hidrolisado, como subsídio à produção de bioetanol..
Situação: Em andamento; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (1) .
Integrantes: Diana Marques Silva - Integrante / Vinícius Orlandi Barbosa Lima - Integrante / JULIANA ROCHA DE MEIRA PIRES - Coordenador / ANDREZZA MARA MARTINS GANDINI - Integrante / PAULO HENRIQUE GRAZZIOTTI - Integrante.
2015 - 2016
Estimativa da biomassa, do estoque de madeira e carbono em plantios de eucalipto na região do Alto rio Pardo via Sensoriamento Remoto Orbital
Descrição: Este projeto tem por objetivo avaliar a aplicabilidade do sensoriamento remoto à estimação do volume de madeira e dos estoques de biomassa e carbono em plantios de eucalipto na região do Alto rio Pardo..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (5) .
Integrantes: Diana Marques Silva - Integrante / TALITA MOREIRA CÂMARA - Integrante / Ronaldo Medeiros dos Santos - Coordenador / Cecília Cristina Almeida Mendes - Integrante.
2014 - 2015
Estimativa da biomassa e do estoque de carbono em ocorrências de cerrado na porção mineira da bacia do rio pardo via sensoriamento remoto orbital
Descrição: Este projeto teve como objetivo estimar e mapear a distribuição espacial da biomassa e do estoque de carbono em ocorrências de cerrado na porção mineira da bacia do rio Pardo, a partir da utilização de imagens de sensoriamento remoto orbital. A metodologia da presente proposta compreenderá trabalhos de campo e de escritório, abrangendo campanhas para a estimação do estoque de biomassa e de carbono em ocorrências de cerrado na área de estudos e processamento digital de imagens orbitais, para a geração de índices de vegetação e construção de modelos para a estimativa e especialização da variável ambiental em questão..
Situação: Concluído; Natureza: Pesquisa.
Alunos envolvidos: Graduação: (6) .
Integrantes: Diana Marques Silva - Integrante / TALITA MOREIRA CÂMARA - Integrante / Ronaldo Medeiros dos Santos - Coordenador.


Projetos de extensão


2018 - Atual
Uso Racional da água: atividades interdisciplinares em escolas públicas do município de Salinas-MG.
Descrição: Uma das formas mais efetivas de incentivar a participação da sociedade na gestão da água é a educação ambiental. Nesse sentido, o objetivo da presente proposta é promover a formação e a capacitação de crianças e adolescentes de escolas públicas do município de Salinas, Minas Gerais, sobre preservação ambiental, recursos hídricos e uso racional e sustentável da água. A metodologia se iniciará com o diagnóstico, a partir do qual serão concebidas atividades interdisciplinares de formação e capacitação. Por último, será realizada uma avaliação, com a finalidade de se verificar a efetividade das estratégias adotadas. O público alvo abrangerá estudantes da rede pública de Salinas..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Diana Marques Silva - Integrante / Vinícius Orlandi Barbosa Lima - Integrante / Marcelo Rossi Vicente - Integrante / GLEISIANY NUNES GOMES - Integrante / RONALDO MEDEIROS DOS SANTOS - Coordenador.
2018 - Atual
Combatendo o Aedes aegypti: o melhor remédio é a prevenção
Descrição: A dengue é hoje um problema de saúde publica em vários países do globo. No Brasil se apresenta como um grande desafio, uma vez que, foram verificadas epidemias simultâneas com Zika e Chikungunya. O controle do mosquito Aedes aegypti é atualmente a estratégia disponível para redução da transmissão da dengue. O presente trabalho tem como objetivo analisar as variáveis climatológicas e meteorológicas e as relacionadas ao controle do vetor que influenciaram as populações de Ae. aegypti e a distribuição dos casos de dengue registrados em Salinas no período de 2008 a 2017. Além disso, conscientizar a população quanto a sua parcela de responsabilidade no controle das doenças transmitidas pelo mosquito. Serão coletados dados junto a Secretaria de Saúde bem como ao Banco de Dados Meteorológicos para Ensino e Pesquisa (BDMEP). Serão realizadas visitas juntamente com os agentes de controle de endemias para conscientização da população e instalação de armadilhas. Espera-se integrar ensino, pesquisa e extensão com as demais disciplinas curriculares dos acadêmicos do IFNMG - Campus Salinas vinculando os conhecimentos acadêmicos e profissionais à prática de ação comunitária em um legítimo exercício de cidadania, educação ambiental, e bem estar social. Além disso, espera-se apontar possíveis fatores hidroclimáticos que limitem ou favoreçam o desenvolvimento dos vetores..
Situação: Em andamento; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (3) .
Integrantes: Diana Marques Silva - Integrante / CHIRLEIDE FRANCISCA DE OLIVEIRA - Integrante / GLEISIANY NUNES GOMES - Integrante / PATRÍCIA NERY SILVA SOUZA - Coordenador / Paulo Filipe Santos Fonseca - Integrante.
2016 - 2016
Gestão dos Recursos Hídricos: o caso dos moradores do entorno da Barragem de Salinas-Mg.
Descrição: O entorno do lago da represa de Salinas, em Minas Gerais, têm passado por mudanças significativas quanto ao uso/cobertura da terra e urbanização. Como os impactos gerados pelos referidos processos ainda não foram mensurados e há tendência de intensificação das mudanças, devido à especulação imobiliária e valorização das terras na área, é urgente a necessidade de gestão dos referidos problemas, preferencialmente, com o envolvimento da comunidade geral e dos moradores e proprietários da região de entorno. Nesse contexto, o objetivo da presente proposta é conscientizar moradores e proprietários da referida região, quanto à importância do uso racional e sustentável da água, e capacitá-los à participação pró-ativa na gestão e conservação do lago. A metodologia se iniciará com a caracterização da ocupação e das atividades humanas no entorno da barragem, a partir do que serão propostos temas para a realização de palestras e/ou minicursos, de conscientização e capacitação..
Situação: Concluído; Natureza: Extensão.
Alunos envolvidos: Graduação: (2) .
Integrantes: Diana Marques Silva - Integrante / Gesiane Simara Barbosa - Integrante / Vinícius Orlandi Barbosa Lima - Integrante / Marcelo Rossi Vicente - Integrante / RONALDO MEDEIROS DOS SANTOS - Coordenador.


Áreas de atuação


1.
Grande área: Ciências Agrárias / Área: Recursos Florestais e Engenharia Florestal.


Idiomas


Português
Compreende Bem, Fala Bem, Lê Bem, Escreve Bem.


Produções



Produção bibliográfica
Capítulos de livros publicados
1.
SANTOS, R.M ; LIMA, V. O. B. ; VICENTE, M. R. ; CÂMARA, T.M ; MENDES, C. C. A. ; SILVA, D. M. ; BARBOSA, G. S. . RELAÇÃO ENTRE RESPOSTA ESPECTRAL, BIOMASSA E ESTOQUE DE CARBONO EM OCORRÊNCIAS DE CERRADO NA PORÇÃO MINEIRA DA BACIA DO RIO PARDO: ESTUDO PRELIMINAR. In: Leonardo Tullio. (Org.). Aplicações e Princípios do Sensoriamento Remoto. 1ed.Ponta Grossa-Pr: Atena Editora, 2018, v. 1, p. 199-208.

Textos em jornais de notícias/revistas
1.
SANTOS, R.M ; SILVA, D. M. ; BARBOSA, G. S. ; VICENTE, M. R. ; LIMA, V. O. B. . Conflitos de uso da terra no entorno da barragem de Salinas-MG: mapeamento, caracterização e conscientização socioambiental. Contação- Revista de Extensão, Montes Claros-Mg, , v. 2, p. 72 - 72, 01 nov. 2016.

Trabalhos completos publicados em anais de congressos
1.
SANTOS, R.M ; LIMA, V. O. B. ; CÂMARA, T.M ; VICENTE, M. R. ; MENDES, C. C. A. ; SILVA, D. M. ; BARBOSA, G. S. . Relação entre resposta espectral, biomassa e estoque de carbono em ocorrências de Cerrado na porção mineira da bacia do rio pardo: estudo preliminar. In: XVIII SIMPÓSIO BRASILEIRO DE SENSORIAMENTO REMOTO, 2017, Santos. Anais do XVIII Simpósio Brasileiro de Sensoriamento Remoto -SBSR, 2017. p. 7475-7482.

Resumos expandidos publicados em anais de congressos
1.
SILVA, D. M.; DE MEIRA, J. R. P. ; LIMA, V. O. B. ; ABREU, C.M. ; GANDINI, A. M. M. ; GRAZZIOTTI, P.H. . ISOLAMENTO DE LEVEDURAS EM DIFERENTES ALTURAS DA CASCA DO EUCALIPTO COMO SUBSÍDIO À PRODUÇÃO DE BIOETANOL. In: VII Seminário de Iniciação Científica do IFNMG, I Seminário da PPGVet e V Prospectar, 2018, Araçuai. Anais VII Seminário de Iniciação Científica do IFNMG, I Seminário da PPGVet e V Prospectar, 2018.

2.
SANTOS, T. A. ; BARBOSA, G. S. ; SILVA, D. M. ; LIMA, V. O. B. ; VICENTE, M. R. ; SANTOS, R.M . CARACTERIZAÇÃO FÍSICA DE UMA BACIA HIDROGRÁFICA EXPERIMENTAL POR MEIO DE GEOTECNOLOGIAS. In: VI Seminário de Iniciação Científica do IFNMG, 2017, Almenara-MG. Anais do VI Seminário de Iniciação Científica do IFNMG. Almenara: Even3, 2017. v. 6. p. 1-3.

3.
BARBOSA, G. S. ; SILVA, D. M. ; SANTOS, T. A. ; LIMA, V. O. B. ; VICENTE, M. R. ; SANTOS, R.M . CONFLITOS DE USO DA TERRA NO ENTORNO DA BARRAGEM DE SALINAS-MG. In: VI Seminário de Iniciação Científica do IFNMG, 2017, ALMENARA-MG. VI Seminário de Iniciação Científica do IFNMG. Almenara: Even3, 2017. v. 6. p. 1-3.

4.
AGUILAR, M. V. ; SANTOS, R. F. ; DUTRA, I. C. ; SILVA, D. M. ; ROCHA, L. S. . ANÁLISE QUALI-QUANTITATIVA DE ESPÉCIES ARBÓREAS NA PRAÇA LEÃO BITENCOURT, SALINAS - MG. In: I Simpósio de Ciências Florestais e Ambientais, 2017, SALINAS. I Simpósio de Ciências Florestais e Ambientais. SALINAS: Even3, 2017. v. 1. p. 1-3.

5.
BARBOSA, G. S. ; SILVA, D. M. ; SANTOS, T. A. ; LIMA, V. O. B. ; VICENTE, M. R. ; SANTOS, R.M . AVALIAÇÃO DO RISCO DE CONTAMINAÇÃO DO LAGO POR PRODUTOS FITOSSANITÁRIOS E RESÍDUOS DOMÉSTICOS: O CASO DA BARRAGEM DE SALINAS, MINAS GERAIS. In: I Simpósio de Ciências Florestais e Ambientais, 2017, SALINAS. I Simpósio de Ciências Florestais e Ambientais. SALINAS: Even3, 2017. v. 1. p. 1-3.

6.
SILVA, D. M.; BARBOSA, G. S. ; CÂMARA, T.M ; MENDES, C. C. A. ; LIMA, V. O. B. ; VICENTE, M. R. ; SANTOS, R.M . DIAGNÓSTICO AMBIENTAL DE FORMAÇÕES DE CERRADO NA BACIA DO RIO PARDO UTILIZANDO O ESTOQUE DE CARBONO COMO INDICADOR. In: lll Simpósio Nacional sobre Restauração Florestal, 2016, Viçosa-Mg. lll Reforest, 2016.

Resumos publicados em anais de congressos
1.
SILVA, D. M.; DE MEIRA, J. R. P. ; LIMA, V. O. B. ; GANDINI, A. M. M. ; ABREU, C.M. ; GRAZZIOTTI, P.H. ; RAMIRES, R. V. . ISOLAMENTO E SELEÇÃO DE LEVEDURAS ASSIMILADORAS DE XILOSE EM CASCAS DE EUCALIPTO COMO SUBSÍDIO À PRODUÇÃO DE BIOETANOL. In: VI Semana da Integração, 2018, Diamantina. Anais da VI Semana da Integração, Ensino, Pesquisa e Extensão, 2018.

2.
SANTOS, R. F. ; DUTRA, I. C. ; SILVA, D. M. ; SILVA, L. S. R. . PERFORMANCE FEMININA NO MANEJO DE QUINTAIS AGROFLORESTAIS URBANOS EM CORONEL MURTA - MG. In: VI SEMANA DA INTEGRAÇÃO, 2018, DIAMANTINA. Anais da VI Semana da Integração, Ensino, Pesquisa e Extensão. Diamantina: UFVJM, 2018. p. 168-168.

3.
DUTRA, I. C. ; OLIVEIRA, C. F. ; SILVA, D. M. ; GOMES, G. N. ; SILVA, L. S. R. . MERCADO DE PRODUTOS FLORESTAIS DA REGIÃO METROPOLITANA DE BELO HORIZONTE. In: VI SINTEGRA, Pesquisar para Transformar, 2018, Diamantina-Mg. Anais da VI Semana da Integração, Ensino, Pesquisa e Extensão. Diamantina: UFVJM, 2018. p. 163-163.

Apresentações de Trabalho
1.
SILVA, D. M.; DE MEIRA, J. R. P. ; LIMA, V. O. B. ; GRAZZIOTTI, P.H. ; ABREU, C.M. ; RAMIRES, R. V. ; GANDINI, A. M. M. . ISOLAMENTO E SELEÇÃO DE LEVEDURAS ASSIMILADORAS DE XILOSE EM CASCAS DE EUCALIPTO COMO SUBSÍDIO À PRODUÇÃO DE BIOETANOL. 2018. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

2.
SILVA, D. M.; DE MEIRA, J. R. P. ; GANDINI, A. M. M. ; ABREU, C.M. ; GRAZZIOTTI, P.H. . ISOLAMENTO DE LEVEDURAS EM DIFERENTES ALTURAS DA CASCA DO EUCALIPTO COMO SUBSÍDIO À PRODUÇÃO DE BIOETANOL. 2018. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).

3.
SILVA, D. M.; BARBOSA, G. S. ; CÂMARA, T.M ; MENDES, C. C. A. ; LIMA, V. O. B. ; VICENTE, M. R. ; SANTOS, R.M . DIAGNÓSTICO AMBIENTAL DE FORMAÇÕES DE CERRADO NA BACIA DO RIO PARDO UTILIZANDO O ESTOQUE DE CARBONO COMO INDICADOR. 2016. (Apresentação de Trabalho/Simpósio).



Eventos



Participação em eventos, congressos, exposições e feiras
1.
VII Seminário de Iniciação Científica do IFNMG, I Seminário da PPGVet e V Prospectar.ISOLAMENTO DE LEVEDURAS EM DIFERENTES ALTURAS DA CASCA DO EUCALIPTO COMO SUBSÍDIO À PRODUÇÃO DE BIOETANOL. 2018. (Simpósio).

2.
VI SINTEGRA, Pesquisar para Transformar.ISOLAMENTO E SELEÇÃO DE LEVEDURAS ASSIMILADORAS DE XILOSE EM CASCAS DE EUCALIPTO COMO SUBSÍDIO À PRODUÇÃO DE BIOETANOL. 2018. (Simpósio).

3.
lll SIMPÓSIO NACIONAL SOBRE RESTAURAÇÃO FLORESTAL.DIAGNÓSTICO AMBIENTAL DE FORMAÇÕES DE CERRADO NA BACIA DO RIO PARDO UTILIZANDO O ESTOQUE DE CARBONO COMO INDICADOR. 2016. (Simpósio).

4.
2° Semana Regional de Biologia. 2015. (Encontro).

5.
RDS Nascentes Geraizeiras. 2014. (Seminário).


Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
SILVA, D. M.; BARBOSA, G. S. ; SARA GUERRA . 1 SIMPÓSIO DE CIÊNCIAS FLORESTAIS E AMBIENTAIS. 2017. (Outro).



Educação e Popularização de C & T



Organização de eventos, congressos, exposições e feiras
1.
SILVA, D. M.; BARBOSA, G. S. ; SARA GUERRA . 1 SIMPÓSIO DE CIÊNCIAS FLORESTAIS E AMBIENTAIS. 2017. (Outro).



Outras informações relevantes


Integrante dos Grupos de pesquisa em Recursos Hídricos e Ambientais do Norte de Minas Gerais - HIDROVALES e no Grupo de Estudos e Pesquisa em Proteção Florestal - GEPPF, no Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia do Norte de Minas Gerais - Campus Salinas.



Página gerada pelo Sistema Currículo Lattes em 16/01/2019 às 12:05:26